Pós Venda Rcell. Fabio Rigamonti

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pós Venda Rcell. Fabio Rigamonti"

Transcrição

1

2 Pós Venda Rcell Conceitos de DOA Fluxo de Teste Funcional Triagem Processo de Devolução Fluxo de Triagem e Devolução Processo de Remessa para Conserto Fluxo de Remessa para Conserto Garantia e Tempo de Uso Fluxo por Fabricante Fluxo de Triagem Sony Ericsson Fluxo de Triagem LG Fluxo Motorola Fluxo *NEXTEL Fluxo de Triagem Samsung Fluxo de Triagem ZTE Fluxo de Triagem Nokia Fluxo de Triagem Huawei Emissão de NF Check List Padrão Rel. Remessa Contatos Fabio Rigamonti

3 Conceitos básicos de DOA Como avaliar se o aparelho é considerado DOA: O aparelho celular deve apresentar algum defeito; Deve ser verificado se o aparelho encontra-se em estado de novo, o mesmo não pode ter: Contato com líquido (oxidação por qualquer tipo); Cantos amassados ou quebrados no painel frontal ou traseiro; Flip quebrado ou trincas próximas as dobradiças; Conector do carregador, do sistema, cabo de conexão com o computador ou chip quebrado ou amassado; Riscos ou ranhuras no display, front e back over, carregadores, teclado ou em baterias utilizadas como back over. Constatação de tentativa de reparo indevido/inadequado por posto de serviços não autorizado ou pelo próprio cliente. O kit original deve estar completo (caixa embalagem original, aparelho celular, bateria, carregador, manual, capa de couro, CD, cabo de dados, fones de ouvido, acessórios Bluetooth, etc.; bem como eventuais acessórios mencionados na caixa do produto). O aparelho deve vir acompanhado do check list devidamente preenchido Deve ser comprovado que o aparelho foi trocado em um prazo máximo de até 07 dias. O contador de chamadas do celular deve ter no máximo 60 minutos de utilização. O aparelho celular deve estar no prazo de garantia (10 12 ou 15 meses) de acordo com a regra de cada Fabricante contados a partir da data de fabricação. NÃO TROCAR APARELHOS FORA DESSAS CONDIÇÕES

4

5 Triagem Contamos hoje com uma empresa terceirizada (Grupo Solutions) que realiza as triagens (in loco) em clientes que possuam um volume > ou = á 5 produtos desde que estejam em um raio de até 80 Km da capital de seu estado. Para clientes com um volume abaixo do estipulado, o mesmo deverá entrar em contato com a estrutura de Pós Venda, onde será orientado a como proceder quanto a devolução de seus produtos. O Grupo Solutions conta hoje com equipes em 90% do território nacional, atendendo assim 100% de nossa demanda. Com um Call-Center especializado, o Grupo Solutions contata mensalmente todos os clientes previamente cadastrados em seu sistema para agendamento e posterior triagem. Todas as informações da triagem são registradas em sistema próprio, que processa essas informações e retorna com o Status de cada produto. Com todas as regras parametrizadas em sistema a triagem não sofre nenhuma interferência humana em seu resultado final. Cliente Distancia da Capital Qtd Mínima Indiferente Até 50 Km 5 Indiferente De 50 até 80 Km 20 Indiferente Acima de 80 Km 35 Atendimento com Triagem. Cliente com volume abaixo da quantidade mínima estipulada pela empresa de triagens deverá seguir os procedimentos de Remessa para Conserto.

6 Descritivo de Processo de Devolução. P a s s o 1 P a s s o 2 P a s s o 3 P a s s o 4 Agendamento de Triagem: Solutions entra em contato com a loja e verifica junto ao cliente melhor data para atendimento. Triagem: Solutions realiza a triagem dos produtos separando DOA NDOA, inseri as informações em sistema com todas as regras de validação não tendo interferência humana no resultado final). É indispensável a apresentação da NF de origem no momento da triagem. (Após o termino da triagem, Solutions encaminha à Rcell o relatório com o resultado da triagem. Validação de NF de origem: Rcell recebe relatório de triagem e valida as informações de NF de origem informada pela loja. Envio do resultado Final: Após validação de NF de origem, Rcell encaminha ao lojista o resultado final da triagem (arquivo.xls), separado em abas os produtos que poderão ter NF de Devolução emitida. Emissão de NF pelo cliente: O cliente deve emitir NF de Devolução de acordo com as informações encaminhadas pela Rcell e enviar digitalizada para: A NF deve impreterivelmente ser emitida e as cópias digitalizadas enviadas em até 5 dias (uteis) da data da triagem, não ocorrendo nesse prazo a triagem é automaticamente cancelada e realizada novamente após 30 dias. Validação de NF: Rcell recebe NF digitalizada encaminhada pelo cliente, valida as informações, agenda a coleta e informa o cliente sobre a data da mesma. Coleta: A coleta deverá ocorrer no prazo máximo de 3 dias contados a partir da data de seu agendamento, caso não ocorra entrar em contato pelo

7

8 Descritivo de Processo de Remessa para Conserto. Envio do Formulário de Remessa: Cliente envia o formulário de remessa à Rcell devidamente preenchido. Enviar para Validação do Formulário e Autorização de Envio: Rcell valida o formulário de remessa com as NFs de origem e encaminha autorização de envio ao cliente. Envio do Material: Cliente envia o material à Rcell com uma NF de Remessa para Conserto. Recebimento e Conferência: Rcell recebe a mercadoria, confere NF X Físico e encaminha à triagem interna. Triagem: Rcell analisa cada produto identificando se o mesmo se enquadra no processo de DOA, caso o produto não se enquadre é devolvido ao cliente numa NF de Retorno de Conserto. O produto classificado como DOA segue o processo. Devolução ou Crédito: Caso a Rcell possua em seu estoque o modelo do produto classificado como DOA é devolvido ao cliente um modelo idêntico NOVO. Não sendo possível a devolução é gerado o Crédito ao cliente onde será feito depósito em conta ou abatimento em fatura.

