CAPACITAÇÃO DE LÍDERES. Guilherme de Amorim Ávilla Gimenez

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPACITAÇÃO DE LÍDERES. Guilherme de Amorim Ávilla Gimenez"

Transcrição

1 CAPACITAÇÃO DE LÍDERES Guilherme de Amorim Ávilla Gimenez

2 Somos o que repetidamente fazemos.a excelência portanto, não é um feito, mas um hábito. Aristóteles

3 4 elementos que fortalecem a liderança

4 VISÃO DISCIPLINA PAIXÃO CONSCIÊNCIA

5 Um barco navega para o leste e o outro para o oeste, levados pelo mesmo vento. É a posição das velas e não a ventania que nos dá o rumo. Como os ventos no mar, assim é o destino; e quando viajamos pela vida, é a posição da alma que decide seu rumo, não a calmaria dos ventos ou a rivalidade das ondas.

6 Visão

7 Visão é ver um estado futuro com os olhos da mente. A visão se aplica à imaginação. Todas as coisas são criadas duas vezes: primeiro, uma criação mental; depois, uma criação física.

8 A primeira criação, a visão, é o início de reinvenção da própria pessoa ou da organização.a Igreja do futuro está em nossa visão.

9 DISCIPLINA

10 Disciplina é pagar o preço da transformação da visão em realidade. É lidar com os fatos difíceis, pragmáticos e brutais da realidade. É fazer o necessário para que as coisas aconteçam. A disciplina surge quando a visão se junta a dedicação.

11 Disciplina é a execução, o fazer acontecer, o sacrifício de fazer o que for necessário para concretizar a visão. A disciplina é a força de vontade incorporada.

12 A disciplina define a realidade e a aceita; é a disposição de mergulhar total nela, em vez de negá-la. Aceita os fatos inflexíveis, brutais, das coisas como elas são.

13 Só os disciplinados são verdadeiramente livres. Os indisciplinados são escravos do momento, dos apetites e da própria carnalidade.

14 Acredito sinceramente que a disciplina é um traço comum de todas as pessoas bemsucedidas.

15 Paixão

16 O entusiasmo está profundamente enraizado na capacidade de escolha, mais do que nas circunstâncias. As pessoas entusiastas acreditam que a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo. Na verdade, o entusiasmo se torna um imperativo moral, tornando a pessoa parte da solução mais do que parte dos problemas de se sentir desesperançado e desamparado.

17 O fundamental para criar paixão em nossa vida é descobrir nossos talentos exclusivos, nosso dom espiritual e nosso papel e propósito no mundo.

18 Aqueles que fazem no correr da vida grandes contribuições são os que, embora com receio do que bate à porta, respondem. A coragem é a essência da paixão

19 CONSCIÊNCIA

20 A consciência é a lei moral interior.

21 Sem consciência não sabemos como agir e acabamos sendo conduzidos pela própria circunstância.

22 A consciência respeita profundamente as pessoas e vê seu potencial de autocontrole. A consciência nos fortalece. Reflete o mérito e o valor de todas as pessoas e afirma sua capacidade e sua liberdade para escolher.

23 Para manter nosso respeito próprio é melhor desagradar as outras pessoas fazendo o que sabemos ser certo do que agradá-las temporariamente fazendo o que sabemos que é errado.

24 OS PRINCÍPIOS PARA GERAR EFICÁCIA

25 (1) SER PROATIVO Princípio de Visão Pessoal

26 (2) COMEÇAR COM O OBJETIVO NA MENTE Princípios de Liderança Pessoal

27 Começar com o objetivo na mente significa começar tendo uma compreensão clara do destino. Significa saber para onde você está seguindo, de modo a compreender melhor onde está agora, e dar os passos sempre na direção correta.

28 É possível viver ocupado muito ocupado sem ser muito eficaz.

29 A eficácia, e muitas vezes a sobrevivência, não depende apenas de quanto esforço se faz, e sim se estamos realizando este esforço na meta certa ou não.

30 (3) TENHA EM MENTE A VITÓRIA Princípios de Liderança Interperssoal

31 O caráter é a base da verdadeira vitória, e todo o resto se apóia nesta base. Há três traços essenciais do caráter para o paradigma Vencer/Vencer:

32 INTEGRIDADE o valor que damos a nós mesmos MATURIDADE é o equilíbrio entre a coragem e a consideração. MENTALIDADE DA ABUNDÂNCIA o bastante para todos, por outro lado, deriva de um senso profundo de valor e segurança pessoais. Seu paradigma indica que existe bastante para ser repartido entre todos

33 (4) PROCURE PRIMEIRO COMPREENDER, DEPOIS SER COMPREENDIDO Princípios de Comunicação Empática

34 A comunicação é a habilidade mais importante na vida.

35 (5) SINERGIZAR Princípios de Cooperação Criativa

36 O QUE É UM LÍDER?

37 Liderança é a arte de mobilizar os outros para que estes queiram lutar por aspirações compartilhadas. Kouzes e Posner

38 Um grupo é um lugar onde pessoas diferentes trabalham em prol de interesses comuns. O líder é aquele que auxilia o grupo a realizar seus interesses, integrando as diferenças entre as pessoas. A ausência de um líder resulta na dispersão das pessoas e no enfraquecimento das ações. Paulo Vieira

39 O LÍDER DEVE SER O GESTOR DAS AÇÕES DO GRUPO

40 Para entender a execução, você precisa ter em mente três pontos principais:

41 Execução é uma disciplina e parte integrante da estratégia. Execução é a principal tarefa do líder da organização. Execução deve ser um elemento-chave da cultura de uma Organização.

42 As pessoas executam os planos mecanicamente e o mais rápido possível, de modo que possam voltar para seu trabalho normal. Em geral, os gestores e a alta Liderança, reservam menos do que meio dia por ano para avaliar os planos, as pessoas, a estratégia e as operações, ou seja, pouca dedicação se dá ao funcionamento do Plano Estratégico.

