Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros"

Transcrição

1 Edição 109 Setembro 2013 Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros PRONAVTECH e Contmatic Phoenix Mobile facilitam a vida de clientes O novo software de auditoria digital da Contmatic, bem como os sistemas da Linha Phoenix disponibilizados por meio dos aplicativos móveis, foram destaques na Convecon em São Paulo; visitantes fazem intensos elogios às funcionalidades de ambos os produtos da Contmatic Phoenix

2 editorial Parabéns contadores! Durante muitos anos, o contador foi visto como um guarda-livros. Hoje, a realidade é bem diferente. Esse profissional, bem como a área da contabilidade, desenvolveu-se de forma rápida e ajusta-se às mudanças que ocorrem quase que diariamente. A escrituração, a nota fiscal eletrônica e os arquivos digitais são apenas algumas das recentes alterações que o contador precisa estar acompanhando. Diante de todo esse cenário, a figura do contador hoje é imprescindível nas empresas. Há, porém, um detalhe. Faço um alerta para que cada um busque qualificar-se no mercado. Afinal, caminhamos para um futuro onde só sobreviverá no setor aquele profissional preparado para atender as novas exigências, ainda mais em tempos da adoção das normas internacionais de contabilidade. Nesse ínterim, conhecimentos em legislação, tecnologia e gestão de negócios são fundamentais. A Contmatic Phoenix, por meio de seus sistemas e serviços, tem orgulho em fazer Sérgio Contente Presidente da Contmatic Phoenix Idealizador e mantenedor da Fundação Sérgio Contente Deus seja louvado Nesta edição: PRONAVTECH e Contmatic Phoenix 3 Mobile: facilidades para o cliente Confira o artigo sobre a guerra dos honorários contábeis esocial: layout já está liberado para contabilistas e empresas parte da história da vida dos contadores no Brasil. O desenvolvimento tecnológico é, sem dúvida nenhuma, um grande aliado do profissional contábil. E nosso objetivo, desde 1987, sempre foi o de criar soluções que atendam as necessidades de nossos parceiros. Muitos deles, inclusive, com participação direta no desenvolvimento de novos sistemas. Neste 22 de setembro, Dia do Contador, aproveito a ocasião para congratular-me com cada um de vocês. Desde 1945, quando o Decreto-Lei de nº 7988, assinado pelo então presidente Getúlio Vargas, determinou a criação do curso superior de Ciências Contábeis e Atuariais, o Brasil deve muito a vocês. Obrigado e parabéns pelo empenho, desempenho e profissionalismo Veja como solicitar o Contmatic Itinerante em sua cidade Contmatic faz sucesso na Convecon com PRONAVTECH e Mobile Veja as histórias de Despacon e Orion em Nossos Parceiros Foto Divulgação canal aberto O Contmatic Mais publica a coluna Canal Aberto mensalmente. Nela apresentamos depoimentos de alunos e participantes dos cursos e palestras, e de colaboradores de clientes da Contmatic Phoenix. Envie também seu relato para o acompanhado de uma foto com uma resolução de, no mínimo, 300 dpi. Os depoimentos serão analisados pela Comissão Editorial, que pode reproduzí-los e editá-los total ou parcialmente. A Contmatic é uma empresa que presta um excelente trabalho à área contábil. Com grande tecnologia e um ótimo suporte, seus sistemas nos favorece no dia a dia, proporcionando a nós contabilistas a execução de um trabalho claro e objetivo aos clientes. Também devo enaltecer a importância e a qualidade dos cursos e treinamentos, muito importantes para nossa qualificação profissional Renata Rosa Oliveira Arujá/SP Com um quadro de professores e funcionários extremamente qualificados, a Contmatic Phoenix oferece cursos e treinamentos muito importantes para o nosso trabalho. Além disso, a empresa desenvolve softwares que são referências no mercado e, principalmente, atendem a todas as nossas necessidades. Dessa forma, oferecemos melhores serviços aos nossos clientes Eleusa Lourdes Oliveira da Silva São Paulo/SP Fotos Divulgação Contmatic Phoenix Rua Padre Estevão Pernet, 215, Tatuapé, São Paulo/SP, CEP Telefone: (11) Conselho editorial: Sérgio Contente (Presidência) - Mário Hessel (Diretoria executiva) - Priscila Ribeiro - Salgado (Cursos) - Ailton dos Santos Silva (TI) - Bernadete Conceição (Legalmatic) - Roberval Lourenço (Vendas) - Rita de Cássia Müller (Marketing) Produção editorial: Versátil Comunicação Estratégica (www.versatilcomunicacao.com.br) Textos: Helder Horikawa Jornalista responsável: Cícero Vieira (MTb ) Projeto gráfico: Thatto Comunicação 360º (www.thatto.com.br) Impressão: Coktail Gráfica e Editora Periodicidade: mensal Tiragem: 20 mil exemplares - As opiniões expressas em artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores. Fale com a Contmatic: Comercial: (11) Financeiro: (11) Cursos e Treinamentos: (11) Suporte: Folha: (11) G5/Junior: (11) Orion: (11) Contábil: (11) Rede: (11) Outros: (11) contmatic

3 Foto Divulgação soluções contmatic PRONAVTECH e Contmatic Phoenix Mobile: Na Contmatic Phoenix, o ditado O cliente sempre em primeiro lugar é levado a sério. De olho nas necessidades de seus cerca de 17 mil parceiros, a empresa disponibiliza ao mercado seu mais novo sistema, o PRONAVTECH, bem como o Contmatic Phoenix Mobile, direcionado para clientes. Com o PRONAVTECH é possível, entre outras facilidades, emitir e armazenar Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e), Conhecimentos de Transporte Eletrônicos (CT-e), validar arquivos xml evitando possíveis rejeições, fazer o upload de documentos, verificar ocorrências e inconsistências neles, e realizar auditorias de arquivos do Sped Fiscal (ICMS/IPI). Será possível também efetuar cruzamento de informações referentes a EFD ICMS/IPI x ECD e EFD Contribuições, além de criar rotinas que facilitem o trabalho por meio da colaboração direta com os desenvolvedores. O software da Contmatic Phoenix já inclui o módulo de auditoria digital Auditech. Com ele, é possível realizar a validação das infor- Tela do PRONAVTECH: novo software já inclui o módulo de auditoria digital Auditech mações geradas de qualquer outro software e, o melhor, é gratuito para todos os contabilistas e funciona totalmente em nuvem, o que permite o acesso de qualquer computador conectado à internet. Sistema grátis No portal da Contmatic, os contabilistas podem obter gratuitamente o PRONAVTECH com o módulo de auditoria digital, o Auditech. Para isso, basta enviar sugestões de validações e cruzamentos que desejam ver incluídas no sistema. Por meio do com.br é possível interagir com os consultores da Contmatic, acessando o menu fórum. A interação é fundamental, pois o sistema foi totalmente desenvolvido em parceria com os profissionais do setor contábil e, a partir das sugestões e ideias enviadas, o sistema será atualizado ou alterado. O fórum pode ser acessado também diretamente no onde serão discutidas melhorias relacionadas às facilidades do Auditech. Foto Divulgação facilidades que conquistam os clientes Processos mais ágeis A partir da necessidade apontada por clientes, de vários sistemas e serviços para serem utilizados em dispositivos móveis com IOS (Apple) e Android (Google), a Contmatic desenvolveu o Contmatic Phoenix Mobile. São no total cinco aplicativos (CRM Web Mobile Empresa; CRM Web Mobile Cliente; Folha Mobile; Loja Mobile; Orion Mobile) que permitem visualizar relatórios gerenciais, analisar e assinar protocolos digitais, demonstrativos de pagamentos diretamente no smartphone ou no tablet, com a foto do colaborador, entre outras facilidades. Na primeira versão, os clientes têm à disposição uma série de funcionalidades. O Folha Mobile (colaboradores) disponibiliza aos colaboradores do cliente do contador de forma rápida e prática a visualização dos demonstrativos de pagamento, férias e rescisões. O CRM Web Mobile (empresas/contador), por sua vez, demonstra ao contador os principais relatórios gerenciais gerados pelos sistemas da Linha Phoenix (Folha, Contábil, Gescon, G5 e JR), como por exemplo, o balanço patrimonial, apuração mensal e apuração de PIS e Cofins, entre outros. O CRM Web Mobile (clientes do contador) permite ao cliente do contador acessar o resumo da folha de pagamento, bem como receber documentos em PDF anexados ao protocolo digital gerado no Gescon. O cliente do contador pode conferir os documentos recebidos e assinar digitalmente o protocolo, devolvendo-o ao profissional contábil, que confirmando o recebimento da informação, efetua de forma automática a baixa no Gescon Phoenix. Tudo é muito simples. Primeiro, o contador exporta o cadastro de seu cliente para o CRM Web Cloud. Depois, ao gerar, por exemplo, o relatório do balanço patrimonial, marca-se a opção gerar dados para o mobile, e em seguida exporta os dados para o aplicativo CRM Web Mobile. O mesmo será disponibilizado para que o profissional contábil visualize através do aplicativo CRM Web Mobile (empresa) as informações de seu cliente. Na primeira versão, os clientes têm à disposição uma série de funcionalidades contmatic 3

