UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO INSTITUTO: CIÊNCIAS HUMANAS CURSO: PEDAGOGIA SÉRIE: 5º SEMESTRE TURNO: NOTURNO DISCIPLINA: EFEB ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DA ED.BÁSICA CARGA HORÁRIA SEMANAL: 02 HORAS/AULA VALIDADE: 2007 I EMENTA: Analise do texto da atual LDB(Lei 9394/96), enfocando a construção do projeto político-pedagógico da escola, a noção de sistema, bem como os níveis e modalidades de ensino existentes. II - OBJETIVOS GERAIS / COMPETÊNCIAS Capacidade de articular ensino e pesquisa na produção do conhecimento e na prática pedagógica. Ter compromisso com uma ética de atuação profissional e com a organização da vida em sociedade. Dominar princípios teórico-metodológicos das áreas de conhecimento que se constituem objeto de sua prática pedagógica. Propiciar condições para a compreensão da estrutura e funcionamento da educação brasileira. Cultivar a interesse no acompanhamento das medidas que visam mudanças e melhorias na qualidade da educação brasileira. III - OBJETIVOS ESPECÍFICOS / HABILIDADES Analisar a Educação Básica, a Educação de Jovens e Adultos e a Educação Profissional na lei 9394/96 Conceituar Sistema de Ensino. Conceituar e compreender o processo de elaboração do projeto pedagógico da escola.

2 Acompanhar e discutir as mudanças educacionais em curso, através de leitura e discussão de textos e artigos atuais. Desenvolver hábitos e atitudes de pesquisa, para atualização constante sobre os problemas da educação e propostas para sua melhoria. IV - CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1. O projeto político-pedagógico da escola na lei 9394/94 Conceituação Processo de elaboração 2. A estrutura e a organização do ensino na Brasil: aspectos legais e organizacionais A estrutura do sistema de ensino: federal, estadual e municipal. Princípios da organização conforme a LDB/96 Organização administrativa, pedagógica e curricular do sistema de ensino 3. Níveis e modalidades de educação e de ensino Educação Básica: educação infatil, ensino fundamental e ensino médio Modalidades de ensino: educação de jovens e adultos e educação profissional V - ESTRATÉGIA DE TRABALHO Aulas expositivas para introdução de conteúdos, utilizando-se recursos como: Cartazes, retro-projetor, resumos na lousa, etc. Leitura e discussão de textos e de artigos de jornais e revistas. Dinâmicas de grupo. Seminários com orientação prévia da professora. Pesquisa em publicações, jornais e revistas, para organização de arquivos em classe VI AVALIAÇÃO

3 Os alunos serão avaliados de acordo com normas regimentais, comunicados de Reitoria e Direção de ICH, orientações normativas da Coordenação Geral do Curso e critérios específicos de Professores / Disciplina, utilizando-se, no todo ou em parte, dos seguintes instrumentos: Provas objetivas individuais. Provas dissertativas individuais. Provas Institucionais individuais. Provas integradas individuais. Trabalhos em grupos, em sala e extra-sala de aula. Relatórios. Valores e pesos na composição da avaliação, por bimestres, serão oportunamente comunicados. VII BIBLIOGRAFIA BIBLIOGRAFIA BÁSICA: LIBÂNEO, José Carlos, OLIVEIRA, João Ferreira de, TOSCHI, Mirza Seabra. Educação Escolar: políticas, estrtutura e organização. São Paulo, Cortez, SILVA, Eurides Brito da (Org). A Educação Básica Pós-LDB. São Paulo: Pioneira, SOUZA, Paulo N. P. de e SILVA, E. B. Como entender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira, BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR: BREZEZINSKI,Iria (org.). LDB interpretada: diversos olhares se entrecruzam. São Paulo: Cortez, MENESES, João Gualberto de Carvalho e outros. Estrutura e Funcionamento da Educação Básica. São Paulo, S.P.: Pioneira Educação, 1998 SAVIANI, D. A Nova LDB: Trajetória, Limites e Perspectivas. Campinas, SP. Autores Associados, Legislação e Normas Básicas: Federal:

