Pesquisa de Satisfação QualiÔnibus. Cristina Albuquerque Engenheira de Transportes EMBARQ Brasil

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pesquisa de Satisfação QualiÔnibus. Cristina Albuquerque Engenheira de Transportes EMBARQ Brasil"

Transcrição

1 Pesquisa de Satisfação QualiÔnibus Cristina Albuquerque Engenheira de Transportes EMBARQ Brasil

2 Qualificar o serviço de transporte coletivo por ônibus para manter e atrair novos usuários ao sistema e tornar a mobilidade das cidades mais sustentável.

3

4 Situação atual nas cidades brasileiras Ônibus Tendência da divisão modal (%) - Fonte: ANTP Demanda de transporte público diminuiu aproximadamente 33% no país nos últimos 10 anos Fonte: estimativas da NTU Fonte: Associação Nacional dos Transportes Públicos, 2012

5 O ônibus também sofre com o congestionamento

6 Calidad?

7 Gestão da qualidade A concorrência com os outros modais é considerada?

8 Visões da qualidade Provedores: agência + operadores Qualidade contratada Medida de desempenho Serviço ofertado

9 Visões da qualidade Cliente + Comunidade Qualidade desejada Medida de satisfação Qualidade percebida

10 Visões da qualidade Cliente + Comunidade Provedores: Agência + Operadores Qualidade desejada Qualidade contratada Medida de satisfação Medida de desempenho Qualidade percebida Serviço ofertado

11

12 Primeiro entendimento Dificuldade/Impossibilidade de comparar resultados Perguntas diferem Escalas são distintas Abrangência restrita Periodicidade variável Desafio Instrumento para benchmarking Entender mais sobre a satisfação do cliente

13 Referências básicas QUATTRO IBBG Norma EN 13816

14 Objetivos: 1. Padronizar com um questionário completo e flexível 2. Desenvolver uma metodologia de análise dos resultados e troca de experiências (benchmarking) 3. Identificar desafios e oportunidades comuns às cidades para discutir soluções integradas 4. Verificar o impacto decorrente da implantação de novos sistemas de transporte coletivo 5. Contribuir para uma evolução de sistemas na gestão da qualidade do transporte coletivo

15 Critérios principais: Ser de fácil aplicação por qualquer cidade Ser compatível com as pesquisas utilizadas atualmente Ser facilmente incorporada nos sistemas de gestão da qualidade do transporte Ter metodologia de aplicação compatível com as diferentes cidades e permita a todos participar do processo de troca de experiências e benchmarking Oferecer módulos opcionais, com grupos de perguntas que permitem entender detalhadamente a satisfação, percepções e problemas enfrentados pelos clientes

16 Pesquisa de satisfação do cliente Abrangência Sistema de ônibus integrado Sistema BRT Empresa operadora Linhas de ônibus Local da pesquisa Sistema de transporte Domiciliar Internet Telefone Frequência Anual Semestral Mensal Eventual Público alvo Usuários em qualquer nível Usuário rotineiro População da cidade Tipo de pesquisa Quantitativa Qualitativa

17 Pesquisa em Módulos Vantagens Simples Comparável Possibilidade de customizar Cidade Cidade A Cidade B Módulos Modules Modules Módulos X, Y, Z Módulo X Módulo X

18 Estrutura da pesquisa Questionário Básico Módulos Opcionais (total 20 módulos) Perfil de Uso Perfil do Cliente Satisfação Satisfação Geral + 16 Fatores da Qualidade Perguntas complementares de concordância Satisfação (16) Concordância (2) Problemas (1) Evolução (1)

19 Todos os módulos opcionais Acesso ao transporte Disponibilidade Rapidez Confiabilidade Facilidade em fazer transferências Conforto dos pontos de ônibus Conforto das estações Conforto dos terminais de integração Conforto dos ônibus Atenção ao cliente Informação ao cliente Segurança Segurança em relação a acidentes Exposição ao ruído e poluição Facilidade para pagar Gasto Percepções sobre ônibus Escolha modal Problemas Evolução

20 Principais Resultados Exemplo de aplicação

21 Satisfação Geral Satisfação geral Facilidade transferências Acesso Informação ao cliente Atendimento ao cliente Facilidade para pagar Segurança (acidentes) Rapidez Conforto dos terminais Conforto das estações Conforto dos ônibus Confiabilidade Disponibilidade Exposição ao ruído e a poluição Muito Insatisfeito Gasto Insatisfeito Segurança pública Nem satisfeito, nem insatisfeito Conforto dos pontos 4% 16% 36% 4% 10% 21% 49% 4% 3% 5% 14% 16% 14% 22% 50% 20% 49% 23% 47% 4% 9% 20% 50% 8% 20% 30% 6% 28% 28% 8% 22% 30% 8% 24% 28% 10% 25% 28% 10% 26% 27% 9% 32% 28% 13% 31% 32% 15% 30% 23% 18% 31% 23% 16% 31% 27% 39% 5% 12% 9% 11% 11% 11% 36% 5% 35% 4% 35% 3% 35% 3% 34% 3% 33% 4% 29% 3% 22% 2% 23% 3% 23% 4% 22% 2% Notas (0 a 10) 5,6 6,2 6,2 6,1 6,1 6,1 5,2 5,1 5,0 5,0 4,9 4,8 4,6 4,2 4,0 4,0 4,0 Satisfeito 0% 25% 50% 75% 100% Muito Satisfeito

22 Perguntas complementares Estaria disposto a pagar mais para ter um serviço de ônibus melhor 54% 18% 36% 15% 26% 5% Tenho uma qualidade de serviço adequada para o valor que pago 10% 36% 23% 28% 2% Utilizar ônibus contribui para a minha qualidade de vida 7% 24% 18% 46% 6% Os motoristas conduzem os ônibus de forma segura 4% 18% 29% 43% 6% Posso confiar no ônibus para meus deslocamentos 3% 18% 23% 51% 6% Recomendaria o sistema de transporte coletivo por ônibus 4% 15% 21% 53% 7% O ônibus enfrenta muito congestionamento 2% 14% 18% 48% 18% 66% Frequentemente enfrento situações em que os ônibus estão excessivamente lotados 1% 9% 12% 46% 32% 78% Discordo Totalmente Discordo Não Concordo, Nem Discordo Concordo Concordo Totalmente 0% 25% 50% 75% 100%