4 a palavra é sua O perigo da guerra dos honorários contábeis Gilmar Duarte* Em meu último artigo nesta publicação, mencionei como ampliar o faturamento de sua empresa com a prestação de serviços acessórios. Continuarei abordando a precificação, mas agora quero tratar sobre a guerra nos honorários contábeis. Naturalmente, o empresário contábil constitui a empresa com o objetivo de prestar serviços e receber o valor digno pela tarefa capaz de mantê-lo no mercado e investir no próprio negócio, além de distribuir lucros satisfatórios aos sócios. Ofertar serviços para um prospect - perfil para futuro cliente -, porém, significa participar de uma concorrência. Feita a visita, que objetiva conhecer suas necessidades, chega a hora de apresentar o orçamento. Apenas isso? Será que não há mais nada a comunicar? Para que a comparação ultrapasse o valor monetário, os diferenciais da empresa devem ser expostos. No caso de uma empresa contábil, os principais são qualidade dos serviços, atendimento, instalações adequadas, sala de reuniões para uso do cliente, treinamentos, consultoria, segurança, confiabilidade, tradição, rapidez e preço. Algumas empresas têm no preço o principal - ou único - diferencial. É comum recebermos indagações de prospect do tipo: qual é o seu honorário para uma empresa do Simples Nacional com quatro funcionários que emite 60 notas fiscais por mês? Foto Divulgação *É consultor, empresário contábil, palestrante e autor do livro Honorários contábeis: uma solução baseada no estudo do tempo aplicado Caso a empresa procurada tenha apenas o honorário para oferecer, certamente proporá o menor valor da praça, independente de saber se cobrirá os custos ou não. O mercado é disputadíssimo e se não praticarmos preços mais baixos é impossível manter as portas abertas. Por outro lado, a prática de valores ínfimos também não garante a perpetuação do negócio. Se o honorário for incapaz de cobrir todos os gastos, a chance da empresa desaparecer é enorme. É necessário que haja no empreendimento uma excelente estrutura de formação do preço de venda e concentração dos esforços na redução dos custos e maximização da produtividade com qualidade e lucro. A exemplo da guerra fiscal, a guerra honorário contábil não contribui em nada com a qualidade dos serviços e muito menos com a valorização dessa classe. A troca de informações sobre preços praticados é bastante comum nas rodas de empresários, o que acaba servindo como um termômetro importante para nos deixar a par do que os colegas estão cobrando. A primeira tarefa é conhecer o tempo necessário para executar o serviço solicitado ou oferecido. Quando se trata de um serviço que já foi executado diversas vezes o processo é mais fácil. Em determinadas situações, algumas tarefas poderão consumir mais ou menos tempo. A título de exemplo podemos citar a entrega de uma obrigação acessória para a Receita Federal que, dependendo do fluxo na internet, pode ser imediata ou muito demorada, às vezes obrigando a suspensão da tarefa para retomá-la mais tarde. Nesses casos devemos considerar o tempo médio, sem que isso exclua a possibilidade de prejuízo em dado momento. Descrever a rotina de serviços que serão executados pela primeira vez é um pouco mais trabalhoso, uma vez que se faz necessário estimar todas as etapas e tempo. Considere sempre uma reserva ou uma gordurinha para atender algo que possa não ter considerado, mas depois de executá-la faça as necessárias correções. A Ficha Técnica de Serviços (FTS) é a ferramenta adequada para detalhar todas as etapas e o tempo exigido. Para chegar ao seu preço final, reúna-se com os colaboradores e identifique os diferenciais da sua empresa. Se concluir que não existem ou que os pontos negativos sobressaem em relação aos positivos trabalhe em busca da excelência. Mas, acima de tudo, acredite e invista no seu negócio. ESCREVA E ganhe Neste mês de setembro, quando comemora-se o Dia do Contador, o Contmatic Mais fará o sorteio de três exemplares autografados do livro Honorários Contábeis: uma solução baseada no estudo do tempo aplicado, de autoria do empresário contábil Gilmar Duarte. Concorrem às obras quem enviar uma redação, com no mínimo dez linhas, sobre o tema Quais as maiores contribuições da Contmatic Phoenix em minha empresa, até o dia 13 de setembro, para o contmatic.com.br. Os ganhadores serão conhecidos na próxima edição. PARTICIPE da pesquisa O escritor e empresário Gilmar Duarte está à frente da Pesquisa Nacional para Empresas Contábeis, que tem como objetivo traçar um perfil das empresas e profissionais do setor. Participe do estudo respondendo ao questionário por meio do linkgoo.gl/o5a2ro. Sua participação é muito importante. 4 contmatic

5 espaço contábil As empresas e os profissionais contábeis de todo o Brasil devem ficar muito atentos. A Receita Federal disponibilizou o layout que compõe o Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (esocial), que deve entrar em vigor no ano que vem. A previsão da obrigatoriedade, pela programação do governo, devidamente divulgada pelo Ato Declaratório Executivo nº 5, de 17 de julho de 2013, publicado no Diário Oficial da União, será 2014, para os eventos ocorridos a partir da competência de janeiro. Mas entre os consultores contábeis, é grande a discussão em torno da prorrogação desse prazo. De qualquer forma, o alerta, para contribuintes e contadores, é de que o momento é de se iniciar a preparação de processos e sistemas informatizados para atendimento de mais essa obrigação acessória. A versão finalizada do layout encontra-se disponível no endereço eletrônico A esocial consiste na escrituração digital da folha de pagamento e das obrigações trabalhistas, previdenciárias e fiscais relativas a todo e qualquer vínculo trabalhista contratado no Brasil. É um módulo no âmbito do Sped que atenderá, principalmente, as necessidades da Receita, Mi- nistério do Trabalho, Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Caixa Econômica Federal (CEF), do Conselho Curador do FGTS e da Justiça do Trabalho. Ao mesmo tempo, o governo trabalha intensamente para a introdução da EFD-IRPJ, que tem como objetivo substituir, em formato mais completo, a atual Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ), entregue anualmente. Nesse arquivo serão informados todos os eventos contábeis, registros, lançamentos e ajustes necessários para a determinação do lucro real e da base de cálculo da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) e do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ), pelas empresas que apuram seus impostos pelos regimes do Lucro Real, Lucro Presumido ou Arbitrado, assim como as imunes e isentas. A obrigatoriedade de entrega do primeiro arquivo da EFD-IRPJ, contendo as informações de janeiro a dezembro de 2014, está prevista para junho de Estamos acompanhando de perto todas essas novidades. E estamos preparados para adequarmos nossos sistemas para atender todas essas novas obrigações acessórias e dar todo o suporte necessário aos clientes, adianta o presidente da Contmatic, Sérgio Contente. DTE: mais mudanças para facilitar a vida dos contribuintes Os contribuintes brasileiros, sejam pessoas físicas ou jurídicas, contam, desde julho, com novidades que beneficiam seu controle de contas com a Receita Federal. De acordo com a assessoria de comunicação do Fisco, agora, quem fizer a opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) deverá cadastrar até três endereços de para o recebimento de alertas sobre a existência de mensagens importantes na caixa postal eletrônica do Portal e-cac. Eles também devem informar números celulares para recebimento de SMS com até nove dígitos, de acordo com o calendário de alterações divulgado pela Anatel. Ainda segundo a Receita, os contribuintes que optaram pelo DTE, em operação desde 2006, precisam atualizar os dados no e-cac. O órgão modernizou o processo de adesão ao serviço e recomenda que as informações sejam reenviadas. Agora, por exemplo, é possível visualizar e baixar os termos de adesão e de cancelamento, consultar todo o histórico de adesões e cancelamentos e também o histórico de celulares e s cadastrados. Quem ainda não tem o DTE, vale ressaltar que, para adotá-lo, é preciso ter a certificação digital e fazer a opção no Portal e-cac -> Serviços em Destaque -> Termo de Opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico. A intenção da ferramenta é aproximar o contribuinte da administração tributária e facilitar sua vida, tornando mais práticas as formas de acesso aos processos na própria Receita, na Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional e no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais. contmatic 5

6 espaço contábil Exame de Suficiência no dia 29 Milhares de técnicos em contabilidade, estudantes universitários e profissionais contábeis que almejam o registro nos conselhos regionais da categoria devem ficar atentos. A segunda prova do Exame de Suficiência deste ano ocorre no dia 29 de setembro em todo o país. O exame visa comprovar conhecimentos técnicos dos conteúdos programáticos dos cursos de contabilidade. Para ser aprovado, segundo o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), é necessário obter, pelo menos, 50% dos pontos. As questões são de múltipla escolha. Segundo o presidente do CFC, Juarez Carneiro, ao candidato aprovado será disponibilizada uma certidão. Com ela, o registro deverá ser requerido no prazo de dois anos a partir da publicação do resultado do exame no Diário Oficial da União. Quem perder esse prazo deverá submeter-se a nova prova. Já os técnicos aprovados terão o prazo de até 1º de junho de 2015 para requererem o registro no CRC. Na primeira prova do ano para bacha- réis em Ciências Contábeis, aplicada no dia 24 de março, inscritos participaram do processo, sendo que 12 mil foram aprovados, o que representou um índice de 35,6%. A prova de técnico em Contabilidade registrou candidatos, dos quais acertam mais de 50% das questões, totalizando uma taxa de aprovação de 52,93%. Índices de aprovação inscritos nº de cidades bacharéis técnicos 1ª prova ,86% 24,93% 2ª prova ,23% 37,83% 1ª prova ,19% 35,40% 2ª prova ,50% 33,49% Aprovado ganha certidão para registro profissional, segundo Juarez Foto CFC/Divulgação Fique de olho Conteúdo de estudo para bacharel em Ciências Contábeis Contabilidade geral, Contabilidade de custos, Contabilidade aplicada ao setor público, Contabilidade gerencial, Controladoria, Noções de Direito e legislação aplicada, Matemática financeira e estatística, Teoria da contabilidade, Legislação e ética profissional, Princípios de contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade, Auditoria contábil, Perícia contábil e Língua portuguesa aplicada. Conteúdo de estudo para técnico em Contabilidade Contabilidade geral, Contabilidade de custos, Noções de Direito e legislação aplicada, Matemática financeira, Legislação e ética profissional, Princípios de contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade e Língua portuguesa aplicada. Você quer o Contmatic Itinerante em sua cidade? Para capacitar os candidatos que buscam uma colocação nas áreas contábil e fiscal e atualizar os contabilistas que já trabalham nelas, a Contmatic Phoenix lançou, em maio, o Contmatic Itinerante. Por meio do projeto, realizado em parceria com lideranças e sindicatos da classe do interior do Estado de São Paulo, são realizados eventos gratuitos com temas diretamente relacionados ao dia a dia da empresa ou do escritório contábil, além de manter uma equipe de consultores de plantão para esclarecer dúvidas sobre os sistemas. O primeiro encontro de profissionais da área contábil promovido pela Contmatic Itinerante foi realizado em Araçatuba, com o tema EFD Contribuições (PIS e Cofins) do Lucro Presumido. Em junho os beneficiados foram os profissionais de Araraquara, Jaboticabal e Franca. Em julho, os encontros foram ministrados em Presidente Prudente, Tupã e Bauru, e no mês passado eles ocorreram em Araçatuba e Andradina. Os sindicatos ou profissionais interessados em contar com o Contmatic Itinerante devem entrar em contato com a empresa enviando um para 6 contmatic

