SUMÁRIO. Localidades da pesquisa, amostra e entrevistas realizadas por Área de Planejamento AP s 2. Caracterização do entrevistado sem carteira 04

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SUMÁRIO. Localidades da pesquisa, amostra e entrevistas realizadas por Área de Planejamento AP s 2. Caracterização do entrevistado sem carteira 04"

Transcrição

1 Pesquisa de Opinião Pública sobre as Campanhas Educativas para o Trânsito & da I m a g e m I n s t i t u c i o n a l da CET- RIO Relatório de Pesquisa 2008

2 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 03 PRINCIPAIS RESULTADOS 1. Localidades da pesquisa, amostra e entrevistas realizadas por Área de Planejamento AP s 2. Caracterização do entrevistado sem carteira Caracterização do entrevistado com carteira Perfil dos condutores com Carteira Nacional de Habilitação Percepção quanto à imagem da CET-RIO Percepção quanto às Campanhas Educativas Principais conclusões 16 Anexos (Tabulações e Questionário) 04 Pág. 2

3 APRESENTAÇÃO A Companhia de Engenharia de Tráfego - CET-RIO, em continuidade à busca de instrumentos de aferição da satisfação da população quanto à qualidade dos serviços prestados de engenharia de trânsito, operação, fiscalização e educação, bem como da necessidade de gerar subsídios para as Campanhas de Educação para o Trânsito e para melhorar a gestão do trânsito no município do Rio de Janeiro, realizou pesquisa para conhecer o perfil da população em relação à sua postura e ao seu comportamento no trânsito. Mediante contratação de empresa especializada, realizou a pesquisa quantitativa na Semana Nacional do Trânsito, junto à população residente nos diversos bairros que compõem as 10 Áreas de Planejamento do Município AP s (Barra da Tijuca, Campo Grande, Centro, Ilha do Governador, Leblon, Madureira, Méier, Realengo, Santa Cruz e Vila Isabel). Adotando-se a modalidade de entrevistas pessoais, a partir de questionário estruturado e aprovado pelo Centro de Educação para o Trânsito CED, foram aplicados questionários, distribuídos proporcionalmente entre as 10 Áreas de Planejamento, permitindo inferências sobre o universo pesquisado com margem máxima de erro de 2,8 pontos percentuais, para mais ou para menos, para um intervalo de confiança de 95%. A pesquisa foi realizada no período de 18 a 26 de setembro de 2008 e incluiu o levantamento de informações relativas a: Caracterização dos entrevistados; Perfil dos condutores com Carteira Nacional de Habilitação - CNH; Percepção quanto à imagem da CET-RIO; Percepção quanto às Campanhas Educativas; Principais conclusões. 3

4 Principais Resultados 1. Localidades da pesquisa, amostra e entrevistas realizadas por Área de Planejamento AP s. A pesquisa quantitativa para conhecer o perfil da população do Município do Rio de Janeiro em relação à sua postura e ao seu comportamento no trânsito, além de sua opinião em relação às Campanhas Educativas e sobre a imagem da CET-RIO foi realizada no período de 18 a 26 de setembro de 2008, junto à população residente nos diversos bairros que compõem as 10 Áreas de Planejamento do Município AP s (Barra da Tijuca, Campo Grande, Centro, Ilha do Governador, Leblon, Madureira, Méier, Realengo, Santa Cruz e Vila Isabel). A partir da utilização de um questionário estruturado, aprovado pelos técnicos do Centro de Educação para o Trânsito CED, foram realizadas entrevistas nos domicílios das 10 AP s, cabendo por cada Área, em média, a aplicação de 120 questionários de forma aleatória. 2. Caracterização dos entrevistados 2.1 Sem carteira de motorista Segundo a população amostral (1.207 respondentes), 56% (677 casos) asseveraram não possuir carteira de motorista. Desses, 50% têm menos de 36 anos de idade e 55% são pessoas do sexo masculino. Tabela 1 Faixa etária, segundo o sexo dos entrevistados sem carteira de motorista. Faixa etária Masculino Feminino Total De 18 a 25 anos 28,5 21,4 25,3 De 26 a 35 anos 24,5 24,7 24,6 De 36 a 45 anos 12,9 27,3 19,4 De 46 a 55 anos 23,9 15,1 20,0 De 56 a 65 anos 5,6 9,2 7,2 Mais de 65 anos 4,6 2,3 3,6 Bases: (amostra) A escolaridade desse grupo de pessoas que não possui carteira de motorista é de até o nível médio completo (87% das citações), ressaltando que o estrato feminino é o que apresenta o maior percentual de pessoas com o maior grau de escolaridade, tanto no nível médio completo quanto no nível superior. 4

5 Tabela 2 Grau de escolaridade segundo o sexo dos entrevistados sem carteira de motorista Escolaridade Feminino Masculino Total Fundamental incompleto 12,2 10,5 11,2 Fundamental completo 9,5 21,8 16,3 Ensino médio incompleto 11,2 15,6 13,6 Ensino médio completo 53,0 40,9 46,3 Superior incompleto 7,2 8,3 7,8 Superior completo 5,9 3,0 4,3 Pós-graduação 1,0 0,0 0,4 Bases: (amostra) As principais atividades exercidas por esse grupo estão concentradas no trabalho formal e informal, representando 50% e 24% respectivamente, cabendo registrar que 65% têm renda familiar que não ultrapassa R$ 1.260,00 por mês. Tabela 3 Faixa de renda, segundo a atividade dos entrevistados sem carteira de motorista Renda familiar Atividades Estudante Trabalhador formal Trabalhador informal Desempregado Do lar Aposentado Outra Total Até R$ 420,00 4,4 9,3 13,6 9,4 27,0 8,0-10,8 Acima de R$ 420,00 até R$ 1.260,00 Acima de R$ 1.260,00 até R$ 2.100,00 Acima de R$ 2.100,00 até R$ 4.200,00 Acima de R$ 4.200,00 até R$ 8.400,00 37,8 53,2 61,1 71,9 45,9 54,0 14,3 54,2 31,1 24,6 14,2 18,8 10,8 22,0 28,6 21,3 24,4 11,1 9,3-13,5 14,0 57,1 11,9-1,2 1,2-2, ,1 Acima de R$ 8.400,00 2,2 0,6 0, ,0-0,8 Bases: (amostra)

6 2.2 Com carteira de motorista Dos 530 respondentes que afirmaram possuir Carteira de Nacional de Habilitação CNH, 61% encontram-se com mais de 35 anos de idade, sendo que a faixa etária de 36 a 45 anos apresenta a maior concentração de homens e a de 26 a 35 anos com incidência significativa para as mulheres. Tabela 4 Faixa etária, segundo o sexo dos entrevistados com carteira de motorista. Faixa etária Masculino Feminino Total De 18 a 25 anos 9,2 13,3 12,7 De 26 a 35 anos 25,0 26,7 26,4 De 36 a 45 anos 38,2 21,3 23,8 De 46 a 55 anos 21,1 21,8 21,7 De 56 a 65 anos 6,6 10,2 9,7 Mais de 65 anos - 6,7 5,7 Bases: (amostra) A educação escolar, do estrato de pessoas com carteira de motorista, apresenta-se bem superior ao grupo dos sem carteira, à medida que 82,3% dos habilitados têm grau de escolaridade médio completo (45,9%) ou superior (36,4% dos casos). Cabe registro a diferença do nível da escolaridade superior do segmento feminino (64,4%) em relação ao masculino (31,6%). Tabela 5 Grau de escolaridade segundo o sexo dos entrevistados com carteira de motorista Escolaridade Feminino Masculino Total Fundamental incompleto - 3,3 2,8 Fundamental completo 1,3 9,5 8,3 Ensino médio incompleto 1,3 5,5 4,9 Ensino médio completo 28,9 48,8 45,9 Superior incompleto 18,4 11,5 12,5 Superior completo 42,1 18,8 22,2 Pós-graduação 3,9 1,3 1,7 Bases: (amostra)