4 BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, com as alterações feitas pelas Leis 9475, de 22/07/97, Lei 10287, de 22/09/2001 e Lei 10328, de 12/12/2001. BRASIL, Lei 9131 de 24/11/95 BRASIL, Lei de 09/01/2001 Plano Nacional de Educação. CONSTITUIÇÃO da República Federativa do Brasil. D.O.U. Brasília, 5 de Outubro de Parecer CNE/CEB 04/98 Parecer CNE/CEB 22/98 Resolução nº 1 de 24/03/97 Resolução CNE/CEB nº 2 de 07/04/98 Resolução CNE/CEB nº 1 de 07/04/ CRONOGRAMA: AULA 1 Apresentação da ementa e do conteúdo programático. Ênfase na LDB e sua construção histórica e política-social. AULA 2 Projeto Pedagógico/ Sistemas de Ensino BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, com as alterações feitas pelas Leis 9475, de 22/07/97, Lei 10287, de 22/09/2001 e Lei 10328, de 12/12/2001. AULA 3 Projeto Pedagógico BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, com as alterações feitas pelas Leis 9475, de 22/07/97, Lei 10287, de 22/09/2001 e Lei 10328, de 12/12/2001. AULA 4

5 A estrutura do Sistema de Ensino: federal, estadual, municipal Princípios da organização conforme a LDB TEXTO: LIBÂNEO, José Carlos, OLIVEIRA, João Ferreira de, TOSCHI, Mirza Seabra. Educação Escolar: políticas, estrutura e organização. São Paulo, Cortez, 2003, pp. 235 a 236. AULA 5 Organização administrativa, pedagógica e curricular do sistema de ensino. TEXTO: LIBÂNEO, José Carlos, OLIVEIRA, João Ferreira de, TOSCHI, Mirza Seabra. Educação Escolar: políticas, estrutura e organização. São Paulo, Cortez, 2003, pp. 237 a AULA 6 Educação Básica na LDB/96 Disposições gerais 25, 26, 27 e 28. Os níveis escolares na LDB/96 artigo 21 Educação Básica na LDB/96 Disposições gerais artigos 22, 23 e 24. BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, com as alterações feitas pela lei 9475, de 22/07/97, Lei 10287, 22/09/2001 e lei de 12/12/2001. SOUZA, Paulo N. Como entender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira, AULA 7 Educação Infantil na LDB/96 artigos 29, 30 e 31 BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96.Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei de 12/12/2001. SOUSA, Paulo N. Como entender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira, Leitura complementar: MENESES, João Gualberto de Carvalho e outros. Estrutura e Funcionamento da Educação Básica. São Paulo, S.P.: Pioneira Educação, 1998

6 AULA 8 O Ensino Fundamental na LDB/96 artigos 32 a 34 BRASIL, LEI 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei e 12/12/2001. SOUZA, Paulo N. Como etender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira, AULA 9 O Ensino Médio na LDB/96 artigos 37 e 38 BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei de 12/12/2001. AULA 10 O Ensino Médio na LDB/96 artigos 37 e 38 BRASIL, Lei 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei de 12/12/2001. SILVA, Eurides Brito da (Org). A Educação Básica Pós-LDB. São Paulo: Pioneira, AULA 11 A Educação de Jovens e Adultos na LDB/96 artigos 37 e 38 BRASIL, LEI 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei e 12/12/2001. SOUZA, Paulo N. Como entender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira,

7 AULA 12 A Educação de Jovens e Adultos na LDB/96 artigos 39 a 42 BRASIL, LEI 9394/96 de 20/12/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 22/09/2001 e lei e 12/12/2001. SOUZA, Paulo N. Como entender e aplicar a nova LDB. São Paulo: Pioneira, AULA 13 Revisão de conteúdo AULA 14 Avaliação Final

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Curso: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Disciplina: Educação de Jovens e Adultos Professor: LUIZ FERNANDO PINTO BAHIA Carga horária: 1h30 Ementa: Teórica

Leia mais

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CÓDIGO: EDU111 DISCIPLINA: POLÍTICA E GESTÃO EDUCACIONAL CARGA HORÁRIA: 60h EMENTA: Estudo da natureza

Leia mais

PLANO DE ENSINO/2014

PLANO DE ENSINO/2014 PLANO DE ENSINO/2014 CURSO: Licenciatura em Física MODALIDADE: Presencial DISCIPLINA: Políticas e Sistemas Educacionais CÓDIGO: NPED 16 FASE DO CURSO: 4ª SEMESTRE LETIVO: 2º/2014 CARGA HORARIA SEMESTRAL/SEMANAL:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-2 DISCIPLINA: Políticas Públicas em Educação JP0010 PROFESSORA: Arlete Salcides I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 75h II EMENTA Estudo das principais políticas públicas

