COMUNIDADE TRANSFORMADORA UM OLHAR PARA FRENTE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMUNIDADE TRANSFORMADORA UM OLHAR PARA FRENTE"

Transcrição

1 23 3 COMUNIDADE TRANSFORMADORA UM OLHAR PARA FRENTE Por que você deve dar este estudo Nas duas semanas anteriores, conversamos sobre dois aspectos de nossa missão comunitária que envolve: (a) olhar para fora, indo e fazendo discípulos de todas as nações, sob uma perspectiva criativa; e (b) olhar para dentro, batizando as pessoas que se achegam e incluindo-as na comunidade, sob uma perspectiva acolhedora, a partir da identidade comunitária de nosso Deus Pai, Jesus e o Espírito Santo. Hoje, nós damos atenção para outro aspecto que envolve uma jornada de transformação, olhando para frente. Este estudo desafiará os participantes a perceberem nossa tendência de resistir às mudanças, sobretudo, naquilo que envolve quem somos. É um convite a olhar para frente e o desafio que está diante de nós como indivíduos e comunidade, que passa pelo nosso caráter, chamado e compromisso com a causa de Cristo. Aceitar Jesus como Salvador é apenas uma etapa inicial de nossa jornada espiritual, a qual nos conduz a uma etapa para vida que envolve aceitá-lo como o Senhor de nossas vidas. É o desafio para nós para depois ser o desafio para quem lideramos.

2 24 Objetivos Mostrar para o grupo a importância da obediência crescente e contínua ao senhorio de Jesus Cristo a fim de exercermos nosso chamado na missão da igreja. Motivar o grupo ao compromisso e engajamento com a causa de Jesus Cristo como uma jornada de transformação para vida. Dinâmica em Grupo Duração aproximada: 10 minutos 1. Divida seu grupo em duplas. Distribua canetas para cada dupla (ver folha seguinte). Oriente-os da seguinte forma: um deles será o guia e o outro será o peregrino. Peça para que o peregrino feche os olhos e para que o guia posicione a mão do peregrino com a caneta onde está escrito COMECE AQUI. Nota: A fim de que a dinâmica seja interessante, é importante que o peregrino não veja a folha antes de fechar seus olhos. Você pode inclusive distribuir o material de estudo após explicar a dinâmica e o peregrino estar com os olhos fechados. 2. Quando todos estiverem posicionados, instrua cada dupla da seguinte forma: o guia conduzirá o peregrino até a SAÍDA. O guia poderá apenas falar o que o peregrino deve fazer e não pode tocar em sua mão em nenhum momento. O peregrino, por sua vez, não pode abrir os olhos.

3 25 SAÍDA COMECE AQUI

4 26 Nota: Dependendo do perfil de seu grupo, você pode optar por uma competição entre as duplas (o que revelará como as duplas encaram situações do dia-a-dia). Você pode também optar por fazer a dinâmica com uma dupla apenas e os demais participantes do grupo podem apenas observar. Outra dinâmica alternativa é formar uma dupla no grupo e fazer o exercício na sala em que o grupo está (o peregrino ficando com os olhos cobertos com um pano e o guia orientando pela sala, de um ponto inicial até um ponto final). O importante é usar a dinâmica para interação do grupo, sabendo da relação com o tema do estudo. Na dinâmica, observe o seguinte: 1. Como as duplas reagiram? a. Peça um retorno do guia. Pergunte se ele se sentiu tentado a pegar na mão do peregrino e fazer para ele. b. Pergunte como foi a experiência para o peregrino. Veja como se sentiu: teve vontade de abrir os olhos? Abriu os olhos? Teve uma sensação de incapacidade e dependência? 2. Aponte para o grupo como a dinâmica ilustra aspectos do dia-adia e que envolvem ouvir orientações e seguí-las. Muitas vezes, não sabemos por onde seguir e nem como enxergar o caminho, mas temos o Guia Jesus - que está conosco ao longo de nossa jornada e nos conduz em nossa missão. A reflexão A dinâmica foi talvez um grande desafio para o grupo. Mas perceba que o desafio da dinâmica não é o que realizamos (o resultado da dinâmica), mas como realizamos (o processo na dinâmica). Muitos atentam para o fato de que precisamos dar atenção ao ser (como

