PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014"

Transcrição

1 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014

2 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 6 EIXOS ESTRATÉGICOS DE ATUAÇÃO... 7 ORGANIZAÇÃO DO ANO ESCOLAR... 8 HORÁRIO ESCOLAR... 9 POPULAÇÃO ESCOLAR E RECURSOS HUMANOS ALUNOS Cursos de Educação e Formação Cursos Vocacionais Cursos Profissionais PESSOAL DOCENTE OFERTA FORMATIVA 2012/ VILA VERDE Cursos Profissionais (26 turmas) Aprovado em: Página 1 de 92

3 Cursos de Educação e Formação (1 turma) Cursos Vocacionais (2 turmas) AMARES Cursos Profissionais (5 turmas) CARGOS DE COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA PROJETOS ESTRUTURANTES ATIVIDADES TRANSVERSAIS SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO GRUPO DE TEATRO GRUPO EPAJUDA VILA VERDE GRUPO EPAJUDA AMARES GRUPO/CLUBE INTEGRAR PROJETO ECOESCOLAS AMARES GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA PORTUGUESA/PORTUGUÊS GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA ESTRANGEIRA INGLÊS Aprovado em: Página 2 de 92

4 GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA ESTRANGEIRA FRANCÊS GRUPO DISCIPLINAR DE CIDADANIA E MUNDO ATUAL/ÁREA DE INTEGRAÇÃO GRUPO DISCIPLINAR DE EDUCAÇÃO FÍSICA GRUPO DISCIPLINAR DE FÍSICA E QUÍMICA GRUPO DISCIPLINAR DE INFORMÁTICA, COMUNICAÇÃO E IMAGEM VILA VERDE Cursos Profissionais Técnico de Análise Laboratorial Técnico de Audiovisuais Técnico de Eletrotecnia Técnico de Energias Renováveis Técnico de Fotografia Técnico de Design Gráfico Técnico de Design Design de Equipamento Técnico de Frio e Climatização Técnico de Manutenção Industrial Variante Eletromecânica Aprovado em: Página 3 de 92

5 Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel (1º ano) Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel (2º ano) Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel (3º ano) Técnico de Mecatrónica Técnico de Multimédia Técnico de Produção em Metalomecânica Variante Programação e Maquinação Técnico de Restauração Variante Cozinha Pastelaria Técnico de Restauração Variante Restaurante Bar Técnico de Secretariado VILA VERDE Cursos de Educação e Formação T2. Eletromecânico de Eletrodomésticos VILA VERDE Cursos Vocacionais Curso Vocacional I Curso Vocacional II AMARES Cursos Profissionais Aprovado em: Página 4 de 92

6 Técnico Auxiliar de Saúde (2º ano) Técnico Auxiliar de Saúde (3º ano) Técnico de Comércio Técnico de Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade Técnico de Termalismo Aprovado em: Página 5 de 92

7 INTRODUÇÃO O Plano Anual de Atividades é o documento de planeamento onde se definem, em função do Projeto Educativo, dos respetivos objetivos e das metas propostas, as formas de organização e de programação das atividades a desenvolver ao longo do ano letivo. Procedese ainda à identificação dos recursos necessários à sua execução para mais facilmente concretizar as prioridades delineadas no Projeto Educativo para o período , agora revisto e aprovado. Sendo o Plano Anual de Atividades o instrumento de operacionalização do trabalho a desenvolver por toda a comunidade, integramse nele ainda outras atividades, devidamente planificadas, para as quais a EPATV seja convidada ou motivada, com o intuito de permitir aos alunos atingirem um perfil adequado à saída do seu curso. A introdução de outros projetos ou atividades que se considerem pertinentes, com o parecer do Conselho Pedagógico, será certamente um contributo para a melhoria das oportunidades de aprendizagem dos alunos e instrumento de ensino/ aprendizagem para todos os intervenientes diretos no processo educativo, destacando os professores, os encarregados de educação e entidades parceiras. Aprovado em: Página 6 de 92

8 EIXOS ESTRATÉGICOS DE ATUAÇÃO De acordo com o previsto no Projeto Educativo da Escola os eixos estratégicos de atuações podem ser sintetizados em três grandes áreas de intervenção. A primeira, Uma escola de sucesso: melhorar o sucesso e a qualidade do serviço prestado, privilegia a aposta no sucesso e desenvolvimento integral dos alunos, com incidência nas competências das várias disciplinas, anos e cursos. O segundo eixo estratégico de atuação, Uma escola de valores: diminuir o absentismo dos alunos e promover condições de sã vivência, direcionase, por um lado, para a melhoria da de gestão de conflitos em meio escolar, de modo a contribuir para o desenvolvimento da cidadania e igualdade de oportunidades e, por outro, para a promoção da participação ativa dos Pais e Encarregados de Educação nas atividades desenvolvidas na Escola. Por fim e no âmbito da promoção de boas práticas e da imagem da Escola a terceira área de intervenção apela ao envolvimento da comunidade educativa e à aproximação da escola à comunidade local com claro ênfase numa Escola de Futuro projetada para o contexto em que se insere. Neste sentido, as atividades ora apresentadas relacionamse, direta ou indiretamente, com as linhas mestras de atuação anteriormente descritas visando essencialmente, a consecução das linhas orientadoras de ação previstas no Projeto Educativo de Escola. Aprovado em: Página 7 de 92

9 ORGANIZAÇÃO DO ANO ESCOLAR Aprovado em: Página 8 de 92

10 HORÁRIO ESCOLAR As aulas no período diurno decorrem das 08:30 horas às 18:00 horas. São consideradas sempre aulas de 90 minutos com um intervalo de 15 minutos às horas e outro de 5 minutos às horas, terminando o turno da manhã às horas. Da parte da tarde as aulas iniciamse às horas havendo um intervalo de 10 minutos às horas e outro de 5 minutos às horas Aprovado em: Página 9 de 92

11 POPULAÇÃO ESCOLAR E RECURSOS HUMANOS ALUNOS Cursos de Educação e Formação ANO NÚMERO DE TURMAS NÚMERO DE ALUNOS ANO NÚMERO DE TURMAS NÚMERO DE ALUNOS TOTAL Cursos Vocacionais TOTAL Aprovado em: Página 10 de 92

12 Cursos Profissionais ANO NÚMERO DE TURMAS NÚMERO DE ALUNOS TOTAL Aprovado em: Página 11 de 92

13 PESSOAL DOCENTE ÁREA NÚMERO DE DOCENTES Sociocultural 22 Científica 13 Técnica, Tecnológica e Prática 37 TOTAL 72 Aprovado em: Página 12 de 92

14 OFERTA FORMATIVA 2012/2013 VILA VERDE Cursos Profissionais (26 turmas) CURSO ANO DIRETOR DE TURMA DIRETOR DE CURSO NÚMERO DE ALUNOS Técnico de Análise Laboratorial 3 Glória Lago Manuela Caçador 13 Técnico de Audiovisuais 1 António Cunha Pedro Marques 32 Técnico de Design 1 Paula Costa Ricardo Cabral 28 Técnico de Design Gráfico 2 Paula Costa Sara Pimenta 19 Técnico de Secretariado 2 Sílvia Sá Sílvia Sá 21 Técnico de Eletrotecnia 2 Pedro Arantes Vítor Machado 23 Técnico de Eletrotecnia 3 Carla Guimarães Vítor Machado 14 Técnico de Energias Renováveis 3 Rui Silva Aurélio Machado 12 Aprovado em: Página 13 de 92

15 Técnico de Energias Renováveis 1 Ana Rita Gonçalves Aurélio Machado 25 Técnico de Fotografia 3 Margarida Lopes Luísa Fragoso 18 Técnico de Frio e Climatização 2 Sandra Guedes Domingos Silva 23 Técnico de Frio e Climatização 3 Daniela Matos Domingos Silva 15 Técnico de Manutenção Industrial Variante Eletromecânica 1 Magda Gomes Pedro Miranda 24 Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel 1 Sara leite Adelino Costa 26 Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel 2 Rui Silva Adelino Costa 25 Técnico de Manutenção Industrial Variante Mecatrónica Automóvel 3 Maria João Dias Adelino Costa 17 Técnico de Mecatrónica 3 Sandra Guedes Ana cadete 22 Técnico de Multimédia 2 José Carlos Barros Fátima Pimenta 13 Técnico de Produção em Metalomecânica Variante Programação e Maquinação 3 Sandra Guedes João Martins 24 Técnico de Restauração Variante Cozinha Pastelaria 1 José Dantas Maria João Campos 30 Técnico de Restauração Variante Cozinha Pastelaria A 2 Gabriela Rodrigues Maria João Campos 24 Aprovado em: Página 14 de 92

16 Técnico de Restauração Variante Cozinha Pastelaria B 2 Gabriela Rodrigues Maria João Campos 23 Técnico de Restauração Variante Cozinha Pastelaria 3 Elisabete Faria Maria João Campos 25 Técnico de Restauração Variante Restaurante Bar 1 Anabela Silva Luís Neves 26 Técnico de Restauração Variante Restaurante Bar 2 José Carlos Dias Técnico de Restauração Variante Restaurante Bar 3 Palmira Moreira Luís Neves Luís Neves Cursos de Educação e Formação (1 turma) CURSO T2 Eletromecânico de Eletrodomésticos ANO 1 DIRETOR DE TURMA Lúcia Lopes DIRETOR DE CURSO Lúcia Lopes NÚMERO DE ALUNOS 22 Cursos Vocacionais (2 turmas) CURSO ANO DIRETOR DE TURMA DIRETOR DE CURSO NÚMERO DE ALUNOS Curso Vocacional 1 1 Maria João Dias Maria João Dias 24 Curso Vocacional 2 1 Sónia Vilas Boas Sónia Vilas Boas 23 Aprovado em: Página 15 de 92

17 AMARES Cursos Profissionais (5 turmas) ANO DIRETOR DE TURMA DIRETOR DE CURSO NÚMERO DE ALUNOS Técnico de Termalismo 1 Marco Alves Rosa Barroso 30 Técnico Auxiliar de Saúde 2 Pedro Lançós Joana Pereira 20 Técnico Auxiliar de Saúde 3 Clara Sousa Sónia Malheiro 17 Técnico de Comércio 3 Clara Sousa Luís Soares 9 Técnico de Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade 2 Marco Alves Luís Soares 13 CURSO Aprovado em: Página 16 de 92

18 CARGOS DE COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA GRUPOS DISCIPLINARES/ PROJETOS DOCENTES Língua Portuguesa/Português Marco Alves Língua Estrangeira Inglês Palmira Barbosa Língua Estrangeira Francês Elisabete Faria Cidadania e Mundo Atual/Área de Integração Lúcia Lopes Educação Física Glória Lago Tecnologias da Inf. e Comunicação e Imagem António Cunha Matemática Aplicada/Matemática Pedro Arantes Física e Química Manuela Caçador Eletricidade/Eletrónica Ana Cadete Mecânica Adelino Costa Restauração Maria João Campos Laboratório Biologia Gabriela Rodrigues Laboratório Física e Química Vila Verde Manuela Caçador Laboratório Física e Química Amares Ana Rita Gonçalves Aprovado em: Página 17 de 92

19 PROJETOS ESTRUTURANTES PROJETO COORDENADOR Desporto escolar Glória Lago Educação e promoção para a Saúde Vila Verde Joana Gomes Educação e promoção para a Saúde Amares Joana Vila Verde EPAJUDA Vila Verde Margarida Lopes EPAJUDA Amares Paula Costa Grupo de Jovens Cientistas Manuela Caçador EcoEscola Vila Verde Paula Fernandes EcoEscola Amares Clara Sá Grupo EPATeatro Cláudia Marques Estágios Transnacionais Paula Fernandes Projeto OTES Cláudia Marques Aprovado em: Página 18 de 92

20 ATIVIDADES TRANSVERSAIS OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/DATA Comemoração Dia da Escola EPATV Vila Verde 27 setembro 2013 Festa das Colheitas EPATV Vila Verde 3 a 6 Outubro 2013 Comemorar os 20 anos da escola Divulgar a escola Jantar de Gala dos 20 anos/ Beneficência EPATV 11 de outubro Sensibilizar a comunidade escolar para a importância de uma alimentação saudável Comemoração do dia da Alimentação EPATV Vila Verde, Amares e Terras de Bouro Outubro 2013 Promover o convívio da Comunidade Escolar Valorizar e divulgar os pratos tipos da época Comemoração do dia de S. Martinho EPATV Vila Verde, Amares e Terras de Bouro Novembro 2013 Promover o convívio da Comunidade Escolar Ceia de Natal EPATV (Vila Verde) Dezembro 2013 Reconhecer que a EPATV é uma escola com procedimentos e práticas ambientais reconhecidas pela ABAE/FEE e fundamentadas na Agenda XXI Hastear da Bandeira Verde EPATV Vila Verde e Amares Dezembro 2013 Festa de Natal EPATV Vila Verde, Amares e Terra de Bouro 17 Dezembro 2013 Comemorar os 20 anos da escola Contribuir para a promoção dos produtos regionais Divulgar a escola Promover o convívio da Comunidade Escolar Valorizar e divulgar os pratos tipos da época Aprovado em: Página 19 de 92

21 Elaborar a decoração da escola Evidenciar a criatividade dos alunos no concurso Pintar a Páscoa EPATV Vila Verde CMVV Semana da Europa Concurso Pintar a Páscoa Promover o convívio da Comunidade Escolar Valorizar e divulgar os pratos tipos da época Festa da Páscoa Consciencializar os alunos para a importância de uma Cidadania Europeia Divulgar a oferta formativa da escola às restantes escolas do concelho, proporcionando aos alunos uma visita guiada às instalações da escola Participar na recreação de uma época histórica. Divulgar usos e costumes da época Assinalar a passagem de Sá de Miranda pelo concelho Divulgar a oferta formativa da escola às restantes escolas do concelho Consciencializar a comunidade educativa para o sentido de responsabilidade, coesão social e de solidariedade Evidenciar a criatividade dos alunos Reforçar a eficácia dos sistemas de ensino Abril 2014 EPATV Vila Verde e Amares 4 Abril 2014 EPATV Vila Verde Maio 2014 Semana Aberta EPATV Vila Verde 5 a 9 Maio 2014 Feira Quinhentista EPATV CMVV Maio 2014 Feira do Livro Participação EPATV Amares Junho 2014 Jantar de Beneficência EPATV Vila Verde Julho 2014 Bienal na escola Ao longo do ano letivo Programa Leonardo da Vinci Participação EPATV Vila Verde Participação EPATV Vila Verde Ao longo do ano letivo Aprovado em: Página 20 de 92

22 Melhorar a aprendizagem ao longo da vida dos estados membros Programa Comenius Participação EPATV Vila Verde Ao longo do ano letivo Aprovado em: Página 21 de 92

23 SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Desenvolver competências nos jovens que permitam escolhas informadas e seguras no campo da sexualidade; melhorar relacionamentos afetivos e sexuais. Programa Eu e a minha sexualidade e Jogo dos Afetos Flor da Idade Turmas selecionadas SPO Sede e Delegação e Equipa de Saúde Escolar da UCC do Centro de Saúde de Vila Verde e de Amares Ao longo do ano Desenvolver diversas competências de vida de modo a melhorar a capacidade dos jovens de enfrentar desafios e exigências da vida. Programa de Experiências Positivas (PEP) Turmas selecionadas SPO Sede e Delegação em parceria com Universidade do Minho Ao longo do ano Sensibilizar os jovens para a problemática do bullying, promovendo comportamentos de relacionamento interpessoal saudáveis entre todos. Projeto Diz não ao Bullying Turmas selecionadas SPO Sede e Delegação em parceria com a UCC de Vila Verde e Amares Ao longo do ano Prevenir o consumo do tabaco nos jovens, promovendo comportamentos mais saudáveis. Projeto de Prevenção do Tabagismo Turmas selecionadas SPO Sede e Delegação em parceria com Unidade de Saúde Pública Ao longo do ano Incentivar os jovens na adoção de comportamentos e estilos de vida saudáveis, evitando o consumo de álcool e drogas. Programa de Prevenção das Toxicodependências Turmas selecionadas SPO Sede em parceria com a UCC de Vila Verde Ao longo do ano Promover a inclusão dos nossos jovens no mercado de trabalho, através da realização de ações, que permitam contribuir para o aumento da empregabilidade e a sua inclusão na vida ativa. Projeto CLDS VIVER+ Turmas finalistas SPO Sede em parceria com Santa Casa da Misericórdia e Câmara Municipal de Vila Verde Ao longo do ano Aprovado em: Página 22 de 92

24 Sensibilizar os jovens para a problemática da desigualdade e violência de género. Projeto Igualdade de Género Turmas selecionadas SPO Delegação em parceria com a Cruz Vermelha Portuguesa de Amares Ao longo do ano Promover competências sociais através da apresentação de uma peça de teatro interativa que representa problemáticas do contexto escolar e juvenil. Estimular o respeito pelas diferenças individuais e promover através da técnica de roleplaying a experiênciação do que é ser portador de algumas limitações físicas/cognitivas na sociedade actual. Teatrodebate Turmas selecionadas SPO Sede e Delegação em parceria com o programa Cuidate do IPDJ 1 de Outubro de 2013 Lidar com a Diferença Turmas seleccionadas 17 de Outubro de 2013 Sensibilizar para a importância de uma alimentação saudável; elaboração de um folheto sobre a importância da alimentação saudável. Dia da alimentação /Dia internacional do combate à pobreza Todas as turmas SPO Delegação e Equipa de Saúde Escolar da UCC do Centro de Saúde de Amares em parceria com a Biblioteca Municipal de Amares SPO Delegação em parceria com UCC de Amares Sensibilizar para a importância de hábitos de vida saudáveis, nomeadamente ao nível da escolha de alimentos saudáveis para consumo individual e da prática de exercício físico regular. Boas práticas para te manteres saudável Todas as turmas 12 de Novembro de 2013 Consciencializar os jovens para a problemática do consumo de tabaco e seus malefícios. Dia mundial do não fumador Sensibilizar a comunidade escolar e fomentar a reflexão dos alunos acerca da problemática da violência doméstica/ violência no namoro, no sentido de combater esta problemática. Dia mundial contra a violência doméstica/ violência no namoro Turmas selecionadas e comunidade escolar Todas as turmas SPO Delegação e Professores da área de Saúde em parceria com o hipermercado Continente de Braga e com o Prof de desporto do Lazer Viver. SPO Sede em parceria com Unidade de Saúde Pública SPO Sede e Delegação 25 de Novembro de e 17 de Outubro de de Novembro de 2013 Aprovado em: Página 23 de 92

25 Sensibilizar os jovens para a problemática das infeções sexualmente transmissíveis, nomeadamente o vírus HIV e incentivar a adoção de práticas seguras. Auxiliar os alunos finalistas na tomada de decisão relativamente aos seus projetos futuros, orientandoos no processo de candidatura ao ensino superior. Dia mundial da luta contra a Sida Todas as turmas SPO Delegação e EPAJUDA 2 de Dezembro Sessões de apoio à candidatura ao ensino superior Turmas finalistas de Cursos Profissionais SPO Sede e Delegação 2º período Promover o autoconhecimento relativamente aos interesses pessoais e profissionais; explorar a oferta formativa; promover uma tomada de decisão acertada e consciente. Consciencializar para a importância da prevenção dos maus tratos na infância através de diversas atividades de debate e reflexão sobre a temática. Programa de Orientação Vocacional Que PerCURSOS? Turma Vocacional finalista / Encarregados de Educação Turmas selecionadas SPO Sede 2º e 3º períodos SPO Sede em parceria com CPCJ de Vila Verde Abril de 2014 Proporcionar novos conhecimentos e reflexões acerca de temáticas no âmbito da saúde física e mental. Dia mundial da Saúde/ Semana da Saúde Programa Construir um Futuro SPO Sede e Delegação em parceria com UCC dos Centros de Saúde de Vila Verde e Amares SPO Sede e Delegação 3 de Abril de 2014 Preparação dos alunos finalistas para a inserção no mercado de trabalho, através do treino de competências de empregabilidade e técnicas de procura de emprego. Avaliar os conhecimentos gerais de saúde trabalhados nas sessões e actividades temáticas dinamizadas ao longo do ano lectivo pela parceria entre o SPO e a Equipa de Saúde Escolar. Promover a prática de exercício físico e avaliar os conhecimentos gerais dos alunos em relação à temática dos estilos de vida saudáveis. Turmas selecionadas e comunidade escolar Turmas finalistas de Cursos Profissionais Olimpíadas da Saúde Todos os alunos Março de 2014 Peddy Paper circuito Trilhos da Abadia (no âmbito da comemoração do Dia do Coração) Turmas selecionadas SPO Delegação e Equipa de Saúde Escolar da UCC do Centro de Saúde de Amares SPO Delegação e Equipa de Saúde Escolar da UCC do Centro de Saúde de Amares Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância 3º período Abril/ Maio de 2014 Aprovado em: Página 24 de 92

26 Divulgar a oferta formativa da EPATV às escolas dos concelhos de Vila Verde, Amares e Braga, proporcionando aos alunos uma visita guiada às instalações da escola. Divulgar a oferta formativa da EPATV às escolas do concelho de Amares, proporcionando aos alunos uma visita guiada às instalações da escola. Semana da Escola Aberta Escola Aberta Alunos finalistas das escolas dos concelhos vizinhos Alunos finalistas das escolas do concelho de Amares SPO Sede e Docentes 5 a 9 de Maio de 2014 SPO Delegação de Amares e Docentes Maio de 2014 Aprovado em: Página 25 de 92

27 GRUPO DE TEATRO OBJETIVOS ESPECÍFICOS Adaptar ou criar um texto dramático; Representar; Promover o espírito de equipa; Desenvolver competências artísticas. ATIVIDADE Representação teatral ANO(s) EPATeatro ORGANIZAÇÃO Cláudia Marques Carla Guimarães CALENDÁRIO/ DATA 2º Período fevereiro Aprovado em: Página 26 de 92

28 GRUPO EPAJUDA VILA VERDE OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Colaborar e dinamizar a atividade. Promover o envelhecimento ativo. Aula Ginástica para seniores e jovens Margarida Mota Lopes Sílvia Sá Grupo EPAJUDA Centro social Vila Verde 4 de outubro Campanhas de angariação e distribuição de alimentos Recolha e distribuição de alimentos Ao longo do ano Promover práticas de voluntariado Divulgar o grupo EPAJUDA Concentração/concurso de chapéus na festa das colheitas Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá José Dantas José Pontes Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Grupo EPAJUDA Colaboração com o clube UMMistas na angariação de alimentos na atividade da bênção dos jipes UMM Angariação de Alimentos Margarida Mota Lopes Ana Cadete Grupo EPAJUDA 6 de outubro Colaborar na receção dos convidados no jantar de beneficência Apoio na organização e realização do evento Jantar de beneficência Margarida Mota Lopes Sílvia Sá Grupo EPAJUDA 11 de outubro 5 de outubro Aprovado em: Página 27 de 92

29 Sensibilizar a comunidade para o combate à pobreza Distribuição de cabazes alimentares pelas famílias carenciadas do concelho Promover o voluntariado na escola Divulgar projetos e práticas de voluntariado na comunidade Dia da erradicação da pobreza Margarida Mota Lopes Ana Cadete Grupo EPAJUDA Outubro Dia internacional dos voluntários Dezembro Elaboração e venda de produtos de forma a angariar verbas para apoio a projetos da EPAJUDA Promover a criatividade e cooperação dos alunos Feira de Natal Promoção de práticas de voluntariado junto da comunidade. Recolha de alimentos II Convívio UMMistas Divulgação de talentos artísticos dos alunos Noite solidária. Realização de ações de sensibilização e medidas promotoras do: Combate á pobreza e à fome Conviver com a diferença População sénior Projeto Energia com vida EDP Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá José Dantas José Pontes Sara Pimenta Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá Sara Pimenta José Dantas José Pontes Glória Lago Grupo EPAJUDA Grupo desporto escolar Grupo UMMistas Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá Sara Pimenta José Dantas José Pontes Grupo EPAJUDA SPO Dezembro 3º Período Ao longo do ano. Aprovado em: Página 28 de 92

30 Promoção de talentos artísticos dos alunos Angariação de verbas e alimentos Karaoke Promoção de práticas de voluntariado/animação na comunidade Dia Mundial da Criança Promoção dos cursos da área de eletrotecnia Aplicação de conhecimentos e práticas oficinais Apoio a famílias carenciadas com equipamentos recuperados Reparação de equipamentos na área de eletrotecnia Promoção de práticas de voluntariado Divulgar a cultura e tradições Angariar verbas para apoio de projetos do grupo Grupo folclore EPAJUDA Promover práticas de voluntariado na comunidade Apoiar instituições na organização de eventos Realizar campanhas de solidariedade Dia Solidário Sensibilização dos alunos e encarregados de educação sobre esta temática Prevenção de ações de bulling Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá Sara Pimenta José Dantas José Pontes Curso Fotografia Margarida Mota Lopes Grupo EPAJUDA 2º Período Ana Cadete José Pontes Vítor Machado Margarida Mota Lopes Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Ana Cadete Grupo EPAJUDA Ao longo do ano Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sílvia Sá Sara Pimenta José Dantas José Pontes Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Ana Cadete Sara Pimenta Grupo EPAJUDA SPO e CPCJ Ao longo do ano Junho Ao longo do ano Ao longo do ano Aprovado em: Página 29 de 92

31 Apoio a projetos de instituições de apoio à comunidade: Promover o voluntariado Promoção do grupo de voluntariado junto da comunidade local Partilha de saberes e de tradições populares Ações de intervenção na comunidade Concurso dos Maios Promoção de práticas de voluntariado Transmissão de técnicas de autoajuda, valorização pessoal, resolução de pequenos problemas do diaadia e apoios sociais. Projeto I Hope Cidadania e Autonomia Celebração da quadra festiva associada à promoção do voluntariado com a venda de rifas e bolacha solidária Missa Pascal Margarida Mota Lopes Ana Cadete Grupo EPAJUDA Instituições sociais locais Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Ao longo do ano Grupo EPAJUDA Equipa do projeto I Hope Margarida Mota Lopes Sílvia Sá Centro social de Vila Verde Grupo EPAJUDA Margarida Mota Lopes Sílvia Sá Ana Cadete e Sílvia Sá Ao longo do ano Abril e Maio Abril Aprovado em: Página 30 de 92

32 GRUPO EPAJUDA AMARES OBJETIVOS ESPECÍFICOS Sensibilizar a comunidade escolar para a problemática da pobreza, através da entrega de cabazes a famílias carenciadas do concelho. Capacitar a comunidade escolar de competências relacionais e comunicacionais no âmbito da saúde mental e envelhecimento; Demonstrar a importância do voluntariado na perspetiva do voluntário e do utente. Sensibilizar a comunidade escolar para a problemática da pobreza, através da entrega de bens materiais nos cabazes a famílias carenciadas do concelho. Aproximar a comunidade idosa de Amares dos alunos voluntários; Possibilitar a entrega de bens alimentares aos idosos referenciados pela Segurança Social da Câmara Municipal de Amares. ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Dia Internacional do combate à pobreza Recolha de Alimentos (supermercados Galego, Intermarchê e Lidl) Dia do Voluntariado: Sessão de partilha de experiências de voluntariado (Cruz Vermelha, Banco Alimentar contra a Fome, Habitat e aluna/voluntária do curso Técnico Auxiliar de Saúde 3ºano) Sessão de sensibilização: Socorro Voluntário Cruz Vermelha Portuguesa. Recolha de Bens materiais (brinquedos e roupas) Alunos voluntários Delegação EPAJUDA Novembro 2013 Março 2014 Maio 2014 Alunos voluntários Delegação EPAJUDA 10 de Dezembro 2013 Comunidade escolar Delegação EPAJUDA Novembro de 2013 Lanche Solidário (com animação de concertinas e atividades) Alunos voluntários Delegação EPAJUDA 20 de Dezembro 2013 Aprovado em: Página 31 de 92

33 Angariar recursos económicos para os alunos carenciados, através da venda de bolachas e compotas pelos voluntários; Dia de São Valentim (Bolachas e compotas solidarias) Alunos voluntários (alunos do 2º e 3º ano) Alunos do Curso Técnico de Termalismo acompanhados por formador de área técnica Alunos voluntários Delegação EPAJUDA 14 de Fevereiro 2014 Aproximar as famílias dos alunos da escola; Possibilitar a divulgação da oferta formativa e qualidade das técnicas executadas pelos alunos; Determinar possíveis necessidades presentes nas famílias dos alunos, nomeadamente situação de desemprego. Envolver o grupo de voluntários nas atividades recreativas com fins de angariação de fundos, através da venda de rifas; Aproximar parceiros locais das iniciativas organizadas pela escola. Envolver o grupo de voluntários nas atividades gerais da escola; Motivar à participação de atividades com e para toda a comunidade escolar. Proporcionar o reconhecimento/agradecimento aos alunos voluntários durante todo o ciclo formativo, através da participação em atividades desportivas e recreativas em espaço aberto. Dia da Mulher (oferta de serviços de SPA às mães dos alunos da Delegação) Delegação EPAJUDA 7 de Março de 2014 Delegação EPAJUDA 28 de Março de 2014 Missa Pascal Alunos voluntários e Grupo EPAJUDA Delegação EPAJUDA 4 de Abril de 2014 Dia Radical Alunos voluntários (finalistas) Delegação EPAJUDA Maio 2014 Noite Solidária Aprovado em: Página 32 de 92

34 GRUPO/CLUBE INTEGRAR OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Promover a interdisciplinaridade; Desenvolver a criatividade; Criar a identidade do Clube Integrar. Criação do logótipo do clube Todas as turmas Grupo Integrar 1.º Período Assinalar o Dia da Floresta; Sensibilizar a comunidade educativa para a preservação da floresta; Promover a interdisciplinaridade; Criar espírito de equipa. Comemoração do Dia da Floresta Realização de um piquenique e/ou acampamento (Parque de Campismo de Aboim da Nóbrega) ou outra atividade desenvolvida em espaço florestal. Realização de atividades ao ar livre em parceria com os Escuteiros. Plantar árvores nas zonas atingidas pelos incêndios. Todas as turmas Grupo Integrar 21 de março de 2014 Comemoração do Dia do Ambiente Participação na iniciativa Limpar Portugal Todas as turmas Grupo Integrar 5 de junho de 2014 Dia da alimentação ecológica Criação de fornos solares para elaboração das refeições do dia. Todas as turmas Grupo Integrar 3.º Período Assinalar o Dia do Ambiente; Sensibilizar a comunidade educativa para a preservação do ambiente: Promover a interdisciplinaridade Criar espírito de equipa. Sensibilizar a comunidade educativa para a preservação do ambiente; Associar os diferentes cursos/áreas de aprendizagem em prol do ambiente; Criar espírito de equipa. Aprovado em: Página 33 de 92

35 Sensibilizar a comunidade educativa para a separação de resíduos (Tinteiros e toners, Pilhas e eletrodomésticos); Aplicar competências dos diferentes cursos/áreas de aprendizagem em prol do ambiente; Criar espírito de equipa. Construção de eco pontos Todas as turmas Grupo Integrar 1.ª Período Desenvolver o espírito de grupo; Fortalecer relações interpessoais; Contactar com a Natureza. Percursos pedestres Professores Grupo Integrar Ao longo do ano letivo Sensibilizar a comunidade educativa para a prevenção de incêndios florestais. Palestra Prevenção contra incêndios Turmas a definir Grupo Integrar 3.ª Período Aprovado em: Página 34 de 92

36 PROJETO ECOESCOLAS AMARES OBJETIVOS ESPECÍFICOS Conhecer as causas e os efeitos do aumento do consumo de energia; Conhecimento de várias fontes de energia e os impactos que tem no ambiente; Promover uma utilização racional da energia; Promover uma energia inesgotável e verificar as suas vantagens ambientais. ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Visita Estudo Celorico de Basto Parque Eólico das Terras Altas T. Comunicação (2ºano) T. Comércio ( 3ºano) Membros EcoEscolas 2ºPeríodo (Final janeiro) Visita Estudo Serralves e Pavilhão da Água T. Comunicação (2ºano) T. Saúde ( 2ºano) Membros EcoEscolas 1ºPeríodo (2ª semana novembro) Visita Estudo Trilho no Gerês Todas as Turmas Membros EcoEscolas 3ºPeríodo (1ª semana de maio) Conhecer estratégias para a poupança de água; Conhecer as origens de poluição de águas; Conhecer as causas do desaparecimento de água potável; Mudar comportamentos face ao consumo de água na escola e em casa dos alunos; Comemorar o dia da água; Contactar com a diversidade de Serralves, do seu património arbóreo e arbustivo composto por vegetação autóctone e exótica. Conhecer os cursos de água da nossa região; Fomentar nos alunos o gosto pela floresta; Preservar e conhecer a biodiversidade da nossa região; Comemorar os dias do ambiente e da biodiversidade; Usufruir do património natural e cultural da nossa região. Aprovado em: Página 35 de 92

37 Promover a valorização dos resíduos; Conhecer os benefícios de uma correta separação dos resíduos; Fomentar a separação dos resíduos; Conhecer o destino dos resíduos produzidos na região; Conhecer o estado de conservação/poluição da água da nossa região. Visita Estudo Braval e ETA T. Termalismo (1ºano) T. Saúde 3ºano) Membros EcoEscolas 2ºPeríodo (Final fevereiro) ( Aprovado em: Página 36 de 92

38 GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA PORTUGUESA/PORTUGUÊS OBJETIVOS ESPECÍFICOS Motivar para a leitura e criação de textos; Aprofundar o conhecimento de autores portugueses; Relacionar os conteúdos programáticos com outras formas de manifestação artísticocultural. Motivar para a leitura e criação de textos; Aprofundar o conhecimento de autores portugueses; Relacionar os conteúdos programáticos com outras formas de manifestação artísticocultural. Promover a permuta de livros, ideias, entre alunos e professores, promovendo um intercâmbio literário; Compreender o poder da palavra. Motivar para a leitura, criação de textos e sua representação. Fomentar o gosto pelo teatro; Motivar para a leitura, criação de textos e sua representação; Aprofundar o conhecimento de autores portugueses; Relacionar os conteúdos programáticos com outras formas de manifestação artísticocultural. ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Dia da Poesia Todos Grupo Disciplinar Semana das Línguas Olimpíadas do Português Todos Grupo Disciplinar Semana das Línguas Grupo Epaleitura Todos Grupo Disciplinar Ao longo do ano letivo Teatro Todos Grupo Disciplinar Ao longo do ano letivo Aprovado em: Página 37 de 92

39 GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA ESTRANGEIRA INGLÊS OBJETIVOS ESPECÍFICOS Incentivar o convívio sadio entre alunos e docentes; Adquirir hábitos de intervenção e de trabalho colaborativo; Desenvolver o espírito criativo dos alunos; Contactar com tradições oriundas de países de expressão inglesa; Demonstrar interesse e curiosidade em conhecer outras realidades socioculturais; Aplicar os conhecimentos teóricos da disciplina de Inglês; Desenvolver as capacidades de compreensão e expressão oral e escrita; ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA HALLOWEEN Concurso de Abóboras decoradas de acordo com a saída profissional de cada curso Filme alusivo ao dia das bruxas. Todas as turmas da escola Grupo disciplinar de inglês 1º período 31 de outubro Todas as turmas da escola Grupo disciplinar de inglês 2º período 26 de fevereiro DIA DO INGLÊS Exposição de trabalhos alusivos à cultura inglesa; English Breakfast English Lunch Concurso A Question of English V Aprovado em: Página 38 de 92

40 GRUPO DISCIPLINAR DE LÍNGUA ESTRANGEIRA FRANCÊS Aprovado em: Página 39 de 92

41 GRUPO DISCIPLINAR DE CIDADANIA E MUNDO ATUAL/ÁREA DE INTEGRAÇÃO OBJETIVOS ESPECÍFICOS Promover a interdisciplinaridade Desenvolver a criatividade Criar a identidade do Clube Europeu EPATV Promover a interdisciplinaridade Criar espirito de equipa Promover a interdisciplinaridade Fomentar o conhecimento sobre a cultura dos países da União Europeia Promover a interdisciplinaridade Criar espirito de equipa Desenvolver conhecimentos sobre a União Europeia Assinalar o Dia da Europa Sensibilizar a comunidade educativa para o funcionamento da União Europeia Sensibilizar a comunidade educativa para as temáticas abordadas pela União Europeia Desenvolver aprendizagens ajustadas aos conteúdos programáticos Desenvolver a capacidade criativa e o espírito crítico ATIVIDADE Criar Logotipo para clube europeu Espaço Europeu EPATV Criar um clube europeu interdisciplinar (Definir horário e espaço (talvez sala do aluno) para promoção de atividades lúdicas educativas) Dinamizar a sala do aluno/ Espaço Europeu com trabalhos sobre países da UE ANO (s) Turmas a definir Todos os anos Todos os anos ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu Alargar a outros elementos da comunidade educativa Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu Peddy papper: Orientação e União Europeia Todos os anos Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu Glória Lago Comemoração do dia da Europa Todos os anos Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu Participação em concursos/ atividades promovidas por entidades ligadas à educação De acordo com regulamento Grupo disciplinar AI/CMA e Clube Europeu 1.º Período 1.º Período 1.º Período 2.º Período 3.º Período Ao longo do ano de acordo com agenda proposta pela entidade organizadora Aprovado em: Página 40 de 92

42 GRUPO DISCIPLINAR DE EDUCAÇÃO FÍSICA OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Mobilizar e incentivar os alunos para a prática desportiva; Valorizar uma identidade e uma imagem própria da Escola. Flash mob Comunidade Escolar Comissão 20 anos epatv, grupo de educação física 1º Período Promover o envolvimento responsável e uma participação ativa de todos os intervenientes no processo educativo. Valorizar uma identidade e uma imagem própria da Escola. Promover hábitos de vida saudável; Cooperar nas situações de aprendizagem e de organização; Assumir compromissos e responsabilidades de organização. Incentivar os alunos para a prática de Atividade Física; Fomentar nos alunos o espírito de equipa e cooperação. Relacionarse com cordialidade e respeito pelos seus companheiros, quer no papel de parceiros quer no de adversários Incentivar os alunos para a prática de Atividade Física. Corta mato Comunidade Escolar Grupo de Educação Física 1º Período Formação de arbitros Alunos selecionados CLDE 1º Período Torneio de Futsal Comunidade Escolar Grupo de Educação Física 2º Período I Encontro Inter escolas Comunidade Escolar Grupo de Educação Física 2º Período Aprovado em: Página 41 de 92

43 Dinamizar uma atividade de Desporto Aventura; Mobilizar e incentivar os alunos para a prática de atividades ao ar livre, que os estimulem e que desafiem os seus limites. Dia Radical Comunidade Escolar Grupo de Educação Física 2º Período Apreciar, compor e realizar sequências de elementos técnicos da Dança em coreografias individuais e de grupo, correspondendo aos critérios de expressividade, de acordo com os motivos das composições. Promover o envolvimento responsável e uma participação ativa de todos os intervenientes. Incentivar a prática de atividade Valorizar uma identidade e uma imagem própria da Escola. Valorizar uma identidade e uma imagem própria da Escola. Incentivar a prática de atividade física. Encontros de dança atividade externa Grupo de dança CLDE 2º Período Gym em festa atividade externa Grupo de dança CLDE e Universidade do Minho 2º Período CortaMato Distrital atividade externa CLDE 2º Período Cooperar com os companheiros para o alcance do objetivo dos Jogos Desportivos Coletivos; Incentivar a prática de atividade física. Torneios Universidade do Minho atividade externa Alunos apurados do cortamato escolar Alunos selecionados Universidade do Minho 2º Período Dinamizar uma atividade escolar com a colaboração de professores de outras disciplinas; Incentivar a prática de atividade física ao ar livre; Promover a interdisciplinaridade nas atividades da Escola. Peddypaper Comunidade Escolar Grupo de Educação Física; Grupo de Área Integração; 3º Período Promover o envolvimento responsável e uma participação ativa de todos os intervenientes no processo educativo. Criar e desenvolver nos alunos uma cultura cívica, Dia Mundial da Dança Workshop de dança Comunidade Escolar Grupo de Educação Física 3º Período Aprovado em: Página 42 de 92

44 melhorando os comportamentos e as atitudes em contexto escolar com vista à obtenção de um bom desempenho pessoal e académico. Desenvolver a estratégia, a astúcia e a utilização de movimentos corporais. Mobilizar os alunos da escola a participarem ativamente num espetáculo; Desenvolver nos alunos, a capacidade de organização e preparação de um espetáculo; Estimular os alunos a aplicarem sua criatividade e originalidade; Promover atitudes de solidariedade, cooperação, civismo e respeito pelos direitos humanos. Noite Solidária Comunidade Escolar Grupo de Educação Física em colaboração com o Grupo de Voluntariado. 3º Período Aprovado em: Página 43 de 92

45 GRUPO DISCIPLINAR DE MATEMÁTICA/MATEMÁTICA APLICADA OBJETIVOS ESPECÍFICOS Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática. Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática. ATIVIDADE Participação nas ANO(s) XXXII Olimpíadas da Matemática. Participação no Canguru Matemático. CEF s, Vocacionais e profissionais. CEF s, Vocacionais e profissionais. ORGANIZAÇÃO Grupo de Matemática CALENDÁRIO/ DATA 08 de novembro 2013 Grupo de Matemática Março de 2014 Grupo de Matemática 29 de abril de 2013 Desenvolver o raciocínio, a estratégia e a reflexão aliados ao desafio e à competição de uma forma lúdica; Desenvolver o cálculo mental e a capacidade de utilizar a matemática na interpretação e intervenção no real; Desenvolver a curiosidade e o gosto em aprender; Aplicar conhecimentos matemáticos já adquiridos; Desenvolver uma dinâmica de trabalho individual ou em grupo; Conhecer e explorar diferentes materiais didácticos Jogo Quem quer ser Matemático 5º edição Jogo onde os alunos divididos por Cursos equipas têm como objectivo profissionais. cumprir diversas questões de matemática; relacionados com a disciplina; Desenvolver a capacidade de raciocínio. Aprovado em: Página 44 de 92

46 Incentivar ao espírito de entreajuda e de trabalho em equipa. Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática. Percecionar a importância da matemática na tecnologia. Reconhecer a aplicabilidade da matemática noutras áreas do saber. Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática; Relacionar a matemática com situações reais. Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática; Desenvolver o raciocínio, a estratégia e a reflexão aliados ao desafio e à competição de uma forma lúdica; Desenvolver o cálculo mental; Desenvolver a capacidade de utilizar a matemática na interpretação e intervenção no real; Participação no III Torneio de Jogos Romanos de tabuleiro e concurso O melhor tabuleiro de jogo. A matemática necessária para o movimento de robots Professor da Universidade do Cursos CEF s e Vocacionais. Clube da Robótica. Grupo de Matemática Maio de 2013 Grupo de Matemática 4 de dezembro 2013 Grupo de Matemática Janeiro de 2014 Grupo de Matemática Fevereiro de 2014 Grupo de Matemática Minho. Apostas múltiplas no euromilhões Professor da Universidade do Minho. Cursos Profissionais. Problema de empacotamento Como arrumar um conjunto de caixas com medidas diferentes num contentor? Professor da Cursos Profissionais. Universidade do Minho. Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática de um Dinamizar uma ou duas páginas modo lúdico. da revista TER. Toda a comunidade Aprovado em: Página 45 de 92

47 Percecionar a importância da matemática na música. A Matemática e a música rock Incentivar e desenvolver o gosto pela matemática. Professor Jaime Carvalho e Silva Cursos Profissionais. Grupo de Matemática 2º Período Aprovado em: Página 46 de 92

48 GRUPO DISCIPLINAR DE FÍSICA E QUÍMICA OBJETIVOS ESPECÍFICOS Enriquecer a comunidade escolar e local a nível científico Fomentar o espírito crítico e científico Promover o interesse pela disciplina de física e química Reconhecer a importância da química e da física no diaadia ATIVIDADE ANO(s) Dia da Química e da Física Cursos profissionais e de educação formação com a disciplina de física e química ORGANIZAÇÃO Grupo disciplinar de física e química CALENDÁRIO/DATA Fevereiro 2014 Aprovado em: Página 47 de 92

49 GRUPO DISCIPLINAR DE INFORMÁTICA, COMUNICAÇÃO E IMAGEM OBJETIVOS ESPECÍFICOS Efetuar o registo, arquivo e promoção de todas as atividades da escola; Envolver alunos e professores na definição e criação dos conteúdos do canal, de uma forma interdisciplinar; Promover a escola; Envolver e motivar os alunos, através da aplicação dos conhecimentos técnicos adquiridos; Funcionar como ligação com os diferentes intervenientes educativos e com as empresas. Promover o gosto pela fotografia; Incentivar a criatividade com recursos aos dispositivos tecnológicos que os alunos têm, no quotidiano, ao dispor. Sensibilizar para os perigos no uso da Internet, em particular as redes sociais; Entender o conceito de pegada digital; Conhecer os novos meios de comunicação e as perspetivas futuras. Promover o gosto pela edição vídeo Incentivar, em conjunto com os professores de português, o gosto pela escrita e pela poesia. ANO(s) Criação do canal de TV CEF s, Vocacionais e profissionais. Grupo de ICI Durante o ano letivo Concurso fotográfico CEF s, Vocacionais e profissionais e alunos de outras escolas Turma de Fotografia, com a colaboração do Grupo de ICI 2º Período CEF s, Vocacionais e profissionais e Professores António Cunha e José Dantas, com a colaboração do Grupo de ICI 5 de Fevereiro CEF s, Vocacionais e profissionais. Turma de Multimédia, com a colaboração do Grupo de ICI 14 de Fevereiro Internet e a Sociedade da Informação: Palestras e Workshosp, em parceria com o IPCA e a Casa do Conhecimento para evocar o Dia da Internet Segura e o Dia Mundial da Sociedade da Informação Dia dos Namorados: gravação, edição e publicação de mensagens vídeo para o(a) namorado(a) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA ATIVIDADE Aprovado em: Página 48 de 92

50 Mostra didática e exposição de materiais e respetiva documentação da área do Design Gráfico Contacto direto com o mundo empresarial Estimular a partilha de conhecimentos entre a comunidade escola. Compreender os processos atuais e tradicionais da gravura através do fazer artístico e da leitura de imagens; Ler diferentes tipos de imagens como forma de estabelecer relações entre as tipologias e o formato específico com que cada uma expõe a sua temática; Conhecer a história do surgimento das tecnologias de impressão e multiplicação de imagens; Produzir matrizes e reproduzir imagens através da Gravura tendo em vista o conhecimento das técnicas e a composição artística possibilitada pelas mesmas. Dia Internacional do Design Gráfico Conversas sobre Design Gráfico II CEF s, Vocacionais e profissionais. Professora Sara Pimenta, com a colaboração do Grupo de ICI Workshop de Photoshop (ex.:"como transformar uma fotografia, num quadro popart") CEF s, Vocacionais e profissionais. Corpo docente e colaboradores Alunos de fotografia e/ou design gráfico (Professora Sara Pimenta, com a colaboração do Grupo de ICI) Workshop de Gravura CEF s, Vocacionais e profissionais. Professores Fátima Pimenta e Ricardo Cabral, com a colaboração do Grupo de ICI 2º Período Aprovado em: Página 49 de 92

51 VILA VERDE Cursos Profissionais Técnico de Análise Laboratorial OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Aprofundar o conhecimento sobre síntese de moléculas e propriedades físicoquimicas de alguns cosméticos. Dia dos Namorados 3º ano Magda Gomes Fevereiro 2014 Reconhecer a importância da Química no diaadia; Motivar os alunos para o estudo das Ciências, aprofundando os conteúdos abordados na disciplina de Análises Químicas; Contactar com profissionais da área da Investigação. Reconhecer a importância da Química no diaadia; Compreender e Aplicar a técnica de ADN recombinante manipulando bactérias. Neurocientistas vão às Escolas 3º ano Manuela Caçador Março 2014 Visita ao laboratório Aberto do IPATIMUP 3º ano Manuela Caçador Março 2014 Reconhecer a importância da Química no diaadia; Motivar os alunos para o estudo das Ciências, aprofundando os conteúdos abordados na disciplina de Análises Químicas; Contactar com profissionais da área da Investigação. Reconhecer a importância Visita de Estudo ao Laboratório da DRANP e do Centro de Histocompatibilidade no Porto 3º ano Manuela Caçador Abril 2014 Aprovado em: Página 50 de 92

52 da Química no diaadia; Reconhecer a importância da Química no diaadia; Motivar os alunos para o estudo das Ciências, aprofundando os conteúdos abordados na disciplina de Análises Químicas; Contactar com profissionais da área da Investigação. Reconhecer a importância da Química no diaadia; Visita de estudo Fundação Champalimaud e ITQB 3º ano Manuela Caçador Maio 2014 Aprovado em: Página 51 de 92

53 Técnico de Audiovisuais OBJETIVOS ESPECÍFICOS ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/ DATA Realizar registos audiovisuais e edição da atividade das abóboras do halloween Halloween, produção de esculturas do dia das bruxas 1ºano Grupo disciplinar de inglês/área tecnológica do curso Iº Período Adquirir conhecimentos em contexto real de trabalho de produção audiovisual Visita à Plural produtora de TV, nomeadamente de telenovelas 1ºano Área Tecnológica do Curso IIº Período Adquirir conhecimentos empíricos de registo e difusão áudio em contexto de trabalho. Visita à Rádio Universitária do MinhoBraga 1ºano Área Tecnológica do Curso IIº Período Produção e Realização de uma grelha de Programas para circuito interno TV/ emissão via internet Grelha para circuito interno de TV na EPATV 1ºano Área Tecnológica do Curso IIIº Período Contacto com as diversas variantes de criatividade sonora. Escolha de bandas sonoras para produtos audiovisuais Visita à Casa da MúsicaPorto 1ºano Área Tecnológica do Curso IIIº Período Aprovado em: Página 52 de 92

54 Técnico de Eletrotecnia OBJETIVOS ESPECÍFICOS Conhecer equipamentos de montagens de sinal para áudio e vídeo. Identificar sinalização de segurança. Contatar com ferramentas e aparelhos de medida. Proporcionar aos alunos um contato com as diferentes formas de comercialização de equipamentos elétricos e eletrónicos. Permitir que os mesmos possam confrontar o que têm aprendido nas aulas teóricas/práticas com a realidade. Visualizar e contactar diretamente com as várias tecnologias. Verificar diferentes procedimentos e normas de boas práticas. Contatar com uma empresa de construção de todo o tipo de baterias Facultar uma visão geral da produção de Energia elétrica em grande escala. Observar uma empresa de reparação e manutenção de navios de grande porte. Assistir ao processo de produção de equipamentos elétricos e tecnologia envolvida. Contato direto com o mundo empresarial; Alargar os conhecimentos dentro das diversas áreas da Eletricidade; Intercâmbio de conhecimentos entre os vários alunos das áreas tecnológicas; ATIVIDADE ANO(s) ORGANIZAÇÃO CALENDÁRIO/DA TA Visita de estudo Televés na Maia Scheneider 2º e 3º Anos Vítor Machado Visita de estudo. Exit, museu da ciência (lisboa) Lisnave, Central Hidroelétrica do Alqueva e Centauro. 2º e 3º Anos Vítor Machado 12,13 e 14 de Março de 2014 VIII Ciclo de palestras 2013/14 Eletricidade e eletrónica Todos os cursos da área Todos os professores da área Durante o ano letivo. 2013/14 Novembro de 2013 Aprovado em: Página 53 de 92

Plano Anual de Atividades 2014/2015 INTRODUÇÃO... 6 EIXOS ESTRATÉGICOS DE ATUAÇÃO... 7

Plano Anual de Atividades 2014/2015 INTRODUÇÃO... 6 EIXOS ESTRATÉGICOS DE ATUAÇÃO... 7 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 6 EIXOS ESTRATÉGICOS DE ATUAÇÃO... 7 PROCEDIMENTOS A TER EM CONSIDERAÇÃO NO DESENVOLVIMENTO DAS ATIVIDADES... 8 ORGANIZAÇÃO DO ANO ESCOLAR... 9 HORÁRIO ESCOLAR... 9 POPULAÇÃO ESCOLAR

Leia mais

PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL

PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL MUNICÍPIO DE VOUZELA PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL 2014/2015 Designação da Formação Toxicodependências Programa de Respostas Integradas As Crianças Marcam a Diferença! Natação 1º Ciclo Prolongamento de Horário

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016. Associação Sénior de Odivelas

PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016. Associação Sénior de Odivelas PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016 Associação Sénior de Odivelas A Universidade Sénior de Odivelas é um projecto inovador que tem por base a promoção da qualidade de vida dos seniores de Odivelas, fomentando

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede 1. Identificação DEPARTAMENTO: Pré-Escolar PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES - PROPOSTA DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO - 2010 / 2011 Coordenador(a):

Leia mais

Plano de Atividades 2014-15. Gabinete de Serviço Social

Plano de Atividades 2014-15. Gabinete de Serviço Social Plano de Atividades 2014-15 Gabinete de Serviço Social 1. Voluntariado e Dinamização da Comunidade 1.1. Clube Social 1.2. Projeto Conhecer a Terceira Idade 1.3. Campanha de Natal 1.4. Campanha Papel por

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período ATIVIDADE OBJETIVO INTERDISCIPLI- NA-RIDADE LIGAÇÃO AO PROJETO EDUCATIVO DINAMIZADORES E ACOMPANHANTES PÚBLICO-ALVO (Referir turma) CALENDARIZAÇÃ O CUSTOS

Leia mais

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA INED INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO PROJETO EDUCATIVO MAIA PROJETO EDUCATIVO I. Apresentação do INED O Instituto de Educação e Desenvolvimento (INED) é uma escola secundária a funcionar desde

Leia mais

Plano de Acção. Rede Social 2011/2012

Plano de Acção. Rede Social 2011/2012 Plano de Acção - Rede Social Plano de Acção Rede Social Conselho Local da Acção Social de Figueira de Castelo Plano de Acção Rede Social Acções a desenvolver Objectivos Resultados esperados Calendarização

Leia mais

Entidades Promotoras de Voluntariado Lourinhã

Entidades Promotoras de Voluntariado Lourinhã Entidades Promotoras de Voluntariado Câmara Municipal da Casa do Povo da Casa Pia de Lisboa Centro Social e Paroquial da ADAPECIL Associação Juvenil Tá a Mexer GEAL Junta de Freguesia de Ribamar LOURAMBI

Leia mais

PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012

PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012 PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012 PROJETO EDUCAR PARA A SAÚDE Atividades a desenvolver Dia mundial da alimentação - Disponibilizar fruta grátis no bar da escola. - Disponibilizar

Leia mais

Educação para a Cidadania linhas orientadoras

Educação para a Cidadania linhas orientadoras Educação para a Cidadania linhas orientadoras A prática da cidadania constitui um processo participado, individual e coletivo, que apela à reflexão e à ação sobre os problemas sentidos por cada um e pela

Leia mais

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes Consciencializar toda a Comunidade Escolar para a Preservação do Meio Envolvente; Sensibilizar a comunidade para a poupança de recursos, promovendo a reutilização e a reciclagem. Valorizar a Educação para

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2013/14

PLANO DE AÇÃO 2013/14 Tema Diagnóstico (situações a melhorar) Objetivo(s) Meta(s) Ações e Atividades Previstas Sensibilizar a comunidade escolar para a necessidade crescente de reutilização de materiais; PLANO DE AÇÃO 2013/14

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO)

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PÚBLICAS DO CONCELHO DE PROENÇA-A-NOVA (3ª ACTUALIZAÇÃO) (3ª Actualização JULHO/2008) 1 Mês: Abril/2008 ANULAR (Estava na 1ª versão sem data) ANULAR (estava na 2ª versão para o 3º

Leia mais

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais:

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: PROGRAMA AÇÃO 2015 O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: - Preservar a identidade da Instituição, de modo especial no que respeita a sua preferencial ação junto das pessoas, famílias e grupos

Leia mais

Nota Introdutória. Objetivos da Biblioteca Escolar (de acordo com o MANIFESTO IFLA/UNESCO PARA BIBLIOTECA ESCOLAR)

Nota Introdutória. Objetivos da Biblioteca Escolar (de acordo com o MANIFESTO IFLA/UNESCO PARA BIBLIOTECA ESCOLAR) Nota Introdutória Objetivos da Biblioteca Escolar (de acordo com o MANIFESTO IFLA/UNESCO PARA BIBLIOTECA ESCOLAR) Apoiar e promover os objetivos educativos definidos de acordo com as finalidades e currículo

Leia mais

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades Externato Cantinho Escolar Plano Anual de Atividades Ano letivo 2014 / 2015 Pré-escolar e 1º Ciclo Ação Local Objetivos Atividades Materiais Recursos Humanos Receção dos Fomentar a integração da criança

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER - Código 151427 PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER - Código 151427 PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3. PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3.º CICLOS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER 2013/2017 O Projeto Plurianual de Atividades do Agrupamento de Escolas Sophia de Mello

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas Visita de estudo Geografia Conhecer o funcionamento de uma unidade industrial; Reconhecer a importância da atividade industrial na economia. Geografia e Alunos do 9º Ano Unidade Industrial 2ºPeríodo Visita

Leia mais

1 ENTIDADES PARCEIRAS PROMOTORAS DE VOLUNTARIADO Se tem uma sugestão de ação voluntária, uma competência especial ou específica

1 ENTIDADES PARCEIRAS PROMOTORAS DE VOLUNTARIADO Se tem uma sugestão de ação voluntária, uma competência especial ou específica Data última atualização: 05 Novembro de 2012 Índice 1 - Entidades parceiras promotoras de voluntariado 2- Projetos específicos de voluntariado 1 ENTIDADES PARCEIRAS PROMOTORAS DE VOLUNTARIADO Se tem uma

Leia mais

Conhecer, sentir e viver a Floresta

Conhecer, sentir e viver a Floresta Projeto de Sensibilização e Educação da População Escolar Conhecer, sentir e viver a Floresta 2011-12 Floresta, Fonte de Vida Guia das Atividades - - Dia de S. Martinho, Castanhas e Castanheiros - Dia

Leia mais

Gestor de Atividades e Recursos Educativos

Gestor de Atividades e Recursos Educativos 21/01/ Imprimir atividade Gestor de Atividades e Recursos Educativos Agrupamento de Escolas de Data Atividade Público Alvo Início Término Préescolar Titulo, Tipologia, Proponente, Escola Desafios da Matemática

Leia mais

DE QUALIDADE E EXCELÊNCIA

DE QUALIDADE E EXCELÊNCIA PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICO 2015/2016 PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICO 2015-2016 POR UM AGRUPAMENTO DE QUALIDADE E EXCELÊNCIA JI Fojo EB 1/JI Major David Neto EB 2,3 Prof. José Buísel E.S. Manuel Teixeira Gomes

Leia mais

ACTIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LECTIVO 2011 / 2012 TIC@CIDADANIA. Proposta de planos anuais. 1.º Ciclo do Ensino Básico

ACTIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LECTIVO 2011 / 2012 TIC@CIDADANIA. Proposta de planos anuais. 1.º Ciclo do Ensino Básico ACTIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LECTIVO 2011 / 2012 TIC@CIDADANIA Proposta de planos anuais 1.º Ciclo do Ensino Básico Introdução O objetivo principal deste projeto é promover e estimular

Leia mais

PROGRAMA ECO-ESCOLAS

PROGRAMA ECO-ESCOLAS PROGRAMA ECO-ESCOLAS Programa de Educação Ambiental e/ou Educação para o Desenvolvimento Sustentável PLANO DE AÇÃO 2014/2015 O Eco-Escolas é um Programa internacional, coordenado em Portugal pela Associação

Leia mais

Plano Anual de Atividades (2014/2015) Intervenientes Calendarização Objetivos da Atividade. 1º Período Setembro de 2014

Plano Anual de Atividades (2014/2015) Intervenientes Calendarização Objetivos da Atividade. 1º Período Setembro de 2014 Plano Anual de Atividades (2014/2015) Atividade Curricular Intervenientes Calendarização Objetivos da Atividade 1º Período Setembro de 2014 Início do ano lectivo /Pais 1ª Quinzena de Setembro Reunião de

Leia mais

Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO

Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO 1 Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO Setembro Acolhimento das crianças - Integração e adaptação das crianças ao Centro Infantil Setembro Reunião de Pais e Encarregados

Leia mais

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida SETEMBRO Regresso à escola/adaptação Facilitar a adaptação/readaptação ao jardim de infância Negociar e elaborar a lista de regras de convivência Diálogo sobre

Leia mais

Projeto Curricular do 1.º Ciclo

Projeto Curricular do 1.º Ciclo Projeto Curricular do 1.º Ciclo Tema Felizes os que constroem a vida na verdade e no bem. INTRODUÇÃO Este ano letivo 2014/2015 ficou definido como tema geral Felizes os que constroem a vida na verdade

Leia mais

Pré-Projeto de Educação Ambiental

Pré-Projeto de Educação Ambiental Pré-Projeto de Educação Ambiental Vamos Descobrir e Valorizar o Alvão Ano 2014/15 Centro de Informação e Interpretação Lugar do Barrio 4880-164 Mondim de Basto Telefone: 255 381 2009 ou 255 389 250 1 Descobrir

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2014/2015. Associação Sénior de Odivelas

PLANO DE ATIVIDADES 2014/2015. Associação Sénior de Odivelas PLANO DE ATIVIDADES 2014/2015 Associação Sénior de Odivelas A Universidade Sénior de Odivelas é um projecto inovador que tem por base a promoção da qualidade de vida dos seniores de Odivelas, fomentando

Leia mais

À DESCOBERTA DE UMA NOVA

À DESCOBERTA DE UMA NOVA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS À DESCOBERTA DE UMA NOVA NOVA ILHA INTERCÂMBIO 5º C DAS VELAS/ 5ºC DE VILA FRANCA DO CAMPO Introdução Uma vez que o arquipélago dos Açores é composto por nove ilhas,

Leia mais

PLANO DE AÇÃO DA REDE SOCIAL

PLANO DE AÇÃO DA REDE SOCIAL PLANO DE AÇÃO DA REDE SOCIAL 2014 Aprovado na reunião do Plenário de 11.06.2014 16 de janeiro Workshop e assinatura de protocolo com CIG Público-alvo: comunidade no geral Local: Edifício Paço dos Concelho

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES Inovação e Qualidade Plano de Ação Estratégico - 2012/2013 ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES PROJECTO DE INTERVENÇÃO PLANO DE ACÇÃO ESTRATÉGICO 2012/2013 Escola de Oportunidades e de Futuro Telmo

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES INTRODUÇÃO «Será a emergência do sentido e conteúdo curricular

Leia mais

Plano de Atividades 2012

Plano de Atividades 2012 Plano de Atividades 2012 A Direção da rede ex aequo propõe o seguinte plano de atividades para o ano de 2012, tendo em conta oito áreas de intervenção consideradas prioritárias. 1. Área de Apoio 2. Área

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Objetivos Atividades Responsáveis Datas Recursos Avaliaçõe s Promover o convívio entre os elementos da comunidade educativa Proporcionar momentos de alegria e partilha Recepção

Leia mais

Como sempre, e de acordo com a nossa missão, continuaremos a dar a conhecer a Síndrome de Asperger e a APSA à sociedade em geral.

Como sempre, e de acordo com a nossa missão, continuaremos a dar a conhecer a Síndrome de Asperger e a APSA à sociedade em geral. Plano de Atividades 2016 INTRODUÇÃO O Plano de Atividades para 2016 agora apresentado tem como mote central DAR SENTIDO. Dar Sentido a tudo o que fazemos, o que nos envolve e o que envolve os outros. Centrarse-á

Leia mais

Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS)

Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS) Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS) Relatório de Actividades do ano letivo 2014/15 A Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS), tutelada pela API e apoiada pelo Ministério da Educação,

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012 Plano Anual de Actividades Jardins de Infância Organização do Ambiente Educativo e espaços comuns. (de 4 a 09-09-2011) Cada educadora prepara a sua sala Organizar o Ambiente Educativo educadoras. Observação

Leia mais

EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA

EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA Ano lectivo 2014/2015 Introdução A Educação para a Cidadania é um processo ao longo da vida. Começa em casa e no meio próximo das crianças com as questões da identidade, relações

Leia mais

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Fundação Centro Social de S. Pedro de, FCSR Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Atividade Objetivos Recursos Calendarização Local Receção e acolhimento das crianças que vão

Leia mais

1 - JUSTIFICAÇÃO DO PROJECTO

1 - JUSTIFICAÇÃO DO PROJECTO 1 - JUSTIFICAÇÃO DO PROJECTO A actual transformação do mundo confere a cada um de nós professores, o dever de preparar os nossos alunos, proporcionando-lhes as qualificações básicas necessárias a indivíduos

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014 ÍNDICE I INTRODUÇÃO... 1 II CALENDÁRIO ESCOLAR... 2 III ÁREAS DE INTERVENÇÃO... 3 1 PLANEAMENTO E ORGANIZAÇÃO ESCOLAR... 3 1.1- PREPARAÇÃO DO ANO ESCOLAR... 3 1.2 ABERTURA

Leia mais

Projeto Viva a Alameda

Projeto Viva a Alameda Projeto Viva a Alameda Janeiro 2012 I. Enquadramento a. Política de Cidades o instrumento PRU b. Sessões Temáticas II. A PRU de Oliveira do Bairro a. Visão b. Prioridades Estratégicas c. Área de Intervenção

Leia mais

5ª Edição do Projeto "Energia com vida"

5ª Edição do Projeto Energia com vida 5ª Edição do Projeto "Energia com vida" Maria Isabel Junceiro Agrupamento de Escolas de Marvão No presente ano letivo 2014-15, quatro turmas do Agrupamento de Escolas do Concelho de Marvão (8º e 9º anos),

Leia mais

Processo de melhoria. Informação escolar. Processo de avaliação. Relatório de execução do plano de melhoria 2013-2014

Processo de melhoria. Informação escolar. Processo de avaliação. Relatório de execução do plano de melhoria 2013-2014 Processo de melhoria Relatório de execução do plano de melhoria 2013-2014 Recomendações do conselho pedagógico Não houve recomendações emanadas do Conselho Pedagógico. Data de apresentação à direção/ conselho

Leia mais

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO Orientações Pedagógicas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução A atividade de enriquecimento curricular,

Leia mais

Plano Anual de atividades 2014/2015 1º Periodo

Plano Anual de atividades 2014/2015 1º Periodo Plano Anual de atividades 2014/2015 1º Periodo Designação Objectivos Grupo alvo Calendarização Responsáveis pela actividade Recursos a afectar J F M A M J J A S O N D Humanos Materiais Logísticos Exercício

Leia mais

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Criar ambientes de partilha; Proporcionar momentos de incentivo à leitura e ao relevo das ilustrações; Facilitar e promover a criatividade e imaginação;

Leia mais

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 (Resposta Social de Creche) DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS Setembro Integração/adaptação das Crianças Reunião de Pais 24/09/2014 Outono - Promover a integração

Leia mais

Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo. Outubro:

Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo. Outubro: CALENDARIZAÇÃO ATIVIDADES OBJETIVOS RECURSOS HUMANOS Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo Preparar o ano letivo Criar uma relação de empatia entre as crianças e os adultos da sala

Leia mais

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2015/2016 AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO Orientações Pedagógicas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução A atividade de enriquecimento curricular,

Leia mais

Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES

Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES Programa para a disciplina de oferta complementar do AER (ensino básico): Educação para a Cidadania

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR MÊS Setembro TEMA Adaptação das Crianças PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR ACTIVIDADES PEDAGÓGICAS

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2015/2016 1 1. Introdução O Plano Anual de Atividades é um documento de planeamento, que define, em função do projeto educativo, os objetivos, as formas de e de programação das

Leia mais

Rede Social Plano de Ação 2015

Rede Social Plano de Ação 2015 Rede Social Plano de Ação 2015 1 R E D E SOCIAL DO CONCELHO DE VILA DO BISPO Rede Social Rede Social do Concelho de Vila do Bispo PLANO DE AÇÃO 2015 Ficha Técnica Entidade Promotora: Câmara Municipal de

Leia mais

plano anual de educação ambiental

plano anual de educação ambiental plano anual de educação ambiental 2009/2010 complexo de educação ambiental da quinta da gruta PROGRAMA FAMÍLIAS Grelha Resumo por Sector Sector Rios/Espaços Verdes Animais Dias comemorativos Férias Datas

Leia mais

ROJECTO PEDAGÓGICO E DE ANIMAÇÃO

ROJECTO PEDAGÓGICO E DE ANIMAÇÃO O Capítulo 36 da Agenda 21 decorrente da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento, realizada em 1992, declara que a educação possui um papel fundamental na promoção do desenvolvimento

Leia mais

Cursos Científico-Humanísticos Geral Para as Escolas : Escola Secundária/3 de Amarante Colégio de São Gonçalo Externato de Vila Meã

Cursos Científico-Humanísticos Geral Para as Escolas : Escola Secundária/3 de Amarante Colégio de São Gonçalo Externato de Vila Meã Cursos Científico-Humanísticos Geral Para as Escolas : Escola Secundária/3 de Amarante Colégio de São Gonçalo Externato de Vila Meã Ensino secundário 2014/15 Formação Geral Português Exame no 12º ano Língua

Leia mais

Oficina do aluno empreendedor

Oficina do aluno empreendedor Agrupamento de Escolas das Taipas Oficina do aluno empreendedor 1. Estrutura organizacional Coordenador: José Alberto Castro Grupo de Recrutamento: EVT (240) Departamento: Expressões Composição do grupo

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação

Projeto Pedagógico e de Animação Projeto Pedagógico e de Animação 1 - Memória Descritiva 2 Identificação e Caracterização da Instituição Promotora 3 - Objetivos Gerais 4 - Objetivos Específicos 5 - Princípios educacionais 6 Metodologias

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE Ano letivo 2014/2015 1. Enquadramento Entre os objetivos prioritários da atual política educativa encontram-se os

Leia mais

CONSELHO LOCAL DE ACÇÃO SOCIAL (MAIO 2014 ) REDE SOCIAL DE ALANDROAL

CONSELHO LOCAL DE ACÇÃO SOCIAL (MAIO 2014 ) REDE SOCIAL DE ALANDROAL CONSELHO LOCAL DE ACÇÃO SOCIAL (MAIO ) REDE SOCIAL DE ALANDROAL CLAS /2015 Área de Intervenção: Equipamentos e Respostas Sociais e Serviços 1 Objetivo Geral Objetivos Específicos Ação População - Alvo

Leia mais

F U N C I O N A M E N T O

F U N C I O N A M E N T O Plano de Ação 2015 ENQUADRAMENTO F U N C I O N A M E N T O» Regulamento Interno da CPCJ de S. P. Sul» Lei de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo - Lei nº 147/99 de 1 de Setembro» Lei que altera a Lei

Leia mais

Colaborar com as várias estruturas da escola nas tarefas inerentes ao cargo.

Colaborar com as várias estruturas da escola nas tarefas inerentes ao cargo. Atualizar e divulgar a composição da equipa. Divulgar as atividades. Atualizar e divulgar diversos materiais. ano lectivo Informação/divulgação dos serviços especializados na página da escola /EE Representar

Leia mais

Projecto. M3 - Mais Encontro: Mais Participação: Mais Ação. Candidatura Orçamento Tu Decides 2015 Município de Braga

Projecto. M3 - Mais Encontro: Mais Participação: Mais Ação. Candidatura Orçamento Tu Decides 2015 Município de Braga Candidatura Orçamento Tu Decides 2015 Município de Braga Projecto M3 - Mais Encontro: Mais Participação: Mais Ação 1. IDENTIFICAÇÃO 2. CONTEXTUALIZAÇÃO E PROBLEMÁTICA 3. PROPOSTA 4. OBJECTIVOS E RESULTADOS

Leia mais

2011/2012. CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente

2011/2012. CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente PLANO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL 2011/2012 CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente 2011/2012 Índice: Introdução Ações de Sensibilização: Ateliers: Datas Comemorativas: Visitas de Estudo: Concursos: Projetos:

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALMEIDA GARRETT VILA NOVA DE GAIA CÓDIGO 400798 FORMAÇÃO CÍVICA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALMEIDA GARRETT VILA NOVA DE GAIA CÓDIGO 400798 FORMAÇÃO CÍVICA ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALMEIDA GARRETT VILA NOVA DE GAIA CÓDIGO 400798 FORMAÇÃO CÍVICA Para uma Educação e Formação Social, Humana e Profissional dos alunos da Escola Secundária Almeida Garrett 1. Orientações

Leia mais

Plano Anual de Atividades de Educação Ambiental 2014-2015. Divisão de Ambiente Energia e Mobilidade

Plano Anual de Atividades de Educação Ambiental 2014-2015. Divisão de Ambiente Energia e Mobilidade Plano Anual de Atividades de Educação Ambiental 2014-2015 Divisão de Ambiente Energia e Mobilidade Introdução e objetivos As atividades abordam as diferentes temáticas ambientais, sempre com o objetivo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE PAIS DE EIXO. çzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopa

ASSOCIAÇÃO DE PAIS DE EIXO. çzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopa qwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçz xcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbn mqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjkl

Leia mais

Ficha de Caracterização de Projecto

Ficha de Caracterização de Projecto Ficha de Caracterização de Projecto Projecto +Skillz E5G Programa Escolhas Promotor: Associação Mais Cidadania 2 A. IDENTIFICAÇÃO GERAL DA ENTIDADE Projecto Projecto +Skillz E5G Promotor: Associação Mais

Leia mais

pelouro da educação, cultura, desporto e juventude CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

pelouro da educação, cultura, desporto e juventude CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ORDEM DE TRABALHOS.6ª reunião CME Leitura e aprovação da ata da reunião anterior; Balanço do 1º período do ano letivo 2011/12; Intervenção do representante do Ministério

Leia mais

PROJETO EDUCATIVO DE ESCOLA 2014-2017

PROJETO EDUCATIVO DE ESCOLA 2014-2017 ESCOLA SECUNDÁRIA JOSÉ AFONSO SEIXAL CÓDIGO 401481 Av. José Afonso Cavaquinhas Arrentela 2840 268 Seixal -- Tel. 212276600 Fax. 212224355 PROJETO EDUCATIVO DE ESCOLA 2014-2017 ABRIL DE 2014 Índice 1. Introdução

Leia mais

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz PLANO ANUAL DE TRABALHO 05/06 7ºAno Código 40470 Educação para a Cidadania 7º Ano Ano Letivo: 05 / 06 Plano Anual Competências a desenvolver Conteúdos Temas/Domínios Objetivos Atividades / Materiais Períodos

Leia mais

O Caracol Curioso. Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo. Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying

O Caracol Curioso. Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo. Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying O Caracol Curioso Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying 1. Enquadramento O projeto pedagógico definido para este ano letivo pretende abordar um tema actual, que tem tanto

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7 5. Propostas

Leia mais

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO FUNDÃO + ESCOLA + PESSOA PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA 2013-2017 Agrupamento de Escolas do Fundão Página 1 Perante o diagnóstico realizado, o Agrupamento assume um conjunto de prioridades

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 Biblioteca Escolar GIL VICENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EB1 CASTELO BIBLIOTECA ESCOLAR PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 As atividades constantes do presente

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 1 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVOS ESSENCIAIS do PAA... 3 PROPOSTAS DE ATIVIDADES DOS CLUBES E EQUIPAS... 6 PROPOSTAS DE ATIVIDADES DOS

Leia mais

Visão. Missão. Valores. Escola Profissional de Tecnologia Psicossocial do Porto

Visão. Missão. Valores. Escola Profissional de Tecnologia Psicossocial do Porto Missão A Escola Profissional de Tecnologia tem como missão prestar serviços educativos de excelência aos seus alunos, qualificando-os para o exercício profissional e para o prosseguimento de estudos, no

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL Escola Secundária de DEPARTAMENTO: 1º CICLO - ATIVIDADES COMUNS ao longo do ano ATIVIDADES 15 Minutos de Leitura Crescer a Ler Levar a Ler CMC 15 de Leitura

Leia mais

PROJETO ANUAL DA LUDOTECA

PROJETO ANUAL DA LUDOTECA O FAZ DE CONTA PROJETO ANUAL DA LUDOTECA ANO LECTIVO 2014/2015 Inês Matos ÍNDICE I- INTRODUÇÃO 3 II- PROJETOS 5 2.1. Semana da Alimentação 4 2.2. Formação Técnica 6 2.3. Acompanhamento às famílias 6 2.4.

Leia mais

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto?

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto? Projetos Sociais da Faculdade Campo Real A promoção da cidadania é qualidade de toda instituição de ensino consciente de sua relevância e capacidade de atuação social. Considerando a importância da Faculdade

Leia mais

PES Promoção e Educação para a Saúde

PES Promoção e Educação para a Saúde (A PREENCHER PELA COMISSÃO DO PAA) Atividade Nº AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE FRAGOSO Projeto PES Promoção e Educação para a Saúde Equipa Dinamizadora: Alice Gonçalves e Rosa Rêgo Ano letivo 2014/2015

Leia mais

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz PLANO ANUAL DE TRABALHO 0/05 7ºAno Código 070 Educação para a Cidadania 7º Ano Ano Letivo: 0 / 05 Plano Anual Competências a desenvolver Conteúdos Temas/Domínios Objetivos Atividades / Materiais 3 Períodos

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Plano Nacional de Leitura

Plano Nacional de Leitura Agrupamento de Escolas das Taipas Plano Nacional de Leitura 1. Estrutura organizacional Coordenador: Carlos Monteiro Grupo de Recrutamento: 300 Departamento: Línguas Composição do grupo de trabalho: docentes

Leia mais

Proposta de Plano de Ação 2012/2013 CONSELHO LOCAL DE AÇÃO SOCIAL DE PENALVA DO CASTELO

Proposta de Plano de Ação 2012/2013 CONSELHO LOCAL DE AÇÃO SOCIAL DE PENALVA DO CASTELO Proposta de Plano de Ação 2012/ 1 Proposta de Plano de Ação 2012/ Eixo de Desenvolvimento: Promover a qualificação escolar/profissional, o empreendedorismo e a empregabilidade. Objetivo geral: Dinamização

Leia mais

EU SOU VOLUNTÁRIO! EU SOU CIDADÃO SOLIDÁRIO! Ser voluntário é um ato de cidadania ativa e responsável.

EU SOU VOLUNTÁRIO! EU SOU CIDADÃO SOLIDÁRIO! Ser voluntário é um ato de cidadania ativa e responsável. Mais informações em www.cm-leiria.pt/pages/431, através do email accao.social@cm-leiria.pt ou nos Serviços de ação social do Município de Leiria EU SOU VOLUNTÁRIO! EU SOU CIDADÃO SOLIDÁRIO! Ser voluntário

Leia mais

Seminário Ensino Vocacional e Profissional Centro de Formação Ordem de Santiago

Seminário Ensino Vocacional e Profissional Centro de Formação Ordem de Santiago Seminário Ensino Vocacional e Profissional Centro de Formação Ordem de Santiago Isabel Hormigo (Ministério da Educação e Ciência, Lisboa) Setúbal, 7 de fevereiro de 2014 Ciclos de estudos e duração Idade

Leia mais

Departamento de Psicologia e de Educação Especial

Departamento de Psicologia e de Educação Especial Departamento de Psicologia e de Educação Especial 1- Avaliação e acompanhamento psicológico Avaliação e acompanhamento psicológico e psicopedagógico individual (promoção da autoestima e comportamentos

Leia mais

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014. Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo de ensino e aprendizagem dos alunos

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014. Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo de ensino e aprendizagem dos alunos OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014 Promover o sucesso académico Reforçar a organização, coordenação e articulação curricular Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo

Leia mais

A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES

A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CABECEIRAS DE BASTO A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES A EQUIPA DE AUTOAVALIAÇÃO: Albino Barroso Manuel Miranda Paula Morais

Leia mais

2010/2011 Plano Anual de Actividades

2010/2011 Plano Anual de Actividades 2010/2011 Plano Anual de Actividades Cristiana Fonseca Departamento de Educação para a Saúde 01-07-2010 2 Plano Anual de Actividades Introdução Quando em 1948 a Organização Mundial de Saúde definiu a saúde

Leia mais

Iniciativa Move-te, faz Acontecer

Iniciativa Move-te, faz Acontecer Iniciativa Move-te, faz Acontecer Entidades Promotoras: Associação CAIS (Projecto Futebol de Rua): Fundada em 1994, a Associação CAIS tem como Missão contribuir para o melhoramento global das condições

Leia mais

ESCOLA EB 2.3/S Dr. Isidoro de Sousa PLANO DE ACTIVIDADES BIBLIOTECA ESCOLAR / CENTRO DE RECURSOS EDUCATIVOS ANO LECTIVO 2006 / 2007

ESCOLA EB 2.3/S Dr. Isidoro de Sousa PLANO DE ACTIVIDADES BIBLIOTECA ESCOLAR / CENTRO DE RECURSOS EDUCATIVOS ANO LECTIVO 2006 / 2007 ESCOLA EB 2.3/S Dr. Isidoro de Sousa BIBLIOTECA ESCOLAR / CENTRO DE RECURSOS EDUCATIVOS PLANO DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO 2006 / 2007 Escola EB 2,3/S Dr. Isidoro de Sousa BE/CRE Pl de Actividades Ano Lectivo

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA LIXA - FELGUEIRAS PLANO DE ARTICULAÇÃO CURRICULAR

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA LIXA - FELGUEIRAS PLANO DE ARTICULAÇÃO CURRICULAR AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA LIXA - FELGUEIRAS PLANO DE ARTICULAÇÃO CURRICULAR AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA LIXA, FELGUEIRAS PLANO DE ARTICULAÇÃO CURRICULAR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA LIXA, FELGUEIRAS 1 Índice

Leia mais