Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12"

Transcrição

1 Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12

2 Premissas de trabalho Articulação entre profissionais da engenharia/técnicos MG, por meio da Câmara Temática de Mobilidade; Ausência de compromissos prévios com modais ou soluções exclusivas de tecnologias para mobilidade; Defesa do interesse público e dos usuários do sistema de transporte da RMBH; Defesa das melhores alternativas técnicas, através da pesquisa e dos trabalhos científicos dos melhores centros/instituições da área; Compromisso com a melhoria da qualidade do transporte público, transparência, controle social sobre o sistema e redução/eliminação de tarifas finais para o usuário; Defesa da articulação entre o setor público e a iniciativa privada, única possibilidade para o aumento de investimentos no setor;

3 Defesa da mobilidade das pessoas como uma política social, incentivando a criação de um sistema integrado de transporte metropolitano; Defesa da mobilidade das cargas como maneira de viabilizar o acesso das pessoas aos bens/serviços/produtos na RMBH; Inclusão no debate das melhores práticas (best practises) de mobilidade globais; Retomada do planejamento urbano associado à mobilidade.

4 Simulações Pesquisa Origem Destino Mapas produzidos com base nos dados disponibilizados da pesquisa Origem Destino - ARMBH

5 Mapa por Unidade Macro de Mobilidade - 67 (UMM) da Região Metropolitana de Belo Horizonte

6 Eixo Belo Horizonte Venda Nova Pampulha Noroeste Centro-sul Barreiro

7 Eixo Leste (direção Vitória) Ravena Sabará Caeté

8 Eixo Linha Verde Baldim Jaboticatubas Matozinhos Lagoa Santa Justinópolis Santa Luzia

9 Eixo Noroeste Esmeraldas Ribeirão das Neves Várzea das Flores Contagem Eldorado

10 Eixo Oeste Betim Ibirité Brumadinho

11 Eixo Sul Nova Lima - Sede Casa Branca

12 Linhas de Desejo

13 Belo Horizonte internas

14 Belo Horizonte Internas (acima de viagens)

15 Linhas de Desejo por eixo

16 Linhas de Desejo por eixo (2)

17 Metodologia Utilizando os dados de volumes de viagens da pesquisa origem e destino da RMBH 2012 foram traçados os principais pares origem e destino por campo da RMBH Os volumes referem-se as viagens do modo coletivo em dias típicos Volume da hora de pico considerado de 12% do volume diário conforme dados do metrô de Belo Horizonte (CBTU) Foram considerados as viagens entre os campos destacados para cada corredor.

18 Parâmetros de capacidade (Passageiros por hora/pico por sentido) Fonte => SINAENCO (Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva - VLT ou LRT a BRT a Monotrilho a Metrô maior

19

20 Pesquisa Origem e Destino 2012 DADOS GERAIS FONTE ARMBH

21 Capítulo 1: Análise inicial - Pesquisa OD 2011/2012 Grande saída de usuários do sistema: perda de viagens de 2002 a 2012 (12,8 % de viagens a menos); Significativo crescimento de viagens por meio do modal individual (automóveis, em destaque): de 18,2 para 30,8 % de 2002 a 2012; Regiões de maior produção de viagens: corredores Ribeirão das Neves, Santa Luzia (Norte), Barreiro/Ibirité e Betim/Contagem; Região de maior atração de viagens: Centro de BH e deslocamentos entre Contagem-Betim; Riscos crescentes para o financiamento do sistema; Não há aumentos significativos de viagens não motorizadas; Penalização das faixas de renda mais baixas da região; Lembrete: frota veículos BH: de 742 mil (2002) para 1,52 mi (2012) 105% de aumento (SP: 61%, RJ: 59%).

22 Capítulo 2: linhas e trajetos Soluções de linhas de alta/média capacidades propostas: a) Conclusão da Linha 2 do metrô: Barreiro Hospitais, com articulação inicial por meio do ramal Barreiro. Recomendação que haja uma linha específica para evitar baldeação na estação Calafate/Nova Suíça; b) Criação de um sistema que articule a cidade de Ribeirão das Neves ao sistema Vilarinho, com aumento da oferta de viagens na linha 1 do metrô; c) Extensão do sistema do metrô da estação eldorado à cidade de Betim; d) Criação de linhas entre o Aeroporto de Confins e a estação Vilarinho (monotrilho/vlt); e) Criação de linhas entre Nova Lima/Savassi (monotrilho).

23 Resultados iniciais/corredor Corredor Ribeirão das Neves: Viagens por dia: BRT ou monotrilho Viagens por hora pico: Corredor Santa Luzia: Viagens por dia: Viagens por hora pico: Corredor Barreiro/Ibirité: Viagens por dia: Viagens por hora pico: Corredor Contagem/Betim: Viagens por dia: Viagens por hora pico: Monotrilho Monotrilho ou metrô Metrô

24 Sistema Nacional Integrado de Mobilidade Mobilidade como direito e politica social Política Nacional de Mobilidade (Lei ): não há referências ao financiamento e funcionamento integrado. PEC 90/2011: inclusão de transporte como direito social, alterando o art. 6 da CF (1988). 10% mais pobres gastam mais de 13% renda com transporte (POF - IBGE 2009); Rediscussão de gratuidades: Lei 9074/95 (diminuição/eliminação de subsídio cruzado): penalidades para pessoas de baixa renda que financiam o sistema. Gratuidade vinculada ao Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (Cad. Único), agregando estudantes do PROUNI e FIES (Financiamento Estudantil); Ampla desoneração e barateamento para inclusão de todos no sistema de transporte público para alternativa ao transporte individual; REITUP: Regime especial de incentivos para o transporte público.