43 Os sete Componentes Essenciais da Execução

44 Conheça as pessoas com quem vai trabalhar. Insista no realismo. Estabeleça metas e prioridades claras. Conclua o que foi planejado. Recompense quem faz. Amplie as habilidades das pessoas pela orientação. Conheça a si próprio.

45 O realismo é o cerne da execução, mas muitas organizações estão repletas de pessoas que estão tentando evita-lo ou encobrilo.

46 Um bom planejamento é um conjunto de direções que você quer tomar; Executar sem planejar é como seguir para qualquer lugar, podendo então chegar onde se quer ou não.

47 EXECUÇÃO DE UM PLANEJAMENTO

48 É a execução da estratégia fazer acontecer, produzir, alinhar, fortalecer.

49 A Disciplina de Execução, não funciona, a menos que as pessoas sejam treinadas nela e a pratiquem continuamente; não funciona se apenas algumas pessoas no sistema a praticam.

50 Quando as pessoas certas não estão no lugar certo, o problema é visível e transparente

51 AS 4 DISCIPLINAS DA EXECUÇÃO (4 DX)

52 CONCENTRAR-SE NO MAIS IMPORTANTE

53 Alguns objetivos são claramente mais importantes do que outros. Temos que aprender a distinguir entre o que é apenas importante do que é crucialmente importante

54 CRIAR UM PLACAR CONVINCENTE

55 TRADUZIR OBJETIVOS VAGOS EM AÇÕES ESPECÍFICAS

56 COBRANÇA MÚTUA DE RESPONSABILIDADES CONTÍNUA

57 Tudo o que tratamos até aqui pode ser sintetizado essencialmente em duas palavras: FOCO e EXECUÇÃO. Nessas duas palavras, nós encontramos a simplicidade que está além da complexidade.

58 A ERA DA SABEDORIA

59 A TRANSFORMAÇÃO DE TRABALHADORES MANUAIS EM TRABALHADORES DO CONHECIMENTO

60 O líder precisa ser sábio

61 Sabemos que a informação não é sabedoria. Também sabemos que o conhecimento não é sabedoria.

62 Finalmente aprendemos que, quanto mais conhecemos, mais sabemos que não sabemos.

63 Quando nosso conhecimento aumenta, o que acontece com a nossa ignorância? Obviamente se torna maior, ou pelo menos a percepção dela aumenta, de modo que, quanto mais sabemos, mais estamos cientes de que não sabemos.

64 A sabedoria nos ensina a respeitar todas as pessoas, a celebrar suas diferenças, a ser conduzidos por uma única ética o servir acima do eu.

65 A autoridade moral é a grandeza primordial (força de caráter); a autoridade formal é a grandeza secundária (posição, riqueza, talento, fama, popularidade).

66 Convém lembrar que, quando usamos nossa posição como instrumento de força, enfraquecemos três coisas: nosso eu, a outra pessoa e a qualidade da relação.

67 QUALQUER PESSOA APRENDE A LIDAR BEM COM AS PRIMAVERAS DA VIDA, MAS SÓ OS SÁBIOS APRENDEM A VIVER COM DIGNIDADE NOS INVERNOS EXISTENCIAIS...

68 PRECISAMOS SER SÁBIOS, SENDO COMUM POR FORA, MAS ESPECIAIS POR DENTRO. SÁBIOS QUE VIVEM UMA VIDA PLENA, AINDA QUE SEJAM SIMPLES EXTERIORMENTE

69 QUASE SEMPRE ESTÃO EM NOSSAS MÃOS OS RECURSOS QUE PEDIMOS AOS CÉUS Sheakespere

70 A sorte é o encontro do preparo com a oportunidade. Esteja sempre preparado (Anthony Robbins)

Sete hábitos das pessoas muito eficazes

Sete hábitos das pessoas muito eficazes Sete hábitos das pessoas muito eficazes "Hábito é a intersecção entre o conhecimento, a capacidade e a vontade. O conhecimento é o que e o porquê fazer. A capacidade é o como fazer. E a vontade é a motivação,

Leia mais

Que motivos estão por trás do sucesso organizacional? O Que faz uma organização triunfar e outra fracassar?

Que motivos estão por trás do sucesso organizacional? O Que faz uma organização triunfar e outra fracassar? Que motivos estão por trás do sucesso organizacional? O Que faz uma organização triunfar e outra fracassar? Que motivos estão por trás do sucesso organizacional? É ter pessoas que consigam se adaptar a

Leia mais

Relatório de Competências de Nataly Lopez (Perfil Natural) Autoconfiança. Autocontrole. Busca de Informação. Capacidade de Negociação.

Relatório de Competências de Nataly Lopez (Perfil Natural) Autoconfiança. Autocontrole. Busca de Informação. Capacidade de Negociação. IMPORTANTE: Em ótimas condições do ambiente, a grande maioria das pessoas pode ter a capacidade de desempenhar-se adequadamente em quaisquer das seguintes competências. Referimo-nos a "ótimas condições"

Leia mais

O QUE TE MOVE??? Ser Futura para ser Diretora!!

O QUE TE MOVE??? Ser Futura para ser Diretora!! O QUE TE MOVE??? Ser Futura para ser Diretora!! OBJETIVO Compreender que para definir objetivos é preciso planejamento e disciplina e como fazer para realiza-los Compreender que para definir objetivos

Leia mais

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ LAIS SILVA Profissional coach &Leader Coach Analista comportamental & 360 graus Coach, Consultora, Palestrante. Especialista em Recursos Humanos e Gestão Auditoria em Serviços de Saúde. Atua há mais de

Leia mais

PALESTRANTE

PALESTRANTE PALESTRANTE Conexão Animal & Sucesso Pessoal Contrate o Palestrante que trará melhor RESULTADO para seu próximo evento! SOBRE O PALESTRANTE: Adriano Simões é médico veterinário e palestrante comportamental

Leia mais

ADMINISTRAÇãO DE RECURSOS HUMANOS para farmácias

ADMINISTRAÇãO DE RECURSOS HUMANOS para farmácias ADMINISTRAÇãO DE RECURSOS HUMANOS para farmácias ADMINISTRAÇãO DE RECURSOS HUMANOS para farmácias SUMÁRIO 1. Introdução/ prefácio...9 2. O que faz o Gerente quando administra bem os Recursos Humanos da

Leia mais

Sumário. Introdução...4. As Cinco Práticas de Liderança...6. Modele o caminho...7. Inspire uma visão compartilhada...9. Desafie o processo...

