E&L ERP Almoxarifado

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "E&L ERP Almoxarifado"

Transcrição

1 Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v

2 Introdução: Prevendo todas as rotinas necessárias ao bom funcionamento da administração de materiais, o produz automaticamente as médias de gastos por departamento (setor). Possibilita também a projeção de preço do material permitindo cotações próximas as do mercado. O E&L Almoxarifado permite o total controle dos estoques e distribuição de materiais da entidade, com a documentação destes procedimentos, reduzindo assim seus custos. A segurança das informações no sistema mereceu especial atenção para que não ocorram extravios de materiais. O sistema está interligado com os demais módulos da E&L que administram a integração total e informatizada de uma entidade. Além disso, o permite controlar, na mesma base de dados, mais de um almoxarifado, podendo dessa maneira centralizar em apenas um local todos os almoxarifados do Município. 3 Principais Vantagens: Localização rápida dos materiais e distribuição dos mesmos por lote de aquisição de mercadoria; Codificação na entrada de mercadoria, através de código de barras automático, emitido pelo sistema; Transferência automática das informações do E&L ERP Compras, Licitações e Contratos; Saída de material controlada através do número do pedido; Possibilita o controle de vários almoxarifados, sendo totalizados individualmente e/ ou de forma geral; Comparativo dos gastos por departamento/ setor; Disposição do saldo do almoxarifado on-line para áreas interessadas; Planejamento de saída de materiais através do controle de data de validade e de entrada; Controle de estoque mínimo e máximo desejado, podendo este ser avaliado por demanda; Sugestão de compra, ponto de reposição e inventário on-line. 4

3 O é formado pelos seguintes menus: Arquivos; Entradas; Transferências; Requisições; Inventário; Saldos; Compras; Relatórios; Opções. 5 Submenus do menu Arquivos: Neste menu são feitos os cadastros gerais, comuns a todos os sistemas da E&L, como por exemplo: os cadastros de Empresa, Filial, Pessoa, Produtos e os cadastros do sistema que são cadastros pertencentes às tabelas utilizadas unicamente no sistema. Logo em seguida, como exemplo desse menu, serão demonstradas as telas dos seguintes cadastros a ele pertencente: Cadastro de Pessoa; Cadastro Geral de Produtos; Lote de Mercadorias. 6

4 Cadastro de Pessoas: Nesta tela serão utilizadas duas versões. A versão será definida pelo tipo de cadastro de pessoas, físicas ou jurídicas, bem como seus dados pessoais como: CPF/ CNPJ, telefone, endereço, e outras informações que o sistema necessitará para o trabalho. Este cadastro é utilizado para todos os sistemas. Desta forma, quando for cadastrado fornecedor e requerente, todos os sistemas terão acesso, evitando assim, duplicidade de informações e até mesmo facilitando o trabalho em outros sistemas. 7 Cadastro Geral de Produtos: Nesta tela serão feitos os cadastros dos produtos que serão utilizados para as movimentações no sistema (entradas, saídas, transferências, inventários e pedido de compras), informando para cada produto o seu tipo, grupo (de acordo com o grupo do produto a ser cadastrado, será possível configurar, para que o mesmo apareça ou não nas movimentações dos sistemas E&L ERP Almoxarifado e E&L ERP Patrimônio. Em órgãos que trabalham com o sistema da E&L, que é totalmente integrado, essas duas opções serão de extrema utilidade), subgrupo, embalagem e o próprio produto. 8

5 Cadastro de Lote de Mercadoria: Em toda a movimentação de entradas, saídas e transferências será obrigatório informar o lote da operação efetuada, sendo um filtro a mais de controle de saldo de produtos. Dessa forma, o usuário terá o domínio sobre os produtos que estão com a validade vencida, através de emissão de relatórios e alertas que, ao fazer uma dessas movimentações, o sistema lhe informará automaticamente. 9 Submenus do menu Entradas: Através deste menu o usuário irá efetuar as entradas de materiais, podendo ser de forma manual, onde as mesmas serão cadastradas tendo em mãos as notas fiscais dos produtos, ou automática, onde as informações das autorizações de fornecimentos geradas pelo setor de Compras trarão todos os registros pertencentes a nota, podendo ser gerada integralmente ou parcialmente, facilitando assim o trabalho no sistema. Logo em seguida, como exemplo desse menu, serão demonstradas as telas dos seguintes cadastros a ele pertencente: Entradas de Materiais (Automática); Entradas de Materiais (Manual). 10

6 Entrada de Materiais (Automática): tica): A entrada de materiais (automática) proporciona ao usuário gerar as entradas de forma automática, através das autorizações de fornecimento emitidas pelo setor de compras, evitando redigitação de informações, agilizando e proporcionando segurança ao processo, sendo possível efetuá-las de forma integral (geração totalizada das informações) e parcial (geração fracionada). 11 Entradas de Materiais (Manual): Este menu permite ao usuário efetuar o cadastro da nota fiscal emitida pelo fornecedor com todos os produtos e valores de forma manual. Além de permitir a saída imediata dos produtos contidos na nota para o local/ setor requisitante. A entrada de produtos tem como objetivo armazenar o saldo global de produtos para posteriormente serem distribuídos para os setores, através de requisições de materiais, controlando o saldo dos produtos automaticamente. 12