9

10 Garantia e Tempo de Uso Para cada Fabricante existe uma forma de validação de Tempo de Uso e uma Garantia diferente, são elas: SONY ERICSSON: Garantia: 10 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 1 segundo deve acompanhar NF compra e troca em até 7 dias. LG: Garantia: 15 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 5 minutos deve acompanhar NF de compra e troca em até 7 dias. MOTOROLA: Garantia: 12 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Não aceita NF de troca em até 7 dias, acima de 60 minutos NDOA. *NEXTEL: Garantia: 12 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 60 minutos deve acompanhar NF de compra e troca em até 7 dias. SAMSUNG: Garantia: 15 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 60 minutos deve acompanhar NF de compra e troca em até 7 dias. ZTE / HUAWEI Garantia: 15 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 60 minutos deve acompanhar NF de compra e troca em até 7 dias. NOKIA: Garantia: 15 meses contados a partir da data de Fabricação. Tempo de Uso: Acima de 60 minutos deve acompanhar NF de compra e troca em até 7 dias.

11 Fluxos por Fabricante. Cada Fabricante possui suas próprias regras e procedimentos para que se enquadrem no processo de DOA. A Rcell aplica a mesma regra para seus clientes evitando assim que o ônus recaia para os mesmos. Como informado anteriormente, contamos hoje com um sistema de triagem com todas essas regras parametrizadas para que não haja interferência alguma por parte dos responsáveis pela Triagem. A classificação final de cada produto é definida a partir das informações que são inseridas em sistema no momento da triagem (tempo de uso tempo de garantia estética etc). Abaixo, segue fluxo de cada Fabricante.

12

13

14

15

16

17

18

19

20 Dados para Emissão de NF de Remessa para Conserto Natureza da Operação: Remessa para Conserto Código da Operação: (para dentro do estado) ou (para fora do estado) Valor do KIT: Conforme NF de venda Rcell Esta operação esta isenta de ICMS e IPI Se faturado pelo CNPJ / Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Av. Embaixador Macedo Soares, Galpão 20 Bloco Par Condomínio Espace Center Vila Anastácio São Paulo SP - CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: O mesmo. Se faturado pelo CNPJ / Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Avenida Talma Rodrigues Ribeiro, Portal de Jacaraipe Serra ES CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: SIRI COMÉRCIO E SERVIÇOS CAIXA POSTAL: CEP: SERRA/RS

21 Dados para Emissão de NF de Remessa para Conserto Natureza da Operação: Remessa para Conserto Código da Operação: (para dentro do estado) ou (para fora do estado) Valor do KIT: Conforme NF de venda Rcell Esta operação esta isenta de ICMS e IPI Se faturado pelo CNPJ / / / (Bahia / Recife) Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Avenida Talma Rodrigues Ribeiro, Portal de Jacaraipe Serra ES CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: SIRI COMÉRCIO E SERVIÇOS CAIXA POSTAL: CEP: SERRA/RS Se faturado pelo CNPJ / (RS) Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Av. Embaixador Macedo Soares, Galpão 20 Bloco Par Condomínio Espace Center Vila Anastácio São Paulo SP - CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: O mesmo.

22 Dados para Emissão de NF de Devolução Natureza da Operação: Devolução de Compra Código da Operação: (para dentro do estado) ou (para fora do estado) exceto o estado de PE que para NFs recebidas até dez/10 devem utilizar o código 6.202, após dez/10 deve-se utilizar o código Valor do KIT: Conforme NF de venda Rcell ICMS e ST: Conforme NF de venda Rcell Se faturado pelo CNPJ / deverá ser devolvido para: Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Av. Embaixador Macedo Soares, Galpão 20 Bloco Par Condomínio Espace Center Vila Anastácio São Paulo SP - CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: o mesmo Se faturado pelo CNPJ / deverá ser devolvido para: Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Avenida Talma Rodrigues Ribeiro, Portal de Jacaraipe Serra ES CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: SIRI COMÉRCIO E SERVIÇOS CAIXA POSTAL: CEP: SERRA/RS

23 Dados para Emissão de NF de Devolução Natureza da Operação: Devolução de Compra Código da Operação: (para dentro do estado) ou (para fora do estado) exceto o estado de PE que para NFs recebidas até dez/10 devem utilizar o código 6.202, após dez/10 deve-se utilizar o código Valor do KIT: Conforme NF de venda Rcell ICMS e ST: Conforme NF de venda Rcell Se faturado pelo CNPJ / deverá ser devolvido para: Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Av. Willy Eugenio Fleck, 715 Setor I Bairro: Rubem Berta Porto Alegre RS - CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: o mesmo Se faturado pelo CNPJ / deverá ser devolvido para: Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Rodovia BR 101 Sul, S/N - KM 80.4 ANEXO B SETOR 04 Bairro:Muribeca Jaboatão dos Guararapes PE CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: O mesmo.