Sumário. Introdução...4. As Cinco Práticas de Liderança...6. Modele o caminho...7. Inspire uma visão compartilhada...9. Desafie o processo... Sumário Introdução...4 As Cinco Práticas de Liderança...6 Modele o caminho...7 Inspire uma visão compartilhada...9 Desafie o processo...10 Deixe os outros agirem...15 Inspire o coração...15 Conclusão...15

Leia mais

Rota. do Processo Evolutivo Workshop #SERCOACH 7 NÍVEIS DO PROCESSO EVOLUTIVO

Rota. do Processo Evolutivo Workshop #SERCOACH 7 NÍVEIS DO PROCESSO EVOLUTIVO Rota do Processo Evolutivo Workshop #SERCOACH 7 NÍVEIS DO PROCESSO EVOLUTIVO A Rota dos 7 Níveis do Processo Evolutivo O Caminho dos 7 Níveis do Processo Evolutivo é um modelo para o ser humano evoluir

Leia mais

Gestão por Competência

Gestão por Competência Gestão por Competência Vera Gobetti 04/05/2017 GESTÃO POR COMPETÊNCIAS É UMA EVOLUÇÃO DA GESTÃO DE PESSOAS A Competência é sustentada em 3 pilares: 1- Conhecimento 2- Habilidades 3- Atitudes Aspectos Fundamentais

Leia mais

Gestão escolar: desafios e caminhos para o sucesso

Gestão escolar: desafios e caminhos para o sucesso Gestão escolar: desafios e caminhos para o sucesso Fonte: www.shutterstock.com A gestão escolar Identidade da escola Estratégias Pedagógico Recursos humanos Administrativo-financeiro Marketing Gestão escolar

Leia mais

Sejam Bem-Vindos! Mary Kay Ash

Sejam Bem-Vindos! Mary Kay Ash Sejam Bem-Vindos! Vislumbrei uma companhia na qual qualquer mulher poderia ter tanto sucesso quanto desejasse. As portas estariam abertas às oportunidades para as mulheres que estiverem dispostas a pagar

Leia mais

Diário. da Minha Jornada. Um guia para o meu processo de auto educação

Diário. da Minha Jornada. Um guia para o meu processo de auto educação Diário da Minha Jornada Um guia para o meu processo de auto educação Sobre este Diário Nome: E-mail: Telefone: CONTATO Olá! Muito prazer! Eu estou aqui para te apoiar na criação da SUA JORNADA. - Como

Leia mais

05/05/2014 LIDERANÇA ESTILOS DE LIDERANÇA DIFERENCIAR CHEFE DE LÍDER

05/05/2014 LIDERANÇA ESTILOS DE LIDERANÇA DIFERENCIAR CHEFE DE LÍDER LIDERANÇA DIFERENCIAR CHEFE DE LÍDER 1 LIDERANÇA Você já sentiu que não recebeu o reconhecimento merecido quando atingiu uma meta imposta por seu chefe ou realizou uma tarefa com sucesso? E, no entanto,

Leia mais

Do mundo da fantasia ao mundo real

Do mundo da fantasia ao mundo real Do mundo da fantasia ao mundo real Olá Mulher empreendedora! Vamos falar um pouquinho sobre os nossos desafios? Nos dias de hoje precisamos ser multitarefas, conciliamos nossa a carreira com outras atividades,

Leia mais

Gestão em Saúde LIDERANÇA

Gestão em Saúde LIDERANÇA Gestão em Saúde LIDERANÇA Profa. Ms. Raquel J. Oliveira Lima A administração tinha como objetivos principais: alcançar a eficiência e eficácia, Hoje alcançar a excelência por meio da eficiência e eficácia

Leia mais

José Augusto Neves

José Augusto Neves P-37 NEUROLIDERANÇA O caminho sem volta José Augusto Neves janeves@institutomvc.com.br 11-3171-1645 Completeafrase: Os seres humanos, na sua natureza,são... A maneira como percebemos a realidade,influencia

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3.

Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Dinâmica nas Organizações. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 3. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Dinâmica nas Organizações Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 3.3 3 A DINÂMICA DAS ORGANIZAÇÕES E AS ORGANIZAÇÕES DO CONHECIMENTO

Leia mais

O Carvalho e o Bambu

O Carvalho e o Bambu RESILIÊNCIA Competência para enfrentar adversidades e desafios Paulo Yazigi Sabbag é Doutor em Administração, Mestre e Engenheiro. Leciona há 25 anos na Fundação Getulio Vargas, e na Fundação Dom Cabral.

Leia mais

Você é uma Mulher de Sonhos ou uma Mulher de Atitude? Crédito Diretora Rakell Aguiar

Você é uma Mulher de Sonhos ou uma Mulher de Atitude? Crédito Diretora Rakell Aguiar Você é uma Mulher de Sonhos ou uma Mulher de Atitude? Crédito Diretora Rakell Aguiar Murmuração... Eu não gosto do meu trabalho Não me sinto uma pessoa valorizada no que faço Preciso melhorar minha vida

Leia mais

CORRETOR DE SEGUROS EMPRESÁRIO DE SUCESSO

CORRETOR DE SEGUROS EMPRESÁRIO DE SUCESSO CORRETOR DE SEGUROS EMPRESÁRIO DE SUCESSO Palestrante: Apresentação Formado em Comunicação com pós-graduação em Gestão Empresarial e RH pela PUC RJ Mais de 15 anos de experiência no desenvolvimento de