23 Escolha do ônibus 71% Preferiria andar de moto a andar de ônibus 22% 49% 10% 17% 2% Utilizo o ônibus porque é mais rápido que os outros modos de transporte 9% 41% 17% 28% 4% Preferiria andar de bicicleta a andar de ônibus 9% 36% 16% 34% 6% Utilizo o ônibus porque não tenho outro modo de transporte 7% 25% 15% 39% 15% Utilizo o ônibus porque é mais conveniente que outros modos de transporte 4% 23% 17% 48% 8% Utilizo o ônibus porque é mais barato que outros modos de transporte 3% 16% 14% 59% 9% 68% Hoje utilizo o ônibus mais do que utilizava há alguns anos atrás 4% 11% 16% 56% 13% Preferiria andar de automóvel a andar de ônibus 1% 19% 11% 49% 20% 69% Discordo Totalmente Discordo Não Concordo, Nem Discordo Concordo Concordo Totalmente 0% 25% 50% 75% 100%

24 Outras percepções Posso confiar que o ônibus chega ao destino sem interrupções de viagem ou quebras 10% 36% 24% 27% 3% O ônibus é um modo de transporte mais seguro que o automóvel 5% 26% 25% 38% 6% 44% Me sinto seguro quanto a acidentes de trânsito andando de ônibus 4% 24% 25% 40% 7% O sistema de transporte coletivo por ônibus me passa uma boa imagem 3% 19% 31% 45% 3% As informações oferecidas no site oficial são claras e suficientes para minhas necessidades. 6% 19% 27% 43% 6% Sei onde encontrar uma informação se precisar usar um serviço de ônibus não habitual 3% 24% 17% 49% 8% É fácil de usar o sistema de transporte coletivo por ônibus 1% 9% 16% 66% 8% Uma cidade com menos carros e motos seria mais agradável para viver Os veículos que circulam na cidade prejudicam o clima do planeta 3% 3% 11% 3% 3% 10% 55% 53% 29% 31% 84% 84% Discordo Totalmente Discordo Não Concordo, Nem Discordo Concordo Concordo Totalmente 0% 25% 50% 75% 100%

25 Percepções sobre a evolução 100% 4% Melhorou muito 100% 7% Vai melhorar muito 75% 39% Melhorou 75% Vai melhorar 50% Nem melhorou, nem piorou Piorou 50% 54% Não vai melhorar, nem piorar Vai piorar 25% 37% Piorou muito 25% 18% Vai piorar muito 15% 18% 0% 3% No último ano, o de transporte coletivo por ônibus: 0% 2% Daqui para a frente acredito que o transporte coletivo por ônibus:

26 Facilidade para pagar Atendimento ao cliente Acesso ao transporte Facilidade em fazer transferências Informação ao cliente Conforto das estações Segurança em relação a acidentes Benchmarking Conforto dos terminais de integração Conforto dos ônibus Disponibilidade Confiabilidade Rapidez Segurança pública Gasto Conforto dos pontos de ônibus Exposição ao ruído e a poluição -1,5-1,0-0,5 0,0 0,5 1,0 1,5 Cidade A Cidade B RJ Cidade Jun/14 C

27 Obrigada! Cristina Albuquerque Engenheira de Transporte EMBARQ Brasil

TRANSPORTE COLETIVO DE ALTA QUALIDADE. Luis Antonio Lindau, PhD Diretor Presidente

TRANSPORTE COLETIVO DE ALTA QUALIDADE. Luis Antonio Lindau, PhD Diretor Presidente TRANSPORTE COLETIVO DE ALTA QUALIDADE Luis Antonio Lindau, PhD Diretor Presidente Fonte: capa do livro Viação ilimitada (Brasileiro, Henry, 999) Divisão modal nas cidades brasileiras Ônibus Fonte: Associação

Leia mais

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Metodologia COLETA Entrevistas domiciliares com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA Município de São Paulo. UNIVERSO moradores de 16 anos ou mais. PERÍODO DE CAMPO de 26 de setembro a 1º de outubro

Leia mais

Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para. São Paulo Janeiro de de 2010

Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para. São Paulo Janeiro de de 2010 Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para São Paulo Janeiro de de 2010 Back Ground A Pesquisa de Imagem dos Transportes na Região Metropolitana de São Paulo vem sendo realizada anualmente,

Leia mais

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013 PESQUISA Avaliação do BRT TransOeste Abril 2013 1 METODOLOGIA Objetivo: levantar informações sobre as viagens no BRT TransOeste, avaliar a satisfação com este modal, bem como as máquinas de recarga do

Leia mais

Boas práticas para Mobilidade Urbana

Boas práticas para Mobilidade Urbana Boas práticas para Mobilidade Urbana PAC para Mobilidade - EMBARQ Otávio Vieira Cunha, Presidente da Diretoria Executiva Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos NTU Brasília, 28 de Novembro

Leia mais

SIPS Sistema de Indicadores de Percepção Social

SIPS Sistema de Indicadores de Percepção Social SIPS Sistema de Indicadores de Percepção Social Mobilidade Urbana IPEA 24 de janeiro de 2011 Sumário 1. Introdução 2. Mobilidade e meios de transporte 3. Meios de transporte e questões de infraestrutura

Leia mais

PLANOS DE MOBILIDADE URBANA

PLANOS DE MOBILIDADE URBANA IMPLANTAÇÃO DA POLÍTICA NACIONAL DE MOBILIDADE URBANA: PLANOS DE MOBILIDADE URBANA RENATO BOARETO Brasília, 28 de novembro de 2012 Organização Não Governamental fundada em 2006 com a missão de apoiar a

Leia mais

Perspectivas para o Setor

Perspectivas para o Setor Perspectivas para o Setor André Dantas Diretor Técnico São Paulo, 05 de dezembro de 2013 Estrutura da apresentação Contexto; Dados do setor; e Perspectivas. CONTEXTO (O que está acontecendo ao nosso redor?)

