NOSSO LIVRO DO FOLCLORE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NOSSO LIVRO DO FOLCLORE"

Transcrição

1 NOSSO LIVRO DO FOLCLORE ALUNOS DA TURMA DE ALFABETIZAÇÃO DA SALA DE APOIO PEDAGÓGICO DA EMEF PROF. HENRIQUE PEGADO 2015

2 NOSSO LIVRO DO FOLCLORE AUTORES ALUNOS DE ALFABETIZAÇÃO DA SALA DE APOIO PEDAGÓGICO DA EMEF PROFESSOR HENRIQUE PEGADO ORIENTAÇÃO PROFESSORA SANDRA REGINA MAZIN LATINI

3 SUMÁRIO Prefácio Parlenda Brinquedos Cantigas Adivinhas Brincadeiras Lendas Trava-Línguas Superstição

4 4 DEDICAMOS O NOSSO LIVRO PARA OS FAMILIARES, PROFESSORES E AMIGOS.

5 5 AGRADECEMOS A PROFESSORA SANDRA E AOS ALUNOS PELA DEDICAÇÃO E AO HENRIQUE PEGADO POR PROPORCIONAR NOSSO PROJETO

6 PREFÁCIO Começamos o projeto, em cada aula estudando um enfoque do folclore ( lendas, personagens, ditados populares, trava- língua, entre outros). Nessas aulas, trabalhamos atividades de análise de sistema: listas, formação de palavras, escritas de frases e de textos, tanto coletiva como individualmente. Os alunos escolheram dentro de cada enfoque o que mais gostaram. A seguir fizemos escritas coletivas de cada escolha. Fomos para informática e as duplas digitaram e escolheram imagens. A turma é numerosa e agitada, mas apesar disso os alunos se envolveram em todas atividades e transformaram esse envolvimento nesse livro. Percebi uma melhora significativa nos alunos tanto na participação quanto nas fases de escrita. Por isso quero parabenizar os alunos pelo trabalho de qualidade. 6

7 Cadê o toucinho que estava aqui? O gato comeu. PARLENDA Cadê o gato? Fugiu para o mato. Cadê o mato? O fogo queimou. Cadê o fogo? A água apagou! Cadê a água? O boi bebeu. Cadê o boi? Foi buscar trigo. Cadê o trigo? A galinha ciscou. Cadê a galinha? Está botando ovo. Cadê o ovo? O padre comeu. Cadê o padre? Foi rezar a missa. Cadê a missa? Acabou. HOJE É DOMINGO, PÉ DE CACHIMBO CACHIMBO É DE OURO, BATE NO TOURO TOURO É BRAVO, CAI NO BURACO BURACO É FUNDO, ACABOU-SE O MUNDO. 7

8 BRINQUEDOS Carrinho Peteca Pipa Futebol de botão Bolinha de gude Corda Boneca Bola 8

9 CANTIGAS Boi, boi, boi, boi da cara preta pega esta criança que tem medo de careta. Nana neném que a cuca vem pegar, papai foi pra roça, mamãe foi trabalhar. ADVINHAS 1-O que é o que é que tem coroa, mas não é rei, tem escamas, mas não é peixe? 2-O que é o que é que pula para o ar, dá um estouro e vira do avesso? 3-O que é o que é quem faz não quer quem compra não usa e quem usa não vê? 9

10 BRINCADEIRAS ESCONDE ESCONDE VOCÊ TEM QUE SE ESCONDER, ENQUANTO UM AMIGO CONTA ATÉ VINTE. ELE SAI PARA PROCURAR QUEM ESTÁ ESCONDIDO, BATE NA PAREDE E QUEM ESTÁ PROCURANDO CONTA QUEM FOI BATIDO PRIMEIRO. NA PRÓXIMA VEZ O PRIMEIRO QUE FOI ACHADO É QUEM CONTA. PEGA PEGA OS JOGADORES FAZEM DOIS OU UM PARA ESCOLHER QUEM VAI PEGAR. OS OUTROS CORREM E QUANDO PEGAR VOCÊ, VOCÊ É QUEM VAI PEGAR OS AMIGOS. 10

11 LENDAS BOTO O BOTO VIVE NO RIO AMAZONAS. DE NOITE VIRA UM HOMEM JOVEM E BONITO E VESTE UMA ROUPA BRANCA E UM CHAPÉU QUE SERVE PARA ESCONDER O BURACO DA CABEÇA. VAI PARA O BAILE, ENCANTA UMA MULHER E QUANDO AMANHECE VOLTA PARA O RIO E SE TRANSFORMA EM BOTO OUTRA VEZ. DEPOIS DE NOVE MESES QUANDO A MULHER TEM O BEBÊ E NÃO SABE QUEM É O PAI, DIZ QUE É FILHO DO BOTO. LOBISOMEM NUMA FAMILIA DE SETE MENINAS, SE NASCER UM MENINO, QUANDO COMPLETER TREZE ANOS ELE VIRA LOBISOMEM EM NOITE DE LUA CHEIA. PARA DESFAZER O ENCANTO TEM QUE PERCORRER SETE CEMITÉRIOS NUMA ÚNICA NOITE. 11

12 TRAVA LÍNGUA PINTO PELADO PULOU DA PANELA PARA O PENICO. OLHA O SAPO DENTRO DO SACO, O SACO COM O SAPO DENTRO, O SAPO BATENDO PAPO E O PAPO SOLTANDO VENTO. TRÊS PRATOS DE TRIGO PARA TRÊS TIGRES TRISTES. O RATO ROEU A ROUPA DO REI DE ROMA. QUANTO MAIS O PINTO PIA, MAIS A PIA PINGA. 12

13 SUPERSTIÇÃO TREVO DE QUATRO FOLHAS PARA DAR SORTE. VER GATO PRETO NUMA SEXTA-FEIRA TREZE DÁ AZAR. PASSAR EMBAIXO DA ESCADA DÁ AZAR E NÃO CRESCE MAIS. QUEBRAR ESPELHO DÁ SETE ANOS DE AZAR. COLOCAR VASSOURA ATRÁS DA PORTA MANDA VISITA CHATA EMBORA. 13

PLANEJAMENTO (Parlendas/Trava-línguas/provérbios/ditos populares)

PLANEJAMENTO (Parlendas/Trava-línguas/provérbios/ditos populares) PLANEJAMENTO (Parlendas/Trava-línguas/provérbios/ditos populares) Professor (a): Janete Fassini Alves BRINCANDO COM AS PALAVRAS: TRAVA-LINGUAS Oralidade; desinibição; fluência na leitura. Competências

Leia mais

ESCOLA NOME ELE TINHA UM CONHECIDO POR E QUE PROTEGE A E OS.