7 A renda familiar dos possuidores de Carteira Nacional de Habilitação revela-se bem superior aos não habitados para dirigir, uma vez que 71,6% dos participantes afirmaram ter orçamento mensal superior a R$ 1.260,00, sendo que 59,1% estão na faixa de R$ 1.260,00 a R$ 4.200,00 e a parcela restante de 12,5% com rendimentos familiar superior a R$ 4.200,00. Fato interessante ocorre na análise da renda familiar segundo o gênero, com a predominância do sexo feminino nas faixas mais altas de rendimento familiar, comprovando a participação do cônjuge na composição do orçamento familiar. Tabela 6 Faixa de renda, segundo a atividade dos entrevistados com carteira de motorista Renda familiar Atividades Estudante Trabalhador formal Trabalhador informal Desempregado Do lar Aposentado Outra Total Até R$ 420,00 4,2 1,3-11, ,2 Acima de R$ 420,00 até R$ 1.260,00 20,8 26,7 36,8 77,8-12,3 9,1 27,3 Acima de R$ 1.260,00 até R$ 2.100,00 37,5 34,0 34,9 11,1 66,7 21,1 9,1 32,2 Acima de R$ 2.100,00 até R$ 4.200,00 37,5 27,3 21, ,3 36,4 26,9 Acima de R$ 4.200,00 até R$ 8.400,00-7,3 5, ,3 18,2 8,8 Acima de R$ 8.400,00-3,3 0,9-33,3 7,0 27,3 3,7 Bases: (amostra) Perfil dos detentores da carteira de motorista Segundo os informantes, 80% têm mais de 5 anos de carteira de motorista, sendo que a grande maioria (56,9% dos casos) asseverou possuir a CNH a mais de 10 anos, independentemente do gênero (feminino 55,3% e masculino 57,2%). Tabela 7 Tempo de Carteira Nacional de Habilitação, segundo o sexo Tempo de CNH Feminino Masculino Total Menos de 01ano 11,8 6,8 7,6 Mais de 01 até 05 anos 11,8 12,1 12,1 Mais de 05 até 10 anos 21,1 23,8 23,4 Mais de 10 anos 55,3 57,2 56,9 Bases: (amostra)

8 A regularidade com que dirige, segundo 55% dos entrevistados com CNH, é diária haja vista a necessidade da utilização do veículo para assuntos de ordem profissional e/ou pessoal. As mulheres, na sua maioria (52,6% dos casos) fazem uso do carro eventualmente (34,2%) e nos fins de semana (18,4 das citações) enquanto que os homens sentem necessidade de dirigir diariamente 57% de assinalações. Tabela 8 Regularidade com que dirige, segundo o sexo do motorista Feminino Masculino Total Diariamente 43,4 57,0 55,0 Mais nos fins de semana 18,4 19,6 19,5 Eventualmente 34,2 19,0 21,2 Nunca 3,9 4,4 4,3 Bases: (amostra) O Código de Trânsito Brasileiro é desconhecido por 26% dos motoristas, tendo em vista ser esse o percentual daqueles que afirmaram nunca ter consultado o referido código. Dentre esses, o grupo do sexo feminino tem a maior freqüência (33,8% dos casos), com relação ao desconhecimento normas que regulam o trânsito. Gráfico 1 Consulta ao Código de Trânsito Brasileiro Tem conhecimento do Código 74,1 66,2 Não tem conhecimento do Código 75, ,9 33,8 24, Total de respondentes Motorista do sexo feminino Motorista do sexo masculino Nos últimos dois anos, o motorista do sexo masculino envolveu-se mais em acidentes de trânsito do que o feminino. Aparentemente, tal fato pode ser explicado pela regularidade com que dirige (diariamente) e conseqüentemente por estar exposto mais freqüentemente às condições adversas ou fatores gerador de acidentes. 8

9 Gráfico 2 Acidentes de trânsito nos últimos dois anos Como motorista Como carona Como pedestre Não se envolveu 85,1 88,7 84, ,3 13,4 2,2 5,6 0,4 2,8 2,8 2,1 Total de respondentes Motorista do sexo feminino Motorista do sexo masculino De uma forma geral, os acidentes de trânsito decorrentes das condições adversas de luz, tempo, via, trânsito, veículo e do próprio motorista acarretam ferimentos a ⅓ das pessoas, segundo os entrevistados envolvidos com acidentes nos últimos dois anos. O maior número de acidentados com ferimentos leves e graves está mais presente nas ocorrências com o motorista do sexo feminino, segundo 55,5% das afirmações, cabendo às vítimas com ferimentos graves o percentual de 33,3% dos acidentes. Gráfico 3 Acidentes de trânsito nos últimos dois anos Ferimentos leves Ferimentos graves Sem vítimas 69,2 72, ,5 33,3 24,4 22,2 23,2 6,4 4,3 Total de respondentes Motorista do sexo feminino Motorista do sexo masculino O recebimento de multas de trânsito nos últimos dois anos foi atestado por 39,4% dos detentores da CNH, ressaltando que os homens registram maior incidências de multas (41% de afirmações) do que as mulheres (30.1%). Dentre os que cometeram as infrações de trânsito, 88,5% têm mais de 05 anos de carteira de motorista, sendo que a parcela de motoristas habilitados a mais de 10 anos é responsável por 60,5% do total das multas. 9

10 Gráfico 4 Multas de trânsito nos últimos dois anos 100 Menos de 01 ano Mais de 05 até 10 anos Mais de 01 a 05 anos Mais de 10 anos 75 60,5 68,2 59, ,0 27,3 28,1 8,0 4,5 3,9 8,4 3,5 Total de respondentes Motorista do sexo feminino Motorista do sexo masculino As multas mais recebidas pelos infratores do Código de Trânsito Brasileiro se referem ao excesso de velocidades nas vias, indistintamente do sexo do motorista, perfazendo um total de 51,3% dos casos de autuação. Aparentemente, o avanço de sinais é uma característica mais acentuada do condutor masculino (30,5% das multas) e o estacionamento irregular marca o comportamento do motorista feminino com 36,4% dos casos. Tabela 9 Tipos de infração de trânsito, segundo o sexo dos motoristas Tipos de multas Feminino Masculino Total Excesso de velocidade 59,1 50,3 51,3 Avanço de sinal 18,2 30,5 29,1 Estacionamento irregular 36,4 27,1 28,1 Cinto de segurança 4,5 5,1 5,0 Celular - 4,5 4,0 Outros - 7,3 6,5 Base : (amostra) Nota: a questão admitia mais de uma alternativa de tipos de multas Entre os outros tipos de multas citados (6,5% do total) tem-se como infrações à situação das placas dos veículos, transitar sem capacete, uso de película fora da especificação, parada em local proibido, buzinar em local proibido e regularização da documentação do veículo (IPVA, vistoria, etc). 10

