LOCAL: 26 e 27/05/2011 Rio de Janeiro RJ Data: 26/05/2011 PLANEJAMENTO E GESTÃO DO PATRIMÔNIO PÚBLICO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LOCAL: 26 e 27/05/2011 Rio de Janeiro RJ Data: 26/05/2011 PLANEJAMENTO E GESTÃO DO PATRIMÔNIO PÚBLICO"

Transcrição

1 LOCAL: 26 e 27/05/2011 Rio de Janeiro RJ Data: 26/05/2011 PLANEJAMENTO E GESTÃO DO PATRIMÔNIO PÚBLICO Fundamental para a eficiente Gestão Pública. Apresentação A administração do patrimônio público é um tema complexo e importante, sendo necessária uma abordagem mais abrangente que contemple questões centrais tais como: O que constitui efetivamente o patrimônio público? A quem compete sua gestão? Qual a participação da sociedade na gestão do patrimônio público? Como diminuir os custos da sua manutenção e, ainda, como maximizar a sua utilidade social? O propósito deste treinamento não é responder a essas questões, posto que não são simples e exigiriam uma grande articulação entre os três níveis de governo, no plano intersetorial e em nível da relação Estado/sociedade. Um outro aspecto a ressaltar diz respeito à ausência de um conceito de gestão patrimonial que dê coerência às ações desenvolvidas nos mais diferentes setores do governo. A falta de correspondência entre os paradigmas que norteiam os órgãos e unidades responsáveis pela administração dos bens móveis e imóveis e aqueles cuja atribuição é a de preservação cultural deixa uma lacuna a ser preenchida. Prevalece, ainda, na administração do patrimônio móvel e imóvel a visão estrita do Código de Contabilidade Pública, sem uma preocupação com a qualidade dos bens e com o seu potencial valor histórico, artístico e cultural para a sociedade. A melhoria da gestão estatal depende, dentre outros fatores, de uma mudança de mentalidade sobre a natureza e a administração do bem público. Objetivos Proporcionar a todos os participantes as ferramentas necessárias para uma gestão do patrimônio público eficiente, econômica e eficaz, obedecendo as normas legais que envolvem o setor público e a melhor técnica empresarial. A Gestão do Patrimônio tem sido um dos principais diferenciais entre as boas e as péssimas gestões públicas. BASE LEGAL: NBC T 16.2, 16.9 e 16.10; Manual da Contabilidade Pública da STN NBR ABNT Manual de Despesa Nacional Público Alvo A todos os servidores públicos que trabalham diretamente na gestão do patrimônio compradores, almoxarifes, responsáveis pelo patrimônio, os chefes de setores, de departamentos. Dados dos Apresentadores RICARDO BULGARI - Administrador Público (FGV/SP); Pós-graduado Gerente de Cidades (FAAP/SP); Mestre em Administração Gerencial. Foi Secretário Municipal de Administração e Finanças, e Superintende de Autarquia de Saneamento em Amparo/SP. Secretário Municipal da Fazenda e Controlador Geral do Município de Paranaguá-PR.

2 Examinador do Prêmio Nacional de Qualidade na Gestão Pública PQGF. Presidente do CONFAZ-M/PR Conselho dos Órgãos Fazendários Municipais do Paraná. Ministra cursos e treinamentos por todo o País para servidores públicos de órgãos das três esferas de governo. Consultor e Auditor tem realizado diversos trabalhos de Auditorias e Consultorias para órgãos públicos. Conteúdo Programático ALMOXARIFADO Funções do Almoxarife Limites legais Responsabilidades Organização do Almoxarifado Normalização Especificação Padronização Classificação Codificação Catalogação Fases Operacionais do almoxarifado Recebimento Registro Armazenamento Controles (entrada e saída) Técnicas de estocagem - movimentação Distribuição Indicadores de Estoques Técnicas de previsão e reposição Controles, Avaliação e Custos Legislação Lei 4.320/64 Lei de Responsabilidade Fiscal Instruções do TCU/TCE Portaria nº 205 da SAF Materiais Excedentes Inventários Auditoria dos bens de consumo Check-list de Almoxarifado PATRIMÔNIO

3 Organização do sistema de Patrimônio Classificação do Patrimônio Manual do Patrimônio Classificação da Despesa Orçamentária Material Permanente x Material de Consumo Exigências Legais Lei 4.320/64 Lei 8.666/93 LRF Instruções do TCU/TCE Portaria nº205 da SAF Controles Recepção Sistemas de controle Tombamento Armazenamento Distribuição Incorporação Aquisição Doação Transferência Permuta Fabricação Desincorporação Inservível Furto Sinistro Doação Transferência AUDITORIA DO PATRIMÔNIO Variações Patrimoniais Qualitativas Quantitativas Resultado Patrimonial Reavaliação e redução ao valor recuperável

4 Depreciação, Amortização e Exaustão NBC T 16.2 Patrimônio e Sistemas Contábeis Reconhecimento e Bases de mensuração ou Avaliação Aplicáveis Demonstração do Resultado Econômico NBC T 16.9 Depreciação, Amortização e Exaustão NBC T Avaliação e Mensuração de Ativos e Passivos em Entidades do Setor Público Demonstração prática dos cálculos Exemplos e exercícios Perguntas e respostas debate Informações Adicionais Incluso - Material didático, material de apoio, quatro coffe breaks, dois almoços e certificado. Carga horária 16 h/a 8h15 - Apresentação na secretaria para credenciamento e recebimento do material 8h30 - Início das Atividades 10h às 10h15 - coffee break 12h às 13h30 - almoço restaurante do hotel 13h30 - Retorno das atividades 16h às 16h15 - coffee break 16h às 18h Atividades Locais de Inscrição Fone (83) / As inscrições devem ser confirmadas com no mínimo 5 (cinco) dias de antecedência da data de realização dos cursos, mediante apresentação de nota de empenho ou comprovante de depósito. Favor entrar em contato conosco caso seu prazo tenha vencido. A substituição do participante poderá ser feita até o dia anterior ao inicio do curso. O cancelamento só será aceito com antecedência de 3 (três) dias úteis da realização do curso. Após esse prazo deverá ser feita substuição ou solicitação de crédito no valor da inscrição. As inscrições confirmadas efetivamente com 15 (quinze) dias de antecedência do ínicio previsto do curso terá desconto de 10%. Opções de Investimento Investimento - R$ 1.650,00 (um mil seiscentos e cinquenta reais) por participante A cada quatro inscrições do mesmo órgão e vinculadas à mesma fonte pagadora, a Premiun concederá cortesia para uma quinta inscrição. Colabore para a viabilização do evento confirmando sua inscrição com antecedência.

