SISTEMA WEB PARA RESERVA DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DO UNASP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISTEMA WEB PARA RESERVA DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DO UNASP"

Transcrição

1 CENTRO UNIVERSITÁRIO ADVENTISTA DE SÃO PAULO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET ALEXANDRE MARCON ALFIERI LUIS HENRIQUE SCHUTZ SISTEMA WEB PARA RESERVA DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DO UNASP ENGENHEIRO COELHO 2012

2 ALEXANDRE MARCON ALFIERI LUIS HENRIQUE SCHUTZ SISTEMA WEB PARA RESERVA DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DO UNASP Trabalho de Conclusão de Curso do Centro Universitário Adventista de São Paulo do curso de Sistemas para Internet, sob orientação do Prof. Me. Thales de Társis Cezare. ENGENHEIRO COELHO 2012

3 Dedicamos este trabalho aos nossos queridos familiares e colegas quem sempre nos deram o apoio necessário para que pudéssemos concluir mais esta etapa de nossas vidas.

4 AGRADECIMENTOS Agradecemos primeiramente a Deus por nos dar forças e sabedoria no desenvolvimento deste trabalho. Agradecemos também ao UNASP por nos proporcionar meios para que pudéssemos concluir mais uma etapa de nossa vida estudantil. Nosso agradecimento também aos professores pelos conhecimentos a nós transmitidos que sem dúvidas nos tornaram mais capazes. Agradecemos aos colegas e familiares pelo apoio que nos foi dado durante todo nosso curso.

5 É espantosamente óbvio que nossa tecnologia excede nossa humanidade. Albert Einstein

6 RESUMO Neste mundo dinâmico, globalizado e informatizado é imprescindível o uso da tecnologia em nosso dia-dia, tudo se torna muito mais rápido e prático. Atualmente não é possível mais vislumbrar um mundo sem internet, e a partir daí é que os Sistemas Web ganham força, pois através de um smartphone já é possível acessar qualquer sistema que esteja na nuvem e dessa forma o gerenciamento dos processos no qual estamos inseridos passam a ser resolvidos de maneira mais ágil. Este trabalho tem por objetivo a criação de um sistema WEB que venha informatizar e facilitar o processo de agendamento de horário nos laboratórios do Ensino Superior do UNASP-EC. Com isto os professores podem fazer suas reservas a partir de qualquer local, bastando apenas estar conectados à internet, e os alunos podem consultar e existência ou não de aulas em laboratórios. Palavras Chave: Laboratório, Sistema WEB, Reserva.

7 ABSTRACT In this dynamic world, globalized and computerized is essential to the use of technology in our day to day, everything becomes much faster and convenient. Currently you can not envision a world without more internet, and from there is that Web systems are stronger, because through a smartphone you can now access any system that is in the cloud and thus the management of processes in which we operate are the be resolved faster. This work aims to create a WEB system that will computerize and facilitate the process of scheduling time in the laboratories of the Higher Education UNASP-EC. With that teachers can make your reservations from anywhere, just by being connected to the Internet, and students can consult and whether there are lessons in laboratories. Keywords: Laboratory System, WEB, Reservation.

8 LISTA DE FIGURAS FIGURA 6.1 MER FIGURA 7.1 CASO DE USO FIGURA LOGAR NO SISTEMA FIGURA RESERVA LABORATÓRIO FIGURA VISUALIZAR RESERVA FIGURA EXCLUIR RESERVA FIGURA 8.1 TELA DE LOGIN FIGURA 8.2 TELA DE CADASTRO FIGURA 8.3 TELA DE CADASTRO PREENCHIDA FIGURA 8.4 TELA RESERVAS INDIVIDUAIS FIGURA 8.5 TELA DE TODAS AS RESERVAS FIGURA 8.6 CALENDÁRIO DE RESERVAS... 28

9 LISTA DE ABREVIATURAS, SIGLAS OU TERMOS OPERACIONAIS HTML Hyper Text Markup Language PHP Personal Home Page UNASP Centro Universitário Adventista de São Paulo T.I. Tecnologia da Informação WEB (WWW) World Wide Web (Internet) SGBD Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados SQL Linguagem de Consulta Estruturada

10 SUMÁRIO 1. Introdução Hipótese Problemáticas da pesquisa Objetivo geral Objetivos específicos Revisão Bibliográfica PHP HTML MySQL BrModelo Astah Community Adobe Dreamweaver JQuery JUSTIFICATIVA METODOLOGIA Materiais Requisitos do Sistema Modelagem do Banco de Dados Caso de Uso Cenários de Utilização Logar no Sistema Reservar Laboratório Visualizar Reservas Excluir Reserva Prototipação... 26

11 9. Conclusão Trabalhos Futuros BIBLIOGRAFIA... 30

12 12 1. Introdução Os sistemas de informação podem ser utilizados para controle de vários processos numa instituição, seja ela de qualquer nicho de mercado. A instituição de ensino hoje vem investindo pesado em infraestrutura de TI para o controle de seus processos que são suportados por componentes de TI. LAUDON(2007), O BRIEN (2007), E.TURBAN (2007). No mundo em constantes avanços tecnológicos, cada vez mais o ser humano vem se tornando dependente das novas tecnologias. Para tornar seu dia-a-dia mais produtivo surge a necessidade de se ter cada vez mais sistemas que venham agilizar a rotina do homem, criando mecanismos que não só tragam agilidade, mais também tragam controle e eficácia sobre aquilo que precisa ser feito. R.M STAIR (2006). Neste contexto, os sistemas informatizados ganham mais força e mais espaço no cotidiano das pessoas e das empresas. Hoje em dia em muitos casos, ficar sem um sistema faz com que uma pessoa fique parada no trabalho. Neste contexto sugere-se a criação de um sistema para controle de horários para laboratórios, tendo em vista a quantidade de requisições e trazendo desta forma um melhor controle como também uma facilidade para os docentes. No UNASP (Centro Universitário Adventista de São Paulo) a realidade não é diferente, existe muita demanda para a aquisição de novos componentes de TI, e também para o desenvolvimento de novos sistemas a cada ano. Tendo em vista a constante demanda no uso dos laboratórios de informática do prédio do nível superior, em diversos horários e por diversos cursos e seus docentes, percebe-se a necessidade de informatização do processo de reservas de horários para os laboratórios. A instituição possui 5 laboratórios destinados ao ensino superior, pesquisa e extensão, somando um total de 172 computadores disponíveis para estas atividades. Os laboratórios contam com uma série de softwares instalados, sendo alguns deles restritos apenas a alguns laboratórios devido à limitação de licenças.