5 27 realizamos antes do que realizamos). E, em um país marcado pela indisciplina, infrações e impunidade, esse desafio é significativo. 1. A indisciplina no Brasil é fato presente nas mais diferentes áreas. Nas escolas, segundo estudo do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA), 67% dos alunos brasileiros disseram que seus professores nunca ou quase nunca têm de esperar um longo período até que a classe se acalme para dar continuidade à aula. A média, dentre os 66 países participantes, é 72%. Os países orientais têm os melhores índices: Japão, China, Cazaquistão e Hong Kong apresentam índices entre 89 e 93%. O estudo foi feito com alunos de 15 anos e referentes ao ano de A Organização Mundial da Saúde (OMS) adverte que, em cerca de 20 anos, os acidentes de trânsito matarão mais pessoas no mundo, sobretudo jovens, do que a AIDS. Em comparação com o conflito do Iraque, que vitimou 40 mil pessoas nos três primeiros anos, o mesmo número de mortes no trânsito brasileiro ocorre em apenas um ano. Grande parte é fruto de infrações e indisciplinas no trânsito. 3. A ONG Transparência Internacional divulgou o ranking de 2011 dos países menos corruptos do mundo. Dentre 183 países, o Brasil ocupa a 73ª posição com 3,8 (numa escala de 0 a 10). Os primeiros colocados são Nova Zelândia (9,5), Dinamarca (9,4) e Finlândia (9,4). Observe que o Brasil, embora na metade superior dos países menos corruptos, tem um índice baixíssimo, o que revela o alto grau de corrupção na maioria dos países. Das crianças aos adultos, somos, por natureza, indisciplinados, insubmissos e desobedientes. E aqui há um grande desafio para nós como igreja de Cristo e agentes dele em missão. Texto Base (...) vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que lhes ordenei. Mateus a

6 28 A decisão 1. Antes de ensinar, aprenda. Gostamos de falar para as pessoas aquilo que devem fazer. Difícil é viver aquilo que falamos para os outros fazerem. Ou até mesmo falarmos para nós mesmos o que falamos para os outros. Mas, se temos o chamado para ensinar pessoas, antes, nós precisamos aprender (veja, por exemplo, Marcos ). Conta-se que, certa vez, uma mãe foi com seu filho até Gandhi e pediu para que ele falasse para seu filho não comer açúcar. Gandhi orientou para que mãe voltasse com seu filho duas semanas depois. Após duas semanas, a mãe retornou com seu filho. No novo encontro que tiveram, Gandhi instruiu o menino: Não coma açúcar. A mãe, estranhando a situação, perguntou por que Gandhi não havia dito isso duas semanas atrás e poupado o trabalho de retornar ali novamente. Gandhi disse que era porque ele precisava parar de usar açúcar antes de falar isso para o menino. Antes de falar, aprenda. Depois, ensine. 2. Antes de obedecer, ouça. Para obedecermos, um passo essencial é ouvir o que Jesus está dizendo. Se não ouvirmos, corremos o risco de fazermos muitas coisas, mas não as que Deus pediu que fizéssemos. Nossa agenda corrida pode ser um exemplo disso. Muito do que fazemos não foi Deus que pediu para fazermos, mas nós que nos dispusemos a fazer. Isso acontece em nossas famílias, cursos e faculdades, trabalhos e até mesmo na forma como encaramos uma comunidade cristã. E pior: nós nos cobramos por

7 29 isso. De outro lado, porém, deixamos de fazer o que Jesus Cristo orientou que fizéssemos. Assim, fazemos muito, mas pouco do que deveríamos realizar. Ouvir o que Deus está dizendo é fundamental. Diante disso, nosso papel não é traçarmos os planos que governarão nossas vidas, mas percebermos o plano que Deus já está realizando em nós. Não temos todas as respostas. E nem é nosso papel tê-las. Nosso papel é ouvir e obedecer aquele que as tem: Jesus. 3. Depois de ouvir e aprender, ensine a obedecer. O assunto nos conduz ao desafio deste estudo: a obediência. Somos chamados para sermos servos. Somos chamados para ensinar. Ensinar pela obediência. Ensinar para obediência. Servos ouvem e, então, obedecem. Servos aprendem e, então, ensinam. É comum muitos enxergarem a igreja como um espaço de voluntários. Mas servos não são voluntários. Quem é chamado para obediência não é voluntário. Isso é uma falácia e uma aberração teológica. Não estamos dando uma mãozinha para aquilo que Deus está realizando. Nem fazendo um favor para o pastor ou líder de um ministério da igreja. Biblicamente, somos chamados. Chamados para trabalharmos juntos, em sinergia, na mesma direção. Não é uma realidade individual, mas comunitária. E uma comunidade convocada à transformação não possui mera simpatia e admiração por Jesus, mas torna-se um exército de servos obedientes e fiéis, guiados e orientados por ele. É um grande privilégio e responsabilidade.

8 30 4. Ensine a obedecer todas as coisas. É interessante notar que não somos convidados apenas a ensinar a obedecer, mas o texto alerta que devemos ensinar a obedecer todas as coisas. Um perigo que corremos é o de fazermos da Bíblia um self-service, do qual nos servimos do que gostamos e é conveniente, descartando o que é confrontativo e exige mudança. Nós somos limitados, mas isso não deve mudar o nosso alvo, que é caminhar rumo à perfeição (Filipenses ), mesmo que essa perfeição seja alcançada apenas na eternidade. A maturidade é um desafio. O crescimento, uma busca contínua (Romanos 5.1-5; ). E nosso foco envolve olharmos para frente e continuarmos a jornada que está adiante, sendo agentes em transformação para transformação. A ação Nota: Acima você encontrará alguns textos entre parênteses que podem ser trabalhados, caso haja necessidade. Nossa orientação inicial é que trabalhe a partir do texto de Mateus a, texto o qual está sendo construído ao longo desta série de estudos. 1. Hoje, quais são as áreas que mais desafiam você à obediência? Nota: Pense em aspectos que desafiem você e seu grupo à obediência na família, amizade, vida profissional, relacionamentos na igreja, líderes e liderados. Procure levantar com o grupo alguns impedimentos (o que compromete) e algumas práticas a serem cultivadas (o que contribui) para mudar e obedecer a Deus. 2. O que você faz na comunidade é fruto de chamado ou voluntariado? Você tem sido um simpático ou um engajado na causa de Cristo? Nota: Alerte o grupo que a devida compreensão de que somos servos e Jesus é o Senhor deve nos conduzir ao chamado e engajamento.

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus Ensino - Ensino 11 - Anos 11 Anos Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus História Bíblica: Mateus 3:13 a 17; Marcos 1:9 a 11; Lucas 3:21 a 22 João Batista estava no rio Jordão batizando as pessoas que queriam

Leia mais

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco!

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco! Paixão do Povo de Cristo x Paixão de Cristo Texto Base: provérbios 24.10 na Linguagem de Hoje: Quem é fraco numa crise, é realmente fraco. Na Bíblia A Mensagem : Quem Desiste num momento de crise é porque

Leia mais

Unidade 1: A Bíblia: Um Guia de Sobrevivência e Vitória A Bíblia é como uma Semente: Ela pode ser Plantada em meu Coração

Unidade 1: A Bíblia: Um Guia de Sobrevivência e Vitória A Bíblia é como uma Semente: Ela pode ser Plantada em meu Coração Unidade 1: A Bíblia: Um Guia de Sobrevivência e Vitória A Bíblia é como uma Semente: Ela pode ser Plantada em meu Coração Para as crianças de 7 e 8 anos, este trimestre inicia enfatizando o Fruto, do Crescimento.

Leia mais

Auxílio ao Professor EBD Aprender+ Programa de Incentivo à Leitura

Auxílio ao Professor EBD Aprender+ Programa de Incentivo à Leitura O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA

MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA 1 40 dias vivendo para Jesus 12/05/2013 At 1 4 Um dia, quando estava com os apóstolos, Jesus deu esta ordem: Fiquem em Jerusalém e esperem até que o Pai

Leia mais

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego.

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego. Mensagem: O HOMEM QUE ABRIU OS OLHOS PARA DEUS Pastor: José Júnior Dia: 22/09/2012 sábado AMAZON JOVENS Texto-base: Lucas 18:35-43 A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO Texto: Apocalipse 22:1-2 Então o anjo me mostrou o rio da água da vida que, claro como cristal, fluía do trono de Deus e do Cordeiro, no meio da RUA principal da cidade. De

Leia mais

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento Lição 11 Batismo nas águas Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e

Leia mais

OLHANDO FIRMEMENTE PARA JESUS

OLHANDO FIRMEMENTE PARA JESUS OLHANDO FIRMEMENTE PARA JESUS Autor e Consumador da Nossa Fé (Hebreus 12) Introdução: Para uma melhor compreensão do texto sobre o qual vamos meditar durante todo esse ano, é necessário observar que ele

Leia mais

2.6 Como ensinar às crianças a usar a Bíblia?

2.6 Como ensinar às crianças a usar a Bíblia? TREINADOR MASTER - Nível Internacional www.teachingforafrica.com 1 A igreja deseja que crianças aprendam a respeitar a Bíblia como uma autoridade que é capaz de lhes dizer como viver. Por esta razão não

Leia mais

Confira a entrevista do Pastor Juanribe Pagliarin, da Rádio SuperVida FM, concedida para a Onda Gospel, em Portugal.

Confira a entrevista do Pastor Juanribe Pagliarin, da Rádio SuperVida FM, concedida para a Onda Gospel, em Portugal. Confira a entrevista do Pastor Juanribe Pagliarin, da Rádio SuperVida FM, concedida para a Onda Gospel, em Portugal. ONDA GOSPEL - Quando revelou ao seu amigo, Luis Melancia a vontade de adquirir a rádio,

Leia mais

Semana 2: Estenda um Convite

Semana 2: Estenda um Convite Semana 2: Estenda um Convite Incluído: 1. Preparação do líder 2. Guia da lição 1. PREPARAÇÃO DO LÍDER VISÃO GERAL DA LIÇÃO Como podem adolescentes dar a conehcer à seus amigos que querem desesperadamente

Leia mais

Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano)

Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano) Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano) Estruturas Para Formar Discípulos Célula Evangelística: Esta estrutura ajuda nas ações de ganhar e consolidar. Ela tem dois objetivos principais: 1 )Despertar

Leia mais

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro Histórias do Velho Testamento 3 a 6 anos Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro O Velho Testamento está cheio de histórias que Deus nos deu, espantosas e verdadeiras.

