Sirva à vontade. Festas juninas Saiba como arrumar a loja e abastecê-la com os itens que vendem mais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sirva à vontade. Festas juninas Saiba como arrumar a loja e abastecê-la com os itens que vendem mais"

Transcrição

1 A REVISTA DO VAREJO DE VIZINHANÇA CAPA: food service entrevista: Adão de souza gerenciamento de categorias: bebidas mar/abr 2012 abastecimento 32 Edição 32 mar/abr 2012 ano 5 R$ 13,90 Festas juninas Saiba como arrumar a loja e abastecê-la com os itens que vendem mais Produtos orgânicos Apesar de mais caros, têm clientela fiel e são uma boa opção no pequeno varejo Sirva à vontade Vender comida pronta é tendência mundial que pode incrementar a renda do negócio, mas é preciso ter estratégia para definir qual o modelo a ser adotado CAPA 32.indd :37:11

2

3 CAPA 32.indd :37:11 sumário Seções Sua opinião Espaço para o leitor Portal O que encontrar na versão eletrônica da revista na internet Negócios Notícias sobre economia e a cadeia de abastecimento Fique por dentro A importância da execução no ponto de venda Produtos As novidades nas gôndolas do varejo opinião Álvaro Furtado, do Sincovaga, fala sobre o varejo em 2012 Ponto Final Alexandre Colombo trata do mercado de biscoitos CAPA: food service entrevista: Adão de souza gerenciamento de CAtegoriAs: bebidas mar/abr 2012 abastecimento 32 fotolia A REVISTA DO VAREJO DE VIZINHANÇA Edição 32 mar/abr 2012 ano 5 R$ 13,90 Festas juninas Saiba como arrumar a loja e abastecê-la com os itens que vendem mais Produtos orgânicos Apesar de mais caros, têm clientela fiel e são uma boa opção no pequeno varejo Sirva à vontade Vender comida pronta é tendência mundial que pode incrementar a renda do negócio, mas é preciso ter estratégia para definir qual o modelo a ser adotado Abastecimento Entrevista Adão de Souza, consultor de varejo, ressalta a importância da atenção para com o dia a dia do negócio e da qualidade Capa Saiba como o pequeno varejo pode lucrar mais por meio da venda de comida pronta, aproveitando o food service Sustentabilidade A polêmica sobre o fim das sacolas plásticas do ponto de vista do varejo de vizinhança e o que deve mudar nas lojas Oportunidades Como aproveitar o período das festas juninas para aumentar o faturamento e ganhar mais com a sazonalidade Consumo Saber atender às necessidades de consumo de quem mora sozinho se mostra uma lucrativa oportunidade de negócio frutas, legumes e verduras Aprenda a trabalhar com os produtos orgânicos, itens que ganham cada vez mais adeptos no Brasil e no pequeno varejo Gerenciamento de Categorias Escolher o sortimento ideal de bebidas é um diferencial para trazer clientes para a loja e aumentar o giro Capacitação Renovar o conhecimento e investir em treinamento é fundamental para se destacar em meio à concorrência mar/abr ab sumario pag3.indd :42:19

4 carta ao leitor Cardápio lucrativo Esta edição estampa em sua Capa um tema que há um bom tempo vem sendo abordado com veemência por especialistas no canal varejista. Vender comida pronta, atividade que antes só ocorria em grandes estabelecimentos, hoje também já é uma realidade que o pequeno varejo pode explorar com plena lucratividade em suas lojas, que vão desde a padaria e a rotisseria até a lanchonete e o espaço da cafeteria. Definitivamente, é uma oportunidade que pode ser explorada por todo tipo de estabelecimento, independentemente da classe social que ele atenda ou do espaço de que ele dispõe para oferecer esse tipo de serviço. Segundo Enzo Donna, consultor da ECD Consultoria em Food Service, que foi ouvido na reportagem, calcula-se que cerca de 47% da população que trabalha é constituída por mulheres, as quais, tradicionalmente, preparam as refeições dentro de casa. Também se estima que cerca de 60 milhões de refeições por dia são consumidas fora de casa, e o brasileiro já gasta cerca de 33% das suas despesas com esse tipo de alimentação. São números nada desprezíveis para quem pretende incrementar o seu negócio e atender melhor o seu fiel consumidor. Em recente visita aos Estados Unidos, mais precisamente à cidade de Orlando, na Flórida, onde participei de um seminário organizado pelo IGA Coca-Cola Institute sobre programas de liderança no varejo, pude conhecer mais de perto as operações dos supermercados Super Target, Publix e Whole Foods Market, megaexemplos de lojas bem-sucedidas nesse quesito, e me certifiquei de que a tendência para a alimentação fora de casa ou a compra de comida pronta para levar para casa é cada vez mais acentuada. Trazemos ainda uma entrevista com o consultor Adão de Souza, que discorre sobre pequenas práticas que fazem a diferença no ponto de venda. Abordamos em outra matéria a questão polêmica das sacolas de plástico, que ainda rendem boas discussões no setor. E já de olho no calendário promocional, chamamos a atenção do leitor para que ele comece a se preparar para as festas juninas, que sempre rendem um lucro extra nos meses de junho e julho. Aproveite bem e boa leitura! Editora Brasileira do Comércio Rua Apeninos, São Paulo - SP Fone: (11) Fax: (11) ramal 235 Diretor-Presidente Vicente Puerta: Diretor-Comercial/Marketing Rogério Oliva: Diretora-Editorial Claudia Rivoiro: Editor Cristiano Eloi: Redação Repórteres Daniela Guiraldelli: Giane Laurentino: Jamille Menezes: Revisão Newton Roberval Eichemberg Criação e Produção Fábio Geríbola: Produção Gráfica Ronaldo Secundo: Portal newtrade Repórteres Andreia Martins: Rodrigo Puerta: Webdesign Anderson Souza: Mídias Digitais Gabriel Baldin: Gerência Comercial Jorge Rodrigues: Gerência de Clientes Especiais José Paulo Basílio: Marcos Monaco: Representantes São Paulo: Paulo Sérgio: Darci Pires: SP Interior: Tânia Nassif: MG e Centro Oeste: Kamila Fonseca: RJ/ES, Norte e Nordeste: Priscila Marinho: RS: Ricardo Cunha: Relacionamento Institucional Alceu de Genaro: Leitores/assinaturas/circulação Fernando Mendes: Fale conosco: (11) Gerência Administrativa/Financeira Simone Vargas: Jornalista Responsável Cristiano Eloi MTb paulo pepe CLAUDIA RIVOIRO Diretora-editorial Periodicidade: bimestral - Circulação: nacional Tiragem: exemplares Distribuição dirigida - Impressão: Abril Gráfica Esta revista é destinada a proprietários, sócios e gerentes de pequenas e médias lojas do varejo independente, mercados com até dez checkouts. Apoio Filiada ao: 4 mar/abr 2012 ab carta ao leitor pag 4.indd :45:48