13 13 Neste trabalho são levantados os requisitos, realizado o projeto e a implementação do protótipo para uma sistema de reservas de laboratórios que facilitaria o controle do agendamento dos mesmos. 1.1 Hipótese Partindo do pressuposto de que organização na área de laboratórios de universidades, no geral, otimiza o acesso de usuários e professores ao laboratório, é possível estabelecer a hipótese de que um sistema de gerenciamento e reserva de horários de laboratórios de informática minimizará conflitos de horários e facilitará a organização de professores e alunos quanto ao uso do laboratório. O sistema abolirá o uso do papel eliminando desta forma equívocos por parte daqueles que fazem o agendamento manual, evitando portanto, conflitos de horários. Sendo este um sistema WEB, todos terão acesso à agenda de utilização do laboratório em determinado momento, além de terem possibilidade de fazer um agendamento remoto Problemáticas da pesquisa É de responsabilidade da coordenação dos laboratórios receber as requisições, alocar algum laboratório disponível, efetuar as reservas e administrar eventuais desistências dos horários marcados ou erros no processo de reserva e ainda fazer com que todo este processo seja transparente para o solicitante. Por se tratar de um ambiente com vários laboratórios com uso constante nos períodos matutino, vespertino e noturno, é inviável o controle por processo manual, o que provoca, em vários momentos, confusão e desorganização, tendo em vista que existem pessoas diferentes trabalhando nos três períodos em que está disponível o uso dos laboratórios.

14 Objetivo geral Este trabalho pretende apresentar um projeto de sistema para automatizar o processo de reservas de laboratórios para os docentes, proporcionando um melhor controle e funcionalidade Objetivos específicos As metas a serem atingidas durante o desenvolvimento do projeto são: Modelagem do banco de dados; Levantamento de requisitos do sistema; Construção dos casos de uso; Criação de cenários de utilização; Prototipação e teste do sistema.

15 15 2. Revisão Bibliográfica Diversas ferramentas e conceitos são importantes no desenvolvimento de WebApps, neste capítulo abordam-se as ferramentas e conceitos relevantes para o trabalho, suas características e funcionalidades. 2.1 PHP A Linguagem PHP é muito utilizada para o desenvolvimento de aplicações WEB em conjunto com o HTML, é bastante simples porem possui bastantes recursos. SICA (2011). Foi utilizado o PHP por que o código é executado no servidor, gerando HTML que é então enviado para o cliente. O código PHP é delimitado por tags iniciais e finais que permitem pular pra dentro e para fora do modo PHP. 2.2 HTML HTML significa linguagem de marcação de hipertexto, utilizada para produzir páginas WEB, através de tags é possível definir como as informações serão organizadas na página. MENEZES (2008). Trata-se de uma linguagem bastante simples e de fácil compreensão. Atualmente já é possível utilizar versão 5 disponível para o uso dos programadores. 2.3 MySQL O MySQL é um sistema SGBD e tem uma integração bastante forte com o PHP, exige pouco recurso de hardware e tem estabilidade e desempenho a seu favor, é um código aberto e compatível com praticamente todos os sistemas operacionais. LAUDON (2007).

16 BrModelo Trata- se de um software livre voltado para a modelagem de banco de dados relacional. O software apresenta uma interface bastante simples e funcional. 2.5 Astah Community Ferramenta gratuita de modelagem UML na qual é possível realizar diagramas de classe, caso de uso, ajuste de tamanho e alinhamento dos diagramas. 2.6 Adobe Dreamweaver O Adobe Dreamweaver é um software que tem como principal objetivo e criação de websites. No início era basicamente um editor de HTML, porém na última versão que é o CS6, esse aplicativo trouxe diversas ferramentas que ajudam o desenvolvedor web a tornar seu website cada vez mais bem elaborado. O Dreamweaver tem a capacidade de integrar diversas linguagens de programação para web, como por exemplo, CSS, JSP, ASP, PHP entre outras. 2.7 JQuery JQuery é uma biblioteca javascript que interage com uma página HTML. Com ela é possível criar elementos na página, criar eventos, definir efeitos e criar animações.

17 17 3. JUSTIFICATIVA Com a inexistência de um sistema que torne possível contornar os problemas envolvidos neste processo de agendamento de horários, surgiu a necessidade de se criar um sistema que pudesse atenuar ou eliminar esses problemas. A inconsistência de dados e das informações gera transtornos e por vezes conflitos nos horários, causando dessa forma um mal estar entre a coordenação dos laboratórios e os docentes, prejudicando então os alunos. Diante desse cenário fazse necessário o atendimento a algumas necessidades elencadas abaixo: Facilitar o agendamento para os docentes; Manter o controle do uso dos laboratórios; Evitar duplicidade e colisão de horários; Tornar visível a todos usuários os horários disponíveis, mediante acesso via web.

18 18 4. METODOLOGIA A tarefa de desenvolvimento consiste em levantamento de requisitos, modelagem do banco de dados, definição dos casos de uso, criação de protótipo, testes e apresentação do protótipo para os interessados. Cada uma das etapas foi executada da seguinte forma: Levantamento de requisitos: Foi realizado o levantamento de requisitos através de reuniões com o coordenador dos laboratórios e ex-coordenadores, a fim de saber quais eram e são os principais problemas encontrados. Modelagem do banco de dados: Para a modelagem do banco de dados construiu-se o modelo de entidade relacional do mesmo utilizando o software de modelagem BrModelo. Definição dos casos de uso: Os diagramas de caso de uso foram criados utilizando as técnicas de engenharia web para compreender quem são os atores, quais as interações existentes e como essas são realizadas nos cenários de utilização. Prototipação e teste: Criou-se o protótipo do sistema a partir dos casos de uso definidos para a validação da interface e as funcionalidades do sistema. 4.1 Materiais O sistema proposto utiliza a linguagem PHP. WELLING (2005) e HTML. SILVA (2008), MENEZES (2008) e o Mysql. LAUDON (2007). Para modelagem do banco de dados foi utilizado o BrModelo e para o caso de uso o Astah Community. Para o Desenvolvimento da Interface gráfica foi utilizado o software Adobe Dreamweaver CS5. WELLING. (2005) e JQuery.

19 19 5. Requisitos do Sistema O sistema de reservas de laboratórios é composto dos seguintes requisitos: Login para controle de acesso lógico; Cadastro das reservas; Remoção de reservas; Listagem dos agendamentos; Consulta via internet. Na primeira tela do sistema o usuário poderá efetuar o login. A criação de cadastro de professores é feita apenas pelos administradores do sistema. Ao realizar o login no sistema o professor poderá consultar, realizar reservas e removê-las, os alunos, por sua vez, poderão visualizar o calendário com os agendamentos via internet disponibilizado no site do UNASP-EC. Os administradores do sistema detém o poder de realizar qualquer tarefa no sistema, seja ela de cadastro ou remoção, tanto de reservas como também de usuários.