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011 PESQUISA CNI-IBOPE CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Robson Braga de Andrade Presidente Diretoria Executiva - DIREX José Augusto Coelho

Leia mais

Infraestrutura Turística. Magaeventos Esportivos e a Promoção da Imagem do Brasil no Exterior 16 e 17 de agosto Brasília.

Infraestrutura Turística. Magaeventos Esportivos e a Promoção da Imagem do Brasil no Exterior 16 e 17 de agosto Brasília. Infraestrutura Turística. Magaeventos Esportivos e a Promoção da Imagem do Brasil no Exterior 16 e 17 de agosto Brasília Mobilidade Urbana Renato Boareto 1 Organização Não Governamental fundada em 2006

Leia mais

TRANSPORTE COLETIVO SISTEMAS INTEGRADOS DE TRANSPORTE URBANO

TRANSPORTE COLETIVO SISTEMAS INTEGRADOS DE TRANSPORTE URBANO SISTEMAS INTEGRADOS DE TRANSPORTE URBANO TRANSPORTE COLETIVO M. Eng. André Cademartori Jacobsen Especialista em Benchmarking Associação Latino-americana de Sistemas Integrados e BRT (SIBRT) 28/Nov/2012

Leia mais

CLIENTE A Autoescola Paula está localizada na Avenida Paraná, nº 1641, no bairro Bacacheri, que compõe a região do Boa Vista. É um CFC de pequeno porte, que conta com 15 funcionários e 10 veículos. Oferecem

Leia mais

Belo Horizonte: em direção à

Belo Horizonte: em direção à Belo Horizonte: em direção à mobilidade d sustentável tá INDICADORES DA MOBILIDADE URBANA EM BELO HORIZONTE 3,8 milhões de viagens/dia, 44% pelo transporte coletivo 6,3 milhões viagens/dia na RMBH 1,6

Leia mais

Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso

Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso Percepção da Pesquisa no Brasil Congresso Brasileiro de Pesquisa Mercado h Opinião h Mídia Nelsom Marangoni Ney Luiz Silva Mudanças, muitas mudanças... e mudanças

Leia mais

Planejamento da Mobilidade Urbana em Belo Horizonte

Planejamento da Mobilidade Urbana em Belo Horizonte Seminário de Mobilidade Urbana Planejamento da Mobilidade Urbana em Belo Horizonte Celio Bouzada 23 de Setembro de 2015 Belo Horizonte População de Belo Horizonte: 2,4 milhões de habitantes População da

Leia mais

Audiência Pública Câmara dos Deputados

Audiência Pública Câmara dos Deputados Audiência Pública Câmara dos Deputados QUALIDADE DO TRANSPORTE PÚBLICO Marcos Bicalho dos Santos Brasília-DF, 25 de setembro de 2013 Estrutura da apresentação 1. Contexto; 2.SistemasBRTeBRS Prioridadeparaotransportepúblicoporônibus;

Leia mais

Divulgação da importância do transporte para o ensino fundamental

Divulgação da importância do transporte para o ensino fundamental Divulgação da importância do transporte para o ensino fundamental Daniel Rech (DEPROT/UFRGS) João Fortini Albano (DEPROT/UFRGS) Resumo O presente artigo deriva de um projeto direcionado a alunos do ensino

Leia mais

Sistema de Informações da Mobilidade Urbana. Relatório Geral 2011

Sistema de Informações da Mobilidade Urbana. Relatório Geral 2011 Sistema de Informações da Mobilidade Urbana Relatório Geral 2011 Dezembro/2012 Relatório Geral 2011 1 Sumário executivo... 3 2 Mobilidade... 28 2.1 Valores para Brasil (municípios acima de 60 mil habitantes)...

Leia mais

Transporte público no Rio de Janeiro: encontrando soluções para uma mobilidade sustentável.

Transporte público no Rio de Janeiro: encontrando soluções para uma mobilidade sustentável. Transporte público no Rio de Janeiro: encontrando soluções para uma mobilidade sustentável. Richele Cabral 1 ; Eunice Horácio S. B. Teixeira 1 ; Milena S. Borges 1 ; Miguel Ângelo A. F. de Paula 1 ; Pedro

Leia mais

Qualidade e Desempenho do Transporte Público por Ônibus. Marcos Bicalho dos Santos Diretor Institucional e Administrativo da NTU

Qualidade e Desempenho do Transporte Público por Ônibus. Marcos Bicalho dos Santos Diretor Institucional e Administrativo da NTU Qualidade e Desempenho do Transporte Público por Ônibus Marcos Bicalho dos Santos Diretor Institucional e Administrativo da NTU Qualidade e Desempenho do Transporte Público por Ônibus Marcos Bicalho dos

Leia mais

MANEJO DE LA CALIDAD EN EL SISTEMA DE TRANSPORTE PUBLICO DE SAO PAULO

MANEJO DE LA CALIDAD EN EL SISTEMA DE TRANSPORTE PUBLICO DE SAO PAULO MANEJO DE LA CALIDAD EN EL SISTEMA DE TRANSPORTE PUBLICO DE SAO PAULO III Congreso Las Mejores Prácticas SIBRT en America Latina Ciro Biderman - SPTrans Junio, 2013 Cenário 2012 Sistema de transporte urbano

Leia mais

Plano de Mobilidade Urbana Sustentável

Plano de Mobilidade Urbana Sustentável Viajeo Plus City Showcase in Latin America Plano de Mobilidade Urbana Sustentável Nívea Oppermann Peixoto, Ms Diretora de Desenvolvimento Urbano EMBARQ Brasil EMBARQ Brasil auxilia governos e empresas

Leia mais

Job 150904 Setembro / 2015

Job 150904 Setembro / 2015 Job 50904 Setembro / Metodologia TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA: Município de São Paulo. UNIVERSO: Moradores de 6 anos ou mais de