7 especial Contmatic: sucesso absoluto na Convecon Milhares de visitantes fazem muitos elogios às novidades do PRONAVTECH e ao Contmatic Phoenix Mobile A Contmatic Phoenix fez um grande sucesso na Feira de Negócios da 23ª Convenção dos Profissionais da Contabilidade do Estado de São Paulo (Convecon), realizada entre os dias 18 e 20 de agosto, no Palácio das Convenções do Anhembi, em São Paulo. A empresa apresentou seus principais produtos e serviços, que contribuem diretamente na produtividade e qualidade dos trabalhos de seus clientes. A Contmatic teve como destaques o PRONAVTECH e o Contmatic Phoenix Mobile (informações sobre ambos na página 3). Essas novidades foram elogiadas pelos visitantes. A primeira é o software de auditoria digital (Auditech) que permite validar e cruzar informações de arquivos digitais gerados a partir de qualquer sistema. Ele foi criado de forma colaborativa com o auxílio direto de clientes da companhia, que ainda podem contribuir com sugestões e dicas por meio de um fórum (www.auditech- -contmatic.forumeiros.com). A segunda consiste em disponibilizar aos parceiros maior praticidade no gerenciamento dos sistemas com a visualização de dados através dos dispositivos móveis. A equipe da Contmatic foi parabenizada pela iniciativa. A novidade do PRONAVTECH está sendo muito bem aceita. A ideia é essa, de desenvolvermos a melhor e a mais completa solução de TI para auditoria digital e, acima de tudo, gratuita para clientes e não clientes, explica o presidente Sérgio Contente. Os apps (aplicativos) - Contmatic Phoenix Mobile - também foram muito bem aceitos, como argumenta a gerente de Marketing, Rita de Cássia Muller. O Folha Mobile (colaboradores), com a visualização dos demonstrativos de pagamentos, Rita Muller (gerente de Marketing da Contmatic) com Luiz Fernando Nóbrega (presidente do CRC SP) Equipe de funcionários da Contmatic na Feira de Negócios e o CRM Web Mobile Cliente, com o protocolo digital, segundo ela, foram os que mais chamaram a atenção dos visitantes. Por conta desse sucesso, a empresa fechou contratos ainda durante a feira. O PRONAVTECH e o Contmatic Phoenix Mobile também serão os grandes destaques da Contmatic na Convenção dos Profissionais Contabilistas do Estado do Rio de Janeiro (Concerj), em Búzios, entre os dias 19 e 21 de setembro. Esse evento marca a estreia oficial da companhia em território carioca. Milhares de pessoas prestigiaram o estande da Contmatic Sérgio Contente recebe clientes no estande da Contmatic Fotos Divulgação

8

9

10 nossos parceiros Orion: atendimento ao Sped foi fundamental para escolha da Contmatic Neste mês de setembro, os funcionários da Orion Contabilidade, em Piracicaba, a 160 km de São Paulo, têm uma dupla comemoração. Primeiro, porque 22 é o Dia do Contador. Três dias depois, a empresa, criada pelo contador, auditor e economista Pedro Wilson Vasques Albino, completa 23 anos de fundação. A parceria da Orion com a Contmatic, porém, é recente. Eu já havia trabalhado com os sistemas da Contmatic em outro escritório e por estarmos insatisfeitos com o antigo fornecedor, por diversas vezes tentei realizar a troca. Com o Sped, como já era de se esperar, nossos problemas aumentaram consideravelmente, deixando o ambiente de trabalho muito tenso. A troca dos sistemas, que estava prevista para janeiro último, foi então antecipada para julho de 2012, lembra a gerente administrativa Cristiane Meira. Ela argumenta que a fase de transição não foi fácil. O trabalho duro, com garra e determinação, foi recompensado. Podemos dizer, com certeza, que valeu a pena. Hoje colhemos os frutos da nossa escolha: trabalhamos com sistemas voltados para as necessidades dos clientes e que acompanham as mudanças da legislação em todos os setores. Isso nos fez ter um ganho de produtividade e reduzimos as horas extras dos funcionários, diz Empresa de Piracicaba tem equipe de 30 funcionários a gerente. O escritório utiliza os sistemas G5, Gescon, JR, ADM, Contábil, Folha e o CRM Web Cloud. Elogios também à Consultoria Legalmatic e ao suporte técnico não faltam. A consultoria técnica é muito boa, os atendentes procuram solucionar nossos problemas o mais breve possível. Quando a dúvida é com a legislação, a rapidez na solução também é incrível. Fica claro o respeito e a dedicação que a Contmatic tem com seus clientes, afirma Cristiane. O escritório fundado por Pedro Albino começou com uma funcionária e seus dois filhos, Fábio e Renata. Hoje, sob o comando de Fábio, contador, advogado e administrador de profissão, a empresa conta com 30 colaboradores, treinados constantemente para oferecer um serviço de qualidade aos clientes de Piracicaba e região. Foto Divulgação Integração de sistemas mantém fidelidade nas informações, aponta Despacon A Despacon Serviços Contábeis iniciou as atividades na década de 70 na região da zona norte de São Paulo por meio de seu sócio fundador José Rubens Fantinati. O primeiro endereço, em um imóvel alugado, foi o Tucuruvi. Com dedicação e trabalho de seus colaboradores, a empresa cresceu. Hoje, com cerca de 40 funcionários, ocupa desde 1989 uma sede própria na Água Fria, que passa por ampliação e deverá ficar totalmente pronta em No ano passado, já havia inaugurado uma filial no mesmo bairro. Sólida no mercado, a Despacon tornou- -se cliente da Contmatic Phoenix em Crescemos nos últimos anos e chegamos a 600 clientes ativos. Com esse incremento, foi necessário buscarmos no mercado siste- mas que fossem confiáveis e atualizados e que atendessem a todo tipo de estabelecimento, do pequeno ao grande negócio, explica a diretora Laura Furlan. A evolução da empresa é resultado de anos de dedicação e qualidade na prestação de serviços disponibilizados a todos os parceiros, completa. Atualmente, as duas unidades da Despacon possuem os sistemas G5, Contábil, Folha, JR e ADM. Além disso, indicamos para os nossos clientes o Orion Phoenix (o ERP da Contmatic). Todos os programas, por atuarem de forma integrada, mantêm a fidelidade das informações e agilizam o trabalho dos departamentos, argumenta Laura. Segundo ela, um dos pontes fortes da Contmatic é o suporte telefônico e online, além da consultoria Legalmatic oferecidos aos clientes. Com tantas atualizações na legislação e novidades para os escritórios contábeis nos últimos anos, era de se esperar que tivéssemos dificuldades no atendimento às obrigações acessórias e ao Sped, mas os colaboradores da Contmatic sempre nos atenderam prontamente, diz. Ampliação da sede da empresa deve ser finalizada em 2014 Foto Divulgação 10 contmatic

11 CONTMATIC LOJA PHOENIX Automação comercial na nuvem - SaaS Contmatic Loja Phoenix Seu negócio conectado 24 horas por dia! - As principais informações visualizadas automaticamente no acesso ao sistema; - Módulo PDV permitindo o funcionamento online e offline; - Adequado as principais impressoras fiscais do mercado; - Totalmente homologado pelo PAF ECF Integração direta com os sistemas G5 Phoenix e Contábil Phoenix A solução completa em automação comercial e com a melhor comunicação com a contabilidade. VENDAS: Desde 1987 Orion Phoenix Os produtos e departamentos da sua empresa muito mais seguros! Com a rotina de lote e rastreabilidade, o fluxo e a formação do lote dos seus produtos tornam-se muito mais práticos. Permite visualizar a origem e o destino dos seus produtos; Evita a perda de estoque; Controla lotes vencidos; Emite alertas e muito mais... Pensou em organização para a sua empresa? Pensou em Orion Phoenix VENDAS: Desde 1987