25 Ente Tributo Atual Redução Incidência Desoneração União PIS/Cofins dos serviços 3,65% zero faturamento Isenção União CIDE/Combustíveis 0% Redução a zero Comercialização do produtor/import. Subsídio ao diesel União PIS/Cofins import. (pneus/chassis/veíc./com bust.) 11,5 e 57,6% Redução a zero Bens importados Concessão de credito União Seguridade 2% Manutenção a 2% faturamento Manutenção alíquota Estados ICMS (compra veículos e insumos, diesel) 0 a 30% Podendo chegar a zero Comerc./ circulação Subsidio ou restituição Munic. ISS e taxas 2 a 5% (Iss) Pode chegar a zero diversa Não incidência, desconto ou redução

26 Resultados esperados: Redução de pelo menos 15% na tarifa, articulada ao Pacto pela mobilidade (Gov. Federal) - 50 bi. Redução pode chegar a 25%; 44 viagens mês para todos os públicos-alvo: 8 milhões de incluídos (informais, desocupados, estudantes, ProUni e FIES). Viagens adquiridas pelo poder público; Aumento significativo de usuários no sistema, oxigenando o modelo, remunerado por passageiros transportados; Cidades acima de 500 mil habitantes, com destaque regiões metropolitanas.

27 Obrigado!

Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12

Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12 Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12 Divisão modal 2012/2002 Viagens 2012 0,1% 37,7% 31,4% Divisão modal 2012 Modo Viagens Percentual coletivo 4.115.275 31,4% individual

Leia mais

Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12

Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12 Resultados iniciais Relatório de Mobilidade RMBH Coletiva de Imprensa 19/12 Premissas de trabalho u Articulação entre profissionais da engenharia/técnicos MG, por meio da Câmara Temática de Mobilidade;

Leia mais

Foi base para a estruturação da Lei Nº /2014 Estatuto da Metrópole. Criação: 1973 Lei LC14/1973; LCE 88/2006 e LCE 89/2006

Foi base para a estruturação da Lei Nº /2014 Estatuto da Metrópole. Criação: 1973 Lei LC14/1973; LCE 88/2006 e LCE 89/2006 1 SBC 09/06/2016 1 2 Criação: 1973 Lei LC14/1973; LCE 88/2006 e LCE 89/2006 Cidade Pólo: Belo Horizonte Foi base para a estruturação da Lei Nº 13.089 /2014 Estatuto da Metrópole Área: 9.472,4 Km 2 (1,6%

Leia mais

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barretto de Carvalho Secretário do PAC

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barretto de Carvalho Secretário do PAC MOBILIDADE URBANA Mauricio Muniz Barretto de Carvalho Secretário do PAC O QUE O GOVERNO FEDERAL JÁ FEZ Sanção da Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei 12.587/2012) Desoneração das tarifas do transporte

Leia mais

taxa de crescimento da população (TXP) densidade demográfica (habitantes/km 2 ) área (km 2 ) população reestimada (Pr) diferença (Pr-P)

taxa de crescimento da população (TXP) densidade demográfica (habitantes/km 2 ) área (km 2 ) população reestimada (Pr) diferença (Pr-P) ano população P (n.º de habitantes) Sistema de Informações da Mobilidade Urbana de Belo Horizonte (SisMob-BH) Tabela 241 - Indicadores populacionais de Belo Horizonte (1991-2014) com populações reestimadas

Leia mais

SEPLAN TRANSPORTE COMO CHAVE PARA O SUCESSO DA COPA DE 2014 SEPLAN SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

SEPLAN TRANSPORTE COMO CHAVE PARA O SUCESSO DA COPA DE 2014 SEPLAN SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO SEPLAN TRANSPORTE COMO CHAVE PARA O SUCESSO DA COPA DE 2014 AGENDA ESTRATÉGIA PERSPECTIVAS ECONÔMICAS MATRIZ DE RESPONSABILIDADES MONOTRILHO CONSIDERAÇÕES FINAIS ESTRATÉGIA Concepção Planejamento Execução

Leia mais

SÃO PAULO TRANSPORTE S.A.

SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. Transporte Público: Origens, Evolução e Benefícios Sociais do Bilhete Único 05/04/2005 Antecedentes Bilhetagem Automática 1974: Metrô de São Paulo bilhete magnético Edmonson Seguem-se:

Leia mais

TARIFA DO METRÔ DE SÃO PAULO

TARIFA DO METRÔ DE SÃO PAULO TARIFA DO METRÔ DE SÃO PAULO A COMPANHIA DO METROPOLITANO DE SÃO PAULO - METRÔ A Companhia do Metropolitano de São Paulo - Metrô foi constituída no dia 24 de abril de 1968; Hoje, o Metrô de São Paulo possui

Leia mais

Estatuto da Metrópole e a Região Metropolitana de Belo Horizonte

Estatuto da Metrópole e a Região Metropolitana de Belo Horizonte Estatuto da Metrópole e a Região Metropolitana de Belo Horizonte Agência RMBH 10 de agosto de 2016 Região Metropolitana de Belo Horizonte - RMBH RMBH 34 municípios 4,8 milhões habitantes Colar Metropolitano

Leia mais

Mobilidade e Políticas Urbanas em Belo Horizonte

Mobilidade e Políticas Urbanas em Belo Horizonte I Seminário Nacional de Política Urbana e Ambiental Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil Brasília abril 2016 Mobilidade e Políticas Urbanas em Belo Horizonte Tiago Esteves Gonçalves da Costa ESTRUTURA

Leia mais

NOTA TÉCNICA. Tarifação e financiamento do transporte público urbano. Evento: Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA.

NOTA TÉCNICA. Tarifação e financiamento do transporte público urbano. Evento: Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA. Guarulhos, 08/08/2013 NOTA TÉCNICA Tarifação e financiamento do transporte público urbano Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA. Evento: Sumário Introdução Evolução do preço

Leia mais

Mobilidade urbana: tendências e desafios Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA.