Leia mais

REPARTIÇÃO INTERMODAL DO TRÁFEGO

REPARTIÇÃO INTERMODAL DO TRÁFEGO REPARTIÇÃO INTERMODAL DO TRÁFEGO 1.Introdução A divisão modal pode ser definida como a divisão proporcional de total de viagens realizadas pelas pessoas e cargas, entre diferentes modos de viagem. Se refere

Leia mais

Curso de Gestão da Mobilidade Urbana Ensaio Crítico - Turma 8 Mobilidade urbana e de seu interesse Rogério Soares da Silva (*)

Curso de Gestão da Mobilidade Urbana Ensaio Crítico - Turma 8 Mobilidade urbana e de seu interesse Rogério Soares da Silva (*) Curso de Gestão da Mobilidade Urbana Ensaio Crítico - Turma 8 Mobilidade urbana e de seu interesse Rogério Soares da Silva (*) O crescimento global da população vem atingindo índices cada vez maiores nos

Leia mais

Mobilidade Urbana Urbana

Mobilidade Urbana Urbana Mobilidade Urbana Urbana A Home Agent realizou uma pesquisa durante os meses de outubro e novembro, com moradores da Grande São Paulo sobre suas percepções e opiniões em relação à mobilidade na cidade

Leia mais

MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING. Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br

MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING. Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br MÉTODOS QUANTITATIVOS EM MARKETING Prof.: Otávio Figueiredo e-mail: otavio@ufrj.br ESTATÍSTICA População e Amostra População Amostra Idéia Principal Resumir para entender!!! Algumas Técnicas Pesquisa de

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013 1 AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO Temas 2 Objetivo e metodologia Utilização dos serviços do plano de saúde e ocorrência de problemas Reclamação ou recurso contra o plano de

Leia mais

GRUPO DE TRABALHO DE INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE URBANA

GRUPO DE TRABALHO DE INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE URBANA DESENVOLVIMENTO DE LAY-OUT DE PROPOSTA ALTERNATIVA PARA O SISTEMA G DE TRANSPORTE PÚBLICO MULTIMODAL PARA A REGIÃO METROPOLITANA DA GRANDE VITÓRIA GRUPO DE TRABALHO DE INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE URBANA

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública sobre Transportes Coletivos

Pesquisa de Opinião Pública sobre Transportes Coletivos Pesquisa de Opinião Pública sobre Transportes Coletivos Realizada por encomenda da Especificações Período de campo: setembro de 2004 Universo: população geral, com idade entre 16 e 64 anos (inclusive),

Leia mais

SITUAÇÃO ENCONTRADA NO DF EM 2007

SITUAÇÃO ENCONTRADA NO DF EM 2007 SITUAÇÃO ENCONTRADA NO DF EM 2007 Frota antiga e tecnologia obsoleta; Serviço irregular de vans operando em todo o DF 850 veículos; Ausência de integração entre os modos e serviços; Dispersão das linhas;

Leia mais

SEXO Sexo 1.masculino 2.feminino Caracterização Sócio-Econômica ESCO Nivel de escolaridade 1. Analfabeto até 4ª série do 1º grau (primário)

SEXO Sexo 1.masculino 2.feminino Caracterização Sócio-Econômica ESCO Nivel de escolaridade 1. Analfabeto até 4ª série do 1º grau (primário) SIPS- BASE SOBRE MOBILIDADE URBANA Nome Campo Descrição Valores atribuídos Local de Moradia REGI Região 1.Região Sul 2.Região Sudeste 3.Região Centro-Oeste 4.Região Nordeste 5.Região Norte ESTA Estado

Leia mais

A Mais-Valia de um Plano de Mobilidade e Transportes

A Mais-Valia de um Plano de Mobilidade e Transportes Workshop Regional de Disseminação do Pacote da Mobilidade Universidade do Minho - Braga - 10 de Abril de 2012 A Mais-Valia de um Plano de Mobilidade e Transportes Faustino Gomes TISpt, Transportes, Inovação

Leia mais

Estudo, Análise e Proposta de Soluções Para Melhoria da Mobilidade Urbana na Região Metropolitana de Florianópolis

Estudo, Análise e Proposta de Soluções Para Melhoria da Mobilidade Urbana na Região Metropolitana de Florianópolis Documento confidencial para uso e informação do cliente Estudo, Análise e Proposta de Soluções Para Melhoria da Mobilidade Urbana na Região Metropolitana de Florianópolis Apresentação Florianópolis Dezembro

Leia mais

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL PESQUISA QUANTITATIVA APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS PÚBLICOS-ALVO: POPULAÇÃO e FORMADORES DE OPINIÃO FÓRUM VOLVO DE SEGURANÇA NO TRÂNSITO 24 DE SETEMBRO

Leia mais

Mobilidade em um Campus Universitário. Suely da Penha Sanches 1 ; Marcos Antonio Garcia Ferreira 1

Mobilidade em um Campus Universitário. Suely da Penha Sanches 1 ; Marcos Antonio Garcia Ferreira 1 Mobilidade em um Campus Universitário. Suely da Penha Sanches 1 ; Marcos Antonio Garcia Ferreira 1 1 Universidade Federal de São Carlos PPGEU, Rodovia Washington Luis, km 235, (16) 33519677 ssanches@ufscar.br;

Leia mais

BRT Transoeste: transformando o conceito de transporte público no Rio de Janeiro

BRT Transoeste: transformando o conceito de transporte público no Rio de Janeiro BRT Transoeste: transformando o conceito de transporte público no Rio de Janeiro Richele Cabral 1 ; Eunice Horácio S. B. Teixeira 1 ; Milena S. Borges 1 ; Miguel Ângelo A. F. de Paula 1 ; Pedro Paulo S.