Leia mais

Núcleo de Materiais Didáticos

Núcleo de Materiais Didáticos Gestão de Talentos e Mapeamento por Aula 4 Prof a Cláudia Patrícia Garcia Aula 4 - Gestão por claudiagarcia@grupouninter.com.br MBA em Gestão de Recursos Humanos Lembrando... A gestão por competências

Leia mais

ENTENDENDO A DOMA DOS EQUINOS DIOGO GONZAGA JAYME

ENTENDENDO A DOMA DOS EQUINOS DIOGO GONZAGA JAYME ENTENDENDO A DOMA DOS EQUINOS DIOGO GONZAGA JAYME QUEM SÃO OS EQUINOS? ETOLOGIA DEFINIÇÃO Vida em grupo Predados Fuga PERCEPÇÃO Capacidade de adaptação COMUNICAÇÃO CURIOSIDADE CLAUSTROFOBIA HIERARQUIA

Leia mais

Faça do dia de hoje uma obra-prima INTRODUÇÃO

Faça do dia de hoje uma obra-prima INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO Faça do dia de hoje uma obra-prima Como você descreveria sua vida? Você está alcançando o que deseja? Está realizando aquilo que lhe é importante? Você se considera um sucesso? Quais são suas

Leia mais

CELEBRE SEU SONHO. Aula baseada no Discurso de Barbara Sunden Diretora Nacional executiva Elite de Vendas independentes

CELEBRE SEU SONHO. Aula baseada no Discurso de Barbara Sunden Diretora Nacional executiva Elite de Vendas independentes CELEBRE SEU SONHO Aula baseada no Discurso de Barbara Sunden Diretora Nacional executiva Elite de Vendas independentes COMPARTILHANDO O SONHO Mary Kay disse: Se você quer apenas o que já possui, continue

Leia mais

ED5607 PHILOSOPHY & CHRISTIAN FOUNDATIONS IN PRINCIPLED EDUCATION

ED5607 PHILOSOPHY & CHRISTIAN FOUNDATIONS IN PRINCIPLED EDUCATION FLORIDA CHRISTIAN UNIVERSITY MASTER OF ARTS IN EDUCATION WITH FOCUS IN PRINCIPLED EDUCATION JULIANA POMPEO HELPA ED5607 PHILOSOPHY & CHRISTIAN FOUNDATIONS IN PRINCIPLED EDUCATION 05 de Março de 2015 Orlando,

Leia mais

PSICOLOGIA E GERENCIAMENTO DE PESSOAS. DISCIPLINA: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Prof. Dr. Márcio Magalhães Fontoura

PSICOLOGIA E GERENCIAMENTO DE PESSOAS. DISCIPLINA: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Prof. Dr. Márcio Magalhães Fontoura PSICOLOGIA E GERENCIAMENTO DE PESSOAS DISCIPLINA: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Prof. Dr. Márcio Magalhães Fontoura Psicologia Objeto de Estudo Psique = alma + logos = estudo Grécia berço da Psicologia Desejo

Leia mais

A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio

A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio A Liderança das Mulheres no Terceiro Milênio ANITA PIRES EMAIL: anitap@matrix.com.br FONE/FAX: (48) 223 5152 Características Históricas Ontem: Relações autoritárias; Trabalho escravo; Patrimônio: tangível

Leia mais

5 DICAS PARA APRENDER A DESENHAR DO ZERO. Descubra como aprender a desenhar de forma simples e objetiva.

5 DICAS PARA APRENDER A DESENHAR DO ZERO. Descubra como aprender a desenhar de forma simples e objetiva. 5 DICAS PARA APRENDER A DESENHAR DO ZERO Descubra como aprender a desenhar de forma simples e objetiva. INTRODUÇÃO OLÁ, OLÁ, OLÁ... Eu sou o Ivan Querino, ilustrador, professor e empreendedor, escrevi

Leia mais

AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS

AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS Gestão: [Do lat. gestione.] S. f. Ato de gerir; gerência, administração. Tabela 1 Habilidades do Gerente de Projetos, segundo Kerzner (1992)

Leia mais

Gerência de Projetos de TI

Gerência de Projetos de TI Gerência de de TI Experiência da COPEL SIMPROS 2001 Paulo Henrique Rathunde phr@copel.com Agenda Introdução Gerência de Definição dos Processos Implantação Reflexões 2/33 São Paulo, Brasil 17-20/09/2001

Leia mais

Unidade móvel (11) Base São Paulo (11) Base Rio de Janeiro (21)

Unidade móvel (11) Base São Paulo (11) Base Rio de Janeiro (21) Quem somos nós O Instituto Agoge é uma microempresa brasileira que tem por atividade principal o estudo e a pesquisa experimental multidisciplinar em áreas das ciências sociais e humanas, visando o desenvolvimento

Leia mais

A vossa realidade A vossa realidade, Página 1

A vossa realidade A vossa realidade, Página 1 A vossa realidade! A vossa realidade, Página 1 Uma árvore é capaz de produzir um fruto, mas precisa de ser alimentada. Do mesmo modo, nós, como seres humanos ao cimo desta Terra, temos uma possibilidade,

Leia mais

Bem Vera Luz em parceria com Anabela Francisco. Vera luz Programa de Desenvolvimento Pessoal Anabela Francisco

Bem Vera Luz em parceria com Anabela Francisco. Vera luz Programa de Desenvolvimento Pessoal Anabela Francisco Bem Vind@ Programa de Desenvolvimento Pessoal Vera Luz em parceria com Anabela Francisco Anabela Francisco Bem Vind@ e parabéns pela tua coragem de saíres da zona de conforto! Depois de anos a trabalhar

Leia mais

Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS

Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS Instrutor/Orientador Sigmar Sabin www. sigmarsabin.com.br comercial@ sigmarsabin.com.br 41.99666.8183 Whats APOIO Gandara Representações Realização Parabéns!!!