24 Dados para Emissão de NF de Devolução Natureza da Operação: Devolução de Compra Código da Operação: (para dentro do estado) ou (para fora do estado) exceto o estado de PE que para NFs recebidas até dez/10 devem utilizar o código 6.202, após dez/10 deve-se utilizar o código Valor do KIT: Conforme NF de venda Rcell ICMS e ST: Conforme NF de venda Rcell Se faturado pelo CNPJ / deverá ser devolvido para: Razão Social: Siri Comércio e Serviços Ltda. Endereço: Rua da Varsóvia, 122 Setor I Campinas de Pirajá Bairro: Granjas Rurais Presidente Vargas Salvador BA CEP: CNPJ: / Inscrição Estadual: Local de entrega: o mesmo

25 CHECK LIST OBRIGATÓRIO

26 Formulário de Remessa para Conserto. O contato é muito importante em caso de dúvida ou orientação da nossa equipe. Preencha, por favor com nome, telefone e . Para cada item especifique, modelo, cor, IMEI e o Defeito Constatado, de forma a facilitar e agilizar o procedimento necessário e seu acompanhamento. Este formulário não exclui o check list. Para cada aparelho o fabricante exige o check list. Favor preencher e colocar dentro de cada caixa. Fone: (011) Dados do Remetente: Razão Sócial: CNPJ: Nome Fantasia Fone Contato: Data de envio: Contato: Especificações dos Produtos PREENCHA ESSES CAMPOS PARA USO DA RCELL MODELO COR IMEI Defeito Constatado DOA Ñ DOA NOTA FISCAL DE ORIGEM DATA Observação:

27 Contatos. Fabio Rigamonti Gerente de Pós Venda Tel.: *NEXTEL / 11* Fabiano Pinheiro Supervisor Tel.: *NEXTEL / 11* Leonardo Junio Devolução Tel.: Amanda Carla Remessa para Conserto Tel.: Fernando Nascimento Triagem e Coleta Tel.: Vitor Castro Triagem e Coleta. Tel.:

Índice. Política Geral de Garantia...3. Equipamento com Defeito...4. Envio de Equipamentos...5. Pessoa Física...5. Pessoa Jurídica...

Índice. Política Geral de Garantia...3. Equipamento com Defeito...4. Envio de Equipamentos...5. Pessoa Física...5. Pessoa Jurídica... Índice Política Geral de Garantia...3 Equipamento com Defeito...4 Envio de Equipamentos...5 Pessoa Física...5 Pessoa Jurídica...5 Emissão da Nota Fiscal (Pessoa Jurídica)...4 Pessoa Jurídica sem inscrição

Leia mais

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE

TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE TERMO DE USO TERMOS DE USO DO CLIENTE A) APLICABILIDADE 1. Os presentes termos de uso são aplicáveis aos Usuários da INTERNET POOL COMÉRCIO ELETRONICO LTDA, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 09.491.113/0001-01,

Leia mais

RMA - DN Automação (Autorização para Retorno de Mercadoria)

RMA - DN Automação (Autorização para Retorno de Mercadoria) RMA - DN Automação (Autorização para Retorno de Mercadoria) Orientações gerais aos parceiros de negócios A DN Automação trabalha exclusivamente através de parceiros de negócios (revendedores e agentes),

Leia mais

Como solicitar um código de postagem LG Collect pelo site

Como solicitar um código de postagem LG Collect pelo site Como solicitar um código de postagem LG Collect pelo site Para solicitar um código de postagem para envio do seu produto para uma Assistência Técnica, realize os seguintes passos: Acesse WWW.LGE.COM.BR

Leia mais

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS CONSIGNAÇÃO MERCANTIL

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS CONSIGNAÇÃO MERCANTIL EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS CONSIGNAÇÃO MERCANTIL Cortesia: FARO CONTÁBIL (www.farocontabil.com.br) Autor: Roberto Ferreira de Freitas Data: 21/07/2006 Consignação Mercantil é a operação entre duas empresas

Leia mais

1. PRAZOS... 1 2. SOLICITAÇÃO DE DEVOLUÇÃO... 1 3. MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO... 2 4. TIPOS DE DEVOLUÇÃO...

1. PRAZOS... 1 2. SOLICITAÇÃO DE DEVOLUÇÃO... 1 3. MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO... 2 4. TIPOS DE DEVOLUÇÃO... ÍNDICE 1. PRAZOS... 1 2. SOLICITAÇÃO DE DEVOLUÇÃO... 1 3. MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO... 2 4. TIPOS DE DEVOLUÇÃO... 3 4.1. Integral ato da entrega... 3 4.2. Integral pós-recebimento... 3 4.3. Parcial pós-recebimento...

Leia mais

Certificado de Garantia Bosch Sistemas de Segurança

Certificado de Garantia Bosch Sistemas de Segurança Certificado de Garantia Bosch Sistemas de Segurança 2 Certificado de Garantia Bosch Sistemas de Segurança Certificado de Garantia 1. A Robert Bosch Ltda., divisão Sistemas de Segurança, assume a responsabilidade

Leia mais

O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA. NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP

O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA. NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP 1. Certificado Digital - Antes de mais nada você precisa possuir um certificado digital

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA

NOTA FISCAL ELETRÔNICA NOTA FISCAL ELETRÔNICA Í n d i c e Julho, 2010 Introdução... 2 1. Acerto dos cadastros de Clientes e de Produtos... 4 1.1. Cadastros Básicos - Cadastro de Clientes... 4 1.2. Cadastros Básicos Cadastro

Leia mais

Instruções de Documentação e Envio para Troca como Pessoa Jurídica

Instruções de Documentação e Envio para Troca como Pessoa Jurídica Instruções de Documentação e Envio para Troca como Pessoa Jurídica 1. Emita a nota fiscal de troca pela garantia de acordo com o exemplo e instruções das próximas páginas. 2. Embale o HD com a documentação

