GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A"

Transcrição

1 Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE Data: 27/4/2011 PROVA GRUPO GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A Nome: Turma: Valor da prova: 4,0 Nota: Forte terremoto provoca tsunami e mata centenas no Japão Terremoto de 8,9 graus de magnitude o maior da história do país provoca destruição em dezenas de cidades e vilarejos Um forte terremoto de 8,9 graus de magnitude atingiu nesta sexta-feira (11/3/2011) a costa nordeste do Japão, provocando um tsunami de ao menos sete metros em cidades na região Norte do país. O último balanço oficial divulgado pelo governo informou que o tremor seguido de tsunami deixou ao menos 178 mortes confirmadas. Somando mortos e feridos, poderia haver mais de mil vítimas, segundo a polícia. Só na costa de Sendai, há informações de que foram encontrados entre 200 e 300 corpos. Previamente, a agência de notícias japonesa Kyodo chegou a afirmar que cerca de 88 mil poderiam ter desaparecido na tragédia. A informação, porém, ainda não foi confirmada por outras fontes. O tremor danificou o sistema de resfriamento do reator 1 da estação elétrica de Fukushima Daiichi, um dos seis da instalação localizada na cidade de Onahawa, região de Miyagi, a 270 quilômetros a nordeste do Japão. Por causa do problema, o primeiro-ministro japonês, Naoto Kan, emitiu um alerta de emergência nuclear e anunciou um raio de 10 km de isolamento em torno da usina, que está com níveis de radioatividade mil vezes acima do normal. Previamente, havia sido ordenada a retirada de milhares de residentes perto do local. De acordo com o Instituto de Geofísica dos Estados Unidos (USGS), trata-se do maior terremoto registrado no Japão, o sétimo maior desde que os abalos começaram a ser listados e o quinto maior desde O tremor ocorreu às 14h46 do horário local (2h46 de Brasília) e teve epicentro no Oceano Pacífico, a 160 quilômetros da costa. Na quarta-feira, um tremor de 7,3 foi registrado na mesma área. O tremor foi 8 mil vezes mais forte do que o abalo que atingiu Christchurch, na Nova Zelândia, no mês passado, disseram cientistas. Além de a costa nordeste ter sofrido vários abalos secundários após o tremor, um forte terremoto aconteceu no centro do país neste sábado (na tarde de sexta-feira em Brasília). O tsunami causado pelo tremor de 8,9 correu através do Oceano Pacífico a uma velocidade de 800 km/h tão rápido quanto um jato, antes de chegar ao Filipinas, Indonésia e Havaí e à costa oeste dos EUA, mas sem registro de grandes danos. No período da noite, as ondas começaram a chegar à América Latina, no México, e devem descer progressivamente até Puerto Williams, no extremo sul do Chile, onde os efeitos são esperados por volta das 3h. Dezenas de cidades e vilarejos foram afetados pelos tremores e, no norte do país, ondas gigantes arrastaram barcos, casas, carros e pessoas, além de provocar incêndios. Em Tóquio, os trens e o metrô pararam de circular, milhares foram retirados dos prédios no centro da cidade e os telefones celulares pararam de funcionar. Pelo menos 4 mil edifícios estão sem energia. Na cidade de Sendai, a água inundou o aeroporto e as pistas ficaram cheias de carros, caminhões, ônibus e lama.

2 Neste sábado (sexta-feira à noite em Brasília), os japoneses que estavam em Tóquio no momento do terremoto tentam voltar para casa. Grande parte dos trabalhadores teve de passar a noite nas empresas, escolas e outros abrigos públicos por causa do tremor de 8,9 graus. Responda com atenção às questões a seguir. Releia as suas respostas com calma. Boa Prova! Maytê. Texto adaptado para fins pedagógicos. 1. No ano passado, vimos o Haiti sofrendo uma grande transformação. Um terremoto transformou casas e barracos em amontoados de entulhos. Que situação mais terrível! Neste ano, foi a vez do Japão sofrer essa terrível transformação. Esse terremoto causou inúmeros problemas, mas houve um problema que levou o primeiro-ministro japonês, Naoto Kan, a emitir um alerta de emergência. Explique o que levou o primeiro-ministro a ter essa atitude. (Valor: 1,0 ponto) 2. Podemos afirmar que o Japão foi o único país a ser abalado por terremotos neste ano? Justifique a sua resposta. (Valor: 1,0 ponto) 3. Classifique as orações abaixo em declarativas, exclamativas, interrogativas, imperativas ou optativas. (Valor: 1,0 ponto) a) Seja solidário! b) Alguma vez você passou por uma situação como essa? c) Talvez um dia, o Japão volte a ser como antes. d) Muitos brasileiros levantaram doações para o Japão.

3 4. Escreva em que tempo e modo estão os verbos destacados das orações a seguir. (Valor: 1,0 ponto) a) Dezenas de cidades e vilarejos foram afetados. b) Se esse terremoto não tivesse acontecido, todos estariam bem. c) Espero que esse tipo de catástrofe nunca aconteça no Brasil. d) Quando o Japão se recuperar, todos ficaremos felizes. Precisamos nos sensibilizar com a situação de um país que foi assolado por um terremoto. E assim, repensarmos as nossas atitudes e sermos gratos por não vivermos num caos como aquele. Maytê.

4

5 PROVA GRUPO Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA B Nome: Turma: Data: 27/4/2011 Valor da prova: 3,0 Nota: 1. O tsunami de menos de sete metros é um fenômeno meteorológico que ocorreu em uma das camadas da atmosfera terrestre do Japão, conhecida como troposfera. Além do tsunami, cite outros quatro fenômenos meteorológicos que acontecem ou ocorrem na troposfera. 2. O forte terremoto que atingiu a costa nordeste do Japão liberou grande quantidade de gases. Um deles é o gás carbônico ou dióxido de carbono (CO 2 ). Esse gás, em certas concentrações, é considerado prejudicial, mas também, tem suas utilidades ou vantagens. Cite duas importâncias ou utilidades que o gás carbônico oferece ao homem, ou ao ambiente. 3. O tsunami ocorreu através do Oceano Pacífico a uma velocidade tão rápida quanto de um avião a jato ou de grande porte. Em qual camada da atmosfera terrestre circulam os aviões a jato ou de grande porte e que possui a maior quantidade de gás ozônio? Que função tem o gás ozônio?

6

7 Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE Data: 27/4/2011 PROVA GRUPO GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA C Nome: Turma: Valor da prova: 3,0 Nota: O texto Forte terremoto provoca tsunami e mata centenas no Japão nos faz entender a importância dos conhecimentos científicos como forma de minimizar as consequências dos fenômenos naturais. Contudo, estudando a História antiga, sabemos que a maior parte dos fenômenos sociais e naturais era considerada de natureza divina, ou seja, da vontade dos deuses. Tendo isto em vista, responda às questões a seguir. 1. Sabemos que as pirâmides eram monumentos que serviam para guardar e proteger o corpo dos faraós. Assim, explique por que hoje somente encontramos múmias de pessoas que foram integrantes da elite egípcia do passado e qual era a importância da mumificação para esta sociedade. 2. Qual era a principal diferença entre a religião dos hebreus e a dos egípcios? Explique.

8 3. Explique claramente qual era a importância do rio Nilo para a sociedade egípcia na História antiga. (Valor: 2 pontos)

9 PROVA GRUPO Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA D Nome: Turma: Data: 27/4/2011 Valor da prova: 3,0 Nota: Leia: Várias são as informações sobre o terremoto ocorrido no Japão e muitas delas foram facilitadas pela existência de satélites que ajudam a localização, permitindo ao ser humano, ajudar seu semelhante. 1. Existem, pelo menos, três formas de representar a superfície terrestre. Uma delas é através dos mapas. Cite as outras duas. a) b) 2. Como chamamos a arte ou a técnica de confeccionar mapas? 3. A representação esférica da Terra em superfície plana só é possível a partir da existência das projeções cartográficas. Em quais figuras geométricas forma baseadas? a) b) c)

10

11 PROVA GRUPO Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA E Nome: Turma: Data: 27/4/2011 Valor da prova: 3,0 Nota: 1. O terremoto seguido de um tsunami que atingiu a costa nordeste do Japão, em março desse ano, desenhou uma linha curva fechada não simples. Represente essa linha. 2. Com o tremor, muitos prédios foram abalados. Calcule o perímetro de um prédio sabendo que ele tem 60 m de frente por 40 m de lado. 40 m 60 m 3. Os polígonos são figuras planas formadas por uma linha poligonal fechada simples. O polígono recebe o nome de acordo com o número de lados que ele possui. Dê nome aos polígonos abaixo. a) polígono de 15 lados: c) polígono de 13 lados: b) polígono de 7 lados: d) polígono de 6 lados:

12

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A A GERAÇÃO DO CONHECIMENTO Transformando conhecimentos em valores www.geracaococ.com.br Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE Data: 22/4/2010 PROVA GRUPO GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA

Leia mais

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A A GERAÇÃO DO CONHECIMENTO Transformando conhecimentos em valores www.geracaococ.com.br Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: MANHÃ Data: 22/4/2010 PROVA GRUPO GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA

Leia mais

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: MANHÃ Data: 27/4/2011 PROVA GRUPO GRUPO III 1 o BIMESTRE PROVA A Nome: Turma: Valor da prova: 4,0 Nota: Forte terremoto provoca tsunami e mata centenas

Leia mais

Mais de mil pessoas já morreram no maior terremoto da história do Japão - Portal de Paulínia

Mais de mil pessoas já morreram no maior terremoto da história do Japão - Portal de Paulínia {jathumbnail off} O forte terremoto de 8,9 pontos na Escala Richter que atingiu o Japão nesta sexta-feira matou pelo menos 1,1 mil pessoas. De acordo com a Agência de Gerenciamento de Desastres e Incêndio,

Leia mais

http://tools.folha.com.br/print?site=emcimadahora&url=http://www1.folha.uol.com.br...

http://tools.folha.com.br/print?site=emcimadahora&url=http://www1.folha.uol.com.br... Página 1 de 5 17/03/2011-09h09 Japão tenta conter desastre nuclear; país corre risco de blecaute DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS O Japão luta nesta quinta-feira para tentar resfriar os reatores da central nuclear

Leia mais

SOCIEDADE Módulo LXXIII

SOCIEDADE Módulo LXXIII SOCIEDADE Módulo LXXIII População Violência é principal causa da mortalidade de jovens no Brasil fev/2011 A violência é a principal causa de morte entre a população jovem (de 15 a 24 anos), apontam os

Leia mais

Arquitetura e Sustentabilidade. Antonio Castelnou PARTE I

Arquitetura e Sustentabilidade. Antonio Castelnou PARTE I Arquitetura e Sustentabilidade Antonio Castelnou PARTE I CASTELNOU Introdução Atualmente, as questões ambientais vêm sendo cada vez mais salientadas, não somente pela ação de organismos nãogovernamentais

Leia mais

GRUPO III 1º BIMESTRE PROVA A

GRUPO III 1º BIMESTRE PROVA A Sistema de Ensino Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: MANHÃ Data: 22/4/2009 PROVA GRUPO GRUPO III 1º BIMESTRE PROVA A Nome: Turma: Valor da prova: 4,0 Nota: Cuidando do lixo Segundo dados

Leia mais

O QUE SÃO DESASTRES?

O QUE SÃO DESASTRES? Os três irmãos Tasuke O QUE SÃO DESASTRES? Este material foi confeccionado com a subvenção do Conselho de Órgãos Autônomos Locais para a Internacionalização Prevenção e desastres A prevenção é o ato de

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 2ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 02/06/2012 Nota: Professor(a): Élida Valor da Prova: 40 pontos Orientações gerais: 1) Número de questões desta prova: 12 2) Valor das questões:

Leia mais

Terremoto da Região Nordeste do Japão

Terremoto da Região Nordeste do Japão Terremoto da Região Nordeste do Japão No dia 11 de março de 2011, às 14 horas e 46 minutos no horário do Japão, aconteceu o maior terremoto já registrado naquele país, na escala de 9.0. Esse desastre foi

Leia mais

O terremoto no Japão teria deslocado o eixo da Terra é de 10 cm

O terremoto no Japão teria deslocado o eixo da Terra é de 10 cm O terremoto no Japão teria deslocado o eixo da Terra é de 10 cm O terremoto no Japão teria deslocado cerca de 10 cm de eixo de rotação da Terra, disse que o Instituto Italiano de Geofísica e Vulcanologia

Leia mais

USINAS NUCLEARES NO JAPÃO

USINAS NUCLEARES NO JAPÃO Às 14:46 do dia 11 de março de 2011, hora local, o Nordeste do Japão foi atingido por um terremoto de 9,0 graus na escala Richter. O epicentro foi bem próximo ao litoral e a poucos quilômetros abaixo da

Leia mais

O QUE É A ESCALA RICHTER? (OU COMO SE MEDE UM TERREMOTO)

O QUE É A ESCALA RICHTER? (OU COMO SE MEDE UM TERREMOTO) 1 O QUE É A ESCALA RICHTER? (OU COMO SE MEDE UM TERREMOTO) Ilydio Pereira de Sá Atualmente, com o crescimento da tecnologia e da informação, tem sido muito comum o noticiário sobre catástrofes, principalmente

Leia mais

PROVA BIMESTRAL Ciências

PROVA BIMESTRAL Ciências 7 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL Ciências Escola: Nome: Turma: n o : 1. Preencha as lacunas do esquema com as seguintes legendas: Planalto ocidental, Depressão periférica, Serra do Mar e Planície litorânea.

Leia mais

USINAS NUCLEARES NO JAPÃO

USINAS NUCLEARES NO JAPÃO Às 14:46 do dia 11 de março de 2011, hora local, o Nordeste do Japão foi atingido por um terremoto de 9,0 graus na escala Richter. O epicentro foi bem próximo ao litoral e a poucos quilômetros abaixo da

Leia mais

4 π. Analisemos com atenção o sistema solar: Dado que todos os planetas já ocuparam posições diferentes em relação ao Sol, valerá a pena fazer uma

4 π. Analisemos com atenção o sistema solar: Dado que todos os planetas já ocuparam posições diferentes em relação ao Sol, valerá a pena fazer uma Analisemos com atenção o sistema solar: Dado que todos os planetas já ocuparam posições diferentes em relação ao Sol, valerá a pena fazer uma leitura do passado e do futuro. Todos os planetas do sistema

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012 REFERÊNCIA DE CORREÇÃO DA PROVA DE GEOGRAFIA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012 REFERÊNCIA DE CORREÇÃO DA PROVA DE GEOGRAFIA Questão 1 Leia o seguinte texto: No último mês de março, a Terra teve um de seus piores desastres naturais: o Japão foi atingido pelo maior terremoto de sua história, seguido por um tsunami, que varreu

Leia mais

OS 10 MAIORES DESASTRES AMBIENTAIS

OS 10 MAIORES DESASTRES AMBIENTAIS OS 10 MAIORES DESASTRES AMBIENTAIS 10 Three Mile Island Conhecido como Pesadelo Nuclear o desastre ocorreu em 9 de abril de 1979. O reator da usina nuclear Three Mile Island na Pensilvânia passou por uma

Leia mais

A Terra inquieta. www.interaulaclube.com.br

A Terra inquieta. www.interaulaclube.com.br A UU L AL A A Terra inquieta Vesúvio Durante a famosa erupção do vulcão italiano Vesúvio, no ano 79 d.c., a cidade de Pompéia foi coberta por cinzas vulcânicas e a cidade de Herculano foi sepultada por

Leia mais

GRUPO X 3 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO X 3 o BIMESTRE PROVA A A GERAÇÃO DO CONHECIMENTO Transformando conhecimentos em valores www.geracaococ.com.br Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: TARDE Data: 27/10/2010 PROVA GRUPO GRUPO X 3 o BIMESTRE PROVA

Leia mais

Unidade 8. Ciclos Biogeoquímicos e Interferências Humanas

Unidade 8. Ciclos Biogeoquímicos e Interferências Humanas Unidade 8 Ciclos Biogeoquímicos e Interferências Humanas Ciclos Biogeoquímicos Os elementos químicos constituem todas as substâncias encontradas em nosso planeta. Existem mais de 100 elementos químicos,

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC MINAS E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO III ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5. o ANO/EF - 2015 Caro (a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

PERNAMBUCO TERÁ UMA USINA NUCLEAR?

PERNAMBUCO TERÁ UMA USINA NUCLEAR? PERNAMBUCO TERÁ UMA USINA NUCLEAR? A usina nuclear será instalada no município de Itacuruba na Mesorregião do São Francisco em Pernambuco. Música: Rosa de Hiroshima Localização de Itacuruba O município

Leia mais

OS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS: ÁGUA, CARBONO E NITROGÊNIO. Profº Júlio César Arrué dos Santos

OS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS: ÁGUA, CARBONO E NITROGÊNIO. Profº Júlio César Arrué dos Santos OS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS: ÁGUA, CARBONO E NITROGÊNIO Profº Júlio César Arrué dos Santos Ciclo da Água Fonte: http://www.aguasdevalongo.net/veolia/infantil/default.asp O ciclo da água que está apresentado

Leia mais

CAPÍTULO 4 DESASTRES NATURAIS

CAPÍTULO 4 DESASTRES NATURAIS CAPÍTULO 4 DESASTRES NATURAIS Quando vimos na TV o acontecimento do Tsunami, em 2004, pensamos: O mundo está acabando! Mas por que esses desastres naturais estão, cada vez mais, assolando nosso planeta?

Leia mais

Aluno (a): 1) O intervalo A de números reais é representado geometricamente da seguinte maneira:

Aluno (a): 1) O intervalo A de números reais é representado geometricamente da seguinte maneira: Educa teu filho no caminho que deve andar, e quando grande não se desviará dele Prov.22.6 Bateria de Exercícios Data: 24/03/2016 Turma: 1º Ano Área II Aluno (a): Prezado aluno caso prefira responder na

Leia mais

Poluição ambiental. Prof. Ana Karina Calahani Ache de Freitas

Poluição ambiental. Prof. Ana Karina Calahani Ache de Freitas Poluição ambiental Prof. Ana Karina Calahani Ache de Freitas Poluição: camada de ozônio Filtram os raios UV do sol Destruída pelos gases CFCs Problemas: câncer de pele, catarata e danos ao sistema imunológico

Leia mais

Espectro Eletromagnético (Parte III)

Espectro Eletromagnético (Parte III) Espectro Eletromagnético (Parte III) Nesta aula estudaremos os raios ultravioleta que são raios muito utilizados em câmaras de bronzeamento artificial, dos raios X que são essenciais para os diagnósticos

Leia mais

Notícias relacionadas ao terremoto da região nordeste do Japão

Notícias relacionadas ao terremoto da região nordeste do Japão Notícias relacionadas ao terremoto da região nordeste do Japão Um mês se passou após o terremoto da região nordeste do Japão, que acarretou grandes danos. Nesta data (14 de abril) temos como dados o número

Leia mais

Os gráficos estão na vida

Os gráficos estão na vida Os gráficos estão na vida A UUL AL A Nas Aulas 8, 9 e 28 deste curso você já se familiarizou com o estudo de gráficos. A Aula 8 introduziu essa importante ferramenta da Matemática. A Aula 9 foi dedicada

Leia mais

GRUPO V 2 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO V 2 o BIMESTRE PROVA A Sistema de Ensino PROVA V 2 o BIMESTRE PROVA A Valor da prova: 4,0 forum.netxplica.com Autoridades não conseguem diminuir poluição para os Jogos Olímpicos. Tempestade de areia faz situação piorar. Os US$16

Leia mais

Undécima lista de exercícios. Função exponencial e função logarítmica.

Undécima lista de exercícios. Função exponencial e função logarítmica. MA091 Matemática básica Verão de 01 Undécima lista de exercícios Função exponencial e função logarítmica 1 Você pegou um empréstimo bancário de R$ 500,00, a uma taxa de 5% ao mês a) Escreva a função que

Leia mais

CHEGAM A 21 CASOS CONFIRMADOS DE GRIPE NO BRASIL; CRECHE É INTERDITADA EM CAMPINAS (SP)

CHEGAM A 21 CASOS CONFIRMADOS DE GRIPE NO BRASIL; CRECHE É INTERDITADA EM CAMPINAS (SP) Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2015 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Leia a tirinha abaixo e responda às questões 1 e

Leia mais

AVALIAÇÃO BIMESTRAL DE CIÊNCIAS 2 O BIMESTRE

AVALIAÇÃO BIMESTRAL DE CIÊNCIAS 2 O BIMESTRE REELABORAÇÃO DA AVALIAÇÃO BIMESTRAL Nome: Nº 5 a Série/6 o ano: Data: 27/06/ 2007 Professor(a): Amanda M. M. Ciente Nota: (Valor: 10,0) 2 o Bimestre CONTEÚDO: Assinatura do Responsável AVALIAÇÃO BIMESTRAL

Leia mais

Sugestão de avaliação

Sugestão de avaliação Sugestão de avaliação 6 CIÊNCIAS Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao terceiro bimestre escolar ou às Unidades 3 e 4 do livro do Aluno. Avaliação Ciências NOME: TURMA: escola: PROfessOR:

Leia mais

Reflexos nobrasil deterremotos distantes

Reflexos nobrasil deterremotos distantes Reflexos nobrasil deterremotos distantes 2 0 C I Ê N C I A H O J E vol. 42 nº 2 49 Moradores de prédios em diversas cidades brasileiras, em especial São Paulo, Brasília e Manaus, têm se assustado, nas

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9 º ANO

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9 º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9 º ANO 2010 QUESTÃO 1 Com a finalidade de diminuir

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE PORTUGUÊS Aluno(a): Nº Ano: 7º Turma: Data: 28/05/2011 Nota: Professora: Paula Valor da Prova: 30 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

2º SIMULADO ONLINE CIÊNCIAS NATURAIS 2º ANO ENSINO MÉDIO

2º SIMULADO ONLINE CIÊNCIAS NATURAIS 2º ANO ENSINO MÉDIO 2º SIMULADO ONLINE CIÊNCIAS NATURAIS 2º ANO ENSINO MÉDIO A respeito das informações contidas nos textos e nos estudos realizados, em sala, a respeito de radioatividade, julgue os itens a seguir. O Departamento

Leia mais

Ciclos Biogeoquímicos

Ciclos Biogeoquímicos Os organismos retiram constantemente da natureza os elementos químicos de que necessitam, mas esses elementos sempre retornam ao ambiente. O processo contínuo de retirada e de devolução de elementos químicos

Leia mais

A vingança de Gaia. O cientista inglês que considera a Terra um organismo vivo diz que só a energia nuclear pode adiar o desastre

A vingança de Gaia. O cientista inglês que considera a Terra um organismo vivo diz que só a energia nuclear pode adiar o desastre Página 1 de 5 ' nmlkji nmlkj ok Edição 1979. 25 de outubro de 2006 Entrevista: James Lovelock A vingança de Gaia < O cientista inglês que considera a Terra um organismo vivo diz que só a energia nuclear

Leia mais

RICHTER 8.2 A FÚRIA DA NATUREZA

RICHTER 8.2 A FÚRIA DA NATUREZA JOSÉ ARAÚJO RICHTER 8.2 1 RICHTER 8.2 2 JOSÉ ARAÚJO RICHTER 8.2 FURIA DA NATUREZA 3 RICHTER 8.2 Copyright 2008 José Araújo Título: Richter 8.2 Fúria da Natureza Edição: José Araújo Revisão: José Araújo

Leia mais

Geografia/15 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / RECUPERAÇÃO FINAL 2015 GEOGRAFIA 6º ano

Geografia/15 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / RECUPERAÇÃO FINAL 2015 GEOGRAFIA 6º ano Geografia/15 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / 6ºgeo301r RECUPERAÇÃO FINAL 2015 GEOGRAFIA 6º ano Querido(a) Aluno(a) No primeiro trimestre buscamos entender o surgimento da Geografia, sua contribuição

Leia mais

FAB quer ceder terreno em São Paulo para receber acervo do Museu da TAM

FAB quer ceder terreno em São Paulo para receber acervo do Museu da TAM FAB quer ceder terreno em São Paulo para receber acervo do Museu da TAM Aeronáutica quer doar área próxima ao pavilhão de exposições do Anhembi. Objetivo é abrir fundação que receba também antiguidades

Leia mais

O acidente nuclear de Fukushima e suas consequências

O acidente nuclear de Fukushima e suas consequências O acidente nuclear de Fukushima e suas consequências John Hunt john@ird.gov.br 16 de junho 2015 WORKSHOP SOBRE AÇÔES DE RESPOSTA A UMA SITUAÇÂO PÓS-LIBERAÇÃO DECORRENTE DE UM ACIDENTE EM UMA DAS USINAS

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS Biologia e Geologia

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS Biologia e Geologia ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS Biologia e Geologia 10º Ano Nome: N.º Título original: An Inconvenient Truth Título (Portugal): Uma Verdade Inconveniente Realização: Davis Guggenheim Intérprete: Al Gore

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS - 3 ano Semana de 23 a 27 de março de 2015.

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS - 3 ano Semana de 23 a 27 de março de 2015. COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS - 3 ano Semana de 23 a 27 de março de 2015. Leia o texto a seguir para realizar as lições de Matemática da semana. Os alunos do 3º ano foram

Leia mais

Disciplina: Instalações Elétricas Prediais

Disciplina: Instalações Elétricas Prediais Disciplina: Instalações Elétricas Prediais Parte 6 Sistema de Proteção contra Descarga Atmosférica (SPDA) Graduação em Eng. Elétrica 1 Conograma Definições básicas Mitos e Verdades Efeito dos raios nas

Leia mais

O Sr. DANIEL ALMEIDA (PCdoB-BA) pronuncia o. seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores

O Sr. DANIEL ALMEIDA (PCdoB-BA) pronuncia o. seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores O Sr. DANIEL ALMEIDA (PCdoB-BA) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, o dia 5 de junho é lembrado em todos os países como o Dia Mundial do Meio Ambiente. Em 1972,

Leia mais

A humanidade está hoje na direção da não-sustentabilidade, caminhando rapidamente para tornar a Terra inabitável.

A humanidade está hoje na direção da não-sustentabilidade, caminhando rapidamente para tornar a Terra inabitável. A solução é a economia verde? Por Ivo Lesbaupin, integrante da diretoria executiva da Abong A humanidade está hoje na direção da não-sustentabilidade, caminhando rapidamente para tornar a Terra inabitável.

Leia mais

VESTIBULAR DE INVERNO 2013 GABARITOS E COMENTÁRIOS

VESTIBULAR DE INVERNO 2013 GABARITOS E COMENTÁRIOS VESTIBULAR DE INVERNO 013 GABARITOS E COMENTÁRIOS (TARDE 07/07/013) CURSOS DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO E DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO PROVAS DE: BIOLOGIA, GEOGRAFIA E HISTÓRIA (OBJETIVAS) FÍSICA, MATEMÁTICA E

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

Ciclos do elementos Carbono, Nitrogênio e Enxofre

Ciclos do elementos Carbono, Nitrogênio e Enxofre Ciclos do elementos Carbono, Nitrogênio e Enxofre Atmosfera Atmosfera é a camada gasosa ao redor da Terra. Hidrosfera é a parte líquida da Terra que corresponde a cerca de 80% da superfície. A água dos

Leia mais

A arqueóloga que batalha para preservar os vestígios dos primeiros homens das Américas

A arqueóloga que batalha para preservar os vestígios dos primeiros homens das Américas A arqueóloga que batalha para preservar os vestígios dos primeiros homens das Américas Niède Guidon protege há quase quatro décadas tesouros da arqueologia brasileira. FUNDHAM Uma luta travada pela preservação

Leia mais

www.aliancaprevestibular.com

www.aliancaprevestibular.com Professor Victor Eduardo Disciplina Matemática Lista nº 2 Assuntos Função - Modelo UERJ e Exercícios Complementares 1 - (Uerj 2002) Sabedoria egípcia Há mais de 5.000 anos os egípcios observaram que a

Leia mais

Carolina Luiza Rizental Machado

Carolina Luiza Rizental Machado Carolina Luiza Rizental Machado INTRODUÇÃO A energia termoelétrica é aquela gerada a partir da queima de algum combustível, tanto de fontes renováveis, quando de fontes não renováveis; As usinas termoelétricas

Leia mais

O SISMO DE 17 DE DEZEMBRO DE 2009 E A PERCEPÇÃO DO EVENTO

O SISMO DE 17 DE DEZEMBRO DE 2009 E A PERCEPÇÃO DO EVENTO SÍSMICA 2010 8º CONGRESSO DE SISMOLOGIA E ENGENHARIA SÍSMICA 1 O SISMO DE 17 DE DEZEMBRO DE 2009 E A PERCEPÇÃO DO EVENTO CARLOS SOUSA OLIVEIRA Prof. Catedrático ICIST/IST Lisboa-Portugal MÓNICA AMARAL

Leia mais

Sistema GNSS. (Global Navigation Satellite System)

Sistema GNSS. (Global Navigation Satellite System) Sistema GNSS (Global Navigation Satellite System) POSICIONAR UM OBJETO NADA MAIS É DO QUE LHE ATRIBUIR COORDENADAS O Sol, os planetas e as estrelas foram excelentes fontes de orientação, por muito tempo.

Leia mais

CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE. BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 08/2013 de 05/03/2013)

CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE. BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 08/2013 de 05/03/2013) Objetivo do Boletim CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 08/2013 de 05/03/2013) Disponibilizar informações do Instituto Nacional de

Leia mais

GEOGRAFIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. FAÇA LETRA LEGÍVEL. Duração desta prova: TRÊS HORAS.

GEOGRAFIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. FAÇA LETRA LEGÍVEL. Duração desta prova: TRÊS HORAS. 2 a Etapa GEOGRAFIA SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções que se

Leia mais

4º ano. Atividade de Estudo - Ciências. Nome:

4º ano. Atividade de Estudo - Ciências. Nome: Atividade de Estudo - Ciências 4º ano Nome: 1- Imagine que o quadriculado abaixo seja uma representação da composição do ar. No total, são 100 quadradinhos. PINTE, de acordo com a legenda, a quantidade

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO APOIO À CONTINUIDADE DE ESTUDOS Área: Ciências da Natureza Tema: Dossiê Aquecimento Global CONSIDERAÇÕES INICIAIS Certamente os alunos já tiveram a oportunidade de estudar este tema em outras séries e

Leia mais

Informação à Imprensa

Informação à Imprensa Informação à Imprensa Janeiro de 2008 Iluminação de nova geração adapta-se às condições da estrada e de visibilidade Sistema de iluminação adaptativa inteligente estreia no novo Opel Insignia Distribuição

Leia mais

Relatório. Japão: Terramoto e Tsunami 2011. Resumo. dos 6 Meses de Operações da Cruz Vermelha Japonesa.

Relatório. Japão: Terramoto e Tsunami 2011. Resumo. dos 6 Meses de Operações da Cruz Vermelha Japonesa. Relatório dos 6 Meses de Operações da Cruz Vermelha Japonesa. Japão: Terramoto e Tsunami 2011 Este relatório cobre o período de 12 Março a 31 Agosto 2011. Foto: CV Japonesa. Resumo A 11 de Março de 2011,

Leia mais

Os fenômenos climáticos e a interferência humana

Os fenômenos climáticos e a interferência humana Os fenômenos climáticos e a interferência humana Desde sua origem a Terra sempre sofreu mudanças climáticas. Basta lembrar que o planeta era uma esfera incandescente que foi se resfriando lentamente, e

Leia mais

ESTUDO DE CASO DE POSSÍVEL TORNADO NA SERRA GAÚCHA EM 21 DE JULHO DE 2010

ESTUDO DE CASO DE POSSÍVEL TORNADO NA SERRA GAÚCHA EM 21 DE JULHO DE 2010 ESTUDO DE CASO DE POSSÍVEL TORNADO NA SERRA GAÚCHA EM 21 DE JULHO DE 2010 Na noite da quarta-feira, 21/07/2010, segundo a Defesa Civil do município de Canela, 488 casas foram danificadas, caíram e postes

Leia mais

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê Lição 14 Ezequiel Mede o Templo Restaurado (Ezequiel 40:1-42:20) Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê o templo restaurado. Nesta lição, vamos considerar alguns

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 6º ANO

CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 6º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 6º ANO 2010 Questão 1 PROVA DE CIÊNCIAS 6 ANO A imagem

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F Ensino Médio Ciências da Natureza Questão 1. 2. Conteúdo Extração do ferro a partir do minério, representações químicas das substâncias e reações químicas Habilidade da Matriz

Leia mais

GEOGRAFIA. 49 TOPOGRAFIA As curvas de nível são linhas que unem pontos com a mesma altitude. A partir delas pode ser

GEOGRAFIA. 49 TOPOGRAFIA As curvas de nível são linhas que unem pontos com a mesma altitude. A partir delas pode ser GEOGRAFIA 49 TOPOGRAFIA As curvas de nível são linhas que unem pontos com a mesma altitude. A partir delas pode ser determinada a declividade do terreno e pode ser traçado seu perfil. Observe a figura.

Leia mais

28/02/2012 09h09 - Atualizado em 28/02/2012 12h11 Avião de pequeno porte cai logo após a decolagem e mata piloto no AM

28/02/2012 09h09 - Atualizado em 28/02/2012 12h11 Avião de pequeno porte cai logo após a decolagem e mata piloto no AM Editoria: Notícias www.g1.globo.com Coluna: -- Avião de pequeno porte cai logo após a decolagem e mata piloto no AM ( ) Press-release da assessoria de imprensa (X) Iniciativa do próprio veículo de comunicação

Leia mais

Sugestões de avaliação. Geografia 6 o ano Unidade 2

Sugestões de avaliação. Geografia 6 o ano Unidade 2 Sugestões de avaliação Geografia 6 o ano Unidade 2 5 Unidade 2 Nome: Data: 1. Preencha o quadro com as principais características do planeta Terra. Localização no Sistema Solar Formato Elementos presentes

Leia mais

MEDIDAS E CONTRAMEDIDAS CONTRA DESASTRES

MEDIDAS E CONTRAMEDIDAS CONTRA DESASTRES Os três irmãos Tasuke MEDIDAS E CONTRAMEDIDAS CONTRA DESASTRES Este material foi confeccionado com a subvenção do Conselho de Órgãos Autônomos Locais para a Internacionalização 1. Preparativos para a evacuação

Leia mais

Fuvest 2014 Geografia 2ª Fase (Terceiro Dia)

Fuvest 2014 Geografia 2ª Fase (Terceiro Dia) GEOGRAFIA 1 (População) Fuvest 2014 Os gráficos abaixo representam a composição da população brasileira, por sexo e idade, nos anos de 1990 e 2013, bem como sua projeção para 2050. Observe que, para cada

Leia mais

Data: 07/11/2015 ESTADO DE MINAS GERAIS MUNICIPIO DE MARIANA

Data: 07/11/2015 ESTADO DE MINAS GERAIS MUNICIPIO DE MARIANA Data: 07/11/2015 ESTADO DE MINAS GERAIS MUNICIPIO DE MARIANA 1. Histórico Na tarde de quinta-feira, dia 05/11/15, duas barragens se romperam no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, na Região Central

Leia mais

"O que não está sendo divulgado na mídia"

O que não está sendo divulgado na mídia "O que não está sendo divulgado na mídia". Essa nova versão possui mais fotos e foi disponibilizada na internet por: Clélia Dahlem da Silva. Realmente não sabemos nada, ou muito pouco, sobre a transição

Leia mais

ENERGIA SOLAR VS. ENERGIAS SUJAS. Danielle Beatriz de Sousa Borges Isadora M. Carvalho A. Menezes

ENERGIA SOLAR VS. ENERGIAS SUJAS. Danielle Beatriz de Sousa Borges Isadora M. Carvalho A. Menezes ENERGIA SOLAR VS. ENERGIAS SUJAS Danielle Beatriz de Sousa Borges Isadora M. Carvalho A. Menezes Pibid Física UFTM - 2013 1 ENERGIA LIMPA VS. ENERGIA SUJA VS. ENERGIA NÃO RENOVÁVEL 2 Energias Limpas HIDROELÉTRICAS

Leia mais

COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO

COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO A DINÂMICA ATMOSFÉRICA CAPÍTULO 1 GEOGRAFIA 9º ANO Vanessa Andrade A atmosfera é essencial para a vida, porque além de conter o oxigênio que respiramos, ela mantém a Terra quente,

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 13/2013 de 08/04/2013)

BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 13/2013 de 08/04/2013) CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Objetivo do Boletim BOLETIM INFORMATIVO DO VIGIAR/RS VIGIAR/NVRAnB/DVAS/CEVS/SES-RS (nº 13/2013 de 08/04/2013) Disponibilizar informações do Instituto Nacional de

Leia mais

DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: NOME COMPLETO:

DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: FÍSICA PROFESSORES: Erich/ André NOME COMPLETO: I N S T R U Ç Õ E S DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 1 a EM Circule a sua turma: Funcionários:

Leia mais

Lista de Exercícios CINEMÁTICA I Unidade PROF.: MIRANDA

Lista de Exercícios CINEMÁTICA I Unidade PROF.: MIRANDA Lista de Exercícios CINEMÁTICA I Unidade PROF.: MIRANDA Física Aplicada BIOCOMBUSTÍVES ELETRO INFORMÁTICA 01. Um carro com uma velocidade de 80 Km/h passa pelo Km 240 de uma rodovia às 7h e 30 mim. A que

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: Geografia Série: 1ª Professor (a): SUELI COSTA Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

A Síndrome da China1

A Síndrome da China1 A Síndrome da China1 CLAUDIO MANO Membro do Centro de Pesquisas Estratégicas Paulino Soares de Souza da UFJF. Bacharel em Filosofia pela UFJF. cmpostal@gmail.com Em 1978, dez anos após sua deslumbrante

Leia mais

Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta.

Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta. Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: Língua Por ortuguesa T Data: 5/8/2009 Que calorão! Entenda por que o efeito estufa ameaça nosso planeta. O clima na Terra não é sempre igual e a temperatura aumenta

Leia mais

GRUPO IV 2 o BIMESTRE PROVA A

GRUPO IV 2 o BIMESTRE PROVA A A GERAÇÃO DO CONHECIMENTO Transformando conhecimentos em valores www.geracaococ.com.br Unidade Portugal Série: 6 o ano (5 a série) Período: MANHÃ Data: 12/5/2010 PROVA GRUPO GRUPO IV 2 o BIMESTRE PROVA

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: Geografia Série: 2ª Professor : Carlos Alexandre Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015/2 DIREITO HISTÓRIA

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015/2 DIREITO HISTÓRIA HISTÓRIA Questão 01 (Imagem disponível em: . Acesso em: 02 maio 2015) Leia atentamente o fragmento de texto a seguir:

Leia mais

Analise este mapa topográfico, em que está representada uma paisagem serrana de Minas Gerais:

Analise este mapa topográfico, em que está representada uma paisagem serrana de Minas Gerais: QUESTÃO 01 2 Analise este mapa topográfico, em que está representada uma paisagem serrana de Minas Gerais: Um grupo de turistas, hospedado na pousada localizada nesse mapa, realizou uma caminhada ecológica

Leia mais

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO II 1 o BIMESTRE

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO II 1 o BIMESTRE Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO II 1 o BIMESTRE Eixo temático O campo e a cidade. Disciplina/Valor Português 4,0 Matemática 4,0 Hist./Geog.

Leia mais

A alternativa que contêm a afirmação que pode ser comprovada pelo texto é:

A alternativa que contêm a afirmação que pode ser comprovada pelo texto é: Disciplina: Geografia Atividade: Exercícios de revisão 1ª Série do Ensino Médio Professor: Roberto B. Reusing Data: / / 2011 Aluno (a): Nº: Turma: 1) Observe. Sobre as dobras pode-se afirmar que: A) São

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS DE GEOGRAFIA/ 2ª Avaliação 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO - PRIMEIRO TRIMESTRE 2013

LISTA DE EXERCÍCIOS DE GEOGRAFIA/ 2ª Avaliação 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO - PRIMEIRO TRIMESTRE 2013 QUESTÕES DISCURSIVAS LISTA DE EXERCÍCIOS DE GEOGRAFIA/ 2ª Avaliação 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO - PRIMEIRO TRIMESTRE 2013 21. Podemos dizer que o espaço geográfico é o espaço astronômico ou sideral, o Universo?

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO

EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO 1- Com a finalidade de diminuir a dependência de energia elétrica fornecida pelas usinas hidroelétricas no Brasil, têm surgido experiências bem sucedidas no uso de

Leia mais

Sugestões de avaliação. Geografia 7 o ano Unidade 1

Sugestões de avaliação. Geografia 7 o ano Unidade 1 Sugestões de avaliação Geografia 7 o ano Unidade 1 5 Unidade 1 Nome: Data: 1. Verdadeiro ( V ) ou falso ( F )? Responda considerando a localização do território brasileiro no planeta. a) o oceano que banha

Leia mais

Sistema COC de Educação Unidade Portugal

Sistema COC de Educação Unidade Portugal Sistema COC de Educação Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2007. Nome: 2º ano (1ª série) AVALIAÇÃO DE CONTEÚDO DO GRUPO VII 3º BIMESTRE Eixo temático Aprendendo e relacionando Disciplina/Valor Português

Leia mais

Compreendendo o espaço

Compreendendo o espaço Módulo 1 Unidade 2 Compreendendo o espaço Para início de conversa... A forma como você se locomove na cidade para ir de um lugar a outro tem a ver com as direções que você toma e com o sentido para o qual

Leia mais

Energia Eólica. Atividade de Aprendizagem 3. Eixo(s) temático(s) Ciência e tecnologia / vida e ambiente

Energia Eólica. Atividade de Aprendizagem 3. Eixo(s) temático(s) Ciência e tecnologia / vida e ambiente Energia Eólica Eixo(s) temático(s) Ciência e tecnologia / vida e ambiente Tema Eletricidade / usos da energia / uso dos recursos naturais Conteúdos Energia eólica / obtenção de energia e problemas ambientais

Leia mais

ABRA APENAS QUANDO FOR AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções: 1- Verifique se o seu caderno de provas possui 18 questões.

ABRA APENAS QUANDO FOR AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções: 1- Verifique se o seu caderno de provas possui 18 questões. Processo Seletivo 211 Modalidade B 3º Ano ABRA APENAS QUANDO FOR AUTORIZADO Leia atentamente as instruções: 1 Verifique se o seu caderno de provas possui 18 questões. 2 Verifique se recebeu o caderno de

Leia mais

Entenda o que é a camada pré-sal

Entenda o que é a camada pré-sal Adaptado por RH para o Site do GDPAPE Grupo em Defesa dos Participantes da Petros Tupi Bem-Te-Vi Carioca Júpiter - Iara 02/09/2008-11h48 da Folha Online Entenda o que é a camada pré-sal A chamada camada

Leia mais

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROF. VIRGÍLIO NOME N o 8 o ANO Olá, caro(a) aluno(a). Segue abaixo uma série de exercícios que têm, como base, o que foi trabalhado em sala de aula durante todo o

Leia mais