Programa de Retomada de Conteúdo 3 Bimestre

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa de Retomada de Conteúdo 3 Bimestre"

Transcrição

1 Colégio Amorim Santa Teresa Fone: Diretoria de Ensino Região Centro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Rua Lagoa Panema, 466 Vila Guilherme Profº NOTA Programa de Retomada de Conteúdo 3 Bimestre História 7 Ano E.F Orientações : O trabalho servirá como recuperação do Bimestre; O trabalho é dividido em 2 partes 1ª parte teórica (5,0) e 2ª parte prática (5,0); O trabalho tem o valor 10,0 Os trabalhos deverão respeitar os prazos de entrega e deverá ser impreterivelmente em sala para o profissional responsável. O trabalho deverá ser todo manuscrito em folha de almaço com exceção da capa disponibilizado modelo no site. Você deve fazer o desenvolvimento do trabalho dessa forma: Capa: (Impresso e conforme o modelo disponibilizado no site). Introdução: Tem a função de apresentar resumidamente ao leitor o tema que será desenvolvido e de que forma será apresentado ao longo do trabalho. Desenvolvimento: é só começar desenvolver o trabalho solicitado (Mínimo 2 páginas). Conclusão: é a parte mais importante do trabalho pois você irá escrever o que você aprendeu, ou seja qual a conclusão que você chegou sobre o assunto... Referencias Bibliográficas: Aqui deve conter a relação de onde foram tirados; livros, revista, links Realizar o trabalho de acordo com o estabelecido no Manual de Normas de Apresentação dos trabalhos de Recuperação Colégio Amorim Vila Guilherme

2 PARTE TEÓRICA Pesquisar os seguintes assuntos: - Renascimento Cultural e Humanismo. - Arte e literatura renascentista. - Reforma Religiosa: Lutero Calvino Henrique VIII. - Contrarreforma Católica. PARTE PRÁTICA 1-) Renascimento Cultural. A- O renascimento, amplo movimento artístico, literário e científico, expandiu-se da Península Itálica por quase toda a Europa, provocando transformações na sociedade. Sobre o tema, é correto afirmar: 1.O racionalismo renascentista reforçou o princípio da autoridade da ciência teológica e da tradição medieval. 2.Houve o resgate, pelos intelectuais renascentistas, dos ideais medievais ligados aos dogmas do catolicismo, sobretudo na concepção teocêntrica do mundo. 3.Nesse período, reafirmou-se a ideia do homem cidadão, que terminou por enfraquecer os sentidos de identidade nacional e cultural, os quais contribuíram para o fim das monarquias absolutas. 4.O humanismo pregou a determinação das ações humanas pelo divino e negou que o homem tivesse a capacidade de agir sobre o mundo, transformando-o de acordo com sua vontade e interesse. 5.Os estudiosos do período buscaram apoio na observação, no modelo experimental e na reflexão racional, valorizando a natureza e o ser humano. B- Qual local de origem do Renascimento Cultural? C- Qual a característica dos pensadores renascentistas? D- Comente as diferenças entre o pensamento renascentista e a do período medieval: 2-) Humanismo. A- (UNAMA/PA) Humanismo é uma palavra inventada no século XIX para descrever o programa de estudos, e seu condicionamento de pensamento e expressão, que era conhecido desde o final do século XV. HALE, John. Dicionário do renascimento italiano. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, p De acordo com o trecho anterior, e por meio de seus estudos históricos, é correto afirmar que o programa humanista:

3 a) Era encabeçado por reis e papas (os mecenas), os quais auxiliavam, humanitariamente, os artistas do século XIX a compreender as formas artísticas do Renascimento. b) Atrelava-se ao modo de pensar renascentista, no qual o homem e a natureza passavam a ser valorizados na construção do conhecimento mundano. c) Era marcado por uma valorização de temas naturalistas, opondo-se aos temas religiosos e sua ligação e proximidade com a Igreja católica e a protestante do século XIX. d) Constituía-se por uma aproximação com o mundo grego e romano, valorizando o equilíbrio das formas e proporções, num exemplo de arte barroca (humanista) do século XV. e) A valorização de ideias como a coletividade e a expropriação da propriedade privada. B- A imagem do Homem Vitruviano é uma representação elaborada no final do século XV por Leonardo da Vinci e exprime o antropocentrismo e a harmonia das formas que caracterizaram as obras artísticas do período renascentista. Sobre o renascimento, não é correto afirmar que: a) um dos seus principais fundamentos intelectuais foi o Humanismo, concepção segundo a qual o homem deveria ser valorizado como o epicentro do mundo e da história, como havia ocorrido na Antiguidade Clássica. b) o estudo do homem e da natureza, nesse período, fundamentava-se no espírito crítico, o que possibilitou o desenvolvimento do pensamento científico, como se comprova na defesa da teoria heliocêntrica por Nicolau de Cusa e Nicolau Copérnico. c) os homens da época tenderam a valorizar a produção artística e intelectual das civilizações do Oriente Médio, especialmente a egípcia e a mesopotâmica, pela conexão que estas guardavam com a história hebraica descrita na Bíblia. d) um dos seus maiores expoentes foi Leonardo da Vinci, um modelo do intelectual renascentista, pelo fato de se ter dedicado a múltiplas áreas do conhecimento, como, por exemplo, à Anatomia, à Física e à Botânica, além de à Pintura. e) o termo Renascimento designa uma modalidade de expressão intelectual urbana e burguesa originária da Península Itálica, que se constituiu a partir do sincretismo entre a Cultura Clássica e a tradição judaico-critã. C- Defina o que é Humanismo: D- Quem foi Erasmo de Roterdã? 3-) Arte e literatura renascentista. A- Comente sobre a mentalidade renascentista no campo das artes: B- O que é mecenato? C- Comente sobre as técnicas utilizadas nas pinturas e nas esculturas no período renascentista:

4 D- Explique sobre como foi a literatura renascentista e quais as suas principais características: 4-) Reforma Religiosa: Lutero Calvino Henrique VIII. A- (UEL-PR) O renascimento, amplo movimento artístico, literário e científico, expandiu-se da Península Itálica por quase toda a Europa, provocando transformações na sociedade. Sobre o tema, é correto afirmar: 1.O racionalismo renascentista reforçou o princípio da autoridade da ciência teológica e da tradição medieval. 2.Houve o resgate, pelos intelectuais renascentistas, dos ideais medievais ligados aos dogmas do catolicismo, sobretudo na concepção teocêntrica do mundo. 3.Nesse período, reafirmou-se a ideia do homem cidadão, que terminou por enfraquecer os sentidos de identidade nacional e cultural, os quais contribuíram para o fim das monarquias absolutas. 4.O humanismo pregou a determinação das ações humanas pelo divino e negou que o homem tivesse a capacidade de agir sobre o mundo, transformando-o de acordo com sua vontade e interesse. 5.Os estudiosos do período buscaram apoio na observação, no modelo experimental e na reflexão racional, valorizando a natureza e o ser humano. B e C: Leia, atentamente, os textos abaixo e responda as questões B e C a seguir: Erram os pregadores de indulgências quando dizem que pelas indulgências do papa o homem fica livre de todo o pecado e está salvo. (...) É preciso exortar os cristãos a esperar entrar no céu mais pela verdadeira penitência do que por uma ilusória tranquilidade. Deus chama cada um para uma vocação particular cujo objetivo é a glorificação dele mesmo. O comerciante que busca o lucro, pelas qualidades econômicas que o sucesso econômico exige: o trabalho, a sobriedade, a ordem, responde também o chamado de Deus santificando de seu lado o mundo pelo esforço, e sua ação é santa. In: VICENTINO, Cláudio. História Geral, São Paulo, Scipione, B- Identifique o movimento que promoveu a divulgação dessas ideias: C- Aponte duas características desse movimento: D- Henrique VIII, Lutero e Calvino foram vultos da Reforma protestante. Indique a alternativa ligada, respectivamente, a seus nomes: A. 95 teses contra a venda de Indulgências, Instituições da Religião Cristã e Doutrina de Justificação pela Fé. B. Doutrina da Predestinação Absoluta, criação da Igreja Anglicana Independente e a Paz de Augsburgo. C. Concílio de Trento, venda de Indulgência e Index.

5 D. Criação da Igreja Anglicana Independente, 95 Teses contra a venda de Indulgências e a Doutrina da Predestinação Absoluta. E. Édito de Nantes, Paz de Augsburgo e Paz Kappel. 5-) Contrarreforma Católica. A- O que foi a Contrarreforma Católica? B- Comente sobre o Concílio de Trento: C- Quais foram às medidas tomadas pela Igreja Católica no Concílio de Trento para diminuir o crescimento protestante na Europa? D- Existiram conflitos religiosos entre cristão de diferentes igrejas após as Reformas religiosas e a contrarreforma? Explique sua resposta:

RENASCIMENTO CULTURAL

RENASCIMENTO CULTURAL RENASCIMENTO CULTURAL O termo renascimento, ou renascença, faz referência a um movimento intelectual e artístico ocorrido na Europa, entre os séculos XV e XVI, durante a transição da Idade Média para a

Leia mais

Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA

Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2012 Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA Ano: 2012 Turma: 1º FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 4

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 4 Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 4 5 Nome: Data: Unidade 4 1. Complete as sentenças. a) O foi um movimento cultural que surgiu entre as elites das ricas cidades, no século XIV, e se estendeu,

Leia mais

Programa de Retomada de Conteúdo

Programa de Retomada de Conteúdo Colégio Amorim Santa Teresa Fone: 2909-1422 Diretoria de Ensino Região Centro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Rua Lagoa Panema, 466 Vila Guilherme Programa de Retomada de Conteúdo

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 4 5 Unidade 4 Nome: Data: 1. Leia o trecho a seguir e faça o que se pede. Renascimento foi um movimento cultural que nasceu entre as elites de ricas cidades

Leia mais

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com efabiopablo.wordpress.com Conteúdo O humanismo e o Renascimento Cultural Marco Polo. Multimídia A arte renascentista e o mecenato A Revolução Científica #Conceito O Renascimento foi um movimento artístico,

Leia mais

Programa de Retomada de Conteúdo

Programa de Retomada de Conteúdo Diego História Colégio Amorim Santa Teresa Fone: 2909-1422 Diretoria de Ensino Região Centro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Rua Lagoa Panema, 466 Vila Guilherme Programa de Retomada

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 PROVA FINAL DE HISTÓRIA

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 PROVA FINAL DE HISTÓRIA COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 PROVA FINAL DE HISTÓRIA Aluno(a): Nº Ano: 1º Turma: Data: Nota: Professor(a): Élida Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número de questões

Leia mais

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães R enascimento Prof.: André Vinícius Magalhães O que é Renascimento????? O termo Renascimento é comumente aplicado à Europa entre 1300 e 1650. Além de reviver a antiga cultura greco-romana, ocorreram nesse

Leia mais

O que foi o Renascimento Cultural?

O que foi o Renascimento Cultural? O que foi o Renascimento Cultural? O Renascimento Cultural representou o marco da transição da cultura medieval para a cultura moderna. Configurou-se como um movimento intelectual, artístico, filosófico,

Leia mais

Sumário detalhado 1. A Reforma: uma introdução O cristianismo no final da Idade Média O humanismo e a Reforma...54

Sumário detalhado 1. A Reforma: uma introdução O cristianismo no final da Idade Média O humanismo e a Reforma...54 Sumário Sumário detalhado...4 Prefácio à quarta edição... 11 Como usar este livro... 14 1. A Reforma: uma introdução... 17 2. O cristianismo no final da Idade Média... 41 3. O humanismo e a Reforma...

Leia mais

!" #$! %&% '( CAUSAS: ! "# $ % & ' $ (% & ) * + *, -$. / ++.) */ 0.) 0 0 0*

! #$! %&% '( CAUSAS: ! # $ % & ' $ (% & ) * + *, -$. / ++.) */ 0.) 0 0 0* º º !" #$! %&% '( CAUSAS:! "# $ % & ' $ (% & ) * + *, -$. / ++.) */ 0.) 0 0 0* -/ - !"#$%&'(#)*' $%+&,)* $-./0*1+2 23)4 15 $$ '6 & ) * + *, -$. / ++.) */ Séc. XIV e XV John Wyclif (Inglaterra) Jan Hus

Leia mais

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4 1. Ao mudar o modelo econômico muda-se também a visão de mundo, valores, costumes etc. Estudamos isso no movimento renascentista que nasceu entre as elites de ricas cidades italianas, no século XIV, e

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1º EM História Rafael Av. Mensal 09/09/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade

UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade Média ficou conhecida como a Idade das Trevas; Surgia,

Leia mais

Fatores religiosos: Corrupção do clero religioso : Venda de relíquias sagradas; venda de indulgencias; lotes celestiais; Ignorância do clero a maior

Fatores religiosos: Corrupção do clero religioso : Venda de relíquias sagradas; venda de indulgencias; lotes celestiais; Ignorância do clero a maior Fatores religiosos: Corrupção do clero religioso : Venda de relíquias sagradas; venda de indulgencias; lotes celestiais; Ignorância do clero a maior parte dos sacerdotes desconhecia a própria doutrina

Leia mais

Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10. Nome: Nº: Turma:

Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10. Nome: Nº: Turma: História Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10 Nome: Nº: Turma: 1. Conteúdos a serem abordados no 3º bimestre: História Geral 1. Unificação e expansão islâmica (Cap. 15). 2. Reinos

Leia mais

ミ Trabalho de Literatura 彡. Tema: Classicismo e Humanismo.

ミ Trabalho de Literatura 彡. Tema: Classicismo e Humanismo. ミ Trabalho de Literatura 彡 Tema: Classicismo e Humanismo. Movimento cultural que se desenvolveu na Europa ao longo dos séculos XV e XVI, com reflexos nas artes, nas ciências e em outros ramos da atividade

Leia mais

O RENASCIMENTO. Tema 5 Expansão e mudança nos séculos XV e XVI Renascimento e Reforma

O RENASCIMENTO. Tema 5 Expansão e mudança nos séculos XV e XVI Renascimento e Reforma RENASCIMENTO 05-02-2017 Tema 5 Expansão e mudança nos séculos XV e XVI 5.2 e Reforma O RENASCIMENTO O que é? É um movimento cultural, que transforma as mentalidades e renova os conhecimentos, valorizando

Leia mais

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4 1. Leia atentamente: ( ) o contato com a Antiguidade Clássica ocorreu através dos bizantinos e dos árabes, que difundiram no Ocidente as obras do filósofo Aristóteles, a geometria de Euclides e novos conhecimentos

Leia mais

HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO

HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade III Conceitos sobre Era Medieval e Feudalismo 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 12.2 Conteúdo As Reformas Religiosas

Leia mais

Estudo dirigido. Segunda Avaliação. Capitulo 2 A arte no Egito

Estudo dirigido. Segunda Avaliação. Capitulo 2 A arte no Egito Segunda Avaliação Estudo dirigido Capitulo 2 A arte no Egito 01 É do nosso conhecimento que a Civilização Egípcia era socialmente complexa e culturalmente muito rica, mas podemos destacar desse contexto

Leia mais

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI. Atividade de História E. Médio U.E. 08

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI. Atividade de História E. Médio U.E. 08 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI Atividade de História E. Médio U.E. 08 1. Cite a caracterização econômica e social da Idade Média. p.3 2. Em quantos períodos está dividida a Idade Média? Quais são? 3. Dê três

Leia mais

As grandes navegações iniciadas. principalmente a descoberta das Américas vão alterar radicalmente a própria imagens que os homens faziam da Terra.

As grandes navegações iniciadas. principalmente a descoberta das Américas vão alterar radicalmente a própria imagens que os homens faziam da Terra. 01/06/2015 As grandes navegações iniciadas no século XV e principalmente a descoberta das Américas vão alterar radicalmente a própria imagens que os homens faziam da Terra. 1 As teorias científicas de

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 7º História Rafael / Carol Av. Mensal 29/09/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

Condições Gerais. Políticas: Crise do Feudalismo Crescimento da Burguesia Rei não aceita interferência da Igreja Supranacionalismo Papal

Condições Gerais. Políticas: Crise do Feudalismo Crescimento da Burguesia Rei não aceita interferência da Igreja Supranacionalismo Papal Condições Gerais Políticas: Crise do Feudalismo Crescimento da Burguesia Rei não aceita interferência da Igreja Supranacionalismo Papal Econômicas: Nobreza interessada nas Terras da Igreja Burguesia contra

Leia mais

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Explicações religiosas sobre o mundo - INSUFICIENTES 1- Rupturas e continuidades Inspiração greco-romana cultura Influências da Igreja Católica

Leia mais

Queriam uma religião mais simples, mais próxima dos ensinamentos de Jesus.

Queriam uma religião mais simples, mais próxima dos ensinamentos de Jesus. Como estudamos anteriormente, no final de Idade Média e início da Idade Moderna, muitas pessoas estavam insatisfeitas com os abusos da Igreja. Queriam uma religião mais simples, mais próxima dos ensinamentos

Leia mais

AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1

AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1 AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1 NÓS E OS OUTROS: A QUESTÃO DO ETNOCENTRISMO Etnocentrismo é uma visão do mundo onde o nosso próprio grupo é tomado como centro

Leia mais

06. REFORMAS RELIGIOSAS

06. REFORMAS RELIGIOSAS 06. REFORMAS RELIGIOSAS O clero e a Igreja Católica Igreja Católica instituição mais poderosa na Baixa Idade Média (séc. XI ao XV) única autoridade espiritual líder religioso único maior poder do que os

Leia mais

REFORMA PROTESTANTE. 1- CONTEXTO HISTÓRICO: 1.1- Início do século XVI no Norte da Europa.

REFORMA PROTESTANTE. 1- CONTEXTO HISTÓRICO: 1.1- Início do século XVI no Norte da Europa. REFORMA PROTESTANTE 1- CONTEXTO HISTÓRICO: 1.1- Início do século XVI no Norte da Europa. 1.2- Processo final de formação das monarquias nacionais absolutistas. 1.3- Grandes navegações: transformações econômicas,

Leia mais

REFORMA PROTESTANTE E REFORMA CATÓLICA VISÃO PANORÂMICA

REFORMA PROTESTANTE E REFORMA CATÓLICA VISÃO PANORÂMICA REFORMA PROTESTANTE E REFORMA CATÓLICA VISÃO PANORÂMICA Martinho Lutero ( 1483-1546 ) 1505 Entra para ordem dos Agostinianos 1507 Ordenado Sacerdote 1513 Professor na Universidade de Wittenberg Constante

Leia mais

- Transição da Idade Média para Idade Moderna

- Transição da Idade Média para Idade Moderna Renascimento - Transição da Idade Média para Idade Moderna - Movimento que começou na Itália por volta do século XV devido ao grande desenvolvimento econômico das cidades italianas (Genova, Veneza, Milão,

Leia mais

Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo

Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo Renascimento e Reformas 1. As imagens abaixo ilustram alguns procedimentos utilizados por um novo modo de conhecer e explicar a

Leia mais

O Renascimento e a Criação Cultural

O Renascimento e a Criação Cultural O Renascimento e a Criação Cultural Contexto Histórico Os séculos XV e XVI foram de renovação cultural em toda a Europa. Essa renovação ocorreu como consequência da abertura da Europa ao Mundo e do maior

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 2ª Etapa 2013 Disciplina: História Ano: 1 Professor (a): Alessandra Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça

Leia mais

Relatório das apresentações do dia 17 de agosto de 2010

Relatório das apresentações do dia 17 de agosto de 2010 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA (IFBA CAMPUS SANTO AMARO) Graduandos: Raphael Alves Lailson dos Santos Lúcio Álvaro Jeanderval Santos Lisandro Gomes Relatório das apresentações do dia

Leia mais

REFORMA PROTESTANTE E CONTRARREFORMA CATÓLICA. Professor: Eduardo C. Ferreira

REFORMA PROTESTANTE E CONTRARREFORMA CATÓLICA. Professor: Eduardo C. Ferreira REFORMA PROTESTANTE E CONTRARREFORMA CATÓLICA Professor: Eduardo C. Ferreira REFORMA PROTESTANTE MOVIMENTO DE CONTESTAÇÃO AOS DOGMAS DA IGREJA CATÓLICA, APÓS SÉCULOS DE FORTE PODER INFLUÊNCIA NA EUROPA.

Leia mais

Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA. Professora Andréa Cardoso

Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA. Professora Andréa Cardoso Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA Professora Andréa Cardoso UNIDADE I: EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E ENSINO Renascimento Cultural e Escolas Práticas Educação Matemática 2016/2 - Profª. Andréa Cardoso

Leia mais

MODERNIDADE Renascimento

MODERNIDADE Renascimento MODERNIDADE Renascimento O fim do feudalismo e o início da modernidade: rompimentos e resgates A modernidade Nova Economia Comércio Manufatura Nova política Absolutismo Novas relações sociais Burguesia

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016-6º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula programada (Por que estudamos História?) Páginas Tarefa 1 Lembrar o passado: memória e história 10 e 11 Mapa Mental 3 O tempo

Leia mais

DATA: /12/2014 ETAPA: Anual VALOR: 20,0 pts. NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 7º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO:

DATA: /12/2014 ETAPA: Anual VALOR: 20,0 pts. NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 7º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: História PROFESSORES: Leonardo, Renata e Paula. DATA: /12/2014 ETAPA: Anual VALOR: 20,0 pts. NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 7º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: Nº: Caro Aluno

Leia mais

2º bimestre 1ª série 12 - Era Medieval Formação e consolidação da Igreja Caps. 3.2, 3.3 e 7. Roberson de Oliveira Roberson de Oliveira

2º bimestre 1ª série 12 - Era Medieval Formação e consolidação da Igreja Caps. 3.2, 3.3 e 7. Roberson de Oliveira Roberson de Oliveira 2º bimestre 1ª série 12 - Era Medieval Formação e consolidação da Igreja Caps. 3.2, 3.3 e 7 Roberson de Oliveira Roberson de Oliveira 1 Igreja na Era Medieval Importância: 1. Único poder universal. 2.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO FIL02457 - FILOSOFIA POLÍTICA I (60 h, OBR) O homem e sua ação política. A noção de polis no pensamento grego antigo e seus desdobramentos

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro Perfil de aprendizagem de História 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Das sociedades recolectoras às primeiras civilizações Das sociedades recolectoras às primeiras sociedades produtoras 1. Conhecer o processo

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA

ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA Avaliação da unidade III Pontuação: 7,5 pontos 2 Questão 01 (1,0) As religiões orientais desenvolveram-se

Leia mais

Ano Lectivo 2015 / ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2015 / ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais Competências Específicas Avaliação. ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2015 / 2016 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período DOMÌNIO / TEMA D O contexto europeu dos séculos XII a XIV (recuperação

Leia mais

Atividade de Ciências Verificação Corrente I 2º Bimestre de 2016

Atividade de Ciências Verificação Corrente I 2º Bimestre de 2016 CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II Atividade de Ciências Verificação Corrente I 2º Bimestre de 2016 Nomes

Leia mais

A T I V I D A D E. 1 de 5

A T I V I D A D E. 1 de 5 SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 1º TURMA(S):

Leia mais

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A Ano Letivo 2015-2016

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A Ano Letivo 2015-2016 Período Módulo Conteúdos Competências Específicas Conceitos/Noções Situações de aprendizagem Avaliação Tempos 1º 0 Estudar/ Aprender História A História: tempos e espaços - Discernir as caraterísticas

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 3º Ano: C31 Nº Professor: Roberto Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais

T I V I D A D E S ALUNO (A): Nº

T I V I D A D E S ALUNO (A): Nº SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 1ª TURMA(S):

Leia mais

CONHECIMENTOS CAPACIDADES

CONHECIMENTOS CAPACIDADES Módulo 0 A História: tempos e espaços - Quadros espaço-temporais; períodos históricos e momentos de rutura. - Processos evolutivos; a multiplicidade de fatores. - Permutas culturais e simultaneidade de

Leia mais

Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III

Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 O que é um Fato Histórico? Quando ultrapassa

Leia mais

Curso de Graduação em História

Curso de Graduação em História UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Instituto de Ciências Humanas e Filosofia Departamento de História Curso de Graduação em História Professor: Rodrigo Bentes Monteiro Disciplina: História Moderna Tipo: Disciplina

Leia mais

Econômicas Religiosas Morais Políticas

Econômicas Religiosas Morais Políticas Prof. Thiago Causas da Reforma Econômicas Interesse da nobreza feudal nas terras da Igreja Descontentamento da Burguesia com tributos eclesiásticos Igreja condenava o lucro e a usura Religiosas Novas interpretações

Leia mais

As normas devem seguir a seguinte sequência:

As normas devem seguir a seguinte sequência: Guia do trabalho de Recuperação Ensino Médio 2016 Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre. Paulo Freire Normas

Leia mais

SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA

SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA QUESTÃO 01 De uma forma inteiramente inédita, os humanistas, entre os séculos XV e XVI, criaram uma nova forma de entender a realidade. Magia e ciência,

Leia mais

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média:

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: EXERCÍCIOS ON LINE 3º BIMESTRE DISCIPLINA: Filosofia PROFESSOR(A): Julio Guedes Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: NOME: Nº.: Exercício On Line (1) A filosofia atingiu

Leia mais

4ºano B SISTEMÁTICA DE. ProfªCleide. 2º BIMESTRE 4º ano A AVALIAÇÕES E TRABALHOS

4ºano B SISTEMÁTICA DE. ProfªCleide. 2º BIMESTRE 4º ano A AVALIAÇÕES E TRABALHOS 4ºano B SISTEMÁTICA DE ProfªCleide AVALIAÇÕES E TRABALHOS 2º BIMESTRE 4º ano A ProfªCleide Colégio Adventista de Cruzeiro Data Disciplina Conteúdo - TRABALHOS MENSAIS 28/04 História 29/04 Arte 04/05 Geografia

Leia mais

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO.

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO. ENSINO MÉDIO Conteúdos da 1ª Série 1º/2º Bimestre 2014 Trabalho de Dependência Nome: N. o : Turma: Professor(a): Yann/Lamarão Data: / /2014 Unidade: Cascadura Mananciais Méier Taquara História Resultado

Leia mais

Aula 24 Reforma e contrarreforma

Aula 24 Reforma e contrarreforma FB MED, M3, 3 ANO e ANUAL. Aula 24 Reforma e contrarreforma DeOlhoNoEnem H3 - Associar as manifestações culturais do presente aos seus processos históricos.(análise das diversas práticas protestantes)

Leia mais

Prof. Hélder Pereira

Prof. Hélder Pereira Prof. Hélder Pereira Pergunta 1 Em que país da Europa surgiu o Renascimento? Itália Portugal França Pergunta 2 Em que séculos este movimento se afirmou? XIII e XIV XV e XVI XVII e XVIII Pergunta 3 Qual

Leia mais

A Arte na Roma Antiga

A Arte na Roma Antiga A Arte na Roma Antiga 01 Quais as civilizações que influenciaram Roma no campo artístico? R. na pag. 51 02 Como a arte grego-helenística contribuiu com a expressão artística romana? R. na pag. 52 (na caixa

Leia mais

Shakespeare. o gênio original

Shakespeare. o gênio original Shakespeare o gênio original Coleção ESTÉTICAS direção: Roberto Machado Kallias ou Sobre a Beleza Friedrich Schiller Ensaio sobre o Trágico Peter Szondi Nietzsche e a Polêmica sobre O Nascimento da Tragédia

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1º EM História Rafael Av. Mensal 30/04/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

SE LIGA NESSA HISTÓRIA

SE LIGA NESSA HISTÓRIA SE LIGA NESSA HISTÓRIA Prof. Walter www.seliganessahistoria.com.br IDADE MODERNA EXERCÍCIO (EMM001) Valorização Cultural Que obra de arte é o homem: tão nobre no raciocínio, tão vário na capacidade; em

Leia mais

FILOSOFIA CRISTÃ. Jesus Cristo Pantocrator, Uma das mais antigas imagens de Jesus (séc. VI-VII). Monastério Sta. Catarina, Monte Sinai.

FILOSOFIA CRISTÃ. Jesus Cristo Pantocrator, Uma das mais antigas imagens de Jesus (séc. VI-VII). Monastério Sta. Catarina, Monte Sinai. Jesus Cristo Pantocrator, Uma das mais antigas imagens de Jesus (séc. VI-VII). Monastério Sta. Catarina, Monte Sinai. FILOSOFIA CRISTÃ Unidade 01. Capítulo 04: pg. 53-54 Convite a Filosofia Unidade 08.

Leia mais

A Formação das monarquias nacionais

A Formação das monarquias nacionais A Formação das monarquias nacionais Identidade Nacional: Identidade Nacional ( nação): são todas as características que unem uma população língua, origem, religião, alimentação e costumes. Desta maneira,

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Centro de Comunicação e Letras Curso de Propaganda, Publicidade e Criação PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Centro de Comunicação e Letras Curso de Propaganda, Publicidade e Criação PLANO DE ENSINO PLANO DE ENSINO CÓDIGO 042 UNIDADE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CÓD. CURSO CURSO PROPAGANDA, PUBLICIDADE E CRIAÇÃO CÓD. DISC. 17031461 DISCIPLINA EVOLUÇÃO DAS ARTES VISUAIS I ETAPA 1 CH ANO 2009 CRÉDITOS

Leia mais

INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA Turma I - 3as e 5as feiras, às 8 h

INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA Turma I - 3as e 5as feiras, às 8 h UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DEPARTAMENTO DE SOCIOLOGIA Disciplina: INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA Turma I - 3as e 5as feiras, às 8 h Professor: Prof. Dr. Sergio B. F. Tavolaro sergiotavolaro@unb.br

Leia mais

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média FILOSOFIA FÍSICA Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA O período histórico comumente chamado de Idade Média inicia- se no século V e termina no século XV. Portanto, ele representa mil anos de

Leia mais

Disciplina: História Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz de:

Disciplina: História Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz de: A herança do Mediterrâneo Antigo Das sociedades recoletoras às primeiras civilizações CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz de: Ensino Básico

Leia mais

Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação ideias novas.

Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação ideias novas. Escolástica: a filosofia das escolas cristãs 3º BIMESTRE 7º Ano A filosofia cristã na Escolástica Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação

Leia mais

ENTRE DOIS MUNDOS 7º ANO

ENTRE DOIS MUNDOS 7º ANO ENTRE DOIS MUNDOS 7º ANO INTRODUÇÃO Renascimento: Período de transição entre Idade Média e Idade Moderna; Misturam-se o jeito de ser e pensar de dois momentos da sociedade europeia ocidental; Não é possível

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Colégio Santa Dorotéia Área de Ciências Humanas Disciplina: Série: 8ª - Ensino Fundamental Professora: Michelle Fialho Atividades para Estudos Autônomos Data: 23 / 5 / 2016 Nome: _ Nº Turma: INTRODUÇÃO

Leia mais

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação, Classes Sociais e Trabalho Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação social, classes sociais e trabalho Objetivos da aula: O que é estratificação? O que é classes sociais? Conceitos

Leia mais

Ideias. Ideias Políticas. Doutrinas Políticas. Pensamento Político. Ideologia e Utopia.

Ideias. Ideias Políticas. Doutrinas Políticas. Pensamento Político. Ideologia e Utopia. HISTÓRIA DAS IDEIAS POLÍTICAS CAPÍTULO 1 INTRODUÇÃO Ideias. Ideias Políticas. Doutrinas Políticas. Pensamento Político. Ideologia e Utopia. (Paul Ricoeur, Ideologia e Utopia, pp. 93 a 213-291 a 323; António

Leia mais

Renascimento, Reforma e Contrarreforma

Renascimento, Reforma e Contrarreforma Renascimento, Reforma e Contrarreforma Renascimento, Reforma e Contrarreforma 1. (UERJ) As diversas manifestações da cultura renascentista na Europa ocidental, entre os séculos XIV e XVI, estiveram relacionadas

Leia mais

Plano de Ensino Docente

Plano de Ensino Docente Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática. FORMA/GRAU: ( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

A filosofia Moderna. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes 1º Ano Ensino Médio Terceiro Trimestre

A filosofia Moderna. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes 1º Ano Ensino Médio Terceiro Trimestre A filosofia Moderna Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes 1º Ano Ensino Médio Terceiro Trimestre Uma nova forma de se pensar a realidade A era moderna é marcada por um

Leia mais

CARACTERÍSTICAS GERAIS

CARACTERÍSTICAS GERAIS CARACTERÍSTICAS GERAIS 1.1 CONTEXTO TRANSIÇÃO FEUDO-CAPITALISTA CRISE DO FEUDALISMO 1.2 CAUSAS EXPANSÃO DA ATIVIDADE COMERCIAL ALIANÇA REI-BURGUESIA ENFRAQUECIMENTO DO PODER CENTRAL CARACTERÍSTICAS GERAIS

Leia mais

Ano Lectivo 2016/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2016/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas Avaliação. ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2016/2017 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas

Leia mais

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação. AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2012/2013 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período Panorâmica geral dos séculos XII e XIII. Observação directa Diálogo

Leia mais

Renascimento Cultural

Renascimento Cultural Renascimento Cultural Conceito: O Renascimento foi um movimento importante, de renovação cultural e artística que se originou na Itália no séc. XIV e marcou a mudança da idade Média para a idade Moderna.

Leia mais

7º Ano. Resumo para a PO de História 3º Trimestre.

7º Ano. Resumo para a PO de História 3º Trimestre. 7º Ano Resumo para a PO de História 3º Trimestre. Queridos alunos, este resumo é para ajudar vocês nos estudos, não se esqueçam que é de fundamental importância lerem o caderno e o Anglo para estudarem

Leia mais

8. (Fuvest 2009) A Reforma religiosa do século XVI provocou na Europa mudanças históricas significativas em várias esferas.

8. (Fuvest 2009) A Reforma religiosa do século XVI provocou na Europa mudanças históricas significativas em várias esferas. 1. (Fuvest 88) Na Europa do século XVI a religião foi usada como instrumento de fortalecimento do poder político, tanto nos Estados católicos quanto nos protestantes. Explique esse processo nos casos da

Leia mais

Reformas Religiosas: Reforma e Contra-Reforma

Reformas Religiosas: Reforma e Contra-Reforma Ano Lectivo 2010/2011 HISTÓRIA Agrupamento de Escolas de Fronteira Escola Básica Integrada Frei Manuel Cardoso 8º Ano Apresentação nº 10 Renascimento e Reforma Reformas Religiosas: Reforma e Contra-Reforma

Leia mais

RECUPERAÇÃO FINAL 2015

RECUPERAÇÃO FINAL 2015 História/15 7º ano Turma: 2º trimestre Nome: Data: / / 7ºhis302r HISTÓRIA 7º ano 2º trimestre RECUPERAÇÃO FINAL 2015 Aluno(a), Seguem os conteúdos trabalhados no 2º trimestre. Como base neles você deverá

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 9 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

Programa de Unidade Curricular

Programa de Unidade Curricular Programa de Unidade Curricular Faculdade Ciências Empresariais Licenciatura Ciências Económicas e Empresariais / Contabilidade Unidade Curricular História da Cultura Portuguesa Semestre: 4 Nº ECTS: 3,0

Leia mais

DICAS PARA FACILITAR SEU ESTUDO

DICAS PARA FACILITAR SEU ESTUDO Nome Nº Série Ensino Turma 1ª Medio Disciplina Professora Natureza Código / Tipo Trimestre / Ano Data Educação Artística Cátia Roteiro 2 o / 2016 05/08/2016 Tema VALOR: Roteiro de estudos 5,0 NOTA DICAS

Leia mais

História do Direito Português Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem. Introdução

História do Direito Português Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem. Introdução História do Direito Português 2015-2016 Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem Introdução Capítulo 1 Idade Média Capítulo 2 Idade Moderna Capítulo 3 Idade Contemporânea: século XIX (1820-1910)

Leia mais

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Disciplina: Artes Curso: Técnico Em Eletromecânica Integrado Ao Ensino Médio Série: 1º Carga Horária: 67 h.r Docente Responsável: EMENTA O universo da arte, numa abordagem

Leia mais

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO PROFESSOR DEBORA SOUZA DISCIPLINA CIÊNCIAS SIMULADO: P3 Estrada da Água Branca, 2551 Realengo RJ Tel: (21) 3462-7520 www.colegiomr.com.br ALUNO TURMA 801 Questão 1

Leia mais

Colégio Avanço de Ensino Programado

Colégio Avanço de Ensino Programado α Colégio Avanço de Ensino Programado Trabalho de Recuperação1º Semestre - 1º Bim. /2016 Nota: Professor (a): Lúcia Disciplina: Arte Turma: 9º Ano Ensino Fundamental Nome: Nº: ORIENTAÇÕES PARA DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Centro de Estudos SOMA. Teste de História 8º Ano

Centro de Estudos SOMA. Teste de História 8º Ano Teste de História 8º Ano Grupo I 1. Lê o documento e observa a figura. O mau exemplo do clero é reponsável pela morte espiritual dos crentes. Os padres afastaram-se de Deus e a sua vida decorre no meio

Leia mais

Roteiro de estudos para recuperação trimestral

Roteiro de estudos para recuperação trimestral Roteiro de estudos para recuperação trimestral Disciplina: Professor (a): FILOSOFIA JOSÉ LUCIANO GABEIRL Conteúdo: Referência para estudo: A Filosofia de Aristóteles A Filosofia Helenística Idade Média

Leia mais

História Rafael Av. Mensal 21/05/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

História Rafael Av. Mensal 21/05/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1º EM História Rafael Av. Mensal 21/05/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

OBS: TAREFA INCOMPLETA E COM LETRA ILEGÍVEL NÃO SERÁ PONTUADA.

OBS: TAREFA INCOMPLETA E COM LETRA ILEGÍVEL NÃO SERÁ PONTUADA. SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR UNIDADE POLIVALENTE MODELO VASCO DOS REIS SÉRIE TURMAS

Leia mais