kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page i Marketing de A a Z

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "kot0.qxd 5/4/2010 12:27 PM Page i Marketing de A a Z"

Transcrição

1 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page i Marketing de A a Z

2 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page ii Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Consulte nosso catálogo completo, últimos lançamentos e serviços exclusivos no site,

3 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 1 Marketing de A a Z

4 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 2 Do original: Marketing Insights from A to Z Tradução autorizada do idioma inglês da edição publicada por John Wiley & Sons, Inc. Copyright 2003 by Philip Kotler 2003 Elsevier Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei de 19/02/98. Nenhuma parte deste livro, sem autorização prévia por escrito da editora, poderá ser reproduzida ou transmitida sejam quais forem os meios empregados: eletrônicos, mecânicos, fotográficos, gravação ou quaisquer outros. Editoração Eletrônica Futura Copidesque Ana Cristina Serra Revisão Gráfica Gustavo André Ramos Inúbia Mariflor Brenlla Rial Rocha Edição original: ISBN Projeto Gráfico Elsevier Editora Ltda. Conhecimento sem Fronteiras Rua Sete de Setembro, o andar Rio de Janeiro RJ Brasil Rua Quintana o andar Brooklin São Paulo SP ISBN 13: ISBN 10: Nota: Muito zelo e técnica foram empregados na edição desta obra. No entanto, podem ocorrer erros de digitação, impressão ou dúvida conceitual. Em qualquer das hipóteses, solicitamos a comunicação ao nosso Serviço de Atendimento ao Cliente, para que possamos esclarecer ou encaminhar a questão. Nem a editora nem o autor assumem qualquer responsabilidade por eventuais danos ou perdas a pessoas ou bens, originados do uso desta publicação. Serviço de Atendimento ao Cliente CIP-Brasil. Catalogação-na-fonte. Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ K88m Kotler, Philip, Marketing de A a Z: 80 conceitos que todo profissional precisa saber/philip Kotler; tradução de Afonso Celso Cunha Serra. Rio de Janeiro: Elsevier, a reimpressão Tradução de: Marketing insights from A to Z ISBN Marketing. I. Título CDD CDU 658.8

5 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 3 Apresentação à edição brasileira Por visitar o Brasil com freqüência, tenho tido a oportunidade de testemunhar, na última década, inúmeras mudanças positivas nas áreas social, política e econômica. O Brasil está passando por profundas mudanças: crescimento do mercado; ampliação da telefonia fixa e móvel; popularização da Internet; avanços do governo eletrônico; reconhecimento das diferenças étnicas e valorização da diversidade cultural. Todos esses fatores têm um profundo efeito sobre as práticas gerenciais, e sobretudo nas atividades de marketing. No caso do marketing, teoria e prática estão em rápida mudança. É muito importante manter-se a par dos últimos avanços do marketing, ainda mais quando os concorrentes estão concebendo estratégias inteiramente novas. Os profissionais da área, assim como os altos executivos, precisam reexaminar os conceitos e princípios básicos que sustentam um marketing eficaz. Um número excessivo de profissionais têm idéias pouco claras a respeito de publicidade, branding, orientação aos clientes, gerência de relacionamento com o cliente, diferenciação, e uma enorme gama de outros conceitos. Meu objetivo é menos definir esses conceitos do que explicar como eles funcionam no hipercompetitivo mercado dos dias que correm. Os gerentes que não pertençam à área de marketing deverão tirar bom proveito da discussão que faço dos

6 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 4 4 Marketing de A a Z conceitos-chave; e os profissionais de marketing serão alçados a um novo patamar de apreciação dos aspectos mais sutis desses conceitos e princípios. Portanto, estou certo de que os profissionais brasileiros podem aprender muito com este livro, não só para dar nova vida a certas práticas, as quais, quando negligenciadas, podem levar a graves conseqüências, mas também para otimizar o aproveitamento das oportunidades que surgem no turbilhão de um mercado doméstico gigante, em pleno desenvolvimento, transformação e crescimento. PHILIP KOTLER

7 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 5 A todos aqueles que trabalham em negócios e em marketing, imbuídos da paixão de atender às necessidades dos clientes e de aumentar o bem-estar da sociedade.

8 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 6

9 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 7 Prefácio Minha carreira de 40 anos em marketing produziu alguns conhecimentos e até uma certa sabedoria. Refletindo sobre o atual estado da disciplina, ocorreu-me que era hora de rever os conceitos básicos de marketing. Primeiro, listei os 80 conceitos que hoje considero de importância fundamental e passei algum tempo ruminando seus significados e implicações para as boas práticas de negócios. Meu primeiro alvo foi identificar os melhores princípios e práticas para o marketing eficaz e inovador. Ao longo da jornada, deparei com muitas surpresas, que geraram novos insights e perspectivas. Não pretendia escrever outro livro-texto de 800 páginas sobre marketing. Tampouco queria repetir pensamentos e passagens que já expressara em livros anteriores. Meu intuito era apresentar idéias e perspectivas novas e estimulantes, em formato rapidamente acessível, selecionável, digerível e armazenável a qualquer hora. Este pequeno livro é o produto dessas reflexões e foi escrito tendo em vista os seguintes públicos: Gerentes que acabaram de descobrir que precisam saber alguma coisa sobre marketing; seja um vice-presidente financeiro, um diretor de uma entidade sem fins lucrativos ou um empreendedor prestes a lançar um novo produto. É possível que