5 Seus cabelos sempre na moda! An_.indd 1 6/3/ :20:45

6 CAPA 30 nova.indd :57:07 sua opinião A REVISTA DO VAREJO DE VIZINHANÇA Edição 31 jan/fev 2012 ano 5 R$ 13,90 Agregue mais Criar e oferecer serviços é o caminho para quem valor ao deseja ter a preferência do consumidor e apresentar a ele uma verdadeira solução de compras negócio ComeCe bem o ano 50 dicas da indústria e do atacado para o varejista melhorar o faturamento oportunidades Como se preparar para atender à demanda de vendas na Páscoa relacionamento Cartões private label tornam-se um importante meio para fidelizar clientes Abastecimento 31 jan./fev. de 2012 projeto da espaçonovo no Empório São Pedro Leio a revista e aprecio muito as reportagens que trazem exemplos de outros negócios. Josué Genival - Cravinhos/SP A ABASTECIMENTO, em mais uma pesquisa feita junto aos seus leitores, perguntoulhes que matérias apresentadas têm, para eles, os conteúdos mais interessantes. Veja a seguir algumas das respostas. Desde já, agradeço às colaborações dos nossos leitores por responderem à enquete. Claudia Rivoiro, diretora de Redação A matéria "50 Dicas" da indústria e do atacado para o varejista melhorar o faturamento foi muito útil para o meu negócio. Parabéns e continuem a trazer matérias com conteúdo e de fácil entendimento. José Ramires - Franca/SP A publicação é muito didática e me ajuda muito em meu negócio, principalmente quando aborda temas que incentivam a melhorar a exposição dos produtos no ponto de venda. Cibele Maris - Guarujá/SP As minhas preferidas são as que fazem a divulgação dos novos produtos que estão chegando ao mercado. Joaquim Raimundo - Macapá/AP A publicação aborda assuntos de grande interesse e importância para o varejo. Acely Maria Romano Mariano - Santo André/SP A pesquisa das Marcas em Destaque eleitas pelo varejo. Cezar Augusto Bianchi - Primavera do Leste/MT [ serviços ] Como os cartões private label tornaram-se uma ferramenta de relacionamento com os clientes, alavancaram as vendas do varejo e viraram tendência Por Jamille menezes Um cartão para chamar de seu U m cartão de crédito que oferece vantagens exclusivas para seus clientes e leva com ele o nome da sua empresa. Conquistando cada vez mais espaço no mercado, os cartões private label surgiram no Brasil no início da década de 1970 e tiveram entre seus precursores as redes varejistas Mesbla e Mappin. Atualmente, já existem mais de 247 milhões de cartões emitidos por redes varejistas e lojas. E esse número cresce significativamente a cada mês, segundo dados fornecidos pela Abecs Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços. Os private labels funcionam como cartões de crédito normais, com uma diferença: eles podem ser administrados pela sua própria rede. Normalmente, vêm acompanhados de uma bandeira, e são emitidos por uma instituição financeira em nome do estabelecimento, podendo ter ou não anuidade. Alguns funcionam somente dentro da rede varejista que os emitiu, mas outros são híbridos, ou seja, têm uma bandeira de aceitação universal em todo o comércio, como a Mastercard, a Visa ou a American Express. Nesse caso, o normal é que o limite de crédito seja dividido entre a rede varejista e o comércio em geral. Um estudo realizado no início de 2011 pela empresa de pesquisa de mercado e consultoria CVA Solutions, com usuários de cartões de crédito de instituições financeiras, de varejo e de seis bandeiras, constatou que o segmento de cartões de crédito de varejistas vem crescendo mais rapidamente que o de cartões de crédito de instituições financeiras. Isso acontece porque esses cartões geralmente atingem uma classe social de renda mais baixa, que vem conquistando melhoria em seu poder aquisitivo. Os cartões emitidos por financeiras ainda são os mais usados por causa do limite de crédito, que é maior, mas também os que os usam mais são aqueles que têm mais poder aquisitivo, e para quem os bancos concedem maiores benefícios. Os cartões emitidos pelo varejo, que não têm anuidade, conquistam a baixa renda, diz Sandro Cimatti, sócio-diretor da CVA Solutions. Facilidades Com isso, é cada vez maior o número de empresas brasileiras que estão descobrindo as vantagens de associar sua marca com a de um cartão e com as facilidades que ele proporciona, o que faz o número de private labels aumentar a cada dia. Segundo dados fornecidos pela Abecs, em outubro de 2010 era de 220,5 milhões o número de cartões emitidos por redes e lojas. No mesmo período de 2011 esse número foi de 243,9 milhões, um aumento de 10,5%. Em relação ao faturamento, em outubro de 2010 ele foi de 5,7 bilhões de reais, e em 2011, de 6,9 bilhões de reais. Em número de transações, ele foi de 106,3 milhões em 2010, e de 122,3 milhões em É bom que o varejista tenha um cartão emitido pela sua loja, pois ele tem sempre o seu nome na carteira no consumidor, e reforça sua marca. Além disso, o varejista fica sabendo onde e com o que o consumidor gasta seu dinheiro. Por outro lado, é bom estar na carteira do cliente, senão é o concorrente que vai estar, diz Cimatti. Atualmente, lojas de calçados, de confecções, de material de construção, supermercados e drogarias, entre outros segmentos, vêm aderindo gradualmente a essa tendência, que ajuda na fidelização dos clientes e aumenta o faturamento da loja. Essa facilidade também chegou ao varejo independente, por menor que seja a loja. As vantagens se estendem não apenas aos varejistas, que ganham uma ferramenta de captação e de fidelização de clientes, aumento do faturamento e redução de inadimplência, mas também se estendem aos clientes. Estes ganham crédito préaprovado, que cresce à medida que eles utilizam e se mantêm em dia com o cartão, e também participam de promoções exclusivas com sistemas 42 jan/fev 2012 jan/fev fotos dreamstime Publicação aposta em matérias explicativas e de orientação para o varejista Reportagens sobre layouts de lojas e histórias de negócios de sucesso. Deolindo Conrado - Cianorte/PR Gosto muito das seções apresentadas na revista e também das entrevistas. Janice dos Reis - Divinópolis/MG Principalmente as informações e os modelos relativos a outros negócios apresentados na seção Na Prática. Leonardo Mori - Jussara/PR Fale com a gente anuncie na revista e no site Mostre a sua empresa e o seu mix de produtos aos varejistas do setor mercearil de todo o Brasil anunciando na revista ABASTECIMENTO e no site Entre em contato com o Departamento Comercial da EBC por carta, pelo fax (11) , pelo telefone (11) ou pelo assinaturas individuais e corporativas Consulte a nossa área de Relacionamento para conhecer a tabela da EBC. Faça a sua assinatura agora mesmo e receba a AB já no próximo mês. Discuta as reportagens com sua equipe e envie comentários para a nossa redação. Envie suas cartas e sugestões A revista Abastecimento quer conhecer a sua opinião. Envie suas críticas e sugestões para a revista abastecimento, Rua Apeninos, 1.126, CEP , São Paulo, SP, ou pelo Com a sua participação, faremos da AB uma revista cada vez mais útil para o mercado varejista. 6 mar/abr 2012 sua opiniao coṕia.indd :43:31

7 An_.indd 1 1/3/ :42:54

8 portal Portal newtrade está de cara nova Design arrojado facilita a navegação em meio a um volume ainda maior de informações revistas ebc e newsletter Com um simples clique, é possível acessar o conteúdo das revistas Distribuição e Abastecimento e se cadastrar para receber on-line nosso informativo organização Novo layout agrupa todas as informações por editorias, cada uma com sua respectiva cor, agilizando o acesso e conduzindo o usuário à sua área de interesse lançamentos Uma galeria de imagens atualizada constantemente traz em primeira mão todos os produtos que em breve estarão no mercado VÍDEOS e podcasts A newtrade TV amplia a sua produção com programas diários de entrevistas e reportagens, além da disponibilização de seu acervo on-line para consulta. Os podcasts também ganham maior destaque mais jornalismo Com o objetivo de trazer um volume ainda maior de informações, a área dedicada às notícias foi ampliada e ganhou ainda mais visibilidade coberturas Acompanhamento de toda a programação de feiras, eventos e seminários do setor atacadista distribuidor, varejo e indústria novos blogs Nossos consultores estarão à disposição para esclarecer dúvidas sobre temas como motivação, gestão, vendas, marketing e negócios +acessadas As notícias campeãs de acesso do portal newtrade em fevereiro Walmart passa por reestruturação Segundo o comando da área internacional do Walmart, a rede já percebeu algumas melhorias encorajadoras em relação à operação da empresa no Brasil. Também já detectou sinais de consumidores respondendo às ações da companhia. ABF aponta expansão de franquias Apesar da crise que abala os países europeus, o modelo de negócios de franquias deverá continuar crescendo no Brasil e no mundo. Segundo a ABF Associação Brasileira de Franchising, o faturamento total pode chegar a 100 bilhões de reais. Setor poderá crescer 6% A expectativa para o crescimento do varejo em 2012 está otimista, segundo a Fcdlesp Federação de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo. De acordo com Maurício Stainoff, presidente da entidade, essa expectativa é de 6% de crescimento. Patrocinadores do mês 8 mar/abr 2012 ab portal pag 8.indd :37:05

9 LIMPA COM SUAVIDADE E FAZ SUAS VENDAS AUMENTAREM MUITOS ZEROS À DIREITA. Nenhum outro enxaguatório sem álcool é tão efetivo em matar os germes quanto Listerine Zero*. LISTERINE É LÍDER DE MERCADO FORTE SUPORTE NA MÍDIA E PONTO DE VENDA Listerine 38.8% Outras Marcas 22.2% Marca A 31.4% CONSUMIDORES ATIVADOS VIA SAC INTERNET PONTO DE VENDA VISITA AOS DENTISTAS AÇÃO COM JORNALISTAS Marca B 7.61% MÍDIA TV BRASIL Fonte: Nielsen A+F Volume MOV11 (SO11) *Estudo In vitro

10 template.indd 2 21/03/ :04:36

11 template.indd 3 21/03/ :05:47

12 negócios Notícias da cadeia de abastecimento Franquia Crescimento acelerado Apesar da crise que abala os países europeus, o modelo de negócios de franquias deverá continuar crescendo no Brasil e no mundo. O setor passará sem grandes problemas pela instabilidade econômica e o faturamento no País poderá chegar, segundo a ABF Associação Brasileira de Franchising, a 100 bilhões de reais. As franquias representam 3% do PIB brasileiro, enquanto, no território norte-americano, elas já atingem a casa dos 20%. Ao contrário da Europa, no Brasil o setor de franquias terá crescimento positivo dreamstime Compras Facilidade ao cliente A operadora de cartões Visa apresenta o aplicativo de pagamento móvel oficial dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos. A ferramenta é baseada na tecnologia Visa paywave, que permite a realização de pagamentos contactless no ponto de venda. Para isso, basta aproximar o celular do terminal de pagamento sem contato no local da compra. "Estamos trabalhando com inúmeros parceiros para colocar a tecnologia de pagamento móvel nas mãos do consumidor, disse Sandra Alzetta, diretora de Inovação da Visa Europa. Sussumu Honda aposta em cenário promissor ricardo bakker Vendas Resultado positivo A Abras Associação Brasileira de Supermercados divulgou, na primeira semana de março, o resultado das vendas nos supermercados em janeiro, apontando para um aumento de 3,84%. A comparação foi feita com o mesmo período de A estimativa está dentro do esperado. Temos uma expectativa anual entre 3,5% e 4% de crescimento. Nos últimos meses, os números estão positivos, e devemos continuar assim até o fim deste ano, disse Sussumu Honda, presidente da Abras. Inclusão Projeto social O Carrefour Brasil, alinhado à sua diretriz mundial de promover a inclusão social, é parceiro do Instituto Dialog no projeto Rede de Negócios Inclusivos. O programa, que começou em fevereiro de 2011, no bairro do Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, chega ao fim. Uma banca formada por diretores do Carrefour, líderes de empresas e profissionais do meio acadêmico especializados no ramo dos negócios elegeu os 20 melhores projetos, que receberam o reconhecimento e o diploma do curso Rede de Negócios Inclusivos no dia 6 de fevereiro. 12 mar/abr 2012 ab negocios.indd :52:34