12 palestras Advogada Rosânia aborda esocial na contmatic no dia 19 Confira a programação do EAD Contmatic O prazo de implantação da esocial ainda não está definido, mas a intenção do governo é que entre em operação em janeiro de O certo mesmo é que as empresas já estão preocupadas com essa nova obrigação acessória, cujo layout está pronto e à disposição dos contribuintes (veja matéria na página 5). Sempre pronta para auxiliar seus clientes, a Contmatic Phoenix realizará, no dia 19 de setembro, das 14 às 17 horas, no auditório da Fundação Sérgio Contente, a palestra esocial. Ela será ministrada pela advogada e consultora jurídica das áreas trabalhista e previdenciária Rosânia de Lima Costa, que também é autora do livro Rotinas Trabalhistas Departamento Pessoal Modelo de A a Z. Rosânia quer, com a palestra, dar uma visão geral sobre o esocial. Vamos orientar os contribuintes para esse novo sistema do Sped, que funcionará como uma ferramenta de controle do cumprimento das obrigações trabalhistas e previdenciárias pelas empresas, destaca a advogada. Pela programação, a palestra abordará o esocial nos tópicos de folha de pagamento, eventos trabalhistas, obrigações previdenciárias e prestadores de serviços, entre outros. Os gerentes de recursos humanos, contabilistas, auditores, trabalhadores dos setores financeiro e fiscal, analistas e auxiliares de administração de pessoal e advogados são os principais públicos-alvo de Rosânia. A palestra é gratuita para clientes. Não clientes pagam uma taxa de inscrição no valor de R$ 250. A Contmatic fica na Rua Padre Estevão Pernet, 215, em São Paulo. Informações pelo telefone (11) Rosânia de Lima Costa quer dar uma visão geral sobre a nova obrigação acessória Confira a programação nas filiais MARÍLIA Tema: Substituição tributária Palestrante: Rogério Canaciro Data: 24 de setembro Horário: 14 às 17 horas Local: Casa do Contabilista de Marília Endereço: Rua Taquaritinga, 112 Centro CAMPINAS Tema: Como se Defender em um Auto de Infração Palestrante: Laércio Benko Lopes Data: 27 de setembro Horário: 14 às 16 horas Local: Filial Contmatic Campinas Endereço: Rua Cadete João Teixeira, Vila Teixeira Foto Divulgação Os treinamentos à distância são disponibilizados gratuitamente para todos os clientes da Contmatic. Acesse o site e faça a sua inscrição. Confira a programação neste mês de setembro. GRATUITO TREINAMENTO C.H. DATA HORÁRIO G5 Phoenix EFD Fiscal e Contribuições: 1h10 05/09 16h 17h10 cadastros fundamentais G5 Phoenix EFD Fiscal e Contribuições: 1h10 06/09 16h 17h10 escrituração e arquivos Contabil Phoenix Parte cadastral 1h10 09/09 9h30 10h40 Folha Phoenix Desoneração 1h10 09/09 16h 17h10 Contábil Phoenix Lançamentos e relatórios 1h10 10/09 9h30 10h40 Contábil Phoenix Centro de custo e Lalur 1h10 11/09 9h30 10h40 Contábil Phoenix Integrações 1h10 13/09 9h30 10h40 Folha Phoenix Parte cadastral 1h10 16/09 9h30 10h40 Folha Phoenix Cálculos e relatórios 1h10 17/09 9h30 10h40 Folha Phoenix Férias individuais e coletivas 1h10 18/09 9h30 10h40 Folha Phoenix Rescisão e rescisão complementar 1h10 19/09 9h30 10h40 G5 Phoenix EFD Fiscal e Contribuições: 1h10 19/09 16h 17h10 cadastros fundamentais G5 Phoenix EFD Fiscal e Contribuições: 1h10 20/09 16h 17h10 escrituração e arquivos G5 Phoenix Parte cadastral 1h10 24/09 9h30 10h40 G5 Phoenix Escrituração de notas e livros fiscais 1h10 25/09 9h30 10h40 G5 Phoenix Obrigações acessórias 1h10 26/09 9h30 10h40 G5 Phoenix Integrações 1h10 27/09 9h30 10h40 12 contmatic

13 Contmatic Phoenix Pacote All-Inclusive cursos contmatic Gestão de RH e relações trabalhistas em SP Uma das principais áreas em uma empresa, seja qual for o seu tamanho, é a de recursos humanos (RH). O profissional desse setor coordena e desenvolve estratégias de atuação e de trabalho para os funcionários, além de ser o responsável pela análise do cumprimento dos direitos trabalhistas, os pagamentos de todas as contribuições e a contratação e demissão de colaboradores. Para capacitar os profissionais de RH e pessoas interessadas na matéria, a Contmatic Phoenix mantém em sua programação o curso Gestão de RH e relações trabalhistas. Neste mês ele será realizado nos dias 10, 12 e 17 de setembro na matriz da empresa, em São Paulo. O conteúdo do curso, a ser ministrado pelo advogado, auditor e palestrante de rotinas trabalhistas Cristiano Gonçalves, instrui o gestor a aplicar os preceitos da legislação trabalhista, tanto os diretos como as obrigações, abordando os principais temas discutidos na Justiça do Trabalho, a postura e procedimentos diante de eventuais reclamações trabalhistas. Curso é dado pelo advogado Cristiano Gonçalves Foto Divulgação confira a programação completa abaixo: vagas limitadas garanta já a sua! gratuito para clientes Os cursos são gratuitos para clientes da Contmatic Phoenix, a quem são destinados 90% das vagas. Os 10% restantes são dedicados a não clientes, estudantes de universidades e de cursos técnicos mediante pagamento de inscrição a partir de R$ 250. Alunos de universidades e de cursos técnicos conveniados à Contmatic têm desconto de 60% e os não conveniados, 30%. Inscrições, mediante a disponibilidade de vagas, podem ser efetuadas por meio do site Matriz (São Paulo) Tel. (11) Área contábil C.H. Datas Horários Abertura de empresas 8h 14/9 8h30-17h30 Contabilidade geral 28h * 9, 10, 11, 13, 16, 17, 18 e 20/9 19h - 22h30 Encerramento de empresas 8h 28/9 8h30-17h30 IFRS para pequenas e médias empresas 12h 16 a 19/9 9h - 12h Lucro Real teoria e prática 20h * 16 a 20/9 18h30-22h30 Área tributária C.H. Datas Horários EFD-Contribuições (PIS/Cofins) 6h * 5/9 9h - 16h 2, 3, 4, 5, 9, 10, 11 e 12/9 19h - 22h Escrita fiscal 24h * 14, 21 e 28/9 e 5, 19 e 26/10 9h - 13h * 16, 18, 20, 23, 25 e 27/9 18h30-22h30 Faturamento e emissão de notas fiscais 16h * 2, 4, 9 e 11/9 18h30-22h30 * 14 e 21/9 8h30-17h30 Sped EFD-Contribuições - * 14/9 8h30-17h30 8h Lucro Real/Lucro Presumido * 28/9 8h30-17h30 Substituição tributária 14h * 14 e 21/9 9h - 17h * 14 e 21/9 9h - 17h Área trabalhista C.H. Datas Horários Departamento pessoal 28h * 3, 5, 10, 12, 17, 19 e 24/9 9h - 13h Gestão de RH e relações trabalhistas 8h * 10, 12 e 17/9 19h - 21h40 Noções básicas do Direito do trabalho 8h * 19, 24 e 26/9 19h - 21h40 Previdência Social: direitos e cálculos dos benefícios previdenciários 20h 24, 25, 26 e 27/9 e 2/10 18h30-22h30 Marília - Tel. (14) Área tributária C.H. Datas Horários EFD-Contribuições PIS/Cofins 6h 28/9 9h - 16h Sped EFD-Contribuições - Lucro Real/Lucro Presumido 8h 26/9 8h30-17h30 Ribeirão Preto - Tel. (16) Área contábil C.H. Datas Horários Demonstrações contábeis 24h 23, 24, 25, 26 e 30/9 e 1/10 18h30-22h30 Área trabalhista C.H. Datas Horários Gestão de RH e relações trabalhistas 8h 21/9 8h30-17h30 Área tributária C.H. Datas Horários Escrita fiscal 24h 9, 10, 11, 16, 17 e 18/9 18h30-22h30 Sped EFD-Contribuições - Lucro Real/Lucro Presumido 8h 26/9 8h30-17h30 Campinas - Tel. (19) Área contábil C.H. Datas Horários Contabilidade geral 28h 14, 21 e 28/9 e 5/10 8h30-16h30 Área trabalhista C.H. Datas Horários Desoneração da folha de pagamento 8h 14/9 8h30-17h30 25 e 26/9 18h30-22h30 Noções básicas do Direito do trabalho 8h 11 e 12/9 18h30-22h30 Área tributária C.H. Datas Horários Sped EFD-Contribuições - Lucro Real/Lucro Presumido 8h 18 e 19/9 18h30-22h30 Substituição tributária 14h 21 e 28/9 8h30-16h30 São José do Rio Preto - Tel. (17) Área contábil C.H. Datas Horários Contabilidade geral 28h 16, 17, 18, 19, 20, 23 e 24/9 18h30-22h30 Área trabalhista C.H. Datas Horários Departamento pessoal 28h 14, 21 e 28/9 e 5/10 8h30-16h30 Desoneração da folha de pagamento 8h 16 e 17/9 18h30-22h30 Equiparação salarial 4h 9/9 18h30-22h30 Gestão de RH e relações trabalhistas 8h 23 e 24/9 18h30-22h30 Área tributária C.H. Datas Horários Sped EFD-Contribuições - 9 e 10/9 18h30-22h30 8h Lucro Real/Lucro Presumido 14/9 8h30-17h30 2 a 5/9 19h - 22h30 Substituição tributária 14h 21 e 28/9 8h30-16h30 São José dos Campos - Tel. (12) Área contábil C.H. Datas Horários Contabilidade para não contadores 16h 21 e 28/9 8h30-17h30 Área tributária C.H. Datas Horários Faturamento e emissão de notas fiscais 16h 21 e 28/9 8h30-17h30 Retenções na fonte (PIS, Cofins, CSLL, IRRF, ISSQN e INSS-PJ) 16h 23 a 26/9 18h30-22h30 Sped EFD-Contribuições - Lucro Real/Lucro Presumido 8h 20/9 8h30-17h30 Substituição tributária 14h 9 a 12/9 18h30-22h Área trabalhista C.H. Datas Horários Departamento pessoal 28h 16, 17, 18, 19, 23, 24 e 25/9 18h30-22h30 * As vagas dos cursos indicados com asterisco não estão disponíveis para inscrições, pois primeiramente serão convocados os inscritos na lista de espera. Até o dia 20 de cada mês, a Contmatic Phoenix torna disponível, em a programação de cursos do mês subsequente. Para recebê-la por , mantenha seus dados atualizados. Para isso, acesse o site digite o seu código e senha na área Cliente. Na próxima janela, clique na opção Cadastro de s do MAC.