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura Física FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: (x) Presencial

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 3º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 3º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Estrutura e Funcionamento da Educação Básica I Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 3º 1 - Ementa (sumário, resumo) Estudo

Leia mais

FACULDADES UNIFICADAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE BARRETOS DIVISÃO ACADÊMICA

FACULDADES UNIFICADAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE BARRETOS DIVISÃO ACADÊMICA PLANO DE ENSINO DADOS DA DISCIPLINA Nome da Disciplina: Didática para o ensino da Química Curso: Licenciatura Plena em Química Termo: 5º Carga Horária Semanal (h/a): 2 Carga Horária Semestral (h/a): 34

Leia mais

Plano de Ensino Docente

Plano de Ensino Docente Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU: ( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

Institui as Matrizes Curriculares para as Escolas Municipais de Ensino Fundamental EMEFs, Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Médio EMEFMs,

Institui as Matrizes Curriculares para as Escolas Municipais de Ensino Fundamental EMEFs, Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Médio EMEFMs, Institui as Matrizes Curriculares para as Escolas Municipais de Ensino Fundamental EMEFs, Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Médio EMEFMs, Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos -

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Fundamentos da Educação Infantil Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 3º 1 - Ementa (sumário, resumo) Contextualização histórica,

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2º/2009. Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( )

PLANO DE ENSINO 2º/2009. Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) PLANO DE ENSINO 2º/2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso PEDAGOGIA Disciplina

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 Curso: PEDAGOGIA Disciplina: TECNOLOGIA NA SALA DE AULA I Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º 1 - Ementa (sumário, resumo) Histórico da informática,

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ENCONTRO DOS CONSELHOS DE EDUCAÇÃO DE SERGIPE

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ENCONTRO DOS CONSELHOS DE EDUCAÇÃO DE SERGIPE CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ENCONTRO DOS CONSELHOS DE EDUCAÇÃO DE SERGIPE REGIMENTO ESCOLAR PROPOSTA PEDAGÓGICA ORGANIZAÇÃO CURRICULAR ENCONTRO DOS CONSELHOS DE REGIMENTO ESCOLAR ROSAMARIA DE FARIAS

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 PLANO DE ENSINO Curso: Pedagogia PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 Disciplina: Pedagogia de Projetos Carga Horária Semestral: 40 horas Semestre do Curso: 8º 1 - Ementa (sumário, resumo) Conceito de projeto. Concepções

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 044/2015, DE 01 DE SETEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 044/2015, DE 01 DE SETEMBRO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS Conselho Superior Avenida Vicente Simões, 1111 Bairro Nova Pouso Alegre 37550-000 - Pouso Alegre/MG Fone:

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Fundamentos de Fisioterapia Código: FISIO - 201 Pré-requisito: --------- Período

Leia mais

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO PLANO DE ENSINO

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO PLANO DE ENSINO FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO PLANO DE ENSINO Curso: Psicologia Disciplina: Estratégias no atendimento à criança e ao adolescente Professor: Alexandre Gomes Brito Semestre: 2015/2 Ementa

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA 1 RESOLUÇÃO/UEPB/CONSEPE/015/2011. UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA Aprova o Projeto Político Pedagógico do Curso de Graduação em Pedagogia/Primeira Licenciatura da Universidade Estadual da Paraíba. O

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Administração Disciplina: Direito do Trabalho Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 5 1 - Ementa (sumário, resumo) Introdução. Princípios, Interpretação

Leia mais

ÁREA INFORMÁ TICA CURSO LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO

ÁREA INFORMÁ TICA CURSO LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS CAMPUS PORTO NACIONAL Av. Tocantins, Loteamento Mãe Dedé, Porto

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Matutino Educação III CARGA

PLANO DE ENSINO. Matutino Educação III CARGA 1 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA - UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E DA EDUCAÇÃO FAED PLANO DE ENSINO DEPARTAMENTO: Pedagogia ANO/SEMESTRE: 2012/2 CURSO: Pedagogia FASE: 5ª DISCIPLINA: Pesquisa

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Controle e Processos Industriais CURSO: Técnico em Eletromecânica FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

Capa. Apoio Educacional

Capa. Apoio Educacional Capa Apoio Educacional Técnico em Secretaria Escolar EDUCAÇÃO PROFISSIONAL JUSTIFICATIVA O Programa Nacional de Valorização dos Funcionários da Educação PROFUNCIONÁRIO nasceu em decorrência de extensa