13 Varejo Expansão de negócios Em maio, de 7 a 10, acontecerá a APAS o Congresso e Feira de Negócios em Supermercados. O evento, que reunirá toda a cadeia do abastecimento, abordará o tema Colaboração Inteligência Compartilhada Criando Valor para o Consumidor. A APAS 2012 terá 550 expositores e acontecerá no Expo Center Norte, em São Paulo. Apas 2012 deverá ter 550 expositores Construção Queda nas vendas A venda de material de construção no varejo teve queda de 6% em fevereiro em comparação com o mês anterior. No confronto com o mesmo período de 2011, a retração foi de 2,3%, de acordo com pesquisa divulgada pela Anamaco Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção. "Apesar de preocupante, não podemos entender isso como o início de uma desaceleração, pois as expectativas para março são as mais otimistas medidas mensalmente nos últimos 24 meses", declara Cláudio Conz, presidente da Anamaco. Varejo de material de construção apontou declínio em março dreamstime anderson souza Segurança Furtos no setor Uma pesquisa realizada pelo Ibevar Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e do Mercado de Consumo com 106 empresas varejistas mostrou que, nos supermercados, a perda nas operações é maior do que em outros segmentos do comércio. Um dado curioso do levantamento se refere à questão da denúncia de funcionários flagrados em furtos nas lojas. Do total de furtos registrados, 77% são furtos externos e 20% são furtos internos. Os produtos mais roubados são, nesta ordem, medicamentos, roupas, itens de higiene pessoal e cosméticos. dreamstime 20 mil lojas virtuais abertas na primeira semana. Disponível nas redes sociais, o Magazine Você, do grupo Magazine Luiza, atingiu a meta do ano em apenas dois dias e duplicou em uma semana. O número de adesões à plataforma foi muito além das nossas expectativas, disse Frederico Trajano, diretor de Vendas e Marketing do grupo mar/abr ab negocios.indd :58:21

14 negócios Notícias da cadeia de abastecimento Aquisição Aumento de capital A Brazil Pharma, holding do BTG Pactual, adquiriu a rede de drogarias Sant ana, localizada em Salvador. De acordo com o contrato, a operação ocorrerá em três etapas e desenvolverá um aumento de capital para que os sócios da Sant'ana ingressem no capital da Brazil Pharma. A rede do BTG pagará 347 milhões de reais por 70% do capital da rede. A Sant'ana é atualmente a 9 a maior rede de drogarias do Brasil, com 101 estabelecimentos na Bahia. dreamstime Agilidade Ferramenta interativa A Express Apps lança uma plataforma para a criação de aplicativos de celular, configurados de acordo com as necessidades da loja. É também uma grande ferramenta de marketing, proporcionando o fortalecimento da marca e a fidelização do cliente, uma vez que produz imediata interação com a empresa 24 horas por dia de forma remota, explica Sergio Cury, CEO da companhia. Loja Fim de operação A Viavarejo, que reúne as operações das redes Casas Bahia e Ponto Frio, fechou 58 pontos de venda da bandeira Ponto Frio no último trimestre de Em setembro, a bandeira tinha 456 pontos e, depois de dois meses, estava com 401 lojas abertas. Os números foram revelados no relatório de desempenho da companhia, apresentados ao mercado no fim de fevereiro. Planos Investimento no setor A varejista supermercadista chilena Cencosud anunciou planos para investir 1,3 bilhão de dólares neste ano e afirmou que espera uma receita de cerca de 18 bilhões de dólares nesse período. Desse montante, cerca de 198 milhões de dólares serão investidos em 26 novas lojas no Brasil. A empresa está presente no País desde novembro de Recentemente, comprou a cadeia de supermercados Prezunic, no Rio de Janeiro. 19 mil produtos foram lançados em De acordo com um levantamento auditado pela Nielsen, mais da metade deles eram 10% mais caros em comparação com a categoria de cada item. Isso ocorreu em consequência do reposicionamento das classes C e D, que chegam ao mercado com maior poder de compra, somado ao aumento da representatividade da classe A. 14 mar/abr 2012 ab negocios.indd :54:03

15 22,8% foi o nível recorde que a participação dos produtos importados no consumo interno atingiu em As importações que ocasionaram crescimento no consumo em um cenário de estagnação da produção local explicam o fenômeno, que ganha terreno nos últimos anos, marcados pelo câmbio valorizado. Itapetininga Liberação de sacolas O TJ-SP Tribunal de Justiça de São Paulo acatou o pedido do Sindiplast Sindicato da Indústria de Material Plástico do Estado de São Paulo, que chamou a atenção para a inconstitucionalidade da lei municipal de Itapetininga, no interior de SP, e concedeu liminar para derrubar a lei que proibia a distribuição de sacolas plásticas. Para Fuad Abraão Isaac, presidente da Câmara de Vereadores da cidade, a decisão do Tribunal representa um retrocesso na educação ambiental. A população já se adaptou e adotou o comportamento de utilização consciente das embalagens, afirmou. dreamstime Estratégia Marketing no comércio Com intuito de aumentar o contato direto com o consumidor e atrair o fluxo crescente de passageiros que usam diariamente o transporte público das grandes cidades, a marca Nestlé passa a investir em pontos comerciais dentro de estações de metrô. O último lançamento da empresa foi um quiosque dentro da estação Madureira de trem, localizada no Rio de Janeiro/RJ, desenvolvido pela Montagee, em parceria com a agência de marketing promocional Boteco Comunicação. Nestlé: investimento em pontos dentro de estações de metrô Ranking Qualificação maior Sétimo maior mercado mundial no setor de farmácias, o Brasil deverá subir uma posição até 2015, quando promete duplicar de tamanho em comparação com os resultados de 2010, ano em que o setor fechou com uma movimentação da ordem de 35,1 bilhões de reais, e ultrapassar 70 bilhões de reais. É essa a aposta da Abrafarma Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias, que registrou um crescimento de 19,1% no segmento em 2011, o equivalente a uma quantia de 41,8 bilhões de reais. Setor de farmácias e drogarias registrou crescimento de 19,1% em 2011 dreamstime mar/abr ab negocios.indd :54:39

16 [ entrevista Adão de Souza, consultor ] É preciso olhar para dentro do negócio O consultor empresarial Adão de Souza recomenda que os varejistas fiquem atentos à organização da loja e, principalmente, ao gerenciamento das categorias Por Giane Laurentino Ter a atenção voltada para os produtos de que o cliente precisa, manter a loja bem organizada e fazer com que a equipe que trabalha nesse varejo seja cuidadosa no dia a dia. Mais do que estar de olho nos lucros gerados pelas vendas, o varejista precisa observar com bom discernimento as rotinas diárias do seu negócio para conseguir lucrar ainda mais. Foi esse o tom da conversa com o consultor Adão de Souza. Ele atua desde 1987 prestando consultoria em diferentes segmentos, principalmente o do varejo. Durante a entrevista, o consultor deu conselhos que podem ser úteis para lojas de qualquer tamanho. fotos ricardo bakker 16 mar/abr 2012 entrevista.indd :57:21

17 Quais são os principais pontos que o varejista precisa observar? Ele não pode errar no básico. Na gestão do mix de produtos, na gestão das gôndolas e na organização. E, principalmente, no giro de produtos, pois no caso dos pequenos varejos, ele precisa exercer um controle maior do que é necessário nos demais modelos comerciais. Ele fará isso administrando de forma coerente e lógica os produtos que não podem faltar, não deixando buracos. Às vezes, ele tem os produtos no estoque, mas não os coloca na gôndola no tempo certo. Isto é, ele precisa voltar um olhar mais cuidadoso para os aspectos que considero básicos no negócio. Como ele pode gerenciar bem as categorias da loja? Ele precisa ter informações sobre o fluxo das categorias vinculadas aos ganhos. Ele vai estabelecer determinados números de frentes e de produtos dentro da mesma categoria. Às vezes, ele coloca uma grande quantidade de produtos dentro de uma mesma categoria quando é desnecessário fazer isso. Ele não pode deixar faltar nenhum item nem adotar uma política de três preços de uma mesma categoria e começar a administrar nesse sentido. Outro fator importante são as vizinhanças, as correlações entre as categorias. Ele precisa fazer com que, sempre que possível, fique fácil para o consumidor ver a correlação de uma categoria com a outra. Isso faz com que o consumidor aumente o número de itens que leva ao terminar a compra. Afora isso, ele deve adotar uma orientação tal que o cliente perceba onde estão esses produtos. A organização tem importância fundamental no pequeno varejo? Às vezes, identificamos situações nas quais se percebe uma falta de lógica na arrumação, e isso faz com que o cliente perca tempo ou se esqueça de alguns itens. Onde ele vai colocar as rações, os produtos de limpeza, qual a melhor vizinhança para esses produtos? Além disso, ele precisa se preocupar com os itens de compra por impulso. Eles precisam estar sempre no início da loja. Esse tipo de produto precisa estar antes dos itens que são de consumo mais obrigatório. O pequeno varejista, de maneira geral, costuma pensar que não dispõe de muito espaço e que não pode fazer muita coisa. Como ele pode melhorar a organização da loja? Ele pode fazer certos estudos e uma administração organizada. Pode dedicar aos setores da loja quantidades de espaço que estejam de acordo com o volume de negócios que ele faz. Muitas perdas ocorrem por causa de produtos que têm baixa representatividade no volume total dos negócios ou no volume do rendimento dele. Esses produtos ocupam um espaço maior do que deveriam ocupar. Por isso, o cuidado do varejista precisa ser maior. Eu diria que cada centímetro da loja deve receber um cuidado muito grande na administração das categorias. Exatamente por ser pequeno, ele precisa tomar um cuidado muito maior? Com certeza. Nunca se deve pensar que, por ser pequeno, o varejo não tem condições de apresentar a mesma eficácia que o grande. O que é preciso é manter o olhar atento. Saber o que gira, como gira, quando gira. Quanto cada grupo tem na minha loja. Se possível, procurar saber se a representatividade que determinada categoria tem está em consonância com outras grandes. Às vezes, ele está perdendo porque faltam duas ou três categorias, que poderiam representar muito mais no resultado que ele obtém no seu negócio. Para aumentar a venda, o varejista não precisa necessariamente aumentar o número de clientes, mas sim, precisa aumentar a venda por cliente mar/abr entrevista.indd :57:59

18 [ entrevista Adão de Souza, consultor ] Buraco é crime. Não se pode ter buraco na prateleira em hipótese nenhuma. O cliente valoriza prateleiras com a parte da frente cheia Como ele deve gerenciar o seu estoque? O gerenciamento de estoque é a parte vital da empresa. Ele precisa compreender a questão da logística, quanto tempo ele pode demorar para comprar, quais são os riscos de ele gerar ruptura por atrasar uma compra ou porque não acompanhou os dados adequadamente. Hoje, com os sistemas disponíveis, fica relativamente fácil você ter uma visão do que vai acontecer. Quando o varejista erra no gerenciamento do estoque? Muitos problemas acontecem por causa da falta de percepção de certas datas. Por exemplo, a Páscoa. O varejista pode gerar ruptura por não perceber que alguns alimentos serão mais consumidos nessa data. Já reparei que isso acontece em pequenos varejos. O fornecedor orienta, mas o varejista não tem ideia de quanto vende. Deixa de vender por se esquecer de como foi o ano anterior. Que erros não podem ocorrer? Ele precisa administrar os 20% que representam os 80% do negócio dele. Estes são sagrados. Ele precisa reconhecer nitidamente essa necessidade. É necessário trabalhar com o calendário na frente. Digo que essa ainda é uma dificuldade do varejista. O ano de 2012 chama a atenção pelo número de feriadões. Isso precisa estar planejado por ele. Fala-se muito que a gestão do estoque é uma gestão de giro. Os varejistas têm noção disso, mas se descuidam da negociação, da parceria com o fornecedor. Ele precisa voltar muito a atenção para a parceria. Como deve ser feita a reposição da loja? Primeiro, ele precisa trabalhar a sua equipe de reposição. Ele pode contratar uma empresa que faça uma layoutização adequada e, depois, não ter a sustentação desse processo. No layout da loja, o cliente precisa perceber praticidade, agilidade, informação. Muitas vezes, a empresa é pequena e tem área e corredores estreitos. Além disso, o repositor fica durante muito tempo fazendo a reposição, e ninguém se incomoda, só o consumidor. Talvez seja necessário estabelecer um horário diferente do de maior movimento na loja. Quando o assunto é layout, o que não pode ocorrer? Buraco é crime. Não se pode ter buraco na prateleira em hipótese nenhuma. Não se pode ter falta de produto na prateleira, eles precisam estar sempre na parte da frente da prateleira. O cliente valoriza isso. Segundo uma pesquisa, se o item estiver na segunda fileira, o cliente não irá mais pegá-lo. Não é por não gostar do produto, mas por causa da organização. Há algum outro fator de destaque? As vizinhanças. Ainda se peca muito nisso no pequeno varejo. Produtos que deveriam estar perto dos hortifrútis, mas estão em outro local. Na área de carnes e salgados, a organiza- 18 mar/abr 2012 entrevista.indd :58:20

19 ção geralmente é inadequada, e os produtos absorvem os cheiros uns dos outros. O consumidor, naturalmente, vai levar o que é necessário. O grande negócio é estimulá-lo a levar outros produtos a partir da observação. Qual a imagem que ele tem quando vê o produto exposto. Qual a sensação olfativa que ele tem quando o produto está em certas áreas. É importante a higiene em todos os setores do varejo. Tudo precisa estar arrumado, e isso não vai lhe custar mais caro. É preciso ter uma boa equipe para isso? É preciso ter um bom gerenciamento e uma boa equipe. Pois uma boa equipe sem gerenciamento não funciona. Isso porque ela precisa ser orientada, estimulada e exigida. A equipe precisa sentir que aquilo tem valor. É preciso que haja alguém o tempo inteiro dizendo o que deve e vai ser feito. Os empresários não gostam disso, mas essa pessoa que tem iniciativa, que tem liderança, não estará no mercado durante o tempo todo. O normal é trabalhar com uma equipe média. E esse tipo de equipe precisa de um líder. Perde-se muito mais dinheiro por não se fazer o básico todos os dias. Como utilizar as promoções para vender mais? A gente tem ideia de que promoção no varejo consiste em dar desconto, quando, na verdade, não é só isso. É preciso criar um clima, um ambiente, que estimule o cliente a levar aquele produto. É o varejista que tem mais facilidade para fazer isso. Se eu destacar uma parte da gôndola, só isso já vai promover o produto. Pode ou não dar desconto. O que eu costumo dizer é que devemos aproveitar as grandes datas. E usar de criatividade nos momentos em que não podemos oferecer mais nada. Não se trata só de baixar o preço. Você pode fazer certos casamentos de produtos, pode ser inovador na sugestão de um item que não seria normal vender, pensar em fazer kits, uma área específica de promoção. O importante é agradar ao cliente? O cliente gosta de um agrado, e apreciará muito se você lhe oferecer um brinde ou um desconto. Você também precisa ficar atento para seus indicadores. Se estiver com uma determinada categoria em baixa, você precisa levantar a categoria. O número de itens por cliente é pequeno. Você precisa trabalhar uma ideia criativa pensando que o cliente aumentará seu número de itens. Para aumentar a venda, ele não precisa necessariamente aumentar o número de clientes, mas sim, precisa aumentar a venda por cliente. Para isso, ele aumentará o número de itens por cliente, ou então o valor. De acordo com essa percepção, ele está precisando aumentar o nível de venda deles. Assim, ele precisará vender mais produtos de maior valor agregado. É preciso usar de criatividade para obter novas formas de atrair o cliente? O varejista olha muito para o quanto faturou e não se preocupa em como ele vendeu. Eu procuro saber quantos clientes o varejista tem por dia, se dá para operar mais, atrair mais clientes. Se for muito caro atrair mais clientes, você pode ter alternativas internas que aumentam a venda para cada cliente, alternativas que vão desde distribuir produtos perto do checkout até colocar o sal grosso perto da carne. Você pode lembrar a ele de alguns hábitos, como o de fazer feijoada no sábado, como no Rio de Janeiro, ou churrasco, como no Rio Grande do Sul. E como o varejista deve divulgar suas promoções? A gente faz a promoção, mas não difunde. Não faz um cartaz interessante. Você precisa destacar quando está fazendo alguma coisa, uma oferta especial ou condição, mesmo que a diferença seja pequena. Às vezes, temos ideias, mas elas não repercutem porque não valorizamos essas ideias, não as comunicamos de maneira adequada. Elas podem ser difundidas em diferentes pontos da loja. Nem todos os clientes vão a todos esses locais da loja. Pode dar um conselho final aos varejistas? Eu digo que o varejista precisa ter um cifrão nos olhos, mas também precisa olhar atentamente para os detalhes. Ele não pode deixar passar despercebidas determinadas situações em sua empresa.l Acesse e assista à entrevista com Adão de Souza mar/abr entrevista.indd :58:40

20 [ capa ] Um prato cheio de oportunidades É possível incrementar a margem de rentabilidade, atrair e reter a clientela com a venda de comida pronta, aproveitando o bom momento pelo qual passa o mercado de alimentação fora do lar Por Daniela Guiraldelli Cada vez mais, come-se fora de casa ou, dentro de casa, prepara-se comida semipronta ou come-se comida pronta, tendência que tem afetado o varejo, além de quem produz (indústria) ou é responsável pelo abastecimento dos pontos de venda independentes (atacado distribuidor), canais que têm desenvolvido produtos e serviços com foco no setor food service. Calculase que cerca de 47% da população que trabalha é constituída de mulheres, as quais, tradicionalmente, preparam as refeições dentro de casa. Também se estima que cerca de 60 milhões de refeições por dia são consumidas fora de casa, e o brasileiro já gasta cerca de 33% de suas despesas com esse tipo de alimentação, afirma Enzo Donna, consultor da ECD Consultoria em Food Service. Vender comida pronta também já é uma realidade para o pequeno varejo das padarias, rotisserias, lanchonetes e cafeterias, entre outros modelos de lojas. É uma oportunidade de negócios que pode ser explorada por todo tipo de estabelecimento, independentemente da classe social que ele atenda ou do espaço de que ele dispõe para oferecer esse tipo de serviço. Aquele formato destinado exclusivamente à venda de um produto está fadado a desaparecer, qualquer que seja o tamanho da loja. No médio prazo, o pequeno cristiano eloi 20 mar/abr 2012 food service.indd :14:28

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR FOOD SERVICE UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR I-INTRODUÇÃO AO MERCADO DE FOOD SERVICE INTRODUÇÃO Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos,

Leia mais

Setor de Panificação e Confeitaria

Setor de Panificação e Confeitaria Setor de Panificação e Confeitaria Em 2014 o setor de Panificação e Confeitaria brasileiro cresceu 8,02%e faturou R$ 82,5 bilhões. Desde 2010, o mercado vem registrando uma desaceleração. Setor de Panificação

Leia mais

promoções Estratégias diferenciadas na rotisseria despertam o apetite do consumidor e incrementam a receita dos supermercados

promoções Estratégias diferenciadas na rotisseria despertam o apetite do consumidor e incrementam a receita dos supermercados Cardápio de promoções Estratégias diferenciadas na rotisseria despertam o apetite do consumidor e incrementam a receita dos supermercados POR DENISE TURCO Comida de restaurante no supermercado. É com apetite

Leia mais

julho 2011 www.sm.com.br

julho 2011 www.sm.com.br www.sm.com.br Uma publicação do Grupo Lund ano 42 nº 7 julho 2011 DOIS (BONS) PROGRAMAS DE FIDELIDADE COMO DECIDIR O MELHOR NÍVEL DE ESTOQUE MÍDIA DIGITAL A TV QUE FAZ DINHEIRO UNILEVER DEFINE MIX DE 80

Leia mais

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções.

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções. Uma publicação: Estratégias para aumentar a rentabilidade 04 Indicadores importantes 06 Controle a produção 08 Reduza filas 09 Trabalhe com promoções 10 Conclusões 11 Introdução Dinheiro em caixa. Em qualquer

Leia mais

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS.

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. A Rio Quality existe com o objetivo de proporcionar a total satisfação dos clientes e contribuir para o sucesso de todos. Essa integração se dá através do investimento

Leia mais

Capa VERÃO 30 n SuperVarejo novembro 2009

Capa VERÃO 30 n SuperVarejo novembro 2009 30 n SuperVarejo novembro 2009 Protetores solares, bronzeadores e cremes para pele e cabelo vão garantir o faturamento do verão na categoria higiene e beleza >> Rogério Gatti > rgatti@supervarejo.com.br

Leia mais

O Super Nosso surgiu em novembro de 1998 com a primeira loja no bairro Buritis, conta hoje com 11 lojas, na região metropolitana de Belo Horizonte.

O Super Nosso surgiu em novembro de 1998 com a primeira loja no bairro Buritis, conta hoje com 11 lojas, na região metropolitana de Belo Horizonte. O GRUPO ALIANÇA tem como visão, ser o melhor distribuidor de produtos de consumo industrializados de Minas Gerais, no canal alimentar e nos diferentes segmentos que atua. NOMES FANTASIAS: Previsão de faturamento

Leia mais

CMV Custo de Mercadoria Vendida

CMV Custo de Mercadoria Vendida CMV Custo de Mercadoria Vendida Guia para Food Service Restaurante & Pizzarias Apresentação Para manter sempre os parceiros alinhados com as informações do mercado, a PMG criou este guia falando um pouco

Leia mais

Engajado. um time. cooperacao. nf-e para consumidor já inventário rotativo com resultado

Engajado. um time. cooperacao. nf-e para consumidor já inventário rotativo com resultado sm.com.br janeiro de 2014 ano 45 5 3 6 cooperacao agora os pequenos com apenas três lojas, a hortimais faz acordo com P&G e eleva as vendas em 60% em um ano Carlos Cardoso, presidente da CSD, com integrantes

Leia mais

RELATÓRIO MISSÃO À CHINA BAKERY CHINA

RELATÓRIO MISSÃO À CHINA BAKERY CHINA RELATÓRIO MISSÃO À CHINA BAKERY CHINA Panificação na China A panificação chinesa tem aspectos peculiares, não é um país de tradição no consumo de panificados, mas tem desenvolvido sua indústria a partir

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

GUIA ATS INFORMÁTICA: GESTÃO DE ESTOQUE

GUIA ATS INFORMÁTICA: GESTÃO DE ESTOQUE GUIA ATS INFORMÁTICA: GESTÃO DE ESTOQUE SUMÁRIO O que é gestão de estoque...3 Primeiros passos para uma gestão de estoque eficiente...7 Como montar um estoque...12 Otimize a gestão do seu estoque...16

Leia mais

Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio.

Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio. Com bom planejamento, empresário começa negócio sem dinheiro próprio. Plano de negócios estruturado ajuda na hora de conseguir financiamento. Veja dicas de especialistas e saiba itens que precisam constar

Leia mais

Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem

Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem 03 Conquistando Clientes Conheça seu Cliente Conheça o Cartão Tricard Simulação de Abordagem 08 11 15 21 Documentação necessária 02 Conquistando Clientes Neste

Leia mais

Introdução. Marca Líder. Evento Líderes de Vendas:

Introdução. Marca Líder. Evento Líderes de Vendas: 1 Introdução O objetivo desta cartilha 1, elaborada pela Escola Nacional de Supermercados (ENS), da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), é passar orientações e dicas para os supermercadistas

Leia mais

MASTER HOUSE FRANCHISING Apresentação e Estratégia

MASTER HOUSE FRANCHISING Apresentação e Estratégia MASTER HOUSE FRANCHISING Apresentação e Estratégia Master House Franquia de Sucesso ocumento protegido pelos termos da lei. ualquer replicação deste material não é autorizada. Especial 10.A/2015 Parabéns

Leia mais

Drible a concorrência e conclua jogadas promocionais que irão fazer a sua loja faturar mais!

Drible a concorrência e conclua jogadas promocionais que irão fazer a sua loja faturar mais! A REVISTA DO VAREJO DE VIZINHANÇA Edição 20 mar/abr 2010 ano 4 R$ 13,90 www.revistaabastecimento.com.br consumidora Pesquisa revela o que a mulher busca no ponto de venda café da manhã Monte um canto dedicado

Leia mais

Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade

Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade Consultoria e Assessoria em Serviços de Alimentação para uma prática de qualidade Rochele de Quadros Rodrigues Nutricionista e Especialista em Qualidade de Alimentos Mestranda em Ciência e Tecnologia de

Leia mais

INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA

INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA INFORMAMOS OS LANÇAMENTOS DE PRODUTOS NA APAS 2007: PERDIGÃO - NOVO SABOR DO QUICKPIZZA: FRANGO COM REQUEIJÃO E MUSSARELA Opção chega para suprir a expectativa de consumidores cada vez mais exigentes O

Leia mais

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice 2 Índice Introdução... 3 Passo 1 Entender o que é Venda Online e E-commerce... 4 Passo 2 Entender o Mercado de Comércio Eletrônico... 5 Passo 3 Canais de Venda... 6 Passo 4 Como identificar uma Boa Plataforma

Leia mais

A MELHOR SOLUÇÃO PARA OS NEGÓCIOS DO FOOD SERVICE. www.cozinhaprofissional.com.br

A MELHOR SOLUÇÃO PARA OS NEGÓCIOS DO FOOD SERVICE. www.cozinhaprofissional.com.br A MELHOR SOLUÇÃO PARA OS NEGÓCIOS DO FOOD SERVICE www.cozinhaprofissional.com.br O Food Service no Brasil Sobre o mercado Food Service 6milhões de postos de trabalhos Um mercado em pleno crescimento! Ao

Leia mais

Passo a passo para seu negócio. Dicas práticas para o MEI. MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI VENDAS. www.guarulhos.sp.gov.br

Passo a passo para seu negócio. Dicas práticas para o MEI. MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI VENDAS. www.guarulhos.sp.gov.br Passo a passo para seu negócio. Dicas práticas para o MEI. MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI VENDAS www.guarulhos.sp.gov.br COMO AMPLIAR AS POSSIBILIDADES DE VENDER MAIS Aqui, você irá encontrar dicas

Leia mais

O CUSTO DE A&B EM UM EVENTO

O CUSTO DE A&B EM UM EVENTO O CUSTO DE A&B EM UM EVENTO Objetivo Conhecer os principais cuidados a serem tomados com a organização de um evento, tendo em vista a manutenção dos custos do evento; Conhecer as formas de cobrança das

Leia mais

RESULTADOS 3T11. Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades. 4 de novembro de 2011

RESULTADOS 3T11. Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades. 4 de novembro de 2011 RESULTADOS 3T11 Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades 4 de novembro de 2011 ELETRO GPA ALIMENTAR AGENDA RESULTADOS Supermercados Proximidade Atacarejo Postos e Drogarias Hipermercado Lojas Especializadas

Leia mais

Agregue mais valor ao negócio

Agregue mais valor ao negócio A REVISTA DO VAREJO DE VIZINHANÇA Edição 31 jan/fev 2012 ano 5 R$ 13,90 www.revistaabastecimento.com.br Agregue mais valor ao negócio Criar e oferecer serviços é o caminho para quem deseja ter a preferência

Leia mais

MBA Executivo UFPE FORMATOS E MODELOS DE VAREJO

MBA Executivo UFPE FORMATOS E MODELOS DE VAREJO MBA Executivo UFPE Disciplina: Ambiente de Negócios Setembro/2011 FORMATOS E MODELOS DE VAREJO Fonte: MATTAR, Fauze Najib. Administração de Varejo. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011 Prof. Bosco Torres www.boscotorres.com.br

Leia mais

Dicas de Gestão para o Empresário do Setor Comércio Varejista

Dicas de Gestão para o Empresário do Setor Comércio Varejista Dicas de Gestão para o Empresário do Setor Comércio Varejista Você conhece o seu cliente? Não poupe esforços e invista no visual da loja Planejamento estratégico Cuide da Saúde Financeira da Sua Empresa

Leia mais

MINIMERCADOS COMPETITIVIDADE EM MINIMERCADOS. Localização; Atendimento; Marketing de relacionamento; Comunicação visual; Limpeza e conservação;

MINIMERCADOS COMPETITIVIDADE EM MINIMERCADOS. Localização; Atendimento; Marketing de relacionamento; Comunicação visual; Limpeza e conservação; MINIMERCADOS Boletim Fatores-Chave de Sucesso COMPETITIVIDADE EM MINIMERCADOS O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) fez um estudo que identificou os dez fatores-chave de sucesso

Leia mais

PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS

PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS ON-LINE Alterada dia 13/01/2015-13h00 Venha fazer parte do sucesso de vendas de camisetas que mais cresce na Internet... Já são mais de 100 micro-franqueados e franqueados no Brasil!

Leia mais

COMO TER UMA LOJA DE SUCESSO EM 30 DIAS

COMO TER UMA LOJA DE SUCESSO EM 30 DIAS COMO TER UMA LOJA DE SUCESSO EM 30 DIAS INTRODUÇÃO Quem está montando o próprio negócio no varejo, de vendas diretas aos consumidores, sonha evidentemente em conquistar um acelerado sucesso. O mesmo vale

Leia mais

A confluência dos vídeos e a Internet

A confluência dos vídeos e a Internet WHITEPAPER A confluência dos vídeos e a Internet Por que sua empresa deveria investir em vídeos em 2013 e como a Construção Civil pode utilizar os vídeos como diferencial competitivo. 1 Saiba como os vídeos

Leia mais

principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte

principal pilar da sua empresa  i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte Marcas próprias ganham espaço na casa do consumidor As marcas pertencentes aos supermercados

Leia mais

Saudabilidade no Food Service. Tendências

Saudabilidade no Food Service. Tendências Saudabilidade no Food Service Tendências Introdução ao Mercado de Food Service Introdução Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, bebidas, insumos, equipamentos e serviços

Leia mais

O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento CONSUMIDORES (EM MILHÕES) 23,4 18,7 R$ 328 R$ 335 R$ 373 R$ 350 R$ 342 R$ 350

O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento CONSUMIDORES (EM MILHÕES) 23,4 18,7 R$ 328 R$ 335 R$ 373 R$ 350 R$ 342 R$ 350 ARTESANATO BOLETIM COMÉRCIO ELETRÔNICO O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento Em 2012, o faturamento foi de R$ 22,5 bilhões no Brasil, e de aproximadamente R$ 28 bilhões em 2013.

Leia mais

Projeto Cartão de Fidelidade. 1- Do Projeto:

Projeto Cartão de Fidelidade. 1- Do Projeto: 1- Do Projeto: O projeto visa dar acesso aos associados de associações comunitárias de Rio Pardo de Minas/MG à compra de produtos em uma rede credenciada local através de um cartão de compras que garanta

Leia mais

COMO A GIR NA CRI $E 1

COMO A GIR NA CRI $E 1 1 COMO AGIR NA CRI$E COMO AGIR NA CRISE A turbulência econômica mundial provocada pela crise bancária nos Estados Unidos e Europa atingirá todos os países do mundo, com diferentes níveis de intensidade.

Leia mais

Circular de Oferta 5102/ sto Ago

Circular de Oferta 5102/ sto Ago Circular de Oferta Agosto / 2015 Índice Introdução 03 Quem Somos 04 Como funciona o negócio 05 Vantagens de ser constituir uma agência 06 Produtos e serviços 07 Ferramentas de apoio 08 Atividades desempenhadas

Leia mais

Cartões Private Label

Cartões Private Label Cartões Private Label Quando implementar? Como ativar? Por que ir além? Walter Rabello Quando Implementar Como Ativar Por que Ir além O que é Private Label? Para quem trabalha no mercado de cartões: Cartão

Leia mais

menu No dia 17/12/1953, em Uberlândia (MG), é inaugurado o Armazém de Secos e Molhados Borges Martins, a primeira empresa Martins.

menu No dia 17/12/1953, em Uberlândia (MG), é inaugurado o Armazém de Secos e Molhados Borges Martins, a primeira empresa Martins. Versão Completa No dia 17/12/1953, em Uberlândia (MG), é inaugurado o Armazém de Secos e Molhados Borges Martins, a primeira empresa Martins. Borges Martins começa a atuar no Planalto Central. Os excedentes

Leia mais

CRESCIMENTO CIDADES COOPERACAO V FÓRUM SM TUBAÍNA CRESCE MABEL ENTRA EM NOVAS REGIÕES LOJA GOURMET AVANÇA

CRESCIMENTO CIDADES COOPERACAO V FÓRUM SM TUBAÍNA CRESCE MABEL ENTRA EM NOVAS REGIÕES LOJA GOURMET AVANÇA COOPERACAO V FÓRUM SM SM.COM.BR JULHO DE 2013 ANO 44 POUCO ESPAÇO MUITAS MARCAS Estudo de SM mostra que 45% dos varejistas elevaram em 15% o número de novas marcas no mix. Como conseguiram e por que fizeram

Leia mais

Europain 2008 Mercado e Tendências

Europain 2008 Mercado e Tendências Europain 2008 Mercado e Tendências Por: Márcio Rodrigues Apresentação Esse relatório trata-se de uma apresentação da Europain 2008, de acordo com minha perspectiva. Através da visita técnica que realizei

Leia mais

RESULTADOS 4T11 E 2011 Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo (Globex)

RESULTADOS 4T11 E 2011 Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo (Globex) RESULTADOS 4T11 E 2011 Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo (Globex) 17 de fevereiro de 2012 GRUPO PÃO DE AÇÚCAR - RESULTADOS 4T11 E 2011 Enéas Pestana, Presidente do Grupo Pão de Açúcar 2 Evolução operacional

Leia mais

O que é Black Fraude?... Como comunicar seus clientes sobre sua participação na Black Friday... Como Manter seu site seguro para a Black Friday?...

O que é Black Fraude?... Como comunicar seus clientes sobre sua participação na Black Friday... Como Manter seu site seguro para a Black Friday?... Conteúdo do ebook O que é Black Fraude?... Como comunicar seus clientes sobre sua participação na Black Friday... Como Manter seu site seguro para a Black Friday?... Deixando sua loja virtual mais rápida

Leia mais

SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS SEBRAE-SP

SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS SEBRAE-SP SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS SEBRAE-SP SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS SEBRAE-SP O SEBRAE SP desenvolveu um Programa de Soluções Tecnológicas, cujo objetivo é de aumentar a competitividades e sustentabilidade dos Pequenos

Leia mais

Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como:

Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como: TENDÊNCIAS 1. Globalização Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como: Grupo Casino Carrefour Wal-Mart C&A

Leia mais

OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO E-COMMERCE - FLORICULTURA VIRTUAL

OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO E-COMMERCE - FLORICULTURA VIRTUAL OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO E-COMMERCE - FLORICULTURA VIRTUAL 2009 SEBRAE-DF Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

vencido Desafio Tradição, superação e vontade Atuação concisa e certeira, capacitação e união foram aspectos importantes de uma história

vencido Desafio Tradição, superação e vontade Atuação concisa e certeira, capacitação e união foram aspectos importantes de uma história Desafio Atuação concisa e certeira, capacitação e união foram aspectos importantes de uma história de recuperação, tradição e sucesso no varejo de material de construção mineiro. O único caminho a seguir,

Leia mais

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce Você é do tipo que quer arrancar os cabelos toda vez que um concorrente diminui o preço? Então você precisa ler este guia rápido agora mesmo. Aqui

Leia mais

Rentabilidade em Food Service

Rentabilidade em Food Service Rentabilidade 6 passos para tornar sua franquia mais lucrativa Seja bem-vindo ao e-book da Linx. Aqui estão reunidos os principais caminhos para o aumento da rentabilidade em operações de fast food. São

Leia mais

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE MINAS GERAIS RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL NRF 2013 BIG SHOW NOVA YORK - USA Montes Claros, fevereiro 2013 SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

Logística no Ponto de Venda (PDV)

Logística no Ponto de Venda (PDV) Logística no Ponto de Venda (PDV) Pesquisa: Percepção do Varejo em Relação às Ações Promocionais Maio de 2005 Objetivo: Avaliar o impacto dos vários tipos de promoções praticadas em supermercados junto

Leia mais

emarket Digital Sales é uma empresa de varejo online, especializada na análise, implantação, gestão e operação de lojas virtuais.

emarket Digital Sales é uma empresa de varejo online, especializada na análise, implantação, gestão e operação de lojas virtuais. Nós amamos e-commerce! f emarket Digital Sales é uma empresa de varejo online, especializada na análise, implantação, gestão e operação de lojas virtuais. Além do e-commerce full service, na emarket você

Leia mais

Agora sua máquina da Cielo passa os cartões Diners Club. Informativo. Ou seja, o seu ponto de venda acaba de ganhar vários pontos com os clientes.

Agora sua máquina da Cielo passa os cartões Diners Club. Informativo. Ou seja, o seu ponto de venda acaba de ganhar vários pontos com os clientes. A número 1 em vendas. NADA SUPERA ESSA MÁQUINA. Informativo EDIÇÃO 2 TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A CIELO PARA O SEU NEGÓCIO. Palavra do presidente Prezado cliente, A Cielo atua no cenário multibandeira

Leia mais

Manual Etapa 5/Parte 1

Manual Etapa 5/Parte 1 NEGÓCIO CERTO COMO CRIAR E ADMINISTRAR BEM SUA EMPRESA Relacionando o negócio com o mercado Manual Etapa 5/Parte 1 Boas vindas e boas vendas! Olá, caro empreendedor! Você está ingressando na Etapa 5 do

Leia mais

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING CONSULTOR CARLOS MARTINS CRIA - AÇAO EM MARKETING SUA EMPRESA Copyright Consultor Carlos Martins - Todos os direitos reservados wwwcarlosmartinscombr - consultor@carlosmartinscombr Como conquistar Clientes

Leia mais

Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna

Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna Tendências e oportunidades do mercado de Food Service para pescados e frutos do mar Enzo Donna 1 MERCADO DE FOOD SERVICE 2 FOOD SERVICE Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos,

Leia mais

anos anos Histórico Saúde 1990 - Nasce a Empresa Nutrisaude, atuando no ramo de refeições coletivas na cidade de Avaí/SP

anos anos Histórico Saúde 1990 - Nasce a Empresa Nutrisaude, atuando no ramo de refeições coletivas na cidade de Avaí/SP Nossa Empresa A Nutrisaude é uma empresa jovem e dinâmica buscando sempre o encantamento de seus clientes, garantindo uma parceria focada em agilidade, qualidade e custo benefício. Em 1990 na cidade de

Leia mais

in light eletro house supri shop linea domus outdoor living & garden

in light eletro house supri shop linea domus outdoor living & garden utility house in domus eletro house in light linea domus supri shop outdoor living & garden FEIRA PROFISSIONAL Reunir em um mesmo local e momento investidores e mercado-alvo, formando um ambiente de negócios

Leia mais

Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul

Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul Fluxo de caixa: organize e mantenha as contas no azul O segredo do sucesso da sua empresa é conhecer e entender o que entra e o que sai do caixa durante um dia, um mês ou um ano. 1 Fluxo de caixa: organize

Leia mais

08 Capital de giro e fluxo de caixa

08 Capital de giro e fluxo de caixa 08 Capital de giro e fluxo de caixa Qual o capital que sua empresa precisa para funcionar antes de receber o pagamento dos clientes? Como calcular os gastos, as entradas de dinheiro, e as variações de

Leia mais

EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013

EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013 EXPECTATIVAS, GESTÃO E AÇÕES DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA PARA O NATAL DE 2013 MACAPÁ - 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 POPULAÇÃO... 3 4 COLETA DE DADOS... 3 5 RESULTADOS... 4 Ilustração 1 -

Leia mais

1/4 Classic Floral. Coffee Line. Garrafas Térmicas. Novidade! Garrafa Térmica Aladdin Classic Floral 1L Cód.: 425899 / R2020

1/4 Classic Floral. Coffee Line. Garrafas Térmicas. Novidade! Garrafa Térmica Aladdin Classic Floral 1L Cód.: 425899 / R2020 Bule Garrafas Térmicas Garrafa Térmica Aladdin Bule 750ml Cód.: 425903 / R3051 Garrafa Térmica Aladdin Bule Decorado 750ml Cód.: 429358 / R3050 Garrafa Térmica Aladdin Bule Decorado 750ml Cód.: 425904

Leia mais

O site CAMISETASDAHORA criou um projeto apenas para atendimento a franqueados.

O site CAMISETASDAHORA criou um projeto apenas para atendimento a franqueados. PROPOSTA DE MICROFRANQUIA E FRANQUIA Pelo presente instrumento particular de Microfranquia ou Franquia, de um lado o site CAMISETAS DA HORA, do outro VOCÊ, nosso futuro parceiro, neste ato, passamos a

Leia mais

O MARKETING COLETIVO COMO FORÇA COMPETITIVA

O MARKETING COLETIVO COMO FORÇA COMPETITIVA VAREJO Julho - 2012 O MARKETING COLETIVO COMO FORÇA COMPETITIVA Fonte imagem: Disponível em:< http://4.bp.blogspot.com/_caqa6tpillu/tjevn_ah_ei/ AAAAAAAAAAM/3dTp5VPhJ9E/s1600/69589_Papel-de-Parede-Todos-juntos_1280x800.

Leia mais

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA -feira EM 2014, A ECONOFARMA RETORNA COM UM NOVO OLHAR SOBRE O VAREJO FARMACÊUTICO CENÁRIO ATUAL O varejo nacional projeta otimismo de crescimento para os

Leia mais

Este Plano de Negócios foi elaborado em Junho de 2014

Este Plano de Negócios foi elaborado em Junho de 2014 ESPETO VACA LOUCA Pc TUBAL VILELA Nº 0 CENTRO- UBERLANDIA MG (34) 9876-5432 contato@vacalouca.com Ademir Gonçalves Filho Diretor Administrativo Gustavo Rodovalho Oliveira - Diretor de Marketing Jhonata

Leia mais

Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais

Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais Introdução O Brasil já tem 4,7 milhões de microempreendedores individuais, segundo dados de janeiro de 2015 da Receita Federal. O incentivo

Leia mais

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39 p e r a T e x t o a l e s s a n d r a m o r i t a a l e s s a n d r a. m o r i t a @ s m. c o m. b r divulgaçãoo v t Lojas localizadas perto da casa do consumidor e que praticam preços difíceis de copiar.

Leia mais

PROMOÇÃO DE VENDAS. O problema da Dona Cida resume-se em aumentar as vendas de sua loja e ao mesmo tempo, acabar com alguns estoques indesejáveis.

PROMOÇÃO DE VENDAS. O problema da Dona Cida resume-se em aumentar as vendas de sua loja e ao mesmo tempo, acabar com alguns estoques indesejáveis. 1 PROMOÇÃO DE VENDAS Constituída há pouco mais de dois anos, a loja de confecções da Dona Cida já possuía uma boa clientela, porém ela acreditava que ainda poderia crescer bastante. Assim, tinha na prateleira

Leia mais

EMPREENDEDOR. Aqui está a oportunidade certa para seu sucesso.

EMPREENDEDOR. Aqui está a oportunidade certa para seu sucesso. EMPREENDEDOR Aqui está a oportunidade certa para seu sucesso. Introdução O que é a DIVULGGARE A micro franquia DIVULGGARE Como funciona o sistema de micro franquia DIVULGGARE Fórmula para o sucesso Produtos

Leia mais

SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM

SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM SUA IDEIA SEU SUCESSO SOBRE O SPETACOLLO Rentabilidade, confiança e credibilidade aliadas a uma maneira inovadora de servir e atender com qualidade e agilidade; ampla

Leia mais

Feira Internacional de Frutas e Derivados, Tecnologia de Processamento e Logística 08 10 de Setembro de 2009 - ( 3ª. a 5ª.) Expo Center Norte

Feira Internacional de Frutas e Derivados, Tecnologia de Processamento e Logística 08 10 de Setembro de 2009 - ( 3ª. a 5ª.) Expo Center Norte Feira Internacional de Frutas e Derivados, Tecnologia de Processamento e Logística 08 10 de Setembro de 2009 - ( 3ª. a 5ª.) Expo Center Norte Pavilhão Amarelo São Paulo BEM VINDO A FRUIT & LOG 2009! ABRINDO

Leia mais

CONCEITO. O conceito BI Soluções PME foi inspirado em três premissas:

CONCEITO. O conceito BI Soluções PME foi inspirado em três premissas: Parceria com: CONCEITO O conceito BI Soluções PME foi inspirado em três premissas: Reunir empresários de um mesmo setor afim de cooperar esforços para atingir resultados maiores e melhores com mais economia.

Leia mais

O que é promoção de vendas e para que serve?

O que é promoção de vendas e para que serve? 4 Para aumentar as vendas, ela precisa basicamente fazer com que os clientes atuais comprem mais ou trazer novos clientes para a loja. Nos dois casos, fica evidente que ela terá que oferecer mais benefícios

Leia mais

O ABC do Programa de Fidelização

O ABC do Programa de Fidelização O ABC do Programa de Fidelização COMO E POR QUÊ RETER CLIENTES? Diagnóstico As empresas costumam fazer um grande esforço comercial para atrair novos clientes. Isso implica Investir um alto orçamento em

Leia mais

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte Março/15 A mostra o desempenho dos negócios do comércio no mês de Fevereiro/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Março/2015. Neste mês, 20,8% dos empresários conseguiram aumentar

Leia mais

Shopping das Franquias lança unidades móveis das marcas Click Sushi e Tostare Café. E mais: O Boticário dobra faturamento em três anos

Shopping das Franquias lança unidades móveis das marcas Click Sushi e Tostare Café. E mais: O Boticário dobra faturamento em três anos FRANQUIA.COM: Novo jeito de fazer franquia Portal InvestNE - - COLUNAS - 23/03/2012-11:02:00 Hugo Renan Nascimento Shopping das Franquias lança unidades móveis das marcas Click Sushi e Tostare Café. E

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA

FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA Álvaro do Carmo Carneiro Cássio Muriel Borges Eder Rodrigues Silva Murilo Martins Tavares William Fernandes Araujo Plano de Negócio Crepes Mania UBERLÂNDIA - MG 2014 Sumario

Leia mais

DESEMPENHO RECENTE DO COMÉRCIO VAREJISTA

DESEMPENHO RECENTE DO COMÉRCIO VAREJISTA ÁREA DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS 2 - AO2 GERÊNCIA SETORIAL DE COMÉRCIO E SERVIÇOS Data: Dezembro/98 N o 20 DESEMPENHO RECENTE DO COMÉRCIO VAREJISTA O comércio é a ponta da cadeia produtiva e é o primeiro

Leia mais

ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO

ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO CATEGORIAS TÉCNICO TECNÓLOGO TEMAS LIVRE INCLUSÃO SOCIAL COOPERATIVISMO 1. DADOS DA INSTITUIÇÃO 1.1 Nome da Instituição 1.2 Nome do Reitor(a)/Diretor(a)-Geral/Diretor(a) 1.3

Leia mais

1- O que é um Plano de Marketing?

1- O que é um Plano de Marketing? 1- O que é um Plano de Marketing? 2.1-1ª etapa: Planejamento Um Plano de Marketing é um documento que detalha as ações necessárias para atingir um ou mais objetivos de marketing, adaptando-se a mudanças

Leia mais

Segunda-feira, 22 de abril de 2013

Segunda-feira, 22 de abril de 2013 Segunda-feira, 22 de abril de 2013 22/04/2013 07h00 - Atualizado em 22/04/2013 07h00 Empresários dão dicas de como empreender após a aposentadoria Professora aposentada montou empresa de reforma de calçadas.

Leia mais

VEÍCULO: PORTAL UOL SEÇÃO: ECONOMIA DATA: 17.02.2011

VEÍCULO: PORTAL UOL SEÇÃO: ECONOMIA DATA: 17.02.2011 VEÍCULO: PORTAL UOL SEÇÃO: ECONOMIA VEÍCULO: REVISTA ALGO MAIS SEÇÃO: ECONOMIA DATA: 16.02.2011 Algomais - PE 16/02/2011-17:43 Mercado de executivos em alta Com várias empresas chegando para se instalar

Leia mais

Animal. Casa. Compras. Fitness. Ensino. Gastronomia. Ano 1. Nº 1. 20 mil exemplares. www.revistacomuniq.com.br facebook.

Animal. Casa. Compras. Fitness. Ensino. Gastronomia. Ano 1. Nº 1. 20 mil exemplares. www.revistacomuniq.com.br facebook. Animal Casa Ano 1. Nº 1. 20 mil exemplares www.revistacomuniq.com.br facebook.com/revistacomuniq 2013 Compras Gastronomia Ensino Fitness Animal Casa www.revistacomuniq.com.br facebook.com/revistacomuniq

Leia mais

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 24.07.15 EDITORIA: ECONOMIA VEÍCULO: BLOG COMUNICAR DATA: 22.07.15 EDITORIA: ECONOMIA DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 22

Leia mais

a) VISUAL MERCHANDISING

a) VISUAL MERCHANDISING a) VISUAL MERCHANDISING (1) Introdução Enquanto o marketing planeja, pesquisa avalia e movimenta o produto desde a sua fabricação até sua chegada ao ponto-de- venda, o merchandising representa o produto

Leia mais

Abastecendo a inteligência do varejo

Abastecendo a inteligência do varejo setembro 2014. ano 20. n o 223. R$ 15,00. 21.500 exemplares. distribuição nacional anos Abastecendo a inteligência do varejo Açougue e peixaria Perdas minam resultados nas duas seções Laboratório Conheça

Leia mais

MÍDIA KIT É HORA DE VENCER A CRISE LARGUE NA FRENTE DA CONCORRÊNCIA! O VEÍCULO OFICIAL DA ASSERJ, ESTÁ COM VALORES PROMOCIONAIS PARA QUEM SE ANTECIPAR

MÍDIA KIT É HORA DE VENCER A CRISE LARGUE NA FRENTE DA CONCORRÊNCIA! O VEÍCULO OFICIAL DA ASSERJ, ESTÁ COM VALORES PROMOCIONAIS PARA QUEM SE ANTECIPAR MÍDIA KIT É HORA DE VENCER A CRISE LARGUE NA FRENTE DA CONCORRÊNCIA! O VEÍCULO OFICIAL DA ASSERJ, ESTÁ COM VALORES PROMOCIONAIS PARA QUEM SE ANTECIPAR O VEÍCULO DE COMUNICAÇÃO QUE FALA AO TRADE SUPERMERCADISTA

Leia mais

Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA

Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA Vamos agora iniciar a sessão de perguntas e repostas. Nossa primeira pergunta vem do Senhor do Bradesco. Por favor, você pode ir em frente.,

Leia mais

Ficha Técnica 2015 Mania de Empreender Informações e Contatos

Ficha Técnica 2015 Mania de Empreender Informações e Contatos FORMAR SEU PREÇO Ficha Técnica 2015 Mania de Empreender TODOS OS DIREITOS RESERVADOS Não é permitida a reprodução total ou parcial de qualquer forma ou por qualquer meio. Informações e Contatos Mania de

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

Módulo 4 CRM. [ Customer Relationship Management ]

Módulo 4 CRM. [ Customer Relationship Management ] Módulo 4 CRM [ Customer Relationship Management ] Sumário Introdução pág. 01 1. Definição 2. Por que usar o CRM?? 3. Cadastro pág. 02 pág. 02 pág. 02 4. Tipos de CRM CRM pág. 04 4.1 Operacional: Criação

Leia mais

PAINEL CONFIANÇA Propósito elevado Cultura consciente Liderança consciente Orientação para todos os envolvidos no negócio

PAINEL CONFIANÇA Propósito elevado Cultura consciente Liderança consciente Orientação para todos os envolvidos no negócio PAINEL CONFIANÇA 2 PAINEL CONFIANÇA O Capitalismo Consciente é uma nova abordagem para condução dos negócios que as melhores empresas do mundo estão adotando. Essas empresas são guiadas por um conjunto

Leia mais

O relatório produzido se dispõe a responder às seguintes perguntas sobre os embarcadores:

O relatório produzido se dispõe a responder às seguintes perguntas sobre os embarcadores: Introdução Esse trabalho é uma iniciativa da GKO Informática, líder no mercado nacional com o TMS GKO Frete, e da RC Sollis, empresa especialista em Gestão e Desenvolvimento de Negócios em Logística. A

Leia mais

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR DEZEMBRO/2010 PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR RELATÓRIO MENSAL DA PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR DE MANAUS, ANO 2010 - N 12 MANAUS AM 67,2% dos consumidores

Leia mais

O FUTURO. Metas para. Capa PLANEJAMENTO FINANCEIRO. 32 n SuperVarejo novembro 2010

O FUTURO. Metas para. Capa PLANEJAMENTO FINANCEIRO. 32 n SuperVarejo novembro 2010 Metas para O FUTURO O planejamento financeiro é essencial para supermercados que buscam crescimento saudável. Definir metas concretas e obter índices fiéis são os grandes desafios para os pequenos e médios

Leia mais

COMO VENDER. A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição

COMO VENDER. A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição BP COMO VENDER A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição PRODUTOS EDUCACIONAIS MULTIVERSO Avenida Batel, 1750 Batel CEP 80420-090 Curitiba/PR Fone: (41) 4062-5554 Editor:

Leia mais