al 2002 tório Anu Rela

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "al 2002 tório Anu Rela"

Transcrição

1 Relatório Anual 2002

2

3

4

5 2002 Relatório Anual Há mais de 100 anos construindo com aço o desenvolvimento sustentado.

6 Gerdau anuncia a evolução de sua estrutura de governança corporativa, que passa a ser formada pelos novos Conselho de Administração e Comitê Executivo, o qual é responsável pela gestão das cinco operações siderúrgicas do Grupo. Três membros externos passaram a integrar o Conselho de Administração, ampliando as práticas de transparência. Fusão das operações no Canadá e nos Estados Unidos com a siderúrgica Co-Steel resulta em uma nova empresa: a Gerdau AmeriSteel Corporation, com ativos de US$ 1,6 bilhão e capacidade de produção de 6,6 milhões de toneladas métricas de aço bruto, destinadas a atender ao mercado da América do Norte. Faturamento total do Grupo evolui 57,5% e chega a R$ 11,1 bilhões. Participação na siderúrgica Açominas, localizada em Ouro Branco (MG), cresce para 78,9% do capital social e garante maioria qualificada no acordo de acionistas. Em 2002, a usina passou a operar em ritmo de 3 milhões de toneladas anuais de aço líquido com a recuperação dos regeneradores do altoforno e ampliou sua linha de produtos com o lançamento dos perfis estruturais laminados de abas paralelas. Neste mesmo período, a Açominas encerrou o exercício com lucro líquido pelo terceiro ano consecutivo, fato inédito desde o início de suas operações, em Investimentos do Grupo em ampliação, atualização tecnológica e participações societárias alcançam US$ 463,8 milhões. Destaques Vergalhões Estratégia de agregar valor aos produtos destinados à construção civil é reforçada com a expansão do serviço de corte e dobra de aço no Brasil, no Chile e no Uruguai. Entrada no Latibex, índice de empresas latinoamericanas da Bolsa de Valores de Madri, aumenta visibilidade junto ao mercado de capitais europeu. Gerdau estende tag along para os acionistas minoritários detentores de ações ordinárias e preferenciais. Em eventual alienação do controle da companhia, têm o direito de receber 100% do valor pago aos controladores. O benefício é, em percentual e abrangência, superior ao previsto pela Lei das S.A., que estabelece o pagamento de 80% do valor destinado aos controladores somente aos acionistas ordinários.

7 Índice Perfil Mensagem do Conselho Visão Estratégica Governança Corporativa Tecnologia de Gestão Finanças Produção Vendas e Mercados Investimentos Pessoas e Equipes Gestão Ambiental Comunidade Administração

8 Perfil Líder na produção de aços longos nas Américas

9 Maior produtor de aços longos nas Américas, o Grupo Gerdau começou a traçar sua trajetória de expansão há mais de um século. A partir do Brasil, ampliou suas bases para o Uruguai, o Canadá, o Chile, a Argentina e os Estados Unidos, alcançando, em 2002, um lucro líquido de R$ 821 milhões, 49% a mais que no período anterior. Seus negócios, divididos em regiões geográficas e linhas de produtos, atendem aos setores da construção civil, da indústria e da agropecuária. Exportado para todos os continentes, o aço Gerdau possui uma infinidade de aplicações. Integra a estrutura de pontes, viadutos, rodovias, hidrelétricas, prédios e residências. Está presente na fabricação de máquinas agrícolas, estruturas metálicas, peças para a indústria automotiva e redes de transmissão de energia e telefonia, entre outros. Participa ainda do trabalho no campo com arames e acessórios para cercas. Com uma estratégia de mercado orientada para alcançar os melhores níveis de eficiência econômica, o Grupo desenvolveu logística e avançadas tecnologias de gestão em siderurgia. Possui usinas, centros de serviços, unidades de transformação e canais distribuidores estrategicamente posicionados junto aos principais pólos de consumo. Busca aprimorar constantemente suas práticas de governança corporativa e está presente em importantes centros financeiros por meio de três companhias abertas: a empresa operacional Gerdau S.A., a holding Metalúrgica Gerdau S.A. e a Gerdau AmeriSteel Corporation, subsidiária na América do Norte. Suas ações são negociadas diariamente nas bolsas de valores de São Paulo, Nova Iorque, Toronto e Madri (Latibex). O Grupo Gerdau segue os princípios de responsabilidade social e acredita que o desenvolvimento de uma empresa está diretamente relacionado à evolução das comunidades onde atua. Dentro desta visão, construiu uma cultura empresarial fundamentada em valores éticos, no respeito às pessoas e ao meio ambiente. BRASIL Um total de 10 siderúrgicas nas regiões Sudeste, Sul e Nordeste atendem ao mercado interno e às demandas de exportação com aços longos, aços especiais e semi-acabados. O fornecimento dos principais insumos metálicos é realizado por uma rede localizada estrategicamente em todo o País, a qual inclui também uma usina produtora de ferro-gusa e oito unidades de coleta e processamento de sucata. Nove centros de serviços de corte e dobra de aço Armafer, quatro unidades de transformação e uma participação societária na Monteferro América Latina para o fornecimento de guias de elevadores permitem transformar o aço Gerdau em produtos com maior valor agregado. Na área de distribuição, a Comercial Gerdau, maior fornecedora de aços longos e planos no País, desempenha um importante papel no atendimento aos clientes finais com produtos fabricados pelas unidades do Grupo e pelas demais siderúrgicas nacionais. CANADÁ E ESTADOS UNIDOS A Gerdau AmeriSteel produz aços longos e seções especiais com uma rede de 10 usinas, além de operar no segmento de produtos planos por meio da siderúrgica Gallatin, uma joint venture no Estado do Kentucky (EUA). Possui também 15 centros de serviços de corte e dobra de aços longos e 13 unidades de coleta e processamento de sucata. Na área de transformação, detém nove plantas industriais próprias e participações societárias em duas empresas. Sua localização geográfica permite atender com eficiência os consumidores da Costa-Leste e do Meio-Oeste dos Estados Unidos, além do Canadá. ARGENTINA, CHILE E URUGUAI Unidades próprias no Chile e no Uruguai, além de uma participação societária na laminadora argentina Sipar, contribuem para o abastecimento de aços longos na região. O Grupo Gerdau também oferece o serviço de corte e dobra de aço nas suas operações no Conesul.

10 Mensagem do Conselho Cultura empresarial baseada no equilíbrio entre crescimento e rentabilidade Cenário mundial Em 2002, a produção mundial de aço alcançou a marca de 887 milhões de toneladas, 6,4% a mais sobre o período anterior. O bom desempenho do setor ocorreu sobretudo pela forte demanda na China, um dos países que mais contribuiu no ano para o crescimento da siderurgia global. No período, a economia apresentou uma expansão de 1,9%, limitada principalmente pelo baixo desempenho da Europa e pela retração do Japão. A performance ainda que superior a 1,2% verificada no exercício anterior confirma um ritmo de crescimento mais lento no mundo, segundo os dados dos últimos dez anos do Fundo Monetário Internacional. Desempenho positivo e expansão das operações O Grupo Gerdau acompanhou a tendência do setor e, mais uma vez, encerrou o ano com números positivos. Sua produção chegou a 9,4 milhões de toneladas de aço bruto, volume 28% superior em relação a 2001, e o desempenho financeiro também demonstrou uma trajetória de evolução consistente, que pode ser comprovada pelo aumento no retorno sobre o patrimônio líquido consolidado, de 19% para 22% nos últimos três anos. O lucro líquido consolidado também apresentou expansão expressiva: foi de R$ 406 milhões em 2000 e, neste exercício, alcançou R$ 821 milhões. No Brasil, as unidades atenderam plenamente à demanda interna e alcançaram níveis recordes de exportação, cujos volumes foram embarcados predominantemente para a Ásia. As operações na Argentina e no Uruguai ajustaram suas produções ao consumo local, ainda retraído pela recessão da economia na região. O Chile retomou investimentos em estradas, pontes e viadutos e, como conseqüência, ampliou a demanda pelos produtos da Gerdau AZA. Na América do Norte, o Grupo passou a participar do intensificado movimento de consolidação do setor siderúrgico em 1999, quando assumiu nos Estados Unidos o controle da AmeriSteel, iniciativa fundamentada na capacidade de geração de caixa e de alavancagem das empresas Gerdau no Canadá, as atuais Cambridge e MRM Special Sections. Seguindo a visão de ser uma empresa siderúrgica internacional e de classe mundial, ampliou sua atuação naquele país dois anos depois, com uma

11 quinta usina, localizada na Geórgia, e neste exercício realizou a fusão de suas operações na América do Norte com as da Co-Steel. conquista de uma verdadeira isonomia competitiva. Também é importante salientar a necessidade de aprimoramento da eficiência do setor público nacional, peça-chave para o desenvolvimento da nação. O negócio, concluído em outubro, resultou na criação da Gerdau AmeriSteel Corporation, segunda maior produtora de aços longos na região. Expandiu a capacidade instalada de aço bruto do Grupo na América do Norte em aproximadamente 90%, para 6,6 milhões de toneladas métricas, além de marcar sua entrada no segmento de aços planos por meio da participação societária na Gallatin Steel. A estratégia seguida combina baixo investimento em capacidade instalada com importante aquisição de participação de mercado. Nova governança corporativa O ano também foi marcado pela implantação da nova estrutura de governança corporativa, para ampliar a eficiência de gestão, a transparência e conduzir o processo sucessório sem perder as experiências acumuladas. O modelo de gestão atual, elaborado dentro da filosofia de transição construtiva, dividiu as atividades do Conselho-Diretor entre o Conselho de Administração e o Comitê Executivo, possibilitando a entrada da nova geração de administradores em postos estratégicos para o negócio. Além disso, três membros externos passaram a fazer parte do Conselho de Administração. Perspectivas: evolução do Grupo Gerdau Os limites para o crescimento mundial em 2003 serão definidos pela capacidade de recuperação da economia. As perspectivas para o Brasil e os demais países da América do Sul onde o Grupo Gerdau opera são melhores do que as de 2002 e, na região, as operações acenam com volumes de entregas crescentes. Na América do Norte, a Gerdau AmeriSteel prossegue na busca por sinergias potenciais entre as unidades de reciclagem, as usinas siderúrgicas e as plantas de transformação. A integração das culturas das empresas tem evoluído de forma rápida, com as equipes engajadas em maximizar a estrutura logística, aumentar a eficiência operacional e ampliar a qualidade dos produtos e serviços. A convicção do sucesso desse empreendimento está baseada também na experiência do Grupo de elevar a produtividade e, conseqüentemente, a lucratividade das empresas em que passa a operar, a exemplo da Gerdau AmeriSteel Cambridge, no Canadá, da Aços Finos Piratini, da Usiba e da Açominas, sediadas no Brasil. Os ganhos futuros, resultantes da maior eficiência e rendimento das unidades da Gerdau AmeriSteel como um todo, deverão se refletir nos próximos balanços da companhia e permitir, posteriormente, novos passos para uma maior consolidação na região. O potencial de aumento de produtividade na empresa indica a possibilidade de atingirmos rentabilidade superior a 15% sobre os investimentos na América do Norte em no máximo três anos, tarefa de evolução progressiva, que será realizada etapa por etapa. Frente ao cenário global, deveremos manter níveis crescentes de produção, com volumes ajustados a cada mercado, e alcançar, em 2003, um ritmo anual de 12 milhões de toneladas de aço, uma expansão que pode ultrapassar em 25% o desempenho do período anterior. As perspectivas positivas refletem a consolidação integral da Co-Steel durante todo o ano e o aumento de produção nas unidades Gerdau. Ao longo de nossa trajetória, procuramos agregar valor aos acionistas, mesmo em situações econômicas adversas, prática que permitiu superar os 100 anos de existência com resultados positivos em todos os exercícios. Entretanto, nosso compromisso não se restringe ao desempenho operacional e financeiro. Contribuímos também para o desenvolvimento econômico sustentável, abrangendo as áreas social e ambiental. Agradecimento Agradecemos a todos aqueles que participaram direta ou indiretamente da construção contínua do Grupo Gerdau: colaboradores, acionistas, investidores, fornecedores e comunidade. Dedicamos uma homenagem especial aos nossos 178 mil clientes, base para a perpetuidade do nosso negócio. No entanto, é imprescindível no Brasil o encaminhamento das reformas nas áreas da previdência e tributária fundamentais para desonerar a economia nacional e propiciar a Jorge Gerdau Johannpeter Presidente Relatório Anual Gerdau

12 Visão Estratégica Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial Área de expedição

13 Para o Grupo Gerdau, ser uma empresa internacional, de classe mundial, não é apenas estar presente em uma ampla geografia. É pensar como player global em todos os níveis e apresentar desempenhos diferenciados, que atendam aos mais exigentes padrões de qualidade. Atualmente, esse desafio está sendo traduzido em um mapa estratégico com metas e indicadores que, gradativamente, serão relacionados ao trabalho cotidiano de cada um dos 19 mil profissionais Gerdau. O projeto encontra-se em diversos estágios de implantação nas unidades e permite, de um lado, que o Conselho de Administração acompanhe de forma precisa a evolução do planejamento e, de outro, comunique claramente os objetivos do Grupo para toda a organização, visando estimular o engajamento dos colaboradores. Uma peça-chave para alcançar patamares de classe mundial é a filosofia de orientação para o cliente fundamental para a perpetuidade da empresa. Essa política foi reforçada em 2002 com o desenvolvimento de novas ferramentas para estabelecer parcerias que contribuam no crescimento dos negócios dos clientes. O Grupo Gerdau também segue os princípios do desenvolvimento econômico sustentável, refletido no conjunto de valores que acompanha a sua trajetória. Em todas as atividades, tem o compromisso de equilibrar as demandas de curto e longo prazos com as áreas econômica, social e ambiental. Trabalha para proporcionar retorno contínuo acima da média do mercado aos acionistas, sem comprometer o desempenho futuro. Nos novos negócios em que passa a operar, tem como prioridade detectar as necessidades de melhorias que resultem na conquista de níveis de eficácia no menor tempo possível, com o objetivo de consolidar a segurança financeira de suas operações. Na posição de um dos maiores recicladores do mundo, produz aço dentro de uma visão de ecoeficiência, a partir do uso de sucata ferrosa composta por materiais obsoletos para a sociedade e do minério de ferro uma das matérias-primas mais abundantes na natureza. Busca também otimizar a utilização de recursos naturais, além de alcançar taxas de emissões cada vez menores, as quais superem as exigências legais. No campo social, estimula a transmissão de conhecimentos por meio de ações em diversas áreas como educação, saúde, cultura, pois tem a certeza de que não existe desenvolvimento sem qualidade de vida. Relatório Anual Gerdau

14 Governança Corporativa Aplicação de barras e perfis Modelo de gestão alinhado às melhores práticas do mercado

15 O Grupo Gerdau implantou, em 2002, uma nova estrutura de governança corporativa para ampliar sua eficiência de gestão, aumentar a transparência e conduzir o processo sucessório sem perder as experiências acumuladas. O atual modelo, estabelecido dentro das melhores práticas do mercado, é composto pelos Conselho de Administração, Comitê Executivo, Comitê de Estratégia e Comitês de Excelência. Cada um dos sete participantes presidente e vice-presidentes também responde pelos principais processos funcionais, que atuam horizontalmente em todo o Grupo, como, por exemplo, finanças, contabilidade, recursos humanos, comunicação social, jurídico e planejamento. Seus membros trabalham de forma colegiada, buscando maior sinergia e, individualmente, com foco em cada negócio e nos processos funcionais, essenciais para a maximização dos resultados. Na posição de apoio às operações, o Comitê de Estratégia reúne os integrantes do Comitê Executivo e os responsáveis pelas principais operações para analisar o panorama atual do Grupo e as oportunidades de crescimento, além de definir um foco de longo prazo para o negócio. O Conselho de Administração, formado por oito integrantes, desempenha um papel fundamental na aprovação das decisões estratégicas, das políticas de risco e de crescimento. Como parte da reorganização, três membros externos passaram a participar do processo decisório do Grupo. O Comitê Executivo realiza a gestão dos negócios e representa o elo entre o Conselho de Administração e as cinco operações siderúrgicas, definidas a partir da linha de produtos e/ou da localização geográfica das unidades: Aços Longos (Brasil); Aços Especiais (Brasil); Açominas (Brasil); América do Norte (Canadá e Estados Unidos); América do Sul (Argentina, Chile e Uruguai). A tomada de decisões também foi otimizada a partir da criação dos Comitês de Excelência, suporte aos processos funcionais, cuja função é desempenhar um papel de fórum de debates e de troca de práticas. As companhias de capital aberto no Brasil, a holding Metalúrgica Gerdau S.A. e a empresa operacional Gerdau S.A., contam com Conselhos Fiscais independentes inclusive com a participação de acionistas minoritários, que acompanham as atividades dos administradores e controlam as operações contábeis. Em cada um deles há três membros, eleitos regularmente em assembléia de acionistas realizada no mês de abril. Ao longo de mais de 100 anos de história, a administração dos negócios tem sido realizada a partir de rigorosos critérios profissionais, seguindo os princípios de gerar valor econômico e retorno acima dos custos do capital aos acionistas. Dentro desta política, o Grupo Gerdau possui uma equipe capacitada para buscar níveis crescentes de desempenho em todas as áreas, orientado por diretrizes éticas com parâmetros claros de relacionamento com acionistas, clientes, fornecedores, colaboradores, concorrência, comunidade e meio ambiente. Conselho de Administração Comitê de Estratégia Comitê Executivo Comitês de Excelência Operações de Negócios Processos Funcionais Clientes Relatório Anual Gerdau

16 Base para a conquista de desempenhos diferenciados Tecnologia de Gestão Laboratório de análise do aço

17 As práticas de gestão por processos combinam a absorção das melhores best practices internacionais existentes no mercado com a experiência interna das unidades Gerdau e, atualmente, estão sendo consolidadas nos sistemas de gestão do Grupo. Este projeto prevê a definição e a organização de macro-processos do negócio, que irá possibilitar a incorporação dos diferenciais de cada operação ao sistema e replicá-los nas demais. Em permanente evolução, propicia a organização do capital intelectual, a manutenção e a melhoria dos níveis de eficiência, o intercâmbio permanente de conhecimentos e ganhos para o negócio como um todo. O estabelecimento de metas fortes, que promovem a evolução constante dos principais indicadores de desempenho, é realizado com base em benchmarks mundiais. Essas metas estabelecem desafios para as equipes, vencidos pela utilização sistemática do Ciclo PDCA, por meio de suas etapas plan, do, check e act. Os esforços para ampliar as margens de produtividade contaram novamente com um aliado expressivo, o projeto de estabilização de processos. Ele possibilita racionalizar custos, ampliar o rendimento dos equipamentos, melhorar a performance dos colaboradores e, como conseqüência, obter maior previsibilidade de resultados. Nível máximo de domínio de processos, o programa Seis Sigma, teve continuidade neste exercício e resultou na obtenção de ganhos, em alguns casos 20 vezes superiores aos recursos investidos. O Grupo Gerdau também investe no desenvolvimento de novas tecnologias, pois tem a convicção de que a inovação é fundamental para alcançar maior competitividade no mercado. Na área da pesquisa, participa de 20 projetos com universidades, centros de pesquisa e consultorias especializadas com o objetivo de ampliar o desempenho das unidades, a qualidade dos produtos e a reutilização de resíduos siderúrgicos. Para sua permanente atualização, também realiza contratos de transferência de tecnologia com empresas no mundo. Como reconhecimento às suas práticas, as unidades receberam importantes premiações na área da qualidade. A usina siderúrgica AZA, sediada no Chile, conquistou o Prêmio Ibero-Americano da Qualidade. No Brasil, foi conferido à Aços Finos Piratini (RS) o Prêmio Nacional da Qualidade e, em âmbito estadual, a Açonorte (PE) e a Cosigua (RJ) receberam premiações na categoria prata. No mesmo período, a Gerdau AmeriSteel Cambridge, no Canadá, foi certificada com a ISO Na área de tecnologia de informação, a plataforma SAP, no Brasil, foi atualizada para ampliar suas funcionalidades nas esferas de gestão e administração de informações, permitindo uma visão mais clara da cadeia de negócios. Outro destaque em 2002 foi a integração do sistema de compras eletrônicas ao ambiente web prática já realizada em vendas e em marketing, o que simplificou o processo de aquisição de materiais, além de otimizar os custos gerados. Relatório Anual Gerdau

18 Finanças RESULTADOS O Grupo Gerdau teve um lucro líquido consolidado de R$ 821 milhões em 2002, valor que superou em 49% o resultado de R$ 550,9 milhões registrado no ano anterior. Os principais fatores responsáveis pelo crescimento foram a expansão da demanda no Brasil, o aumento das exportações e o efeito do câmbio nas operações nos Estados Unidos, no Canadá, no Chile, na Argentina e no Uruguai. A margem líquida, no mesmo período, apresentou redução, passando de 9,36% para 8,96%, devido ao impacto cambial nas despesas financeiras do exercício. Gestão financeira orientada para adicionar valor aos acionistas Lançamento das ações da Gerdau na Bolsa de Valores de Madri (Latibex)

19 As empresas de capital aberto no Brasil a Metalúrgica Gerdau S.A. e a Gerdau S.A. distribuíram um total de R$ 452,4 milhões em juros sobre capital próprio e dividendos, 88,2% a mais em relação a Desse total, R$ 186,5 milhões foram destinados aos acionistas da Metalúrgica Gerdau S.A. e R$ 265,9 milhões aos da Gerdau S.A. A distribuição de resultados ao mercado representou um retorno de 16,6% e 7,1%, respectivamente, sobre o preço da ação PN em bolsa. As duas companhias do Grupo no País têm como política remunerar seus acionistas sobre a forma de dividendos ou juros sobre capital com no mínimo 30% do lucro líquido ajustado em cada exercício. O valor distribuído semestralmente passou a ser pago a cada trimestre desde o início de O EBITDA lucro antes de despesas financeiras, impostos, equivalência patrimonial, depreciação e amortizações totalizou R$ 2,1 bilhões e foi 64% superior a A margem EBITDA cresceu de 21,78% para 22,95%. O lucro bruto aumentou em quase R$ 1 bilhão, atingindo a marca de R$ 2,6 bilhões, um acréscimo de 58,6%. Durante o ano, os esforços para reduzir custos e melhorar a produtividade compensaram a elevação dos preços de algumas matérias-primas sucata e ferro-gusa, principalmente e permitiram a obtenção de uma margem bruta de 28,63% contra 28,08% em A receita líquida evoluiu 55,6%, de R$ 5,9 bilhões para R$ 9,2 bilhões. O faturamento bruto seguiu o mesmo ritmo de crescimento, 57,3%, e chegou a R$ 11,1 bilhões. Relatório Anual Gerdau

20 O caixa líquido da atividade operacional foi 36,6% superior, atingindo R$ 1,6 bilhão. Esse valor representa 17,7% da receita líquida de vendas contra 20,1% no ano anterior. Used with permission of NYSE. A desvalorização do real frente à moeda norte-americana teve impacto sobre as dívidas em dólares contratadas no País não cobertas por hedge e resultou em despesas adicionais de R$ 607,1 milhões. Por outro lado, essa mesma variação cambial, somada à fusão das operações na América do Norte, geraram um ganho de R$ 447,5 milhões sobre os investimentos fora do Brasil. Em termos consolidados, o efeito cambial sobre ativos e passivos trouxe perdas de R$ 159,6 milhões. A Açominas encerrou o exercício com lucro líquido pelo terceiro ano consecutivo, fato inédito desde o início de suas operações, em O resultado, no entanto, foi de R$ 62,7 milhões, 32,7% a menos que no período anterior, em função principalmente do acidente nos regeneradores do alto-forno da usina, ocorrido em março. Os equipamentos, bem como os lucros cessantes decorrentes do acontecimento, estavam cobertos por apólice de seguro com limite de indenização de US$ 850 milhões. Os trabalhos junto aos seguradores estão evoluindo dentro das expectativas e já foi recebido um adiantamento de R$ 62 milhões do IRB Brasil Resseguros. Used with permission of TSX. ENDIVIDAMENTO Ao final do exercício, a dívida bruta consolidada era de R$ 7,1 bilhões. Em relação ao ano anterior, houve um aumento de 71,3%, decorrente principalmente da consolidação dos passivos da siderúrgica Co-Steel, do pagamento do aumento de participação societária na Açominas e da desvalorização do real frente ao dólar norte-americano. Em contrapartida, os ativos totais cresceram 48,9%, chegando a R$ 14,6 bilhões. Na ordem: Bolsa de Valores de São Paulo, Bolsa de Valores de Toronto, Bolsa de Valores de Nova Iorque e Bolsa de Valores de Madri. A dívida de curto prazo era de R$ 3,7 bilhões e representava 52,4% do total. Estava composta da seguinte forma: R$ 518,5 milhões em moeda nacional, R$ 1,6 bilhão em moeda estrangeira contratada pelas empresas no Brasil e R$ 1,6 bilhão relativo às operações efetuadas no exterior.

21 A dívida de longo prazo, equivalente a 47,6% do total, alcançava R$ 3,4 bilhões, sendo que R$ 1 bilhão era em moeda nacional, R$ 897,9 milhões em moeda estrangeira contratada pelas empresas no Brasil e R$ 1,5 bilhão referia-se às empresas no exterior. Diversas operações de swap foram realizadas nos últimos dois anos pelo Grupo Gerdau, com o objetivo de se proteger das variações do dólar norteamericano em relação ao real. As dívidas em dólares foram trocadas por reais indexados a 70% do CDI, em média. Em 31 de dezembro de 2002, de um montante de R$ 2,5 bilhões de dívidas contratadas em moeda estrangeira pelas empresas no Brasil, R$ 2 bilhões encontravam-se protegidos dessas flutuações. A expansão da presença no mercado de capitais é decorrente da fusão das suas operações nos Estados Unidos e no Canadá com as da Co-Steel, cuja as ações passaram a ser transacionadas sob o nome da nova empresa, a partir do final de outubro. No mês de dezembro, os acionistas da Gerdau S.A. ganharam mais um centro de liquidez para suas ações: a Bolsa de Valores de Madri. Com a entrada no Latibex, índice de empresas latino-americanas da bolsa espanhola, cada ação negociada naquele mercado gera uma operação no Brasil, porém por lote de mil unidades. A concessão do direito de tag along a todos os acionistas da Metalúrgica Gerdau S.A. e da Gerdau S.A., independente do tipo e da classe das suas ações, foi outro fato importante no ano. Em eventual alienação do controle da companhia, os acionistas minoritários têm o direito de receber 100% do valor pago aos controladores. O benefício é, em percentual e abrangência, superior ao previsto pela Lei das S.A., que estabelece o pagamento de 80% do valor destinado aos controladores somente para os acionistas ordinários. O EBITDA representava 5,9 vezes as despesas financeiras líquidas, excluídas as variações monetária e cambial. Já a dívida líquida, equivalia a 2,7 vezes o EBITDA dos últimos 12 meses. As disponibilidades e as aplicações financeiras, ao final do exercício, apresentaram um saldo de R$ 1,4 bilhão contra R$ 1 bilhão no ano anterior, uma expansão de 41,5%. Desse total, 65,6%, equivalentes a R$ 931,5 milhões, estavam indexados ao dólar. MERCADO DE CAPITAIS Em 2002, as ações da Gerdau AmeriSteel, empresa responsável pela atuação do Grupo na América do Norte, passaram a ser negociadas na Bolsa de Valores de Toronto, no Canadá. Relatório Anual Gerdau

22 As ações da Gerdau S.A. movimentaram na Bolsa de Valores de São Paulo R$ 1,4 bilhão, 114,4% a mais que em 2001, o que representa uma média diária de R$ 5,5 milhões. As ações preferenciais apresentaram 73,7% de valorização e, juntamente com as ordinárias, encerraram o ano com negócios realizados. A Empresa participa do Nível 1 de Governança Corporativa e do Índice da Bovespa. Os ADRs da Gerdau S.A. na Bolsa de Valores de Nova Iorque alcançaram uma média de negócios de US$ 569,7 mil por dia, somando um total de US$ 144,1 milhões. A Metalúrgica Gerdau S.A. atingiu a marca de transações realizadas na Bolsa de Valores de São Paulo, as quais movimentaram R$ 303 milhões, valor 22,5% superior ao de No período, a valorização das ações preferenciais foi de 103,1% e houve uma média diária de negócios de R$ 1,1 milhão. O free float, ações que não estão em poder dos controladores, representa 48,5% do capital social da Gerdau S.A. e 73,2% da Metalúrgica Gerdau S.A. Seguindo sua política de transparência, o Grupo Gerdau disponibiliza informações detalhadas sobre as operações no seu website e por meio da área de Relações com Investidores. Realiza reuniões com o mercado de capitais, além de teleconferências transmitidas também pela Internet para comentar os resultados de cada trimestre. Esses eventos, realizados ao longo do ano, abrangeram cerca de 1,5 mil profissionais do Brasil, da América do Norte e da Europa.

23 GESTÃO DE RISCOS Mercado e Conjuntura O Grupo Gerdau, no Brasil, tem ampliado seus negócios por meio de exportações. Em 2002, foram responsáveis por 20,7% do volume das vendas, o que permitiu manter o nível de atividade da empresa e aumentar o fluxo de divisas para o País. Neste exercício, o período eleitoral trouxe grande volatilidade ao mercado financeiro também impactado pelo clima de incertezas em relação a outras economias do mundo. Como conseqüência, a cotação do real frente ao dólar oscilou 52,3% no ano, enquanto a taxa de juros, gerenciada sob uma visão austera, foi elevada para 25% com o objetivo de manter a inflação sob controle. A desvalorização da moeda brasileira favoreceu o aumento do volume das exportações do Grupo Gerdau em 77%, demanda atendida a partir da maior utilização da capacidade instalada das usinas, mantendo-se, no entanto, primordialmente o atendimento ao mercado nacional. Para 2003, a perspectiva do Banco Central do Brasil é de um crescimento de 1,95% no PIB do País, superando o desempenho de 1,5% em 2002, o que deverá se refletir favoravelmente na demanda por aços longos, segmento no qual o Grupo Gerdau atua predominantemente. Relatório Anual Gerdau

Vendas e MercadosProdutos. serviços adequados às necessidades de cada cliente

Vendas e MercadosProdutos. serviços adequados às necessidades de cada cliente Vendas e MercadosProdutos e serviços adequados às necessidades de cada cliente A estrutura do Grupo Gerdau, segmentada em cinco operações siderúrgicas, agrega importantes vantagens competitivas na área

Leia mais

Apresentação para Investidores. Março, 2009

Apresentação para Investidores. Março, 2009 Apresentação para Investidores Março, 2009 1 Filosofia Gerdau VISÃO Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. MISSÃO O Grupo Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que

Leia mais

Vendas e Mercados. Capacidade para atender à crescente demanda do mercado. Vendas Físicas por Região Geográfica (em milhares de toneladas)

Vendas e Mercados. Capacidade para atender à crescente demanda do mercado. Vendas Físicas por Região Geográfica (em milhares de toneladas) Vendas e Mercados Capacidade para atender à crescente demanda do mercado Vendas Físicas por Região Geográfica (em milhares de toneladas) BRASIL 12.144 6.587 5.141 416 2003 12.561 6.630 520 2004 CANADÁ

Leia mais

Os sistemas de despoeiramento, presentes em todas as usinas do Grupo Gerdau, captam e filtram gases e partículas sólidas gerados na produção

Os sistemas de despoeiramento, presentes em todas as usinas do Grupo Gerdau, captam e filtram gases e partículas sólidas gerados na produção Os sistemas de despoeiramento, presentes em todas as usinas do Grupo Gerdau, captam e filtram gases e partículas sólidas gerados na produção siderúrgica. Ontário Canadá GESTÃO AMBIENTAL Sistema de gestão

Leia mais

Negócios. Gerdau aprimora gestão para ampliar resultados operacionais. 18,5 milhões de toneladas

Negócios. Gerdau aprimora gestão para ampliar resultados operacionais. 18,5 milhões de toneladas Negócios Gerdau inicia produção própria de bobinas a quente na usina Ouro Branco (MG). DESEMPENHO DAS OPERAÇÕES Gerdau aprimora gestão para ampliar resultados operacionais Ao longo de 2013, as vendas físicas

Leia mais

PLANEJAMENTO INTEGRADO GERDAU. Dez/ 05

PLANEJAMENTO INTEGRADO GERDAU. Dez/ 05 PLANEJAMENTO INTEGRADO GERDAU Dez/ 05 Sinopse Nesta apresentação iremos abordar como a Gerdau realiza, de forma integrada, o planejamento de operações de suas usinas, conciliando os interesses das áreas

Leia mais

Porto Alegre, 3 de agosto de 2005 GERDAU S.A. CONSOLIDADO Resultados do 1º Semestre de 2005 Legislação societária brasileira Teleconferências 3 de agosto de 2005 Português: 13h00 Inglês: 15h00 Para participar:

Leia mais

Romi registra lucro líquido de R$ 83 milhões em 2006, o maior resultado de sua história

Romi registra lucro líquido de R$ 83 milhões em 2006, o maior resultado de sua história Resultados do 4 o Trimestre de 2006 Cotações (28/12/06) ROMI3 - R$ 158,00 ROMI4 - R$ 146,50 Valor de Mercado R$ 999,0 milhões Quantidade de Ações Ordinárias: 3.452.589 Preferenciais.: 3.092.882 Total:

Leia mais

RelatórioAnual2001. Destaques

RelatórioAnual2001. Destaques Destaques Capacidade instalada do Grupo Gerdau cresce para 11 milhões de toneladas anuais de aço no final de 2001. Lucro líquido consolidado aumenta 36% e chega a R$ 551 milhões. O faturamento bruto evolui

Leia mais

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09 Visão Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. Missão A Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os

Leia mais

GERDAU S.A. Informações consolidadas

GERDAU S.A. Informações consolidadas Visão Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. Missão A Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os

Leia mais

Destaques. Edição 27 - Ano 02. Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura!

Destaques. Edição 27 - Ano 02. Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura! Edição 27 - Ano 02 Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura! Destaques» Gerdau aumenta faturamento em 39% no trimestre» Grupo Gerdau amplia operações em Minas Gerais»

Leia mais

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014 Apresentação para Investidores Novembro de 2014 1 Agenda Diferenciais Gerdau Estratégia Destaques Operacionais e Financeiros Perspectivas Diferenciais Gerdau Mais de 110 anos de atuação no mercado do aço

Leia mais

Receita líquida consolidada cresce 20,9% no 3T15 contra o 2T15, atingindo R$ 212,2 milhões, com destaque para o crescimento no mercado interno;

Receita líquida consolidada cresce 20,9% no 3T15 contra o 2T15, atingindo R$ 212,2 milhões, com destaque para o crescimento no mercado interno; PRESS RELEASE 3T15 Porto Alegre, 13 de novembro de 2015 - A Forjas Taurus S.A. (BM&FBOVESPA: FJTA3, FJTA4), empresa dos segmentos de (i) Defesa e Segurança - sendo a maior produtora de armas da América

Leia mais

Apresentação para Investidores. Junho, 2008

Apresentação para Investidores. Junho, 2008 Apresentação para Investidores Junho, 2008 1 Evolução da Produção Produção de Aço Bruto Em milhões de toneladas Crescimento nos últimos 10 anos: + 68% China: + 349% Estimado 2007-2012: +29,8% Crescimento

Leia mais

INFORMAÇÕES CONSOLIDADAS 1T14

INFORMAÇÕES CONSOLIDADAS 1T14 Caxias do Sul, 12 de maio de 2014 - A Marcopolo S.A. (BM&FBOVESPA: POMO3; POMO4), divulga os resultados do primeiro trimestre de 2014 (1T14). As demonstrações financeiras são apresentadas de acordo com

Leia mais

INDICADORES FINANCEIROS

INDICADORES FINANCEIROS Relatório 2014 Um Olhar para o Futuro DESEMPENHO ECONÔMICO ECONÔMICA www.fibria.com.br/r2014/desempenho-economico/ 126 INDICADORES FINANCEIROS A Fibria encerrou 2014 com lucro líquido de R$ 163 milhões,

Leia mais

Suzano Papel e Celulose anuncia os resultados consolidados do 2º trimestre de 2006

Suzano Papel e Celulose anuncia os resultados consolidados do 2º trimestre de 2006 Suzano Papel e Celulose anuncia os resultados consolidados do 2º trimestre de 2006 Ebitda consolidado pro-forma com Ripasa atinge US$125 milhões São Paulo, 19 de julho de 2006. Suzano Papel e Celulose

Leia mais

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 1 1 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

Destaques do 3º trimestre de 2015

Destaques do 3º trimestre de 2015 Destaques do 3º trimestre Principais Destaques Manutenção dos níveis de EBITDA consolidado e de margem EBITDA, apesar da sobreoferta de aço mundial e das adversidades econômicas no Brasil. Redução de 5,9%

Leia mais

Reestruturação operacional reduz os custos e as despesas operacionais, proporcionando Ebitda de R$ 2,4 milhões.

Reestruturação operacional reduz os custos e as despesas operacionais, proporcionando Ebitda de R$ 2,4 milhões. Última Cotação em 30/09/2013 FBMC4 - R$ 43,90 por ação Total de Ações: 726.514 FBMC3: 265.160 FBMC4: 461.354 Valor de Mercado (30/09/2013): R$ 31.893,9 milhões US$ 14.431,7 milhões São Bernardo do Campo,

Leia mais

METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2011

METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2011 METANOR S.A. Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2011 Senhores Acionistas, Em conformidade com as disposições legais e estatutárias, a administração da METANOR S.A. submete à apreciação

Leia mais

Contexto Operacional. Operação. Receita Líquida. 12,9 bilhões. Composição da Receita Consolidada (%)

Contexto Operacional. Operação. Receita Líquida. 12,9 bilhões. Composição da Receita Consolidada (%) 103 Contexto Operacional A seguir seguem os comentários sobre o desempenho da S.A. referentes ao exercício de 2014. Com intuito de proporcionar a visibilidade anual dos resultados, tais comentários são

Leia mais

Competitividade e Desafios da Indústria do Aço

Competitividade e Desafios da Indústria do Aço Competitividade e Desafios da Indústria do Aço Harley Scardoelli 25 de maio de 2014 As economias devem se recuperar de forma gradual ao longo dos próximos anos 6,0 5,0 4,0 3,0 3,2 5,1 3,0 4,7 3,6 4,9 3,9

Leia mais

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 Desempenho Em ambiente de queda da atividade na indústria automobilística, a Iochpe-Maxion apresentou um crescimento de 8,4% nas vendas no terceiro

Leia mais

5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA

5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA 5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA Os sinais de redução de riscos inflacionários já haviam sido descritos na última Carta de Conjuntura, o que fez com que o Comitê de Política Monetária (Copom) decidisse

Leia mais

Apimec Florianópolis. Dezembro 2013

Apimec Florianópolis. Dezembro 2013 Apimec Florianópolis Dezembro 2013 Exoneração de Responsabilidades Esta apresentação não constitui uma oferta, convite ou pedido de qualquer forma, para a subscrição ou compra de ações ou qualquer outro

Leia mais

Relatório Analítico 27 de março de 2012

Relatório Analítico 27 de março de 2012 VENDA Código de Negociação Bovespa TGM A3 Segmento de Atuação Principal Logística Categoria segundo a Liquidez 2 Linha Valor de M ercado por Ação (R$) 29,51 Valor Econômico por Ação (R$) 32,85 Potencial

Leia mais

Senhores Acionistas: FATURAMENTO CRESCE 47% E SUPERA A MARCA DOS R$ 4 BILHÕES

Senhores Acionistas: FATURAMENTO CRESCE 47% E SUPERA A MARCA DOS R$ 4 BILHÕES Senhores Acionistas: Após sofrer o impacto causado pela desvalorização da moeda brasileira no início de 1999, a economia do País, de um modo geral, mostrou resultados bastante positivos no encerramento

Leia mais

EMPRESAS PERDIGÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO- 3º trimestre de 2002

EMPRESAS PERDIGÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO- 3º trimestre de 2002 EMPRESAS PERDIGÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO- 3º trimestre de 2002 Senhores Acionistas, A conjuntura política nacional continuou gerando turbulências no mercado, aumentando significativamente o risco do

Leia mais

metanor s.a. METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Metanol do Nordeste

metanor s.a. METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Metanol do Nordeste METANOR S.A. Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Senhores Acionistas, Em conformidade com as disposições legais e estatutárias, a administração da METANOR S.A. submete à apreciação

Leia mais

(c) promover, realizar ou orientar a captação, em fontes internas e externas, de recursos a serem aplicados pela Companhia ou pela sua controlada;

(c) promover, realizar ou orientar a captação, em fontes internas e externas, de recursos a serem aplicados pela Companhia ou pela sua controlada; RELATORIO DA ADMINISTRAÇÃO SENHORES ACIONISTAS, Atendendo às disposições legais e estatutárias, a Administração da TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. sociedade anônima de capital aberto, submete à apreciação

Leia mais

Cimento. Concessões de Energia. Concessões de Transportes. Engenharia e Construção. Vestuário e Calçados. Cimento

Cimento. Concessões de Energia. Concessões de Transportes. Engenharia e Construção. Vestuário e Calçados. Cimento 37 Relatório Anual 2011 - Camargo Corrêa S.A. Áreas de Negócios Alisson Silva, Fábrica da InterCement em Ijaci (MG) 38 Relatório Anual 2011 - Camargo Corrêa S.A. Áreas de Negócios Os negócios de cimento

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014 São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos

Leia mais

RESULTADO OPERACIONAL RECORDE EM 2002

RESULTADO OPERACIONAL RECORDE EM 2002 Para mais informações, contatar: Luciana Paulo Ferreira CSN - Relações com Investidores 1 2586 1442 luferreira@csn.com.br www.csn.com.br RESULTADO OPERACIONAL RECORDE EM 20 (Rio de Janeiro, Brasil, 26

Leia mais

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 São Paulo, 07 de Novembro de 2005 - O Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam exclusivamente no varejo eletrônico

Leia mais

Teleconferência de Resultados. Desempenho do 4T 2013 e de 2013. MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE

Teleconferência de Resultados. Desempenho do 4T 2013 e de 2013. MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE Teleconferência de Resultados Desempenho do 4T 2013 e de 2013 MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 Destaques 2013 Receita Líquida de Vendas de R$ 2.393,8 milhões em 2013,

Leia mais

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F [ ] DECLARAÇÃO DE REGISTRO CONFORME A SEÇÃO 12(b) OU (g) DA LEI DE VALORES

Leia mais

Siderurgia no Brasil

Siderurgia no Brasil www.pwc.com.br Siderurgia no Brasil Um panorama do setor siderúrgico brasileiro SICETEL Sindicato Nacional da Indústria de Trefilação e Laminação de Metais Ferrosos IABR Instituto Aço Brasil 1 Setor de

Leia mais

A Mangels Industrial S.A. anuncia EBITDA de R$ 96,2 milhões em 2008

A Mangels Industrial S.A. anuncia EBITDA de R$ 96,2 milhões em 2008 A Mangels Industrial S.A. anuncia EBITDA de R$ 96,2 milhões em 2008 São Paulo, 27 de março de 2009. A Mangels Industrial S.A. (Bovespa: MGEL4), empresa líder em praticamente todos os segmentos de mercado

Leia mais

Evolução do PIB Brasileiro x PIB da Construção Civil (%)

Evolução do PIB Brasileiro x PIB da Construção Civil (%) o Margem Bruta atinge 42% no 3T07 e distribuição de proventos chega a R$ 40 milhões nos 9M07. 3T07 Cotação (31/10/07) ETER3 R$/ação 8,46 US$/ação 4,83 Base Acionária (31/10/07) Total 72.555.934 Free Float

Leia mais

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F [ ] DECLARAÇÃO DE REGISTRO CONFORME A SEÇÃO 12(b) OU (g) DA LEI DE VALORES

Leia mais

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DOS ESTADOS UNIDOS (U.S. SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION) Washington, D.C. 20549 FORMULÁRIO 20-F [ ] DECLARAÇÃO DE REGISTRO CONFORME A SEÇÃO 12(b) OU (g) DO DECRETO DE

Leia mais

Destaques. Edição 37 - Ano 03. Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura!

Destaques. Edição 37 - Ano 03. Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura! Edição 37 - Ano 03 Acompanhe as principais notícias do Grupo Gerdau nas Américas. Boa leitura! Destaques» Gerdau inaugura a mais moderna siderúrgica produtora de vergalhões do Brasil» Presidente do Grupo

Leia mais

EXPOMONEY 2007. São Paulo, 28 de setembro de 2007

EXPOMONEY 2007. São Paulo, 28 de setembro de 2007 EXPOMONEY 2007 São Paulo, 28 de setembro de 2007 Afirmações sobre o Futuro Algumas das afirmações aqui contidas se baseiam nas hipóteses e perspectivas atuais da administração da Companhia que poderiam

Leia mais

GERDAU S.A. e empresas controladas

GERDAU S.A. e empresas controladas GERDAU S.A. e empresas controladas Desempenho no 2 o trimestre de 2010 As Demonstrações Financeiras Consolidadas da Gerdau S.A. são apresentadas em conformidade com o padrão contábil internacional estabelecido

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 São Paulo, 22 de março de 2012 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis

Leia mais

DESTAQUES DO CONSOLIDADO

DESTAQUES DO CONSOLIDADO 1 T 13 Passo Fundo, 30 de abril de 2013 A Grazziotin (BM&FBOVESPA: CGRA3 e CGRA4), empresa de comércio varejista do segmento de vestuário e utilidades domésticas, localizada na região sul do país, divulga

Leia mais

40.000 empregados Em mais de 250 municípios Brasileiros Presença em mais de 20 países

40.000 empregados Em mais de 250 municípios Brasileiros Presença em mais de 20 países 42º SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE ACIARIA 42º STEELMAKING SEMINAR - INTERNATIONAL NOVOS PROJETOS SIDERÚRGICOS Iran Oliveira de Medeiros GRUPO VOTORANTIM 1918 2010 Canadá Estados Unidos México Bahamas Colômbia

Leia mais

Açotubo anuncia fusão com Incotep e Artex Aços Inoxidáveis

Açotubo anuncia fusão com Incotep e Artex Aços Inoxidáveis Açotubo anuncia fusão com Incotep e Artex Aços Inoxidáveis Ter, 02 de Agosto de 2011 07:13 Com base nos movimentos de mercado e da companhia alinhados ao aquecimento da indústria e economia brasileiras,

Leia mais

EMBRATEL PARTICIPAÇÕES TEM RECEITA LÍQUIDA DE R$ 1,5 BILHÕES NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2000, 26 PORCENTO ACIMA DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999

EMBRATEL PARTICIPAÇÕES TEM RECEITA LÍQUIDA DE R$ 1,5 BILHÕES NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2000, 26 PORCENTO ACIMA DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999 INFORMATIVO Silvia M.R. Pereira Relações com Investidores tel: BR 55 21 519-9662 fax: 55 21 519-6388 Wallace Borges Grecco Relações com a Imprensa tel: BR 21 519-7282 fax: 021-519-8010 EMBRATEL PARTICIPAÇÕES

Leia mais

A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado

A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado RELATÓRIO ANUAL GERDAU 27 65 COLABORADORES A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado Ed Carlos Alves

Leia mais

Divulgação de resultados 3T13

Divulgação de resultados 3T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 3º Trimestre do ano de 2013 Rio de Janeiro, 13 de novembro de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no

Leia mais

RELACIONAMENTOS COLABORADORES. Cultura empresarial Gerdau é base para eficiência frente aos desafios globais

RELACIONAMENTOS COLABORADORES. Cultura empresarial Gerdau é base para eficiência frente aos desafios globais 20 RELATÓRIO ANUAL GERDAU 2012 COLABORADORES RELACIONAMENTOS A segurança das pessoas no ambiente de trabalho é prioridade máxima em todas as operações da Gerdau COLABORADORES Cultura empresarial Gerdau

Leia mais

Apresentação de Resultados

Apresentação de Resultados Apresentação 3T08 Apresentação de Resultados José Carlos Aguilera (Diretor Presidente e de RI) Eduardo de Come (Diretor Financeiro) Marcos Leite (Gerente de RI) Destaques do Período Contexto de crise no

Leia mais

Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores

Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores Plínio do Amaral Pinheiro Diretor de Relações com Investidores Áreas de Atuação DIVISÃO DECA Metais Sanitários Louças Sanitárias Acessórios DIVISÃO MADEIRA Chapa de Fibra MDP MDF/HDF/SDF Piso Laminado

Leia mais

Earnings Release 1s14

Earnings Release 1s14 Earnings Release 1s14 1 Belo Horizonte, 26 de agosto de 2014 O Banco Bonsucesso S.A. ( Banco Bonsucesso, Bonsucesso ou Banco ), Banco múltiplo, de capital privado, com atuação em todo o território brasileiro

Leia mais

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas)

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) Para maiores informações, contatar: Daniel de Andrade Gomes TELEFÔNICA

Leia mais

COMPRA. Relatório de Acompanhamento Gerdau S.A.

COMPRA. Relatório de Acompanhamento Gerdau S.A. A Companhia 24/02/2011 COMPRA Código em Bolsa GGBR4 Setor de Atuação Siderúrgia Porte da Empresa Bluechip Cotação Atual R$ 22,46 Preço Alvo R$ 44,55 Potencial de Valorização 98,37% Preço/Lucro (L09) 30,36

Leia mais

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010 Apresentação da Companhia Setembro de 2010 Comprovada capacidade de execução Visão geral da Inpar Empreendimentos por segmento (1) Modelo de negócios integrado (incorporação, construção e venda) Comercial

Leia mais

Ao completar 60 anos no mercado de capitais, o Grupo encerra o ano de 2007 com 140 mil acionistas

Ao completar 60 anos no mercado de capitais, o Grupo encerra o ano de 2007 com 140 mil acionistas RELATÓRIO ANUAL GERDAU 27 55 Ao completar 6 anos no mercado de capitais, o Grupo encerra o ano de 27 com 14 mil acionistas O Grupo Gerdau tem proporcionado aos seus 14 mil acionistas rentabilidade com

Leia mais

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Nota de Imprensa Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Presidente mundial do Banco Santander apresenta em São Paulo o Plano Estratégico 2008-2010 para o A integração

Leia mais

Release de Resultados do 4T13

Release de Resultados do 4T13 São Paulo, 19 de fevereiro de 2014 A Eucatex (BM&FBovespa: EUCA3 e EUCA4), uma das maiores produtoras de painéis de madeira do Brasil, que atua também nos segmentos de tintas e vernizes, pisos laminados,

Leia mais

Teleconferência Resultados 3T10

Teleconferência Resultados 3T10 Teleconferência Resultados 3T10 Sexta-feira, 5 de Novembro de 2010 Horário: 14:00 (horário de Brasília) 12:00 (horário US EDT) Tel: + 55 (11) 4688-6361 Código: LASA Replay: + 55 (11) 4688-6312 Código:

Leia mais

Resultados 1T07 10 de maio de 2007

Resultados 1T07 10 de maio de 2007 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 102% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 32% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 1T07. As demonstrações financeiras da Companhia são elaboradas

Leia mais

Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010

Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010 Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010 Rio de Janeiro, 16 de agosto de 2010. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado de

Leia mais

www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008

www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008 www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008 0 1. Visão Geral Setor de Ensino Superior no Brasil Visão Geral Estratégia Empresarial Destaques Financeiros

Leia mais

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p.

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. No 1T15, a receita líquida totalizou R$ 5,388 bilhões, estável em relação ao 1T14 excluindo-se

Leia mais

Luiz Fernando Rolla. Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações

Luiz Fernando Rolla. Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações Luiz Fernando Rolla Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações Nossa base de acionistas assegura liquidez América do Norte Canadá Estados Unidos México Europa Luxemburgo

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO L2 0 0 6 R E L AT Ó R I O A N U A EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO Prêmio de Seguros Participação no Mercado (em %) Mercado 74,2% Fonte: Susep e ANS Base: Nov/2006 Bradesco 25,8%

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2014 - GERDAU SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2014 - GERDAU SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada. Outubro de 2014

BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada. Outubro de 2014 BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada Outubro de 2014 Agenda 1. Aspectos Institucionais 2. Formas de Atuação 3. Indústria de Base Florestal Plantada 1. Aspectos Institucionais Linha

Leia mais

o mapa da mina de crédito Figura 1 - Passos para decisão de tomada de crédito

o mapa da mina de crédito Figura 1 - Passos para decisão de tomada de crédito crédito rural: o mapa da mina Por: Felipe Prince Silva, Ms. Desenvolvimento Econômico, Espaço e Meio Ambiente UNICAMP. Economista Agrosecurity Gestão de Agro-Ativos LTDA e Agrometrika Informática e Serviços

Leia mais

Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009

Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009 Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009 Rio de Janeiro, 10 de março de 2010. A Brasil Brokers Participações S.A. (Bovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado de intermediação

Leia mais

RE LATÓRIO ANUAL 2012 CONSTRUINDO OPORTUNIDADES

RE LATÓRIO ANUAL 2012 CONSTRUINDO OPORTUNIDADES RE LATÓRIO ANUAL 2012 CONSTRUINDO OPORTUNIDADES Gerdau CONSTRUINDO OPORTUNIDADES A Gerdau enfrenta os desafios do presente com um olhar no futuro. Por isso, busca sempre construir novas oportunidades de

Leia mais

Anexo VI Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000)

Anexo VI Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo VI Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo à Mensagem da Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015, em cumprimento

Leia mais

Earnings Release 1T15

Earnings Release 1T15 Santo André, 05 de maio de 2015: A CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A. (BM&FBOVESPA: CVCB3), maior operadora de turismo das Américas, informa aos seus acionistas e demais participantes do mercado

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T14

Divulgação de Resultados 1T14 Divulgação de Resultados 1T14 A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private-equity ( Fundos

Leia mais

GERDAU S.A. RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

GERDAU S.A. RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Senhores Acionistas: O exercício de 2012 representou para a Gerdau um período de desafios que se acentuaram a partir do segundo semestre, reflexo da desaceleração das economias

Leia mais

Direcional Engenharia S.A.

Direcional Engenharia S.A. 1 Direcional Engenharia S.A. Relatório da Administração Exercício encerrado em 31 / 12 / 2007 Para a Direcional Engenharia S.A., o ano de 2007 foi marcado por recordes e fortes mudanças: registramos marcas

Leia mais

RE LATÓRIO ANUAL 2013 FORÇA DA TRANSFORMAÇÃO

RE LATÓRIO ANUAL 2013 FORÇA DA TRANSFORMAÇÃO RE LATÓRIO ANUAL 2013 FORÇA DA TRANSFORMAÇÃO Gerdau FORÇA DA TRANSFORMAÇÃO Uma força que abre novos caminhos é o que move a Gerdau. Ela se manifesta na sua capacidade de superar desafios, transformar e

Leia mais

Raízen Combustíveis S.A.

Raízen Combustíveis S.A. Balanço patrimonial consolidado e condensado (Em milhares de reais, exceto quando indicado de outra forma) Ativo 30.06.2014 31.03.2014 Passivo 30.06.2014 31.03.2014 Circulante Circulante Caixa e equivalentes

Leia mais

22 de novembro de 2007. Apresentação dos Resultados 4T07

22 de novembro de 2007. Apresentação dos Resultados 4T07 22 de novembro de 2007 Apresentação dos Resultados 4T07 Aviso Importante Declarações contidas nesta apresentação relativas às perspectivas dos negócios da Companhia, projeções de resultados operacionais

Leia mais

Anúncio de Reestruturação Financeira

Anúncio de Reestruturação Financeira Anúncio de Reestruturação Financeira 1 Considerações Futuras Algumas informações sobre o Plano de Reestruturação Financeira da Companhia apresentam nossas expectativas sobre o resultado que poderemos obter

Leia mais

1T08. PRINCIPAIS INDICADORES CONSOLIDADOS R$ mil. Dados em 29/04/2008

1T08. PRINCIPAIS INDICADORES CONSOLIDADOS R$ mil. Dados em 29/04/2008 1T08 Dados em 29/04/2008 Sadia ON (SDIA3)= R$10,30/ação Sadia PN (SDIA4)= R$11,58/ação Sadia ADR (SDA) = US$ 20,63 (1 ADR = 3 ações) Sadia Latibex (XSDI) = 4,58 Valor de Mercado - Bovespa R$ 7,9 bilhões

Leia mais

Gerdau investe continuamente em capacitação, novas tecnologias e equipamentos para garantir a segurança no ambiente de trabalho.

Gerdau investe continuamente em capacitação, novas tecnologias e equipamentos para garantir a segurança no ambiente de trabalho. Relacionamentos Gerdau investe continuamente em capacitação, novas tecnologias e equipamentos para garantir a segurança no ambiente de trabalho. COLABORADORES Investimentos em capacitação contribuem para

Leia mais

Programa Gerdau Germinar (MG) é uma das mais importantes iniciativas de educação ambiental da Empresa. Relatório Anual Gerdau 2014

Programa Gerdau Germinar (MG) é uma das mais importantes iniciativas de educação ambiental da Empresa. Relatório Anual Gerdau 2014 40 41 Programa Gerdau Germinar (MG) é uma das mais importantes iniciativas de educação ambiental da Empresa. MEIO AMBIENTE 42 Gerdau é reconhecida pela eficiência de suas práticas de proteção ao meio ambiente

Leia mais

Solução Accenture RiskControl

Solução Accenture RiskControl Solução Accenture RiskControl As rápidas transformações econômicas e sociais que marcaram a primeira década do século XXI trouxeram novos paradigmas para a gestão empresarial. As organizações ficaram frente

Leia mais

Café da Manhã Credit Suisse. 23 de fevereiro de 2010

Café da Manhã Credit Suisse. 23 de fevereiro de 2010 Café da Manhã Credit Suisse 23 de fevereiro de 2010 Seção I Destaques do 3T09 2 Positivo Informática registra margem EBITDA de 10,2% no 3T09 Recorde histórico de volume e receita: 528,5 mil PCs e R$ 751,0

Leia mais

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ).

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 25 de Outubro de 2005. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). (Os

Leia mais

O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia.

O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia. O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia. Rio Grande do Sul Brasil PESSOAS E EQUIPES Equipes que

Leia mais

KLABIN S.A. RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 2008

KLABIN S.A. RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 2008 KLABIN S.A. RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 2008 Senhores Acionistas Submetemos à apreciação de V.Sas. o Relatório da Administração e as correspondentes demonstrações financeiras, com os pareceres dos auditores

Leia mais

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Exportações de açúcar da empresa devem aumentar 86% na safra 2009/2010 A Copersucar completa

Leia mais

Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000)

Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Em cumprimento ao disposto na Lei Complementar n o 101, de

Leia mais

Investimentos Florestais: A Alternativa Natural

Investimentos Florestais: A Alternativa Natural Investimentos Florestais: A Alternativa Natural Investimentos Florestais: A Alternativa Natural Atualmente, o mercado financeiro é caracterizado por altos níveis de volatilidade e incerteza- o que não

Leia mais

Resultados 2005 Resultados 2005

Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 1T06 Bovespa: RSID3 NYSE (ADR): RSR2Y Receita Líquida alcança R$ 85,2 milhões VGV totaliza R$ 94,3 milhões Vendas contratadas crescem 63% São Paulo, 11 de maio

Leia mais

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Prezados acionistas A administração da WLM Indústria e Comércio S.A. (WLM), em conformidade com as disposições

Leia mais

Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011

Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011 Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011 RESULTADOS PRO FORMA NÃO AUDITADOS CONSOLIDADOS DA ABRIL EDUCAÇÃO As informações financeiras consolidadas pro forma não auditadas para 30

Leia mais