ESCOLA NOME ELE TINHA UM CONHECIDO POR E QUE PROTEGE A E OS. TATU NA CASCA ERA UMA VEZ UM SACI QUE VIVIA SEMPRE MUITO CONTENTE. ELE TINHA UM CONHECIDO POR E QUE PROTEGE A E OS. OUTRO DIA, SALVOU DOS MALVADOS UMA PACA, UM VEADO, UMA COTIA E ATÉ O QUE ESTAVA VIRANDO

Leia mais

PLANEJAMENTO (PARLENDA)

PLANEJAMENTO (PARLENDA) Professora: RAQUEL MARIA RADAELLI ROSSI NOME DA PARLENDA: CADÊ? Competências Objetivos Estratégias em Língua Portuguesa (contemplando os 4 eixos: Leitura; Produção de textos; Oralidade; Análise Linguística)

Leia mais

Colégio Mauricio Salles de Mello

Colégio Mauricio Salles de Mello Colégio Mauricio Salles de Mello Brasília, de de 20 Professor(a): Aluno(a): Ano: Turma: PLANO SEMANAL 3º ANO Semana de 27/09 a 17/10/2016 Toda criança tem direitos e deveres. Crianças têm de estudar, brincar,

Leia mais

Dados do Pacote: Nome: Projeto Folclore Número de páginas 26 Gabarito não. Conteúdo:

Dados do Pacote: Nome: Projeto Folclore Número de páginas 26 Gabarito não. Conteúdo: A página que se segue é parte integrante do pacote Projeto Folclore, elaborado, produzido e publicado por Janaina Spolidorio. Não é permitida a reprodução comercial ou pública. Dados do Pacote: Nome: Projeto

Leia mais

Coletânea de 22 parlendas populares brasileiras para ler, brincar e se divertir! Organização: Chris Bueno

Coletânea de 22 parlendas populares brasileiras para ler, brincar e se divertir! Organização: Chris Bueno Parlenda, Parlendinha, Parlendão! Coletânea de 22 parlendas populares brasileiras para ler, brincar e se divertir! Organização: Chris Bueno PARLENDAS Parlendas são aqueles versinhos rimados e ritmados

Leia mais

UM DIA EU SAÍ PELO MUNDO, CAMINHANDO SEM EIRA NEM BEIRA, E, BEM NO MEIO DA ESTRADA, EU FUI POR UM ENCONTREI UM BANDO DE AMIGOS CAMINHO

UM DIA EU SAÍ PELO MUNDO, CAMINHANDO SEM EIRA NEM BEIRA, E, BEM NO MEIO DA ESTRADA, EU FUI POR UM ENCONTREI UM BANDO DE AMIGOS CAMINHO UM DIA EU SAÍ PELO MUNDO, CAMINHANDO SEM EIRA NEM BEIRA, E, BEM NO MEIO DA ESTRADA, ENCONTREI UM BANDO DE AMIGOS QUE RIAM E BRINCAVAM JUNTOS, REPETINDO PALAVRAS EM CONJUNTO... EU FUI POR UM CAMINHO...

Leia mais

A aranha arranha a rã? A rã arranha a aranha? Nem a aranha arranha a rã. Nem a rã arranha a aranha.

A aranha arranha a rã? A rã arranha a aranha? Nem a aranha arranha a rã. Nem a rã arranha a aranha. PLANEJAMENTO (Parlendas/Trava-línguas/provérbios/ditos populares) Professor (a): Leticia Julieta Vanni BRINCANDO COM TRAVA-LÍNGUAS Oralidade; atenção; memorização; desinibição; fluência na leitura. Competências

Leia mais

Sequência Didática Interdisciplinar

Sequência Didática Interdisciplinar Sequência Didática Interdisciplinar SÉRIE: 3º Ano COMPONENTES CURRICULARES: Língua Portuguesa, História e Artes CONTEÚDOS: LÍNGUA PORTUGUESA: Oralidade, leitura e Escrita: Gênero Textual Parlendas, Trava-línguas,

Leia mais

PARLENDAS PROFESSORA: MARLISE ALTHAUS TEDESCO. Objetivo Geral: Propiciar momentos de aprendizagens significativas juntamente com descontração.

PARLENDAS PROFESSORA: MARLISE ALTHAUS TEDESCO. Objetivo Geral: Propiciar momentos de aprendizagens significativas juntamente com descontração. PARLENDAS PROFESSORA: MARLISE ALTHAUS TEDESCO Objetivo Geral: Propiciar momentos de aprendizagens significativas juntamente com descontração. Objetivo Específico: Pesquisar as palavras desconhecidas; Fazer

Leia mais

Planejamento LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO

Planejamento LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO Planejamento LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO Professor (a): Andréia de Freitas do Amaral E.M.E.F. JOÃO GRENDENE LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO Competências Leitura, oralidade, ordenação e sequência de fatos,

Leia mais

01- De acordo com o texto 1, escreva os nomes dos bichos que aparecem no texto.

01- De acordo com o texto 1, escreva os nomes dos bichos que aparecem no texto. PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 2 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== TEXTO 1 A VELHA A FIAR Estava

Leia mais

Elias José. José Paulo Paes LALAU E LAURABEATRIZ CIRANDA CULTURAL_POEMAS 2º ANO E/2011

Elias José. José Paulo Paes LALAU E LAURABEATRIZ CIRANDA CULTURAL_POEMAS 2º ANO E/2011 Elias José José Paulo Paes LALAU E LAURABEATRIZ CIRANDA CULTURAL_POEMAS 2º ANO E/2011 CIRANDA CULTURAL 2º ANO E/2011 ILUSTRAÇÃO: ARTHUR E PEDRO HENRIQUE Um chuta, Outro bate. Um agarra, Outro empurra.