5

DEPRECIAÇÃO E REAVALIAÇÃO DO ATIVO IMOBILIZADO EM AMERICANA/SP

DEPRECIAÇÃO E REAVALIAÇÃO DO ATIVO IMOBILIZADO EM AMERICANA/SP DEPRECIAÇÃO E REAVALIAÇÃO DO ATIVO IMOBILIZADO EM AMERICANA/SP 16 Horas/Aula Realização: Incluso: LIVRO: MANUAL DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS, pasta personalizada, apostila(manual), caneta,

Leia mais

esocial - EFD Social (Obrigações Trabalhista e Previdenciária na Folha de Pagamento)

esocial - EFD Social (Obrigações Trabalhista e Previdenciária na Folha de Pagamento) esocial - EFD Social (Obrigações Trabalhista e Previdenciária na Folha de Pagamento) Vagas Limitadas Cód. do Curso: 0052014 06 e 07.05.2014 O EFD Social ou SPED Folha como já se tornou conhecido, terá

Leia mais

CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO 3 OFICINAS

CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO 3 OFICINAS CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO 3 OFICINAS 24 Horas/Aula Realização: INCLUSO: LIVROS: UM EXEMPLAR DE CADA INSTRUTOR, bolsa ecológica, apostila(manual), caneta, lápis, borracha, slides trabalhados

Leia mais

SOBRE O ENCCOPA: ENCCOPA

SOBRE O ENCCOPA: ENCCOPA SOBRE O ENCCOPA: O ENCCOPA é um evento que visa orientar os profissionais da área sobre a implantação dos novos regramentos voltados ao setor de Suprimentos (Patrimônio e Almoxarifado), reunindo os maiores

Leia mais

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010 VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010 Evitando Passivo Trabalhista Decorrente de Culpa e Danos Morais no Ambiente do Trabalho CURSO RESPONSABILIDADES DAS EMPRESAS POR DANOS MORAIS E AS RELAÇÕES DE TRABALHO Dias

Leia mais

O QUE MUDA NAS LICITAÇÕES E NOS CONTRATOS COM O NOVO REGIME DAS MICROEMPRESAS

O QUE MUDA NAS LICITAÇÕES E NOS CONTRATOS COM O NOVO REGIME DAS MICROEMPRESAS O QUE MUDA NAS LICITAÇÕES E NOS CONTRATOS COM O NOVO REGIME DAS MICROEMPRESAS AS ALTERAÇÕES DA LEI COMPLEMENTAR Nº 147/14 NA LEI COMPLEMENTAR Nº 123/06 E NA LEI Nº 8.666/93 O REGIME DE PREFERÊNCIAS COM

Leia mais

CURSO. Gestão e Controle de. Materiais, Suprimentos, Compras, Almoxarifado e Patrimônio na Administração Pública

CURSO. Gestão e Controle de. Materiais, Suprimentos, Compras, Almoxarifado e Patrimônio na Administração Pública CURSO Gestão e Controle de Materiais, Suprimentos, Compras, Almoxarifado e Patrimônio na Administração Pública SÃO LUÍS - MA 17 a 19 de Setembro de 2014 APRESENTAÇÃO O curso Gestão e Controle de Materiais,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PARA GESTÃO PÚBLICA COMPRAS ALMOXARIFADO - PATRIMÔNIO

ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PARA GESTÃO PÚBLICA COMPRAS ALMOXARIFADO - PATRIMÔNIO ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PARA GESTÃO PÚBLICA COMPRAS ALMOXARIFADO - PATRIMÔNIO O INSTITUTO NACIONAL DE CAPACITAÇÃO DE PESSOAL LTDA INAC é uma empresa estabelecida à Avenida Des. Hilton Souto Maior 6701,

Leia mais

CURSO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS

CURSO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS CURSO CURSO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS SÃO LUÍS - MA 27 a 28/11 NOVEMBRO/2014 APRESENTAÇÃO Nas várias facetas que se reveste o tema gestão pública, certamente aquele que trata da gestão

Leia mais

XI Semana de d Adminis minis ação Orç Or amen amen ária , Financeira r e d e e d Contr Con a tr t a ações Públi Púb cas ABOP Slide 1

XI Semana de d Adminis minis ação Orç Or amen amen ária , Financeira r e d e e d Contr Con a tr t a ações Públi Púb cas ABOP Slide 1 Oficina 62 Sistema de Informações de Custos do Governo Federal ABOP Slide 1 Roteiro da Apresentação APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO ASPECTOS NORMATIVOS CONTEXTUALIZAÇÃO HISTÓRICA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Auditor No que diz respeito às Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público, a Demonstração Contábil cuja apresentação é obrigatória apenas pelas empresas estatais

Leia mais

VERITAE CURSO. MANAD-MANUAL DE ARQUIVOS DIGITAIS ou SPED PREVIDENCIÁRIO (e-social ou e-folha)