20 20 6. Modelagem do Banco de Dados O banco de dados do sistema possui as tabelas professor, curso, reserva, disciplina e laboratório. A tabela reserva contém os dados do cadastro da reserva, incluindo a chave estrangeira da tabela professor, essa por sua vez contém as informações pertinentes ao usuário, como nome, senha, e id. Dessa forma o MER (modelo de entidade e relacionando) do banco de dados fica conforme Figura 6.1 abaixo: Figura 6.1: MER

21 21 7. Caso de Uso Com os casos de uso do sistema será possível visualizar de maneira mais clara quais são as interações que os professores, alunos e administradores podem ter com o sistema. O professor ao efetuar o login poderá consultar, criar ou excluir uma reserva, o aluno, por sua vez, consegue apenas visualizar as reservas do professor mediante um calendário disponibilizado na internet. O administrador pode interagir com todas as funções do sistema, conforme ilustra a Figura 7.1. Figura 7.1: Caso de Uso

22 Cenários de Utilização A seguir serão apresentados os cenários de utilização do sistema, criados através de casos de uso separados por atividade Logar no Sistema Atores: Administradores e Professores. Administradores e professores poderão logar no sistema. Pré-condição: Para que o usuário possa utilizar este caso de uso ele precisa estar cadastrado no sistema. Fluxo de Eventos (caminho básico): 1. O caso de uso começa quando o usuário digita seu e senha na tela de Login. 2. É exibida então a tela de cadastro de reserva. Pós-condição: Caso o usuário não possua cadastro no sistema, ao tentar logar aparecerá uma mensagem informando login ou senha inválidos. Figura 7.1.1: Logar no Sistema

23 Reservar Laboratório Atores: Administradores e Professores. Administradores e professores poderão solicitar uma reserva de um horário de um determinado laboratório através de um formulário na tela de cadastro de reserva. Pré-condição: O usuário precisa estar logado no sistema e preencher todos os campos do formulário. Fluxo de Eventos (caminho básico): 1. O caso de uso começa quando o professor ou administrador loga no sistema. 2. O sistema apresenta o formulário de reserva. 3. O usuário preenche os campos do formulário de reserva. 4. O usuário clica no botão reservar e então sua reserva é confirmada. Pós-condição: O professor não poderá reservar uma data ou laboratório que esteja reservado para outro professor. Figura 7.1.2: Reserva Laboratório

24 Visualizar Reservas Atores: Aluno e Professor É possível aos alunos, professores e administradores terem acesso aos horários de um determinado laboratório. Pré-condição: É necessário que ele esteja conectado à internet e acesse a página web contendo as reservas dos laboratórios. Fluxo de Eventos (caminho básico): 1. O caso de uso começa quando o professor ou aluno seleciona uma data no calendário. 2. O sistema monta a lista com o histórico de reservas. Pós-condição: O resultado esperado é a visualização do horário da reserva do laboratório sem fazer alterações. Figura 7.1.3: Visualiza Reservas

25 Excluir Reserva Atores: Administradores e Professores. Administradores e professores poderão excluir reservas cadastradas no sistema. Pré-condição: O usuário precisa estar logado no sistema e ter reservas registradas. Fluxo de Eventos (caminho básico): 1. O caso de uso começa quando o usuário clica no botão Minhas Reservas. 2. É exibida uma lista contendo todas as suas reservas. 3. Para excluir uma reserva o usuário deverá clicar no botão Excluir referente a reserva desejada. Pós-condição: O professor poderá excluir apenas suas reservas e os administradores poderão excluir suas reservas e as reservas dos professores. Figura 7.1.4: Excluir Reserva

26 26 8. Prototipação Neste capítulo são apresentadas as telas do sistema e imagens contendo os testes realizados pra os cenários criados. A primeira tela do sistema é a tela de login onde o professor colocará seu usuário e senha e poderá ter acesso ao sistema, conforme figura 8.1 abaixo: Figura 8.1: Tela de Login Na tela de cadastro o usuário poderá fazer sua reserva, inserindo os dados referentes ao ano, disciplina, laboratório que pretende utilizar e horário pretendido conforme Figuras 8.2 abaixo: Figura 8.2: Tela de Cadastro

27 27 abaixo: A tela de cadastro preenchida fica da seguinte forma, conforme figura 8.3 Figura 8.3: Tela de Cadastro Preenchida A figura 8.4 mostra todas as reservas feitas para um único usuário. Figura 8.4: Tela Reservas Individuais A figura 8.5 abaixo mostra todas as reservas existentes no sistema. Figura 8.5: Tela de Todas as Reservas

28 28 A tela do calendário do sistema exibe as reservas realizadas. Quando é selecionado algum dia, o sistema mostra ao lado as reservas para aquele dia, conforme mostrado na Figura 8.6 abaixo: Figura 8.6: Calendário das Reservas

29 29 9. Conclusão O processo de reserva de horários nos Laboratórios do Ensino Superior foi facilitado pelo sistema, trazendo também segurança, clareza e controle no uso dos laboratórios. O processo que antes era manual e ineficiente foi automatizado, trazendo segurança e facilidade para os docentes e discentes. As duplicidades e colisões de horários foram extintos, pois o sistema não permite que sejam alocadas reservas para o mesmo horário e dia. Outro grande benefício foi o calendário WEB que permite que os alunos acompanhem pela internet se existirão aulas nos laboratórios. As tecnologias atuais mais utilizadas no trabalho foram PHP, JQuery e HTML. 9.1 Trabalhos Futuros Como sugestão para trabalhos futuros é proposto: Integração com LDAP; Normalização da base de dados; Criação do módulo de administração do sistema; Disponibilizar a criação de reservas recorrentes; Alteração do layout da página, para uma melhor interação IHC; Criação de droplist no campo disciplina; Remoção do campo professor na tela de reserva, pois o sistema já irá fazer a reserva com os dados do professor logado. Outra sugestão para trabalhos futuros é a criação de um módulo para reserva de equipamentos do Apoio Acadêmico da faculdade do UNASP-EC. Hoje é controlado por meio de uma planilha impressa onde as pessoas colocam os equipamentos que irão utilizar. A informatização destes procedimentos poderá trazer um maior controle e organização do material.

30 BIBLIOGRAFIA LAUDON, Kenneth C., Laudon, Jane P. Sistemas de Informação Gerenciais, 7ª Ed. São Paulo: Pearson Prentice-Hall, O BRIEN, James A. - Sistemas de Informação e as decisões gerenciais na era da internet, Ed. Saraiva E.TURBAN; R.K.RAINER JR.; R.E.POTTER - Introdução à Sistemas de Informação, Rio de Janeiro: Elsevier, SICA, Carlos. PHP COM TUDO. 1 ed. Rio de Janeiro - RJ: Ciência Moderna, p. 1 vol. vol. 1. R.M STAIR; G.W.REYNOLDS - Princípios de Sistemas de Informação, São Paulo: Thomsom Pioneira, SILVA,M.S.Criando Sites com HTML: Sites de Alta Qualidade com HTML e CSS.Edição: 1.Editora Novatec. Ano MENEZES,M.A.F.Introdução à HTML e PHP.Edição: 1.Editora: Ciência Moderna WELLING,L.;THOMSON,L. PHP e MySQL: Desenvolvimento Web. 3ª Edição. Editora Campus ASTAH Community acessado em 18/04/2012. Modelagem ER - - acessado em 18/04/2012. jquery - - acessado em 08/03/2012.

