TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO COLO DO FÊMUR

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO COLO DO FÊMUR"

Transcrição

1 TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO COLO DO FÊMUR CRISTIANO ALVES DE MENESES, PAULO SILVA, PETER GONÇALVES RESENDE RODRIGUES, ROGÉRIO DE ANDRADE AMARAL Resumo: relata-se o caso de uma paciente portadora de Tumor de Células Gigantes (TCG) do colo do fêmur, tratado inicialmente com esvaziamento mediante curetagem local e preenchimento com cimento ósseo.o relato tem por função demonstrar a necessidade de abordar o TCG do colo do fêmur obedecendo os princípios oncológicos de ressecção óssea e demonstrar a total falha de tentativas preservadoras no caso de acometimento do colo femoral. Palavras-chave: tumor de células gigantes, colo de fêmur Aressecção do terço proximal do fêmur é uma modalidade de tratamento cirúrgico adequada para casos de Tumor de Células Gigantes (TCG) do colo do fêmur, constituindo uma alternativa cirúrgica viável à ressecção com curetagem e qualquer outro meio de preenchimento, os quais têm se mostrado ineficazes nestes casos, comparados à protetização local. Compreende-se por ressecção do terço proximal do fêmur a cirurgia em que se faz a retirada da região previamente definida de comprometimento ósseo, provocado pelo TCG e tecidos locais macroscopicamente comprometidos, retirando-se o bloco proximal por completo do fêmur e preparo 883

2 884 acetabular com prótese sem cimento, para garantir uma durabilidade confiável do sistema. Este relato apresenta como finalidade principal demonstrar a importância da ressecção inserida nos princípios oncológicos para as lesões deste tipo, que envolvem o colo do fêmur e são fundamentalmente de tratamento cirúrgico, com substituição radical deste seguimento, e que, face às falhas de outras técnicas, como a curetagem e enxertia óssea autóloga ou homóloga, a substituição protética (endoprótese não convencinal) se impõe. RELATO DO CASO Paciente Z. R. A., do sexo feminino, 33 anos de idade, com relato de dor no quadril esquerdo e na região lombar, há seis meses, sem história de trauma ou esforço físico, evoluindo com piora progressiva da dor. Ao exame físico, apresentava dor à palpação na região anterior e à movimentação do quadril esquerdo, com amplitude de movimentos normais. No estudo radiológico inicial (radiografia de bacia), evidenciou-se a presença de lesão osteolítica extensa, acomentendo o colo femoral e o grande trocanter, no seu terço proximal (Figura 1). Figura 1: RX de Bacia AP RX de Bacia P A Ressonância Nuclear Magnética (RNM) revelou uma lesão expansiva lítica óssea na meta-epífise do fêmur proximal esquerdo, de contornos regulares e bem definidos, acometendo o colo femoral e estendendo-se para o aspecto ântero-superior da cabeça femoral. A lesão apresentava matriz sólida homogênea, com

3 hipossinal em T1 e sinal intermediário em T2, com intensa captação do meio de contraste endovenoso. Havia edema medular ósseo próximo à lesão, sem sinais de expansão para tecidos moles adjacentes (Figura 2). A Figura 2: RNM Legenda: A RNM T1 B RNM T2. B 885

4 Na presença de tais definições, foi aventada a possibilidade de TCG e proposta a biópsia óssea, que foi realizada de imediato, sendo corroborada com a hipótese diagnóstica primária, definindose, portanto, pela ressecção intralesional, com curetagem local e tratamento adjuvante com eletrofulguração, mais preenchimento da cavidade com enxerto ósseo autólogo (fíbula) e cimento ósseo (Figura 3). Figura 3: Pós-Op. 886 A paciente evoluiu sem alterações clínicas significativas, sendo liberada a descarga total de peso em 120 dias. Com um ano de pós-operatório, foi realizada uma RNM para controle e, apesar da paciente estar totalmente assintomática, foi observada a presença de lesão nodular de contornos regulares e bem definidos, com isossinal em T1 e T2 captando homogeneamente o meio de contraste endovenoso na região inter-trocantérica, na porção inferior da cavidade cirúrgica. Havia ainda edema medular ósseo adjacente a lesão e ao enxerto ósseo/cimento, assim como periostite reacional. Compatível com recidiva tumoral (Figura 4). Em virtude de tal relato de imagem, foi proposta uma nova intervenção cirúrgica, na qual foi programada a ressecção em bloco do terço proximal do fêmur, com substituição com endoprótese não convencional modular de titâneo, protetização acetabular, não cimentada (Figura 5).

5 Figura 4: Recidiva Figura 5: Pós-op. 887

6 888 Discussão O TCG é definido como neoplasia óssea benigna agressiva de comportamento biológico inserto, caracterizado histologicamente por tecido ricamente vascularizado, constituído por células ovóides e fusiformes e pela presença de numerosas células gigantes do tipo osteoclástico, uniformemente distribuídas por todo tecido tumoral (SCHAJOWICZ,1982; CAMARGO et al., 2001). O TCG acomete preferencialmente os adultos jovens, na faixa dos 20 aos 35 anos de idade, com localização mais freqüente no fêmur distal e tíbia proximal, sendo mais comum no sexo feminino e constitui 8% dos tumores ósseos primários (SCHAJOWICZ,1982; CAMARGO et al., 2001; CATALAN et al., 2006). O tratamemto do TCG é essencialmente cirúrgico, existem evidências contrárias à curetagem, entretanto há uma correlação à cirurgia e ao método, o tipo histológico, o tamanho do tumor, a localização, idade do paciente, são fatores que influenciam diretamente no prognóstico, assim como a caracterização do estadiamento da lesão (GARCIA FILHO et al., 2006). Em 1983, Enneking propôs o estadiamento radiográfico em três graus: grau I tumor com bordas bem delimitada, e corticais íntegras; grau II cortical expandida com bordas bem delimitadas; grau III bordas não delimitadas com invasão de partes moles. O grau I é tratado com curetagem e tratamento adjuvante (eletrofulguração, metilmetacrilato, nitrogênio liquido e fenol). O grau II pode ainda ser tratado por este método, porém apresenta pior resultado funcional quando é tratado semelhante ao grau III (ressecção ampla da lesão e substituição) (GARCIA et al., 2006; CAMARGO, 2002; ODA et al., 1998). O cimento ósseo não tem capacidade biológica, e os resultados em longo prazo são muito difíceis de serem previstos, especialmente nos casos de utilização deste método no tratamento de TCG do colo do fêmur, e não devem ser o tratamento de escolha nestes tipos de defeitos, embora alguns autores apresentem excelentes resultados com este método, e, baseado na abordagem clínica, não foram observados efeitos deletérios diretamente relacionados ao uso do Metilmetacrilato (SHIH et al., 1995; CAMARGO, 2005), e outros tratamentos adjuvantes têm sido