VERITAE CURSO. MANAD-MANUAL DE ARQUIVOS DIGITAIS ou SPED PREVIDENCIÁRIO (e-social ou e-folha) VERITAE Cursos/RJ/Dezembro/2012 CURSO MANAD-MANUAL DE ARQUIVOS DIGITAIS ou SPED PREVIDENCIÁRIO (e-social ou e-folha) (Lei nº 10.666/2003; Instrução Normativa MPS/SRP nº 12/2006, que aprova o MANAD; Instrução

Leia mais

NOVAS PRESTAÇÕES DE CONTAS ANUAIS A ENVIAR AO TCE/ES EM 2016

NOVAS PRESTAÇÕES DE CONTAS ANUAIS A ENVIAR AO TCE/ES EM 2016 NOVAS PRESTAÇÕES DE CONTAS ANUAIS A ENVIAR AO TCE/ES EM 2016 Período, Carga Horária: 23.11.15 (8:30 h às 17:30 h) e 24.11.15 (8 h às 17 h), totalizando 16 horas/aulas. Local de Realização: Auditório (Espaço

Leia mais

TREINAMENTO STANDART - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL.

TREINAMENTO STANDART - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL. TREINAMENTO STANDART - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL. UPGRADE: agora com análise de vídeos de boas práticas do setor público, gravados pelo instrutor

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares Hospital Universitário de Santa Maria

Universidade Federal de Santa Maria Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares Hospital Universitário de Santa Maria Universidade Federal de Santa Maria Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares Hospital Universitário de Santa Maria Relatório de Atividades UNIDADE DE PATRIMÔNIO 2015 1 COLEGIADO EXECUTIVO EBSERH/HUSM

Leia mais

DISPENSA E INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO COMO FORMALIZAR O PROCEDIMENTO E GERIR OS CONTRATOS DECORRENTES DE CONTRATAÇÃO DIRETA

DISPENSA E INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO COMO FORMALIZAR O PROCEDIMENTO E GERIR OS CONTRATOS DECORRENTES DE CONTRATAÇÃO DIRETA DISPENSA E INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO COMO FORMALIZAR O PROCEDIMENTO E GERIR OS CONTRATOS DECORRENTES DE CONTRATAÇÃO DIRETA Enfoque aplicado: resolução de casos práticos e apresentação de checklist de

Leia mais

ELABORAÇÃO DE EDITAIS,

ELABORAÇÃO DE EDITAIS, ELABORAÇÃO DE EDITAIS, TERMOS DE REFERÊNCIA E PROJETOS BÁSICOS Os cuidados necessários no planejamento das licitações O direito de preferência para bens e serviços produzidos no Brasil As regras de sustentabilidade

Leia mais

TREINAMENTO STANDARD - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL E SEUS REFLEXOS NO SIGA

TREINAMENTO STANDARD - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL E SEUS REFLEXOS NO SIGA TREINAMENTO STANDARD - GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL E SEUS REFLEXOS NO SIGA UPGRADE: Haverá abordagem sobre o SIGA e debates em aula. Realização: Apoio: Incluso: LIVRO: MANUAL DE CONTROLE PATRIMONIAL

Leia mais

Gestão de Almoxarifado no Setor Público

Gestão de Almoxarifado no Setor Público Gestão de Almoxarifado no Setor Público Inclui técnicas para implantação do sistema de custos, modelos e integração Almoxarifado-Contabilidade Realização: Apoio: Incluso: Pasta personalizada, apostila(manual),

Leia mais

Como Pesquisar Preços e Negociar com Fornecedores e Prestadores de Serviços na Administração Pública e Sistema S

Como Pesquisar Preços e Negociar com Fornecedores e Prestadores de Serviços na Administração Pública e Sistema S Como Pesquisar Preços e Negociar com Fornecedores e Prestadores de Serviços na Administração Pública e Sistema S Como Pesquisar Preços e Negociar com Fornecedores e Prestadores de Serviços na Administração

Leia mais

G B R S P Gestão Baseada em Resultado no Setor Público

G B R S P Gestão Baseada em Resultado no Setor Público Custos no Setor Público: Diretrizes, Modelo Conceitual e Processo de Implantação a partir da experiência no Governo Federal Prof. Victor Branco de Holanda Belo Horizonte, 05 de Maio de 2012 Questões orientadoras:

Leia mais

GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL.

GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL. GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL MUDANÇAS, ASPECTOS E ROTINAS DA ADMINISTRAÇÃO PATRIMONIAL. UPGRADE: agora com análise de vídeos de boas práticas do setor público, gravados pelo instrutor nas instituições

Leia mais

RDC - REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES PÚBLICAS

RDC - REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES PÚBLICAS RDC - REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES PÚBLICAS Como utilizar o RDC nas Contratações de Obras Públicas? Data: 04 e 05 de junho de 2014 Local: Porto Alegre/RS APRESENTAÇÃO A melhoria da qualidade na

Leia mais

Objetivo: Palestrante: Paulo Reis. Público Alvo: www.licidata.com.br gerencia@licidata.com.br (41) 3064-1100

Objetivo: Palestrante: Paulo Reis. Público Alvo: www.licidata.com.br gerencia@licidata.com.br (41) 3064-1100 MANAUS - AM 28 E 29 DE JANEIRO Objetivo: O Curso objetiva preparar os servidores da área de contratações da Administração Pública para a tarefa fundamental da elaboração do edital e do termo de referência,

Leia mais

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4139, DE 11 DE SETEMBRO DE 2013. Regulamenta o Fundo Municipal de Esporte e Lazer e o Incentivo ao Esporte e Lazer e dá outras providências. O PREFEITO DE GOIÂNIA, no

Leia mais

O CONTROLE INTERNO COMO FERRAMENTA DE GESTÃO. Darcy Siqueira Albuquerque Júnior Auditor Governamental da CGE/PI Março / 2011