Mobilidade urbana: tendências e desafios Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA. São Paulo, Novembro/2013 Mobilidade urbana: tendências e desafios Apresentador: Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Pesquisador do IPEA. Deslocamentos urbanos no Brasil: tendências recentes Fonte: Ipea

Leia mais

Transporte como Direito Social

Transporte como Direito Social Ministério das Cidades SeMOB - Secretaria Nacional de Transportes e da Mobilidade Urbana Transporte como Direito Social Setembro 2013 Missão SeMOB Promover a Mobilidade Urbana para contribuir na construção

Leia mais

Mobilidade Sustentável para um Brasil Competitivo. Otávio Vieira Cunha Filho Brasília, 28 de Agosto de 2013

Mobilidade Sustentável para um Brasil Competitivo. Otávio Vieira Cunha Filho Brasília, 28 de Agosto de 2013 Mobilidade Sustentável para um Brasil Competitivo Otávio Vieira Cunha Filho Brasília, 28 de Agosto de 2013 Estrutura da Apresentação 1. Contexto 1.1. Situação atual da Mobilidade Urbana; 1.2. Manifestações:

Leia mais

SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE

SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE Inicialmente, o que é BRT? O BRT (Bus Rapid Transit), ou Transporte Rápido por Ônibus, é um sistema de transporte coletivo de passageiros

Leia mais

A INTEGRAÇÃO NOS SISTEMAS DE TRANSPORTE PÚBLICO DO BRASIL RESULTADO DA PESQUISA REALIZADA PELO GT INTEGRAÇÃO DA COMISSÃO METROFERROVIÁRIA DA ANTP

A INTEGRAÇÃO NOS SISTEMAS DE TRANSPORTE PÚBLICO DO BRASIL RESULTADO DA PESQUISA REALIZADA PELO GT INTEGRAÇÃO DA COMISSÃO METROFERROVIÁRIA DA ANTP A INTEGRAÇÃO NOS SISTEMAS DE TRANSPORTE PÚBLICO DO BRASIL RESULTADO DA PESQUISA REALIZADA PELO GT INTEGRAÇÃO DA COMISSÃO METROFERROVIÁRIA DA ANTP 1ª ETAPA A INTEGRAÇÃO NOS SISTEMAS METROFERROVIÁRIOS OPERADORAS

Leia mais

FINANCIAMENTO DO TPU VIA TAXAÇÃO DOS COMBUSTÍVEIS

FINANCIAMENTO DO TPU VIA TAXAÇÃO DOS COMBUSTÍVEIS FINANCIAMENTO DO TPU VIA TAXAÇÃO DOS COMBUSTÍVEIS O USO DA CIDE PARA CUSTEIO DO TPU Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA Gráfico: variação dos preços de tarifas

Leia mais

INTEGRAÇÃO DO TRANSPORTE PÚBLICO. Emiliano Affonso Presidente AEAMESP Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Metrô Salvador, Agosto de 2015

INTEGRAÇÃO DO TRANSPORTE PÚBLICO. Emiliano Affonso Presidente AEAMESP Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Metrô Salvador, Agosto de 2015 INTEGRAÇÃO DO TRANSPORTE PÚBLICO Emiliano Affonso Presidente AEAMESP Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Metrô Salvador, Agosto de 2015 ASPECTOS A SEREM ABORDADOS 1. A Mobilidade na RMSP 2. Integração

Leia mais

Seminário Os Desafios da Mobilidade Urbana

Seminário Os Desafios da Mobilidade Urbana Seminário Os Desafios da Mobilidade Urbana Fontes de Financiamento para Mobilidade Urbana Estudo de Caso: Transporte sobre Pneus em São Paulo 27.janeiro.2015 Campinas, São Paulo, Brasil Perfil do Sistema

Leia mais

O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP. Lucas Alonso 21ª AEAMESP SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA

O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP. Lucas Alonso 21ª AEAMESP SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP Lucas Alonso 21ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA AEAMESP O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP 2 Análise da

Leia mais

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE Capítulo 1 INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE Tecnologia dos Transportes 2 SISTEMAS DE TRANSPORTE E SOCIEDADE De extrema importância para o desenvolvimento de uma sociedade O desenvolvimento está diretamente

Leia mais

20ª Semana de Tecnologia Metroferroviária. O BNDES e a Mobilidade Urbana. Setembro/2014

20ª Semana de Tecnologia Metroferroviária. O BNDES e a Mobilidade Urbana. Setembro/2014 20ª Semana de Tecnologia Metroferroviária O BNDES e a Mobilidade Urbana Setembro/2014 Contextualização A taxa de motorização no Brasil cresceu de 14 carros / 100 habitantes em 2001 para 26 carros / 100

Leia mais

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO SOBRE PNEUS

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO SOBRE PNEUS DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO SOBRE PNEUS DEZEMBRO 2013 DENSIDADE DE EMPREGOS ÁREA CENTRAL Plano Diretor 2013 Referências Trata da política de transporte e mobilidade urbana integrada com

Leia mais

de Belo Horizonte Projeto BRT Do sistema tronco alimentado convencional aos corredores de BRT

de Belo Horizonte Projeto BRT Do sistema tronco alimentado convencional aos corredores de BRT Sistema IntegradodeTransporte de porônibus de Belo Horizonte Projeto BRT Do sistema tronco alimentado convencional aos corredores de BRT Sumário Premissas e condicionantes do Projeto Conceito e características

Leia mais

Transporte Coletivo: Chegando mais rápido ao futuro. Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo

Transporte Coletivo: Chegando mais rápido ao futuro. Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo As Cidades mudaram População mudou A Economia mudou Os Meios de Transportes mudaram E nós? Ainda pensamos igual ao passado? Em TRANSPORTE COLETIVO chega-se ao

Leia mais

Projetos de Expansão e Modernização da CPTM

Projetos de Expansão e Modernização da CPTM Projetos de Expansão e Modernização da CPTM Jun/2012 Silvestre Eduardo Rocha Ribeiro Diretor de Planejamento e Projetos Jundiaí Várzea Paulista Campo Limpo Paulista Francisco Morato Franco da Rocha Caieiras

Leia mais

Plano Diretor de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte PlanMob-BH

Plano Diretor de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte PlanMob-BH Plano Diretor de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte PlanMob-BH Diagnóstico e Prognóstico do Sistema de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte Versão 1.0 Belo Horizonte Março/2014 Sumário Lista de Tabelas...

