MARKETING EDUCACIONAL Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium - LINS SP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MARKETING EDUCACIONAL Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium - LINS SP"

Transcrição

1 0 UNISALESIANO Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium Curso de Administração Juliana Montagnani Rodrigues Renan Fernandes Nascimento Roberta Alessandra da Silva Sheila Sant Anna de Moraes MARKETING EDUCACIONAL Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium - LINS SP LINS SP 2008

2 0 JULIANA MONTAGNANI RODRIGUES RENAN FERNANDES NASCIMENTO ROBERTA ALESSANDRA DA SILVA SHEILA SANT ANNA DE MORAES MARKETING EDUCACIONAL Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Banca Examinadora do Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium, curso de Administração sob orientação da Profª M.Sc. Máris de Cássia Ribeiro e orientação técnica da Profª M.Sc. Heloisa Helena Rovery da Silva. LINS SP 2008

3 1 Rodrigues, Juliana Montagnani; Nascimento, Renan Fernandes; Silva, Roberta Alessandra; Moraes, Sheila Sant Anna R613m Marketing Educacional: Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium / Juliana Montagnani Rodrigues; Renan Fernandes Nascimento; Roberta Alessandra da Silva; Sheila Sant Anna de Moraes Lins, p. il. 31cm. Monografia apresentada ao Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium UNISALESIANO, Lins-SP, para graduação em Administração, 2008 Orientador: Máris de Cássia Ribeiro; Heloisa Helena Rovery da Silva 1. Estratégia. 2. Marketing Educacional. 3.Unisalesiano. I Titulo. CDU 658

4 2 JULIANA MONTAGNANI RODRIGUES RENAN FERNANDES NASCIMENTO ROBERTA ALESSANDRA DA SILVA SHEILA SANT ANNA DE MORAES MARKETING EDUCACIONAL Monografia apresentada ao Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium, para obtenção do título de Bacharel em Administração. Aprovada em / / Banca Examinadora: Profª Orientadora: Máris de Cássia Ribeiro Titulação: Mestre em Administração pela Universidade Metodista de Piracicaba UNIMEP. Assinatura: 1º Prof(a): Titulação: Assinatura: 2º Prof(a): Titulação: Assinatura:

5 3 DEDICATÓRIA A minha amada Mãe, Que em todo momento me incentivou com ternura e nunca deixou de acreditar em mim. Sem você eu nada seria, obrigada por estar ao meu lado sempre, por me orientar, por me amar e me ensinar coisas importantes sobre a vida. Você é um grande exemplo, uma mulher forte e guerreira, você é vitoriosa, um anjo que Deus me deu. Você é a minha vida, é maravilhosa, o meu bem mais precioso, dedico essa monografia inteiramente a você, pois sem você não conseguiria!!!! Se existe uma palavra mais forte que o amor é o que eu sinto por você... minha mãezinha, Te amo muito Ao meu inesquecível Pai, Nesse momento tão esperado, nem tudo é motivo de comemoração, pois falta alguém muito especial, sei que estaria muito orgulhoso por eu estar recebendo meu diploma. Mesmo não estando presente, sei que torce por mim, você é o meu herói uma pessoa que jamais vou esquecer você foi um grande pai. Sentirei sua presença junto aos familiares e amigos e na hora de receber meu diploma ouvirei seu aplauso. Te amo, saudades A minha amiga e irmã tão querida Jaque, Agradeço a você por ser essa irmã tão maravilhosa e especial, obrigada por fazer parte da minha vida, me aconselhando e apoiando em todos os momentos. Poucas irmãs têm essa relação tão gostosa que nós temos de irmãs e de amigas. Te desejo toda felicidade do mundo, que todos seus sonhos sejam realizados e que tudo de certo em sua vida. Te amo muito Ao meu Querido Marido Evertom, Que esteve ao meu lado todo esse tempo me apoiando e ajudando nos momentos difíceis e partilhando também os momentos de felicidade. Meu amor, meu amigo uma pessoa maravilhosa que só me faz bem, e traz felicidades. Crescemos e amadurecemos juntos, temos uma vida inteira pela frente e muitos sonhos a serem realizados, te desejo toda a sorte do mundo, sei que você é capaz e conseguirá tudo que deseja, que consiga alcançar todos os seus sonhos, você merece o que há de melhor e lutaremos juntos para realizar todos os nossos objetivos. Te amo Juliana

6 4 A Deus Dedico este trabalho primeiramente a Deus, que me permitiu a inteligência e sabedoria para concretizá-lo, pois sem Ele, nada seria possível e não estaríamos aqui reunidos, desfrutando, juntos, deste momento que nos é tão importante! Aos meus familiares Que sempre me apoiaram ajudando nos momentos mais difíceis, em especial a minha Irmã Rafaela e a meu pai Jose e minha mãe Cirlei, que estiveram ao meu lado à vida toda ensinando a caminhar com valor e dignidade sempre incentivando a estudar. O meu obrigado por tudo aquilo que me tens transmitido e por todos os valores que só se adquirem com uma boa educação! Aos meus amigos Gostaria de agradecer aos meus amigos da faculdade, por todo o tempo que estivemos juntos que contribuíram para concretização desse trabalho, em especial as minhas amigas de monografia Juliana, Roberta e Sheila pela amizade e grande ajuda e compreensão que tornou esse sonho possível, levarei comigo todas as lembranças de todos os momentos juntos! Renan

7 5 A Deus por ter me oferecido a oportunidade de viver e evoluir a cada dia, pois é ele que guia meus passos. Obrigado por estar aqui reunidos, desfrutando juntos deste momento que nos é tão importante. A meus pais Jose Roberto e Dirce que foram e serão sempre os alicerces da minha vida, seus valores e crenças me ensinaram o que é ser uma pessoa transparente, justa e ética e com base nesses valores construirei minha vida, a eles devo tudo e muito mais, mesmo quando não sou capaz de demonstrar essa tremenda gratidão em palavras ou gestos. A meu irmão Marcio com carinho, infelizmente a busca por nossos objetivos nos afastou um pouco, mas sempre que a saudade aperta o telefone toca e nos unimos novamente. Ao meu inesquecível Nando pelo companheirismo, dedicação, incentivo e compreensão oferecida antes, durante e seguramente, por toda a minha trajetória de vida e trajetória profissional. Obrigado por tudo! Te amo. Aos meus colegas de equipe Juliana, Renan e Sheila, pelos momentos de aprendizagem constante e pela amizade solidificada, ao longo deste trabalho, que certamente se eternizarão. Que Deus abençoe a todos e faça com que o diferencial de cada um seja reconhecido e se tornem degraus para o caminho do sucesso. Roberta

