quick start Júlio matos fabiano saccol

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "quick start Júlio matos fabiano saccol"

Transcrição

1

2

3 quick start Júlio matos fabiano saccol 2013 ued.unzarpg.com Powered by

4 Créditos Autores Júlio Matos Fabiano Chikago Saccol Editoração Thiago Edwardo Revisão Welton Rocha Diagramação Júlio Matos Arte Diego Madia UED - Você é a Resistência teve seu primeiro projeto publicado sob o nome de United Earth Defense durante a iniciativa de criação de jogos conhecida como RPGenesis. A Versão atual é fruto de uma parceria dos autores com a Editora UNZA RPG, publicada sob a licença Creative Commons BY-SA que na prática, significa que você está autorizado a compartilhar e remixar o conteúdo textual deste livro, inclusive comercialmente, desde que realize a atribuição à obra original e seus autores e compartilhe o novo conteúdo pela mesma lincença. A arte e a diagramação são copyrights de UNZA RPG, todos os direitos reservados. UED - Você é a Resistência Um Jogo de Ficção Científica, Sobrevivência e Glória. Um RPG sobre combates difíceis e gestão de recursos escassos. Em um cenário pós-apocalíptico onde o pouco que resta da raça humana, após uma invasão extraterrestre, tenta sobreviver a uma era glacial enquanto procuram recuperar sua cultura e espaço dos invasores. Este RPG levará você a um futuro cruel e sangrento, onde a humanidade não é mais a raça dominante em seu planeta. De tudo que resta da humanidade, você é a resistência! Agradecimentos À minha família, Débora e Miguel, obrigado pelo apoio incondicional. Amo vocês. Ao Julio Matos, por me chamar para fazer parte desse projeto maravilhoso. Ao Thiago Edwardo, por nos acolher e nos fazer sentir em casa com o UED. Ao pessoal da comunidade do UED e do Chamado da Resistência, por acreditarem. E por fim, ao Goku, por salvar o Universo várias vezes. Fabiano Aos grandes amigos game designers do RPG nacional, todos os nossos playtesters e a galera que ajudou e ajuda a construir uma cena de game design forte, de qualidade e sem mimimi. Um especial a UNZA RPG que acreditou no projeto desde seu embrião e toda a equipe que trabalhou na versão final e que nos deixou orgulhosos. Júlio Playtesters: Henrique Andrade, Lenise Clemmens, João Buonnano, Gustavo Grosh, Cezar Fresco, Deodato Peixoto, Felipe Guerreiro, Chico Martellini, Raphael Vizzotto, Leonardo Freelancer, Giordano Pachelli. Caras que ajudaram em muitas coisas e merecem homenagem: Rey Ooze, João Mariano, Igor Bone, Ricardo Tavares O Primeiro Runner: Chico Martellini

5 índice Capítulo 1 O Mundo de Amanhã 06 Os Invasores...06 Uma Nova Provação e a Tecnologia..07 Gary Alexander e a UED...08 Capítulo 2 A Última Resistência 10 A Gênese dos Runners...12 Qualidades & Atributos...13 Os Dentes de Ferro...14 Grupos Runners e as Profissões...20 Equipamentos...22 Conexões...26 Capítulo 3 Regras e Táticas 28 Teste de Desafio...29 Teste de Combate...33 Dano e Morte...37 Inimigos...38 Glória e Evolução...40 Ganhando pontos de Glória...12 Capítulo 4 Bem vindos ao mundo de UED 42 Ato 1 - A Doença...42 Ato 2 - A Caçada...43 Ato 3 - O Trem...44 Fichas de Personagem...45

6 Capítulo 1 O Mundo de Amanhã^ Bem vindos a um futuro inóspito e desafiador para a humanidade. Um futuro onde a imensidão gelada só não é mais aterradora do que os inimigos que se pode encontrar nela. Este capítulo apresenta as questões mais importantes que levaram o planeta Terra a este destino e como os poucos seres humanos que ainda restam tentam manter sua esperança. A ambientação de jogo será construída a partir do cenário que descreveremos aqui. Você perceberá que muitas coisas estão pouco explicadas ou ficam soltas gerando algumas lacunas na contextualização do cenário. Isto é proposital. Estas lacunas permitem que o grupo de Jogadores crie detalhes, determine novas verdades para o cenário e inclua personalidades e fatos. Esta também é parte da diversão de um jogo como esse. OS INVASORES Por volta da terceira década do terceiro milênio, não se sabe ao certo, a terra realizou seu primeiro contato com o que pareciam ser seres vivos de outro planeta. Este encontro já era previsto pelos governos das grandes potências econômicas, após descobertas de sondas espaciais feitas no início do ano 2012, porém nenhum líder ou força militar da época, tinha real noção de como seria esse contato. O fato é que sua chegada foi silenciosa e avassaladora. Nenhuma comunicação foi feita e as tentativas de contato não surtiram efeito. Inúmeras naves gigantescas se posicionaram em pontos estratégicos de todo o globo. Antes que as Nações Unidas chegassem a uma conclusão de como proceder com aquela situação, os Invasores, nome pelo qual seriam conhecidos a partir de então, agiram. 06

7 Em um sincronismo surpreendente, todas as naves dispararam um Pulso Eletromagnético, que teve por consequência a desativação de grande parte dos aparelhos movidos a energia elétrica do planeta. Eles vieram, atacaram e se estabeleceram como novos donos do planeta. UMA NOVA PROVAÇÃO E A TECNOLOGIA Como se não bastasse todo o infortúnio da raça humana, nos anos que se seguiram à invasão, o planeta Terra entrou em um de seus ciclos naturais, iniciando uma nova era glacial. Este fenômeno parece não estar ligado à chegada dos Invasores, apesar de que na situação atual dos sobreviventes, não há meios de comprovar esta questão e de certa forma ela também é pouco relevante. Este ciclo congelou boa parte das terras conhecidas, alterando drasticamente a luta pela sobrevivência, fazendo com que aquilo que se tornara difícil se tornasse quase insuperável. O Gelo inexorável não recuou nem um milímetro desde que se instalou no planeta. Alguns dizem que existem terras longínquas e quentes, mas todos estes são considerados malucos. Naturalmente, o fortalecimento da transmissão de conhecimento oral e a redução do empenho na língua escrita, tornaram menos frequente a alfabetização. Mesmo rodeados de livros, pouco tempo havia para que os sobreviventes educassem seus filhos. Nesta nova sociedade em formação, a música ganhou um aspecto muito importante, pois após grande esforço, os sobreviventes conseguiram recuperar players de discos e CDs (mídias estas que não foram afetadas pelo Pulso Eletromagnético). Ao tempo da chegada do frio, após sua campanha de extermínio, os Invasores iniciaram um processo que se assemelha ao de mineração em vários pontos do planeta. Esta descoberta foi feita pelos primeiros corajosos que resolveram explorar o novo mundo e conseguiram retornar com vida. Alguns, inclusive, conseguiram roubar artefatos destas zonas de mineração e as mentes mais devotadas, auxiliadas por alguns velhos cientistas sobreviventes, começaram pesquisas para decifrar e adaptar essas tecnologias para uso nos aglomerados. Com o início da nova Era Glacial, manter-se aquecido tornou-se uma questão de vida ou morte. 07

8 Os geradores de eletricidade rudimentares recuperados pelas primeiras gerações de sobreviventes se demonstraram incapazes de suprir as necessidades das Aldeias subterrâneas. Alguns exploradores pioneiros, à custa de muitas vidas, haviam descoberto cápsulas em campos de mineração dos Invasores, que mais tarde se descobriu serem baterias de energia de grande capacidade e capazes de prover a força necessária em condições seguras para os equipamentos humanos. Não há como saber se esta tecnologia de fato foi trazida pelos Invasores ou adaptada para seu uso. Gradativamente os Aglomerados Humanos (nome pelo qual foram chamadas as aldeias organizadas) iniciaram a migração para utilização desse tipo de energia, sendo incapazes ainda de replicá-la (fabricar cápsulas), mas conseguindo bons resultados no uso tanto para trajes individuais de proteção quanto para grandes aquecedores mantidos nos subterrâneos. O processo, ainda que instável, parecia ser a salvação dos Aglomerados. GARY ALEXANDER E A UED No segundo século da nova civilização humana, após a chegada dos Invasores, um fio de esperança nasceu nos Aglomerados, quando os primeiros Runners (Mensageiros) começaram a visitá-los. Estes homens, bem equipados com trajes aquecidos e veículos movidos a capsulas de energia alienígena, traziam uma mensagem de Gary Alexander I, um auto intitulado defensor da raça humana que liderava uma tropa de exploradores e soldados chamada United Earth Defense. Sua proposta era restabelecer a comunicação das aldeias (através dos mensageiros), zelar pela sobrevivência delas e recrutar membros para uma ofensiva futura contra os Invasores. Muitos acreditam que Gary seria oriundo de um aglomerado altamente militarizado, que conseguiu avançar muito rápido na recuperação de suas tecnologias. Outros acham que ele veio das terras quentes para liderar a humanidade contra os Invasores. Muitos são os boatos, poucas são as certezas. Os líderes dos aglomerados tribais desconfiaram das pretensões altruístas de Alexander, porém na medida em que seu povo passava frio e fome (e os Runners se demonstravam efetivos em encontrar comida, suprimentos e principalmente energia) foram pouco a pouco aceitando sua presença e estimulando a formação de unidades UED em suas aldeias. 08