Leia mais

EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012

EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012 EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012 Maria Cecilia Masagão Andreoli de Oliveira 20ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA CATEGORIA

Leia mais

MOBILIDADE URBANA. Miriam Belchior Ministra de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão

MOBILIDADE URBANA. Miriam Belchior Ministra de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão MOBILIDADE URBANA Miriam Belchior Ministra de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão MOBILIDADE URBANA RECURSO DISPONÍVEL 143 bilhões ANTES DO PACTO R$ 93 bilhões 62% das obras concluídas ou em execução

Leia mais

ASPECTOS GERAIS ECONÔMICOS -

ASPECTOS GERAIS ECONÔMICOS - ASPECTOS GERAIS ECONÔMICOS - TURISMO E LAZER BELO HORIZONTE - MG Extensão territorial município 331 km² População total (2010) 2.375.151 habitantes Densidade 7.175 hab/km² PIB ano 2008 R$ 42.151 bilhões

Leia mais

PENSAR BRASÍLIA. TRANSPORTE COLETIVO DO DF Ações do Governo. Brasília/DF, 30 de agosto de 2012. Secretaria de Transportes - DF

PENSAR BRASÍLIA. TRANSPORTE COLETIVO DO DF Ações do Governo. Brasília/DF, 30 de agosto de 2012. Secretaria de Transportes - DF PENSAR BRASÍLIA TRANSPORTE COLETIVO DO DF Ações do Governo Brasília/DF, 30 de agosto de 2012 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL GOVERNO PARA O DISTRITO FEDERAL Postura de Estado. Visão > Eixo de Desenvolvimento

Leia mais

Companhia de Engenharia de Tráfego CET

Companhia de Engenharia de Tráfego CET Secretaria Municipal de Transporte SMT Sec e a a u cpa de a spo e S Companhia de Engenharia de Tráfego CET Anhanguera Bandeirantes Fernão Dias Presidente Dutra Ayrton Senna MAIRIPORÃ Castello Branco CAIEIRAS

Leia mais

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC MOBILIDADE URBANA Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC O QUE O GOVERNO FEDERAL JÁ FEZ Sanção da Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei 12.587/2012) Desoneração das tarifas do transporte

Leia mais

URBANIZAÇÃO DE CURITIBA S.A. Av. Presidente Affonso Camargo, 330 CEP 80060-090 Curitiba PR E-mail: urbs.curitiba@avalon.sul.com.

URBANIZAÇÃO DE CURITIBA S.A. Av. Presidente Affonso Camargo, 330 CEP 80060-090 Curitiba PR E-mail: urbs.curitiba@avalon.sul.com. URBANIZAÇÃO DE CURITIBA S.A. Av. Presidente Affonso Camargo, 330 CEP 80060-090 Curitiba PR E-mail: urbs.curitiba@avalon.sul.com.br Tel: 55-41-320 3232 Fax: 55-41-232 9475 PLANEJAMENTO, GERENCIAMENTO E

Leia mais

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S.

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. Duarte Objeto da pesquisa Relação entre adensamento, multifuncionalidade

Leia mais

USO DO SOLO E ADENSAMENTO AO LONGO DOS CORREDORES DE TRANSPORTE DE BELO HORIZONTE

USO DO SOLO E ADENSAMENTO AO LONGO DOS CORREDORES DE TRANSPORTE DE BELO HORIZONTE USO DO SOLO E ADENSAMENTO AO LONGO DOS CORREDORES DE TRANSPORTE DE BELO HORIZONTE Land use and densification along mass transit corridors in Belo Horizonte Daniel Freitas Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Mobilidade Urbana em Regiões Metropolitanas

Mobilidade Urbana em Regiões Metropolitanas Mobilidade Urbana em Regiões Metropolitanas SINTRAM Expositor: Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano Rubens Lessa Carvalho REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE HISTÓRICO DO

Leia mais

O novo sistema de. performance do Rio e. transporte de alta. oportunidades. Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio

O novo sistema de. performance do Rio e. transporte de alta. oportunidades. Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio O novo sistema de transporte de alta performance do Rio e oportunidades Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio Sistema de Transporte do Rio de Janeiro Após seis anos de intervenções

Leia mais

MOBILIDADE NA CIDADE INTELIGENTE. ANGELA AMIN Doutoranda EGC/UFSC

MOBILIDADE NA CIDADE INTELIGENTE. ANGELA AMIN Doutoranda EGC/UFSC MOBILIDADE NA CIDADE INTELIGENTE ANGELA AMIN Doutoranda EGC/UFSC 3 Desde o fim de 2010, 50,5% da população mundial está nas Cidades No Brasil 85% dos domicílios estão em áreas urbanas Que Cidades queremos?

Leia mais

METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ

METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO 2012-2030 ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ SÃO PAULO 13//06/2012 Expansão 2012-2030 2 REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

Leia mais

Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei /2012) e os Planos de Mobilidade

Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei /2012) e os Planos de Mobilidade Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei 12.587/2012) e os Planos de Mobilidade Criação da Política Nacional de Mobilidade Urbana Durante o século XX, o automóvel passou a dominar as cidades brasileiras,

Leia mais

Gerência de Monitoramento da Qualidade do Ar e Emissões. Fundação Estadual do Meio Ambiente. Março/2016

Gerência de Monitoramento da Qualidade do Ar e Emissões. Fundação Estadual do Meio Ambiente. Março/2016 Gerência de Monitoramento da Qualidade do Ar e Emissões. Fundação Estadual do Meio Ambiente Março/2016 Gestão da Qualidade do Ar no Estado de Minas Gerais FEAM/GESAR Camadas da Atmosfera 3/22 Qualidade

Leia mais

SUB-MÓDULO: DINÂMICA DEMOGRAFICA MIGRAÇÃO E MOBILIDADE POPULACIONAL PESQUISADOR: FAUSTO BRITO ASSISTENTE DE PESQUISA: MARIANA NAHAS

SUB-MÓDULO: DINÂMICA DEMOGRAFICA MIGRAÇÃO E MOBILIDADE POPULACIONAL PESQUISADOR: FAUSTO BRITO ASSISTENTE DE PESQUISA: MARIANA NAHAS SUB-MÓDULO: DINÂMICA DEMOGRAFICA MIGRAÇÃO E MOBILIDADE POPULACIONAL PESQUISADOR: FAUSTO BRITO ASSISTENTE DE PESQUISA: MARIANA NAHAS ÍNDICE 1. BELO HORIZONTE NO CONTEXTO METROPOLITANO: A INVERSÃO ESPACIAL