Leia mais

Assunto: Orientações para a Organização de Centros de Atendimento Educacional Especializado

Assunto: Orientações para a Organização de Centros de Atendimento Educacional Especializado Ministério da Educação Secretaria de Educação Especial Esplanada dos Ministérios, Bloco L 6º andar - Gabinete -CEP: 70047-900 Fone: (61) 2022 7635 FAX: (61) 2022 7667 NOTA TÉCNICA SEESP/GAB/Nº 9/2010 Data:

Leia mais

Plano de Ensino Docente

Plano de Ensino Docente Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU: ( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância ATOS LEGAIS DO CURSO: Nome do Curso: Pedagogia Tempo de Integralização: Mínimo: 8 semestres Máximo: 14 semestres Nome da Mantida: Centro Universitário

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina EDU451 Estágio Supervisionado em Educação Infantil

Programa Analítico de Disciplina EDU451 Estágio Supervisionado em Educação Infantil Programa Analítico de Disciplina Departamento de Educação - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes Número de créditos: 8 Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal 2 6 8 Períodos

Leia mais

ELEMENTOS DA PRÁTICA PEDAGÓGICA. A Organização do Trabalho Pedagógico da Escola

ELEMENTOS DA PRÁTICA PEDAGÓGICA. A Organização do Trabalho Pedagógico da Escola ELEMENTOS DA PRÁTICA PEDAGÓGICA A Organização do Trabalho Pedagógico da Escola Tudo o que os alunos e alunas aprendem mediante um modelo de ensino e aprendizagem específico é determinado por variáveis

Leia mais

Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10. Componente Curricular: Evolução das Técnicas de Gestão da Produção

Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10. Componente Curricular: Evolução das Técnicas de Gestão da Produção C U R S O D E E N G E N H A R I A D E P R O D U Ç Ã O Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10 Componente Curricular: Evolução das Técnicas de Gestão da Produção Código: ENGP

Leia mais

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: 3º CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA NOME DO CURSO: PEDAGOGIA 2. EMENTA Retrospectiva Histórica

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2014

PLANO DE ENSINO 2014 PLANO DE ENSINO 2014 CURSO: Física-Licenciatura MODALIDADE: Presencial DISCIPLINA: Estágio II CÓDIGO: EST 02 SEMESTRE: 2014-2 FASE: 8 a fase CARGA HORÁRIA (SEMESTRAL): 270 horas/360 aulas distribuídas

Leia mais

ANEXO I INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO

ANEXO I INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO ANEXO I INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO Este instrumento deverá ser utilizado para a elaboração de processos para reconhecimento ou de renovação de reconhecimento de curso de graduação da UDESC (com avaliação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - FACULDADE DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE DISCIPLINA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - FACULDADE DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE DISCIPLINA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - FACULDADE DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: POLÍTICAS EDUCACIONAIS GRADE: RESOLUÇÃO CEPEC MATRIZ

Leia mais

Informações básicas. Programa Ensino Integral

Informações básicas. Programa Ensino Integral Informações básicas Programa Ensino Integral Abril/2014 1) Premissas básicas do novo modelo de Ensino Integral O novo modelo de Ensino Integral pressupõe inovações em alguns componentes fundamentais da

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE 2ª COORDENADORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE 2ª COORDENADORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE 2ª COORDENADORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO I ENCONTRO PARA ESTUDOS COM ORIENTADORES II ETAPA CADERNO I FORMADORA REGIONAL: Elyda Cristina

Leia mais

GUIA DE CERTIFICAÇÃO Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos - ENCCEJA

GUIA DE CERTIFICAÇÃO Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos - ENCCEJA GUIA DE CERTIFICAÇÃO Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos - ENCCEJA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSORES CONVIDADOS NO EDU/2012/2

PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSORES CONVIDADOS NO EDU/2012/2 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PRÓ REITORIA DE GRADUAÇÃO UNIDADE ACADÊMICO ADMINISTRATIVA DE EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSORES CONVIDADOS NO EDU/2012/2 GOIÂNIA,

Leia mais

CURSO DE EXTENSÃO FORMAÇÃO CONTINUADA EM GESTÃO ESCOLAR

CURSO DE EXTENSÃO FORMAÇÃO CONTINUADA EM GESTÃO ESCOLAR 1 PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO PROPPEX PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROENG CURSO DE PEDAGOGIA CURSO DE EXTENSÃO FORMAÇÃO CONTINUADA EM GESTÃO ESCOLAR Brusque, Dezembro de 2014

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS DELIBERAÇÃO Nº 053/2015 CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

G1 Formação de Professores. Julia de Cassia Pereira do Nascimento (DO)/ juliacpn@interacaosp.com.br Edda Curi/ edda.curi@cruzeirodosul.edu.