Leia mais

Indicadores de qualidade da prestação de serviço. mobilidade urbana. contribuição rio como vamos

Indicadores de qualidade da prestação de serviço. mobilidade urbana. contribuição rio como vamos Indicadores de qualidade da prestação de serviço mobilidade urbana contribuição rio como vamos 2015 Apresentação A contribuição do Rio Como Vamos * para o aprimoramento da gestão de mobilidade urbana no

Leia mais

Segurança Viária em Corredores de Ônibus e BRT. Luis Antonio Lindau, PhD Presidente

Segurança Viária em Corredores de Ônibus e BRT. Luis Antonio Lindau, PhD Presidente Segurança Viária em Corredores de Ônibus e BRT Luis Antonio Lindau, PhD Presidente Afinal: queremos mover gente ou veículos? Então, por que construímos isso? Quem afetamos com as decisões? Automóveis Automóveis

Leia mais

Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística

Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística Contexto Durante a história recente, as percepções públicas a respeito da indústria automobilística tem reagido de acordo com eventos e marcos globais

Leia mais

Transporte e Planejamento Urbano

Transporte e Planejamento Urbano Transporte e Planejamento Urbano para o Desenvolvimento da RMRJ Julho/2014 Cidades a maior invenção humana As cidades induzem a produção conjunta de conhecimentos que é a criação mais importante da raça

Leia mais

TRANSDATA SMART RASTREAMENTO E GESTÃO FROTA

TRANSDATA SMART RASTREAMENTO E GESTÃO FROTA BRASIL ARGENTINA +55 19 3515.1100 www.transdatasmart.com.br SEDE CAMPINAS-SP RUA ANA CUSTÓDIO DA SILVA, 120 JD. NOVA MERCEDES CEP: 13052.502 FILIAIS BRASÍLIA RECIFE CURITIBA comercial@transdatasmart.com.br

Leia mais

Paulo Sergio Custodio Outubro 2013

Paulo Sergio Custodio Outubro 2013 Paulo Sergio Custodio Outubro 2013 Mobilidade significa liberdade de participação do mercado, de ser consumidor em uma sociedade capitalista pura. A quantidade de viagens realizadas (consumidas) pelas

Leia mais

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado.

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. Job 44/4 Setembro/04 Metodologia TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA: Município de São Paulo. UNIVERSO: Moradores de 6 anos ou mais de

Leia mais

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre. Anexo IV Sistema de Controle da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre. Anexo IV Sistema de Controle da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre Anexo IV Sistema de Controle da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre ANEXO IV SISTEMA DE CONTROLE DA QUALIDADE DO SERVIÇO DE

Leia mais

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 20 de janeiro de 2012 ESTADO DE MINAS

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 20 de janeiro de 2012 ESTADO DE MINAS ESTADO DE MINAS 1 ESTADO DE MINAS 2 3 4 5 6 ESTADO DE MINAS 7 ESTADO DE MINAS 8 ESTADO DE MINAS 9 O TEMPO 10 11 12 O TEMPO 13 O TEMPO 14 O TEMPO Leilão dos aeroportos de Guarulhos, Brasília e Campinas

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

Mobilidade urbana e a emissão do gases de efeito estufa GEE na região central de Porto Alegre

Mobilidade urbana e a emissão do gases de efeito estufa GEE na região central de Porto Alegre Pesquisa de Opinião Mobilidade urbana e a emissão do gases de efeito estufa GEE na região central de Porto Alegre Soluções e desafios na busca de uma melhor qualidade do ar. Sumário 1. Objetivos 3 2. Metodologia

Leia mais

CARRO COMPARTILHADO CARRO COMPARTILHADO

CARRO COMPARTILHADO CARRO COMPARTILHADO CARRO COMPARTILHADO Projeção de crescimento populacional Demanda de energia mundial Impacto ao meio ambiente projeções indicam que os empregos vão CONTINUAR no centro EMPREGOS concentrados no CENTRO

Leia mais

Sobre o estudo. Publico: De um lado: Consumidores Do outro: Profissionais de marketing, comunicação, design, pesquisa...

Sobre o estudo. Publico: De um lado: Consumidores Do outro: Profissionais de marketing, comunicação, design, pesquisa... Sobre o estudo perfil Publico: De um lado: Consumidores Do outro: Profissionais de marketing, comunicação, design, pesquisa... Amostra: Total: 1.035 respondentes Consumidores: 805 Profissionais: 230 objetivo

Leia mais

Duplo sentido ciclável. Experiência de Paris.

Duplo sentido ciclável. Experiência de Paris. Duplo sentido ciclável. Experiência de Paris. Thiago Máximo É preciso pensar a mobilidade urbana, como um sistema. Muitas vezes a questão da circulação nas grades cidades é pensada apenas para sanar problemas

Leia mais

Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para. São Paulo Fevereiro de de 2011

Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para. São Paulo Fevereiro de de 2011 Estudo realizado pela Toledo & Associados com exclusividade para São Paulo Fevereiro de de 2011 Background A Pesquisa de Imagem dos Transportes na Região Metropolitana de São Paulo vem sendo realizada

Leia mais

Renata Pedrosa Dantas Orientador: Prof. Dr. Paulo Maciel

Renata Pedrosa Dantas Orientador: Prof. Dr. Paulo Maciel Uma Análise de Dependabilidade e Desempenho como Alternativa ao Planejamento em Sistemas de Transporte de Passageiros: um estudo sobre o sistema BRT (Bus Rapid Transit). Renata Pedrosa Dantas Orientador:

Leia mais

País predominantemente urbano: cerca de 80% da população brasileira mora em cidades.

País predominantemente urbano: cerca de 80% da população brasileira mora em cidades. A Política de Mobilidade Urbana no desenvolvimento das cidades! AS CIDADES País predominantemente urbano: cerca de 80% da população brasileira mora em cidades. Processo de urbanização caracterizado pelo

Leia mais

DRAFT. PROJETO DE MOBILIDADE URBANA DE MANAUS 6 de outubro de 2009

DRAFT. PROJETO DE MOBILIDADE URBANA DE MANAUS 6 de outubro de 2009 PROJETO DE MOBILIDADE URBANA DE MANAUS 6 de outubro de 2009 Agenda Crescimento de Manaus Solução de mobilidade urbana Resumo do projeto do monotrilho Resumo do projeto do BRT Quadro 2 Agenda Crescimento

Leia mais

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras Diretoria de Engenharia - DE Cidades candidatas e seus aeroportos Aeroportos da INFRAERO primeira e última imagem que o turista estrangeiro