O CONTROLE INTERNO COMO FERRAMENTA DE GESTÃO. Darcy Siqueira Albuquerque Júnior Auditor Governamental da CGE/PI Março / 2011 O CONTROLE INTERNO COMO FERRAMENTA DE GESTÃO Darcy Siqueira Albuquerque Júnior Auditor Governamental da CGE/PI Março / 2011 1 CONTROLE INTERNO É TEMA NOVO??? Desde Quando??? 2 Fundamento do controle interno

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013 1 INSTRUÇÃO NORMATIVA N 001/2013 "Estabelece normas de controle para o Patrimônio do Poder Executivo Municipal." A Unidade Central de Controle Interno, no uso de suas atribuições, conforme determina o

Leia mais

Objetivo: Palestrante: Paulo Reis. Público Alvo: www.licidata.com.br gerencia@licidata.com.br (41) 3064-1100

Objetivo: Palestrante: Paulo Reis. Público Alvo: www.licidata.com.br gerencia@licidata.com.br (41) 3064-1100 MANAUS - AM 18 E 19 DE FEVEREIRO Objetivo: O Curso objetiva preparar os servidores da área de contratações da Administração Pública para a tarefa fundamental da elaboração do edital e do termo de referência,

Leia mais

Curso Preparatório para o Exame de Suficiência do CFC

Curso Preparatório para o Exame de Suficiência do CFC Curso Preparatório para o Exame de Suficiência do CFC Objetivo Preparar os estudantes e profissionais para prestar o Exame de Suficiência do CFC 2013 Bacharel em Ciências Contábeis. O curso inclui módulos

Leia mais

INAC - INSTITUTO NACIONAL DE CAPACITAÇÃO DE PESSOAL

INAC - INSTITUTO NACIONAL DE CAPACITAÇÃO DE PESSOAL CURSO DE RETENÇÃO DE TRIBUTOS NA CONTRATAÇÃO DE PESSOAS FÍSICAS E JURÍDICAS (INSS, IRRF, CSLL, PIS, COFINS E ISS) Instruções Normativas 480/2004, (alterações INs 539, 706, 765, 791) e 03 e 938 do INSS

Leia mais

L E I N 7.785, DE 9 DE JANEIRO DE 2014

L E I N 7.785, DE 9 DE JANEIRO DE 2014 L E I N 7.785, DE 9 DE JANEIRO DE 2014 Dispõe sobre a reestruturação da Loteria do Estado do Pará - LOTERPA e dá outras providências. A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO PARÁ estatui e eu sanciono a

Leia mais

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2012

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2012 VERITAE Cursos/RJ/Abril/2012 CURSO CONECTIVIDADE SOCIAL, ICP BRASIL E O MANAD- MANUAL DE ARQUIVOS DIGITAIS ASPECTOS OPERACIONAIS E O LEIOUTE DA FOLHA DE PAGAMENTO Lei nº 10.666/2003; Circulares CEF 547

Leia mais

Pessoal, tudo bem? Editora Ferreira: Prof. Giovanni Pacelli giovanni_pacelli@hotmail.com

Pessoal, tudo bem? Editora Ferreira: Prof. Giovanni Pacelli giovanni_pacelli@hotmail.com Pessoal, tudo bem? Segue a prova comentada de Contabilidade Pública para o Cargo de Inspetor Governamental no Concurso do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará realizado no dia 02 de maio de 2010.

Leia mais

PLANO ANUAL DE AUDITORIA. Tribunal Superior do Trabalho

PLANO ANUAL DE AUDITORIA. Tribunal Superior do Trabalho PLANO ANUAL DE AUDITORIA 2014 Tribunal Superior do Trabalho PLANO ANUAL DE AUDITORIA 2014 Secretaria de Controle Interno PLANO ANUAL DE AUDITORIA DA SECRETARIA DE CONTROLE INTERNO - EXERCÍCIO 2014 Aprovado

Leia mais

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO CFC Nº 560/83 Dispõe sobre as prerrogativas profissionais de que trata o artigo 25 do Decreto-lei nº 9.295, de 27 de maio de 1946. O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições

Leia mais

GESTÃO DE PLEITOS E ADITIVOS NAS OBRAS PÚBLICAS

GESTÃO DE PLEITOS E ADITIVOS NAS OBRAS PÚBLICAS CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO GESTÃO DE PLEITOS E ADITIVOS NAS OBRAS PÚBLICAS ADITIVOS DE ALTERAÇÃO DE PRAZOS E PROJETOS, REAJUSTES CONTRATUAIS E OCORRÊNCIAS QUE CAUSAM PREJUÍZOS AO CONTRATANTE

Leia mais

SEMINÁRIO DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO: Licitar, Dispensar ou Inexigir a licitação?

SEMINÁRIO DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO: Licitar, Dispensar ou Inexigir a licitação? SEMINÁRIO DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO: Licitar, Dispensar ou Inexigir a licitação? SEMINÁRIO DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO: Licitar, Dispensar

Leia mais

Assistente Financeiro com Sistema Nasajon

Assistente Financeiro com Sistema Nasajon CURSOS DE ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL Assistente Financeiro com Sistema Nasajon Objetivo: Conhecer, de forma teórica e prática, os conceitos fundamentais de finanças e a aplicação no Controller, o sistema

Leia mais

LEI Nº 001 DE 14 DE JANEIRO DE 1987

LEI Nº 001 DE 14 DE JANEIRO DE 1987 LEI Nº 001 DE 14 DE JANEIRO DE 1987 Súmula: Dispõe sobre a Estrutura Administrativa da Prefeitura Municipal de Primavera do Leste, Estado de Mato Grosso e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE

Leia mais

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público (PCASP): sugestões para a nova estrutura

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público (PCASP): sugestões para a nova estrutura 1 de 8 16/09/2009 18:31 Boletim Governet de Orçamento e Finanças Artigos e Pareceres» Artigos Plano de Contas Aplicado ao Setor Público (PCASP): sugestões para a nova estrutura MAURÍCIO CORRÊA DA SILVA

Leia mais

1ª PARTE LEIS E DECRETOS 2ª PARTE ATOS ADMINISTRATIVOS COMANDANTE DO EXÉRCITO

1ª PARTE LEIS E DECRETOS 2ª PARTE ATOS ADMINISTRATIVOS COMANDANTE DO EXÉRCITO 1ª PARTE LEIS E DECRETOS Sem alteração. 2ª PARTE ATOS ADMINISTRATIVOS COMANDANTE DO EXÉRCITO PORTARIA Nº 813, DE 28 DE SETEMBRO DE 2012. Aprova as Normas para a Realização das Atividades de Auditoria e

Leia mais

GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS

GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS GESTÃO DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS Realização: Incluso: LIVRO: MANUAL DE CONTROLE PATRIMONIAL NAS ENTIDADES PÚBLICAS, bolsa ecológica, apostila(manual), caneta, lápis, borracha, slides

Leia mais

QUESTÕES DE AFO E CONTABILIDADE PÚBLICA ANALISTA JUDICIÁRIO CONTABILIDADE - STM/2011 ÚLTIMA PARTE

QUESTÕES DE AFO E CONTABILIDADE PÚBLICA ANALISTA JUDICIÁRIO CONTABILIDADE - STM/2011 ÚLTIMA PARTE QUESTÕES DE AFO E CONTABILIDADE PÚBLICA ANALISTA JUDICIÁRIO CONTABILIDADE - STM/2011 ÚLTIMA PARTE Prezado internauta e estudante do Ponto dos Concursos! Desejo a todos uma mente ILUMINADA e que tenham

Leia mais

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA - MI NORMA DE AUDITORIA (NOR-902)

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA - MI NORMA DE AUDITORIA (NOR-902) COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA Vinculada ao Ministério da Integração Nacional - MI NORMA DE AUDITORIA (NOR-902) FOR-101/01 NORMAS ESPECIAIS CÓDIGO: 900 FOLHA Nº:

Leia mais

GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS

GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS INTRODUÇÃO O setor de suprimentos é, dentre os diversos outros setores da empresa, um dos que tem maior potencial de impacto nos resultados financeiros de uma organização,

Leia mais

Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR

Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL SECRETARIA DE NAVEGAÇÃO AÉREA CIVIL Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR EDITAL Nº 04/2016 SENAV/SAC-PR A Secretaria de Navegação

Leia mais

CURSO DE EXTENSÃO GERENCIAMENTO DE INCIDENTES E PLANEJAMENTO DE CONTINGÊNCIA

CURSO DE EXTENSÃO GERENCIAMENTO DE INCIDENTES E PLANEJAMENTO DE CONTINGÊNCIA CURSO DE EXTENSÃO GERENCIAMENTO DE INCIDENTES E PLANEJAMENTO DE CONTINGÊNCIA Edição agosto de 2015 APRESENTAÇÃO O curso GERENCIAMENTO DE INCIDENTES E PLANEJAMENTO DE CONTINGÊNCIA aborda os aspectos conceituais

Leia mais

Melhores práticas, análise de cláusulas

Melhores práticas, análise de cláusulas LICITAÇÕES E CONTRATOS TEMAS POLÊMICOS E OS ENTENDIMENTOS DO TCU E DOS TRIBUNAIS SUPERIORES Pesquisa de preços SRP Revisão, reajuste e repactuação Responsabilidade dos agentes Alterações do contrato Sanções

Leia mais

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br LEI Nº. 6.067, DE 11 DE MARÇO DE 2010. Altera a Lei Ordinária 5.711/06, que dispõe sobre a Organização Administrativa da Câmara Municipal do Natal, e dá outras providências. A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI MIRIM SP Secretaria de Captação, Gestão e Controle - Gerência de Auditoria (19) 3814-1023 ou (19) 3806-18-19

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI MIRIM SP Secretaria de Captação, Gestão e Controle - Gerência de Auditoria (19) 3814-1023 ou (19) 3806-18-19 Prefeitura Municipal de Mogi Mirim Estado de São Paulo Secretaria de Captação, gestão e Controle -. PARECER CONCLUSIVO ANUAL DE REPASSES AO TERCEIRO SETOR- EXERCÍCIO 2013. A Comissão de análise e acompanhamento

Leia mais

ATRIBUIÇÕES ESSENCIAIS DA FUNÇÃO

ATRIBUIÇÕES ESSENCIAIS DA FUNÇÃO PERFIL DE CARGO S 1- DADOS DA VAGA Cargo: Analista Função: Analista de Cooperativismo e Monitoramento Unidade Estadual: Sescoop- Maranhão Carga Horária: 40h/ semanais Salário: R$ 1.663,00 (hum mil seiscentos

Leia mais

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS ENCERRADAS EM 31/12/2014

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS ENCERRADAS EM 31/12/2014 NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS ENCERRADAS EM 31/12/2014 1. CONTEXTO OPERACIONAL O Conselho Regional de Psicologia 7ª Região CRPRS, criado pela Lei 5.766/71, constitui uma Autarquia Federal

Leia mais

INFORMATIVO CURSO DE EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA, FINANCEIRA E CONTÁBIL NO SIAFE-RIO (EXOFIC-01 E EXOFIC-02)

INFORMATIVO CURSO DE EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA, FINANCEIRA E CONTÁBIL NO SIAFE-RIO (EXOFIC-01 E EXOFIC-02) GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE FAZENDA INFORMATIVO CURSO DE EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA, FINANCEIRA E CONTÁBIL NO SIAFE-RIO (EXOFIC-01 E EXOFIC-02) 1. OBJETIVO Atualizar, aperfeiçoar

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31144 de 08/04/2008

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31144 de 08/04/2008 DIÁRIO OFICIAL Nº. 311 de 08/0/008 GABINETE DA GOVERNADORA L E I Nº 7.030, DE 30 DE JULHO DE 007* Cria o Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará - IDESP, e dá outras providências.