7 recomendados para a redução de recidiva do TCG (PROSSER et al., 2005). Vários tratamentos realizados com substituição, como a reconstrução do fêmur proximal com próteses femorais, o uso de endopróteses proximais de grande substituições das neoplasias femorais proximais, endopróteses moduladas de titâneo e artroplastia total do quadril convencional, são técnicas utilizadas como métodos de tratamentos destas patologias (CROCI, 2000; DONATI, 2002; KULKARNI, 1996). CONCLUSÃO O colo do fêmur não é a região mais comum da presença desta patologia. No caso em questão, os autores concluem que este tumor, quando presente no colo do fêmur, deve ser amplamente ressecado com todos os critérios e princípios da cirurgia oncológica e, de imediato, deve-se optar pela ressecção em bloco de toda a lesão, com margem segura para a retirada de toda região comprometida, assim como o tecido subjacente com características macroscópicas contaminada e substituição protética não convencional. Enfatizamos, portanto, a necessidade de ser ressecado de maneira segura para se evitar a recidiva da lesão. Referências CAMARGO, O. P. et al. Avaliação radiográfica e funcional de 214 lesões ósseas benignas agressivas tratadas com curetagem, cauterização e cimentação: 24 anos de seguimento. Clinics., v. 60, p , CAMARGO, O. P. et al. Tumor de células gigantes: evolução histórica do seu diagnóstico e tratamento junto ao Instituto de Ortopedia e Traumatologia da FMUSP. Acta Ortop. Bras., v. 9, p , CAMARGO, O. P. O estado da arte no diagnóstico e tratamento do tumor de células gigantes. Rev. Bras. Ortop., v. 37, p , CATALAN, J. et al. Tumor de células gigantes ósseo: aspectos clíjicos e redoigráficos de 115 casos. Radiol Bras., v. 39, p. 1-12, CROCI, A. T. et al. The use of a modular titanium endoprosthesis in skeletal reconstructions after bone tumor resectiosns: method presentation and analysis of 37 cases. Rev. Hosp. Clin., v. 55, p ,

8 DONATI, D. et al. Proximal femur reconstruction by na allograft prostheses composite. Clin. Orthop., v. 394, p , GARCIA FILHO, R. J. et al. É a curetagem um metido eficiente no tratamento dos tumores ósseos? Rev. Bras. Ortop. Disponível em:<http://www.rbo.org.br>. Acesso em: 22 set KULKARNI, S. S. et al. Total hip arthroplasty for giant cell tumour. JPGM, v. 42, p , MENENDEZ, L. R. et al. Endoprosthetic Reconsdtruction for Neoplasms of the Proximal Femur. Clin. Orthop., v. 450, p , ODA, Y. et al. Giant Cell Tumor of Bone: Oncological and Functional Resulats of Long-term Follow-up. Japan J Clin. Oncol., v. 28, p , PROSSER, G. H. et al. Does Curettage Without Adjuvant Therapy Provide Low Recurrence Rates in Giant-Cell Tumors of Bone? Clin. Orthop., v. 435, p , SCHAJOWICZ, F. Tumores y lesiones seudotumorales de huesos y articulaciones. Buenos Aires: Panamericana, SHIH, H. N. et al. Treatment of the femoral neck and trochanteric benign lesions. Clinical Orthopaedic & Related Reseach, v. 328, p ,1996. Abstract: the authors present the case of a carrying patient of tumor of giant cells (TCG) of the col of femur with adjacent gradual fabric invasion osseous, treated initially with evacuation through local curettage and autogenous graft from perone, electrofulguration and fulfilling with osseous cement. The patient evolves with return of the local tumoral injury, being necessary a new surgical intervention, with resection in block of the proximal part of femur and setting with non-conventional endoprosthesis. The clinical aspects and the therapeutical boarding are argued. The story has for function, to demonstrate the necessity to approach the TCG of the col of femur; obeying the oncological principles of osseous resection, prioritizing the necessary remove for total evacuation of the tumor and its local extension, to preserve the integrity of the member and to demonstrate the total imperfection of preservadoras attempts in the case of attack of the femural col. 890 Key words: giant cells tumor and femural col

9 PAULO SILVA Médico ortopedista. Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia e da Sociedade Brasileira do Quadril. Coordenador do Grupo de Cirurgia do Quadril do Hospital Geral de Goiânia (HGG). ROGÉRIO DE ANDRADE AMARAL Médico ortopedista. Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. Membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Ortopédica e ortopedista do HGG. CRISTIANO ALVES DE MENESES Interno do HGG. PETER GONÇALVES RESENDE RODRIGUES Interno do HGG. 891

ORTHOGEN. Determinações Humano (%) IC 95% Bovino (%) IC 95% Água 7,93-7,75 - Gordura 0,06 0,1 0,1 0,1. Nitrogênio 4,3 0,1 4,3 0,1

ORTHOGEN. Determinações Humano (%) IC 95% Bovino (%) IC 95% Água 7,93-7,75 - Gordura 0,06 0,1 0,1 0,1. Nitrogênio 4,3 0,1 4,3 0,1 ORTHOGEN Orthogen é um enxerto ósseo liofilizado integral, de origem bovina que mantém, em função de seu processamento, as características físico-químicas do osso in natura. É produzido pela Genius, divisão

Leia mais

Caso Clínico Case Report

Caso Clínico Case Report Caso Clínico Case Report Nicolas S Lazaretti 1 Viviane Weiller Dallagasperina 2 Rodrigo Ughini Villaroel 1 Luis Alberto Schlittler 1 Tumor de células gigantes de fémur distal com metástases pulmonares

Leia mais

Condroblastoma dos ossos do pé: Aspectos clínicos e radiográficos

Condroblastoma dos ossos do pé: Aspectos clínicos e radiográficos Artigo Original Condroblastoma dos ossos do pé: Aspectos clínicos e radiográficos Chondroblastoma of the foot bones: Clinical and radiographic findings Gustavo Sampaio de Souza Leão 1, Antonio Marcelo

Leia mais

TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO UNCIFORME: CASO CLÍNICO

TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO UNCIFORME: CASO CLÍNICO 180 SOCIEDADE PORTUGUESA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Rev Port Ortop Traum 24(3): 180-188, 2016 CASO CLÍNICO TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES DO UNCIFORME: CASO CLÍNICO Miguel Duarte Silva, Patrícia Wircker,

Leia mais

Revista de Medicina e Saúde de Brasília. Relato de caso: Osteossarcoma com metástase pulmonar ao diagnóstico

Revista de Medicina e Saúde de Brasília. Relato de caso: Osteossarcoma com metástase pulmonar ao diagnóstico Revista de Medicina e Saúde de Brasília RELATO DE CASO Relato de caso: ao diagnóstico Pulmonar metastasis at time of diagnosis of osteossarcoma: Case report Gleim Dias de Souza 1, Luciana Rodrigues Queiroz