11 4. Percepção quanto à imagem da CET-RIO Tanto a Companhia de Engenharia de Tráfego CET-RIO quanto o seu Centro de Educação para o Trânsito CED são conhecidos pela população residente nos bairros pesquisados em níveis bastante distintos. Gráfico 5 Nível de conhecimento do CET-RIO e do CED pela população Sim, já ouviu falar do CET-RIO Não ouviu falar Sim, já ouviu falar do CED Não ouviu falar 92% 56% 8% 44% Enquanto que a maioria quase absoluta da população (92%) afirma já ter ouvido falar da CET-RIO pouco mais da metade (56%) ouviu ou tem conhecimento da existência do seu Centro de Educação para o Trânsito CED. De uma maneira geral são atribuídos a CET-RIO, única e exclusivamente, os serviços de engenharia de trânsito, operação, fiscalização e educação. Com relação à qualidade dos serviços prestados pela Companhia à população, 37% dos informantes demonstraram estar satisfeitos. O somatório dos conceitos Ótima e boa (40%), confrontado com o total da alternativa Ruim e Péssimo (19%) revela o índice de aprovação da população quanto a essa característica. Tabela 10 Avaliação da qualidade dos serviços prestados à população Qualidade Nº de respondentes Ótima 40 3,0 Boa ,0 Regular ,0 Ruim ,0 Péssima 66 6,0 Não utilizou os serviços 82 7,0 Total ,0 11

12 Entre os insatisfeitos com algum tipo de serviço da Companhia, apenas 19% têm a iniciativa correta de fazer reclamações a respeito e 2% utilizam desse direito eventualmente. Gráfico 6 Registro de reclamações quando insatisfeitos com os serviços prestados Não Sim Eventualmente 79% 2% 19% A parcela restante e representativa de 79% registra que apesar do grau de satisfação ser pequeno ou nenhum não tem o hábito de cobrar providências da instituição. Essa postura de passividade leva-nos a refletir que o principal motivo pode estar contido no desconhecimento de onde, como e a quem reclamar ou no pensamento dessas pessoas de que seria em vão registrar as reclamações. 5. Percepção quanto às Campanhas Educativas Na opinião da população são positivos os resultados das diversas campanhas de educação para o trânsito, a partir do momento que 65% atestam que o comportamento das pessoas e dos motoristas tem mudado no trânsito e nas estradas. Tabela 11 Avaliação das campanhas na mudança de comportamento das pessoas Mudança de comportamento Nº de respondentes Sim Não Eventualmente Não sabe avaliar Total ,0 Os fatores de insucesso das campanhas, segundo as contribuições espontâneas dos entrevistados, prendem-se, principalmente, ao aspecto da impunidade legislação pouco rigorosa e a falta de fiscalização, seguido do fator relacionado à falta de educação da população. 12

13 Especificamente, com relação às Campanhas Educacionais para o Trânsito, 15,1% dos entrevistados asseveraram que as mesmas são mal elaboradas e/ou têm pouca divulgação nos meios de comunicação. Tabela 12 Fatores de insucessos das Campanhas de Educação para o Trânsito Fatores de insucessos Impunidade Legislação pouco rigorosa e Falta de fiscalização 26,3 Falta de educação da população 19,4 Má gestão da administração pública 16,6 Campanhas mal elaboradas e Pouca divulgação 15,1 Comportamento cristalizado 8,3 Falta de conscientização da população 6,3 Falta de cooperação/colaboração da população 5,1 Não sabe / Não respondeu 2,9 Total 100,0 Álcool e direção é o tema de maior preferência da população para as futuras campanhas educativas, com 62% de citações. Num segundo momento, os assuntos relacionados a excesso de velocidade e respeito ao pedestre são os temas mais indicados, com 48% e 38%, respectivamente, do total das opiniões. Tabela 13 Preferência de temas para as Campanhas Educativas Temas Nº de respondentes Álcool e direção ,0 Excesso de velocidade ,0 Respeito aos pedestres ,0 Celular e direção ,0 Divulgação das leis de trânsito ,0 Direcionar a campanha para motoristas de ônibus, táxi, motocicletas, particular, pedestres, etc ,0 Outros 15 1,0 Base: (amostra) Nota: A questão admitia mais de uma alternativa 13

14 Durante a pesquisa de campo, realizada entre os dias 18 e 26 de setembro de 2008, a população não tinha conhecimento que se estava comemorando nesse mesmo período a Semana Nacional do Trânsito, uma vez que 59% dos entrevistados asseveraram desconhecer tal fato. Gráfico 7 Conhecimento sobre a Semana Nacional do Trânsito Sim, tinha conhecimento Não tinha conhecimento 41% 59% Os assuntos abordados pelas campanhas educativas para o trânsito que mais chamaram a atenção da população, no mês de setembro/2008, foram os relacionados com Álcool e direção, a Campanha do Abacaxi na Semana Nacional do Trânsito e a referente ao tema Lei Seca. Fato preocupante está no significativo número de pessoas que afirmaram não ter visto ou não se lembrar das campanhas veiculadas pelos meios de comunicação no mês de setembro/2008. Nesse contexto, pode-se levantar suspeitas que os temas abordados e/ou o conteúdo educativo e/ou a forma de comunicação e/ou o horário de veiculação das campanhas foram inadequados ao público alvo. Tabela 14 Campanhas mais citadas pela população Temas das Campanhas Nº de citações Álcool e direção 100 8,4 Abacaxi 95 8,0 Lei seca 71 6,0 Não lembra 34 2,9 Animais 25 2,1 Um dia sem carro 11 0,9 Crianças 09 0,8 Outros temas diversos 79 6,6 Não viu/não lembra ,4 Total ,0 14

15 Outros temas foram citados com menor freqüência, quais sejam: Semana Nacional do Trânsito, bafômetro, uso obrigatório do capacete, violência no trânsito, sinalização e excesso de velocidade. Entre os insatisfeitos com algum tipo de serviço da Companhia, apenas 19% têm a iniciativa correta de fazer reclamações a respeito e 2% utilizam desse direito eventualmente. Gráfico 8 Registro de reclamações quando insatisfeitos com os serviços prestados Não Sim Eventualmente 79% 2% 19% A parcela restante e representativa de 79% registra que, apesar do grau de satisfação ser pequeno ou nenhum, não tem o hábito de cobrar providências da instituição. Essa postura de passividade leva-nos a refletir que o principal motivo pode estar contido no desconhecimento de onde, como e a quem reclamar ou no pensamento dessas pessoas de que seria em vão registrar as reclamações. 6. Principais conclusões O estrato de pessoas que não têm carteira de motorista representa 56% da população residente nas Áreas de Planejamento AP s, 50% têm menos de 36 anos de idade e 55%. A maioria (87%) tem até o nível médio completo de escolaridade e renda familiar que não ultrapassa R$ 1.260,00 por mês. A parcela a população com Carteira Nacional de Habilitação CNH (44%) tem acima de 35 anos de idade (61%), nível médio completo ou superior (82,3% do total) e contam com um orçamento familiar acima de R$ 1.260,00 mensais. Entre os habilitados a dirigir, 80% têm mais de 05 anos de carteira de motorista, têm o hábito de dirigir diariamente e 26% nunca consultou o Código de Trânsito Brasileiro CTB, ressaltando que o motorista do sexo feminino é o que tem maior desconhecimento das normas que regulam o trânsito (33,8% dos casos). 15

16 Do total dos possuidores de CNH, 14,9% se envolveram em algum tipo de acidente de trânsito nos últimos dois anos, acarretando ferimentos graves e leves às vítimas em 30,8% das ocorrências. As infrações de trânsito nos últimos dois anos, revertidas em multas, foram atestadas por 39,4% dos detentores da CNH. O excesso de velocidade, avanço de sinal e estacionamento irregular são os tipos de multas mais comuns. Enquanto que a maioria quase absoluta da população (92%) afirma já ter ouvido falar da CET-RIO pouco mais da metade (56%) ouviu ou tem conhecimento da existência do seu Centro de Educação para o Trânsito CED. De uma maneira geral são atribuídos a CET-RIO, única e exclusivamente, os serviços de engenharia de trânsito, operação, fiscalização e educação. Os serviços prestados pela Companhia são considerados de boa qualidade por 40% da população, com registro de 19% que avaliaram negativamente. Dentre os insatisfeitos, com algum tipo de serviço, apenas 19% têm a iniciativa correta de fazer reclamações a respeito e 2% utilizam desse direito eventualmente. Os resultados das diversas campanhas de educação para o trânsito são positivos na opinião da população, a partir do momento que 65% atestam que o comportamento das pessoas e dos motoristas tem mudado no trânsito e nas estradas. Os fatores de insucesso das campanhas residem na eficiente educação das pessoas para o convívio social no trânsito, associada a uma fiscalização rigorosa na aplicação das normas contidas no Código de Trânsito Brasileiro. Os assuntos relacionados a álcool e direção, excesso de velocidade e respeito ao pedestre são os temas mais indicados pela população para as futuras campanhas de educação para o trânsito. As campanhas que mais chamaram a atenção da população, no mês de setembro/2008, foram as relacionados com Álcool e direção, a Campanha do Abacaxi na Semana Nacional do Trânsito e a referente ao tema Lei Seca. 16

17 ANEXOS Tabulações e Questionário 17

Pesquisa Quantitativa Plastivida. Setembro de 2012

Pesquisa Quantitativa Plastivida. Setembro de 2012 Pesquisa Quantitativa Plastivida Setembro de 2012 objetivo geral Verificar a opinião da população de Belo Horizonte acerca da retirada das sacolas plásticas dos estabelecimentos comerciais da cidade e

Leia mais

Número 1 Violência no trânsito: o goianiense e a Lei Seca. Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO Fone: 62 3541.6556 www.institutoverus.com.

Número 1 Violência no trânsito: o goianiense e a Lei Seca. Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO Fone: 62 3541.6556 www.institutoverus.com. Número 1 Violência no trânsito: o goianiense e a Lei Seca Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO Fone: 62 3541.6556 www.institutoverus.com.br 0 Estudos de Opinião Número 1 Violência no trânsito: o goianiense

Leia mais

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013

PESQUISA. Avaliação do BRT TransOeste. Abril 2013 PESQUISA Avaliação do BRT TransOeste Abril 2013 1 METODOLOGIA Objetivo: levantar informações sobre as viagens no BRT TransOeste, avaliar a satisfação com este modal, bem como as máquinas de recarga do

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013

AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO 2013 1 AVALIAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE PELOS USUÁRIOS ANO II SÃO PAULO Temas 2 Objetivo e metodologia Utilização dos serviços do plano de saúde e ocorrência de problemas Reclamação ou recurso contra o plano de

Leia mais

Esta é a pesquisa de satisfação

Esta é a pesquisa de satisfação Esta é a pesquisa de satisfação dos usuários de saneamento básico realizada entre a categoria residencial dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário regulados pela Agência em 244 municípios

Leia mais

PLANOS DE SAÚDE. Leandro de Souza Lino

PLANOS DE SAÚDE. Leandro de Souza Lino 1 PLANOS DE SAÚDE Leandro de Souza Lino Na atualidade, as pessoas estão cada vez mais preocupadas com a qualidade de vida e, por sua vez, com a saúde. Assim, a necessidade de ter planos de saúde se faz

Leia mais

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Metodologia COLETA Entrevistas domiciliares com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA Município de São Paulo. UNIVERSO moradores de 16 anos ou mais. PERÍODO DE CAMPO de 26 de setembro a 1º de outubro

Leia mais

PESQUISA DE IMAGEM DO TCE GO SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA

PESQUISA DE IMAGEM DO TCE GO SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE GOIAS PROGRAMA NACIONAL DE MODERNIZAÇÃO DO CONTROLE EXTERNO PROMOEX PESQUISA DE IMAGEM DO TCE GO SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA PESQUISA QUANTITATIVA NOVEMBRO / DEZEMBRO / 2010

Leia mais

MAIS DE 70% NÃO SABEM DENUNCIAR UMA OBRA IRREGULAR

MAIS DE 70% NÃO SABEM DENUNCIAR UMA OBRA IRREGULAR MAIS DE 70% NÃO SABEM DENUNCIAR UMA OBRA IRREGULAR Emmanuelle Serrano Queiroz O tema fiscalização de obras está bastante estampado na mídia devido aos vários acontecimentos. Pelo fato de o assunto ter

Leia mais

SIPS. Paulo Corbucci

SIPS. Paulo Corbucci SIPS Educação Paulo Corbucci Brasília lia,, 28 de fevereiro de 2011 SOBRE O SIPS O Sistema de Indicadores de Percepção Social (SIPS), elaborado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), é uma

Leia mais

Evolução do número de mortes no trânsito em São Paulo

Evolução do número de mortes no trânsito em São Paulo Nota Técnica 232 2014 Evolução do número de mortes no trânsito em São Paulo Max Ernani Borges De Paula Banco de dados de vítimas dos acidentes de trânsito fatais A Companhia de Engenharia de Tráfego realiza

Leia mais

SP 06/94 NT 175/94. Pesquisa: Recursos audiovisuais na Operação Escola. Socióloga Reiko Kawamura. 1. Apresentação

SP 06/94 NT 175/94. Pesquisa: Recursos audiovisuais na Operação Escola. Socióloga Reiko Kawamura. 1. Apresentação SP 06/94 NT 175/94 Pesquisa: Recursos audiovisuais na Operação Escola Socióloga Reiko Kawamura 1. Apresentação Em agosto de 1993, com a volta às aulas, a CET reiniciou em algumas escolas da capital a Operação

Leia mais

www.senado.leg.br/datasenado

www.senado.leg.br/datasenado www.senado.leg.br/datasenado Lei Maria da Penha completa 9 Promulgada em 2006, a Lei Maria da Penha busca garantir direitos da mulher, além da prevenção e punição de casos de violência doméstica e familiar.

Leia mais

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ.

RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. RELATÓRIO DA PESQUISA DA QUALIDADE DE VIDA NA CIDADE DE ARACRUZ. Apresentação Este relatório contém os resultados da 1ª pesquisa de Qualidade de Vida na cidade de Aracruz solicitada pela FACE. O objetivo

Leia mais

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL

IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL IMAGEM DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL PESQUISA QUANTITATIVA APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS PÚBLICOS-ALVO: POPULAÇÃO e FORMADORES DE OPINIÃO FÓRUM VOLVO DE SEGURANÇA NO TRÂNSITO 24 DE SETEMBRO

Leia mais

UMA COMPARAÇÃO ESTATÍSTICA SOBRE O TRÂNSITO: ANTES E DEPOIS DA IMPLANTAÇÃO DAOPERAÇÃO BALADA SEGURA NO RIO GRANDE DO SUL

UMA COMPARAÇÃO ESTATÍSTICA SOBRE O TRÂNSITO: ANTES E DEPOIS DA IMPLANTAÇÃO DAOPERAÇÃO BALADA SEGURA NO RIO GRANDE DO SUL ISSN 2177-9139 UMA COMPARAÇÃO ESTATÍSTICA SOBRE O TRÂNSITO: ANTES E DEPOIS DA IMPLANTAÇÃO DAOPERAÇÃO BALADA SEGURA NO RIO GRANDE DO SUL Daniellen Thaianne de Oliveira Severo - daniii_severo@hotmail.com

Leia mais

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 Junho de 2010 2 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 O objetivo geral deste estudo foi investigar as percepções gerais

Leia mais

Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013

Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013 Avaliação do Programa Cidadania em Trânsito ALUNOS Novembro / 2013 1 INDICE: METODOLOGIA:... 3 PERFIL DOS RESPONDENTES:... 4 CIDADANIA EM TRÂNSITO... 5 A Gidion é uma empresa que:...5 Você sabe se tem

Leia mais

DOAÇÃO DE SANGUE. Raquel Rocha Gomes

DOAÇÃO DE SANGUE. Raquel Rocha Gomes DOAÇÃO DE SANGUE Raquel Rocha Gomes O dia 25 de novembro é nacionalmente comemorado como o dia do doador de sangue. Aproveitando esse tema, a Futura realizou uma pesquisa com os moradores da Grande Vitória

Leia mais

DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO DE ALAGOAS - DETRAN/AL QUESTÕES SOBRE INFRAÇÃO

DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO DE ALAGOAS - DETRAN/AL QUESTÕES SOBRE INFRAÇÃO O veículo estacionado, afastado da guia da calçada (meio fio) a mais de um metro, faz do seu condutor um infrator cuja punição será: 1 retenção do veículo e multa, infração média. 2 apreensão do veículo

Leia mais

Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru PTC Bauru. NT09 Pesquisa de imagem e opinião sobre o serviço de transporte coletivo municipal de Bauru

Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru PTC Bauru. NT09 Pesquisa de imagem e opinião sobre o serviço de transporte coletivo municipal de Bauru -EMDURB Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru PTC Bauru NT09 Pesquisa de imagem e opinião sobre o serviço de transporte coletivo municipal de Bauru Junho/2013 1- Apresentação O Plano de Transporte

Leia mais

Qualidade da Internet Banda Larga

Qualidade da Internet Banda Larga Qualidade da Internet Banda Larga Secretaria de Transparência Coordenação de Controle Social DataSenado Novembro de 2014 www.senado.leg.br/datasenado 1 Um terço dos entrevistados já ouviu falar do Programa

Leia mais

Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde. Apresentação em Agosto de 2012

Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde. Apresentação em Agosto de 2012 1 Relacionamento dos médicos associados à SOGESP com os Planos de saúde Apresentação em Agosto de 2012 Índice 2 Objetivo Metodologia Perfil do médico associado Avaliação das operadoras de planos de saúde

Leia mais

I B OP E Opinião. O que o brasileiro pensa e faz em relação à conservação e uso da água

I B OP E Opinião. O que o brasileiro pensa e faz em relação à conservação e uso da água PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Águas no Brasil: A visão dos brasileiros O que o brasileiro pensa e faz em relação à conservação e uso da água Dezembro, 2006 METODOLOGIA OBJETIVO Levantar informações para

Leia mais

Job 150904 Setembro / 2015

Job 150904 Setembro / 2015 Job 50904 Setembro / Metodologia TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA: Município de São Paulo. UNIVERSO: Moradores de 6 anos ou mais de

Leia mais

Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis. Agosto de 2015

Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis. Agosto de 2015 Opinião da População Sobre a Cobrança das Sacolas Plásticas Reutilizáveis Agosto de 2015 2 A Lei nº 15.374 de 2011 proíbe a disponibilização de sacolas plásticas descartáveis nos estabelecimentos comerciais

Leia mais

O Jovem e o Trânsito ANÁLISE DAS PESQUISAS A SEGURANÇA NO TRÂNSITO NÃO É ACIDENTAL. Ministério da Saúde

O Jovem e o Trânsito ANÁLISE DAS PESQUISAS A SEGURANÇA NO TRÂNSITO NÃO É ACIDENTAL. Ministério da Saúde O Jovem e o Trânsito ANÁLISE DAS PESQUISAS SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 3 Pesquisa qualitativa 4 Pesquisa quantitativa 6 O JOVEM E O VEÍCULO 8 Habilitação 8 Dirigindo sem CNH COMPORTAMENTO 13 PERCEPÇÃO DO TRÂNSITO

Leia mais

Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos

Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos USO DO CARTÃO DE CRÉDITO Mais da metade dos brasileiros pagam compras com o cartão de crédito, principalmente roupas, calçados e eletrodomésticos Mais da metade dos brasileiros (53%) faz uso do cartão

Leia mais

MORADORES DE RUA E FLANELINHAS

MORADORES DE RUA E FLANELINHAS 1 MORADORES DE RUA E FLANELINHAS Leandro de Souza Lino À margem da sociedade, a quantidade de moradores de rua tem sido crescente no cotidiano das grandes cidades. E aliado a isso, a presença de flanelinhas

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG 26/09/2012 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MARÇO DE 2014 JOB0402 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Avaliar a atual administração do município de Acopiara. Acopiara

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública sobre radares Rio Grande do Sul - Out/2002

Pesquisa de Opinião Pública sobre radares Rio Grande do Sul - Out/2002 Pesquisa de Opinião Pública sobre radares OBJETIVO LOCAL Levantar junto à população da área em estudo opiniões sobre radares. Rio Grande do Sul PERÍODO DE CAMPO 13 a 16 de outubro de 2002. UNIVERSO A pesquisa

Leia mais

POLUIÇÃO VISUAL NA CIDADE DE SÃO PAULO

POLUIÇÃO VISUAL NA CIDADE DE SÃO PAULO Pesquisa Quantitativa de Opinião Pública POLUIÇÃO VISUAL NA CIDADE DE SÃO PAULO Julho/ 2006 Índice I. Metodologia e Amostra II. Contexto III. Poluição Visual IV. O Projeto de Lei V. Considerações Finais

Leia mais

RELATÓRIO DO PROJETO PRÁTICAS INVESTIGATIVAS SEMESTRE 2010.2 Linha de Pesquisa: LEIS DE TRÂNSITO

RELATÓRIO DO PROJETO PRÁTICAS INVESTIGATIVAS SEMESTRE 2010.2 Linha de Pesquisa: LEIS DE TRÂNSITO FACULDADE PROJEÇÃO ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS CURSO DE DIREITO NÚCLEO DE PESQUISA E PRODUÇÃO CIENTÍFICA PROJETO PRÁTICAS INVESTIGATIVAS 1) INTRODUÇÃO RELATÓRIO DO PROJETO PRÁTICAS INVESTIGATIVAS

Leia mais

PERFIL DO PROCURADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO

PERFIL DO PROCURADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL 8% 8% 8% CORREGEDORIA SECRETARIA GERAL 4% CENTRO DE ESTUDOS 12% PROCURADORIA DE APOIO PROCURADORIA CONSULTIVA 23% PROCURADORIA CONTENCIOSO 37% PROCURADORIA DA FAZENDA PROCURADORIA REGIONAL

Leia mais

abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros

abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros Avaliação do Serviço o de abastecimento de água e imagem da COPASA Montes Claros Pesquisa realizada entre 24 e 28 de Abril de 2010 Informações Metodológicas Tipo de pesquisa: Survey, utiliza-se de questionário

Leia mais

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 Este encarte Tendências aborda as manifestações populares que tomaram as grandes cidades brasileiras em junho

Leia mais

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil 2ª Pesquisa de opinião pública sobre Energia Elétrica Brasil Julho de 2015 Pesquisa de opinião pública sobre Energia elétrica Brasil Junho de 2014 IBOPE Metodologia Pesquisa quantitativa com aplicação

Leia mais

Ranking nacional mostra PI em 6º com mais pessoas flagradas dirigindo sem CNH

Ranking nacional mostra PI em 6º com mais pessoas flagradas dirigindo sem CNH Levantamento divulgado pela Polícia Rodoviária Federal aponta um novo dado preocupante relacionado ao tráfego de veículos em BRs. De acordo com o Departamento Nacional da PRF, somente nos feriados prolongados

Leia mais

Seguros de Vida no Mercado Brasileiro

Seguros de Vida no Mercado Brasileiro Seguros de Vida no Mercado Brasileiro São Paulo, /06/0 Job -034743 Nobody s Unpredictable Objetivos e metodologia Metodologia Quantitativa, por meio de pesquisa amostral com questionário estruturado a

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros O que o brasileiro pensa sobre a conservação e o uso da água no Brasil METODOLOGIA OBJETIVO Levantar informações para subsidiar o planejamento

Leia mais

Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício

Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício 1 Fidelização dos consumidores aos planos de saúde e grau de interesse por quem não possui o benefício 2013 Índice 2 OBJETIVO E PÚBLICO ALVO METODOLOGIA PLANO DE SAÚDE O MERCADO DE PLANO DE SAÚDE PERFIL

Leia mais

INTENÇÃO DE COMPRA NATAL 2014

INTENÇÃO DE COMPRA NATAL 2014 1 INTENÇÃO DE COMPRA NATAL 2014 2 Faculdade Estácio de Sá de Campo Grande Intenção de Compra para o Natal 2014 Rua Venâncio Borges do Nascimento, 377 Jardim Tv Morena Campo Grande - MS, 79050-700 Fone:

Leia mais

1 - O QUE DIZ A LEI SECA

1 - O QUE DIZ A LEI SECA INFORMATIVO - N - O QUE DIZ A ANO LEI FEDERAL Nº.7/8. - Fixou tolerância zero à combinação álcool e volante. O motorista flagrado com qualquer quantidade de álcool no organismo é punido. - A lei tornou

Leia mais

PED - PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA CIDADE DE SANTOS

PED - PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA CIDADE DE SANTOS PED - PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA CIDADE DE SANTOS MARÇO-2007 OBJETIVO Os principais objetivos desta pesquisa são: Conhecer e divulgar a situação do emprego e desemprego na cidade de Santos, de

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

Dia das Crianças 2013 - ACIT

Dia das Crianças 2013 - ACIT NÚCLEO DE PESQUISAS ECONÔMICO-SOCIAIS NUPES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA, CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO. PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E RELAÇÕES COMUNITÁRIAS UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ Dia das Crianças 2013 - ACIT

Leia mais

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado.

TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. Job 44/4 Setembro/04 Metodologia TÉCNICA DE LEVANTAMENTO DE DADOS: Entrevistas pessoais com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA: Município de São Paulo. UNIVERSO: Moradores de 6 anos ou mais de

Leia mais

Tabela das Multas. Infração Gravíssima Valor/Multa Tipos de Penalidades R$ 191,54 R$ 574,61

Tabela das Multas. Infração Gravíssima Valor/Multa Tipos de Penalidades R$ 191,54 R$ 574,61 Tabela das Multas 7 pontos na CNH Infração Gravíssima Valor/Multa Tipos de Penalidades Dirigir com a carteira já vencida há mais de 30 dias Recolhimento da carteira e retenção do veículo Não reduzir a

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015

Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA. Janeiro/2015 Pesquisa de Opinião Pública SEGURANÇA PÚBLICA Janeiro/2015 OBJETIVOS Objetivo Principal: Esta estudo teve como objetivo principal verificar e quantificar a opinião pública brasileira quanto ao tema Segurança

Leia mais

NÍVEL: Documento: Normas e procedimentos para condutores de veículos/2013.1

NÍVEL: Documento: Normas e procedimentos para condutores de veículos/2013.1 ELABORAÇÃO: Paula dos Santos Costa ANÁLISE CRÍTICA: Virginia de Paula Mesquita APROVAÇÃO: Antônio Reinaldo Santos Linhares DISTRIBUIÇÃO: (ÁREA): Frota - Este documento é válido em todo o comando de frota

Leia mais

Cartilha É COM VOCÊ. Comportamento no Trânsito. Urbanidade / Série: Trânsito Nº 3

Cartilha É COM VOCÊ. Comportamento no Trânsito. Urbanidade / Série: Trânsito Nº 3 Cartilha É COM VOCÊ Comportamento no Trânsito Urbanidade / Série: Trânsito Nº 3 É notório que o comportamento do motorista no trânsito é fator decisivo à segurança dos próprios, bem como das demais pessoas

Leia mais

Avaliação dos planos e seguros saúde

Avaliação dos planos e seguros saúde 1 Avaliação dos planos e seguros saúde Estado de São Paulo Agosto/2012 Objetivo 2 Conhecer a opinião dos usuários de planos ou seguros de saúde do Estado de São Paulo, investigando a utilização dos serviços

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS JULHO DE 2013 JOB2726-8 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Trata-se de uma pesquisa de acompanhamento da opinião pública

Leia mais

NOVAS TECNOLOGIAS E INVASÃO DE PRIVACIDADE

NOVAS TECNOLOGIAS E INVASÃO DE PRIVACIDADE NOVAS TECNOLOGIAS E INVASÃO DE PRIVACIDADE Leandro de Souza Lino Com o advento das novas tecnologias, como telefones celulares equipados com câmeras fotográficas e/ou filmadoras, além das câmeras de segurança

Leia mais

PERÍODO AMOSTRA ABRANGÊNCIA MARGEM DE ERRO METODOLOGIA. População adulta: 148,9 milhões

PERÍODO AMOSTRA ABRANGÊNCIA MARGEM DE ERRO METODOLOGIA. População adulta: 148,9 milhões OBJETIVOS CONSULTAR A OPINIÃO DOS BRASILEIROS SOBRE A SAÚDE NO PAÍS, INVESTIGANDO A SATISFAÇÃO COM SERVIÇOS PÚBLICO E PRIVADO, ASSIM COMO HÁBITOS DE SAÚDE PESSOAL E DE CONSUMO DE MEDICAMENTOS METODOLOGIA

Leia mais

A IMAGEM DA PROPAGANDA NO BRASIL

A IMAGEM DA PROPAGANDA NO BRASIL A IMAGEM DA PROPAGANDA NO BRASIL Terceira medição ano 2006 Pesquisa encomendada ao IBOPE pela ABP- Associação Brasileira de Propaganda Série histórica iniciada em 2002 Principais objetivos - Avaliar a

Leia mais

Bebida e direção. O Código de Transito Brasileiro (CTB), em seu capítulo XV, artigo 165, afirma que dirigir

Bebida e direção. O Código de Transito Brasileiro (CTB), em seu capítulo XV, artigo 165, afirma que dirigir Bebida e direção O Código de Transito Brasileiro (CTB), em seu capítulo XV, artigo 165, afirma que dirigir sob a influência de álcool, em nível superior a seis decigramas (0,6 gramas) por litro de sangue,

Leia mais

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais.

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais. METODOLOGIA METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.085 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16 anos, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do país. As entrevistas foram

Leia mais

Mobilidade Urbana Urbana

Mobilidade Urbana Urbana Mobilidade Urbana Urbana A Home Agent realizou uma pesquisa durante os meses de outubro e novembro, com moradores da Grande São Paulo sobre suas percepções e opiniões em relação à mobilidade na cidade

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Relatório Técnico PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA O Estatuto do Idoso três anos depois da promulgação 16 a 22 de agosto de 2006 Dados Técnicos Pesquisa Pesquisa de opinião pública de abrangência restrita ao

Leia mais

PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES

PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES Brasília, janeiro/2011 Objetivos específicos da pesquisa 2 Avaliar a quantidade e a qualidade da rede credenciada. Avaliar os serviços oferecidos: o Plano CASSI Família

Leia mais

Relatório de Estatística Descritiva Bourbon Festival Paraty

Relatório de Estatística Descritiva Bourbon Festival Paraty Relatório de Estatística Descritiva Bourbon Festival Paraty Pesquisa de satisfação 2014 S E C R E T A R I A D E T U R I S M O DE P A R A T Y PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Durante os dias 24 e 25 de junho

Leia mais

População brasileira Música - Internet Propaganda. Outubro/ 2007

População brasileira Música - Internet Propaganda. Outubro/ 2007 População brasileira Música - Internet Propaganda Outubro/ 00 Objetivo Este estudo têm como objetivo identificar entre a população brasileira os seguintes aspectos: Música estilo musical mais ouvido; Internet

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DOS PAIS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DOS PAIS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DOS PAIS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG 06/08/2012 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DOS PAIS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG Professores

Leia mais

ANÁLISE DA MORTE VIOLENTA SEGUNDO RAÇA /COR

ANÁLISE DA MORTE VIOLENTA SEGUNDO RAÇA /COR 8 ANÁLISE DA MORTE VIOLENTA SEGUNDO RAÇA /COR Secretaria de Vigilância em Saúde/MS 435 ANÁLISE DA MORTE VIOLENTA SEGUNDO RAÇA/COR MORTALIDADE POR CAUSAS EXTERNAS Evolução da mortalidade por causas externas

Leia mais

PLANO DE SAÚDE SETEMBRO DE 2011 1

PLANO DE SAÚDE SETEMBRO DE 2011 1 PLANO DE SAÚDE SETEMBRO DE 2011 1 CRESCEU O NÚMERO DE USUÁRIOS DE PLANOS DE SAÚDE Emmanuelle Serrano Queiroz Segundo reportagem publicada pela revista Exame, o crescimento dos gastos com saúde é tendência

Leia mais

5 km/h a mais, uma vida a menos

5 km/h a mais, uma vida a menos 5 a mais, uma vida a menos Respeite os limites de velocidade www.fundacionmapfre.com.br O excesso de velocidade não acontece por acidente, é uma escolha. Na correria do dia-a-dia, vivemos apressados e,

Leia mais

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Caxias do Sul. 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008.

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Caxias do Sul. 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. Pesquisa de Intenção de Voto Sucessão Municipal Caxias do Sul 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. 1 Sumário Apresentação e Metodologia... 3 Intenção de Voto... 5 Rejeição...

Leia mais

DELIVERY. Revieni Chisté Zanotelli. Revieni Chisté Zanotelli é economista e analista de pesquisas da Futura

DELIVERY. Revieni Chisté Zanotelli. Revieni Chisté Zanotelli é economista e analista de pesquisas da Futura DELIVERY Revieni Chisté Zanotelli O serviço de entrega de produtos (delivery) foi criado para proporcionar comodidade às pessoas e, também, para aqueles que estão sem tempo de ir até ao estabelecimento

Leia mais

Atitudes pela Educação Novembro de 2014

Atitudes pela Educação Novembro de 2014 Atitudes pela Educação Novembro de 2014 Realização: Instituto Paulo Montenegro IBOPE Inteligência Parceiros da pesquisa: Todos Pela Educação Fundação Itaú Social Fundação Maria Cecília Souto Vidigal Fundação

Leia mais

PESQUISADORES. Pesquisadores

PESQUISADORES. Pesquisadores Pesquisadores Objetivos 2 Conhecer a opinião dos pesquisadores apoiados pela FAPESP sobre o tema Ciência e Tecnologia. 3 Principais resultados Principais resultados 4 Melhores recursos financeiros e credibilidade

Leia mais

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - NATAL Natal, setembro de 2015 1 Sumário 1. Aspectos Metodológicos... 3 2. Descrição dos Resultados... 4 Itens de comemoração... 4 Gastos com presente... 4 Local e quando compra...

Leia mais

Educação para o trânsito

Educação para o trânsito Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino Fundamental Publicado em 2011 Projetos temáticos 5 o ANO Data: / / Nível: Escola: Nome: Educação para o trânsito JUSTIFICATIVA O estudo do tema: Educação

Leia mais

Sexualidade União estável para casais do mesmo sexo. Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO +55 62 3541.6556 www.institutoverus.com.

Sexualidade União estável para casais do mesmo sexo. Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO +55 62 3541.6556 www.institutoverus.com. Sexualidade União estável para casais do mesmo sexo Rua 1.145, 56 Setor Marista Goiânia GO +55 62 3541.6556 www.institutoverus.com.br 1 1 Pesquisa de opinião Pesquisa Quantitativa Instituto Verus Assessoria

Leia mais

2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro?

2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro? 1 Quais são os 5 elementos da direção defensiva? 2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro? 3 O que significa DIREÇÃO DEFENSIVA? 4 Cite um exemplo de condição adversa

Leia mais

Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru RESULTADOS DA PESQUISA DE IMAGEM DO SERVIÇO

Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru RESULTADOS DA PESQUISA DE IMAGEM DO SERVIÇO Plano de Transporte Coletivo da Cidade de Bauru PTC Bauru RESULTADOS DA PESQUISA DE IMAGEM DO SERVIÇO Objetivo: obter a avaliação das condições do serviço de transporte coletivo sob o ponto de vista da

Leia mais

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil

Pesquisa de opinião pública. sobre. Energia elétrica. Brasil 2ª Pesquisa de opinião pública sobre Energia Elétrica Brasil Outubro/ 2015 Pesquisa de opinião pública sobre Energia elétrica Brasil Junho de 2014 IBOPE Metodologia Pesquisa quantitativa com aplicação

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ILHABELA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ILHABELA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ILHABELA SETEMBRO DE 2008 JOB796 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto à população da área em estudo opiniões relacionadas à Ilhabela. Ilhabela

Leia mais

Uso de equipamentos e procedimentos de segurança: cinto de segurança; capacete; farol aceso e transporte de crianças

Uso de equipamentos e procedimentos de segurança: cinto de segurança; capacete; farol aceso e transporte de crianças SP 06/94 NT 176/94 Uso de equipamentos e procedimentos de segurança: cinto de segurança; capacete; farol aceso e transporte de crianças Socióloga Reiko Kawamura 1. Introdução Considerando-se a importância

Leia mais

Pesquisa de. Dia dos Namorados

Pesquisa de. Dia dos Namorados ASSESSORIA ECONÔMICA Pesquisa de Dia dos Namorados 2013 Pesquisa realizada pelo Instituto Fecomércio de Pesquisa - IFEP Relatório elaborado pela Assessoria Econômica Fecomércio-RS PESQUISA DIA DOS NAMORADOS

Leia mais

ÍNDICE DE ACIDENTES NO PERÍMETRO URBANO DE CÁCERES

ÍNDICE DE ACIDENTES NO PERÍMETRO URBANO DE CÁCERES ÍNDICE DE ACIDENTES NO PERÍMETRO URBANO DE CÁCERES Rodrigo Barretto Vila 1 RESUMO Glaidson de Souza Pezavento Tatiani Nascimento Santos Miriam Nascimento Santos Ashley da Silva Costa 2 Com a finalidade

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: LOCOMOÇÃO URBANA AGOSTO/2011 PESQUISA CNI-IBOPE CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Robson Braga de Andrade Presidente Diretoria Executiva - DIREX José Augusto Coelho

Leia mais

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable Previdência Privada no Mercado Brasileiro Nobody s Unpredictable Objetivos e Características 2 Objetivos e metodologia Metodologia Quantitativa, por meio de pesquisa amostral com questionário estruturado

Leia mais

SP 08/95 NT 191/95. Execução e Fiscalização da Sinalização Horizontal. Psicº Mauro Yoshio Ito Psicª Ilana Berezovsky Psicª Susana Nunes Penna

SP 08/95 NT 191/95. Execução e Fiscalização da Sinalização Horizontal. Psicº Mauro Yoshio Ito Psicª Ilana Berezovsky Psicª Susana Nunes Penna SP 08/95 NT 191/95 Execução e Fiscalização da Sinalização Horizontal Psicº Mauro Yoshio Ito Psicª Ilana Berezovsky Psicª Susana Nunes Penna 1. Introdução A realidade do trânsito da cidade de SP, 6 mortes

Leia mais

PESQUISA MAIORIDADE PENAL

PESQUISA MAIORIDADE PENAL PESQUISA MAIORIDADE PENAL OBJETIVOS Entender o pensamento da população do Rio sobre a redução da maioridade penal; Saber se ela é favorável a mudança das penalidades aplicadas ao menor infrator; Buscar

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL Relatório Analítico PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL PESQUISA SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER DATASENADO SECS PESQUISA SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER Há dois anos, o DataSenado

Leia mais

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Contexto Em abril de 2012, o governo através da diretoria da agência reguladora de energia elétrica (ANEEL) aprovou regras destinadas a reduzir

Leia mais

Consultando a população de sete capitais sobre meio ambiente e qualidade de vida Realização:

Consultando a população de sete capitais sobre meio ambiente e qualidade de vida Realização: Consultando a população de sete capitais sobre meio ambiente e qualidade de vida Realização: PRINCIPAL OBJETIVO PESQUISA QUANTITATIVA Fornecer informações sobre o conhecimento acerca do GREENPEACE e suas

Leia mais

1ª RODADA NOVA S/B-IBOPE Comunicação de Interesse Público PESQUISA TELEFÔNICA NACIONAL SOBRE AQUECIMENTO GLOBAL. IBOPE Opinião

1ª RODADA NOVA S/B-IBOPE Comunicação de Interesse Público PESQUISA TELEFÔNICA NACIONAL SOBRE AQUECIMENTO GLOBAL. IBOPE Opinião 1ª RODADA NOVA S/B-IBOPE Comunicação de Interesse Público PESQUISA TELEFÔNICA NACIONAL SOBRE AQUECIMENTO GLOBAL Metodologia Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas

Leia mais

A importância do estudo das diferenças de percepção entre ciclistas e aspirantes para o planejamento.

A importância do estudo das diferenças de percepção entre ciclistas e aspirantes para o planejamento. A importância do estudo das diferenças de percepção entre ciclistas e aspirantes para o planejamento. AUTORES ALVES, Felipe Alberto Martins¹; ANDRADE, Beatriz Rodrigues². ¹Universidade Federal do Ceará.

Leia mais

Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil

Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil 2014 Objetivo Metodologia Perfil da Empresa de Consultoria Características das Empresas Áreas de Atuação Honorários Perspectivas e Percepção de Mercado

Leia mais

FINANÇAS PESSOAIS: VOCÊ SABE ADMINISTRÁ-LAS?

FINANÇAS PESSOAIS: VOCÊ SABE ADMINISTRÁ-LAS? PESQUISA COMPORTAMENTAL FINANÇAS PESSOAIS: VOCÊ SABE ADMINISTRÁ-LAS? PROCON GOIÁS GERÊNCIA DE PESQUISA E CÁLCULO JULHO/2009 OBJETIVO Mesmo através de orientações, fornecidas aos consumidores pela Superintendência

Leia mais

MULHER NO MERCADO DE TRABALHO

MULHER NO MERCADO DE TRABALHO MULHER NO MERCADO DE TRABALHO Tâmara Freitas Barros A mulher continua a ser discriminada no mercado de trabalho. Foi o que 53,2% dos moradores da Grande Vitória afirmaram em recente pesquisa da Futura,

Leia mais

CARTILHA DE TRÂNSITO. Dicas para você viver mais e melhor!

CARTILHA DE TRÂNSITO. Dicas para você viver mais e melhor! CARTILHA DE TRÂNSITO Dicas para você viver mais e melhor! Este material foi concebido pela SBOT Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia com o intuito de ser um agente expressivo na prevenção

Leia mais

Análise: Pesquisa Qualidade de Vida 2014 1º fase

Análise: Pesquisa Qualidade de Vida 2014 1º fase Análise: Pesquisa Qualidade de Vida 1º fase Resumo: A pesquisa de Qualidade de Vida é organizada pela ACIRP e pela Fundace. Teve início em 2009, inspirada em outros projetos já desenvolvidos em grandes

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ENSINO BÁSICO JULHO DE 2006 OPP165 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA Levantar junto à população da área em estudo opiniões relacionadas ao ensino básico.

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese 2014 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese Dieese Subseção Força Sindical 19/09/2014 PESQUISA NACIONAL POR AMOSTRA DE DOMICILIOS - PNAD 2013 Síntese dos Indicadores POPULAÇÃO A Pesquisa

Leia mais

www.detran.pr.gov.br

www.detran.pr.gov.br www.detran.pr.gov.br INFELIZMENTE, A MAIOR PARTE DOS ACIDENTES COM MORTES NO TRÂNSITO BRASILEIRO ENVOLVEM MOTOCICLISTAS. POR ISSO, O DETRAN PREPAROU ALGUMAS DICAS IMPORTANTES PARA VOCÊ RODAR SEGURO POR

Leia mais

Ver e ser visto no trânsito

Ver e ser visto no trânsito matéria de capa Ver e ser visto no trânsito CESVI realizou estudo para apontar as condições em que pedestres, motos e carros são mais bem visualizados à noite Por José Antonio Oka Segurança Viária Ver

Leia mais