8 6 A mãezinha mais maravilhosa do mundo... Que sempre esteve ao meu lado, me apoiando, me dando forças para continuar e que sempre acreditou em mim... Você é vitoriosa e um grande exemplo de mulher, é forte e guerreira e não se deixou e não se deixa abater nos momentos mais difíceis da vida... Agradeço a Deus todos os dias por ter me dado uma mãezinha tão especial e maravilhosa e me sinto honrada por ter você como minha mãe... Te amo muitooo... Ao paizinho mais maravilhoso do mundo... A saudade não existe para dizer que estamos separados, mas sim para dizer que um dia estivemos juntos... Nesse momento tão esperado, nem tudo é motivo de comemoração, pois falta alguém especial. A saudade amplia e o coração aperta, pois me lembro de seus ensinamentos, dos momentos que estivemos juntos e do brilho do seu olhar. Embora não possa tocá-lo ou vê-lo, posso imaginar você em algum lugar. Sentirei sua presença junto aos familiares e amigos, na hora de receber meu diploma ouvirei seu aplauso... Agradeço a Deus todos os dias por ter me dado o paisinho tão especial e maravilhoso, pena que Deus o quis ao lado dele cedo demais... Pai te amo muito e nunca te esquecerei... irmã mais maravilhosa do mundo... Lo...apesar das nossas brigas, mas que irmãs que não brigam, não é?!? quero dizer te amo muito e agradeço a Deus todos os dias por ter uma irmã como você...que Deus continue iluminando seu caminho... que você consiga realizar todos os seus sonhos e seja muito feliz... Lo te amo muito... Ao meu namorado Rodrigo... Bonequinho...obrigada por sempre estar ao meu lado cuidando de mim, me dando força, conselhos e que nunca deixou que eu desanimasse. Pela atenção, compreensão, amor e paciência nos dias que estive ausente... Agradeço a Deus por ter me dado um namorado tão especial e maravilhoso... espero continuar com você o resto da minha vida... Te amo muito... Sheila

9 7 AGRADECIMENTOS À Deus Que em todo os momento de nossa vida esteve conosco, transmitindo -nos muita força e saúde para conseguirmos, e que nas horas mais difíceis de desânimo e desespero nos conduziu ao caminho certo, não deixando que a esperança se acabasse, compreendendo os momentos que esquecíamos de agradece-lo, preocupando-nos somente em pedir. Agradecemos-lhe por esta grande vitória alcançada, pois sem ele não conseguiríamos nada. À Empresa Agradecemos a toda equipe do UNISALESIANO, que direta ou indiretamente participaram da construção deste trabalho se mostrando receptiva e oferecendo muito mais que informações e cortesia. Nossa imensa gratidão pela grande colaboração à nossa formação acadêmica e profissional, proporcionando-nos a oportunidade de ver esse sonho concretizado. À nossa amiga e orientadora Máris de Cássia Ribeiro Agradecemos pela preocupação e dedicação que ofereceu a nós, obrigada mestra por compartilhar seus conhecimentos e experiência nos orientando com motivação, chegamos ao término de nosso trabalho, idealizando nossos objetivos. Muito obrigado. À nossa a amiga e orientadora Heloisa Helena Rovery da Silva Agradecemos por sua paciência e compreensão principalmente nos momentos mais difíceis, onde sempre nos animava e incentivava a realização deste trabalho. Obrigado por tudo. Aos Mestres Aos nossos mestres pelo conhecimento transmitido e pela oportunidade que nos ofereceram para nossa formação e crescimento pessoal e profissional. Que pela forte presença marcaram nossas vidas e em simples gesto ou até num olhar, transmitiram-nos palavras de incentivo. A vocês, o nosso eterno obrigado. Juliana, Renan, Roberta e Sheila

10 8 RESUMO Atualmente, o Marketing passou a ocupar um papel de destaque em todas as organizações, devido ao aumento da concorrência e maior disputa pelos clientes, pois inclui funções de administração estratégica, como planejamento, análise, implementação e controle. Essa estratégia é o principal foco sobre o conhecimento, ajustando e influenciando consumidores em um esforço para alcançar os objetivos organizacionais. O Marketing Educacional aliado a outros fatores é uma função gerencial que oferece estrutura e ferramentas às Instituições de Ensino e passou a ser visto como diferencial na captação de alunos agregando valor à marca. Ele é de crescente interesse para escolas, universidades, faculdades e outras instituições educacionais, pois as mesmas percebem sua dependência no mercado e preocupam-se em ser bem sucedidas ao atrair e atender seus públicos. Não abrange somente a propaganda, não se trata apenas de atrair novos alunos para as Instituições de Ensino, mas envolve questões como produto, preço, promoção e ponto. As Instituições de Ensino que pretendem manter um bom nível de competitividade deverão aperfeiçoar-se e buscar maior conhecimento sobre o Marketing Educacional, utilizando-o como ferramenta estratégica para obtenção de melhores resultados. Torna-se fundamental e imprescindível a sua implantação, com a utilização de ferramentas e processos inovadores, adequando-se às condições e necessidades apresentadas pelo mercado. O objetivo do trabalho foi de investigar e descrever as estratégias do Marketing Educacional adotadas pelo UNISALESIANO. Após a pesquisa, concluiu-se que a empresa em estudo utiliza as estratégias mercadológicas sugeridas pelo Marketing Educacional. O UNISALESIANO dia-a-dia incrementa suas estratégias mercadológicas e alavanca a sua competitividade no mercado educacional, solidificando cada vez mais a tradicionalidade da sua marca. Palavras-chave: Estratégia. Marketing Educacional. UNISALESIANO.

11 9 ABSTRACT Actually the Marketing department has been playing to occupy an important role in all organizations dire to. By costumers increase of the competition and a larger dispute costumers, as it includes strategic administration functions such as planning, analysis, implementation and control. The is marketing strategy is focused mainly on knowledge, adjusting and influencing costumers in an effort to achieve the organizational objectives. The Educational Marketing, allied to others elements, is a management function that offers structure and tools to the educational institutions, and passed the to be seen as a differential on the students captivation, increasing the brand mark. The Educational Marketing is of interest crescent to schools, universities, colleges and others educational institutions, as the same realize its dependence in the market and are preoccupied in to be well successful to attract and to attend its publics. The Educational Marketing doesn t embrace only the advertising and it s not just about to attract new students to the educational institutions, but it involves matters such as product, price, promotion and localization. The educational institutions that intend to maintain a good level of competition will have to improve themselves and to search more acknowledge about the Educational Marketing, using it as a strategic tool to obtain better results. It s vital led and of great importance that the Educational Marketing be implanted utilizing tools and innovative processes, adequating itself to the market conditions and necessities presented by it. This research objective was to investigate and to describe the Educational Marketing strategies adopted by the UNISALESIANO. After the research s, it could be concluded that the studied institution utilizes the marketing strategies suggested by the Educational Marketing. Day after day, the UNISALESIANO improves its marketing strategies and elevates its competitivity on the educational market, consolidating even more the tradition of its mark. Keywords: Strategy. Educational Marketing. UNISALESIANO.