14 Galeria Contmatic Itinerante percorre interior paulista Em operação desde maio último, o Contmatic Itinerante já é um grande sucesso. No dia 8 do mês passado, ele desembarcou em Andradina, a 650 km de São Paulo. O evento ocorreu na sede do Sincomércio e teve como palestrante Narciso Plotegher, que abordou o tema desoneração da folha de pagamento. Dois dias depois, o Contmatic Itinerante passou novamente por Araçatuba, onde esteve em sua inauguração, no Auditório Tribunal do Júri do Centro Universitário Católico UniSalesiano. Por lá a palestra foi ministrada por Daniela Rosseto. Cleiton Régis fala ao público durante palestra em Andradina Palestrante Narciso Plotegher dá explicações a participante Fotos Divulgação Em Andradina, Contmatic Itinerante ocorreu na sede do Sincomércio Em Araçatuba foi grande a procura pelo curso no Unisalesiano Formatura da maturidade Centenas de alunos do curso de informática para a maturidade, promovido pela Fundação Sérgio Contente, receberam o diploma de conclusão em cerimônia, na sede da entidade, em São Paulo, no dia 6 de agosto. Sérgio Contente com formanda e professores voluntários: felicidade Sérgio Contente ao lado de aluno e seus valiosos professores Grupo de alunos que participaram da cerimônia no dia 6 14 contmatic

15 caça palavras Desde a edição 108, publicamos, neste espaço, o Caça Palavras Contmatic. De forma bem humorada e descontraída, você, leitor do Contmatic Mais, pode testar seus conhecimentos sobre os sistemas e serviços oferecidos pela Contmatic Phoenix, bem como sobre as obrigações acessórias e legislações nas áreas contábil, fiscal, tributária, previdenciária, societária e trabalhista. Teste seus conhecimentos Neste mês, encontre os nomes de obrigações acessórias e sistemas desenvolvidos pela Contmatic, bem como novas legislações. 1. É a sigla de um documento emitido pelos softwares da Contmatic utilizado pelas pessoas físicas e jurídicas para pagamentos de impostos, contribuições e taxas no âmbito federal. 2. É a sigla utilizada na identificação da atividade principal ou secundária de uma empresa perante um órgão público; é a classificação adotada pelo Sistema Estatístico Nacional do Brasil. 3. Constituída por uma única pessoa titular da totalidade do capital social, devidamente integralizado, que não será inferior a cem vezes o maior salário-mínimo vigente no país. 4. É a sigla de um benefício criado pelo governo federal em 1967 para proteger o trabalhador demitido sem justa causa; no início de cada mês, os empregadores depositam, em contas abertas em nome dos seus empregados e vinculadas ao contrato de trabalho, o valor correspondente a 8% do salário de cada funcionário. 5. O termo é um abstração ao processo de verificação de inconsistências da declaração do imposto IRPF e IRPJ; cair nela é um dos maiores medos do contribuinte brasileiro. 6. É a sigla de um serviço que faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento e constitui-se em mais um avanço na informatização da relação entre o Fisco e os contribuintes. 7. Seu maior objetivo é fornecer informações a respeito do patrimônio da empresa; é uma ferramenta dinâmica e eficiente no sentido de ser um apoio fundamental ao tomador de decisão. 8. É um regime compartilhado de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos aplicável às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, previsto na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006; abrange a participação de todos os entes federados. 9. É o documento contábil destinado a provar as informações sobre percepção de rendimentos em favor de pessoas físicas; só pode emiti-lo o profissional da contabilidade em situação regular, inclusive quanto a débito de qualquer natureza incluindo o escritório a que estiver vinculado. 10. É um documento fiscal e que tem por fim o registro de uma transferência de propriedade sobre um bem ou uma atividade comercial prestada por uma empresa e uma pessoa física ou outra empresa; sua emissão é obrigatória por to das as pessoas jurídicas, civis e mercantis. 11. É o mais recente sistema desenvolvido pela Contmatic Phoenix de forma colaborativa com profissionais contábeis e foi apresentado na última Convecon, em São Paulo; com ele, o usuário tem de forma rápida e segura todos os processos de auditoria digital necessários para executar seu trabalho com muito mais qualidade e perfeição. 12. Aplicativo pelo qual a Contmatic disponibiliza aos seus clientes e parceiros maior praticidade e gerenciamento dos sistemas com a visualização de dados através dos dispositivos móveis. Os sistemas contemplados com a criação dos aplicativos são o Gescon, Contábil, G5, IRPJ/JR, Folha, Orion, e o Loja. 13. É um projeto realizado em parceria com lideranças e sindicatos da classe contábil do interior do Estado de São Paulo; por meio dele são ministrados eventos gratuitos com temas diretamente relacionados ao dia a dia da empresa ou do escritório contábil, além de manter uma equipe de consultores de plantão para esclarecer dúvidas. 14. São normas internacionais de contabilidade; um conjunto de pronunciamentos contábeis internacionais publicados e revisados pelo IASB (International Accounting Standards Board), que visam uniformizar os procedimentos contábeis e as políticas existentes entre os países, melhorando a estrutura conceitual e proporcionando a mesma interpretação das demonstrações financeiras. E A N P I J E C N J M V D B Q A B A B O L P T D M D X C E P C N M S J C A P M U I R O T N I L O L I P R R O N M O M E N H G E S E N T A T P G T A I V W L A M T A L C A F A D E I V A I F E L B I O A T L T T C I S M I N X R V B E I P S N F L A M F W A C C H C A T I I F R S O H I O A C I D Y D J D P C T E L I C A B O A E F P I N O O P D I R P C M H N I S N O E L O J O P U E X A A M T J R A R I E R M X L Q S M I R E J N A O F G T S S O C A N I N B T I N E P N D R A X T I M V P I E A N T I L E L N J A V D C N A E A B E L P U D Phoenix Mobile, 13) Contmatic Itinerante, 14) IFRS 8) Simples Nacional, 9) Decore, 10) Nota Fiscal, 11) PRONAVTECH, 12) Contmatic Respostas: 1) DARF, 2) CNAE, 3) Eireli, 4) FGTS, 5) Malha Fina, 6) Sped, 7) Contabilidade, contmatic 15

16

Neste bip. EFD Contribuições. Você sabia? Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT. edição 22 Junho de 2012

Neste bip. EFD Contribuições. Você sabia? Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT. edição 22 Junho de 2012 Neste bip EFD Contribuições... 1 Prazo final para entrega dos arquivos ECD e FCONT... 1 Configuração da Demonstração do Fluxo de Caixa... Configuração do Plano de Contas de acordo com a Lei 11.638/07...

Leia mais

INFORMATIVO ESPECIAL SPED Comunicado SPED vs.4-02/03/2012

INFORMATIVO ESPECIAL SPED Comunicado SPED vs.4-02/03/2012 Comunicado SPED vs.4-02/03/2012 Prezado cliente, Para mantê-lo informado sobre as liberações e procedimentos referentes ao SPED PIS/COFINS, destacamos nesse comunicado os principais pontos que devem ser

Leia mais

Certificado Digital Usos e Aplicações

Certificado Digital Usos e Aplicações Certificado Digital Usos e Aplicações Certificado Digital: Onde usar? O certificado digital é um documento eletrônico que proporciona agilidade em muitas das atividades realizadas atualmente por seu titular.

Leia mais

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica sumário >> Introdução... 3 >> Nota fiscal eletrônica: o começo de tudo... 6 >> Nota fiscal de consumidor eletrônica (NFC-e)... 10 >> Quais as vantagens

Leia mais

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte.

empresas constantes de seus anexos, de acordo com o Estado da Federação em que estava localizado o contribuinte. SPED O Sistema Público de Escrituração Digital, mais conhecido como Sped, trata de um projeto/obrigação acessória instituído no ano de 2007, através do Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007. É um

Leia mais

Boletim Mensal - Novembro/2015

Boletim Mensal - Novembro/2015 Boletim Mensal - Novembro/2015 Fiscal Contábil RH Notícias Calendário Obrigações Fiscal Fisco irá cruzar informações de bancos com o Imposto de Renda e apertar contribuinte. A partir de janeiro de 2016,

Leia mais

Edição 120 Agosto 2014. Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros

Edição 120 Agosto 2014. Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros Edição 120 Agosto 2014 Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros editorial OPERAÇÕES QUE FACILITAM O TRABALHO DAS EMPRESAS Não é tarefa fácil desenvolver softwares que facilitem e

Leia mais

POR QUE FAZER O CURSO?

POR QUE FAZER O CURSO? POR QUE FAZER O CURSO? Os sistemas digitais tornaram-se onipresentes, há cerca de um bilhão de computadores conectados à internet, e essenciais às atividades humanas. A Contabilidade e o Tributário estão

Leia mais

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED

Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Principais Aspectos do Sistema Público de Escrituração Digital SPED Como trabalhamos? no passado a pouco tempo Daqui para frente ECD Escrituração Contábil Digital IN RFB 787/07 O que é? : É a substituição

Leia mais

www. zaninisistemas.com.br

www. zaninisistemas.com.br www. zaninisistemas.com.br Sistemas para Lojistas e Empresas Corporativas ERP Gestor Financeiro Gerenciador NF-e CRM Gestão de Clientes Gestão de Sistemas Contábeis Contabilidade Escrita Fiscal RH & Folha

Leia mais

www.audicgroup.com.br DR SPED

www.audicgroup.com.br DR SPED www.audicgroup.com.br DR SPED a EMPRESA A Audic Group no Brasil tem o compromisso com os seus clientes de buscar a satisfação por eles desejada, para tanto dedica-se na identificação dos problemas, na

Leia mais

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF)

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL (ECF) Grant Thornton - Brasil Junho de 2015 Agenda Considerações Iniciais; Obrigatoriedade de Transmissão; Penalidades (Multas); Informações a serem Transmitidas; Recuperação

Leia mais

Contribuição Sindical dos empregados. Neste bip. Você sabia? edição 19 Março de 2012

Contribuição Sindical dos empregados. Neste bip. Você sabia? edição 19 Março de 2012 Neste bip Contribuição Sindical dos empregados... 1 Alterações no Aviso Prévio conforme Circular MTE 10/2011... 2 Formas de contabilização da Escrita Fiscal... 3 Importação de Notas Fiscais de Serviço...

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

LSoft SGC Gestão Empresarial

LSoft SGC Gestão Empresarial LSoft SGC Gestão Empresarial O LSoft SGC é um sistema de gestão dinâmico, eficiente e flexível idealizado para atender diversos segmentos de indústrias, comércios e serviços. O objetivo principal é tornar

Leia mais

O que é? Pra que serve? Quem promove? Como vai funcionar? O dia a dia? Quando começa? Agenda. E agora, o que tenho que fazer????