7 Submenu do menu Transferências: Com a necessidade de manter o controle dos produtos transferidos para ressuprimento ou manutenção dos níveis de estoque no almoxarifado do órgão, o veio proporcionar o gerenciamento efetivo de todas as movimentações de empréstimos/ transferências, podendo ser de um almoxarifado para outro, uma ficha para outra, um lote para outro ou de um endereço para outro, permitindo ainda controlar a devolução do material emprestado, oferecendo ao usuário agilidade e segurança nos procedimentos. Logo em seguida, como exemplo desse menu, será demonstrada a tela do seguinte cadastro a ele pertencente: Transferências ou Empréstimos. 13 Transferências ou empréstimos: Esta tela tem a finalidade de gerenciar transferências de produtos. A transferência de produtos pode acontecer de forma definitiva ou simplesmente por empréstimo de um determinado produto do almoxarifado X para o almoxarifado Y ou entre fichas, lotes (usado principalmente para trocar a data de validade) e endereçamento físico de armazenamento do produto (o produto pode ter mudado de local). Podendo também controlar a devolução do empréstimo efetuado, se desejado. 14

8 Submenu do menu Requisições: Com a necessidade de supervisionar e controlar a distribuição racional do material requisitado, promovendo os cortes necessários nos pedidos de fornecimento das unidades usuárias, em função do consumo médio apurado, que tenha servido de suporte para a projeção de estoque vigente, o veio proporcionar ao usuário o gerenciamento efetivo das distribuições de material, evitando a conseqüente ruptura de estoque. No ato do cadastro, os principais objetivos desse menu serão postos em prática, tais como: controlar cotas de produtos, gerar informações para a apuração de gastos por órgão (setor), gerar indicadores através de relatórios gráficos e planilhas para possíveis análises, além de gerenciar a distribuição de produtos entre os setores. Logo em seguida, como exemplo desse menu, será demonstrada a tela do seguinte cadastro a ele pertencente: Requisição de Material. 15 Requisição de Material: Nesta tela o usuário irá efetuar a requisição, informando a ficha, local (setor), requerente, justificativa, almoxarife, chefe de divisão e os itens pertencentes a ela. Ao final do cadastro, o mesmo emitirá a Requisição do Material para assinatura do requerente. 16

9 Submenu do menu Inventário: O inventário tem como finalidade conciliar as posições indicadas nos registros contábeis e sistêmicos, com os saldos físicos do estoque, que irá permitir, entre outros, o ajuste dos dados de saldos e movimentações dos estoques com o saldo físico real nas instalações de armazenagem, a análise do desempenho das atividades dos envolvidos no almoxarifado através dos resultados obtidos no levantamento físico e o levantamento da situação física dos materiais. Devido a essa necessidade, o veio proporcionar ao usuário o controle efetivo dessas informações, objetivando a agilidade no procedimento. Logo em seguida, como exemplo desse menu, será demonstrada a tela do seguinte cadastro a ele pertencente: Inventariar Estoque. 17 Inventariar Estoque: Nesta tela será feito o cadastro do inventário, informando o almoxarifado a ser inventariado e os respectivos responsáveis pela operação, além de indicar as alterações a serem feitas para regularização do(s) saldo(s). 18

10 Submenu do menu Saldos: Este menu tem dupla funcionalidade no sistema, uma delas é a consulta. Se esta tela for aberta no ano corrente de trabalho, serão visualizados todos os registros de saldo de produtos gerados no ano, nesse caso o tipo de saldo na tela de cadastro estará como saldo atual do sistema (controlado automaticamente). A segunda funcionalidade é a de implantação manual de saldo, na qual consiste em possibilitar que a entrada de produtos já em estoque (porém, sem notas fiscais), possam ser lançados no sistema e serem inicializados com saldo. Logo em seguida como exemplo desse menu, será demonstrada a tela do seguinte cadastro a ele pertencente: Consulta/ Implantação de Saldo. 19 Consulta/ Implantação de Saldos: Através deste menu o administrador do sistema poderá consultar os saldos ou fazer a implantação no sistema para o início dos trabalhos. 20

11 Submenu do menu Compras: Este menu permite ao usuário efetuar o pedido de compras dos materiais que estão em ponto de reposição e as demandas que ainda não foram entregues totalmente quando integrado com o E&L ERP Compras, Licitação e Contratos. Além de possuir a rotina de adicionar ao pedido de compra, de forma automática, produtos que estão abaixo do estoque mínimo, configurado no sistema, assim como as demandas que não foram entregues integralmente. Logo em seguida, como exemplo desse menu, será demonstrada a tela do seguinte cadastro a ele pertencente: Emitir Pedido de Compras. 21 Emitir Pedido de Compras: Através desta tela o usuário terá acesso a efetuar os pedidos de compras de materiais que estejam em falta no setor de Almoxarifado. É válido lembrar que esta tela será de extrema importância, uma vez que, o esteja integrado com o E&L ERP Compras, Licitações e Contratos, além de utilizar a rotina de importação dos produtos abaixo do estoque, facilitando os trabalhos no sistema. 22

12 Submenus do menu Relatórios: Para manter o controle sobre as movimentações feitas no almoxarifado, o E&L ERP Almoxarifado proporciona ao usuário vários relatórios que irão facilitar o trabalho na realização de uma prestação de conta ao setor contábil e até mesmo ao Tribunal da região. Esses relatórios estão divididos em submenus, que são: Entradas, Transferências, Requisições, Devoluções, Inventário/ Saldos, Prestação de Contas, Materiais e Outros. Logo em seguida, como exemplo desse menu, serão demonstradas as telas dos seguintes cadastros a ele pertencente: Listagem de Minuta de Entrada; Requisições por Local Detalhada; Balancete de Materiais Detalhado. 23 Listagem de Minuta de Entradas: Este relatório mostra, de modo simples, todas as entradas de materiais dentro de um período, agrupados por fornecedor e nota fiscal. 24