Leia mais

Análise das DCASP Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público Arapiraca/AL

Análise das DCASP Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público Arapiraca/AL Análise das DCASP Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público Arapiraca/AL Realização: Apoio: INCLUSO: Pasta personalizada CASP Online, apostila(manual), caneta, lápis, borracha, slides trabalhados

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1. Gestões a serem auditadas: Contábil, Financeira, Patrimonial, Administrativa.

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1. Gestões a serem auditadas: Contábil, Financeira, Patrimonial, Administrativa. GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO FUNDAÇÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA 1 DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa

Leia mais

SISTEMA DE AUDITORIA ELETRÔNICA - SAE

SISTEMA DE AUDITORIA ELETRÔNICA - SAE SISTEMA DE AUDITORIA ELETRÔNICA - SAE DEFINIÇÃO É um sistema de acompanhamento integrado de planejamento, execução e controle da gestão dos recursos públicos municipais, visando a coleta de dados, consultas

Leia mais

A nova visão da. Contabilidade Aplicada ao Setor Público

A nova visão da. Contabilidade Aplicada ao Setor Público A nova visão da Contabilidade Aplicada ao Setor Público Constituição Federal Lei de Responsabilidade Fiscal 101/2000 Lei 4.320/64 Finanças Públicas Lei 12.249/2010 Conselho Federal de Contabilidade Lei

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Cespe Cebraspe FUB2015 Aplicação: 2015 Julgue os itens a seguir, com relação aos fatos descritos e seus efeitos nas demonstrações contábeis, elaboradas conforme a Lei n.º 6.404/1976

Leia mais

COMO FICA A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO COM A ENTRADA EM VIGOR DA LEI 13.161/2015

COMO FICA A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO COM A ENTRADA EM VIGOR DA LEI 13.161/2015 OFICINA ENFOQUE PRÁTICO COMO FICA A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO COM A ENTRADA EM VIGOR DA LEI 13.161/2015 Novo cenário; aplicação da legislação, jurisprudência e instrução processual; revisão dos

Leia mais

Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos.

Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos. OBJETIVO Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos. Atualização nas práticas e teorias atuais sobre ensino e aprendizado do adulto. Refletir sobre atitudes e

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE BARRA MANSA CEP: 27313-180 Estado do Rio de Janeiro

CÂMARA MUNICIPAL DE BARRA MANSA CEP: 27313-180 Estado do Rio de Janeiro ANEXO I Cargo: AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS Código: 01 Salário: R$ 724,00 Ensino Fundamental Completo. Carga Horária: 40h/semanais Taxa de Inscrição: R$ 20,00 LÍNGUA PORTUGUESA: Interpretação de texto;

Leia mais

REEQUILÍBRIO ECONÔMICO-FINANCEIRO DOS CONTRATOS ADMINISTRATIVOS: REVISÃO, REAJUSTE E REPACTUAÇÃO

REEQUILÍBRIO ECONÔMICO-FINANCEIRO DOS CONTRATOS ADMINISTRATIVOS: REVISÃO, REAJUSTE E REPACTUAÇÃO OFICINA DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO REEQUILÍBRIO ECONÔMICO-FINANCEIRO DOS CONTRATOS ADMINISTRATIVOS: REVISÃO, REAJUSTE E REPACTUAÇÃO Normas aplicáveis, jurisprudência e aspectos processuais Carga

Leia mais

1.Apresentação 1 2.Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil

1.Apresentação 1 2.Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil AULA 10: Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público NBC T SP 16.3 a 16.5: Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil; Transações no Setor Público; Registro Contábil. SUMÁRIO

Leia mais

EVT006 www.highskills.pt geral@highskills.pt PT: 00351 217 931 365 AO: 00244 94 112 60 90 MZ: 00258 821 099 52

EVT006 www.highskills.pt geral@highskills.pt PT: 00351 217 931 365 AO: 00244 94 112 60 90 MZ: 00258 821 099 52 Seminário Gestão do Risco dos Projetos Preparou-se para o Plano B? As empresas cometem erros devido à falta de planificação ou a erros da mesma. Existem formas de minimizar esses erros que todos nós podemos

Leia mais

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01 HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01 01/06/2006 Emissão inicial 05/06/2007 Primeira Revisão Elaborado: 05/06/2007 Superintendente e ou Gerente da unidade Revisado: 05/06/2007

Leia mais

POLÍTICA DE CONTINUIDADE DE NEGÓCIOS

POLÍTICA DE CONTINUIDADE DE NEGÓCIOS Classificação das Informações 5/5/2015 Confidencial [ ] Uso Interno [ X ] Uso Público ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 ABRANGÊNCIA... 3 3 REFERÊNCIA... 3 4 CONCEITOS... 3 5 DIRETRIZES... 4 6 RESPONSABILIDADES...

