PARA INTERNACIONALIZAÇÃO MATRIZ DE COMPETÊNCIAS E COOPERAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARA INTERNACIONALIZAÇÃO MATRIZ DE COMPETÊNCIAS E COOPERAÇÃO"

Transcrição

1

2 MATRIZ DE COMPETÊNCIAS PARA INTERNACIONALIZAÇÃO E COOPERAÇÃO As conclusões desta publicação são o resultado do estudo das competências de cooperação e internacionalização de empresas nacionais do setor TICE, em particular dos associados da Inova-Ria.* Para o efeito, foi concebida uma metodologia de recolha, tratamento e análise de dados quantitativos e qualitativos que possibilitou uma forte interação com as empresas selecionadas. Foram realizados inquéritos em plataforma online específica, individualmente, por cada colaborador previamente identificado, e ainda entrevistas presenciais aos gestores das empresas, para revisão e validação das respostas e exploração detalhada do conhecimento da empresa e o seu contexto empresarial. Ambicionando a criação de uma ferramenta útil, quer para a caracterização da situação atual, quer para o posicionamento relativo das competências em estudo, materializou-se o intercoop scoring, que possibilitará ainda uma contínua monitorização. Pretendendo retribuir o contributo dado por cada empresa participante, foi disponibilizado um relatório individual, no qual consta, para efeitos de benchmark, o seu score intercoop, o seu posicionamento relativo no setor e um relatório de análise global às avaliações de perfis de competências TICE realizados por cada empresa. *no âmbito do Projeto Alvos Estratégicos (SIAC- -PAE), aprovado no âmbito do Sistema de Apoio a Ações Coletivas (SIAC) do QREN, sendo cofinanciado pelo COMPETE, QREN e EU. The following conclusions result from the analysis of cooperation and internationalization competences of domestic companies in the ICT sector, particularly members of Inova-Ria.* For this purpose, a methodology for collecting, processing and analyzing quantitative and qualitative data was designed, enabling strong interactions with the selected companies. Surveys were conducted in a specific online platform, individually, by each employee, previously identified, and also face-to-face interviews with companies managers to review and validate all answers and explore thorough aspects on company s knowledge and its business context. Ambitioning to create a useful tool to characterize each companies current status and competences in study, it was developed the inter- COOP scoring, that will also allow a continuous monitoring. Intending to value each company s contribution, it was made available an individual report, conveying, for benchmark effects, the company s intercoop score, its relative positioning in the industry and a global analysis report of ICT competence profiles performed by each company. * within the Strategic Target Project (Projecto Alvos Estratégicos) (SIAC-PAE), approved under the Support System for Collective Actions (Sistema de Apoio a Ações Coletivas, SIAC) from QREN, being co-founded by COMPETE, QREN and EU. COOPERATION MATRIX INTERNATIONALIZATION AND COMPETENCES TOWARDS 2 3

3 1. INFORMAÇÃO QUANTITATIVA CADASTRO QUANTITATIVE INFORMATION REGISTER

4 1. INFORMAÇÃO QUANTITATIVA CADASTRO 1. QUANTITATIVE INFORMATION REGISTER Metodologicamente, a constituição da amostra inicial de empresas foi composta por 50 empresas associadas da Inova-Ria e 10 empresas não associadas, integrantes do setor TICE. Os critérios utilizados para seleção da amostra foram essencialmente a representatividade de empresas por perfis de dimensão (micro, PME e GE) e o seu enquadramento enquanto empresas nacionais de base tecnológica TICE. The constitution of the initial sample was composed by 50 member companies of Inova-Ria and 10 unaffiliated companies, in the ICT sector. The criteria used for the sample selection were essentially the representativeness of companies by size profiles (micro, SME s, LC) and their framework as national companies with a technological ICT basis. Pretendendo caracterizar a robustez económica das empresas do setor com motivação pela cooperação interempresarial e/ou internacionalização indica-se a sua composição por escalões do Capital Próprio no seguinte gráfico: Intending to characterize the economic strength of companies motivated by cross-company cooperation and/or internationalization, their composition by levels of Equity Capital is indicated in the following chart: 23% 23% 23% 17,65% 1.1. ESTRUTURA EMPRESARIAL 1.1. CORPORATE STRUCTURE 5,88% 5,88% Iniciando pela tipificação da amostragem alcançada, o gráfico 1 espelha a distribuição da mesma entre empresa familiar; carácter não-familiar; grupo empresarial e grupo multinacional. Beginning with the achieved sampling classification, chart 1 reflects its distribution among family business; non-family business; business holding and multinational holding GRÁFICO 2 - CAPITAL PRÓPRIO CHART 2 EQUITY CAPITAL De forma idêntica, o esquema seguinte mostra a distribuição (últimos 3 anos) e evolução do Valor Acrescentado Bruto (VAB) da amostra: Similarly, the following chart shows the distribution (last 3 years) and evolution from the Gross Value Added (GVA) of the sample: > Grupo Multinacional Multinational holding 15% Grupo Empresarial Business holding 39% 15% Empresa Familiar Family business % > Carácter Não-Familar Non-family business GRÁFICO 1 - TIPO DE EMPRESA CHART 1 TYPE OF COMPANY GRÁFICO 3 - VAB CHART 3 GVA 6 7

5 < > De forma escalonada, novamente, a evolução do resultado liquido e a sua distribuição é apresentada neste gráfico: Incrementally, again, the evolution of the net profit and its distribution is shown in this chart: 2012 GRÁFICO 4 - RESULTADO LÍQUIDO CHART 4 NET PROFIT Em termos de caracterização da oferta, as empresas que constituíram a amostra, assumem as suas práticas maioritariamente no desenvolvimento de software aplicacional específico, serviços de consultoria de arquitetura e implementação e de integração de sistemas de informação, soluções de open source, automatização e desmaterialização de processos e soluções de portais, marketing digital e e-commerce, soluções baseadas na web / cloud computing e software de apoio à gestão. O esquema seguinte evidencia a inventariação e respetiva representatividade da atividade desenvolvida pela amostra, numa perspetiva de oferta ao mercado. Regarding product mix characterization, the companies in the sample, assume that their practices stand mainly in the development of specific application software, architecture consulting and implementation and integration of information systems, open source solutions, automation and dematerialization of processes and portal solutions, digital marketing and e-commerce, web/cloud computing based solutions and management support software. The following chart shows the inventory and representativeness of the activity developed by the sample, in a market supply perspective. Em termos de estrutura organizacional, a amostra inquirida apresenta a seguinte distribuição de recursos humanos (escalões número de colaboradores), da qual se destaca uma forte concentração de empresas situada entre colaboradores. In terms of organizational structure, the respondent sample presents the following human resources distribution (echelon number of employees), outlining a strong concentration of companies standing between employees Software aplicacional especifico Serviço de consultoria de arquitetura, implementação e integração de sistemas de informação Soluções Open Source Specific application Architecture consulting and implementation and integration of information system Open source solutions Serviço de Manutenção e suporte de Sistemas e infraestrutura Maintenance and support of systems and infrastructure Outros serviços de consultoria Other consulting services Automatização e desmaterialização de processos Automation and dematerialization of processes Soluções de portais, marketing digital e e-commerce Portal solutions, digital marketing and e-commerce 6 Soluções baseadas na WEB/cloud computing Web-based solutions/cloud computing 13% 13% % Serviço de consultoria de análise, especificação, aquisição e implementação de sistemas Consulting service of systems analysis, specification, acquisition and implementation Software de sistema/ Gestão de bases de dados System s software / Data base management 14% 13% 7% Serviço de conceção, desenvolvimento, teste e manutenção de software de sistemas Serviço de conceção e desenvolvimento de sistemas Service of systems software design, development, test and maintenance Service of systems design and development < 10 2 Serviço de consultoria de arquitetura empresarial e processos de negócio Consulting service of enterprise architecture and business processes > 250 GRÁFICO 5 - RECURSOS HUMANOS CHART 5 HUMAN RESOURCES GRÁFICO 6 - ATIVIDADE OFERTA CHART 6 OFFERED ACTIVITY 8 9

6 Na análise das vantagens competitivas percebidas pelos clientes nacionais das empresas inquiridas constata-se que os fatores chave são (A / > 80%) Qualidade de Produto/Serviço, (B / > 60%) Serviço ao Cliente e Atualidade Tecnológica, (C / > 50 %) Serviço Pós-venda (assistência técnica) e Customização (desenvolvimento à medida). Qualidade de produto/serviço Product/Service Quality The analysis of competitive advantages perceived by national customers from surveyed companies, reveals the key factors (A / >80%) Product/Service Quality, (B / > 60%) Customer Service and Current Technology, (C / > 50 %) Post-sales Service (technical assistance) and Customization (customized development). A 1.2. COOPERAÇÃO INTEREMPRESARIAL 1.2. BUSINESS-TO-BUSINESS COOPERATION A grande maioria das empresas inquiridas considera que a cooperação pode estimular o crescimento da organização e, ainda, manifestaram claramente o interesse na realização de novos negócios resultantes dessa mesma cooperação. Most companies surveyed considers that cooperation can stimulate the growth of the organization and also clearly expressed interest in developing new business resulting from cooperation. Serviço ao Cliente Customer Service B Estimular o crescimento da organização Stimulate the growth of the organization 43% Atualidade Tecnológica Current Technology B Interesse na realização de novos negócios resultantes da cooperação Interest in developing new business resulting from cooperation 43% Serviço Pós-venda (assistência técnica) Post-sales Service (technical assistance) Customização (Desenvolvimento à medida) Customization (customized development) C C Ganhos de escala com parceiros para combater a concorrência Economy of scale with partners to tackle the competition 14% TABELA 1 - VANTAGENS COMPETITIVAS PERCEBIDAS PELOS CLIENTES NACIONAIS TABLE 1 COMPETITIVE ADVANTAGES PERCEIVED BY NATIONAL CUSTOMERS TABELA 2 - MOTIVAÇÕES PARA A COOPERAÇÃO TABLE 2 MOTIVATION TOWARDS COOPERATION As empresas foram solicitadas a identificar áreas de competências e da análise aos resultados obtidos verifica-se que as empresas da amostra obtida realçam a sua competência nas vertentes técnicas, e evidenciam- -se naturalmente as Tecnologias de Informação e Telecomunicações, conforme retratado no gráfico seguinte. Companies were challenged to identify areas of expertise, and the results draws that sample companies emphasize their technical expertise, and highlights naturally Information and Telecommunications Technologies, as shown on the following chart. 53% Na identificação das funções/áreas onde reconhecem benefícios da colaboração com parceiros, as empresas da amostra analisada evidenciaram que procuram parcerias fundamentalmente para a distribuição do seu produto e para o desenvolvimento e produção. A respetiva distribuição pode ser observada na tabela 3. While identifying the functions / areas, where the benefits of collaboration with the partners are recognized, the companies in the sample declared to be seeking partnerships essentially for product distribution, development and production. Table 3 shows that division. 28% 24% 24% 19% 19% 14% 1% 2% Comunicação e Marketing Communication and Marketing Sistemas de Gestão da Qualidade Quality Management Systems 5% 11% Eletrónica Consultoria / Formação Electronics Consulting / Training Telecomunicações Telecommunications Tecnologias de Informação Information Technologies Distribuição Distribution Desenvolvimento e produção Development and production Serviço/pós venda Service/ Post-sales Instalação e implementação Installation and implementation Conceção Design GRÁFICO 7 - COMPETÊNCIAS EMPRESARIAIS CHART 7 BUSINESS EXPERTISE TABELA 3 - FUNÇÕES / ÁREAS DE COOPERAÇÃO PRIVILEGIADAS TABLE 3 FUNCTIONS / PRIVILEGED AREAS OF COOPERATION 10 11

7 1.3. INTERNACIONALIZAÇÃO 1.3. INTERNATIONALIZATION No que concerne às práticas de internacionalização do negócio o estudo revelou que todas as empresas detêm alguma presença em mercados externos (direta ou indiretamente) e maioritariamente possuem esta experiência há mais de 5 anos. mais de 5 anos Over 5 years 43% Regarding business practices of internationalization, the study revealed that every company have some presence in foreign markets (directly or indirectly) and mostly have this experience for over 5 years. 28% 1 a 2 anos 1 to 2 years Os gráficos 9 e 10 espelham a representatividade dos mercados (países) internacionais na presença ativa no mercado externo das empresas inquiridas, quer em número quer em volume. Destaca-se claramente o Brasil, quer na sua significância em volume de negócios (33% do volume de negócios internacional) quer em número de empresas internacionalizadas (17% da amostra), sendo seguido por Angola, Moçambique e Espanha, em número de empresas internacionalizadas (17%, 14% e 10% respetivamente) e pela Polónia, Ucrânia e Espanha, em volume de negócios internacional (17%, 17% e 12% respetivamente). Charts 9 and 10 reflect international markets (countries) where the surveyed companies have an active presence both in number and volume. Brazil stands out clearly, in turnover s significance (33% of the volume of international business) as in number of internationalized companies (17% of the sample), followed by Angola, Mozambique and Spain, in number of internationalized companies (17%, 14% and 10%, respectively) and Poland, Ukraine and Spain, in international business volume (17%, 17% and 12%, respectively). 2 a 5 anos 2 to 5 years 28% 16% Brasil Brazil 4% Cabo Verde Cape Verde 4% China China 4% Gana Ghana 4% Malásia Malaysia Estimular o crescimento da organização Stimulate the organization s growth GRÁFICO 8 - ANOS DE PRESENÇA EM MERCADOS EXTERNOS (DIRETA OU INDIRETA) CHART 8 YEARS OF PRESENCE IN FOREIGN MARKETS (DIRECTLY OR INDIRECTLY) As empresas consideram que a internacionalização pode estimular o crescimento da organização e a diversificação das suas linhas de produtos / serviços, refletindo também um aproveitamento de economias de escala na venda de produtos. As principais motivações para a internacionalização recolhidas estão ilustradas na tabela seguinte: 43% Companies consider that internationalization can stimulate the organization s growth and diversify its products/services lines, also taking advantage of economies of scale when selling products. The main motivations towards internationalization are shown in the following table: Acompanhar os nossos clientes Meet customers needs 8% 13% Moçambique Mozambique 16% Angola Angola 10% Espanha Spain 7% Marrocos Morocco GRÁFICO 9 - PRESENÇA EM MERCADOS EXTERNOS (Número de empresas) CHART 9 PRESENCE IN FOREIGN MARKETS (Number of companies) 4% Ucrânia Ukraine 4% Polónia Poland 7% Alemanha Germany 7% França France Aproveitar economias de escala na venda dos produtos Take advantage of economies of scale when selling products 15% Aproveitar economias de custos de produção Take advantage of saving production costs 8% 11% 11% 12% 17% 17% 33% Diversificar as linhas de produto/serviço Diversify products/services lines 15% Responder às tendências de consumo de mercado externo Attend foreign market s consumer trends 8% 1% 1% 2% 2% França Gana China Malásia France Ghana China Malaysia 5% 6% Cabo Verde Cape Verde Moçambique Alemanha Mozambique Germany Angola Angola Espanha Spain Ucrânia Ukraine Polónia Poland Brasil Brazil TABELA 4 - MOTIVAÇÕES PARA A INTERNACIONALIZAÇÃO TABLE 4 MOTIVATIONS TOWARDS INTERNATIONALIZATION GRÁFICO 10 - PRESENÇA EM MERCADOS EXTERNOS (Volume de negócios internacional) CHART 10 PRESENCE IN FOREIGN MARKETS (International Business Volume) 12 13

8 O gráfico 11, caracteriza as estruturas privilegiadas para a presença em mercados externos das empresas inquiridas. Destaca-se a existência de um leque alargado de tipologias de presença internacional, com maior incidência na preferência pela aposta na venda direta ou criação de filial. Chart 11 characterizes the privileged structures of presence in foreign markets. It is emphasized the clear existence of a broad range of international type of presence with a major preference over direct sale or the creation of a subsidiary. Na análise das vantagens competitivas percebidas pelos clientes estrangeiros das empresas inquiridas constata-se que os fatores chave (A / > 80%) considerados são a Qualidade de Produto/Serviço, Atualidade Tecnológica, Customização (desenvolvimento à medida) e Preço. Neste contexto claro destaque para a valorização quer da atualidade tecnológica quer do fator preço como vantagens superiormente reconhecidas pelos clientes estrangeiros, em comparação com os clientes nacionais. Analyzing the competitive advantages perceived by foreign customers of the surveyed companies, it was found that the key factors (A /> 80%) are considered to be Product / Service Quality, Current Technology, Customization (customized development) and Price. In this context there is a clear value both for current technology and price factor, as advantages largely recognized by foreign customers, compared with national clients. Filial Subsidiary 30% 4% 7% 15% 7% 11% Outro Other Agente Agent Distribuidor Distributer Parceiro Partner 24% Qualidade de Produto/Serviço Product / Service Quality 2% Flexibilidade Flexibility 8% Serviço Pós-Venda (assistência técnica) Post Sales (Technical support) 14% Preço Price 14% Serviço ao Cliente Customer service Venda Direta Direct sale 26% Indireto Indirect 20% Atualidade Tecnológica Current technology 18% Customização (Desenvolvimento à medida) Customization (Customized development) GRÁFICO 11 - ESTRUTURA DA PRESENÇA EM MERCADOS EXTERNOS CHART 11 STRUCTURE OF THE PRESENCE IN FOREIGN MARKETS GRÁFICO 12 - VANTAGENS COMPETITIVAS PERCEBIDAS PELOS CLIENTES ESTRANGEIROS CHART 12 COMPETITIVE ADVANTAGES PERCEIVED BY FOREIGN CUSTOMERS 14 15

9 2. INFORMAÇÃO QUALITATIVA intercoop SCORING QUALITATIVE INFORMATION intercoop SCORING

10 2. INFORMAÇÃO QUALITATIVA intercoop SCORING 2. QUALITATIVE INFORMATION intercoop SCORING A matriz de competências para a cooperação internacionalização foi também efetivada através da realização de um inquérito, designado por intercoop, que consistiu num conjunto de questões, de abordagem ou de aplicação organizacional, com enquadramento em modelos de maturidade; que visou obter um quadro de informação dominantemente qualitativa e assumiu uma importância chave para aferição das debilidades e/ou forças relacionadas com competências e valências organizacionais a aportar às redes de cooperação interempresarial a constituir para a internacionalização dos seus negócios. O intercoop Scoring global inferido neste estudo, para o contexto da fileira TICE, apresenta um nível de 2,7, o que, na escala de maturidade para a cooperação interempresarial e para a internacionalização, corresponde à caracterização destas empresas num estágio de crescimento, próximo do controlo / organizado, com um elevado patamar de criatividade e autonomia. The competency matrix to cooperation internationalization has also been carried out through an inquiry, designated intercoop, which consisted in a set of questions, with an organizational approach or application, framed by a maturity model. This inquiry aimed to obtain a predominantly qualitative chart and assumed a key importance for the assessment of weaknesses and/ or strengths relating the organizational competencies and skills to contribute to the network of cross-company cooperation to establish the internationalization of their businesses. The global intercoop Scoring resulting from the current study, to the ICT sector, presents a level of 2,7, which, in a maturity scale for B2B cooperation and for internationalization, corresponds to the characterization of these companies in a stage of growth, near control/organized, with a high level of creativity and autonomy. Facilmente se identifica que as maiores debilidades, diagnosticadas pelas empresas, para a promoção da cooperação interempresarial e para a internacionalização se concentram nos Processos e nos Meios, havendo naturais fragilidades em todas as dimensões, todavia com menor influência no scoring. Neste contexto, e considerando o desdobramento das dimensões por temas críticos, apresenta-se o seguinte esquema: Cultura Estratégia Liderança Culture Strategy Leadership Estruturas Físicas Portefólio Competências Organizacionais Physical Facilities Portfolio Organizational Competencies Resultados de Práticas de Cooperação Results of Cooperation Practices Resultados de intercoop scoring It is easily identifiable that the major weaknesses, diagnosed by companies, to promote B2B cooperation and internationalization are focused on processes and means, with natural weaknesses in all dimensions, although less influential in the scoring. In this context, and considering the dimensions spread through critical issues, the following scheme is presented: Processos de Estruturação Processos Prospetivos Práticas de Internacionalização Results of Internationalization Practices Gestão de Interfaces com Envolvente Management of Interfaces with surrounding Structuring processes Prospective processes Este scoring deverá ser usufruído como uma ferramenta de benchmarking para a aferição do posicionamento relativo e de análise de melhoria a desenvolver na esfera da promoção da cooperação interempresarial e da internacionalização. O intercoop Scoring alcançado e respetivo desdobramento pelas quatro dimensões de análise é refletido no gráfico 13. This scoring should be used as a benchmarking tool for measuring the relative positioning and analysis of improvements to carry out within the scope of promotion of B2B cooperation and internationalization. The achieved intercoop Scoring and respective spread through the four dimensions of analysis is reflected in chart 13. Dimensão Condições Dimension Conditions Dimensão Meios Dimension Means CLOUD - intercoop Scoring Maturidade Maturity Dimensão Processos Dimension Processes Dimensão Resultados Dimension Results Maturidade Maturity Resultados Results 3.19 Condições Conditions Meios Means Considerando que a intensidade da cor reflete a maturidade das respostas dadas pela amostragem efetuada e que o tamanho da fonte (letra) releva a ponderação dada aos diversos temas para o intercoop Scoring, rapidamente se constata que a dimensão Meios, na sua componente Gestão de Interfaces com Envolvente, e a dimensão Condições, no fator Estratégia, representam, quer uma relevância significativa na metodologia adotada quer um contributo elevado para o scoring alcançado. Esta concordância manifesta-se como um ponto forte deste setor (TICE) para a criação de redes de cooperação interempresarial para a internacionalização. Considering that the intensity of the color reflects the maturity of the answers given and that the font size emphasizes the weighting of the various themes for the in- TERCOOP Scoring, it is quickly notable that the Dimension Means, in its component Management of Interfaces with surrounding, and the Dimension Conditions, in the Strategy factor, represent, either a significant pertinence in the adopted methodology and a high contribution to the scoring achieved. This agreement stands as a strength from this sector (ICT) for the creation of networks of cross-company cooperation for internationalization Processos Processes GRÁFICO 13 - intercoop Scoring CHART 13 INTERCOOP SCORING 18 19

11 As empresas inquiridas afirmam adotar práticas de gestão de interfaces na deteção de oportunidades no mercado externo para vigilância de potenciais parceiros de cooperação, não tendo todavia processos formalmente instituídos. Da mesma forma, muito embora a maioria das empresas não defina a sua estratégia de internacionalização em conjunto com os seus parceiros, uma parte das empresas assume como relevante a capacidade de articulação da sua estratégia com a de alguns parceiros preferenciais. SÍNTESE CONCLUSIVA DE DIAGNÓSTICO DA DIMENSÃO: CONDIÇÕES As empresas respondentes consideram maioritariamente que as suas práticas de gestão são favoráveis à procura ativa e constante sobre oportunidades de colaboração externa e de procura de novos desafios em novos mercados. Nenhuma das empresas está focada unicamente no mercado interno ou não promove a colaboração com outras empresas ou não encetou esforços de internacionalização. As empresas respondentes adotam práticas de promoção da colaboração entre os seus colaboradores, incentivando o seu envolvimento proativo nas atividades da organização. Em relação à procura de oportunidades de cooperação/ colaboração com parceiros de negócios concluí-se que as lideranças procuram não apenas procura ativamente oportunidades de colaboração como, para o fazer, encorajam o envolvimento de todos os colaboradores neste exercício. A maioria das empresas afirma deter um plano de internacionalização com objetivos definidos e comunicados, contemplando a cooperação com parceiros. A agilização deste plano contempla, ao abrigo do processo de planeamento estratégico da organização, a análise sistemática da envolvente externa com vista à identificação de oportunidades e ameaças. A maioria das empresas não define a sua estratégia de internacionalização em conjunto com os seus parceiros, muito embora uma pequena parte destas empresas assuma como relevante a capacidade de articulação da sua estratégia com a de alguns parceiros preferenciais. The surveyed companies claim to adopt practices of interfaces management to detect opportunities in foreign markets, for surveillance of potential cooperation partners, while not having formally established processes. Likewise, even though most companies do not define their strategy of internationalization with their partners, some companies assume as relevant the capacity to articulate their strategy with a few preferred partners. SUMMARY OF DIAGNOSIS OF DIMENSION: CONDITIONS The respondents companies mainly consider that their management practices are conducive to the active and constant search for external collaboration opportunities and search for new challenges in new markets. Neither companies focus solely in the domestic market, either it does not promote collaboration with other companies or it does not have initiated efforts towards internationalization. The respondents companies adopt practices of promotion of collaboration among their employees, encouraging their proactive involvement in the organization s activities. Concerning seeking opportunities for cooperation/collaboration with business partners, the conclusion achieved is, in this case, leaderships not only actively seek opportunities for collaboration, as to do so, encourage the involvement of all employees in this task. Most companies claim to hold an internationalization plan with defined and communicated objectives, contemplating cooperation with partners. Streamlining this plan includes, under the organization s strategic planning process, the systematic analysis of the external environment to identify opportunities and threats. Most companies do not define their internationalization strategy with their partners, although a small part of these companies takes as relevant the capacity to articulate their strategy with a few preferred partners. SÍNTESE CONCLUSIVA DE DIAGNÓSTICO DA DIMENSÃO: MEIOS A totalidade das empresas afirma deter no seu portefólio de produtos e/ou serviços comercializados em mercados externos, bem como, outros que não sendo atualmente comercializados nesses mercados detêm esse potencial. Os seus produtos e/ou serviços exibem potencial para o estabelecimento de parcerias, sendo que cerca de metade destas já apresenta essas práticas ao nível do desenvolvimento e/ou distribuição de produtos ou serviços. No momento da definição das valências funcionais das suas instalações físicas a maioria das empresas não contemplou preocupações ao nível da sua capacidade de acolhimento temporário de parceiros. Contudo reconhece a importância e afirma recorrer a soluções TIC (Hardware e Software) facilitadoras do desenvolvimento de projetos colaborativos com parceiros geograficamente distantes. No que concerne à sua representação em mercados internacionais a maioria das empresas considera conveniente ou fundamental dispor de algum tipo de representação física, que não impliquem necessariamente a presença direta e estruturada, recorrendo a parcerias locais. Em relação às estruturas internas e protagonistas na abordagem à cooperação, bem como, à procura e agilização de oportunidades de internacionalização, a larga maioria das empresas não dispõe de uma unidade/departamento com atribuições específicas para assegurar uma postura proativa nestas matérias, sendo que tal papel é desempenhado pela gestão de topo. Ainda assim, um terço das empresas já dispõe deste tipo de estruturas para apoiar os seus esforços de cooperação. Para apoio aos seus esforços de internacionalização este valor decresce sensivelmente para cerca de um quarto das empresas inquiridas. SUMMARY OF DIAGNOSIS OF DIMENSION: MEANS All companies claim to hold within their portfolio products/ services commercialized in foreign markets, as well as, others that even not being currently commercialized in those markets still detain that potential. Their products/ services have the potential to establish partnerships, and about half of these have already introduced these practices in development and/or distribution of products or services. When defining functional skills in their physical facilities most companies did not include concerns regarding the level of their ability to host temporary partners. However, its importance is recognized and they state resort to ICT solutions (Hardware and Software) that enable the development of collaborative projects with geographically distant partners. Regarding their representation in international markets, most companies considers having some sort of physical representation to be convenient or essential, not necessarily implying a direct and structured presence, by appealing to local partnerships. As concerns the approach to internal structures and players in the cooperation, as well as seeking and streamlining opportunities of internationalization, most companies do not have a unit/department with specific responsibilities to ensure a proactive stance in these matters, as such role is played by top management. Still, a third of the companies already have available these sort of structures to support their efforts to cooperate. To support their efforts towards internationalization this value decreases to about a quarter of the companies surveyed

12 SÍNTESE CONCLUSIVA DE DIAGNÓSTICO DA DIMENSÃO: PROCESSOS SUMMARY OF DIAGNOSIS OF DIMENSION: PROCESSES Um terço das empresas recorre ao networking informal e ao envolvimento de colaboradores em comunidades como forma de participação em ações de cooperação para a penetração em mercados externos. A third of companies resort to informal networking and involve their employees in communities as a way of taking a part in cooperative activities to penetrate foreign markets. No que respeita à abordagem aos mercados internacionais uma parte significativa das empresas inquiridas considera dispor de uma estratégia de internacionalização bem definida, sendo que a grande maioria destas identifica o recurso à cooperação com outros parceiros. Das empresas que não dispõem de uma estratégia de internacionalização, apenas uma minoria age de forma individual nos esforços que desenvolve para se internacionalizar, sendo que a maioria partilha com as anteriores a valorização da cooperação como forma de posicionamento nos mercados internacionais. Maioritariamente as empresas afirmam adotar práticas com vista a detetar oportunidades no mercado externo, embora não detenham processos sistemáticos implementados para esse efeito. Um terço das empresas não realiza, tampouco, qualquer atividade de deteção de oportunidades no mercado externo. No que respeita à gestão de projetos de internacionalização já em curso (concretização de oportunidades) cerca de um terço das empresas afirma ter processos formalmente instituídos para planeamento e acompanhamento dos mesmos. Outro terço afirma adotar práticas sem que estas estejam formalmente instituídas e as restantes não têm, tampouco, este tipo de práticas. Regarding the approach to international markets, a significant part of the surveyed companies considers having a well defined strategy for internationalization, and the vast majority recognizes cooperating with other partners. From companies with no internationalization strategy, only a minority acts individually towards internationalization, and most of them share the value of cooperation as a way of positioning in international markets. Mostly, companies claim to adopt practices to detect opportunities in foreign markets, although they do not hold systematic processes implemented for that purpose. A third of companies do not even carry any sort of activity in detecting opportunities in the foreign market. Regarding managing internationalization projects already in march (opportunities accomplishment) about a third of companies argues to have formally established processes for planning and monitoring them. Another third claims to adopt practices without them to be formally established, and the remaining does not even have this sort of practices. SÍNTESE CONCLUSIVA DE DIAGNÓSTICO DA DIMENSÃO: RESULTADOS Nenhuma das empresas considerou as práticas de internacionalização como irrelevantes para o bom desempenho financeiro e económico da organização, bem como, para a sua quota de mercado, melhoria da sua imagem e notoriedade da empresa e seu portefólio (reforço da sua diversificação e/ou diferenciação). A maioria das empresas considera que o processo de internacionalização tem um contributo determinante para o reforço de competências técnicas e comportamentais dos colaboradores, alinhadas com as competências organizacionais. À semelhança das considerações feitas sobre a relevância e benefícios das práticas de internacionalização, as empresas inquiridas encaram o recurso às práticas de cooperação de forma igualmente relevante, considerando-as adicionalmente como um recurso importante para alavancar os processos de internacionalização. SUMMARY OF DIAGNOSIS OF DIMENSION: RESULTS None of the companies considered internationalization practices as irrelevant to the proper financial and economic performance of the organization, as well as, its market share, image improvement and reputation and portfolio (diversification and /or differentiation enhancement). Most companies consider the internationalization process to have a decisive contribute to strengthen employees technical and behavioral competencies, aligned with organizational competencies. Like the reflections above on the relevance and benefits of internationalization practices, surveyed companies see the use of cooperation practices equally relevant, considering them an important resource to leverage internationalization processes. Metade das empresas dispõe de processos sistemáticos para interpretar expectativas e necessidades dos mercados/clientes. Metade destas procuram fazê-lo com o objetivo de antecipar tendências e de oferecer inovações disruptivas que permitam inclusivé a criação de novos mercados. As restantes, fazem-no numa perspetiva de captação de tendências, expectativas e necessidades atuais, prática limitativa do grau de novidade dos produtos e/ou serviços oferecidos. Half the companies run systematic processes to interpret markets/clients expectations and needs. Half of them do it with the purpose of anticipating trends and providing disruptive innovations that even allow the creation of new markets. The remaining, do it in a perspective of capturing current trends, expectations and needs, restraining the degree of novelty of offered products/services. A outra metade do universo de empresas inquiridas não dispõe de processos formalmente instituídos com vista à interpretação de expectativas e/ou necessidades dos mercados/clientes, sendo que não consideram que estas práticas sejam fundamentais à sua capacidade de apresentar com regularidade produtos e/ou serviços, novos ou significativamente adaptados, que permitam o seu posicionamento em novos segmentos de mercados. The other half of the surveyed companies have no formally established processes to interpret markets/clients expectations and/or needs, and do not consider that these practices are fundamental to their ability to present new or significantly adapted products and/ or services that allow their positioning in new market segments. Dois terços do universo de empresas inquiridas afirmam adotar práticas de constituição de equipas conjuntas para a prossecução dos seus objetivos de internacionalização, sendo que metade destas sustenta estas práticas em processos formalmente instituídos. Two thirds of the population of surveyed companies claims to establish joint teams for achieving their goals of internationalization, as half supports these practices with formally established processes

13 3. INFORMAÇÃO QUALITATIVA ASSESSMENT DE COMPETÊNCIAS QUALITATIVE INFORMATION COMPETENCES ASSESSMENT

14 Group 1 Software Group 2 Hardware 3. INFORMAÇÃO QUALITATIVA ASSESSMENT DE COMPETÊNCIAS 3. QUALITATIVE INFORMATION COMPETENCES ASSESSMENT A matriz de competências da cooperação para a internacionalização foi também desenvolvida através da realização de um assessment de competências, mediante uma identificação dos perfis de competências em cada uma das empresas da amostra, estes foram avaliados, à escala individual - considerando os níveis de proficiência estruturados para cada função. Todos os participantes, que detinham perfis de competência referentes à área das tecnologias de informação (consultar quadro seguinte) foram mobilizados e sensibilizados para as questões relevantes da realização dos assessments. Group 3 Infrastructure Analysis Design Design Engineering Data Administration Audit Analysis Programming Application Software Implementation Business Analysis and Service Level Management Programming Software Design and Delivery (Engineering) Technical ICT Architecture Web Design Hardware Scientist Manufacturing Engineering Product Line Management Technical Marketing Database Administration Capacity and Performance Group 4 Testing/Quality Control Management Quality Assurance The competences matrix towards cooperation for internationalization has also been honored by conducting a competences assessment, through identification of competences profiles in each company of the sample, these were assessed at an individual level considering proficiency levels structured for each function. All participants, who held competence profiles related to the ICT area (see the following table), were mobilized and sensitized to the relevant issues of assessments completion. Group 5 Documentation and Training Education or Training Management Technical Writing Group 6 Management ICT Management Intellectual Property Management Production Management Help Desk Quality Professional Project Management Network Planning and Support Problem Management Systems Programming Supply Chain Management ICT Consultancy 3.1. ANÁLISE AOS PERFIS DE COMPETÊNCIAS 3.1. COMPETENCES PROFILES ANALYSIS De forma a avaliar o nível de competência dos recursos humanos das empresas participantes neste projeto, foram enviados um total de 112 avaliações, com uma taxa de resposta de 57%. Como se pode verificar no gráfico GRÁFICO 14 - NÚMERO DE RESPOSTAS POR PERFIL CHART 14 NUMBER OF ANSWERS PER PROFILE In order to assess the level of competence of the human resources from the companies involved in this project, a total of 112 evaluations have been sent, with a 57% response rate, as can be seen in chart Project Management Application Software Implementation Web Development Software Design and Delivery (Engineering) Quality Assurance Analysis Design Web Design ICT Management Analysis Programming Technical ICT Architecture Systems Programming Supply Chain Management Production Management Product Line Management ICT Consultancy Help Desk Education or Training Management Database Administration Capacity and Performance Business Analysis and Service Level Management Programming Audit Manufacturing Engineering Problem Management Intellectual Property Management Estes perfis são constituídos por um conjunto de competências gerais e especificas que são exigidas ao desempenho de cada um dos colaboradores, e que foram avaliadas na ferramenta de gestão de competências CompetencyCore5. TABELA 5 - PERFIS DE FUNÇÃO TABLE 5 ROLE PROFILE These profiles consist of a set of general and specific competences that are required for the performance of each employee, and have been evaluated in the competence management tool CompetencyCore5. De acordo com o gráfico acima apresentado, verifica-se que o perfil mais selecionado nas avaliações efetuadas é o de Project Management apresentando o maior número de avaliações. Os perfis de Quality Assurance, Web Development, Software Design and Delivery, Application Software implementation e Analysis Design apresentam um número de avaliações significativas According to the chart shown above, it is possible to infer that, through the conducted evaluations, the most selected profile is Project Management, featuring the largest number of reviews. Quality assurance, Web Development, Software Design and Delivery Application Software implementation and Analysis Design profiles feature a significant number of reviews, from which we 26 27

15 do qual podemos concluir que são as funções que as empresas mais referem ao nível de desenvolvimento do seu capital humano. are able to conclude that these are the functions that companies favors in terms of Human Resources Development. Decision Making Creativity and Innovation Analytical Thinking Product/Intellectual Property Management in ICT Os vários perfis disponibilizados para avaliação estão agrupados por diferentes áreas tais como: Grupo1 Software; Grupo 2 Hardware; Grupo 3 Infrastructure; Grupo 4 Testing/Quality Control; Grupo 5 Documentation and training; Grupo 6 Management. The various profiles made available for evaluation are grouped into different areas such as: Group 1 Software; Group 2 Hardware; Group 3 Infrastructure; Group 4 Testing/Quality Control; Group 5 Documentation and training; Group 6 Management. Information Management Database Design and Management Business Analysis Architecture Application Developent/Support and Maintenance Writing Team Leadership Com 25 e 17 avaliações realizadas, pode-se concluir que o grupo de funções 1 Software, e o grupo 6 Management, respetivamente, traduzem uma maior representatividade no número de escolhas das empresas que foram contempladas neste estudo. With 25 and 17 conducted assessments, we are able to conclude that function group 1 Software and group 6 Management, respectively, reflect a greater representation in the number of selections of the companies in this study. 0 Relationship Building Analysis Design Standard Para a análise seguinte, foram escolhidos os perfis que tiveram um maior número de avaliações efetuadas (maior ou igual a 4), comparando as médias das mesmas com o padrão de cada um dos perfis. Este padrão é calculado através dos níveis de exigência de cada competência apresentados para cada um dos perfis avaliados. Analisando o gráfico 15, podemos constatar que, em geral, todas as competências apresentam uma média inferior ao padrão definido para o perfil Analysis Design, sendo as competências de Business Analysis e Analytical Thinking as que apresentam um maior gap entre a avaliação e o padrão. A competência Information Management é a única que se encontra com o valor igual ao padrão. For the following analysis, profiles that have a larger number of conducted evaluations (greater than or equal to 4) were chosen, comparing their averages with each profile pattern. Which is calculated through the levels of each competence requirement provided for each evaluated profile. Analyzing chart 15, we can see that all competences present an average bellow the defined pattern to the Analysis Design profile, being competences such as Business Analysis and Analytical Thinking those with a greater gap between evaluation and pattern. Information Management competence is the only that meets the default value. GRÁFICO 15 - ANÁLISE DO PERFIL ANALYSIS DESIGN E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 15 PROFILE ANALYSIS DESIGN ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES De acordo com o gráfico 16, todas as competências apresentam uma média superior ao padrão definido para o perfil de Project Management, à exceção das competências de Team Leadership, Architecture, IT Project management, Telecommunications Network e Risk Taking. According to the chart 16, all competences have an average higher than the standard set for the profile of Project Management, except the competences Team Leadership, Architecture, IT Project Management, Telecommunications Network and Risk Taking. Creativity and Innovation Analytical Thinking Risk Taking Adaptability Quality Control andassurance for ICT Resource Management Information Management Telecommunications (Data and Voice) Network IT Project Management Business Analysis IT Procurement and Asset Management Architecture Business Perspective Writing Team Leadership 0 Relationship Building Project Management Standard GRÁFICO 16 - ANÁLISE DO PERFIL PROJECT MANAGEMENT E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 16 - PROFILE PROJECT MANAGEMENT ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES 28 29

16 Da análise referente ao gráfico 17, verificamos que a grande maioria das competências avaliadas obteve valores de maturidade acima do padrão. Para este perfil, as competências alvo de maior destaque ao nível do seu desenvolvimento são Relationship Building, Writing - onde a discrepância é significativamente acentuada () - Services Management Processes, e Analytical Thinking. Regarding the analysis of chart 17, we find that the vast majority of assessed competences obtained maturity levels above the standard. For this profile, the competences with a greater focus on development level are Relationship Building, Writing - where the gap is significantly enhanced () - Services Management Processes, and Analytical Thinking. Creativity and Innovation Analytical Thinking Decision Making Analytical Thinking Quality Control and Assurance for ICT Information Management IT Project Management IT Procurement and Asset Management Infrastructure/Platforms Application Development/Support and Maintenance Writing Team Leadership Relationship Building Developing Others Quality Control and Assurance for ICT Information Management Service Management Processes 0 Software Design and Delivery (Engineering) Standard IT Project Management Infrastructure/Platforms Application Development/Support and Maintenance GRÁFICO 18 ANÁLISE DO PERFIL SOFTWARE DESIGN AND DELIVERY (ENGINEERING) E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 18 - PROFILE SOFTWARE DESIGN AND DELIVERY (ENGINEERING) ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES 0 Writing Skils Teamwork Team Leadership Relationship Building Application Software Implementation Standard De acordo com o gráfico 19, verifica-se que todas as competências avaliadas exceto Team Leadership obtiveram valores inferiores ao estabelecido como padrão para uma carreira sénior para esta função. Destaca-se Business Analysis e Analytical Thinking como as competências com maior gap () entre os resultados obtidos com o padrão definido para essas competências. Chart 19 shows that all assessed competences, with the exception of Team Leadership, obtained less than those established as default for a senior career values for this function. Business Analysis and Analytical Thinking stand out as the competences with a greater gap () between the obtained results and the pattern set for these competences. GRÁFICO 17 - ANÁLISE DO PERFIL APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 17 - PROFILE APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES Decision Making Creativity and Innovation Analytical Thinking Information Management Da análise do gráfico 18, verifica-se, no presente perfil, a existência de um gap considerável ao nível da grande maioria das competências avaliadas. Neste perfil, cerca de 80% das competências são alvo de atenção ao nível do seu desenvolvimento, em função do padrão de maturidade definido como referência. É de salientar as competências Relationship Building e Infrastructure Platforms que atingiram valores de maturidade acima da referência para a carreira sénior da função de Software Design and Delivery (Engineering). Analyzing chart 18, it is possible to infer, within the profile, the existence of a considerable gap regarding most assessed competences. In this profile, about 80% of the competences earn further attention regarding their development, depending on the standard of maturity defined as a reference. Relationship Building and Infrastructure Platforms competences are noteworthy, as they reached maturity values above the standard to the senior career of Software Design and Delivery (Engineering) function. 0 Testing Database Design and Management IT Project Management Business Analysis Application Development/Support and Maintenance Writing Team Leadership Relationship Building Web Development Standard GRÁFICO 19 - ANÁLISE DO PERFIL WEB DEVELOPMENT E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 19 - PROFILE WEB DEVELOPMENT ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES 30 31

17 Da análise do gráfico 20, constata- -se que para todas as competências avaliadas neste perfil, existe uma necessidade de desenvolvimento ao nível da maturidade de cada uma das competências constituintes. IT Project Management e Risk Taking assumem os valores mais próximos com o padrão estabelecido. According to chart 20, it appears that for all assessed competences in this profile there is a need to develop the maturity level for each of the component skills. IT Project Management and Risk Taking have both the closest values to the established pattern. Planning and Organizing Decision Making Analytical Thinking Risk Taking Quality Control and Assurance for ICT Results Management 3.2. ANÁLISE AOS GRUPOS DE COMPETÊNCIAS 3.2. GROUP OF COMPETENCES ANALYSIS De acordo com o gráfico 21, podemos constatar que fazem parte deste perfil todos os grupos de competência, exceto do grupo sales & retail competencies. O grupo de competências que apresenta o valor mais baixo em relação ao padrão é o de General IT. Os restantes grupos atingem valores ligeiramente superiores aos estabelecidos padrão. Regarding chart 21, we are able to stand that all groups of competences take part of this profile, with the exception of Sales & Retail. The group with the lowest value against the standard is General IT. The remaining groups reach slightly higher values than the standard set. IT Project Management Business Perspective Writing Team Leadership Relationship Building Quality Assurance Standard 0,0 Communication/ Interpersonal Core General IT Business ICT Personal Thinking Project management Standard Proficiency level working Proficiency level overcame Sales & Retail Competencies 0 GRÁFICO 21 - ANÁLISE DO PERFIL PROJECT MANAGEMENT E GRUPOS DE COMPETÊNCIA CHART 21 - PROFILE PROJECT MANAGEMENT ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES GRÁFICO 20 - ANÁLISE DO PERFIL QUALITY ASSURANCE E RESPETIVAS COMPETÊNCIAS CHART 20 - PROFILE QUALITY ASSURANCE ANALYSIS AND RELATED COMPETENCES Na análise seguinte, iremos comparar a média de avaliações, classificadas por grupos de competência, em relação ao padrão para cada um dos perfis. Este é calculado de acordo com o nível de exigência estipulado para cada perfil, em cada grupo de competências. In the following analysis, we will compare the average ratings, classified by groups of competences in relation to each of the profiles pattern. This one is calculated according to the stipulated level of demande for each profile in each group of competences. Segundo o gráfico 22, podemos observar que, de acordo com as avaliações efetuadas, as avaliações atingidas em todos os grupos de competência estão iguais ou acima do padrão definido. Do perfil de Application Software Implementation não são avaliadas competências referentes aos grupos Core, Personal e Sales & Retail competences. Analyzing chart 22, we are able to detect that, according to the assessments conducted, they are in every competence group equal or above the set standard. From the profile Application Software Implementation, competences related to the groups Core, Personal and Sales & Retail competences are not assessed. 0,0 Communication/ Interpersonal Core General IT Business ICT Personal Thinking Sales & Retail Application Software Implementation Standard Proficiency level working Proficiency level overcame GRÁFICO 22 - ANÁLISE DO PERFIL APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION E GRUPOS DE COMPETÊNCIA CHART 22 - PROFILE APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES 32 33

18 De acordo com o gráfico 23, podemos observar que, em relação ao perfil Analysis Design, não fazem parte competências dos grupos Core, Personal e Sales & Retail. As avaliações efetuadas obtiveram uma pontuação abaixo do padrão definido para os diferentes grupos de competência exceto nas Business que apresentam um valor igual. Chart 23 shows that, regarding the profile Analysis Design, it does t take part competences from the groups Core, Personal and Sales & Retail. The assessments conducted presented a score below the standard set for the different groups of competences with the exception of Business that meets the standard value. Em relação ao perfil de Software Design and Delivery podemos observar que não é representado por nenhuma competência dos grupos de Core, Personal e Sales & Retail. As médias das avaliações estão na sua maioria, abaixo do padrão exigido para este perfil, podendo-se observar uma maior discrepância nos grupos das Business, ICT e no grupo das Thinking. Regarding the Software Design and Delivery profile we can observe it is not represented by any competences from the groups Core, Personal and Sales & Retail. Assessments averages are majorly below the required standard for this profile, being possible to observe a greater gap in the Business, ICT and Thinking groups. 0,0 Communication/ Interpersonal Core General IT Business ICT Personal Thinking Analysis Design Standard Proficiency level working Proficiency level overcame Sales & Retail 0,0 Communication/ Interpersonal Software Desing and Delivery Core General IT Business ICT Personal Thinking Standard Proficiency level working Proficiency level overcame Sales & Retail GRÁFICO 23 - ANÁLISE DO PERFIL ANALYSIS DESIGN E GRUPOS DE COMPETÊNCIA CHART 23 - PROFILE APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES GRÁFICO 25 - ANÁLISE DO PERFIL SOFTWARE DESING AND DELIVERY E GRUPOS DE COMPETÊNCIA GROUPS CHART 25 - PROFILE SOFTWARE DESIGN AND DELIVERY ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES 0,0 Communication/ Interpersonal Core De acordo com o gráfico 24, a média das avaliações nos diferentes grupos de competência é sempre abaixo do padrão definido. Este perfil não apresenta competências do grupo Sales & Retail. General IT Business ICT According to chart 24, assessments average in the different groups of competence stands always below the set standard. This profile does not include competences of the Sales & Retail group. Personal Thinking Sales & Retail De acordo com o gráfico 26, podemos observar que a média das avaliações nos diferentes grupos se encontram, no geral, abaixo do padrão sendo que a diferença mais significativa é no grupo das Thinking. Neste perfil não foram avaliadas competências pertencentes aos grupos de Core, ICT e Personal. 0,0 Communication/ Interpersonal Core General IT According to the chart 26, we are able to perceive that the assessments average within the different groups can be found, generally, below the pattern, as the most significant difference can be found in Thinking group. from the groups Core Competencies, ICT and Personal were not assessed in this profile. Business ICT Personal Thinking Sales & Retail Quality Assurance Standard Proficiency level working Proficiency level overcame Web Development Standard Proficiency level working Proficiency level overcame GRÁFICO 24 - ANÁLISE DO PERFIL QUALITY ASSURANCE E GRUPOS DE COMPETÊNCIA CHART 24 - PROFILE APPLICATION SOFTWARE IMPLEMENTATION ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES GRÁFICO 26 - ANÁLISE DO PERFIL WEB DEVELOPMENT E GRUPOS DE COMPETÊNCIA CHART 26 - PROFILE WEB DEVELOPMENT ANALYSIS AND GROUPS OF COMPETENCES 34 35

19 4. CONSIDERAÇÕES FINAIS FINAL CONSIDERATIONS

20 4. CONSIDERAÇÕES FINAIS 4. FINAL CONSIDERATIONS O presente relatório analisa uma diversidade de dados sobre o nível de competência dos recursos humanos das diferentes empresas a partir de duas abordagens metodológicas diferentes. A primeira abordagem consiste numa comparação entre os resultados das avaliações efetuadas pelos participantes sobre um conjunto de perfis e as suas competências em relação ao nível exigido segundo um padrão de excelência (carreira sénior). A segunda abordagem explora também as avaliações dos perfis em relação a um padrão, mas agrupando as competências em diferentes grupos, permitindo uma análise mais focada de acordo com os diferentes tipos de competência. Uma primeira observação que, em certa medida, representa um pressuposto importante para a análise dos resultados do estudo, diz respeito ao fato de que os perfis analisados neste relatório terem sido escolhidos por apresentarem uma maior frequência de respostas com o intuíto de apresentar uma discussão dos resultados mais sustentada. Todos os perfis foram analisados numa carreira sénior, aumentando assim, o nível de exigência necessário para o desempenho do mesmo. Sabendo que a realidade das empresas participantes são distintas umas das outras não se pretende ter perfis específicos para cada uma, mas sim perfis sustentados num padrão de excelência que possa identificar oportunidades de melhoria. As avaliações realizadas demonstram que as médias, na generalidade, foram abaixo do padrão definido tendo em conta que o padrão escolhido foi um padrão de excelência. No entanto, este estudo possibilitou às empresas analisarem o estado atual das competências dos seus recursos humanos, em relação ao padrão definido, e identificarem as áreas que carecem de desenvolvimento. Por observação dos gráficos apresentados anteriormente, pode-se verificar que as competências técnicas são as que apresentam uma menor discrepância em relação ao padrão estabelecido. Por outro lado, as competências denominadas como Soft apresentam uma maior diferença em relação ao padrão, podendo significar uma oportunidade de melhoria e de possível desenvolvimento. This report analyzes a diverse data on the level of competences of the Human Resources of different companies, based on two different methodological approaches. The first approach is a comparison between the results of assessments conducted by the participants on a set of profiles and their competences in relation to the required level to a standard of excellence (Senior Career). The second approach also explores the assessment of profiles in relation to a standard, however, it gathers competences in different groups, allowing a more focused analysis according to different types of competences. A first observation that, to some extent, represents an important assumption to analyze the results of the study, concerns the fact that the analyzed profiles in this report were chosen for having a higher frequency of responses enabling to present a more sustained discussion of results. All profiles were analyzed in a senior career, thus increasing, the required level of demand for its performance. Bearing in mind that the reality from the participating companies is distinct, it is not intended to obtain specific profiles for each, rather profiles sustained in a standard of excellence that can identify opportunities for improvement. Assessments show that the averages, in general, were lower than the standard set, as the chosen standard was one of excellence. However, this study has enabled companies to analyze the current state of their human resources competences, in comparision to the defined standard, and identify areas requiring development. Observing the charts above, it can be seen that technical competences are those with the lowest gap in relation to the established standard. On the other hand, competences referred as Soft have a greater difference from the standard, and may indicate an opportunity for improvement and possible development. JUNTOS SOMOS MAIS FORTES 38

Banca examinadora: Professor Paulo N. Figueiredo, Professora Fátima Bayma de Oliveira e Professor Joaquim Rubens Fontes Filho

Banca examinadora: Professor Paulo N. Figueiredo, Professora Fátima Bayma de Oliveira e Professor Joaquim Rubens Fontes Filho Título: Direção e Taxa (Velocidade) de Acumulação de Capacidades Tecnológicas: Evidências de uma Pequena Amostra de Empresas de Software no Rio de Janeiro, 2004 Autor(a): Eduardo Coelho da Paz Miranda

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação Relatório de estágio apresentado à Universidade Católica Portuguesa para obtenção do

Leia mais

Autor: Débora Saraiva de Melo Anversa 1 Co-Autores: Teresinha Rita Boufleuer 2 Franciele Pastre 3 Andreici Daiani Vedovatto 4 Ademar Tibola 5

Autor: Débora Saraiva de Melo Anversa 1 Co-Autores: Teresinha Rita Boufleuer 2 Franciele Pastre 3 Andreici Daiani Vedovatto 4 Ademar Tibola 5 Proposta de Desenvolvimento do Empreendedor na INCTECh: adequação à prática chave segundo a metodologia CERNE 1. Proposal for Entrepreneurial Development at INCTECh: suitability to practice key according

Leia mais

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações Raquel Silva 02 Outubro 2014 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 PUBLICAÇÃO DIS: - Draft International Standard

Leia mais

Transferência de Tecnologia. Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro

Transferência de Tecnologia. Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro Transferência de Tecnologia Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro Eurico Neves Análise de Mercado Análise de Produto / Serviço Estratégias de licenciamento Distribuição

Leia mais

OFFICE. Office Background

OFFICE. Office Background OFFICE Office Background Since it was founded in 2001, steady growth has been registered by the office in the Brazilian market of corporate law, a field in which our services are exemplary. The consolidation

Leia mais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais BEM VINDO AO MUNDO RANGEL WELCOME TO RANGEL WORLD Atividade Aduaneira Customs Broker Transporte Marítimo Sea Freight ESPANHA SPAIN Transporte Aéreo Air Freight Expresso Internacional FedEx International

Leia mais

intercoop scoring por

intercoop scoring por intercoop scoring por ÍNDICE Conteúdo ÍNDICE... 1 MATRIZ DE COMPETÊNCIAS PARA INTERNACIONALIZAÇÃO E COOPERAÇÃO INOVARIA / TICE... 2 ORIENTAÇÕES GERAIS... 4 APLICAÇÃO... 5 EMPRESAS SELECIONADAS (AMOSTRA)...

Leia mais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais BEM VINDO AO MUNDO RANGEL WELCOME TO RANGEL WORLD Toda uma organização ao seu serviço! Constituídos em 1980 por Eduardo Rangel, rapidamente marcámos

Leia mais

Teixeira Duarte Distribuição Teixeira Duarte Distribution. Marcas representadas Represented brands. Aposta na competência Focus on competence

Teixeira Duarte Distribuição Teixeira Duarte Distribution. Marcas representadas Represented brands. Aposta na competência Focus on competence Teixeira Duarte Distribuição Teixeira Duarte Distribution Marcas representadas Represented brands Aposta na competência Focus on competence Mercados de atuação Marketplaces Angola Angola Brasil Brazil

Leia mais

Universidade do Porto

Universidade do Porto O Estado da Arte em Projectos de Investimento - A Importância da Análise Não Financeira Na Prática das Empresas Portuguesas Nuno Filipe Lopes Moutinho Tese de Mestrado em Ciências Empresariais Área de

Leia mais

Enterprise Europe - Portugal

Enterprise Europe - Portugal Enterprise Europe - Portugal Oportunidades de Cooperação Internacional Agência de Inovação Bibiana Dantas Lisboa, 5-Jun-2012 Enterprise Europe Portugal Jun 2012 2 A União Europeia é um mercado de oportunidades!

Leia mais

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas)

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Professional activities/tasks Design and produce complex ICT systems by integrating

Leia mais

Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal. Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015

Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal. Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015 Cidades Analíticas Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015 Apresentação da candidatura: Candidato Luis Maia Oliveira

Leia mais

Digital Cartographic Generalization for Database of Cadastral Maps

Digital Cartographic Generalization for Database of Cadastral Maps Mariane Alves Dal Santo marianedalsanto@udesc.br Francisco Henrique de Oliveira chicoliver@yahoo.com.br Carlos Loch cloch@ecv.ufsc.br Laboratório de Geoprocessamento GeoLab Universidade do Estado de Santa

Leia mais

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines basic concepts Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Um produto www.usm.maine.edu

Leia mais

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship Sucesso é a união de três elementos: confiança, reciprocidade e trabalho, tendo o trabalho um fator duplo de multiplicação (success is basically the union of three elements: trust, reciprocity and work,

Leia mais

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 -

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - Glossário BiSL Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - 1. Glossário de Terminologia Terminologia em Inglês Terminologia em Português BiSL processes Processos de BiSL Business data management

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS

CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS CENTRO UNIVERSITÁRIO METROPOLITANO DE SÃO PAULO CURSO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS UMA VANTAGEM COMPETITIVA COM A TERCEIRIZAÇÃO DE SERVIÇOS AMANDA ZADRES DANIELA LILIANE ELIANE NUNES ELISANGELA MENDES Guarulhos

Leia mais

design para a inovação social

design para a inovação social design para a inovação social mestrado em design - 15 16 universidade de aveiro gonçalo gomes março de 2016 s.1 ergonomia ergonomia > definição Ergonomia A ergonomia (do grego "ergon": trabalho; e "nomos":

Leia mais

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office DPI Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office Apresentação/Presentation Criado em 1 de março de 2011, o Núcleo de

Leia mais

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores Tese de Mestrado em Gestão Integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança Carlos Fernando Lopes Gomes INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Fevereiro

Leia mais

Project Management Activities

Project Management Activities Id Name Duração Início Término Predecessoras 1 Project Management Activities 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 2 Plan the Project 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 3 Define the work 15 dias Sex 05/10/12

Leia mais

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS SANDRA MARIA MORAIS VALENTE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO Área de

Leia mais

Consórcio do Politecnico di Milano. Fevereiro 2013

Consórcio do Politecnico di Milano. Fevereiro 2013 Consórcio do Politecnico di Milano Fevereiro 2013 DESIGN DEFINITIONS SENAI & POLI.design Fevereiro 2013 Design como uma atividade específica no processo de P&D que visa a projetação dos aspectos funcionais

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR Concurso com Previa Qualificação Convite para a Manifestação de Interesse

Leia mais

// gaiato private label

// gaiato private label // gaiato private label // a empresa // the company A Calçado Gaiato é uma empresa prestadora de serviços no setor de calçado, criada em 2000 por Luís Pinto Oliveira e Mário Pinto Oliveira, sócios-fundadores

Leia mais

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE IV EXPOEPI International Perspectives on Air Quality: Risk Management Principles for Oficina de Trabalho: Os Desafios e Perspectivas da Vigilância Ambiental

Leia mais

SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012

SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012 New Standards for Business SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012 Quem Somos A SCORE INNOVATION é uma empresa que tem como objecto social a prestação de serviços em consultoria,

Leia mais

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012 Universidade do Minho Escola de Engenharia UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13 11 de outubro 2012 1 2 2 courses offered in the first semestre: Métodos de Investigação em Engenharia

Leia mais

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO DAS STARTUPS DO MIDI TECNOLÓGICO

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO DAS STARTUPS DO MIDI TECNOLÓGICO METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO DAS STARTUPS DO MIDI TECNOLÓGICO RESUMO As incubadoras de empresas são ambientes dotados de competência gerencial, técnica e administrativa que impulsionam a promoção do nascimento

Leia mais

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br Institutional Skills Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS Passo a passo 2 2 British Council e Newton Fund O British Council é a organização internacional do Reino Unido para relações culturais e oportunidades

Leia mais

Faro. Enriching our city brand

Faro. Enriching our city brand Faro Enriching our city brand 1 2 3 establish a strategy to value our identity1 st Step evaluation supported by studies and similar work / statistical and qualitative analysis / tourists, visitors and

Leia mais

Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business

Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business Information economics Internet strategic positioning Price discrimination Versioning Price matching The future of B2C InformationManagement

Leia mais

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS THE CAPITAL STRUCTURE: AN ANALYSE ON INSURANCE COMPANIES FREDERIKE MONIKA BUDINER METTE MARCO ANTÔNIO DOS SANTOS MARTINS PAULA FERNANDA BUTZEN

Leia mais

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração VICTOR HUGO SANTANA ARAÚJO ANÁLISE DAS FORÇAS DE PORTER NUMA EMPRESA DO RAMO FARMACÊUTICO:

Leia mais

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures GeoInfo - 2006 Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures Leonardo Lacerda Alves Clodoveu A. Davis Jr. Information Systems Lab

Leia mais

Participatory Map of Rio de Janeiro

Participatory Map of Rio de Janeiro Leandro Gomes Souza Geographer Luiz Roberto Arueira da Silva Director of City Information Pereira Passos Institute - City of Rio de Janeiro About us Pereira Passos Institute (IPP) is Rio de Janeiro municipal

Leia mais

SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata:

SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata: SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata: Vaga: Estagiário Área Jurídica Área: Legal Department O Departamento Jurídico é uma área dinâmica que possui

Leia mais

ANO I Abertura Opening Os primeiros movimentos do jogo Há um ano, três advogados vindos de renomados escritórios de advocacia, onde exerciam funções de destaque, se reuniram em torno de uma idéia:

Leia mais

Tese / Thesis Work Análise de desempenho de sistemas distribuídos de grande porte na plataforma Java

Tese / Thesis Work Análise de desempenho de sistemas distribuídos de grande porte na plataforma Java Licenciatura em Engenharia Informática Degree in Computer Science Engineering Análise de desempenho de sistemas distribuídos de grande porte na plataforma Java Performance analysis of large distributed

Leia mais

Normalização e interoperabilidade da informação geográfica

Normalização e interoperabilidade da informação geográfica Normalização e interoperabilidade da informação geográfica perspetivas para a formação em Engenharia Geográfica João Catalão Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia Faculdade de Ciências

Leia mais

Riscos na Implantação de Warehouse Management System (WMS) em Centro de Distribuição: Estudo de Caso

Riscos na Implantação de Warehouse Management System (WMS) em Centro de Distribuição: Estudo de Caso Alcione Santos Dolavale Riscos na Implantação de Warehouse Management System (WMS) em Centro de Distribuição: Estudo de Caso Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para

Leia mais

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE LETRAS DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios Sandra Sofia Brito da Silva Dissertação

Leia mais

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment SAFIRA is an IT consulting boutique known for transforming the way organizations do business, or fulfil their missions,

Leia mais

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt JOSE GABRIEL REGO jgrego@netcabo.pt Resumo My main objective is to develop my career in order to deepen the experience I accumulated over the years based in the development of practical and theoretical

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS Envolvimento parental e nível sociocultural das famílias: Estudo comparativo num agrupamento escolar Marco Sérgio Gorgulho Rodrigues Dissertação

Leia mais

Bruno Batista de Carvalho. Canal de venda direta: um estudo com revendedores do Rio de Janeiro

Bruno Batista de Carvalho. Canal de venda direta: um estudo com revendedores do Rio de Janeiro Bruno Batista de Carvalho Canal de venda direta: um estudo com revendedores do Rio de Janeiro Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pósgraduação em Administração de Empresas da

Leia mais

BPM (Business Process Management)

BPM (Business Process Management) Instituto Superior de Economia e Gestão Ano lectivo 2007/2008 Cadeira de Tecnologias de Informação BPM (Business Process Management) Planeamento e Controlo de Gestão Baseados nos Processos de Negócio José

Leia mais

Integração do processo de compra estratégica com as ferramentas de compra eletrônica

Integração do processo de compra estratégica com as ferramentas de compra eletrônica Lincoln Wolf de Almeida Neves Integração do processo de compra estratégica com as ferramentas de compra eletrônica Dissertação de Mestrado (Opção profissional) Dissertação apresentada como requisito parcial

Leia mais

Instituto Politécnico de Setúbal. Evolução das funções e novas competências emergentes: os profissionais da distribuição postal dos CTT

Instituto Politécnico de Setúbal. Evolução das funções e novas competências emergentes: os profissionais da distribuição postal dos CTT Instituto Politécnico de Setúbal Escola Superior de Ciências Empresariais Evolução das funções e novas competências emergentes: os profissionais da distribuição postal dos CTT Floriano Manuel Graúdo Lagarto

Leia mais

Antecedentes sistémicos do comportamento organizacional

Antecedentes sistémicos do comportamento organizacional Antecedentes sistémicos do comportamento organizacional Estrutura Tecnologia Tamanho Idade Gestão de Recursos Humanos Cultura Aprendizagem Comportamento Desempenho Satisfação Mudança Inovação Tomada de

Leia mais

Catálogo casa de banho l WC accessories. gestos que apetecem l tempting gestures

Catálogo casa de banho l WC accessories. gestos que apetecem l tempting gestures Catálogo casa de banho l WC accessories gestos que apetecem l tempting gestures VALENÇA BRAGA A NOSSA MISSÃO......VALORIZAR E ENGRADECER A TUPAI PORTO AVEIRO ÁGUEDA - COIMBRA GPS - N 40.58567º W 8.46558º

Leia mais

Revista Inteligência Competitiva Daniela Ramos Teixeira

Revista Inteligência Competitiva Daniela Ramos Teixeira 15 INTELIGÊNCIA DE MERCADO: TRANSFORMANDO AS OLIMPÍADAS EM NEGÓCIOS 1 RESUMO Um dos grandes desafios das organizações hoje é a aplicabilidade assertiva das técnicas de análise e métodos utilizados em Inteligência

Leia mais

Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri

Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri Raquel Jauffret Guilhon Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre pelo

Leia mais

Potencial para a Modernização Tecnológica e Inovação na Indústria Agroalimentar com base em TICE: Caso de estudo da Região Centro de Portugal

Potencial para a Modernização Tecnológica e Inovação na Indústria Agroalimentar com base em TICE: Caso de estudo da Região Centro de Portugal Potencial para a Modernização Tecnológica e Inovação na Indústria Agroalimentar com base em TICE: Caso de estudo da Região Centro de Portugal UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Faculdade de Engenharia Departamento

Leia mais

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425 CMDB no ITIL v3 Miguel Mira da Silva mms@ist.utl.pt 919.671.425 1 CMDB v2 Configuration Management IT components and the services provided with them are known as CI (Configuration Items) Hardware, software,

Leia mais

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy Compartilhando Energia Humana Sharing Human Energy A Chevron Brasil tem como estratégia e valor um plano de investimento social voltado para o incentivo à qualificação profissional e ao empreendedorismo

Leia mais

SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS

SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS 2015 /16 ESTÁGIOS ERASMUS EM ESCOLAS * ERASMUS PLACEMENTS IN SCHOOLS * [POR FAVOR, PREENCHA O FORMULÁRIO NA (NUMA DAS) LÍNGUA(S) DE TRABALHO DO ESTÁGIO:

Leia mais

Título: - Diagnóstico e análise da rede social: o caso da prestação de cuidados continuados a crianças com diabetes.

Título: - Diagnóstico e análise da rede social: o caso da prestação de cuidados continuados a crianças com diabetes. Título: - Diagnóstico e análise da rede social: o caso da prestação de cuidados continuados a crianças com diabetes. Palavras-chave : Análise Redes Sociais, Criança com Diabetes, Cuidados Continuados,

Leia mais

Comportamento do Shopper no Varejo

Comportamento do Shopper no Varejo Seminário GVcev Comportamento do Shopper no Varejo Case Dafiti Malte Huffmann A Dafiti traz alegria na hora de comprar We deliver fashion & lifestyle products conveniently and accessibly at one click This

Leia mais

Desenvolvimento Ágil 1

Desenvolvimento Ágil 1 Desenvolvimento Ágil 1 Just-in-Time Custo = Espaço + Publicidade + Pessoal De que forma poderiamos bater a concorrência se um destes factores fosse zero? 2 Just-in-time Inventory is waste. Custo de armazenamento

Leia mais

a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement

a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement Porto, 18th April 2007 Outline 1. Presentation of CEIIA

Leia mais

The Brazil United States Consumer Product Safety Conference Brazil United States Joint Press Statement June 10, 2011 Rio de Janeiro, Brazil Common Interests Ensuring a high level of consumer product safety

Leia mais

egovernment The Endless Frontier

egovernment The Endless Frontier CENTRO DE GESTÃO DA REDE INFORMÁTICA DO GOVERNO (Management Center for the Electronic Government Network) egovernment The Endless Frontier Alexandre Caldas 29 th June 2010 Summary VISION AND LEADERSHIP

Leia mais

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA EAbrief: Medida de incentivo ao emprego mediante o reembolso da taxa social única EAbrief: Employment incentive measure through the unique social rate reimbursement Portaria n.º 229/2012, de 03 de Agosto

Leia mais

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Catarina Isabel Fonseca Paulos Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses 2005 Esta dissertação

Leia mais

Online Collaborative Learning Design

Online Collaborative Learning Design "Online Collaborative Learning Design" Course to be offered by Charlotte N. Lani Gunawardena, Ph.D. Regents Professor University of New Mexico, Albuquerque, New Mexico, USA July 7- August 14, 2014 Course

Leia mais

LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO Prêmio James McGuire

LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO Prêmio James McGuire Chamada para as Inscrições de Propostas 2015 LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO Prêmio James McGuire O Prêmio para empreendimento JAMES McGUIRE é uma competição promovida pela

Leia mais

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

Cloud para o Brasil Cloud Services

Cloud para o Brasil Cloud Services Cloud para o Brasil Como as ofertas da Capgemini endereçam os principais pontos levantados pela pesquisa exclusiva We orchestrate your Cloud Services Current Market Situation with Cloud 2 Current Market

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANA- ESUDA PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA BALANCED SCORECARD: Uma ferramenta de gestão estratégica para empresa do ramo de consultoria contábil com foco

Leia mais

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law Sérgio Leal a,b, João Paulo Leal a,c Horácio Fernandes d a Departamento de Química e Bioquímica, FCUL, Lisboa, Portugal b Escola Secundária com 3.º ciclo Padre António Vieira, Lisboa, Portugal c Unidade

Leia mais

Autoria: Nestor de Oliveira Filho, Franciane Silveira

Autoria: Nestor de Oliveira Filho, Franciane Silveira APLICAÇÃO DO PROCESSO TOLL-GATE PARA SELEÇÃO DE OPORTUNIDADES E PROJETOS DE NOVOS PRODUTOS EM EUMA EMPRESA FORNECEDORA DE BENS E SERVIÇOS PARA O SETOR DE ENERGIA Resumo Autoria: Nestor de Oliveira Filho,

Leia mais

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO APRENDER CIDADANIA COM A DISCIPINA DE HISTÓRIA: 3 PERCURSOS NO CONCELHO DE ODEMIRA Rita Santos Agudo do Amaral Rêgo MESTRADO EM EDUCAÇÃO

Leia mais

BIBLIOGRAFIA. Faupel, A. & Sharp, P. (2003). Promoting emotional literacy. Guidelines for schools, local authorities and

BIBLIOGRAFIA. Faupel, A. & Sharp, P. (2003). Promoting emotional literacy. Guidelines for schools, local authorities and RESUMO EXPANDIDO Pode definir-se Literacia Emocional como a capacidade para reconhecer, compreender, expressar e gerir estados emocionais, do próprio e de outras pessoas, existindo associações entre esta

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

Mapeamento GRH. 1. Introdução

Mapeamento GRH. 1. Introdução Mapeamento GRH 1. Introdução 1.1. Finalidade Este documento tem duas finalidades principais: a) Averiguar semelhanças e diferenças entre modelos, normas e guias de boas práticas para gestão de recursos

Leia mais

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET 2015 1 e-mail:mario@labma.ufrj.br Tables BR-EMS, mortality experience of the Brazilian Insurance Market, were constructed,

Leia mais

ATUADORES e TRAVAS TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL CATÁLOGO DE PEÇAS REPOSIÇÃO AUTOMOTIVA 2014 / 2015

ATUADORES e TRAVAS TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL CATÁLOGO DE PEÇAS REPOSIÇÃO AUTOMOTIVA 2014 / 2015 ATUADORES e TRAVAS 2015 TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL Atuante no setor de mobilidade, orientando-se pela tecnologia, inovação e sustentabilidade, a Drift Brasil desenvolve soluções para o segmento automotivo

Leia mais

As Novas Formas de Financiamento da Economia

As Novas Formas de Financiamento da Economia As Novas Formas de Financiamento da Economia Francisco Fonseca Vice-Presidente ANJE 2º CONGRESSO DAS EMPRESAS E DAS ACTIVIDADES ECONÓMICAS - LISBOA O que são? Formas alternativas de financiamento incluem

Leia mais

A importância das Dimensões do risco Percebido nas Compras de Produtos e de Serviços na Internet

A importância das Dimensões do risco Percebido nas Compras de Produtos e de Serviços na Internet Eduardo Vianna Barreto A importância das Dimensões do risco Percebido nas Compras de Produtos e de Serviços na Internet Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção

Leia mais

Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014

Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014 Otimização geral de processos (OEE) Fabian Prehn Campinas Setembro 2014 Agenda Agenda Futuro da produção farmacêutica Future of pharmaceutical production Compressão como principal ponto no processo de

Leia mais

DE LINGAS MATERIAIS E EQUIPAMENTOS PARA ELEVAÇÃO DE CARGA

DE LINGAS MATERIAIS E EQUIPAMENTOS PARA ELEVAÇÃO DE CARGA Inovando com qualidade e segurança FABRICAÇÃO E RECERTIFICAÇÃO DE LINGAS MATERIAIS E EQUIPAMENTOS PARA ELEVAÇÃO DE CARGA SLINGS MANUFACTURING AND RECERTIFICATION MATERIALS AND EQUIPMENT FOR LIFTING AND

Leia mais

A Influência do Correio Eletrônico na Comunicação Organizacional

A Influência do Correio Eletrônico na Comunicação Organizacional Claudia Müller de Almeida A Influência do Correio Eletrônico na Comunicação Organizacional Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre pelo Programa

Leia mais

PROJECTO ÂNCORA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO NO SECTOR DAS TICE. Qualificação e Certificação em Gestão de Serviços de TI

PROJECTO ÂNCORA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO NO SECTOR DAS TICE. Qualificação e Certificação em Gestão de Serviços de TI Pólo de Competitividade das Tecnologias de Informação, Comunicação e Electrónica TICE.PT PROJECTO ÂNCORA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO NO SECTOR DAS TICE Qualificação e Certificação em Gestão de Serviços

Leia mais

ELEnA European Local ENergy Assistance

ELEnA European Local ENergy Assistance ECO.AP Programa de Eficiência Energética na Administração Pública ELEnA European Local ENergy Assistance Lisboa, 6/03/2015 Desafios 1 Conhecimento: a) Edifícios/equipamentos; b) Capacidade técnica; c)

Leia mais

Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano

Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano Licenciatura em Gestão (1º ciclo) First Cycle Degree in Management Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano Curricular Unit: Information Systems for Management

Leia mais

Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience)

Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience) Gerenciando a Cadeia de Suprimentos (Managing the Supply Chain) A Experiência Cargill ( Cargill s Experience) 1 Jose de Ribamar, Ger Qualidade e Food Safety Cargill Amidos e Adoçantes América do Sul jose_ribamar@cargill.com

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

PRINCE2 FOUNDATION AND PRACTITIONER INNOVATIVE LEARNING SOLUTIONS WWW.PYLCROW.COM PORTUGAL - BRAZIL - MOZAMBIQUE

PRINCE2 FOUNDATION AND PRACTITIONER INNOVATIVE LEARNING SOLUTIONS WWW.PYLCROW.COM PORTUGAL - BRAZIL - MOZAMBIQUE PYLCROW Portugal LISBOA Email: info.pt@pylcrow.com Telefone: +351 21 247 46 00 http://www.pylcrow.com/portugal WWW.PYLCROW.COM PORTUGAL - BRAZIL - MOZAMBIQUE FOUNDATION AND PRACTITIONER INNOVATIVE LEARNING

Leia mais

Abordagem modular e projectos horizontais Infoday Lisboa, Setembro 2015

Abordagem modular e projectos horizontais Infoday Lisboa, Setembro 2015 Abordagem modular e projectos horizontais Infoday Lisboa, Setembro 2015 um Eixo Prioritário territorial EIXO PRIORITÁRIO 1: Promover as capacidades de inovação no Mediterrâneo para o desenvolvimento sustentável

Leia mais

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas 1 a 7 1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: UNL + UCP 1.a. Descrição da Instituição

Leia mais

assumptions of that particular strengthening the participation of families and local communities in the strategic direction of schools, not taking

assumptions of that particular strengthening the participation of families and local communities in the strategic direction of schools, not taking Agradecimentos A dissertação do Mestrado que adiante se apresenta resulta na concretização de um projecto que me parecia difícil mas não impossível de alcançar. Foram meses seguidos de trabalho de investigação,

Leia mais

EMPREENDEDORISMO JOVEM EM CABO VERDE: necessidades e oportunidades

EMPREENDEDORISMO JOVEM EM CABO VERDE: necessidades e oportunidades Ana Teresa Dias Valente Marline Morais Conceição Vieira de Carvalho Ana Teresa Dias Valente Morais EMPREENDEDORISMO JOVEM EM CABO VERDE: necessidades e oportunidades Dissertação de Mestrado em Intervenção

Leia mais

SPICE e ISO 15504. Jorge H C Fernandes 2004

SPICE e ISO 15504. Jorge H C Fernandes 2004 SPICE e ISO 15504 Jorge H C Fernandes 2004 SPICE: Um Framework para a Avaliação Integrada de Processos de Software [SPICE 1] Process Identifies changes to Is examined by Process Assessment Identifies capability

Leia mais

MATURIDADE NA GERÊNCIA DE PROJETOS DE EMPRESAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO ANALÍTICO E EXPLORATÓRIO

MATURIDADE NA GERÊNCIA DE PROJETOS DE EMPRESAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO ANALÍTICO E EXPLORATÓRIO MATURIDADE NA GERÊNCIA DE PROJETOS DE EMPRESAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO ANALÍTICO E EPLORATÓRIO Claudiane Oliveira Universidade Federal de Lavras/Brasil claudianeo@gmail.com Ramon Abílio,

Leia mais

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS AGRADECIMENTOS O findar desta dissertação é o momento indicado para agradecer ao Professor Doutor João Carlos de Matos Paiva pela sua grande ajuda, pela disponibilidade sempre manifestada, pelo seu empenho

Leia mais

Resumo. (UFRN); Endereço: Av. Roberto Freire, nº 2184, Capim Macio, CEP: 59.082-902, Natal RN; Fone: (84) 3216-8648; E-mail: ranierypimenta@unp.

Resumo. (UFRN); Endereço: Av. Roberto Freire, nº 2184, Capim Macio, CEP: 59.082-902, Natal RN; Fone: (84) 3216-8648; E-mail: ranierypimenta@unp. O mapeamento DISC/Etalent como ferramenta de desenvolvimento e orientação empreendedora: um estudo na Incubadora Empreende UnP The DISC / Etalent mapping as a development tool and entrepreneurial orientation:

Leia mais

DevOps. Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013. Accelerating Product and Service Innovation

DevOps. Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013. Accelerating Product and Service Innovation DevOps Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013 1 O desenvolvedor O mundo mágico de operações Como o desenvolvedor vê operações Como operações vê uma nova release

Leia mais