9 Os Runners trouxeram com eles uma filosofia de segurança e um treinamento rígido, além de um uso muito mais eficiente da tecnologia. A contribuição mais importante deles foi a criação de um elo de ligação entre os aglomerados sobreviventes, renovando as esperanças da humanidade em um possível futuro. O que se descobriu mais tarde foi que, mesmo com os avanços e preparo das unidades Runners enviadas por Gary, o avanço e preparação de unidades UED nos aglomerados eram lentos e sujeitos a erros. Até os tempos atuais a UED não conseguiu se estabelecer como uma força militarizada de escala, com força capaz de confrontar diretamente os Invasores. Passados tantos anos do início deste processo, pouco se sabe sobre os herdeiros de Alexander, porém todos os Runners mantém seu espírito de zelar pela população de suas aldeias e mantê-las em contato com as outras. Mesmo que a ideia de uma ofensiva direta contra os Invasores tenha arrefecido, os Runners são a barreira de Resistência contra a extinção dos povos da nova humanidade. Atualmente, as unidades UED, apesar de tentarem manter comunicação por carta levada por seus integrantes, atuam de modo localizado, eles trocam informações e usam sua capacidade e experiência para proteger e suprir as necessidades de sua comunidade e do perímetro conhecido. A ideia de um comando centralizado destas unidades é apenas uma lenda, assim como o nome Gary Alexander. As unidades UED estão sob o comando dos chefes dos Aglomerados e sua diretriz primária é: Resistir, mesmo que seja impossível! Este é o mundo de UED, onde cada fio de esperança pelo futuro é depositado nos Runners e você terá a oportunidade de se tornar um deles. Você está pronto para se tornar a Resistência? 09

10 Capítulo 2 A Última Resistência ^ Este é a versão de iniciação do RPG UED - Você é a Resistência, por isso você encontrará um resumo das regras para que você jogue uma aventura com personagens prontos e entenda um pouco como funcina esse jogo. Para conhecer mais e adquirir sua cópia do jogo original acesse ued.unzarpg.com Existem basicamente dois tipos de jogadores neste jogo: O Mestre de Jogo e os Personagens dos Jogadores. Grande parte das informações contidas neste livro são direcionadas ao Mestre de Jogo, pois na maior parte das vezes, aquele que compra o livro se torna também o anfitrião de seu grupo de amigos (marcando a sessão de jogo, explicando o básico das regras e conduzindo a aventura), portanto, se você está lendo isto há uma grande probabilidade que você venha a ser o Mestre de Jogo e convide outros amigos para serem Personagens. Em UED cada personagem possui algumas estatísticas e modificadores, que são usados nos Testes de Atributo. Usaremos para realizar estes testes 5 tipos diferentes de dados: Sempre que um dos símbolos acima aparecer no texto ao longo do livro, significa que você deverá rolar um dado do valor especificado. Se você encontrar o símbolo, isso significa que você precisa rolar algum dado conforme descrito no texto. Um Teste de Atributo significa testar uma das estatísticas de um personagem contra alguma dificuldade proposta pelo Mestre ou contra as estatísticas de algum outro personagem que esteja se opondo ao PJ em alguma ação que ele deseje realizar. Os Testes de Atributo são feitos rolando dados que se referem aos Atributos e somando os Modificadores de Qualidades e de Circunstância. Você entenderá melhor esses termo na sessão de Criação de Personagens. Por enquanto, é importante que você observe a lógica de um teste. 10

11 Em caso de um impasse sobre uma ação do PJ, o Mestre determinará um valor de dificuldade (6 por exemplo) o qual deverá ser superado pela soma da rolagem do PJ no dado com os Modificadores de Qualidade e Circunstância. Atributo indicado pelo Mestre de Jogo Modificador de Qualidade Modificador de Circunstância Dificuldade do Teste Os Atributos são estatísticas de personagem representadas por um dado. Se o atributo for d6 significa que você rolará um dado de 6 lados. São estatísticas fixas representadas por valores como +1 ou +3. Um modificador de Qualidade deve ser somado ao resultado obtido na rolagem do dado de Atributo. São modificadores especiais concedidos pelo MJ conforme as atitudes do PJ anteriores ao teste ou condições do ambiente (clima, relevo, etc.). São representados como Estatísticas fixas (como o Modificador de Qualidade) e devem ser somados também ao resultado obtido na rolagem do dado de Atributo. O Mestre determinará um valor para a dificuldade que deve ser superado pela soma do Valor atingido no dado de Atributo + Modificadores. Se o valor obtido no dado somado aos modificadores for menor que a dificuldade proposta, o PJ terá falhado em sua tentativa. No capítulo de Regras você encontrará uma descrição de como o J define os valores de dificuldade conforme o desafio que propuser. No caso de dois personagens entrarem em um impasse, ao invés de rolarem seus dados contra uma dificuldade, ambos os jogadores que estiverem na disputa rolam seus dados somando seus modificadores e aquele que obtiver o maior valor será o vitorioso na disputa. Uma característica importante dos testes de atributo em UED, é que os personagens possuem uma quantidade limitada de dados que podem gastar para fazer seus testes. A cada teste de Atributo realizado, é consumido um dado de seus Suprimentos. Isto significa que os recursos para vencer os desafios serão escassos e que os Jogadores devem avaliar com cuidado as atitudes dos dentro do jogo, para que não fiquem desprovidos de suprimentos. 11

12 A GÊNESE DOS RUNNERS Em tempos difíceis, só a coragem e talvez um pouco de ingenuidade, seria capaz de talhar homens e mulheres para as tarefas desempenhadas pela UED. Estes jovens temerários, conhecidos como mensageiros são a última linha de defesa contra a extinção da raça humana no planeta Terra. Eles não são os mais preparados para este desafio, porém são aqueles que o aceitaram em busca de glória. Os Jogadores que decidirem criar um Personagem do Jogador serão Runners. Os Runners ao iniciarem sua carreira na UED são jovens e na sua maioria inexperientes. Os veteranos recrutam nas famílias aqueles que apresentam melhor aptidão para iniciarem o ofício como Runners. Ao adentrar para a UED, pode-se optar por especializar-se em uma profissão, ou tornar-se uma espécie de suporte, chamado Sobrevivente. Estas especializações foram trazidas pelos grupos de Runners sob o comando de Gary Alexander, que possuíam diversos conhecimentos tecnológicos ainda inalcançados nos Aglomerados. A UED tem uma área de operações onde são guardados seus equipamentos e seus trajes de exploração. Como muitos Aglomerados são subterrâneos ou escavados em montanhas, a área onde se aloja a UED é próxima da saída para o mundo externo, permitindo assim facilidade de deslocamento e proteção do acesso principal ao aglomerado. Apesar de o comando da tribo pertencer ao mais velho e sábio habitante de um Aglomerado nestes tempos, os membros da UED possuem grande prestígio entre a população e muitas famílias sonham em poder indicar um de seus filhos para esta tarefa, mesmo que na maioria das vezes esta seja uma carreira curta. Um Runner deve total obediência ao Chefe do Aglomerado e possui uma ligação forte com seu lar. Ao se tornar um membro da UED, todos fazem três juramentos. São chamados de Leis de Alexander por terem sido formuladas por seu fundador: 1 Proteger e garantir a existência da raça humana em todo o planeta até o fim de seus dias. 2 Nunca abandonar um companheiro. 3 Prestar lealdade à UED contra os invasores e ao chefe do Aglomerado ao qual foi incumbido de proteger. A seguir, mostraremos as estatísticas dos personagens e o que cada uma representa como um todo: 12

