UNIVERSIDADE CATÓLICA DE ANGOLA INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CURSO PREPARATÓRIO 2016 / PROGRAMA DA DISCIPLINA DE QUÍMICA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE CATÓLICA DE ANGOLA INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CURSO PREPARATÓRIO 2016 / PROGRAMA DA DISCIPLINA DE QUÍMICA"

Transcrição

1 OBJECTIVOS Geral Expor de forma ampla e acessível os princípios básicos e indispensáveis para uma compreensão racional do comportamento químico das substâncias e sistemas. Propiciar o aprendizado de conceitos básicos de química orgânica. Ensinar química orgânica a partir da vivência do aluno, promovendo discussões sobre a química no contexto actual. Específicos Abordagem conceitual dos princípios fundamentais da Química e suas aplicações, usando exemplo de compostos orgânicos e inorgânicos. Ênfase à interface da Química com as diversas áreas do conhecimento. Observação e interpretação de fenômenos químicos através da realização de experimentos representativos que correlacionem o aspecto conceitual à vida cotidiana e profissional. Propiciar ao aluno identificar e nomear os compostos orgânicos. Saber relacionar as propriedades dos compostos orgânicos às suas estruturas. Entender os conceitos básicos de estereoquímica. Compreender as reacções dos compostos orgânicos em termos dos seus respectivos mecanismos. 1

2 TÓPICOS DE QUIMICA TEMA Nº 1 - NOÇÕES GERAIS 1.1. Matéria e Energia 1.2. Substâncias Simples e Compostas 1.3. Misturas e Substâncias Simples 1.4. Fenômenos Físicos e Químicos 1.5. Propriedades da Matéria TEMA Nº 2 - O ÁTOMO 2.1. Modelos atomics: Dalton, Thomson, Rutherford, Rutherford Böhr Semelhanças atômicas Moldelo dos subníveis de energia 2.4. Números quânticos TEMA Nº 3 - TABELA PERIÓDICA 3.1. Propriedades gerais da tabela periódica 3.2. Atomos metálicos, não metálicos, gases nobres. TEMA Nº 4 - LIGAÇÕES QUÍMICAS 4.1. Ligação iônica 4.2. Ligação covalente 4.3. Ligações metálicas 4.4. Características de compostos iônicos e covalentes 4.5. Polaridade 4.6. Geometria molecular 2

3 TEMA Nº 5 - FUNÇÕES QUÍMICAS 5.1. Ácidos, bases, sais e óxidos pela Teoria de Arrhenius TEMA Nº 6 - REAÇÕES QUÍMICAS 6.1. Tipos de reacções químicas 6.2. Reacções balenciadas TEMA N º 7 - ANÁLISES QUIMICAS 7.1. Conceito de equilíbrio químico 7.2. Factores que afectam o estado de equilíbrio químico 7.3. Tipos de equilíbrio químico 7.4. Exercícios TEMA N º 8 - LEIS PONDERAIS E CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO 8.1. Lei Ponderal 8.2. Conceito de Massa Molecular 8.3. Relações nas Reações Químicas: reagentes em excesso; rendimento; grau de pureza TEMA Nº 9 - SOLUÇÕES 9.1. Tipos de Soluções 9.2. Concentração e Solubilidade 9.3. Eletrólitos 9.4. Íons em Solução aquosa TEMA N º 10 - ELETROQUÍMICA Oxidação e redução Método redox Pilhas, potencial dos eletrodos -Eletrólise 3

4 TEMA N º 11 - INTRODUÇÃO A QUÍMICA ORGÂNICA 11.1.Teoria estrutural da química orgânica; 11.2.Ligações químicas e regra do octeto e hibridização; TEMA N º 12 - FUNÇÕES ORGÂNICAS Introdução a nomenclatura Alcanos: nomenclatura e análise conformacional; Estereoquímica; Reações Iônicas: substituição nucleofílica e reacções de eliminação dos haletos de alquila; o Reacções de adição a alcenos e alcinos; o Reações de radicais: reacções dos alcanos com halogênios. o Reações e síntese: Hidrocarbonetos Haloalcanos Álcoois Éteres Aminas Aldeídos e cetonas Ácidos carboxílicos Amidas Ésteres Nitrilas; 4

5 BIBLIOGRAFIA BÁSICA 1. ATKINS, P.; JONES, L. Princípios de Química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, ATKINS, P.; JONES, L. Princípios de Química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, CONSTANTINO, M. G. Química Orgânica, vol. 1, Editora: LTC, JAMES E. Brady; Gerard E. Humiston. Química Geral. Livros Técnicos e Científicos Ed. S/A 1ª ed. Rio de Janeiro RJ KOTZ, J. C.; PAUL, M. TREICHEL J.R. Química geral e reações químicas. v. 1. São Paulo: Pioneira Thomson, KOTZ, J. C.; PAUL, M. TREICHEL J.R. Química geral e reações químicas. v. 1. São Paulo: Pioneira Thomson, VOLLHARDT, K. P. C.; SCHORE, N. E. Química Orgânica: Estrutura e Função, Bookman, MCMURRY, J. Química Orgânica, vol. 1, Editora: Thomson Learning, RUSSEL, John B. Química Geral. Tradução e revisão técnica Márcia Guekenzian.../et. al./ 2ª ed. São Paulo: Makron Books, 1994 Volume I e II. 9. SOLOMONS, G.; FRYHLE, C. Química Orgânica, vol. 1; Rio de Janeiro: LTC,