Leia mais

Calçada Para Todos Mobilidade Urbana LONDRINA, PR

Calçada Para Todos Mobilidade Urbana LONDRINA, PR Calçada Para Todos Mobilidade Urbana LONDRINA, PR MUNICÍPIO DE LONDRINA CARACTERIZAÇÃO DO MUNICÍPIO DE LONDRINA Situado ao norte do estado do Paraná Município foi criado em dezembro de 1934 e acaba de

Leia mais

Política de Combate a Inundações de Belo Horizonte. Prefeitura de Belo Horizonte

Política de Combate a Inundações de Belo Horizonte. Prefeitura de Belo Horizonte Política de Combate a Inundações de Belo Horizonte Prefeitura de Belo Horizonte Belo Horizonte, fevereiro/2011 ASPECTOS GERAIS DA CIDADE DE BELO HORIZONTE Área superficial : 330 km 2 População : 2,5 milhões

Leia mais

SIMPLES NACIONAL, Lucro Presumido Cenário Atual e Mudanças para 2016

SIMPLES NACIONAL, Lucro Presumido Cenário Atual e Mudanças para 2016 SIMPLES NACIONAL, Lucro Presumido Cenário Atual e Mudanças para 2016 Rafael Borin Consultor Tributário da Fecomércio RS Sócio de Rafael Pandolfo Advogados associados LINHA DO TEMPO Simples Federal, Regimes

Leia mais

Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos - ANPTrilhos

Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos - ANPTrilhos Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos - ANPTrilhos Como Acelerar a Implantação dos Empreendimentos Metroferroviários Vicente Abate Diretor Comercial ANPTrilhos Brasília,

Leia mais

Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção

Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção A Urban Systems é uma empresa de Inteligência de Mercado e Soluções há 17 anos no mercado. Realizou mais de 700

Leia mais

Região Metropolitana de Belo Horizonte

Região Metropolitana de Belo Horizonte Capítulo 4 Baseado em: . Acesso em: 24 jul. 2010. e < https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/lcp/lcp14.htm >. Acesso em 28 jul.

Leia mais

Melhores práticas de mobilidade inteligente. Simone Gallo

Melhores práticas de mobilidade inteligente. Simone Gallo Melhores práticas de mobilidade inteligente Simone Gallo Nossas causas 3 cultura educação esporte mobilidade Definimos mobilidade urbana como uma causa dentro de nossa plataforma de sustentabilidade. Bicicleta

Leia mais

Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012. Tiago Esteves Gonçalves da Costa

Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012. Tiago Esteves Gonçalves da Costa Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012 Tiago Esteves Gonçalves da Costa PRINCIPAIS ALTERAÇÕES OBSERVADAS NA MOBILIDADE COTIDIANA DA RMBH ENTRE 2002 E 2012 Aumento no número

Leia mais

MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. O Brasil vai continuar crescendo

MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. O Brasil vai continuar crescendo MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana O Brasil vai continuar crescendo O Brasil vai continuar crescendo PAVIMENTAÇÃO E QUALIFICAÇÃO DE VIAS URBANAS MINISTÉRIO

Leia mais

18ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA

18ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA 18ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA Painel 4 - A Competitividade da Indústria Metroferroviária Vicente Abate - Presidente da ABIFER São Paulo, 12 de setembro de 2012 ABIFER NOSSA MISSÃO Fomentar

Leia mais

TRENS DE ALTA VELOCIDADE

TRENS DE ALTA VELOCIDADE TRENS DE ALTA VELOCIDADE LINHA RIO SÃO PAULO OS PROJETOS AVALIADOS TRANSCORR RSC, desenvolvido sob a coordenação do GEIPOT (empresa vinculada ao MT, atualmente em processo de liquidação), com recursos

Leia mais

Competência Normas Gerais = LC nº 87/96 Características: Fiscal, Extrafiscal (quando dotado de seletividade), Indireto e Real PROF.

Competência Normas Gerais = LC nº 87/96 Características: Fiscal, Extrafiscal (quando dotado de seletividade), Indireto e Real PROF. ICMS IMPOSTO SOBRE OPERAÇÕES RELATIVAS À CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS E À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTE INTERESTADUAL E INTERMUNICIPAL E DE COMUNICAÇÃO Competência Normas Gerais = LC nº 87/96 Características:

Leia mais

Eliminação do pagamento da tarifa. em dinheiro no interior dos ônibus. caso de Ribeirão Preto

Eliminação do pagamento da tarifa. em dinheiro no interior dos ônibus. caso de Ribeirão Preto Eliminação do pagamento da tarifa em dinheiro no interior dos ônibus caso de Ribeirão Preto Ribeirão Preto Ribeirão Preto São Paulo Município Urbana Área 651 km² 275 km² População (IBGE/2014) 658 mil 655

Leia mais

PEC 491/2010. Medicamentos de uso humano e seus Insumos. Audiência Pública Câmara dos Deputados. (Imunidade Constitucional) Brasília-DF, 11/06/2014

PEC 491/2010. Medicamentos de uso humano e seus Insumos. Audiência Pública Câmara dos Deputados. (Imunidade Constitucional) Brasília-DF, 11/06/2014 PEC 491/2010 (Deputado Luiz Carlos Hauly) Medicamentos de uso humano e seus Insumos (Imunidade Constitucional) Audiência Pública Câmara dos Deputados Brasília-DF, 11/06/2014 1 Considerações Iniciais Tributação

Leia mais

Custos dos Deslocamentos (Custos para usar ônibus, moto e automóvel)

Custos dos Deslocamentos (Custos para usar ônibus, moto e automóvel) Custos dos Deslocamentos (Custos para usar ônibus, moto e automóvel) Dados de março de 2010 Sumário 1 Avaliação Geral...3 1.1 Consumo de espaço, tempo e energia por auto, ônibus e moto...3 1.2 Custos para

Leia mais

A Competitividade do Carvão Mineral Nacional na Produção de Energia Elétrica

A Competitividade do Carvão Mineral Nacional na Produção de Energia Elétrica A Competitividade do Carvão Mineral Nacional na Produção de Energia Elétrica Associação Brasileira do Carvão Mineral Rio de Janeiro 18 de maio de 2009 Agenda Motivação Balanço Energético SIN Matriz Energética