Leia mais

VERITAE CURSO PREPOSTO DO EMPREGADOR NA JUSTIÇA DO TRABALHO. Importância, Responsabilidades e Conduta. Rio de Janeiro, 26 de Outubro de 2012

VERITAE CURSO PREPOSTO DO EMPREGADOR NA JUSTIÇA DO TRABALHO. Importância, Responsabilidades e Conduta. Rio de Janeiro, 26 de Outubro de 2012 VERITAE Cursos/RJ/Outubro/ 2012 CURSO PREPOSTO DO EMPREGADOR NA JUSTIÇA DO TRABALHO Importância, Responsabilidades e Conduta Rio de Janeiro, 26 de Outubro de 2012 PÚBLICO ALVO Profissionais de Recursos

Leia mais

Elaboração de Editais, Termos de Referência e Projetos Básicos (conhecimentos necessários do início ao fim do processo licitatório)

Elaboração de Editais, Termos de Referência e Projetos Básicos (conhecimentos necessários do início ao fim do processo licitatório) Elaboração de Editais, Termos de Referência e Projetos Básicos (conhecimentos necessários do início ao fim do processo licitatório) A CASP Online é uma entidade especializada em capacitação para o setor

Leia mais

O USO DA INFORMAÇÃO DE CUSTOS NA BUSCA PELA EXCELÊNCIA DA GESTÃO PÚBLICA

O USO DA INFORMAÇÃO DE CUSTOS NA BUSCA PELA EXCELÊNCIA DA GESTÃO PÚBLICA Painel 18 SISTEMA DE CUSTOS DO GOVERNO FEDERAL: novas perspectivas para o aumento da eficiência na gestão dos recursos públicos. O USO DA INFORMAÇÃO DE CUSTOS NA BUSCA PELA EXCELÊNCIA DA GESTÃO PÚBLICA

Leia mais

CONGRESSO INTERNACIONAL INTERDISCIPLINAR EM SOCIAIS E HUMANIDADES Niterói RJ: ANINTER-SH/ PPGSD-UFF, 03 a 06 de Setembro de 2012, ISSN 2316-266X

CONGRESSO INTERNACIONAL INTERDISCIPLINAR EM SOCIAIS E HUMANIDADES Niterói RJ: ANINTER-SH/ PPGSD-UFF, 03 a 06 de Setembro de 2012, ISSN 2316-266X CONGRESSO INTERNACIONAL INTERDISCIPLINAR EM SOCIAIS E HUMANIDADES Niterói RJ: ANINTER-SH/ PPGSD-UFF, 03 a 06 de Setembro de 2012, ISSN 2316-266X SUGESTÃO DE METODOLOGIA PARA INVENTÁRIO DE PATRIMÔNIO CULTURAL

Leia mais

Manual do. Almoxarifado

Manual do. Almoxarifado Manual do Almoxarifado Parnaíba 2013 APRESENTAÇÃO O Almoxarifado é o local destinado à guarda, localização, segurança e preservação do material adquirido, adequado à sua natureza, a fim de suprir as necessidades

Leia mais

CURSOS SOBRE TRIBUTOS MUNICIPAIS

CURSOS SOBRE TRIBUTOS MUNICIPAIS CURSOS SOBRE TRIBUTOS MUNICIPAIS O EXERCÍCIO PRÁTICO DO SERVIDOR DA FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL CARUARU PE, 05 E 06 DE JULHO DE 2010 MACEIÓ AL, 08 E 09 DE JULHO DE 2010 EDITORIAL A Tributus Informática Ltda.

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota. Explicativa

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota. Explicativa BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) ATIVO Nota Explicativa CIRCULANTE 39.755 68.651 Disponibilidades 522 542 Relações Interf./Aplicações R.F. 5 13.018 27.570 Relações Interdependências 6-1.733 Operações

Leia mais

OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA DE ACORDO COM A LEI Nº 8.666/93 E COM O RDC UM PARALELO ENTRE OS REGIMES

OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA DE ACORDO COM A LEI Nº 8.666/93 E COM O RDC UM PARALELO ENTRE OS REGIMES OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA DE ACORDO COM A LEI Nº 8.666/93 E COM O RDC UM PARALELO ENTRE OS REGIMES Do planejamento e julgamento da licitação até a fiscalização dos contratos 31 de março e 1º de abril

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO

MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO MANUAL OPERACIONAL GESTÃO DE PATRIMÔNIO ÍNDICE: CAPÍTULO 01 NORMA E PROCEDIMENTOS 1 - OBJETIVO 03 2 - VISÃO 03 3 - DISPOSIÇÕES GERAIS 03 4 - DEFINIÇÕES 03 5 - CLASSIFICAÇÃO 03 6 - PEDIDO DE MATERIAL PERMANENTE

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE RONDONÓPOLIS Estado de Mato Grosso

CÂMARA MUNICIPAL DE RONDONÓPOLIS Estado de Mato Grosso INSTRUÇÃO NORMATIVA SCL- Nº. 002/2013- Versão 02 Unidade Responsável: Secretaria Legislativa de Administração Unidade Executora: Setor de Material e Patrimônio Aprovação em: 24/01/13 Dispõe sobre os procedimentos

Leia mais

Câmara Municipal dos Barreiros

Câmara Municipal dos Barreiros Barreiros, 30 de Abril de 2010 SISTEMA DE CONTROLE INTERNO Ofício nº 006/2010 SCI EXMO. SR. JOSÉ GERALDO DE SOUZA LEÃO M.D. Presidente da Câmara de Vereadores dos Barreiros NESTA O Coordenador do Sistema

Leia mais

ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS.

ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS. ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS. 01. SERVENTE Descrição Sintética: compreende os cargos que se destinam a executar, sob supervisão, serviços de limpeza como varrer, lavar, desinfetar e arrumar as dependências

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE AMAMBAI GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE AMAMBAI GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 279/ DE 29 DE MAIO DE 2.013. INSTITUI O CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DAS ATIVIDADES A SEREM IMPLEMENTADAS PARA O ATENDIMENTO INTEGRAL DOS DISPOSITIVOS CONSTANTES NO MANUAL DE CONTABILIDADE APLICADA

Leia mais

MBA em Planejamento, Orçamento e Gestão Pública

MBA em Planejamento, Orçamento e Gestão Pública REFERÊNCIA EM EDUCAÇÃO EXECUTIVA MBA em Planejamento, Orçamento e Gestão Pública Coordenação Acadêmica: Prof. Luiz Antonio Rodrigues Dias DEIXE O MBA QUE É REFERÊNCIA FALAR POR VOCÊ. OBJETIVO: O MBA em

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota ATIVO Explicativa CIRCULANTE 19.098 15.444 Disponibilidades 98 90 Relações Interf. / Aplicações R.F. 5 13.053 9.797 Operações de Crédito 6 5.760 5.518 Outros

Leia mais

Aí está o motivo pelo qual eu estava um pouco ausente do Ponto dos Concursos!

