CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ AULA ANÁLISE GRÁFICA DE FUNÇÕES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ AULA ANÁLISE GRÁFICA DE FUNÇÕES"

Transcrição

1 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA I SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a ANÁLISE GRÁFICA DE FUNÇÕES Definição Intervalos Domínio e Imagem: zeros; variação do sinal Crescimento e Decrescimento de uma função Função par e impar FUNCÃO INVERSA Injeções, sobrejeções e bijeções Determinação representação de função inversa Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

2 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a FUNÇÃO AFIM Principais característica da função Estudos da variação do sinal Inequações produtos e quociente Aplicações práticas FUNÇÃO QUADRÁTICA Principais características da função: zeros, vértices, eixos de simetria, representação cartesiana, conjunto imagem. Máximos e mínimos; aplicações práticas. Estudos da variação do sinal. Inequações produto e quociente. Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

3 3 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a FUNÇÃO EXPONENCIAL Potências de expoente real e suas propriedades. Equações exponenciais. Definição e características principais da função exponencial Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

4 4 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a LOGARÍTMOS; FUNÇÕES LOGARÍTMICAS; CÁLCULO LOGARÍTMO Logaritmo como operação inversa da potenciação Propriedades operatórias Mudança de base Logaritmos decimais: mantiss e características Equações logarítmicas Função logarítmica e suas características Inequações Aplicações do uso de logaritmos Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

5 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA II SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a ARCOS E ÂNGULOS TRIGONOMÉTRICOS Trigonometria no triângulo retângulo Generalização da noção de arco e de ângulo Medidas de arco Ciclo trigonométrico Arcos côngruos Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

6 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a LINHAS TRIGONOMÉTRICAS Definição das linhas trigonométricas através do ciclo Relações fundamentais entre as linhas Redução ao 1º quadrante RESOLUÇÃO DE TRIÂNGULO QUALQUER Lei dos senos Lei dos co-senos Área Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

7 3 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a TRANSFORMAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS Operações com arcos: adição, arco duplo e arco metade Transformações em produto IDENTIDADES TRIGONOMÉTRICAS Funções trigonométricas: gráfico, domínio, imagem e período Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

8 4 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para a compreensão da situação-problema. Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a EQUAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS INEQUAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

9 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA I SÉRIE 2ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a NÚMEROS COMPLEXOS Ampliação do campo real; definição de números complexos Forma algébrica Representação geométrica, operações, plano Argand Gauss Forma trigonométrica; operações; forma exponencial Aplicações Representação trigonométrica de um número complexo Módulo e argumento do produto e do quociente Potenciação Radiciação Aplicações ( equações binomiais e trinomiais) Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

10 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a GEOMETRIA DE POSIÇÃO Posição entre retas Posição de reta e plano Perpendicularismo Paralelismo GEOMETRIA MÉTRICA Prismas Cilindro Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

11 3 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a GEOMETRIA MÉTRICA Pirâmide Cone Esfera e suas partes Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

12 4 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a GEOMETRIA MÉTRICA Poliedros Tronco de pirâmide Tronco de cone Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

13 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA II SÉRIE 2ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a MATRIZES Matrizes: conceito, elementos, tipos Operações com matrizes; matriz inversa Cálculo dos determinantes e suas propriedades Escalonamento de matrizes SISTEMA DE EQUAÇÕES LINEARES Definições; classificação quanto ao números de equações Resoluções de sistemas: Cramer e escalonamento Discussão Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

14 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a ANÁLISE COMBINATÓRIA Introdução; princípio fundamental da contagem Fatorial Grupamento simples: arranjos, permutações e combinações Arranjos e permutações com elementos repetidos BINÔMIO DE NEWTON Números binomiais; propriedades Desenvolvimento do binômio de Newton Termo geral Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

15 3 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a PROBABILIDADE Noção intuitiva Espaço Amostral Evento União Interseção Probabilidade Condicional ESTATÍSTICA Medidas de tendência central Medidas de posição Medidas de dispersão Interpretação de gráficos e tabelas Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

16 4 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a SEQUÊNCIAS NUMÉRICAS Progressões Aritméticas Progressões Geométricas Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

17 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA I SÉRIE 3ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a NOÇÕES DE LIMITES; CONTINUIDADE E DES- CONTINUIDADE Noção intuitiva de limite; limites laterais Limite de uma variável e limite de uma função Cálculo de limites; limites fundamentais Continuidade e descontinuidade: operações com funções contínuas Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

18 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a DERIVADAS Acréscimo de uma variável; acréscimo de uma função Derivada de uma função; função derivada Cálculo das derivadas Derivação das funções elementares Derivadas das funções trigonométricas diretas Função derivada de ordem n Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

19 3 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a VARIAÇÃO DAS FUNÇÕES: MÁXIMOS E MÍNIMOS Função crescente e função decrescente Máximo e mínimo relativos; extremos Taxa relacionada Aplicações Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

20 4 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a NOÇÕES DE INTEGRAIS Diferenciação Aplicações Integral indefinida Método da substituição ou mudança Método de Integração por partes Integral definida Cálculo de áreas Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Papel milimetrado, para construção de gráficos Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

21 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIA DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: MATEMÁTICA II SÉRIE 3ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Ler e interpretar textos de matemática e utilizar representações matemáticas (tabelas, gráficos e expressões).. Identificar o problema e compreender enunciados, formular questões.. Aplicar conhecimentos matemáticos em situações reais, em especial em outras áreas do conhecimento. HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/ 1 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a POLINÔMIOS Função monomial; definição de grau de um momômio; operações Função polinomial; definição forma reduzida e ordenada; grau e valor numérico Operações com polinômios; adição, multiplicação e identidade e divisão Divisão por binômios do tipo x a; teorema do resto, teorema de d`albert, algoritmo de Briot- Ruffini EQUAÇÕES POLINOMIAIS OU ALGÉBRICAS Teorema fundamental da Álgebra Teorema da decomposição Multiplicidade de raízes Raízes complexas Relações de Girard Raízes racionais Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