31 31

FACULDADE DO LITORAL SUL PAULISTA FALS JEAN CARLOS RAMOS LOPES SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE VENDA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO

FACULDADE DO LITORAL SUL PAULISTA FALS JEAN CARLOS RAMOS LOPES SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE VENDA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO FACULDADE DO LITORAL SUL PAULISTA FALS JEAN CARLOS RAMOS LOPES SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE VENDA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PRAIA GRANDE 2010 1 JEAN CARLOS RAMOS LOPES SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE VENDA LINGUAGEM

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN José Agostinho Petry Filho 1 ; Rodrigo de Moraes 2 ; Silvio Regis da Silva Junior 3 ; Yuri Jean Fabris 4 ; Fernando Augusto

Leia mais

SISTEMA DE GERENCIAMENTO E CONTROLE DE DOCUMENTOS DE TCC E ESTÁGIO

SISTEMA DE GERENCIAMENTO E CONTROLE DE DOCUMENTOS DE TCC E ESTÁGIO SISTEMA DE GERENCIAMENTO E CONTROLE DE DOCUMENTOS DE TCC E ESTÁGIO Marcelo Karpinski Brambila 1, Luiz Gustavo Galves Mahlmann 2 1 Acadêmico do Curso de Sistemas de Informação da ULBRA Guaíba < mkbrambila@terra.com.br

Leia mais

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Departamento de Ciências da Computação e Estatística Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP André

Leia mais

O Sistema de Controle de Egressos utilizado pelo Instituto Metodista Granbery: uma ferramenta de acompanhamento e relacionamento

O Sistema de Controle de Egressos utilizado pelo Instituto Metodista Granbery: uma ferramenta de acompanhamento e relacionamento Revista Eletrônica da Faculdade Metodista Granbery http://re.granbery.edu.br - ISSN 1981 0377 Curso de Sistemas de Informação - N. 7, JUL/DEZ 2009 O Sistema de Controle de Egressos utilizado pelo Instituto

Leia mais

EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE

EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE por Miguel Aguiar Barbosa Trabalho de curso II submetido como

Leia mais

Anderson Corrêa Carraro 1, Fernando Alves Rodrigues 2, Silvio Francisco dos Santos 3

Anderson Corrêa Carraro 1, Fernando Alves Rodrigues 2, Silvio Francisco dos Santos 3 DESENVOLVIMENTO E IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA INFORMATIZADO PARA O CONTROLE DE PROCESSOS DA QUALIDADE NA DIRETORIA DE METROLOGIA CIENTÍFICA E INDUSTRIAL DIMCI/INMETRO. Anderson Corrêa Carraro 1, Fernando

Leia mais

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA ETEC PROF. MÁRIO ANTÔNIO VERZA CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA INTERNET

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA ETEC PROF. MÁRIO ANTÔNIO VERZA CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA INTERNET CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA ETEC PROF. MÁRIO ANTÔNIO VERZA CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA INTERNET WEBSITE MUNDO MULHER GABRIELA DE SOUZA DA SILVA LUANA MAIARA DE PAULA SILVA

Leia mais

Sistema de Ordens de Serviço HDA Soluções em Informática

Sistema de Ordens de Serviço HDA Soluções em Informática UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO Curso Superior de Graduação em ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Sistema de Ordens de Serviço HDA Soluções em Informática Por AUGUSTO CARRICONDE

Leia mais

Estamos muito felizes por compartilhar com você este novo serviço educacional do Centro Universitário de Patos de Minas.

Estamos muito felizes por compartilhar com você este novo serviço educacional do Centro Universitário de Patos de Minas. PALAVRA DO COORDENADOR Estimado, aluno(a): Seja muito bem-vindo aos Cursos Livres do UNIPAM. Estamos muito felizes por compartilhar com você este novo serviço educacional do Centro Universitário de Patos

Leia mais

UM PROTÓTIPO DO SISTEMA PARA CONTROLE DE BIBLIOTECAS POR MEIO DE PÁGINAS WEB DINÂMICAS 1

UM PROTÓTIPO DO SISTEMA PARA CONTROLE DE BIBLIOTECAS POR MEIO DE PÁGINAS WEB DINÂMICAS 1 UM PROTÓTIPO DO SISTEMA PARA CONTROLE DE BIBLIOTECAS POR MEIO DE PÁGINAS WEB DINÂMICAS 1 Daniel de Faveri HONORATO 2, Renato Bobsin MACHADO 3, Huei Diana LEE 4, Feng Chung WU 5 Escrito para apresentação

Leia mais

Sistema de Gerenciamento do Protocolo Geral da FAPERGS

Sistema de Gerenciamento do Protocolo Geral da FAPERGS Sistema de Gerenciamento do Protocolo Geral da FAPERGS Alcides Vaz da Silva 1 Luiz Gustavo Galves Mählmann 2 Newton Muller 3 RESUMO Este artigo apresenta o projeto de desenvolvimento de um Sistema de Informação

Leia mais

Manual de Utilização. Sistema CotaOnline

Manual de Utilização. Sistema CotaOnline Manual de Utilização Sistema CotaOnline Versão usuário final Sistema desenvolvido pela equipe de desenvolvimento ANA/SGH/GPLAN/Telemetria. Versão 2 Agência Nacional de Águas ANA Superintendência da Gestão

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA)

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) Alessandra Lubbe 1 Alexandre Evangelista 2 Jeandro Perceval 3 José Ramiro Pereira 4 Luiz Gustavo Mahlmann 5 RESUMO

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO TECNÓLOGO EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO TECNÓLOGO EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO TECNÓLOGO EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Sistema de Controle de Viaturas por Pablo Wasculewsky de Matos Orientador: Prof. Me. André Vinicius

Leia mais

Codificar Sistemas Tecnológicos

Codificar Sistemas Tecnológicos Codificar Sistemas Tecnológicos Especificação dos Requisitos do Software Sistema de gestão para a Empresa Cliente SlimSys Autor: Equipe Codificar Belo Horizonte MG Especificação dos Requisitos do Software

Leia mais

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação. MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação. MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação ISSN - 0103-2569 MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP André Pimenta Freire Renata Pontin de M. Fortes N 0 213 RELATÓRIOS TÉCNICOS

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE SAÚDE E SERVIÇOS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE SAÚDE E SERVIÇOS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE SAÚDE E SERVIÇOS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA CHRISTIAN GALAFASSI EDENIR HENRIQUE MARTINS GUSTAVO STANCK VILLAGE CLOUD

Leia mais

CADASTRO DE USUÁRIO PORTAL WEB

CADASTRO DE USUÁRIO PORTAL WEB CADASTRO DE USUÁRIO PORTAL WEB SUMÁRIO 1. ACESSANDO PELA PÁGINA DEFAULT... 3 2. ACESSANDO PELA PÁGINA DE LOGIN... 3 3. ACESSANDO PELO MENU PRINCIPAL... 4 3.1. EFETUAR CADASTRO... 5 3.2. ALTERAR CADASTRO...