10 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 8 8 Marketing de A a Z esse destinatário potencial nem tenha tido tempo para ler Marketing para Dummies (Campus), com suas 472 páginas. Na verdade, sua intenção é apenas compreender alguns conceitos e princípios fundamentais, expostos por alguém confiável, de maneira conveniente. Gerentes que tenham assistido a algum curso sobre marketing, alguns anos atrás, e estejam percebendo que as coisas mudaram. O objetivo desse leitor é atualizar seus conhecimentos sobre as idéias essenciais em marketing e conhecer o pensamento mais recente a respeito do marketing de alto desempenho. Profissionais de marketing que talvez se sintam à deriva no ambiente caótico dos eventos de marketing e queiram vislumbrar alguma luz e recarregar as baterias por meio de alguns princípios norteadores. Minha abordagem foi influenciada pela filosofia Zen, que enfatiza o aprendizado por meio da meditação e de insights intuitivos e diretos. Os pensamentos expressos neste livro são frutos de minhas meditações sobre esses conceitos e princípios basilares. Independentemente de chamar o processo de reflexão, cogitação ou ruminação, não reivindico como próprios e originais todos os pensamentos aqui expressos. Cito diretamente alguns grandes pensadores em negócios e em marketing ou reconheço manifestamente sua influência direta sobre minhas idéias. Absorvi a sabedoria desses luminares por meio de leitura, conversas, ensinamentos ou consultoria.

11 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 9 Introdução O problema central com que se defrontam os negócios hoje não é escassez de bens, mas escassez de clientes. A maioria dos setores de atividade em todo o mundo é capaz de produzir muito mais bens e serviços do que os consumidores em todo o mundo são capazes de comprar. Esse excesso de capacidade resulta de cada um dos competidores ter projetado uma fatia de mercado maior do que a possível. Se cada empresa projetar crescimento de 10% em suas vendas e o mercado total crescer apenas 3%, o resultado será a superoferta. Tal situação, por seu turno, redunda em hipercompetição, ou seja, competidores desesperados por atrair clientes, baixar seus preços e oferecer brindes. Essas estratégias acabam ensejando margens minguantes, lucros decrescentes, empresas problemáticas e aumento das fusões e aquisições. O marketing é a resposta para como competir em outras bases que não apenas o preço. Por causa do excesso de capacidade, o marketing tornou-se mais importante do que nunca. O marketing é o departamento de fabricação de clientes da empresa. Mas o marketing ainda é um assunto tremendamente mal compreendido nos círculos de negócios e na mente do público. As empresas acham que o marketing existe apenas para ajudar os fabricantes a se livrarem de seus produtos. A verdade é o oposto, isto

12 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page Marketing de A a Z é, a produção existe para apoiar o marketing. A empresa sempre dispõe do recurso de terceirizar sua produção. O fator que determina a prosperidade da empresa são as idéias e ofertas engendradas por marketing. A razão de ser das áreas de produção, compras, pesquisa e desenvolvimento (P&D), finanças e outras funções organizacionais é apoiar o trabalho da empresa no mercado de clientes. Muitas vezes confunde-se marketing com vendas. Entretanto, marketing e vendas são conceitos quase opostos. Marketing de vendas agressivas é uma contradição. Há muito tempo, afirmei: Marketing não é a arte de descobrir maneiras inteligentes de descartar-se do que foi produzido. Marketing é a arte de criar valor genuíno para os clientes. É a arte de ajudar os clientes a tornarem-se ainda melhores. As palavras-chave dos profissionais de marketing são qualidade, serviços e valor. As vendas começam apenas quando se tem um produto. O marketing entra em cena antes da existência do produto. O marketing é o dever de casa da organização para descobrir o que as pessoas precisam e o que a empresa deve oferecer. O marketing determina como lançar, precificar, distribuir e promover as ofertas de produtos e serviços no mercado. Em seguida monitora os resultados e melhora as ofertas, ao longo do tempo. O marketing também decide se e quando cessar uma oferta. Por tudo isso, o marketing não é esforço de vendas de curto prazo, mas investimento de recursos a longo prazo. Quando bem conduzido, o marketing ocorre antes de a empresa produzir qualquer produto ou entrar em qualquer mercado; e prossegue muito depois da venda. Lester Wunderman, especialista em marketing direto, contrastou vendas e marketing nos seguintes termos: A cantilena da Revolução Industrial foi a do fabricante que apregoou Isto é o que faço; alguém quer comprar?. A convocação da Era da Informação é a do consumidor, que conclama: Isso é o que quero; alguém quer fabricá-lo? 1 O marketing anseia conhecer tão bem o cliente-alvo a ponto de dispensar o esforço de vendas. Peter Drucker sustentou que o

13 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 11 Introdução 11 propósito do marketing é tornar supérfluas as atividades de vendas. 2 Mark-eting é a capacidade de atingir o alvo (mark). Contudo, certos líderes de negócios afirmam: Não podemos perder tempo com marketing. Ainda não temos um produto. Ou Nosso sucesso é tão grande que não precisamos de marketing; e se não fôssemos bem-sucedidos, não poderíamos pagar o marketing. Lembro-me do telefonema desesperado de um CEO: Venha ensinar-me um pouco dessa coisa de marketing minhas vendas caíram em 30%. Eis minha definição de marketing: Gestão de marketing é a arte e a ciência de escolher os mercados-alvo e de conquistar, reter e cultivar clientes, por meio da criação, comunicação e fornecimento de valor superior para os clientes. Ou, caso se prefira uma definição mais detalhada: Marketing é a função empresarial que identifica necessidades e desejos insatisfeitos, define e mede sua magnitude e seu potencial de rentabilidade, especifica que mercados-alvo serão mais bem atendidos pela empresa, decide sobre produtos, serviços e programas adequados para servir a esses mercados selecionados e convoca a todos na organização para pensar no cliente e atender ao cliente. Em síntese, o trabalho de marketing é converter as necessidades cambiantes das pessoas em oportunidades lucrativas para as empresas. Seu objetivo é criar valor pela oferta de soluções superiores, reduzindo o tempo consumido pelos compradores em pesquisas e transações e proporcionando padrão de vida mais elevado a toda a sociedade. Atualmente, as práticas de marketing devem ir além da simples realização de transações, que quase sempre redundam em vendas hoje e em perda de clientes amanhã. O objetivo dos profissionais de marketing é construir relacionamentos com os clientes, mutuamente lucrativos, de longo prazo, em vez de apenas vender o produto. Uma empresa não vale mais do que o valor vitalício dos clientes. Essa constatação exige que se conheçam os clientes suficientemente bem para apresentar ofertas, serviços e mensagens relevantes e oportunas, que atendam a cada uma de suas necessidades.