Leia mais

questionários de avaliação da satisfação CLIENTES, COLABORADORES, PARCEIROS

questionários de avaliação da satisfação CLIENTES, COLABORADORES, PARCEIROS questionários de avaliação da satisfação creche CLIENTES, COLABORADORES, PARCEIROS 2ª edição (revista) UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu Governo da República Portuguesa SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA

Leia mais

Etapas para a Elaboração de Planos de Mobilidade Participativos. Nívea Oppermann Peixoto, Ms Coordenadora Desenvolvimento Urbano EMBARQ Brasil

Etapas para a Elaboração de Planos de Mobilidade Participativos. Nívea Oppermann Peixoto, Ms Coordenadora Desenvolvimento Urbano EMBARQ Brasil Etapas para a Elaboração de Planos de Mobilidade Participativos Nívea Oppermann Peixoto, Ms Coordenadora Desenvolvimento Urbano EMBARQ Brasil Novo cenário da mobilidade urbana Plano de Mobilidade Urbana:

Leia mais

Metro. é o que mais agrada. Transportes públicos

Metro. é o que mais agrada. Transportes públicos é o que mais agrada O metro é um dos meios de transporte mais usados e que mais satisfaz os inquiridos. Já o autocarro desilude a elevada percentagem que o usa METRO DO PORTO A empresa que lidera na satisfação

Leia mais

Pesquisa de Levantamento e Percepções sobre o Estacionamento de Veículos no Centro de Campo Grande - MS

Pesquisa de Levantamento e Percepções sobre o Estacionamento de Veículos no Centro de Campo Grande - MS Pesquisa de Levantamento e Percepções sobre o Estacionamento de Veículos no Centro de Campo Grande - MS Julho de 2012 1 Catalogação Bibliográfica Pesquisa de Opinião Pública do Comércio Varejista de Campo

Leia mais

FMEA. FMEA - Failure Mode and Effects Analysis (Análise dos Modos e Efeitos de Falha)

FMEA. FMEA - Failure Mode and Effects Analysis (Análise dos Modos e Efeitos de Falha) FMEA FMEA - Failure Mode and Effects Analysis (Análise dos Modos e Efeitos de Falha) Técnica auxiliar no projeto de sistemas, produtos, processos ou serviços. Flávio Fogliatto Confiabilidade 1 FMEA - Definição

Leia mais

Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH. Marcelo Cintra do Amaral. 20 de novembro de 2012

Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH. Marcelo Cintra do Amaral. 20 de novembro de 2012 Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH Marcelo Cintra do Amaral 20 de novembro de 2012 Roteiro da apresentação: Contexto do PlanMob-BH: prognóstico, caráter de plano diretor, etapas

Leia mais

PRIORIDADES POLÍTICA PARA O TRANSPORTE URBANO NO BRASIL

PRIORIDADES POLÍTICA PARA O TRANSPORTE URBANO NO BRASIL PRIORIDADES POLÍTICA PARA O TRANSPORTE URBANO NO BRASIL COMPETÊNCIA DA SECRETARIA ESPECIAL DE DESENVOLVIMENTO URBANO - SEDU/PR (Lei Federal 9.649, de 27 de maio de 1998, alterada pela Medida Provisória

Leia mais

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado.

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. Job 1566/10 Setembro/ Metodologia TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA: Município de São Paulo. UNIVERSO: Moradores de 16 anos ou mais

Leia mais

Confiável, seguro e fácil de usar

Confiável, seguro e fácil de usar O que é o Carona Brasil? Uma empresa que proporciona o encontro de pessoas, através da web, que desejam se utilizar da carona como opção de transporte. O congestionamento nas grandes cidades é um problema

Leia mais

Engenharia de Segurança Viária

Engenharia de Segurança Viária Engenharia de Segurança Viária Transporte sustentável salva vidas Através da promoção do transporte sustentável, a EMBARQ Brasil está trabalhando para reduzir a poluição, melhorar a saúde pública e criar

Leia mais

ADENDO AO PREGÃO PRESENCIAL 05/2014. Complemento ao Item 2.1.1.2.13 do Termo de Referência - Sistema de Gerenciamento (Anexo IV)

ADENDO AO PREGÃO PRESENCIAL 05/2014. Complemento ao Item 2.1.1.2.13 do Termo de Referência - Sistema de Gerenciamento (Anexo IV) ADENDO AO PREGÃO PRESENCIAL 05/2014 Complemento ao Item 2.1.1.2.13 do Termo de Referência - Sistema de Gerenciamento (Anexo IV) DETALHAMENTO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE FROTA E CONTROLE DE TRÁFEGO Os

Leia mais

PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA

PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA INTRODUÇÃO A mobilidade das cidades tem se tornado um desafio cada vez maior com o passar do tempo. Em 10 anos, a frota de automóveis e motocicletas cresceu 400% no

Leia mais

abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros

abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros Avaliação do Serviço o de abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros Pesquisa realizada entre 24 e 28 de Abril de 2010 Informações Metodológicas Tipo de pesquisa: Survey, utiliza-se de questionário

Leia mais

abril/2013 CICLOVIA ZONA NORTE

abril/2013 CICLOVIA ZONA NORTE abril/2013 CICLOVIA ZONA NORTE introdução Das temáticas de crise das grandes cidades nos dias de hoje, uma das questões mais contundentes é a mobilidade urbana. A cidade de São Paulo, metrópole que sofre

Leia mais

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ.

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. Apresentação Este relatório contém os resultados da 1ª pesquisa de Qualidade de Vida na cidade de Aracruz solicitada pela FACE. O objetivo

Leia mais

Plano de Mobilidade Urbana de BH

Plano de Mobilidade Urbana de BH 4 a 7 de junho de 2013 Hotel Ouro Minas Plano de Mobilidade Urbana de BH Ramon Victor Cesar Presidente de BHTRANS Contexto do PlanMob-BH: Cenários, diagnóstico e prognósticos Desafio 1: como articular

Leia mais

Sua empresa e seus colaboradores merecem este benefício.