O que é? Pra que serve? Quem promove? Como vai funcionar? O dia a dia? Quando começa? Agenda. E agora, o que tenho que fazer???? Fevereiro de 2014 O que é? Pra que serve? Quem promove? Como vai funcionar? O dia a dia? Quando começa? Agenda E agora, o que tenho que fazer???? O QUE É AFINAL? Componente do SPED (Sistema Público de

Leia mais

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED O que é ECF Escrituração Contábil Fiscal? Demonstra o cálculo do IRPJ e da CSLL Sucessora da DIPJ Faz parte do projeto SPED Instituída pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013

Leia mais

Neste bip. Você Sabia? Validação da Chave da Nota Fiscal Eletrônica. edição 25 Setembro de 2012

Neste bip. Você Sabia? Validação da Chave da Nota Fiscal Eletrônica. edição 25 Setembro de 2012 Neste bip Validação da Chave da Nota Fiscal Eletrônica... 1 Importação de Conhecimentos de Transporte Eletrônicos... 2 Demonstrações Contábeis Obrigatórias para Pequenas e Médias Empresas (NBC TG 1000)...

Leia mais

esocial NOVA ERA NAS RELAÇÕES ENTRE EMPREGADORES, EMPREGADOS E GOVERNO Victoria Sanches Tax & Accounting Software Thomson Reuters, Brasil

esocial NOVA ERA NAS RELAÇÕES ENTRE EMPREGADORES, EMPREGADOS E GOVERNO Victoria Sanches Tax & Accounting Software Thomson Reuters, Brasil esocial NOVA ERA NAS RELAÇÕES ENTRE EMPREGADORES, EMPREGADOS E GOVERNO Victoria Sanches Tax & Accounting Software Thomson Reuters, Brasil O FUTURO CHEGOU... As coisas acontecem muito rápido cada vez mais

Leia mais

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins 29/05/2012 1 O Sped fiscal e Pis/Confins é uma arquivo gerado através do sistema da SD Informática, onde este arquivo contem todos os dados de entrada e saída

Leia mais

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015.

ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015. ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL SPED ECF PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Sergipe, 24 de Agosto de 2015. PROFESSOR: FELLIPE GUERRA Contador, Consultor Empresarial e Especialista em SPED. Coordenador da Comissão

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES PARA AS ASSOCIAÇÕES DE PASSO FUNDO

MANUAL DE ORIENTAÇÕES PARA AS ASSOCIAÇÕES DE PASSO FUNDO NÚCLEO DE APOIO CONTÁBIL E FISCAL UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS PASSO FUNDO FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS, ADMINISTRATIVAS E CONTÁBEIS. Professora Orientadora: Ms. Mirna Muraro

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

Boletim Mensal - Setembro/2015

Boletim Mensal - Setembro/2015 Boletim Mensal - Setembro/2015 Fiscal Contábil RH Notícias Calendário Obrigações Fiscal Estado quer recuperar até R$ 1,3 bilhão com parcelamento de dívidas. Para aumentar a cobrança de créditos tributários

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: Apresentação: 02 Método de Acesso ao Sistema Sig Iss: 02 Tela de Abertura: 03 Modo de Acesso: 04 Botões e Telas

Leia mais

Projetos da Receita Federal

Projetos da Receita Federal Escrituração Fiscal Digital - EFD Projetos da Receita Federal A Escrituração Fiscal Digital - EFD é um arquivo digital, que se constitui de um conjunto de escriturações de documentos fiscais e de outras

Leia mais

SPED. EFD CONTRIBUIÇÕES (Palestra) ANTONIO SÉRGIO DE OLIVEIRA WWW.PORTALDOSPED.COM.BR

SPED. EFD CONTRIBUIÇÕES (Palestra) ANTONIO SÉRGIO DE OLIVEIRA WWW.PORTALDOSPED.COM.BR SPED EFD CONTRIBUIÇÕES (Palestra) ANTONIO SÉRGIO DE OLIVEIRA WWW.PORTALDOSPED.COM.BR ANTONIO SÉRGIO DE OLIVEIRA Contador, Administrador de Empresas, Pós Graduado em Gestão Pública, Técnico em Contabilidade,

Leia mais

Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido

Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido Sumário Aspectos gerais para validação da EFD Contribuições Lucro Presumido 1. Cadastro de Empresas... 2 2. Cadastro de Participantes...

Leia mais

Saiba tudo sobre o esocial

Saiba tudo sobre o esocial Saiba tudo sobre o esocial Introdução Com a criação do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), o Governo propiciou maior controle e agilidade na fiscalização das informações contábeis e fiscais

Leia mais

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo JOSE DE SOUZA MARQUES Contador e Advogado, pós graduado em Controladoria e Auditoria e em Direito Processual Tributário. Obrigações atuais

Leia mais

AUDITORIA ELETRÔNICA EM ARQUIVOS FISCAIS E CONTÁBEIS

AUDITORIA ELETRÔNICA EM ARQUIVOS FISCAIS E CONTÁBEIS VOCÊ JÁ TEM POUCO TEMPO. UTILIZE ESSE TEMPO PARA RESOLVER OUTROS PROBLEMAS. ACHAR E SOLUCIONAR OS PROBLEMAS TRIBUTÁRIOS E NO SPED FAZ PARTE DAS NOSSAS ESPECIALIDADES. AUDITORIA ELETRÔNICA EM ARQUIVOS FISCAIS

Leia mais

Projeto SPED de A a Z

Projeto SPED de A a Z Consultoria e Treinamentos Apresentam: Projeto SPED de A a Z SPED Decreto nº 6.022 22/01/07 Instituir o Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) Promover a integração dos fiscos; Racionalizar e uniformizar

Leia mais

Neste bip. Arquivos XML. Você Sabia? edição 36 Agosto de 2013

Neste bip. Arquivos XML. Você Sabia? edição 36 Agosto de 2013 Neste bip Arquivos XML... 1 Quais Demonstrações Contábeis devo apresentar? 2 Contabilização da folha... 3 Atenção ao salário família... 4 Conferência das compensações de INSS... 4 Workshop online... 5

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED?

O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? SPED PIS/COFINS Teoria e Prática O que é o Sistema Público de Escrituração Digital - SPED? E v e l i n e B a r r o s o Maracanaú - CE Março/2 0 1 2 1 2 Conceito O SPED é instrumento que unifica as atividades

Leia mais

EFD. Contribuições Atualização. Abril 2013. Elaborado por: Antônio Sérgio de Oliveira

EFD. Contribuições Atualização. Abril 2013. Elaborado por: Antônio Sérgio de Oliveira Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

COMPRA. certa. Treinamento para o profissional de compras. Tributação e seus impactos na rentabilidade. www.contento.com.br

COMPRA. certa. Treinamento para o profissional de compras. Tributação e seus impactos na rentabilidade. www.contento.com.br COMPRA certa Treinamento para o profissional de compras www.contento.com.br 503117 Tributação e seus impactos na rentabilidade editorial Calculando a rentabilidade Gerir uma farmácia requer conhecimentos

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 5. MANUTENÇÃO... 6

1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 5. MANUTENÇÃO... 6 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 4.1 ACESSANDO O SISTEMA DA NFS-E PELA PRIMEIRA VEZ... 4 4.2 ACESSANDO A ÁREA EXCLUSIVA DE PRESTADOR... 5 5. MANUTENÇÃO...

Leia mais

IDÉIAS DE NEGÓCIO ESCRITÓRIO DE CONTABILIDADE

IDÉIAS DE NEGÓCIO ESCRITÓRIO DE CONTABILIDADE (Fonte: SEBRAE/MS SEBRAE/SC) APRESENTAÇÃO DE NEGÓCIOS Contabilidade é um trabalho minucioso que atua nas áreas fiscal, tributária e trabalhista; exigindo muita análise e tempo. Por isso, a maioria das

Leia mais

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 Orientações Básicas INFORMAÇÕES GERAIS PESSOA JURÍDICA 1) DCTF : (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) ATENÇÃO! Apresentação MENSAL obrigatória pelas Pessoas

Leia mais

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM COMUNICADO FDE / DRA Nº 001/2015 OBRIGAÇÕES FISCAIS E SOCIAIS DA APM 2 0 1 5 Página 1 de 9 O objetivo deste texto é informar aos dirigentes das Associações de Pais e Mestres APMs de Escolas Estaduais conveniadas

Leia mais

Neste bip. Prisão do Empregado e os reflexos no Contrato de Trabalho. Você Sabia? edição 26 Outubro de 2012

Neste bip. Prisão do Empregado e os reflexos no Contrato de Trabalho. Você Sabia? edição 26 Outubro de 2012 Neste bip Prisão do Empregado e os reflexos no Contrato de Trabalho... Novo Documento para Cadastro de Trabalhador... 2 Tomador de Serviços... 2 Lançamento de Créditos Anteriores - EFD Contribuições...

Leia mais

.: Registro de Eventos Trabalhistas (RET): férias, aviso prévio, admissões, etc: análise e orientação sobre o preenchimento correto das informações;

.: Registro de Eventos Trabalhistas (RET): férias, aviso prévio, admissões, etc: análise e orientação sobre o preenchimento correto das informações; Gonzaga & Rocha Cursos e Treinamentos & FACEC - Faculdade de Ciência e Educação do Caparaó promovem: CURSO esocial.: Orientar os participantes sobre as principais regras e leiaute do esocial (Sistema de

Leia mais

VERSÃO 1.0.1 (09/2010)

VERSÃO 1.0.1 (09/2010) VERSÃO 1.0.1 (09/2010) 1. APRESENTAÇÃO... 4 2. CONCEITO... 4 3. BENEFÍCIOS... 4 4. ACESSO AO SISTEMA... 5 4.1 ACESSANDO O SISTEMA DA NFS-E PELA PRIMEIRA VEZ... 5 4.2 ACESSANDO A ÁREA EXCLUSIVA DE PRESTADOR...