14 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page Marketing de A a Z Tipicamente, a função de marketing é organizada como uma unidade da empresa. Isso é bom e ruim. É bom porque reúne várias pessoas qualificadas, com habilidades específicas para conhecer os clientes, prestar-lhes serviços e atender às suas necessidades. É ruim porque induz outras unidades a crer que todas as atividades de marketing competem em uma única área organizacional. Como observou o falecido David Packard, da Hewlett-Packard: O marketing é importante demais para ficar por conta apenas do departamento de marketing... Numa organização de marketing verdadeiramente eficaz, não se consegue identificar o departamento de marketing. Todos na organização devem tomar decisões com base no impacto sobre o cliente. O mesmo conceito foi bem traduzido pelo professor Philippe Naert: Não se promoverá a verdadeira cultura de marketing constituindo-se apressadamente um departamento ou equipe de marketing, ainda que se nomeiem pessoas extremamente capazes para o trabalho. O marketing começa pela alta gerência. Se a alta gerência não estiver disposta a desenvolver uma mentalidade voltada para os clientes, de que maneira o conceito de marketing será aceito e implementado pelo restante da empresa? O marketing não está restrito a um departamento que cria anúncios, seleciona veículos de mídia, providencia malas diretas e responde às perguntas dos clientes. O marketing é um processo mais amplo que consiste em determinar de maneira sistemática o que produzir, como chamar a atenção dos clientes para o produto ou serviço, como facilitar o acesso ao produto ou serviço e como reter o interesse do cliente pelo produto ou serviço, de modo que sempre queira comprar mais. Além disso, a estratégia e as ações de marketing não são executadas apenas nos mercados de clientes. Por exemplo, a empresa também precisa levantar fundos com os investidores. Assim, é preciso saber como fazer marketing para os provedores de recursos financeiros. Também é necessário atrair talento para a organização. Para tanto, é imprescindível desenvolver uma proposição de valor que cative as pessoas mais capazes, a ponto de quererem juntar-se

15 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 13 Introdução 13 ao empreendimento. Não importa se o marketing se destina aos clientes, aos investidores ou aos talentos, é preciso compreender as necessidades e desejos desses diferentes públicos, para apresentar uma proposição de valor superior à dos concorrentes, a fim de conquistar a preferência dos clientes. Mas será que, com tudo isso, é difícil aprender marketing? A boa notícia é que se aprende marketing em apenas um dia. A má notícia é que a mestria em marketing exige a dedicação de toda uma vida! Mas até mesmo as notícias menos alvissareiras podem ser recebidas de maneira positiva. Inspiro-me na observação de Warren Bennis: Nada me dá maior alegria do que aprender algo novo. (Bennis é Professor Emérito da Universidade da Califórnia e escritor proeminente sobre assuntos de liderança.) Outra boa notícia é que o marketing sempre estará presente. Outra má notícia é que o marketing não ficará por aí da maneira como se o aprendeu de início. Na década em curso, o marketing será reformulado de A a Z. Assim, resolvi enfatizar 80 dos conceitos e idéias mais importantes para as pessoas de negócios que pretendem travar suas batalhas nos mercados hipercompetitivos, em rápida mutação.

16 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 14

17 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 15 Sumário Ativos e Recursos de Marketing 19 Ativos Intangíveis 20 Avaliação do Desempenho 22 Clientes 25 Comunicação e Promoção 30 Concorrentes 32 Consultores 34 Criatividade 36 Database Marketing 39 Desenvolvimento de Novos Produtos 43 Design 45 Diferenciação 48 Distribuição e Canais 51 Empreendedorismo 55 Empregados 57 Empresas 61 Estratégia 63 Estratégias de Crescimento 67 Ética de Marketing 71 Fidelidade 73 Foco e Nicho 76 Força de Vendas 78 Fornecedores 81

18 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page Marketing de A a Z Garantias 83 Gerência do Relacionamento com os Clientes (CRM) 85 Gestão 88 Imagem e Marketing Emocional 90 Implementação e Controle 92 Informação e Análise 95 Inovação 98 Interfaces do Departamento de Marketing 101 Internet e E-Business 106 Liderança 110 Lucros 113 Mala Direta 116 Marca Organizacional 117 Marcas 118 Marketing Business-to-Business 126 Marketing de Experiência 128 Marketing de Recessão 130 Marketing de Relacionamento 133 Marketing Financeiro 136 Marketing Internacional 138 Mercados 142 Mercados-alvo 144 Metas e Objetivos 145 Mídia 147 Missão 149 Mix de Marketing 151 Mudança 155 Necessidades dos Clientes 157 Oportunidade 159 Organização 161 Orientação para os Clientes 163 Papéis e Habilidades em Marketing 166 Patrocínio 168 Pesquisa de Marketing 170 Planos de Marketing 174 Posicionamento 177