13 QUALIDADES ATRIBUTOS TÉCNICA Representa a aptidão do personagem em todo tipo de atividade para a qual tenha sido treinado. Você somará seu modificador de Técnica em testes que necessitam habilidade manual e perícia, como atirar, operar um maquinário em que se é perito, fazer testes e varreduras. SAÚDE Significa a resistência física do personagem quando sem equipamentos. Você somará seu modificador de Saúde em testes de resistência física e mental. Define também quanto tempo o personagem aguenta ficar no frio sem proteção, água ou comida. ATITUDE É a qualidade referente à força de vontade, comportamento social e carisma do personagem. Você somará seu modificador de Atitude em testes que necessitam força de personalidade, atitude, e um pouco de sorte, como em brigas corpo a corpo, negociações, ou para escapar por sorte de um acidente. ARMAMENTOS É o atributo utilizado para atacar disparando os armamentos do personagem. Sempre que o PJ decidir realizar uma ação agressiva rolará seu dado de armamentos. BLINDAGEM É o atributo que determina a resistência a impactos e também a capacidade de defesa do personagem. Sempre que o PJ sofrer uma ação agressiva rolará seu dado de blindagem. Você usa este dado também para resistir a danos causados por circunstâncias ou pelo ambiente. ENERGIA É o atributo que representa as cápsulas de energia carregadas pelo Runner e que alimentam todos os equipamentos ligados a seu traje. Você usa este dado sempre que realizar uma façanha que envolva movimentação ou velocidade. CORAGEM A Coragem é um Atributo coringa. Você pode usá-la sempre que quiser fazer um ato de bravura, somando à sua rolagem um dado de Coragem. Além disso, é o atributo utilizado na resolução de conflitos sociais. 13

14 OS DENTES DE FERRO Os Dentes de Ferro são o Grupo Runner encarregado de defender o Aglomerado de Zion. Eles serão os PJ que os jogadores poderão escolher no início do jogo. A seguir apresentaremos as estatísticas necessárias para jogar com eles até o 3º nível de sua evolução. Além disso você também usará as regras do Aglomerado de Zion. Neste Quick Start, o Aglomerado possui apenas um atributo: Coragem Significa o quanto as pessoas estão confiantes na UED e em sua capacidade de sobrevivência no futuro inóspito e gelado. A Coragem indica o número de pontos de Suprimentos disponíveis para cada personagem, antes de saírem para cada missão. Isso significa também que quanto mais confiança o Aglomerado possuir na UED, mais corajosos frente ao futuro estarão e mais trabalharão em prol da iniciativa. O Aglomerado começa no nível 4 (significa que cada PJ deve rolar 4 e somar 10 antes do início da aventura). Os pontos que cada um obtiver na rolagem serão gastos na compra de suprimentos, para seus equipamentos, mais especificamente os dados que serão gastos durante a missão. Nível de Coragem do Aglomerado Custo em Pontos Pontos de Suprimento Concedidos a cada PJ 10+ A 12+ A 16+ * O Custo em pontos para os Níveis 6 e 8 são pontos de Glória que serão recebidos durante a aventura e poderão ser gasto, quando os personagens voltarem ao seu aglomerado, evoluindo a Coragem e ampliando os suprimentos disponíveis. 14

15 TÉCNICA +1 SAÚDE +2 ATITUDE +2 CORAGEM ARMAMENTO RIFLE CANO DUPLO BLINDAGEM TRAJE EXPLORAÇÃO LEVE SOBREVIVENTE ENERGIA Jason Francis Connor Connor é o típico filho de Zion, nascido e criado neste Aglomerado, nunca conhecera nada de fora do mundo até seu recrutamento. O primeiro a reconhecer seu potencial foi Ed, o chefe dos Andarilhos Brancos. Ele via em Connor uma obstinação e virtude que ele mesmo acreditava não possuir. Quando Rey decidiu que Zion precisava de um novo grupo Runner, Ed não teve dúvidas em indicar Connor. Traje de Exploração Leve Traje altamente resistente, com capacidade razoável de aquecimento e proteção contra o frio. É usado por todos os habitantes que por algum motivo precisam sair do Aglomerado. rk habilidade benefício Zona de Perigo Nós somos a Resistência! O Ataque relâmpago! Me atire com seu melhor tiro! O Sobrevivente abdica de sua ação neste turno (não faz Ação Agressiva em um combate) para observar os inimigos e analisar as possibilidades táticas concedendo Modificador de +2 na defesa a todos os PJ que forem capazes de ver seus sinais até o fim da rodada. +1 em uma Qualidade. Adiciona 2 dados extras a sua reserva de Coragem. O Sobrevivente abdica de seu ataque para chamar a atenção dos oponentes e ser alvo de todos os inimigos que forem capazes de vê-lo. Ele recebe Modificador de +2 nos testes de defesa. 15

16 TÉCNICA +1 SAÚDE +1 ATITUDE +2 CORAGEM ARMAMENTO RIFLE SNIPER BLINDAGEM TRAJE EXPLORAÇÃO LEVE SOLDADO ENERGIA Alexya Fox Midleton Alexya, ou Foxy como é mais conhecida, teve uma dura infância, pois seus pais morreram em um acidente após tentarem fugir de Zion por motivos até hoje não revelados. Ela foi criada por seu avô, Robin Gray Fox, um homem amargo que participara da milícia de proteção de Zion, antes que os Runners chegassem e a unidade da UED fosse instalada. Traje de Exploração Leve Traje altamente resistente, com capacidade razoável de aquecimento e proteção contra o frio. É usado por todos os habitantes que por algum motivo precisam sair do Aglomerado. rk habilidade benefício O Ataque Relâmpago A missão me faz endurecer! Mais um come poeira! 3 Sem abrigo Adiciona 2 dados extras a sua reserva de Suprimentos em CORAGEM. +1 em uma Qualidade. Sua rolagem de ataque pode ter mais de um alvo, desde que eles estejam próximos um do outro (Corpo a Corpo). O Soldado faz uma jogada, que vale como ataque contra os 2 alvos. Quando se encontrar protegido por alguma superfície sólida (atrás de uma parede ou um veículo por exemplo) adiciona d à sua rolagem de defesa. 16

17 TÉCNICA +0 SAÚDE +2 ATITUDE +2 CORAGEM ARMAMENTO RIFLE CANO DUPLO BLINDAGEM TRAJE DE COMBATE LEVE MECÂNICO Akemy Ho Ouya Akemy sempre fora um prodígio, desde sua infância, tendo trabalhado desde pequenina nas oficinas dos Aglomerados. Possui uma visão muito apurada da lógica mecânica dos equipamentos, apesar de ainda conhecer muito pouco sobre eles e falhar demais ao tentar realizar alguma recuperação. Traje de Combate Leve Traje leve de combate, mescla o traje de sobrevivência com muitas placas de proteção. É um traje balanceado, perfeito para incursões. ENERGIA rk habilidade benefício 0 Rota 66 Recupera um dado de Blindagem de qualquer PJ consumindo um dado de Energia. Se houver matéria prima (sucata) disponível, pode recuperar até 3 dados de Blindagem gastando apenas um dado de Energia. Demora um turno por dado recuperado. 1 Ao seu serviço! +1 em uma Qualidade. 2 3 Todas as armas fumegando Se você me ligar, eu nunca pararei Ao invés de uma rolagem de ataque, pode gastar um dado de Armamentos para realizar um Tiro de Supressão sobre os inimigos infligindo uma Circunstância Negativa sobre eles (Modificador de -2). Pode se aproximar (de um PJ até alcance curto) e usar a habilidade Rota 66 em um único Turno. 17

18 TÉCNICA +2 SAÚDE +1 ATITUDE +1 CORAGEM ARMAMENTO RIFLE DE CAÇA BLINDAGEM TRAJE DE SOBREVIVÊNCIA SOLDADO ENERGIA Jack Natan Spartan Jack sempre foi exemplar em tudo que se propôs a fazer em sua vida. Sempre fora um bom filho, marido fiel e soldado dedicado aos treinamentos. Ele acredita ser o melhor e mais capaz Runner de toda UED e lida muito mal com o fato do Chefe Rey ter decidido escolher Connor com o líder dos Dentes de Ferro. Traje de Sobrevivência Um traje mais resistente e com maiores recursos de aquecimento e mobilidade. É o traje padrão da UED usado tanto como ferramenta pelos Pesquisadores e Mecânicos, quanto como um traje de combate Ágil pelos Soldados. rk habilidade benefício O Ataque Relâmpago A missão me faz endurecer! Mais um come poeira! 3 Sem abrigo Adiciona 2 dados extras a sua reserva de Suprimentos em CORAGEM. +1 em uma Qualidade. Sua rolagem de ataque pode ter mais de um alvo, desde que eles estejam próximos um do outro (Corpo a Corpo). O Soldado faz uma jogada, que vale como ataque contra os 2 alvos. Quando se encontrar protegido por alguma superfície sólida (atrás de uma parede ou um veículo por exemplo) adiciona d à sua rolagem de defesa. 18