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Retenções na fonte IRRF e CSRF geradas na DIRF

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Retenções na fonte IRRF e CSRF geradas na DIRF Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Retenções na fonte IRRF e CSRF geradas na DIRF 27/11/2014 Título do documento Sumário 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da

Leia mais

esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1

esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1 esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1 O que é esocial? É o projeto de escrituração digital da folha de pagamento e das obrigações trabalhistas, previdenciárias

Leia mais

Empresa Júnior constitui ou não Instituição de Educação?

Empresa Júnior constitui ou não Instituição de Educação? 1 Sumário I. Introdução... 3 II. Empresa Júnior constitui ou não Instituição de Educação?... 3 III. As Imunidades Tributárias das Empresas Juniores... 4 IV. Incidência de Tributos sobre Empresas Juniores:...

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO NFS-e NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO 1. NFS-e 1.1 Considerações Iniciais 1.2 Definição 1.3 Regras de uso 1.3.1 Quem está obrigado a emitir a NFS-e?

Leia mais

INTRODUÇÃO Perguntas e Respostas sobre Decore, taxativo www.receita.fazenda.gov.br/pessoafisica/carneleao/2014/java/default.ht m

INTRODUÇÃO Perguntas e Respostas sobre Decore, taxativo www.receita.fazenda.gov.br/pessoafisica/carneleao/2014/java/default.ht m INTRODUÇÃO Atualmente, tem aumentado a solicitação de emissão de comprovação de rendimentos por meio da Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore) por diversas instituições financeiras,

Leia mais

24/02/2014. NOTA FISCAL DE CONSUMIDOR ELETRÔNICA NFC-e ROTEIRO

24/02/2014. NOTA FISCAL DE CONSUMIDOR ELETRÔNICA NFC-e ROTEIRO PALESTRANTE: FELLIPE GUERRA NOTA FISCAL DE CONSUMIDOR ELETRÔNICA NFC-e PALESTRANTE: FELLIPE GUERRA Contador, consultor empresarial e especialista em SPED. Realizou diversas palestras por todo Ceará, explicando

Leia mais

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO

AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO AUDITORIA FISCO-CONTÁBIL DAS DEMONSTRAÇÕES ELETRÔNICAS COMPLIANCE FISCAL ELETRÔNICO Nossos serviços de auditoria das Obrigações Eletrônicas utilizam ferramentas que permitem auditar os arquivos enviados

Leia mais

PRINCIPAIS DIFICULDADES PARA A APLICAÇÃO DO SPED CONTÁBIL E FISCAL 1

PRINCIPAIS DIFICULDADES PARA A APLICAÇÃO DO SPED CONTÁBIL E FISCAL 1 PRINCIPAIS DIFICULDADES PARA A APLICAÇÃO DO SPED CONTÁBIL E FISCAL 1 FERNANDES, Alexandre Roberto Villanova 2 ; KIRINUS, Josiane Boeira 3 1 Trabalho de Pesquisa _URCAMP 2 Curso de Ciências Contábeis da

Leia mais

ANEXO I EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº. 011/2010 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO I EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº. 011/2010 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº. 011/2010 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Página 1 de 5 1 - DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa de consultoria tributária para rotinas de apuração de IRPJ/CSLL, PIS/COFINS, bem

Leia mais

SOFOLHA SOLUÇÕES CORPORATIVAS CONSULTORIA TRIBUTÁRIA. SFAutomatus X Controle de Estoque X SFContábil. Obrigação de Avaliar os Estoques

SOFOLHA SOLUÇÕES CORPORATIVAS CONSULTORIA TRIBUTÁRIA. SFAutomatus X Controle de Estoque X SFContábil. Obrigação de Avaliar os Estoques SFAutomatus X Controle de Estoque X SFContábil Legislação Aplicada Obrigação de Avaliar os Estoques Empresas Tributadas com Base no Lucro Real As pessoas jurídicas submetidas à tributação com base no lucro

Leia mais

M a n u a l de E m i s s ã o NFeI

M a n u a l de E m i s s ã o NFeI M a n u a l de E m i s s ã o NFeI Sistema Versão 1.8 21/08/2009. ÍNDICE Apresentação... 1 Objetivos... 2 Conceitos... 2 Recibo Provisório de Serviços RPS... 3 Geração da NFeI... 3 Cancelamento de NFeI...

Leia mais

Boletim Mensal Novembro/2014

Boletim Mensal Novembro/2014 Boletim Mensal Novembro/2014 Fiscal Contábil Sumário RH Notícias Calendário de obrigações Fiscal MP 651 é prorrogada e convertida em lei nº 13.043/2014. O objetivo é estimular a economia do país, com custos

Leia mais

Neste bip. Adiantamento Salarial. Você Sabia? Edição 60 Agosto de 2015. Reajuste de Adiantamento de Salário

Neste bip. Adiantamento Salarial. Você Sabia? Edição 60 Agosto de 2015. Reajuste de Adiantamento de Salário Neste bip Adiantamento e Reajuste de Adiantamento de Salário... Configurações de plano de saúde... 1 Erro de INVALID CONVERSION na geração do registro de saídas... Transferência de Funcionários... 3 Você

Leia mais

Quais são os objetivos?

Quais são os objetivos? O que é EFD-Social EFD é a sigla para Escrituração Fiscal Digital. É o nome dado ao sistema que vai unificar o registro de escrituração das empresas em um único cadastro a ser compartilhado por diversos

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO Cortesia: FARO CONTÁBIL (www.farocontabil.com.br) Matéria publicada originalmente no Diário do Comércio Data: 01/08/2006 01 - CONCEITOS? 1.01.

Leia mais

SINTEGRA + DPI + LIVROS FISCAIS EM PAPEL + OUTROS

SINTEGRA + DPI + LIVROS FISCAIS EM PAPEL + OUTROS SINTEGRA + DPI + LIVROS FISCAIS EM PAPEL + OUTROS Coordenação do SPED FISCAL Página 1 de 38 ÍNDICE Apresentação...4 Agradecimentos...6 O que é Escrituração Fiscal Digital (EFD)?...7 Quem está obrigado

Leia mais

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais.

1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6. Considerações Finais. ECF Escrituração Contábil Fiscal Aspectos gerais. Por: Luana Romaniuk. Em junho de 2015. SUMÁRIO 1. O que é ECF? 2. Obrigatoriedade; 3. Prazo de Entrega; 4. Informações e Estrutura; 5. Penalidades; 6.

Leia mais

Quem somos? Nossa Missão:

Quem somos? Nossa Missão: Bem Vindos! Quem somos? A GEPC Consultoria Tributária é uma empresa especializada em consultoria para Farmácias e Drogarias com mais de 6 anos de mercado neste seguimento. Apoiando e atualizando nossos

Leia mais

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Safeweb enota NFSe Sistema de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário - Versão 1.0.0 1. Sobre O enota NFSe é um sistema de emissão de Nota

Leia mais

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012 CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2012 Orientações Básicas INFORMAÇÕES GERAIS PESSOA JURÍDICA 1) DCTF : (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) ATENÇÃO! Apresentação MENSAL obrigatória pelas Pessoas

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA 1 NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA ANO 2012 2 Sumário 1 Nota Fiscal de Serviços eletrônica - NFS-e... 3 1.1 Considerações Iniciais... 3 1.2 Legislação... 3 1.3 Definição...

Leia mais

GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS

GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS Mais de uma década de experiência e evolução é o que dá ao sistema uma vasta gama de funcionalidades. Esse conhecimento que faz total diferença para sua empresa. xp+

Leia mais

Linha do Tempo até esocial

Linha do Tempo até esocial Linha do Tempo até esocial 2005 Nfe 2006 Sped Fiscal 2007 Sped Contábil 2011 Desoneração da Folha de Pagamento 2013 esocial Sped Folha INVESTIMENTO DA RFB T REX Fabricado pela IBM e montado nos Estados

Leia mais

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E CLÍNICAS

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E CLÍNICAS PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E CLÍNICAS IR? COFINS?? INSS? PIS SUMÁRIO 1 Introdução 3 2 Planejamento 5 3 Simples Nacional com a inclusão de novas categorias desde 01-2015 8 4 Lucro

Leia mais

SPED PIS E COFINS SPED PIS E COFINS. Sistema Questor SPED PIS E COFINS - SPED PIS E COFINS - 0brigatoriedade. Objetivos do Curso

SPED PIS E COFINS SPED PIS E COFINS. Sistema Questor SPED PIS E COFINS - SPED PIS E COFINS - 0brigatoriedade. Objetivos do Curso Sistema Questor SPED PIS E COFINS SPED Sistema Público de Escrituração Digital EFD Escrituração Fiscal Digital Instrutor: - Jocenei Friedrich Apoio: - Sejam todos bem-vindos Objetivos do Curso Conhecer

Leia mais

Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013

Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013 Instrução Normativa RFB n 1.353/13 MAIO DE 2.013 PRINCIPAIS CONSIDERAÇÕES O Art. 1 da IN RFB n 1353/13 instituiu a Escrituração Fiscal Digital do Imposto sobre a Renda e da Contribuição Social sobre o

Leia mais

Configuração para Contabilização Automática. Neste bip. Você Sabia? Edição 57 Maio de 2015

Configuração para Contabilização Automática. Neste bip. Você Sabia? Edição 57 Maio de 2015 Neste bip Configuração para Contabilização Automática... 1 Vale Transporte... 2 Como Programar Reajuste Salarial... 3 Contabilização da Folha... 4 Configuração para Contabilização Automática O cadastro

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

Loja: www.equipanet.com.br

Loja: www.equipanet.com.br (17)3237-1146 9 9722-5456 9 9269-2590 9 8183-5612 SKYPE: flaviofordelone e-mail: sistemas@fnetwork.com.br Site: www.fnetwork.com.br Loja: www.equipanet.com.br Softwares e equipamentos p/ automação comercial

Leia mais

Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix

Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix Manual de Geração da ECF Escrituração Contábil e Fiscal Contábil Phoenix A seguir iremos demonstrar o processo para uma perfeita geração da ECF (Escrituração Contábil e Fiscal). Fique atento as telas e

Leia mais

Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais

Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais Guia Definitivo de Ferramentas para Micro Empreendedores Individuais Introdução O Brasil já tem 4,7 milhões de microempreendedores individuais, segundo dados de janeiro de 2015 da Receita Federal. O incentivo

Leia mais

ASSUNTOS DIVERSOS FÉRIAS COLETIVAS

ASSUNTOS DIVERSOS FÉRIAS COLETIVAS BOLETIM INFORMATIVO DUARTE BENETTI CONTABILIDADE ANO XXIX Nº 122 Dezembro / 2013 Assuntos Diversos...1 Fiscal... 2 Pessoal... 3 Social... 4 Feriado e Agenda Obrigações...5 Mensagem...6 ASSUNTOS DIVERSOS

Leia mais

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped.