Leia mais

Sistema de Acompanhamento ao Desempenho do Aluno

Sistema de Acompanhamento ao Desempenho do Aluno Sistema de Acompanhamento ao Desempenho do Aluno Manoel Cardoso da Silveira Neto 1, Luciana Vescia Lourega 1 1 Instituto Federal Farroupilha Campus Júlio de Castilhos RS - Brasil Caixa Postal 38 98.130-000

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DO NOVO SISTEMA DE CONSULTA DE DADOS DO GSC- UNIJUÍ 1

DESENVOLVIMENTO DO NOVO SISTEMA DE CONSULTA DE DADOS DO GSC- UNIJUÍ 1 DESENVOLVIMENTO DO NOVO SISTEMA DE CONSULTA DE DADOS DO GSC- UNIJUÍ 1 Eliézer Silveira Prigol 2, Marcos Ronaldo Melo Cavalheiro 3, Sérgio Luís Allebrandt 4, Reneo Pedro Prediger 5, Vinícius Ribas Samuel

Leia mais

RELATÓRIO DO SITE DA DISCIPLINA ENG312 PROJETOS MECÂNICOS I (www.projetosdemaquinas.eng.ufba.br)

RELATÓRIO DO SITE DA DISCIPLINA ENG312 PROJETOS MECÂNICOS I (www.projetosdemaquinas.eng.ufba.br) UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA POLITÉCNICA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA ENG 312 PROJETOS MECÂNICOS I RELATÓRIO DO SITE DA DISCIPLINA ENG312 PROJETOS MECÂNICOS I (www.projetosdemaquinas.eng.ufba.br)

Leia mais

Software automatizado para controle de consultas da clínica de fisioterapia

Software automatizado para controle de consultas da clínica de fisioterapia Software automatizado para controle de consultas da clínica de fisioterapia Jeverson Siqueira 1, Wallace Caldeira 1, Jorge Aikes Junior 1 1 Ciência da Computacão Faculdades Anglo Americano de Foz do Iguaçu

Leia mais

Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais.

Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais. Desenvolvimento de um CMS 1 para a criação e publicação de web sites acessíveis por deficientes visuais. Tales Henrique José MOREIRA 1 ; Gabriel da SILVA 2 ; 1 Estudante de Tecnologia em Sistemas para

Leia mais

Programando em PHP. Conceitos Básicos

Programando em PHP. Conceitos Básicos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Conceitos Básicos Todo o escopo deste estudo estará voltado para a criação de sites com o uso dos diversos recursos de programação web

Leia mais

FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS

FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS PAULO ALBERTO BUGMANN ORIENTADOR: ALEXANDER ROBERTO VALDAMERI Roteiro Introdução Objetivos Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

Uma Perspectiva sobre o Sistema de Controle de Eventos utilizado pela Faculdade Metodista Granbery

Uma Perspectiva sobre o Sistema de Controle de Eventos utilizado pela Faculdade Metodista Granbery Revista Eletrônica da Faculdade Metodista Granbery http://re.granbery.edu.br - ISSN 1981 0377 Curso de Sistemas de Informação - N. 4, JAN/JUN 2008 Uma Perspectiva sobre o Sistema de Controle de Eventos

Leia mais

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Atenção: Os requerimentos de segunda oportunidade, matrícula em disciplina, rematrícula, matrícula em dependência e trabalhos orientados só poderão ser abertos

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico. Componente Curricular: Desenvolvimento e Design de Websites I

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico. Componente Curricular: Desenvolvimento e Design de Websites I Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico de Informática para Internet

Leia mais

MANUAL DO ACADÊMICO. de Utilização do Sistema de Requerimentos Online CEAD. Débora Soares Silva Thiago Mendes Borges

MANUAL DO ACADÊMICO. de Utilização do Sistema de Requerimentos Online CEAD. Débora Soares Silva Thiago Mendes Borges MANUAL DO ACADÊMICO de Utilização do Sistema de Requerimentos Online CEAD Débora Soares Silva Thiago Mendes Borges Débora Soares Silva Thiago Mendes Borges Manual do Acadêmico de Utilização do Sistema

Leia mais

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 24/08/2011 No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Modelagem do Sistema EMD Vanice Pinheiro do Amaral Silva, Alberto da Silva Lobo

Modelagem do Sistema EMD Vanice Pinheiro do Amaral Silva, Alberto da Silva Lobo Modelagem do Sistema EMD Vanice Pinheiro do Amaral Silva, Alberto da Silva Lobo NTI Núcleo de Tecnologia e Informação Fundação Unirg 1. Introdução A utilização da informática surgiu como uma ferramenta

Leia mais

MANUAL DE SUPORTE. Controle de Suporte. Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte.

MANUAL DE SUPORTE. Controle de Suporte. Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte. MANUAL DE SUPORTE Controle de Suporte Este manual descreve as funcionalidades do controle de suporte. SUMÁRIO Considerações Iniciais... 3 Acesso... 4 Controle de Suporte... 5 1. Solicitação de Atendimento...

Leia mais

APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO IV

APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO IV APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO IV CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos Página 1 Agradecimentos Agradeço a todos os alunos que com suas dúvidas me ajudaram a

Leia mais

SENAI SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM - MT CUIABÁ. Amanda Correa da Silva Augusto Cesar de Paula Junior Dayenny Cristina de Almeida Gonçalves

SENAI SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM - MT CUIABÁ. Amanda Correa da Silva Augusto Cesar de Paula Junior Dayenny Cristina de Almeida Gonçalves SENAI SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM - MT CUIABÁ Amanda Correa da Silva Augusto Cesar de Paula Junior Dayenny Cristina de Almeida Gonçalves SISTEMA DE MONITORIA CUIABÁ/MT 2014 Amanda Correa da Silva

Leia mais

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões Prof. MSc. Hugo Souza Se você precisar manter informações sobre seus usuários enquanto eles navegam pelo seu site, ou até quando eles saem

Leia mais

SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM

SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM Marcelo Karpinski Brambila Acadêmico em Sistemas de Informação Universidade Luterana do Brasil Guaíba mkbrambila@connect-rs.com.br

Leia mais

Documentos. ISSN 1982-5390 Dezembro, 2007. Sistema de Gestão de Licitações do Site da Embrapa Pecuária Sul Licitações 1.0 - Manual do Usuário

Documentos. ISSN 1982-5390 Dezembro, 2007. Sistema de Gestão de Licitações do Site da Embrapa Pecuária Sul Licitações 1.0 - Manual do Usuário Documentos ISSN 1982-5390 Dezembro, 2007 Sistema de Gestão de Licitações do Site da Embrapa Pecuária Sul Licitações 1.0 - Manual do Usuário 68 ISSN 1982-5390 Dezembro, 2007 Empresa Brasileira de Pesquisa

Leia mais

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário Smart Laudos 1.9 A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos Manual do Usuário Conteúdo 1. O que é o Smart Laudos?... 3 2. Características... 3 3. Instalação... 3 4. Menu do Sistema... 4 5. Configurando

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento. Toledo PR. Versão 2.0 - Atualização 26/01/2009 Depto de TI - FASUL Página 1

MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento. Toledo PR. Versão 2.0 - Atualização 26/01/2009 Depto de TI - FASUL Página 1 MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento Toledo PR Página 1 INDICE 1. O QUE É O SORE...3 2. COMO ACESSAR O SORE... 4 2.1. Obtendo um Usuário e Senha... 4 2.2. Acessando o SORE pelo

Leia mais

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe:

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe: Versão Documento de Requisitos Documento de Requisitos Equipe: Bruno Harada (bhhc) Edilson Augusto Junior (easj) José Ivson Soares da Silva (jiss) Pedro Rodolfo da Silva Gonçalves (prsg) Raphael

Leia mais

SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino

SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino Eduardo Kokubo kokubo@inf.univali.br Fabiane Barreto Vavassori, MSc fabiane@inf.univali.br Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI Centro de Ensino Superior

Leia mais

José Benedito Lopes Junior ¹, Marcello Erick Bonfim 2

José Benedito Lopes Junior ¹, Marcello Erick Bonfim 2 ISBN 978-85-61091-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 Definição de uma tecnologia de implementação e do repositório de dados para a criação da ferramenta

Leia mais

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit Presskit Guia Rápido Release 2.0 Presskit 06/07/2009 Sumário 1 Login 2 Login e Senha...................................... 2 Esqueci minha senha.................................. 2 Fale Com o Suporte...................................

Leia mais

Manual Easy Chat Data de atualização: 20/12/2010 16:09 Versão atualizada do manual disponível na área de download do software.

Manual Easy Chat Data de atualização: 20/12/2010 16:09 Versão atualizada do manual disponível na área de download do software. 1 - Sumário 1 - Sumário... 2 2 O Easy Chat... 3 3 Conceitos... 3 3.1 Perfil... 3 3.2 Categoria... 4 3.3 Ícone Específico... 4 3.4 Janela Específica... 4 3.5 Ícone Geral... 4 3.6 Janela Geral... 4 4 Instalação...

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA Service Desk Sumário Apresentação O que é o Service Desk? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial

Leia mais

APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA

APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA ANDRE APARECIDO LEAL DE ALMEIDA Discente da AEMS Faculdades Integradas

Leia mais

DOCUMENTO DE REQUISITOS

DOCUMENTO DE REQUISITOS 1/38 DOCUMENTO DE REQUISITOS GED Gerenciamento Eletrônico de Documentos Versão 1.1 Identificação do Projeto CLIENTE: NOME DO CLIENTE TIPO DO SISTEMA OU PROJETO Participantes Função Email Abilio Patrocinador

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA. Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA. Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos Autor: Evandro Bastos Tavares Orientador: Antônio Claudio Gomez

Leia mais

EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA

EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA Autores : Jeferson BOESING; Tiago HEINECK; Angela Maria Crotti da ROSA; Leila Lisiane ROSSI Identificação

Leia mais

SISTEMA WEB INTEGRADO PARA EMPRESA DE CONFECÇÕES

SISTEMA WEB INTEGRADO PARA EMPRESA DE CONFECÇÕES SISTEMA WEB INTEGRADO PARA EMPRESA DE CONFECÇÕES RESUMO Jean Miguel Ferreira Dias 1 jeanmiguel.dias@live.com Luan Magalhães Pereira 2 mp.luan@gmail.com Carlos Eduardo de França de Roland 3 roland@facef.br

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider Ferramenta: Spider-CL Manual do Usuário Versão da Ferramenta: 1.1 www.ufpa.br/spider Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 14/07/2009 1.0 15/07/2009 1.1 16/07/2009 1.2 20/05/2010 1.3 Preenchimento

Leia mais

Di gitação de Eventos Versão 2.0 - Fevereiro/2015

Di gitação de Eventos Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Digitação de Eventos Versão 2.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 PLATAFORMA SAGE... 3 1.1 Primeiro Acesso... 4 1.2 Conhecendo a Plataforma... 5 1.3 Seleção da Empresa de Trabalho... 5 1.4 Sair do Sistema... 6

Leia mais

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Sumário Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial do Portal WEB Criando um

Leia mais

EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA

EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA EMISSÃO DE CERTIFICADOS ELETRÔNICOS NOS EVENTOS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS VIDEIRA Jeferson Boesing 1 ; Tiago Heineck 2 ; Angela Maria Crotti da Rosa 3 ; Leila Lisiane Rossi 4 INTRODUÇÃO Alunos

Leia mais

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning www.pwi.com.br 1 Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado,

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO DO FRAMEWORK - versão 2.0

DOCUMENTAÇÃO DO FRAMEWORK - versão 2.0 DOCUMENTAÇÃO DO FRAMEWORK - versão 2.0 Índice 1 - Objetivo 2 - Descrição do ambiente 2.1. Tecnologias utilizadas 2.2. Estrutura de pastas 2.3. Bibliotecas já incluídas 3 - Características gerais 4 - Criando

Leia mais

Microsoft Access XP Módulo Um

Microsoft Access XP Módulo Um Microsoft Access XP Módulo Um Neste primeiro módulo de aula do curso completo de Access XP vamos nos dedicar ao estudo de alguns termos relacionados com banco de dados e as principais novidades do novo

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

Desenvolvendo para WEB

Desenvolvendo para WEB Nível - Básico Desenvolvendo para WEB Por: Evandro Silva Neste nosso primeiro artigo vamos revisar alguns conceitos que envolvem a programação de aplicativos WEB. A ideia aqui é explicarmos a arquitetura

Leia mais

INTEGRAÇÃO RM TOTVS X MOODLE FACULDADE FALS PRAIA GRANDE. Marcello Toledo da Silva

INTEGRAÇÃO RM TOTVS X MOODLE FACULDADE FALS PRAIA GRANDE. Marcello Toledo da Silva INTEGRAÇÃO RM TOTVS X MOODLE FACULDADE FALS PRAIA GRANDE Marcello Toledo da Silva Visão geral Descrição do Projeto A Faculdade FALS Praia Grande - SP Como era Solução de Integração Moodle Problemas encontrados

Leia mais

CONCEITOS INICIAIS. Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web;

CONCEITOS INICIAIS. Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web; CONCEITOS INICIAIS Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web; O que é necessário para se criar páginas para a Web; Navegadores; O que é site, Host, Provedor e Servidor Web; Protocolos.

Leia mais

APERFEIÇOAMENTO DE PROCEDIMENTOS ESTATÍSTICOS PARA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ONLINE: IMPLANTAÇÃO DE RELATÓRIOS ARMAZENÁVEIS

APERFEIÇOAMENTO DE PROCEDIMENTOS ESTATÍSTICOS PARA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ONLINE: IMPLANTAÇÃO DE RELATÓRIOS ARMAZENÁVEIS APERFEIÇOAMENTO DE PROCEDIMENTOS ESTATÍSTICOS PARA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ONLINE: IMPLANTAÇÃO DE RELATÓRIOS ARMAZENÁVEIS Marina Pasquali Marconato Mancini CER, DEs, UFSCar 1 2 Anderson Luiz Ara-Souza

Leia mais

ROTEIRO PARA TREINAMENTO DO SAGRES DIÁRIO Guia do Docente

ROTEIRO PARA TREINAMENTO DO SAGRES DIÁRIO Guia do Docente Conceito ROTEIRO PARA TREINAMENTO DO SAGRES DIÁRIO Guia do Docente O Sagres Diário é uma ferramenta que disponibiliza rotinas que facilitam a comunicação entre a comunidade Docente e Discente de uma instituição,

Leia mais

M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r

M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r i t i l advanced Todos os direitos reservados à Constat. Uso autorizado mediante licenciamento Qualitor Porto Alegre RS Av. Ceará, 1652 São João 90240-512

Leia mais

Projeto Disciplinar de Infra-Estrutura de Software ECOFROTA TRIBUNAL THEMIS

Projeto Disciplinar de Infra-Estrutura de Software ECOFROTA TRIBUNAL THEMIS 1 Projeto Disciplinar de Infra-Estrutura de Software ECOFROTA TRIBUNAL THEMIS EDILBERTO SILVA 1, AQUILA ISRAEL (1316079) 2, CYNTHIA FERREIRA (1316079) 2, MARKO DE CASTRO (1316119) 2, RAFAELA ALMEIDA (1316189)

Leia mais

PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP

PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP MANUAL DO USUÁRIO Portal de Relacionamento - Manual do usuário... 1 SUMÁRIO 1. Informações gerais... 3 2. Sobre este documento... 3 3. Suporte técnico... 3 4. Visão Geral

Leia mais

SUMÁRIO. Faculdade Católica do Tocantins www.catolica-to.edu.br

SUMÁRIO. Faculdade Católica do Tocantins www.catolica-to.edu.br MANUAL DO PORTAL ACADÊMICO Passo a passo do Portal Acadêmico www.catolica-to.edu.br - suporterm@catolica-to.edu.br SUMÁRIO Objetivo Manual do Portal Acadêmico... 03 Navegadores... 03 Endereço Eletrônico

Leia mais

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA ACESSO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Conteúdo Tela de acesso... 4 Dados de Cadastro... 5 Dados cadastrais...

Leia mais

Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC

Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC Objetivo O objetivo do projeto é especificar o desenvolvimento de um software livre com a finalidade de automatizar a criação de WEBSITES através do armazenamento

Leia mais

Projeto de Software Social. ScyNetwork: Software Social para apoio a Comunidade Científica

Projeto de Software Social. ScyNetwork: Software Social para apoio a Comunidade Científica 1 Projeto de Software Social ScyNetwork: Software Social para apoio a Comunidade Científica Autores: Carlos Alberto Meier Basso Késsia Rita da Costa Marchi Marcelo Rafael Borth Orientador: Prof. Dr. Sérgio

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ESTRELA TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISTEMA DE LOCADORA. Rodrigo Luiz da Rosa

ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ESTRELA TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISTEMA DE LOCADORA. Rodrigo Luiz da Rosa ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ESTRELA TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISTEMA DE LOCADORA Rodrigo Luiz da Rosa Estrela 2012 EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação TÍTULO: SISTEMA DE LOCADORA AUTOR:

Leia mais

WEBDISC - Sistema Web para Gerenciamento de Disciplinas

WEBDISC - Sistema Web para Gerenciamento de Disciplinas Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP Instituto de Ciências Exatas e Biológicas - ICEB Departamento de Computação - DECOM WEBDISC - Sistema Web para Gerenciamento de Disciplinas Aluno: Antonio Carlos

Leia mais

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Dezembro/2012 2 Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Sumário de Informações do Documento Título do Documento: Resumo:

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GLPI

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GLPI MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA GLPI PERFIL TÉCNICO Versão 2.0 DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E TELECOMUNICAÇÕES PREFEITURA DE GUARULHOS SP 1 Objetivo: Esse manual tem como objetivo principal instruir os

Leia mais

(STUDY OF AGILITY IN SOFTWARE DEVELOPMENT PROCESS WITH TEAMS AT DIFFERENT WORK UNITS USING A ON-LINE MANAGEMENT TOOL)

(STUDY OF AGILITY IN SOFTWARE DEVELOPMENT PROCESS WITH TEAMS AT DIFFERENT WORK UNITS USING A ON-LINE MANAGEMENT TOOL) ESTUDO DE AGILIDADE NO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE COM EQUIPES EM DIFERENTES UNIDADES DE TRABALHO UTILIZANDO UMA FERRAMENTA DE GERENCIAMENTO ON-LINE (STUDY OF AGILITY IN SOFTWARE DEVELOPMENT

Leia mais

Processo de garantia da qualidade baseado no modelo MPS.BR. Acadêmico: Anildo Loos Orientador: Everaldo Artur Grahl

Processo de garantia da qualidade baseado no modelo MPS.BR. Acadêmico: Anildo Loos Orientador: Everaldo Artur Grahl Processo de garantia da qualidade baseado no modelo MPS.BR Acadêmico: Anildo Loos Orientador: Everaldo Artur Grahl Roteiro introdução objetivos do trabalho fundamentação teórica desenvolvimento da ferramenta

Leia mais

Aula 1 Desenvolvimento Web. Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme

Aula 1 Desenvolvimento Web. Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme Aula 1 Desenvolvimento Web Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme Plano de Aula Ementa Avaliação Ementa Noções sobre Internet. HTML

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

DIOSNEY TEIXEIRA DESENVOLVIMENTO DE UMA BIBLIOTECA VIRTUAL PARA CONSULTA AOS TRABALHOS ACADÊMICOS PRODUZIDOS NA UNEMAT CAMPUS DE BARRA DO BUGRES

DIOSNEY TEIXEIRA DESENVOLVIMENTO DE UMA BIBLIOTECA VIRTUAL PARA CONSULTA AOS TRABALHOS ACADÊMICOS PRODUZIDOS NA UNEMAT CAMPUS DE BARRA DO BUGRES DIOSNEY TEIXEIRA DESENVOLVIMENTO DE UMA BIBLIOTECA VIRTUAL PARA CONSULTA AOS TRABALHOS ACADÊMICOS PRODUZIDOS NA UNEMAT CAMPUS DE BARRA DO BUGRES BARRA DO BUGRES 2010 DIOSNEY TEIXEIRA DESENVOLVIMENTO DE

Leia mais

TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2. AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA

TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2. AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2 AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA CONTEÚDO DA AULA Tipos de Software Serviços Web Tendências 2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Leia mais

AUTOR(ES): VINICIUS RUIZ PONTES SILVA, JAQUELINE CRISTINA DA SILVA, JOÃO PAULO DE OLIVEIRA HONESTO

AUTOR(ES): VINICIUS RUIZ PONTES SILVA, JAQUELINE CRISTINA DA SILVA, JOÃO PAULO DE OLIVEIRA HONESTO Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: IMPLEMENTAÇÃO DE UM SISTEMA PARA INTERCÂMBIOS ESTUDANTIS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: ENGENHARIAS

Leia mais

Desenvolvimento de um sistema web para a divulgação das empresas da cidade de São Sebastião do Paraíso - MG

Desenvolvimento de um sistema web para a divulgação das empresas da cidade de São Sebastião do Paraíso - MG Desenvolvimento de um sistema web para a divulgação das empresas da cidade de São Sebastião do Paraíso - MG Henrique de Oliveira Graduando em Sistemas de Informação Fernando Roberto Proença Mestre em Ciência

Leia mais

Aplicação Prática de Lua para Web

Aplicação Prática de Lua para Web Aplicação Prática de Lua para Web Aluno: Diego Malone Orientador: Sérgio Lifschitz Introdução A linguagem Lua vem sendo desenvolvida desde 1993 por pesquisadores do Departamento de Informática da PUC-Rio

Leia mais

Prefeitura de Belo Horizonte. Sistema de Controle de Protocolo

Prefeitura de Belo Horizonte. Sistema de Controle de Protocolo Prefeitura de Belo Horizonte Sistema de Controle de Protocolo Relatório apresentado para concorrer ao 2º Prêmio Inovar BH conforme Edital SMARH nº 001/2014 Belo Horizonte Julho de 2014 Resumo Sendo grande

Leia mais

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina CTC Centro Tecnológico INE Departamento de Informática e Estatística INE5631 Projetos I Prof. Renato Cislaghi Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP

Leia mais

Sistema de pedidos para estabelecimentos de alimentação: QuickPed. Adailton Antonio Ribeiro

Sistema de pedidos para estabelecimentos de alimentação: QuickPed. Adailton Antonio Ribeiro 2011 Sistema de pedidos para estabelecimentos de alimentação: QuickPed Adailton Antonio Ribeiro UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS BACHARELADO EM SISTEMAS

Leia mais

Documento de Requisitos Sistema WEB GEDAI

Documento de Requisitos Sistema WEB GEDAI Universidade Federal de São Carlos Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia Departamento de Computação GEDAI-Grupo de Estudo e Desenvolvimento em Automação Industrial Documento de Requisitos Sistema WEB

Leia mais

Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS².

Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS². Aplicação Web para comércio eletrônico institucional Guilherme CORRÊA¹; Thiago DIAS². ¹Estudante do curso Análise e Desenvolvimento de sistemas. Instituto Federal de Minas Gerais campus Bambuí. Rod. Bambuí

Leia mais

Sistema BuildParty para montagem e gerenciamento de eventos. Projeto de Testes. Versão <1.1> DeltaInfo. Soluções para web Soluções para o mundo

Sistema BuildParty para montagem e gerenciamento de eventos. Projeto de Testes. Versão <1.1> DeltaInfo. Soluções para web Soluções para o mundo Sistema BuildParty para montagem e gerenciamento de eventos Projeto de Testes Versão DeltaInfo Soluções para web Soluções para o mundo DeltaInfo 2 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autores

Leia mais

Manual do Usuário Central de Agendamento. Versão 1.1

Manual do Usuário Central de Agendamento. Versão 1.1 Manual do Usuário Central de Agendamento Versão 1.1 Maio, 2014 Central de Agendamento Manual de utilização Tribunal de Justiça do Estado da Bahia Setor: Coordenação de Sistemas - COSIS Histórico de Revisões

Leia mais

Documentos IMAGEM. Sistema Web para Cadastro de Funcionários da Embrapa Pecuária Sul: Manual do Usuário. ISSN 1982-5390 Agosto, 2009

Documentos IMAGEM. Sistema Web para Cadastro de Funcionários da Embrapa Pecuária Sul: Manual do Usuário. ISSN 1982-5390 Agosto, 2009 Documentos ISSN 1982-5390 Agosto, 2009 82 Sistema Web para Cadastro de Funcionários da Embrapa Pecuária Sul: Manual do Usuário IMAGEM ISSN 1982-5390 Agosto, 2009 Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Leia mais

CRÉDITO CARGA DISTRIBUIÇÃO DA CARGA HORÁRIA HORÁRIA TEÓRIC PRÁTICA TEO/PRA T OUTRAS TEOR/PRÁTICAS 20 20 20

CRÉDITO CARGA DISTRIBUIÇÃO DA CARGA HORÁRIA HORÁRIA TEÓRIC PRÁTICA TEO/PRA T OUTRAS TEOR/PRÁTICAS 20 20 20 UNIDADE UNIVERSITÁRIA: FCT - Faculdade de Ciências e Tecnologia/UNESP CURSO: Ciência da Computação Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado OPÇÃO: DEPARTAMENTO RESPONSÁVEL: DMC Departamento de Matemática e Computação

Leia mais

Escrito por Sáb, 15 de Outubro de 2011 01:19 - Última atualização Seg, 26 de Março de 2012 03:32

Escrito por Sáb, 15 de Outubro de 2011 01:19 - Última atualização Seg, 26 de Março de 2012 03:32 Preço R$ 129.00 Compre aqui Curso de PHP O.O usando Adodb, aprenda a criar uma loja virtual (carrinho de compras) até a geração do boleto bancário. Usei: Mysql e Dreamweaver cs4. São 163 videoaulas, 2

Leia mais

Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário do Portal Ypadê Balaio Digital Tecnologia em Gestão Ltda ME. Manual do Usuário Portal Ypadê

Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário do Portal Ypadê Balaio Digital Tecnologia em Gestão Ltda ME. Manual do Usuário Portal Ypadê Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário Portal Ypadê Montes Claros, 16 de Julho de 2011 Revisão 3 Sumário 1. Apresentação do portal e escopo deste documento... 2 2. Acessando o Portal Ypadê...

Leia mais

CARDS - Jogo Educativo na Internet para Ensino a Distância

CARDS - Jogo Educativo na Internet para Ensino a Distância CARDS - Jogo Educativo na Internet para Ensino a Distância 1 Introdução Bruno Astuto Arouche Nunes Sergio Barbosa Villas-Boas 1 Henrique Falleiros Tendo em vista que o processo de ensino, nos dias de hoje,

Leia mais