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA 2014

APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA 2014 PROPOST A 2014 "Que nenhum homem despreze as crianças ou pense que são insignificantes. Eu reivindico o lugar da frente para elas. Elas são o futuro do mundo. O passado já se foi e não podemos alterá-lo.

Leia mais

TRILHA. Sistema para empreendedores de Marketing de Relacionamento

TRILHA. Sistema para empreendedores de Marketing de Relacionamento TRILHA Sistema para empreendedores de Marketing de Relacionamento Código de Ética 1. Não falar mal da empresa, dos produtos, dos líderes ou de outros distribuidores; 2. Respeitar a concorrência; 3. Não

Leia mais

O SENTIDO DA LIDERANÇA

O SENTIDO DA LIDERANÇA O SENTIDO DA LIDERANÇA 2011 Fabiana Darc Miranda Psicóloga Clínica. Atuando em Estratégias de Saúde das Famílias (Brasil) Jonathas Ferreira Santos Psicólogo Social. Atuando em Programas da Assistência

Leia mais

Um guia para liderar

Um guia para liderar Estratégias para liderar com resultados Um guia para liderar e envolver pessoas para realizações criativas Princípios orientadores da liderança por Lourenço Stelio Rega Princípios orientadores da liderança

Leia mais

Programa de Gestão da Performance

Programa de Gestão da Performance Programa de Gestão da Performance O impulso para ir mais longe está em suas mãos. Cada dia do ano é um passo à frente no seu desenvolvimento. Movimente-se! Quer ir mais longe? O primeiro passo é ler este

Leia mais

ATIVIDADE ORIENTADA CIRCUITO 8 FILOSOFIA, ÉTICA E O MUNDO DO TRABALHO

ATIVIDADE ORIENTADA CIRCUITO 8 FILOSOFIA, ÉTICA E O MUNDO DO TRABALHO ATIVIDADE ORIENTADA CIRCUITO 8 FILOSOFIA, ÉTICA E O MUNDO DO TRABALHO Atividade Orientada Caro(a) aluno(a) Esta atividade deverá ser desenvolvida em grupos, ao longo da disciplina, sob a assistência e

Leia mais

A Mística do Educador:

A Mística do Educador: A Mística do Educador: A educação popular é um ato de amor. É um gesto humano e político de entrega a fim de que as pessoas se realizem como gente, como classe e como povo. A missão educativa junto a sujeitos

Leia mais

Soluções para os Cases

Soluções para os Cases Soluções para os Cases As etapas da construção de uma equipe Joinville Dia 05 de Outubro de 2013 Roteiro da conversa.... Autoconhecimento. Tudo começa pela confiança Fundamentos de uma equipe As etapas

Leia mais

PROSPECÇÃO DE NEGÓCIOS E TECNOLOGIA. Prof. Araken Patusca Linhares

PROSPECÇÃO DE NEGÓCIOS E TECNOLOGIA. Prof. Araken Patusca Linhares PROSPECÇÃO DE NEGÓCIOS E TECNOLOGIA Prof. Araken Patusca Linhares UNIDADE I Surgimento do Empreendedorismo Postura e comportamento do Empreendedor A importância do Empreendedor na sociedade Motivação do

Leia mais

Inventário das práticas de liderança: LPI JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER

Inventário das práticas de liderança: LPI JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER Inventário das práticas de liderança: LPI JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER Relatório de feedback individual Preparado para Filipe Da Silva CONTEÚDO The Five Practices of Exemplary Leadership e o relatório

Leia mais

10 Passos para alcançar uma Carreira com Propósito

10 Passos para alcançar uma Carreira com Propósito 10 Passos para alcançar uma Carreira com Propósito Sou Psicóloga, Coach e Consultora de Carreira e, durante 16 anos atuei em Recursos Humanos de empresas de segmentos e tamanhos diversos, acompanhando

Leia mais

O L A. Questionário OLA. Avaliação de Liderança Organizacional. Versão Portuguesa. Instruções Gerais

O L A. Questionário OLA. Avaliação de Liderança Organizacional. Versão Portuguesa. Instruções Gerais O L A Questionário OLA Avaliação de Liderança Organizacional Versão Portuguesa Instruções Gerais O propósito deste instrumento é permitir que organizações descubram como suas práticas e crenças sobre liderança

Leia mais

Pai-Nosso/ Ave Maria

Pai-Nosso/ Ave Maria DEGRAUS DE UM COORDENADOR Paróquia Santo Antônio Praia Grande Diocese de Santos (SP) ENCONTRO COM COORDENADORES E VICES DE PASTORAIS E MOVIMENTOS / Abril de 2013 Pai-Nosso/ Ave Maria Toda manhã, procuro

Leia mais

Carreira bem sucedida: Sorte ou Planejamento? Wilson Gellacic

Carreira bem sucedida: Sorte ou Planejamento? Wilson Gellacic Carreira bem sucedida: Sorte ou Planejamento? 1 Agenda 1. O contexto atual 2. O que é sucesso profissional 3. Competências necessárias 4. Uma visão sistêmica 5. A diferença que faz a diferença 6. Roadmap

Leia mais

Prof. Me.Léo Noronha. Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES

Prof. Me.Léo Noronha. Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES Prof. Me.Léo Noronha Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES ORGANIZACIONAIS Objetivos Cultura da informação Informação Estratégica O papel do administrador de sistemas de informação Para entender o papel do

Leia mais

2.2 Elementos formais e informais

2.2 Elementos formais e informais 2.2 Elementos formais e informais A produtividade de um grupo e sua eficiência estão estreitamente relacionadas não somente com a competência de seus membros, mas, sobretudo com a solidariedade de suas

Leia mais

PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO

PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO Prof. Dr. Bernardo Meyer Departamento de Ciências da Administração - CAD Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO - A educação vive um processo

Leia mais

COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL. Prof. Saravalli OBJETIVOS 08/03/2016

COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL. Prof. Saravalli OBJETIVOS 08/03/2016 COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Prof. Saravalli ademir_saravalli@yahoo.com.br O comportamento organizacional é um campo de estudos que investiga o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura têm sobre o