19 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 17 Sumário 17 Preço 180 Previsões e Futuro 182 Produtos 185 Promoção de Vendas 188 Propaganda 191 Qualidade 199 Relações Públicas 201 Satisfação dos Clientes 203 Segmentação 205 Serviços 207 Sucesso e Fracasso 209 Tecnologia 210 Telemarketing e Call Centers 211 Tendências na Teoria e Prática de Marketing 213 Terceirização 215 Tradição Oral 217 Valor 219 Vantagem Competitiva 221 Varejistas 223 Vendas 226 Zest (Curtição) 229 Notas 231 Índice 235

20 kot0.qxd 5/4/ :27 PM Page 18

Falso Olho Provisório (para ser substituído) Planos de Negócios que Dão Certo

Falso Olho Provisório (para ser substituído) Planos de Negócios que Dão Certo Falso Olho Provisório (para ser substituído) Planos de Negócios que Dão Certo Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da

Leia mais

Consulte também nosso catálogo completo e últimos lançamentos em www.campus.com.br

Consulte também nosso catálogo completo e últimos lançamentos em www.campus.com.br Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Editora Campus/Elsevier. Consulte também nosso catálogo completo e últimos lançamentos

Leia mais

Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier.

Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Lei_Resp_Fiscal_Book.indb i 04/05/2012 15:51:48 Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Consulte também nosso

Leia mais

Estruturas de Dados com Jogos

Estruturas de Dados com Jogos Estruturas de Dados com Jogos C0075.indd i 27/05/14 4:50 PM C0075.indd ii 27/05/14 4:50 PM Estruturas de Dados com Jogos Roberto Ferrari Marcela Xavier Ribeiro Rafael Loosli Dias Maurício Falvo C0075.indd

Leia mais

Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores!

Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores! Empreendedores Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores! Por meio de um método de aprendizagem único,

Leia mais

Gestão de Negócios. Unidade III FUNDAMENTOS DE MARKETING

Gestão de Negócios. Unidade III FUNDAMENTOS DE MARKETING Gestão de Negócios Unidade III FUNDAMENTOS DE MARKETING 3.1- CONCEITOS DE MARKETING Para a American Marketing Association: Marketing é uma função organizacional e um Marketing é uma função organizacional

Leia mais

Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier.

Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Consulte também nosso catálogo completo, últimos lançamentos e serviços

Leia mais

Como organizar sua vida financeira

Como organizar sua vida financeira Como organizar sua vida financeira Preencha a ficha de cadastro no fi nal deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Editora Campus/Elsevier. Consulte também

Leia mais

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve.

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve. Balanced Scorecard BSC 1 2 A metodologia (Mapas Estratégicos e Balanced Scorecard BSC) foi criada por professores de Harvard no início da década de 90, e é amplamente difundida e aplicada com sucesso em

Leia mais

Como lutar em uma guerra de preços

Como lutar em uma guerra de preços Como lutar em uma guerra de preços Juliana Kircher Macroplan Prospectiva, Estratégia e Gestão Julho de 2006 Guerras de preços já são fatos concretos que ocorrem frequentemente em todos os mercados, seja

Leia mais

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching,

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, 5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, Consultoria, Terapias Holísticas e Para Encher Seus Cursos e Workshops. Parte 01 Como Se Posicionar e Escolher os Clientes dos Seus Sonhos 1 Cinco Etapas Para

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

INGLÊS 1000 Questões com Gabarito Comentado

INGLÊS 1000 Questões com Gabarito Comentado INGLÊS 1000 Questões com Gabarito Comentado cap_0.indd 1 27/10/2011 11:48:53 Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da

Leia mais

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes Unidade IV Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas Prof a. Daniela Menezes Tipos de Mercado Os mercados podem ser divididos em mercado de consumo e mercado organizacional. Mercado de consumo: o consumidor

Leia mais

Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro.

Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro. PLANO DE MARKETING Andréa Monticelli Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro. 1. CONCEITO Marketing é

Leia mais

Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO OBJETIVOS Definir com maior precisão o que é marketing; Demonstrar as diferenças existentes entre marketing externo, marketing interno e marketing de treinamento;

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

Apresentação 3. O que é marketing? 4. Benefícios de se contratar um consultor de Marketing 5. Ferramentas de Marketing 5.

Apresentação 3. O que é marketing? 4. Benefícios de se contratar um consultor de Marketing 5. Ferramentas de Marketing 5. Índice: Apresentação 3 O que é marketing? 4 Benefícios de se contratar um consultor de Marketing 5 Ferramentas de Marketing 5 Conclusão 7 Me chamo Ricardo Felix de Oliveira. Sou consultor de Marketing,

Leia mais

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING CONSULTOR CARLOS MARTINS CRIA - AÇAO EM MARKETING SUA EMPRESA Copyright Consultor Carlos Martins - Todos os direitos reservados wwwcarlosmartinscombr - consultor@carlosmartinscombr Como conquistar Clientes

Leia mais

ENDOMARKETING: Utilização como ferramenta de crescimento organizacional

ENDOMARKETING: Utilização como ferramenta de crescimento organizacional ENDOMARKETING: Utilização como ferramenta de crescimento organizacional Carlos Henrique Cangussu Discente do 3º ano do curso de Administração FITL/AEMS Marcelo da Silva Silvestre Discente do 3º ano do

Leia mais

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Projeto Saber Contábil O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Alessandra Mercante Programa Apresentar a relação da Gestão de pessoas com as estratégias organizacionais,