12 10 LISTA DE FIGURAS Figura 1: Dom Bosco Figura 2: Logomarca Figura 3: Colégio São Luiz Figura 4: Salesiano Figura 5: Salesiano de Lins Unidade I Figura 6: Faculdade Auxilium de Lins Unidade II Figura 7: Salesiano de Araçatuba Unidade III Figura 8: Outdoor da Campanha do Vestibular Figura 9: Baile do UNISALESIANO I Figura 10: Baile do UNISALESIANO II Figura 11: Página inicial do site do UNISALESIANO Figura 12: Frente do Flyer da Campanha do Vestibular Figura 13: Verso do Flyer da Campanha do Vestibular Figura 14: Frente do Folder da Campanha do Vestibular Figura 15: Verso do Folder da Campanha do Vestibular Figura 16: Parte Interna do Folder da Campanha do Vestibular Figura 17: Cartaz da Campanha do Vestibular Figura 18: Folheto da Campanha do Vestibular Figura 19: Jornal Parabenizando o UNISALESIANO Figura 20: Tá Ligado Edição Especial Figura 21: Brindes Figura 22: Atividades Realizadas pela Pastoral Figura 23: Atividades Realizadas I Figura 24: Atividades Realizadas II Figura 25: Atividades do Projeto Nova Esperança I Figura 26: Projeto Nova Esperança II Figura 27: Portadores de Necessidades Especiais I Figura 28: Pessoas Especiais II Figura 29: Atividades do Projeto EFA I Figura 30: Atividades do Projeto EFA II... 87

13 11 LISTA DE QUADROS Quadro 1: Parceiros Empresa Júnior do UNISALESIANO Quadro 2: Clientes da Empresa Júnior do UNISALESIANO... 89

14 12 LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS CET s Centros de Educação Tecnológica CIEE Centro de Integração Empresa-Escola CONSEP Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão CONSU Conselho Universitário EASP - Escola de Administração de Empresas de São Paulo EFA - Escola de Formação e Aperfeiçoamento EJ-FGV Empresa Junior da Fundação Getúlio Vargas ENEM Exame Nacional do Ensino Médio ESPM Escola Superior de Propaganda e Marketing ESSEC L Ecole Supérieure des Sciences Economiques et Commerciales de Paris FAAP Fundação Armando Álvares Penteado FACAMP Faculdades de Campinas FAL Faculdade Auxilium de Lins FCS Faculdades Católicas Salesianas FEBEM - Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor FEJESBA Federação das Empresas Juniores do Estado da Bahia FEJESC - Federação das Empresas Juniores do Estado de Santa Catarina FEJESP Federação das Empresas Juniores do Estado de São Paulo FGV Fundação Getulio Vargas FIAP Faculdade de Informática e Administração Paulista FIES Fundo de financiamento ao Estudante do Ensino Superior GOU Grupo de Oração Universitária GRUMENS Grupo de Mensagens IBMEC Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais IES Instituições de Ensino Superior JADE Junior Association for Development in Europe MEC Ministério da Educação OSS Organizações Sociais de Saúde PROUNI Programa Universidade para Todos SESu Secretaria de Educação Superior UNISALESIANO - Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium

15 13 SUMÁRIO INTRODUÇÃO...17 CAPÍTULO I UNISALESIANO LINS SINÔNIMO DE EDUCAÇÃO CONHECENDO A TRAJETÓRIA DE DOM BOSCO A Missão Salesiana A Logomarca Salesianos/ Salesianas: Caminho de Missão e Santidade Vantagens da Padronização da Logomarca Salesianos/Salesianas Fidelidade na Logomarca A Evolução Histórica do Salesiano/UNISALESIANO Lins O Sistema Preventivo de Dom Bosco Valores Propostos pelo Sistema Preventivo A Junção: Salesiano de Lins, Faculdades Auxilium de Lins e Faculdade Missão do UNISALESIANO Identidade Salesiana Dirigentes do UNISALESIANO Gestão Administrativa UNISALESIANO Órgãos de Administração Superior do UNISALESIANO Órgãos de Administração das Unidades do UNISALESIANO Nível Deliberativo Nível Executivo Órgãos de Assessoramento, de Apoio Administrativos e Complementares Assessorias Departamento de Secretaria Acadêmica Departamento Contábil-Financeiro Departamento de Gestão de Pessoas Departamento de Infra-estrutura e Materiais O Departamento de Tecnologia e Informática Biblioteca... 34

16 Empresa Júnior Empresa Júnior do UNISALESIANO Lins Serviço Social CAÍTULO II MARKETING EDUCACIONAL MARKETING Conceitos de Marketing Marketing Adequado ao Serviço Educacional Segmentando o Mercado Segmentos de Preferências de Segmentação Vantagens da Segmentação Tipos de Segmentação Posicionamento no Mercado Posicionamento Estratégico para IES Passos para o Posicionamento Dificuldades e Falhas no Posicionamento Estratégico Imagem de uma Instituição de Ensino Best-price Convenientes Tradicionais Diferenciadas Elitizadas Marca de uma Instituição Pilares da Marca de uma Instituição Diferenciação Relevância Estima Conhecimento Fatores de Construção de uma Marca de Sucesso Níveis de Significados da Marca Benefícios Atributos Valores Associados à Marca... 56

17 Personalidade Branding Comunicação Composto de Comunicação Venda Pessoal Serviço ao Cliente Propaganda Tipos de Propaganda Medindo a Eficácia da Propaganda Promoção de Vendas Assessoria de Imprensa Materiais Instrumentais Design Corporativo Passos para uma Comunicação Convincente Atrair os Clientes e Quem Mais Poderia Vir Comprar Definir a Área Geográfica de Atração de Escola Definir Concorrência Elaborar um Briefing da Campanha Planejamento da Estratégia de Comunicação Pesquisa de Criação O processo de Criação Fatores que Influenciam na Escolha da IES Marketing em Sala de Aula O Aluno e o Professor CAPÍTULO III A PESQUISA INTRODUÇÃO À PESQUISA Relato e Discussão sobre o Marketing Educacional do UNISALESIANO LINS Acompanhamento de Egresso UNISALESIANO E VOCÊ Outdoor Visitas às Escolas de Ensino Médio... 71

18 Baile do UNISALESIANO Site Flyers Folders Cartazes Panfletos ou Folhetos Rádio Jornal Momento Salesiano Jornada das Profissões, Mostra de Cursos e Fórum Educacional Tá Ligado Brindes Cessão do Anfiteatro Patrocínios de Time Esportivo Pastoral Programas de Bolsas de Estudo e Trabalho para Alunos Programa Escola da Família Jovens Acolhedores Prouni Fies Bolsa Social Trabalhos para Alunos Projeto Infanto Juvenil de Ação Social Dom Bosco Projeto Nova Esperança Portadores de Necessidades Especiais Escola de Formação e Aperfeiçoamento (EFA) Bolsas de Estudo Destinadas aos Alunos de Graduação Empresa Junior Parecer Final Sobre o Caso PROPOSTA DE INTERVENÇÃO CONCLUSÃO REFERÊNCIAS APÊNDICES... 96