Leia mais

2º Ano do Ensino Fundamental INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA. 1. Você está recebendo uma prova de Matemática e Língua Portuguesa.

2º Ano do Ensino Fundamental INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA. 1. Você está recebendo uma prova de Matemática e Língua Portuguesa. FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI VESTIBULINHO 2018 NOME: Barueri, 26 de novembro de 2017. Nº DE INSCRIÇÃO 2º Ano do Ensino Fundamental INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA 1. Você está recebendo

Leia mais

PLANEJAMENTO SEQUÊNCIA DIDÁTICA

PLANEJAMENTO SEQUÊNCIA DIDÁTICA PLANEJAMENTO SEQUÊNCIA DIDÁTICA Professor(a): Andiara de Souza da Silva. Trava língua: O rato roeu a roupa Autor: Ana Maria Machado. Leitura, produção textual, oralidade. Competências Objetivo Geral Permitir

Leia mais

RESGATE DE JOGOS E BRINCADEIRAS TRADICIONAIS RESUMO

RESGATE DE JOGOS E BRINCADEIRAS TRADICIONAIS RESUMO RESGATE DE JOGOS E BRINCADEIRAS TRADICIONAIS Dayany Nascimento Chiarelli Rosangela Socorro Prates Silva RESUMO Com os avanços da tecnologia os tempos mudaram, e isto acaba interferindo em diversos aspectos

Leia mais

SAPO QUENTÃO LÁ VEM O SAPO, SAPO, SAPO, QUE NADAVA NO RIO, NO RIO, NO RIO, COM SEU TRAJE VERDE, VERDE, VERDE, QUE MORRIA DE FRIO, DE FRIO, DE FRIO.

SAPO QUENTÃO LÁ VEM O SAPO, SAPO, SAPO, QUE NADAVA NO RIO, NO RIO, NO RIO, COM SEU TRAJE VERDE, VERDE, VERDE, QUE MORRIA DE FRIO, DE FRIO, DE FRIO. SAPO QUENTÃO LÁ VEM O SAPO, SAPO, SAPO, QUE NADAVA NO RIO, NO RIO, NO RIO, COM SEU TRAJE VERDE, VERDE, VERDE, QUE MORRIA DE FRIO, DE FRIO, DE FRIO. A DONA SAPA, SAPA, SAPA, LHE EMPRESTOU UM ROUPÃO, ROUPÃO,

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR JOÃO MESTRE PROFESSORA: HELUISIANE SILVEIRA LENZI TURMA: PROETI VESPERTINO ANO: 2010.

ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR JOÃO MESTRE PROFESSORA: HELUISIANE SILVEIRA LENZI TURMA: PROETI VESPERTINO ANO: 2010. ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR JOÃO MESTRE PROFESSORA: HELUISIANE SILVEIRA LENZI TURMA: PROETI VESPERTINO ANO: 2010. PROJETO: BRINCANDO COM FOLCLORE PÚBLICO ALVO: Alunos que freqüentam o Projeto Escola de Tempo

Leia mais

PLANEJAMENTO (PARLENDAS,...)

PLANEJAMENTO (PARLENDAS,...) PLANEJAMENTO (PARLENDAS,...) Professor (a):sandra Regina Menti NOME DA ATIVIDADE: JOGO O QUE É? O QUE É? Leitura; produção textual; oralidade; localização espacial. Competências Objetivos Introduzir palavras

Leia mais

LENDA DA SERRA DO NÓ

LENDA DA SERRA DO NÓ LENDA DA SERRA DO NÓ A lenda do Castelo da Serra do Nó, perto de Viana de Castelo, é do tempo em que os mouros dominavam aquela região sob o comando de Abakir, que tinha fama de conquistador de terras

Leia mais

Associação dos Profissionais Tradutores / Intérpretes de Língua Brasileira de Sinais de Mato Grosso do Sul - APILMS

Associação dos Profissionais Tradutores / Intérpretes de Língua Brasileira de Sinais de Mato Grosso do Sul - APILMS Curso Básico de LIBRAS Comunicando com as Mãos de Judy Esminger Associação dos Profissionais Tradutores / Intérpretes de Língua Brasileira de Sinais de Mato Grosso do Sul - Curso Básico de LIBRAS Ilustração:

Leia mais

Pedrinho pintor. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Geraldo Valério. Elaboração Anna Flora

Pedrinho pintor. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Geraldo Valério. Elaboração Anna Flora Pedrinho pintor Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Geraldo Valério Elaboração Anna Flora Brincadeira 1: Trava-línguas e redação Material necessário Para o aluno: 1 caixa de giz de cera Releia as p. 5 e 6:

Leia mais

PLANEJAMENTO (Ditados Populares) Leitura, interpretação, atenção, oralidade, comunicação; vocabulário e criatividade.

PLANEJAMENTO (Ditados Populares) Leitura, interpretação, atenção, oralidade, comunicação; vocabulário e criatividade. PLANEJAMENTO (Ditados Populares) Professor (a): Sonaira Schultz Competências Leitura, interpretação, atenção, oralidade, comunicação; vocabulário e criatividade. Objetivo Geral Desenvolver atividades orais,

Leia mais

Índice. Amarelinha... Brinquedos de papel... Casa de bonecas... Caracol... Corre cutia... Estátua...

Índice. Amarelinha... Brinquedos de papel... Casa de bonecas... Caracol... Corre cutia... Estátua... Turmas APRESENTAÇÃO Ao longo do ano letivo participamos de várias brincadeiras que fazem parte da cultura brasileira, pesquisamos como se brinca em diferentes lugares e assim, conhecemos novos jeitos de

Leia mais

Sou ave, penas não tenho, Capa de ovelhas me cobre; Sou criada numa árvore, Coitadinha, sou tão pobre. Adivinhe.

Sou ave, penas não tenho, Capa de ovelhas me cobre; Sou criada numa árvore, Coitadinha, sou tão pobre. Adivinhe. VÊ LÁ SE 1. Sou ave, penas não tenho, Capa de ovelhas me cobre; Sou criada numa árvore, Coitadinha, sou tão pobre. Adivinhe. 2. Tem cabeça E não tem pescoço; Tem dentes, Sem ser de osso. O que é? 3. Que

Leia mais

01- De acordo com o texto 1, escreva os nomes dos bichos que aparecem no texto.

01- De acordo com o texto 1, escreva os nomes dos bichos que aparecem no texto. PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 2 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ==================================================================== Texto 1 Estava a velha em seu lugar

Leia mais

Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo.

Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo. Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo. SINOPSE: Kelson s : O Lugar onde Vivo Relato de quatro meninos de uma comunidade de baixa renda do Rio de Janeiro, falando a um entrevistador, do lugar onde vivem.

Leia mais

PLUFT, O FANTASMINHA

PLUFT, O FANTASMINHA PERSONAGENS: Sebastião marinheiro - Julião - marinheiro - João marinheiro - Mãe Fantasma - Pluft, o fantasminha - Gerúndio - tio do Pluft - Perna de Pau - marinheiro pirata - Maribel - menina - (Entram

Leia mais

lengalenga Os bons e os maus

lengalenga Os bons e os maus Entende-se por lengalenga uma cantilena transmitida de geração em geração na qual se repetem determinadas palavras ou expressões; é um texto com frases curtas que normalmente rimam e com muitas repetições

Leia mais

FOLCLORE PARLENDAS SILVIA BORGES

FOLCLORE PARLENDAS SILVIA BORGES FOLCLORE PARLENDAS SILVIA BORGES PARLENDAS As parlendas são versinhos com temática infantil que são recitados em brincadeiras de crianças. Possuem uma rima fácil e, por isso, são populares entre as crianças.

Leia mais

Canguru Matemático sem Fronteiras 2012

Canguru Matemático sem Fronteiras 2012 Canguru Matemático sem Fronteiras 01 http://www.mat.uc.pt/canguru/ Categoria: Mini-Escolar - nível II Destinatários: alunos do 3. o ano de escolaridade Nome: Turma: Duração: 1h 30min Não podes usar calculadora.

Leia mais

A abelha adormecida A menina dorminhoca. O esquilo esquisito. O que aconteceu no caldeirão da bruxa? O colibri e a sucuri Fim de jogo

A abelha adormecida A menina dorminhoca. O esquilo esquisito. O que aconteceu no caldeirão da bruxa? O colibri e a sucuri Fim de jogo Maternal Um longo dia A abelha adormecida A menina dorminhoca Ai que medo Meu primeiro dia de aula do O bolo de chocolate O esquilo esquisito Bibi come de tudo Fora do ar Adeus fraldas, adeus! do Sim,

Leia mais

OS PEQUENOS JORNALISTAS

OS PEQUENOS JORNALISTAS OS PEQUENOS JORNALISTAS JORNAL NÚMERO 4 EDIÇÃO ESPECIAL SETEMBRO/2016 C.M.E.I. CIRANDINHA FOLCLORE TAMBÉM É BRINCADEIRA DE CRIANÇA EM SUA ORIGEM INGLESA, CONFORME O DICIONÁRIO HOUAISS, A PALAVRA FOLCLORE

Leia mais

LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO.

LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO. LENDAS DO FOLCLORE BRASILEIRO. IARA SACI- PERERÊ CUCA BICHO-PAPÃO BOTO BOITATÁ LOBISOMEM MULA-SEM-CABEÇA CURUPIRA NEGRINHO DO PASTOREIO IARA LENDA INDÍGENA Linda sereia que vive no rio Amazonas, pele morena,

Leia mais

PLANEJAMENTO (Parlenda)

PLANEJAMENTO (Parlenda) PLANEJAMENTO (Parlenda) Professora: Denise Pfeiffer Nome da Parlenda: Competências Objetivos Estratégias em Língua Portuguesa (contemplando os 4 eixos: Leitura; Produção de textos; Oralidade; Análise Linguística)

Leia mais

1 O carro é do meu tio Zé.

1 O carro é do meu tio Zé. carro O carro é do meu tio Zé. Lê e escreve de novo a frase mas muda o nome do dono do carro. Não sabes? Pode ser: João, Tó, Rui, Ana, Maria. O carro azul tem rodas. A mota só tem rodas. O meu pai tem

Leia mais

QUEM NASCEU SAPO, SERÁ SAPO

QUEM NASCEU SAPO, SERÁ SAPO QUEM NASCEU SAPO, SERÁ SAPO CENÁRIO: Uma floresta, com um lago na frente do palco. PERSONAGENS: Princesa, Sapo, Rei, Rainha, Príncipe, Soldado 7. TODOS: (alunos formando objetos do cenário) Vinha o sapo

Leia mais

b B LÍNGUA PORTUGUESA bebé bola bico bule banana ba be bi bo bu Ba Be Bi Bo Bu Eu sou a letra que se lê ba, be, bi, bo, bu. Completa.

b B LÍNGUA PORTUGUESA bebé bola bico bule banana ba be bi bo bu Ba Be Bi Bo Bu Eu sou a letra que se lê ba, be, bi, bo, bu. Completa. Data : / / Eu sou a letra que se lê ba, be, bi, bo, bu. Completa. bola bebé bico b B bule banana ba be bi bo bu Ba Be Bi Bo Bu É o balão. É o balão. b ba be bi bo bu Copia. Escreve os nomes. B Ba Be Bi

Leia mais

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio.