G1 Formação de Professores. Julia de Cassia Pereira do Nascimento (DO)/ juliacpn@interacaosp.com.br Edda Curi/ edda.curi@cruzeirodosul.edu. CONTRIBUIÇÕES DO ESTÁGIO PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: INDICATIVOS DA LEGISLAÇÃO VIGENTE E DA ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO NUM CURSO DE PEDAGOGIA G1 Formação de Professores

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Pedagogia Disciplina

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 88-GR/UNICENTRO, DE 12 DE MAIO DE 2014. Especifica a estrutura curricular do Curso de Especialização em Educação e Formação Empreendedora, modalidade de educação a distância, aprovado pela

Leia mais

UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA

UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA Curso: Licenciatura Letras Inglês Disciplina: Organização da Educação Nacional Carga Horária: 60 Teórica: 60 Prática: 00 Semestre: 2013.2. Professor: Eliane

Leia mais

CURSO: EDUCAR PARA TRANSFORMAR. Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

CURSO: EDUCAR PARA TRANSFORMAR. Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Educação de Qualidade ao seu alcance EDUCAR PARA TRANSFORMAR O CURSO DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO: LICENCIATURA

Leia mais

Plano de Ensino Docente

Plano de Ensino Docente Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU: ( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Objetivos

PLANO DE ENSINO. Objetivos PLANO DE ENSINO PERÍODO LETIVO/ANO: 2009 ANO DO CURSO: 4 a série Curso: Ciências Econômicas Modalidade: Bacharelado Turno: Noturno Centro: Ciências Sociais Aplicadas CCSA Campus: Cascavel Disciplina Código

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-2 DISCIPLINA: Experiências de Aprendizagem em Gestão Educacional JP0016 PROFESSOR: Ms. Elbio Gerardo Silveira Ramos I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 60h Carga Horária

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA RESOLUÇÃO Nº 1, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 (*)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA RESOLUÇÃO Nº 1, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 (*) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA RESOLUÇÃO Nº 1, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 (*) Define normas para declaração de validade de documentos escolares emitidos por

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: Gestão e Negócios Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Superior em Administração FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante (X ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

I C B I N S T I T U T O D E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

I C B I N S T I T U T O D E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS I C B I N S T I T U T O D E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS U N I V E R S I D AD E FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DO CURSO DE LICENCIATURA EM DE CIENCIAS BIOLÓGICAS 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Departamento

Leia mais

Pró-Reitora de Graduação da Universidade Federal de Goiás

Pró-Reitora de Graduação da Universidade Federal de Goiás Apresentação Prezados Professores e Acadêmicos Com o objetivo de consolidar a política de estágio da Universidade Federal de Goiás, a Pró-Reitoria de Graduação, por meio da Coordenação de Estágios, realizou

Leia mais

PROGRAMA DE ENSINO. Área de Concentração EDUCAÇÃO. Professor Responsável: Prof. Dr. CRISTIANO AMARAL GARBOGGINI DI GIORGI

PROGRAMA DE ENSINO. Área de Concentração EDUCAÇÃO. Professor Responsável: Prof. Dr. CRISTIANO AMARAL GARBOGGINI DI GIORGI PROGRAMA DE ENSINO Disciplina Código A PEDAGOGIA DE PAULO FREIRE Semestre Ano Letivo Área de Concentração EDUCAÇÃO Curso: MESTRADO (X) DOUTORADO (X ) Número de créditos: 08 Carga Horária: 120 horas/aula

Leia mais

Curso: Licenciatura em História. Ano/Semestre letivo: 2012/01. Período/Série: 4. Turno: ( ) Matutino ( x ) Vespertino ( ) Noturno

Curso: Licenciatura em História. Ano/Semestre letivo: 2012/01. Período/Série: 4. Turno: ( ) Matutino ( x ) Vespertino ( ) Noturno Pág. 1 rcaracterização Curso: Licenciatura em História Ano/Semestre letivo: 2012/01 Período/Série: 4 Turno: ( ) Matutino ( x ) Vespertino ( ) Noturno Carga horária semanal: 1 h 30 min Carga horária total:

Leia mais

Universidade Estadual de Maringá Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes

Universidade Estadual de Maringá Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes R E S O L U Ç Ã O N.º 100/2009 CI / CCH CERTIDÃO Certifico que a presente resolução foi afixada em local de costume, neste Centro, no dia 14/12/2009. João Carlos Zanin, Secretário Aprovar alterações curriculares

Leia mais

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 PLANO DE CURSO

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 PLANO DE CURSO CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 Componente Curricular: Geometria Analítica e de Vetores Código: ENGP- 120 Pré-requisito: - Período Letivo: 2013.1

Leia mais

PLANO DE ENSINO I. EMENTA

PLANO DE ENSINO I. EMENTA PLANO DE ENSINO CURSO: Psicologia SÉRIE: 6º período DISCIPLINA: Pesquisa de Campo em Psicologia Social CARGA HORÁRIA SEMANAL: 3 horas/aula CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 66 horas I. EMENTA Emprego de metodologias

Leia mais

ANEXO I FORMULÁRIOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL FORMULÁRIO 1: COMISSÃO DE ANÁLISE E SISTEMATIZAÇÃO DA PROPOSTA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL

ANEXO I FORMULÁRIOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL FORMULÁRIO 1: COMISSÃO DE ANÁLISE E SISTEMATIZAÇÃO DA PROPOSTA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL EDUCAÇÃO INFANTIL 1 ANEXO I FORMULÁRIOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL FORMULÁRIO 1: COMISSÃO DE ANÁLISE E SISTEMATIZAÇÃO DA PROPOSTA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL Nome Completo Cargo/Função Turno 1º 2º Integral

Leia mais

Plano de Ensino. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 2º ANO. Liane Marli Schäfer Lucca

Plano de Ensino. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 2º ANO. Liane Marli Schäfer Lucca IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino EIXO TECNOLÓGICO: Gestão e Negócios CURSO: Técnico em Vendas Integrado/PROEJA FORMA/GRAU:(X)integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( )

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE PEDAGOGIA, LICENCIATURA REGULAMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente documento

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DA EDUCAÇÃO BÁSICA

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DA EDUCAÇÃO BÁSICA INTERESSADO: Instituto de Educação do Ceará - IEC EMENTA: Reconhece o Curso de Ensino Médio, na Modalidade Normal Subseqüente, com validade até 31.12.2009, e homologa o Regimento Escolar. RELATOR: Nohemy

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 28/2/2011, Seção 1, Pág. 25. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 28/2/2011, Seção 1, Pág. 25. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADA: Associação Nacional de Unidades Universitárias Federais de UF: RS Educação Infantil (ANUUFEI) ASSUNTO: Normas de funcionamento das unidades

Leia mais

A disciplina conceitua numa perspectiva histórica as principais concepções de ensinoaprendizagem.

A disciplina conceitua numa perspectiva histórica as principais concepções de ensinoaprendizagem. Unidade Universitária Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - 040 Curso Psicologia Disciplina PSICOLOGIA DA APRENDIZAGEM Professor(es) e DRTs Alex Moreira Carvalho 1120814 Daniel Sá Roriz Fonteles 1138998

Leia mais

Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Matemática versus Estágio Supervisionado

Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Matemática versus Estágio Supervisionado Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Matemática versus Estágio Supervisionado O objetivo deste texto é destacar as principais atividades envolvendo o projeto pedagógico do curso de licenciatura

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: GERENCIAMENTO EM ENFERMAGEM Código: ENF - 223 Pré-requisito: Nenhum Período

Leia mais

Carta Aberta aos Estudantes e Trabalhadores dos Cursos de Graduação a Distância em Serviço Social no Brasil

Carta Aberta aos Estudantes e Trabalhadores dos Cursos de Graduação a Distância em Serviço Social no Brasil 1 Carta Aberta aos Estudantes e Trabalhadores dos Cursos de Graduação a Distância em Serviço Social no Brasil Os delegados, observadores e convidados reunidos entre os dias 6 e 9 de setembro de 2009, em

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 047 DE 20 DE SETEMBRO DE 2007

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 047 DE 20 DE SETEMBRO DE 2007 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 047 DE 20 DE SETEMBRO DE 2007 Alterar a Resolução CD/FNDE nº 29, de 20 de julho de 2007,

Leia mais

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: EDUCAÇÃO FÍSICA Disciplina: Estrutura e Funcionamento da Educação Básica Professor: Cecília Maria Bezerra de Oliveira e-mail: cecimapa@yahoo.com.br Código:

Leia mais

PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM: conceituação, processo e estruturantes didáticos

PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM: conceituação, processo e estruturantes didáticos Universidade Federal da Bahia Faculdade de Educação Dep. de Educação II DIDÁTICA PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM: conceituação, processo e estruturantes didáticos Profa: Amaleide

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º semestre

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º semestre EIXO TECNOLÓGICO: Licenciatura Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( )concomitante ( )bacharelado (x)licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 19/ 2012 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso Técnico em Prótese Dentária da Escola

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR Minuta de Projeto de Resolução para audiência pública de 11/12/2015 Institui Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de graduação em Educação

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM LIBRAS

PÓS-GRADUAÇÃO EM LIBRAS PÓS-GRADUAÇÃO EM LIBRAS Instituição Certificadora: FALC Amparo Legal: Resolução CNE CES 1 2001 Resolução CNE CES 1 2007 Carga Horária: 460h Período de Duração: 12 meses (01 ano) Objetivos: Objetivo Geral:

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 24/2007 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Pedagogia, na

Leia mais

ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO: DA EDUCAÇÃO BÁSICA AO ENSINO SUPERIOR

ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO: DA EDUCAÇÃO BÁSICA AO ENSINO SUPERIOR ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO: DA EDUCAÇÃO BÁSICA AO ENSINO SUPERIOR Ana Lucia Lima da Costa Pimenta Monteiro Prefeitura Municipal de Biguaçu anamonteiro1970@hotmail.com INTRODUÇÃO: As políticas

Leia mais

1. O ano de publicação dos documentos não é, necessariamente, o mesmo solicitado na bibliografia oficial.

1. O ano de publicação dos documentos não é, necessariamente, o mesmo solicitado na bibliografia oficial. A Biblioteca do disponibiliza, para consulta presencial em sua sede, a Bibliografia indicada no Concurso de Promoção para Diretores de Escola. Para facilitar a consulta e/ou acesso selecionamos Sites Institucionais

Leia mais

Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário

Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário Componentes Curriculares CH Ementa Avaliação do Processo de Ensino- Aprendizagem Cultura Clássica Didática (40 horas de estágio supervisionado) Educação de

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso ADMINISTRAÇÃO Disciplina

Leia mais

Curso de Pedagogia Ementário da Matriz Curricular 2010.2

Curso de Pedagogia Ementário da Matriz Curricular 2010.2 1ª FASE 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL A Biologia educacional e os fundamentos da educação. As bases biológicas do crescimento e desenvolvimento humano. A dimensão neurológica nos processos básicos: os sentidos

Leia mais

HISTÓRIA. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

HISTÓRIA. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos HISTÓRIA 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura GRAU ACADÊMICO: Licenciado em História PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 8 anos 2. OBJETIVO/PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO A definição

Leia mais

Proposta de Projeto do Curso de Extensão: ORGANIZAÇÃO CURRICULAR NA EDUCAÇÃO BÁSICA CATARINENSE

Proposta de Projeto do Curso de Extensão: ORGANIZAÇÃO CURRICULAR NA EDUCAÇÃO BÁSICA CATARINENSE ESTADO DE SANTA CATARINA Secretaria de Estado da Educação Diretoria de Educação Superior - DIES Rua Antônio Luz, 111 Centro Fpolis/SC CEP 88010-410 Proposta de Projeto do Curso de Extensão: ORGANIZAÇÃO

Leia mais

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

PLANO DE CURSO. CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: PSICOLOGIA APLICADA À SAÚDE Código: ENF 305 Pré-requisito: Nenhum Período

Leia mais

REGULAMENTO E MANUAL. Pedagogia e Letras

REGULAMENTO E MANUAL. Pedagogia e Letras INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE BARRETOS Mantido pelo Centro de Educação e Idiomas de Barretos Autorizado pela Portaria 71 de 11/01/2005 DOU Pedagogia Reconhecido pela portaria nº 663 de 11/05/2009 DOU