19 17 INTRODUÇÃO Em um mundo globalizado onde a concorrência está cada vez mais acirrada é muito difícil conquistar e fidelizar clientes. Não seria diferente para as Instituições de Ensino, pois há uma grande oferta das mesmas. Para atrair e fidelizar alunos, as Instituições devem utilizar estratégias através do Marketing Educacional, pois se bem elaboradas agregam valor à marca e alavancam as oportunidades de negócio, captando mais alunos. A utilização dessa estratégia é de extrema importância para o sucesso de qualquer organização, uma vez que, com a globalização foram inseridas mais Instituições de Ensino no mercado, e, além disso, a similaridade dos valores das mensalidades, do corpo docente e dos cursos chegam aos extremos, quebrando a fidelidade a marca. A concorrência entre as Instituições de Ensino tem exigido melhores níveis de serviço no atendimento aos alunos. A melhoria dessa qualidade pode ser traduzida de diferentes formas através dos 4Ps: o P de produto mostra a inserção do aluno no mercado de trabalho; o P de preços de mensalidade é também um ponto com forte influência; o P de praça é a localização da Instituição e estrutura física da mesma e o P de promoção é o processo de comunicação com a divulgação da Instituição. A utilização do Marketing Educacional torna-se fundamental e imprescindível na Instituição com a utilização de ferramentas e processos estratégicos, adequando-se às necessidades do mercado educacional. Diante do exposto, surgiu o seguinte questionamento: As estratégias de Marketing adotadas pelo Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium (UNISALESIANO) de Lins são coerentes com o Marketing Educacional? Em resposta ao questionamento levantou-se a seguinte hipótese: A capacitação docente, estrutura física e os valores disseminados pelo UNISALESIANO, aliados às estratégias mercadológicas adotadas pelo Marketing Educacional auxiliam positivamente a instituição na captação de alunos no mercado regional atual. Com o objetivo de verificar se o Marketing Educacional influencia nas

20 18 estratégias competitivas, foi realizada uma pesquisa de campo no UNISALESIANO que está localizada na cidade de Lins, estado de São Paulo. Para a realização da pesquisa de campo foram utilizados os seguintes métodos: Estudo de caso, observação sistemática e histórico, que estão descritos no Capítulo II e suas respectivas técnicas. Capítulo I: aborda sobre a história de Dom Bosco e do UNISALESIANO, bem como sua evolução. Capítulo II: descreve o Marketing Educacional. Capítulo III: demonstra a pesquisa de campo realizada na Empresa em estudo. Finalizando, apresentam-se a proposta de intervenção e a conclusão.

21 19 CAPÍTULO I UNISALESIANO LINS: SINÔNIMO DE EDUCAÇÃO 1 CONHECENDO A TRAJETÓRIA DE DOM BOSCO Fonte: Unisalesiano, 2008 Figura 1: Dom Bosco João Bosco nasceu em Becchi, região da Itália, aos 16 de agosto de Filho de Francisco e Margarida parecia ter um futuro pouco diferente dos camponeses de sua terra se não fosse o plano que Deus lhe reservava. Com apenas dois anos de idade, Joãozinho perde o pai, vítima de uma forte pneumonia. Mamãe Margarida, mulher forte e dedicada, não gasta tempo com lamentações: assume o trabalho de sustentar a família. Aos nove anos teve um sonho que marcou o seu futuro. Nele, bandos de animais selvagens se transformaram em mansas ovelhas. Apareceu um homem e uma senhora dizendo coisas que só mais tarde compreenderia. Deus o chamou para ser padre, mas para isso precisava estudar. As dificuldades, sobretudo financeiras, o obrigavam a muitos sacrifícios. Chegava

22 20 a trocar o tempo de descanso pelo estudo. Aos 30 de setembro de 1835, João Bosco entra para o seminário de Chieri e sua mãe lhe diz: Quando você nasceu lhe consagrei a Nossa Senhora, ensinei a querêla bem. Agora lhe recomendo que seja todo dela. (VIDA DE DOM BOSCO, 2008) Em 5 de julho de 1841, o Arcebispo de Turim estende as mãos sobre a cabeça de João Bosco, invocando o Espírito Santo para que o consagre sacerdote para sempre. Quando ele se levanta, é Dom Bosco. Garelli apanha do sacristão por não saber ajudar na Missa. É o primeiro garoto do oratório de Dom Bosco. Nesse mesmo dia, os dois rezam juntos uma Ave-Maria e se tornam amigos. Essa Ave-Maria tornou-se fonte de muitas bênçãos. Reunindo um grupo de jovens, Dom Bosco inicia uma experiência que chamou de Oratório. Ali, os jovens se reúnem para se divertir, rezar e receber instruções úteis para a vida. Molestado por forte pneumonia, Dom Bosco cai enfermo. Os jovens, com medo de perdê-lo, fazem vigílias de oração e oferecem sacrifícios pela sua saúde. Ao recuperá-la ele promete: Devo minha vida a vocês. Estejam certos: também gastarei por vocês. (VIDA DE DOM BOSCO, 2008) Dom Bosco está sempre com eles: Aqui entre vocês me sinto bem. Minha vida é mesmo estar com vocês. Tornou-se o padre dos jovens. (VIDA DE DOM BOSCO, 2008) Numa visita a um presídio, Dom Bosco se comove ao deparar-se com numerosos jovens saudáveis, robustos, condenados a viver naquele lugar sujo e deseducativo. Era preciso evitar que eles fossem parar ali. Desse propósito nasceu o método educativo Salesiano ou Sistema Preventivo de Dom Bosco. No início eram três, agora centenas. Muita gente ajudava Dom Bosco, mas ele precisava de pessoas que estivessem com os meninos em tempo integral, que pudessem doar-lhes toda a vida. Deus o inspirou numa resposta a esta necessidade. Em 8 de dezembro de 1859, Dom Bosco funda a Sociedade Salesiana. Ele assim a chamou em honra a São Francisco de Sales, o Santo da bondade. Fundou ainda as Filhas de Maria Auxiliadora, os Cooperadores

23 21 Salesianos e o grupo dos Ex-Alunos. A Família Salesiana hoje já conta com mais de vinte institutos religiosos e laçais. Em Mato Grosso do Sul nasceram as Irmãs de Jesus Adolescente. Aos 65 anos de idade, Dom Bosco veio atender a um pedido do Santo Padre, o Papa Leão XIII. Ele entregou a construção da basílica dedicada ao Sagrado Coração de Jesus. Movido por um grande zelo pela Igreja e confiando na Divina Providência Dom Bosco pôs-se a fazer numerosas viagens por toda a Europa em busca de recursos. Preocupado que os jovens não fossem somente bons cristãos, mas também honestos cidadãos, Dom Bosco inicia as escolas profissionais. Em 1835, seus jovens começaram a dar as primeiras marteladas. Acusado de ser revolucionário, Dom Bosco foi vítima de vários atentados. Repetidas vezes o misterioso Grigio surgia do nada para lhe salvar a pele. Dom Bosco não tinha dúvidas: Grigio fora mandando por Deus. Em um sonho, Dom Bosco viu uma tribo de índios robustos, entre os quais caminhavam alguns missionários, eram os Salesianos. Em 1875, ele envia a primeira expedição missionária à Terra do Fogo, na Argentina. Diga aos meus jovens que os espero a todos no céu. Desgastado com uma vela que se queima, Dom Bosco entra na luz. Era madrugada do dia 31 de janeiro de Despediu-se da terra num pequeno quarto do Oratório de Valdocco. (VIDA DE DOM BOSCO, 2008) Em 1º de abril de 1934, com título de Pai e Mestre da Juventude, Dom Bosco é aclamado Santo pelo Papa Pio XI. Hoje o seu exemplo de vida convida você a desde cedo entregar a sua vida por uma causa nobre. 1.1 A Missão Salesiana A missão Salesiana configura-se por uma visão de mundo e de vida das pessoas e, em particular, dos jovens. Está centrada na alegria e no otimismo proveniente da certeza interiorizada da presença contínua de Deus como Pai carinhoso, de seu Filho Jesus Cristo como Bom Pastor e de Maria como nossa