Leia mais

Companhia do Metropolitano do Distrito Federal. Audiência Pública

Companhia do Metropolitano do Distrito Federal. Audiência Pública Companhia do Metropolitano do Distrito Federal Audiência Pública Expansão da Linha I do Metrô-DF (Samambaia, Ceilândia e Asa Norte) e modernização do sistema Objetivo da Audiência Pública Dar início aos

Leia mais

IMPLANTACAO VIARIA PARA CORREDOR EXCLUSIVO DE ONIBUS,LIGANDO SANTA CRUZ A BARRA DA TIJUCA - BRT TRANSOESTE

IMPLANTACAO VIARIA PARA CORREDOR EXCLUSIVO DE ONIBUS,LIGANDO SANTA CRUZ A BARRA DA TIJUCA - BRT TRANSOESTE 1 IMPLANTACAO VIARIA PARA CORREDOR EXCLUSIVO DE ONIBUS,LIGANDO SANTA CRUZ A BARRA DA TIJUCA - BRT TRANSOESTE AUDIÊNCIA PÚBLICA OUTRAS INFORMAÇÕES 2266-0369 SMTR www.rio.rj.gov.br 2589-0557 SMO Rio de Janeiro

Leia mais

COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017

COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017 COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017 A ANTP convida a todos os integrantes das entidades associadas, seus membros individuais e

Leia mais

MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO

MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO SEMINÁRIO RIO METROPOLITANO: DESAFIOS COMPARTILHADOS O FUTURO DA MOBILIDADE NA METRÓPOLE VERTICALIDADES Aspectos metropolitanos HORIZONTALIDADES Interações entre

Leia mais

PIS e COFINS. Aspectos conceituais. Universidade de São Paulo Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto

PIS e COFINS. Aspectos conceituais. Universidade de São Paulo Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto Universidade de São Paulo Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto PIS e COFINS Aspectos conceituais Núcleo de Estudos em Controladoria e Contabilidade Tributária Prof. Amaury

Leia mais

Mapa dos Corredores Estruturais

Mapa dos Corredores Estruturais Mapa dos es Estruturais Industrial Umuarama Norte Oeste Dona Zulmira Central Leste Novo Mundo Planalto Sudoeste Jardins Sul Sudeste Santa Luzia Universitário Anéis Oeste Planalto Norte Dona Zulmira Sudoeste

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP

PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP PLANO MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA DE VOTORANTIM / SP 1ª Conferência - março de 2016 tema: lançamento do processo de elaboração do Plano O QUE É MOBILIDADE URBANA? Mobilidade é a forma de deslocamento

Leia mais

A A Pesquisa Origem e Destino O O se recupera frente ao O O por segmentos da população O O ao longo do dia O O por motivos de viagem O O por regiões d

A A Pesquisa Origem e Destino O O se recupera frente ao O O por segmentos da população O O ao longo do dia O O por motivos de viagem O O por regiões d 15ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA TRANSPORTE COLETIVO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO A RECUPERAÇÃO DO MODO COLETIVO FRENTE AO MODO INDIVIDUAL A A Pesquisa Origem e Destino O O se recupera

Leia mais

Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década

Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década SOBRATEMA FÓRUM BRASIL INFRAESTRUTURA 1 Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década Paulo Resende 2010 UMA VISÃO GERAL SOBRE A INFRAESTRUTURA BRASILEIRA 2 2010 a 2020: um País

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO IPTU NAS FINANÇAS MUNICIPAIS

A IMPORTÂNCIA DO IPTU NAS FINANÇAS MUNICIPAIS LINCOLN INSTITUTE OF LAND POLICY MINISTÉRIO DAS CIDADES Curitiba maio de 2010 A IMPORTÂNCIA DO IPTU NAS FINANÇAS MUNICIPAIS François E. J. de Bremaeker Consultor da Associação Transparência Municipal Gestor

Leia mais

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO 9º Diálogos da MEI ESTRATÉGIA NACIONAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO NACIONAL JAILSON BITTENCOURT DE ANDRADE SECRETÁRIO DE POLÍTICAS E PROGRAMAS

Leia mais

Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH. Marcelo Cintra do Amaral. 20 de novembro de 2012

Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH. Marcelo Cintra do Amaral. 20 de novembro de 2012 Plano de Mobilidade Urbana de Belo Horizonte - PlanMob-BH Marcelo Cintra do Amaral 20 de novembro de 2012 Roteiro da apresentação: Contexto do PlanMob-BH: prognóstico, caráter de plano diretor, etapas

Leia mais

12ª Semana de Tecnologia Metroferroviária. Impacto do Bilhete Único entre os Usúarios do Metrô

12ª Semana de Tecnologia Metroferroviária. Impacto do Bilhete Único entre os Usúarios do Metrô 12ª Semana de Tecnologia Metroferroviária Impacto do Bilhete Único entre os Usúarios do Metrô OBJETIVOS DO ESTUDO VERIFICAR IMPACTO DA INTEGRAÇÃO ENTRE OS USUÁRIOS DO METRÔ: MUDANÇAS NOS PADRÕES DE VIAGEM

Leia mais

Unidade Gestora do Projeto da Copa. Unidade d Gestora do Projeto da Copa MOBILIDADE URBANA

Unidade Gestora do Projeto da Copa. Unidade d Gestora do Projeto da Copa MOBILIDADE URBANA Unidade d Gestora do Projeto da Copa MOBILIDADE URBANA PLANO DE GOVERNANÇA POPULAÇÃO DO MUNICÍPIO DE MANAUS 1.802.014 Hab População/ bairros de Manaus DISTRIBUIÇÃO DA FROTA DE VEÍCULOS EM MANAUS Automóveis

Leia mais

MOBILIDADE CORPORATIVA

MOBILIDADE CORPORATIVA MOBILIDADE CORPORATIVA Relatório final de diagnóstico da CAMG Um produto do WRI Ross Centro para Cidades Sustentáveis Guillermo Petzhold Cenário de toda manhã...... e toda tarde Quando chegamos ao trabalho