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio. MÚSICA A música é uma linguagem expressiva importante a ser incentivada desde os primeiros anos de vida. O trabalho com música na escola de Educação Infantil deve respeitar as diferenças regionais e suas

Leia mais

Partida. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Palavras Proibidas. Palavras Proibidas. Palavras Proibidas. Desenho. Palavras Proibidas

Partida. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Mímica. Palavras Proibidas. Palavras Proibidas. Palavras Proibidas. Desenho. Palavras Proibidas (http://www.manualdacrianca.net) Partida Joga de novo Escolhe a cor Escrever Passear Dormir Conduzir um carro Jogar à bola Beber Lavar loiça Sentar-se Elogiar Remar Mudar uma lâmpada Pintar uma parede

Leia mais

MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros. 1º Ano. Pedro e Tina uma amizade muito especial. Melhoramentos. A menina que não tinha medo de nada

MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros. 1º Ano. Pedro e Tina uma amizade muito especial. Melhoramentos. A menina que não tinha medo de nada MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros 1º Ano Título Pedro e Tina uma amizade muito especial Uma letra puxa outra Minha mãe é um problema Meu pai é um problema Histórias de avô e avó O urso que

Leia mais

SEQUÊNCIA 1 - INTERIOR - DIA QUARTO

SEQUÊNCIA 1 - INTERIOR - DIA QUARTO O HOMEM QUE DORME Roteiro de Eduardo Valente, a partir de argumento de Rubio Campos, inspirado muito livremente no conto O Caminho do Sbruch de Isaac Babel. SEQUÊNCIA 1 - INTERIOR - DIA Por uma janela,

Leia mais

BRASIL Avaliando a alfabetização

BRASIL Avaliando a alfabetização PROVINHA BRASIL Avaliando a alfabetização CADERNO DO ALUNO TESTE 1 PRIMEIRO SEMESTRE - 2010 NOME: CADERNO DO ALUNO teste capa verde.indd 1 13/1/2010 08:37:28 CADERNO DO ALUNO teste capa verde.indd 2 13/1/2010

Leia mais

PLANEJAMENTO Julho. Professor (a): Janete Neusa Perin NOME DO LIVRO: Objetivo geral:

PLANEJAMENTO Julho. Professor (a): Janete Neusa Perin NOME DO LIVRO: Objetivo geral: PLANEJAMENTO Julho NOME DO LIVRO: Estratégias de outras áreas do conhecimento A BRUXA SALOMÉ Leitura e escrita; Oralidade; Dias da Semana; Rimas. -Desenvolver o gosto pela leitura, valorizando a como fonte

Leia mais

COLÉGIO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO PARALELA. 3ª Etapa 2010

COLÉGIO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO PARALELA. 3ª Etapa 2010 COLÉGIO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO PARALELA 3ª Etapa 2010 Disciplina: Língua Portuguesa. Educadora: Luise. Ano: 6º. Turmas: manhã e tarde. Caro educando, você está recebendo o conteúdo

Leia mais

REF: 917 - Nº DE PARTICIPANTES: 2 a 4

REF: 917 - Nº DE PARTICIPANTES: 2 a 4 REF: 917 - Nº DE PARTICIPANTES: 2 a 4 03 Dados com PVC de 28cm x 28cm 40 Fichas coloridas em E.V.A. (10 para cada cor) Indicado para crianças a partir da 8 anos REF: 904 - Nº DE PARTICIPANTES: 2 a 4 04

Leia mais

Bente Altas - Licença pra dois!

Bente Altas - Licença pra dois! Bente Altas - Licença pra dois! Guilherme Cardoso Bente Altas Licença pra Dois! 1ª Edição Belo Horizonte Edição do Autor 2015 Copyright: Guilherme Cardoso Capa: Júnior Menezes- (Direitos adquiridos) Diagramação:

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF 2017

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF 2017 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF 2017 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos

Leia mais

UAUIARÁ, PEIXE-HOMEM

UAUIARÁ, PEIXE-HOMEM 1 UAUIARÁ, PEIXE-HOMEM 2 CARMEM TERESA ELIAS E ROMUALDO MAGELA JULIO 3 UAUIARÁ, PEIXE-HOMEM Primeira Edição São Paulo 2016 4 Todos os direitos reservados conforme Lei dos Direitos Autorais. Obra registrada

Leia mais

Viajando pelo Folclore Brasileiro. E.M.E.B. Nossa Senhora Do Loreto. Professor(es) Apresentador(es): Mariane de Oliveira Santos.

Viajando pelo Folclore Brasileiro. E.M.E.B. Nossa Senhora Do Loreto. Professor(es) Apresentador(es): Mariane de Oliveira Santos. Viajando pelo Folclore Brasileiro E.M.E.B. Nossa Senhora Do Loreto Professor(es) Apresentador(es): Mariane de Oliveira Santos Realização: Foco do Projeto Ampliar o repertório do grupo quanto ao tema folclore.

Leia mais

UNIDADE: Diz que.../brasil. SITUAÇÃO DE USO Contação ou leitura de lendas.

UNIDADE: Diz que.../brasil. SITUAÇÃO DE USO Contação ou leitura de lendas. UNIDADE: Diz que.../brasil SITUAÇÃO DE USO Contação ou leitura de lendas. EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM - (Re)Conhecer elementos lendários e folclóricos em textos escritos e orais. - Identificar nomes de

Leia mais

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta 20/12. MANHÃ Ginastica Olímpica Corrida com Obstáculo Higiene/Lanche Jogos de Mesa

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta 20/12. MANHÃ Ginastica Olímpica Corrida com Obstáculo Higiene/Lanche Jogos de Mesa 1ª Semana: 18/12/2017 22/12/2017 18/12 19/12 20/12 21/12 22/12 / Recepção com brincadeiras de integração Brinquedão inflável Oficina de tatuagens e balões Salto a Distância Handball Funcional Kids Pega-pega

Leia mais

O Mistério da bolsa Grande

O Mistério da bolsa Grande O Mistério da bolsa Grande Gisela está indo para casa no Rio de Janeiro, após um mês de férias em Londres. Ela vive em um apartamento no Rio com dois amigos. Ela deixa seu avião às cinco horas. É uma hora

Leia mais

ACTIVIDADES PARA O 1º CICLO

ACTIVIDADES PARA O 1º CICLO ACTIVIDADES PARA O 1º CICLO Actividade 1 Feminino ou Masculino? Recursos Necessários: Ficha de trabalho para toda a turma. Distribui-se uma ficha de trabalho com uma lista de nomes das partes do corpo

Leia mais

Porém este respondeu: Não quero; mais tarde, tocado de arrependimento, foi e fez o que o pai pediu pra ele. BOCA DE FORNO. Regras:

Porém este respondeu: Não quero; mais tarde, tocado de arrependimento, foi e fez o que o pai pediu pra ele. BOCA DE FORNO. Regras: BOCA DE FORNO A1 Regras: O professor comanda a brincadeira, e antes de cada tarefa o refrão: Professor: Boca de forno. Todos: Forno Professor : Tudo que eu pedir para fazer, faz? 2 Sugestões de tarefas

Leia mais

Confecção do dedoche da mula Adivinhas em parlendas p/ casa: 16 à 19

Confecção do dedoche da mula Adivinhas em parlendas p/ casa: 16 à 19 Aulas dadas: Conteúdos e tarefas da Semana- 101 Semana de 22 a 26 de agosto de 2016 ------------------------------ Sociais Brincadeiras Folclóricas: cirandinha, canoa, serpente Confecção da mascará do

Leia mais

EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2017

EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2017 EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2017 Período Matutino e vespertino Dias da Semana Síntese do Calendário Semanal

Leia mais

EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2015

EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2015 EDUCANDÁRIO IMACULADA CONCEIÇÃO Educação, Serviço à vida! Programação Semanal Plantão de Férias EFAI - Período Diversificado 2015 Período e vespertino (Atividades livres e direcionadas...) Atividade direcionada:

Leia mais

Quem de vocês nunca teve dúvidas em relação ao desenvolvimento da fala e da linguagem de uma criança, atire a primeira pedra...

Quem de vocês nunca teve dúvidas em relação ao desenvolvimento da fala e da linguagem de uma criança, atire a primeira pedra... Quem de vocês nunca teve dúvidas em relação ao desenvolvimento da fala e da linguagem de uma criança, atire a primeira pedra... Saber se a criança está falando na idade certa, se está atrasada em relação

Leia mais

6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO

6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO 6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana. Aula 5.2 Conteúdo Os personagens do folclore brasileiro Habilidades Identificar

Leia mais

Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 1º Ano

Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 1º Ano Exercício de Reforço de Língua Portuguesa 1º Ano Leia o texto com bastante atenção! O leão e o ratinho Quando saía de um buraco, o ratinho se viu entre as patas do leão. O leão não lhe fez mal nenhum.

Leia mais

Prova bimestral 2 o ANO 2 o BIMESTRE

Prova bimestral 2 o ANO 2 o BIMESTRE Prova bimestral 2 o NO 2 o BIMESTRE LÍNGU PORTUGUES Escola: Nome: Data: / / Turma: Leia o poema de Olavo Bilac: Deixando a bola e a peteca, Com que inda há pouco brincavam, Por causa de uma boneca, Duas

Leia mais

Um macaco pra frente. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Alcy. Elaboração Anna Flora

Um macaco pra frente. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Alcy. Elaboração Anna Flora Um macaco pra frente Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Alcy Elaboração Anna Flora Brincadeira 1: Se eu fosse um macaco Material necessário Para o professor: 1 bola Após a leitura da história, organize uma

Leia mais

FORTALECENDO SABERES CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I DESAFIO DO DIA ARTES. Conteúdo: Aula 1 e 2: Canção de Roda.

FORTALECENDO SABERES CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I DESAFIO DO DIA ARTES. Conteúdo: Aula 1 e 2: Canção de Roda. CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Conteúdo: Aula 1 e 2: Canção de Roda. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Habilidades: H12

Leia mais

1º ANO A 06 07 2015 ATIVIDADE DE FÉRIAS

1º ANO A 06 07 2015 ATIVIDADE DE FÉRIAS 1º ANO A 06 07 2015 VAMOS RELEMBRAR ALGUMAS ATIVIDADES QUE APRENDEMOS DURANTE AS AULAS? LEIA E IDENTIFIQUE CADA SÍLABA DOS QUADROS ABAIXO, DEPOIS RECORTE E COLE UMA FIGURA QUE INICIE COM A SÍLABA E ESCREVA

Leia mais

VAMOS TRAVAR OU DESTRAVAR? DEPENDE SÓ DE VOCÊ.

VAMOS TRAVAR OU DESTRAVAR? DEPENDE SÓ DE VOCÊ. VAMOS TRAVAR OU DESTRAVAR? DEPENDE SÓ DE VOCÊ. Vera Lúcia Pereira Borges Neste texto, relato a proposta de sequência didática com o gênero textual trava-línguas, realizada com as turmas do 2 ano da Escola

Leia mais

UNIDADE: Pegar o bonde andando / Brasil SITUAÇÃO DE USO Aprendizagem sobre ditos populares. MARCADORES Cultura; Arte popular; Folclore.

UNIDADE: Pegar o bonde andando / Brasil SITUAÇÃO DE USO Aprendizagem sobre ditos populares. MARCADORES Cultura; Arte popular; Folclore. UNIDADE: Pegar o bonde andando / Brasil SITUAÇÃO DE USO Aprendizagem sobre ditos populares. MARCADORES Cultura; Arte popular; Folclore. EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM - Aprender sobre ditos populares brasileiros.

Leia mais

PLANEJAMENTO (Cantiga de Roda /Trava-língua /Adivinhas)

PLANEJAMENTO (Cantiga de Roda /Trava-língua /Adivinhas) PLANEJAMENTO (Cantiga de Roda /Trava-língua /Adivinhas) Professora: Juceli Pola Competências Objetivo Geral Objetivos Específicos Leitura; oralidade; memória; raciocínio; ritmo; dramatização. * Proporcionar

Leia mais

VIVÊNCIA CORPO E ARTE

VIVÊNCIA CORPO E ARTE VIVÊNCIA CORPO E ARTE I Boletim Informativo Bimestral Ciclo II e Fundamental Introdução Proposições para o Ciclo II e Fundamental Fev/Mar Movimento é vida. (...) A nossa própria existência depende das

Leia mais

A MORTE DOS FIGUEREDO - Quero matar você hoje, mamãe TEXTO DE: ARTHUR CANDOTTI. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

A MORTE DOS FIGUEREDO - Quero matar você hoje, mamãe TEXTO DE: ARTHUR CANDOTTI. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. A MORTE DOS FIGUEREDO - Quero matar você hoje, mamãe TEXTO DE: ARTHUR CANDOTTI. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. CENA: 01 CASA DOS FIGEREDO SALA NOITE. Sala está iluminada só pela televisão ligada em um canal

Leia mais

Apos la Termo 1 - Nível 1 - Nome: Data: / /

Apos la Termo 1 - Nível 1 - Nome: Data: / / Apos la Termo 1 - Nível 1 - Nome: / Queridos Responsáveis A introdução da Apostila Pedagógica este ano vem com o objetivo de enriquecer ainda mais o aprendizado dos nossos alunos. Ela priorizará a interação

Leia mais

Atividades Avaliativas

Atividades Avaliativas Atividades Avaliativas Língua Portuguesa 4 o ano 2 o bimestre Nome: data: 1 Leia atentamente o texto e responda as questões a seguir. Era um lobo muito bobo Que fome sentia aquele lobo! Então, resolveu

Leia mais

Uma bola no campinho

Uma bola no campinho FICHA DA SEMANA 4º ANO Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno de acordo

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 1. NOME: 2. DITADO DE UMA LISTA DE PALAVRAS

LÍNGUA PORTUGUESA 1. NOME: 2. DITADO DE UMA LISTA DE PALAVRAS LÍNGUA PORTUGUESA 1. NOME: 2. DITADO DE UMA LISTA DE PALAVRAS A PROFESSORA DA 2ª SÉRIE ESCREVEU UMA LISTA DE MATERIAIS QUE OS ALUNOS PRECISAM LEVAR PARA A ESCOLA: 3. ESCRITA DE UM TRECHO DE UMA CANTIGA

Leia mais

Grade de programação TV Escola - Segunda-feira - 30/10/2017

Grade de programação TV Escola - Segunda-feira - 30/10/2017 Grade de programação TV Escola - Segunda-feira - 30/10/2017 06h03 06h59 07h30 07h48 08h02 08h07 08h13 08h19 08h24 08h29 08h34 08h40 08h46 08h54 09h01 09h06 09h12 09h18 09h23 09h28 SALTO PARA O FUTURO -

Leia mais

Detonado / Debulhado / Walkthrough SAM & MAX : HIT THE ROAD

Detonado / Debulhado / Walkthrough SAM & MAX : HIT THE ROAD Detonado / Debulhado / Walkthrough SAM & MAX : HIT THE ROAD Use a antena da televisão. Use a televisão. Pegue o sanduíche. Pegue a lâmpada e guarde-a na caixa. Pegue a faca, o machado e os dardos no alvo.

Leia mais

Gramática e Ortografia 2 o ano Unidade 8

Gramática e Ortografia 2 o ano Unidade 8 Gramática e Ortografia 2 o ano Unidade 8 Nome: Unidade 8 Data: 1. Escolha alguns substantivos do quadro para completar as frases. árvore grande azul boné berço mãos xixi pequenino colorido fralda mãe bolo

Leia mais

MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros. 4º ano. Deu Queimada no Cerrado

MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros. 4º ano. Deu Queimada no Cerrado MÔNICA - CENTRO DE ESTUDOS - Seleção de livros 4º ano Título Frederico Godofredo O Menino da Lua Deu Queimada no Cerrado Estranhas histórias A rainha da Cocada Preta Editora Elementar Cânone Argumentum

Leia mais

Funcionamento da Língua

Funcionamento da Língua 1 Legenda as imagens com as palavras do quadro. junta magote esquadrilha 2 Liga cada nome colectivo ao seu significado. nomes colectivos grupo 1 Nomeia os grupos indicados pelos nomes colectivos. multidão

Leia mais

Maternal III EDUCADORA: ALUNO:

Maternal III EDUCADORA: ALUNO: Maternal III EDUCADORA: ALUNO: OLÁ MEUS AMIGUINHOS! ESTA APOSTILA FOI FEITA COM MUITO CARINHO ESPECIALMENTE PARA VOCÊ! VAMOS VIAJAR POR LUGARES FANTÁSTICOS, CONHECER BELAS HISTÓRIAS, CANTAR E DANÇAR CANTIGAS

Leia mais

ROTEIRO DA COREOGRAFIA PARA A CANÇÃO BOAS FESTAS. Nosso objetivo é fornecer a vocês um instrumento que possa contribuir para a fixação da coreografia.

ROTEIRO DA COREOGRAFIA PARA A CANÇÃO BOAS FESTAS. Nosso objetivo é fornecer a vocês um instrumento que possa contribuir para a fixação da coreografia. 1 ROTEIRO DA COREOGRAFIA PARA A CANÇÃO BOAS FESTAS Prezados coralistas, Nosso objetivo é fornecer a vocês um instrumento que possa contribuir para a fixação da coreografia. Este roteiro não substitui a

Leia mais

ANEXO II FICHA DO INFORMANTE

ANEXO II FICHA DO INFORMANTE 218 ANEXO II FICHA DO INFORMANTE Nome: Data de nascimento: Idade: Escolaridade: Outras profissões: Programas preferidos: Características Psicológicas: Postura do Informante: Interferência ocasional de

Leia mais

79 Dias. por. Ton Freitas

79 Dias. por. Ton Freitas 79 Dias por Ton Freitas Registro F.B.N.: 684988 Contato: ton.freitas@hotmail.com INT. HOSPITAL/QUARTO - DIA Letreiro: 3 de março de 1987. HELENA, branca, 28 anos, está grávida e deitada em uma cama em

Leia mais

BIBLIOTECA IRMÃ AGLAÉ Mostra Literária 29 e 30 de Abril de 2015

BIBLIOTECA IRMÃ AGLAÉ Mostra Literária 29 e 30 de Abril de 2015 BIBLIOTECA IRMÃ AGLAÉ Mostra Literária 29 e 30 de Abril de 2015 Infantil II Releitura dos livros: - Muitas Bolhas - Água Viva - A chuvarada Educação Infantil Infantil III Releitura dos livros: - O mistério

Leia mais

MEIO DIA SOFIA NO FOGO BARRIGA VAZIA MEIO DIA MACACA SOFIA PANELA NO FOGO BARRIGA VAZIA NOME: DATA NOME: DATA VAMOS LER A PARLENDA:

MEIO DIA SOFIA NO FOGO BARRIGA VAZIA MEIO DIA MACACA SOFIA PANELA NO FOGO BARRIGA VAZIA NOME: DATA NOME: DATA VAMOS LER A PARLENDA: NOME: DATA NOME: DATA VAMOS LER A PARLENDA: COMPLETE A PARLENDA COM: MEIO DIA MACACA SOFIA PANELA NO FOGO BARRIGA VAZIA MEIO DIA SOFIA NO FOGO BARRIGA VAZIA VAMOS CIRCULAR O NOME DO ANIMAL QUE APARECE

Leia mais

3 JEITOS DE CRIAR SUAS PRÓPRIAS CARTAS PARA BRINCAR DE CAÇA AO TESOURO

3 JEITOS DE CRIAR SUAS PRÓPRIAS CARTAS PARA BRINCAR DE CAÇA AO TESOURO 3 JEITOS DE CRIAR SUAS PRÓPRIAS CARTAS PARA BRINCAR DE CAÇA AO TESOURO Não importa a idade, todos nós adoramos um desafio. E uma caça ao tesouro especialmente se exigir que você trabalhe as pernas e o

Leia mais

Detonado / Debulhado / Walkthrough KING'S QUEST 7 THE PRINCELESS BRIDE

Detonado / Debulhado / Walkthrough KING'S QUEST 7 THE PRINCELESS BRIDE PRIMEIRA FASE Detonado / Debulhado / Walkthrough KING'S QUEST 7 THE PRINCELESS BRIDE Use o pente na Valanice. Olhe para o pente. Pegue o tecido. Olhe para o tecido. Pegue a vara. Olhe para a vara. Use

Leia mais

COLEÇÃO FORA DE CENA apresenta. de Angelo Brandini. Adaptação de. rei lear, de william shakespeare. Organização. gabriela romeu.

COLEÇÃO FORA DE CENA apresenta. de Angelo Brandini. Adaptação de. rei lear, de william shakespeare. Organização. gabriela romeu. COLEÇÃO FORA DE CENA apresenta de Angelo Brandini Adaptação de lear, de william shakespeare Organização gabriela romeu Ilustrações raul aguiar O do estreou em 2010 no Teatro Alfa, em São Paulo. Com direção

Leia mais

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando Não me leve a mal Começa a cena no meio de um bloco. Ao redor há confetes, purpurinas e latas de bebida para todo o lado. A música está alta. No centro há um grupo de foliões delimitados por uma corda

Leia mais

7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS

7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS 7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS 1. Leia a seguir um dos artigos da Constituição que faz referência a alguns direitos das crianças. Identifique esses direitos, traçando uma linha embaixo das palavras que

Leia mais

ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA.

ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA. ELA ERA A GAROTA MAIS BONITA DA NOVA PARÓQUIA, ONDE INGRESSAMOS PORQUE MEUS PAIS ACHAVAM O NOSSO ANTIGO PADRE UM IDIOTA. Olá! Oi. TODA SEMANA EU SAÍA DA AULA DE PIANO E IA PARA A AULA DE RELIGIÃO COM A

Leia mais

REUNIÃO DE PAIS 1º ANO B e C PROFESSORAS: CRISTINA e JULIANA

REUNIÃO DE PAIS 1º ANO B e C PROFESSORAS: CRISTINA e JULIANA REUNIÃO DE PAIS 1º ANO B e C PROFESSORAS: CRISTINA e JULIANA LIVRO APONTADOR LÁPIS CADERNO LUZ PESSOA OBJETO ATIVIDADES PERMANENTES DE ALFABETIZAÇÃO ATIVIDADES DE LEITURA PRODUÇÃO DE TEXTOS Por que

Leia mais

Lá vem o Ano Novo. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Carlos Brito. Elaboração Anna Flora

Lá vem o Ano Novo. Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Carlos Brito. Elaboração Anna Flora Lá vem o Ano Novo Texto: Ruth Rocha Ilustrações: Carlos Brito Elaboração Anna Flora Brincadeira 1: Teatro das horas Sugestão: Leia este livro e faça estas atividades no último mês de aula. Material necessário

Leia mais

Analisando as falas das personagens, assinale a alternativa que contenha as expressões utilizadas em seu sentido conotativo:

Analisando as falas das personagens, assinale a alternativa que contenha as expressões utilizadas em seu sentido conotativo: LISTA DE LÍNGUA PORTUGUESA P2 Aluno (a): Série: 1º BIMESTRE Professor (a): Leila de Souza Goiânia, / / 2015. Referências para estudo: Capítulos 4 (A construção do sentido) e 5 (Efeitos de Sentido) do Livro

Leia mais

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE SUGESTÃO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE COMO UM TEMA TRANSVERSAL, PERMEANDO AS OUTRAS ÁREAS

Leia mais

"INDAGAÇÕES" Fausto F

INDAGAÇÕES Fausto F "INDAGAÇÕES" Fausto F Quem procura acha? Quem espera sempre alcança? Farinha pouca meu pirão primeiro? De cavalo dado não se olha os dentes? Melhor um pássaro que na mão que dois voando? Assim na terra

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EF 2016 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos

Leia mais

Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este

Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este Vivo num sonho que não é realidade Faz parte do meu viver Crescer sonhando esquecendo os planos Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este EU Hoje deixei pra lá me esqueci de tudo Vivo minha vida sobre

Leia mais

Sugestão de Estudo. 1º ano. 1- Complete o alfabeto com letra cursiva. Observe o traçado da letra.

Sugestão de Estudo. 1º ano. 1- Complete o alfabeto com letra cursiva. Observe o traçado da letra. _ 1- Complete o alfabeto com letra cursiva. Observe o traçado da letra. 2- Copie da ficha, em seu caderno de estudo, o alfabeto minúsculo com letra cursiva. 3- Escreva, em seu caderno de estudo, seu nome

Leia mais

1. LIGUE AS PALAVRAS QUE TÊM SONS, MAS SENTIDOS DIFERENTES, POR SEREM

1. LIGUE AS PALAVRAS QUE TÊM SONS, MAS SENTIDOS DIFERENTES, POR SEREM 2. QUEM GOSTA DE HISTÓRIAS EM QUADRINHOS? 1. LIGUE AS PALAVRAS QUE TÊM SONS, MAS SENTIDOS DIFERENTES, POR SEREM ESCRITAS COM C OU COM G, COMO NO EXEMPLO CATO VAGA COLA GALO CALO GOTA CESTO GATO FICO GESTO

Leia mais