24 22 Mãe. Esse conjunto de referencial que anima as relações e processos, os compromissos científicos, sociais e pessoais, incluindo a aprendizagem e a obtenção de um progresso da ciência, foi resumido por Dom Bosco no tema explicitador da ação educativa salesiana: formar honestos cidadãos e bons cristãos. (CASTRO, s.d.) Faz parte construtiva da missão educativa salesiana a construção de um ambiente acolhedor inspirado pelo Sistema Preventivo, enquanto portador de um espírito de família e de uma postura de educador, caracterizada, principalmente, como presença acolhedora e dinâmica. 1.2 A Logomarca Salesianos/Salesianas: Caminho de Missão e Santidade Já é tradição. Em cada localidade, Salesianos e Salesianas cultivam ao redor de suas obras uma identificação. A ela está agregado um alto valor real de sua dimensão afetiva. A visibilidade da identificação é mantida graças aos insubstituíveis processos locais de comunicação. Hoje, mudanças tecnológicas de relações humanas geram uma profunda alteração nos processos de comunicação. O nome da instituição concorre para a memória efetiva das pessoas com marcas, símbolos e valores de âmbito muito mais amplo e com uma conotação altamente voltada para o marketing. A logomarca caracteriza-se como caminho de Missão e Santidade: O S, em vermelho, configura-se como caminho de segmento a Cristo trilhado por Dom Bosco e Madre Mazzarello, e hoje por nós, na consecução do Projeto de Vida e da Missão. A elipse ou auréola, em azul, representa o lugar da Missão no Mundo e particularmente no Brasil, com objetivo: a Santidade. O nome agregado à marca completa a sua identidade: Salesianos/Salesianas ou afins.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

ACS Assessoria de Comunicação Social

ACS Assessoria de Comunicação Social DISCURSO DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO, HENRIQUE PAIM Brasília, 3 de fevereiro de 2014 Hoje é um dia muito especial para mim. É um dia marcante em uma trajetória dedicada à gestão pública ao longo de vários

Leia mais

GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO. fgv.br/vestibular

GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO. fgv.br/vestibular GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO fgv.br/vestibular IDEALISMO, EXCELÊNCIA E CREDIBILIDADE A Fundação Getulio Vargas surgiu em 20 de dezembro de 1944 com o objetivo de preparar profissionais qualificados em Administração

Leia mais

POLÍTICAS DE EXTENSÃO E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS APRESENTAÇÃO

POLÍTICAS DE EXTENSÃO E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS APRESENTAÇÃO POLÍTICAS DE EXTENSÃO E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS APRESENTAÇÃO A universidade vivencia, em seu cotidiano, situações de alto grau de complexidade que descortinam possibilidades, mas também limitações para suas

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Tema 8: Vocação - um novo relacionamento Deus se revela através dos outros

Tema 8: Vocação - um novo relacionamento Deus se revela através dos outros Tema 8: Vocação - um novo relacionamento Deus se revela através dos outros DEUS SE REVELA ATRAVÉS DOS OUTROS Ser Marista com os outros: Experimentar caminhos de vida marista comunitariamente INTRODUÇÃO

Leia mais

DISCURSO DE POSSE DA VICE-REITORA DA UNEB, ADRIANA DOS SANTOS MARMORI LIMA

DISCURSO DE POSSE DA VICE-REITORA DA UNEB, ADRIANA DOS SANTOS MARMORI LIMA DISCURSO DE POSSE DA VICE-REITORA DA UNEB, ADRIANA DOS SANTOS MARMORI LIMA Familiares, amigos, técnicos administrativos, estudantes, professores, grupo gestor da UNEB, autoridades civis, militares, políticas

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014 1 FACULDADE DE ESTUDOS SOCIAIS DO ESPÍRITO SANTO PIO XII CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO EM COMÉRCIO EXTERIOR I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 2014 O currículo

Leia mais

Proposta de Candidatura Diretoria da Presidência Agrobio Consultoria Júnior Gestão 2013. Isabella Assunção Cerqueira Procópio

Proposta de Candidatura Diretoria da Presidência Agrobio Consultoria Júnior Gestão 2013. Isabella Assunção Cerqueira Procópio Proposta de Candidatura Diretoria da Presidência Agrobio Consultoria Júnior Gestão 2013 Isabella Assunção Cerqueira Procópio Janeiro de 2013 1 Sumário 1. Dados Básicos de Identificação...3 2. Histórico

Leia mais

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil Documento do MEJ Internacional Para que a minha alegria esteja em vós Por ocasião dos 100 anos do MEJ O coração do Movimento Eucarístico Juvenil A O coração do MEJ é a amizade com Jesus (Evangelho) B O

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

6h diárias - 11 meses

6h diárias - 11 meses 6h diárias - 11 meses PROPOSTA PEDAGÓGICA PROGRAMA DE APRENDIZAGEM EM AUXILIAR DE VAREJO ÍNDICE 1 - Apresentação da Entidade ijovem 3 2 - Justificativa do Programa. 3 3 Público-alvo: 4 4 Objetivo geral:

Leia mais

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra:

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra: MBA Pós - Graduação QUEM SOMOS Para pessoas que têm como objetivo de vida atuar local e globalmente, ser empreendedoras, conectadas e bem posicionadas no mercado, proporcionamos uma formação de excelência,

Leia mais

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens A obra salesiana teve início em Turim, na Itália, onde Dom Bosco colocou em prática seus ideais de educação associados ao desenvolvimento

Leia mais

Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010

Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010 Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010 O trabalho da CPA/PUCSP de avaliação institucional está regulamentado pela Lei federal nº 10.861/04 (que institui o SINAES), artigo 11 e pelo

Leia mais

PROGRAMA COMPLIANCE VC

PROGRAMA COMPLIANCE VC Seguir as leis e regulamentos é ótimo para você e para todos. Caro Colega, É com satisfação que compartilho esta cartilha do Programa Compliance VC. Elaborado com base no nosso Código de Conduta, Valores

Leia mais

BIÊNIO 2012-2013. Tema Geral da Igreja Metodista "IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA. Tema para o Biênio

BIÊNIO 2012-2013. Tema Geral da Igreja Metodista IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA. Tema para o Biênio 1 IGREJA METODISTA PASTORAL IMED PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO E PLANO DE AÇÃO BIÊNIO 2012-2013 Tema Geral da Igreja Metodista "IGREJA: COMUNIDADE MISSIONÁRIA A SERVIÇO DO POVO ESPALHANDO A SANTIDADE BÍBLICA

Leia mais

PROGRAMAs de. estudantil

PROGRAMAs de. estudantil PROGRAMAs de empreendedorismo e protagonismo estudantil Ciclo de Palestras MAGNUM Vale do Silício App Store Contatos Calendário Fotos Safari Cumprindo sua missão de oferecer uma educação inovadora e de