Química. Sistema Positivo de Ensino 112

Química. Sistema Positivo de Ensino 112 A proposta A proposta, para ser elaborada, buscou um panorama que explicitasse os rumos e objetivos do ensino de Química na escola. Sendo assim, priorizou um trabalho que integra diversas dimensões do

Leia mais

Cronograma de Estudos de Química - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br

Cronograma de Estudos de Química - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br Cronograma de Estudos de Química - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br Área Assunto Início Fim Teoria Exercícios Química Geral Eletrosfera Química Geral Estado da Matéria e Mudança de Estado

Leia mais

CURSO DE FARMÁCIA Autorizado pela Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35

CURSO DE FARMÁCIA Autorizado pela Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35 CURSO DE FARMÁCIA Autorizado pela Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35 Componente Curricular: Química Orgânica Farmacêutica II Código: FAR 204 Pré-requisito: Química Orgânica

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NO ANO LETIVO DE 2015

EDITAL DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NO ANO LETIVO DE 2015 EDITAL DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NO ANO LETIVO DE 2015 I - INSCRIÇÃO 1 - Número de vagas: 43 vagas, definidas por Linhas de Pesquisa, conforme tabela abaixo: LINHAS DE PESQUISA MESTRADO

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ALFREDO DA SILVA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA ALFREDO DA SILVA PLANIFICAÇÃO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ALFREDO DA SILVA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA ALFREDO DA SILVA PLANIFICAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ALFREDO DA SILVA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA ALFREDO DA SILVA PLANIFICAÇÃO DISCIPLINA QUÍMICA 12º ANO Metas curriculares Metais e ligas metálicas Combustíveis, energia e ambiente

Leia mais

Planos de Ensino Química 2016

Planos de Ensino Química 2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO COLÉGIO DE APLICAÇÃO Planos de Ensino Química 2016 Organização Direção de Ensino: Marina Guazzelli Soligo Bolsista: Kelly de Borba

Leia mais

Plano de Ensino / Plano de Trabalho

Plano de Ensino / Plano de Trabalho Plano de Ensino / Plano de Trabalho EIXO TECNOLÓGICO: Produção Industrial IDENTIFICAÇÃO CURSO: Técnico em Móveis FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

Programa de Nivelamento de Conhecimento em Química

Programa de Nivelamento de Conhecimento em Química CURSO DE BACHARELADO EM FARMÁCIA E BIOQUÍMICA Reconhecido Conforme Portaria Ministerial MEC n 384 de 19 de março de 2009 Programa de Nivelamento de Conhecimento em Química Química nas disciplinas do Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E APLICADAS PROJETO RUMO À UNIVERSIDADE CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DE PROCESSOS SELETIVOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E APLICADAS PROJETO RUMO À UNIVERSIDADE CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DE PROCESSOS SELETIVOS Física 1. Mecânica 1.1 O que é a Física? 1.1.1 A Física 1.1.2 As grandezas físicas: como se medem 1.1.3 O método experimenta 1.2 As medidas e os erros de medida 1.2.1 O Sistema Internacional de Unidades

Leia mais

SUMÁRIO EDIÇÃO NOVA QUÍMICA 1 O ANO. Unidade 1 Introdução ao estudo da Química...14. Unidade 2 Propriedades dos materiais...40

SUMÁRIO EDIÇÃO NOVA QUÍMICA 1 O ANO. Unidade 1 Introdução ao estudo da Química...14. Unidade 2 Propriedades dos materiais...40 QUÍMICA 1 O ANO Unidade 1 Introdução ao estudo da Química...14 CAPÍTULO 1 Química: objeto de estudo e aplicações... 16 1. Química: a ciência que estuda a matéria...17 Matéria...17 2. Conhecimento químico...20

Leia mais

Universidade Estadual de Ponta Grossa Pró-Reitoria de Recursos Humanos

Universidade Estadual de Ponta Grossa Pró-Reitoria de Recursos Humanos DEPARTAMENTO DE FÍSICA Física Geral e Experimental 1. Leis de Newton da Mecânica e Aplicações 2. Trabalho, Energia e Conservação 3. Mecânica dos Fluidos 4. Teoria Cinética dos Gases 5. Leis da Termodinâmica

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA DE ALUNOS E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO PRIMEIRO SEMESTRE - 2016 ANEXO IX ENGENHARIAS - 1º ANO CÁLCULO I

PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA DE ALUNOS E PORTADOR DE DIPLOMA DE GRADUAÇÃO PRIMEIRO SEMESTRE - 2016 ANEXO IX ENGENHARIAS - 1º ANO CÁLCULO I ANEXO IX ENGENHARIAS - 1º ANO CÁLCULO I 1 Funções de uma variável 2 Funções reais 3 Conceito, cálculo e aplicações de limites, continuidade, derivadas e diferenciais 4 Cálculos de pontos de máximos, mínimos

Leia mais

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Biomedicina Disciplina: Química Geral e Orgânica Professor: Ricardo Marques Nogueira Filho e-mail: ricardo.filho@fasete.edu.br Código: Carga

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA I - DADOS GERAIS 1. Nome da disciplina: QUÍMICA FUNDAMENTAL I (QUI099) 2. Departamento: Departamento de Química do ICEx 3. Período do Curso: 1 Período 4. Número de Créditos: 04 5.

