PEQUENOS DETALHES TELEFLEX EM RESUMO UM FORTE PARCEIRO GLOBAL COM SER BOM NÃO É SUFICIENTE GRANDES RESULTADOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PEQUENOS DETALHES TELEFLEX EM RESUMO UM FORTE PARCEIRO GLOBAL COM SER BOM NÃO É SUFICIENTE GRANDES RESULTADOS"

Transcrição

1 CONHEÇA A TELEFLEX

2 UM FORTE PARCEIRO GLOBAL COM SER BOM NÃO É SUFICIENTE Historicamente uma empresa diversificada, fundada em 1943, com uma vasta operacionalidade nos mercados aeroespacial, industrial e da medicina ao longo dos últimos 30 anos, a Teleflex transformou o seu portefólio para se tornar numa empresa exclusivamente dedicada à tecnologia médica. Hoje em dia, a Teleflex é um dos principais fornecedores globais de dispositivos médicos especializados, utilizados em procedimentos terapêuticos e de diagnóstico em cuidados intensivos, urologia e cirurgia. A nossa missão é oferecer soluções que permitam aos prestadores de cuidados de saúde melhorar os resultados e aumentar a segurança dos doentes e do pessoal médico. Todos os dias, os hospitais, os médicos e os doentes confiam nos nossos dispositivos médicos de elevada qualidade. Destinados a cumprir os desafios de um ambiente de cuidados de saúde em mutação, os nossos produtos são concebidos para proporcionar vantagens clínicas rentáveis. Mas ser bons não é suficiente. Empenhada em formar parcerias com prestadores de cuidados de saúde, a Teleflex reforça continuamente o desenvolvimento dos seus produtos. Com grande enfoque nos clientes, o nosso objectivo é fornecer as melhores soluções em cada produto que fabricamos. Sediada em Limerick, PA, a Teleflex emprega mais de colaboradores a nível mundial e possui mais de 28 instalações operacionais nos EUA, na Europa, na Ásia, na América Latina, no Médio Oriente e em África. Servimos prestadores de cuidados de saúde em mais de 130 países.

3 PEQUENOS DETALHES GRANDES RESULTADOS TELEFLEX EM RESUMO As inovações na tecnologia médica desempenharão um papel vital para auxiliar os prestadores de cuidados de saúde a nível mundial a gerir custos e a melhorar os cuidados de saúde, afirmou Benson F. Smith, Presidente e CEO da Teleflex. O problema das infecções hospitalares é um difícil desafio que os profissionais de saúde actualmente enfrentam. É por isso que a Teleflex lançou uma iniciativa para satisfazer as necessidades inerentes, disponibilizando produtos e serviços inovadores que optimizam a segurança, a eficácia e a qualidade dos cuidados de saúde. Na maioria das vezes, são os simples detalhes que criam a base para grandes avanços. Tal é particularmente verdadeiro no caso dos produtos da Teleflex, pois quase todos eles apresentam algum tipo de inovação que, apesar de pequena, é frequentemente pioneira. Símbolo da bolsa (NYSE): TFX Funcionários da Teleflex Incorporated: a nível mundial Funcionários da Teleflex EMEA: Operações globais da Teleflex: 28 instalações A Teleflex serve clientes em: 130 países Filiais da Teleflex Medical EMEA: Áustria, Bélgica, República Checa, França, Alemanha, Grécia, República da Irlanda, Itália, Países Baixos, Portugal, República Eslovaca, República da África do Sul, Espanha, Suíça, Reino Unido As nossas marcas de renome incluem: arrow, beere medical, deknatel, gibeck, hudson rci, kmedic, pilling, pleur-evac, rüsch, sheridan, smd, taut, tfx oem, vasonova e weck, sendo todas elas marcas comerciais ou marcas comerciais registadas da Teleflex Incorporated.

4 O NOSSO PORTEFÓLIO, APTIDÕ A Teleflex oferece a última tecnologia em cateteres de acesso vascular, tais como CVCs, introdutores de bainha e linhas arteriais. Desde cateteres de inserção periférica, introdutores, produtos para diálise e cateteres especiais para acesso venoso até conjuntos de cateterização arterial e cateteres de acesso avançado de lúmenes múltiplos, os produtos da Teleflex são reconhecidos em todo o mundo. Muitos dos nossos cateteres de acesso vascular são tratados com o exclusivo ARROWg + ard Blue, um revestimento antimicrobiano que, comprovadamente, reduz as infecções na corrente sanguínea relacionadas com cateteres. ACESSO VASCULAR O portefólio exclusivo de tubos endotraqueais de elevada qualidade, máscaras laríngeas e laringoscópios da Teleflex cobre todos os tipos de intubação. Os programas abrangentes de traqueostomia disponibilizam soluções para todas as indicações de cuidados clínicos e domiciliários. Os nossos produtos de anestesia regional permitem aos médicos controlar a dor durante e após a cirurgia, além de ajudarem a reduzir o risco de complicações cardiovasculares e pulmonares. Preparada para qualquer eventualidade, a nossa ampla gama de produtos inclui cateteres espinais, epidurais e de bloqueio do nervo periférico. ANESTESIA

5 ES E EXPERIÊNCIAS Com uma reputação global indiscutível e instalações em todo o mundo, graças à nossa vasta gama de algálias de Foley, sondas para cateterização intermitente e dispositivos de recolha de urina, fornecemos produtos para controlo da bexiga para todas as indicações, aplicações e anatomias. Oferecemos igualmente um grande portefólio de produtos destinados a cirurgia urológica e endourológica. As nossas soluções urológicas cobrem as necessidades de quadros agudos e de cuidados domiciliários e ajudam a reduzir o risco de infecções nosocomiais do tracto urinário. UROLOGIA Fornecemos uma ampla gama de produtos de cuidados respiratórios para oxigenoterapia, aerossolterapia e humidificação activa para ventilação invasiva e não invasiva. Estes incluem um leque completo de circuitos respiratórios e fi ltros de alta eficácia para protecção das vias respiratórias e prevenção de infecções nasocomiais. Cada produto foi concebido com vista a obter a máxima eficácia clínica e terapêutica em qualquer ambiente. VIAS RESPIRATÓRIAS