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Planos Setoriais de Mitigação e Adaptação à Mudança do Clima

CONSULTA PÚBLICA Planos Setoriais de Mitigação e Adaptação à Mudança do Clima CONSULTA PÚBLICA Planos Setoriais de Mitigação e Adaptação à Mudança do Clima Plano Setorial de Transporte e de Mobilidade Urbana para Mitigação da Mudança do Clima PSTM - Parte 2: Mobilidade Urbana /

Leia mais

FUNDAÇÃO FAT. Módulo Especial: "Aspectos Econômicos, Financeiros, Contratuais e Legais das Parcerias Público Privadas" TRANSPORTE DE PASSAGEIROS

FUNDAÇÃO FAT. Módulo Especial: Aspectos Econômicos, Financeiros, Contratuais e Legais das Parcerias Público Privadas TRANSPORTE DE PASSAGEIROS FUNDAÇÃO FAT TRANSPORTE DE PASSAGEIROS CURSO INTERATIVO Módulo Especial: "Aspectos Econômicos, Financeiros, Contratuais e Legais das Parcerias Público Privadas" Apresentar por partes a estrutura, o prazo,

Leia mais

TÍTULO: Campus da UFMG - Reflexões para uma política de estacionamento. AUTOR: Tomás Alexandre Ahouagi

TÍTULO: Campus da UFMG - Reflexões para uma política de estacionamento. AUTOR: Tomás Alexandre Ahouagi TÍTULO: Campus da UFMG - Reflexões para uma política de estacionamento. AUTOR: Tomás Alexandre Ahouagi ENDEREÇO: BHTRANS, Rua Engenheiro Carlos Goulart, 900 Buritis, Belo Horizonte/MG, CEP 30.455-902,

Leia mais

Serviços de Transporte Rodoviário Interestadual de Passageiros. Mobilidade Urbana

Serviços de Transporte Rodoviário Interestadual de Passageiros. Mobilidade Urbana Serviços de Transporte Rodoviário Interestadual de Passageiros Mobilidade Urbana Superintendência de Serviços de Transportes de Passageiros Gerência de Regulação e Outorga de Estrutura da Apresentação

Leia mais

Perspectivas de Negócios em Infraestrutura. novembro 2013

Perspectivas de Negócios em Infraestrutura. novembro 2013 Perspectivas de Negócios em Infraestrutura novembro 2013 Brasil no Mundo Globalizado - Importação e exportação manufaturas, commodities e serviços; - Crescimento da economia e aumento do consumo nos países

Leia mais

Melhoria da Mobilidade em Belo Horizonte. Projetos para a Copa 2014

Melhoria da Mobilidade em Belo Horizonte. Projetos para a Copa 2014 Melhoria da Mobilidade em Belo Horizonte Projetos para a Copa 2014 Indicadores da Mobilidade Urbana em BH Distribuição espacial da demanda de transporte Sistema Ônibus no Hipercentro % das linhas Ônibus/dia

Leia mais

Economia das Mudanças Climáticas. Eduardo A. Haddad Professor Titular Departamento de Economia da FEA-USP

Economia das Mudanças Climáticas. Eduardo A. Haddad Professor Titular Departamento de Economia da FEA-USP Economia das Mudanças Climáticas Eduardo A. Haddad Professor Titular Departamento de Economia da FEA-USP Objetivo Desenvolver uma metodologia integrada para sistematização da avaliação econômica dos impactos

Leia mais

O transporte urbano no Brasil

O transporte urbano no Brasil 1 de 5 23-07-2012 10:29 Imprimir página «Voltar MEIO AMBIENTE O transporte urbano no Brasil Uma política diferente de mobilidade deveria reduzir os benefícios e subsídios ao transporte individual, garantir

Leia mais

Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH

Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH SEMINÁRIO NACIONAL AS METRÓPOLES E AS TRANSFORMAÇÕES URBANAS: 9, 10 e 11 DE DEZEMBRO DE 2015 Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH Jupira Mendonça Luciana Andrade Alexandre Diniz História marcada

Leia mais

estruturando a mobilidade da metrópole COMPANHIA PAULISTA DE TRENS METROPOLITANOS Sérgio Avelleda Diretor Presidente - CPTM

estruturando a mobilidade da metrópole COMPANHIA PAULISTA DE TRENS METROPOLITANOS Sérgio Avelleda Diretor Presidente - CPTM estruturando a mobilidade da metrópole COMPANHIA PAULISTA DE TRENS METROPOLITANOS Sérgio Avelleda Diretor Presidente - CPTM novembro/2008 Região Metropolitana da Grande São Paulo 39 municípios 19,7 milhões

Leia mais

LICITAÇÃO DO STPP/RMR. Programa Estadual de Mobilidade Urbana PROMOB

LICITAÇÃO DO STPP/RMR. Programa Estadual de Mobilidade Urbana PROMOB Programa Estadual de Mobilidade Urbana PROMOB Municípios: 14 População: 3.690.547 hab Área: 2.768,45 km 2 ARAÇOIABA SÃO LOURENÇO DA MATA MORENO 49.205 189 90.402 277 15.108 90 CABO DE SANTO AGOSTINHO

Leia mais

a.) Dados de Preços de Insumos a.1.) Insumos Básicos un. Observação - Preço de 1 litro de óleo diesel (R$/l) 1,7224

a.) Dados de Preços de Insumos a.1.) Insumos Básicos un. Observação - Preço de 1 litro de óleo diesel (R$/l) 1,7224 PLANILHA PARA COMPOSIÇÃO DE DADOS - (Dados a.) NOME DA EMPRESA Ano de Referência Período Referencial de Custos Composição dos Dados Básicos - Ano Vigente 2014 - Total de Dias do Ano - Média Concessão 365

Leia mais

Gestão da Demanda. Parauapebas, Novembro de Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. Ministério das Cidades

Gestão da Demanda. Parauapebas, Novembro de Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. Ministério das Cidades Gestão da Demanda Parauapebas, Novembro de 2014. Apoio: Realização: Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana Ministério das Cidades Introdução Atribuição Local Consonância com a PNMU Espaço

Leia mais

Júlio Eduardo dos Santos

Júlio Eduardo dos Santos Júlio Eduardo dos Santos Secretário Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana Linha do Tempo 1965 a 2003 Extinção da GEIPOT Lei 10.233 / 2001 Criação da EBTU lei nº 6.261 em 1975 Extinção da EBTU Dec.