Leia mais

.:. Aula 3.:. Educação Corporativa e Conflito de Gerações. Profª Daniela Cartoni

.:. Aula 3.:. Educação Corporativa e Conflito de Gerações. Profª Daniela Cartoni .:. Aula 3.:. Educação Corporativa e Conflito de Gerações Profª Daniela Cartoni daniela_cartoni@yahoo.com.br Conflito de Gerações Desafio do líder é gerir pessoas Mas, qual o perfil destas pessoas? Como

Leia mais

18 dicas para ativar sua motivação pessoal e turbinar seus resultados de uma vez por todas. VIVER DE BLOG Página 1

18 dicas para ativar sua motivação pessoal e turbinar seus resultados de uma vez por todas. VIVER DE BLOG Página 1 18 dicas para ativar sua motivação pessoal e turbinar seus resultados de uma vez por todas VIVER DE BLOG Página 1 INTRODUÇÃO Manter o nível de motivação nas alturas nem sempre é tarefa fácil. Por mais

Leia mais

Mirar. Nichos.

Mirar. Nichos. Mirar Nichos 1 MIRAR IDENTIFICANDO SEU NICHO Nicho é Sobre Paixão e Negócios O ideal é que você tenha um nicho claro, mas você até pode trabalhar com dois: a) O Nicho Ganha Pão b) O Nicho Paixão Que fique

Leia mais

HISTÓRIAREAL. Bruno conta como conquistar o alto desempenho profissional sem abrir mão da vida pessoal. Bruno Hohl. Natura

HISTÓRIAREAL. Bruno conta como conquistar o alto desempenho profissional sem abrir mão da vida pessoal. Bruno Hohl. Natura HISTÓRIAREAL Bruno Hohl Natura Bruno conta como conquistar o alto desempenho profissional sem abrir mão da vida pessoal Tenho mais consciência sobre minhas prioridades e as da Natura. GTD é a organização

Leia mais

Derson da S. Lopes Jr.

Derson da S. Lopes Jr. PRINCÍPIO BÍBLICO Tudo o que você tiver que fazer, faça o melhor que puder... Ec. 9:10...Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. João 10:10 PRINCÍPIO ESPÍRITO DE PROFECIA O desenvolvimento

Leia mais

Níveis de Administração

Níveis de Administração PAPEL DO ADMINISTRADOR Níveis de Administração DISCIPLINA: Introdução à Administração FONTE: BATEMAN, Thomas S. SNELL, Scott A. Administração Construindo Vantagem Competitiva. Atlas. São Paulo, 1998. IA_04_PAPEL

Leia mais

Quais são as dores de quem utiliza. Exemplos: os serviços públicos?

Quais são as dores de quem utiliza. Exemplos: os serviços públicos? Quais são as dores de quem utiliza Exemplos: os serviços públicos? 2 Categorização genérica das dores Atributos do serviço Filas Ausência de informação Morosidade Atendentes sem preparo Retrabalho Alto

Leia mais

Construindo um futuro de sucesso - reinventando você!

Construindo um futuro de sucesso - reinventando você! Construindo um futuro de sucesso - reinventando você! Ericsson Silveira maio / 2015 Contextualização. Introdução. Cenários. Ciclo de vida do gestor. Conhecimento, habilidade e atitude. Gente que faz. Conclusão.

Leia mais

Sam Sample esam Example

Sam Sample esam Example R E L A T Ó R I O Trabalho do Par Organização Data Extended /dgdfd 10/03/2006 Esta análise baseia-se nas respostas dadas ao questionário Análise Pessoal Extended DISC. Esta análise não deve ser o único

Leia mais

PAEX Parceiros para a Excelência. ESTRATÉGIA E GESTÃO Prof. Volnei P. Garcia

PAEX Parceiros para a Excelência. ESTRATÉGIA E GESTÃO Prof. Volnei P. Garcia PAEX Parceiros para a Excelência ESTRATÉGIA E GESTÃO Prof. Volnei P. Garcia A CRIAÇÃO DE VALOR PARA OS STAKEHOLDERS O melhor lugar para se trabalhar Sociedade Órgãos Reguladores O maior retorno sobre o

Leia mais

TREINAMENTO COMERCIAL

TREINAMENTO COMERCIAL TREINAMENTO COMERCIAL Potencializando a Equipe de Vendas Conceitos Equivocados Sou atendente e não vendedora; Não reconhecer a área de vendas como profissão; Não tenho dom de vender. Potencializando a

Leia mais

desenvolva e utilize seu pleno potencial de modo coerente e convergente com os objetivos estratégicos da organização. Dentro da área de gestão de

desenvolva e utilize seu pleno potencial de modo coerente e convergente com os objetivos estratégicos da organização. Dentro da área de gestão de Gestão de Pessoas Hoje a sociedade busca desenvolver trabalhos para aprimorar o conhecimento das pessoas em um ambiente de trabalho. A capacitação e o preparo que uma organização deve ter para com os seus

Leia mais

Poder. Ownership Thinking. Afine sua comunicação. Tenha senso de dono Mantenha seu foco.

Poder. Ownership Thinking. Afine sua comunicação. Tenha senso de dono Mantenha seu foco. Poder pessoal Ownership Thinking Afine sua comunicação. Tenha senso de dono Mantenha seu foco. Poder pessoal Afine sua comunicação. Tenha senso de dono Mantenha seu foco. Você é mais do que pensa que é

Leia mais

UnitedHealth Group Our Culture Video Portuguese

UnitedHealth Group Our Culture Video Portuguese UnitedHealth Group Our Culture Video Portuguese O que faz a UnitedHealth Group uma opção irresistível de carreira? Nossa Cultura é composta de cinco valores fundamentais. Integridade Compaixão Relacionamentos

Leia mais

INTRODUÇÃO. Vamos lá? Então mãos à obra.