Leia mais

engenharia_producao.indb 1 23/08/2013 09:00:25

engenharia_producao.indb 1 23/08/2013 09:00:25 engenharia_producao.indb 1 23/08/2013 09:00:25 engenharia_producao.indb 2 23/08/2013 09:00:26 engenharia_producao.indb 3 23/08/2013 09:00:26 2013, Elsevier Editora Ltda. Todos os direitos reservados e

Leia mais

COLETA DE INFORMAÇÕES E PREVISÃO DE DEMANDA

COLETA DE INFORMAÇÕES E PREVISÃO DE DEMANDA COLETA DE INFORMAÇÕES E PREVISÃO DE DEMANDA 1) Quais são os componentes de um moderno sistema de informações de marketing? 2) Como as empresas podem coletar informações de marketing? 3) O que constitui

Leia mais

Introdução Ao Marketing

Introdução Ao Marketing Introdução Ao Marketing O que é Marketing? Isso não é Marketing Muitas pessoas pensam em marketing apenas como vendas e propaganda e isso não causa nenhuma surpresa; Entretanto, vendas e propaganda constituem

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI Sistemas de gestão A Gestão dos Sistemas Integrados é uma forma organizada e sistemática de buscar a melhoria de resultados.

Leia mais

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social Não há dúvidas de que as tecnologias sociais têm um impacto substancial no modo como as empresas funcionam atualmente.

Leia mais

Como facilitar sua Gestão Empresarial

Como facilitar sua Gestão Empresarial Divulgação Portal METROCAMP Como facilitar sua Gestão Empresarial Aplique o CANVAS - montando o seu(!) Modelo de Gestão Empresarial de Werner Kugelmeier WWW.wkprisma.com.br Por que empresas precisam de

Leia mais

Falso Olho Provisório (para ser substituído) MARKETING LATERAL

Falso Olho Provisório (para ser substituído) MARKETING LATERAL Falso Olho Provisório (para ser substituído) MARKETING LATERAL Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e promoções da Elsevier Editora.

Leia mais

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex...

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... (/artigos /carreira/comopermanecercalmosob-pressao /89522/) Carreira Como permanecer calmo sob pressão (/artigos/carreira/como-permanecer-calmosob-pressao/89522/)

Leia mais

MARKETING DESENVOLVIMENTO HUMANO

MARKETING DESENVOLVIMENTO HUMANO MRKETING DESENVOLVIMENTO HUMNO MRKETING rte de conquistar e manter clientes. DESENVOLVIMENTO HUMNO É a ciência e a arte de conquistar e manter clientes e desenvolver relacionamentos lucrativos entre eles.

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. CRM e AFV

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. CRM e AFV Bloco Comercial CRM e AFV Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre os Módulos CRM e AFV, que fazem parte do Bloco Comercial. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas

Leia mais

O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO

O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO Josiane Corrêa 1 Resumo O mundo dos negócios apresenta-se intensamente competitivo e acirrado. Em diversos setores da economia, observa-se a forte

Leia mais

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS Ari Lima Um empreendimento comercial tem duas e só duas funções básicas: marketing e inovação. O resto são custos. Peter Drucker

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

Metodologia de Pesquisa para Ciência da Computação

Metodologia de Pesquisa para Ciência da Computação Metodologia de Pesquisa para Ciência da Computação Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Consulte também

Leia mais

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes Mais que implantação, o desafio é mudar a cultura da empresa para documentar todas as interações com o cliente e transformar essas informações em

Leia mais

Atitude Empreendedora: Uma competência estratégica ao profissional de treinamento e desenvolvimento.

Atitude Empreendedora: Uma competência estratégica ao profissional de treinamento e desenvolvimento. Atitude Empreendedora: Uma competência estratégica ao profissional de treinamento e desenvolvimento. Por PAULA FRANCO Diante de um cenário empresarial extremamente acirrado, possuir a competência atitude

Leia mais

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA.

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. A CompuStream, empresa especializada em desenvolvimento de negócios, atua em projetos de investimento em empresas brasileiras que tenham um alto

Leia mais

Edital PROEX/IFRS nº 028/2015. Seleção de estudantes para participação no curso Bota pra fazer - crie seu negócio de alto impacto

Edital PROEX/IFRS nº 028/2015. Seleção de estudantes para participação no curso Bota pra fazer - crie seu negócio de alto impacto Edital PROEX/IFRS nº 028/2015 Seleção de estudantes para participação no curso Bota pra fazer - crie seu negócio de alto impacto A Pró-reitora de Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

ORGANIZATI ONAL AGILITY

ORGANIZATI ONAL AGILITY PMI PULSO DA PROFISSÃO RELATÓRIO DETALHADO A VANTAGEM COMPETITIVA DO GERENCIAMENTO EFICAZ DE TALENTOS ORGANIZATI ONAL ORGANIZATI ONAL AGILITY AGILITY MARÇO DE 2013 Estudo Detalhado Pulse of the Profession

Leia mais

Gestão do Conhecimento A Chave para o Sucesso Empresarial. José Renato Sátiro Santiago Jr.

Gestão do Conhecimento A Chave para o Sucesso Empresarial. José Renato Sátiro Santiago Jr. A Chave para o Sucesso Empresarial José Renato Sátiro Santiago Jr. Capítulo 1 O Novo Cenário Corporativo O cenário organizacional, sem dúvida alguma, sofreu muitas alterações nos últimos anos. Estas mudanças

Leia mais

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva.

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva. COMPREENDENDO A GESTÃO DE PESSOAS Karina Fernandes de Miranda Helenir Celme Fernandes de Miranda RESUMO: Este artigo apresenta as principais diferenças e semelhanças entre gestão de pessoas e recursos

Leia mais

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO.

