Tema: Tradições religiosas e mítico-filosóficas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tema: Tradições religiosas e mítico-filosóficas"

Transcrição

1 PLANEJAMENTO DA APRENDIZAGEM O TRABALHO PEDAGÓGICO NO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA Professora Sileane Ribeiro matrícula Duração: 8 aulas de 50 minutos = 2 meses Série: 5ª Ensino Fundamental Número de alunos: 07 turmas com 35 alunos cada Ensino Religioso: Transcendente, diversidade religiosa Fontes de informação: Informativo ASSINTEC nº 23 Subsídios para o Ensino Religioso Colaboradores: Professora de Ensino religioso Sileane Ribeiro Tema: Tradições religiosas e mítico-filosóficas Objetivos: Identificar a diversidade religiosa que caracteriza os costumes de diversos povos Seus mitos e rituais. Obs: Os objetivos de aprendizagem estão ligados aos conteúdos de ensino religioso. Não ressaltamos os objetivos da informática pois entendemos que a tecnologia está como meio para atingir o objetivo maior de aprendizagem, ou seja a informática sendo instrumento para a melhor compreensão do que está descrito nos objetivos. Porém, no encaminhamento e avaliação estão claramente identificados os objetivos. Reconhecer o transcendente em cada cultura religiosa. Criar um acróstico a partir da palavra NATUREZA socializando sua produção. Demonstrar as habilidades criativas adquiridas na construção do acróstico através de apresentações das histórias ou poesias criadas. Encaminhamento/Atividades 1ª aula Questionar os alunos sobre o material de leitura, oportunizando a pesquisa para que conheçam a diversidade religiosa; Apresentar um texto que retrate um mito indígena sobre a natureza e a criação dos 4 elementos: Terra, ar, água e fogo; Interpretação do texto. 2ª Aula Apresentar os diversos tipos de mitos e seus respectivos significativos; Distribuir alguns mitos indígenas apara pesquisa e conhecimento da cultura indígena e seu entendimento religioso.

2 3ª Aula Apresentar no Power point a apresentação Origem da vida nas tradições religiosas e mítico-filosóficas ; Orientar os alunos para que eles reflitam em cada quadro apresentado a origem filosófica de cada cultura religiosa. Orientar para que cada religiosidade há um transcendente e uma cultura e que anotem as particularidades de cada uma. 4ª Aula Dividir a sala em equipes; Distribuir livros, revistas, papel, hidrocor, tesoura; Orientar as equipes para criação de acrósticos da palavra NATUREZA. 5ª Aula Laboratório de informática, estes deverão ser orientados através de roteiro para as atividades multimídia referentes as Mitos religiosos. 6ª Aula Os alunos deverão elaborar as atividades no laboratório de informática com o software micro mundos iniciando a aprendizagem deste explorando o mesmo aleatoriamente. Esse encaminhamento deverá também, seguir o roteiro explicativo. Nessa aula os alunos deverão abrir uma tela nova e utilizar as ferramentas do software como: inserir uma imagem, inserir textos e animações. Ao produzir um texto deverá ter a referência para imagens feitas. Orientações que a professora do laboratório de informática juntamente com o roteiro dará aos alunos: Caminho a percorrer para abrir e utilizar o Micro mundos : Iniciar programas Micro mundos abrir uma tela para cenários - escolher os personagens, inserir a imagem e o cenário, digitar um o texto a partir do acróstico, que deverá ser NATUREZA, um breve comentário sobre o que acharam do software Micro mundos e por fim salvar na pasta do aluno previamente organizada pela professora do Laboratório de informática. 7ª e 8ª Aulas (Atividade Avaliativa somativa) Elaboração dos acrósticos criativos com imagens animadas, como produto final da aprendizagem, com o Título X (escolhido pelos alunos em sala de aula com a professora regente), o título deve remeter as conseqüências do tema abordado em sala de aula pela professora regente. Serão construídos 16 acrósticos, um por dupla de alunos. Os alunos deverão desenvolver os acrósticos a partir dos temas abordados em sala de aula e textos fornecidos pela professora regente e atividade multimídia. Assim que concluírem a atividade deverão salva-las na pasta: ACRÓSTICOS, criada previamente pelo

3 professor do laboratório, que irá organizá-las numa única pasta utilizando o software Micro mundos para elaboração da atividade. Posteriormente divulgar o projeto para as outras turmas da escola como forma de apresentação no Power point. Avaliação: A avaliação será composta de observação e acompanhamento das atividades propostas, realizada durante as aulas de laboratório de acordo com os critérios previamente estabelecidos e apresentados aos alunos, antes da realização das atividades, bem como das seguintes atividades: Elaboração de um acróstico a partir da palavra NATUREZA (já definido pela professora em sala de aula com os alunos), a palavra deve remeter aos textos fornecidos em sala de aula. Os alunos, em duplas, deverão desenvolver os acrósticos a partir dos dados coletados nas histórias e textos explorados bem como as atividade multimídias e pesquisas na internet com sites direcionados e relacionado a diversidade religiosa. As imagens dos acrósticos deverão corresponder a palavra NATUREZA. Ao observar dificuldades na realização das atividades propostas, o professor do laboratório utilizará se necessário, de outras formas de encaminhamento para que o aluno tenha a oportunidade de atingir os objetivos propostos. Os critérios de avaliação propostos são: 1. O acróstico se refere às conseqüências do texto ofertado. 2. As imagens que o aluno escolheu denunciam ou remetem ao tema. 3. O texto escrito corresponde a palavra do acróstico bem como às imagens. 4. Aplica os recursos dos sites e orientações dadas para o desenvolvimento da atividade proposta (Abrir novo documento, inserir imagem, texto correspondem ao tema,digitar e salvar o arquivo na pasta solicitada). 5. O acróstico aponta o que foi solicitado pela professora regente. Obs.: A professora regente avaliará, com critérios claros, os conteúdos de língua e ensino religioso, como por exemplo, no texto do acróstico, avaliará se utilizou elementos coesivos, ortografia, a seqüência de idéias, etc...

