O Renascimento e a Criação Cultural

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Renascimento e a Criação Cultural"

Transcrição

1 O Renascimento e a Criação Cultural

2 Contexto Histórico Os séculos XV e XVI foram de renovação cultural em toda a Europa. Essa renovação ocorreu como consequência da abertura da Europa ao Mundo e do maior conhecimento e intercâmbio cultural que daí resultou. Porém, essa renovação respondeu, a imperativos económicos, sociais e políticos da própria época e foi favorecida, na sua difusão, pela existência de um maior espírito de curiosidade e de vontade de saber, pelo aumento das escolas e universidades e pela invenção e divulgação da imprensa e do livro impresso, bem como pelo aperfeiçoamento e aumento da produção do papel.

3 O Renascimento O Renascimento foi um movimento cultural e artístico, de raiz racionalista, humanista e individualista, que ocorreu na Europa durante os séculos XV e XVI, e que teve a sua principal fonte de inspiração no mundo clássico, greco-romano, e nos movimentos de expansão geográfica e comercial dos finais da Idade Média ocidental. Lourenço de Médicis

4 O Novo Homem Um dos factos sociais mais importantes da época do Renascimento foi o da ascensão da Burguesia, que desorganizou o sistema rígido das ordens medievais e implantou um novo tipo de Homem mais individualista, racional, pragmático e positivo -, promovido pelos valores da mentalidade burguesa. O Homem de Vitrúvio- Leonardo Da Vinci

5 O Individualismo Colleoni foi um exemplo de individualismo e ânsia de notoriedade pessoal no Renascimento italiano. O Individualismo é uma corrente doutrinal e prática que defende, para cada Homem, a concretização das potencialidades e características próprias e sobrevaloriza o papel do indivíduo na evolução das sociedades e na História.

6 As Elites Culturais Jacob Fugger Banqueiro do Imperador Carlos V No Renascimento afirmavamse as elites culturais assentes principalmente no primado do dinheiro e da cultura, nas quais a alta burguesia dos negócios e das letras ombreava com a nobreza mais evoluída, agora obrigada a deixar os castelos, no campo, para procurar as cidades e junto das cortes reais ou principescas, novas oportunidades e novas regalias.

7 As Elites Burguesas e Cortesãs O Individualismo, a emulação dos grandes e dos príncipes, e o gosto pela vida e os seus prazeres desenvolveram, entre as elites cortesãs, um alto padrão de vida. Organizavamse reuniões de convívio, banquetes, tertúlias, bailes eram mostrados publicamente os dotes de beleza, habilidades culturais e artísticas. Nestes círculos seguiam-se com elevado rigor os códigos de civilidade.

8 O Leque uma curiosidade O uso do leque envolve, ainda, outras funções além do refrescar. Entre namorados e amantes, há toda uma linguagem codificada: tocar levemente os cabelos com o leque significa "não me esqueças.. " Célebres em Paris após a Revolução Francesa, os leques com grandes letras douradas tiveram, também, uma função didáctica, ensinar as primeiras letras... À exemplo de moedas e medalhas, os leques também eram usados para comemorar os grandes feitos da vida de um país e sobretudo a França produziu muitos exemplares deste tipo, como aquele que retrata a ascensão dos balões Montgolfier.

9 O Mecenato O Mecenato é uma actividade de incentivo, apoio e protecção literária, artística e científica. O nome adveio do primeiro homem que reconhecidamente o praticou: o romano Mecenas. Caio Mecenas

10 A Imprensa A produção cultural no Renascimento foi grandemente beneficiada por um outro progresso material que esta época conheceu: o aparecimento e divulgação da arte da impressão, que aos poucos, substituiu a produção manual dos livros. A prensa de Gutenberg

11 Os Livros Até finais do século XV, os livros impressos eram principalmente de carácter religioso (sendo o primeiro: a Bíblia). A partir do século XVI, a procura recaiu também sobre outros géneros: romances de cavalaria, literatura de viagens e obras humanistas.

12 A difusão do conhecimento e do pensamento A invenção e divulgação da imprensa proporcionou um enorme progresso na vida cultural: permitiu a mais rápida divulgação das ideias e dos saberes; alargou os horizontes mentais e geográficos dos homens; generalizou as correntes culturais, principalmente o pensamento humanista.

13 O caminho do humanismo O Humanismo foi um amplo movimento de renovação literária filosófica que acompanhou todo o período do Renascimento e é muitas vezes interpretado como uma das suas causas principais e também como a sua expressão mais autêntica e significativa. O Inferno de Dante

14 Características do Humanismo O pensamento humanista tem como base: A forte rejeição dos valores e formas culturais medievais. A valorização dos ideais e formas de expressão literária e artística da Antiguidade Greco- Romana. A crença no Homem como ser racional. O Espírito Crítico e o Livre-Arbítrio. O Homem como autor e destinatário de todo o saber.