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Workshop para empreendedores e empresários do Paranoá DF. SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Dias 06 e 13 de Dezembro Hotel Bela Vista Paranoá Das 08:00 às 18:00 horas Finanças: Aprenda a controlar

Leia mais

...estas abordagens contribuem para uma ação do nível operacional do design.

...estas abordagens contribuem para uma ação do nível operacional do design. Projetar, foi a tradução mais usada no Brasil para design, quando este se refere ao processo de design. Maldonado definiu que design é uma atividade de projeto que consiste em determinar as propriedades

Leia mais

DESAFIOS NA IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ELETRÔNICO AULA 2. MBA Gestão de TI. Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com

DESAFIOS NA IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ELETRÔNICO AULA 2. MBA Gestão de TI. Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com DESAFIOS NA IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ELETRÔNICO AULA 2 MBA Gestão de TI Luciano Roberto Rocha www.lrocha.com 2 3 Um otimista vê uma oportunidade em cada calamidade; um pessimista vê uma calamidade em

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso:

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso: PLANO DE NEGÓCIOS Causas de Fracasso: Falta de experiência profissional Falta de competência gerencial Desconhecimento do mercado Falta de qualidade dos produtos/serviços Localização errada Dificuldades

Leia mais

Empreendedorismo. Colégio São José projetando Empreendedores COLÉGIO SÂO JOSÉ PROJETANDO EMPREENDEDORES. Copyright 2008 www.josedornelas.

Empreendedorismo. Colégio São José projetando Empreendedores COLÉGIO SÂO JOSÉ PROJETANDO EMPREENDEDORES. Copyright 2008 www.josedornelas. Empreendedorismo Colégio São José projetando Empreendedores Empreendedorismo é o envolvimento de pessoas e processos Empreendedorismo é uma livre tradução da palavra entrepreneurship. Designa uma área

Leia mais

FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FEA USP ARTIGO

FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FEA USP ARTIGO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FEA USP ARTIGO COMO AS MUDANÇAS NAS ORGANIZAÇÕES ESTÃO IMPACTANDO A ÁREA DE RECURSOS HUMANOS Paola Moreno Giglioti Administração

Leia mais

Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO

Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO Prêmio de Empreendedorismo James McGuire 2013 REGULAMENTO Prêmio de Empreendedorismo James McGuire 2013 é uma competição interna da Laureate International

Leia mais

A Importância do CRM nas Grandes Organizações Brasileiras

A Importância do CRM nas Grandes Organizações Brasileiras A Importância do CRM nas Grandes Organizações Brasileiras Por Marcelo Bandeira Leite Santos 13/07/2009 Resumo: Este artigo tem como tema o Customer Relationship Management (CRM) e sua importância como

Leia mais

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA Mudança da Marca e Posicionamento Esse boletim explicativo tem o objetivo de esclarecer suas dúvidas sobre a nova marca Evolua e de que forma ela será útil para aprimorar os

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em CONTROLADORIA DE MARKETING Inscrições Abertas: Início das aulas: 24/08/2015 Término das aulas: 14/08/2016 Dias e horários das aulas: Segunda-Feira 18h30

Leia mais

Interação Humano-Computador

Interação Humano-Computador Interação Humano-Computador IHC_Cap_00.indd i 15/7/2010 16:32:00 Preencha a ficha de cadastro no final deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier Editora.

Leia mais

GESTÃO NO DESIGN DE INTERIORES: O Designer, Métodos e Práticas Interdisciplinares I. Professora: Bárbara Ribeiro

GESTÃO NO DESIGN DE INTERIORES: O Designer, Métodos e Práticas Interdisciplinares I. Professora: Bárbara Ribeiro GESTÃO NO DESIGN DE INTERIORES: O Designer, Métodos e Práticas Interdisciplinares I Professora: Bárbara Ribeiro B-RIBEIRO.COM Aula 06: 08-Junho GESTÃO BRANDING, MARKETING, PLANO DE NEGÓCIOS OBJETIVO VIABILIZAR

Leia mais

Módulo 4 O que é CRM?

Módulo 4 O que é CRM? Módulo 4 O que é CRM? Todos nós já sabemos a importância de manter os clientes fiéis e a qualidade do atendimento que temos que oferecer para fidelizar cada vez mais os clientes. Atualmente, uma das principais

Leia mais

Planejamento de Marketing

Planejamento de Marketing PARTE II - Marketing Estratégico - Nessa fase é estudado o mercado, o ambiente em que o plano de marketing irá atuar. - É preciso descrever a segmentação de mercado, selecionar o mercado alvo adequado

Leia mais

*Todos os direitos reservados.

*Todos os direitos reservados. *Todos os direitos reservados. A cada ano, as grandes empresas de tecnologia criam novas ferramentas Para o novo mundo digital. Sempre temos que nos renovar para novas tecnologias, a Karmake está preparada.

Leia mais

Resenha. Inovação: repensando as organizações (BAUTZER, Daise. São Paulo: Atlas, 2009.)

Resenha. Inovação: repensando as organizações (BAUTZER, Daise. São Paulo: Atlas, 2009.) Resenha Inovação: repensando as organizações (BAUTZER, Daise. São Paulo: Atlas, 2009.) Patrícia Morais da Silva 1 Superar as expectativas do mercado atendendo de forma satisfatória as demandas dos clientes

Leia mais

Curso Empreendedorismo Corporativo

Curso Empreendedorismo Corporativo Curso Empreendedorismo Corporativo Todos os fatores relevantes atuais mostram que a estamos em um ambiente cada vez mais competitivo, assim as pessoas e principalmente as organizações devem descobrir maneiras

Leia mais

Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM

Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM É COM GRANDE PRAZER QUE GOSTARÍAMOS DE OFICIALIZAR A PARTICIPAÇÃO DE PAUL HARMON NO 3º SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE BPM!! No ano passado discutimos Gestão

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Coordenadoria Geral de Pós-Graduação Lato Sensu

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Coordenadoria Geral de Pós-Graduação Lato Sensu PORTFÓLIO ESPECIALIZAÇÃO / MBA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Sumário ÁREA: CIÊNCIAS DA SAÚDE... 2 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO: PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO... 2 ÁREA: COMUNICAÇÃO E LETRAS...