Aí está o motivo pelo qual eu estava um pouco ausente do Ponto dos Concursos! Manual Completo de Contabilidade Pública Prezados estudantes! Saiu o mais novo, atualizado e completo Manual de Contabilidade Pública! Atualizado conforme a 4ª Edição do Manual de Contabilidade Pública/STN

Leia mais

A INSTITUIÇÃO TESOURO ESTADUAL EM TEMPO DE AMEAÇAS ÀS FINANÇAS CAPIXABAS*

A INSTITUIÇÃO TESOURO ESTADUAL EM TEMPO DE AMEAÇAS ÀS FINANÇAS CAPIXABAS* A INSTITUIÇÃO TESOURO ESTADUAL EM TEMPO DE AMEAÇAS ÀS FINANÇAS CAPIXABAS* Marcos Bragatto O sucesso da gestão de qualquer instituição se fundamenta na eficiência do desempenho do tripé métodos, meios e

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Art.1º - Disposições legais: lei 11.788/2008; Decreto 87.497/1982; Decreto 2.080/1996; Resolução CONSUNI Nº 06/2002; Resolução CEPEC 0880/2008; Resolução

Leia mais

ção o de Pleitos MIP, da Secretaria do Tesouro Nacional.

ção o de Pleitos MIP, da Secretaria do Tesouro Nacional. -Apresentaçã ção o sobre o Manual para Instruçã ção o de Pleitos MIP, da Secretaria do Tesouro Nacional. (Capítulo IV - Operaçõ ções de crédito interno.) Esta apresentação objetiva um primeiro contato

Leia mais

PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL. Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 03

PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL. Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 03 PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL Diretrizes e Estratégias para Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 03 RELATÓRIO TÉCNICO CONCLUSIVO

Leia mais

CETESB - COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO

CETESB - COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO CETESB - COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO Notas Explicativas às Demonstrações Contábeis Exercícios Findos em 31 de Dezembro de 2013 e 2012 (valores em milhares de reais) 01 Contexto Operacional

Leia mais

CURSO LICITAÇÕES, CONTRATOS E CONTROLE de OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA na ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

CURSO LICITAÇÕES, CONTRATOS E CONTROLE de OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA na ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CURSO LICITAÇÕES, CONTRATOS E CONTROLE de OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA na ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA OBJETIVOS: Proporcionar desenvolvimento profissional em Licitações e Contratos de Engenharia na Administração

Leia mais

Embratel Participações S.A.

Embratel Participações S.A. Embratel Participações S.A. Laudo de avaliação de acervo líquido formado por determinados ativos e passivos apurados por meio dos livros contábeis para efeito de cisão Em 30 de setembro de 2014 Índice

Leia mais

Autarquia Educacional do Vale do São Francisco AEVSF Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina FACAPE Comissão de Concursos

Autarquia Educacional do Vale do São Francisco AEVSF Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina FACAPE Comissão de Concursos EDITAL 02/2015 - ANCI RETIFICA EDITAL 01/2015-ANCI A comissão da FACAPE organizadora do Concurso Público para Analista de Controle Interno da prefeitura municipal de Petrolina, no uso de suas atribuições

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 25106.000.849/2007-19 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 101-GR/UNICENTRO, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2011. REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 2/2014- CEPE/UNICENTRO (A PARTIR DA EMISSÃO DO RELATÓRIO FINAL DO CURSO) Aprova, ad referendum do CEPE, o Curso de Especialização

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE LEI N. 1.112, DE 31 DE DEZEMBRO DE 1993 "Cria a Fundação de Apoio ao Desenvolvimento Econômico e Social do Estado do Acre - FADES, por transformação do Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Estado

Leia mais

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 CONTEÚDO Relatório dos auditores independentes Quadro 1 - Balanço

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS

CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS 31) O Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal apresenta as seguintes finalidades: I. avaliar o cumprimento das metas previstas no Plano Plurianual, a execução

Leia mais

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS ADMINISTRATIVOS - MELHORES PRÁTICAS. 2ª Edição

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS ADMINISTRATIVOS - MELHORES PRÁTICAS. 2ª Edição SEMINÁRIO NACIONAL GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS ADMINISTRATIVOS - MELHORES PRÁTICAS Carga Horária: 24 horas/atividade Horário: 8h30 às 18h (com intervalo para almoço) 2ª Edição Brasília, 30 de maio

Leia mais

II Encontro para Reflexões e Práticas de Responsabilidade Social

II Encontro para Reflexões e Práticas de Responsabilidade Social II Encontro para Reflexões e Práticas de Responsabilidade Social Nosso ponto de partida Responsabilidade Social: conceito em evolução e práticas em difusão, sendo incorporadas ao cotidiano dos empresários

Leia mais

Implantação do Sistema SIG/UFRN na UNIFESP

Implantação do Sistema SIG/UFRN na UNIFESP Implantação do Sistema SIG/UFRN na UNIFESP Assessoria de Planejamento Departamento de Tecnologia da Informação DTI Maio/2013 Assessoria de Planejamento - DTI Planejar e gerenciar as atividades de governança

Leia mais

Questões comentadas da prova para Técnico de Controle Externo do TCMRJ TERCEIRA PARTE

Questões comentadas da prova para Técnico de Controle Externo do TCMRJ TERCEIRA PARTE Questões comentadas da prova para Técnico de Controle Externo do TCMRJ TERCEIRA PARTE 08 - Constitui um exemplo de despesa extra-orçamentária: A) caução feita no decorrer do exercício financeiro B) transferência

Leia mais