15 O Antropocentrismo O Antropocentrismo é a concepção filosófica e pragmática que coloca o Homem no centro do Universo, tomando-o como o ser mais perfeito da Criação, capaz de criar e transformar as coisas. Adão e Evade Alberto Durero

16 O Humanista Homem de saber e cultura (geralmente eclesiástico ou professor) do século XVI que se inspira na cultura da Antiguidade Clássica, que a reinterpreta à luz da Razão e do espírito crítico do seu tempo. Petrarca

17 FIM

RENASCIMENTO CULTURAL

RENASCIMENTO CULTURAL RENASCIMENTO CULTURAL O termo renascimento, ou renascença, faz referência a um movimento intelectual e artístico ocorrido na Europa, entre os séculos XV e XVI, durante a transição da Idade Média para a

Leia mais

UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade

UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade UMA NOVA VISÃO DE MUNDO Renascimento foi um movimento artístico (XIV e XVI); O período medieval era considerado limitado e pouco criativo; A Idade Média ficou conhecida como a Idade das Trevas; Surgia,

Leia mais

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com

Curso de História. Prof. Fabio Pablo. efabiopablo.wordpress.com efabiopablo.wordpress.com Conteúdo O humanismo e o Renascimento Cultural Marco Polo. Multimídia A arte renascentista e o mecenato A Revolução Científica #Conceito O Renascimento foi um movimento artístico,

Leia mais

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães

R enascimento. Prof.: André Vinícius Magalhães R enascimento Prof.: André Vinícius Magalhães O que é Renascimento????? O termo Renascimento é comumente aplicado à Europa entre 1300 e 1650. Além de reviver a antiga cultura greco-romana, ocorreram nesse

Leia mais

Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA. Professora Andréa Cardoso

Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA. Professora Andréa Cardoso Educação Matemática MATEMÁTICA LICENCIATURA Professora Andréa Cardoso UNIDADE I: EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E ENSINO Renascimento Cultural e Escolas Práticas Educação Matemática 2016/2 - Profª. Andréa Cardoso

Leia mais

ミ Trabalho de Literatura 彡. Tema: Classicismo e Humanismo.

ミ Trabalho de Literatura 彡. Tema: Classicismo e Humanismo. ミ Trabalho de Literatura 彡 Tema: Classicismo e Humanismo. Movimento cultural que se desenvolveu na Europa ao longo dos séculos XV e XVI, com reflexos nas artes, nas ciências e em outros ramos da atividade

Leia mais

Renascimento Cultural

Renascimento Cultural Renascimento Cultural Séculos XIV ao XVII Prof. Dieikson de Carvalho Renascimento Cultural Contexto histórico Transição da Idade Média para Idade Moderna. Século XIV ao XVII. Resultado do Renascimento

Leia mais

RENASCIMENTO. Localização Espacial: Cidades Italianas, Países Baixos e reinos alemães. Localização Temporal: Século XV e XVI

RENASCIMENTO. Localização Espacial: Cidades Italianas, Países Baixos e reinos alemães. Localização Temporal: Século XV e XVI RENASCIMENTO Localização Espacial: Cidades Italianas, Países Baixos e reinos alemães Localização Temporal: Século XV e XVI Não há uma definição de Renascimentos mas sim definições. Este período histórico

Leia mais

Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III

Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Unidade I Grandes civilizações antigas. Aula 13 Revisão e avaliação da unidade III HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 O que é um Fato Histórico? Quando ultrapassa

Leia mais

Programa de Retomada de Conteúdo 3 Bimestre

Programa de Retomada de Conteúdo 3 Bimestre Colégio Amorim Santa Teresa Fone: 2909-1422 Diretoria de Ensino Região Centro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Rua Lagoa Panema, 466 Vila Guilherme Profº NOTA Programa de Retomada

Leia mais

Prof. Hélder Pereira

Prof. Hélder Pereira Prof. Hélder Pereira Pergunta 1 Em que país da Europa surgiu o Renascimento? Itália Portugal França Pergunta 2 Em que séculos este movimento se afirmou? XIII e XIV XV e XVI XVII e XVIII Pergunta 3 Qual

Leia mais

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia

Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Renascimento comercial e urbano + surgimento da burguesia Explicações religiosas sobre o mundo - INSUFICIENTES 1- Rupturas e continuidades Inspiração greco-romana cultura Influências da Igreja Católica

Leia mais

- Transição da Idade Média para Idade Moderna

- Transição da Idade Média para Idade Moderna Renascimento - Transição da Idade Média para Idade Moderna - Movimento que começou na Itália por volta do século XV devido ao grande desenvolvimento econômico das cidades italianas (Genova, Veneza, Milão,

Leia mais

O que foi o Renascimento Cultural?

O que foi o Renascimento Cultural? O que foi o Renascimento Cultural? O Renascimento Cultural representou o marco da transição da cultura medieval para a cultura moderna. Configurou-se como um movimento intelectual, artístico, filosófico,

Leia mais

Unidade III Conceitos sobre Era Medieval e Feudalismo. Aula 12.1 Conteúdo: Renascimento na Europa.