Leia mais

marketing 3.0 Rosto MKT 3.0.indd 1 4/15/10 12:16 PM

marketing 3.0 Rosto MKT 3.0.indd 1 4/15/10 12:16 PM marketing 3.0 Rosto MKT 3.0.indd 1 4/15/10 12:16 PM Preencha a ficha de cadastro no fi nal deste livro e receba gratuitamente informações sobre os lançamentos e as promoções da Elsevier. Consulte também

Leia mais

Missão, Visão e Valores

Missão, Visão e Valores , Visão e Valores Disciplina: Planejamento Estratégico Página: 1 Aula: 12 Introdução Página: 2 A primeira etapa no Planejamento Estratégico é estabelecer missão, visão e valores para a Organização; As

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz COMPETÊNCIAS A SEREM DESENVOLVIDAS CONHECER A ELABORAÇÃO, CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES UM PLANO DE NEGÓCIOS.

Leia mais

UNIMEP MBA em Gestão e Negócios

UNIMEP MBA em Gestão e Negócios UNIMEP MBA em Gestão e Negócios Módulo: Sistemas de Informações Gerenciais Aula 4 TI com foco nos Negócios: Áreas envolvidas (Parte II) Flávio I. Callegari www.flaviocallegari.pro.br O perfil do profissional

Leia mais

Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores

Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores Com uma abordagem inovadora e lúdica, o professor Paulo Gerhardt tem conquistado plateias em todo o Brasil. Seu profundo

Leia mais

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES):

Leia mais

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING PÓS-GRADUAÇÃO / FIB-2009 Prof. Paulo Neto O QUE É MARKETING? Marketing: palavra em inglês derivada de market que significa: mercado. Entende-se que a empresa que pratica

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO PMI PULSO DA PROFISSÃO RELATÓRIO DETALHADO GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO Destaques do Estudo As organizações mais bem-sucedidas serão aquelas que encontrarão formas de se diferenciar. As organizações estão

Leia mais

GESTÃ T O O E P RÁ R TI T C I AS DE R E R CUR U S R OS

GESTÃ T O O E P RÁ R TI T C I AS DE R E R CUR U S R OS Ensinar para administrar. Administrar para ensinar. E crescermos juntos! www.chiavenato.com GESTÃO E PRÁTICAS DE RECURSOS HUMANOS Para Onde Estamos Indo? Idalberto Chiavenato Algumas empresas são movidas

Leia mais

EMPREENDEDORISMO Marketing

EMPREENDEDORISMO Marketing Gerenciando o Marketing EMPREENDEDORISMO Marketing De nada adianta fabricar um bom produto ou prestar um bom serviço. É preciso saber colocálo no mercado e conseguir convencer as pessoas a comprá-lo. O

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Artigo 2º - O Currículo, ora alterado, será implantado no início do ano 2000, para os matriculados no 1º semestre.

R E S O L U Ç Ã O. Artigo 2º - O Currículo, ora alterado, será implantado no início do ano 2000, para os matriculados no 1º semestre. RESOLUÇÃO CONSEPE 30/99 ALTERA O PLANO CURRICULAR E O REGIME DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE, no uso da atribuição

Leia mais

O MARKETING DIRETO COMO CONQUISTA DE CLIENTES

O MARKETING DIRETO COMO CONQUISTA DE CLIENTES O MARKETING DIRETO COMO CONQUISTA DE CLIENTES Rosanne Farineli Peixoto Gomes, Ivonete A. Canuto Dias, Valdete Neri Andrade, Luiz Sérgio Almeida dos Santos e Wagner Conceição INTRODUÇÃO O mercado atual

Leia mais

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas edição 04 Guia do inbound marketing Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Há um tempo atrás o departamento de marketing era conhecido

Leia mais

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas 1) Resumo Executivo Descrição dos negócios e da empresa Qual é a ideia de negócio e como a empresa se chamará? Segmento

Leia mais

Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO

Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? EM ASSOCIAÇÃO COM Empresas com funcionários envolvidos superam

Leia mais

8/8/2013. O empreendedor. Quem é o empreendedor? Empreendedores de sucesso. Página 4 de 32. Página 5 de 32. Página 6 de 32

8/8/2013. O empreendedor. Quem é o empreendedor? Empreendedores de sucesso. Página 4 de 32. Página 5 de 32. Página 6 de 32 Empreendedorismo por José Dornelas Página 1 de 32 Empreendedorismo é o envolvimento de pessoas e processos O empreendedor é aquele que percebe uma oportunidade e cria meios (nova empresa, área de negócio,

Leia mais

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Maio de 2010 Conteúdo Introdução...4 Principais conclusões...5 Dados adicionais da pesquisa...14 Nossas ofertas de serviços em mídias sociais...21

Leia mais

4. Tendências em Gestão de Pessoas

4. Tendências em Gestão de Pessoas 4. Tendências em Gestão de Pessoas Em 2012, Gerenciar Talentos continuará sendo uma das prioridades da maioria das empresas. Mudanças nas estratégias, necessidades de novas competências, pressões nos custos