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Antes da Solene celebração, entregar a lembrança do centenário No Final terá um momento de envio onde cada pessoa reassumirá a missão. O sinal deste momento será a colocação

Leia mais

CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI

CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI A implementação do Plano de Desenvolvimento Institucional, envolve além dos objetivos e metas já descritos, o estabelecimento de indicadores, como forma de se fazer o

Leia mais

Concepção e Fundamentos Gilberto Antonio da Silva

Concepção e Fundamentos Gilberto Antonio da Silva Pastoral Juvenil Salesiana Concepção e Fundamentos Gilberto Antonio da Silva Fundamentos Dom Bosco Madre Mazzarello Movidos pelo ES tiveram clara consciência de ser chamados por Deus a uma missão singular

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO O Curso de Secretariado Executivo das Faculdades Integradas de Ciências Exatas Administrativas e Sociais da UPIS, reconhecido pelo MEC desde 1993, pela Portaria 905, de 24.06,1993,

Leia mais

CBA. Certification in Business Administration

CBA. Certification in Business Administration CBA Pós - Graduação QUEM SOMOS PARA PESSOAS QUE TÊM COMO OBJETIVO DE VIDA ATUAR LOCAL E GLOBALMENTE, SEREM EMPREENDEDORAS, CONECTADAS E BEM POSICIONADAS NO MERCADO, PROPORCIONAMOS UMA FORMAÇÃO DE EXCELÊNCIA

Leia mais

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva.

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva. COMPREENDENDO A GESTÃO DE PESSOAS Karina Fernandes de Miranda Helenir Celme Fernandes de Miranda RESUMO: Este artigo apresenta as principais diferenças e semelhanças entre gestão de pessoas e recursos

Leia mais

O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO

O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO O PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO Josiane Corrêa 1 Resumo O mundo dos negócios apresenta-se intensamente competitivo e acirrado. Em diversos setores da economia, observa-se a forte

Leia mais

Escritório Modelo da Faculdade de Diadema

Escritório Modelo da Faculdade de Diadema Escritório Modelo da Faculdade de Diadema Profª. Vânia Amaro Gomes Coordenação de Curso DIADEMA, 2015 Introdução Atualmente há uma grande dificuldade dos alunos egressos das Faculdades em obter emprego

Leia mais

DIMENSÃO 1 A MISSÃO E O PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL

DIMENSÃO 1 A MISSÃO E O PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL Faculdade Educacional da Lapa 1 FAEL RESULTADOS - AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2012 O referido informativo apresenta uma súmula dos resultados da autoavaliação institucional, realizada no ano de 2012, seguindo

Leia mais

EMPREENDEDORISMO 2013

EMPREENDEDORISMO 2013 COLÉGIO CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Rua Professor Pedreira de Freitas, 401/415 Fone 2942-1499 Tatuapé ORIENTAÇÕES AO PROJETO DE EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO 2013 APRESENTAÇÃO Empreendedorismo é o estudo

Leia mais

Sobre esta obra, você tem a liberdade de:

Sobre esta obra, você tem a liberdade de: Sobre esta obra, você tem a liberdade de: Compartilhar copiar, distribuir e transmitir a obra. Sob as seguintes condições: Atribuição Você deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante

Leia mais

por Adelita Roseti Frulane

por Adelita Roseti Frulane A Companhia da Imaculada e São Domingos Sávio por Adelita Roseti Frulane Em 28 de dezembro de 1854, em Roma, o Papa Pio IX proclamou o Dogma de Fé da Imaculada Conceição de Maria Santíssima. E em Turim,

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE Introdução A CF deste ano convida-nos a nos abrirmos para irmos ao encontro dos outros. A conversão a que somos chamados implica

Leia mais

Você sabe onde quer chegar?

Você sabe onde quer chegar? Você sabe onde quer chegar? O Ibmec te ajuda a chegar lá. Gabriel Fraga, Aluno de Administração, 4º periodo, Presidente do Ibmex, Empresa Jr. Ibmec. Administração Ciências Contábeis Ciências Econômicas

Leia mais

Projeto Pedagógico Institucional PPI FESPSP FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI

Projeto Pedagógico Institucional PPI FESPSP FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI Grupo Acadêmico Pedagógico - Agosto 2010 O Projeto Pedagógico Institucional (PPI) expressa os fundamentos filosóficos,

Leia mais

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE A Novena de Natal deste ano está unida à Campanha da Fraternidade de 2013. O tema Fraternidade e Juventude e o lema Eis-me aqui, envia-me, nos leva para o caminho da JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE Faça a

Leia mais

Programa de Comunicação Interna e Externa

Programa de Comunicação Interna e Externa Programa de Comunicação Interna e Externa Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015. O Programa de Comunicação Interna e Externa das Faculdades Integradas Ipitanga FACIIP pretende orientar a execução

Leia mais

Dos cursos de MBA, apenas 2,5% são feitos pela internet

Dos cursos de MBA, apenas 2,5% são feitos pela internet Dos cursos de MBA, apenas 2,5% são feitos pela internet Cursos de Master Business Administration (MBA) a distância são minoria no Brasil se comparados aos presenciais. Dos cerca de 4,1 mil MBAs registrados

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL RESOLUÇÃO CUNI Nº 085, DE 6 DE DEZEMBRO DE 2011. O Conselho Universitário da Universidade Federal de Lavras, no uso de suas atribuições regimentais, e tendo em vista o que foi deliberado

Leia mais

MBA em Gestão de Pessoas com Ênfase em Estratégias 15ª Turma

MBA em Gestão de Pessoas com Ênfase em Estratégias 15ª Turma MBA em Gestão de Pessoas com Ênfase em Estratégias 15ª Turma Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você

Leia mais

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica OBLATOS ORIONITAS linhas de vida espiritual e apostólica Motivos inspiradores da oblação orionita laical O "carisma" que o Senhor concede a um fundador, é um dom para o bem de toda a Igreja. O carisma

Leia mais

ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS

ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS ÍNDICE em ordem alfabética: Artigo 1 - ENDOMARKETING: UMA FERRAMENTA ESTRATÉGICA PARA DESENVOLVER O COMPROMETIMENTO... pág. 2 Artigo 2 - MOTIVANDO-SE... pág. 4 Artigo 3 - RECURSOS

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2012 Resolução COP Nº. 114/2011 de 08/12/2011

PLANO DE AÇÃO 2012 Resolução COP Nº. 114/2011 de 08/12/2011 PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL De acordo com o Decreto 5.773/2006 PERÍODO - 2012-2015 Resolução COP Nº 113/2011, de 08/12/2011 PLANO DE AÇÃO 2012 Resolução COP Nº. 114/2011 de 08/12/2011 Lucas

Leia mais

Informações sobre o Curso de Administração

Informações sobre o Curso de Administração Objetivo Geral do Curso: Informações sobre o Curso de Administração Prover a sociedade de profissional dotado de senso crítico e comportamento ético-profissional qualificado. Um Administrador criativo,

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico O Dia D e a culturalização de um posicionamento estratégico 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE Centro Universitário Franciscano uma universidade para suas aspirações Santa Maria é um polo educacional

Leia mais

Comunicação Empresarial

Comunicação Empresarial Comunicação Empresarial MBA em Gestão Empresarial MBA em Logística MBA em Recursos Humanos MBA em Gestão de Marketing Prof. Msc Alice Selles 24/11 Aula inicial apresentação e visão geral do módulo. Proposição

Leia mais

APRESENTAÇÃO FAAR JUNIOR CONSULTORIA

APRESENTAÇÃO FAAR JUNIOR CONSULTORIA FAAR JUNIOR CONSULTORIA INSTITUTO EDUCACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO FAAR FACULDADE DE ARAÇATUBA Rua: Sarjob Mendes, 244 Bairro: Icaray Telefone: (18) 3636-7610 Araçatuba São Paulo APRESENTAÇÃO FAAR JUNIOR

Leia mais

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE)

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) É o chamado do Ministério da Educação (MEC) à sociedade para o trabalho voluntário de mobilização das famílias e da comunidade pela melhoria da

Leia mais

Al. dos Pamaris, 308 Moema São Paulo / SP - CEP: 04086-020 Fone: 11 5535-1397 Fax: 11 5531-5988 www.humus.com.br

Al. dos Pamaris, 308 Moema São Paulo / SP - CEP: 04086-020 Fone: 11 5535-1397 Fax: 11 5531-5988 www.humus.com.br PALESTRAS E CURSOS IN COMPANY PARA O ENSINO SUPERIOR ACADÊMICOS A Coordenação de Curso e sua Relevância no Processo de Competitividade e Excelência da IES Acessibilidade: requisito legal no processo de

Leia mais

INFORMATIVO SOBRE ENTIDADES ESTUDANTIS

INFORMATIVO SOBRE ENTIDADES ESTUDANTIS PRÓ- DE EXTENSÃO INFORMATIVO SOBRE ENTIDADES ESTUDANTIS Olá! Você já deve ter feito uma dessas perguntas: O que são entidades estudantis? Para que servem? Qual a diferença entre um CA e um DA? Como criar

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DIREÇÃO DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE. UNIOESTE - Campus de Francisco Beltrão. Quadriênio 2016-2019. Candidata

PLANO DE TRABALHO DIREÇÃO DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE. UNIOESTE - Campus de Francisco Beltrão. Quadriênio 2016-2019. Candidata PLANO DE TRABALHO DIREÇÃO DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIOESTE - Campus de Francisco Beltrão Quadriênio 2016-2019 Candidata Franciele Ani Caovilla Follador Slogan: CCS em ação! 1 INTRODUÇÃO Em 1991,

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO CET-FAESA

APRESENTAÇÃO DO CET-FAESA APRESENTAÇÃO DO CET-FAESA A FAESA, com atuação na área de ensino há mais de 40 anos, fundou em 2004 a Faculdade de Tecnologia FAESA, CET-FAESA, que há 10 anos oferece graduações Tecnológicas de forma pioneira

Leia mais

SERVIR COM ALEGRIA C O N F I R A

SERVIR COM ALEGRIA C O N F I R A 2014 UMA FAMÍLIA A SERVIÇO DO REI JESUS SERVIR COM ALEGRIA Boa Vista RR OUT./NOV./DEZ.- Celebrai com júbilo ao SENHOR, todas as terras. Servi ao Senhor com alegria; e entrai diante dele com canto. Sabei

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O

Leia mais

PROGRAMA DE APRENDIZAGEM MBA E PÓS-GRADUAÇÃO

PROGRAMA DE APRENDIZAGEM MBA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE APRENDIZAGEM MBA E PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL MBA e Pós-Graduação Cursos inovadores e alinhados às tendências globais Nossos cursos seguem modelos globais e inovadores de educação. Os professores

Leia mais

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização 2.1 - GRADUAÇÃO 2.1.1. Descrição do Ensino de Graduação na UESC Cursos: 26 cursos regulares

Leia mais

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Outubro 2009 Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Sustentabilidade Articulação Ampliação dos limites Sistematização Elementos do Novo Modelo Incubação

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

POLÍTICA DE ENSINO DA FISMA

POLÍTICA DE ENSINO DA FISMA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ME FACULDADE INTEGRADA DE SANTA MARIA PRELIMINARES POLÍTICA DE ENSINO DA FISMA Santa Maria, RS Junho - 2010 1 SUMÁRIO 1. POLÍTICA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO... 1 2. POLÍTICAS DE ENSINO

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO CAIRU O QUE VOCÊ PRECISA SABER: Por que fazer uma pós-graduação?

PÓS-GRADUAÇÃO CAIRU O QUE VOCÊ PRECISA SABER: Por que fazer uma pós-graduação? PÓS-GRADUAÇÃO CAIRU O QUE VOCÊ PRECISA SABER: Por que fazer uma pós-graduação? O mercado do trabalho está cada vez mais exigente. Hoje em dia, um certificado de pós-graduação é imprescindível para garantia

Leia mais

ESCRITÓRIO MODELO DA FACULDADE DO GUARUJÁ.

ESCRITÓRIO MODELO DA FACULDADE DO GUARUJÁ. ESCRITÓRIO MODELO DA FACULDADE DO GUARUJÁ. Prof. Marat Guedes Barreiros Agosto/2013 Introdução É notória nos dias de hoje a dificuldade dos alunos egressos das Faculdades em obter emprego nas empresas

Leia mais

Vivendo de acordo com nossos valores...

Vivendo de acordo com nossos valores... Vivendo de acordo com nossos valores... o jeito Kinross Nossa empresa, Kinross, é uma empresa internacional de mineração de ouro sediada no Canadá, com operações nos Estados Unidos da América, Rússia,

Leia mais

FACULDADE DA REGIÃO DOS LAGOS INSTITUTO DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS ECONÔMICAS

FACULDADE DA REGIÃO DOS LAGOS INSTITUTO DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS ECONÔMICAS 1. Princípios Teórico-Filosóficos A Faculdade da Região dos Lagos vem se destacando como uma das principais instituições na formação de administradores, empresários e gerentes em nossa região. Além disso,

Leia mais

POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4

POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4 POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4 INTRODUÇÃO Desde que foi fundada em 2001, a ética, a transparência nos processos, a honestidade a imparcialidade e o respeito às pessoas são itens adotados pela interação

Leia mais

Política de Comunicação Integrada

Política de Comunicação Integrada Política de Comunicação Integrada agosto 2009 Política de Comunicação Integrada Política de Comunicação Integrada 5 1. Objetivos Promover a comunicação integrada entre as empresas Eletrobras e dessas

Leia mais

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL índice APRESENTAÇÃO...3 POLíTICA DE PATROCíNIOS DA VOLVO DO BRASIL...3 1. Objetivos dos Patrocínios...3 2. A Volvo como Patrocinadora...3 3. Foco de Atuação...4

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. ANS nº 41431.0

CÓDIGO DE ÉTICA. ANS nº 41431.0 CÓDIGO DE ÉTICA Aprovado pelo Conselho Consultivo da Saúde BRB Caixa de Assistência em sua 37ª Reunião Extraordinária, realizada em 10.12.2010. Brasília, 22 de fevereiro de 2011 I - APRESENTAÇÃO CÓDIGO

