Catálogo. Material Didático

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Catálogo. Material Didático"

Transcrição

1 Catálogo Material Didático

2 Ação Provoca Emoção dos 6 aos 12 anos Nem sempre é fácil falarmos sobre o que sentimos. Este conjunto de histórias estimula o pensar nas nossas emoções e das pessoas que nos rodeiam. Também desenvolve o vocabulário necessário para expressar as emoções. Em cada história as expressões faciais de uma ou duas personagens aparecem em detalhe. Promoção social e competência de discurso, raciocínio lógico, extensão do vocabulário, reconhecer e nomear as emoções e suas nuances. 32 histórias, 143 cartões com o formato de 9 x 9 cm; Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. Ações (Verbos) + 7 anos Os cartões têm como objetivo o desenvolvimento do vocabulário em relação às ações e a estimulação da expressão verbal. Os cartões representam fotograficamente algumas ações habituais, tais como: subir, comer, bater, pintar, dar, saltar, escrever, ler, etc. Desenvolvimento do conhecimento do vocabulário básico, ouvir e dizer, enquadrar a ação em relação ao tempo e espaço, conjugação de verbos, utilização de preposições e adjetivos apropriados aos objetos. 35 cartões fotográficos que ilustram várias partes do corpo; Instruções incluindo sugestões de atividades. 2 Catálogo - Material Didático Cegoc

3 Adjetivos + 4 anos Este conjunto de cartas fotográficas tem como objetivo melhorar a linguagem expressiva e despertar a curiosidade para o uso das descrições. As cartas fotográficas, claras e ambíguas, podem ser utilizadas de várias formas para o desenvolvimento da linguagem. 35 cartas fotográficas, formato 125 x 110 mm, que ilustram os seguintes adjetivos: alto, baixo, pequeno, grande, pesado, leve, limpo, sujo, aberto, fechado, novo, velho, gordo, alto, medo, rápido, devagar, molhado, seco, claro/escuro, feliz, triste, quente, frio, cheio, vazio, partido, alto, baixo; Instruções incluindo ideias para atividades. Alfabeto + 3 anos Conjunto de 216 cartões plastificados (4,8 x 4,8 cm x 2,5 mm) com as letras do alfabeto. As maiúsculas estão impressas na frente a preto, e as minúsculas a azul no verso. Cegoc Informações em ou 3

4 As Expressões Um jogo de identificação de 10 expressões faciais diferentes, e de associação com 4 personagens reais. + 3 anos Promover as competências sociais, reconhecer e designar os diferentes sentimentos, desenvolver a capacidade de observação, da expressão oral e escrita, promover as competências discursivas. 50 cartões (10 ilustrações + 40 cartões fotográficos, 9 x 9 cm) com sistema autocorretivo no verso; Guia educacional e uma mala de plástico para guardar o jogo. Bingo de Sons - A Casa e a Cidade Jogo de associação para aprender a distinguir 25 sons e fazê-los corresponder aos objetos corretos, por exemplo: «trim, trim»... «telefone». O jogo permite a aprendizagem dos sons e fenómenos naturais; dos objetos da casa, transportes da cidade, entre outros. Possibilidade de trabalhar até 25 crianças em simultâneo. Aprendizagem de diferenciação dos sons, associação à imagem e designação, desenvolvimento da capacidade de observação e das competências narrativas. CDaudio em vários idiomas (português, francês, inglês, espanhol, etc.); 25 cartões de dupla face (um lado com uma imagem, e o outro com o jogo loto - 13,5 cm x 19,5 cm); 150 fichas; Guia pedagógico e mala em plástico para guardar o jogo. 4 Catálogo - Material Didático Cegoc

5 Bingo de Sons - Animais e Natureza + 3 anos Jogo de associação para aprender a distinguir 25 sons e fazê-los corresponder ao animal correto, por exemplo: «miau, miau»... «gato». O jogo permite a aprendizagem dos sons e dos nomes dos animais, características dos animais, do seu habitat, entre outros. Possibilidade de trabalhar com 25 crianças em simultâneo. Aprendizagem de diferenciação dos sons, associação à imagem e designação, desenvolvimento da capacidade de observação e das competências narrativas. CD audio em vários idiomas (português, francês, inglês, espanhol, etc.); 25 cartões de dupla face (um lado com uma imagem, e o outro com o jogo loto - 13,5cmx 19,5 cm); 150 fichas; Guia pedagógico e mala em plástico para guardar o jogo. Bingo de Sons - Emoções Jogo de associação para aprender a distinguir as emoções básicas. O sistema de jogo é de um bingo tradicional: consiste em associar a imagem de cada emoção ao som correspondente. Saber como nos sentimos e reconhecer como se sentem os outros é fundamental para o desenvolvimento da criança (socialização e autoestima). Possibilidade de trabalhar com até 12 crianças em simultâneo. Promover as competências sociais, reconhecer e nomear os diferentes sentimentos, desenvolvimento da capacidade de observação, desenvolvimento das competências discursivas. CD audio MP3; 24 cartões (16 cm x 16 cm); 60 fichas; Guia para a utilização do CD. Cegoc Informações em ou 5

6 Casa dos Absurdos Dos 5 aos 99 anos - 2 a 4 jogadores 16 cartas de compartimentos, 20 cartas da sorte. Para aumentar o entusiasmo e tornar o jogo ainda mais divertido, os jogadores podem experimentar as seguintes variantes: Variante do jogo I Ao calhar num compartimento, cada jogador poderá descrever a cena, imaginando uma pequena história com os elementos e personagens que a compõem. Variante do jogo II Ao calhar num compartimento, cada jogador poderá descrever o que não faz sentido na cena. Como Posso Emendar? + 5 anos Todas as crianças já tiveram conflitos morais por terem feito algo de errado ou por algo ter corrido mal. Com o uso das cartas ilustradas, as crianças podem encontrar respostas para as questões: como posso emendar? O que posso fazer em relação à pessoa que se chateou comigo ou que magoei? Admito o meu erro ou nego-o? Como lido com o peso na consciência? É realmente possível emendar o que fiz de errado? Estes e outros aspectos são manifestados nestas 9 histórias ilustradas. Cada história está organizada para que haja uma interrupção a certo ponto para que as crianças possam participar ativamente. Reflexão sobre a culpa e a inocência, descrição de conflitos morais, classificar emoções como peso na consciência ou ter ciúme, reconhecer os erros e responsabilidades, raciocínio lógico, expressar-se oralmente e através da escrita. Um conjunto de 74 cartas ilustradas, 9 x 9 cm, com histórias que consistem em 5 a 8 cartas individuais, 16 soluções em cartas símbolo de como emendar o erro. As cartas correspondentes à mesma história têm o mesmo número no verso. Cada sequência de imagem tem um número pequeno que indica a ordem dos acontecimentos; Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. 6 Catálogo - Material Didático Cegoc

7 Coragem, Enfrenta os Medos! + 5 anos As crianças têm medos. Têm medo do escuro, de trovões, de grandes e pequenos animais. As crianças têm que aprender a lidar com os seus medos para controlá-los e nós podemos ajudá-los. Cada história inicia com uma situação básica em que o João está assustado. A primeira indicação aparece num pequeno balão de diálogo ou pensamento. A história pode ser interrompida com este cartão para que se discuta com as crianças como será a fantasia que amedronta o João e que medos têm as crianças em situações semelhantes. O cartão seguinte apresenta-nos o medo do João detalhadamente. Aqui, as crianças enfrentam as suas próprias fantasias num ambiente seguro, o que lhes permite falar sobre elas e inclusive rirem-se dos exageros apresentados. O cartão com os sinais?! tem um papel importante na sequência, é aqui que as crianças têm que refletir sobre uma solução possível ou criar ideias específicas. Controlar e lidar com o medo não significa que no final do processo o medo desapareça. É de maior importância a aprendizagem do tema, tratá-lo de forma criativa, superá-lo e aprender a viver com ele. Ter consciência dos nossos medos e saber exprimi-los. Solucionar as situações. Reconhecer e sequenciar as histórias. Raciocínio lógico. Expressão oral e através da escrita. 7 histórias gráficas, consistindo de 8 a 14 cartões individuais cada, perfazendo um total de 75 cartões, 9 x 9 cm; Instruções incluindo sugestões para atividades. Cuisenaire + 3 anos 300 barras de cálculo em madeira. Cegoc Informações em ou 7