Leia mais

MANUAL DE DISCREPÂNCIAS SISTEMA SOI - C3

MANUAL DE DISCREPÂNCIAS SISTEMA SOI - C3 Liaison GTO/LS Ago/15 01 1 (19) MANUAL DE DISCREPÂNCIAS SISTEMA SOI - C3 Liaison GTO/LS Ago/15 01 2 (19) ÍNDICE 1.INCLUSÃO DE DISCREPÂNCIA...03 2.ALTERAÇÃO DOS DADOS DA DISCREPÂNCIA...05 3.CONSULTA ÀS

Leia mais

G U I A. Processo de Cancelamento e Devolução D E V E N D A S

G U I A. Processo de Cancelamento e Devolução D E V E N D A S G U I A Processo de Cancelamento e Devolução D E V E N D A S 1 Quando o cliente recusa o equipamento No momento em que o correio for entregar o equipamento e o cliente recusar a entrega, a Revenda precisa

Leia mais

Sistema de Devolução Web

Sistema de Devolução Web Manual Sistema de Devolução Web Usuário Cliente ÍNDICE Sumário 1. Prazos...3 2. Solicitação de Devolução... 4 3. Autorização de Devolução... 4 4. Coleta de Mercadoria... 4 5. Acompanhamento da Devolução...

Leia mais

ÍNDICE. Introdução. Definições. Contatos. Roteiro para Atendimento em Garantia. 1. Produtos. 2. Prazos de Garantia. 3.

ÍNDICE. Introdução. Definições. Contatos. Roteiro para Atendimento em Garantia. 1. Produtos. 2. Prazos de Garantia. 3. 1 ÍNDICE Introdução Definições Contatos Roteiro para Atendimento em Garantia 1. Produtos 2. Prazos de Garantia 3. Análise Técnica 4. Remessa para Análise 5. Concessão da Garantia 6. Rejeição da Garantia

Leia mais

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS DEMONSTRAÇÃO

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS DEMONSTRAÇÃO EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS DEMONSTRAÇÃO Cortesia: FARO CONTÁBIL (www.farocontabil.com.br) Autor: Roberto Ferreira de Freitas Data: 21/07/2006 Para toda remessa de demonstração haverá retorno. Quando a remessa

Leia mais

Portal Sistema de Acompanhamento de Nota Fiscal RI e RIII

Portal Sistema de Acompanhamento de Nota Fiscal RI e RIII Portal Sistema de Acompanhamento de Nota Fiscal RI e RIII Manual do Usuário Feito em: 05/03/2012 Última Atualização: 29/08/2012 Versão: 2.3 ÍNDICE 1. Acessando o Portal SANF... 6 2. Cadastro de Notas Fiscais...

Leia mais

FLUXO 360 TERMOS E CONDIÇO ES

FLUXO 360 TERMOS E CONDIÇO ES FLUXO 360 TERMOS E CONDIÇO ES CADASTRO DE CLIENTES Recebimento de equipamentos somente com cadastro completo; O cadastro do e-mail é obrigatório; É de responsabilidade do cliente manter seus dados sempre

Leia mais

Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos.

Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos. Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos. Simples Nacional Senhores empresários, deverão ser escriturados todos os Documentos Fiscais

Leia mais

Piscina de Bolinhas 1,50m x 1,50m. Manual de instruções

Piscina de Bolinhas 1,50m x 1,50m. Manual de instruções Piscina de Bolinhas 1,50m x 1,50m Manual de instruções Código do produto: 220001 * Esta Piscina de Bolinha é multicolorida e as cores podem variar conforme a fabricação. Parabéns! Você acaba de adquirir

Leia mais

NOTA FISCAL PAULISTA

NOTA FISCAL PAULISTA NOTA FISCAL PAULISTA RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo.

Leia mais

TROCA E DEVOLUÇÃO E CLIENTES

TROCA E DEVOLUÇÃO E CLIENTES TROCA E DEVOLUÇÃO E CLIENTES RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio

Leia mais

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS VENDA FORA DO ESTABELECIMENTO

EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS VENDA FORA DO ESTABELECIMENTO EMISSÃO DE NOTAS FISCAIS VENDA FORA DO ESTABELECIMENTO Cortesia: FARO CONTÁBIL (www.farocontabil.com.br) Autor: Roberto Ferreira de Freitas Data: 21/07/2006 A venda fora do estabelecimento deve ser realizada

Leia mais

GARANTIA. Revisão 1 PROCEDIMENTOS COMPONENTES PARA CÂMBIO E DIFERENCIAL

GARANTIA. Revisão 1 PROCEDIMENTOS COMPONENTES PARA CÂMBIO E DIFERENCIAL PROCEDIMENTOS GARANTIA 2015 Revisão 1 mk-mpv-2.15 Moto Peças Transmissões S/A Avenida Hollingsworth, 719 Iporanga Sorocaba/SP CEP 18087-105 Tel: 15 3412.3222 Fax: 15 3412.3280 atendimento@motopecas.com.br

Leia mais

Troca e Devolução Lojasmm.com

Troca e Devolução Lojasmm.com Troca e Devolução Lojasmm.com Informações Gerais. Nosso objetivo é garantir sempre sua satisfação nas compras realizadas no nosso site. Visando uma parceria de respeito e confiança, criamos a Política

Leia mais

O CENTRO DE REMANUFATURA E REPAROS DA ROCKWELL AUTOMATION MUDOU MUDAR FOI PRECISO PARA

O CENTRO DE REMANUFATURA E REPAROS DA ROCKWELL AUTOMATION MUDOU MUDAR FOI PRECISO PARA MUDAR É PRECISO A ROCKWELL AUTOMATION COMPARTILHA COM O MERCADO UMA QUESTÃO QUE DIZ RESPEITO A TODOS: O MODO COMO AS INDÚSTRIAS LIDAM COM O MEIO AMBIENTE O CENTRO DE REMANUFATURA E REPAROS DA ROCKWELL

Leia mais

Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos.

Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos. 1 Orientação para escrituração e emissão de Documentos Fiscais de Entrada / Saída, Devoluções, Cadastro de Produtos. Simples Nacional Senhores empresários, deverão ser escriturados todos os Documentos

Leia mais

Comunicado. Novo Processo de Solicitação de RMA para reparo de HDD

Comunicado. Novo Processo de Solicitação de RMA para reparo de HDD Comunicado Novo Processo de Solicitação de RMA para reparo de HDD Srs. Distribuidores e Revendas, A Samsung em seus esforços para melhorar o atendimento em garantia para os HDD (Hard Disk Drive) produzidos

Leia mais

POLÍTICA COMERCIAL. COMO COMPRAR: 1. Cadastrando-se como Cliente 2. Obrigatoriedade para compra

POLÍTICA COMERCIAL. COMO COMPRAR: 1. Cadastrando-se como Cliente 2. Obrigatoriedade para compra 1 POLÍTICA COMERCIAL Para realizar um excelente atendimento e garantir uma ótima experiência de compra aos nossos clientes, nos preocupamos com todos os detalhes que envolvem a venda. E um quesito ao qual

Leia mais

Gerência do Posto Fiscal Novo Portal de Notas

Gerência do Posto Fiscal Novo Portal de Notas Gerência do Posto Fiscal Novo Portal de Notas ESCOPO A Oi, através do seu Posto Fiscal, está implementando o novo Portal de Notas Fiscais! Com o objetivo de melhorias nos processos, garantias fiscais e

Leia mais

Descrever o processo de cadastro de Nota Fiscal e de veículos da frota no Módulo Frota do Sistema Globus.

Descrever o processo de cadastro de Nota Fiscal e de veículos da frota no Módulo Frota do Sistema Globus. PÁGINA: 1/13 Área a que se aplica: Frota Executado por: Comporte e Coligadas Unidade: Comporte e Coligadas Autor: Adilson Antunes: Analista de Processos Criação 26/07/2010 Aprovação Última Revisão 1. OBJETIVO

Leia mais

Módulo 14. CgaInformatica. NFe. NFe para o Sistema Retwin

Módulo 14. CgaInformatica. NFe. NFe para o Sistema Retwin Módulo 14 CgaInformatica NFe NFe para o Sistema Retwin 2 Sumário O que é... 3 Benefícios... 3 Requisitos para Instalação e Implantação... 3 Obrigação Backup... 4 Configuração Geral do Sistema... 5 Cadastro

Leia mais

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Safeweb enota NFSe Sistema de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário - Versão 1.0.0 1. Sobre O enota NFSe é um sistema de emissão de Nota

Leia mais

Índice 1. OBJETIVO... 3 2. ABRANGÊNCIA... 3 3. REFERÊNCIA... 3 4. DEFINIÇÃO... 3 5. RESPONSABILIDADE... 3 6. HISTÓRICO DE REVISÕES...

Índice 1. OBJETIVO... 3 2. ABRANGÊNCIA... 3 3. REFERÊNCIA... 3 4. DEFINIÇÃO... 3 5. RESPONSABILIDADE... 3 6. HISTÓRICO DE REVISÕES... REF: CE-M-001 REV: 2 de 9 Índice 1. OBJETIVO... 3 2. ABRANGÊNCIA... 3 3. REFERÊNCIA... 3 4. DEFINIÇÃO... 3 5. RESPONSABILIDADE... 3 6. HISTÓRICO DE REVISÕES... 4 7. DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO... 4 POLÍTICAS...

Leia mais

Emissão de Notas Fiscais com Produtos ST. Manual desenvolvido para Célula de Materiais Equipe Avanço Informática

Emissão de Notas Fiscais com Produtos ST. Manual desenvolvido para Célula de Materiais Equipe Avanço Informática Emissão de Notas Fiscais com Produtos ST Manual desenvolvido para Célula de Materiais Equipe Avanço Informática 1 Abaixo mostraremos exemplos de Emissões de Notas Fiscais com Itens ST para dentro do Estado

Leia mais

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012)

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012) NFE Nota Fiscal eletrônica Versão 2.0 (07/2012) Sumário INTRODUÇÃO... 2 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA EMISSÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA... 3 2º VIA DE SOLICITAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE IMPRESSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS...

Leia mais

COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE

COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE COMO CRIAR UMA GARANTIA DE CLIENTE O ORION permite a criação de uma Garantia de um determinado produto para o seu cliente. Essa opção será usada quando um cliente compra algum produto com defeito e deseja

Leia mais

Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR

Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR Termo de aceitação e condições de Uso do Site DAMYLLER.COM.BR Bem-vindo a Damyller! Convidamos você a ler as informações abaixo mencionadas, a fim de lhe permitir obter maior conhecimento em relação a

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas Remessa Armazenagem Desenvolvimento do processo de Remessa Armazenagem. Este processo consiste em enviar uma carga determinada para um depósito de terceiro e permitir controlar o estoque da mercadoria

Leia mais

EMPRESA. A empresa possui uma equipe dividida nas áreas

EMPRESA. A empresa possui uma equipe dividida nas áreas EMPRESA A empresa Sistemas & Informação atua no mercado de softwares desde 1995, estabelecida na região central do Estado, na cidade de Santa Maria RS. A empresa possui uma equipe dividida nas áreas CONTROLE

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de Clientes e Fornecedores no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de Clientes e Fornecedores no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro de Clientes e Fornecedores no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro... 2 II. Seleção de Filtros... 3

Leia mais

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo.

Amercian Express, Diners, Hipercard, Aura e Elo. TERMO DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE PRODUTOS PELA INTERNET Magazine Luiza S/A, pessoa jurídica de direito privado, com sede na cidade de Franca/SP, Rua Voluntários da Franca, nº 1465, inscrita no CNPJ

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos.

Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos. Consórcio Contemplação de Imóveis Para quem quer planejar e realizar seus objetivos. Bradesco Consórcios ROTEIRO PARA AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Central de Atendimento às Agências (11) 3357-1799 Central de Atendimento

Leia mais

SISEXP NOTA FISCAL ELETRÔNICA.

SISEXP NOTA FISCAL ELETRÔNICA. SISEXP NOTA FISCAL ELETRÔNICA. OBSERVAÇÕES IMPORTANTES. 1. A nota fiscal de devolução simbólica de mercadorias remetidas para formação de lote não será mais registrada no SISEXP. Somente devolução real

Leia mais

SFT. Sistema de Faturamento

SFT. Sistema de Faturamento SFT Sistema de Faturamento SISTEMA DE FATURAMENTO - STF O primeiro passo para utilização do Sistema de Faturamento STF, é configurar os Parâmetros do Sistema: Módulo Utilitários: Parâmetros Cadastrar a

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS. Considerando que a Limppano realiza venda de produtos pela rede mundial de computadores;

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS. Considerando que a Limppano realiza venda de produtos pela rede mundial de computadores; TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS Boa Pratica Comercio Eletrônico de Produtos Ltda, com sede na Rodovia Presidente Dutra, 1338, Rio de Janeiro/RJ, CEP 21535-502, inscrita no CNPJ sob o número:

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2038.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2038. Discadora por Celular HERA HR2038 Manual do Usuário Índice: Paginas: 1. Introdução 02 1.1Visão Geral 02,03 2. Características 03 3. Funcionamento 04 4. Instalação da Discadora HR2038 05 5. Configurando

Leia mais

+55 (11) 5171 9800 E-mail: info.holcim-bra@holcim.com

+55 (11) 5171 9800 E-mail: info.holcim-bra@holcim.com 12 de junho de 2013 Prezado Fornecedor: Dando continuidade à comunicação sobre nosso processo interno de reestruturação das áreas de Finanças e Recursos Humanos, informamos que a partir do dia 17 de junho

Leia mais

ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos. ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos

ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos. ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos Nas relações de comércio é muito comum, por motivos como mercadoria em desacordo com o pedido, qualidade insatisfatória, não observância de

Leia mais

Objetivo...2 Requisitos mínimos do sistema...2 Acesso ao sistema...2

Objetivo...2 Requisitos mínimos do sistema...2 Acesso ao sistema...2 Índice Objetivo...2 Requisitos mínimos do sistema...2 Acesso ao sistema...2 Cadastro da Nota Fiscal...3 Grupo Booking...3 Grupo Cliente...5 Grupo Documentos...6 Grupo Contêiner...8 Anexo I... 10 Objetivo

Leia mais

Termos e Condições de Compra e Venda dos Produtos Feminine

Termos e Condições de Compra e Venda dos Produtos Feminine Prezada Cliente, Temos muito orgulho da qualidade superior dos nossos produtos e queremos que você fique satisfeita com a sua compra. Acreditamos em oferecer o melhor valor, qualidade e produto para as

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DO SERVIÇO DE AIDF NO PORTAL

MANUAL DO USUÁRIO DO SERVIÇO DE AIDF NO PORTAL GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO MANUAL DO USUÁRIO DO SERVIÇO DE AIDF NO PORTAL PASSO 1: O Usuário entra com seu Usuário e Senha: Os dados

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406

EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406 EMISSÃO E GESTÃO NFE ITR TR 0406 Sumário 1. O que é NFe? 2. Acesso ao sistema 3. Cadastros 3.1 Cadastro de Cliente 3.2 Cadastro de Produto 3.3 Cadastro de Transportadora 4. Emissão de NFe 4.1 Emitir Nova

Leia mais

REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR

REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR 1. OBJETO 1.1. O Programa Fidelidade FASCAR CLUB consiste em um Programa de relacionamento com clientes da FASCAR, denominação doravante de Indústria

Leia mais

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE.

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. CADASTRO DE CLIENTES - deve-se utilizar o programa 203. Os campos em VERMELHO são os campos de preenchimento obrigatório. Os campos em PRETO não são obrigatórios,

Leia mais

MÓDULO DE NOTA FISCAL ELETRONICA

MÓDULO DE NOTA FISCAL ELETRONICA MANUAL DO SISTEMA Versão 6.08 Introdução... 2 Requisitos para Utilização do Módulo NF-e... 2 Termo de Responsabilidade... 2 Certificados... 2 Criação de Séries... 2 Framework... 3 Teste de Comunicação...

Leia mais

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS:

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS: Sumário 1. Tela Inicial... 02 2. Venda [F1]... 03 a. Cliente [F2]... 03 b. Importar [F9]... 04 c. Produtos [F3]... 04 d. Fechamento [F4]... 05 e. Impressão, Ponto de Referência e Observações... 07 f. Consulta

Leia mais

1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp)

1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp) SUMÁRIO 1 SOBRE O PORTAL TRANSPES (e-transp)... 3 2 REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA... 4 3 ACESSO AO SISTEMA (ATORES: TRANSPES/ CLIENTE)... 5 4 PRIMEIROS PASSOS (CADASTROS)... 7 4.1 Cadastros de

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema

Manual de Utilização do Sistema Manual de Utilização do Sistema 2015 Nota Control Nota Premiada Índice Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento Parte II Apresentação 1 Menu Home 2 Menu Cadastro 3 Menu Entrar 4 Menu Sorteio Realizados

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS

REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS REGULAMENTO INTERNO PARA FUNCIONÁRIOS O presente regulamento interno prescreve normas e procedimentos que devem ser rigorosamente respeitadas pelos funcionários que aceitarem trabalhar para a empresa,

Leia mais

VERSÃO 01/2005 02/2006 03/2006 04/2007 05/2008 07/2011 07/2012 ALTERADO EM 10/10/2005 16/03/2006 15/05/2006 10/2007 11/2008 22/07/11 18/07/12

VERSÃO 01/2005 02/2006 03/2006 04/2007 05/2008 07/2011 07/2012 ALTERADO EM 10/10/2005 16/03/2006 15/05/2006 10/2007 11/2008 22/07/11 18/07/12 P R O C E D I M E N T O S P A R A R M A Doc nº. DBR-RMAUSF 003/06 USUÁRIO FINAL Versão 07/2012 Criação 25/08/05 QUADRO CONTROLE DE REVISÕES VERSÃO 01/2005 02/2006 03/2006 04/2007 05/2008 07/2011 07/2012

Leia mais

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174 Versão Liberada A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível. A atualização da versão

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA. NF-e

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA. NF-e MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e SELECIONE A EMPRESA EMISSORA DA NFE CLIQUE EM INICIAR TELA DE AVISOS FAÇA A LEITURA DOS AVISOS E CLIQUE EM FECHAR EMISSÃO DA NOTA FISCAL

Leia mais

Treinamento de Pessoal da Rede. Manual IPPR Eletrônica

Treinamento de Pessoal da Rede. Manual IPPR Eletrônica Treinamento de Pessoal da Rede Manual IPPR Eletrônica IRREGULARIDADES NO PEDIDO DE PEÇAS DE REPOSIÇÃO - IPPR APRESENTAÇÃO Este é o Manual do novo Sistema de Irregularidades no Pedido de Peças de Reposição

Leia mais

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX SUMÁRIO 1 ICMS 1.1 CONTRIBUINTE 1.2 FATO GERADOR DO IMPOSTO 1.3 BASE DE CÁLCULO DO IMPOSTO 1.4 REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO 1.5 CARTA DE CORREÇÃO 1.6 CÓDIGO DA SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

INTRODUÇÃO. Sua consulta é muito fácil, abaixo daremos algumas dicas que facilitarão o seu dia a dia.

INTRODUÇÃO. Sua consulta é muito fácil, abaixo daremos algumas dicas que facilitarão o seu dia a dia. Referência Rápida INTRODUÇÃO Este manual de referência rápida foi criado com o objetivo de orientar de uma forma simples o caminho para as rotinas mais usadas no sistema Megga Fransys. Sua consulta é muito

Leia mais

INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP)

INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP) EntSeg INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP) Ano: 2015 Elaborada por: A. Linguanoto Tabelas Recebidas pelo Lúnet- Finalidade A Lúnet Soluções em Tecnologia, desenvolveu este manual técnico com a finalidade

Leia mais

Tutorial Parceria FAEL com Programa Educa Mais Brasil

Tutorial Parceria FAEL com Programa Educa Mais Brasil Tutorial Parceria FAEL com Programa Educa Mais Brasil Procedimentos de candidatos e parceiros FAEL 1 - Para se inscrever, o candidato deve acessar o site: www.educamaisbrasil.com.br, e selecionar o botão

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.3 11/02/2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Objetivos... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

Tesche & Vasconcelos - Ciaf. Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800

Tesche & Vasconcelos - Ciaf. Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800 Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800 Para emissão da primeira Nota Fiscal eletrônica pelo Ciaf-800 a mesma deve ser obrigatoriamente uma nota de teste. Para que possa efetuar esta emissão faça o seguinte

Leia mais

Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e. Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática

Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e. Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática Rotina de Manifesto Destinatário Tramitador NF-e Manual desenvolvido para Célula Nf-e Equipe Avanço Informática 1 Esclarecimentos sobre Manifestação do Destinatário 1. O que é a Manifestação do Destinatário?