22 2 º BIMESTRE Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a ÁLGEBRA VETORIAL E GEOMETRIA ANALÍTICA Conceito de vetor e operações Produto escalar, paralelismo e perpendicularidade e aplicações Módulo de um vetor e aplicações Produto vetorial e suas aplicações Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

23 3 º B HABILIDADES CONTEÚDO METODOLOGIA/ESTRATÉGIA HORA/

24 Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a Equações da reta Equações do plano Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 18

25 Ler e interpretar textos de interesse científico e Interpretar e utilizar diferentes formas de representação Exprimir-se oralmente com correção e clareza, usando a Produzir textos adequados para relatar experiências, Utilizar as tecnologias básicas de redação e informação, Formular questões a partir de situações reais e Desenvolver modelos explicativos para sistemas Utilizar instrumentos de medição e de cálculo. Procurar e sistematizar informações relevantes para Formular hipóteses e prever resultados. Elaborar estratégias de enfrentamento das questões. Interpretar e criticar resultados a partir de experimentos Utilizar elementos e conhecimentos científicos e Associar conhecimentos e métodos científicos com a ESTUDO DA CIRCUNFERÊNCIA Reconhecimento Posições relativas Tangência ESTUDO DAS CÔNICAS Elipse Parábola Hipérbole Aulas expositivas Exercícios do livro texto Listas de exercícios Quadro Negro ou Branco Giz (branco ou colorido) ou Caneta especial Computador Contextualização histórica Contextualização interdisciplinar Seminários Desafios Uso regular do laboratório de Matemática Provas individuais Trabalhos feitos em sala de aula Trabalhos de pesquisa Testes Argüições esporádicas Trabalhos em grupo Resumo dos trabalhos no laboratório 16

26

Programação de Conteúdos de Matemática SPE Ensino Médio REGULAR 2013

Programação de Conteúdos de Matemática SPE Ensino Médio REGULAR 2013 Programação de Conteúdos de Matemática SPE Ensino Médio REGULAR 2013 1ª série - volume 1 1. Conjuntos - Conceito de conjunto - Pertinência - Representação de um conjunto - Subconjuntos - União de conjuntos

Leia mais

EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2016

EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2016 EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2016 Disciplina: Matemática Professor: Flávio Calônico Júnior Turma: 3 a série do Ensino Médio Data 29/agosto 31/agosto 05/setembro Conteúdo PROGRESSÃO ARITMÉTICA Sequencias

Leia mais

1º ano. Capítulo 2 - Itens: todos (2º ano) Modelos matemáticos relacionados com a função logarítmica

1º ano. Capítulo 2 - Itens: todos (2º ano) Modelos matemáticos relacionados com a função logarítmica 1º ano Conjuntos Símbolos lógicos Operações com conjuntos Conjuntos numéricos Os Números Naturais Propriedades dos racionais Operações com naturais Os números Inteiros Propriedades dos inteiros Operações

Leia mais

Conteúdo Programático. Cursos Técnicos Subsequentes

Conteúdo Programático. Cursos Técnicos Subsequentes Conteúdo Programático Cursos Técnicos Subsequentes Especificações das Provas Disciplinas da prova objetiva Nº questões Pesos Total de pontos Língua Portuguesa 15 2 30 Matemática 15 2 30 Total 30-60 Prova

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática

MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática MATRIZ DE REFERÊNCIA-Ensino Médio Componente Curricular: Matemática Conteúdos I - Conjuntos:. Representação e relação de pertinência;. Tipos de conjuntos;. Subconjuntos;. Inclusão;. Operações com conjuntos;.

Leia mais

Matemática e suas tecnologias

Matemática e suas tecnologias Matemática e suas tecnologias Fascículo 1 Módulo 1 Teoria dos conjuntos e conjuntos numéricos Noção de conjuntos Conjuntos numéricos Módulo 2 Funções Definindo função Lei e domínio Gráficos de funções

Leia mais

Matriz de Referência de Matemática* SAEPI Temas e seus Descritores 5º ano do Ensino Fundamental

Matriz de Referência de Matemática* SAEPI Temas e seus Descritores 5º ano do Ensino Fundamental MATEMÁTICA - 5º EF Matriz de Referência de Matemática* SAEPI Temas e seus Descritores 5º ano do Ensino Fundamental Identificar a localização/movimentação de objeto em mapas, croquis e outras representações

Leia mais

EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2014

EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2014 EMENTA ESCOLAR III Trimestre Ano 2014 Disciplina: Matemática Professor: Flávio Calônico Júnior Turma: 3 ano do Ensino Médio Data 15/setembro 17/setembro 18/setembro 22/setembro Conteúdo NÚMEROS COMPLEXOS

Leia mais

MATEMÁTICA NÍVEL MÉDIO

MATEMÁTICA NÍVEL MÉDIO MATEMÁTICA NÍVEL MÉDIO 1. CONJUNTOS 1.1. Representação e relação: pertinência, inclusão e igualdade. 1.2. Operações: união, intercessão, diferença e complementar. 1.3. Conjuntos numéricos: Naturais, Inteiros,

Leia mais

Ordenar ou identificar a localização de números racionais na reta numérica.