Unidade III Conceitos sobre Era Medieval e Feudalismo. Aula 12.1 Conteúdo: Renascimento na Europa. Unidade III Conceitos sobre Era Medieval e Feudalismo. Aula 12.1 Conteúdo: Renascimento na Europa. Habilidade: Identificar os elementos que caracterizaram as transformações sociais e científicas na Europa

Leia mais

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A Ano Letivo 2015-2016

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A Ano Letivo 2015-2016 Período Módulo Conteúdos Competências Específicas Conceitos/Noções Situações de aprendizagem Avaliação Tempos 1º 0 Estudar/ Aprender História A História: tempos e espaços - Discernir as caraterísticas

Leia mais

AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1

AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1 AULA DE HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Profº Givaldo Santos de Jesus UNIDADE 1 NÓS E OS OUTROS: A QUESTÃO DO ETNOCENTRISMO Etnocentrismo é uma visão do mundo onde o nosso próprio grupo é tomado como centro

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 4

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 4 Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 4 5 Nome: Data: Unidade 4 1. Complete as sentenças. a) O foi um movimento cultural que surgiu entre as elites das ricas cidades, no século XIV, e se estendeu,

Leia mais

Filosofia Moderna: a nova ciência e o racionalismo.

Filosofia Moderna: a nova ciência e o racionalismo. FILOSOFIA MODERNA Filosofia Moderna: a nova ciência e o racionalismo. Período histórico: Idade Moderna (século XV a XVIII). Transformações que podemos destacar: A passagem do feudalismo para o capitalismo

Leia mais

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI. Atividade de História E. Médio U.E. 08

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI. Atividade de História E. Médio U.E. 08 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI Atividade de História E. Médio U.E. 08 1. Cite a caracterização econômica e social da Idade Média. p.3 2. Em quantos períodos está dividida a Idade Média? Quais são? 3. Dê três

Leia mais

O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA

O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA O RENASCIMENTO FOI UM MOVIMENTO CULTURAL, OCORRIDO NO INÍCIO DA IDADE MODERNA E QUE FEZ RENASCER A CULTURA GRECO-ROMANA IDADE ANTIGA CULTURA GRECO-ROMANA ANTROPOCÊNTRICA ANTROPO = Homem CÊNTRICA = centro

Leia mais

Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo

Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo Renascimento, Reformas, Grandes Navegações, Mercantilismo e Colonialismo Renascimento e Reformas 1. As imagens abaixo ilustram alguns procedimentos utilizados por um novo modo de conhecer e explicar a

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 2ª Etapa 2013 Disciplina: História Ano: 1 Professor (a): Alessandra Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça

Leia mais

Movimento científico-cultural ocorrido na Europa durante a transição entre as idades Média e Moderna e que representou as aspirações da burguesia.

Movimento científico-cultural ocorrido na Europa durante a transição entre as idades Média e Moderna e que representou as aspirações da burguesia. RENASCIMENTO RENASCIMENTO CULTURAL CULTURAL E E CIENTÍFICO CIENTÍFICO Movimento científico-cultural ocorrido na Europa durante a transição entre as idades Média e Moderna e que representou as aspirações

Leia mais

O RENASCIMENTO AULA 16 - PROF. THIAGO

O RENASCIMENTO AULA 16 - PROF. THIAGO O RENASCIMENTO AULA 16 - PROF. THIAGO Que obra de arte é o homem: tão nobre no raciocínio; tão vário na capacidade; em forma e movimento, tão preciso e admirável, na ação é como um anjo; no entendimento

Leia mais

RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 8º ANO

RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 8º ANO RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 8º ANO QUESTÃO 1. A sociedade do Antigo Regime As características sociais de cada período da história da Humanidade estão muito ligadas ao modo produção de cada

Leia mais

RENASCIMENTO E HUMANISMO Profª Erô Cirqueira

RENASCIMENTO E HUMANISMO Profª Erô Cirqueira RENASCIMENTO E HUMANISMO Profª Erô Cirqueira Definição: Movimento científico e científico ocorrido na Europa durante a transição entre as idades Média e Moderna. Fatores: A expansão marítima e o renascimento

Leia mais

ARTES E HUMANIDADES Instruções para as Inscrições 2014/2015 (2.º ANO e 3.º ANO)

ARTES E HUMANIDADES Instruções para as Inscrições 2014/2015 (2.º ANO e 3.º ANO) ARTES E HUMANIDADES Instruções para as Inscrições 2014/2015 (2.º ANO e 3.º ANO) Cumprido o tronco comum, para perfazer os 180 créditos ECTS, o aluno pode optar por um ou dois majors, por um major e dois

Leia mais

RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 7º ANO

RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 7º ANO RECUPERAÇÃO PARALELA PREVENTIVA DE HISTÓRIA 7º ANO QUESTÃO 1. Renascimento comercial e urbano. O fim das invasões bárbaras na Europa, por volta do século X, trouxe certa paz ao continente. Do período que

Leia mais

IDADE MODERNA O RENASCIMENTO CULTURAL PROF. MARCOS ROBERTO

IDADE MODERNA O RENASCIMENTO CULTURAL PROF. MARCOS ROBERTO PROF. MARCOS ROBERTO Definição: movimento cultural e artístico que rompeu com o padrão de pensamento vigente no mundo medieval, introduzindo a cultura laica (não religiosa); Quando: entre os séculos XIV

Leia mais

Renascimento. Clique para adicionar texto

Renascimento. Clique para adicionar texto Clique para adicionar texto DEFINIÇÃO Renascimento: movimento artísticocultural, ocorrido na Europa Ocidental entre os séculos XV e XVI; conjunto de manifestações artísticointelectuais-científicas que

Leia mais

Não é possível pensar em sociedade separada do espaço que ocupa.