19 TÉCNICA +1 SAÚDE +1 ATITUDE +1 CORAGEM ARMAMENTO PISTOLA PADRÃO BLINDAGEM TRAJE EXPLORAÇÃO LEVE PESQUISADOR ENERGIA Edward Clint Fenix Clint é um grande pesquisador da Energia dos Invasores que hoje é largamente utilizada nos Aglomerados. Ele inclusive trabalhou, quando jovem, com um dos primeiros pesquisadores a utilizarem a energia adaptada aos equipamentos. Traje de Exploração Leve Traje altamente resistente, com capacidade razoável de aquecimento e proteção contra o frio. É usado por todos os habitantes que por algum motivo precisam sair do Aglomerado. rk habilidade benefício 0 Sim, estou de volta em preto! Um Pesquisador pode Recarregar tanques de outros Runners. Ele gasta um dado de Energia para recuperar 2 dados de outro PJ desde que o valor do dado de Energia deste seja menor que o valor do dado do Pesquisador. (Ex.: Energia d8 pode recuperar 2 dados de PJ com energia e d6.) 1 Minhas teorias! +1 em uma Qualidade. 2 Cordão umbilical para o Futuro 3 ChopSuey Pode conectar um cabo a um aliado fazendo com que este fique operacional mesmo sem nenhum dado de Energia. O Cabo é curto e exige que os PJs fiquem próximos. Qualquer ação que necessite de um teste, para os PJ conectados, consumirá dados de Energia do Pesquisador. Ao encontrar tanques de energia, o Pesquisador recarrega um dado de Energia para cada membro do grupo, sem consumir os tanques encontrados. Demora um turno. 19

20 Os Atributos Armamentos, Blindagem e Energia determinam o tipo de Equipamento que o personagem possui. Alguns equipamentos possuem características específicas, concedendo modificadores aos testes. Na seção de Equipamentos, você encontra as estatísticas e peculiaridades de cada um deles. Em um mundo de recursos escassos, às vezes faz-se necessário possuir outros recursos para se defender dos perigos que se interpõem no caminho de um Runner. O Atributo Armamento possui uma possibilidade específica, que é a de possuir uma Arma Secundária. Esta arma pode ser algum tipo de armamento especial, Uma Arma Branca, Ou uma arma leve de nível 4 Uma arma secundária do tipo Arma Branca possui a vantagem de não consumir suprimentos ao ser utilizada, podendo assim ser a última linha de defesa de um PJ quando este estiver em perigo e sem munição! EXEMPLO Junior discutiu melhor com seus companheiros de UED e definiu que usará, de seus 5 pontos economizados, apenas 3 pontos na construção do aglomerado, sendo os 2 restantes investidos em uma Lâmina de combate como Arma Secundária. Agora ele não estará indefeso quando suas balas acabarem! GRUPOS RUNNERS e as Profissões As patrulhas são formadas normalmente por 3 ou 4 soldados/sobreviventes, mais um mecânico e um pesquisador. Eles se organizam em pequenos grupos para aperfeiçoar a abrangência e arriscar menos pessoas em cada missão. Com seu relativo sucesso em prover os suprimentos básicos para as aglomerações populacionais, a UED criou diversos mitos entre seus membros, fazendo-os crer que neste momento, muito mais do que coragem, a ingenuidade quanto aos riscos da profissão é que mantém a instituição e lhe alimenta de novos voluntários. Os Runners focam seus esforços na manutenção de seu Aglomerado. Nenhum ato glorioso será mais importante do que prover as necessidades do local onde residem. Todas as escolhas deles devem ponderar isto. 20

21 Normalmente os grupos se mantêm em prontidão para qualquer demanda do Chefe do Aglomerado, e planejam conjuntamente com ele as incursões periódicas em busca de recursos e energia. Eles tentam equilibrar estas saídas, pois elas demandam muitos recursos e uma falha na missão pode significar um desperdício enorme. Seguindo os procedimentos criados pelos primeiros Runners, a UED em cada aglomerado está organizada em profissões específicas, sendo três delas altamente especializadas e uma delas generalista. Após definir os Atributos e Qualidades de um PJ, é hora de escolher uma profissão para ele. Você perceberá que cada profissão possui habilidades especiais (e alterações de Atributos e Qualidades) proporcionadas pelo aumento no Nível de Rank do Personagem. Este nível de Rank representa a experiência em missões (Adquirindo Glória). Ao escolher sua profissão, você definirá que tipo de habilidades especiais você possui e qual seu papel específico dentro do grupo de Runners. Para que o jogo seja mais equilibrado, e por sua vez proporcione cenas mais interessantes e divertidas é importante que os Jogadores conversem em conjunto para determinar quais as profissões de seus personagens. Estabelecer a segurança do grupo com mais de um Soldado é importante, mas ficar sem Energia em um momento crucial, ou ter seus equipamentos danificados em meio a uma batalha, pode ser o pequeno detalhe que decretará o insucesso de uma missão. profissões em combate Cada profissão possui uma funcionalidade específica dentro da UED e a medida que os níveis de Rank vão aumentando, elas assumem também papéis diferentes ao participar de um combate. Os Soldados são a linha de frente na batalha, investindo de forma rápida e letal contra o inimigo. Os Sobreviventes são agentes táticos, buscando mover-se pelo campo de batalha para flaquear seus alvos e proteger seus companheiros. Tanto o Mecânico, quanto o Pesquisador assumem postura de suporte, reparando, dando cobertura e reativando seus companheiros. O melhor é que o grupo de jogadores, em conjunto com o M, discuta e defina qual a melhor formação de grupo, atendendo os interesses dos jogadores pelas profissões e equilibrando o grupo. 21

22 EQUIPAMENTOS A UED reúne o que há de mais avançado em recuperação tecnológica já conquistada pelos sobreviventes da invasão. Estes equipamentos são raros e ficam sob custódia da UED dada sua importância na defesa, comunicação e suprimento do Aglomerado. Essa escassez de equipamentos faz com que os Runners possuam muita ligação com suas armas/trajes/veículos criando nomes para eles e às vezes desenvolvendo uma relação afetiva. Não estranhe se você encontrar um Runner conversando com sua arma. os dados de coragem O atributo Coragem de um PJ não precisa de pontos de suprimento para determinar sua quantidade. Todo Runner que começa uma nova missão recebe 1 dado de Coragem + 1 dado para cada nível de Rank. Quanto mais experiente o PJ, mais coragem ele dispõe na missão. Os dados de Coragem só podem ser recuperados em ocasiões especiais determinadas pelo M. Ele deve pensar em situações que trariam uma nova esperança ou renovariam o ânimo do PJ para permitir que ele recupere sua Coragem dentro do jogo. A quantidade de dados recuperados deve ser avaliada conforme a performance do personagem nas situações onde ele pode recobrar sua fé e força de vontade. Os PJ definirão seus equipamentos para cada Atributo base e distribuirão seus pontos de Suprimento (conforme a Coragem do Aglomerado) entre Suprimentos de Munição (para o Atributo Armamentos); Suprimentos de Energia (Para o Atributo Energia) e Suprimentos de Blindagem (para o Atributo Blindagem). Cada ponto de Suprimento distribuído representa um dado que você pode rolar em um teste daquele Atributo. Lembrando que sempre que você realiza um teste, gasta um dado de Atributo. Os PJ devem pensar com cuidado como irão distribuir seus suprimentos, considerando os perigos da missão e o melhor aproveitamento de sua profissão. 22

23 ARMAMENTOS Cada armamento possui seu dado correspondente, e por isso eles são classificados pelo tipo de Dado que os representa. Após o Runner decidir qual é seu dado de armamento, ele seleciona entre as armas daquele dado qual será a sua. Cada arma em UED utiliza-se de balas de projétil sólido propelido pelo uso de pólvora. A quantidade de dano que a arma causa é baseada em 2 fatores: Tamanho do projétil e quantidade de projéteis usados. Assim, quanto maior o dano causado por uma arma, maior é o projétil e/ou maior a quantidade de tiros com um disparo. Assim, uma mini metralhadora Uzi, faz d de dano e utiliza a mesma munição que uma pistola leve (que causa d ), porém cada disparo é uma rajada de balas, ao invés de tiro simples. Por isso, quando tratamos de munição e valor em pontos de suprimentos em UED, tratamos como um conjunto de fatores. Uma bala de rifle sniper custa 2 pontos de suprimento porque cada munição usada é de calibre 762 (7,62mm). Uma Uzi gasta, em cada rajada 3 balas de 9mm, portanto, custa 1 ponto de suprimento, enquanto uma pistola com 1 ponto de suprimento têm 3 balas. Para que um Runner possa utilizar munição de um tipo em outra arma, é necessário um mecânico para adaptar a arma. Lembramos que no meio da neve e do frio, todo o cuidado é pouco para não se perder munição. Os Armamentos também possuem variações de alcance. Elas são Corpo a Corpo, Curta e Longa Distância. Esta é uma abstração pouco realista, mas a usaremos para diferenciar os tipos de armas e o M a usará para identificar a posição dos alvos. As medidas de alcance serão explicadas no Capítulo de Regras. custo em pontos de suprimento para cada dado. Nome da Arma Silhueta Dado da Arma Alcance Peculiaridade 23