INTRODUÇÃO. Vamos lá? Então mãos à obra. INTRODUÇÃO Ter uma comunicação interna eficaz auxilia no desenvolvimento de uma cultura colaborativa e ajuda a alinhar os membros de uma organização às estratégias da empresa. Segundo estudo da Tower Watson,

Leia mais

Planejamento SPU/SC. Cristiano De Angelis

Planejamento SPU/SC. Cristiano De Angelis Planejamento SPU/SC Cristiano De Angelis Tópicos da Apresentação 1. O que é missão? 2. O que é visão? 3. O que é um projeto? 4. O que é uma ação? 5. Sugestão de um projeto. Valores da SPU 1. Compromisso

Leia mais

DuPont, sua Cultura de Segurança e PSM

DuPont, sua Cultura de Segurança e PSM DuPont, sua Cultura de Segurança e PSM Eduardo Francisco Gerente Corporativo SSMA Líder PSM América Latina A Cultura DuPont em Segurança, Saúde e Meio Ambiente 1802 Início das operações fábrica de pólvora

Leia mais

Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já existe. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo:

Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já existe. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo: Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo: 1. 2. 3. 4. 5. 6. Alinhar mudanças estratégicas com a operação

Leia mais

Pensamento Sistêmico:

Pensamento Sistêmico: Palavras chaves: Scratch, pensamento sistêmico, complexidade, não linearidade, a geometria da tartaruga, sistemas dinâmicas O que é um sistema: Um sistema é um todo organizado para atingir um objetivo

Leia mais

Treinamento de Liderança. Josiane Barbosa

Treinamento de Liderança. Josiane Barbosa Treinamento de Liderança Josiane Barbosa Uma líder eficaz convida sua equipe a participar de projetos novos que ainda estão na fase do pensamento. Planeje suas metas e divulgue-as, porque as pessoas apoiam

Leia mais

Se você quer apenas o que já possui, continue fazendo o que está fazendo. Mary Kay Ash

Se você quer apenas o que já possui, continue fazendo o que está fazendo. Mary Kay Ash Se você quer apenas o que já possui, continue fazendo o que está fazendo. Mary Kay Ash Começo do Ano Seminário - momento ideal para mudanças. Comece a tratar o SEU negócio MK como um negócio rentável,

Leia mais

Desenvolvendo Equipes. Guilherme Gimenez www.prgimenez.net

Desenvolvendo Equipes. Guilherme Gimenez www.prgimenez.net Desenvolvendo Equipes Guilherme Gimenez www.prgimenez.net Guilherme Gimenez Site: www.prgimenez.net E-mail: prgimenez@prgimenez.net FACEBOOK: Guilherme Gimenez TWITTER: @pastorgimenez Guilherme Gimenez

Leia mais

All rights reserved by Self-Realization Fellowship. Índice

All rights reserved by Self-Realization Fellowship. Índice Índice Parte I: Introdução................. 9 Parte II: Escolhas difíceis, decisões diárias: como receber a orientação intuitiva da alma.......................... 14 Parte III: Como usar a orientação interior

Leia mais

Nivelar e disseminar os principais conceitos e a metodologia sobre GESTÃO POR COMPETÊNCIAS no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região.

Nivelar e disseminar os principais conceitos e a metodologia sobre GESTÃO POR COMPETÊNCIAS no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região. Secretaria de Recursos Humanos 2014 metodologia missão atitude mapeamento mensurar metas valores gestão capacitar prestação missão CHA GAP conhecimentos Competências Objetivos estratégia gestão missão

Leia mais

Geração Y. Nascidos entre lutaram na 1 guerra Mundial

Geração Y. Nascidos entre lutaram na 1 guerra Mundial Receptores 1. Todo ministério tem como foco um grupo determinado de pessoas. a. Ou seja, a igreja como todo tem todas as pessoas salvas para desenvolver a imagem de Cristo e as não salvas para lhes apresentar

Leia mais

Quais os problemas da Meritocracia hoje em dia?

Quais os problemas da Meritocracia hoje em dia? O que é Meritocracia? A meritocracia pode ser entendida como uma forma de recompensa baseada no mérito da pessoa e nos resultados trazidos por ela a empresa. Atualmente os funcionários de uma empresa são

Leia mais

Administração Interdisciplinar

Administração Interdisciplinar Administração Interdisciplinar 21/9/2015 Rosely Gaeta Revisão Fundamentos da Administração Introdução àadministração e às organizações Fonte: Felipe Sobral Alketa Peci - Teoria e Prática no Contexto Brasileiro

Leia mais

Responsabilidade da Direção

Responsabilidade da Direção 5 Responsabilidade da Direção A gestão da qualidade na realização do produto depende da liderança da alta direção para o estabelecimento de uma cultura da qualidade, provisão de recursos e análise crítica

Leia mais

MISSÃO DA MIND LAB. Reforçar diversas habilidades cognitivas, sociais, emocionais e éticas.

MISSÃO DA MIND LAB. Reforçar diversas habilidades cognitivas, sociais, emocionais e éticas. MIND LAB MISSÃO DA MIND LAB Reforçar diversas habilidades cognitivas, sociais, emocionais e éticas. Ajudar os alunos se transformarem em indivíduos íntegros e realizados. SOBRE A MIND LAB Fundada em 1994.