Ordenar ou identificar a localização de números racionais na reta numérica. Ordenar ou identificar a localização de números racionais na reta numérica. Estabelecer relações entre representações fracionárias e decimais dos números racionais. Resolver situação-problema utilizando

Leia mais

Matemática. Sistema Positivo de Ensino 102

Matemática. Sistema Positivo de Ensino 102 A proposta A compreensão de ensino, presente no Material Didático Positivo, empenha-se com o valor formativo e ins tru men tal desta área de conhecimento. Assim, concentra seus es for ços para ajudar a

Leia mais

ISOLADA DE MATEMÁTICA

ISOLADA DE MATEMÁTICA ISOLADA DE MATEMÁTICA ISOLADA DE MATEMÁTICA Nessa isolada de Matemática você terá acesso à 73 videoaulas, 100% on-line, com duração média de 30 minutos, cada, contendo material de acompanhamento e simulados

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA DE MATEMÁTICA - SADEAM 3 ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

MATRIZ DE REFERÊNCIA DE MATEMÁTICA - SADEAM 3 ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 3 ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL ESPAÇO E FORMA Identificar a localização/movimentação de objeto ou pessoa em mapa, croqui e outras representações gráficas. Identificar propriedades comuns e diferenças entre

Leia mais

Matemática Ensino Médio 2ª série

Matemática Ensino Médio 2ª série Matemática Ensino Médio 2ª série - Livro de Matemática - Ensino Médio 2ª série - 1ª Edição - Autor Manoel Paiva - ISBN 85-16-04067-4 - Editora Moderna Capítulo 1 - A circuferência trigonométrica e as extensões

Leia mais

ESCOLA DE ENSINO MÉDIO PLÁCIDO ADERALDO CASTELO. Disciplina: Matemática - Nível de Ensino: Ensino Médio - Série: 1ª Série 1º BIMESTRE

ESCOLA DE ENSINO MÉDIO PLÁCIDO ADERALDO CASTELO. Disciplina: Matemática - Nível de Ensino: Ensino Médio - Série: 1ª Série 1º BIMESTRE ESCOLA DE ENSINO MÉDIO PLÁCIDO ADERALDO CASTELO Disciplina: Matemática - Nível de Ensino: Ensino Médio - Série: 1ª Série 1º BIMESTRE COMPETÊNCIAS/HABILIDADES CONTEÚDO DETALHAMENTO DE CONTEÚDO 1. Desenvolver

Leia mais

12 Qua 16 mar Coordenadas retangulares, representação Funções vetoriais paramétrica

12 Qua 16 mar Coordenadas retangulares, representação Funções vetoriais paramétrica Aula Data Aula Detalhes 1 Qua 3 fev Introdução Apresentação e avisos 2 Sex 5 fev Revisão Resumo dos pré-requisitos Qua 10 fev Feriado Carnaval 3 Sex 12 fev Soma de Riemann Área, soma superior e inferior

Leia mais

Descritores de Matemática 4ª série (5º ano)

Descritores de Matemática 4ª série (5º ano) Descritores de Matemática 4ª série (5º ano) Prova Brasil Matemática São 28 descritores subdivididos em 04 temas. Tema I - Espaço e Forma. D1 - Identificar a localização /movimentação de objeto em mapas,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA MATEMÁTICA III Nome: MATEMÁTICA IIII Curso: TÉCNICO EM

Leia mais

E. S. JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROISMO. Conteúdo Programáticos / Matemática e a Realidade. Curso de Nível III Técnico de Laboratório

E. S. JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROISMO. Conteúdo Programáticos / Matemática e a Realidade. Curso de Nível III Técnico de Laboratório E. S. JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROISMO Curso de Nível III Técnico de Laboratório Técnico Administrativo PROFIJ Conteúdo Programáticos / Matemática e a Realidade 2º Ano Ano Lectivo de 2008/2009

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Matemática A _ 10º ano _ CCH 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500 Planificação Anual /Critérios de avaliação Início

Leia mais

CAPÍTULO 1 Sistemas de Coordenadas Lineares. Valor Absoluto. Desigualdades 1. CAPÍTULO 2 Sistemas de Coordenadas Retangulares 9. CAPÍTULO 3 Retas 18

CAPÍTULO 1 Sistemas de Coordenadas Lineares. Valor Absoluto. Desigualdades 1. CAPÍTULO 2 Sistemas de Coordenadas Retangulares 9. CAPÍTULO 3 Retas 18 Sumário CAPÍTULO 1 Sistemas de Coordenadas Lineares. Valor Absoluto. Desigualdades 1 Sistema de Coordenadas Lineares 1 Intervalos Finitos 3 Intervalos Infinitos 3 Desigualdades 3 CAPÍTULO 2 Sistemas de

Leia mais

DIREÇÃO DE ENSINO EMENTA DE DISCIPLINA - MATEMÁTICA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL ELETRÔNICA ELETROMECÂNICA MEIO AMBIENTE

DIREÇÃO DE ENSINO EMENTA DE DISCIPLINA - MATEMÁTICA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL ELETRÔNICA ELETROMECÂNICA MEIO AMBIENTE Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Fluminense Campus Macaé DIREÇÃO DE ENSINO EMENTA DE DISCIPLINA - MATEMÁTICA Nível Curso Série CH Semanal CH Anual Ensino Médio Integrado AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

Leia mais

Planificação Anual Matemática 10º Ano

Planificação Anual Matemática 10º Ano ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL 402643 ESTREMOZ Planificação Anual Matemática 10º Ano Ano letivo 2016/2017 PERÍODO Nº de AULAS PREVISTAS (45 min) 1º 72 2º 72 3º 42 Total: 186 Total de aulas previstas

Leia mais

A escala de Língua Portuguesa para o 3º ano do Ensino Médio

A escala de Língua Portuguesa para o 3º ano do Ensino Médio A escala de Língua Portuguesa para o 3º ano do Ensino Médio LÍNGUA PORTUGUESA 3º ANO DO ENSINO MÉDIO (continua) 1 225-250 2 250-275 3 275-300 4 300-325 Nesse nível, o estudante pode ser capaz de identificar

Leia mais

CAPÍTULO 1 Operações Fundamentais com Números 1. CAPÍTULO 2 Operações Fundamentais com Expressões Algébricas 12

CAPÍTULO 1 Operações Fundamentais com Números 1. CAPÍTULO 2 Operações Fundamentais com Expressões Algébricas 12 Sumário CAPÍTULO 1 Operações Fundamentais com Números 1 1.1 Quatro operações 1 1.2 O sistema dos números reais 1 1.3 Representação gráfica de números reais 2 1.4 Propriedades da adição e multiplicação

Leia mais

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas.