24 ARMAMENTOS 10 PONTOS DE TECNOLOGIA POR EQUIPAMENTO É a arma mais básica da UED. Simples, com curto alcance e munição fácil de obter. É uma boa arma iniciante ou arma secundária. Uma granada simples, de baixo poder de destruição, mas com grande alcance de alvos. Ao escolher um alvo, tudo em um círculo de 20m de diâmetro, sofre o mesmo dano. Caso o personagem ataque um alvo na distância corpo-a-corpo, sofrerá o dano também. ARMAMENTOS 20 PONTOS DE TECNOLOGIA POR EQUIPAMENTO Um rifle mais elaborado, com um carregador estilo Winchester. Uma arma rude e antiga, mas com um bom poder de estrago. Tem um equilíbrio interessante para seu poder de fogo Um rifle simples, que possui dois canos, podendo atirar duas balas ao mesmo tempo. O coice é grande, mas o estrago é formidável.tiro Duplo (O Runner pode atirar com os dois canos ao mesmo tempo. Ele gasta dois dados de munição que se somam no teste, porém o coice é violento dando uma penalidade de -2 na mira, penalidade esta que não se aplica ao Dano) 24

25 ARMAMENTOS 30 PONTOS DE TECNOLOGIA POR EQUIPAMENTO Ao escolher um alvo, tudo em um círculo de 20m de diâmetro, sofre o mesmo dano. Caso o personagem ataque um alvo à distância Corpo a Corpo, sofrerá o dano também. Diferente da granada de concussão, a granada de fragmentação é extremamente letal. ARMAMENTOS 40 PONTOS DE TECNOLOGIA POR EQUIPAMENTO Uma das armas mais letais nas mãos de soldados experientes e bem treinados. Caso o personagem esteja em cobertura e não faça nenhuma ação na próxima rodada, adiciona em sua ação agressiva. Uma arma de alto poder de fogo e uma mobilidade espantosa, permitindo uma demolição completa do alvo. Ao escolher um alvo, todos os inimigos à distância de Corpo a Corpo do alvo sofrem o mesmo dano. O Lança Mísseis não pode ser usado corpo a corpo. Esta categoria de armamento possui uma peculiaridade especial: mesmo quando não obtém sucesso no ataque, role d6 para o alvo. Caso ultrapasse a Blindagem, o alvo recebe dano de integridade da mesma forma. ARMAMENTOS 50 PONTOS DE TECNOLOGIA POR EQUIPAMENTO 25

Eldenurin 3D&T Novo Sistema de Magia por Gustavo Brauner

Eldenurin 3D&T Novo Sistema de Magia por Gustavo Brauner Eldenurin 3D&T Novo Sistema de Magia por Gustavo Brauner Escolas de Magia Os magos de Eldenurin não estão limitados às vantagens mágicas tradicionais (Magia Branca, Magia Elemental e Magia Negra) dos conjuradores

Leia mais

UED VOCÊ É A RESISTÊNCIA utiliza a licença Creative Commons. Alguns direitos reservados.

UED VOCÊ É A RESISTÊNCIA utiliza a licença Creative Commons. Alguns direitos reservados. UED Você é a Resistência é um jogo de RPG sobre Ficação Científica, Sobrevivência em Glória. Nele os Jogadores serão lançados em um planeta Terra que fora invadido há 300 anos por uma raça alienígena e

Leia mais

Bleach Game MANUAL BÁSICO 2014

Bleach Game MANUAL BÁSICO 2014 Bleach Game MANUAL BÁSICO 2014 Manual com informações necessárias para um rápido começo no jogo, apenas para consulta e informações sobre o jogo. Animegame Jogos para sua diversão http://animegame.com.br

Leia mais

O que fazer em meio às turbulências

O que fazer em meio às turbulências O que fazer em meio às turbulências VERSÍCULO BÍBLICO Façam todo o possível para viver em paz com todos. Romanos 12:18 OBJETIVOS O QUÊ? (GG): As crianças assistirão a um programa de auditório chamado Geração

Leia mais

COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO

COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO Por que ler este livro? Você já escutou histórias de pessoas que ganharam muito dinheiro investindo, seja em imóveis ou na Bolsa de Valores? Após ter escutado todas essas

Leia mais

Preparando o Jogo. O Específico Vence o Geral

Preparando o Jogo. O Específico Vence o Geral Zueira Never Ends (#ZNE) é um jogo baseado em um sistema de pontos chamados de Pontos de Moral (ou apenas Moral). Cada jogador inicia com 0 Pontos de Moral e usando as cartas ele deve reduzir a Moral dos

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer.

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. CAPITULO 3 Ele não é o Homem que eu pensei que era. Ele é como é. Não se julga um Homem pela sua aparência.. Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. Eu costumava saber como encontrar

Leia mais

AQUILES PIRAINE FRAGA EDUARDO GOULART RAMOS

AQUILES PIRAINE FRAGA EDUARDO GOULART RAMOS AQUILES PIRAINE FRAGA EDUARDO GOULART RAMOS CRIAÇÃO DE PERSONAGENS Atributos Um conjunto padrão de atributos para todos os participantes da arena de gladiadores será utilizado para deixar todos os participantes

Leia mais

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível Para quem é este livro? Este livro é para todas aquelas pessoas que fazem o que amam em seu trabalho mas não estão tendo o retorno que gostariam. Este mini guia com 21 sacadas é um resumo dos atendimentos

Leia mais

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa Ricardo Pereira Antes de começar por Ricardo Pereira Trabalhando na Templum Consultoria eu tive a rara oportunidade

Leia mais

PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO

PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO ANTÓNIO GUERRA DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO DA FPV CONHEÇA A SUA EQUIPA E A COMPETIÇÃO ONDE PARTICIPA Primeiro que tudo têm de conhecer a sua equipa,

Leia mais

O que é Benchmarking?

O que é Benchmarking? BENCHMARKING Sumário Introdução Conhecer os tipos de benchmarking Aprender os princípios do bechmarking Formar a equipe Implementar as ações Coletar os benefícios Exemplos Introdução O que é Benchmarking?

Leia mais

Objetos projetados por Leonardo Da Vinci para ser usados em guerras e, a maioria, serviria de inspiração mais tarde para nossos objetos atuais de

Objetos projetados por Leonardo Da Vinci para ser usados em guerras e, a maioria, serviria de inspiração mais tarde para nossos objetos atuais de A arte da guerra Biografia O grande Leonardo da Vinci, talvez o maior artista do Renascimento, era um personagem exercia atividade em várias áreas: pintor, arquiteto, cientista, matemático, poeta, músico

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis usados, além do crescimento de renda da população e

Leia mais

Manifeste Seus Sonhos

Manifeste Seus Sonhos Manifeste Seus Sonhos Índice Introdução... 2 Isso Funciona?... 3 A Força do Pensamento Positivo... 4 A Lei da Atração... 7 Elimine a Negatividade... 11 Afirmações... 13 Manifeste Seus Sonhos Pág. 1 Introdução

Leia mais

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching,

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, 5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, Consultoria, Terapias Holísticas e Para Encher Seus Cursos e Workshops. Parte 01 Como Se Posicionar e Escolher os Clientes dos Seus Sonhos 1 Cinco Etapas Para

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LI ESTAMOS PASSANDO PELA MAIOR TRANSFORMAÇÃO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. VALORIZAR PESSOAS

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

BIOGRAFIA HUMANA. Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência. Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade.

BIOGRAFIA HUMANA. Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência. Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade. BIOGRAFIA HUMANA Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade Edna Andrade Nascemos totalmente desamparados, totalmente dependentes e indefesos.

Leia mais

Lição 5. Instrução Programada

Lição 5. Instrução Programada Instrução Programada Lição 5 Na lição anterior, estudamos a medida da intensidade de urna corrente e verificamos que existem materiais que se comportam de modo diferente em relação à eletricidade: os condutores

Leia mais

Iniciando. Bolsa de Valores. O que é uma ação?

Iniciando. Bolsa de Valores. O que é uma ação? O que é uma ação? Por definição é uma fração de uma empresa. Por isso, quem detém ações de uma companhia é dono de uma parte dela, ou melhor, é um dos seus sócios e por conseguinte passa a ganhar dinheiro

Leia mais

Avaliação Confidencial

Avaliação Confidencial Avaliação Confidencial AVALIAÇÃO 360 2 ÍNDICE Introdução 3 A Roda da Liderança 4 Indicadores das Maiores e Menores Notas 7 GAPs 8 Pilares da Estratégia 9 Pilares do Comprometimento 11 Pilares do Coaching

Leia mais

PARA SEMPRE CERTIFICAÇÃO FLORESTAL FSC. Carmen Figueiredo

PARA SEMPRE CERTIFICAÇÃO FLORESTAL FSC. Carmen Figueiredo PARA SEMPRE CERTIFICAÇÃO FLORESTAL FSC Carmen Figueiredo PARA SEMPRE CERTIFICAÇÃO FLORESTAL FSC 1ª edição 2005 Realização Apoio CRÉDITOS Produção Ethnos estratégias socio ambientais - ethnosconsultoria@uol.com.br

Leia mais

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento.

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento. 10 Maneiras de se Casar com a Pessoa Errada O amor cego não é uma forma de escolher um parceiro. Veja algumas ferramentas práticas para manter os seus olhos bem abertos. por Rabino Dov Heller, Mestre em

Leia mais

Game Design: A segurança da humanidade em suas mãos

Game Design: A segurança da humanidade em suas mãos Game Design: A segurança da humanidade em suas mãos Todos Direitos Reservados 2013 Bruno Ruaro Confortin Versão # 1.01 22/04/2013 Índice 1. INTRODUÇÃO 4 2. VISÃO GERAL DO JOGO 5 QUANTO AO TIPO DE OBJETOS

Leia mais

ATENDIMENTO 3D O diferencial para o sucesso em vendas

ATENDIMENTO 3D O diferencial para o sucesso em vendas Perfil... Atuando há 20 anos em vendas Jean Oliveira já viveu na pele cada experiência que essa profissão promove, é especialista com MBA em Estratégias de Negócios e graduado em Tecnologia de Processamento

Leia mais

DA INCUBAÇÃO À ACELERAÇÃO DE NEGÓCIOS: NOVAS ROTAS DE DESENVOLVIMENTO

DA INCUBAÇÃO À ACELERAÇÃO DE NEGÓCIOS: NOVAS ROTAS DE DESENVOLVIMENTO 1 DA INCUBAÇÃO À ACELERAÇÃO DE NEGÓCIOS: NOVAS ROTAS DE DESENVOLVIMENTO Cesar Simões Salim Professor e Autor de livros de empreendedorismo cesar.salim@gmail.com Visite meu blog: http://colecaoempreendedorismo.blogspot.com/

Leia mais

Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA. Mostrar como funciona a programação orientada a objetos

Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA. Mostrar como funciona a programação orientada a objetos META Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA Conteudista: André Luiz Brazil Aula 3: CRIANDO A CLASSE ESPAÇONAVE Mostrar como funciona a programação orientada a objetos OBJETIVOS Ao final da

Leia mais

Transcrição de Entrevista n º 22

Transcrição de Entrevista n º 22 Transcrição de Entrevista n º 22 E Entrevistador E22 Entrevistado 22 Sexo Masculino Idade 50 anos Área de Formação Engenharia Electrotécnica E - Acredita que a educação de uma criança é diferente perante

Leia mais

Prof. Gustavo Nascimento. Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA

Prof. Gustavo Nascimento. Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA Prof. Gustavo Nascimento Unidade I MODELOS DE LIDERANÇA A liderança e seus conceitos Liderança é a capacidade de influenciar um grupo para que as metas sejam alcançadas Stephen Robbins A definição de liderança

Leia mais

Jogos. Redes Sociais e Econômicas. Prof. André Vignatti

Jogos. Redes Sociais e Econômicas. Prof. André Vignatti Jogos Redes Sociais e Econômicas Prof. André Vignatti Teoria dos Jogos Neste curso, queremos olhar para redes a partir de duas perspectivas: 1) uma estrutura subjacente dos links de conexão 2) o comportamentos

Leia mais

Leia o texto abaixo, no mínimo duas vezes; isso facilitará a sua interpretação.

Leia o texto abaixo, no mínimo duas vezes; isso facilitará a sua interpretação. 4ºano 1.4 LÍNGUA PORTUGUESA 2º período 15 de maio de 2014 Cuide da organização da sua avaliação, escreva de forma legível, fique atento à ortografia e elabore respostas claras. Tudo isso será considerado

Leia mais

VAMOS DEIXAR UMA coisa bem clara desde já: você não

VAMOS DEIXAR UMA coisa bem clara desde já: você não Os Programas FAT: a verdadeira causa do seu excesso de peso 1 VAMOS DEIXAR UMA coisa bem clara desde já: você não está gordo porque come demais. Você não é fraco, preguiçoso, indisciplinado, tampouco se

Leia mais

Quem mais torce, incentiva, acompanha e

Quem mais torce, incentiva, acompanha e Capa esporte de pai para filho Edgard Rondina, o filho Felipe e uma paixão em comum: velejar no Lago Paranoá Por Leane Ribeiro Quem mais torce, incentiva, acompanha e muitas vezes até sofre com a carreira

Leia mais

No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado. alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para

No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado. alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para QUAL NEGÓCIO DEVO COMEÇAR? No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para então definir seus objetivos e sonhos.

Leia mais

Updates. Updates da Pesquisa FLL WORLD CLASS. Updates do Desafio do Robô FLL WORLD CLASS

Updates. Updates da Pesquisa FLL WORLD CLASS. Updates do Desafio do Robô FLL WORLD CLASS Updates da Pesquisa FLL WORLD CLASS 2 ANIMAIS Para escrever a sua Questão da FLL WORLD CLASS, seu time precisa escolher um tópico em que uma PESSOA possa aprender. Tudo bem se há um animal envolvido em

Leia mais

judgment EM PERSPECTIVA:

judgment EM PERSPECTIVA: EM PERSPECTIVA: judgment As teorias de liderança geralmente estão baseadas em características individuais, como o carisma, influência, ética, entre outras, mas um determinante central da performance de

Leia mais

Manual de administração

Manual de administração Manual de administração Como fazer outsourcing dos sistemas de informação Índice Introdução Passo 1 - Definir o enquadramento Passo 2 - Analisar os recursos e serviços internos Passo 3 - Analisar os recursos

Leia mais

MARKETING PARA FAZENDAS

MARKETING PARA FAZENDAS DICAS PRÁTICAS DE MARKETING PARA FAZENDAS Sobre o Porteira Digital O Porteira Digital foi criado com objetivo de fornecer soluções práticas de Marketing para o produtor rural que deseja fazer de seu negócio

Leia mais

Portadores. Luz. Por Neale Donald Walsch. Autor de Conversando com Deus

Portadores. Luz. Por Neale Donald Walsch. Autor de Conversando com Deus Portadores da Luz Por Neale Donald Walsch Autor de Conversando com Deus Em memória de Francis H. Treon um Futzu (Mestre) em Gohn Dagow (uma clássica, chinesa, suave, monacal forma de autodesenvolvimento)

Leia mais

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR *

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * PSICODRAMA DA ÉTICA Local no. 107 - Adm. Regional do Ipiranga Diretora: Débora Oliveira Diogo Público: Servidor Coordenadora: Marisa Greeb São Paulo 21/03/2001 I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * Local...:

Leia mais

Como Ganhar R$ 625,00 por Mês com Hotmart

Como Ganhar R$ 625,00 por Mês com Hotmart Como Ganhar R$ 625,00 por Mês com Hotmart Ah algum tempo venho estudando e me dedicando a atividade de blogueiros famosos no cenário internacional como Darren Rowse, Silvio Fortunato, Pat Flynn, entre

Leia mais

Como foi adiantado no capítulo anterior, não existe um único tipo

Como foi adiantado no capítulo anterior, não existe um único tipo Capítulo 2 Tipos de Empreendedores Como foi adiantado no capítulo anterior, não existe um único tipo de empreendedor ou um modelo-padrão que possa ser identificado, apesar de várias pesquisas existentes

Leia mais

ABCEducatio entrevista Sílvio Bock

ABCEducatio entrevista Sílvio Bock ABCEducatio entrevista Sílvio Bock Escolher uma profissão é fazer um projeto de futuro A entrada do segundo semestre sempre é marcada por uma grande preocupação para todos os alunos que estão terminando

Leia mais

PESSOAS RESILIENTES: suas características e seu funcionamento

PESSOAS RESILIENTES: suas características e seu funcionamento CONNER, Daryl. Gerenciando na velocidade da mudança: como gerentes resilientes são bem sucedidos e prosperam onde os outros fracassam. Rio de Janeiro: Infobook, 1995. PESSOAS RESILIENTES: suas características

Leia mais

SEMIPRESENCIAL 2014.2 MATERIAL COMPLEMENTAR I DISCIPLINA: GESTÃO DE CARREIRA PROFESSORA/TUTORA: MONICA ROCHA

SEMIPRESENCIAL 2014.2 MATERIAL COMPLEMENTAR I DISCIPLINA: GESTÃO DE CARREIRA PROFESSORA/TUTORA: MONICA ROCHA SEMIPRESENCIAL 2014.2 MATERIAL COMPLEMENTAR I DISCIPLINA: GESTÃO DE CARREIRA PROFESSORA/TUTORA: MONICA ROCHA Gestão de Carreira Gestão de Carreira é um dos temas que mais ganhou destaque nesta última década,

Leia mais

Amanda Oliveira. E-book prático AJUSTE SEU FOCO. Viabilize seus projetos de vida. www.escolhas-inteligentes.com

Amanda Oliveira. E-book prático AJUSTE SEU FOCO. Viabilize seus projetos de vida. www.escolhas-inteligentes.com E-book prático AJUSTE SEU FOCO Viabilize seus projetos de vida CONTEÚDO À QUEM SE DESTINA ESSE E-BOOK:... 3 COMO USAR ESSE E-BOOK:... 4 COMO ESTÁ DIVIDIDO ESSE E-BOOK:... 5 O QUE É COACHING?... 6 O SEU

Leia mais

Autor: Rabbi Yehuda Ashlag

Autor: Rabbi Yehuda Ashlag Autor: Rabbi Yehuda Ashlag A Kabbalah ensina a correlação entre causa e efeito de nossas fontes espirituais. Estas fontes se interligam de acordo com regras perenes e absolutas objetivando gols maiores

Leia mais

Seja bem vindo ao F1 Race Brasil, sua missão aqui é administrar uma equipe de F1, piloto, fornecedores, estratégias, etc.

Seja bem vindo ao F1 Race Brasil, sua missão aqui é administrar uma equipe de F1, piloto, fornecedores, estratégias, etc. Seja bem vindo ao F1 Race Brasil, sua missão aqui é administrar uma equipe de F1, piloto, fornecedores, estratégias, etc. Se mesmo após ler o Manual você tiver alguma duvida, tente ver se abaixo existe

Leia mais

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação.

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Introdução Criar um filho é uma tarefa extremamente complexa. Além de amor,

Leia mais

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA:

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: CRESCENDO PESSOAL E PROFISSIONALMENTE. 08 a 11 de outubro de 2014 08 a 11 de outubro de 2014 Onde você estiver que haja LUZ. Ana Rique A responsabilidade por um ambiente

Leia mais

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA GUIA PARA A ESCOLHA DO PERFIL DE INVESTIMENTO DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA Caro Participante: Preparamos para você um guia contendo conceitos básicos sobre investimentos, feito para ajudá-lo a escolher

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 65 Discurso na solenidade do Dia

Leia mais

Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30

Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30 1 Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30 Entrevistador- Como o senhor vê a economia mundial e qual o posicionamento do Brasil, após quase um ano da quebra do

Leia mais

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões 8 Passos para o Recrutamento Eficaz Por Tiago Simões Uma das coisas que aprendi na indústria de marketing de rede é que se você não tem um sistema de trabalho que comprovadamente funcione, muito provavelmente

Leia mais

JOGO DA VIDA DICA AOS ADULTOS: LEIA AS INSTRUÇÕES A SEGUIR COM ATENÇÃO E AO MESMO TEMPO VÁ JOGANDO COM A CRIANÇA

JOGO DA VIDA DICA AOS ADULTOS: LEIA AS INSTRUÇÕES A SEGUIR COM ATENÇÃO E AO MESMO TEMPO VÁ JOGANDO COM A CRIANÇA JOGO DA VIDA DICA AOS ADULTOS: LEIA AS INSTRUÇÕES A SEGUIR COM ATENÇÃO E AO MESMO TEMPO VÁ JOGANDO COM A CRIANÇA A PARTIR DE 8 ANOS PARA 2 A 8 JOGADORES Contém: - 01 tabuleiro - 8 carrinhos - 32 pinos

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS 1 SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS John F. Eichstaedt, Toni Édio Degenhardt Professora: Eliana V. Jaeger RESUMO: Este artigo mostra o que é um SIG (Sistema de Informação gerencial) em uma aplicação prática

Leia mais

Mais que um Negócio, a Profissão dos seus Sonhos

Mais que um Negócio, a Profissão dos seus Sonhos Mais que um Negócio, a Profissão dos seus Sonhos Erros e Dicas para Vender seus Serviços MElina Kunifas 2010 WWW. M E L I N A K U N I F A S. C O M Caro leitor, este livreto tem o propósito de educar e

Leia mais

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR KOTLER, 2006 AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR. OS CANAIS AFETAM TODAS AS OUTRAS DECISÕES DE MARKETING Desenhando a estratégia

Leia mais

PRIMEIRA LINGUAGEM DE AMOR: PALAVRAS DE ENCORAJAMENTO

PRIMEIRA LINGUAGEM DE AMOR: PALAVRAS DE ENCORAJAMENTO 50 Nona Lição AS CINCO LINGUAGENS DE AMOR Alguma coisa em nossa natureza clama por sermos amados. No âmago da nossa existência há o íntimo desejo se sermos amados. O casamento foi idealizado para suprir

Leia mais

Por muito tempo na história as pessoas acreditaram existir em nós uma capacidade transcendental que nos emanciparia da natureza e nos faria

Por muito tempo na história as pessoas acreditaram existir em nós uma capacidade transcendental que nos emanciparia da natureza e nos faria 1 Por muito tempo na história as pessoas acreditaram existir em nós uma capacidade transcendental que nos emanciparia da natureza e nos faria especiais. Fomos crescendo e aprendendo que, ao contrário dos

Leia mais

Introdução. Módulo 1: Necessidade de Informação, introdução

Introdução. Módulo 1: Necessidade de Informação, introdução 1 Introdução Objetivo Este módulo ajudará os gerentes a identificarem as necessidades de informação, a definirem prioridades, e a determinarem que módulos do PAG APS serão mais úteis para eles. A planilha

Leia mais

O COACHING ESTRATÉGICO A Abordagem para uma Nova Cultura Organizacional. Luiz Cláudio Binato Belo Horizonte, 12 de Maio de 2011

O COACHING ESTRATÉGICO A Abordagem para uma Nova Cultura Organizacional. Luiz Cláudio Binato Belo Horizonte, 12 de Maio de 2011 O COACHING ESTRATÉGICO A Abordagem para uma Nova Cultura Organizacional Luiz Cláudio Binato Belo Horizonte, 12 de Maio de 2011 Organização Realização O QUE É COACHING? É um PROCESSO no qual um profissional

Leia mais

O Poder da Pergunta. As 5 Perguntas Manipuladoras Domine a Melhor Arma do Vendedor

O Poder da Pergunta. As 5 Perguntas Manipuladoras Domine a Melhor Arma do Vendedor O Poder da Pergunta As 5 Perguntas Manipuladoras Domine a Melhor Arma do Vendedor Índice O Poder da Pergunta Algorítimo MMA em Vendas Estudando o Adversário (Metamodelo) Perguntas Abertas X Perguntas Fechadas

Leia mais

RECONHECIDO INTERNACIONALMENTE

RECONHECIDO INTERNACIONALMENTE RECONHECIDO INTERNACIONALMENTE COACHING EDUCATION By José Roberto Marques Diretor Presidente - Instituto Brasileiro de Coaching Denominamos de Coaching Education a explicação, orientação e aproximação

Leia mais

Ambos os métodos possuem vantagens e desvantagens, por isso deve se analisar cada caso para decidir qual o mais apropriado.

Ambos os métodos possuem vantagens e desvantagens, por isso deve se analisar cada caso para decidir qual o mais apropriado. Módulo 4 Como Organizar a Pesquisa O questionário e a observação são dois métodos básicos de coleta de dados. No questionário os dados são coletados através de perguntas, enquanto que no outro método apenas

Leia mais

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com TRECHO: A VOLTA POR CIMA Após me formar aos vinte e seis anos de idade em engenharia civil, e já com uma

Leia mais

O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean. Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky

O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean. Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky Tradução: Diogo Kosaka Gostaria de compartilhar minha experiência pessoal como engenheiro

Leia mais

Transcrição de Entrevista n º 24

Transcrição de Entrevista n º 24 Transcrição de Entrevista n º 24 E Entrevistador E24 Entrevistado 24 Sexo Feminino Idade 47 anos Área de Formação Engenharia Sistemas Decisionais E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

A tecnologia e a ética

A tecnologia e a ética Escola Secundária de Oliveira do Douro A tecnologia e a ética Eutanásia João Manuel Monteiro dos Santos Nº11 11ºC Trabalho para a disciplina de Filosofia Oliveira do Douro, 14 de Maio de 2007 Sumário B

Leia mais

Tigris & Euphrates. Regras em Português

Tigris & Euphrates. Regras em Português Tigris & Euphrates Regras em Português Componentes do jogo 1 Tabuleiro 153 Peças de Civilização o 57 Vermelhas (Templos) o 36 Azuis (Quintas) o 30 Verdes (Mercados) o 30 Pretas (Colonizações) 8 Peças de

Leia mais

OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. Vista a camisa do 0800 E SEJA UM VENCEDOR!!!

OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. Vista a camisa do 0800 E SEJA UM VENCEDOR!!! OBJEÇÕES INSTRUMENTO DE SUCESSO O LADO POSITIVIO DAS OBJEÇÕES PARA APRIMORAR O PROFISSIONAL DE VENDAS. OBJEÇÕES VILÃS OU OPORTUNIDADES? A VISÃO ORIENTAL SOBRE Um para CRISE PERIGO (JI) A VISÃO ORIENTAL

Leia mais

CANDIDATO BANCADO PELOS PAIS

CANDIDATO BANCADO PELOS PAIS CANDIDATO BANCADO PELOS PAIS Desânimo total Acho que minhas forças estão indo abaixo, ando meio desmotivado!!!! Não quero desanimar, mas os fatores externos estão superando minha motivação... cobrança

Leia mais

S.W.A.T. para executivos. International Training

S.W.A.T. para executivos. International Training International Training INTRODUÇÃO SWAT é um acrônimo em inglês para Special Weapons And Tactics (Armas e Táticas Especiais). Nos Estados Unidos, SWAT é o nome dado a uma unidade de polícia altamente especializada

Leia mais

O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável

O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável Sustentabilidade Socioambiental Resistência à pobreza Desenvolvimento Saúde/Segurança alimentar Saneamento básico Educação Habitação Lazer Trabalho/

Leia mais

ERP SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL. Guia Prático de Compra O QUE SABER E COMO FAZER PARA ADQUIRIR CERTO. Edição de julho.2014

ERP SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL. Guia Prático de Compra O QUE SABER E COMO FAZER PARA ADQUIRIR CERTO. Edição de julho.2014 ERP SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL Guia Prático de Compra Edição de julho.2014 O QUE SABER E COMO FAZER PARA ADQUIRIR CERTO Í n d i c e 6 perguntas antes de adquirir um sistema 4 6 dúvidas de quem vai adquirir

Leia mais

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto.

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto. Boa tarde a todos, para quem não me conhece sou o Ricardo Aragão Pinto, e serei o Presidente do Concelho Fiscal desta nobre Fundação. Antes de mais, queria agradecer a todos por terem vindo. É uma honra

Leia mais

Aqui você também vai encontrar o botão ""Autocompletar"", que ajuda na criação do alinhamento, caso você não consiga se decidir.

Aqui você também vai encontrar o botão Autocompletar, que ajuda na criação do alinhamento, caso você não consiga se decidir. 1. ATIVAR CARTA Nesta seção, localizada dentro do ""shopping center"", você precisa inserir o código que aparece no verso da sua carta real para adicioná-la à sua coleção virtual. Às vezes, você pode se

Leia mais

Manual de instruções Banco Imobiliário e Banco Imobiliário Luxo Documento eletrônico criado e revisado em 01/04/2006

Manual de instruções Banco Imobiliário e Banco Imobiliário Luxo Documento eletrônico criado e revisado em 01/04/2006 Manual de instruções Banco Imobiliário e Banco Imobiliário Luxo Documento eletrônico criado e revisado em 01/04/2006 Um pouco de história: Em 1934, Charles B. Darrow da cidade de Germantown no estado da

Leia mais

SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação

SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação CURRÍCULO DO PROGRAMA SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação Para muita gente, os sonhos são apenas sonhos. Não levam necessariamente a ações diretas para transformar tais sonhos em realidade. Esta

Leia mais

Disciplina de Leitura Pessoal Manual do Aluno David Batty

Disciplina de Leitura Pessoal Manual do Aluno David Batty Disciplina de Leitura Pessoal Manual do Aluno David Batty Nome Data de início: / / Data de término: / / 2 Leitura Pessoal David Batty 1ª Edição Brasil As referências Bíblicas usadas nesta Lição foram retiradas

Leia mais

6. Considerações finais

6. Considerações finais 84 6. Considerações finais Nesta dissertação, encontram-se registros de mudanças sociais que influenciaram as vidas de homens e mulheres a partir da chegada das novas tecnologias. Partiu-se da Revolução

Leia mais

Guerra Civil. Variante da Guerra Civil. Resumo do Jogo. George R.R. Martin, O Festim dos Corvos

Guerra Civil. Variante da Guerra Civil. Resumo do Jogo. George R.R. Martin, O Festim dos Corvos Variante da Guerra Civil Guerra Civil E por que não? Favorece-o, sempre foi assim. Ele se parece com você, pensa como você, que pretende lhe dar Dorne, não se incomode em negá-lo. Eu li sua carta. As palavras

Leia mais

Resiliência. Capacidade para superar os desafios da vida

Resiliência. Capacidade para superar os desafios da vida Resiliência Capacidade para superar os desafios da vida O que é resiliência? Resiliência pode ser definida como a capacidade de se renascer da adversidade fortalecido e com mais recursos. (...) Ela engloba

Leia mais

OS SEIS ERROS MENTAIS QUE MAIS ATRAPALHAM SEU JOGO

OS SEIS ERROS MENTAIS QUE MAIS ATRAPALHAM SEU JOGO OS SEIS ERROS MENTAIS QUE MAIS ATRAPALHAM SEU JOGO Tênis é em grande parte um jogo mental. Um bom tenista deve ser mentalmente forte para conseguir lidar com as adversidades e manter um jogo consistente.

Leia mais

Roteiro VcPodMais#005

Roteiro VcPodMais#005 Roteiro VcPodMais#005 Conseguiram colocar a concentração total no momento presente, ou naquilo que estava fazendo no momento? Para quem não ouviu o programa anterior, sugiro que o faça. Hoje vamos continuar

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Os sindicatos de professores habituaram-se a batalhar por melhores salários e condições de ensino. Também são caminhos trilhados pelas lideranças.

Os sindicatos de professores habituaram-se a batalhar por melhores salários e condições de ensino. Também são caminhos trilhados pelas lideranças. TEXTOS PARA O PROGRAMA EDUCAR SOBRE A APRESENTAÇÃO DA PEADS A IMPORTÂNCIA SOBRE O PAPEL DA ESCOLA Texto escrito para o primeiro caderno de formação do Programa Educar em 2004. Trata do papel exercido pela

Leia mais

O papel do CRM no sucesso comercial

O papel do CRM no sucesso comercial O papel do CRM no sucesso comercial Escrito por Gustavo Paulillo Você sabia que o relacionamento com clientes pode ajudar sua empresa a ter mais sucesso nas vendas? Ter uma equipe de vendas eficaz é o

Leia mais

Como Trabalhar Com Consultores de Executive Search

Como Trabalhar Com Consultores de Executive Search Como Trabalhar Com Consultores de Executive Search Gerenciamento de Carreira pelo Bluesteps.com Contents: Introdução: O recrutamento de Executivos de Nível Sênior Page 1-2: O que é Retained Executive Search?

Leia mais

Um exemplo prático. Como exemplo, suponha que você é um recémcontratado

Um exemplo prático. Como exemplo, suponha que você é um recémcontratado pessoas do grupo. Não basta simplesmente analisar cada interpretação possível, é preciso analisar quais as conseqüências de nossas possíveis respostas, e é isso que proponho que façamos de forma racional.

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

Manual de Pedido de Matrícula em Disciplinas pelo Q-Acadêmico WEB

Manual de Pedido de Matrícula em Disciplinas pelo Q-Acadêmico WEB Manual de Pedido de Matrícula em Disciplinas pelo Q-Acadêmico WEB Área Responsável Implantação Preparado por: Leonardo Moulin Franco 27 de maio de 2009 Revisão 00 TABELA DE REVISÃO DESTE MANUAL REVISÃO

Leia mais

I. A empresa de pesquisa de executivos deve lhe fornecer uma avaliação precisa e cândida das suas capacidades para realizar sua pesquisa.

I. A empresa de pesquisa de executivos deve lhe fornecer uma avaliação precisa e cândida das suas capacidades para realizar sua pesquisa. DIREITO DOS CLIENTES O que esperar de sua empresa de Executive Search Uma pesquisa de executivos envolve um processo complexo que requer um investimento substancial do seu tempo e recursos. Quando você

Leia mais

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil.

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. SAMUEL, O PROFETA Lição 54 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. 2. Lição Bíblica: 1 Samuel 1 a 3 (Base bíblica para a história o professor) Versículo

Leia mais

SERVIÇO DE ANÁLISE DE REDES DE TELECOMUNICAÇÕES APLICABILIDADE PARA CALL-CENTERS VISÃO DA EMPRESA

SERVIÇO DE ANÁLISE DE REDES DE TELECOMUNICAÇÕES APLICABILIDADE PARA CALL-CENTERS VISÃO DA EMPRESA SERVIÇO DE ANÁLISE DE REDES DE TELECOMUNICAÇÕES APLICABILIDADE PARA CALL-CENTERS VISÃO DA EMPRESA Muitas organizações terceirizam o transporte das chamadas em seus call-centers, dependendo inteiramente

Leia mais