Leia mais

Trabalhar com planos de carreira ajuda a reter talentos

Trabalhar com planos de carreira ajuda a reter talentos Trabalhar com planos de carreira ajuda a reter talentos O mapeamento de carreira contribui para a definição de metas de longo prazo. Qual é o meu próximo passo? Em algum momento da carreira, a maioria

Leia mais

O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive

O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive 1 O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive DEFINIÇÃO DE AUDITORIA INTERNA "A auditoria interna é uma atividade independente, de garantia objetiva e consultiva,

Leia mais

Formação e Desenvolvimento de Liderança através dos Programas de Excelência Operacional

Formação e Desenvolvimento de Liderança através dos Programas de Excelência Operacional Formação e Desenvolvimento de Liderança através dos Programas de Excelência Operacional Entenda como as principais organizações vêm utilizando os Programas de Excelência Operacional baseados no Lean Six

Leia mais

Gurus da Qualidade. Walter Shewhart

Gurus da Qualidade. Walter Shewhart Gurus da Qualidade João Noronha ESAC/IPC Walter Shewhart 1891-1967 Cartas de controlo Causas normais e causas especiais de variação Controlo estatístico do processo Ciclo PDCA Plan, Do, Check, Act Ciclo

Leia mais

Inventário de Práticas de Liderança: LPI JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER

Inventário de Práticas de Liderança: LPI JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER Inventário de Práticas de Liderança: JAMES M. KOUZES E BARRY Z. POSNER Relatório de feedback individual Preparado para Filipe da Silva Amostra Relatório CONTEÚDO As Cinco Práticas da Liderança Exemplar

Leia mais

Grupos e Equipes de Trabalho

Grupos e Equipes de Trabalho Aula 6 Grupos e Equipes de Trabalho Agenda Comportamento de grupos Caso Uma Equipe Desunida Trabalho em equipe 2 1 Fundamentos do comportamento de grupos Definição Um grupo é definido como dois ou mais

Leia mais

Empreendedorismo. Marketing Educacional

Empreendedorismo. Marketing Educacional Empreendedorismo Marketing Educacional O que é marketing? Marketing é a entrega de satisfação para o cliente em forma de benefício (KOTLER e ARMSTRONG, 1999). O que é marketing educacional? É a entrega

Leia mais

Tomada de Decisão - Ética: Aula 10

Tomada de Decisão - Ética: Aula 10 Tomada de Decisão - Ética: Aula 10 Objetivo Relacionar a função de tomada de decisão empresarial do administrador com a ética. Entender como a concentração nos fatos e nas evidências ajudam as decisões

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS. Bedsen Rocha Gomes

GESTÃO DE PESSOAS. Bedsen Rocha Gomes GESTÃO DE PESSOAS QUESTÕES: QUAL O PAPEL DO LÍDER? L COMO OBTER RESULTADOS? O QUE É LIDERANÇA? A? LIDERANÇA É INATA? LIDERANÇA É a arte de educar, orientar e estimular as pessoas a persistirem na busca

Leia mais

Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida

Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida 19 a 21 de Fevereiro de 2016 Vem mergulhar nas tuas dificuldades e dar mais um salto na vida Vamos começar o ano conscientes da importância de olhar para dentro,

Leia mais

Avaliação de Desempenho Estratégia de Desenvolvimento. Fernanda Allucci Diretora Assistencial Nov/09

Avaliação de Desempenho Estratégia de Desenvolvimento. Fernanda Allucci Diretora Assistencial Nov/09 Avaliação de Desempenho Estratégia de Desenvolvimento Fernanda Allucci Diretora Assistencial Nov/09 Avaliação de desempenho - Estratégia de desenvolvimento Roteiro de apresentação Breve histórico institucional

Leia mais

Todos os direitos reservados. E necessária à autorização previa antes de reproduzir ou publicar parte ou esta obra na íntegra.

Todos os direitos reservados. E necessária à autorização previa antes de reproduzir ou publicar parte ou esta obra na íntegra. Todos os direitos reservados E necessária à autorização previa antes de reproduzir ou publicar parte ou esta obra na íntegra. Enquanto os autores fizeram os melhores esforços para preparar este livro,

Leia mais

(esforço). Competência entendida segundo três eixos:

(esforço). Competência entendida segundo três eixos: em Gestão de Projetos Prof. Roberto Paixão Introdução Competência = com (conjunto) + petere (esforço). Competência entendida segundo três eixos: Características da pessoa; Formação educacional; Experiência

Leia mais

Clima e Socialização organizacional

Clima e Socialização organizacional Função Aplicação de pessoas: Clima e Socialização organizacional Livros: CHIAVENATO, Gestão de pessoas TACHIZAMA, et al. Material na xerox (pg.240-255) SOCIALIZAÇÃO ORGANIZACIONAL É a maneira pela qual

Leia mais

VALORES E PRINCÍPIOS DA SIKA

VALORES E PRINCÍPIOS DA SIKA CONSTRUINDO CONFIANÇA SIKA UM LÍDER GLOBAL COM PRINCÍPIOS E TRADIÇÃO Fundada na Suíça pelo criador visionário Sr. Kaspar Winkler há mais de 100 anos, a Sika tornou-se uma empresa de sucesso mundial assumindo

Leia mais

o que é? Resgatar um conteúdo trabalhado em sala de aula, por meio de novas aplicações ou exercícios

o que é? Resgatar um conteúdo trabalhado em sala de aula, por meio de novas aplicações ou exercícios lição de casa F1 o que é? É um recurso didático que o professor propõe aos alunos para potencializar a relação dele com o objeto de conhecimento. A lição pode ter vários objetivos: Resgatar um conteúdo

Leia mais

Você Sem Limites TEMAS PARA CULTO DE JOVENS INTRODUÇÃO. Guia para o jovem Cristão guiaparaojovemcristao.com

Você Sem Limites TEMAS PARA CULTO DE JOVENS INTRODUÇÃO. Guia para o jovem Cristão guiaparaojovemcristao.com INTRODUÇÃO 1 Baseado no livro Sem Limites: Como quebrar todos os seus limites em prol do Reino de Deus de Luan Ribeiro. Ideia Geral da Série: Como viver os seus sonhos? Como ser usado por Deus de maneira

Leia mais

CIENCIA CONCIENCIA Y LUZ Peter Russell

CIENCIA CONCIENCIA Y LUZ Peter Russell CIENCIA CONCIENCIA Y LUZ Peter Russell por: Marouva Fallgatter Faqueti Disciplina: Complexidade, conhecimento e sociedade em redes 1/2016 Professor: Aires José Roverr Peter Russell (1946 - ) Escritor e

Leia mais