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas. Olá, Professor! Assim como você, a Geekie também tem a missão de ajudar os alunos a atingir todo seu potencial e a realizar seus sonhos. Para isso, oferecemos recomendações personalizadas de estudo, para

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO DO SARESP MATEMÁTICA 4ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL (EM FORMATO DE LISTA)

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO DO SARESP MATEMÁTICA 4ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL (EM FORMATO DE LISTA) 3.1.1. MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO DO SARESP MATEMÁTICA 4ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL (EM FORMATO DE LISTA) COMPETÊNCIA DE ÁREA 1 Desenvolver o raciocínio quantitativo e o pensamento funcional,

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS Disciplina: MATEMÁTICA 5ºAno

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS Disciplina: MATEMÁTICA 5ºAno PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS Disciplina: MATEMÁTICA 5ºAno Ano Letivo 2012/2013 Conteúdos Nº médio de Aulas Previstas Atividades de diagnóstico e caraterização da turma. Números Naturais Adição. Propriedades.

Leia mais

Cronograma - 2º Bimestre / 2016

Cronograma - 2º Bimestre / 2016 Prof.: TIAGO LIMA Disciplina: MATEMÁTICA Série: 1º ano EM 25/04 e 28/04 02/05 e 04/05 09/05 e 12/05 23/05 e 26/05 30/05 e 02/06 06/06 e 09/06 13/06 e 16/06 20/06 e 23/06 27/06 e 30/06 04/07 e 07/07 Função

Leia mais

SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO

SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO 2 0 15 CONTEÚDOS DOS TESTES DE SELEÇÃO Para o 1º Ano do Ensino Médio LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS LÍNGUA PORTUGUESA Norma ortográfica Grafia de vocábulos

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA DE LÍNGUA PORTUGUESA - SAEGO

MATRIZ DE REFERÊNCIA DE LÍNGUA PORTUGUESA - SAEGO 22 MATRIZ DE REFERÊNCIA DE LÍNGUA PORTUGUESA - SAEGO 2º ano do Ensino Fundamental D1 Reconhecer as letras do alfabeto. D2 Distinguir letras de outros sinais gráficos. D3 Reconhecer as direções da escrita.

Leia mais

P L A N I F I C A Ç Ã 0 E n s i n o S e c u n d á r i o

P L A N I F I C A Ç Ã 0 E n s i n o S e c u n d á r i o P L A N I F I C A Ç Ã 0 E n s i n o S e c u n d á r i o 206-207 DISCIPLINA / ANO: Matemática A - ºano MANUAL ADOTADO: NOVO ESPAÇO - Matemática A º ano GESTÃO DO TEMPO Nº de Nº de Nº de tempos tempos tempos

Leia mais

1. Posição de retas 11 Construindo retas paralelas com régua e compasso 13

1. Posição de retas 11 Construindo retas paralelas com régua e compasso 13 Sumário CAPÍTULO 1 Construindo retas e ângulos 1. Posição de retas 11 Construindo retas paralelas com régua e compasso 13 2. Partes da reta 14 Construindo segmentos congruentes com régua e compasso 15

Leia mais

Proposta de teste de avaliação

Proposta de teste de avaliação Proposta de teste de avaliação Matemática A 10. O ANO DE ESCOLARIDADE Duração: 90 minutos Data: Grupo I Na resposta aos itens deste grupo, selecione a opção correta. Escreva, na folha de respostas, o número

Leia mais

Sumário. VII Geometria Analítica Jorge Delgado Katia Frensel Lhaylla Crissaff

Sumário. VII Geometria Analítica Jorge Delgado Katia Frensel Lhaylla Crissaff 1 Coordenadas no plano 1 1.1 Introdução........................................ 2 1.2 Coordenada e distância na reta............................ 3 1.3 Coordenadas no plano.................................

Leia mais

Datas de Avaliações 2016

Datas de Avaliações 2016 ROTEIRO DE ESTUDOS MATEMÁTICA (6ºB, 7ºA, 8ºA e 9ºA) SÉRIE 6º ANO B Conteúdo - Sucessor e Antecessor; - Representação de Conjuntos e as relações entre eles: pertinência e inclusão ( ). - Estudo da Geometria:

Leia mais

Ano lectivo 2010 / 2011 Conteúdos programáticos essenciais

Ano lectivo 2010 / 2011 Conteúdos programáticos essenciais Ano de escolaridade: 7º Área curricular disciplinar de Matemática 1. Números inteiros Números naturais Números primos e números compostos. Múltiplos e divisores de um número natural. Decomposição de um

Leia mais

9.º Ano. Planificação Matemática 16/17. Escola Básica Integrada de Fragoso 9.º Ano

9.º Ano. Planificação Matemática 16/17. Escola Básica Integrada de Fragoso 9.º Ano 9.º Ano Planificação Matemática 1/17 Escola Básica Integrada de Fragoso 9.º Ano Funções, sequências e sucessões Álgebra Organização e tratamento de dados Domínio Subdomínio Conteúdos Objetivos gerais /

Leia mais

MATEMÁTICA 3 ( ) A. 17. Sejam f(x) = sen(x) e g(x) = x/2. Associe cada função abaixo ao gráfico que. 2 e g.f 3. O número pedido é = 75

MATEMÁTICA 3 ( ) A. 17. Sejam f(x) = sen(x) e g(x) = x/2. Associe cada função abaixo ao gráfico que. 2 e g.f 3. O número pedido é = 75 MATEMÁTICA 3 17. Sejam f() sen() e g() /2. Associe cada função abaio ao gráfico que melhor a representa. Para cada associação feita, calcule i k, onde i é o número entre parênteses à direita da função,

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

Calendarização da Componente Letiva

Calendarização da Componente Letiva Calendarização da Componente Letiva 2015/2016 7º Ano Matemática s 1º 2º 3º Número de aulas previstas (45 minutos) 61 50 48 Apresentação e Diagnóstico 2 Avaliação (preparação, fichas de avaliação e correção)

Leia mais

6. Considere. igual a : (A) f (x) + 2x f(x) = 0 (B) f (x) x f(x) = 0 (C) f (x) + f(x) = 0 (D) f (x) f(x) = 0 (E) f (x) 2x f(x) = 0

6. Considere. igual a : (A) f (x) + 2x f(x) = 0 (B) f (x) x f(x) = 0 (C) f (x) + f(x) = 0 (D) f (x) f(x) = 0 (E) f (x) 2x f(x) = 0 QUESTÃO ÚNICA 0,000 pontos distribuídos em 50 itens Marque no cartão de respostas a única alternativa que responde de maneira correta ao pedido de cada item.. O valor da área, em unidades de área, limitada

Leia mais

Programação anual. 6 º.a n o. Sistemas de numeração Sequência dos números naturais Ideias associadas às operações fundamentais Expressões numéricas

Programação anual. 6 º.a n o. Sistemas de numeração Sequência dos números naturais Ideias associadas às operações fundamentais Expressões numéricas Programação anual 6 º.a n o 1. Números naturais 2. Do espaço para o plano Sistemas de numeração Sequência dos números naturais Ideias associadas às operações fundamentais Expressões numéricas Formas geométricas

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA PLANO DE ENSINO FICHA N.º 1

DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA PLANO DE ENSINO FICHA N.º 1 DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA PLANO DE ENSINO FICHA N.º 1 Departamento de Estatística Setor de Ciências Exatas Disciplina: Elementos Básicos para Estatística Código: CE065 Natureza: Semestral Carga Horária:

Leia mais

DISCIPLINA: MATEMÁTICA ANO: 8º ANO LETIVO 2012/2013 ATIVIDADES ESTRATÉGIAS. Atividades de diagnóstico. Atividades de revisão e recuperação.

DISCIPLINA: MATEMÁTICA ANO: 8º ANO LETIVO 2012/2013 ATIVIDADES ESTRATÉGIAS. Atividades de diagnóstico. Atividades de revisão e recuperação. Escola Secundária Dr. Solano de Abreu Abrantes ENSINO BÁSICO DISCIPLINA: MATEMÁTICA ANO: 8º ANO LETIVO 2012/2013 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS METAS DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES ESTRATÉGIAS INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO

Leia mais

VESTIBULAR DA UFBA- FASE 2/ PROVA DE MATEMÁTICA. Resolução e comentários pela professora Maria Antônia C. Gouveia. QUESTÕES DE 01 A 06.

VESTIBULAR DA UFBA- FASE 2/ PROVA DE MATEMÁTICA. Resolução e comentários pela professora Maria Antônia C. Gouveia. QUESTÕES DE 01 A 06. VESTIBULAR DA UFBA- FASE / 00-0- PROVA DE MATEMÁTICA Resolução e comentários pela professora Maria Antônia C. Gouveia. UESTÕES DE 0 A 06. LEIA CUIDADOSAMENTE O ENUNCIADO DE CADA UESTÃO, FORMULE SUAS RESPOSTAS

Leia mais

Calendarização da Componente Letiva Ano Letivo 2016/2017

Calendarização da Componente Letiva Ano Letivo 2016/2017 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANDRÉ SOARES (150952) Calendarização da Componente Letiva Ano Letivo 2016/2017 8º Ano Matemática Períodos 1º Período 2º Período 3º Período Número de aulas previstas (45 minutos)

Leia mais

Matemática Básica. Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0, = ) 2, =

Matemática Básica. Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0, = ) 2, = Erivaldo UDESC Matemática Básica Fração geratriz e Sistema de numeração 1) 0,353535... = 35 99 2) 2,1343434... = 2134 21 99 0 Decimal (Indo-Arábico): 2107 = 2.10 3 + 1.10 2 + 0.10 1 + 7.10 0 Número de

Leia mais

Planificação anual Curso Técnico Vocacional Ofícios e Multimédia 1/1. Ano letivo 2015/2016

Planificação anual Curso Técnico Vocacional Ofícios e Multimédia 1/1. Ano letivo 2015/2016 Planificação anual Curso Técnico Vocacional Ofícios e Multimédia 1/1. Ano letivo 2015/2016 Departamento: Matemática e Ciências Experimentais Disciplina: Matemática A Ano: VOC Docentes: Carlos Correia Conteúdos

Leia mais

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Potências Unidade 2 Radiciação

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Potências Unidade 2 Radiciação Unidade 1 Potências 1. Recordando potências Calcular potências com expoente natural. Calcular potências com expoente inteiro negativo. Conhecer e aplicar em expressões as propriedades de potências com

Leia mais

EDITAL PROGRAMAS

EDITAL PROGRAMAS EDITAL 2017 - PROGRAMAS 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL Testes de Língua Portuguesa e Matemática - Material: o candidato deverá trazer: lápis apontados, apontador, borracha e o Compreensão e interpretação

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL - MATEMÁTICA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL - MATEMÁTICA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL - MATEMÁTICA Nome: Nº 3ª Série Data: / / Professores: Décio, Diego, Luciano e Sami Nota: (Valor 2,0) 1. Apresentação: Prezado aluno, A estrutura da recuperação anual do Colégio

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA INFORMÁTICA DISCIPLINA:

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA INFORMÁTICA DISCIPLINA: ANO LETIVO 2016/2017 DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA INFORMÁTICA DISCIPLINA: Matemática (9º Ano) METAS CURRICULARES/CONTEÚDOS... 1º PERÍODO - (15 de setembro a 16 de dezembro) Metas Curriculares Conteúdos Aulas

Leia mais

PLANO DE ENSINO Disciplina: Matemática 8 a série Professor: Fábio Girão. Competências Habilidades Conteúdos. I Etapa

PLANO DE ENSINO Disciplina: Matemática 8 a série Professor: Fábio Girão. Competências Habilidades Conteúdos. I Etapa PLANO DE ENSINO 2015 Disciplina: Matemática 8 a série Professor: Fábio Girão I Etapa Competências Habilidades Conteúdos Construir significados e ampliar os já existentes para os números naturais, inteiros,

Leia mais

Escola Naval 2010 ( ) ( ) 8 ( ) 4 ( ) 4 (

Escola Naval 2010 ( ) ( ) 8 ( ) 4 ( ) 4 ( Escola Naval 0 1. (EN 0) Os gráficos das funções reais f e g de variável real, definidas por f(x) = x e g(x) = 5 x interceptam-se nos pontos A = (a,f(a)) e B = (b,f(b)), a b. Considere os polígonos CAPBD

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): PROGRAMA DE MATEMÁTICA A, PROJETO EDUCATIVO ENSINO SECUNDÁRIO MATEMÁTICA A 11º ANO TEMAS/DOMÍNIOS

Leia mais

Nº de aulas de 45 minutos previstas 66. 1º Período. 1- Isometrias Nº de aulas de 45 minutos previstas 18

Nº de aulas de 45 minutos previstas 66. 1º Período. 1- Isometrias Nº de aulas de 45 minutos previstas 18 Escola Secundária de Lousada Planificação anual disciplina de Matemática Ano: 8º Ano lectivo: 01-013 CALENDARIZAÇÃO Nº de aulas de 5 minutos previstas 1 1º Período º Período 3º Período 9 7 DISTRIBUIÇÃO

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500. Planificação Anual /Critérios de avaliação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Matemática A _ 11º ano _ CCH 2016/2017 Início

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Águeda Escola Básica Fernando Caldeira

Agrupamento de Escolas de Águeda Escola Básica Fernando Caldeira Agrupamento de Escolas de Águeda Escola Básica Fernando Caldeira Currículo da disciplina de Matemática - 7ºano Unidade 1 Números inteiros Propriedades da adição de números racionais Multiplicação de números

Leia mais

{ } Questão 1. Considere as seguintes afirmações sobre o conjunto U = { 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9} Questão 2. Seja o conjunto = { : 0 e 2 2

{ } Questão 1. Considere as seguintes afirmações sobre o conjunto U = { 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9} Questão 2. Seja o conjunto = { : 0 e 2 2 NOTAÇÕES : conjunto dos números complexos. : conjunto dos números racionais. : conjunto dos números reais. : conjunto dos números inteiros. = 0,,,,.... { } { } * =,,,.... i : unidade imaginária; i =. z=x+iy,

Leia mais

1ª Ana e Eduardo. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade

1ª Ana e Eduardo. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade Matemática 1ª Ana e Eduardo 8º Ano E.F. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade Competência 1 Foco: Leitura Compreender e utilizar textos, selecionando dados, tirando conclusões, estabelecendo relações,

Leia mais

Resolvendo inequações: expressões com desigualdades (encontrar os valores que satisfazem a expressão)

Resolvendo inequações: expressões com desigualdades (encontrar os valores que satisfazem a expressão) R é ordenado: Se a, b, c R i) a < b se e somente se b a > 0 (a diferença do maior com o menor será positiva) ii) se a > 0 e b > 0 então a + b > 0 (a soma de dois números positivos é positiva) iii) se a

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UPE CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES TESTE SELETIVO Anexo IV PROGRAMAS

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UPE CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES TESTE SELETIVO Anexo IV PROGRAMAS Anexo IV PROGRAMAS 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL (antiga 5ª série) Língua Portuguesa 1. LEITURA, COMPREENSÃO E PRODUÇÃO DE TEXTOS, CONTEÚDOS GRAMATICAIS. 1.1. Leitura e compreensão de diferentes tipos de

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS CASTRO DAIRE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS CASTRO DAIRE 3º Período 2º Período 1º Período AGRUPAMENTO DE ESCOLAS CASTRO DAIRE Escola Secundária de Castro Daire Escola Básica N.º2 de Castro Daire Escola EBI de Mões Grupo de Recrutamento 500 MATEMÁTICA Ano letivo

Leia mais

Matéria das Aulas e Exercícios Recomendados Cálculo II- MAA

Matéria das Aulas e Exercícios Recomendados Cálculo II- MAA Matéria das Aulas e Exercícios Recomendados Cálculo II- MAA Número da Aula Data da Aula 1 02/09 Sequências Numéricas, definição, exemplos, representação geométrica, convergência e divergência, propriedades,

Leia mais

4º. ano 1º. VOLUME. Projeto Pedagógico de Matemática 1. AS OPERAÇÕES E AS HABILIDADES DE CALCULAR MENTALMENTE. Números e operações.

4º. ano 1º. VOLUME. Projeto Pedagógico de Matemática 1. AS OPERAÇÕES E AS HABILIDADES DE CALCULAR MENTALMENTE. Números e operações. 4º. ano 1º. VOLUME 1. AS OPERAÇÕES E AS HABILIDADES DE CALCULAR MENTALMENTE Realização de compreendendo seus significados: adição e subtração (com e sem reagrupamento) Multiplicação (como adição de parcelas

Leia mais

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Números inteiros adição e subtração

araribá matemática Quadro de conteúdos e objetivos Quadro de conteúdos e objetivos Unidade 1 Números inteiros adição e subtração Unidade 1 Números inteiros adição e subtração 1. Números positivos e números negativos Reconhecer o uso de números negativos e positivos no dia a dia. 2. Conjunto dos números inteiros 3. Módulo ou valor

Leia mais

Manual do Candidato º semestre. Cursos Técnicos

Manual do Candidato º semestre. Cursos Técnicos Manual do Candidato 2015 1º semestre Cursos Técnicos Comissão responsável pelo Processo Seletivo Nayhara Juliana A. P. Thiers Vieira (Presidente) Daniela de Cássia Silva Diógenes Simão Rodovalho Lúcio

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOVERNADOR EDISON LOBÃO MA INSTITUTO MACHADO DE ASSIS Seriedade, compromisso e competência.

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOVERNADOR EDISON LOBÃO MA INSTITUTO MACHADO DE ASSIS Seriedade, compromisso e competência. ERRATA Nº 001/2014 A Comissão Organizadora do Concurso Público da Prefeitura Municipal de Governador Edison Lobão publica a presente ERRATA para alterar os itens abaixo descriminados, permanecendo os demais

Leia mais

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Componente Curricular: Matemática II Curso: Técnico de Nível Médio Integrado em Informática Série/Período: 2º ano Carga Horária: 4 a/s - 160 h/a - 133 h/r

Leia mais

Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011. Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por ASSUNTO

Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011. Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por ASSUNTO Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011 Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por ASSUNTO ANO MÊS DIA PROFESSOR ASSUNTO 2008 JULHO 22 Prof. Eduardo Wagner Aplicações da Geometria

Leia mais

Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011. Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por PROFESSOR

Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011. Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por PROFESSOR Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada Atualizado em 16/06/2011 Resumo Geral dos Vídeos do PAPMEM por PROFESSOR ANO MÊS DIA PROFESSOR ASSUNTO 2007 JANEIRO 25 Homenagem ao Prof. Morgado Matemática

Leia mais

Sumário. 1 CAPÍTULO 1 Revisão de álgebra

Sumário. 1 CAPÍTULO 1 Revisão de álgebra Sumário 1 CAPÍTULO 1 Revisão de álgebra 2 Conjuntos numéricos 2 Conjuntos 3 Igualdade de conjuntos 4 Subconjunto de um conjunto 4 Complemento de um conjunto 4 Conjunto vazio 4 Conjunto universo 5 Interseção

Leia mais

Escola Secundária c/3º CEB de Lousada

Escola Secundária c/3º CEB de Lousada Escola Secundária c/3º CEB de Lousada Planificação Anual da Disciplina de Matemática 9º Ano Ano Lectivo: 2011/2012 CONTEÚDOS 1º PERÍODO OBJECTIVOS E COMPETÊNCIAS Nº de Tempos (45min.) Equações -Equações

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 CAPÍTULO 2

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 CAPÍTULO 2 SUMÁRIO CAPÍTULO 1 NÚMEROS COMPLEXOS 1 Somas e produtos 1 Propriedades algébricas básicas 3 Mais propriedades algébricas 5 Vetores e módulo 8 Desigualdade triangular 11 Complexos conjugados 14 Forma exponencial

Leia mais

Vestibular de Verão Prova 3 Matemática

Vestibular de Verão Prova 3 Matemática Vestibular de Verão Prova N ọ DE ORDEM: NOME DO CANDIDATO: N ọ DE INSCRIÇÃO: INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA Confira os campos N ọ DE ORDEM, N ọ DE INSCRIÇÃO e NOME DO CANDIDATO, que constam na etiqueta

Leia mais

10. OUTRAS FUNÇÕES TRIGONOMÉTRICAS

10. OUTRAS FUNÇÕES TRIGONOMÉTRICAS 0. OUTRAS FUNÇÕES TRIGONOMÉTRICAS Consideremos um triângulo retângulo ABC e seja t um dos seus ângulos agudos. Figura Relembremos que, sendo 0 < t < π/, temos tg t = b c (= cateto oposto cateto adjacente)

Leia mais

INSTITUTO PUPILOS DO EXÉRCITO. Apoio ao Exame de Matemática A - Programa

INSTITUTO PUPILOS DO EXÉRCITO. Apoio ao Exame de Matemática A - Programa INSTITUTO PUPILOS DO EXÉRCITO Apoio ao Exame de Matemática A - Programa 10.º ANO Lógica e Teoria de Conjuntos Duração: 20 horas Proposições Valor lógico de uma proposição; Princípio de não contradição;

Leia mais

TEMA TÓPICOS OBJETIVOS ESPECÍFICOS AVALIAÇÃO* Lei dos senos e lei dos cossenos. casos de ângulos retos e obtusos. Resolução de triângulos

TEMA TÓPICOS OBJETIVOS ESPECÍFICOS AVALIAÇÃO* Lei dos senos e lei dos cossenos. casos de ângulos retos e obtusos. Resolução de triângulos AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Matemática e Ciências Experimentais Planificação Anual de Matemática A 11º ano Ano Letivo

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E INFORMÁTICA DISCIPLINA:

DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E INFORMÁTICA DISCIPLINA: DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E INFORMÁTICA DISCIPLINA: Matemática A (10º Ano) METAS CURRICULARES/CONTEÚDOS... 1º Período (18 de setembro a 17 de dezembro) Metas/ Objetivos Conceitos/ Conteúdos Aulas Previstas

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS Grupo 500 Planificação Anual / Critérios de Avaliação Disciplina: Matemática _ 9.º ano 2016 / 2017 Início Fim

Leia mais

Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto).

Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto). LISTA DE CONTEÚDOS TURMA : 1º. ANO DE 2016 2º. ANO DE 2017 Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto). Matemática -

Leia mais

Como a PA é decrescente, a razão é negativa. Então a PA é dada por

Como a PA é decrescente, a razão é negativa. Então a PA é dada por Detalhamento das Soluções dos Exercícios de Revisão do mestre 1) A PA será dada por Temos Então a PA será dada por:, e como o produto é 440: Como a PA é decrescente, a razão é negativa. Então a PA é dada

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS, AGUALVA SINTRA ENSINO RECORRENTE DE NÍVEL SECUNDÁRIO POR MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS CURSO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS, AGUALVA SINTRA ENSINO RECORRENTE DE NÍVEL SECUNDÁRIO POR MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS CURSO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS, AGUALVA SINTRA ENSINO RECORRENTE DE NÍVEL SECUNDÁRIO POR MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS CURSO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS DEPARTAMENTO: MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS DISCIPLINA

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS - Grupo 500 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Matemática 8º ano Ano letivo 2016/2017 Início

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO. Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho. Departamento de Matemática e Ciências Experimentais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO. Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho. Departamento de Matemática e Ciências Experimentais AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Matemática e Ciências Experimentais Planificação Anual de Matemática A 10º ano Ano Letivo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO INSTITUTO DE ENGENHARIA E GEOCIENCIAS-IEG PROGRAMA DE COMPUTAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO INSTITUTO DE ENGENHARIA E GEOCIENCIAS-IEG PROGRAMA DE COMPUTAÇÃO 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO INSTITUTO DE ENGENHARIA E GEOCIENCIAS-IEG PROGRAMA DE COMPUTAÇÃO NOTAS DE AULA DA DISCIPLINA DE CÁLCULO 1 MATERIAL EM CONSTRUÇÃO

Leia mais

PLANO DE CURSO CURSO: ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO E MATEMÁTICA

PLANO DE CURSO CURSO: ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO E MATEMÁTICA CURSO: ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO E MATEMÁTICA OBJETIVO: Promover o aperfeiçoamento das práticas envolvidas na gestão dos processos de ensino e aprendizagem em Matemática; Contribuir com a qualificação

Leia mais

POLINÔMIOS 1. INTRODUÇÃO Uma função é dita polinomial quando ela é expressa da seguinte forma:

POLINÔMIOS 1. INTRODUÇÃO Uma função é dita polinomial quando ela é expressa da seguinte forma: POLINÔMIOS 1. INTRODUÇÃO Uma função é dita polinomial quando ela é expressa da seguinte forma: n P(x) a a x a x... a x, onde 0 1 n Atenção! o P(0) a 0 o P(1) a a a... a 0 1 n a 0,a 1,a,...,a n :coeficientes

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS ENSINO RECORRENTE DE NÍVEL SECUNDÁRIO POR MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS CURSO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS DISCIPLINA : MATEMÁTICA A ANO: 10.º - CONJUNTO DOS MÓDULOS 1-2-3 DURAÇÃO

Leia mais

1.0. Conceitos Utilizar os critérios de divisibilidade por 2, 3, 5 e Utilizar o algoritmo da divisão de Euclides.

1.0. Conceitos Utilizar os critérios de divisibilidade por 2, 3, 5 e Utilizar o algoritmo da divisão de Euclides. Conteúdo Básico Comum (CBC) Matemática - do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano Os tópicos obrigatórios são numerados em algarismos arábicos Os tópicos complementares são numerados em algarismos romanos

Leia mais

NOTAÇÕES. R : conjunto dos números reais C : conjunto dos números complexos

NOTAÇÕES. R : conjunto dos números reais C : conjunto dos números complexos NOTAÇÕES R : conjunto dos números reais C : conjunto dos números complexos i : unidade imaginária: i = 1 z : módulo do número z C Re(z) : parte real do número z C Im(z) : parte imaginária do número z C

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROÍSMO

ESCOLA SECUNDÁRIA JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROÍSMO ESCOLA SECUNDÁRIA JERÓNIMO EMILIANO DE ANDRADE DE ANGRA DO HEROÍSMO PLANIFICAÇÃO ANUAL ANO LECTIVO: 008/009 DISCIPLINA: Matemática ANO: 1º Aulas previstas 1º período: 7 (5 ) º período: 7 (5 ) 3º período:

Leia mais

UNIDADE 1 ESTATÍSTICA E PROBABILIDADES 9 tempos de 45 minutos

UNIDADE 1 ESTATÍSTICA E PROBABILIDADES 9 tempos de 45 minutos EBIAH 9º ANO PLANIFICAÇÃO A LONGO E MÉDIO PRAZO EBIAH PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO 9º ANO - 1º Período Integração dos alunos 1 tempo ESTATÍSTICA A aptidão para entender e usar de modo adequado a linguagem

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS MATEMÁTICA 7.º ANO PLANIFICAÇÃO GLOBAL Múltiplos e divisores. Critérios de divisibilidade. - Escrever múltiplos

Leia mais

TESTE DE LÓGICA, ÁLGEBRA E GEOMETRIA 10.º ANO

TESTE DE LÓGICA, ÁLGEBRA E GEOMETRIA 10.º ANO TESTE DE LÓGICA, ÁLGEBRA E GEOMETRIA 10.º ANO NOME: N.º: TURMA: ANO LETIVO: / DATA: / / DURAÇÃO DO TESTE: 90 MINUTOS O teste é constituído por dois grupos. O Grupo I é constituído por itens de seleção

Leia mais

Matriz de Referência de matemática 9º ano do ensino fundamental

Matriz de Referência de matemática 9º ano do ensino fundamental Matriz de Referência de matemática 9º ano do ensino fundamental D01 D02 D03 Identificar a localização/movimentação de objeto em mapas, croquis e outras representações gráficas. Identificar propriedades

Leia mais

SE VOCÊ QUER, VOCÊ PODE

SE VOCÊ QUER, VOCÊ PODE Há quase 3 décadas, o Coleguium ensina a enfrentar os desafios da vida por meio de uma formação de excelência. Desde cedo, nossos alunos desenvolvem habilidades e valores que extrapolam o conteúdo de sala

Leia mais

Função polinomial. Pré-Cálculo. Função polinomial. Função polinomial: exemplos. Humberto José Bortolossi. Parte 6. Definição

Função polinomial. Pré-Cálculo. Função polinomial. Função polinomial: exemplos. Humberto José Bortolossi. Parte 6. Definição Pré-Cálculo Humberto José Bortolossi Departamento de Matemática Aplicada Universidade Federal Fluminense Função polinomial Parte 6 Parte 6 Pré-Cálculo 1 Parte 6 Pré-Cálculo 2 Função polinomial Função polinomial:

Leia mais