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA Orto-Hemo HC-UFPR LUCIANO DA ROCHA LOURES PACHECO HC-UFPR Luciano Rocha Loures Pacheco COMPLICAÇÕES MUSCULOESQUELÉTICAS E ALTERNATIVAS TERAPÊUTICAS

Leia mais

Luxação Congênita do Quadril (Displasia Acetabular) Doença de Legg-Perthes-Calvet Epifisiólise. Prof André Montillo UVA

Luxação Congênita do Quadril (Displasia Acetabular) Doença de Legg-Perthes-Calvet Epifisiólise. Prof André Montillo UVA Luxação Congênita do Quadril (Displasia Acetabular) Doença de Legg-Perthes-Calvet Epifisiólise Prof André Montillo UVA Patologia Evolução Fisiológica A Partir dos 4 anos de idade haverá uma Obstrução da

Leia mais

CISTO ÓSSEO ANEURISMÁTICO EM METATARSO RELATO DE CASO

CISTO ÓSSEO ANEURISMÁTICO EM METATARSO RELATO DE CASO Hospital do Servidor Público Municipal CISTO ÓSSEO ANEURISMÁTICO EM METATARSO RELATO DE CASO AYRTON PEREIRA São Paulo-SP 2011 Hospital do Servidor Público Municipal CISTO ÓSSEO ANEURISMÁTICO EM METATARSO

Leia mais

Reunião de casos. LUCAS MERTEN Residente de RDI da DIGIMAX (R1)

Reunião de casos.  LUCAS MERTEN Residente de RDI da DIGIMAX (R1) Reunião de casos www.digimaxdiagnostico.com.br/ LUCAS MERTEN Residente de RDI da DIGIMAX (R1) CASO 1 Identificação: M. D. A.; masculino; 13 anos Queixa principal: Dor no quadril esquerdo há 3 meses, com

Leia mais

RETALHOS ÂNTERO-LATERAL DA COXA E RETO ABDOMINAL EM GRANDES RECONSTRUÇÕES TRIDIMENSIONAIS EM CABEÇA E PESCOÇO

RETALHOS ÂNTERO-LATERAL DA COXA E RETO ABDOMINAL EM GRANDES RECONSTRUÇÕES TRIDIMENSIONAIS EM CABEÇA E PESCOÇO Artigo Original RETALHOS ÂNTERO-LATERAL DA COXA E RETO ABDOMINAL EM GRANDES RECONSTRUÇÕES TRIDIMENSIONAIS EM CABEÇA E PESCOÇO ANTEROLATERAL THIGH AND RECTUS ABDOMINUS FLAPS IN LARGE TRIDIMENSIONAL HEAD

Leia mais

DR. GUSTAVO ROBERTO PEREIRA CRM/SC: 8307 RQE: 4672

DR. GUSTAVO ROBERTO PEREIRA CRM/SC: 8307 RQE: 4672 DR. GUSTAVO ROBERTO PEREIRA CRM/SC: 8307 RQE: 4672 APRESENTAÇÃO PESSOAL Data de nascimento: 31/08/1973 Naturalidade: Joinville/SC Nacionalidade: Brasileiro Endereço profissional: Rua: Blumenau, 1316 América

Leia mais

ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIA DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL: RELATO DE CASOS COM SEGUIMENTO MÍNIMO DE 20 ANOS

ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIA DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL: RELATO DE CASOS COM SEGUIMENTO MÍNIMO DE 20 ANOS RELATO DE CASO ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIA DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL: RELATO DE CASOS COM SEGUIMENTO MÍNIMO DE 20 ANOS CIRCUMFERENTIAL PROXIMAL FEMORAL ALLOGRAFTS

Leia mais

Revisão da Anatomia e definição dos volumes de tratamento: câncer de próstata

Revisão da Anatomia e definição dos volumes de tratamento: câncer de próstata FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS UNIVERSIDADE DE CAMPINAS Revisão da Anatomia e definição dos volumes de tratamento: câncer de próstata JUMARA MARTINS R3 RADIOTERAPIA/ 2013 FCM- UNICAMP Anatomia Classificação

Leia mais

EFICÁCIA DO SISTEMA DE ESTADIAMENTO DE ENNEKING NO TRATAMENTO DOS TUMORES ÓSSEOS BENIGNOS E LESÕES ÓSSEAS PSEUDOTUMORAIS

EFICÁCIA DO SISTEMA DE ESTADIAMENTO DE ENNEKING NO TRATAMENTO DOS TUMORES ÓSSEOS BENIGNOS E LESÕES ÓSSEAS PSEUDOTUMORAIS ARTIGO ORIGINAL EFICÁCIA DO SISTEMA DE ESTADIAMENTO DE ENNEKING NO TRATAMENTO DOS TUMORES EFFICACY OF THE ENNEKING STAGING SYSTEM IN THE TREATMENT OF BENIGN BONE TUMORS AND TUMOR-LIKE BONE LESIONS José

Leia mais

Data: 20/08/2014. Resposta Técnica 01/2014. Medicamento Material Procedimento X Cobertura

Data: 20/08/2014. Resposta Técnica 01/2014. Medicamento Material Procedimento X Cobertura Resposta Técnica 01/2014 Solicitante: Dr. Renato Dresch Juiz de direito Nº Processo: 9010665.22.2014.813.0024 Ré: Unimed de Belo Horizonte Data: 20/08/2014 Medicamento Material Procedimento X Cobertura

Leia mais

Fraturas do fêmur no seguimento de artroplastias do quadril *

Fraturas do fêmur no seguimento de artroplastias do quadril * Fraturas do fêmur no seguimento de artroplastias do quadril * RUDELLI SERGIO ANDREA ARISTIDE 1, EMERSON HONDA 2, GIANCARLO POLESELLO 3, FLÁVIO BARBI FILHO 4, JOEL CAMPOS NETO 4, VALMIR FRANCISCO SAMPAIO

Leia mais

Embolização Arterial Seletiva no Tratamento de Volumoso Quisto Ósseo Aneurismático da Bacia

Embolização Arterial Seletiva no Tratamento de Volumoso Quisto Ósseo Aneurismático da Bacia Embolização Arterial Seletiva no Tratamento de Volumoso Quisto Ósseo Aneurismático da Bacia Selective Arterial Embolization for a Large Pelvic Aneurysmal Bone Cyst Treatment Joaquim SOARES DO BRITO 1,

Leia mais

[ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO]

[ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO] 2011 IMPOL Instrumentais e Implantes Samuel de Castro Bonfim Brito [ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO] Casos apresentados neste estudo foram operados e pertencem à Fundação Pio XII Hospital do Câncer de

Leia mais

Complicações após artroplastia total de joelho: fratura periprotética após transplante do mecanismo extensor

Complicações após artroplastia total de joelho: fratura periprotética após transplante do mecanismo extensor rev bras ortop. 2013;48(5):460 464 www.rbo.org.br Relato de Caso Complicações após artroplastia total de joelho: fratura periprotética após transplante do mecanismo extensor Camilo Partezani Helito a,,

Leia mais

LABRUM ACETABULAR MARQUES, R. M. (2007) 1 O LABUM ACETABULAR.

LABRUM ACETABULAR MARQUES, R. M. (2007) 1 O LABUM ACETABULAR. LABRUM ACETABULAR MARQUES, R. M. (2007) 1 LABRUM ACETABULAR O Labrum Acetabular é uma espécie de moldura que reveste as bordas da cavidade acetabular do quadril e a mantém firmemente articulada à cabeça

Leia mais

Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Jônatas Catunda de Freitas

Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Jônatas Catunda de Freitas Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina Liga de Cirurgia de Cabeça e Pescoço Jônatas Catunda de Freitas Fortaleza 2010 Lesões raras, acometendo principalmente mandíbula e maxila Quadro clínico

Leia mais

Exérese de osteocondroma

Exérese de osteocondroma Rev Port Ortop Traum 20(3): 311-316, 2012 Original Exérese de osteocondroma Cirurgia sempre fácil ou sempre difícil? Vânia Oliveira, Luís Costa, Daniel Freitas, Ricardo Aido, Pedro Cardoso Serviço de Ortopedia

Leia mais

RESUMO DOS 120 ANOS DA EEAP OSTEOSSARCOMA DE FÊMUR DISTAL COM FRATURA DE ENDOPRÓTESE NÃO CONVENCIONAL: REVISÃO DE LITERATURA E RELATO DE CASO

RESUMO DOS 120 ANOS DA EEAP OSTEOSSARCOMA DE FÊMUR DISTAL COM FRATURA DE ENDOPRÓTESE NÃO CONVENCIONAL: REVISÃO DE LITERATURA E RELATO DE CASO RESUMO DOS 120 ANOS DA EEAP OSTEOSSARCOMA DE FÊMUR DISTAL COM FRATURA DE ENDOPRÓTESE NÃO CONVENCIONAL: REVISÃO DE LITERATURA E RELATO DE CASO Camilla Pereira Machado 1, Andréia Macedo Gomes 2, Anna Cláudia

Leia mais

16º Imagem da Semana: Radiografia do Joelho

16º Imagem da Semana: Radiografia do Joelho 16º Imagem da Semana: Radiografia do Joelho Enunciado Paciente do sexo masculino, 15 anos, previamente hígido, iniciou com quadro de dor e edema na região distal da coxa direita há três meses, que evoluiu

Leia mais

Tumor de células gigantes do sacro

Tumor de células gigantes do sacro Tumor de células gigantes do sacro Relato de caso * PEDRO PÉRICLES RIBEIRO BAPTISTA 1, JOSÉ DONATO DE PRÓSPERO 2, FLORINDO VOLPE NETO 3, REGINA YUMI SAITO 4, RODRIGO MONTEZUMA CESAR DE ASSUMPÇÃO 4, MARCOS

Leia mais

ABSTRACT. Descritores Tumores de Células Gigantes/cirurgia; Falanges dos Dedos da Mão; Amputação; Metástase Neoplásica

ABSTRACT. Descritores Tumores de Células Gigantes/cirurgia; Falanges dos Dedos da Mão; Amputação; Metástase Neoplásica relato de caso TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES EM FALANGE PROXIMAL COM METÁSTASE PULMONAR: RELATO DE CASO E REVISÃO DE LITERATURA GIANT CELL TUMOR IN PROXIMAL PHALANX WITH PULMONARY METASTASIS: CASE REPORT AND

Leia mais

Tumor de células gigantes *

Tumor de células gigantes * TUMOR DE CÉLULAS GIGANTES ARTIGO DE ATUALIZAÇÃO Tumor de células gigantes * PEDRO PÉRICLES RIBEIRO BAPTISTA 1, JOSÉ DONATO DE PRÓSPERO 2, EDUARDO SADAO YONAMINE 3 ABSTRACT Giant cell tumor The authors

Leia mais

ADENOMA PLEOMÓRFICO: DESAFIOS DO TRATAMENTO A Propósito de Um Caso Clínico

ADENOMA PLEOMÓRFICO: DESAFIOS DO TRATAMENTO A Propósito de Um Caso Clínico Serviço de Radioterapia Directora de Serviço: Dra. Gabriela Pinto ADENOMA PLEOMÓRFICO: DESAFIOS DO TRATAMENTO A Propósito de Um Caso Clínico Rita da Costa Lago / Darlene Rodrigues / Joana Pinheiro / Lurdes

Leia mais

Registro Hospitalar de Câncer Conceitos Básicos Planejamento Coleta de Dados Fluxo da Informação

Registro Hospitalar de Câncer Conceitos Básicos Planejamento Coleta de Dados Fluxo da Informação Registro Hospitalar de Câncer Conceitos Básicos Planejamento Coleta de Dados Fluxo da Informação Registro Hospitalar de Câncer Este tipo de registro se caracteriza em um centro de coleta, armazenamento,

Leia mais

OS CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE TRANSPLANTADO COM CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOIÉTICAS RESUMO

OS CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE TRANSPLANTADO COM CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOIÉTICAS RESUMO OS CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE TRANSPLANTADO COM CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOIÉTICAS Jaíne das Graças Oliveira Silva Resende 1 ; Monique Conceição Leles 2 1 Docente do Curso de Enfermagem do Instituto

Leia mais

Fraturas da Diáfise do Fêmur: Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura

Fraturas da Diáfise do Fêmur: Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura Prof André Montillo Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura Muito Importante porque compromete o maior e o mais resistente

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Aspectos cirúrgicos no tratamento de tumores hepatobiliares caninos: uma revisão

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Aspectos cirúrgicos no tratamento de tumores hepatobiliares caninos: uma revisão PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Aspectos cirúrgicos no tratamento de tumores hepatobiliares caninos: uma revisão Marcel Vasconcellos Médico Veterinário, Zootecnista, discente do

Leia mais

via de acesso Relato de caso

via de acesso Relato de caso relato de caso Excisão de tumor de células gigantes de bainha de tendão com envolvimento ósseo por dupla via de acesso Relato de caso Excision of giant cell tumor of tendon sheath with bone involvement

Leia mais

Imagem da Semana: Radiografia e Ressonância Magnética (RM)

Imagem da Semana: Radiografia e Ressonância Magnética (RM) Imagem da Semana: Radiografia e Ressonância Magnética (RM) Imagem 01. Radiografia anteroposterior do terço proximal da perna esquerda. Imagem 02. Ressonância magnética do mesmo paciente, no plano coronal

Leia mais

Metatarsalgias. Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo

Metatarsalgias. Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo Grupo de Cirurgia de Pé e Tornozelo Departamento de Ortopedia e Traumatologia do Hospital de Base Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto FUNFARME

Leia mais

Fratura do acetábulo que acomete a coluna anterior: alternativa na osteossíntese *

Fratura do acetábulo que acomete a coluna anterior: alternativa na osteossíntese * FRATURA DO ACETÁBULO QUE ACOMETE A COLUNA ANTERIOR: ALTERNATIVA NA OSTEOSSÍNTESE Fratura do acetábulo que acomete a coluna anterior: alternativa na osteossíntese * EMERSON HONDA 1, RUDELLI SÉRGIO ANDREA

Leia mais

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO ATENDIMENTO FONOAUDIOLÓGICO DE PACIENTES TRATADOS DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO ATENDIMENTO FONOAUDIOLÓGICO DE PACIENTES TRATADOS DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO ATENDIMENTO FONOAUDIOLÓGICO DE PACIENTES TRATADOS DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO Palavras chaves: qualidade de vida, questionários, avaliação da qualidade Introdução: Diferentes

Leia mais

ALTERNATIVA PARA RECONSTRUÇÃO DA PAREDE ABDOMINAL

ALTERNATIVA PARA RECONSTRUÇÃO DA PAREDE ABDOMINAL doi: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrv.2011.92.356360 ALTERNATIVA PARA RECONSTRUÇÃO DA PAREDE ABDOMINAL Carvalho, EA 1 Cesar, RMM 1 Soares, PGON 2 Salles PO 3 Cintra, CA 4 Moreira, RCL 5 Miyata, S 6 1 Residentes

Leia mais

ESTUDO RETROSPETIVO DE LESÕES TUMORAIS DO PUNHO E MÃO

ESTUDO RETROSPETIVO DE LESÕES TUMORAIS DO PUNHO E MÃO SOCIEDADE PORTUGUESA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Rev Port Ortop Traum 22(1): 57-66, 2014 ORIGINAL ESTUDO RETROSPETIVO DE LESÕES TUMORAIS DO PUNHO E MÃO Sílvia Silvério Hospital Ortopédico de Sant Ana.

Leia mais

Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada de feixe (IMRT) para o tratamento dos pacientes com câncer de cabeça e pescoço?

Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada de feixe (IMRT) para o tratamento dos pacientes com câncer de cabeça e pescoço? Instituto de Radiologia do Hospital das Clínicas Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Qual o real benefício da radioterapia com intensidade modulada

Leia mais

Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA Técnica Cirúrgica

Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA Técnica Cirúrgica Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA 82.30 - Técnica Cirúrgica VEGA Revision Cementless Femoral Stem With Distal Fixation MATERIAL: TITANIUM ( Ti 6Al 4V ELI ) ISO 5832-3 / ASTM

Leia mais

SINDROME DE LI-FRAUMENI. Maria Isabel Waddington Achatz Diretora do Departamento de Oncogenética do A.C.Camargo Cancer Center

SINDROME DE LI-FRAUMENI. Maria Isabel Waddington Achatz Diretora do Departamento de Oncogenética do A.C.Camargo Cancer Center SINDROME DE LI-FRAUMENI Maria Isabel Waddington Achatz Diretora do Departamento de Oncogenética do A.C.Camargo Cancer Center Família Y0012 Câncer de mama bilateral Y0012T023: Feminino, 29 anos,

Leia mais

ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO

ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO 1 ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO MARTINS, L.C.: ANDOLFATO, K.R. Resumo: A lesão do ligamento cruzado anterior

Leia mais

Complicações da pancreatite crônica cursando com dor abdominal manejo endoscópico - agosto 2016

Complicações da pancreatite crônica cursando com dor abdominal manejo endoscópico - agosto 2016 Relatamos o caso de uma paciente feminina de 56 anos, com história de alcoolismo e tabagismo de longa data, cursando com dor abdominal por 12 meses, até ser internada na enfermaria de Gastroenterologia

Leia mais

Complexo Hospitalar da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Porto Alegre, RS, Brasil.

Complexo Hospitalar da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Porto Alegre, RS, Brasil. Wilson Baldino Kanitz 1, Maiara Piccoli Rodighiero 2, Alberto Arais Pydd 3, Marcelo Pasa 4 Complexo Hospitalar da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Porto Alegre, RS, Brasil. Objetivo: Relatar e

Leia mais

PRINCIPAL ETIOLOGIA DE AMPUTAÇÃO TRANSFEMORAL EM PACIENTES ATENDIDOS NO CENTRO DE REABILITAÇÃO FAG

PRINCIPAL ETIOLOGIA DE AMPUTAÇÃO TRANSFEMORAL EM PACIENTES ATENDIDOS NO CENTRO DE REABILITAÇÃO FAG PRINCIPAL ETIOLOGIA DE AMPUTAÇÃO TRANSFEMORAL EM PACIENTES ATENDIDOS NO CENTRO DE REABILITAÇÃO FAG INTRODUÇÃO MUHLEN,CAMILA SCAPINI.¹ TAGLIETTI, MARCELO.² Faculdade Assis Gurgacz-FAG, Cascavel-PR, Brasil

Leia mais

Cisto ósseo simples: Técnica de infiltração com corticóide

Cisto ósseo simples: Técnica de infiltração com corticóide Cisto ósseo simples: Técnica de infiltração com corticóide Marcos Hajime Tanaka 1, Noboru Sakabe 2, Kao Chieng 3 RESUMO O tratamento do Cisto Ósseo Simples com infiltração com corticóide é um método simples

Leia mais

Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos.

Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos. Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos. Richard Prazeres Canella Paulo Gilberto Cimbalista de

Leia mais

PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DAS FRATURAS DO FÊMUR PROXIMAL NO PACIENTE IDOSO

PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DAS FRATURAS DO FÊMUR PROXIMAL NO PACIENTE IDOSO EPIDEMIOLOGIA DAS FRATURAS DE FÊMUR PROXIMAL NO PACIENTE IDOSO 235 PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DAS FRATURAS DO FÊMUR PROXIMAL NO PACIENTE IDOSO EPIDEMIOLOGICAL PROLIFE OF FRACTURES OF THE FEMUR PROXIMAL IN ELDERLY

Leia mais

CASO CASO--CL CLÍNICO

CASO CASO--CL CLÍNICO CASO-CLÍNICOCLÍNICO Thiago da Silva R4 Reumatologia HSPE-FMO Identificação LLA, 51 anos, feminino, policial, natural e procedente de São Paulo, católica. Queixa e Duração Dor no joelho esquerdo há 2 anos.

Leia mais

Imagem da Semana: Ultrassonografia, Tomografia Computadorizada

Imagem da Semana: Ultrassonografia, Tomografia Computadorizada Imagem da Semana: Ultrassonografia, Tomografia Computadorizada Imagem 01. Ultrassonografia Cervical (região de espaço carotídeo direito) Imagem 02. Ultrassonografia Cervical com Doppler (região de espaço

Leia mais

CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS

CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS CÂNCER DE COLO DE ÚTERO OPERADO RADIOTERAPIA COMPLEMENTAR: INDICAÇÕES E RESULTADOS Hospital Erasto Gaertner Serviço de Radioterapia Sílvia Pecoits Câncer de Colo Uterino 500.000 casos novos no mundo com

Leia mais

Imagem da Semana: Ressonância nuclear magnética

Imagem da Semana: Ressonância nuclear magnética Imagem da Semana: Ressonância nuclear magnética Imagem 01. Ressonância Margnética do Abdomen Imagem 02. Angiorressonância Abdominal Paciente masculino, 54 anos, obeso, assintomático, em acompanhamento

Leia mais

Existem algumas enfermidades ósseas de causas desconhecidas, ou ainda, não muito bem definidas. Dentre essas, vale ressaltar:

Existem algumas enfermidades ósseas de causas desconhecidas, ou ainda, não muito bem definidas. Dentre essas, vale ressaltar: Radiologia das afecções ósseas II Existem algumas enfermidades ósseas de causas desconhecidas, ou ainda, não muito bem definidas. Dentre essas, vale ressaltar: Osteodistrofia Hipertrófica Outras enfermidades

Leia mais

22 - Como se diagnostica um câncer? nódulos Nódulos: Endoscopia digestiva alta e colonoscopia

22 - Como se diagnostica um câncer? nódulos Nódulos: Endoscopia digestiva alta e colonoscopia 22 - Como se diagnostica um câncer? Antes de responder tecnicamente sobre métodos usados para o diagnóstico do câncer, é importante destacar como se suspeita de sua presença. As situações mais comuns que

Leia mais

Dr. Felipe José Fernández Coimbra Depto. De Cirurgia Abdominal - Cirurgia Oncológica

Dr. Felipe José Fernández Coimbra Depto. De Cirurgia Abdominal - Cirurgia Oncológica Dr. Felipe José Fernández Coimbra Depto. De Cirurgia Abdominal - Cirurgia Oncológica Duodenopancreatectomia Howard JM, 1968 Morbimortalidade pancreatectomia Fhurman GM, et al. Ann. Surg. 1996. Leach SD,

Leia mais

PROBLEMAS DO QUADRIL NO ADULTO. Liszt Palmeira de Oliveira

PROBLEMAS DO QUADRIL NO ADULTO. Liszt Palmeira de Oliveira PROBLEMAS DO QUADRIL NO ADULTO Liszt Palmeira de Oliveira PROBLEMAS DO QUADRIL NO ADULTO GNS, masc., 53 anos, com dor + limitação funcional no quadril direito. Limitação do arco de movimento no paciente

Leia mais

Vigilância ativa em câncer de próstata. Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia

Vigilância ativa em câncer de próstata. Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia Vigilância ativa em câncer de próstata Marcos Tobias Machado Setor de Uro-oncologia Argumentos que justificam a vigilância ativa como opção terapêutica Câncer de próstata na era do PSA Apresentação clínica

Leia mais

TUMOR DESMÓIDE UMA REVISÃO DE LITERATURA

TUMOR DESMÓIDE UMA REVISÃO DE LITERATURA V. 2, n. 02, p. 02-07, 2015. SOCIEDADE DE PATOLOGIA DO TOCANTINS ARTICLE REVIEW TUMOR DESMÓIDE UMA REVISÃO DE LITERATURA Stephanie YukaMatwijszyn Nagano¹, Renata Moreira Marques Passos¹, Micael Cruz Santana¹,

Leia mais

Jessé Marcos de Oliveira - Acadêmico 5º Período UFSJ

Jessé Marcos de Oliveira - Acadêmico 5º Período UFSJ Jessé Marcos de Oliveira - Acadêmico 5º Período UFSJ Tumores primários SNC 2% das neoplasias; 1ª -infância e 2ª -adultos jovens masculino; Os gliomassão os tumores primários mais frequentes; Nos EUA diagnosticados

Leia mais

Fraturas subtrocantéricas do fêmur tratadas com placa condilar 95 AO

Fraturas subtrocantéricas do fêmur tratadas com placa condilar 95 AO Fraturas subtrocantéricas do fêmur tratadas com placa condilar 95 AO Estudo retrospectivo* JOSÉ SOARES HUNGRIA NETO 1, TERUO YONEDA 2, MARCELO T. MERCADANTE 2, ARMANDO A.A. TEIXEIRA 2, ANDRÈS M. PEREZ

Leia mais

Dr. Armando de Abreu. Diretor do Serviço Integrado de Radiologia Mãe de Deus

Dr. Armando de Abreu. Diretor do Serviço Integrado de Radiologia Mãe de Deus Lesões musculares do Esporte Avaliação por imagem Dr. Armando de Abreu Diretor do Serviço Integrado de Radiologia Mãe de Deus Lesões Musculares do Esporte Estiramento/Ruptura Lesão Epimisio-fascial DOMS

Leia mais

INTERPRETAÇÃO DE IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL

INTERPRETAÇÃO DE IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL INTERPRETAÇÃO DE IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL Na imagem radiográfica de um dente íntegro todas as partes são facilmente identificáveis, pois já conhecemos a escala de radiopacidade. Agora começamos

Leia mais

Artroplastia Total de Quadril Cerâmica/cerâmica sem cimento. Técnica Cirúrgica Mecânica HORIOZON + LOGIC. LOGIC grooved. HORIZON ceramic/ceramic

Artroplastia Total de Quadril Cerâmica/cerâmica sem cimento. Técnica Cirúrgica Mecânica HORIOZON + LOGIC. LOGIC grooved. HORIZON ceramic/ceramic HORIOZON + LOGIC Artroplastia Total de Quadril Cerâmica/cerâmica sem cimento Técnica Cirúrgica Mecânica LOGIC grooved cementless partial HAP femoral stem HORIZON ceramic/ceramic cementless acetabular component

Leia mais

Cirurgia de salvamento de membro no tratamento de sarcomas ósseos em idade pediátrica

Cirurgia de salvamento de membro no tratamento de sarcomas ósseos em idade pediátrica Rev Port Ortop Traum 21(1): 37-43, 2013 Caso Clínico Cirurgia de salvamento de membro no tratamento de sarcomas ósseos em idade pediátrica Será uma alternativa segura e eficaz à amputação? Sara Lima, João

Leia mais

Artroplastia total do quadril com uso de próteses híbridas

Artroplastia total do quadril com uso de próteses híbridas Artroplastia total do quadril com uso de próteses híbridas Resultados preliminares PAULO G.C. DE ALENCAR 1, WALMIR FRANCISCO SAMPAIO 2, JOÃO LUIZ VIEIRA DA SILVA 3, MARCELO BURGARDT RODRIGUES 3 RESUMO

Leia mais

MIELOMA MÚLTIPLO. Dr. Glauco José Pauka Mello ONCOLOGIA ORTOPÉDICA

MIELOMA MÚLTIPLO. Dr. Glauco José Pauka Mello ONCOLOGIA ORTOPÉDICA MIELOMA MÚLTIPLO Dr. Glauco José Pauka Mello ONCOLOGIA ORTOPÉDICA glaucomello@brturbo.com.br MIELOMA MÚLTIPLO CARACTERISTICAS DO MIELOMA MÚLTIPLO MIELOMA MÚLTIPLO Proliferação clonal de plasmócitos Infiltrando

Leia mais

sistema de artroplastia total de quadril

sistema de artroplastia total de quadril sistema de artroplastia total de quadril sistema de artroplastia total de quadril Sobrevida.% Sobrevida.% 100.00 100.00 99.00 99.00 98.00 98.00 97.00 97.00 96.00 96.00 95.00 95.00 94.00 94.00 93.00 93.00

Leia mais

AVALIAÇÃO POR IMAGEM DA COLUNA LOMBAR: INDICAÇÕES E IMPLICAÇÕES CLINICAS

AVALIAÇÃO POR IMAGEM DA COLUNA LOMBAR: INDICAÇÕES E IMPLICAÇÕES CLINICAS AVALIAÇÃO POR IMAGEM DA COLUNA LOMBAR: INDICAÇÕES E IMPLICAÇÕES CLINICAS UNIDADE CLINICA AUTONOMA DE NEURORRADIOLOGIA SERVIÇO DE IMAGIOLOGIA 8 de Novembro de 2012 a)aguda (< 6 semanas) b)subaguda (>6 semanas

Leia mais

Identifique-se na parte inferior desta capa. Caso se identifique em qualquer outro local deste Caderno, você será excluído do Processo Seletivo.

Identifique-se na parte inferior desta capa. Caso se identifique em qualquer outro local deste Caderno, você será excluído do Processo Seletivo. 1 INSTRUÇÕES Identifique-se na parte inferior desta capa. Caso se identifique em qualquer outro local deste Caderno, você será excluído do Processo Seletivo. 2 Este Caderno contém 04 casos clínicos e respectivas

Leia mais

Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS

Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS Artigo Original TRATAMENTO DO CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO NO IDOSO ACIMA DE 80 ANOS HEAD AND NECK CANCER TREATMENT IN ELDERLY PATIENTS OVER 80 YEARS OLD 1,4,6 TERENCE PIRES DE FARIAS 5 GABRIEL MANFRO 1,2,3

Leia mais

Artroplastia unicompartimental do joelho Oxford Phase 3 - resultados a médio prazo

Artroplastia unicompartimental do joelho Oxford Phase 3 - resultados a médio prazo Serviço de Ortopedia CHLC H. S. José Director: Dr. A. Paneiro Pinto Artroplastia unicompartimental do joelho Oxford Phase 3 - resultados a médio prazo Pedro Falcão; André Grenho; Jorge Homero Costa; João

Leia mais

OSTEOMA OSTEÓIDE? CASO CLÍNICO

OSTEOMA OSTEÓIDE? CASO CLÍNICO SOCIEDADE PORTUGUESA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Rev Port Ortop Traum 22(1): 135-141, 2014 CASO CLÍNICO OSTEOMA OSTEÓIDE? Marco Sousa, Ricardo Aido, Daniel Freitas, Pedro Cardoso Centro Hospitalar do

Leia mais

Tumor de Células Gigantes em Adolescentes Revisão de Literatura

Tumor de Células Gigantes em Adolescentes Revisão de Literatura UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE MEDICINA DA BAHIA Fundada em 18 de Fevereiro de 1808 Monografia Tumor de Células Gigantes em Adolescentes Revisão de Literatura Marco Antonio Gonçalves Barreto

Leia mais

ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIAS DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL

ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIAS DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL Artigo Original ALOENXERTO CIRCUNFERENCIAL DE FÊMUR PROXIMAL EM CIRURGIAS DE REVISÃO DE ARTROPLASTIA TOTAL DE QUADRIL CIRCUMFERENTIAL PROXIMAL FEMORAL ALLOGRAFTS IN TOTAL HIP ARTHROPLASTY REVISION SURGERY

Leia mais

Tratamento do tumor de células gigantes por curetagem, cauterização pela eletrotermia, regularização com broca e enxerto ósseo autólogo *

Tratamento do tumor de células gigantes por curetagem, cauterização pela eletrotermia, regularização com broca e enxerto ósseo autólogo * Tratamento do tumor de células gigantes por curetagem, cauterização pela eletrotermia, regularização com broca e enxerto ósseo autólogo * PEDRO PÉRICLES R IBEIRO B APTISTA 1 RESUMO Em estudo retrospectivo,

Leia mais

Artrose do Ombro ou Artrose Gleno Umeral

Artrose do Ombro ou Artrose Gleno Umeral Artrose do Ombro ou Artrose Gleno Umeral Artrose é o termo genérico usado para relatar o desgaste da cartilagem que recobre uma articulação. Diferentemente de outras articulações como joelho e quadril,

Leia mais

Morena de Souza Resende Assessora do Des. Marco Aurelio Ferenzini - 14ª Câmara Cível do TJMG

Morena de Souza Resende Assessora do Des. Marco Aurelio Ferenzini - 14ª Câmara Cível do TJMG Resposta Técnica 11/2015 Data: 05/06/2015 Solicitante: Morena de Souza Resende Assessora do Des. Marco Aurelio Ferenzini - 14ª Câmara Cível do TJMG Processo: 1.0024.13.346207-7/001. Ré: Unimed BH Cooperativa

Leia mais

Rodrigo de Morais Hanriot Radioterapeuta Sênior Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Rodrigo de Morais Hanriot Radioterapeuta Sênior Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital Alemão Oswaldo Cruz Os Trabalhos/Abstracts mais Relevantes em Câncer Ginecológico Rodrigo de Morais Hanriot Radioterapeuta Sênior Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital Alemão Oswaldo Cruz Índice Neoplasia endometrial

Leia mais

Ele é indicado em fraturas de quadril intertrocanterianas.

Ele é indicado em fraturas de quadril intertrocanterianas. Versão 1.1 O Fixador Externo Pertrocantérico trata fraturas de quadril intertrocantéricas (entre os dois trocânteres do fêmur) sem exposição da fratura. Sua aplicação reduz o tempo operatório, perda mínima

Leia mais

XIV Reunião Clínico - Radiológica Dr. RosalinoDalazen.

XIV Reunião Clínico - Radiológica Dr. RosalinoDalazen. XIV Reunião Clínico - Radiológica Dr. RosalinoDalazen www.digimaxdiagnostico.com.br CASO CLÍNICO 1 Pcte do sexo feminino com queixa de dor abdominal difusa. Coronal Sagital Laudo Aspecto compatível

Leia mais

Parecer do Grupo Técnico de Auditoria em Saúde 028/05 Tema: Sistema Eletro Térmico para Artroscopia do Quadril. I Data

Parecer do Grupo Técnico de Auditoria em Saúde 028/05 Tema: Sistema Eletro Térmico para Artroscopia do Quadril. I Data Parecer do Grupo Técnico de Auditoria em Saúde 028/05 Tema: Sistema Eletro Térmico para Artroscopia do Quadril. I Data: 20/10/05 II Grupo de Estudo: Dra. Lélia Maria de Almeida Carvalho Dra. Silvana Márcia

Leia mais

Impacto Femoro Acetabular (IFA)

Impacto Femoro Acetabular (IFA) Impacto Femoro Acetabular (IFA) O Impacto Femoro Acetabular ou conflito entre a cabeça do fêmur e a borda do acetábulo. Isso ocorre por uma alteração mecânica e anatômica ocasionando uma incongruência

Leia mais

RADIOGRAFIA ABDOMINAL. Profª Drª Naida Cristina Borges

RADIOGRAFIA ABDOMINAL. Profª Drª Naida Cristina Borges RADIOGRAFIA ABDOMINAL Profª Drª Naida Cristina Borges Produção de Radiografias Diagnósticas Preparo adequado jejum/enema Pausa da inspiração evita o agrupamento das vísceras Indicações para a Radiologia

Leia mais

TRATAMENTO CONSERVADOR DA OSTEOARTROSE GRAVE DE QUADRIL EM PACIENTES COM INDICAÇÃO DE ARTROPLASTIA

TRATAMENTO CONSERVADOR DA OSTEOARTROSE GRAVE DE QUADRIL EM PACIENTES COM INDICAÇÃO DE ARTROPLASTIA TRATAMENTO CONSERVADOR DA OSTEOARTROSE GRAVE DE QUADRIL EM PACIENTES COM INDICAÇÃO DE ARTROPLASTIA Prof. Dr. Marcelo Riberto Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Universidade de São Paulo VII Jornada

Leia mais

Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia?

Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia? Estamos Tratando Adequadamente as Urgências em Radioterapia? Autores Alice de Campos Ana Carolina Rezende Icaro T. Carvalho Heloisa A. Carvalho Alice de Campos Residente HCFMUSP INTRODUÇÃO Urgências em

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: Fratura-luxação de Monteggia; Classificação de Bado; Complicações.

PALAVRAS-CHAVE: Fratura-luxação de Monteggia; Classificação de Bado; Complicações. 157 LESÃO DE MONTEGGIA Luiz Antonio Alcantara de Oliveira* Vilson Ulian** RESUMO A fratura-luxação de Monteggia, desde que foi descrita em 1814, tem sido motivo de preocupação entre ortopedistas de todo

Leia mais

Simplificação da osteotomia valgizante de correção do varismo do colo femoral *

Simplificação da osteotomia valgizante de correção do varismo do colo femoral * SEGUNDA SEÇÃO ORTOPEDIA GERAL Simplificação da osteotomia valgizante de correção do varismo do colo femoral * MILTON IACOVONE 1, FERNANDO G. MIRANDA 2, ANTÔNIO C. BERNABÉ 3, JOSÉ V. BARBOSA CORRÊA 3, ITIRO

Leia mais

Imagem 1: destacada em vermelho a redução do espaço articular.

Imagem 1: destacada em vermelho a redução do espaço articular. Radiografia Análise das Imagens Observação: As seguintes alterações estão presentes em todas as imagens, mas foram destacadas separadamente para melhor demonstração. Imagem 1: destacada em vermelho a redução

Leia mais

Sarcoma de partes moles com linfonodos negativos: revisão bibliográfica associada a relato de caso

Sarcoma de partes moles com linfonodos negativos: revisão bibliográfica associada a relato de caso Sarcoma de partes moles com linfonodos negativos: revisão bibliográfica associada a relato de caso CARDOSO, Victor Caldeira. Discente do Curso de Graduação em Medicina. RIBEIRO, Flávio Antônio de Sá. Docente

Leia mais

XVI Reunião Clínico - Radiológica. Dr. RosalinoDalasen.

XVI Reunião Clínico - Radiológica. Dr. RosalinoDalasen. XVI Reunião Clínico - Radiológica Dr. RosalinoDalasen www.digimaxdiagnostico.com.br CASO 1 Paciente: M. G. A., 38 anos, sexo feminino. Queixa: Infecção do trato urinário de repetição. Realizou ultrassonografia

Leia mais

Prevalência de metástases exclusivas em membros inferiores em exames de PET/TC com 18 F-NaF *

Prevalência de metástases exclusivas em membros inferiores em exames de PET/TC com 18 F-NaF * Artigo Original Ordones MB et al. / Metástases em membros inferiores em PET/CT com 18 F-NaF Prevalência de metástases exclusivas em membros inferiores em exames de PET/TC com 18 F-NaF * Prevalence of exclusive

Leia mais

AVALIAÇÃO DO QUADRIL

AVALIAÇÃO DO QUADRIL AVALIAÇÃO DO QUADRIL 1. Anatomia Aplicada Articulação do Quadril: É uma articulação sinovial esferóidea com 3 graus de liberdade; Posição de repouso: 30 de flexão, 30 de abdução, ligeira rotação lateral;

Leia mais

O presente estudo remete-nos para as causas de extração e perda dentária na dentição permanente, durante um período de 12 meses. Neste estudo foram incluídos todos os pacientes atendidos na clínica de

Leia mais

Osteoblastomas agressivos da coluna vertebral: relato de dois casos e revisão da literatura

Osteoblastomas agressivos da coluna vertebral: relato de dois casos e revisão da literatura Osteoblastomas agressivos da coluna vertebral: relato de dois casos / Sabedotti IF et al. Relato de Casos Osteoblastomas agressivos da coluna vertebral: relato de dois casos e revisão da literatura Ismail

Leia mais

Síndromes de dor nos membros

Síndromes de dor nos membros www.printo.it/pediatric-rheumatology/br/intro Síndromes de dor nos membros Versão de 2016 10. Osteocondrose (sinônimos: osteonecrose, necrose avascular) 10.1 O que é? A palavra "osteocondrite" significa

Leia mais