Leia mais

RESOLUÇÃO 002/CUn/2007, de 02 de março de 2007

RESOLUÇÃO 002/CUn/2007, de 02 de março de 2007 RESOLUÇÃO 002/CUn/2007, de 02 de março de 2007 EMENTA: DISPÕE SOBRE O PROGRAMA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. O PRESIDENTE DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE HISTÓRIA, LICENCIATURA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO-OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente documento

Leia mais

PROJETO DISCIPLINAS SEMIPRESENCIAIS

PROJETO DISCIPLINAS SEMIPRESENCIAIS PROJETO DISCIPLINAS SEMIPRESENCIAIS FACULDADE CASTELO BRANCO Portaria MEC nº 304, de 16/04/2008 D.O.U de 17/04/2008 2 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 02 2 JUSTIFICATIVA... 04 3 OBJETIVOS... 06 4 PROPOSTA PEDAGÓGICA...

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Estágio Supervisionado: Educação Infantil 4 e 5 anos Educação de Jovens e Adultos (EJA) Ensino Fundamental Educação Especial (Ensino

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: História da Educação Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º 1 - Ementa (sumário, resumo) A educação primitiva. A educação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO 1) Identificação Disciplina Direito e Política Código JUR 1010 Créditos

Leia mais

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana).

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana). Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história. (Bill Gates). Os verdadeiros analfabetos

Leia mais

Reunião Plenária do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação FNCE Região Centro Oeste

Reunião Plenária do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação FNCE Região Centro Oeste Reunião Plenária do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação FNCE Região Centro Oeste Educação à Distância no Território Nacional: desafios e perspectivas Francisco Aparecido Cordão facordao@uol.com.br

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso ADMINISTRAÇÃO Disciplina

Leia mais

Rua do Salete 50 Barris - Salvador - Bahia. Tel: (71) 21088562/ 2108-8503 home page: www.cairu..br - E-mail: presidencia@fvc.br

Rua do Salete 50 Barris - Salvador - Bahia. Tel: (71) 21088562/ 2108-8503 home page: www.cairu..br - E-mail: presidencia@fvc.br Rua do Salete 50 Barris - Salvador - Bahia. Tel: (71) 21088562/ 2108-8503 home page: www.cairu..br - E-mail: presidencia@fvc.br E D I T A L A FVC - Fundação Visconde de Cairu, informa a abertura das inscrições

Leia mais

RESOLVE: CAPÍTULO I DA EDUCAÇÃO ESPECIAL

RESOLVE: CAPÍTULO I DA EDUCAÇÃO ESPECIAL RESOLUÇÃO 003, de 06 de abril de 2006. Fixa normas para a Educação Especial na Educação Básica do Sistema Municipal de Ensino Teresina. O CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE TERESINA, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Institui Diretrizes Operacionais para a Educação de Jovens e Adultos nos aspectos relativos à duração dos cursos e idade mínima para ingresso nos cursos de EJA; idade mínima

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Osasco Setembro de 2015 CAPÍTULO

Leia mais

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

OBJETIVOS ESPECÍFICOS Curso: Psicologia Disciplina: Neuropsicologia Básica Código: Sigla: Carga Horária: 36 Ano: 2016 Semestre: 3º Turno: Noturno Turma: Professor(a): Sergio Fernando Zavarize EMENTA Proporcionar ao aluno uma

Leia mais

REDE VIRTUAL INESPEC http://radioinespec2013.yolasite.com/

REDE VIRTUAL INESPEC http://radioinespec2013.yolasite.com/ INSTITUTO INESPEC Instituto de Ensino Pesquisa, Extensão e Cultura REDE VIRTUAL INESPEC http://radioinespec2013.yolasite.com/ Dr. Fernando Augusto, 873 Bairro Santo Amaro, CEP 60.540.260. http://wwwestatutoinespec.blogspot.com/

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Estatística Aplicada à Educação Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 2º 1 - Ementa (sumário, resumo) Estatística: história

Leia mais

Art. 1º Fica modificada a redação da Seção V do Título IV da Lei Complementar nº 49, de 1º de outubro de 1998, que passa ter a seguinte redação:

Art. 1º Fica modificada a redação da Seção V do Título IV da Lei Complementar nº 49, de 1º de outubro de 1998, que passa ter a seguinte redação: Art. 1º Fica modificada a redação da Seção V do Título IV da Lei Complementar nº 49, de 1º de outubro de 1998, que passa ter a seguinte redação: Art. 32 O Conselho Estadual de Educação é órgão colegiado

Leia mais