Funcionalidades básicas de um sistema ERP 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Funcionalidades básicas de um sistema ERP 1"

Transcrição

1 Funcionalidades básicas de um sistema ERP 1 Objetivo de um sistema ERP automação dos procedimentos de uma empresa. Módulos básicos Contabilidade Custos Compras PCP Faturamento Livros Fiscais Financeiro Ativo Fixo Folha de Pagamento Integração Aproveitamento total dos dados de entrada Compartilhamento entre módulos Eliminação de redundâncias Manutenção do controle administrativo e financeiro Atualização dos dados o Em tempo real (online) o Manutenção da integridade referencial Base de conhecimento da empresa Pontos de integração entre módulos (vide fluxograma sistêmico) Contabilidade Papel fundamental em um sistema ERP Ponto de convergência de todos os dados que alteram o patrimônio da empresa Lançamentos automáticos o Estoques Movimentação de material Compras Requisições Produções Vendas Estoques 1 HABECORN (2008) cap. 3 ou (2014) cap.1. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 1/19

2 o Custo da Mercadoria Vendida Emissão de nota o Duplicatas a receber - sintético Detalhado no módulo Financeiro o Contas de despesas Centro de custo Apropriação dos produtos rateios Definição de regras pelo usuário Relatórios: diário balancete razão Módulo que mais recebe dados Custos Integrado com a contabilidade Apura/controla margem de lucro inflação Visões: Custo Standard custo de reposição Base: o Valores atualizados o Quantidades padrão dos componentes Custo Médio atender a requisitos da legislação de IR. Custo Real o Geralmente calculado em moeda forte o Destinado a inibir os efeitos da inflação. Estrutura do produto Base de cálculo do custo de reposição ou standard: Implantação desse módulo permite: - cálculo do custo de reposição; - uso do MRP I ou MRP II; - variações do consumo de matérias-primas; - variações da eficiência da mão-de-obra; - determinação de preços de vendas; - tomada de decisão processo de fabricação de determinado item. A figura 1 mostra a diferença entre o Custo de Reposição e o Custo Real. REPOSIÇÃO Valores Atuais Quantidade Padrão REAL Fins Contábeis Imposto de Renda Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 2/19

3 Figura 1 Custo (fonte: HABERKORN (2008) pág. 88) Critérios de atualização dos Custos de Reposição: A cada nova compra; Cotação específica Nível de acesso às informações de custos durante ou ao término da produção. Efeitos: - valorização do custo do produto a cada etapa produtiva; - sugestão do preço de venda com base em diversos fatores: - lucro desejado - volume de vendas - despesas administrativas ou de vendas - elasticidade do produto no mercado. A figura 2 abaixo mostra o fluxo de Apropriação dos custos. Estoques Matériaprima Processo Produção OP1 OP2 OP3 Figura 2 Apropriação dos custos (fonte: HABERKORN (2008) pág. 89) O fluxo do cálculo do custo real tem início (figura 2) no recebimento dos materiais (determinado o novo custo médio das MP que valorizarão as requisições manuais ou automáticas). Tipos de apropriação das requisições para as ordens de produção (OP): - direta - mais trabalhosa exige informação de destino na própria requisição; Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 3/19

4 - mais precisa cada ordem recebe apenas o que foi de fato consumido; - indireta (ou standard) - distribuição dos materiais requisitados de acordo com as quantidades informadas na estrutura do produto; - permite a saída simplificada e genérica do almoxarifado. A figura 3 abaixo mostra que a Apropriação dos custos de mão-de-obra e dos gastos gerais de fabricação é feita de forma semelhante para apurar a quantidade de horas necessárias para alocação na produção.. Estoques Matériaprima Mão-de-obra Contabilidade Gastos gerais Processo Produção OP1 OP2 OP3 Figura 3 Mão-de-obra e gastos gerais de fabricação na composição dos custos (fonte: HABERKORN (2008) pág. 90) Efeito propagação da atualização de custos por todo o processo de produção chegando até ao custo da mercadoria vendida (CMV). Permite comparação com o custo standard e definir o lucro da venda. Compras Componente importante dos custos e fortemente integrada ao PCP. Objetivo da informatização desse processo suprir automaticamente o estoque com base em critérios preestabelecidos e flexíveis o suficiente para atender as bruscas mudanças que ocorrem na previsão de vendas. Métodos para definir (o que, quando e quanto) as compras de cada item em um determinado período. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 4/19

5 Método MRP I (Material Requirement Planning ou Planejamento das Necessidades de Materiais). O MRP I é a projeção dos saldos de estoques. Usa uma rotina de explosão que calcula a necessidade de compras/produção de cada componente intermediário, cada matéria-prima e da mão-de-obra a ser utilizada. Parte do plano de produção dependente de: - previsão de vendas (carteira de pedidos já encomendados, por exemplo); - estoques existentes; - carteira atualizada de ordens de produção; - carteira dos pedidos de compras. A figura 4 mostra um esquema geral para definição de compras. Suprimento MRP Previsão de Vendas ou Plano de Produção Tem Estoque? N Pedido de Suprimento? Demanda Solicita a Necessidade No caso de falta Figura 4 Esquema geral para definição de compras (fonte: HABERKORN (2008) pág. 91) Período de planejamento dias, semanas, meses. Método Ponto de Pedido Ideal para: - empresas que não dispõem de uma estrutura de produtos; - nem de uma previsão de vendas confiável; - materiais de consumo. Nesse método o sistema calcula inicialmente o consumo de cada item. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 5/19

6 Utiliza uma fórmula estatística de regressão linear onde a tendência do passado é transformada em uma reta projetando qual será o consumo no futuro. Ponto de Pedido (ou estoque mínimo) = duração dos prazos de entrega e estoques de segurança Figura 5 Evolução dos níveis de estoque. Fonte: HABERKORN, 2008 fig A figura 5 mostra o ponto de pedido de forma gráfica. Lote econômico (quantidade a ser comprada) cálculo que leva em consideração a disponibilidade financeira da empresa, a classe que o item ocupa na curva ABC e a periodicidade básica de compras para cada classe. Periodicidade depende da taxa de juros incidente sobre o capital investido no estoque, do custo de armazenagem e do custo de cada pedido de compras. Controle do sistema: - processo de cotação; - histórico das últimas compras; - follow-up; - variação nos preços de compras. - monitoramento da recepção da mercadoria; - digitação da nota; - atualização da carteira de pedidos; - dá entrada nos estoques; - inclui título em contas a pagar; Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 6/19