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped. Introdução O que é esocial? Com a criação do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), o Governo propiciou maior controle e agilidade na fiscalização das informações contábeis e fiscais das empresas

Leia mais

Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI. Dulcineia L. D. Santos

Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI. Dulcineia L. D. Santos Escrituração Fiscal Digital EFD ICMS/IPI Dulcineia L. D. Santos Sistema Público de Escrituração Digital SPED Decreto n. 6.022, de 22/01/2007. Objetivos do SPED: unificar as atividades de recepção, validação,

Leia mais

GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES

GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES GUIA PRÁTICO EFD-CONTRIBUIÇÕES Maio de 2012 O QUE É A EFD-Contribuições trata de arquivo digital instituído no Sistema Publico de Escrituração Digital SPED, a ser utilizado pelas pessoas jurídicas de direito

Leia mais

MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E

MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E VERSÃO ON-LINE Manual do Usuário do Sistema NFS-E PRONIM NFS-e Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Usuário Pagina 1 APRESENTAÇÃO No atual

Leia mais

contribuições uma nova EtaPa começa aqui

contribuições uma nova EtaPa começa aqui InFORMe publicitário contribuições uma nova EtaPa começa aqui este ano mais de 1,3 milhão de empresas serão integradas ao Sped, avançado sistema de escrituração digital que visa combater a sonegação e

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

AGENDA DAS OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA AGOSTO DE 2014. c) multa ou qualquer vantagem por rescisão de contratos.

AGENDA DAS OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA AGOSTO DE 2014. c) multa ou qualquer vantagem por rescisão de contratos. Até dia Obrigação AGENDA DAS OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA AGOSTO DE 2014 Histórico ocorridos no período de 21 a 31.07.2014, incidente sobre rendimentos de (art. 70, I, letra "b", da Lei nº 11.196/2005 ): 5

Leia mais

Neste bip. Importação de dados Fiscais para o Rumo. Você Sabia? edição 28 Dezembro de 2012

Neste bip. Importação de dados Fiscais para o Rumo. Você Sabia? edição 28 Dezembro de 2012 Neste bip Importação de dados Fiscais para o Rumo... 1 Controle de contas a pagar e a receber... 2 Quando calcular o 13 salário complementar?... 2 Férias Coletivas... 3 MEI - Afastamento por licença maternidade...

Leia mais

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL O que você irá ver O que é o SPED; SPED Fiscal; Abrangência do projeto; O PAC e o SPED; Benefícios para as Empresas; Benefícios para a Fisco; SPED Contábil; Nota

Leia mais

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos

Professor José Sérgio Fernandes de Mattos Professor Apresentação: 1. Instituído pelo Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, o Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal

Leia mais

Serviço de Informações Municipais Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e. Manual de Operação Versão 2.0

Serviço de Informações Municipais Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e. Manual de Operação Versão 2.0 Manual de Operação Versão 2.0 Índice de Operações 1. Apresentação...2 2. Solicitação de Uso da NFS-e...3 3. Consultar Andamento da Solicitação de Uso...5 4. Emitindo a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica...5

Leia mais

Índice. 1. Apresentação... 3. 1.1. Primeiro acesso... 3. 1.2. Conhecendo a Plataforma... 5. 1.3. Seleção da Empresa... 5. 1.4. Sair do Sistema...

Índice. 1. Apresentação... 3. 1.1. Primeiro acesso... 3. 1.2. Conhecendo a Plataforma... 5. 1.3. Seleção da Empresa... 5. 1.4. Sair do Sistema... Índice 1. Apresentação... 3 1.1. Primeiro acesso... 3 1.2. Conhecendo a Plataforma... 5 1.3. Seleção da Empresa... 5 1.4. Sair do Sistema... 6 1.5. Retornar a tela principal... 6 2. Cadastro da Empresa...

Leia mais

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SPED FISCAL VANTAGENS E IMPORTÂNCIA

SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SPED FISCAL VANTAGENS E IMPORTÂNCIA 1 SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SPED FISCAL VANTAGENS E IMPORTÂNCIA Alfredo Baldini 1 * Acadêmico do Curso Ciências Contábeis Univás - Pouso Alegre/MG Fábio Luiz de Carvalho** Univás - Pouso

Leia mais

Lopes Contabilidade. Rua: Santana, 176 Centro Mogi das Cruzes-SP. Telefones: (11) 4796-9798 / (11) 2378-5434. Site: www.lopescontabilidade.com.

Lopes Contabilidade. Rua: Santana, 176 Centro Mogi das Cruzes-SP. Telefones: (11) 4796-9798 / (11) 2378-5434. Site: www.lopescontabilidade.com. Rua: Santana, 176 Centro Mogi das Cruzes-SP Telefones: (11) 4796-9798 / (11) 2378-5434 Site: www.lopescontabilidade.com.br E-mail: contato@lopescontabilidade.com.br Engana-se quem julga que contabilidade

Leia mais

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica Novo Hamburgo/RS ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica SUMÁRIO Página LOGIN AO SISTEMA...3 EMITIR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...7 CONSULTAR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...12 CONSULTAR SOLICITAÇÕES DE CANCELAMENTO

Leia mais

ANEXO I OBJETO. OBJETO: Contratação de empresa para realização de auditoria do exercício de 2014.

ANEXO I OBJETO. OBJETO: Contratação de empresa para realização de auditoria do exercício de 2014. ANEXO I OBJETO OBJETO: Contratação de empresa para realização de auditoria do exercício de 2014. Prestação de serviços de auditoria para exame das demonstrações contábeis e financeiras do exercício de

Leia mais

Tabela Comparativa de funcionalidades

Tabela Comparativa de funcionalidades Sage Sage Gestão Contábil A evolução A do do escritório Tabela Comparativa de funcionalidades Sage Folha de Pagamento A disponibilidade da funcionalidade dependerá da modalidade do pacote 1 Gerenciador

Leia mais

23/09/2013 TREINAMENTO GERAL PRO FISCAL - PRO GUIAS PRO CONTÁBIL SETEMBRO/2013

23/09/2013 TREINAMENTO GERAL PRO FISCAL - PRO GUIAS PRO CONTÁBIL SETEMBRO/2013 TREINAMENTO GERAL PRO FISCAL - PRO GUIAS PRO CONTÁBIL SETEMBRO/2013 1 TREINAMENTO PRO FISCAL SETEMBRO / 2013 Paulo Sérgio de Almeida Gonçalves Administrador, Contador, Consultor, Palestrante, Professor

Leia mais

M a n u a l U t i l i z a ç ã o d o R A N F S. Registro Auxiliar da Nota Fiscal de Serviços. Sistema. Versão 4.0 26/04/2010.

M a n u a l U t i l i z a ç ã o d o R A N F S. Registro Auxiliar da Nota Fiscal de Serviços. Sistema. Versão 4.0 26/04/2010. M a n u a l U t i l i z a ç ã o d o R A N F S Registro Auxiliar da Nota Fiscal de Serviços Sistema Versão 4.0 26/04/2010. Indíce Apresentação... 3 Objetivo... 3 PARTE I - PRESTADOR 1- Cadastro do Contribuinte

Leia mais

Contmatic é sucesso no Rio de Janeiro

Contmatic é sucesso no Rio de Janeiro Edição 110 Outubro 2013 Publicação da Contmatic Phoenix para seus clientes e parceiros Contmatic é sucesso no Rio de Janeiro A empresa mostrou seus principais sistemas e serviços à grande massa contábil

Leia mais

APOSTILA PARA O CURSO WFISCAL

APOSTILA PARA O CURSO WFISCAL TREINAMENTO Visão Estar posicionada entre as maiores e melhores provedoras de solução de gestão empresarial do Brasil Missão Desenvolvimento e fornecimento de soluções e serviços através de softwares para

Leia mais

Neste bip. Participação nos Lucros e Resultados. Você Sabia? Rescisão Complementar. Edição 54 Fevereiro de 2015

Neste bip. Participação nos Lucros e Resultados. Você Sabia? Rescisão Complementar. Edição 54 Fevereiro de 2015 Neste bip Participação nos Lucros e Resultados... Rescisão Complementar... 1 DIRF 2015... 2 Novas Alterações Trabalhistas e Previdenciárias... 3 EFD ICMS-IPI... 4 Nova Tabela de INSS e Salário Família...

Leia mais

Sped altera realidade fiscal e contábil das empresas

Sped altera realidade fiscal e contábil das empresas Sped altera realidade fiscal e contábil das empresas O governo brasileiro, por meio da Receita Federal do Brasil (RFB), está implantando mais um avanço na informatização da relação entre o fisco e os contribuintes.

Leia mais

FOLHA DE PAGAMENTO E SUAS RETENÇÕES Carlos Alencar OUTUBRO/2013

FOLHA DE PAGAMENTO E SUAS RETENÇÕES Carlos Alencar OUTUBRO/2013 FOLHA DE PAGAMENTO E SUAS RETENÇÕES Carlos Alencar OUTUBRO/2013 OBRIGATORIEDADE A empresa é obrigada a elaborar mensalmente a folha de pagamento da remuneração paga devida ou creditada a todos os segurados

Leia mais