4 Parecer das Pedagogas Somente depois da orientação, quando forem postar a versão final em seus portfólios é que se deve colocar o parecer de alguém da EPA. Como a maioria dos pareceres têm vindo muito inconsistentes segue abaixo os itens que a pedagoga ou diretora devem observar e constar no parecer: 1. Constam os itens: identificação, objetivo(s), conteúdos, encaminhamentos e avaliação? 2. Há coerência entre os itens? Ex: o objetivo deve buscar conteúdos que o atinjam. Os encaminhamentos devem dizer como será feito para que o objetivo seja atingido. A avaliação deve ter critérios que verifiquem se os alunos atingiram o(s) objetivo(s) proposto(s). 3. Avaliação com critérios e não apenas dizendo a concepção? 4. Prioriza objetivos de aprendizagem ao invés dos de ensino, a fim de verificar se o aluno aprendeu e não se o professor ensinou? 5. Os objetivos são muito amplos ou são possíveis de ser atingidos? 6. Faz os encaminhamentos mais descritivos prevendo tempo para as atividades? 7. O tempo é adequado a realização das atividades propostas? 8. Nome, matrícula e função de quem deu o parecer. Nome:Rosangela Bezerra de Melo Matricula:65739 O projeto está coerente com a proposta da professora apresentando objetivos claros e bem definidos, com critérios que contribuirão para que a avaliação sirva como base para análise do sucesso do mesmo.

5 Formulário modelo para Critérios de Avaliação Conceito de Critérios de Avaliação: A. Alcançado A.P. Alcançado Parcialmente N.A. Não Alcançado Aluno Critérios A A AP A A Encaminhamentos: *Com o aluno 01 retomar o procedimento de como inserir a imagem no quadro. *02, sugerir a reescrita do quadro,pois não corresponde as imagens. Critérios 1. O acróstico se refere às conseqüências fornecidas no texto de apoio. 2. As imagens que o aluno escolheu denunciam ou remetem ao tema abordado. 3. O texto escrito corresponde às imagens e as animações escolhidas. 4. Aplica os recursos do software micro mundos para o desenvolvimento da atividade proposta (Abrir nova tela, inserir imagem,textos e animações, digitar e salvar a atividade na pasta solicitada). 5. O acróstico aborda o tema solicitado pela regente.

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Habilitação Profissional

Leia mais

PNAIC/2015 TERCEIRO CICLO DE FORMAÇÃO MÓDULO CURRÍCULO

PNAIC/2015 TERCEIRO CICLO DE FORMAÇÃO MÓDULO CURRÍCULO PNAIC/2015 TERCEIRO CICLO DE FORMAÇÃO MÓDULO CURRÍCULO 1º Momento Boas Vindas - Apresentações Prezada Orientadora de Estudo Desejo que a nossa Formação seja repleta de momentos felizes, cooperação e aprendizagem.

Leia mais

Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844

Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844 Filme: Juro que vi: O Curupira Gênero: Animação Diretor: Humberto Avelar Ano: 2003 Duração: 11 min Cor: Colorido Bitola: 35mm País: Brasil Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA VERA DE PAULA GARCIA CLEUZA ORTIZ MARTINS A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA PARA OS ALUNOS DO 3º ANO

ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA VERA DE PAULA GARCIA CLEUZA ORTIZ MARTINS A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA PARA OS ALUNOS DO 3º ANO ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA VERA DE PAULA GARCIA CLEUZA ORTIZ MARTINS A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA PARA OS ALUNOS DO 3º ANO NOVA ANDRADINA - 2009 ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA

Leia mais

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO.

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO. SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ... 2 DICAS PEDAGÓGICAS:... 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO... 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD... 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO... 3 PASSO 3 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO... 4 CRIANDO NOVAS

Leia mais

CRISTIANE MANDARINO BISSOQUI HISTÓRIAS EM QUADRINHOS INTERAÇÃO E PRODUÇÃO

CRISTIANE MANDARINO BISSOQUI HISTÓRIAS EM QUADRINHOS INTERAÇÃO E PRODUÇÃO CRISTIANE MANDARINO BISSOQUI HISTÓRIAS EM QUADRINHOS INTERAÇÃO E PRODUÇÃO Londrina 2013 CRISTIANE MANDARINO BISSOQUI HISTÓRIAS EM QUADRINHOS INTERAÇÃO E PRODUÇÃO Trabalho apresentado ao Curso de Especialização

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NTIC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 PERFIL ALUNO Versão 1.0 2014 NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NTIC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE

Leia mais

ÀGORA, Porto Alegre, Ano 3, jan/jun.2012. ISSN 2175-3792

ÀGORA, Porto Alegre, Ano 3, jan/jun.2012. ISSN 2175-3792 9 ÀGORA, Porto Alegre, Ano 3, jan/jun.2012. ISSN 2175-3792 POSSIBILIDADES DE PESQUISA E AUTORIA COM O APOIO DAS TECNOLOGIAS: A EXPERIÊNCIA DA TURMA B21 DA EMEF PROF. JUDITH MACEDO DE ARAÚJO NO LABORATÓRIO

Leia mais

4 Metodologia. 4.1.Metodologia de observação

4 Metodologia. 4.1.Metodologia de observação 56 4 Metodologia O objetivo desse trabalho é observar o uso de textos de multimodais na sala de aula de língua inglesa, assim como a escolha do professor no uso de este ou aquele texto multimodal, de modo

Leia mais

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA LEITURA NA PONTA DA LÍNGUA E ESCRITA NA PONTA DO LÁPIS

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA LEITURA NA PONTA DA LÍNGUA E ESCRITA NA PONTA DO LÁPIS PROJETO DE LEITURA E ESCRITA LEITURA NA PONTA DA LÍNGUA E ESCRITA NA PONTA DO LÁPIS A língua é um sistema que se estrutura no uso e para o uso, escrito e falado, sempre contextualizado. (Autor desconhecido)

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 205 Ensino Técnico Etec: Paulino Botelho Código: 09 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico em Programação de Jogos

Leia mais

Portal EJA - Programa de Alfabetização Passo a passo

Portal EJA - Programa de Alfabetização Passo a passo Portal EJA - Programa de Alfabetização Passo a passo Roteiro de acesso ao site: www.eja.educacao.org.br 1. Comece clicando no ícone: e depois em ; 2. Aguarde alguns segundos até a página inicial abrir;

Leia mais

CURSO: IED - INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL. INSCRIÇÕES ABERTAS - 30 vagas

CURSO: IED - INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL. INSCRIÇÕES ABERTAS - 30 vagas CURSO: IED - INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL OBJETIVO: Contribuir para a inclusão digital de profissionais da educação, buscando familiarizá-los e preparálos para a utilização de recursos e serviços mais

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC de Nova Odessa Código: 234 Município: Nova Odessa Eixo Tecnológico: Segurança no Trabalho Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho Qualificação:

Leia mais

Projeto Um Computador Por Aluno Campo Limpo Paulista

Projeto Um Computador Por Aluno Campo Limpo Paulista Projeto Um Computador Por Aluno Campo Limpo Paulista II Encontro entre escolas UCA 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Quem somos A EMEF Gov. André Franco Montoro, situa-se na cidade de Campo Limpo Paulista/SP

Leia mais

2. Laboratório: uso do avental, organização e relatório 3. Tarefas. 1. Avaliação da Semana de Geociências e Meio Ambiente 2.

2. Laboratório: uso do avental, organização e relatório 3. Tarefas. 1. Avaliação da Semana de Geociências e Meio Ambiente 2. PIC VERSÃO PARA O PROFESSOR Produção Integrada ao Conteúdo 6. o ano Ensino Fundamental Componentes da PIC 2. o bimestre Arte Ciências A nota da PIC é a média entre a nota de tarefa (avaliação do conjunto

Leia mais

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA

MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA NAVEGAR NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - AVA MANUAL DO ALUNO PARA ACESSO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Conteúdo Tela de acesso... 4 Dados de Cadastro... 5 Dados cadastrais...

Leia mais

PIC. Componentes da PIC 1. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo

PIC. Componentes da PIC 1. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo PIC VERSÃO PARA O PROFESSOR VERSÃO PARA O PROFESSOR 9. o ano Ensino Fundamental Produção Integrada ao Conteúdo Componentes da PIC 1. o bimestre Arte Ciências Geografia A nota de PIC é a média entre a nota

Leia mais

VERSÃO 1 PRELIMINAR - 2010 MÓDULO 3 - PRESENCIAL

VERSÃO 1 PRELIMINAR - 2010 MÓDULO 3 - PRESENCIAL MÓDULO 3 - PRESENCIAL CmapTools É um software para autoria de Mapas Conceituais desenvolvido pelo Institute for Human Machine Cognition da University of West Florida1, sob a supervisão do Dr. Alberto J.

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC Professor Massuyuki Kawano Extensão E.E Índia Vanuíre Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional:

Leia mais

ROTEIRO PARA OFICINA DE DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS

ROTEIRO PARA OFICINA DE DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2011 ROTEIRO PARA OFICINA DE DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS sadeam2011 Oficina de Apropriação dos Resultados 4 ROTEIRO DE OFICINA Multiplicador Este roteiro deverá ser utilizado por você como subsídio para

Leia mais

Utilizando a ferramenta de criação de aulas

Utilizando a ferramenta de criação de aulas http://portaldoprofessor.mec.gov.br/ 04 Roteiro Utilizando a ferramenta de criação de aulas Ministério da Educação Utilizando a ferramenta de criação de aulas Para criar uma sugestão de aula é necessário

Leia mais

ROTEIRO PARA OFICINA DE ANALISE DO DESEMPENHO ESCOLAR E ELABORAÇÃO DO PLANO DE ENSINO

ROTEIRO PARA OFICINA DE ANALISE DO DESEMPENHO ESCOLAR E ELABORAÇÃO DO PLANO DE ENSINO ROTEIRO PARA OFICINA DE ANALISE DO DESEMPENHO ESCOLAR E ELABORAÇÃO DO PLANO DE ENSINO DOCUMENTOS BÁSICOS: - Cadernos Paebes; - Ata de resultados finais da Escola em 2010; - Guia de Intervenção Pedagógica;

Leia mais

Secretaria de Estado da Educação do Paraná

Secretaria de Estado da Educação do Paraná Secretaria de Estado da Educação do Paraná ORIENTAÇÕES PARA A AVALIAÇÃO DO PROFESSOR PARTICIPANTE DO GTR TUTORIAL Curitiba 2011 2 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 03 1. AVALIAÇÃO 04 1.1 Critérios de Análise das Interações

Leia mais

Elaboração de projetos

Elaboração de projetos Ano: 2013 CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ARLINDO RIBEIRO Professor: ELIANE STAVINSKI PORTUGUÊS Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA / LITERATURA Série: 2ª A e B CONTEÚDO ESTRUTURANTE: DISCURSO COMO

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO PIXTON PARA ESCOLAS: DIVERSÃO E CRIATIVIDADE

ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO PIXTON PARA ESCOLAS: DIVERSÃO E CRIATIVIDADE ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO PIXTON PARA ESCOLAS: DIVERSÃO E CRIATIVIDADE TAQUARUSS/MS MARÇO DE 2011 ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES

Leia mais

7º ano - Ensino Fundamental

7º ano - Ensino Fundamental PLANOS DE ESTUDOS 2º TRIMESTRE 7º ano - Ensino Fundamental Componente curricular: Matemática Professor: Carla Bruno Operações com números inteiros Números racionais Poliedros Critérios de Avaliação Trabalho

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2014 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular: Artes Série:

Leia mais

O computador como ferramenta de Inclusão digital para terceira idade

O computador como ferramenta de Inclusão digital para terceira idade O computador como ferramenta de Inclusão digital para terceira idade Amélia Maria Rodrigues Oliveira Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) amelia.amiga@hotmail.com Joelson Alves Soares Universidade Estadual

Leia mais

Footprints Service Core. Manual de uso do sistema

Footprints Service Core. Manual de uso do sistema Footprints Service Core Manual de uso do sistema Sumário Acessando o sistema... 3 Visão geral... 4 Criação de chamados... 5 Acompanhamento de chamados... 7 Compartilhamento de chamados... 8 Notificações...

Leia mais

1ª aula LOGANDO NO SISTEMA / TROCANDO A SENHA

1ª aula LOGANDO NO SISTEMA / TROCANDO A SENHA 1ª aula LOGANDO NO SISTEMA / TROCANDO A SENHA 1º Passo: Verificar se todos os usuários (professores, alunos, funcionários ou visitantes) já possuem a senha gerada pelo sistema e que foi entregue a cada

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Eixo Tecnológico: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO. Habilitação Profissional: TÉCNICO EM PROGRAMAÇÃO DE

Leia mais

FATEC EaD TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL PROJETO INTERDISCIPLINAR SÃO PAULO 2014

FATEC EaD TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL PROJETO INTERDISCIPLINAR SÃO PAULO 2014 1 FATEC EaD TECNOLOGIA EM GESTÃO EMPRESARIAL PROJETO INTERDISCIPLINAR SÃO PAULO 2014 2 Sumário 1. Introdução... 3 2. Finalidade do Projeto Interdisciplinar... 3 3. Disciplinas Contempladas... 4 4. Material

Leia mais

SOFTWARE EDUCACIONAL: O DIFÍCIL COMEÇO

SOFTWARE EDUCACIONAL: O DIFÍCIL COMEÇO SOFTWARE EDUCACIONAL: O DIFÍCIL COMEÇO TEIXEIRA, Adriano Canabarro 1 BRANDÃO, Edemilson Jorge Ramos 2 Resumo: O presente artigo tem por objetivo discutir questões referentes ao papel do software educacional

Leia mais

CENTRO DE MÍDIAS DE EDUCAÇÃO DO AMAZONAS

CENTRO DE MÍDIAS DE EDUCAÇÃO DO AMAZONAS Componente Curricular: Matemática Série/Ano Letivo: 9 ano/2014 Professor Ministrante: Rilner Conceição Carga Horária: 5 horas/aula Data: 03/09/2014 Aula: 23 Teleaula: 40 Título: Triângulos. Conteúdos:

Leia mais

Sugestão de Planejamento da Semana Pedagógica

Sugestão de Planejamento da Semana Pedagógica GOVERNO DO ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA EDUCAÇÃO E CULTURA DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO DE ARAGUAINA SETOR REGIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO E ENSINO INTEGRAL Sugestão de Planejamento da Semana

Leia mais

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14 portal@up.com.br Apresentação Este manual contém informações básicas, e tem como objetivo mostrar a você, aluno, como utilizar as ferramentas do Portal Universitário e, portanto, não trata de todos os

Leia mais

Inicio das aulas 05/04 e 06/04/2013

Inicio das aulas 05/04 e 06/04/2013 Inicio das aulas 05/04 e 06/04/2013 Matricula: -Preenchimento ficha cadastral via site (banner) - Pagamento na tesouraria com comprovante de inscrição no site - Vagas por turmas: 17 alunos -Certificado

Leia mais

SISTEMA DE E-LEARNING. efaculdade MANUAL DO ALUNO

SISTEMA DE E-LEARNING. efaculdade MANUAL DO ALUNO SISTEMA DE E-LEARNING efaculdade MANUAL DO ALUNO Conteúdo Tela de acesso... 2 Dados de Cadastro... 3 Dados cadastrais... 3 Alterar meu email... 4 Alterar minha senha... 4 Minha agenda... 5 Lista de cursos...

Leia mais

Formato de mais fácil utilização para se importar questões para o ambiente do PORTAL

Formato de mais fácil utilização para se importar questões para o ambiente do PORTAL 2010 1 4-IMPORTAR LIÇÕES Essa função permite que o professor carregue um arquivo externo para dentro do Portal, e que o mesmo vire questões. Só serão aceitos alguns formatos predefinidos pela própria comunidade

Leia mais

Assim, a avaliação da aprendizagem possibilita ao professor consciência sobre o curso dos processos e dos resultados educativos.

Assim, a avaliação da aprendizagem possibilita ao professor consciência sobre o curso dos processos e dos resultados educativos. SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO III- A PORTARIA E/SAPP Nº 48/2004: ASPECTOS CENTRAIS Uma concepção de avaliação Os artigos 1º e 2º da Portaria E/SAPP 48/04 destacam a concepção de avaliação que fundamenta

Leia mais

Gerando enquêtes para uso em Pocket PCs V 5.1.0.8

Gerando enquêtes para uso em Pocket PCs V 5.1.0.8 Gerando enquêtes para uso em Pocket PCs V 5.1.0.8 Pré-requisitos: Lista das questões Formulário multimídia Recomendações Pocket PC: Sistema Operacional Windows Mobile (não funciona com nenhum outro sistema

Leia mais

1 - PORTAL PARA REGISTRO DE NOTAS E FALTAS. Este tutorial tem por objetivo guiá-lo pela navegação no Portal para Registro de Notas e Faltas.

1 - PORTAL PARA REGISTRO DE NOTAS E FALTAS. Este tutorial tem por objetivo guiá-lo pela navegação no Portal para Registro de Notas e Faltas. -Registro de Notas e Faltas Professor Online - Portal Moodle Unisepe - Utilização da Rede acadêmica e Laboratório de Informática - PORTAL PARA REGISTRO DE NOTAS E FALTAS Este tutorial tem por objetivo

Leia mais

Proposta Pedagógica. Os alunos do CBL são expostos a uma diversidade de atividades e vivências tais como: Jogos; Dramatizações; Discussões e debates;

Proposta Pedagógica. Os alunos do CBL são expostos a uma diversidade de atividades e vivências tais como: Jogos; Dramatizações; Discussões e debates; Proposta Pedagógica Os cursos de idiomas do Centro Batista de Línguas são desenvolvidos com base no Common European Framework (Quadro Europeu de referência para idiomas) e visam atender não apenas os alunos

Leia mais

PROPOSTA PEDAGÓGICA CURRICULAR CELEM CENTRO DE ENSINO DE LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA ESPANHOL

PROPOSTA PEDAGÓGICA CURRICULAR CELEM CENTRO DE ENSINO DE LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA ESPANHOL PROPOSTA PEDAGÓGICA CURRICULAR CELEM CENTRO DE ENSINO DE LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA ESPANHOL APRESENTAÇÃO Segundo as Diretrizes Curricular o ensino da Língua Estrangeira na Educação Básica esta pautado

Leia mais

Guia do Professor: Ampliando as noções trigonométricas. Introdução

Guia do Professor: Ampliando as noções trigonométricas. Introdução Guia do Professor: Ampliando as noções trigonométricas Introdução Caro professor, O mundo está em constante mudança, dado o grande e rápido desenvolvimento da tecnologia. Máquinas de calcular, computadores,

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: TÉCNICO EM PROGRAMAÇÃO DE

Leia mais

CURSOS OFERECIDOS. seus objetivos e metas. E também seus elementos fundamentais de Administração, como: PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO E CONTROLE.

CURSOS OFERECIDOS. seus objetivos e metas. E também seus elementos fundamentais de Administração, como: PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO E CONTROLE. CURSOS OFERECIDOS Access 2007 Aproximadamente 20 horas O aluno aprenderá criar Banco de Dados de forma inteligente, trabalhar com estoques, número de funcionários, clientes etc. Conhecerá ferramentas aprimoradas

Leia mais

UNIBR FACULDADE DE SÃO VICENTE ESTÁGIO DIGITAL Manual de Criação Passo-a-Passo

UNIBR FACULDADE DE SÃO VICENTE ESTÁGIO DIGITAL Manual de Criação Passo-a-Passo INTRODUÇÃO O objetivo deste documento é fornecer as orientações necessárias para que seu relatório de estágio, bem como os documentos anexos, sejam transformados e entregues em formato digital, em arquivo

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL PORTAL DIA A DIA EDUCAÇÃO Sequência de Aulas de Língua Portuguesa Produção de uma Fotonovela 1. Nível de

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER PLANO DE AÇÃO 2015: INSERINDO A TECNOLOGIA NO COTIDIANO ESCOLAR

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER PLANO DE AÇÃO 2015: INSERINDO A TECNOLOGIA NO COTIDIANO ESCOLAR ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER PLANO DE AÇÃO 2015: INSERINDO A TECNOLOGIA NO COTIDIANO ESCOLAR IVINHEMA/MS DEZEMBRO/2014 ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER PLANO DE AÇÃO 2015: INSERINDO A TECNOLOGIA

Leia mais

Mais Cultura nas Escolas

Mais Cultura nas Escolas Mais Cultura nas Escolas O que é o Programa Mais Cultura nas Escolas? Projeto Andarilha das Letras, Circulação Literária/ FUNARTE É o encontro de projetos pedagógicos de escolas da rede pública com experiências

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA:2013 EMENTA OBJETIVOS

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA:2013 EMENTA OBJETIVOS EIXO TECNOLÓGICO:Ensino Superior Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Física FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

Guia de Acesso Rápido AVA Ambiente Virtual de Aprendizagem Aluno

Guia de Acesso Rápido AVA Ambiente Virtual de Aprendizagem Aluno Guia de Acesso Rápido AVA Ambiente Virtual de Aprendizagem Aluno Introdução O Ambiente de Aprendizagem, ou AVA, é um aplicativo web onde os educadores e alunos podem disponibilizar materiais didáticos,

Leia mais

TUTORIAL DO ALUNO. Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!!

TUTORIAL DO ALUNO. Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!! TUTORIAL DO ALUNO Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!! O Moodle é a plataforma de ensino a distância utilizada pela Uniapae sendo a unidade de ensino para rápida capacitação

Leia mais

Manual Geral do OASIS

Manual Geral do OASIS Manual Geral do OASIS SISTEMA DE GESTÃO DE DEMANDA, PROJETO E SERVIÇO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO OASIS Introdução Esse manual tem como objetivo auxiliar aos usuários nos procedimentos de execução do sistema

Leia mais

Relatório Final do Projeto Institucional de Apoio à Diversidade

Relatório Final do Projeto Institucional de Apoio à Diversidade Relatório Final do Projeto Institucional de Apoio à Diversidade Veja o exemplo de relatório do processo de ensino-aprendizagem apresentado pela professora de uma das turmas da CMEB Mário Leal Silva CMEB

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: TÉCNICO EM PROGRAMAÇÃO DE

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO

ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO 1 ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO PROJETO INTERDISCIPLINAR SIMULADO INTERNO IVINHEMA/MS - DISTRITO DE AMANDINA 2013 2 ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM GONÇALVES LEDO PROJETO INTERDISCIPLINAR HORTA EM GARRAFA

Leia mais

Britannica Escola Online. Manual de Treinamento

Britannica Escola Online. Manual de Treinamento Britannica Escola Online Manual de Treinamento 1 ÍNDICE Conhecendo a Britannica Escola Online...3 Como Acessar a Britannica Escola Online...3 Página Inicial da Britannica Escola Online...4 Área de Pesquisa...4

Leia mais

8ª Série Datas de Provas e Trabalhos. Turma 81. Filosofia Data Atividade Conteúdo Postado 03/07 Trabalho de Pesquisa Laboratório de Informática

8ª Série Datas de Provas e Trabalhos. Turma 81. Filosofia Data Atividade Conteúdo Postado 03/07 Trabalho de Pesquisa Laboratório de Informática 8ª Série Datas de Provas e Trabalhos Turma 81 Filosofia 03/07 Trabalho de Pesquisa Laboratório de Informática Conceito de Bem e Justiça Língua Inglesa 14/06 Tradução Escolher texto da página 19 e 20 ou

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

1. Objetivos do curso 2. 2 Comunicação Interna (CI) 13 3 Ofício 18 4 DEFINIÇÕES GERAIS 23 5 CONCLUSÃO 27

1. Objetivos do curso 2. 2 Comunicação Interna (CI) 13 3 Ofício 18 4 DEFINIÇÕES GERAIS 23 5 CONCLUSÃO 27 1. Objetivos do curso 2 Introdução 2 Funções do Sistema: 2 Da Comunicação Interna: 3 o Enviadas: 3 o Recebidas: 3 o Com Cópia Pessoal: 3 Ofícios 4 o Enviados: 4 o Recebidas com Cópia: 5 Contatos Externos:

Leia mais

PROJETO DE ESTÁGIO CURSO: LICENCIATURA EM PEDAGOGIA DISCIPLINA: ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL CIRCUITO: 9 PERIODO: 5º

PROJETO DE ESTÁGIO CURSO: LICENCIATURA EM PEDAGOGIA DISCIPLINA: ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL CIRCUITO: 9 PERIODO: 5º PROJETO DE ESTÁGIO CURSO: LICENCIATURA EM PEDAGOGIA DISCIPLINA: ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL CIRCUITO: 9 PERIODO: 5º Caro (a) aluno (a), Esta atividade, de caráter teórico-reflexivo, deverá

Leia mais

LENDO, ESCREVENDO E PRODUZINDO JORNAL: A APROPRIAÇÃO DA ESCRITA POR ALUNOS DE EJA

LENDO, ESCREVENDO E PRODUZINDO JORNAL: A APROPRIAÇÃO DA ESCRITA POR ALUNOS DE EJA LENDO, ESCREVENDO E PRODUZINDO JORNAL: A APROPRIAÇÃO DA ESCRITA POR ALUNOS DE EJA CENTRO MUNICIPAL DE REFERÊNCIA DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS PROFESSORA FABÍOLA DANIELE DA SILVA A lingüística moderna

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 0 Ensino Técnico Etec: Paulino Botelho Código: 09 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico em Programação de Jogos Digitais

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL BARBOSA FERRAZ

COLÉGIO ESTADUAL BARBOSA FERRAZ COLÉGIO ESTADUAL BARBOSA FERRAZ Ensino Médio, Normal e Profissional Rua Rio Grande do Sul, 1200 Centro - Telefone: (43) 3472-5009 www.colegiobarbosa.com.br e.mail: colbarbosa@ig.com.br CEP: 86870-000 -

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO EDUCACIONAL

ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO EDUCACIONAL ORIENTAÇÃO PARA A ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DA AVALIAÇÃO QUALITATIVA DA APRENDIZAGEM SEMESTRAL Educação Infantil Estimulação Essencial e Pré-Escolar O relatório da Educação Infantil - Estimulação Essencial

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 04 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho EE Esterina Placo (Extensão) Código: 09.0 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico

Leia mais

CARTILHA OFFICE 365. Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro. Subsecretaria de Infraestrutura e Tecnologia da Informação

CARTILHA OFFICE 365. Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro. Subsecretaria de Infraestrutura e Tecnologia da Informação CARTILHA OFFICE 365 Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro Subsecretaria de Infraestrutura e Tecnologia da Informação Superintendência de Tecnologia da Informação 1 ÍNDICE Índice... 2 Introdução

Leia mais

Estagio Supervisionado I Língua Inglesa

Estagio Supervisionado I Língua Inglesa Introdução O objetivo geral desse Estágio Supervisionado de Língua Inglesa I, bem como as etapas realizadas nesse período de pesquisa e busca do acadêmico do curso de Letras visando levá-lo a conhecer

Leia mais

1998-2012 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2012 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas poderá ter

Leia mais

Apresentação. Nossa sugestão é que você experimente e não tenha medo de clicar!!!

Apresentação. Nossa sugestão é que você experimente e não tenha medo de clicar!!! Apresentação Este manual é uma orientação para os participantes de cursos no ambiente Moodle do INSTITUTO PRISMA. Tem como objetivo orientar sobre as ações básicas de acesso e utilização do ambiente virtual

Leia mais

COMO ACESSAR O SISTEMA?

COMO ACESSAR O SISTEMA? COMO ACESSAR O SISTEMA? 1º Passo Vai ao ícone do programa que está na área de trabalho. Veja a figura abaixo com o ícone do programa: 2º Passo - Clique 2 vezes sobre o ícone. 3º Passo Após os dois clique

Leia mais

CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS)

CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS) CURSOS DE ENFERMAGEM, FONOAUDIOLOGIA E NUTRIÇÃO FACULDADE FÁTIMA MANUAL ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS (APS) APRESENTAÇÃO Este Manual tem como objetivo fornecer orientações para a realização das Atividades

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO GUAIANASES EMEF MARIA APARECIDA MAGNANELLI FERNANDES

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO GUAIANASES EMEF MARIA APARECIDA MAGNANELLI FERNANDES PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO GUAIANASES EMEF MARIA APARECIDA MAGNANELLI FERNANDES Ana Paula Lopes 780.893.3/2 Conceição Aparecida Machado de Almeida 678.705.3/1 Daniele

Leia mais

PROJETO INTERDISCIPLINAR BALAIO DE IDEIAS

PROJETO INTERDISCIPLINAR BALAIO DE IDEIAS PROJETO INTERDISCIPLINAR BALAIO DE IDEIAS 6º ANO / ENSINO FUNDAMENTAL Goiânia, 2014 COLÉGIO AGOSTINIANO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA A maior riqueza de um país é a sua cultura I. APRESENTAÇÃO No decorrer do

Leia mais

OBJETIVO PARTICIPANTES

OBJETIVO PARTICIPANTES OBJETIVO O Desafio Anglo do Ensino Fundamental é um desafio nacional, exclusivo para estudantes do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental das escolas parceiras do Sistema Anglo de Ensino que aderiram ao evento.

Leia mais

3 BLOCOS TEMÁTICOS PROPOSTOS. Ensino Religioso História Geografia. cotidiano

3 BLOCOS TEMÁTICOS PROPOSTOS. Ensino Religioso História Geografia. cotidiano 1 TÍTULO DO PROJETO O REGISTRO DE NASCIMENTO 2 CICLO OU SÉRIE 1º CICLO OU SÉRIE 1º CICLO 7 anos 3 BLOCOS TEMÁTICOS PROPOSTOS Ensino Religioso História Geografia Alteridade (O Eu/ EU sou História local

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II e III Coronel Fabriciano 2015 REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO O curso de Pedagogia organiza o seu Estágio Supervisionado

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA UNIP INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS: ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS. MANUAL do ALUNO

UNIVERSIDADE PAULISTA UNIP INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS: ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS. MANUAL do ALUNO UNIVERSIDADE PAULISTA UNIP INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS: ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS MANUAL do ALUNO APS - ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS PIPA II (2º/1º semestres) SÃO

Leia mais

BULLYING EI! QUEM É VOCÊ?

BULLYING EI! QUEM É VOCÊ? CONCURSO PARA PROFESSORES do EM das Etecs: Trabalhando com os roteiros de aprendizagem ROTEIRO DE APRENDIZAGEM BULLYING EI! QUEM É VOCÊ? a) APRESENTAÇÃO: Este roteiro tem como objetivo geral, trabalhar

Leia mais

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno 1 MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno Acessando o sistema 1- Para acessar a Faculdade Interação Americana Virtual digite o seguinte endereço: http://ead.fia.edu.br/

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL LUIZ SOARES ANDRADE PLANO DE AÇÃO 2015

ESCOLA ESTADUAL LUIZ SOARES ANDRADE PLANO DE AÇÃO 2015 ESCOLA ESTADUAL LUIZ SOARES ANDRADE PLANO DE AÇÃO 2015 NOVA ANDRADINA MS MARÇO DE 2015 ESCOLA ESTADUAL LUIZ SOARES ANDRADE PLANO DE AÇÃO 2015 Plano de ação a ser desenvolvido no ano letivo de 2015, pelo

Leia mais

O SOFTWARE GEOGEBRA E A CONSTRUÇÃO DO CICLO TRIGONOMÉTRICO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA O ENSINO DE TRIGONOMETRIA

O SOFTWARE GEOGEBRA E A CONSTRUÇÃO DO CICLO TRIGONOMÉTRICO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA O ENSINO DE TRIGONOMETRIA ISSN 2316-7785 O SOFTWARE GEOGEBRA E A CONSTRUÇÃO DO CICLO TRIGONOMÉTRICO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA O ENSINO DE TRIGONOMETRIA Charles Bruno da Silva Melo Centro Universitário Franciscano xarlesdemelo@yahoo.com.br

Leia mais

O USO DO SOFTWARE MATHEMATICA PARA O ENSINO DE CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL

O USO DO SOFTWARE MATHEMATICA PARA O ENSINO DE CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL O USO DO SOFTWARE MATHEMATICA PARA O ENSINO DE CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL Edward Luis de Araújo edward@pontal.ufu.br Evaneide Alves Carneiro eva@pontal.ufu.br Germano Abud de Rezende germano@pontal.ufu.br

Leia mais

MEDCLIN Software de Clínica Médica

MEDCLIN Software de Clínica Médica MEDCLIN Software de Clínica Médica WWW.ASASSOFTWARES.COM.BR Índice 1 Informações Básicas... 1 1.1 Sair da aplicação... 1 1.2 Travar aplicação... 1 1.3 Menu Diversos -> 5.1 Licenciamento do Sistema... 1

Leia mais

COORDENAÇÃO DE EAD MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 PERFIL ALUNO. Versão 1.0

COORDENAÇÃO DE EAD MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 PERFIL ALUNO. Versão 1.0 COORDENAÇÃO DE EAD MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MOODLE 2.6 PERFIL ALUNO Versão 1.0 2015 SUMÁRIO 1. O MOODLE 3 2. Acesso à Plataforma 3 2.1. Cadastrar-se em uma disciplina 4 2.2. Página Inicial do Curso 5 3.

Leia mais

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo PIC VERSÃO PARA O PROFESSOR VERSÃO PARA O PROFESSOR 9. o ano Ensino Fundamental Produção Integrada ao Conteúdo Componentes da PIC 2. o bimestre Arte Ciências Geografia História A nota da PIC é a média

Leia mais

Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo.

Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo. 1. Criação e Edição de Projetos 1.1. Visão Geral: Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo. Planejamento

Leia mais

Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte

Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte Sumário Apresentação O papel do Aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem Disciplina Ofertadas na modalidade Avaliação da Aprendizagem Acesso ao Ambiente Virtual Dúvida e Suporte Dúvidas 3 5 6 9 10 11 14

Leia mais

CONCURSO CULTURAL DESAFIO DE GAMES & EDUCAÇÃO 2015

CONCURSO CULTURAL DESAFIO DE GAMES & EDUCAÇÃO 2015 CONCURSO CULTURAL DESAFIO DE GAMES & EDUCAÇÃO 2015 O Laboratório de Pesquisa em Jogos Digitais do Instituto Metrópole Digital (IMD) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), torna público

Leia mais

INSERIR DOCUMENTOS DE MIDÍAS (imagem, vídeos, planilhas, textos, etc...)

INSERIR DOCUMENTOS DE MIDÍAS (imagem, vídeos, planilhas, textos, etc...) INSERIR DOCUMENTOS DE MIDÍAS (imagem, vídeos, planilhas, textos, etc...) Dependendo do tipo de arquivo a ser inserido, o a tela pode ser diferente. Ex. 1 Ex. 2 Vamos falar primeiro do exemplo 1. Ao clicar

Leia mais

MATRÍCULA DA PÓS-GRADUAÇÃO WEB

MATRÍCULA DA PÓS-GRADUAÇÃO WEB MATRÍCULA DA PÓS-GRADUAÇÃO WEB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS Matrícula da Pós via Internet Introdução O processo de matrícula da pós-graduação via web, na sua

Leia mais

Tipo de atividade: Passeio/visita e redação. Objetivo: Conhecer alguns centros e templos religiosos existentes no bairro/cidade e desenvolver

Tipo de atividade: Passeio/visita e redação. Objetivo: Conhecer alguns centros e templos religiosos existentes no bairro/cidade e desenvolver A série Sagrado é composta por programas que, através de um recorte históricocultural, destacam diferentes pontos de vista das tradições religiosas. Dez representantes religiosos respondem aos questionamentos

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Administração Qualificação:

Leia mais

José Orlando Lima de Morais. Atividade de Portfólio caderno 06

José Orlando Lima de Morais. Atividade de Portfólio caderno 06 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ SECRETÁRIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO ESTADO DO PARÁ. PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO José Orlando Lima de Morais Atividade de Portfólio

Leia mais

Resumo. 1 - Introdução

Resumo. 1 - Introdução Este artigo, disponível em http://www.nied.unicamp.br/oea/, refere-se ao curso de construção de páginas para a Internet desenvolvida para professores, realizado por pesquisadores da PUCSP em 2000, junto

Leia mais