Leia mais

Atribuam ao Senhor glória e força (...) A voz do Senhor é poderosa; a voz do Senhor é majestosa. Salmos 29.1 e 4

Atribuam ao Senhor glória e força (...) A voz do Senhor é poderosa; a voz do Senhor é majestosa. Salmos 29.1 e 4 Precisa-se de Pais Espirituais Objetivo do Senhor: - Glorificar o nome de Deus, revelar Seu poder e beleza e atribuir a Ele toda glória. - Provocar o desejo de marcar significativamente a sua descendência/

Leia mais

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil Documento do MEJ Internacional Para que a minha alegria esteja em vós Por ocasião dos 100 anos do MEJ O coração do Movimento Eucarístico Juvenil A O coração do MEJ é a amizade com Jesus (Evangelho) B O

Leia mais

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo 4ª Semana Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo I- CONECTAR: Inicie o encontro com dinâmicas que possam ajudar as pessoas a se conhecer e se descontrair para o tempo que terão juntas. Quando

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

Quatro Parábolas de Jesus

Quatro Parábolas de Jesus Quatro Parábolas de Jesus Neste pacote há materiais para uma série de quatro lições sobre algumas Parábolas de Jesus. Primeiramente está incluído o guia do líder, seguido por folhas que podem ser utilizadas

Leia mais

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR?

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? Esse texto é um dos mais preciosos sobre Davi. Ao fim de sua vida,

Leia mais

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva Biografia Jessé de Souza Nascimento, nascido em 11/04/1986 em um lar evangélico. Filho de Adão Joaquim Nascimento e Maria de Souza Nascimento. Cresceu sendo ensinado dentro da palavra de Deus e desde muito

Leia mais

Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9. I A primeira ideia do texto é o apelo à firmeza da fé.

Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9. I A primeira ideia do texto é o apelo à firmeza da fé. 1 Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9 Introdução: Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre. Não se deixem levar pelos diversos ensinos estranhos. É bom que o nosso coração seja

Leia mais

00.035.096/0001-23 242 - - - SP

00.035.096/0001-23 242 - - - SP PAGINA 1 O CARÁTER CRISTÃO 7. O CRISTÃO DEVE TER UMA FÉ OPERANTE (Hebreus 11.1-3) Um leitor menos avisado, ao ler o texto pode chegar à conclusão de que a fé cria coisas pelas quais esperamos. A fé não

Leia mais

Desafio para a família

Desafio para a família Desafio para a família Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da espiritualidade. O sonho de Deus para a família é que seja um

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

Amor que transforma Rm 8:35 a 39

Amor que transforma Rm 8:35 a 39 1 Amor que transforma Rm 8:35 a 39 31 Que diremos, pois, diante dessas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? 32 Aquele que não poupou a seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós, como

Leia mais

Unidade 1: Em Treinamento

Unidade 1: Em Treinamento FRUTOS-3 DESAFIO Vivendo a Vida com Deus Unidade 1: Em Treinamento Pensar nos Outros x Só Pensar em Si LIÇÃO 1 7-8 Anos Neste Trimestre, as crianças continuarão a pesquisar os cinco frutos do Trimestre

Leia mais

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas Aprendendo com Jesus Apresentação É com a maior confiança na compreensão e aceitação dos nossos queridos catequistas que levo a público

Leia mais

Renovação Carismática Católica do Brasil Ministério Universidades Renovadas

Renovação Carismática Católica do Brasil Ministério Universidades Renovadas Seta => Abraçar a Cruz I - Um novo estilo de realização - A Cruz Leandro Rua Médico UFES Conselheiro do MUR Desde a nossa infância somos estimulados a construir um caminho de realização pessoal que tem

Leia mais

UNIDADE 3: MUNDO PERDIDO PESSOAS PERDIDAS PRECISAM OUVIR A HISTÓRIA DE JESUS

UNIDADE 3: MUNDO PERDIDO PESSOAS PERDIDAS PRECISAM OUVIR A HISTÓRIA DE JESUS Frutos-1 Impact0 LIÇÃO 12 VIVENDO A VIDA COM DEUS UNIDADE 3: MUNDO PERDIDO PESSOAS PERDIDAS PRECISAM OUVIR A HISTÓRIA DE JESUS 9-11 Anos HISTÓRIA BÍBLICA João 1:12; I Pedro 3:15, 18 A Bíblia nos ensina

Leia mais

O Guia Coach do Coach O livro para quem deseja mudar vidas.

O Guia Coach do Coach O livro para quem deseja mudar vidas. O Guia do Coach O livro para quem deseja mudar vidas. Que livro é este? Este livro foi criado a partir do conteúdo da formação de LIFE COACH do Instituto RM de Coaching. Sendo assim o livro contempla tudo

Leia mais

(DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina. -Marcadores de várias cores

(DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina. -Marcadores de várias cores (DO LIVRO AS FESTAS DA CATEQUESE PEDROSA FERREIRA) Material a preparar: -Um grande coração de cartolina -Marcadores de várias cores -Folhas cada qual com a sua letra ocantinhodasao.com.pt/public_html Página

Leia mais

Material complementar para Fogueira Santa

Material complementar para Fogueira Santa Material complementar para Fogueira Santa 4 a 10 anos referência bíblica Gênesis 12.1-4; 15.1-5 alvo da lição Ensinar às crianças que quem vive na fé de Abraão é uma das estrelas que ele viu ao sair da

Leia mais

UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO)

UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO) Frutos-3 Impact0 LIÇÃO 1 VIVENDO A VIDA COM DEUS UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO) 9-11 Anos CONCEITO CHAVE O primeiro passo para se ganhar a batalha é escolher

Leia mais

Lição 1 Como Amar os Inimigos

Lição 1 Como Amar os Inimigos Lição 1 Como Amar os Inimigos A. Como seus pais resolviam as brigas entres você e seus irmãos? B. Em sua opinião qual a diferença entre amar o inimigo e ser amigo do inimigo? PROPÓSITO: Aprender como e

Leia mais

Etapas da maturidade de Eliseu

Etapas da maturidade de Eliseu Etapas da maturidade de Eliseu TEXTO BÍBLICO BÁSICO 2 Reis 2.5-11 5 - Então os filhos dos profetas que estavam em Jericó se chegaram a Eliseu, e lhe disseram: Sabes que o SENHOR hoje tomará o teu senhor

Leia mais

A Compaixão de Jesus*

A Compaixão de Jesus* A Compaixão de Jesus* Estudos bíblicos sobre a prática da compaixão no ministério de Jesus. Autor: Lissânder Dias Revista Mãos Dadas Caixa Postal 88 36.570-000 Viçosa MG cartas@maosdadas.net *Baseado no

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo.

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. 1 Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. Amados Irmãos no nosso Senhor Jesus Cristo: É devido à atuação intima do Espírito

Leia mais

O céu. Aquela semana tinha sido uma trabalheira! www.interaulaclube.com.br

O céu. Aquela semana tinha sido uma trabalheira! www.interaulaclube.com.br A U A UL LA O céu Atenção Aquela semana tinha sido uma trabalheira! Na gráfica em que Júlio ganhava a vida como encadernador, as coisas iam bem e nunca faltava serviço. Ele gostava do trabalho, mas ficava

Leia mais

LIÇÃO 1 Deus Tem Dons para Nós

LIÇÃO 1 Deus Tem Dons para Nós LIÇÃO 1 Deus Tem Dons para Nós Esta é a primeira de duas lições que lhe darão um bom fundamento para tudo quanto estudar neste curso. Nesta primeira lição, estudará a sua importância no corpo de Cristo.

Leia mais

LIÇÃO 2 AMOR: DECIDIR AMAR UNS AOS OUTROS

LIÇÃO 2 AMOR: DECIDIR AMAR UNS AOS OUTROS LIÇÃO 2 AMOR: DECIDIR AMAR UNS AOS OUTROS RESUMO BÍBLICO I João 4:7-21; Jo 13:35 Tudo começou com o amor de Deus por nós. Ele nos amou primeiro e nós precisamos responder a isso. Ele provou seu amor, através

Leia mais

10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja

10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja 10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja Aula 53 A primeira vez que a Igreja é profetizada diretamente, está em Mateus: Mateus 16:13~18;... edificarei a minha igreja. V.18; no original

Leia mais

A parábola das dez virgens: Amanhã eu vou. (Mt 25.1-13)

A parábola das dez virgens: Amanhã eu vou. (Mt 25.1-13) 1 A parábola das dez virgens: Amanhã eu vou. (Mt 25.1-13) Na cultura judaica, as meninas eram entregues em casamento entre 13 e 14 anos de idade. Muitos casamentos já eram arranjados quando do nascimento

Leia mais

Iva Joana & Magno Énio

Iva Joana & Magno Énio Casamento de: Iva Joana & Magno Énio Igreja do Socorro 22 de Maio de 2010 Entrada do Noivo Hino de Alegria Entrada da Noiva Marcha Nupcial Entrada Dizem que é preciso Dizem que é preciso aprender a viver

Leia mais

Para que eu fui convocado?

Para que eu fui convocado? Para que eu fui convocado? Para poder ter meus desejos saciados? Para ficar perto de pessoas que vivem como eu? Para fazer um monte de coisas chatas e ser proibido de fazer as coisas legais? Para que eu

Leia mais

COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL

COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL O objetivo desta mensagem é motivar e equipar você a preparar e usar seu testemunho ao compartilhar sua fé com outros. Esta lição ajudará você a: 1. Conhecer

Leia mais

E a família... como vai?

E a família... como vai? 1. A crise na família Perigos atuais para família 2. A consciência para família 3. O chamado da família 4. Um caso na família Princípio espiritual para família Prática espiritual da família Papel do batismo

Leia mais

ELLEN G. WHITE E A VOLTA DE JESUS

ELLEN G. WHITE E A VOLTA DE JESUS Programa Jovem Centenário Ellen G. White ELLEN G. WHITE E A VOLTA DE JESUS Louvor 15 minutos 152 (Vencendo vem Jesus) 134 (Breve Jesus Voltará) 469 (Oh que Esperança) Oração Inicial Introdução Mensagem

Leia mais

Dia 4. Criado para ser eterno

Dia 4. Criado para ser eterno Dia 4 Criado para ser eterno Deus tem [...] plantado a eternidade no coração humano. Eclesiastes 3.11; NLT Deus certamente não teria criado um ser como o homem para existir somente por um dia! Não, não...

Leia mais

1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015

1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015 1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015 Sinalizar o Amor de Deus através da obediência e do respeito! Objetivo: Mostrar a importância de respeitar as regras e obedecer aos pais e responsáveis. Reforçar

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 1

Ajuntai tesouros no céu - 1 "Ajuntai tesouros no céu" - 1 Mt 6:19-21 "Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a

Leia mais

Lição. outros. Versículo Bíblico Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações Mateus 28:19

Lição. outros. Versículo Bíblico Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações Mateus 28:19 FRUTOS-3 Descoberta Lição 9 4-6 Anos Unidade 3: Aprendendo a Viver Como Um Amigo de Jesus Amigos de Jesus Falam de Jesus para os Outros A s crianças de quatro e seis anos irão descobrir os desafios da

Leia mais

Autor (a): Januária Alves

Autor (a): Januária Alves Nome do livro: Crescer não é perigoso Editora: Gaivota Autor (a): Januária Alves Ilustrações: Nireuda Maria Joana COMEÇO DO LIVRO Sempre no fim da tarde ela ouvia no volume máximo uma musica, pois queria

Leia mais

SEU NOME SERÁ CHAMADO DE "EMANUEL"

SEU NOME SERÁ CHAMADO DE EMANUEL Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e chamará o seu nome Emanuel. Isaías 7.14 Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão

Leia mais

VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR

VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR 1 VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR Fp 1 3 Agradeço a meu Deus toda vez que me lembro de vocês. 4 Em todas as minhas orações em favor de vocês, sempre oro com alegria 5 por causa da cooperação

Leia mais

Selecionando e Desenvolvendo Líderes

Selecionando e Desenvolvendo Líderes DISCIPULADO PARTE III Pr. Mano Selecionando e Desenvolvendo Líderes A seleção de líderes é essencial. Uma boa seleção de pessoas para a organização da célula matriz facilitará em 60% o processo de implantação

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (04.05.2015) Maria, mãe de Jesus e nossa mãe Guia: 2.º Ciclo: Padre Luís Almeida 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Mi+ Si+ Uma entre todas foi a escolhida, Do#- Sol#+ Foste tu,

Leia mais

Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia.

Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia. Jesus e sua vida Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia. Seu nascimento foi no meio de muitas

Leia mais

coração OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC

coração OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC Toda criança, sem exceção, tem direitos que devem ser valorizados por toda comunidade de fé. A criança, mesmo

Leia mais

4º Congresso de Mulheres 2014 - MEUC.

4º Congresso de Mulheres 2014 - MEUC. 4º Congresso de Mulheres 2014 - MEUC. Introdução ao tema geral: Silêncio. Mirian Christen Silêncio! No mundo agitado, complexo, barulhento, em que vivemos, parece que não há lugar para o silêncio. No nosso

Leia mais

Sempre Abundantes. IDE Curso E1 - Células. Lição 6 Multiplicando a sua célula

Sempre Abundantes. IDE Curso E1 - Células. Lição 6 Multiplicando a sua célula Sempre Abundantes IDE Curso E1 - Células Multiplicando a sua célula Vídeo: não desista agora! 2 Que lições aprendemos com este vídeo? Grupos de 4 a 6 pessoas Conversem sobre o vídeo e formulem duas lições

Leia mais

Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25

Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25 1 Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25 Domingo, 7 de setembro de 2014 19 Então o levaram a uma reunião do Areópago, onde lhe perguntaram: "Podemos saber que novo ensino é esse que você está anunciando?

Leia mais

Magos e Pastores encontram Jesus

Magos e Pastores encontram Jesus Mateus 2: 1-12 Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia, em dias do rei Herodes, eis que vieram uns magos do Oriente a Jerusalém. E perguntavam: Onde está o recém-nascido Rei dos judeus? Porque vimos a sua

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 3

Ajuntai tesouros no céu - 3 "Ajuntai tesouros no céu" - 3 Mt 6:19-21 Como já vimos nas mensagens anteriores, Jesus queria que os seus discípulos tivessem seus valores alinhados aos valores do seu Reino, ou seja, os discípulos de

Leia mais

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível Para quem é este livro? Este livro é para todas aquelas pessoas que fazem o que amam em seu trabalho mas não estão tendo o retorno que gostariam. Este mini guia com 21 sacadas é um resumo dos atendimentos

Leia mais

http://www.comoorganizarcasamento.com

http://www.comoorganizarcasamento.com Como Planejar seu Casamento Sem Stress Copyright 2014 Este e- book é protegido pela Lei dos Direitos Autorais (Lei 9.610/98), é proibida a reprodução do livro por meio eletrônico ou impresso. O e- book

Leia mais

Dia 11. Tornando-se amigo de Deus

Dia 11. Tornando-se amigo de Deus Dia 11 Tornando-se amigo de Deus Como tivemos restaurada a nossa amizade com Deus pela morte de seu Filho, enquanto éramos seus inimigos, certamente seremos libertos da punição eterna por meio de sua vida.

Leia mais

MATEMÁTICA: É PRECISO LER, ESCREVER E SE ENVOLVER

MATEMÁTICA: É PRECISO LER, ESCREVER E SE ENVOLVER MATEMÁTICA: É PRECISO LER, ESCREVER E SE ENVOLVER Nilton Cezar Ferreira 1 Por mais de dois séculos já se faz reformas curriculares no Brasil, no entanto nenhuma dessas reformas conseguiu mudar de forma

Leia mais

Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo. Título: Reencarnação

Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo. Título: Reencarnação Plano de Aula 12 Centro Espírita Ismênia de Jesus Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo Educadora: Andréa, Rafael e Erenilton Dia: 04/05/2015 Horário: 20 às 21hs Título: Reencarnação

Leia mais

3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS

3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS 0 3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS Este material tem sido usado em quase todo mundo e traduzido em diversas línguas por ter sido comprovado por sua eficácia por todos que o usam. Muitos são os seus benefícios,

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA PARÓQUIA DE SANTA MARIA DE BORBA CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA Feliz o homem que ama a Palavra do Senhor e Nela medita dia e noite (Sl 1, 1-2) 4º ANO da CATEQUESE 17 de Janeiro de 09 ENTRADA PROCESSIONAL

Leia mais

Identificação do projeto

Identificação do projeto Seção 1 Identificação do projeto ESTUDO BÍBLICO Respondendo a uma necessidade Leia Neemias 1 Neemias era um judeu exilado em uma terra alheia. Alguns dos judeus haviam regressado para Judá depois que os

Leia mais

O primeiro sermão que preguei na PIB em Penápolis depois de empossado foi baseado neste texto, mas a mensagem de hoje não é uma reedição.

O primeiro sermão que preguei na PIB em Penápolis depois de empossado foi baseado neste texto, mas a mensagem de hoje não é uma reedição. Lições essenciais para nos tornamos vitoriosos em 2011 Êxodo 17.8-16 Pr. Fernando Fernandes PIB em Penápolis, 09/01/2011 O primeiro sermão que preguei na PIB em Penápolis depois de empossado foi baseado

Leia mais

Práticas da Antiguidade para a Espiritualidade Contemporânea. Campos dos Sonhos

Práticas da Antiguidade para a Espiritualidade Contemporânea. Campos dos Sonhos Campos dos Sonhos Mateus 6.5-13 A Prática da Adoração ou da Contemplação Consiste no exercício de nos colocar na presença de Deus, deixando que nossas mentes e corações sejam envolvidos por tudo quanto

Leia mais

José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS

José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS GRUPOS DE JESUS José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS 2014, José Antonio Pagola 2014, PPC, Editorial y Distribuidora, S.A. Título original: Grupos de Jesús Tradução: Mário José dos Santos, ssp Pré -impressão

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI Texto: Sal. 126:6 Durante o ano de 2014 falamos sobre a importância de semear, preparando para a colheita que viria neste novo ano de 2015. Muitos criaram grandes expectativas,

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15 A ORAÇÃO MANISFESTA O PODER DE DEUS ATRAVÉS DE MIM Princípio: Quando eu oro, o poder de Deus se manifesta através de mim! Versículo: Ora, àquele que é poderoso para fazer

Leia mais

Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO

Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO Em vários textos a Bíblia relata visões que Deus deu a seu povo. Essas visões tinham por objetivo trazer uma orientação ou direção, em outros momentos

Leia mais

O NASCIMENTO DO SALVADOR

O NASCIMENTO DO SALVADOR Mensagem pregada pelo Pr Luciano R. Peterlevitz no culto de natal na Igreja Batista Novo Coração, em 20 de dezembro de 2015. Evangelho de Lucas 2.8-20: 8 Havia pastores que estavam nos campos próximos

Leia mais

Obedecer é sempre certo

Obedecer é sempre certo Obedecer é sempre certo Obedecer. Palavra fácil de entender, mas muitas vezes difícil de colocar em prática. Principalmente quando não entendemos ou concordamos com a orientação dada. Crianças recebem

Leia mais

ESTUDOS PARA PEQUENOS GRUPOS TEMÁTICA. Comunhão ESTUDOS

ESTUDOS PARA PEQUENOS GRUPOS TEMÁTICA. Comunhão ESTUDOS ESTUDOS PARA PEQUENOS GRUPOS TEMÁTICA Comunhão ESTUDOS 25. Jovens interligados 26. Sendo exemplo de honra 27. Amando uns aos outros 28. A prática do encorajamento 29. Ficar de mal? Nunca mais! 30. Servir

Leia mais

Práticas da Antiguidade para a Espiritualidade Contemporânea

Práticas da Antiguidade para a Espiritualidade Contemporânea A Prática da Adoração ou Contemplação Mateus 6:5-13 Consiste no exercício de nos colocar na presença de Deus, deixando que nossas mentes e corações sejam envolvidos por tudo quanto Ele é e por tudo quanto

Leia mais

Encontro a propósito do inquérito do Sínodo dos Bispos sobre a família

Encontro a propósito do inquérito do Sínodo dos Bispos sobre a família METANOIA em Lisboa Encontro a propósito do inquérito do Sínodo dos Bispos sobre a família Algumas notas a partir da reflexão havida no dia 13 de dezembro de 2013 na qual participaram 43 pessoas Contexto

Leia mais

A gente tenta acertar, mas o que conseguimos é VERGONHA DECEPÇÃO CULPA MEDO

A gente tenta acertar, mas o que conseguimos é VERGONHA DECEPÇÃO CULPA MEDO A gente tenta acertar, mas o que conseguimos é VERGONHA DECEPÇÃO CULPA MEDO ÁGUA QUE PURIFICA Água como ilustração para purificação Pilatos lavou as mãos Os fariseus lavam as mãos O cego lavou os olhos

Leia mais

18/11/2005. Discurso do Presidente da República

18/11/2005. Discurso do Presidente da República Discurso do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de entrega de certificado para os primeiros participantes do programa Escolas-Irmãs Palácio do Planalto, 18 de novembro de 2005

Leia mais

Mais do que Vencedores ou Mais do que Vencidos. Missionário Pastor Danny Hawkins

Mais do que Vencedores ou Mais do que Vencidos. Missionário Pastor Danny Hawkins Mais do que Vencedores ou Mais do que Vencidos. Missionário Pastor Danny Hawkins Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Romanos 8:37 Todos os dias nós temos

Leia mais

Mas a Bíblia não foi escrita por homens inspirados por Deus para servir apenas como Manual de bemviver na sociedade.

Mas a Bíblia não foi escrita por homens inspirados por Deus para servir apenas como Manual de bemviver na sociedade. Os benefícios de se praticar a Palavra de Deus Tiago 1.22-2525 Pr. Fernando Fernandes PIB em Penápolis, 13/12/2009 A Bíblia auxilia a qualquer pessoa que queira viver bem, evangélica ou não, desde que

Leia mais

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto. A Responsabilidade dos Filhos de Deus Texto Base: 1º João 2.6 = Aquele que diz que está nele também deve andar como ele andou. Introdução: O nosso dever é andar como Ele (Jesus) andou.. Todos que O aceitam

Leia mais

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA CONVIVER COM OS HUMANOS APRIMORADOS? http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=voce-esta-preparado-conviver-humanosaprimorados&id=010850090828 Redação do

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

Roda de Conversa 28/04/2015

Roda de Conversa 28/04/2015 Aconteceu em Uberaba, na Associação Amigos de Gaby (Projeto Cantinho), no dia 28/02/2015 a décima sétima edição da Roda de Conversa. O Evento teve a participação de aproximadamente 40 profissionais de

Leia mais

Abrindo o coração para compreender a vontade de Deus

Abrindo o coração para compreender a vontade de Deus Abrindo o coração para compreender a vontade de Deus Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável

Leia mais

JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO

JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO ORIENTAÇÕES BÁSICAS JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO JPEG é Jovens em Pequenos Grupos. A nova identidade dos pequenos grupos para jovens. NECESSIDADE DE ORGANIZAÇÃO DA IGREJA PEQUENOS GRUPOS Pequenos grupos

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

A Santa Sé ENCONTRO COM OS JOVENS DE ROMA E DO LÁCIO EM PREPARAÇÃO À JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE DIÁLOGO DO PAPA BENTO XVI COM OS JOVENS

A Santa Sé ENCONTRO COM OS JOVENS DE ROMA E DO LÁCIO EM PREPARAÇÃO À JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE DIÁLOGO DO PAPA BENTO XVI COM OS JOVENS A Santa Sé ENCONTRO COM OS JOVENS DE ROMA E DO LÁCIO EM PREPARAÇÃO À JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE DIÁLOGO DO PAPA BENTO XVI COM OS JOVENS Quinta-feira, 25 de Março de 2010 (Vídeo) P. Santo Padre, o jovem

Leia mais