Não é possível pensar em sociedade separada do espaço que ocupa. O ESPAÇO GEOGRÁFICO As sociedades humanas desenvolvem, durante sua história, modos próprios de vida. Estes decorreram da combinação de formas de subsistência material - com culturas diversas -, de diferentes

Leia mais

CURSO E COLÉGIO ESPECÍFICO. AUGUSTE COMTE E O PENSAMENTO POSITIVISTA Disciplina: Sociologia Professor: Waldenir do Prado 2013

CURSO E COLÉGIO ESPECÍFICO. AUGUSTE COMTE E O PENSAMENTO POSITIVISTA Disciplina: Sociologia Professor: Waldenir do Prado 2013 CURSO E COLÉGIO ESPECÍFICO AUGUSTE COMTE E O PENSAMENTO POSITIVISTA Disciplina: Sociologia Professor: Waldenir do Prado 2013 A Sociologia enquanto ciência Augusto Comte (1798 1857) francês, autor de Catecismo

Leia mais

PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO HISTÓRIA A. (sujeita a reajustamentos) 1º PERÍODO

PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO HISTÓRIA A. (sujeita a reajustamentos) 1º PERÍODO PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO HISTÓRIA A 10º Ano Ano Lectivo - 2012/2013 (sujeita a reajustamentos) Prof. ª Irene Lopes 1º PERÍODO MÓDULO 0 ESTUDAR E APRENDER HISTÓRIA MÓDULO 1 RAÍZES MEDITERRÂNICADA CIVILIZAÇÃO

Leia mais

O RENASCIMENTO ITALIANO CULTURA E SOCIEDADE NA ITÁLIA

O RENASCIMENTO ITALIANO CULTURA E SOCIEDADE NA ITÁLIA 1 O RENASCIMENTO ITALIANO CULTURA E SOCIEDADE NA ITÁLIA Bacharel em Psicologia, aluna do programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Universidade Presbiteriana Mackenzie, mestrado. OBRA RESENHADA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE HISTÓRIA DA DANÇA: DOS PRIMÓRDIOS AO BALLET CLÁSSICO Organização da aula Considerações históricas sobre a dança em suas manifestações iniciais.

Leia mais

P r o f. A l e x a n d r e G o i c o c h e a H i s t ó r i a RENASCIMENTO CULTURAL

P r o f. A l e x a n d r e G o i c o c h e a H i s t ó r i a RENASCIMENTO CULTURAL P r o f. A l e x a n d r e G o i c o c h e a H i s t ó r i a RENASCIMENTO CULTURAL CARACTERÍSTICAS Antropocentrismo; Otimismo; Racionalismo; Humanismo; Hedonismo; Individualismo; Inspiração Antiguidade

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque. 8.junho.

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque. 8.junho. ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A 10º Ano Turma D Professor: Renato Albuquerque Duração da ficha: 15 minutos. Tolerância: 5 minutos 3 páginas 8.junho.2012 NOME:

Leia mais

Prof. Tácius Fernandes

Prof. Tácius Fernandes Prof. Tácius Fernandes Definição: movimento cultural e artístico que rompeu com o padrão de pensamento vigente no mundo medieval, introduzindo a cultura laica (não religiosa); Quando: entre os séculos

Leia mais

H I S T Ó R I A P L A N I F I C A Ç Ã O A M É D I O P R A Z O. DISCIPLINA: História ANO: 7 TURMAS: B, C e D ANO LECTIVO: 2011/

H I S T Ó R I A P L A N I F I C A Ç Ã O A M É D I O P R A Z O. DISCIPLINA: História ANO: 7 TURMAS: B, C e D ANO LECTIVO: 2011/ DISCIPLINA: História ANO: 7 TURMAS: B, C e D ANO LECTIVO: 2011/2012 P L A N I F I C A Ç Ã O A M É D I O P R A Z O H I S T Ó R I A - 1 - TEMA A Das Sociedades Recolectoras Às Primeiras Civilizações SUBTEMA

Leia mais

Conceito da Ética Destacando as teorias da formação dos conceitos, o objeto e o objetivo da Ética

Conceito da Ética Destacando as teorias da formação dos conceitos, o objeto e o objetivo da Ética Conceito da Ética Destacando as teorias da formação dos conceitos, o objeto e o objetivo da Ética. Definições e Conceitos O termo ética deriva do grego ethos (caráter, modo de ser de uma pessoa). Ética

Leia mais

Renascimento. Renascimento 05/09/2012 DEFINIÇÃO: uma nova visão de mundo FATORES GERADORES

Renascimento. Renascimento 05/09/2012 DEFINIÇÃO: uma nova visão de mundo FATORES GERADORES DEFINIÇÃO: uma nova visão de mundo movimento artístico-cultural, ocorrido na Europa Ocidental entre os séculos XV e XVI; manifestações artístico-intelectuaiscientíficas : transição da Idade Média para

Leia mais

O Renascimento Cultural

O Renascimento Cultural O Renascimento Cultural Antecedentes Renascimento comercial e urbano; Ascensão social da burguesia (lucro e sucesso individual) Mecenato; Expansão Marítima e Comercial; Novas descobertas científicas; Conquista

Leia mais

RENASCIMENTO CULTURAL PROFESSOR JR. SOARES

RENASCIMENTO CULTURAL PROFESSOR JR. SOARES RENASCIMENTO CULTURAL PROFESSOR JR. SOARES RENASCIMENTO Definição: movimento cultural e artístico que rompeu com o padrão de pensamento vigente no mundo medieval, introduzindo a cultura laica (não religiosa);

Leia mais

Trovadorismo e Humanismo Literatura Portuguesa

Trovadorismo e Humanismo Literatura Portuguesa Trovadorismo e Humanismo Literatura Portuguesa Prof. Thiago Robson Aletro As Trovas Medievais Contexto histórico-cultural Idade Média (Séc XII) Feudalismo/vassalage m Nobreza Teocentrismo Cruzadas Galego-Português

Leia mais

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média:

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: EXERCÍCIOS ON LINE 3º BIMESTRE DISCIPLINA: Filosofia PROFESSOR(A): Julio Guedes Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: NOME: Nº.: Exercício On Line (1) A filosofia atingiu

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 4 5 Unidade 4 Nome: Data: 1. Leia o trecho a seguir e faça o que se pede. Renascimento foi um movimento cultural que nasceu entre as elites de ricas cidades

Leia mais

IDADE MODERNA (1453 1789)

IDADE MODERNA (1453 1789) IDADE MODERNA (1453 1789) RENASCIMENTO Definição: movimento cultural e artístico que rompeu com o padrão de pensamento vigente no mundo medieval, introduzindo a cultura laica (não religiosa); Quando: entre

Leia mais

História. Cultura Renascentista

História. Cultura Renascentista Cultura Renascentista Índice Clique sobre tema desejado: Origem e conceito Origem e conceito Origem Itália Crise feudal (séc. XIV-XVI) Florença Centro do renascimento Conceito Movimento de renovação cultural,

Leia mais

22/08/2014. Tema 7: Ética e Filosofia. O Conceito de Ética. Profa. Ma. Mariciane Mores Nunes

22/08/2014. Tema 7: Ética e Filosofia. O Conceito de Ética. Profa. Ma. Mariciane Mores Nunes Tema 7: Ética e Filosofia Profa. Ma. Mariciane Mores Nunes O Conceito de Ética Ética: do grego ethikos. Significa comportamento. Investiga os sistemas morais. Busca fundamentar a moral. Quer explicitar

Leia mais

Itália berço do Renascimento

Itália berço do Renascimento RENASCIMENTO CULTURAL XIV e XVI Itália berço do Renascimento How does Late Linha Gothic art create do the tempo bridge between Byzantine and Renaissance art? Bizantino Virgin and Child Gótico Virgin and

Leia mais

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média FILOSOFIA FÍSICA Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA O período histórico comumente chamado de Idade Média inicia- se no século V e termina no século XV. Portanto, ele representa mil anos de

Leia mais

O Século das Luzes HISTÓRIA 01 AULA 25 PROF. THIAGO

O Século das Luzes HISTÓRIA 01 AULA 25 PROF. THIAGO O Século das Luzes HISTÓRIA 01 AULA 25 PROF. THIAGO Contexto Revolução Científica do século XVII Galileu Galilei, René Descartes e Isaac Newton Concepção racionalista do mundo Leis Naturais Crise do Antigo

Leia mais

17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA

17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA Ficha de inscrição 17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA 2014/2015 Categoria Artigo Jornalístico Nível superior Tema: A importância dos museus na formação cultural do país Aluna: Janaina Bárbara Bolonezi

Leia mais

Aula 08 Terceiro Colegial.

Aula 08 Terceiro Colegial. Aula 08 Terceiro Colegial Cristianismo: Entre a Fé e a Razão Busca por uma base racional para sustentar a fé Formulações filosóficas se estendendo por mais de mil anos Cristianismo Palavra de Jesus, que

Leia mais

Slides por Carlos Daniel S. Vieira

Slides por Carlos Daniel S. Vieira Slides por Carlos Daniel S. Vieira Portugal (início do século XX) invasão das tropas de Napoleão vinda da Família Real para o Brasil Reino Unido a Portugal e Algarve A burguesia de Portugal entra em crise

Leia mais

Currículo - Versão para Imprimir

Currículo - Versão para Imprimir Currículo BACHARELADO EM FILOSOFIA s Obrigatorios: 144 s Eletivos: 28 s Complementares: 6 Semestre selecionado: 2013/1 Etapa 1 HUM01059 HUM01502 HUM01060 HISTÓRIA DA FILOSOFIA GREGA LÓGICA I - A Etapa

Leia mais

AULA AO VIVO. Professora Laira Pinheiro

AULA AO VIVO. Professora Laira Pinheiro AULA AO VIVO Professora Laira Pinheiro Folha de São Paulo, São Paulo, 28 out., 1993, pg.6, cad.4. Você sabe o que é ética? Será que ela tem preço? Qual é o seu valor? A ética está em crise? Vivemos numa

Leia mais

A Filosofia e a Sociologia: contribuições para a Educação

A Filosofia e a Sociologia: contribuições para a Educação A Filosofia e a Sociologia: contribuições para a Educação Fundamentos Filosóficos e Sociológicos da Educação Semana I Prof. Ms. Joel Sossai Coleti O que é? O que é? Filosofia: disciplina que tem como objeto

Leia mais

Centro de Estudos SOMA. Teste de História 8º Ano

Centro de Estudos SOMA. Teste de História 8º Ano Teste de História 8º Ano Grupo I 1. Lê o documento e observa a figura. O mau exemplo do clero é reponsável pela morte espiritual dos crentes. Os padres afastaram-se de Deus e a sua vida decorre no meio

Leia mais

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação, Classes Sociais e Trabalho Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação social, classes sociais e trabalho Objetivos da aula: O que é estratificação? O que é classes sociais? Conceitos

Leia mais

1B Aula 01. O Iluminismo

1B Aula 01. O Iluminismo 1B Aula 01 O Iluminismo O contexto histórico em que surgiu o Iluminismo O Iluminismo foi acima de tudo uma revolução cultural porque propôs uma nova forma de entender a sociedade e significou uma transformação

Leia mais

CONHECIMENTOS CAPACIDADES

CONHECIMENTOS CAPACIDADES Módulo 0 A História: tempos e espaços - Quadros espaço-temporais; períodos históricos e momentos de rutura. - Processos evolutivos; a multiplicidade de fatores. - Permutas culturais e simultaneidade de

Leia mais

Antecedentes Históricos da Administração. Professor Maurício Teixeira

Antecedentes Históricos da Administração. Professor Maurício Teixeira Antecedentes Históricos da Administração Professor Maurício Teixeira Abordagens Mostrar a história Incipiente preocupação com a Administração na antiguidade Influencias da Administração Filosóficas Da

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque. 8.junho.

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A. 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque. 8.junho. ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS - BARREIRO Ficha de avaliação 03 de História A 10º Ano Turma C Professor: Renato Albuquerque Duração da ficha: 15 minutos. Tolerância: 5 minutos 3 páginas 8.junho.2012 NOME:

Leia mais

História do Direito Português Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem. Introdução

História do Direito Português Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem. Introdução História do Direito Português 2015-2016 Turma A Regente: Prof. Doutor António Pedro Barbas Homem Introdução Capítulo 1 Idade Média Capítulo 2 Idade Moderna Capítulo 3 Idade Contemporânea: século XIX (1820-1910)

Leia mais

FILOSOFIA 11º ano O CONHECIMENTO E A RACIONALIDADE CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA

FILOSOFIA 11º ano O CONHECIMENTO E A RACIONALIDADE CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA FILOSOFIA 11º ano O CONHECIMENTO E A RACIONALIDADE CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA Governo da República Portuguesa Descrição e interpretação da atividade cognoscitiva 1.1 Estrutura do ato de conhecer 1.2 Análise

Leia mais

Exames da Universidade Aberta - Julho 2010

Exames da Universidade Aberta - Julho 2010 ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL Data 02-Jul 06-Jul 07-Jul Horário Exames da Universidade Aberta - Julho 2010 Disciplinas Cód. Descrição 11009 Conhecimento do Mundo Social

Leia mais

Sobre um novo paradigma da emergência da Ciência Moderna:

Sobre um novo paradigma da emergência da Ciência Moderna: Sobre um novo paradigma da emergência da Ciência Moderna: os Descobrimentos portugueses José Pinto Casquilho - 16.06.2016 1 Walter Alvarez 2014 Professor de Grande História Universidade de Berkeley http://www.publico.pt/ciencia/noticia/ciencia-moderna-nasceu-com-os-descobrimentos-portuguesesantes-de-copernico-e-galileu-1636938

Leia mais

TÁCIUS FERNANDES PROFESSOR. Itália berço do Renascimento

TÁCIUS FERNANDES PROFESSOR. Itália berço do Renascimento RENASCIMENTO CULTURAL XIV e XVI TÁCIUS FERNANDES PROFESSOR Itália berço do Renascimento Renascimento Antropocentrismo Racionalismo Humanismo e individualismo Em oposição à cultura feudal, o Renascimento

Leia mais

Bem Explicado Centro de Explicações Lda. História 8º Ano O Renascimento e a formação da mentalidade moderna

Bem Explicado Centro de Explicações Lda. História 8º Ano O Renascimento e a formação da mentalidade moderna Bem Explicado Centro de Explicações Lda. História 8º Ano O Renascimento e a formação da mentalidade moderna Nome: Data: / / 1. Lê com atenção o Documento 1. Documento 1 O arquiteto supremo escolheu o homem

Leia mais

Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10. Nome: Nº: Turma:

Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10. Nome: Nº: Turma: História Roteiro de Estudos para o 3º Bimestre 1 os anos Roberson ago/10 Nome: Nº: Turma: 1. Conteúdos a serem abordados no 3º bimestre: História Geral 1. Unificação e expansão islâmica (Cap. 15). 2. Reinos

Leia mais

Participa na selecção de informação adequada aos temas em estudo; Interpreta documentos com mensagens diversificadas;

Participa na selecção de informação adequada aos temas em estudo; Interpreta documentos com mensagens diversificadas; COLÉGIO TERESIANO HISTÓRIA - 7.º ANO DE ESCOLARIDADE ANO LECTIVO 2007/2008 COMPETÊNCIAS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS 1. Tratamento de informação/utilização de Fontes Participa na selecção de informação adequada

Leia mais

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO Germano Marques da Silva Professor da Faculdade de Direito Universidade Católica Portuguesa INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO 4.ª edição Universidade Católica Editora Lisboa 2012 NOTA À 4.ª EDIÇÃO Esta 4.ª

Leia mais

HISTÓRIA. - Curso Vocacional - 1º ANO -

HISTÓRIA. - Curso Vocacional - 1º ANO - Planificação de História - 1º ano Curso Vocacional 201/2015 p. 1 ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO DE AMORA HISTÓRIA - Curso Vocacional - 1º ANO - PLANIFICAÇÃO A MÉDIO E LONGO PRAZO Ano letivo de 201/2015

Leia mais

Que é, pois o tempo? Se ninguém me pergunta, eu sei; se quero explicá-lo a quem me pede, não sei. Santo Agostinho, Século IV

Que é, pois o tempo? Se ninguém me pergunta, eu sei; se quero explicá-lo a quem me pede, não sei. Santo Agostinho, Século IV Que é, pois o tempo? Se ninguém me pergunta, eu sei; se quero explicá-lo a quem me pede, não sei. Santo Agostinho, Século IV Diferentes tempos Quanto tempo dura o dia e a noite? O que demora mais para

Leia mais

Escritos de Max Weber

Escritos de Max Weber Escritos de Max Weber i) 1903-1906 - A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo (1ª parte, em 1904; 2ª parte em 1905; introdução redigida em 1920); - A objetividade do conhecimento nas Ciências Sociais

Leia mais

Aula 4.1 Conteúdo: Arte Barroca Europeia Arte Barroca Brasileira Neoclássica Europeia e Brasileira. CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA

Aula 4.1 Conteúdo: Arte Barroca Europeia Arte Barroca Brasileira Neoclássica Europeia e Brasileira. CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA Aula 4.1 Conteúdo: Arte Barroca Europeia Arte Barroca Brasileira Neoclássica Europeia e Brasileira. 1 Habilidades: Reconhecer características e produções artísticas dos períodos denominados: Barroca Europeia

Leia mais

História 4B: Aula 10. Europa no Século XIX.

História 4B: Aula 10. Europa no Século XIX. História 4B: Aula 10 Europa no Século XIX. Alemanha e Itália Até 1870 eram dois amontoados de pequenas monarquias e principados independentes. ESTADOS DO NORTE: Industrializados. Piemonte-Sardenha. Lombardia.

Leia mais

A Ilíada Homero Odisseia Homero Os Lusíadas Luís Vaz de Camões O Uraguai Basílio da Gama Mensagem Fernando Pessoa

A Ilíada Homero Odisseia Homero Os Lusíadas Luís Vaz de Camões O Uraguai Basílio da Gama Mensagem Fernando Pessoa GÊNEROS LITERÁRIOS ÉPICO (OU NARRATIVO) Longa narrativa literária de caráter heroico, grandioso e de interesse nacional e social. Atmosfera maravilhosa de acontecimentos heroicos passados que reúnem mitos,

Leia mais

2. Que alterações profundas ocorridas no Renascimento propiciaram a "mudança de mentalidade" mencionada no texto?

2. Que alterações profundas ocorridas no Renascimento propiciaram a mudança de mentalidade mencionada no texto? TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES. (Fuvest 82) "Do século XV ao XVIII verificou-se verdadeira mudança de mentalidade. A mecânica e a técnica, de menosprezadas, passaram a supervalorizadas. Não é generalizada

Leia mais

Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo

Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo Definição de Patrimônio l Patrimônio cultural é um conjunto de bens materiais e imateriais representativos da cultura de um grupo ou de uma sociedade. Problematização

Leia mais

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A NER. Ano Letivo 2016/2017. Estudar/ Aprender História

PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A NER. Ano Letivo 2016/2017. Estudar/ Aprender História Tempos PLANIFICAÇÃO - 10º ANO - HISTÓRIA A NER Ano Letivo 2016/2017 Per Módulo Conteúdos Competências específicas Conceitos/ Noções Situações de Aprendizagem Avaliação 0 Atitudes e Valores 1.º Estudar/

Leia mais

Disciplina: HISTÓRIA Professor (a):rodrigo CUNHA Ano: 7º Turmas: 7.1 e 7.2

Disciplina: HISTÓRIA Professor (a):rodrigo CUNHA Ano: 7º Turmas: 7.1 e 7.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2013 Disciplina: HISTÓRIA Professor (a):rodrigo CUNHA Ano: 7º Turmas: 7.1 e 7.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 3º Ano: C31 Nº Professor: Roberto Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais

Sumário detalhado 1. A Reforma: uma introdução O cristianismo no final da Idade Média O humanismo e a Reforma...54

Sumário detalhado 1. A Reforma: uma introdução O cristianismo no final da Idade Média O humanismo e a Reforma...54 Sumário Sumário detalhado...4 Prefácio à quarta edição... 11 Como usar este livro... 14 1. A Reforma: uma introdução... 17 2. O cristianismo no final da Idade Média... 41 3. O humanismo e a Reforma...

Leia mais

História - Claudiomar

História - Claudiomar RENASCIMENTO CULTURAL O Renascimento foi um movimento cultural e artístico que rompeu com o padrão de pensamento vigente no mundo medieval, introduzindo a cultura laica. PERÍODO: entre os séculos XIV e

Leia mais

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação. AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2012/2013 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período Panorâmica geral dos séculos XII e XIII. Observação directa Diálogo

Leia mais

COLÉGIO COOPEMIG. Disciplina: História TRABALHO EM GRUPO Valor: 04 Pontos Turma: 101 Professor: Edley Reis de Oliveira Data: 20/02/2014

COLÉGIO COOPEMIG. Disciplina: História TRABALHO EM GRUPO Valor: 04 Pontos Turma: 101 Professor: Edley Reis de Oliveira Data: 20/02/2014 COLÉGIO COOPEMIG Disciplina: História TRABALHO EM GRUPO Valor: 04 Pontos Turma: 101 Professor: Edley Reis de Oliveira Data: 20/02/2014 ROTEIRO DE ANÁLISE DO DOCUMENTÁRIO O MUNDO DE DA VINCI ETAPAS DO TRABALHO:

Leia mais

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4

Sugestão de Atividades História 7º ano Unidade 4 1. Ao mudar o modelo econômico muda-se também a visão de mundo, valores, costumes etc. Estudamos isso no movimento renascentista que nasceu entre as elites de ricas cidades italianas, no século XIV, e

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro Perfil de aprendizagem de História 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Das sociedades recolectoras às primeiras civilizações Das sociedades recolectoras às primeiras sociedades produtoras 1. Conhecer o processo

Leia mais

Prof.: Thiago Oliveira

Prof.: Thiago Oliveira Prof.: Thiago Oliveira O Renascimento foi um conjunto de transformações (Sociais, Econômicas, Políticas, Religiosas, Científicas e Artísticas) ocorridas na Europa a partir do Séc. XI, tendo seu auge durante

Leia mais

SUMÁRIO O MUNDO ANTIGO

SUMÁRIO O MUNDO ANTIGO SUMÁRIO Apresentação Prefácio Introdução 1. Da história da pedagogia à história da educação 2. Três revoluções em historiografia 3. As muitas histórias educativas 4. Descontinuidade na pesquisa e conflito

Leia mais

Assinale a resposta mais adequada de acordo com os nossos estudos nesta Unidade de Ensino:

Assinale a resposta mais adequada de acordo com os nossos estudos nesta Unidade de Ensino: Questão 1 Se as inovações tecnológicas modificam o ritmo de vida das pessoas, pode-se dizer que alterações no ritmo das jornadas de trabalho também têm relação com as novas tecnologias? Assinale a resposta

Leia mais

COLÉGIO CENECISTA DR. JOSÉ FERREIRA LUZ, CÂMERA, REFLEXÃO

COLÉGIO CENECISTA DR. JOSÉ FERREIRA LUZ, CÂMERA, REFLEXÃO COLÉGIO CENECISTA DR. JOSÉ FERREIRA LUZ, CÂMERA, REFLEXÃO UBERABA - 2015 PROJETO DE FILOSOFIA Professor coordenador: Danilo Borges Medeiros Tema: Luz, câmera, reflexão! Público alvo: Alunos do 9º ano do

Leia mais

Pela linha do tempo da história da arte

Pela linha do tempo da história da arte O processo artístico de ensino/aprendizagem orientado pela Profa. Kenia Olympia Fontan Ventorim, desenvolvido no ano de 2015 com os alunos do ensino médio do Instituto Federal do Espírito Santo Campus

Leia mais

SOCIOLOGIA NO ENSINO MÉDIOM. Prof. Dieikson de Carvalho

SOCIOLOGIA NO ENSINO MÉDIOM. Prof. Dieikson de Carvalho SOCIOLOGIA NO ENSINO MÉDIOM Prof. Dieikson de Carvalho O estudo da Sociologia Por que estudar a sociedade em que vivemos? Não basta vivê-la? É possível conhecer a sociedade cientificamente? A sociologia

Leia mais

PÓS-MODERNISMO E CONTEMPORANEIDADE

PÓS-MODERNISMO E CONTEMPORANEIDADE PÓS-MODERNISMO E CONTEMPORANEIDADE SÉC. XX - XXI História da Arte Profª Natalia Pieroni PÓS-MODERNISMO - Produção artística a partir dos anos 60 (pós movimento modernista), caracterizada pelas inquietações

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1º EM História Rafael Av. Mensal 09/09/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA

ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA Conceito: O Iluminismo foi um movimento ideológico do século XVIII, que defendeu a liberdade de expressão e o fim de todo regime opressor. O Iluminismo

Leia mais