7 - gera lançamentos contábeis; - gera lançamentos nos livros fiscais; - confere a nota (cálculos e consistência com o pedido de compras. Se utiliza ferramentas BI (workflow, por exemplo) os pedidos de compras são liberados de forma automática. Ex.: regra define que pedidos acima de R$15.000,00 devem ser autorizados pelo gerente de compras. Qualquer pedido de valor igual ou superior ao valor estabelecido: - dispara ao gerente de compras; - aguarda resposta; - autoriza ou não a emissão do pedido dependendo da resposta do gerente de compras. A figura 6 mostra o efeito que uma nota de recebimento de materiais causa em outros módulos do sistema. Figura 6 - Atualizações feitas pela Nota de Recebimento. Fonte: HABERKORN, 2008 fig PCP (Planejamento e Controle de Produção) Emite as ordens de produção em conjunto com o roteiro de operações de cargamínima preparados pelo MRP II a partir do resultado do cálculo das necessidades de cada item feitos pelo MRP I. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 7/19

8 O roteiro de operação é definido para cada componente. Informações utilizadas: - recursos utilizados inclusive os alternativos; - ferramentas; - duração; - descrição; - tamanho do lote padrão; - tempo de setup. Permite calendários diferenciados. Sistema aloca os recursos de forma otimizada. Permite medidas corretivas para evitar transtornos. Mapa de recuos e avanços mostra quais máquinas provocaram alocações fora do momento ideal para produção. Dados atualizam estoques, o próprio programa de carga-máquina e alimenta os custos em número de horas reais utilizadas no processo. A figura 7 mostra esses relacionamentos. Figura 7 Controle das operações. Fonte: HABERKORN, 2008 fig Faturamento Área alvo de fortes adaptações e foco de grandes diferenças entre as empresas, tais como: - condições de pagamento; - política de reajuste de preços e descontos; Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 8/19

9 - pagamento de comissões; - legislação específica de tributos (ICMS e IPI). Exceções devem ser incorporadas ao sistema apenas a NF precisa ser programada de forma específica. Demais módulos trabalham sempre da mesma maneira. Faturamento controla carteira de pedidos, administra automaticamente a liberação pelo crédito e pelo estoque, emite todos os relatórios necessários para o setor de vendas, gera títulos a receber (base na condição de pagamento estipulada no Pedido de Venda. Emissão da NF dispara os processos: - baixa no estoque; - contabilização; - escrituração dos dados fiscais; - atualização financeira; - baixa da carteira de clientes; - gera informações para o CRM. A figura 8 mostra esses relacionamentos. Figura 8 Faturamento. Fonte: HABERKORN, 2008 fig Livros Fiscais Cumprimento da complexa legislação encarregado da emissão dos diversos registros: - registro de entradas modelo 1; Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 9/19

10 - registro de saídas modelo 2; - registro e apuração do ICMS e IPI modelos 8 e 9; - registro de inventário modelo 7; - registro de controle de estoque e da produção modelo 3; - registro de detalhamento das operações; - declaração de IPI. Financeiro Recebe grande parte das informações de outros módulos: - títulos a pagar compras; - títulos a receber faturamento; - dados de folha de pagamento; - impostos; - aluguéis; - empréstimos - outros Objetivo: manter o fluxo de caixa o mais próximo possível da realidade. A figura 9 mostra esse relacionamento. Figura 9 Financeiro. Fonte: HABERKORN, 2008 fig Procedimentos para permitir que a tesouraria se preocupe apenas com a estratégia a ser adotada para os recursos financeiros são: - transmissão eletrônica dos títulos para bancos; Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 10/19

11 - emissão automática dos cheques; - geração de borderôs; - baixa automática de títulos na data do vencimento; - administração dos títulos com vencimentos nos finais de semana. Análise de crédito: - consultas a clientes compras, pagamentos e outros dados importantes; - informações de proteção ao crédito SERASA e SCP via internet. Folha de Pagamento Serviços automatizados do departamento de pessoal. - cadastramento de funcionários; - pagamento de salários; - informações para RAIS, férias, FGTS, IR etc. Módulo Folha de Pagamento: - valores fixos e variáveis; - fórmulas para cálculo de valores; - base de regras da CLT; - relatórios: - folha de pagamento; - relação de vencimentos e descontos; - FGTS; - recibo de férias; - provisão de férias; - 13º salário; - relação de demitidos e admitidos; - guias de recolhimentos e encargos. - controle de entrada e saída de funcionários ponto; - substitui o cartão de ponto; - controla atrasos; - workflow. - várias escalas de horários; - cálculo de horas extras, descontos, faltas, atrasos e saídas antecipadas. Ativo Fixo Administração dos bens da empresa. Único trabalho de digitação ocorre quando da aquisição dos bens. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 11/19

12 Servem de base para todos os demais cálculos e contabilizações mensais das depreciações. Permite o efetivo controle do patrimônio da empresa. ERP Vertical Módulos adicionais de uma solução ERP. Permitem uma automatização de todos os processos de uma empresa: comercial, industrial, de serviços ou distribuição. Independe do ramo de atividade. Destaques: Automação Comercial Áreas passiveis de automatização em um estabelecimento comercial: - gerência de vendas; - finanças; - estoques. Benefícios da automatização com ERP (atendimento de balcão ou venda mais complexa): - maior agilidade; - melhor controle. - atualização automática de estoques. Atividades controladas com o uso de sistemas ERP: - pagamentos em cheque inclusive pré-datados; - cartões de crédito; - comissões; - estoques; - cálculo do ICMS; - emissão do Cupom Fiscal; - consulta ao volume de vendas por vendedor e produto; - posição de estoques inclusive de outras lojas de uma rede; - estatísticas de produtos mais vendidos. Vários equipamentos periféricos interagindo com o sistema para alimentar ou receber informações: - leitor de código de barras; - balanças eletrônicas; - gaveta do caixa; - ECF Emissor de Cupom Fiscal. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 12/19

13 Em 2001 o govêrno tornou obrigatório o uso do ECF conjunto impressora, computador e software de automação comercial para acabar com a sonegação fiscal. Algumas empresas optam por um grau de informatização mais simples: frente de caixas, por exemplo. Sistemas de Apoio Logístico Geralmente utilizados para controle e manutenção de lotes de produtos. Alguns sistemas: - WMS (Warehouse Management System) controle efetivo dos produtos: Alocação automática; Controle de entradas/saídas; Otimização da localização do estoque; Melhor alocação de recursos humanos e físicos; Identificação de prioridade de carga e descarga de produtos; Gerenciamento do pátio etc. - TMS (Transportation Management System) Sistema de Gerenciamento de Transporte oferecer subsídios com o uso da tecnologia da informação para dar suporte ao planejamento, administração e controle da movimentação de cargas, incluindo a frota de veículos. Abrangência: Geração de conhecimentos; Viagens Faturas conforme contrato com o cliente; Controle de pendências de sinistros; Indenizações; Serviços regionais, nacionais e internacionais; Integração com sistemas de rastreamento via GPS; Integração com clientes; Integração com postos fiscais; Integração com filiais; Manutenção dos ativos (frota de veículos e caminhões); Tabela de frete configurável; Tarifação de frete; Obtenção dos custos por veículo, frota, viagem (inclusive impostos); Relatórios e consultas. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 13/19

14 Gerenciamento de Projetos O PMS (Project Management System) possibilita o planejamento e a execução de projetos incluindo o controle de orçamentos. Funcionalidades: - controle das fases do projeto alocação de recursos; - acompanhamento do progresso físico e financeiro. Informações disponíveis: - índices de desempenho; - Fluxo de caixa do projeto; - quadros quantitativos previsto X realizado. Integração com o MS Project. Gestão da Qualidade Família Quality conjunto de módulos para tratar aspectos da qualidade: - auditoria: - controle de documentos; - inspeção de entradas; - inspeção de processos; - metrologia; - controle de não-conformidades; - processo de aprovação e planejamento avançado da Qualidade (PPAP/APQP). Auditoria engloba os aspectos internos e externos da empresa - Aspectos Internos sistemas, produtos e processos; - Aspectos externos relações com fornecedores e clientes. Esse módulo proporciona: - melhor planejamento, controle e acompanhamento via cadastro: - de tópicos e itens a serem auditados, - do cadastro de unidades, - do cadastro de associados; - itens a serem reauditados. - cronograma, agendamento e check-list de auditorias; - obtenção de relatório completo para atender os itens 4.17 do padrão ISSO 9000; - obtenção do relatório completo para atender o item do padrão ISP 9001 (2000). Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 14/19

15 Inspeção de Entradas módulo que oferece um conjunto de funcionalidades para atender aos itens 1, 2, 6, 7, 8, 10, 12, 13, 14, 15, 16 e 20 do padrão ISSO 9000 e os itens 4, 5.1, 7.4, 7.5 e 8 do padrão ISSO 9001 (2000). Inspeção de Processos conjugado com o módulo de Inspeção de Entradas é preponderante para a manutenção da rastreabilidade dos produtos. Metrologia usando o cadastro de instrumentos, escalas, padrões e coleta de dados de calibrações externas efetua os cálculos para confirmação no aspecto da exatidão, adequação e aceitabilidade e incertezas. Permite também a geração de relatórios ou consultas do plano, ficha, certificado e resumo das calibrações. Permite também a rastreabilidade dos instrumentos x padrões e os cálculos de tolerância em termos percentuais. Integrado com os módulos de recebimento e controle de processos e com os instrumentos Mitutoyo e Sylvac. Não-conformidades permite o registro das ocorrências e dos planos de ações corretivas ou preventivas em atendimento a norma ISSO 9001 (2000) itens 8.3 e 8.5.2/ Gestão Educacional Manutenção de Ativos Exportação Importação Gestão Hospitalar Medicina e Segurança do Trabalho Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 15/19

16 Plano de Saúde Controle de Direitos Autorais Gestão de Concessionárias Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 16/19

17 Questões de revisão 1) Em se tratando de um Sistema de ERP, assinale a alternativa incorreta quanto aos seus objetivos: a. Efetua o controle dos acessos e transmissões realizadas na rede. b. Visa a automação dos processos administrativos. c. Abrange o planejamento e o controle e acompanhamento dos recursos financeiros. d. Integra as várias áreas de uma empresa. e. Possibilita um melhor controle administrativo e financeiro. 2) A eliminação da redundância dos dados incluindo sua digitação pode ser obtida: a. Com a segurança que a certificação digital oferece. b. A partir da integração das áreas através da própria integração dos módulos de um Sistema de ERP. c. Através do Planejamento e Controle da Produção. d. Através da automação dos processos produtivos. e. Através da integração dos recursos humanos incluindo treinamentos e programas de capacitação e integração dos funcionários. 3) Em se tratando do módulo de contabilidade, assinale a alternativa incorreta: a. O cadastro de histórico e o de lançamento padrão facilitam o trabalho de digitação. b. O histórico pode ser complementado através de digitação complementar por parte do usuário. c. As contas podem ser classificadas como sintéticas ou analíticas. d. Os demonstrativos podem ser apresentados em várias moedas e em vários modelos pré-definidos. e. A transcrição dos lançamentos deve ser realizada independente da existência de um lançamento padrão. 4) Em se tratando de custos, os grandes problemas enfrentados no Brasil referem-se a: a. Persistente inflação, liberação das importações e a política econômica do governo. b. Falta de recursos e tecnologias implementados em sistemas que sejam capazes de administrar custos. c. Dificuldades encontradas para a armazenagem, acesso e criação em processos de busca de informações. d. Dificuldades encontradas para o lançamento dos custos considerando os índices oficiais que efetuam a devida correção nos valores monetários. e. Dificuldades encontradas para a classificação e lançamentos dos custos nos diversos centros de custos. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 17/19

18 5) Assinale a alternativa incorreta: a. Em se tratando de suprimentos, um sistema de ERP deve suprir automaticamente o estoque com base em critérios préestabelecidos. b. O MRP não é recomendado para as empresas que têm previsão de vendas. c. Um diferencial que um Sistema de ERP pode oferecer refere-se à flexibilidade nos critérios adotados na política de suprimentos para as bruscas mudanças que ocorrem na previsão de vendas. d. O MRP é mais recomendado para as empresas que tem uma certa previsão de vendas. e. O MRP é mais recomendado para as empresas que tem estruturas de produtos. 6) Em se tratando de PCP (Planejamento e Controle da Produção), assinale a alternativa incorreta: a. Em cada um dos roteiros de produção podem ser cadastrados roteiros diferenciados. b. Um Sistema de ERP proporciona a alocação dos recursos de forma otimizada. c. As operações alocadas fora do momento ideal para a produção não são informações exibidas no módulo PCP. d. A produção informada pode atualizar os estoques. e. Oferece informações para os custos em número de horas reais utilizadas no processo. 7) Tratando-se de Faturamento em um Sistema de ERP, assinale a alternativa incorreta: a. Pode auxiliar na política de reajuste de preços, no pagamento de comissões, no atendimento das exigências específicas da legislação de ICMS, IPI, etc. b. Possibilita o controle da carteira de pedidos. c. Proporciona a administração da liberação pelo crédito. d. Administra a carteira de títulos a pagar e a receber. e. Proporciona a administração da liberação pelo estoque. 8) Quanto aos objetivos de um módulo financeiro de um Sistema de ERP assinale a alternativa incorreta: a. Alem de possibilitar o pagamento e recebimento dos títulos, proporciona o envio automático de títulos para a rede bancária. b. Proporciona a emissão automática dos cheques. c. Calcula o novo vencimento dos títulos e possibilita a baixa automática dos títulos na data do vencimento. d. Busca informações em outros módulos para consolidar um fluxo de caixa. e. Possibilita a apropriação direta ou indireta, dependendo do preço de reposição. 9) Assinale a alternativa incorreta: Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 18/19

19 a. Em um Sistema de ERP, exceções como cálculo de horas extras, descontos, abonos de faltas, atrasos e saídas antecipadas deverão ser tratadas à parte, pois não podem ser administradas pelo sistema. b. Informações para RAIS, Férias, FGTS e Imposto de Renda podem ser geradas no módulo Folha de Pagamento em um Sistema de ERP. c. Em termos de Folha de Pagamento, uma função específica pode eliminar completamente a digitação do cartão de ponto. d. Em se tratando de Ativo Fixo, um Sistema de ERP proporciona a depreciação e respectiva contabilização dos Bens de uma empresa. e. Em um Sistema de ERP, a automação de loja consolida grande parte das funcionalidades que tratam do dia-a-dia operacional de uma empresa, incluindo todos os recursos necessários para que os pagamentos sejam realizados através de cartões de crédito, emissão automática de cheques etc. Aula Funcionalidades básicas de um sistema ERP.doc 19/19

Observação: As caixas em vermelho representam módulos adicionais.

Observação: As caixas em vermelho representam módulos adicionais. Fenícia Gestão ERP Introdução O FENÍCIA GESTÃO ERP é uma solução integrada, personalizável, de gerenciamento corporativo, que se destaca pela sua robustez aliada ao alto grau de tecnologia e conhecimento

Leia mais

FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa)

FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa) FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa) O FENÍCIA GESTÃO ERP é uma solução integrada, personalizável, de gerenciamento corporativo, que se destaca pela sua

Leia mais

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP Sistema de gestão ERP MÓDULOS E CLIENTES Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. ÁREA COMERCIAL ÁREA ADMINISTRATIVA FINANCEIRA ÁREA PRODUÇÃO E SUPRIMENTOS ÁREA FISCAL

Leia mais

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP Sistema de gestão ERP Módulo MÓDULOS E CLIENTES Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. COMERCIAL ADMINISTRATIVA FINANCEIRA PEDIDOS EXPORTAÇÃO CONTAS A RECEBER TELEMARKETING

Leia mais

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP

Sistema de gestão. Sistema de Gestão ERP Sistema de gestão ERP MÓDULOS E CLIENTES Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. ÁREA COMERCIAL ÁREA ADMINISTRATIVA FINANCEIRA ÁREA PRODUÇÃO E SUPRIMENTOS ÁREA FISCAL

Leia mais

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos:

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos: A sua Solução de Gestão Empresarial O Precision é a solução de Gestão Empresarial de baixo custo que a Maggiore Sistemas disponibiliza para pequenas e médias empresas. Desenvolvido e comercializado em

Leia mais

01. Módulo de Cadastros: 01.1 Telas

01. Módulo de Cadastros: 01.1 Telas O GERIR ERP é um software ERP (enterprise resource planning), voltado empresas de pequeno e médio porte. Produto voltado para ambiente Windows XP ou superior, desenvolvido em Visual Studio by Microsoft,

Leia mais

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Agilidade, segurança e flexibilidade nos processos são os compromissos da Sistema Informática com seus clientes. Sediada em Criciúma,

Leia mais

Sistema de gestão ERP. Sistema de Gestão GESTÃO RASTREABILIDADE RESULTADO

Sistema de gestão ERP. Sistema de Gestão GESTÃO RASTREABILIDADE RESULTADO Sistema de gestão ERP GESTÃO RASTREABILIDADE RESULTADO MÓDULOS E CLIENTES Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. ÁREA COMERCIAL ÁREA ADMINISTRATIVA FINANCEIRA ÁREA

Leia mais

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Módulo Cadastro SIGLA Digital Relação de Controles de Acesso Página 1 de 22 Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Agenda Telefônica Cadastro simplificado de telefones. Tem

Leia mais

Sequência de apresentação Módulos Egis

Sequência de apresentação Módulos Egis Sequência de apresentação Módulos Egis GBS Egis Cadastramento Geral Administração do Sistema Parametrização Arquivos Magnéticos Workflow Financeiro Contas a pagar Contas a receber Gestão de Caixa Contabilidade

Leia mais

Solução para Automação Comercial

Solução para Automação Comercial Solução para Automação Comercial Programa Aplicativo Fiscal Emissor Cupom Fiscal (PAF-ECF) Impressoras Fiscais Permite comunicação com diversos modelos de impressoras fiscais, tais como: Daruma, Bematech,

Leia mais

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 O sistema T-Car-Win está sendo atualizado para a versão 1.15.5. Esta versão tem o objetivo de agregar as seguintes funcionalidades ao sistema: Possibilidade

Leia mais

Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office

Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office Gestão e-commerce São 3 cenários possíveis: 1º SIGNUS ERP Back-office integrado a sua loja virtual 2º SIGNUS B2B e-commerce on-line 3º SIGNUS B2C e-commerce on-line Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office Integração

Leia mais

Sistema de gestão ERP. erp

Sistema de gestão ERP. erp Sistema de gestão ERP erp Módulos e Clientes Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. erp área comercial área administrativa financeira área produção e suprimentos área

Leia mais

Sistema de gestão ERP. erp

Sistema de gestão ERP. erp Sistema de gestão ERP erp Módulos e Clientes Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. erp área comercial área administrativa financeira área produção e suprimentos área

Leia mais

Otimize seus negócios e ganhe produtividade

Otimize seus negócios e ganhe produtividade Otimize seus negócios e ganhe produtividade Diferenciais O software Fenícia ERP é uma solução completa, especialmente desenvolvida para atender a pequenas e médias empresas que cobre todos os processos

Leia mais

Excelência. Recursos. Faturamento/Financeiro Faturamento Contas a Receber Contas a Pagar Fiscal Contábil

Excelência. Recursos. Faturamento/Financeiro Faturamento Contas a Receber Contas a Pagar Fiscal Contábil Competência Sistemas para Transportadoras e Soluções Você e sua Empresa em perfeita sintonia Excelência Recursos Tms EXPERIÊNCIA O sistema é composto por módulos que controlam e integram os processos operacionais

Leia mais

O Utility foi desenvolvido para atender de forma simples e integrada os setores de Vendas, Produção, Financeiro e Gerencial.

O Utility foi desenvolvido para atender de forma simples e integrada os setores de Vendas, Produção, Financeiro e Gerencial. UTILITY ERP 1.0 www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer recursos que irão facilitar o gerenciamento da

Leia mais

Sistema de gestão ERP. erp mcm

Sistema de gestão ERP. erp mcm Sistema de gestão ERP Sistema de gestão ERP Módulos Clientes Módulos e Clientes Os módulos podem ser adquiridos separadamente, conforme a sua necessidade. área comercial área administrativa financeira

Leia mais

FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO.

FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO. FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO. Um dos principais pilares da economia, o agronegócio é marcado pela competitividade. Com 15 anos de experiência, a SIAGRI é uma das mais completas empresas

Leia mais

Tabela Comparativa de funcionalidades

Tabela Comparativa de funcionalidades Sage Sage Gestão Contábil A evolução A do do escritório Tabela Comparativa de funcionalidades Sage Folha de Pagamento A disponibilidade da funcionalidade dependerá da modalidade do pacote 1 Gerenciador

Leia mais

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras MÓDULO Básico ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta apresentação exemplifica

Leia mais

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE Com duas décadas e meia no mercado, a garantia de excelência e segurança são marcas registradas dos produtos e serviços Produtec. Direcionados à gestão empresarial, as soluções

Leia mais

Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento

Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer

Leia mais

Tabelas de Referências de Nomes

Tabelas de Referências de Nomes Tabelas de Referências de Nomes 1 - Nome para as descrições - Centro de Custos : JTCCONTA : JTCCUSTO : JTCCORCA : JTCCMOVT : JTCCEMPA : Contas de Rateio de Centro de Custos. Centros de Custo. Orçamento

Leia mais

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 O Mobility Gestão é um software de retaguarda para o segmento de Varejo, visando o controle total do estoque e movimentações de venda. Desenvolvido para trabalhar

Leia mais

SOFTWARE PROFIT 2011.

SOFTWARE PROFIT 2011. apresenta o SOFTWARE PROFIT 2011. GESTÃO DE TRANSPORTES O software PROFIT já está implantado há mais de 3 anos na REQUIN TRANSPORTES, em Belo Horizonte, e mais recentemente na ASUS. É um programa direcionado

Leia mais

Concorrência nº 22/2008

Concorrência nº 22/2008 Concorrência nº 22/2008 Brasília, 20 de julho de 2009. A Comissão Permanente de Licitação (CPL) registra a seguir perguntas de empresas interessadas em participar do certame em referência e respostas da

Leia mais

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer

Leia mais

Conteúdo programático: Formação Gestão de Materiais

Conteúdo programático: Formação Gestão de Materiais Conteúdo programático: Formação Gestão de Materiais Informações gerais Família de Gestão: Gestão de Materiais Carga Horária: 172 horas (96 horas presencial + 76 horas e-learning) Objetivo: Proporcionar

Leia mais

DECISOR NEW BUSINESS CONCEPT ALL RIGHTS RESERVED ERP

DECISOR NEW BUSINESS CONCEPT ALL RIGHTS RESERVED ERP ERP C xientes da evolução do mercado dos ERP s, e do respectivo aumento de competitividade da concorrência, nas últimas duas décadas repensámos o nosso próprio ERP e aplicámos um conceito de tridimensionalidade.

Leia mais

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS Recursos Ello & Ello PRINCIPAIS RECURSOS SPED Compra Legal Sintegra Consulta preço Consignação Controle de entregas Pedido a fornecedor Ordem de produção (produtos produzidos/indústria) Entradas simplificada

Leia mais

Administração Financeira: princípios,

Administração Financeira: princípios, Administração Financeira: princípios, fundamentos e práticas brasileiras Ana Paula Mussi Szabo Cherobim Antônio Barbosa Lemes Jr. Claudio Miessa Rigo Material de apoio para aulas Administração Financeira:

Leia mais

Análise de Softwares de Gestão - ERP 1

Análise de Softwares de Gestão - ERP 1 1 Objetivo dessa aula é descrever aspectos a serem considerados na análise de um Software de Gestão. Elementos para Análise Lista completa de rotinas, características, condições, facilidades e recursos

Leia mais

A solução ideal para a gestão do comércio varejista

A solução ideal para a gestão do comércio varejista A solução ideal para a gestão do comércio varejista Principais Segmentos Auto Peças Material Elétrico / Construção Material Cirúrgico e Hospitalar Papelaria Informática Brinquedo Vestuários em Geral Cosméticos

Leia mais

Automação. Comercial. CEOsoftware. A solução ideal para a gestão do comércio varejista. Matriz: (32) 3257-3400 www.ceosoftware.com.

Automação. Comercial. CEOsoftware. A solução ideal para a gestão do comércio varejista. Matriz: (32) 3257-3400 www.ceosoftware.com. Automação Comercial CEOsoftware A solução ideal para a gestão do comércio varejista Matriz: (32) 3257-3400 www.ceosoftware.com.br Formas de comercialização O módulo Automação Comercial pode ser adquirido

Leia mais

FINANCEIROS FUNCIONALIDADES

FINANCEIROS FUNCIONALIDADES Os aplicativos financeiros da MPS - Contas a Receber, Contas a Pagar e Fluxo de Caixa - são utilizados por diversos clientes e possuem todas as funcionalidades operacionais necessárias, além de opções

Leia mais

www. zaninisistemas.com.br

www. zaninisistemas.com.br www. zaninisistemas.com.br Sistemas para Lojistas e Empresas Corporativas ERP Gestor Financeiro Gerenciador NF-e CRM Gestão de Clientes Gestão de Sistemas Contábeis Contabilidade Escrita Fiscal RH & Folha

Leia mais

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa Varejo A gestão definitiva para sua empresa Introdução Indicado para estabelecimentos comerciais, rede de lojas ou franquias, o sistema FENÍCIA AUTOMAÇÃO COMERCIAL traz uma série de tecnologias de alto

Leia mais

Ser referência de excelência nas soluções de consultoria e desenvolvimento de sistemas de informação, superando as expectativas dos clientes.

Ser referência de excelência nas soluções de consultoria e desenvolvimento de sistemas de informação, superando as expectativas dos clientes. DOMPER CONSULTORIA E SISTEMAS LTDA Rua Dr. Flores, 273 Sala 30-1 andar Ed. Frozzi CEP: 95.200-000 - Vacaria RS Fone (54) 3232-6119 / (54) 3232-8484 / (54) 3232-1471 CNPJ: 08.020.035/0001-02 IE: 154/0101158

Leia mais

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1 MÓDULO Básico Grupo Acert - 1 ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta

Leia mais

Curso TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL

Curso TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL Curso TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL DISCIPLINA Aplicações de Sistemas de Prof. Wagner Däumichen Barrella Aplicações de Sistemas de Vínculo Administração-Tecnologia Administração e Tecnologia Revolução

Leia mais

Software para distribuidoras de medicamentos SIMPLICIDADE E EFICIÊNCIA NA GESTÃO DAS DISTRIBUIDORAS DE MEDICAMENTOS.

Software para distribuidoras de medicamentos SIMPLICIDADE E EFICIÊNCIA NA GESTÃO DAS DISTRIBUIDORAS DE MEDICAMENTOS. Software para distribuidoras de medicamentos SIMPLICIDADE E EFICIÊNCIA NA GESTÃO DAS DISTRIBUIDORAS DE MEDICAMENTOS. Sobre o MedOne GESTÃO SIMPLIFICADA, EFICIÊNCIA GARANTIDA. Gestão simplificada, segurança

Leia mais

LOGÍSTICA NÍVEL I. LOCAL Centro de Formação TRIGÉNIUS FÁTIMA. CONDIÇÕES 1 Computador por participante Certificado de participação Coffee Break

LOGÍSTICA NÍVEL I. LOCAL Centro de Formação TRIGÉNIUS FÁTIMA. CONDIÇÕES 1 Computador por participante Certificado de participação Coffee Break LOGÍSTICA NÍVEL I Logística do ERP PRIMAVERA, designadamente Vendas e Stocks/ Inventários. administrativa. Configuração do administrador Criação e configuração de séries documentais Tratamento das entidades

Leia mais

ATACADISTAS E DISTRIBUIDORES

ATACADISTAS E DISTRIBUIDORES Segmento DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA ATACADISTAS E DISTRIBUIDORES No subsegmento de atacadistas e distribuidores, comprar e vender com a melhor margem e rentabilidade é fundamental. Por isso, a TOTVS oferece

Leia mais

ERP Enterprise Resource Planning. (Planejamento de Recursos Empresariais)

ERP Enterprise Resource Planning. (Planejamento de Recursos Empresariais) ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento de Recursos Empresariais) ERP Os ERPs, em termos gerais, são plataformas de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa;

Leia mais

ERP ERP MRP. Page 1. Visão Funcional. Visão de Materiais: Compras Estoque

ERP ERP MRP. Page 1. Visão Funcional. Visão de Materiais: Compras Estoque ERP Visão Funcional ERP Visão de Materiais: Compras Estoque MRP Parâmetros: Estoque de Segurança Lead time Fornecedor Lead time Compras Ponto de Reabastecimento Previsão de Consumo Previsão de Vendas Planejamento

Leia mais

Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR!

Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR! Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR! Conheça as vantagens de ter o sistema Gestor, como sua melhor ferramenta de trabalho! Clique sobre a imagem para mais detalhes Para mais detalhes

Leia mais

comparativo FUNCIONALIDADES COMUNS característica disponível característica não disponível licenciamento adicional Multiposto Ambiente Integrado

comparativo FUNCIONALIDADES COMUNS característica disponível característica não disponível licenciamento adicional Multiposto Ambiente Integrado característica disponível característica não disponível licenciamento adicional comparativo FUNCIONALIDADES COMUNS Multiposto Ambiente Integrado Multi-Empresa Multi-utilizador com gestão de permissões

Leia mais

TPABuffet - Principais Funcionalidades

TPABuffet - Principais Funcionalidades Todo evento de sucesso tem como base uma empresa sólida e organizada. Foi pensando nisso que a TPA Informática desenvolveu uma ferramenta completa e funcional: O TPA Buffet é um software de gestão de negócios

Leia mais

SOFTWARE PROFIT 2011.

SOFTWARE PROFIT 2011. apresenta o SOFTWARE PROFIT 2011. GESTÃO COMERCIAL O software PROFIT é um programa direcionado ao gerenciamento integrando de empresas de pequeno e médio porte, compreendendo todo o processo de negócio,

Leia mais

3) Descreva resumidamente a função do módulo de Compras do ERP da Microsiga e qual é a sua relação com o conceito de e-procurement.

3) Descreva resumidamente a função do módulo de Compras do ERP da Microsiga e qual é a sua relação com o conceito de e-procurement. Professor:José Alves Disciplina:SIG/ Atividade Nota Nome Aluno(a) Nºs Exercícios SIG 1) Defina, com suas palavras, o que é ERP? 2) Marque V para as afirmações verdadeiras em relação a um ERP e F para as

Leia mais

Quem somos? Por que a sua empresa merece o Sistema de Gestão ERP da Otimizy?

Quem somos? Por que a sua empresa merece o Sistema de Gestão ERP da Otimizy? Por que a sua empresa merece Quem somos? A Otimizy Sistemas Inteligentes é a desenvolvedora do software ErpSoft, um Sistema de Gestão Empresarial voltado a resultados, que automatiza processos operacionais

Leia mais

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY A DEAK Sistemas define como Treinamentos Básicos In Company a apresentação dos diversos módulos que compõem o ERP aos usuários. O Objetivo é apresentar cada módulo do ERP através de suas telas, campos

Leia mais

NeXT ERP Sistema de gestão empresarial A solução integrada e eficiente para sua empresa

NeXT ERP Sistema de gestão empresarial A solução integrada e eficiente para sua empresa Gerencie facilmente seu negócio com o NeXT ERP O que é o NeXT Software? - Um avançado software integrado capaz de automatizar e integrar os processos de negócio de sua empresa - Possibilita que as informações

Leia mais

O que é ERP e suas vantagens

O que é ERP e suas vantagens Sistema 8Box ERP O que é ERP e suas vantagens Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automação e

Leia mais

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA.

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. SANKHYA. A nova geração de ERP Inteligente. Atuando no mercado brasileiro desde 1989 e alicerçada pelos seus valores e princípios,

Leia mais

COMPRAS Cotação Sugestão Pesquisa Concorrentes

COMPRAS Cotação Sugestão Pesquisa Concorrentes GERÊNCIA Analises de Vendas Analises de Estoques Compras Financeiras Analises de Preço FINANCEIRO A Receber A Pagar Administração de Créditos Comissões ENTRADA Pedidos de Compra Sem pedidos Outras Entradas

Leia mais

Av. Santos Dumont, 505 - Sala 203 Londrina-PR CEP 86039-090 Tel.: 43 3029 4544 e-mail: comercial@arandusistemas.com.br Site:

Av. Santos Dumont, 505 - Sala 203 Londrina-PR CEP 86039-090 Tel.: 43 3029 4544 e-mail: comercial@arandusistemas.com.br Site: ARANDU SISTEMAS O objetivo principal da Arandu é oferecer ferramentas que facilitem a GESTÃO EMPRESARIAL, que sejam inteligentes, viáveis e rápidos, procurando sempre a plena satisfação do Cliente. As

Leia mais

Comex Exportação. Comercial. A partir de integração com o módulo de faturamento, o sistema de controle de exportação,

Comex Exportação. Comercial. A partir de integração com o módulo de faturamento, o sistema de controle de exportação, Comex Exportação A partir de integração com o módulo de faturamento, o sistema de controle de exportação, facilita a impressão dos principais documentos da exportação como fatura comercial, packing list,

Leia mais

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho SOBRE A SOFTLOG A SoftLog Tecnologia é uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções tecnológicas para empresas e instituições de diversos modais de transporte. Dentre os diversos tipos de soluções

Leia mais

Você gerencia cada etapa do processo com máxima exatidão

Você gerencia cada etapa do processo com máxima exatidão Você gerencia cada etapa do processo com máxima exatidão O ERP da Atak é uma aplicação de alto nível que integra as camadas operacionais e de negócio com o objetivo de instituir eficiência em todos os

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS ERP NO PLANEJAMENTO E GESTÃO DO E-COMMERCE

A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS ERP NO PLANEJAMENTO E GESTÃO DO E-COMMERCE A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS ERP NO PLANEJAMENTO E GESTÃO DO E-COMMERCE SAMUEL GONSALES Gerente de Produtos e-commerce na Millennium Network. Professor no Grupo CETEC (ETEP, BILAC, FAATESP e IBTA). Especialista

Leia mais

Shadow 3 www.dynatech.net.br

Shadow 3 www.dynatech.net.br Resumo das funcionalidades dos módulos de Gestão Comercial Acompanhamento dos Pedidos por Cliente, por Produto, por Número do Pedido do Cliente Acompanhamento do Pedido por Data de Entrega, por Emissão

Leia mais

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE Com mais de duas décadas e meia no mercado, a garantia de excelência e segurança são marcas registradas dos produtos e serviços da Produtec. Direcionados à gestão empresarial,

Leia mais

CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP COMO PROCEDER PARA FAZER BACKUP S

CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP COMO PROCEDER PARA FAZER BACKUP S CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP Atualmente, a DpComp, visando ampliar a capacidade corporativa de seus clientes, acompanha a evolução tecnológica e trabalha hoje com o banco de dados MySQL, um dos bancos

Leia mais

Portaria Conjunta STN/SOF nº 3/2008 Manual de Despesa Nacional;

Portaria Conjunta STN/SOF nº 3/2008 Manual de Despesa Nacional; Código: MAP-DIFIN-001 Versão: 00 Data de Emissão: XX/XX/XXXX Elaborado por: Gerência de Contabilidade Aprovado por: Diretoria de Finanças e Informações de Custos 1 OBJETIVO Estabelecer os procedimentos

Leia mais

www.softboxbrasil.com.br

www.softboxbrasil.com.br www.softboxbrasil.com.br Apresentação do Sistema INFOBOX Solução Integrada para Gestão Empresarial Especializada em Indústrias de Caixas e Chapas de Papelão Ondulado, offset e Indústrias de Papel. QUEM

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Nas questões de 31 a 60, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas marcações, use a folha de respostas, único documento válido para a correção das

Leia mais

E&L ERP Almoxarifado

E&L ERP Almoxarifado Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: Prevendo todas as rotinas necessárias ao bom funcionamento da administração de materiais, o produz automaticamente as médias

Leia mais

INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS

INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS www.facebook.com/esquadgroup www.youtube.com/esquadgroup www.esquadgroup.com.br +55 15 3035-8250 comercial@esquadgroup.com.br Rua Ernestina Vieira Neves, 366 Jd

Leia mais

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E-

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E- 2014 ÍNDICE 1. Cadastros básicos 2. Módulos básicos (Incluso em todas as versões) CMC BASE 3. Agenda 4. Arquivos 5. Empresas ou Cadastros de empresas 6. Pessoas ou cadastro de pessoas 7. Módulos que compõem

Leia mais

Aqui seus Resultados Aparecem

Aqui seus Resultados Aparecem Aqui seus Resultados Aparecem 2 Evolution Folha de Pagamento Cálculo automático de INSS, IRRF, FGTS, Controle de período aquisitivo de férias e faltas não insalubridade, periculosidade, pensão alimentícia,

Leia mais

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável SisGEF DISTRIBUIDOR DE MEDICAMENTO Roteiro de Implantação Cliente: Data Início: Nº 01ª Parte Dados Gerais, Segurança e Outros Menu Data Responsável 01 Instalação do Sistema e Identificação da Estação PCM

Leia mais

ERP CEOSoftware OBJETIVO MISSÃO

ERP CEOSoftware OBJETIVO MISSÃO ERP CEOSoftware OBJETIVO Revolucionar as análises gerenciais buscando produtividade, eficiência e dinamismo na integração dos dados gerados automaticamente com as rotinas diárias de cada setor de uma organização.

Leia mais

Manual - Relatórios Gerenciais.

Manual - Relatórios Gerenciais. Manual - Relatórios Gerenciais. Perguntas que temos que responder quase que diariamente sobre: Vendas Financeiro Produção Emissão: 04/02/2014 Revisão: 28/05/2015 Revisado por: Juliana 1 Área de Vendas

Leia mais

THOTAU Sistema Integrado de Gestão Empresarial Funcionalidades Disponíveis Essencial Profissional Empresarial Completo Controle de Pessoas X X X X

THOTAU Sistema Integrado de Gestão Empresarial Funcionalidades Disponíveis Essencial Profissional Empresarial Completo Controle de Pessoas X X X X Controle de Pessoas --- Cadastro de Usuários do Sistema --- Cadastro de Funcionários, Vendedores e Terceiros --- Cadastro de Clientes, Fornecedores, Representantes e Transportadores --- Classificações

Leia mais

1º Software de Gestão integrado para o mercado de esquadrias

1º Software de Gestão integrado para o mercado de esquadrias 1º Software de Gestão integrado para o mercado de esquadrias O SOFTWARE FAKTORY TRANSFORMA SUA EMPRESA INTEGRANDO SEU AMBIENTE TÉCNICO E GERENCIAL. O Software Faktory é o primeiro sistema de gestão com

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão de Manufatura

Sistema Integrado de Gestão de Manufatura O Conceito Competitiva. Rentável. Produtiva. Não é assim que você quer ver a sua empresa? Nós também. A SIGMA SERVICES sabe que o sucesso da sua empresa depende basicamente das decisões que você toma e

Leia mais

Catálogo de Cursos EAD Microsiga

Catálogo de Cursos EAD Microsiga Untitled Untitled-2 Catálogo de Cursos e-learning MICROSIGA PROTHEUS Os valores abaixo mencionados são líquidos e serão acrescidos de todos os impostos e taxas sobre serviços, definidos por lei, no momento

Leia mais

A A EMPRESA. Sem mais a R4 Sistemas agradece aguardando o retorno.

A A EMPRESA. Sem mais a R4 Sistemas agradece aguardando o retorno. A A EMPRESA A R4 Sistemas é uma empresa de informática, voltada para o desenvolvimento de sistemas de gestão corporativa ERP e CRM, para diversas áreas de atuação. Utilizando tecnologia de ponta, seus

Leia mais

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns WMS Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Informática Aplicada a Logística Profº Breno Amorimsexta-feira, 11 de setembro de 2009 Agenda

Leia mais

Conteúdo programático: Formação Controladoria

Conteúdo programático: Formação Controladoria Conteúdo programático: Formação Controladoria Informações gerais Família de Gestão: Controladoria Carga Horária: 172 horas (96 horas presencial + 76 horas e-learning) Objetivo: Proporcionar ao mercado

Leia mais

ABERTURA DAS CONTAS DA PLANILHA DE RECLASSIFICAÇÃO DIGITAR TODOS OS VALORES POSITIVOS.

ABERTURA DAS CONTAS DA PLANILHA DE RECLASSIFICAÇÃO DIGITAR TODOS OS VALORES POSITIVOS. ABERTURA DAS CONTAS DA PLANILHA DE RECLASSIFICAÇÃO DIGITAR TODOS OS VALORES POSITIVOS. I. BALANÇO ATIVO 111 Clientes: duplicatas a receber provenientes das vendas a prazo da empresa no curso de suas operações

Leia mais

TOTVS Vendas e Faturamento Visão Geral

TOTVS Vendas e Faturamento Visão Geral TOTVS Vendas e Faturamento Visão Geral 08/08/2012 Sumário Sumário... 2 1 Conceitos Básicos... 3 1.1 Objetivos do Treinamento... 3 2 Faturamento... 4 3 Controle de Vendas... 5 4 Fluxo Entidades X Processos...

Leia mais

Aqui seus Resultados Aparecem

Aqui seus Resultados Aparecem Aqui seus Resultados Aparecem 2 Evolution Materiais: Controle de Estoque, Compras Gerencia necessidades de compra para reposição de estoque ou para atender à necessidade de um Centro de Custo. Envolve

Leia mais

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA OBJETIVOS DO CURSO Atendendo a uma demanda de mercado por profissionais com este conhecimento, o SOFTEXRECIFE abre inscrições para uma nova turma

Leia mais

INTHEGRA TALENTOS HUMANOS CONTRATA-SE URGENTE!!!

INTHEGRA TALENTOS HUMANOS CONTRATA-SE URGENTE!!! INTHEGRA TALENTOS HUMANOS CONTRATA-SE URGENTE!!! Acesse e Cadastre-se: www.inthegrath.com.br OPERADORA DE CAIXA (Loja) - ITH 3390: Ensino Médio Completo Informática: Word e Excel Atividades: Operar caixa,

Leia mais

DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SERGIPE - CIÊNCIAS CONTÁBEIS QUESTÕES

DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SERGIPE - CIÊNCIAS CONTÁBEIS QUESTÕES QUESTÕES 01) Fazem parte do grupo de contas do : A) Duplicatas a Receber Caixa Duplicatas a Pagar. B) Terrenos Banco Conta Movimento Credores Diversos. C) Duplicatas a Pagar Caixa Adiantamentos de Clientes.

Leia mais

Sistemas de Informação: tipos e características

Sistemas de Informação: tipos e características Sistemas de Informação: tipos e características Tipos de sistemas de informação. Os quatro tipos principais de sistemas de informação. Sistemas do ponto de vista de pessoal Sistemas de processamento de

Leia mais

2.Baixa de Ordens de Abastecimento com controle de quilometragem e litragem.

2.Baixa de Ordens de Abastecimento com controle de quilometragem e litragem. Abastecimento. Controle Total de Abastecimento por veículo. 1.Emissão de Ordens de Abastecimento 2.Baixa de Ordens de Abastecimento com controle de quilometragem e litragem. 3.Apuração de Média de Consumo.

Leia mais

Instituições que apoiam o Setorial de Software RS

Instituições que apoiam o Setorial de Software RS Instituições que apoiam o Setorial de Software RS Tabelas Agrupamentos Clientes Fornecedores Itens Itens por grade Municípios Representantes Transportadores Vendedores Relatórios Relatório genérico de

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM CNPJ: 10.793.118/0001-78 Projeto T2Ti ERP. Módulo Suprimentos. Controle de Estoque

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM CNPJ: 10.793.118/0001-78 Projeto T2Ti ERP. Módulo Suprimentos. Controle de Estoque Módulo Suprimentos Controle de Estoque Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Suprimentos Controle de Estoque. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas no

Leia mais

1.1.2.07.001 Empréstimos a empregados 1.1.2.07.002 Empréstimos a terceiros 1.1.2.08 Tributos a Compensar 1.1.2.08.001 IR Retido na Fonte a Compensar

1.1.2.07.001 Empréstimos a empregados 1.1.2.07.002 Empréstimos a terceiros 1.1.2.08 Tributos a Compensar 1.1.2.08.001 IR Retido na Fonte a Compensar A seguir um modelo de Plano de Contas que poderá ser utilizado por empresas comerciais, industriais e prestadoras de serviços, com as devidas adaptações: 1 Ativo 1.1 Ativo Circulante 1.1.1 Disponível 1.1.1.01

Leia mais

Neste bip. EFD Contribuições. Você sabia? Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT. edição 22 Junho de 2012

Neste bip. EFD Contribuições. Você sabia? Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT. edição 22 Junho de 2012 Neste bip EFD Contribuições... 1 Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT... 1 Configuração da Demonstração do Fluxo de Caixa... Configuração do Plano de Contas de acordo com a Lei 11.638/07...

Leia mais

ESTUDO DE CASO MULTIGRAF LTDA (Controles Financeiros)

ESTUDO DE CASO MULTIGRAF LTDA (Controles Financeiros) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS - UNICAMP INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS - IFCH DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E PLANEJAMENTO ECONÔMICO - DEPE CENTRO TÉCNICO ECONÔMICO DE ASSESSORIA EMPRESARIAL

Leia mais

4 Fatos Contábeis que Afetam a Situação Líquida: Receitas, Custos, Despesas, Encargos, Perdas e Provisões, 66

4 Fatos Contábeis que Afetam a Situação Líquida: Receitas, Custos, Despesas, Encargos, Perdas e Provisões, 66 Apresentação Parte I - CONCEITOS FUNDAMENTAIS DE CONTABILIDADE, 1 1 Introdução ao Estudo da Ciência Contábil, 3 1 Conceito, 3 2 Objeto, 3 3 Finalidade, 4 4 Técnicas contábeis, 4 5 Campo de aplicação, 5

Leia mais

W3SAC Automação Comercial

W3SAC Automação Comercial Automação Comercial Elaborado pela W3 Automação e Sistemas Informação de Propriedade do Grupo Jomóveis Este documento, com todas as informações nele contidas, é confidencial e de propriedade do Grupo Jomóveis,

Leia mais