13 Requisições por Local Detalhada: Este relatório mostra todas as requisições de materiais dentro de um período, agrupadas e totalizando os valores por local e destinação. 25 Balancete de Materiais Detalhado: Este relatório mostra todas as movimentações do almoxarifado para a devida prestação de contas, agrupadas por material. 26

14 Submenu do menu Opções: Através deste menu é possível fazer as configurações padrões de funcionamento do no órgão, tais como: configurações do sistema, controle de acesso, salvar base de dados em arquivo texto entre outras. Em algumas telas somente o administrador ou pessoa responsável terá o devido acesso. Logo em seguida, como exemplo desse menu, serão demonstradas as telas dos seguintes cadastros a ele pertencente: Configurações do Sistema; Controle de Acesso; Salvar Base de Dados em Arquivo Texto. 27 Configurações do Sistema: Nesta janela é possível personalizar suas configurações de acordo com sua preferência, definindo principalmente chamadas externas a outros sistemas sem abandonar o sistema atual. 28

15 Controle de Acesso: A partir dessa tela pode-se definir os privilégios (acessos) que os usuários terão ao entrar no sistema. 29 Salvar Base de Dados em Arquivo de Texto: Através desta tela pode-se exportar dados de uma tabela para um arquivo de texto. 30

16 Conclusão: Adquirindo os sistemas da E&L Produções de Software, você terá o que há de melhor em Tecnologia da Informação e Comunicação TIC. Sistemas fáceis de trabalhar, auto-explicativos, integrados, além do melhor atendimento on-line, por chat (IRC e Skype), telefone, conexão remota e visitas técnicas. O sistema permite o gerenciamento completo sobre todos os procedimentos, segurança e rapidez nas prestações de contas. Além de influenciar positivamente nos demais sistemas, com importação das informações nele inclusas, como preço médio para as compras a serem efetuadas pelo sistema E&L ERP Compras, Licitações e Contratos, tombamento a partir da entrada de equipamento e material permanente, sem precisar sair do sistema etc, evitando redigitação de informações e agilizando os trabalhos da administração. Dessa forma, os prazos estabelecidos para prestação de contas serão cumpridos, evitando complicações para o órgão, pois os sistemas da E&L oferecem agilidade, eficiência e eficácia nas atividades do dia-a-dia de um órgão público. 31

Apresentação PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES

Apresentação PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução ão: Com a necessidade de manter os bens o maior tempo possível em uso, torna-se importante um acompanhamento eficiente de sua

Leia mais

Apresentação PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES

Apresentação PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: O foi desenvolvido com o objetivo de simplificar e agilizar o processo de aquisição de materiais e serviços, atendendo as exigências

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Sistema Gerencial de Informações. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Sistema Gerencial de Informações. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: Com a necessidade de agilizar todos os serviços na parte de aquisição de material, tramitação de processo, documentação eletrônica

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Arrecadação de Repasses (ICMS) PostgresSQL 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Arrecadação de Repasses (ICMS) PostgresSQL 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 Arrecadação de Repasses (ICMS) PostgresSQL 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: O controla a emissão de notas fiscais do produtor rural para futuro recurso junto a SEFA Secretaria

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 Documentos Eletrônicos e Processos PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução ão: Com a necessidade do controle efetivo da tramitação de documentos, o s veio proporcionar

Leia mais

Apresentação PostgresSQL 8.3 Domingos Martins ES

Apresentação PostgresSQL 8.3 Domingos Martins ES Apresentação 1 PostgresSQL 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: O E&L ERP Ação é um software desenvolvido para efetuar o controle completo da Secretaria de Ação. Eliminando todo e qualquer controle

Leia mais

Apresentação E&L ERP. Agendamento. Interbase. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação E&L ERP. Agendamento. Interbase. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 E&L ERP Gestão da Saúde P Agendamento Interbase Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: Com o crescente número de pessoas que utilizam os serviços de saúde, cresceu também a necessidade

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Administração de Receitas Tributárias. rias. PostgreSQL 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Administração de Receitas Tributárias. rias. PostgreSQL 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 E&L ERP Administração de Receitas Tributá PostgreSQL 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Receitas Tributá Introdução: Com a crescente necessidade de gerar sua própria receita, os Municípios

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Recursos Humanos e Folha de Pagamento. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Recursos Humanos e Folha de Pagamento. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 E&L ERP Recursos Humanos PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução ão: O Registro no SEPIN, sob n 32284-9, agiliza os controles necessários ao departamento pessoal, bem

Leia mais

E&L Controle de Estoque e Materiais. Perguntas Frequentes

E&L Controle de Estoque e Materiais. Perguntas Frequentes E&L Controle de Estoque e Materiais Perguntas Frequentes 1. Qual relatório deve ser tirado para fazer a prestação de contas? Balancete de Materiais por detalhado. Esse relatório está disponível no menu

Leia mais

Apresentação. E&L ERP Frotas. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0