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina QUI102 Química Fundamental

Programa Analítico de Disciplina QUI102 Química Fundamental Catálogo de Graduação 016 da UFV 0 Programa Analítico de Disciplina QUI10 Química Fundamental Departamento de Química - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Número de créditos: 7 Teóricas Práticas

Leia mais

ESTRUTURA QUÍMICA TESTE DE CHAMA

ESTRUTURA QUÍMICA TESTE DE CHAMA ESTRUTURA QUÍMICA TESTE DE CHAMA META Demonstrar fatos que comprovem a transição eletrônica através do teste da chama. Apresentar os conceitos da técnica do teste de chama. OBJETIVOS Identificar os constituintes

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º ano EMENTA

IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º ano EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Controle e Processos Industriais CURSO: Técnico em Química FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( )

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Currículo nº 8

CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Currículo nº 8 CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Turno: NOTURNO Currículo nº 8 Reconhecido pelo Decreto n. 4.499, de 17.06.98, D.O.E nº 5272 de 17.06.98. Renovação de Reconhecimento Decreto nº. 8416, de 22.09.10. DOE.

Leia mais

PROGRAMA DE QUÍMICA 12ª Classe. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário

PROGRAMA DE QUÍMICA 12ª Classe. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário PROGRAMA DE QUÍMICA 12ª Classe Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário Ficha Técnica TÍTULO: Programa de Química - 12ª Classe Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário EDITORA:

Leia mais

INSTITUTO DE QUÍMICA da UFRJ DEPARTAMENTO DE QUÍMICA INORGÂNICA. Programa de Disciplina. Química Geral EQ. Nome: Código: IQG 115 CARACTERÍSTICAS

INSTITUTO DE QUÍMICA da UFRJ DEPARTAMENTO DE QUÍMICA INORGÂNICA. Programa de Disciplina. Química Geral EQ. Nome: Código: IQG 115 CARACTERÍSTICAS Programa de Disciplina Nome: Química Geral EQ Código: IQG 115 Categoria: Carga Horária Semanal: CARACTERÍSTICAS Número de Semanas Previstas para a Disciplina: 15 Número de Créditos da Disciplina: 4 Pré-Requisito

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO SUPERIOR CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CURSO DE ENGENHARIA INDUSTRIAL DEPARTAMENTO DEPBG PLANO DE CURSO DA DISCIPLINA

Leia mais

Plano de Ensino. CARGA HORÀRIA 80 Horas. TURMA: 2014 TURNO: M e T TURMA: 10 e 11 DIRETOR(A) GERAL DO CAMPUS: DIRETOR (A) DE ENSINO:

Plano de Ensino. CARGA HORÀRIA 80 Horas. TURMA: 2014 TURNO: M e T TURMA: 10 e 11 DIRETOR(A) GERAL DO CAMPUS: DIRETOR (A) DE ENSINO: Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: Técnico em Eventos Modalidade Integrado ao Ensino Médio FORMA/GRAU:( X )integrado ( )subsequente ( ) concomitante (

Leia mais

PROVA ESPECIALMENTE ADEQUADA DESTINADA A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS PROVA DE QUÍMICA

PROVA ESPECIALMENTE ADEQUADA DESTINADA A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS PROVA DE QUÍMICA PROVA ESPECIALMENTE ADEQUADA DESTINADA A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS PROVA DE QUÍMICA TEMAS 1. Estrutura da matéria 1.1 Elementos, átomos e iões 1.2

Leia mais

INSCRIÇÕES MESTRADO/DOUTORADO 1º SEMESTRE DE 2016

INSCRIÇÕES MESTRADO/DOUTORADO 1º SEMESTRE DE 2016 EDITAL DE SELEÇÃO INSCRIÇÕES MESTRADO/DOUTORADO 1º SEMESTRE DE 2016 As inscrições para o ingresso no Mestrado e Doutorado do 1o. Semestre de 2016 estarão abertas a partir de 15 de setembro a 30 de outubro/2015.

Leia mais

CURSO: FARMÁCIA INFORMAÇÕES BÁSICAS

CURSO: FARMÁCIA INFORMAÇÕES BÁSICAS Turno: Integral Currículo 2014 Período 1º Período Tipo Obrigatória Teórica 72 horas CURSO: FARMÁCIA INFORMAÇÕES BÁSICAS Unidade curricular Química Fundamental Carga Horária Prática ----- Habilitação /

Leia mais

Material de divulgação de edições SM

Material de divulgação de edições SM Material de divulgação de edições SM NOVA EDIÇÃO O Ser Protagonista agora é composto de Livro impresso e Livro digital. QUÍMICA a melhor escolha para o ensino médio LIVRO IMPRESSO Simone JAconetti YDI

Leia mais

PROGRAMA DE QUÍMICA 11ª Classe. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário

PROGRAMA DE QUÍMICA 11ª Classe. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário PROGRAMA DE QUÍMICA 11ª Classe Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário Ficha Técnica TÍTULO: Programa de Química - 11ª Classe Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário EDITORA:

Leia mais

NOME DO CURSO: SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PETRÓLEO E GÁS

NOME DO CURSO: SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PETRÓLEO E GÁS 1- IDENTIFICAÇÃO CARGA HORÁRIA SEMANAL: 03 HORAS CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 HORAS PERÍODO: NOTURNO NOME DA DISCIPLINA: QUÍMICA GERAL E ORGÂNICA NOME DO CURSO: SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PETRÓLEO E GÁS

Leia mais

Plano de recuperação final 3º ano E.M.

Plano de recuperação final 3º ano E.M. Plano de recuperação final 3º ano E.M. Avaliação: 0 (zero) a 10 (dez): serão aplicados no mínimo dois instrumentos de avaliação com conteúdo referente ao ano letivo e de acordo com orientações de cada

Leia mais

META Mostrar as diversificadas formas de reatividade que os ácidos carboxílicos podem sofrer mediante reações de substituição.

META Mostrar as diversificadas formas de reatividade que os ácidos carboxílicos podem sofrer mediante reações de substituição. REAÇÕES DOS ÁCIDOS CARBOXÍLICOS META Mostrar as diversificadas formas de reatividade que os ácidos carboxílicos podem sofrer mediante reações de substituição. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá:

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA

PROGRAMA DA DISCIPLINA Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Engenharia Elétrica PROGRAMA DA DISCIPLINA Identificação Matéria de Ensino Matemática Código EE112 Disciplina Álgebra Linear Código MA100003

Leia mais

Pró-Reitoria de Extensão PROEX EDITAL PRÉ - VESTIBULAR MEDENSINA

Pró-Reitoria de Extensão PROEX EDITAL PRÉ - VESTIBULAR MEDENSINA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS UNCISAL Transformada pela Lei n 6.660 de 28 de dezembro de 2005 Campus Governador Lamenha Filho - Rua Jorge de Lima, 113, Trapiche da Barra, cep 57.010.382,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS SOUSA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS SOUSA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS SOUSA PROGRAMA MONITORIA EDITAL Nº 004/2013 O Diretor Geral

Leia mais

Aula 19 PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes

Aula 19 PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes Aula 19 PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES META Apresentar os fatores que influenciam no processo de dissolução. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: reconhecer um processo de dissolução; identificar

Leia mais

PROGRAMA DE QUÍMICA 10ª CLASSE. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário

PROGRAMA DE QUÍMICA 10ª CLASSE. Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário PROGRAMA DE QUÍMICA 10ª CLASSE Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário Ficha Técnica TÍTULO: Programa de Química - 10ª Classe Formação de Professores do 1º Ciclo do Ensino Secundário EDITORA:

Leia mais

PROGRAMA DE QUÍMICA DO PROCESSO SELETIVO CESUPA 2015/I

PROGRAMA DE QUÍMICA DO PROCESSO SELETIVO CESUPA 2015/I PROGRAMA DE QUÍMICA DO PROCESSO SELETIVO CESUPA 2015/I CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS HABILIDADES 1. Estrutura da matéria: átomos moléculas e íons. 2. Classificação periódica dos elementos químicos. 3. Propriedades

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA AGROALIMENTAR UNIDADE ACADÊMICA DE TECNOLOGIA DE ALIMENTOS CAMPUS POMBAL - PB

CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA AGROALIMENTAR UNIDADE ACADÊMICA DE TECNOLOGIA DE ALIMENTOS CAMPUS POMBAL - PB CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA AGROALIMENTAR UNIDADE ACADÊMICA DE TECNOLOGIA DE ALIMENTOS CAMPUS POMBAL - PB DISCIPLINA: Química Orgânica PRÉ-REQUISITO: Química Geral CRÉDITOS: 04 CARGA HORÁRIA: 60 horas

Leia mais

PLANO DE ENSINO ENGENHARIA DE BIOPROCESSOS INFORMAÇÕES BÁSICAS. Unidade curricular. Carga Horária Prática - Grau acadêmico / Habilitação

PLANO DE ENSINO ENGENHARIA DE BIOPROCESSOS INFORMAÇÕES BÁSICAS. Unidade curricular. Carga Horária Prática - Grau acadêmico / Habilitação PLANO DE ENSINO ENGENHARIA DE BIOPROCESSOS Turno: Integral Currículo: 2010 INFORMAÇÕES BÁSICAS Unidade curricular Departamento Química Geral DQBIO Período 2017/2 Teórica 54h Carga Horária Prática Total

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE VALENÇA - CESVA 1º ADITIVO AO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE 2015

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE VALENÇA - CESVA 1º ADITIVO AO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE 2015 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE VALENÇA - CESVA 1º ADITIVO AO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE 2015 O Centro de Ensino Superior de Valença, da Fundação Educacional D. André Arcoverde, Valença, Rio

Leia mais

CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de , DOU de PLANO DE CURSO

CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de , DOU de PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de 01.11.12, DOU de 06.11.12 Componente Curricular: Química Orgânica Farmacêutica I Código: FAR 202 Pré-requisito: Química Geral e Inorgânica Período

Leia mais

METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano

METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano Curso científico- humanístico de Ciências e Tecnologias Coordenadores gerais Carlos Fiolhais (coordenação científica), Isabel Festas, Helena Damião (coordenação pedagógica)

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA. CARGA HORÁRIA SEMANAL (tempos de aula) 4 h/a

PLANO DE DISCIPLINA. CARGA HORÁRIA SEMANAL (tempos de aula) 4 h/a PROGRAMA CSTPQ Atualização Outubro/2015 1º Período: PLANO DE DISCIPLINA DISCIPLINA Desenho Técnico CURSO (S) EM QUE É OFERECIDA Curso Superior de Tecnologia em Processos Químicos NÚMERO DE SEMESTRAL CRÉDITOS

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA DISCIPLINA QUIMICA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA DISCIPLINA QUIMICA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE COMPETÊNCIA HABILIDADE CONTEÚDO - Compreender as transformações químicas em linguagem discursivas. - Compreender os códigos

Leia mais

Reações orgânicas. Mestranda: Daniele Potulski Disciplina: Química da Madeira I

Reações orgânicas. Mestranda: Daniele Potulski Disciplina: Química da Madeira I Reações orgânicas Mestranda: Daniele Potulski Disciplina: Química da Madeira I Introdução Quase todos os compostos orgânicos tem moléculas apolares ou com baixa polaridade; Essa característica é um fator

Leia mais

-2013- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE

-2013- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE -2013- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE DISCURSIVA OBJETIVA QUÍMICA FÍSICA QUÍMICA FÍSICA Matéria e energia Propriedades da matéria Mudanças de estado físico

Leia mais

Escolas João de Araújo Correia

Escolas João de Araújo Correia Escolas João de Araújo Correia DEPARTAMENTO MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS Disciplina Física e Química A QUÍMICA MÓDULO INICIAL MATERIAIS: DIVERSIDADE E CONSTITUIÇÃO 10º Ano de escolaridade 2014-2015

Leia mais

Aula 15 TERMOQUÍMICA. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes

Aula 15 TERMOQUÍMICA. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes Aula 15 TERMOQUÍMICA META Introduzir os principais conceitos da termoquímica. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: reconhecer os processos de transferência de energia; aplicar a primeira lei

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 202/2015

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 202/2015 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL Nº 202/2015 O Reitor da UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB, no uso de suas

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina QUI131 Química Orgânica I

Programa Analítico de Disciplina QUI131 Química Orgânica I 0 Programa Analítico de Disciplina Departamento de Química - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Número de créditos: 4 Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal 4 0 4 Períodos

Leia mais

Ensino Médio Química QUÍMICA 30 ano

Ensino Médio Química QUÍMICA 30 ano QUÍMICA 3 0 ano CADEIAS CARBÔNICAS QUÍMICA ORGÂNICA orgânica é o ramo da química que estuda os compostos de carbono. O carbono pertence ao segundo período, grupo IVA da tabela periódica. 6C 12 1s 2 2s

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 15:02. Centro de Ciências Tecnológicas Curso:

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 15:02. Centro de Ciências Tecnológicas Curso: Centro de Ciências Tecnológicas Curso: Engenharia Química (Noturno) Ano/Semestre: 11/1 9/5/11 15: s por Curso EQU.7.1.1-5 FIS...-7 MAT.7.1.1-3 MAT.9.1.-7 MAT.9..9- MAT.9.3.- MAT.9..-3 EDU.5..- EQU...-9

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Médio Etec Etec: Paulino Botelho Código:091 Município:São Carlos Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias Componente Curricular: Química

Leia mais

MÓDULO 7 Cálculos Estequiométricos II... 13 Estequiometria Avançada Excesso de Reagente Processo em duas ou mais etapas Grau de Pureza Rendimento

MÓDULO 7 Cálculos Estequiométricos II... 13 Estequiometria Avançada Excesso de Reagente Processo em duas ou mais etapas Grau de Pureza Rendimento Química SUMÁRI Química 1 MÓDUL 6 Funções rgânicas I... 3 Hidrocarbonetos MÓDUL 7 Funções rgânicas II... 7 Hidrocarbonetos Química 2 MÓDUL 7 Cálculos Estequiométricos II... 13 Estequiometria Avançada Excesso

Leia mais

Denominação do curso: AUXILIAR DE FISCALIZAÇÃO AMBIENTAL

Denominação do curso: AUXILIAR DE FISCALIZAÇÃO AMBIENTAL 1- DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Denominação do curso: AUXILIAR DE FISCALIZAÇÃO AMBIENTAL Eixo Tecnilógico: AMBIENTE, SAÚDE E SEGURANÇA Local de oferta: IFBA Campus Ilhéus Modalidade: Presencial Turno de oferta:

Leia mais

3. Misturas, Substâncias Simples e Compostas e Processos de Separação de Misturas.

3. Misturas, Substâncias Simples e Compostas e Processos de Separação de Misturas. Conteúdo 1. Elementos, modelos atômicos e representações: modelos atômicos de Dalton, Tomson, Rutherford-Bohr. Elemento químico. Número atômico e número de massa. Prótons, elétrons e nêutrons. Distribuição

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 6º Semestre EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 6º Semestre EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: MATEMÁTICA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Curso Superior em Matemática FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33) 3341-1244 www.colegiosantateresinha.com.br

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33) 3341-1244 www.colegiosantateresinha.com.br PLANEJAMENTO DE AÇÕES DA 2 ª ETAPA 2015 PERÍODO DA ETAPA: 01/09/2015 á 04/12/2015 TURMA: 9º Ano EF II DISCIPLINA: CIÊNCIAS / QUÍMICA 1- S QUE SERÃO TRABALHADOS DURANTE A ETAPA : Interações elétricas e

Leia mais

Guia do Professor. Olá Professor(a)! Este Guia tem por finalidade ajudar você a conduzir as atividades propostas para o estudo da Eletrólise!

Guia do Professor. Olá Professor(a)! Este Guia tem por finalidade ajudar você a conduzir as atividades propostas para o estudo da Eletrólise! Olá Professor(a)! Este Guia tem por finalidade ajudar você a conduzir as atividades propostas para o estudo da Eletrólise! O vídeo Eletrólise faz parte do Programa A Química nossa de cada dia, Foi produzido

Leia mais

38 C 37 B 39 D. Sabendo-se que a amônia (NH 3. ) é constituída por moléculas polares e apresenta boa solubilidade em água. o diclorometano (CH 2.

38 C 37 B 39 D. Sabendo-se que a amônia (NH 3. ) é constituída por moléculas polares e apresenta boa solubilidade em água. o diclorometano (CH 2. QUÍMICA 37 B Sabendo-se que a amônia (N 3 ) é constituída por moléculas polares e apresenta boa solubilidade em água o diclorometano (C Cl ) não possui isômeros Sua molécula apresenta polaridade, devido

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI www.ufvjm.edu.br

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI www.ufvjm.edu.br EDITAL Nº 02/2015 SELEÇÃO MONITORES REMUNERADOS E VOLUNTÁRIOS DO DEPARTAMENTO DE FARMÁCIA, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI, CAMPUS JK O Departamento de Farmácia, torna público

Leia mais

CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS

CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS À BEIRA DOURO Escola Básica e Secundária À Beira Douro Medas PLANIFICAÇÃO ANUAL CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 9.º º ANO TEMA: Viver melhor na Terra CAPÍTULO I EM TRÂNSITO 1 SEGURANÇA

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente BIOLOGIA I TRIMESTRE A descoberta da vida Biologia e ciência Origem da vida

Leia mais

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Química

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Química Vestibular UFRGS 2015 Resolução da Prova de Química 26. Alternativa (C) Assunto: Propriedades físicas das substâncias densidade Os materiais apresentam diferentes densidades e mesma massa envolvida logo,

Leia mais

1.1.Diferenciar as substâncias que constituem o Universo e suas formas de agregação e mudanças na entidade da matéria;

1.1.Diferenciar as substâncias que constituem o Universo e suas formas de agregação e mudanças na entidade da matéria; PLANO DE TRABALHO DOCENTE (PTD) 2013 Estabelecimento: CEEBJA Professor(a): SUZANA ORZECHOWSKI Disciplina: QUÍMICA Ensino: Médio ( ) sede ( X ) Aped 12 CONTEÚDO ESTRUTURANTE CONTEÚDO BÁSICO CONTEÚDOS ESPECÍFICOS

Leia mais

LABORATÓRIO DE QUÍMICA ATIVIDADES LABORATORIAIS

LABORATÓRIO DE QUÍMICA ATIVIDADES LABORATORIAIS LABORATÓRIO DE QUÍMICA ATIVIDADES LABORATORIAIS EMENTA QUÍMICA APLICADA À ENGENHARIA Elementos químicos e as propriedades periódicas; ligações químicas; algumas funções orgânicas e inorgânicas; reações

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA UFRN EDITAL DE CHAMADA DE CANDIDATOS PARA O PROCESSO SELETIVO 2016.1

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA UFRN EDITAL DE CHAMADA DE CANDIDATOS PARA O PROCESSO SELETIVO 2016.1 PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA UFRN EDITAL DE CHAMADA DE CANDIDATOS PARA O PROCESSO SELETIVO 2016.1 Edital nº 05/2015 Dezembro de 2015 A coordenadora do Programa de Pós-graduação em Química da Universidade

Leia mais

Titulação: Mestre em Química com área de concentração em Química Analítica UESB PLANO DE CURSO

Titulação: Mestre em Química com área de concentração em Química Analítica UESB PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Autorizado plea Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35 Componente Curricular: Química Geral e Inorgânica Código: FAR 201 Pré-requisito: - Nenhum Período Letivo:

Leia mais

3 A água do mar contém em média 1,08 x 10 3 ppm de Na e 270 ppm de sulfato. Sabendo que a densidade da água do mar é, em média, 1,02 g/ml, calcule:

3 A água do mar contém em média 1,08 x 10 3 ppm de Na e 270 ppm de sulfato. Sabendo que a densidade da água do mar é, em média, 1,02 g/ml, calcule: ALGUNS EXERCÍCIOS SÃO DE AUTORIA PRÓPRIA. OS DEMAIS SÃO ADAPTADOS DE LIVROS E APOSTILAS CITADOS ABAIXO. OBSERVAÇÃO: Considerar as massas molares dos elementos nos dados fornecidos na última página. 1 Encontre

Leia mais

Química Geral I. Química - Licenciatura Prof. Udo Eckard Sinks

Química Geral I. Química - Licenciatura Prof. Udo Eckard Sinks Química Geral I Química - Licenciatura Prof. Udo Eckard Sinks Conteúdo 19/05/2017 Contextualização Química Química Inorgânica Química Orgânica Físico Química Química Analítica Funções Químicas Funções

Leia mais

Apresentar os conceitos relacionados à mistura simples e equilíbrios de fases e equilíbrio químico.

Apresentar os conceitos relacionados à mistura simples e equilíbrios de fases e equilíbrio químico. Exercícios de Equilíbrio químico e Misturas Meta Apresentar os conceitos relacionados à mistura simples e equilíbrios de fases e equilíbrio químico. Objetivos Ao final desta aula, o aluno deverá: compreender

Leia mais

EMENTA DA DISCIPLINA

EMENTA DA DISCIPLINA X Química Analítica QUI04-09501 Introdução ao Laboratório de Química 30 01 Analítica TEÓRICA LABORATÓRIO 02 30 TOTAL 02 30 11) CO-REQUISITO 12) CÓDIGO Ao final da disciplina o aluno deverá ser capaz de

Leia mais

LICENCIATURA EM QUÍMICA QUÍMICA ORGÂNICA I SEGUNDO SEMESTRE 2014 PLANO DE CURSO Professora: Ana Júlia Silveira

LICENCIATURA EM QUÍMICA QUÍMICA ORGÂNICA I SEGUNDO SEMESTRE 2014 PLANO DE CURSO Professora: Ana Júlia Silveira LICENCIATURA EM QUÍMICA QUÍMICA ORGÂNICA I SEGUNDO SEMESTRE 2014 PLANO DE CURSO Professora: Ana Júlia Silveira EMENTA QUÍMICA ORGÂNICA I Introdução a química orgânica: teoria estrutural e o átomo de carbono

Leia mais

CURSO APOIO QUÍMICA RESOLUÇÃO

CURSO APOIO QUÍMICA RESOLUÇÃO QUÍMICA CURS API 15. hidróxido de magnésio, Mg() 2, massa molar 58,3 g mol 1, apresenta propriedades antiácidas e laxativas. Ao ser ingerido, reage com o ácido clorídrico presente no estômago, formando

Leia mais

Cronograma de Aulas 1º SEMESTRE. Data Frente Aula Professor 05/03 e 12/03

Cronograma de Aulas 1º SEMESTRE. Data Frente Aula Professor 05/03 e 12/03 Faculdade de Odontologia de Araçatuba Cursinho Daca Cronograma de Aulas 1º SEMESTRE Área de Conhecimento: Ciências da Natureza e Suas Tecnologias Curso: Extensivo Disciplina: Química Data Frente Aula Professor

Leia mais

Escola Secundária de Forte da Casa

Escola Secundária de Forte da Casa Escola Secundária de Forte da Casa Informação - Prova de Equivalência à Frequência / 2012 2013 (Decreto Lei nº 139/2012, de 5 de Julho, e Portaria nº 243/2012, de 10 de agosto) 12º Ano Cursos Científico-Humanísticos

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA

CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA EDITAL Nº 443, de 1º de dezembro de 2015 A UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (UFRJ), por intermédio da Direção do Instituto de Química,

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Londrina PLANO DE ENSINO. CURSO Licenciatura em Química MATRIZ 1

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Londrina PLANO DE ENSINO. CURSO Licenciatura em Química MATRIZ 1 Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Londrina PLANO DE ENSINO CURSO Licenciatura em Química MATRIZ 1 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL Resolução n. 180/10-COEPP de 09 de dezembro

Leia mais

Faculdade de Farmácia

Faculdade de Farmácia Biologia Temas NOÇÕES DE BIOLOGIA CELULAR: A célula, unidade de estrutura e função Constituição das células animais e vegetais Os diferentes organelos e sua função REPRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO Reprodução

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA. Química Inorgânica e geral. Química Orgânica. Química Ambiental. Gerenciamento de Resíduos OBJETIVOS

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA. Química Inorgânica e geral. Química Orgânica. Química Ambiental. Gerenciamento de Resíduos OBJETIVOS EIXO TECNOLÓGICO: Infraestrutura Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Técnico em Edificações FORMA/GRAU:( X )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CÂMPUS RIO VERDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO DIRETORIA DE ENSINO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CÂMPUS RIO VERDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO DIRETORIA DE ENSINO Curso: Engenharia de Alimentos Pré-requisito: Nenhum INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA Disciplina: Cálculo Diferencial e Integral I EXA-202 Carga horária total: 80 Teórica: 80 Prática:

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Unidade Universitária: Escola de Engenharia Curso: Química Núcleo Temático: Química Teórica e Experimental Disciplina: Química Orgânica I Código da Disciplina: 060.1306.6 Professor: Marcelo José Pena Ferreira

Leia mais

Edital 002/2015 PS-MD Abertura

Edital 002/2015 PS-MD Abertura Edital 002/2015 PS-MD Abertura De ordem do Magnífico Reitor da, consoante a Portaria Interministerial nº 253, de 26/07/2011, publicada no DOU de 27 subsequente, c/c Portaria MEC nº 1.034, de 27/07/2011,

Leia mais

PLANEJAMENTO INTERATIVO

PLANEJAMENTO INTERATIVO PLANEJAMENTO INTERATIVO ENSINO MÉDIO QUÍMICA NA ABORDAGEM DO COTIDIANO 25073COL21 PROFESSOR ESCOLA ANO TURMA Material de Divulgação da Editora Moderna ENSINO MÉDIO CONHEÇA NOSSA PROPOSTA COMPLETA 25073COL21

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DO 1º TRIMESTRE Educação Física

PLANO DE ESTUDOS DO 1º TRIMESTRE Educação Física PLANO DE ESTUDOS DO 1º TRIMESTRE Educação Física Área do conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias Componentes Curricular: Educação Física Profª responsável: Joviano Panciera Série: 3º ano Ensino

Leia mais

PLANO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE LICENCIATURA EM QUÍMICA

PLANO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE LICENCIATURA EM QUÍMICA PLANO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE LICENCIATURA EM QUÍMICA BRASÍLIA-DF 2011 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA Wilson Conciani Reitor Nilton Cometti Pró-Reitor de Ensino Ana

Leia mais

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Hidrocarbonetos

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Hidrocarbonetos FCAV/UNESP DISCIPLINA: Química Orgânica ASSUNTO: Hidrocarbonetos HIDROCARBONETOS São compostos orgânicos formados exclusivamente por átomos de carbono e de hidrogênio. Subdivisões: HIDROCARBONETOS Podem

Leia mais

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas.

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas. Olá, Professor! Assim como você, a Geekie também tem a missão de ajudar os alunos a atingir todo seu potencial e a realizar seus sonhos. Para isso, oferecemos recomendações personalizadas de estudo, para

Leia mais

PREPARO DE SOLUÇÕES. Classificação das soluções com relação à quantidade de soluto dissolvido

PREPARO DE SOLUÇÕES. Classificação das soluções com relação à quantidade de soluto dissolvido PREPARO DE SOLUÇÕES Uma solução, no sentido amplo, é uma dispersão homogênea de duas ou mais substâncias moleculares ou iônicas. No âmbito mais restrito, as dispersões que apresentam as partículas do disperso

Leia mais

Abaixo, estamos detalhando a composição da nota do 1º trimestre que compõe nosso sistema avaliativo.

Abaixo, estamos detalhando a composição da nota do 1º trimestre que compõe nosso sistema avaliativo. ª Caro (a) Aluno (a) e Srs. Responsáveis. Brasília, 06 de março de 2015. Seguem informações importantes a respeito dos conteúdos programáticos que serão abordados nas avaliações mensais (A1) do 1º Trimestre/2015

Leia mais

Processo de Avaliação Seriada

Processo de Avaliação Seriada QUÍMICA Considera-se importante que o ensino da Química não promova a necessidade de uma excessiva memorização, mas possibilite ao estudante adquirir a capacidade de observar e descrever fenômenos, de

Leia mais

1. Escreva a fórmula eletrônica e estrutural dos compostos cujas fórmulas moleculares são:

1. Escreva a fórmula eletrônica e estrutural dos compostos cujas fórmulas moleculares são: Universidade Federal do Paraná Setor de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia e Tecnologia Florestal Curso: Engenharia Florestal Mestranda: Daniele Potulski LISTA DE EXERCÍCIOS 2 ENGF007 1. Escreva

Leia mais

PARECER DOS RECURSOS

PARECER DOS RECURSOS Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PROCESSO SELETIVO ADMISSÃO DE PROFESSORES EM CARÁTER TEMPORÁRIO EDITAL Nº 15/ 2012/ SED PARECER DOS RECURSOS CARGO: Professor de Química 11) Com

Leia mais

Componente Curricular: Química Orgânica Farmacêutica II PLANO DE CURSO

Componente Curricular: Química Orgânica Farmacêutica II PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de 01.11.12, DOU de 06.11.12 Componente Curricular: Química Orgânica Farmacêutica II Código: FAR 204 Pré-requisito: Química Orgânica Farmacêutica

Leia mais

De acordo com as suas propriedades químicas, os hidrocarbonetos dividem-se em três sub-

De acordo com as suas propriedades químicas, os hidrocarbonetos dividem-se em três sub- TRABAL PRÁTIC Nº6 IDENTIFICAÇÃ DE GRUPS FUNCINAIS INTRDUÇÃ idrocarbonetos são compostos que contêm apenas os elementos carbono e hidrogénio. De acordo com as suas propriedades químicas, os hidrocarbonetos

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL Conteúdos Competências / Habilidades Avaliação/Atividades

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL Conteúdos Competências / Habilidades Avaliação/Atividades Estrutura atômica I (Unid. 02 e 3) COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO

Leia mais

METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano

METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano METAS CURRICULARES DE QUÍMICA 12.º ano Curso científico- humanístico de Ciências e Tecnologias Autores Carlos Fiolhais, Isabel Festas, Helena Damião (coordenação) António José Ferreira Fernanda Braguez

Leia mais

FACULDADE METROPLITANA DA AMAZÔNIA-FAMAZ COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL CALENDÁRIO DE PROVAS DA 1ª AVALIAÇÃO CURSO: ENGENHARIA CIVIL

FACULDADE METROPLITANA DA AMAZÔNIA-FAMAZ COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL CALENDÁRIO DE PROVAS DA 1ª AVALIAÇÃO CURSO: ENGENHARIA CIVIL CALENDÁRIO DE PROVAS DA 1ª AVALIAÇÃO TURMA: 450116 - SALA: 102 Bloco I TURNO: VESPERTINO 1º PERÍODO (1º semestre/2014) 1ª Avaliação Regimental Fundamentos da Engenharia 20.03.2014 14:00 às 17:30 Comportamento

Leia mais

ESCOLA DE ENGENHARIA MACKENZIE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ESCOLA DE ENGENHARIA MACKENZIE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Unidade Universitária ESCOLA DE ENGENHARIA MACKENZIE Curso ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Disciplina CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL PARA ENGENHARIA III Professor(es) AFFONSO SÉRGIO FAMBRINI CARLA SILVA CAMPOS

Leia mais

UNIÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE ALAGOAS CEFET-AL

UNIÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE ALAGOAS CEFET-AL NOME DA MANTENEDORA NOME DA MANTIDA UNIÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE ALAGOAS CEFET-AL Solicita o Reconhecimento do curso: NOME DO CURSO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ALIMENTOS ÁREA PROFISSIONAL

Leia mais

Química FASCÍCULO 1 Módulo 1 Introdução à química Módulo 6 A estrutura da matéria: o átomo de Bohr Módulo 2 Propriedades da matéria FASCÍCULO 2

Química FASCÍCULO 1 Módulo 1 Introdução à química Módulo 6 A estrutura da matéria: o átomo de Bohr Módulo 2 Propriedades da matéria FASCÍCULO 2 Química FASCÍCULO 1 Módulo 1 Introdução à química Um mundo químico A química e o corpo humano A química e o futuro O que é química A alquimia A química como ciência Método científico Módulo 2 Propriedades

Leia mais