8 Descobrir a Direita e a Esquerda + 3 anos Este jogo permite à criança iniciar o conhecimento da direita-esquerda em si mesmo e da direita-esquerda nos outros, através da manipulação das fotografias e da representação das mesmas com a personagem de frente e de costas e com objetos situados à direita e à esquerda. As 32 fotografias, que representam a personagem com os objetos, estão distribuídas do seguinte modo: 16 com a personagem de frente ( 8 com cada objeto à sua direita e 8 com cada objeto à sua esquerda). 241 cartões fotográficos (1 fotografia reversível de uma personagem + 8 fotografias (reversíveis) + 8 objetos + 32 fotografias da personagem com os objetos); 16 Fichas de atividades para colorir fotocopiável; 4 pulseiras de identificação para a mão; 1 suporte de madeira para os cartões; Mala em plástico para a arrumação e transporte do jogo; Instruções. Descobrir Figuras Geométricas no Quotidiano + 4 anos Jogo composto 35 cartões fotográficos, 7 deles representam as formas geométricas e as restantes são fotografias de vários objetos do nosso dia a dia que correspondem com as anteriores. Existe também a possibilidade de explorar o reconhecimento das formas geométricas através do tato. Formas geométricas sólidas; 7 fotografias das formas geométricas; 28 fotografias de objetos; 1 saco opaco (para trabalhar o tato); Fichas de atividades para colorir, recortar e formar formas geométricas (fotocopiável); Mala em plástico para arrumação do jogo; Instruções. 8 Catálogo - Material Didático Cegoc

9 Dominó da Matemática + 7 anos O Dominó Matemática tem como objetivo ensinar as crianças a manipularem os números até 100 pela ordem numérica. Contém 3 jogos, o primeiro consiste em colocar os números pela ordem numérica; o segundo, em nomear os números segundo a ordem numérica; e o terceiro consiste em saltar de 1 10 na ordem numérica. A solução tem que ser posta do lado direito junto da peça onde está apresentado o problema matemático, assim o problema da última carta irá corresponder à resposta da primeira peça, o que servirá de verificação final para os jogadores. 3 jogos com 16 cartas dominó cada; Instruções. Exercícios Lábios Exercícios Língua 32 cartas com vários movimentos de lábios: isolados ou conjugados com outros (coordenação motora). 32 cartas com vários movimentos de língua: isolados ou conjugados com outros (coordenação motora). Cegoc Informações em ou 9

10 Exercícios Quarteto Este conjunto de cartas contém exercícios de língua e lábios com a utilização de alguns materiais, como pena ou lã, uma palhinha, smarties, um lápis, uma espátula e um pau. Inclui sugestões de jogo. 32 cartas com uma imagem destacada e três imagens de ligação ao cimo. Gramatix Kasus Knacktus + 4 anos Este conjunto de cartas é apropriado para o desenvolvimento da linguagem, gramática e sintaxe. A definição de cada carta em quartetos desenvolve as construções frásicas: cada carta representa uma parte da ação, as partes seguintes são pedidas pelo jogador para formar o quarteto. Assim, o jogador utilizará os nominativos para determinar a ordem cronológica e acusativos da ação Gramatix Preposições Este conjunto de cartas é apropriado para o desenvolvimento da linguagem, gramática e sintaxe. A sugestão de jogo consiste em formar os quartetos de cada ação através da descrição, utilizando as preposições. E quem conseguirá ordenar a ação cronologicamente? 32 cartas (9 x 6 cm) com 8 ações. 32 cartas (9 x 6 cm) com 8 ações. 10 Catálogo - Material Didático Cegoc

11 Histórias Monocromáticas O que acontecerá se empilharmos cadeiras para subirmos nelas? Ou o que farias se o tempo esfriasse e não tivesses um casaco? Gostarias de salvar um pássaro que está no telhado, mas não sabes como? Estas 8 histórias, de até 5 cartões cada, concedem a oportunidade de discutir perigos e situações problemáticas e de encontrar as soluções adequadas para os mesmos. Também convidam para a narração e discussão. Como por exemplo: como poderá ter um final feliz, ou quando é que se deve pedir a ajuda a um adulto? Os cartões são a preto e branco para que possam ser utilizados em diferentes idades. Reconhecer a sequência dos acontecimentos / ordem cronológica, raciocínio lógico, reflexão sobre soluções, possível utilização com adultos, expansão de vocabulário. 36 cartões ilustrados a preto e branco (130 x 120 mm) divididos em 8 histórias de 3 a 5 cartões, a caixa transparente transforma-se em expositor. Jogo da Casa Dos 5 aos 99 anos - 2 a 4 jogadores Nesta casa divertida vive uma grande família. Passeando pela casa, os jogadores conhecem a casa e familiarizam-se com cada compartimento, seus recantos, conteúdo e habitantes. O jogo oferece as mais variadas possibilidades para descrever em palavras tudo o que está a acontecer pela casa. Tabuleiro de jogo, 16 cartas de compartimentos, 20 cartas da sorte, 4 pinos, 1 dado, 1 regras de jogo. Cegoc Informações em ou 11

12 Jogo de Pré-leitura + 3 anos Consiste em 24 fichas que propõe à criança diversos tipos de associações: observar a imagem da esquerda do cartão; escolher uma associação entre as 3 alternativas apresentadas no cartão; selecionar o quadro que contém o objeto ou figura que está na mesma posição que no primeiro quadro movendo a moldura até ao quadro correto; verificar se a resposta é a correta através de o sistema autocorretor no verso. Associação de figuras e objetos em função da orientação ou posição espacial, aquisição de conceitos espaciais, distinção das letras que só se diferenciam pela orientação espacial (p, b, d, q), distinção das sílabas que só se diferenciam pela posição das letras (la-al), desenvolvimento da observação, reflexão e raciocínio lógico, coordenação visual-motora com a manipulação das fichas. 24 fichas autocorretoras (24,5 x 5,6 cm); 24 molduras de plástico; Instruções. Jogo de Sequências Básicas Nível I + 3 anos Pequenas histórias com sequências cujo objetivo principal é iniciar nas crianças a perceção cronológica. A realização ordenada das histórias ajuda a conhecer o «antes e o depois», contribuindo para um sentido temporal nas diferentes etapas e duração de um modo coordenado e rítmico. Contém um sistema autocorretor para uma ordenação cronológica correta. Devido à simplicidade das imagens, estas sequências são ideias para trabalhar com crianças mais pequenas ou com crianças com necessidades educativas especiais. 9 histórias que perfazem um total de 34 cartões (cada história tem 3 ou 4 cartões). 12 Catálogo - Material Didático Cegoc

13 Jogo de Sequências Básicas Nível II + 3 anos Pequenas histórias com sequências cujo objetivo principal é iniciar nas crianças a perceção cronológica. A realização ordenada das histórias ajuda a conhecer o «antes e o depois», contribuindo para um sentido temporal nas diferentes etapas e duração de um modo coordenado e rítmico. Contém um sistema autocorretor para uma ordenação cronológica correta. Devido à simplicidade das imagens, estas sequências são ideias para trabalhar com crianças mais pequenas ou com crianças com necessidades educativas especiais. 7 histórias que perfazem um total de 34 cartões (cada história tem 4 ou 5 cartões). Jogo de Substantivos + 5 anos Este jogo permite um trabalho conjunto ou separado das imagens e das palavras. Possibilita o desenvolvimento da linguagem através do raciocínio de associação. O reconhecimento da imagem, a associação da mesma com a respetiva grafia e com a respetiva expressão fonética (som), constitui uma prática fundamental para expandir o vocabulário da criança de uma forma natural, sendo também um excelente exercício de leitura. As imagens fotográficas possibilitam uma aproximação da criança ao mundo real, proporcionando uma maior funcionalidade ao processo de aprendizagem. Enriquecimento do vocabulário, iniciação à leitura-escrita, aprendizagem racional autónoma, capacidade de relacionar imagens às palavras, desenvolvimento da observação, melhorar a coordenação motora fina ao manipular as fichas. 108 fichas com imagens fotográficas de animais, alimentos, veículos, frutos, vestuário, objetos, instrumentos musicais, etc; 108 fichas com as palavras dos substantivos correspondentes; Instruções incluindo sugestões de utilização e de atividades. Cegoc Informações em ou 13

14 Jogo de Verbos + 5 anos Este jogo permite um trabalho conjunto ou separado das imagens e das palavras. Possibilita o desenvolvimento da linguagem através do raciocínio de associação. O significado das «ações» que expressam os «verbos» é o elemento fundamental na formação das frases e na utilização da linguagem verbal e escrita. As imagens fotográficas possibilitam uma aproximação da criança ao mundo real, proporcionando uma maior funcionalidade ao processo de aprendizagem. Enriquecimento do vocabulário, desenvolvimento da expressão verbal e escrita através da coordenação fotografia - palavra, aprendizagem racional autónoma, desenvolvimento da observação, melhorar a coordenação motora fina ao manipular as fichas. 108 fichas com imagens fotográficas de animais, alimentos, veículos, frutos, vestuário, objetos, instrumentos musicais, etc; 108 fichas com as palavras dos substantivos correspondentes; Instruções incluindo sugestões de utilização e de atividades. Kit de Cálculo + 3 anos Conjunto de 216 cartões plastificados (4,8 x 4,8 cm x 2,5 mm), composto por 101 cartões do 0 aos 100; 40 cartões do 0 ao 9 (4 repetições de cada cartão); 11 cartões do 0 aos 10; 6 cartões do 10 ao 15; 22 cartões do 10 ao 20 (2 repetições de cada cartão); e 36 sinais aritméticos. Todos os números estão impressos a preto na frente e a vermelho no verso. 14 Catálogo - Material Didático Cegoc

15 Loto Palavras Alimentos + 3 anos Loto de 72 alimentos para trabalhar a associação dos mesmos de duas formas: imagem com imagem ou imagem com palavra possibilitando o desenvolvimento da linguagem e o raciocínio lógico. O reconhecimento da imagem, a associação da mesma com a respetiva grafia e com a respetiva expressão fonética (som), constitui uma prática fundamental para expandir o vocabulário da criança de uma forma natural, sendo também um excelente exercício de leitura. As imagens fotográficas possibilitam uma aproximação da criança ao mundo real, proporcionando uma maior funcionalidade no processo de aprendizagem. Enriquecimento do vocabulário básico, iniciação à leitura e escrita, adquirir a capacidade de relacionar imagens com palavras, desenvolver a observação. 12 tabuleiros loto (18 x 12 cm), 72 fichas com alimentos (5.5 x 5.5 cm), 72 autocolantes com os nomes dos alimentos; Instruções. Mini-Memogym Este conjunto de cartões tem por base a estrutura do léxico. Cada cartão representa uma palavra pertencente a uma categoria lexical. Categorias lexicais: Animais, flores, frutas, loiças, ferramentas, legumes, pastelaria, mobiliário. Cegoc Informações em ou 15

16 Mo Descobre o Tempo + 7 anos O que faço eu durante o dia? O que faço com o meu tempo? E o que o meu tempo me proporciona? Com o estudante Mo vamos descobrir o tempo, passando o dia inteiro com ele. Aprendemos a que horas começa o nosso dia, a que horas temos que fazer algo e quanto tempo é necessário para cada tarefa diária. Reconhecimento de acções e dos seus processos; ordenação cronológica dos acontecimentos através dos processos; reconhecimento do início e do final da ação; estimar, medir, comparar a duração de atividades / ações ; organização de tempo e planear tarefas; reconto oral das ações; raciocínio sequencial; expansão de vocabulário; conjunções / estruturas frásicas; desenvolvimento do sentido do tempo; raciocínio sequencial; controlo do tempo; organização e planeamento de tarefas; desenvolvimento de competências linguísticas; desenvolvimento e consolidação de capacidades sintácticas; reconto. 19 histórias de 2 a 5 cartões cada, perfazendo um total de 66 cartões, 9x9 cm; Um relógio em plástico; Instruções. O Medo Está na Nossa Cabeça! Às vezes existe um fantasma no quarto ou podemos tropeçar num mocho. Como em várias histórias de fantasmas, os nossos contos começam fantasmagoricamente ou de forma exagerada. Estas situações podem realmente acontecer, só que são mal interpretadas ou trata-se apenas de uma partida. Se não mostrarmos todas as cartas da mesma sequência à criança, permitirá que esta fantasie, altere o desenlace da história ou ainda que invente a sua própria história. Repentinamente, as crianças mais tímidas irão participar de forma ativa, não só pelas ilustrações atrativas, mas também porque as histórias de fantasmas são as melhores! Reconhecer a sequência dos acontecimentos/ ordem cronológica, raciocínio lógico, ter consciência dos nossos medos, saber expressá-los e solucioná-los, expansão de vocabulário. 6 cartões ilustrados (130 x 120 mm) divididos em 6 histórias de 6 cartões, a caixa transparente transforma-se em expositor. 16 Catálogo - Material Didático Cegoc

17 O Que Se Acrescentou? + 4 anos Contém sequências de imagens muito simples e dentro de cada série, um novo elemento foi adicionado, relativamente ao cartão anterior. As sequências de imagens são recomendadas para trabalhar com crianças em idade pré-escolar nas várias áreas da Educação Especial e Terapias. Expansão do vocabulário, formulação exata, utilização de descrições espaciais apropriadas, observação atenta, reconhecer diferenças, perceção de ligações espaciais, treino de memória visual, compreensão de quantidades, e construção frásica. 15 séries de 4-6 figuras cada, 90 x 90 mm, num total de 73 cartões; Instruções. Obrigado, Kim! + 5 anos As sequências de imagens Obrigado, Kim! ilustram situações de tarefas domésticas ou recados, etapa a etapa. Todas as crianças conhecem as situações representadas e com a sua experiência, são capazes de ordenar as imagens na sequência correta. Ordenar cronologicamente, descrever oralmente ou por escrito, raciocínio lógico, desenvolver as competências linguísticas, enriquecer e consolidar as ligações sintácticas, estrutura e formas gramaticais. 13 séries de 4-6 figuras cada, 90 x 90 mm; Instruções. Cegoc Informações em ou 17

18 Onde Está? + 3 anos Dois jogos para trabalhar os conceitos espaciais em posições opostas e em posições diferentes, apropriado para a aprendizagem de conceitos como: acima - abaixo, frente - atrás, direita - esquerda (lado), dentro - fora. É um jogo interativo com as crianças, pois permite-lhes a manipulação das peças, não sendo só de associação verbal e visual. Desenvolvimento e implementação do vocabulário básico, desenvolvimento do raciocínio lógico, aprendizagem de conceitos espaciais, desenvolvimento da observação. 25 tabuleiros de jogo com 2 bonecos em posições opostas e 2 bonecos em posições diferentes; 1 casa de espuma para montar; 150 fichas de sinalização de respostas; 4 bonecos: cão, gato, esquilo, coelho; Mala de plástico para arrumação do jogo; Instruções incluindo sugestões de atividades. Os Sentidos + 3 anos Os cartões fotográficos representam experiências percetivas relacionadas com cada um dos sentidos e permitem ampliar o conhecimento funcional dos diferentes orgãos sensoriais. Favorecem o desenvolvimento da descrição, expressão e fluência verbal. É um excelente meio para o desenvolvimento da linguagem, expansão de vocabulário e conjugação de verbos correspondentes às ações presentes. Apresentar a importância das funções dos 5 sentidos; desenvolver e expansão do vocabulário básico, melhorar a coordenação psicomotora através da manipulação e da correspondência entre as fichas; estimular a observação precisa. 50 cartões fotográficos sobre os sentidos distribuídos em 10 fichas-mestras sobre os cincos orgãos sensoriais e 40 fichas com fotografias de situações percetivas. Mala em plástico para arrumação do jogo. Instruções incluindo sugestões de atividades. 18 Catálogo - Material Didático Cegoc

19 Papa Moll Recomendado dos 6 aos 12 anos Papa Moll e a sua família continuam nas suas divertidas aventuras! Crianças de todas as idades adoram o humor encontrado nas imagens destas histórias. Nas situações do dia a dia Papa Moll está sempre a arranjar problemas com as suas boas intenções em educar as crianças. Observar atentamente, reconhecer e reconstruir histórias, raciocínio lógico, aumentar o vocabulário, formular histórias oralmente e pela escrita, adaptar as imagens da história em diálogos e dramatizações. 22 histórias coloridas, que consistem em 5-9 cartas de 10 x 9,2 cm; um total de 150 cartas com imagens; Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. Pepi no Jardim-de-Infância + 2 anos A rotina diária das crianças pequenas caracteriza-se por rotinas e atividades contínuas. As experiências de Pepi no jardim de infância apresentam-nos estas rotinas em formato de cartões sequências de imagens - imagens que poderão ser combinadas de diferentes formas. Nas atividades o Pepi tem responsabilidades, desenvolve o interesse pela aprendizagem e encontra oportunidades de se expressar em contexto de grupo. As transições de uma imagem para a outra são fluentes. Assim, pode utilizar o último cartão de uma cena como cartão inicial da cena seguinte para ampliar a ação. O que significa que poderá variar a duração da ação de acordo com as capacidades e necessidades da criança em questão. Uma sequência também pode ser combinada com a sequência seguinte. Desenvolvimento do vocabulário, facilitar as competências linguísticas e as capacidades sintácticas, desenvolver a capacidade de narração livre, o raciocínio lógico e sequencial, e formulação de linhas de histórias. 24 cenas, que consistem de 1 a 5 cartões cada perfazendo um total de 72 cartões (9 x 9 cm); Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. Cegoc Informações em ou 19

20 Pontos de Vista + 8 anos Todos apreendemos o mundo na nossa perspetiva. Frequentemente, diferentes perceções da mesma situação podem provocar desentendimentos e discussões. Contudo, reconhecer que existem diferentes pontos de vista é o primeiro passo para a compreensão e um bom relacionamento para com o próximo. Cada sequência, de 6 cartões, mostra-nos a mesma história vista de dois pontos de vista diferentes, das duas personagens envolvidas. Não se trata de identificar a linha da história como verdadeira ou falsa, mas sim refletir sobre os diferentes pontos de vista. A compreensão só é possível quando ambas as perceções são discutidas e tidas em consideração. Reconhecimento do desenvolvimento das ações e da temporalidade sequencial; raciocínio lógico; refletir e formular desenvolvimentos possíveis para a história; refletir e formular razões; exprimir sentimentos oralmente e através da escrita; lidar com regras, perceções e pontos de vista próprios e dos outros; desenvolvimento de competências sociais. 6 histórias ilustradas, consistindo cada de 9 a 15 cartões, 4 a 7 para cada ponto de vista, e um cartão que mostra a o final comum. Perfazendo um total de 74 cartões, formato 9x9 cm; Instruções incluindo sugestões para atividades. Preposições + 4 anos As cartas fotográficas ajudam a desenvolver a linguagem expressiva, a consciência espacial e de movimento. Aprendizagem da identificação e designação das preposições. 35 fotos que ilustram as seguintes preposições: debaixo, sobre, em cima, em baixo, em, fora, por, dentro, no/na, por trás, frente, perto de, através de, em volta de, entre. Cada preposição é ilustrada com vários verbos; Instruções incluindo sugestões para atividades. 20 Catálogo - Material Didático Cegoc

21 Problemas + 8 anos A capacidade de refletir sobre o problema e encontrar uma solução é um comportamento que pode ser treinado. Uma grande conquista é conseguida quando, perante uma situação difícil, a criança sabe que pode e deve refletir antes de agir, e que certas atitudes permitem encontrar uma solução para o conflito. Comportamento em sociedade, sentido moral, autoconfiança e segurança, raciocínio lógico, desenvolver as competências linguísticas. 65 imagens coloridas, 9 x 9 cm, retratando situações conflituosas (cenas), 10 cartas de ajuda; Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. Qual o Final? + 4 anos As diferentes sequências descrevem situações quotidianas, com duas possibilidades de solução (A e B). Temas como correto e incorreto podem ser discutidos e interpretados de várias maneiras. Como acaba a história, é o pequeno narrador que decide, em função da sua interpretação. A mesma história pode acabar hoje de uma maneira e amanhã de outra, dependendo do humor do narrador. Reconhecimento da sequência temporal da ação, refletir e formular possibilidades de desenvolvimento de uma história, raciocínio lógico e formular causas, desenvolvimento das capacidades de expressão escrita e verbal, promoção das competências discursivas. 12 histórias ilustradas, cada uma com 5 a 7 cartões, num total de 72 imagens, em formato 9 x 9 cm. Cada sequência tem a sua própria numeração no verso; Instruções incluindo propostas de utilização e sugestões para o ensino. Cegoc Informações em ou 21

22 Sequências - Tempos Verbais Os cartões têm como objetivo o desenvolvimento da compreensão e expressão dos tempos verbais. Também podem ser utilizados em conjunção com diversos sistemas de expressão através de símbolos, como por exemplo o método Makaton. Compreensão de três tempos verbais em cada sequência (por exemplo: vai beber, bebe, bebeu, etc.), sequenciar cronologicamente, selecionar cartões de acordo com o tempo verbal correspondente, descrição das imagens, desenvolvimento da linguagem expressiva e vocabulário. 39 cartões fotográficos que ilustram uma ação em três tempos verbais: passado, presente e futuro; Instruções incluindo sugestões de atividades. Substantivos I Vestuário, brinquedos, frutos e frutos secos, animais, utensílios de cozinha, flores, meios de transporte, vários tipos de bagagem. Substantivos II Alimentos, mobília animais de estimação, vegetais, instrumentos musicais, ferramentas, animais da floresta, peças de joalharia. Enriquecimento de substantivos correspondentes ao vocabulário básico, expansão do vocabulário, reconhecer e nomear animais, plantas e objectos do dia a dia. Desenvolver a classificação, organização de objetos de acordo com o tema, selecionar objetos de acordo com critérios diferenciados. 56 Cartas ilustradas (89 x 57 mm); As cartas estão divididas em 8 categorias; cada categoria é um conjunto de sete cartas (6 cartas de objetos e uma de associação que mostra-nos as seis cartas anteriores); Instruções incluindo propostas de classificação, exercícios e jogos. 22 Catálogo - Material Didático Cegoc