6 Centrada nos desafios únicos que tanto os médicos como os doentes enfrentam no bloco operatório, a nossa linha abrangente inclui produtos de ligação e sutura compostos por: aplicadores, pinças, suturas e agrafadores cutâneos; instrumentos genéricos e especializados para cirurgia geral, cardiovascular, torácica, ortopédica, espinal e traumatologia, assim com portas de acesso laparoscópico utilizadas em intervenções cirúrgicas minimamente invasivas, incluindo cirurgia robótica, produtos de colangiografia e sistemas de drenagem torácica. CIRURGIA Os produtos de cuidados cardíacos proporcionam aos clientes dispositivos altamente especializados e tecnologias inovadoras. A nossa gama inclui produtos tecnologicamente avançados para aplicação na aurícula e no ventrículo esquerdos de doentes cardíacos em estado crítico e também produtos destinados à aurícula e ao ventrículo direitos, incluindo cateteres de termodiluição e de Berman, cateteres reguladores do ritmo cardíaco e vários kits de acesso transradial para procedimentos intervencionais, além de introdutores resistentes a dobras. CUIDADOS CARDÍACOS

7 AS NOSSAS MARCAS Uma vasta gama de produtos terapêuticos à base de cateteres e de dispositivos médicos de assistência cardíaca. Instrumentos e dispositivos cirúrgicos de alta qualidade especializados em cirurgia cardiovascular, torácica, ORL, plástica, ortopédica e geral. Suturas cardiovasculares. Sistemas de drenagem torácica e de gestão de fluidos. Permutador de calor e humidade chamado HME (Heat & Moisture Exchanger) para tratamentos com aerossóis medicados, administrados a doentes submetidos a ventilação mecânica. Dispositivos descartáveis e reutilizáveis para os mercados de urologia, anestesiologia, gastroenterologia e cuidados respiratórios. Uma gama completa de produtos para gestão das vias respiratórias e cuidados respiratórios, tais como oxigenoterapia e aerossolterapia, humidificação, ventilação não invasiva e suporte ventilatório com intubação. Soluções minimamente invasivas para cirurgia geral e para procedimentos ginecológicos, bariátricos, pediátricos e urológicos especializados. Fabricante de sistemas de ligação manual, suturas cardiovasculares e produtos cardíacos minimamente invasivos. Instrumentos cirúrgicos ortopédicos especializados. Especializados em produtos e formação sobre cateterização intermitente.

8 Cateteres venosos centrais Acesso para hemodiálise Monitorização hemodinâmica Traumatologia e cirurgia Tubos endotraqueais e tubos de duplo lúmen Tubos orofaríngeos e nasofaríngeos Laringoscópios Traqueotomia Anestesia regional Aerossolterapia e oxigenoterapia Humidificação Filtração bacteriana / viral Instrumentação cirúrgica ARROW GIBECK HUDSON KMEDIC PILLING RÜSCH WECK Cateteres venosos centrais PICC Acesso para hemodiálise Monitorização hemodinâmica Acesso arterial Traumatologia e cirurgia Anestesia regional Controlo normal da bexiga Cirurgia urológica e endourológica Sondas para cateterização intermitente Ligação Endocirurgia / acesso laparoscópico Cirurgia e drenagem cardiotorácica Instrumentação cirúrgica Cateteres e bomba de balão intra-aórtico Produtos para a aurícula e o ventrículo direitos Acesso transradial ARROW DEKNATEL KMEDIC MEDICAL SERVICE PILLING PLEUR-EVAC RÜSCH TAUT WECK Anestesia regional Ligação Instrumentação cirúrgica ARROW KMEDIC PILLING WECK

9 A Teleflex é um dos principais fornecedores globais de dispositivos médicos especializados em procedimentos terapêuticos e de diagnóstico nas áreas de cuidados intensivos, urologia e cirurgia. A nossa missão é oferecer soluções que permitam aos prestadores de cuidados de saúde melhorar os resultados e aumentar a segurança dos doentes e do pessoal médico. Estamos especializados em dispositivos para anestesia geral e regional, cuidados cardíacos, cuidados respiratórios, urologia, acesso vascular e cirurgia, trabalhando com prestadores de cuidados de saúde em mais de 130 países. A Teleflex oferece igualmente produtos especializados a fabricantes de dispositivos médicos. As nossas marcas bem conhecidas incluem arrow, beere medical, deknatel, gibeck, hudson rci, kmedic, pilling, pleur-evac, rüsch, sheridan, smd, taut, tfx oem, vasonova e weck, sendo todas elas marcas comerciais ou marcas registadas da Teleflex Incorporated. Operações globais da Teleflex Medical: África do Sul, Alemanha, Áustria, Bélgica, Canadá, China, Espanha, EUA, França, Grécia, Índia, Irlanda, Itália, Japão, México, Países Baixos, Portugal, Reino Unido, República Checa, República Eslovaca, Singapura, Suíça e Uruguai. OS SEUS CONTACTOS NA EUROPA, MÉDIO ORIENTE E ÁFRICA (EMEA): TELEFLEX SEDE EMEA, IRLANDA Teleflex Medical Europe Ltd., IDA Business Park, Athlone, Co. Westmeath Teléfono +353 (0) Fax +353 (0) ÁFRICA DO SUL +27 (0) ALEMANHA +49 (0) ÁUSTRIA +43 (0) BÉLGICA +32 (0) ESPANHA FRANÇA +33 (0) GRÉCIA ITÁLIA PAÍSES BAIXOS +31 (0) PORTUGAL REINO UNIDO +44 (0) REPÚBLICA CHECA +420 (0) REPÚBLICA ESLOVACA +421 (0) SUÍÇA +41 (0) Para informação detalhada ver Os produtos contidos neste catálogo só estão disponíveis na EMEA (Europa, Médio Oriente, África). Para mais informação, contacte o nosso representante local. Todos os dados são actuais na altura da impressão (02/2012). Sujeito a alterações técnicas sem aviso prévio REV B MC / GH

Melhora os resultados durante procedimentos selectivos

Melhora os resultados durante procedimentos selectivos RÜSCH EZ-BLOCKER Melhora os resultados durante procedimentos selectivos O inovador EZ-Blocker TM - Pequenos pormenores, aperfeiçoamentos notáveis Bloqueador brônquico inovador em forma de Y O EZ-Blocker

Leia mais

Finalmente, uma máscara laríngea com base científica

Finalmente, uma máscara laríngea com base científica Máscara Laríngea TELEFLEX Sure Seal Finalmente, uma máscara laríngea com base científica Máscaras Laríngeas Sure Seal da Teleflex Preocupamo-nos com os seus doentes. Por isso, criámos uma gama completa

Leia mais

CONJUNTO DE TRAQUEOSTOMIA RUSCH SISTEMA DE LIGAÇÃO HORIZON CRYSTALCLEAR PLUS

CONJUNTO DE TRAQUEOSTOMIA RUSCH SISTEMA DE LIGAÇÃO HORIZON CRYSTALCLEAR PLUS CONJUNTO DE TRAQUEOSTOMIA RUSCH SISTEMA DE LIGAÇÃO HORIZON CRYSTALCLEAR PLUS O nome você já conhece, o produto você já confia. Mais conforto e segurança para o paciente e o provedor de saúde. RUSCH CRYSTALCLEAR

Leia mais

2009/2010 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM DE ANESTESIA

2009/2010 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM DE ANESTESIA 2009/2010 COMISSÃO CIENTÍFICA Celínia Antunes Cristina Baião Fernanda Príncipe Henrique Dias Jorge Coelho José Alberto Martins José David Ferreira Marcos Pacheco Nuno Tavares Lopes Paulo Amorim Paulo Figueiredo

Leia mais

Equipamento hospitalar Missionpharma. - Uma divisão do Grupo Missionpharma. Aproximando pessoas e produtos

Equipamento hospitalar Missionpharma. - Uma divisão do Grupo Missionpharma. Aproximando pessoas e produtos Equipamento hospitalar Missionpharma - Uma divisão do Grupo Missionpharma Aproximando pessoas e produtos Sobre nós Ao longo das últimas três décadas, a Missionpharma forneceu e instalou equipamento em

Leia mais

Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt

Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos 2012 1 2 Sobre a COSEC O que é o Seguro de Créditos

Leia mais

cateter de Swan-Ganz

cateter de Swan-Ganz cateter de Swan-Ganz Dr. William Ganz Dr. Jeremy Swan A introdução, por Swan e Ganz, de um cateter que permitia o registro de parâmetros hemodinâmicos na artéria pulmonar a partir de 1970 revolucionou

Leia mais

Norma - Algaliação. Terapêutica Permitir a permeabilidade das vias urinárias. Diagnóstica Determinar por exemplo o volume residual

Norma - Algaliação. Terapêutica Permitir a permeabilidade das vias urinárias. Diagnóstica Determinar por exemplo o volume residual Norma - Algaliação DEFINIÇÃO Consiste na introdução de um cateter da uretra até á bexiga. É uma técnica asséptica e invasiva. Sendo uma intervenção interdependente, isto é, depende da prescrição de outros

Leia mais

DA IH À IACS: A NOMENCLATURA MUDOU ALGUMA COISA? Elaine Pina

DA IH À IACS: A NOMENCLATURA MUDOU ALGUMA COISA? Elaine Pina DA IH À IACS: A NOMENCLATURA MUDOU ALGUMA COISA? Hospitais Públicos P e Privados Elaine Pina O NOME DAS COISAS What s s there in a name? A rose by any other name would smell as sweet William Shakespeare

Leia mais

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR Viana do Castelo, 11de Fevereiro www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos, S.A. 2014 Índice Sobre a COSEC Seguro de Créditos Soluções à medida em resumo

Leia mais

O que está no interior faz toda a diferença

O que está no interior faz toda a diferença BREVE APRESENTAÇÃO DA ZENTIVA O que está no interior faz toda a diferença Visão global da Zentiva Localizada no centro da Europa, a Zentiva opera em 32 mercados e fornece medicamentos a cerca de 800 milhões

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 802 Médico Alergia e

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 004 Médico - Alergia e Imunologia

Leia mais

Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica

Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica 27 de Janeiro, 2010 13ª edição Anual do CEO Survey da PricewaterhouseCoopers em Davos Gestores mundiais mais confiantes na recuperação económica Cerca de 40% dos CEOs prevê aumentar o número de colaboradores

Leia mais

O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS

O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS Ericeira, 11 de Fevereiro 2011 DEFINIÇÃO De acordo com a OMS (2003), a Reabilitação Cardíaca é um conjunto De acordo com a OMS (2003), a Reabilitação

Leia mais

Os seus dentes, naturalmente. sãos. PRGF -Endoret BENEFÍCIOS DO PLASMA RICO EM FATORES DE CRESCIMENTO bioseguro 100 % autólogo patenteado

Os seus dentes, naturalmente. sãos. PRGF -Endoret BENEFÍCIOS DO PLASMA RICO EM FATORES DE CRESCIMENTO bioseguro 100 % autólogo patenteado Os seus dentes, naturalmente sãos PRGF -Endoret BENEFÍCIOS DO PLASMA RICO EM FATORES DE CRESCIMENTO bioseguro 100 % autólogo patenteado PRGF -Endoret O QUE É O PLASMA RICO EM FACTORES DE CRESCIMENTO? INVESTIGAÇÃO

Leia mais

"Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade." (Adaptado livremente de A. Einstein)

Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade. (Adaptado livremente de A. Einstein) Fácil assim. 12345 "Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade." (Adaptado livremente de A. Einstein) 12345 Tudo é mais fácil com Lenze. O forte dinamismo dos tempos atuais o coloca em confronto

Leia mais

everis Health Inovando e criando valor no setor da Saúde Apresentação corporativa

everis Health Inovando e criando valor no setor da Saúde Apresentação corporativa everis Health Inovando e criando valor no setor da Saúde Apresentação corporativa 1 confidencialidade Aviso: Este documento é material confidencial e propriedade de everis. É proibida a reprodução ou a

Leia mais

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016 4600074 1 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600086 2 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600489 3 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600487 4 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600670 5 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600415 6 100 100 - CIRURGIA

Leia mais

CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014

CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014 CURSO DE HABILIDADES PRÁTICAS EM MEDICINA INTENSIVA 8 e 9 de agosto de 2014 03 e 04 de outubro de 2014 Coordenação Dr. Luciano Cesar Pontes Azevedo Doutor em medicina pela Universidade de São Paulo - USP

Leia mais

Conhecimentos em Clínica Médica.

Conhecimentos em Clínica Médica. ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA s com Acesso Direto Acupuntura Anestesiologia Cirurgia Geral Dermatologia Infectologia Medicina da Família e Comunidade Medicina Nuclear Neurocirurgia Neurologia Conhecimentos

Leia mais

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016 4600074 1 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600086 2 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600489 3 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600487 4 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600670 5 100 100 - CIRURGIA

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2015

Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Volume 42 Ano base 2014 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2013-2014

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 006 Médico - Anestesiologia

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO FINAL DA SELEÇÃO PÚBLICA PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS COMO COOPERADOS NA UNIMED JUIZ DE FORA 01/2012

CLASSIFICAÇÃO FINAL DA SELEÇÃO PÚBLICA PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS COMO COOPERADOS NA UNIMED JUIZ DE FORA 01/2012 34288 Acupuntura 59 aprovado 3 45210 Alergia e Imunologia 56,5 aprovado 5 42926 Anestesiologia 62,5 aprovado 48867 Anestesiologia 60,5 aprovado 48235 Anestesiologia 59 aprovado 9 48302 Anestesiologia 56

Leia mais

ética rigor confiança

ética rigor confiança ELNOR PHARMA wherever you are we take care ética rigor confiança ELNOR PHARMA A Elnor Pharma é uma empresa privada de direito angolano, com sede em Luanda, vocacionada para a distribuição de Consumíveis,

Leia mais

Copyright Medical Port 2015 PROGRAMA DE PERDA DE PESO!

Copyright Medical Port 2015 PROGRAMA DE PERDA DE PESO! PROGRAMA DE PERDA DE PESO Agenda O método holístico de Perda de Peso Apresentação do corpo clínico Diferentes programas de perda de peso Unidades de saúde O Método holístico de Perda de Peso The importance

Leia mais

USO PRÁTICO DOS INDICADORES DE IRAS: SUBSIDIANDO O TRABALHO DA CCIH HOSPITAIS COM UTI

USO PRÁTICO DOS INDICADORES DE IRAS: SUBSIDIANDO O TRABALHO DA CCIH HOSPITAIS COM UTI USO PRÁTICO DOS INDICADORES DE IRAS: SUBSIDIANDO O TRABALHO DA CCIH HOSPITAIS COM UTI Débora Onuma Médica Infectologista INTRODUÇÃO O que são Indicadores? 1. Indicador é uma medida quantitativa que pode

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00 Almoço

Leia mais

hp hardware support On-Site - GLOBAL

hp hardware support On-Site - GLOBAL hp hardware support On-Site - descrição geral do O de resposta global no dia útil seguinte da HP proporciona aos utilizadores de computadores portáteis uma solução de suporte de hardware para Produtos

Leia mais

Acreditamos que o seu sucesso é o nosso sucesso: Porque o todo é maior que a soma das partes.

Acreditamos que o seu sucesso é o nosso sucesso: Porque o todo é maior que a soma das partes. Acreditamos que o seu sucesso é o nosso sucesso: Porque o todo é maior que a soma das partes. Com 17 anos de história a Onebiz representa 6 áreas de negócio Conjunto de marcas Serviços especializados Liderança

Leia mais

FORMAÇÃO E INVESTIGAÇÃO EM PREVENÇÃO E CONTROLO DE INFEÇÃO SEMINÁRIO IACS

FORMAÇÃO E INVESTIGAÇÃO EM PREVENÇÃO E CONTROLO DE INFEÇÃO SEMINÁRIO IACS FORMAÇÃO E INVESTIGAÇÃO EM PREVENÇÃO E CONTROLO DE INFEÇÃO ENFERMEIRA AGRIPINA TENDER PREVENÇÃO E CONTROLO DA INFEÇÃO ASSOCIADA AOS CUIDADOS DE SAÚDE Formação Investigação IACS Infecção Associada aos Cuidados

Leia mais

Pacote de medidas (bundle) Expediente

Pacote de medidas (bundle) Expediente Expediente Coordenação e Edição Carolina Guadanhin Coordenação Técnica Ivan Pozzi Cláudia Carrilho Produção e Edição Dayane Santana Revisão Gramatical Jackson Liasch Projeto Gráfico OZLondrina Impressão

Leia mais

Arrow CVC Systems PORQUE É A ARROW A PRIMEIRA ESCOLHA PARA O ACESSO VENOSO?

Arrow CVC Systems PORQUE É A ARROW A PRIMEIRA ESCOLHA PARA O ACESSO VENOSO? Arrow CVC Systems PORQUE É A ARROW A PRIMEIRA ESCOLHA PARA O ACESSO VENOSO? Parceria Estamos ansiosos por aderir à sua equipa de ensino local. Disponibilizamos, de imediato e no nosso site, muita informação

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 Médico Alergia

Leia mais

NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS:

NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS: NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS: Acesso a cuidados de saúde programados na União Europeia, Espaço Económico Europeu e Suiça. Procedimentos para a emissão do Documento

Leia mais

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME 15.06.2010 Institucional \ Breve Introdução A NEWVISION é uma empresa Portuguesa de base tecnológica, que tem como objectivo

Leia mais

Aviso Urgente de Segurança

Aviso Urgente de Segurança Aviso Urgente de Segurança Este é um aviso urgente de segurança relativo ao uso do desfibrilhador externo Automático da Welch Allyn, AED 10 e MRL Jumpstart. Nota: AED10s com números de série que começam

Leia mais

IP Communications Platform

IP Communications Platform IP Communications Platform A Promessa de Convergência, Cumprida As comunicações são essenciais para os negócios mas, em última análise, estas são conduzidas a nível pessoal no ambiente de trabalho e por

Leia mais

KIT DE IMPRENSA 2015

KIT DE IMPRENSA 2015 KIT DE IMPRENSA 2015 Medcomtech Group em 1 minuto Medcom Tech nasceu em 2001 da mão de Juan Sagales e Alejandro Roca de Viñals com o objetivo de comercializar produtos tecnicamente avançados em cirurgia

Leia mais

HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA. Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica

HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA. Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSU Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica Programa de Pós-Graduação 2014 Caracterização do curso: Instituições: Instituto D Or de Pesquisa e

Leia mais

Operação e manutenção

Operação e manutenção Operação e manutenção Todo o apoio de que necessita de um parceiro energético Apoio à operação e manutenção Apoio à operação e manutenção de fonte única fiável para garantia total Ganhar o máximo de tempo

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio AGENDA HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00

Leia mais

A Merit Medical Systems, Inc. (NASDAQ: MMSI) tem

A Merit Medical Systems, Inc. (NASDAQ: MMSI) tem COMPONENTES DISPOSITIVOS POSSIBILIDADES A Merit Medical Systems, Inc. (NASDAQ: MMSI) tem projetado, fabricado e comercializado dispositivos médicos descartáveis para hospitais de todo o mundo há mais de

Leia mais

Obrigações Legais dos Produtores de Resíduos Hospitalares e método de tratamento Cannon Hygiene

Obrigações Legais dos Produtores de Resíduos Hospitalares e método de tratamento Cannon Hygiene Seminários 2015 Resíduos Hospitalares Obrigações Legais dos Produtores de Resíduos Hospitalares e método de tratamento Cannon Hygiene Francisco Valente OBJETIVOS Informação sobre as obrigações legais dos

Leia mais

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85 01 - ÁREAS BÁSICAS COM ACESSO DIRETO 1 ANESTESIOLOGIA - 3 ANOS 15 165 11,0 2 CIRURGIA GERAL - 2 ANOS 46 211 4,6 3 CLÍNICA MÉDICA - 2 ANOS 54 275 5,1 4 DERMATOLOGIA - 3 ANOS 5 88 17,6 5 INFECTOLOGIA - 3

Leia mais

GRUPO SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE BELO HORIZONTE PROCESSO SELETIVO - RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 RESULTADO FINAL 1ª Etapa Prova Objetiva.

GRUPO SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE BELO HORIZONTE PROCESSO SELETIVO - RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 RESULTADO FINAL 1ª Etapa Prova Objetiva. 101 Anestesiologia 1167427 84,00 5,60-89,60 1 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1168953 78,00 8,00-86,00 2 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1169652 75,60 8,50-84,10 3 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1170741

Leia mais

LMA Supreme Second Seal. Mantém a via aérea. Gerencia os conteúdos gástricos. Atende às recomendações do NAP4.

LMA Supreme Second Seal. Mantém a via aérea. Gerencia os conteúdos gástricos. Atende às recomendações do NAP4. LMA Supreme Second Seal Mantém a via aérea. Gerencia os conteúdos gástricos. Atende às recomendações do NAP4. Comprovada dupla vedação A importância do Second Seal (vedação esofágica) é significativa:

Leia mais

O valor da certificação acreditada

O valor da certificação acreditada Certificado uma vez, aceito em toda parte O valor da certificação acreditada Relatório de Pesquisa Publicado em maio de 212 Em 21/11, o IAF realizou uma pesquisa mundial para capturar o feedback de mercado

Leia mais

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INFORMAÇÕES GERAIS 1 - A Residência em Medicina constitui modalidade de ensino de pós-graduação, destinada

Leia mais

Um pouco sobre nós. Tecnologia e modernas instalações

Um pouco sobre nós. Tecnologia e modernas instalações Um pouco sobre nós. Referência em Medicina Ocupacional, Saúde do Trabalhador em Uberlândia e Região. Nosso objetivo é solucionar os problemas ligados à preservação da saúde e segurança do trabalhador,

Leia mais

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº 02/2011

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº 02/2011 SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº /2011 A Coordenação Geral do Grupo Gestor da SURCE e a Coordenação de Ensino e Pesquisa dos Hospitais Universitários

Leia mais

hospital de dia oncológico

hospital de dia oncológico guia do chtmad nota introdutória Sempre a pensar em si e para que possa beneficiar na totalidade de todos os nossos serviços, apresentam-se algumas informações que se consideram ser do seu interesse. Lembramos

Leia mais

Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 390 1 Classificado Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 405 2 Classificado.

Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 390 1 Classificado Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 405 2 Classificado. Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 21 1 Classificado Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 1115 2 Classificado Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 32 3 Classificado

Leia mais

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina HISTÓRICO 1975 Universidade de Limburg MAASTRICHT Holanda Cria o Instituto Educacional para Treinamento de Habilidades Médicas M SKILLSLAB HISTÓRICO

Leia mais

Crescimento Econômico. Professor Afonso Henriques Borges Ferreira

Crescimento Econômico. Professor Afonso Henriques Borges Ferreira Crescimento Econômico Professor Afonso Henriques Borges Ferreira PIB do Brasil 1947 / 2006 R$ de 1980 PIB do Brasil tendência linear Y t = Y 0 e rt ln Y t = ln Y 0 + rt 3 2 1 0-1 50 55 60 65 70 75 80 85

Leia mais

P R O D U T O S T E L E F L E X M E D I C A L PARA ANESTESIA REGIONAL

P R O D U T O S T E L E F L E X M E D I C A L PARA ANESTESIA REGIONAL ARROW Rüsch P R O D U T O S T E L E F L E X M E D I C A L PARA ANESTESIA REGIONAL Anestesia regional e controlo da dor A anestesia regional, que permite reduzir o stress dos doentes e obter uma maior economia,

Leia mais

Guia de bolso. System One REMstar Pro e REMstar Auto

Guia de bolso. System One REMstar Pro e REMstar Auto Guia de bolso System One REMstar Pro e REMstar Auto Este guia de bolso não substitui o manual completo. Pode consultar informações adicionais importantes nos manuais dos respectivos dispositivos. Controlos

Leia mais

Cursos Lato Sensu em funcionamento Campus Santo Amaro 1º Semestre de 2015 29 de maio de 2015 Unidade: Faculdade de Ciências Médicas - FCM

Cursos Lato Sensu em funcionamento Campus Santo Amaro 1º Semestre de 2015 29 de maio de 2015 Unidade: Faculdade de Ciências Médicas - FCM Cursos Lato Sensu em funcionamento Campus Santo Amaro Unidade: Faculdade de Ciências Médicas FCM Programas de Médica Tipo Coordenador Resolução Carga Anestesiologia Maria Eunice de V. 2012/2013 R1 = 04

Leia mais

Dia Europeu do ENFERMEIRO PERIOPERATÓRIO BLOCO OPERATÓRIO CENTRAL

Dia Europeu do ENFERMEIRO PERIOPERATÓRIO BLOCO OPERATÓRIO CENTRAL ACOLHIMENTO DO UTENTE NO BLOCO OPERATÓRIO É REALIZADO POR UM ENFERMEIRO CUJO PRINCIPAL OBJECTIVO É TRANSMITIR SEGURANÇA AO UTENTE, ESCLARECER AS SUAS DÚVIDAS E RECEIOS DE MODO A QUE ESTE SE SINTA SEGURO

Leia mais

http://www.clinicamulti-age.pt/marcacao.html

http://www.clinicamulti-age.pt/marcacao.html http://www.clinicamulti-age.pt/marcacao.html CENTRO DE CULTURA E DESPORTO DOS TRABALHAORES DE VILA NOVA DE GAIA PROTOCOLO DE ASSISTÊNCIA MÉDICA Entre, Centro de Cultura e Desporto dos Trabalhadores de

Leia mais

CONHEÇA A ADT. A empresa que protege seus bens e sua família.

CONHEÇA A ADT. A empresa que protege seus bens e sua família. CONHEÇA A ADT A empresa que protege seus bens e sua família. NOSSA EMPRESA MAIOR EMPRESA ESPECIALIZADA EM SEGURANÇA E INCÊNDIO A ADT pertence à Tyco, a maior empresa de segurança e incêndio do mundo, com

Leia mais

MACRO AMBIENTE DA INOVAÇÃO

MACRO AMBIENTE DA INOVAÇÃO MACRO AMBIENTE DA INOVAÇÃO Ambiente de Inovação em Saúde EVENTO BRITCHAM LUIZ ARNALDO SZUTAN Diretor do Curso de Medicina Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo SOCIEDADES CONHECIMENTO

Leia mais

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS www.prochile.gob.cl O Chile surpreende pela sua variada geografia. Suas montanhas, vales, desertos, florestas e milhares de quilômetros de costa, o beneficiam

Leia mais

Ranking Mundial de Juros Reais SET/14

Ranking Mundial de Juros Reais SET/14 Ranking Mundial de Juros Reais SET/14 O Ranking Mundial de Juros Reais é um comparativo entre as taxas praticadas em 40 países do mundo e os classifica conforme as taxas de juros nominais determinadas

Leia mais

Despacho n.º 242/96. Sumário: Resíduos hospitalares.

Despacho n.º 242/96. Sumário: Resíduos hospitalares. Despacho n.º 242/96 Sumário: Resíduos hospitalares. A existência de resíduos provenientes da prestação de cuidados de saúde a seres humanos, incluindo as actividades médicas de prevenção, diagnóstico,

Leia mais

Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida.

Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida. Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida. HYDAC Matriz na Alemanha Seu parceiro competente para acumuladores hidráulicos inovadores e sistemas híbridos. Todos os requerimentos para eficientes soluções

Leia mais

O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando:

O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando: PORTARIA Nº 3.432/MS/GM, DE 12 DE AGOSTO DE 1998 O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando: a importância na assistência das unidades que realizam tratamento intensivo

Leia mais

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes.

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes. 3. Geografia Turística 3.1 Geografia Turística: Brasil de Ponta a Ponta Proporcionar ao participante melhor compreensão geográfica do país; Apresentar as principais especificidades existentes nos continentes

Leia mais

Brasil precisa de médicos. Brasil 1,8 Argentina 3,2 Uruguai 3,7 Portugal 3,9 Espanha 4 Reino Unido 2,7 Austrália 3 Itália 3,5 Alemanha 3,6

Brasil precisa de médicos. Brasil 1,8 Argentina 3,2 Uruguai 3,7 Portugal 3,9 Espanha 4 Reino Unido 2,7 Austrália 3 Itália 3,5 Alemanha 3,6 Brasil precisa de médicos Médicos/mil habitantes Brasil 1,8 Argentina 3,2 Uruguai 3,7 Portugal 3,9 Espanha 4 Reino Unido 2,7 Austrália 3 Itália 3,5 Alemanha 3,6 2 22 estados estão abaixo da média nacional

Leia mais

MAIS PROTEÇÃO PARA O SEU NEGÓCIO. CÁ DENTRO E LÁ FORA.

MAIS PROTEÇÃO PARA O SEU NEGÓCIO. CÁ DENTRO E LÁ FORA. MAIS PROTEÇÃO PARA O SEU NEGÓCIO. CÁ DENTRO E LÁ FORA. www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos, S.A. 2014 Índice Sobre a COSEC Porquê a COSEC Seguro de Créditos Soluções à medida COSEC em resumo

Leia mais

Clínica Universidad de Navarra

Clínica Universidad de Navarra Clínica Universidad de Navarra 50 anos de experiência Ao serviço dos nossos doentes Certificada desde 2004 pela Joint Commission International*, a Clínica Universidad de Navarra é, desde a sua fundação

Leia mais

Dimensão Segurança do Doente. Check-list Procedimentos de Segurança

Dimensão Segurança do Doente. Check-list Procedimentos de Segurança 1. 1.1 1.2 Cultura de Segurança Existe um elemento(s) definido(s) com responsabilidade atribuída para a segurança do doente Promove o trabalho em equipa multidisciplinar na implementação de processos relativos

Leia mais

Uma Rede de apoio à competitividade das empresas. 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa

Uma Rede de apoio à competitividade das empresas. 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa Uma Rede de apoio à competitividade das empresas 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa Quem somos Quem somos? Onde estamos? Criada pela Comissão Europeia no âmbito do Programa Quadro para a Competitividade

Leia mais

Instituto Nacional de Estatística divulgou A Península Ibérica em Números - 2007

Instituto Nacional de Estatística divulgou A Península Ibérica em Números - 2007 'DWD 7HPD $FRQWHFLPHQWR 21/12 Economia 20/12 Demografia Instituto Nacional de Estatística divulgou A Península Ibérica em Números - 2007 http://www.ine.pt/portal/page/portal/portal_ine/publicacoes?publicacoespub_boui=10584451&publicacoesm

Leia mais

Ação Cultural Externa Relatório Anual 2011 - Indicadores DSPDCE - 2012

Ação Cultural Externa Relatório Anual 2011 - Indicadores DSPDCE - 2012 Ação Cultural Externa Relatório Anual 0 Indicadores DSPDCE 0 .Iniciativas apoiadas pelo IC a) Número (total): 0 b) Montante global:.0,0,* Áreas Geográficas África América Ásia Europa Médio Oriente e Magrebe

Leia mais

Máscara ISO-Gard com tecnologia ClearAir. Reduza o risco invisível

Máscara ISO-Gard com tecnologia ClearAir. Reduza o risco invisível Máscara ISO-Gard com tecnologia ClearAir Reduza o risco invisível A ÁREA MAIS CRÍTICA DA UCPA A zona respiratória, diretamente na frente da boca do paciente, é o lugar em que os resíduos de gases anestésicos

Leia mais

Código: ENFDIG Disciplina: DIDÁTICA GERAL Fase: 5ª Grade curricular: 2000 Pré-requisitos: Psicologia da Educação DESCRIÇÃO DO PROGRAMA:

Código: ENFDIG Disciplina: DIDÁTICA GERAL Fase: 5ª Grade curricular: 2000 Pré-requisitos: Psicologia da Educação DESCRIÇÃO DO PROGRAMA: 21cir FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecimento: Portaria nº 604, de 31 de maio de 1995 E-mail: denf@unir.br Campus Porto Velho/RO. BR 364,

Leia mais

INFECÇÃO DA CORRENTE SANGUÍNEA

INFECÇÃO DA CORRENTE SANGUÍNEA INFECÇÃO DA CORRENTE SANGUÍNEA Enfª Marcia Daniela Trentin Serviço Municipal de Controle de Infecção Esta aula foi apresentada na Oficina de Capacitação para a utilização do Sistema Formsus na notificação

Leia mais

Atlas Copco. Sistemas de vácuo para fins medicinais mvac mvac-250 mvac-9200

Atlas Copco. Sistemas de vácuo para fins medicinais mvac mvac-250 mvac-9200 Atlas Copco Sistemas de vácuo para fins medicinais mvac Uma fonte fiável de vácuo para fins medicinais Os sistemas de vácuo para fins medicinais mvac da Atlas Copco são constituídos por 2 a 6 bombas de

Leia mais

MNE DGAE. Tratado de Lisboa. A Europa rumo ao século XXI

MNE DGAE. Tratado de Lisboa. A Europa rumo ao século XXI Tratado de Lisboa A Europa rumo ao século XXI O Tratado de Lisboa Índice 1. Contextualização 1.1. Porquê um novo Tratado? 1.2. Como surgiu o Tratado de Lisboa? 2. O que mudará com o Tratado de Lisboa?

Leia mais

Infeções associadas aos cuidados de saúde no contexto do CHCB. Vasco Lino 2015-06-16

Infeções associadas aos cuidados de saúde no contexto do CHCB. Vasco Lino 2015-06-16 Infeções associadas aos cuidados de saúde no contexto do CHCB Vasco Lino 2015-06-16 GCL- PPCIRA Grupo de Coordenação Local do Programa de Prevenção e Controlo das Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos

Leia mais

Figura 1 Principais áreas de atuação

Figura 1 Principais áreas de atuação AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA GREVE DA ANVISA NO SETOR DE SAÚDE A Associação Brasileira da Indústria de Alta Tecnologia de Equipamentos, Produtos e Suprimentos Médico-Hospitalares realizou junto as suas empresas

Leia mais

Gestão e tecnologia para PME s

Gestão e tecnologia para PME s www.sage.pt Gestão e tecnologia para PME s Sage Porto Sage Lisboa Sage Portugal A longa experiência que temos vindo a acumular no desenvolvimento de soluções integradas de software de gestão para as pequenas

Leia mais

Operação PANGEA II. IIWA ( Internet Week of Action) 19 de Novembro 2009

Operação PANGEA II. IIWA ( Internet Week of Action) 19 de Novembro 2009 Operação PANGEA II IIWA ( Internet Week of Action) 1 19 de Novembro 2009 Operação PANGEA II Enquadramento - Combate à contrafacção a nível mundial realizado por agências do medicamento e autoridades competentes

Leia mais

Página 1 de 4. Código Especialidade Requisitos

Página 1 de 4. Código Especialidade Requisitos CONCURSO PÚBLICO 12/2014-EBSERH/HU-UFMA ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS RETIFICADO Código Especialidade Requisitos 801 Médico

Leia mais

ANGIOGRAFIA DOS ACESSOS, SÃO ASSIM TÃO DISPENDIOSAS? JORGE SILVA, ALMADA

ANGIOGRAFIA DOS ACESSOS, SÃO ASSIM TÃO DISPENDIOSAS? JORGE SILVA, ALMADA ANGIOGRAFIA DOS ACESSOS, SÃO ASSIM TÃO DISPENDIOSAS? JORGE SILVA, ALMADA Há que distinguir: Custo real do procedimento O que o hospital gasta para executar o procedimento Preço da faturação Em quanto é

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: : PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional:Técnico em enfermagem Qualificação:

Leia mais

PROGRAMA DATA LOCAL E INFORMAÇÕES HORÁRIO

PROGRAMA DATA LOCAL E INFORMAÇÕES HORÁRIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE - SANTA CASA DE PORTO ALEGRE COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA PROCESSO SELETIVO DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 CALENDÁRIO DA 2ª

Leia mais

Necessidades humanas básicas: oxigenação. Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo

Necessidades humanas básicas: oxigenação. Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo Necessidades humanas básicas: oxigenação Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo Revisão Revisão O Fatores que afetam a oxigenação Fisiológicos; Desenvolvimento; Estilo de vida; Ambiental. Fisiológicos

Leia mais

Programa de Formação do Internato Complementar de Medicina Interna aprovado pelo Colégio

Programa de Formação do Internato Complementar de Medicina Interna aprovado pelo Colégio Programa de Formação do Internato Complementar de Medicina Interna aprovado pelo Colégio 1 Duração do internato 60 meses. 2 Definição e âmbito: 2.1 A Medicina Interna ocupa-se da prevenção, diagnóstico

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ

CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ Gabarito Preliminar CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ MÉDICO - ALERGIA E IMUNOLOGIA D A B E C D D C A B C C E A E E B B E B D A C D A MÉDICO

Leia mais

BEM-VINDO AO MUNDO DA ENDOSCOPIA. O novo centro de visitantes KARL STORZ aguarda você

BEM-VINDO AO MUNDO DA ENDOSCOPIA. O novo centro de visitantes KARL STORZ aguarda você BEM-VINDO AO MUNDO DA ENDOSCOPIA O novo centro de visitantes KARL STORZ aguarda você 1 Uma nova experiência no mundo da endoscopia Com o novo centro de visitantes, a KARL STORZ criou mais do que apenas

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA DATA: 1 a 3 de SETEMBRO LOCAL: HOTEL GOLDEN TULIP / VITÓRIA-ES Realização: Tema: O Envolvimento Interdisciplinar na Qualidade de Assistência e na Segurança do Paciente COMISSÃO ORGANIZADORA

Leia mais

Seminário: "TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO"

Seminário: TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO Seminário: "TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO" FLEURY LINHA DO TEMPO Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso

Leia mais

PAÍSES PRESENTES. República Tcheca. Coreia do Sul. Alemanha. Inglaterra. Angola. Equador. Suiça. Israel. Argentina. Espanha. Itália. Taiwan.

PAÍSES PRESENTES. República Tcheca. Coreia do Sul. Alemanha. Inglaterra. Angola. Equador. Suiça. Israel. Argentina. Espanha. Itália. Taiwan. 1 O EVENTO 3 4 PAÍSES PRESENTES Alemanha Coreia do Sul Inglaterra República Tcheca Angola Equador Israel Suiça Argentina Espanha Itália Taiwan Áustria EUA Japão Turquia Brasil Finlândia México Uruguai

Leia mais

Soluções de automação da Pilz

Soluções de automação da Pilz Soluções de automação da Pilz Soluções de automação Pilz All in One: Safety & Automation A Pilz oferece soluções variadas para sua automação. Desde a tecnologia de sensores, passando pela tecnologia de

Leia mais

PRODUTOS PARA CUIDADOS INTENSIVOS. Cannon II Plus. Cateter de Hemodiálise Crónica

PRODUTOS PARA CUIDADOS INTENSIVOS. Cannon II Plus. Cateter de Hemodiálise Crónica PRODUTOS PARA CUIDADOS INTENSIVOS Cannon II Plus Cateter de Hemodiálise Crónica Para Usuários A Rapidez e a Precisão são a essência do Cannon II Plus. O primeiro cateter de hemodiálise crónica de tunelização

Leia mais

DOIS MUNDOS EM UM PLANETA

DOIS MUNDOS EM UM PLANETA DOIS MUNDOS EM UM PLANETA 9. Fluxos Financeiros. 10. Comércio Mundial. 11. Empresas Transnacionais. Geografia em Mapas (pgs. 04 e 05 e 10) 9º ANO 1º BIMESTRE - TU 902 AULA 5 INTRODUÇÃO Recordando Aula

Leia mais

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ - SURCE 2014/2015

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ - SURCE 2014/2015 SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ - SURCE 2014/2015 ANEXO II - PROGRAMAS / VAGAS / INSTITUIÇÕES As vagas ofertadas são de total responsabilidade de cada uma das respectivas instituições

Leia mais