Leia mais

Coleção ajuda no sucesso profissional

Coleção ajuda no sucesso profissional COLEÇÃO Unic Josafá Vilarouca Renata Tomasetti (11) 5051-6639 josafa@unicbuilding.com.br renata@unicbuilding.com.br Coleção ajuda no sucesso profissional Série lançada pela Publifolha possui 36 títulos,

Leia mais

EMPREENDEDORISMO 2013

EMPREENDEDORISMO 2013 COLÉGIO CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Rua Professor Pedreira de Freitas, 401/415 Fone 2942-1499 Tatuapé ORIENTAÇÕES AO PROJETO DE EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO 2013 APRESENTAÇÃO Empreendedorismo é o estudo

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM MARKETING

CURSO DE TECNOLOGIA EM MARKETING CURSO DE TECNOLOGIA EM MARKETING EMENTA (2012) Disciplina: COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR Aspectos introdutórios. Os processos decisórios do consumidor. Diferenças individuais. Processos psicológicos. Influências

Leia mais

COMO PROCURAR UM EMPREGO/ESTÁGIO

COMO PROCURAR UM EMPREGO/ESTÁGIO 1 COMO PROCURAR UM EMPREGO/ESTÁGIO 1 INTRODUÇÃO: Empregos sempre existem. Bons empregos são mais raros, portanto mais difíceis de serem encontrados; A primeira coisa a ser feita é encontrar o emprego,

Leia mais

O CURSO OBJETIVOS PÚBLICO ALVO METODOLOGIA

O CURSO OBJETIVOS PÚBLICO ALVO METODOLOGIA O CURSO Mergulho profundo e intenso em todas as práticas do marketing atual, procurando garantir aos alunos autossuficiência, competitividade, assimilação e domínio. Todas as aulas relacionam-se, exclusivamente,

Leia mais

Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques

Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques Nada é mais perigoso do que uma idéia, quando ela é a única que temos. (Alain Emile Chartier) Neste módulo, faremos, a partir

Leia mais

e-commerce: 13 maneiras de aumentar a conversão

e-commerce: 13 maneiras de aumentar a conversão e-commerce: 13 maneiras de aumentar a conversão Diego Biscaia prefácio: Aumentar a taxa de conversão é crucial para um e-commerce. Uma boa conversão é um bom volume de vendas. Você sabe exatamente o que

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL Aldemar Dias de Almeida Filho Discente do 4º ano do Curso de Ciências Contábeis Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS Élica Cristina da

Leia mais

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza edwin@engenharia-puro.com.br www.engenharia-puro.com.br/edwin Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos ... lembrando Uma cadeia de suprimentos consiste em todas

Leia mais

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS Graduação PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS Prepara os estudantes para o empreendedorismo e para a gestão empresarial. Com foco nas tendências

Leia mais

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente.

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. As interações com os clientes vão além de vários produtos, tecnologias

Leia mais

Propaganda para reforçar a identidade, ou melhorar a reputação.

Propaganda para reforçar a identidade, ou melhorar a reputação. PROPAGANDA COPORATIVA O que é? A propaganda corporativa pode ser definida como uso pago da mídia com fins de beneficiar a imagem da empresa como um todo, e não somente de seus produtos ou serviços. Uma

Leia mais

Integrada de Marketing. UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11

Integrada de Marketing. UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11 O Planejamento de Comunicação Integrada de Marketing UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11 Agenda: Planejamento de Comunicação Integrada de

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com. AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.br COM O SEBRAE, O SEU NEGÓCIO VAI! O Sebrae Goiás preparou diversas

Leia mais

Pesquisa Mercadológica. Prof. Renato Resende Borges

Pesquisa Mercadológica. Prof. Renato Resende Borges Pesquisa Mercadológica Prof. Renato Resende Borges Definição de Pesquisa de Marketing É a identificação, coleta, análise e disseminação de informações de forma sistemática e objetiva e o uso de informações

Leia mais

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS!

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! 4 Introdução 5 Conheça seu público 5 Crie uma identidade para sua empresa 6 Construa um site responsivo 6 Seja direto, mas personalize o máximo possível

Leia mais

Conhecimentos em Comércio Eletrônico Capítulo 4 CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO

Conhecimentos em Comércio Eletrônico Capítulo 4 CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO PLANEJAMENTO E MODELOS DE E-COMMERCE Uma das principais características do CE é permitir a criação de novos modelos de negócio. Um modelo de negócio é um método que permite

Leia mais

Sistemas de Apoio. Prof.: Luiz Mandelli Neto. Sistemas de Apoio. ERP (Enterprise Resource Planning) PLANEJAMENTO DE RECURSOS EMPRESARIAIS

Sistemas de Apoio. Prof.: Luiz Mandelli Neto. Sistemas de Apoio. ERP (Enterprise Resource Planning) PLANEJAMENTO DE RECURSOS EMPRESARIAIS Sistemas de Apoio Prof.: Luiz Mandelli Neto Sistemas de Apoio ERP (Enterprise Resource Planning) PLANEJAMENTO DE RECURSOS EMPRESARIAIS Mapa de TI da cadeia de suprimentos Estratégia Planejamento Operação

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial. Conteúdo Programático. Administração Geral / 100h

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial. Conteúdo Programático. Administração Geral / 100h Administração Geral / 100h O CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BÁSICO DESTA DISCIPLINA CONTEMPLA... Administração, conceitos e aplicações organizações níveis organizacionais responsabilidades Escola Clássica história

Leia mais

PROGRAMA COMPLIANCE VC

PROGRAMA COMPLIANCE VC Seguir as leis e regulamentos é ótimo para você e para todos. Caro Colega, É com satisfação que compartilho esta cartilha do Programa Compliance VC. Elaborado com base no nosso Código de Conduta, Valores

Leia mais