Leia mais

Corredor Urbanístico de Transporte Nordeste Sudeste da RMSP Eixo de transporte público de média capacidade Guarulhos - Grande ABC

Corredor Urbanístico de Transporte Nordeste Sudeste da RMSP Eixo de transporte público de média capacidade Guarulhos - Grande ABC Corredor Urbanístico de Transporte Nordeste Sudeste da RMSP Eixo de transporte público de média capacidade Guarulhos - Grande ABC AEAMESP 16ª Semana de Tecnologia Metroferrovária Data: SET/2010 Eng. Rui

Leia mais

PIS/COFINS NÃO-CUMULATIVIDADE

PIS/COFINS NÃO-CUMULATIVIDADE PIS/COFINS NÃO-CUMULATIVIDADE PRINCÍPIO OU REGRA DE TRIBUTAÇÃO Professora Doutora Denise Lucena Cavalcante Gramado, 27/06/2008. PRINCÍPIO DA NÃO-CUMULATIVIDADE Princípio constitucional que tem por finalidade

Leia mais

SISTEMA DE TRANSPORTE DE SÃO PAULO ASPECTOS ECONÔMICOS E FINANCEIROS

SISTEMA DE TRANSPORTE DE SÃO PAULO ASPECTOS ECONÔMICOS E FINANCEIROS SISTEMA DE TRANSPORTE DE SÃO PAULO ASPECTOS ECONÔMICOS E FINANCEIROS Julho-2013 Sumário da Apresentação Arrecadação Tarifária Evolução dos Custos Operacionais relativos à Frota Remuneração dos Operadores

Leia mais

Debate Menos Gargalos e Mais Empregos Grandes obras e sua capacidade de geração de empregos

Debate Menos Gargalos e Mais Empregos Grandes obras e sua capacidade de geração de empregos Debate Menos Gargalos e Mais Empregos Grandes obras e sua capacidade de geração de empregos 24/01/2017 Iniciou suas atividades em 1998 Oferece um amplo conjunto de serviços especializados de consultoria

Leia mais

Seminário Mobilidade Urbana IBRE- FGV 9 de novembro de 2014 Região Metropolitana de Salvador

Seminário Mobilidade Urbana IBRE- FGV 9 de novembro de 2014 Região Metropolitana de Salvador Seminário Mobilidade Urbana IBRE- FGV 9 de novembro de 2014 Região Metropolitana de Salvador Sandro Cabral Professor da Escola de Administração Universidade Federal da Bahia (UFBA) Francisco Ulisses Rocha

Leia mais

ASPECTOS JURÍDICOS E TRIBUTÁRIOS NA COMPRA DE ENERGIA NO MERCADO LIVRE. Julho / 2005

ASPECTOS JURÍDICOS E TRIBUTÁRIOS NA COMPRA DE ENERGIA NO MERCADO LIVRE. Julho / 2005 ASPECTOS JURÍDICOS E TRIBUTÁRIOS NA COMPRA DE ENERGIA NO MERCADO LIVRE Julho / 2005 TRIBUTOS QUE PODERÃO INCIDIR SOBRE A ENERGIA ELÉTRICA Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) Imposto

Leia mais

OPERAÇÃO DO TRANSPORTE COLETIVO

OPERAÇÃO DO TRANSPORTE COLETIVO OPERAÇÃO DO TRANSPORTE COLETIVO Prof. Luis Antonio Lindau LASTRAN Laboratório Sistemas de Transportes DEPROT - Departamento de Engenharia de Produção e Transportes UFRGS Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Indústria Automobilística Brasileira

Indústria Automobilística Brasileira Indústria Automobilística Brasileira Realidade 2010 Encontro Prof. Manoel A. S. Reis, PhD Os Novos Desafios da Logística O Exemplo da Indústria Automobilística São Paulo 20 de outubro de 2010 Indústria

Leia mais

O MTUR e a Copa 2014 Copa do Mundo da FIFA 2014 Encontro Econômico Brasil- Alemanha 2009 Vitória ES - Brasil 30 de agosto a 1º de setembro

O MTUR e a Copa 2014 Copa do Mundo da FIFA 2014 Encontro Econômico Brasil- Alemanha 2009 Vitória ES - Brasil 30 de agosto a 1º de setembro Copa do Mundo da FIFA Encontro Econômico Brasil- Alemanha 2009 2014 Vitória ES - Brasil 30 de agosto a 1º de setembro O MTUR e a Ponto de partida : garantias oferecidas pelo governo federal, estados e

Leia mais

PESQUISA COM EMPRESÁRIOS

PESQUISA COM EMPRESÁRIOS PESQUISA COM EMPRESÁRIOS OBJETIVO DA PESQUISA AVALIAR A EXPECTATIVA DE VENDAS DOS EMPRESÁRIOS DO COMÉRCIO VAREJISTA DE BELO HORIZONTE PARA O NATAL DE 2015 INFORMAÇÕES METODOLÓGICAS Coleta de dados de 26/10

Leia mais

An assessment of NRM-20 efficacy as a guideline and as an enforcement tool to mine closure in Brazil

An assessment of NRM-20 efficacy as a guideline and as an enforcement tool to mine closure in Brazil An assessment of NRM-20 efficacy as a guideline and as an enforcement tool to mine closure in Brazil Hernani Lima & José Cruz Flores (Ufop); Jardel Dias (DNPM) Esse trabalho é resultado da Dissertação

Leia mais

BRT em Belo Horizonte Melhoria da Mobilidade para a Copa 2014

BRT em Belo Horizonte Melhoria da Mobilidade para a Copa 2014 BRT em Belo Horizonte Melhoria da Mobilidade para a Copa 2014 Situação Atual População de Belo Horizonte: 2,4 milhões de habitantes População da RMBH: 4,5 milhões de habitantes 3,8 milhões de viagens/dia

Leia mais