LINGUAGEM FOTO NOME DESCRIÇÃO

LINGUAGEM FOTO NOME DESCRIÇÃO MATERIAL DE INTERVENÇÃO LINGUAGEM FOTO NOME DESCRIÇÃO 20,08 + IVA (23%) 24,31 + IVA (23%) Adivinha o que Represento Um Dia com Flo Jogo de mímica para expressar sem palavras. Lança o dado e de acordo com

Leia mais

GRUPOS NIVEL SUBNÍVEL INSTRUÇÃO RESPOSTA

GRUPOS NIVEL SUBNÍVEL INSTRUÇÃO RESPOSTA JOGO 1 NIVEL 1 Exemplos de instruções e respostas que podem ser utilizadas nos oito contextos. CONTEXTUALIZAÇÃO DESENVOLVER A COMPREENSÃO SEMÂNTICA AUMENTO DO VOCABULÁRIO VISUAL IDENTIFICAÇÃO DE ELEMENTOS

Leia mais

METAS DE APRENDIZAGEM (4 anos)

METAS DE APRENDIZAGEM (4 anos) METAS DE APRENDIZAGEM (4 anos) 1. CONHECIMENTO DO MUNDO Expressar curiosidade e desejo de saber; Reconhecer aspetos do mundo exterior mais próximo; Perceber a utilidade de usar os materiais do seu quotidiano;

Leia mais

METAS DE APRENDIZAGEM (3 anos)

METAS DE APRENDIZAGEM (3 anos) METAS DE APRENDIZAGEM (3 anos) 1. CONHECIMENTO DO MUNDO Revelar curiosidade e desejo de saber; Explorar situações de descoberta e exploração do mundo físico; Compreender mundo exterior mais próximo e do

Leia mais

Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância [SNIPI]

Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância [SNIPI] Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância [SNIPI] Informação para os pais Estimulando a linguagem das crianças Do nascimento aos 2 anos O bebé recém-nascido tenta comunicar com os pais através

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão!

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão! CLÁUDIO MARTINS & MAURILO ANDREAS PARA SABER MAIS Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES LÚCIA HIRATSUKA JASON GARDNER Priscilla Kellen Cabe aqui na minha mão! Frutas GUIA

Leia mais

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão!

PARA SABER MAIS. Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES GUIA DE LEITURA. Cabe aqui na minha mão! CLÁUDIO MARTINS & MAURILO ANDREAS PARA SABER MAIS Consulte o site do IAB www.alfaebeto.org.br COLEÇÃO PEQUENOS LEITORES LÚCIA HIRATSUKA JASON GARDNER Priscilla Kellen Cabe aqui na minha mão! Frutas GUIA

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 Educação Infantil III Área de conhecimento: Linguagem Série: Infantil III Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

ÁREAS DE CONTEÚDO: O QUE SÃO? COMO SE DEFINEM?

ÁREAS DE CONTEÚDO: O QUE SÃO? COMO SE DEFINEM? ÁREAS DE CONTEÚDO: O QUE SÃO? COMO SE DEFINEM? As Áreas de Conteúdo são áreas em que se manifesta o desenvolvimento humano ao longo da vida e são comuns a todos os graus de ensino. Na educação pré-escolar

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 1º CICLO - 1º ANO DE ESCOLARIDADE PORTUGUÊS PLANIFICAÇÃO MENSAL DE JANEIRO DOMÍNIOS METAS/OBJETIVOS OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) MATERIAIS/RECURSOS MODALIDADES

Leia mais

Histórias em Sequência

Histórias em Sequência Histórias em Sequência Objetivo Geral Através das histórias em sequência fazer com que os alunos trabalhem com a oralidade, escrita, causalidade e vivências pessoais. Objetivos Específicos Trabalho envolvendo

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo Linguagem Letras do alfabeto Nome próprio, nome da escola, histórias Nome das profissões, histórias, músicas Histórias, nome das plantas Histórias em quadrinho, brincadeiras, nome dos brinquedos Nome dos

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANTÓNIO FEIJÓ

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANTÓNIO FEIJÓ FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL 1 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANTÓNIO FEIJÓ EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR REGISTO DE OBSERVAÇÃO / AVALIAÇÃO Nome Data de Nascimento / / Jardim de Infância de Educadora de Infância AVALIAÇÃO

Leia mais

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?)

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ação nº41/2012 Formadora: Madalena Moniz Faria Lobo San-Bento Formanda: Rosemary Amaral Cabral de Frias Introdução Para se contar histórias a crianças,

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL CURRÍCULO DE LINGUAGEM

EDUCAÇÃO INFANTIL CURRÍCULO DE LINGUAGEM EDUCAÇÃO INFANTIL CURRÍCULO DE LINGUAGEM COMUNICAÇÃO FASE I FASE II ORALIDADE Transmitir recados simples. Formar frases com seqüência. Argumentar para resolver conflitos. Verbalizar suas necessidades e

Leia mais

Assumir a prevenção de perturbações de comunicação e linguagem e despiste no sentido da deteção precoce;

Assumir a prevenção de perturbações de comunicação e linguagem e despiste no sentido da deteção precoce; Definição de Terapeuta da Fala segundo o Comité Permanente de Ligação dos Terapeutas da Fala da União Europeia (CPLO),1994 O Terapeuta da Fala é o profissional responsável pela prevenção, avaliação, diagnóstico,

Leia mais

SOBRE ESTE LIVRO BOM TRABALHO PARA TODOS!

SOBRE ESTE LIVRO BOM TRABALHO PARA TODOS! As pistas e propostas de trabalho que se seguem são apenas isso mesmo: propostas e pistas, pontos de partida, sugestões, pontapés de saída... Não são lições nem fichas de trabalho, não procuram respostas

Leia mais

FICHA DE DESENVOLVIMENTO Pré-Escolar - dos 3 aos 4 anos

FICHA DE DESENVOLVIMENTO Pré-Escolar - dos 3 aos 4 anos Centro Paroquial de Assistência de Santa Maria de Belém Abrigo Infantil de Santa Maria de Belém FICHA DE DESENVOLVIMENTO Pré-Escolar - dos 3 aos 4 anos 1. Período de Adaptação Observações: 1º Trimestre

Leia mais

PROGRAMA APRENDER A LER PARA APRENDER A FALAR A leitura como estratégia de ensino da linguagem

PROGRAMA APRENDER A LER PARA APRENDER A FALAR A leitura como estratégia de ensino da linguagem PROGRAMA APRENDER A LER PARA APRENDER A FALAR A leitura como estratégia de ensino da linguagem Como é que o PALAF se compara com outros programas? O PALAF foi traçado por duas psicólogas educacionais,

Leia mais

Maternal 3 anos Educação Infantil

Maternal 3 anos Educação Infantil Maternal 3 anos Educação Infantil Eixo temático: Tema: Joca e suas aventuras As crianças, nesta fase, caracterizam-se pelo movimento e pela ação. Agem ativamente em seu entorno, acompanhando seus movimentos

Leia mais

Área de Formação Pessoal e Social

Área de Formação Pessoal e Social Área de Formação Pessoal e Social Identidade/ Auto-estima Independência/ Autonomia Convivência democrática/ Cidadania Brincar com o outro (s); Ouvir os outros; Saber identificar-se a si e o outro; Esperar

Leia mais

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações;

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL II OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação

1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação 1.º Ciclo do Ensino Básico Critérios de Avaliação PORTUGUÊS Domínios em Domínios/Competências Fatores de ponderação Instrumentos de Domínio Cognitivo Compreensão oral 20% Registos e grelhas de observação

Leia mais

13. A FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL, AS ÁREAS DE CONHECIMENTO E O DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA ATÉ OS 6 ANOS

13. A FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL, AS ÁREAS DE CONHECIMENTO E O DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA ATÉ OS 6 ANOS 13. A FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL, AS ÁREAS DE CONHECIMENTO E O DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA ATÉ OS 6 ANOS A importância da formação pessoal e social da criança para o seu desenvolvimento integral e para a

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA CLAINES KREMER GENISELE OLIVEIRA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POR UMA PERSPECTIVA DE RELAÇÕES ENTRE

Leia mais

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança Planificação Anual Professor: Gabriela Maria R. D. T. L. C. Silva Disciplina: Ano: préescolar Turma: I Ano letivo: 2014-2015 Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Facilitar a adaptação

Leia mais

Duração: Aproximadamente um mês. O tempo é flexível diante do perfil de cada turma.

Duração: Aproximadamente um mês. O tempo é flexível diante do perfil de cada turma. Projeto Nome Próprio http://pixabay.com/pt/cubo-de-madeira-letras-abc-cubo-491720/ Público alvo: Educação Infantil 2 e 3 anos Disciplina: Linguagem oral e escrita Duração: Aproximadamente um mês. O tempo

Leia mais

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR 2014-2015 COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR 2014-2015 COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS ÁREA DE FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL Ser autónomo; Ser atento; Ser observador; Ter espírito crítico; Interiorizar e respeitar as regras do grupo; Ter consciência de si e do outro

Leia mais

2-6 anos Oo CATCGAM_20141558_CP.indd 1 5/9/14 10:48 AM

2-6 anos Oo CATCGAM_20141558_CP.indd 1 5/9/14 10:48 AM 2-6 Oo É através da ação e das interações com os outros que a criança explora o mundo que a rodeia e vai construindo as suas aprendizagens. Torna-se, por isso, importante criar e estimular diferentes experiências

Leia mais

EPEMG_CAT_TXT_20110807_Layout 1 11/04/26 13:10 Page 1 2-6 anos Oo

EPEMG_CAT_TXT_20110807_Layout 1 11/04/26 13:10 Page 1 2-6 anos Oo 2-6 Oo Através dos estímulos que se sucedem, as crianças apreendem o mundo que as rodeia de forma célere, tornando-se importante, por isso, facilitar as aprendizagens e estimular a curiosidade e o raciocínio.

Leia mais

O jardim de infância. Informações destinadas aos pais. na região de língua alemã do cantão de Berna. Direcção da Instrução Pública do Cantão de Berna

O jardim de infância. Informações destinadas aos pais. na região de língua alemã do cantão de Berna. Direcção da Instrução Pública do Cantão de Berna O jardim de infância na região de língua alemã do cantão de Berna Informações destinadas aos pais Direcção da Instrução Pública do Cantão de Berna Ficha técnica: Edição e Copyright: Direcção da Instrução

Leia mais

Jardim Infantil Popular da Pontinha. Projeto Educativo Creche

Jardim Infantil Popular da Pontinha. Projeto Educativo Creche Jardim Infantil Popular da Pontinha Projeto Educativo Creche Crianças de 1 ano Educadora : Célia Ano Letivo:2013 /14 1 Introdução Um Projeto Educativo assume-se como um documento orientador que define

Leia mais

Instrumento de Intervenção

Instrumento de Intervenção UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA FACULDADE DE MOTRICIDADE HUMANA ANEXO Instrumento de Intervenção Ana Isabel Mendes Codeço 2010 Planeamento da Sessão nº. 1 Data: 04/03/2010 Objectivo Geral: Desenvolver a

Leia mais

RELATO DE EXPERIÊNCIA. Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha

RELATO DE EXPERIÊNCIA. Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha ESCOLA MUNICIPAL JOSÉ EVARISTO COSTA RELATO DE EXPERIÊNCIA Sequência Didática II Brincadeira Amarelinha Professoras: Maria Cristina Santos de Campos. Silvana Bento de Melo Couto. Público Alvo: 3ª Fase

Leia mais

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Agrupamento de Vale de Ovil Escola Básica e Secundária do Vale de Ovil Código 345702 CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A avaliação é qualitativa e contínua com o objectivo de reconhecer

Leia mais

Colégio La Salle São João. Professora Kelen Costa Educação Infantil. Educação Infantil- Brincar também é Educar

Colégio La Salle São João. Professora Kelen Costa Educação Infantil. Educação Infantil- Brincar também é Educar Colégio La Salle São João Professora Kelen Costa Educação Infantil Educação Infantil- Brincar também é Educar A importância do lúdico na formação docente e nas práticas de sala de aula. A educação lúdica

Leia mais

GUIÃO DO PROFESSOR BRINCAR CIÊNCIA. As profissões. Exploração de conteúdos Preparação da visita Caderno do professor

GUIÃO DO PROFESSOR BRINCAR CIÊNCIA. As profissões. Exploração de conteúdos Preparação da visita Caderno do professor GUIÃO DO PROFESSOR BRINCAR CIÊNCIA Exploração de conteúdos Preparação da visita Caderno do professor As profissões Introdução Preparação da visita A Casa Inacabada é um dos espaços que faz parte da exposição

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO 1

PROJETO PEDAGÓGICO 1 PROJETO PEDAGÓGICO 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Título: Maricota ri e chora Autor: Mariza Lima Gonçalves Ilustrações: Andréia Resende Formato: 20,5 cm x 22 cm Número de páginas: 32

Leia mais

Centro de Desenvolvimento Infantil Estimulopraxis

Centro de Desenvolvimento Infantil Estimulopraxis Centro de Desenvolvimento Infantil Estimulopraxis Janeiro de 2013 Este documento tem como objectivo ajudar as pessoas mais próximas do GB a complementar o trabalho executado ao longo das sessões de Reabilitação

Leia mais

REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS

REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS REALIDADE AUMENTADA APLICADA NA EDUCAÇÃO: ESTUDOS DOS SEUS BENEFÍCIOS Kelly Cristina de Oliveira 1, Júlio César Pereira 1. 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil kristhinasi@gmail.com,

Leia mais

Ambientes de exemplo do Comunicar com Símbolos

Ambientes de exemplo do Comunicar com Símbolos Ambientes de exemplo do Comunicar com Símbolos As atividades exemplificativas foram elaboradas para mostrar alguns tipos de atividades que podem ser feitas usando os ambientes do Comunicar com Símbolos.

Leia mais

INTRODUÇÃO ÍNDICE OBJECTIVOS DA EDUCAÇÂO PRÈ-ESCOLAR

INTRODUÇÃO ÍNDICE OBJECTIVOS DA EDUCAÇÂO PRÈ-ESCOLAR INTRODUÇÃO ÍNDICE - Objectivos de Educação Pré-Escolar - Orientações Curriculares - Áreas de Conteúdo/Competências - Procedimentos de Avaliação - Direitos e Deveres dos Encarregados de Educação - Calendário

Leia mais

METAS DE APRENDIZAGEM (5 anos)

METAS DE APRENDIZAGEM (5 anos) METAS DE APRENDIZAGEM (5 anos) 1. CONHECIMENTO DO MUNDO Conhecer diferentes termos espaciais (em pé, deitado, em cima, em baixo, à frente, atrás, dentro, fora ) Descrever itinerários diários (exemplos:

Leia mais

Planificação Anual da Sala dos 5anos

Planificação Anual da Sala dos 5anos Nome do Aluno: Janine Colaço Reis Planificação Anual da Sala dos 5anos Calendarizaçã o (mês) Áreas de conteúdo/ Conteúdos Curriculares Competências Situações de aprendizagem/ Estratégias Recursos Humanos/

Leia mais

PROJECTO PEDAGÓGICO Sala 1-2 anos

PROJECTO PEDAGÓGICO Sala 1-2 anos PROJECTO PEDAGÓGICO Sala 1-2 anos Ano letivo 2015/2016 «Onde nos leva uma obra de arte» Fundamentação teórica (justificação do projeto): As crianças nesta faixa etária (1-2 anos) aprendem com todo o seu

Leia mais

Critérios de Avaliação

Critérios de Avaliação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO EANES LOBATO Critérios de Avaliação Educação Pré Escolar Departamento Educação Pré Escolar Ano letivo 2013/2014 A avaliação do processo permite reconhecer a pertinência e sentido

Leia mais

Núcleo de Educação Infantil Solarium

Núcleo de Educação Infantil Solarium 0 APRESENTAÇÃO A escola Solarium propõe um projeto de Educação Infantil diferenciado que não abre mão do espaço livre para a brincadeira onde a criança pode ser criança, em ambiente saudável e afetivo

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016 Domínio (Unidade / Tema) Subdomínio / Conteúdos

Leia mais

As Cartilhas e a Alfabetização

As Cartilhas e a Alfabetização As Cartilhas e a Alfabetização Métodos globais: aprender a ler a partir de histórias ou orações Conhecer e respeitar as necessidades e interesses da criança; partir da realidade do aluno e estabelecer

Leia mais

8. O OBJETO DE ESTUDO DA DIDÁTICA: O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM

8. O OBJETO DE ESTUDO DA DIDÁTICA: O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM CORRENTES DO PENSAMENTO DIDÁTICO 8. O OBJETO DE ESTUDO DA DIDÁTICA: O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM Se você procurar no dicionário Aurélio, didática, encontrará o termo como feminino substantivado de didático.

Leia mais

Elvira Cristina de Azevedo Souza Lima' A Utilização do Jogo na Pré-Escola

Elvira Cristina de Azevedo Souza Lima' A Utilização do Jogo na Pré-Escola Elvira Cristina de Azevedo Souza Lima' A Utilização do Jogo na Pré-Escola Brincar é fonte de lazer, mas é, simultaneamente, fonte de conhecimento; é esta dupla natureza que nos leva a considerar o brincar

Leia mais

A Turma da Tabuada 3

A Turma da Tabuada 3 A Turma da Tabuada 3 Resumo Aprender brincando e brincando para aprender melhor. É dessa forma que a turma da tabuada nos levará a mais uma grande aventura pelo mundo do espaço e das formas. Na primeira

Leia mais

AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM

AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM INFORMAÇÃO A PAIS E EDUCADORES SECRETARIADO NACIONAL PARA A REABILITAÇÃO E INTEGRAÇÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 2001 Editor: Secretariado Nacional para a Reabilitação e Integração

Leia mais

A importância da leitura na fase infantil.

A importância da leitura na fase infantil. EDIÇÃO II VOLUME 3 01/04/2011 A importância da leitura na fase infantil. O desenvolvimento de interesses e hábitos permanentes de leitura é um processo constante, que principia no lar, aperfeiçoa-se sistematicamente

Leia mais

DICA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL

DICA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL DICA PEDAGÓGICA EDUCAÇÃO INFANTIL 1. TÍTULO DO PROGRAMA As Histórias do Senhor Urso 2. EPISÓDIO(S) TRABALHADO(S): O piado da coruja 3. SINOPSE DO(S) EPISÓDIO(S) ESPECÍFICO(S) O episódio O piado da Coruja

Leia mais

dicas para usar o celular nas aulas

dicas para usar o celular nas aulas E-book 11 dicas para usar o celular nas aulas Sugestões de atividades com os aplicativos mais básicos e simples de um aparelho Por Talita Moretto É permitido compartilhar e adaptar este material, desde

Leia mais

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa JONAS RIBEIRO ilustrações de Suppa Suplemento do professor Elaborado por Camila Tardelli da Silva Deu a louca no guarda-roupa Supl_prof_ Deu a louca no guarda roupa.indd 1 02/12/2015 12:19 Deu a louca

Leia mais

Marcos de Aprendizagem de Língua Inglesa

Marcos de Aprendizagem de Língua Inglesa PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR Secretaria Municipal da Educação e Cultura SMEC Coordenação de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP Marcos de Aprendizagem de Língua Inglesa Ciclo de Aprendizagem I e II MARCOS

Leia mais

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves TEMA : BRINCANDO E APRENDENDO NA ESCOLA Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves Autora: Prof a Cássia de Fátima da S. Souza PÚBLICO ALVO Alunos de 04 anos TEMA: BRINCANDO E

Leia mais

Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar

Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA BÁRBARA Departamento Pré-Escolar/1º Ciclo 151 956 Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar Área

Leia mais

Desenvolvimento motor do deficiente auditivo. A deficiência auditiva aparece, por vezes, associada a outras deficiências, como

Desenvolvimento motor do deficiente auditivo. A deficiência auditiva aparece, por vezes, associada a outras deficiências, como Texto de apoio ao Curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Desenvolvimento motor do deficiente auditivo A deficiência auditiva aparece, por vezes, associada

Leia mais

Introdução. A educação ar0s2ca é essencial para o crescimento intelectual, social, 9sico e emocional das crianças e jovens.

Introdução. A educação ar0s2ca é essencial para o crescimento intelectual, social, 9sico e emocional das crianças e jovens. 1 Introdução A educação ar0s2ca é essencial para o crescimento intelectual, social, 9sico e emocional das crianças e jovens. (Ministério da Educação, Competências Essenciais do Ensino Básico, 2001) A educação

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC

Sistema de Ensino CNEC 1 SUMÁRIO VOLUME 1 "O homem é um pedaço do Universo cheio de vida." Ralph Waldo Emerson Capítulo 1 O Tempo não para 5 Capítulo 2 Você percebendo-se como sujeito histórico 20 Capítulo 3 O Universo que nos

Leia mais

WORKSHOPS DE INGLÊS TEENS

WORKSHOPS DE INGLÊS TEENS WORKSHOPS DE INGLÊS TEENS Avenida dos Bombeiros Voluntários de Algés, 29-2º 1495-024 Algés Portugal T. 214102910 www.imagineacademies.com business@imagineacademies.com NIF - 508.835.445 Capital Social

Leia mais

Insígnia Mundial do Meio Ambiente IMMA

Insígnia Mundial do Meio Ambiente IMMA Ficha técnica no. 2.1 Atividade Principal 2.1 SENTINDO A NATUREZA Objetivo da 2 Os escoteiros estão trabalhando por um mundo onde o habitat natural seja suficiente para suportar as espécies nativas. Objetivos

Leia mais

PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO)

PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO) PLANO DE CURSO REFERENCIAL LÍNGUA PORTUGUESA/GESTAR 6ª SÉRIE (7º ANO) Processo Avaliativo Unidade Didática PRIMEIRA UNIDADE Competências e Habilidades Aperfeiçoar a escuta de textos orais - Reconhecer

Leia mais

LIVROS FOTO NOME DESCRIÇÃO

LIVROS FOTO NOME DESCRIÇÃO MATERIAL DE INTERVENÇÃO LIVROS FOTO NOME DESCRIÇÃO 56,13 + IVA (6%) TING Kit de Iniciação O TING STARTER-SET: O Kit de Iniciação é composto pela Caneta, cabo USB, manual de funcionamento e pelo Meu Primeiro

Leia mais

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg.

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg. CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013 Unidade 1 Vamos à escola PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2012/2013 Unidade 2 Uma árvore de Natal muito familiar Mês: Outubro/Novembro/Dezembro Objetivos

Leia mais

43. Jogo do bingo com figuras

43. Jogo do bingo com figuras 43. Jogo do bingo com figuras São confeccionadas cartelas com os desenhos de todas as figuras. Podem ser montadas 8 cartelas com seis figuras, se não houver repetição; é possível criar muito mais cartelas,

Leia mais

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar ÁREA DA FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL SOCIALIZAÇÃO Desenvolver atitudes procedimentos e conceitos Interiorizar valores espirituais morais e críticos Desenvolver

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Secretaria de Estado da Educação Superintendência Regional de Ensino de Carangola Diretoria Educacional

SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Secretaria de Estado da Educação Superintendência Regional de Ensino de Carangola Diretoria Educacional SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Secretaria de Estado da Educação Superintendência Regional de Ensino de Carangola Diretoria Educacional Sequencia Didática destinada aos Anos Finais do Ensino

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2015/2016

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2015/2016 Domínio (Unidade / Tema) Subdomínio

Leia mais

É possível conjugar uma sessão de cinema com uma oficina.

É possível conjugar uma sessão de cinema com uma oficina. 7 12 Anos ESTAS IMAGENS SÃO UM RODOPIO!///////////////////// 3 CINEMA EM CASA!//////////////////////////////////////////////////// 4 QUE FEITIÇO É ESTE?/////////////////////////////////////////////////

Leia mais

Fabíola Féo Período: Abril, Maio e Junho. NAPNE Núcleo de Atendimento as Pessoas com Necessidades Especiais.

Fabíola Féo Período: Abril, Maio e Junho. NAPNE Núcleo de Atendimento as Pessoas com Necessidades Especiais. LIBRAS Aula noite I a VI Fabíola Féo Período: Abril, Maio e Junho. NAPNE Núcleo de Atendimento as Pessoas com Necessidades Especiais. LIBRAS HISTÓRIA Gerolamo Cardomo (1501 a 1576), médico e matemático

Leia mais

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM CURRÍCULO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM ORALIDADE Formar frases com seqüência e sentido. Relacionar palavras que iniciam com vogais. Associar primeira letra/som em palavras iniciadas por vogal. Falar

Leia mais

FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS

FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS GISELE CRISTINA DE SANTANA FERREIRA PEREIRA JÉSSICA PALOMA RATIS CORREIA NOBRE PEDAGOGIA: PROJETO MENINA BONITA DO LAÇO DE FITA JANDIRA - 2012 FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS GISELE CRISTINA

Leia mais

Desenvolvimento cognitivo e motor na infância: necessidades de jogos e brincadeiras

Desenvolvimento cognitivo e motor na infância: necessidades de jogos e brincadeiras Desenvolvimento cognitivo e motor na infância: necessidades de jogos e brincadeiras XVIII Semana de Estudos Pedagógicos, FAFICA Prof. Marcelo Velloso Heeren Catanduva, 2012 Sistema Nervoso Neurônio Neurônio

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2014/2015

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2014/2015 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Estudo do Meio 1.º ano 2014/2015 Domínio (Unidade / Tema) Subdomínio

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Português Teste Intermédio Português Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 28.05.2013 2.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT E s t u d o s o b r e a i n t e g r a ç ã o d e f e r r a m e n t a s d i g i t a i s n o c u r r í c u l o d a d i s c i p l i n a d e E d u c a ç ã o V i s u a l e T e c n o l ó g i c a Doctor Who M

Leia mais

As 11 dúvidas mais frequentes

As 11 dúvidas mais frequentes As 11 dúvidas mais frequentes Deyse Campos Assessora de Educação Infantil dcampos@positivo.com.br Frequentemente recebemos solicitações de professores de escolas que estão utilizando o Sistema Positivo

Leia mais

A Arte e as Crianças

A Arte e as Crianças A Arte e as Crianças A criança pequena consegue exteriorizar espontaneamente a sua personalidade e as suas experiências inter-individuais, graças aos diversos meios de expressão que estão à sua disposição.

Leia mais

TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO

TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO O Orfanato Evangélico, através do Projeto Boa Semente, desenvolveu atividades direcionadas as crianças de 1 mês a 1 ano de idade,

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1 Agrupamento de Escolas da Madalena Projeto do Clube de Música Ano Lectivo 2012-2013 1 Projectos a desenvolver/participar: Projetos Dinamizado por: 1º Concurso de Flauta Prof. Teresa Santos - Participação

Leia mais

A criança e as mídias

A criança e as mídias 34 A criança e as mídias - João, vá dormir, já está ficando tarde!!! - Pera aí, mãe, só mais um pouquinho! - Tá na hora de criança dormir! - Mas o desenho já tá acabando... só mais um pouquinho... - Tá

Leia mais

Critérios Gerais de Avaliação

Critérios Gerais de Avaliação Critérios Gerais de Avaliação Educação Pré-Escolar 2014/15 CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR A avaliação é um elemento integrante e regulador da prática educativa em cada nível de educação e

Leia mais

Exemplos de alfabetização simbólica

Exemplos de alfabetização simbólica Exemplos de alfabetização simbólica 1. Conversa geral 2. Falando sobre... 3. Conversação 4. Anotando comunicação 5. Colocando o aprendiz em controle 6. Horários 7. Planejamento em grupo 8. Organização

Leia mais

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ACTIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS PREVISTAS

Leia mais

EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR O QUE SABEMOS

EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR O QUE SABEMOS EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR O QUE SABEMOS O QUE SABEMOS UMA METODOLOGIA DE PROJETO PARA A EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR O QUE É O TRABALHO DE PROJETO? Os projetos da coleção «O Que Sabemos» enquadram-se numa metodologia

Leia mais

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 0 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL Renato da Guia Oliveira 2 FICHA CATALOGRÁFICA OLIVEIRA. Renato da Guia. O Papel da Contação

Leia mais

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar Anexos I Objetivos para a Educação Pré-Escolar Domínio da Matemática CONHECI MENTO DO MUNDO FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL 3 ANOS 1.º PERÍODO Independência/Autonomia Saber o seu nome Conhecer e utilizar o seu

Leia mais

Universidade Estadual de Londrina

Universidade Estadual de Londrina Universidade Estadual de Londrina Josiane de Freitas Santos Relatório de Estágio em Educação Infantil Londrina 2010 1 Josiane de Freitas Santos Relatório de Estágio em Educação Infantil Relatório final

Leia mais

Informativo G3 Abril 2011 O início do brincar no teatro

Informativo G3 Abril 2011 O início do brincar no teatro Informativo G3 Abril 2011 O início do brincar no teatro Professora Elisa Brincar, explorar, conhecer o corpo e ouvir histórias de montão são as palavras que traduzem o trabalho feito com o G3. Nesse semestre,

Leia mais

O LÚDICO: JOGOS, BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS NA CONSTRUÇÃO DO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Simone Helen Drumond Ischkanian

O LÚDICO: JOGOS, BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS NA CONSTRUÇÃO DO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Simone Helen Drumond Ischkanian O LÚDICO: JOGOS, BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS NA CONSTRUÇÃO DO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL. O projeto - o lúdico: jogos, brinquedos e brincadeiras na construção do processo de aprendizagem

Leia mais

Como é a criança de 4 a 6 anos

Como é a criança de 4 a 6 anos de 4 a 6 anos Como é a criança Brinque: lendo histórias, cantando e desenhando. A criança se comunica usando frases completas para dizer o que deseja e sente, dar opiniões, escolher o que quer. A criança

Leia mais

CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA

CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA RELATÓRIO ANUAL 2010 SORRI-BRASIL Rua Benito Juarez, 70 - Vila Mariana 04018-060 - São Paulo - SP (0xx11) 5082-3502 sorribrasil@sorri.org.br

Leia mais

English Adventure. By Carmen Castellani Consultant and Teacher trainer

English Adventure. By Carmen Castellani Consultant and Teacher trainer English Adventure By Carmen Castellani Consultant and Teacher trainer " Eu toco o futuro, eu ensino." Christa McAuliffe Você está pronto para levar seus alunos para uma English Adventure? Principais características

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014 Atividades Pedagógicas Agosto 2014 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO II A GRUPO II B GRUPO II C GRUPO II

Leia mais