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema

Manual de Utilização do Sistema Manual de Utilização do Sistema 2013 Nota Control Nota Cuiabana Índice Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento Parte II Apresentação 1 Menu Home 2 Menu Cadastro 3 Menu Já sou cadastrado 4 Menu

Leia mais

MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e

MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e PROJETO CAPA DE LOTE ELETRÔNICA (CL-e) MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e Versão 1.5 Outubro de 2010 1/13 SUMÁRIO Informações Gerais... 3 Acessando o Portal da CL-e... 4 Acessando o Módulo Emissor da CL-e... 5

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

POLÍTICA NACIONAL DE GARANTIA

POLÍTICA NACIONAL DE GARANTIA POLÍTICA NACIONAL DE GARANTIA 1 Conteúdo Introdução... 3 Objetivo... 3 Esclarecimentos... 3 O que é considerado garantia... 4 O que são considerados itens de manutenção... 4 O que são considerados materiais

Leia mais

2.1.1 LEDs... 2 2.1.2 Painel traseiro... 2

2.1.1 LEDs... 2 2.1.2 Painel traseiro... 2 INTRODUÇÃO... 1 1.1 CONTEÚDO DA EMBALAGEM... 1 1.2 RECURSOS... 1 INSTALAÇÃO DO EQUIPAMENTO... 2 2.1 LIGANDO O SWITCH... 2 2.1.1 LEDs... 2 2.1.2 Painel traseiro... 2 2.3 REQUISITOS DO AMBIENTE DE INSTALAÇÃO...

Leia mais

Alterações da Versão 5.8.9.2.1 para a 5.8.9.2.2

Alterações da Versão 5.8.9.2.1 para a 5.8.9.2.2 Documento Atualizado em: 05/04/2013. Prezados Clientes: Abaixo, estão os Novos Recursos da versão 5.8.9.2.2 em relação à versão 5.8.9.2.1 Dividimos as alterações por Menus, sendo que em cada alteração

Leia mais

GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER

GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER Manual de Instalação GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções completas de alta

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA DIA DAS MÃES 2013 O amor passa por aqui

REGULAMENTO DA CAMPANHA DIA DAS MÃES 2013 O amor passa por aqui REGULAMENTO DA CAMPANHA DIA DAS MÃES 2013 O amor passa por aqui 1. A Campanha Dia das Mães 2013 no Paineiras Shopping, doravante denominada simplesmente Campanha, destina-se a oferecer como brinde 01 kit

Leia mais

Comprador: Endereço: Cidade: Bairro: CEP: Revendedor: Fone: Data da venda: / / ID: P18407 - Rev. 1

Comprador: Endereço: Cidade: Bairro: CEP: Revendedor: Fone: Data da venda: / / ID: P18407 - Rev. 1 A instalação por outrem implicará em exclusão da garantia em decorrência de defeitos causados pela instalação inadequada. Somente técnico autorizado está habilitado a abrir, remover, substituir peças ou

Leia mais

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br Manual Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha www.atualy.com.br ESCLARECENDO DÚVIDAS SOBRE A NOTA FISCAL GAÚCHA 1- O que é a Nota Fiscal Gaúcha? Nota Fiscal Gaúcha é um programa que, por meio da distribuição

Leia mais

ÍNDICE. Operações com o Cartão Ticket Car...

ÍNDICE. Operações com o Cartão Ticket Car... ÍNDICE Operações com o Cartão Ticket Car... POS Ticket Car :... Funções... Mensagens... Terminal TEF: Ticket Car Novo... Funções... Mensagens... Transação de Venda Manual... Procedimento... Obter boleto...

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

Manual do Usuário. Vixen PDV

Manual do Usuário. Vixen PDV 1 Manual do Usuário Vixen PDV 2 Índice 1. INTRODUÇÃO 3 2. ENTRANDO NO SISTEMA 4 2.1 TELA LOGIN 4 2.2 CARGA DE TABELAS LOCAIS 4 3. MENU INICIAL 5 4. BARRA DE STATUS 6 5. ABRINDO O CAIXA 6 6. VENDA 7 6.1

Leia mais

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 Manual Ciaf NFC-e Gratuito Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 1 Cadastro de Clientes Nesta opção iremos armazenar no sistema

Leia mais

Manual do Processo de Controladoria

Manual do Processo de Controladoria Manual do Processo de Controladoria Apresentação MV Sumário Processo de Controladoria 5 Leia-me primeiro... 5 Contas a Pagar -... Provisionamento 7 Validar Dados da Nota Fiscal... 11 Registro no Contas

Leia mais

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP);

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP); Nº Do contrato: Fone: ( ) IMEI: * *A ser preenchido pela associação. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMODATO DE APARELHO CELULAR E DE CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL E CONTRATAÇÃO DE

Leia mais

Sistema Comercial G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores

Sistema Comercial G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores Tabela de Clientes Além de registrar os dados principais do cliente, pode-se registrar vários contatos, endereço de cobrança e de entrega (se forem diferentes do principal). Cada cliente tem um registro

Leia mais

Guia do. Contemplado. Pessoa física

Guia do. Contemplado. Pessoa física Guia do Contemplado Pessoa física 1 Prezado Consorciado, Você foi contemplado! Agora, o próximo passo para a conquista do seu veículo novo é a aprovação do seu crédito. Para ajudá-lo com essa etapa, preparamos

Leia mais

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4

1. Reordenação da aba Fiscal 1. 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2. 3. Parametrização de NCM 4 CADASTROS FISCAIS 1. Reordenação da aba Fiscal 1 2. Consulta simplificada de itens vendidos por NCM, CFOP e Alíquotas 2 3. Parametrização de NCM 4 4. Faturamento de pedidos entregues no endereço do revendedor

Leia mais

ÍNDICE. 3 FATURAMENTO v5681 - RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS. Todos Direitos Reservados.

ÍNDICE. 3 FATURAMENTO v5681 - RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS. Todos Direitos Reservados. FATURAMENTO RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo. Este

Leia mais

ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO

ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO ABA: CLIENTE BOTÃO: CADASTRO CADASTRO DE CLIENTES Cadastra clientes (física e jurídica) e veículos, inclusive frotas Cadastra representantes dos clientes Cadastro biométrico (digital do dedo) Localiza

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais