mestre Clique para editar o texto Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015 Clique para editar o texto mestre

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "mestre Clique para editar o texto Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015 Clique para editar o texto mestre"

Transcrição

1 Clique Plano de para Negócios editar e o Gestão título mestre Clique para editar o texto mestre Clique para editar o texto mestre Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015

2 AVISOS Clique para editar o título mestre Clique para editar o texto mestre Esta apresentação pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições futuras da economia, além do setor de atuação, do desempenho e dos resultados financeiros da Companhia, dentre outros. Os termos antecipa", "acredita", "espera", "prevê", "pretende", "planeja", Clique "projeta", para editar "objetiva", o texto "deverá", mestre bem como outros termos similares, visam a identificar tais previsões, as quais, evidentemente, envolvem riscos e incertezas previstos ou não pela Companhia e, consequentemente, não são garantias de resultados futuros. Portanto, os resultados futuros das operações da Companhia podem diferir das atuais expectativas, e o leitor não deve se basear exclusivamente nas informações aqui contidas. A Companhia não se obriga a atualizar as apresentações e previsões à luz de novas informações ou de seus desdobramentos futuros. Os valores informados para 2015 em diante são estimativas ou metas. Aviso aos Investidores Norte-Americanos: A SEC somente permite que as companhias de óleo e gás incluam em seus relatórios arquivados reservas provadas que a Companhia tenha comprovado por produção ou testes de formação conclusivos que sejam viáveis econômica e legalmente nas condições econômicas e operacionais vigentes. Utilizamos alguns termos nesta apresentação, tais como descobertas, que as orientações da SEC nos proíbem de usar em nossos relatórios arquivados.

3 Objetivos do Plano de Negócios e Gestão DESALAVANCAGEM Disciplina de capital Reforçar a gestão de desempenho GERAÇÃO DE VALOR PARA OS ACIONISTAS Foco em rentabilidade 3

4 Metas de Desalavancagem do Plano Até 2018 Alavancagem líquida abaixo de 40% Endividamento Líquido / EBITDA abaixo de 3,0x Até 2020 Alavancagem líquida abaixo de 35% Endividamento Líquido / EBITDA abaixo de 2,5x 4

5 Premissas do Planejamento Financeiro Preços dos derivados no Brasil Paridade de importação Preço do Brent Preço do Brent (Médio) US$ 60/bblem 2015 e US$ 70/bbl no período Taxa de Câmbio Nominal (Média) R$/US$ , , , ,56 Não há previsão de emissão de novas ações 5

6 Desinvestimentos e Reestruturações Desinvestimentos revisados de US$ 13,7 bilhões para US$ 15,1 bilhões US$ 42, 6 bilhões distribuídos em: Reestruturações de negócios Desmobilizações de ativos Desinvestimentos adicionais 6

7 Investimentos Seletividade da carteira de projetos E&P Prioridade para os projetos de produção de petróleo no Brasil, com ênfase no pré-sal Abastecimento, G&E e Demais Áreas Manutenção das operações 7

8 Investimentos Redução de 37% em relação ao PNG PNG Segmentos US$ bilhões % Exploração e Produção* 108,6 83 Abastecimento** 12,8 10 Gás e Energia 6,3 5 Demais Áreas 2,6 2 Total 130,3 100 * Inclui investimentos da Petrobras no exterior ** Inclui Distribuição 8

9 Investimentos Conciliação entre as Carteiras: PNG x PNG US$ Bilhões -42,4 206,8-28,0-12,0 5,6-22,0-3,5 2,7 23,1 130,3 PNG Ano 2014* Atualização de Câmbio e Inflação Projetos Retirados Projetos Novos Atrasos e Postergações de Projetos Reorçamentação Desoneração /Alteração de de Capex por Escopo Reestruturações /Desinvestimentos Ano 2019 PNG * O valor realizado em 2014 foi de US$ 37,1 bilhões 9

10 Investimentos em Exploração & Produção E&P US$ 108,6 bilhões 3,0 (3%) 11,3 (10%) 4,9 (5%) 89,4 (82%) Desenvolvimento da Produção Suporte Operacional Exploração Investimentos no Exterior 10

11 Investimentos no Abastecimento Abastecimento US$ 12,8 bilhões 1,4 (11%) 1,3 (10%) 1,3 (10%) 8,8 (69%) Manutenção e Infraestrutura RNEST Outros BR Distribuidora Obs.: O montante total inclui investimentos no Comperj para recepção e tratamento de gás, manutenção de equipamentos, dentre outros. 11

12 Investimentos em Gás & Energia G&E US$ 6,3 bilhões 0,5% 0,9 (13,8%) 0,3 (5,3%) 5,0 (80,4%) Energia Elétrica Plantas de Gás Química (Nitrogenados) Gasodutos Regás -GNL 12

13 Produção de Óleo e LGN no Brasil Comparação com o PNG Milhões bpd 4,2 2,4 2,5 2,8 2,1 2,0 2,1 2, PNG PNG

14 Cronograma de Entrada das Unidades de Produção BÚZIOS 2 FPSO CO Milhões bpd LULA SUL FPSO Replicante BÚZIOS 4 FPSO CO LULA ALTO (1º Sem) LULA CENTRAL (1º Sem) BÚZIOS 1 FPSO CO BÚZIOS 3 FPSO CO LULA NORTE FPSO Replicante REVITALIZAÇÃO DE MARLIM 1 BERBIGÃO / SURURU FPSO Replicante PILOTO LIBRA PAPA TERRA (mar/15) IRACEMA NORTE (3º Tri) LAPA (2º Sem) TLD de LIBRA (2º Sem) LULA EXT. SUL FPSO Replicante TARTARUGA VERDE E MESTIÇA ATAPU SUL FPSO Replicante ATAPU NORTE/ PILOTO SURURU FPSO Replicante SÉPIA BÚZIOS 5 LULA OESTE 2,8 2,0 2,1 2,2 2,1 2,1 Produção Total de Óleo e LGN Produção Implantados + Ramp-up + Complementares 1, PÓS -SAL PRÉ SAL CESSÃO (CONCESSÃO) ONEROSA PARTILHA A contratar 14

15 Produção de Óleo, LGN e Gás Natural no Brasil e Exterior Comparação com o PNG Milhões boed 5,3 3,1 3,2 3,7 2,7 2,7 2,8 2, PNG PNG

16 Mercado de Derivados Mil bpd 5,0% a.a. 1,6% a.a Outros Gasolina Diesel 16

17 Gastos Operacionais Gerenciáveis Custos e despesas totais, excluindo matérias-primas PNG US$ 142 bilhões 45,8 (32%) Ações para ganhos de produtividade 69,8 (49%) Maior eficiência na gestão de serviços contratados Racionalização das estruturas e reorganização dos negócios 12,4 (9%) 14,0 (10%) Otimização dos custos de pessoal Redução nos custos de aquisição de insumos Redução dos custos logísticos de transporte E&P Abastecimento G&E Demais Áreas 17

18 Projeção Para Desalavancagem Com ganhos de produtividade e desinvestimentos/reestruturações em 2017 e 2018 Alavancagem Líquida Dívida Líquida/EBITDA 60% 5,0 50% 50,8% 4,0 40% 3,0 3,33 30% 32,2% 2,0 1,0 2,03 20% ,

19 Desafios do PNG Riscos que podem impactar o Plano Mudanças de condições de mercado, como preço do petróleo e taxa de câmbio Operações de desinvestimentos e outras reestruturações de negócios, sujeitas a condições de mercado vigentes à época das transações Alcance das metas de produção de petróleo e gás natural, em um cenário de dificuldades com fornecedores no Brasil 19

20 Clique Plano de para Negócios editar e o Gestão título mestre Clique para editar o texto mestre Clique para editar o texto mestre Apresentação para Imprensa 29 de Junho de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T17

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1T17 Clique para editar o título mestre Clique para editar o texto mestre DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Clique para editar o texto mestre Teleconferência / Webcast 12 de Maio de 2017 Avisos Estas apresentações podem

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de 2015 Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 1 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de de Abril de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de de Abril de 2015 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS Exercício de 2014 22 de Abril de 2015 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Teleconferência / Webcast 13 de Maio de 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Teleconferência / Webcast 13 de Maio de 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre 2016 Teleconferência / Webcast 13 de Maio de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º Trimestre 2016 Coletiva de Imprensa 12 de Maio de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas

Leia mais

Petrobras Update. Outubro de 2015

Petrobras Update. Outubro de 2015 Petrobras Update Outubro de 2015 AVISOS Esta apresentação pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições futuras

Leia mais

José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores. Julho de 2004

José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores. Julho de 2004 José Sergio Gabrielli de Azevedo Diretor Financeiro e de Relacionamento com Investidores Julho de 2004 As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

ENAIQ 2/12/2016. Petrobras e perspectivas para 2017

ENAIQ 2/12/2016. Petrobras e perspectivas para 2017 ENAIQ 2/12/2016 Petrobras e perspectivas para 2017 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da companhia

Leia mais

Plano de Negócios e Gestão de Agosto de 2012

Plano de Negócios e Gestão de Agosto de 2012 Plano de Negócios e Gestão 2012 2016 29 de Agosto de 2012 AVISO Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2016 / 4T Clique para editar o título mestre Clique para editar o texto mestre. Clique para editar o texto mestre

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2016 / 4T Clique para editar o título mestre Clique para editar o texto mestre. Clique para editar o texto mestre DIVULGAÇÃO Clique para editar o título mestre Clique para editar o texto mestre DE RESULTADOS / 4T Clique para editar o texto mestre Coletiva de Imprensa 21 de Março de 2017 Avisos Estas apresentações

Leia mais

José Sergio Gabrielli Presidente. 24 de Agosto de 2011

José Sergio Gabrielli Presidente. 24 de Agosto de 2011 José Sergio Gabrielli Presidente 24 de Agosto de 2011 1 AVISO Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia

Leia mais

Conferência Telefônica / Webcast. Modelo Regulatório de Exploração e Produção Pré-sal e áreas estratégicas. José Sergio Gabrielli Presidente

Conferência Telefônica / Webcast. Modelo Regulatório de Exploração e Produção Pré-sal e áreas estratégicas. José Sergio Gabrielli Presidente Conferência Telefônica / Webcast Modelo Regulatório de Exploração e Produção Pré-sal e áreas estratégicas José Sergio Gabrielli Presidente 1 AVISO As apresentações podem conter previsões acerca de eventos

Leia mais

Divulgação de Resultados

Divulgação de Resultados Divulgação de Resultados 2º trimestre de 2010 (legislação societária) 13 de agosto de 2010 Conferência com a Imprensa Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 1 AVISO

Leia mais

O Sistema Tecnológico da PETROBRAS

O Sistema Tecnológico da PETROBRAS O Sistema Tecnológico da PETROBRAS José Roberto Fagundes Netto Gerente Geral de P&D em Geoengenharia e Engenharia de Poço do CENPES Rio de Janeiro, 29 de maio de 2014 Aviso As apresentações podem conter

Leia mais

O Sistema Tecnológico da PETROBRAS

O Sistema Tecnológico da PETROBRAS O Sistema Tecnológico da PETROBRAS José Roberto Fagundes Netto Gerente Geral de P&D em Geoengenharia e Engenharia de Poço do CENPES Rio de Janeiro, 29 de maio de 2014 Aviso As apresentações podem conter

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre 2015 e Exercício Teleconferência / Webcast 22 de Março de 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre 2015 e Exercício Teleconferência / Webcast 22 de Março de 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre e Exercício Teleconferência / Webcast 22 de Março de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

Oportunidades de investimentos do setor no País. Isabela M. C. da Rocha Gerente Executiva de Relacionamento com Investidores da Petrobras

Oportunidades de investimentos do setor no País. Isabela M. C. da Rocha Gerente Executiva de Relacionamento com Investidores da Petrobras Oportunidades de investimentos do setor no País Isabela M. C. da Rocha Gerente Executiva de Relacionamento com Investidores da Petrobras Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos

Leia mais

MEC SHOW 2017 Conferência panorama atual e expectativas reais do setor offshore no Brasil

MEC SHOW 2017 Conferência panorama atual e expectativas reais do setor offshore no Brasil MEC SHOW 2017 Conferência panorama atual e expectativas reais do setor offshore no Brasil Investimentos previstos pela Petrobras no segmento offshore 18/07/2017 AGENDA A Unidade de Operações de Exploração

Leia mais

Excedentes da Cessão Onerosa

Excedentes da Cessão Onerosa Maria das Graças Silva Foster Presidente Excedentes da Rio de Janeiro, 27 de junho de 2014 1 Através da a Petrobras adquiriu os direitos para explorar, avaliar e produzir até 5 bilhões de boe em seis áreas

Leia mais

Desafios e Oportunidades do Setor de Petróleo e Gás Natural na próxima década

Desafios e Oportunidades do Setor de Petróleo e Gás Natural na próxima década Desafios e Oportunidades do Setor de Petróleo e Gás Natural na próxima década Roberto Gonçalves Gerente Executivo da Engenharia da Petrobras 8º Encontro Nacional do Prominp 23 de Novembro-São Luis, MA

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2º Trimestre de Teleconferência / Webcast 11 de Agosto de 2014

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2º Trimestre de Teleconferência / Webcast 11 de Agosto de 2014 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2º Trimestre de 2014 Teleconferência / Webcast 11 de Agosto de 2014 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

8º Encontro Nacional do PROMINP

8º Encontro Nacional do PROMINP 8º Encontro Nacional do PROMINP Demandas de Bens & Serviços para a operação dos projetos de Abastecimento PETROBRAS Abastecimento São Luís, 23/11/2011 1 AVISO As apresentações podem conter previsões acerca

Leia mais

Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão

Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017-2021 Rio de Janeiro, 20 de setembro de 2016 Petróleo Brasileiro S.A. Petrobras informa que seu Conselho de Administração aprovou, em reunião realizada

Leia mais

Excedentes da Cessão Onerosa

Excedentes da Cessão Onerosa Excedentes da Cessão Onerosa DESDOBRAMENTOS DA REUNIÃO DO CNPE Rio de Janeiro, 24 de junho de 2014 Informações preliminares Cessão Onerosa Através da Cessão Onerosa a Petrobras adquiriu os direitos para

Leia mais

Estratégia de Inovação e Tecnologia da Petrobras

Estratégia de Inovação e Tecnologia da Petrobras Estratégia de Inovação e Tecnologia da Petrobras Rio de Janeiro, 20 de abril de 2012 Carlos Tadeu da Costa Fraga Gerente Executivo de Pesquisas e Desenvolvimento Aviso As apresentações podem conter previsões

Leia mais

Petrobras Café da Manhã com Analistas

Petrobras Café da Manhã com Analistas Petrobras Café da Manhã com Analistas São Paulo, 10 de Junho de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

Confidencial. 23/Ago/2011 1

Confidencial. 23/Ago/2011 1 Confidencial 23/Ago/2011 1 AVISO Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições futuras

Leia mais

Plano Estratégico Petrobras 2020 e Plano de Negócios

Plano Estratégico Petrobras 2020 e Plano de Negócios PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE Plano Estratégico Petrobras 2020 e Plano de Negócios 2008 2012 Rio de Janeiro, 14 de agosto de 2007 PETRÓLEO BRASILEIRO S/A PETROBRAS,

Leia mais

Petrobras, mercado de combustíveis e mudança climática Pedro Parente

Petrobras, mercado de combustíveis e mudança climática Pedro Parente Petrobras, mercado de combustíveis e mudança climática Pedro Parente Novembro 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas

Leia mais

CENÁRIO E PERSPECTIVAS DO SETOR PETRÓLEO 4º CAMPETRO CAMPINAS OIL & GAS

CENÁRIO E PERSPECTIVAS DO SETOR PETRÓLEO 4º CAMPETRO CAMPINAS OIL & GAS CENÁRIO E PERSPECTIVAS DO SETOR PETRÓLEO 4º CAMPETRO CAMPINAS OIL & GAS Alfredo Renault Campinas, 11 de novembro de 2015 SUMÁRIO I. PETROBRAS PLANO DE NEGÓCIOS II. PRÉ-SAL III. PRIORIDADES E DESINVESTIMENTOS

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016 Clique para editar o título Teleconferência / Webcast mestre 11 de Novembro de 2016 Clique para editar o texto mestre Clique para editar o texto mestre Avisos

Leia mais

A Financiabilidade do Plano de Negócios e Gestão da Petrobras. Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores

A Financiabilidade do Plano de Negócios e Gestão da Petrobras. Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores A Financiabilidade do Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 da Petrobras Almir Guilherme Barbassa Diretor Financeiro e de Relações com Investidores 20 de Agosto de 2013 1 Aviso Estas apresentações podem

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre 2015 e Exercício Apresentação para Imprensa 21 de Março de 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre 2015 e Exercício Apresentação para Imprensa 21 de Março de 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4º Trimestre e Exercício Apresentação para Imprensa 21 de Março de 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3º Trimestre 2016 Clique para editar o título Coletiva de Imprensa mestre 10 de Novembro de 2016 Clique para editar o texto mestre Clique para editar o texto mestre Avisos Estas

Leia mais

Desafios no aumento de eficiência na Logística de petróleo e derivados no país

Desafios no aumento de eficiência na Logística de petróleo e derivados no país Desafios no aumento de eficiência na Logística de petróleo e derivados no país 2 O mercado brasileiro de derivados possui uma concentração na costa litorânea e no sul sudeste do país e o potencial de crescimento

Leia mais

Petrobras Visão Geral

Petrobras Visão Geral Petrobras Visão Geral Fevereiro, 2017 PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO 2017-2021 Fevereiro 2017 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem

Leia mais

José Formigli Diretor do E&P. 500 mil barris de óleo por dia no Pré-Sal

José Formigli Diretor do E&P. 500 mil barris de óleo por dia no Pré-Sal José Formigli Diretor do E&P 500 mil barris de óleo por dia no Pré-Sal LOCALIZAÇÃO DA PROVÍNCIA PRÉ-SAL LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA DO PRÉ-SAL CONCESSÃO (BACIA DE SANTOS) CONCESSÃO (BACIA DE CAMPOS) (00%) BALEIA

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Contribuição da Unidade de Operações de Exploração e Produção da Bacia de Santos (UO-BS)

PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Contribuição da Unidade de Operações de Exploração e Produção da Bacia de Santos (UO-BS) PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO 2012 2016 Contribuição da Unidade de Operações de Exploração e Produção da Bacia de Santos (UO-BS) PLANO ESTRATÉGICO PETROBRAS 2020 Santos, 23 de outubro de 2012 MERCADO DE DERIVADOS

Leia mais

Lucro líquido do primeiro semestre alcançou R$ 16 bilhões 21 milhões

Lucro líquido do primeiro semestre alcançou R$ 16 bilhões 21 milhões Nota à Imprensa 13 de agosto de 2010 Lucro líquido do primeiro semestre alcançou R$ 16 bilhões 21 milhões Aumento foi de 11% sobre o 1º semestre de 2009, principalmente devido ao aumento da cotação do

Leia mais

Os Investimentos da Petrobras e o Desenvolvimento Econômico

Os Investimentos da Petrobras e o Desenvolvimento Econômico Os Investimentos da Petrobras e o Desenvolvimento Econômico Seminário UM BRASIL QUE CRESCE JORNAL O DIA E PETROBRAS José Sergio Gabrielli de Azevedo Presidente 30 de janeiro de 2007 1 Aviso PETROBRAS As

Leia mais

Petrobras tem lucro líquido de R$ milhões nos nove meses de 2015

Petrobras tem lucro líquido de R$ milhões nos nove meses de 2015 Nota à Imprensa 12 de novembro de 2015 Petrobras tem lucro líquido de R$ 2.102 milhões nos nove meses de 2015 No terceiro trimestre de 2015, a Companhia apresentou prejuízo de R$ 3.759 milhões O lucro

Leia mais

Destaques Operacionais do E&P

Destaques Operacionais do E&P Destaques Operacionais do E&P DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS DE 2015 Rio de Janeiro, março de 2016 DE&P Superação da meta de produção pela primeira vez nos últimos 13 anos Crescimento de 5,5 % na produção de

Leia mais

Petrobras (PETR4) Comprar: PETR4

Petrobras (PETR4) Comprar: PETR4 21 de setembro de 2016 Petrobras (PETR4) Comprar: PETR4 O Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017 2021 anunciado ontem veio em grande parte dentro da expectativa do mercado: (i) redução da

Leia mais

Hidrocarbonetos - O Pré-Sal - Dificuldades e Oportunidades. Adriano Pires Março de 2011

Hidrocarbonetos - O Pré-Sal - Dificuldades e Oportunidades. Adriano Pires Março de 2011 Hidrocarbonetos - O Pré-Sal - Dificuldades e Oportunidades Adriano Pires Março de 2011 1 Metas Nacionais de Produção e Reservas da Petrobras 7,4% a.a. 5.059 1.109 ia d / p e b il M 1.752 1.791 1.758 252

Leia mais

A indústria do petróleo: Possibilidades de maior contribuição da iniciativa privada para a exploração e produção de áreas do Pré-Sal

A indústria do petróleo: Possibilidades de maior contribuição da iniciativa privada para a exploração e produção de áreas do Pré-Sal A indústria do petróleo: Possibilidades de maior contribuição da iniciativa privada para a exploração e produção de áreas do Pré-Sal Prof. Edmar de Almeida Grupo de Economia de Energia Instituto de Economia

Leia mais

Petrobras: perspectivas e desafios. Pedro Parente LIDE 26/06/2017

Petrobras: perspectivas e desafios. Pedro Parente LIDE 26/06/2017 Petrobras: perspectivas e desafios Pedro Parente LIDE 26/06/2017 Até 2015, houve crescimento da dívida, muito acima do nível da indústria Petrobras Dívida bruta e geração operacional de caixa (US$ bilhões)

Leia mais

Presente, Futuro e Desenvolvimento dos Projetos da Bacia de Santos

Presente, Futuro e Desenvolvimento dos Projetos da Bacia de Santos Santos, novembro de 2015. Presente, Futuro e Desenvolvimento dos Projetos da Bacia de Santos José Marcelo Luvizotto UO-BS/ENGP BACIAS SEDIMENTARES BRASILEIRAS Unidades Operacionais de E&P Tacutu Foz do

Leia mais

Plano de Negócios e Gestão 2013-2017

Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 Rio de Janeiro, 15 de março de 2013 Petróleo Brasileiro S.A. Petrobras comunica que seu Conselho

Leia mais

PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Setembro 2016

PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Setembro 2016 PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO 2017-2021 Setembro 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T15

Teleconferência de Resultados 1T15 Teleconferência de Resultados 1T15 Relações com Investidores São Paulo, 08 de maio de 2015 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são

Leia mais

RESULTADOS 3T15 13 DE NOVEMBRO DE 2015

RESULTADOS 3T15 13 DE NOVEMBRO DE 2015 RESULTADOS 3T15 13 DE NOVEMBRO DE 2015 AVISO LEGAL Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto aquelas relativas a fatos históricos contidas nesta apresentação

Leia mais

Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas

Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas Cenário Atual do Setor de Petróleo & Gás e suas Perspectivas Setembro 2014 07/10/2014 1 A Dinamus Somos uma empresa de consultoria e inteligência de mercado especializada no desenvolvimento de negócios

Leia mais

Plano de Negócios e Gestão

Plano de Negócios e Gestão Plano de Negócios e Gestão 2014-2018 1 Aviso Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições

Leia mais

PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE. Reservas Provadas da Petrobras em 2014

PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE. Reservas Provadas da Petrobras em 2014 PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE Reservas Provadas da Petrobras em 2014 Rio de Janeiro, 13 de janeiro de 2015 Petróleo Brasileiro S.A. - Petrobras comunica o volume

Leia mais

Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões

Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões Lucro líquido da Petrobras no 1º semestre de 2013 foi de R$ 13 bilhões e 894 milhões Nota à Imprensa 9 de agosto de 2013 O lucro líquido no 1º semestre de 2013 subiu 77% em relação ao semestre anterior,

Leia mais

POLO PRÉ-SAL DA BACIA DE SANTOS A CONSOLIDAÇÃO DE UMA INFRAESTRUTURA PRODUTIVA

POLO PRÉ-SAL DA BACIA DE SANTOS A CONSOLIDAÇÃO DE UMA INFRAESTRUTURA PRODUTIVA POLO PRÉ-SAL DA BACIA DE SANTOS A CONSOLIDAÇÃO DE UMA INFRAESTRUTURA PRODUTIVA Solange Guedes Diretora do E&P PRÉ-SAL: confirma sua posição de província petrolífera de classe mundial... Grandes reservatórios

Leia mais

PETRORIO: EMPRESA BRASILEIRA INDEPENDENTE DE PETRÓLEO SEMINÁRIO APIMEC RIO 22 DE OUTUBRO DE 2015

PETRORIO: EMPRESA BRASILEIRA INDEPENDENTE DE PETRÓLEO SEMINÁRIO APIMEC RIO 22 DE OUTUBRO DE 2015 PETRORIO: EMPRESA BRASILEIRA INDEPENDENTE DE PETRÓLEO SEMINÁRIO APIMEC RIO 22 DE OUTUBRO DE 2015 AVISO LEGAL Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto

Leia mais

Teleconferência Resultados 1T13. Relações com Investidores São Paulo, 13 de Maio de 2013

Teleconferência Resultados 1T13. Relações com Investidores São Paulo, 13 de Maio de 2013 Teleconferência Resultados 1T13 Relações com Investidores São Paulo, 13 de Maio de 2013 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas

Leia mais

Plano de Negócios

Plano de Negócios Plano de Negócios 2010-2014 A Petrobras comunica que seu Conselho de Administração aprovou no dia 18 de junho, o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totalizando US$ 224 bilhões, representando

Leia mais

RESULTADOS 1T16 13 DE MAIO DE 2016

RESULTADOS 1T16 13 DE MAIO DE 2016 RESULTADOS 1T16 13 DE MAIO DE 2016 AVISO LEGAL 2 Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto aquelas relativas a fatos históricos contidas nesta apresentação

Leia mais

RESULTADOS 2T15 AGOSTO DE 2015

RESULTADOS 2T15 AGOSTO DE 2015 RESULTADOS AGOSTO DE 2015 AVISO LEGAL Esta apresentação contêm declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto aquelas relativas a fatos históricos contidas nesta apresentação são declarações

Leia mais

Estratégia da Petrobras na Área de E&P. Paulo Henrique Costacurta Estratégia e Gestão de Portfolio de E&P 25 de setembro de 2013

Estratégia da Petrobras na Área de E&P. Paulo Henrique Costacurta Estratégia e Gestão de Portfolio de E&P 25 de setembro de 2013 Estratégia da Petrobras na Área de E&P Paulo Henrique Costacurta Estratégia e Gestão de Portfolio de E&P 25 de setembro de 2013 AGENDA ESTRATÉGIA DO E&P PANORAMA DO E&P PRÉ-SAL É UMA REALIDADE BACIA DE

Leia mais

Avisos. Aviso aos Investidores Norte-Americanos:

Avisos. Aviso aos Investidores Norte-Americanos: Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições futuras da economia, além do setor

Leia mais

Resultados Financeiros e Operacionais. 1º Trimestre de 2003

Resultados Financeiros e Operacionais. 1º Trimestre de 2003 Resultados Financeiros e Operacionais 1º Trimestre de 2003 Abril - 2003 Agenda Tendências Desafios Consórcio Brasil Celular Programa de Relacionamento Resultados Financeiros e Operacionais Amazônia Celular

Leia mais

O desafio. energia. Plano Estratégico Plano de Negócios e Gestão Indicadores. 1,2% 1% 1% US$ 220,6 bilhões 0,4% 5% 4% 16% 12% 18% 20%

O desafio. energia. Plano Estratégico Plano de Negócios e Gestão Indicadores. 1,2% 1% 1% US$ 220,6 bilhões 0,4% 5% 4% 16% 12% 18% 20% PANORAMA O desafio é a nossa energia Criada em 1953, a Petrobras atua de forma integrada nas atividades de exploração e produção, refino, comercialização, transporte e petroquímica, distribuição de derivados,

Leia mais

Avisos. Aviso aos Investidores Norte-Americanos:

Avisos. Aviso aos Investidores Norte-Americanos: Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia sobre condições futuras da economia, além do setor

Leia mais

Petrobras no Rio de Janeiro. José Sergio Gabrielli de Azevedo Presidente Rio de Janeiro, 31 de outubro de 2006

Petrobras no Rio de Janeiro. José Sergio Gabrielli de Azevedo Presidente Rio de Janeiro, 31 de outubro de 2006 Petrobras no Rio de Janeiro José Sergio Gabrielli de Azevedo Presidente Rio de Janeiro, 31 de outubro de 2006 Aviso As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T12

Apresentação de Resultados 3T12 Apresentação de Resultados 3T2 Aviso Geral Algumas afirmações nesta apresentação podem ser projeções ou afirmações sobre expectativas futuras. Tais afirmações estão sujeitas a riscos conhecidos e desconhecidos

Leia mais

Perspectiva sobre a precificação futura da Nafta. Novembro 2008

Perspectiva sobre a precificação futura da Nafta. Novembro 2008 Perspectiva sobre a precificação futura da Nafta Novembro 2008 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas

Leia mais

APIMEC COPASA Divulgação 1T08

APIMEC COPASA Divulgação 1T08 APIMEC COPASA 2008 Highlights 1T08 A Receita Líquida no 1T08 foi de R$ 467 milhões um crescimento de 8,4% em relação ao 1T07. O EBITDA no trimestre atingiu R$ 191 milhões ante R$ 174 milhões no 1T07. Reajuste

Leia mais

Reservas Provadas da Petrobras em 2013

Reservas Provadas da Petrobras em 2013 PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE Reservas Provadas da Petrobras em 2013 Rio de Janeiro, 14 de janeiro de 2014 Petróleo eiro S.A. - Petrobras comunica o volume de suas

Leia mais

Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis

Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Marco Antônio Martins Almeida Secretário de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis spg@mme.gov.br Rio de Janeiro, 21

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T de abril de 2013

Teleconferência de Resultados 1T de abril de 2013 Teleconferência de Resultados 1T13 23 de abril de 2013 Aviso Legal As informações contidas nesta apresentação poderão incluir afirmações que representem "forward looking statements" nos termos do disposto

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T09

Teleconferência de Resultados 2T09 Teleconferência de Resultados 2T09 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas e as expectativas

Leia mais

Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012

Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012 Lucro líquido da Petrobras foi de R$ 9 bilhões 214 milhões no 1º trimestre de 2012 Nota à Imprensa 15 de maio de 2012 O lucro líquido do trimestre aumentou 82% na comparação com o 4º trimestre de 2011

Leia mais

Hélder Paes Moreira Leite Gerente de Relacionamento com Investidores

Hélder Paes Moreira Leite Gerente de Relacionamento com Investidores Hélder Paes Moreira Leite Gerente de Relacionamento com Investidores Reservatório do Pré-Sal 1 São Paulo, 17 de Dezembro de 2009 AVISO As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros.

Leia mais

Perspectivas para Exploração e Desenvolvimento do Pré-Sal

Perspectivas para Exploração e Desenvolvimento do Pré-Sal PRÉ-SAL PETRÓLEO S. A. - PPSA Perspectivas para Exploração e Desenvolvimento do Pré-Sal Oswaldo A. Pedrosa Jr. Fundação Getúlio Vargas (FGV) 25 de março de 2015 Rio de Janeiro, RJ 1 2 3 4 5 6 Assuntos

Leia mais

Rodadas de Licitação 2017 Potenciais Impactos no RJ

Rodadas de Licitação 2017 Potenciais Impactos no RJ Rodadas de Licitação 2017 Potenciais Impactos no RJ Décio Oddone, Diretor Geral Rio de Janeiro, 27 de junho de 2017. Agenda 1 2 3 4 Cenário Atual Aprimoramentos Rodadas de Licitação Conclusão A Indústria

Leia mais

RESULTADOS 1T17 15 DE MAIO DE 2017

RESULTADOS 1T17 15 DE MAIO DE 2017 RESULTADOS 1T17 15 DE MAIO DE 2017 AVISO LEGAL Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto aquelas relativas a fatos históricos contidas nesta apresentação

Leia mais

Os Valores financeiros estão em R$ Milhões, a menos que indicado de outra forma. Dados financeiros refletem a adoção do IFRS.

Os Valores financeiros estão em R$ Milhões, a menos que indicado de outra forma. Dados financeiros refletem a adoção do IFRS. Algumas declarações e estimativas contidas neste material podem representar expectativas sobre eventos ou resultados futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas ambos conhecidos e desconhecidos. Não

Leia mais

PERSPECTIVAS PARA INDÚSTRIA DE REFINO NO BRASIL

PERSPECTIVAS PARA INDÚSTRIA DE REFINO NO BRASIL PERSPECTIVAS PARA INDÚSTRIA DE REFINO NO BRASIL Jorge Celestino Diretor Executivo de Refino e Gás Natural 24.10.2016 Transformações na indústria do petróleo mundial Mudança no cenário competitivo: shale

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T13

Apresentação de Resultados 3T13 Apresentação de Resultados 3T13 Aviso Geral Algumas afirmações nesta apresentação podem ser projeções ou afirmações sobre expectativas futuras. Tais afirmações estão sujeitas a riscos conhecidos e desconhecidos

Leia mais

1º Trimestre de 2016 Resultados Tupy

1º Trimestre de 2016 Resultados Tupy 1º Trimestre de 2016 Resultados Tupy São Paulo, 12 de maio de 2016 1 DISCLAIMER Esta Apresentação pode conter declarações prospectivas, as quais estão sujeitas a riscos e incertezas, pois foram baseadas

Leia mais

3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy

3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy 3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy São Paulo, 13 de novembro de 2015 1 DISCLAIMER Esta Apresentação pode conter declarações prospectivas, as quais estão sujeitas a riscos e incertezas, pois foram baseadas

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T16

Teleconferência de Resultados 2T16 Teleconferência de Resultados 2T16 Relações com Investidores São Paulo, 5 de Agosto de 2016 RESSALVA SOBRE DECLARAÇÕES FUTURAS Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são

Leia mais

ULTRAPAR ULTRAPAR. Governança Corporativa e o Mercado de Capitais Empresa de Controle Compartilhado

ULTRAPAR ULTRAPAR. Governança Corporativa e o Mercado de Capitais Empresa de Controle Compartilhado ULTRAPAR ULTRAPAR Governança Corporativa e o Mercado de Capitais Empresa de Controle Compartilhado Fábio Schvartsman Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Este documento pode conter previsões

Leia mais

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010

Divulgação de Resultados do 1T10 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados do 07 de maio de 2010 Divulgação de Resultados Comentários de abertura Rubens Menin 2 Divulgação de Resultados Destaques Crescimento com margens diferenciadas; Maior operação no

Leia mais

Negócios em evolução com disciplina de capital

Negócios em evolução com disciplina de capital Resultados 2T16 Aviso Geral As afirmações nesta apresentação são projeções ou afirmações sobre expectativas futuras. Tais afirmações estão sujeitas a riscos conhecidos e desconhecidos e incertezas que

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T de Novembro de 2016 Relações com Investidores

Teleconferência de Resultados 3T de Novembro de 2016 Relações com Investidores Teleconferência de Resultados 11 de Novembro de 2016 Relações com Investidores 1 Disclaimer Este material constitui uma apresentação de informações gerais sobre a Marfrig Global Foods S.A. e suas controladas

Leia mais

ULTRAPAR. ULTRAPAR Aquisição da Shell Gás - Ago/03

ULTRAPAR. ULTRAPAR Aquisição da Shell Gás - Ago/03 ULTRAPAR ULTRAPAR Aquisição da Shell Gás - Ago/03 Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia. Palavras

Leia mais

PRE-SAL PANORAMA E OPORTUNIDADES

PRE-SAL PANORAMA E OPORTUNIDADES PRE-SAL PANORAMA E OPORTUNIDADES CARLOS TADEU FRAGA Set / 2012 Aviso Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

-1- RESULTADOS 2T14 15 de agosto de 2014

-1- RESULTADOS 2T14 15 de agosto de 2014 -1- RESULTADOS 2T14 15 de agosto de 2014 AVISO LEGAL Esta apresentação contêm declarações acerca de eventos futuros. Todas as declarações exceto aquelas relativas a fatos históricos contidas nesta apresentação

Leia mais

Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018

Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018 Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018 A Petrobras comunica que seu Conselho de Administração aprovou o Plano Estratégico Petrobras 2030 (PE 2030) e o Plano de Negócios

Leia mais

Ultrapar Participações S.A.

Ultrapar Participações S.A. Ultrapar Participações S.A. 3 rd Itaú BBA Commodities Conference Setembro 2011 1 > Previsões acerca de eventos futuros Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem

Leia mais

Farm in BS-4 e Atualização do Portfólio de Ativos

Farm in BS-4 e Atualização do Portfólio de Ativos Farm in BS-4 e Atualização do Portfólio de Ativos Setembro 2011 Aquisição de 30% de participação no Bloco BS-4 localizado na Bacia de Santos (1) (1) Sujeito à aprovação da ANP 2 Taxa de sucesso geológico

Leia mais

ESTADO, PETROBRÁS E SETOR DE PETRÓLEO E GÁS NO BRASIL: diretrizes para reconstrução da soberania nacional

ESTADO, PETROBRÁS E SETOR DE PETRÓLEO E GÁS NO BRASIL: diretrizes para reconstrução da soberania nacional ESTADO, PETROBRÁS E SETOR DE PETRÓLEO E GÁS NO BRASIL: diretrizes para reconstrução da soberania nacional GEEP Grupo de Estudos Estratégicos e Propostas para o Setor de Óleo e Gás Rio de Janeiro, 19 de

Leia mais

PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Setembro 2016

PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO Setembro 2016 PLANO ESTRATÉGICO PLANO DE NEGÓCIOS E GESTÃO 2017-2021 Setembro 2016 Avisos Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores

Leia mais

4T15 Apresentação de Resultados

4T15 Apresentação de Resultados Apresentação de Resultados 02 de Fevereiro de 2016 Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração tomadas dentro do nosso melhor conhecimento e informações a que a Companhia

Leia mais

Divulgação de Resultados do 4T11 e de março de 2011

Divulgação de Resultados do 4T11 e de março de 2011 do e 2011 8 de março de 2011 Comentários de abertura Rubens Menin 2 Destaques Concentração no segmento econômico e diversificação geográfica; Consistência Operacional e Financeira; Repasse de Clientes

Leia mais

Produção no pré-sal bate novo recorde e ultrapassa a barreira de 500 mil barris de petróleo por dia

Produção no pré-sal bate novo recorde e ultrapassa a barreira de 500 mil barris de petróleo por dia Produção no pré-sal bate novo recorde e ultrapassa a barreira de 500 mil barris de petróleo por dia Rio de Janeiro, 1 de julho de 2014 Petróleo Brasileiro S.A. A Petrobras informa que a produção de petróleo

Leia mais