Apresentação. E&L ERP Frotas. PostgreSQL 8.2/ 8.3. Domingos Martins ES. v. 1.0 Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: O permite efetuar o controle sobre o consumo de combustível de cada veículo ou máquina permitindo o seu total monitoramento no

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014 Versão: 01 Data de aprovação: 7 de outubro de 2014. Ato de aprovação: Resolução n.º 112 /2014 Unidade

Leia mais

Apresentação SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES

Apresentação SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES Apresentação 1 SQL Server 2000/ 2005 Domingos Martins ES v. 1.0 2 1 Introdução ão: Com necessidade de prestações de contas cada vez mais eficientes e confiáveis disponibilizamos no software as diversas

Leia mais

Curitiba PR www.softwar.com.br comercial@softwar.com.br

Curitiba PR www.softwar.com.br comercial@softwar.com.br Curitiba PR www.softwar.com.br comercial@softwar.com.br Sistema indicado para empresas que trabalham com produção: Composto de: Configurações Gerais Sistema Multi-Empresa Controle de Acesso Módulo Almoxarifado

Leia mais

Manual do Módulo. MerchNotas

Manual do Módulo. MerchNotas Manual do Módulo MerchNotas Bento Gonçalves (RS), Agosto de 2010 Índice 1. Introdução... 4 2. Menu Entrada de Notas... 5 2.1. Entrada de Notas (F11)... 5 2.2. Entrada de Notas NFe (F12)... 8 2.3. Apuração

Leia mais

para outro) 23 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04

para outro) 23 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04 1 2 ÍNDICE ERP 1- Cadastro de Produtos (Implantação no Almoxarifado) 04 2- Notas de Compra (Incluindo Quantidades no Almoxarifado) 07 2.1 - Notas complementares 12 2.2 - Desmembramento de bens 13 3- Requisições

Leia mais

Fechamento de Balanço Almoxarifado

Fechamento de Balanço Almoxarifado Fechamento de Balanço Almoxarifado 1ª Etapa: Realizar a emissão do relatório de Balancete de Materiais por Dotação através do Menu Relatórios / Prestação de Contas. Será aberta a seguinte tela: Informe

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP Pouso Alegre MG 2013 SUMÁRIO 1. Introdução.... 6 2. Efetuar Entrada de Material.... 8 2.1. Entrada de Material por Compra.... 8 2.1.1. Cadastro de Empenho...

Leia mais

SOFTWARE PROFIT 2011.

SOFTWARE PROFIT 2011. apresenta o SOFTWARE PROFIT 2011. GESTÃO COMERCIAL O software PROFIT é um programa direcionado ao gerenciamento integrando de empresas de pequeno e médio porte, compreendendo todo o processo de negócio,

Leia mais

versa A solução definitiva para o mercado livreiro. Aumente a eficiência de seu negócio Tenha uma solução adequada para cada segmento

versa A solução definitiva para o mercado livreiro. Aumente a eficiência de seu negócio Tenha uma solução adequada para cada segmento Aumente a eficiência de seu negócio O Versa é um poderoso software de gestão de negócios para editoras, distribuidoras e livrarias. Acessível e amigável, o sistema foi desenvolvido especificamente para

Leia mais

Concorrência nº 22/2008

Concorrência nº 22/2008 Concorrência nº 22/2008 Brasília, 20 de julho de 2009. A Comissão Permanente de Licitação (CPL) registra a seguir perguntas de empresas interessadas em participar do certame em referência e respostas da

Leia mais

MEC / BIRD / PROJETO FUNDESCOLA AES - ADMINISTRAÇÃO DE ESTOQUES DADOS INICIAIS

MEC / BIRD / PROJETO FUNDESCOLA AES - ADMINISTRAÇÃO DE ESTOQUES DADOS INICIAIS / PROJETO FUNDESCOLA AES - ADMINISTRAÇÃO DE ESTOQUES DADOS INICIAIS 1. OBJETIVO DO SISTEMA Apoiar as atividades administrativas relacionadas à compra e ao estoque dos Materiais adquiridos pela SEDUC. 2.

Leia mais

Controle de Almoxarifado

Controle de Almoxarifado Controle de Almoxarifado Introdução O módulo de Controle de Almoxarifado traz as opções para que a empresa efetue os cadastros necessários referentes a ferramentas de almoxarifado, além do controle de

Leia mais

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND...

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND... Sage CND Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 2 1.2. Conhecendo a Plataforma Sage... 4 1.2.1. Seleção de Empresa de Trabalho... 4 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações... 5 1.2.3.

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Instrução Normativa CGM Nº 003/2013. Ementa: Dispõe sobre os procedimentos de recebimento, armazenagem, distribuição e controle de entradas e saídas de materiais de consumo no Almoxarifado Central da Administração

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17 1 ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 NOVO PRODUTO 07 NOVA VENDA VENDA IDENTIFICADA 07 NOVA ORDEM DE SERVIÇO 08 NOVO ORÇAMENTO 09 BALANÇO DIÁRIO DE

Leia mais

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD Emissão e Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana Caminho para acessar o módulo de compras para criação de cotações, requisições e pedidos segue abaixo. Neste módulo existem

Leia mais

WMSL Warehouse Management System Lite

WMSL Warehouse Management System Lite WMSL Warehouse Management System Lite Tela Inicial Esta é a tela inicial do sistema WMSL (Warehouse Management System - Lite) da Logistock. Cadastro Administrativo Pesquisa Movimentação Encerrar Cadastro

Leia mais

Adicionais. Grupo Acert - 1

Adicionais. Grupo Acert - 1 MÓDULOS Adicionais Grupo Acert - 1 ÍNDICE 1 - ESTOQUE 1.1- Balanço de Estoque 03 2 - FATURAMENTO/FINANCEIRO 2.1- Pagamento Eletrônico (Fornecedores) 2.2- Plug-in Cheque Custódia 06 07 3 - FISCAL e CONTÁBIL

Leia mais

O que é um inventário?

O que é um inventário? Com a chegada do fim de ano e os encerramentos fiscais e contábeis, as empresas fazem o processo de inventário do seu estoque. O que é um inventário? Inventário basicamente é uma lista de bens e materiais

Leia mais

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin Modulo 05 0 CGAINFOMÁTICA Retwin ESTOQUE 2 Estoque Sumário 5.1 Configuração Geral... 3 5.2 Entradas... 4 5.2.1 Manutenção... 4 5.2.2 Consulta... 6 5.2.3 Produção... 6 5.2.4 Relatórios... 8 5.3 Saídas...

Leia mais

MÓDULO 5 Movimentações

MÓDULO 5 Movimentações MÓDULO 5 Movimentações Bem-vindo(a) ao quinto módulo do curso. Agora que você já conhece as entradas no HÓRUS, aprenderá como são feitas as movimentações. As movimentações do HÓRUS são: Requisição ao Almoxarifado:

Leia mais

Atualizado em 25/07/07

Atualizado em 25/07/07 Atualizado em 25/07/07 1 GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Jaques Wagner SECRETÁRIA DA ADMINISTRAÇÃO Manoel Vitório da Silva Filho SUPERINTENDÊNCIA DE SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS Paulo de Souza Nunes Filho Realização

Leia mais

SUMÁRIO. 1 Cadastro Empresa / Estabelecimento ----------------------------------- Pág. 05

SUMÁRIO. 1 Cadastro Empresa / Estabelecimento ----------------------------------- Pág. 05 1 Apresentação O presente manual tem o objetivo de apresentar o sistema Fortes Compras e Estoque, instruindo o usuário sobre as funcionalidades do sistema, seus benefícios e especificidades. Nele pode

Leia mais

Ser referência de excelência nas soluções de consultoria e desenvolvimento de sistemas de informação, superando as expectativas dos clientes.

Ser referência de excelência nas soluções de consultoria e desenvolvimento de sistemas de informação, superando as expectativas dos clientes. DOMPER CONSULTORIA E SISTEMAS LTDA Rua Dr. Flores, 273 Sala 30-1 andar Ed. Frozzi CEP: 95.200-000 - Vacaria RS Fone (54) 3232-6119 / (54) 3232-8484 / (54) 3232-1471 CNPJ: 08.020.035/0001-02 IE: 154/0101158

Leia mais

SIASP SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE ALMOXARIFADO SERVIÇOS E PATRIMÔNIO MANUAL DO USUÁRIO

SIASP SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE ALMOXARIFADO SERVIÇOS E PATRIMÔNIO MANUAL DO USUÁRIO MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA SIASP SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE ALMOXARIFADO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARIACICA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO UNIDADE CENTRAL DE CONTROLE INTERNO COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE CARIACICA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARIACICA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO UNIDADE CENTRAL DE CONTROLE INTERNO COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE CARIACICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº SLC-03.1/2014 Data: 20/03/2014 Versão: Original 01 SISTEMA ADMINISTRATIVO SLC - SISTEMA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS. 02 ASSUNTO SLC-03.1 - CONTROLE DE ESTOQUES - CDC 03 SETORES ENVOLVIDOS

Leia mais

Help Encerramento do Exercício E&L Produções de Software

Help Encerramento do Exercício E&L Produções de Software Help Encerramento do Exercício Note: To change the product logo for your ow n print manual or PDF, click "Tools > Manual Designer" and modify the print manual template. Contents 5 Table of Contents Foreword

Leia mais

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Processos de Compras Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar 1 Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Controle de Compras... 4 Parametrização... 4 Funcionamento... 4 Processo de Controle...

Leia mais

Manual Controle de Estoque

Manual Controle de Estoque 2014 Manual Controle de Estoque ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Manual de Utilização... 3 1 - Cadastro... 3 1.1 Cadastro de Fornecedores... 4 1.2 Grupo de Materiais... 6 1.3 Unidades

Leia mais

Objetivo Principal. Objetivos Secundários

Objetivo Principal. Objetivos Secundários Objetivo Principal O Personal Med Hospitalar foi resultado de um longo esforço de O&M em hospitais de vários portes e regiões do Brasil. O sistema foi concebido a partir do detalhamento de 176 processos

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Entradas Saídas Saldos. Custo unitário Total R$

Entradas Saídas Saldos. Custo unitário Total R$ MANUAL/TUTORIAL Data: 09/12/2013 Página:1 O que é o Kardex? Kardex é um registro que guarda as informações de todas as movimentações do produto, sendo provenientes de documentos fiscais ou não fiscais

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Observação: As caixas em vermelho representam módulos adicionais.

Observação: As caixas em vermelho representam módulos adicionais. Fenícia Gestão ERP Introdução O FENÍCIA GESTÃO ERP é uma solução integrada, personalizável, de gerenciamento corporativo, que se destaca pela sua robustez aliada ao alto grau de tecnologia e conhecimento

Leia mais

Tutorial. O Trade e o SNGPC

Tutorial. O Trade e o SNGPC Tutorial O Trade e o SNGPC Este tutorial explica como realizar no Trade Solution as principais atividades relacionadas ao SNGPC - Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados 1. Introdução

Leia mais

Manual de Instruções. Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER

Manual de Instruções. Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER 1 Manual de Instruções Programa para Baixar Arquivos XML XML CONQUER Sumário Apresentação:... 2 Exigência para funcionalidade do software:... 3 Instalação:... 4 Utilização... 5 Menu NFE/CTE XML... 7 XML

Leia mais

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa Varejo A gestão definitiva para sua empresa Introdução Indicado para estabelecimentos comerciais, rede de lojas ou franquias, o sistema FENÍCIA AUTOMAÇÃO COMERCIAL traz uma série de tecnologias de alto

Leia mais

Curva ABC. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br

Curva ABC. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Curva ABC Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Introdução... 3 Utilização no sistema TCar-Win... 3 Configuração da curva ABC... 4 Configuração

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento da Assistência Farmacêutica (SIGAF) - Manual Prático

Sistema Integrado de Gerenciamento da Assistência Farmacêutica (SIGAF) - Manual Prático Versão n 01: Mar/2010 Sistema Integrado de Gerenciamento da Assistência Farmacêutica (SIGAF) - Manual Prático Assistência Farmacêutica Municipal Secretaria da Saúde do Estado da Bahia SESAB Superintendência

Leia mais

CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP COMO PROCEDER PARA FAZER BACKUP S

CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP COMO PROCEDER PARA FAZER BACKUP S CONHECENDO O BANCO DE DADOS DPCOMP Atualmente, a DpComp, visando ampliar a capacidade corporativa de seus clientes, acompanha a evolução tecnológica e trabalha hoje com o banco de dados MySQL, um dos bancos

Leia mais

01. Módulo de Cadastros: 01.1 Telas

01. Módulo de Cadastros: 01.1 Telas O GERIR ERP é um software ERP (enterprise resource planning), voltado empresas de pequeno e médio porte. Produto voltado para ambiente Windows XP ou superior, desenvolvido em Visual Studio by Microsoft,

Leia mais

Prefeitura Municipal de Brejetuba

Prefeitura Municipal de Brejetuba INSTRUÇÃO NORMATIVA - SPA Nº 005/2013. DISPÕE SOBRE OS PROCEDIMENTOS DE RECEBIMENTO, ARMAZENAGEM, DISTRIBUIÇÃO E CONTROLE DE ENTRADAS E SAÍDAS DE MATERIAIS DE CONSUMO NO ALMOXARIFADO. Versão: 01 Aprovação

Leia mais

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY A DEAK Sistemas define como Treinamentos Básicos In Company a apresentação dos diversos módulos que compõem o ERP aos usuários. O Objetivo é apresentar cada módulo do ERP através de suas telas, campos

Leia mais

Movimentações de Estoque Versão de Sistema: 11.8.0.0 Setembro 2014 Versão do documento: 4.0

Movimentações de Estoque Versão de Sistema: 11.8.0.0 Setembro 2014 Versão do documento: 4.0 Movimentações de Estoque Versão de Sistema: 11.8.0.0 Setembro 2014 Versão do documento: 4.0 Índice Título do documento 1. Introdução... 3 2. Objetivos... 3 3. Movimentações de Estoque... 3 4. Parâmetros...

Leia mais

Índice. 1 / 56 Versão 2.1.98

Índice. 1 / 56 Versão 2.1.98 Índice CADASTROS...2 Cadastro de Fabricante... 2 Inclusão...3 Alteração...3 Exclusão...3 Cadastro de Unidades... 3 Inclusão...3 Alteração...4 Exclusão...4 Cadastro de Material... 4 Inclusão...4 Alteração...7

Leia mais

Guia Prático do Usuário

Guia Prático do Usuário Guia Prático do Usuário 3. O que esse Manual aborda Esse manual é um guia prático de utilização do sistema, ele aborda noções gerais sobre gerenciamento de sua empresa além de ter informações detalhando

Leia mais

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS Recursos Ello & Ello PRINCIPAIS RECURSOS SPED Compra Legal Sintegra Consulta preço Consignação Controle de entregas Pedido a fornecedor Ordem de produção (produtos produzidos/indústria) Entradas simplificada

Leia mais

FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa)

FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa) FENICIA GESTÃO ERP Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa) O FENÍCIA GESTÃO ERP é uma solução integrada, personalizável, de gerenciamento corporativo, que se destaca pela sua

Leia mais

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 O Mobility Gestão é um software de retaguarda para o segmento de Varejo, visando o controle total do estoque e movimentações de venda. Desenvolvido para trabalhar

Leia mais

O que é ERP e suas vantagens

O que é ERP e suas vantagens Sistema 8Box ERP O que é ERP e suas vantagens Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automação e

Leia mais

DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP

DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP sistema para gerenciamento de instituições de ensino DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP Nossa Empresa A Sponte Informática é uma empresa brasileira, localizada em Pato Branco, cidade considerada pólo

Leia mais

Tem por objetivo garantir a existência contínua de um estoque organizado, de modo a não faltar nenhum dos itens necessários à produção.

Tem por objetivo garantir a existência contínua de um estoque organizado, de modo a não faltar nenhum dos itens necessários à produção. Resumo aula 3 Introdução à gestão de materiais A gestão de materiais é um conjunto de ações destinadas a suprir a unidade com materiais necessários ao desenvolvimento das suas atribuições. Abrange: previsão

Leia mais

Otimize seus negócios e ganhe produtividade

Otimize seus negócios e ganhe produtividade Otimize seus negócios e ganhe produtividade Diferenciais O software Fenícia ERP é uma solução completa, especialmente desenvolvida para atender a pequenas e médias empresas que cobre todos os processos

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e Manual do Usuário Prestador Introdução Este manual tem como objetivo apresentar a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) que será utilizado pelos contribuintes

Leia mais

Manual de Utilização de Software NEFRODATA-ACD T E C N O L O G I A É A S S I M CONTROLE DE ESTOQUE

Manual de Utilização de Software NEFRODATA-ACD T E C N O L O G I A É A S S I M CONTROLE DE ESTOQUE GUIA Manual de Utilização de Software NEFRODATA-ACD T E C N O L O G I A É A S S I M CONTROLE DE ESTOQUE Informações sobre este manual de utilização de software Documento produzido com conceitos básicos

Leia mais

FECHAMENTO FISCAL ENTRADAS

FECHAMENTO FISCAL ENTRADAS FECHAMENTO FISCAL ENTRADAS FECHAMENTO FISCAL - ENTRADAS LOGIX 10.02/11 Versão 1.0 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 Principais Mudanças... 3 1.2 Fluxo dos relacionamentos... 3 1.3 Relação dos programas do

Leia mais

INSTRUÇÃO Nº 019 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2006

INSTRUÇÃO Nº 019 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2006 INSTRUÇÃO Nº 019 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2006 Orienta os órgãos da Administração Direta do Poder Executivo Estadual sobre os procedimentos a serem aplicados no controle patrimonial de bens móveis, em conformidade

Leia mais

Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office

Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office Gestão e-commerce São 3 cenários possíveis: 1º SIGNUS ERP Back-office integrado a sua loja virtual 2º SIGNUS B2B e-commerce on-line 3º SIGNUS B2C e-commerce on-line Cenário 1 - SIGNUS ERP Back-office Integração

Leia mais

TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL

TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL TUTORIAL WINTHOR CONTABIL PARAMETRIZAÇÃO CONTABIL Tutorial do Sistema WinThor Módulo Contábil Copyright - PC Informática Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total por qualquer

Leia mais

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E-

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E- 2014 ÍNDICE 1. Cadastros básicos 2. Módulos básicos (Incluso em todas as versões) CMC BASE 3. Agenda 4. Arquivos 5. Empresas ou Cadastros de empresas 6. Pessoas ou cadastro de pessoas 7. Módulos que compõem

Leia mais

Caso tenha dúvida no preenchimento das informações solicitadas pelo sistema, esclareça cada uma delas com a pessoa responsável.

Caso tenha dúvida no preenchimento das informações solicitadas pelo sistema, esclareça cada uma delas com a pessoa responsável. Manual Estoque Prezado Cliente, Este é o material de apoio aos usuários e implantadores do SOFTLAND COMERCIAL, o seu sistema integrado de gestão empresarial. O bom uso deste manual o habilitará a extrair

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Versão 8.2C-01. Versão Final da Apostila de Novidades

Versão 8.2C-01. Versão Final da Apostila de Novidades Versão 8.2C-01 Versão Final da Apostila de Novidades Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas

Leia mais

Definir os procedimentos para gestão dos bens e materiais do TJAC.

Definir os procedimentos para gestão dos bens e materiais do TJAC. Código: MAP-DILOG-004 Versão: 00 Data de Emissão: 01/01/2013 Elaborado por: Gerência de Bens e Materiais Aprovado por: Diretoria de Logística 1 OBJETIVO Definir os procedimentos para gestão dos bens e

Leia mais

MANUAL DO CARBON AUTO (Sistema administrativo para oficinas mecânicas)

MANUAL DO CARBON AUTO (Sistema administrativo para oficinas mecânicas) MANUAL DO CARBON AUTO (Sistema administrativo para oficinas mecânicas) www.carbonsystem.com.br Índice: Pág Conteúdo 2 Conhecendo o Sistema 3 Cadastro de Clientes Menu Cadastros >> Clientes 4 Menu de Cadastros

Leia mais

Especificação do KAPP-PPCP

Especificação do KAPP-PPCP Especificação do KAPP-PPCP 1. ESTRUTURA DO SISTEMA... 4 1.1. Concepção... 4 2. FUNCIONALIDADE E MODO DE OPERAÇÃO... 5 3. TECNOLOGIA... 7 4. INTEGRAÇÃO E MIGRAÇÃO DE OUTROS SISTEMAS... 8 5. TELAS E RELATÓRIOS

Leia mais

ESTOQUE. Manual Estoque Atualizado em 29/06/2007 Pág. 1

ESTOQUE. Manual Estoque Atualizado em 29/06/2007 Pág. 1 MANUAL ESTOQUE Pág. 1 INTRODUÇÃO AO MÓDULO ESTOQUE Sua empresa seja de pequeno, médio, ou grande porte, precisa de um sistema que contemple as principais rotinas de controle de estoque. É para contornar

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

MÓDULO 1 Conhecendo o HÓRUS

MÓDULO 1 Conhecendo o HÓRUS MÓDULO 1 Conhecendo o HÓRUS Bem-vindo(a) ao primeiro módulo do curso! A partir de agora você conhecerá as principais características do sistema HÓRUS. Para iniciar, você saberia dizer por que este sistema

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

NOVIDADES DA VERSÃO 2.10 DO SANKHYA-W. Atividade Descrição Versão Abrangência

NOVIDADES DA VERSÃO 2.10 DO SANKHYA-W. Atividade Descrição Versão Abrangência NOVIDADES DA VERSÃO 2.10 DO SANKHYA-W Atividade Descrição Versão Abrangência Nota de complemento Geração de nota de complemento através do Sankhya-W. Informações da Sankhya/Jiva no Os e-mails de NF-e enviados

Leia mais

Manual. Sistema Venus. (Introdução)

Manual. Sistema Venus. (Introdução) Manual Do Sistema Venus (Introdução) 1 Este Manual tem com o objetivo demonstrar os padrões utilizados no sistema, e o início para usar o Vênus com sucesso. Ícone para acesso ao Vênus, para entrar, basta

Leia mais

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Agilidade, segurança e flexibilidade nos processos são os compromissos da Sistema Informática com seus clientes. Sediada em Criciúma,

Leia mais

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO 1/5 1) DOS OBJETIVOS: 1.1) Normatizar os procedimentos de entrada e saída de materiais adquiridos pelo Município; 1.2) Garantir recebimento dos materiais no que se refere a quantidade, qualidade e prazo

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL - SISTEMA EMISSOR DE NF-e 2.0

PROPOSTA COMERCIAL - SISTEMA EMISSOR DE NF-e 2.0 PROPOSTA COMERCIAL - SISTEMA EMISSOR DE NF-e 2.0 Caro cliente, O MakerPlanet.COM é uma empresa especializada na prestação de serviços para desenvolvedores na plataforma Maker, nosso objetivo auxiliá-lo

Leia mais

Básico. Grupo Acert - 1

Básico. Grupo Acert - 1 MÓDULO Básico Grupo Acert - 1 ÍNDICE 1 - S.I.J 1.1 - Sistema Integrado Para Jornais 1.2 - Módulos do S.I.J. 1.3 - Gestão de Clientes 1.4 - Gestão Comercial 1.5 - Gestão de Assinatura / Circulação 1.6 -

Leia mais

Parametrização Básica WMS

Parametrização Básica WMS Parametrização Básica WMS Sumário Definindo Parâmetros Gerais... 4 Parâmetros... 5 Conferência... 6 Integração... 7 Pick / Pack... 8 Tarefa... 10 Etiqueta... 11 Produção... 12 Integração do Produto...

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO SInAE Sistema Integrado de Administração Escolar Fevereiro - 2006 Sumário INTRODUÇÃO... 2 APRESENTAÇÃO DOS MÓDULOS... 3 Módulo Acadêmico... 3 Módulo de Cofigurações da Escola...

Leia mais

Relação das Novidades Implementadas na Versão 2.9 do Sistema SankhyaW - Setembro/2011

Relação das Novidades Implementadas na Versão 2.9 do Sistema SankhyaW - Setembro/2011 Relação das Novidades Implementadas na Versão 2.9 do Sistema SankhyaW - Setembro/2011 Suporte à integração com Imobilizado nos Portais Agora as centrais estão integradas com o Imobilizado, logo é possível

Leia mais

Dividimos esse módulo em duas partes, devido a extensão do conteúdo.

Dividimos esse módulo em duas partes, devido a extensão do conteúdo. MÓDULO 4 Entrada Bem-vindo(a) ao quarto módulo do curso! Nesse módulo, você aprenderá como realizar o registro de empenho, da entrada dos produtos e, também, do ajuste de lotes e transferência de endereço

Leia mais

Software de Compras. Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter

Software de Compras. Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter Software de Compras Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter OutBuyCenter Software para o gerenciamento de compras integradas (eprocurement e supply chain), objetiva a rápida tramitação de compras

Leia mais

Abaixo, questionamentos referentes ao certame supracitado e respostas conforme área técnica da CESAMA.

Abaixo, questionamentos referentes ao certame supracitado e respostas conforme área técnica da CESAMA. Juiz de Fora, 17 de maio de 2013. Referência: Concorrência 009/12 Objeto: Contratação de empresa especializada para fornecimento de licenças de uso perpétuo, implantação, customização, treinamento e manutenção

Leia mais

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva.

Os itens adicionados nesta lista serão retirados do estoque até que você os devolva. Funções do Rackine. Será abordado aqui de forma simples e abreviada, as principais funções de cada tela do Rackine. Focando apenas em descrever o que cada parte do software faz. Para informações relativas

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE

GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para

Leia mais

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA OBJETIVOS DO CURSO Atendendo a uma demanda de mercado por profissionais com este conhecimento, o SOFTEXRECIFE abre inscrições para uma nova turma

Leia mais

Portaria Conjunta STN/SOF nº 3/2008 Manual de Despesa Nacional;

Portaria Conjunta STN/SOF nº 3/2008 Manual de Despesa Nacional; Código: MAP-DIFIN-001 Versão: 00 Data de Emissão: XX/XX/XXXX Elaborado por: Gerência de Contabilidade Aprovado por: Diretoria de Finanças e Informações de Custos 1 OBJETIVO Estabelecer os procedimentos

Leia mais