Sua empresa e seus colaboradores merecem este benefício. Sua empresa e seus colaboradores merecem este benefício. Transporte profissional, o melhor custo benefício para sua empresa. Está estressado? Está aborrecido? Vá de transporte profissional! O transporte

Leia mais

Faça seu provedor crescer

Faça seu provedor crescer Faça seu provedor crescer Quer saber? Edmilson José de Almeida Filho Consultor e Gestor ISP Suporte a Provedores desde 2001 Suporte Linux desde 2001 Suporte Mikrotik desde 2007 Pequenos provedores Visão

Leia mais

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos.

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. 2015 Manual de Parceiro de Educação Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. Prêmios Reais, a Partir de Agora Bem-vindo ao Intel Technology Provider O Intel Technology Provider é um programa

Leia mais

MOBILIDADE URBANA SOBRE DUAS RODAS: UM OLHAR DE GÊNERO NO USO DAS CINQUENTINHAS NA SOCIEDADE E CONSUMO ATUAL

MOBILIDADE URBANA SOBRE DUAS RODAS: UM OLHAR DE GÊNERO NO USO DAS CINQUENTINHAS NA SOCIEDADE E CONSUMO ATUAL MOBILIDADE URBANA SOBRE DUAS RODAS: UM OLHAR DE GÊNERO NO USO DAS CINQUENTINHAS NA SOCIEDADE E CONSUMO ATUAL Micheline(1); Laura (2); Marília(3) (Micheline Cristina Rufino Maciel; Laura Susana Duque-Arrazola;

Leia mais

modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável Luis Antonio Lindau Presidente

modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável Luis Antonio Lindau Presidente Governos Municipais e Terceiro Setor: modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável EMBARQ Brasil Luis Antonio Lindau Presidente BRASIL População: 190 milhões 84% urbana HDI 0,718 = 84ª posição

Leia mais

Ministério Público do Estado de Mato Grosso 29ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística de Cuiabá

Ministério Público do Estado de Mato Grosso 29ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística de Cuiabá Ministério Público do Estado de Mato Grosso 29ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística de Cuiabá Carlos Eduardo Silva Promotor de Justiça Abr. 2015 Direito à Cidade/Mobilidade Urbana O ambiente

Leia mais

Ana Claudia M. dos SANTOS 1 Edson Leite Lopes GIMENEZ 2

Ana Claudia M. dos SANTOS 1 Edson Leite Lopes GIMENEZ 2 O desempenho do processo de recrutamento e seleção e o papel da empresa neste acompanhamento: Um estudo de caso na Empresa Ober S/A Indústria E Comercio Ana Claudia M. dos SANTOS 1 Edson Leite Lopes GIMENEZ

Leia mais

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre. Anexo IV Sistema de Avaliação da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre. Anexo IV Sistema de Avaliação da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre Anexo IV Sistema de Avaliação da Qualidade do Serviço de Transporte Coletivo por Ônibus de Porto Alegre ANEXO IV SISTEMA DE AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO SERVIÇO

Leia mais

NOVA LEI DA MOBILIDADE URBANA GESTÃO DA DEMANDA EXPERIÊNCIAS INTERNACIONAIS

NOVA LEI DA MOBILIDADE URBANA GESTÃO DA DEMANDA EXPERIÊNCIAS INTERNACIONAIS NOVA LEI DA MOBILIDADE URBANA GESTÃO DA DEMANDA EXPERIÊNCIAS INTERNACIONAIS Matteus Freitas Rio de Janeiro/RJ, 3 de outubro de 2012 Estrutura da Apresentação 1. Contexto; 2. Cingapura - Sistema de Pedágio

Leia mais

POLÍTICA DE TRANSPORTE. Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos. Serviço em Rede. Operação Controlada Regularidade Confiabilidade

POLÍTICA DE TRANSPORTE. Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos. Serviço em Rede. Operação Controlada Regularidade Confiabilidade POLÍTICA DE TRANSPORTE QUALIFICAR O Serviço de Transporte por Ônibus Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos Serviço em Rede Flexibilidade de Trajetos Racionalidade de Caminhos Operação Controlada Regularidade

Leia mais

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O BRT MOVE PERSPECTIVA DE ESTAÇÃO DE TRANSFERÊNCIA NA ÁREA CENTRAL

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O BRT MOVE PERSPECTIVA DE ESTAÇÃO DE TRANSFERÊNCIA NA ÁREA CENTRAL TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O BRT MOVE PERSPECTIVA DE ESTAÇÃO DE TRANSFERÊNCIA NA ÁREA CENTRAL Neste guia você vai encontrar as principais informações que precisa para embarcar no novo sistema

Leia mais

A TV no Metrô. Apresentação Corporativa TV MINUTO

A TV no Metrô. Apresentação Corporativa TV MINUTO A TV no Metrô É a maior empresa de mídia digital OOH da América Latina (5.280 monitores dentro dos trens do Metrô de São Paulo) Associada ao Grupo Bandeirantes Conteúdos real time Conteúdo Notícias nacionais

Leia mais

Projeto: O Crédito & o Endividamento do Consumidor de Baixa Renda. (Oportunidades & Riscos)

Projeto: O Crédito & o Endividamento do Consumidor de Baixa Renda. (Oportunidades & Riscos) Projeto: O Crédito & o Endividamento do Consumidor de Baixa Renda (Oportunidades & Riscos) 1 Histórico A TNS Interscience desenvolve regularmente Estudos Institucionais cujo objetivo é o de identificar

Leia mais

INTEGRAÇÃO DE BICICLETAS COM O SISTEMA METRO-FERROVIÁRIO NO RIO DE JANEIRO

INTEGRAÇÃO DE BICICLETAS COM O SISTEMA METRO-FERROVIÁRIO NO RIO DE JANEIRO 18ª REUNIÃO DOS COMITÊS TÉCNICOS DA ALAMYS INTEGRAÇÃO DE BICICLETAS COM O SISTEMA METRO-FERROVIÁRIO NO RIO DE JANEIRO Rio de Janeiro, 20/05/2013 Mauro Tavares M. Sc. Eng. de Transportes SETRANS Mobilidade

Leia mais

SP 01/04/92 NT 144/92. Telemarketing: Uma Alternativa de Pesquisa de Opinião para o Sistema de Transporte Público

SP 01/04/92 NT 144/92. Telemarketing: Uma Alternativa de Pesquisa de Opinião para o Sistema de Transporte Público SP 01/04/92 NT 144/92 Telemarketing: Uma Alternativa de Pesquisa de Opinião para o Sistema de Transporte Público Assessoria Técnica da Presidência - ATE Introdução Nas grandes cidades, as restrições naturais

Leia mais

Motivos e insatisfações dos usuários dos modos de transporte.

Motivos e insatisfações dos usuários dos modos de transporte. Motivos e insatisfações dos usuários dos modos de transporte. Anna Carolina Côrrea Pereira 1 ; Ana Gabriela Furbino Ferreira 2 ; Igor Jackson Arthur Costa e Souza 3 ; José Irley Ferreira Júnior 4 ; Antônio

Leia mais

Consórcio Fênix Rua Cândido Ramos nº550 - CEP 88090.800 Capoeiras - Florianópolis/SC - Brasil CNPJ 19.962.391/0001-53 sac@consorciofenix.com.

Consórcio Fênix Rua Cândido Ramos nº550 - CEP 88090.800 Capoeiras - Florianópolis/SC - Brasil CNPJ 19.962.391/0001-53 sac@consorciofenix.com. 1 2 CONSÓRCIO FÊNIX PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA - SMMU MANUAL DOS USUÁRIOS DO SISTEMA SIM MODALIDADE POR ÔNIBUS DIREITOS E DEVERES DAS PARTES ENVOLVIDAS

Leia mais

R. Ferreira Coelho, 310 4º andar Praia do Suá Vitória (ES) - Telefax: (27)3324.1467 www.enquet.com.br

R. Ferreira Coelho, 310 4º andar Praia do Suá Vitória (ES) - Telefax: (27)3324.1467 www.enquet.com.br R. Ferreira Coelho, 310 4º andar Praia do Suá Vitória (ES) - Telefax: (27)3324.1467 www.enquet.com.br O que somos e buscamos ser MISSÃO Gerar soluções inteligentes por meio de informações confiáveis e

Leia mais

www.vt.fetranspor.com.br (21) 2127-4000 Economia para Empresa smo

www.vt.fetranspor.com.br (21) 2127-4000 Economia para Empresa smo Economia para Empresa Redução de Absenteísmo smo 212 empresas filiadas Sobre a Fetranspor A Fetranspor Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro congrega dez sindicatos

Leia mais

Solução sustentável de compartilhamento de veículos para o mundo universitário

Solução sustentável de compartilhamento de veículos para o mundo universitário Interbros Tecnologia e Soluções de Internet Ltda. Rua Dr. Guilherme Bannitz, 126 2º andar Conj. 21 /179 Itaim Bibi - São Paulo- SP - 04532-060 Fone: 55 11 9209-3717 / 55 11 8162-0161 Por favor, considere

Leia mais

A ELABORAÇÃO DE PLANOS DE MOBILIDADE URBANA

A ELABORAÇÃO DE PLANOS DE MOBILIDADE URBANA Seminário Internacional sobre Cidades Inteligentes, Cidades do Futuro Comissão de Desenvolvimento Urbano CDU Câmara dos Deputados A ELABORAÇÃO DE PLANOS DE MOBILIDADE URBANA RENATO BOARETO Brasília 06

Leia mais

Políticas de integração para mobilidade urbana em cidades coordenadas por diferente modais Wagner Colombini Martins 20/09/2013

Políticas de integração para mobilidade urbana em cidades coordenadas por diferente modais Wagner Colombini Martins 20/09/2013 Políticas de integração para mobilidade urbana em cidades coordenadas por diferente modais Wagner Colombini Martins 20/09/2013 A gestão pública brasileira é marcada pela atuação setorial, com graves dificuldades

Leia mais

a) SEGMENTAÇÃO (1) Introdução

a) SEGMENTAÇÃO (1) Introdução a) SEGMENTAÇÃO (1) Introdução Segmentação de mercado é o processo de dividir mercados em grupos de consumidores potenciais com necessidades e/ou características semelhantes e que provavelmente exibirão

Leia mais

Plano Cicloviário de Piracicaba

Plano Cicloviário de Piracicaba 2º Fórum Aberto de Revisão do Plano Diretor de Mobilidade Plano Cicloviário de Piracicaba 16 de outubro de 2013 Cidade ciclável Mobilidade por bicicleta Proposta Piracicaba Plano Cicloviário Projeções

Leia mais

SEMINÁRIO MOBILIDADE URBANA NO PLANO

SEMINÁRIO MOBILIDADE URBANA NO PLANO SEMINÁRIO MOBILIDADE URBANA NO PLANO ESTRATÉGICO- SP2040 Tema: Política de Estacionamento dos automóveis 09 DE FEVEREIRO DE 2011- AUDITÓRIO DO SEESP-SP PROGRAMAÇÃO Realização: SEESP-SP Quadro geral da

Leia mais

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhores representantes das associações

Leia mais

O acesso a informações públicas será assegurado mediante:

O acesso a informações públicas será assegurado mediante: SIMRECI Sistema de Relacionamento com o Cidadão O SIMRECI é um programa de computador que oferece ferramentas para a gestão do relacionamento com o cidadão e, especialmente garante ao poder público atender

Leia mais

A SATISFAÇÃO DOS CLIENTES DE UMA TRANSPORTADORA DA CIDADE DE SÃO PAULO: UM ESTUDO DE CASO

A SATISFAÇÃO DOS CLIENTES DE UMA TRANSPORTADORA DA CIDADE DE SÃO PAULO: UM ESTUDO DE CASO 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 A SATISFAÇÃO DOS CLIENTES DE UMA TRANSPORTADORA DA CIDADE DE SÃO PAULO: UM ESTUDO DE CASO Marcelo Cristian Vieira 1, Carolina Zavadzki Martins 2,Gerliane

Leia mais