Leia mais

Política de Comunicação Integrada

Política de Comunicação Integrada Política de Comunicação Integrada agosto 2009 Política de Comunicação Integrada 4 1 Objetivos Promover a comunicação integrada entre as empresas Eletrobras e dessas com os seus públicos de relacionamento,

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO

PROJETO PEDAGÓGICO DO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PROJETO PEDAGÓGICO DO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO APRESENTAÇÃO O Projeto Político Pedagógico da Escola foi elaborado com a participação da comunidade escolar, professores e funcionários, voltada para a

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA

TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA Função no Projeto: Contratação de consultoria especializada para desenvolver e implementar estratégias de impacto e sustentabilidade da Campanha Coração Azul no

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

Educação Corporativa. Liderança Estratégia Gestão. KM Partners Educação Corporativa

Educação Corporativa. Liderança Estratégia Gestão. KM Partners Educação Corporativa Educação Corporativa Liderança Estratégia Gestão O que é Educação corporativa? Educação corporativa pode ser definida como uma prática coordenada de gestão de pessoas e de gestão do conhecimento tendo

Leia mais

A importância do branding

A importância do branding A importância do branding Reflexões para o gerenciamento de marcas em instituições de ensino Profª Ligia Rizzo Branding? Branding não é marca Não é propaganda Mas é sentimento E quantos sentimentos carregamos

Leia mais

MARC A PROTEGER PARA NÃO PERDER

MARC A PROTEGER PARA NÃO PERDER MARC A PROTEGER PARA NÃO PERDER Caro leitor! Nós, da Tavares Propriedade Intelectual, resolvemos desenvolver este material educativo com o propósito de alertar empresários e executivos da necessidade de

Leia mais

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL Relatório e Análise 2005 Introdução: ``Para que a Construtora Mello Azevedo atinja seus objetivos é necessário que a equipe tenha uma atitude vencedora, busque sempre resultados

Leia mais

Músicos, Ministros de Cura e Libertação

Músicos, Ministros de Cura e Libertação Músicos, Ministros de Cura e Libertação João Paulo Rodrigues Ferreira Introdução Caros irmãos e irmãs; escrevo para vocês não somente para passar instruções, mas também partilhar um pouco da minha experiência

Leia mais

Relatório Gestão do Projeto 2013

Relatório Gestão do Projeto 2013 Relatório Gestão do Projeto 2013 Fundação Aperam Acesita e Junior Achievement Minas Gerais: UMA PARCERIA DE SUCESSO SUMÁRIO Resultados 2013... 6 Resultados dos Programas... 7 Programa Vamos Falar de Ética...

Leia mais

CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY

CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY Instrumental e modular, o Ferramentas de Gestão é uma oportunidade de aperfeiçoamento para quem busca conteúdo de qualidade ao gerenciar ações sociais de empresas

Leia mais

CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLEX 2016

CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLEX 2016 CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLE 2016 CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLE 2016 ÁREAS DE NEGÓCIOS E ENGENHARIA O Programa Pós-Flex da Universidade Positivo possui 15 cursos voltados para

Leia mais

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ

FACULDADE REDENTOR ITAPERUNA RJ RESULTADOS DA PESQUISA DE PERCEPÇÃO E SATISFAÇÃO DOS CURSOS DE: MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA DOS NEGÓCIOS MBA - GESTÃO ESTRATÉGICA COM PESSOAS FACULDADE REDENTOR 2012 ITAPERUNA RJ MODELO DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO

Leia mais

PROMETO, DIGNIFICAR MINHA PROFISSÃO, CONSCIENTE DE MINHAS RESPONSABILIDADES LEGAIS, OBSERVAR O CÓDIGO DE ÉTICA, OBJETIVANDO

PROMETO, DIGNIFICAR MINHA PROFISSÃO, CONSCIENTE DE MINHAS RESPONSABILIDADES LEGAIS, OBSERVAR O CÓDIGO DE ÉTICA, OBJETIVANDO ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS PROMETO, DIGNIFICAR MINHA PROFISSÃO, CONSCIENTE DE MINHAS RESPONSABILIDADES LEGAIS, OBSERVAR O CÓDIGO DE ÉTICA, OBJETIVANDO O APERFEIÇOAMENTO DA CIÊNCIA DA ADMINISTRAÇÃO, O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

A importância do design nos negócios

A importância do design nos negócios A importância do design nos negócios SUMÁRIO Apresentação 4 A importância do Design 5 Design de Comunicação 13 A Escada do Design 6 Design Gráfico 14 O processo do Design 7 Logomarca 15 Design & Inovação

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária ocê é convidado a iniciar uma experiência de oração. Às vezes pensamos que o dia-a-dia com seus ruídos, suas preocupações e sua correria não é lugar apropriado para levantar nosso

Leia mais

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES):

Leia mais

LICENCIATURA EM HISTÓRIA. fgv.br/vestibular

LICENCIATURA EM HISTÓRIA. fgv.br/vestibular LICENCIATURA EM HISTÓRIA fgv.br/vestibular IDEALISMO, EXCELÊNCIA E CREDIBILIDADE A Fundação Getulio Vargas surgiu em 20 de dezembro de 1944 com o objetivo de preparar profissionais qualificados em Administração

Leia mais

O que é o Ação Integrada?

O que é o Ação Integrada? O que é o Ação Integrada? Resultado de uma articulação entre a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE/MT), o Ministério Público do Trabalho (MPT/MT), a Fundação Uniselva da Universidade

Leia mais

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS A Fundação Getulio Vargas (FGV) deu início a

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

PROJETO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Gestão e Relações Internacionais

PROJETO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Gestão e Relações Internacionais PROJETO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Gestão e Relações Internacionais IDENTIFICAÇÃO DO CURSO Curso de Especialização em Gestão e Relações Internacionais Área de Conhecimento: Ciências Sociais Aplicadas

Leia mais

Minha lista de sonhos

Minha lista de sonhos Licença No: # 122314/LS Fone: +55-11 5539-4719 E mail: vagner@programavirandoojogo.com.br Web: www.programavirandoojogo.com.br 2015 Minha lista de sonhos Com visão 2025 PREPARADO POR VAGNER MOLINA Rua

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

NORIEL VIANA PEREIRA Candidato a Diretor ESTES

NORIEL VIANA PEREIRA Candidato a Diretor ESTES NORIEL VIANA PEREIRA Candidato a Diretor ESTES CHAPA: InterAÇÃO: Equidade e Responsabilidade Propostas para a Gestão Junho/2013 a Junho/2017 UBERLÂNDIA 2013 1.0 APRESENTAÇÃO DO CANDIDATO Bacharel e Licenciado

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO Administração LFE em Administração de Empresas Lajeado 4811 Administração LFE em Administração

Leia mais

REFLEXÃO. (Warren Bennis)

REFLEXÃO. (Warren Bennis) RÉSUMÉ Consultora nas áreas de Desenvolvimento Organizacional e Gestão de Pessoas; Docente de Pós- Graduação; Coaching Experiência de mais de 31 anos na iniciativa privada e pública; Doutorado em Administração;

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais