Ficha de Avaliação do Programa

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ficha de Avaliação do Programa"

Transcrição

1 Período de : 2010 a 2012 Etapa: Trienal 2013 Área de : 1 - MATEMÁTICA / PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA IES: UFSC - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa: P6 - MATEMÁTICA PURA E APLICADA Modalidade: Acadêmico Curso Curso Nível Ano Ano Ano MATEMÁTICA E COMPUTAÇÃO MATEMÁTICA PURA E APLICADA Nível Ano Início MATEMÁTICA E COMPUTAÇÃO Mestrado 1976 MATEMÁTICA PURA E APLICADA Mestrado 1976 Dados Disponíveis na Coleta de Dados Mestrado Mestrado PROPOSTA DO PROGRAMA Itens de 1.1. Coerência, consistência, abrangência e atualização das áreas de concentração, linhas de pesquisa, projetos em andamento e proposta curricular Planejamento do programa com vistas a seu desenvolvimento futuro, contemplando os desafios internacionais da área na produção do conhecimento, seus propósitos na melhor formação de seus alunos, suas metas quanto à inserção social mais rica dos seus egressos, conforme os parâmetros da área Infraestrutura para ensino, pesquisa e, se for o caso, extensão O programa de mestrado foi criado em 1975 e reestruturado em Suas áreas de concentração são Álgebra, Análise, Geometria e Topologia, e Matemática Aplicada. A oferta de disciplinas e a composição do quadro são apropriadas. É o único programa de pós-graduação em Matemática credenciado pela CAPES no estado, o que lhe confere importante impacto regional. É um programa bem estruturado e com um perfil estável. O programa tem se beneficiado da contratação de novos docentes, os quais participam inicialmente do corpo de orientadores como colaboradores, e gradativamente passam a participar do corpo de docentes permanentes. Notam-se diversas atividades de cooperação internacional e outros projetos voltados à internacionalização do programa. O programa de Doutorado foi aprovado pela CAPES em 2012 e iniciou suas atividades em 2013, o que trará novo dinamismo ao programa. A infraestrutura é boa, adequada às atividades do programa. 2 - CORPO DOCENTE Itens de 2.1. Perfil do corpo docente, consideradas titulação, diversificação na origem de formação, aprimoramento e experiência, e sua compatibilidade e adequação à Proposta do Programa Adequação e dedicação dos docentes permanentes em relação às atividades de pesquisa e de formação do programa Distribuição das atividades de pesquisa e de formação entre Página 1 de 5

2 os docentes do programa Contribuição dos docentes para atividades de ensino e/ou de pesquisa na graduação, com atenção tanto à repercussão que este item pode ter na formação de futuros ingressantes na PG, quanto (conforme a área) na formação de profissionais mais capacitados no plano da graduação Durante o triênio o corpo docente permanente esteve formado, em média, por 14 docentes. Em relação ao triênio anterior, houve um aumento de cerca de 50%, resultado da contratação de novos docentes. Entretanto, contou também com cerca de 6 colaboradores em média no triênio. Dentre os docentes permanentes, 9 são bolsistas de Produtividade em Pesquisa do CNPq, o que evidencia um bom perfil de pesquisa. O quadro permanente conta com cerca de 50% de docentes que concluíram o doutorado há no máximo uma década. O corpo docente permanente tem uma formação diversificada. Há 2 docentes que atuaram como docentes permanentes em outros programas. As atividades de pesquisa estão relativamente bem distribuídas entre os docentes permanentes, com exceção de algumas áreas que contam ainda com poucos pesquisadores atuantes. Uma das propostas do programa é investir na consolidação destas áreas. A integração com as atividades da graduação é muito boa. Os professores orientam Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) e bolsistas do Programa Especial de Treinamento (PET) e de Iniciação Científica. O programa oferece disciplinas da graduação em Cálculo e Álgebra em nível avançado a cerca de 20 alunos selecionados entre os estudantes de ciências exatas e engenharias para atrair alunos para o programa. 3 - CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES Itens de 3.1. Quantidade de teses e dissertações defendidas no período de avaliação, em relação ao corpo docente permanente e à dimensão do corpo discente Distribuição das orientações das teses e dissertações defendidas no período de avaliação em relação aos docentes do programa Qualidade das Teses e Dissertações e da produção de discentes autores da pós-graduação e da graduação (no caso de IES com curso de graduação na área) na produção científica do programa, aferida por publicações e outros indicadores pertinentes à área Eficiência do Programa na formação de mestres e doutores bolsistas: Tempo de formação de mestres e doutores e percentual de bolsistas titulados Foram defendidas 19 dissertações de mestrado no triênio. Esta quantidade é boa, embora um pouco menor do que no triênio anterior. Durante o triênio cerca de 6 docentes permanentes não orientaram mestrado, o que corresponde a cerca de 40% do corpo docente permanente. As orientações estão bem distribuídas dentre os demais membros do corpo docente permanente. A distribuição entre as áreas é também bastante uniforme. Foram publicados 4 artigos provenientes de dissertações em revistas de muito bom nivel. O tempo médio de titulação do mestrado é de 25,6 meses, o que é um bom resultado. Página 2 de 5

3 4 - PRODUÇÃO INTELECTUAL Itens de 4.1. Publicações qualificadas do Programa por docente permanente Distribuição de publicações qualificadas em relação ao corpo docente permanente do Programa Produção técnica, patentes e outras produções consideradas relevantes Durante o triênio foram publicados cerca de 60 artigos, dos quais cerca de 48 foram em revistas com Qualis A1, A2 e B1. Dois docentes permanentes do programa não apresentam produção científica durante o triênio, o que é superior a 10% do quadro docente permanente do programa. A produção científica nos estratos superiores do Qualis (A e B1 e B2) se encontra distribuída de forma uniforme entre os demais docentes. Destacam-se 4 docentes com 5 ou mais publicações durante o período. A produção técnica do programa é adequada. 5 - INSERÇÃO SOCIAL Itens de 5.1. Inserção e impacto regional e (ou) nacional do programa Integração e cooperação com outros programas e centros de pesquisa e desenvolvimento profissional relacionados à área de conhecimento do programa, com vistas ao desenvolvimento da pesquisa e da pós-graduação Visibilidade ou transparência dada pelo programa à sua atuação O programa tem importante impacto regional, sendo o único programa de pós-graduação em Matemática do estado de Santa Catarina. Entre as atividades de divulgação e inserção social destacam-se os Programas de Verão e a participação no Programa de Aperfeiçoamento de Professores dos Ensinos Fundamental e Médio. O programa apresenta uma página web bem organizada e funcional. Qualidade dos Dados Quesitos Qualidade 1 - PROPOSTA DO PROGRAMA 2 - CORPO DOCENTE 3 - CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES 4 - PRODUÇÃO INTELECTUAL 5 - INSERÇÃO SOCIAL Comentário Conceito/Nota CA Quesitos Comissão 1 - PROPOSTA DO PROGRAMA CORPO DOCENTE CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES 4 - PRODUÇÃO INTELECTUAL 5 - INSERÇÃO SOCIAL Página 3 de 5

4 Data Chancela: 28/11/2013 Conceito Nota Recomendamos a manutenção da nota 4 para o próximo triênio até a consolidação do doutorado com as defesas das primeiras teses. Trata-se de um programa de mestrado consolidado, com uma atuação bastante estável. É o único programa em Matemática credenciado pela CAPES no estado, o que lhe confere importante impacto regional. As atividades de pesquisa estão relativamente bem distribuídas entre os docentes permanentes, com exceção de algumas áreas que contam ainda com poucos pesquisadores atuantes. Uma das propostas do programa é investir na consolidação destas áreas. Houve no triênio diversos projetos voltados à integração com a graduação. O número de dissertações de mestrado concluídas no triênio é compatível com o tamanho do corpo docente, embora a distribuição de orientações entre o corpo docente precise melhorar. O tempo médio de titulação do mestrado é muito bom. Os indicadores de produção intelectual, relativos ao corpo docente permanente, são muito bons, embora deva melhorar a distribuição da produção científica entre o corpo docente. Notam-se diversas atividades de cooperação internacional e outros projetos voltados à internacionalização do programa. O programa de Doutorado foi aprovado pela CAPES em 2012 e iniciou suas atividades em 2013, o que trará novo dinamismo ao programa. 4 Complementos Apreciações ou sugestões complementares sobre a situação ou desempenho do programa. Recomendações da Comissão ao Programa. A CAPES deve promover visita de consultores ao Programa? Justificativa da recomendação de visita ao programa. Não A Comissão recomenda mudança de área de avaliação? Não Área Indicada: Justificativa da recomendação de mudança de área de avaliação do programa (em caso afirmativo) Nota CTC-ES Data Chancela: O CTC-ES, na 150ª reunião, ratificou a análise e a nota atribuída pela Comissão de Área ao presente Programa. Nota CTC-ES: 4 Comissão Responsável pela : Sigla IES ABDENAGO ALVES DE BARROS UFC Consultor(a) ALAGACONE SRI RANGA UNESP Consultor(a) ERNESTO JULIÁN GOLDBERG BIRGIN USP Consultor(a) HENRIQUE BURSZTYN IMPA Consultor(a) ISRAEL VAINSENCHER UFMG Consultor(a) JAIME BRUCK RIPOLL UFRGS Consultor(a) LORENZO JUSTINIANO DIAZ CASADO PUC-RIO Coordenador(a) Adjunto(a) MANOEL JOSE MACHADO SOARES LEMOS UFPE Consultor(a) MARIA APARECIDA SOARES RUAS USP Consultor(a) MÁRIO JORGE DIAS CARNEIRO UFMG Coordenador(a) Adjunto(a) Mestrado Profissional NANCY LOPES GARCIA UNICAMP Coordenador(a) Página 4 de 5

5 Comissão Responsável pela : Sigla IES RICARDO MARTINS DA SILVA ROSA UFRJ Consultor(a) RUY EXEL FILHO UFSC Consultor(a) SILVIA LOPES DE PAULA FERRARI USP Consultor(a) VITOR DOMINGOS MARTINS DE ARAUJO UFBA Consultor(a) Página 5 de 5

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2010 a 2012 Etapa: Trienal 2013 Área de : 1 - MATEMÁTICA / PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA IES: 28001010 - UFBA - UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Programa: 28001010003P1

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 16 - MEDICINA II IES: 33002010 - USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Programa: 33002010068P3 - DOENÇAS INFECCIOSAS E PARASITÁRIAS Modalidade: Acadêmico

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 36 - GEOGRAFIA IES: 32008015 - PUC/MG - PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Programa: 32008015003P4 - INFORMAÇÃO ESPACIAL Modalidade:

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 29 - ARQUITETURA E URBANISMO IES: 31003010 - UFF - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Programa: 31003010052P4 - ARQUITETURA E URBANISMO

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 1 - MATEMÁTICA / PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA IES: 33002010 - USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Programa: 33002010007P4 - ESTATÍSTICA Modalidade: Acadêmico

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 18 - ODONTOLOGIA IES: 32008015 - PUC/MG - PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Programa: 32008015014P6 - ODONTOLOGIA Modalidade: Profissional

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 17 - MEDICINA III IES: 33009015 - UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Programa: 33009015018P0 - MEDICINA (OTORRINOLARINGOLOGIA) Modalidade:

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 35 - ANTROPOLOGIA / ARQUEOLOGIA IES: 31003010 - UFF - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Programa: 31003010031P7 - ANTROPOLOGIA

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 16 - MEDICINA II IES: 33009015 - UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Programa: 33009015032P3 - PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA Modalidade:

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de do Programa Período de : 2010 a 2012 Etapa: Trienal 2013 Área de : 46 - ENSINO IES: 33004056 - UNESP/BAU - UNIVERSIDADE EST.PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO/BAURU Programa: 33004056079P0 - EDUCAÇÃO

Leia mais

Engenharias I. Civil Construção Civil Estruturas Geotécnica Recursos Hídricos Sanitária e Ambiental Transportes Urbana

Engenharias I. Civil Construção Civil Estruturas Geotécnica Recursos Hídricos Sanitária e Ambiental Transportes Urbana Engenharias I Civil Construção Civil Estruturas Geotécnica Recursos Hídricos Sanitária e Ambiental Transportes Urbana Prof. Guilherme Sales Melo (UnB) Prof. José Nilson Bezerra Campos (UFC) Objetivos Específicos

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 15 - MEDICINA I IES: 33002010 - USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Programa: 33002010117P4 - NEFROLOGIA Modalidade: Acadêmico

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 29 - ARQUITETURA E URBANISMO IES: 41001010 - UFSC - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa: 41001010064P8 - DESIGN E EXPRESSAO GRÁFICA Modalidade:

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 12 - ENGENHARIAS II IES: 40001016 - UFPR - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Programa: 40001016033P9 - ENGENHARIA Modalidade: Acadêmico Curso Nível Ano

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO TRIENAL 2010

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO TRIENAL 2010 RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO 2007-2009 TRIENAL 2010 IDENTIFICAÇÃO ÁREA DE AVALIAÇÃO: Matemática, Probabilidade e Estatística COORDENADOR DE ÁREA: Marcelo Viana COORDENADOR-ADJUNTO DE ÁREA: Márcio Gomes Soares

Leia mais

Nível 6: Atingir o nível 5 e apresentar no mínimo de 8 NRD6 com 3 publicações em revistas de nível A no triênio.

Nível 6: Atingir o nível 5 e apresentar no mínimo de 8 NRD6 com 3 publicações em revistas de nível A no triênio. PERFIL DE EXCELÊNCIA: Critérios para atribuição dos conceitos 6 e 7 Nível 6: Atingir o nível e apresentar no mínimo de 8 NRD6 com 3 publicações em revistas de nível A no triênio. Nivel 7: Atingir o nível

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 27 - ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMO IES: 40001016 - UFPR - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Programa: 40001016050P0 - CONTABILIDADE Modalidade:

Leia mais

Avaliação 2013 na Área Interdisciplinar da CAPES

Avaliação 2013 na Área Interdisciplinar da CAPES Avaliação 2013 na Área Interdisciplinar da CAPES Pedro G. Pascutti UFRJ UFRRJ - Seropédica, Outubro de 2015 Interdisciplinaridade: -estabelece linguagem entre disciplinas para avançar na construção do

Leia mais

Mestrado Profissional na Área de Biodiversidade

Mestrado Profissional na Área de Biodiversidade Mestrado Profissional na Área de Biodiversidade Coordenador de Área Paulo J P Santos UFPE Coordenador Adjunto Denise M T Oliveira UFMG Coordenador Adjunto Mestrado Profissional Leandro Freitas - JBRJ 07.biod@capes.gov.br

Leia mais

Universidade de São Paulo (são Carlos)

Universidade de São Paulo (são Carlos) conseguiu Universidade de São Paulo (são Carlos) SP Renovação de credenciamento do Curso de Pos-Graduação em Fisica, Área de Concentração em Fisica Básica e Fi sica aplicada, a nível de Mestrado e Doutorado.

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2010 a 2012 Etapa: Trienal 2013 Área de : 18 - ODONTOLOGIA IES: 32008015 - PUC/MG - PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Programa: 32008015014P6 - ODONTOLOGIA Modalidade: Profissional

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 4 - QUÍMICA IES: 31033016 - UENF - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE FLUMINENSE DARCY RIBEIRO Programa: 31033016013P0 - CIÊNCIAS NATURAIS Modalidade:

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 38 - EDUCAÇÃO IES: 31018017 - UNESA - UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ Programa: 31018017010P0 - EDUCAÇÃO Modalidade: Acadêmico Curso Nível Ano Início Ano

Leia mais

REVISÃO DO PERFIL DOS PROGRAMAS - atribuição de nota. (Efetuada na reunião de coordenadores na UFSC/Florianópolis nos dias: 06 e 07 março de 2003)

REVISÃO DO PERFIL DOS PROGRAMAS - atribuição de nota. (Efetuada na reunião de coordenadores na UFSC/Florianópolis nos dias: 06 e 07 março de 2003) REVISÃO DO PERFIL DOS PROGRAMAS - atribuição de nota (Efetuada na reunião de coordenadores na UFSC/Florianópolis nos dias: 06 e 07 março de 2003) A seguir estão definidos os critérios para avaliação e

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 10 - ENGENHARIAS I IES: 24009016 - UFCG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE Programa: 24009016002P1 - ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL Modalidade:

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO TRIENAL 2013

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO TRIENAL 2013 RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO 2010-2012 TRIENAL 2013 IDENTIFICAÇÃO ÁREA DE AVALIAÇÃO: BIOTECNOLOGIA COORDENADOR DE ÁREA: MARIA FATIMA GROSSI DE SA COORDENADOR-ADJUNTO DE ÁREA: ODIR ANTÔNIO DELLAGOSTIN COORDENADOR-ADJUNTO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA RESOLUÇÃO N o 01/PPGP de 03 de outubro de 2013 Dispõe sobre os critérios para credenciamento,

Leia mais

Tema 2. O sistema CAPES de avaliação da Pós-Graduação O sistema Lattes de currículos Sistema Qualis

Tema 2. O sistema CAPES de avaliação da Pós-Graduação O sistema Lattes de currículos Sistema Qualis Tema 2 O sistema CAPES de avaliação da Pós-Graduação O sistema Lattes de currículos Sistema Qualis Camila dos Santos Moreira Debora de Souza Gonçalves Ellen Gameiro Hilinski Abril de 2017 Conteúdo abordado

Leia mais

I. AVALIAÇÃO DO TRABALHO E DO EVENTO (MÁXIMO 10,0 PONTOS)

I. AVALIAÇÃO DO TRABALHO E DO EVENTO (MÁXIMO 10,0 PONTOS) ANEXO V CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A nota final (NF) será dada pela média aritmética da nota de cada uma das alíneas do 1º, Art. 11 o, conforme os critérios estabelecidos nas tabelas apresentadas neste documento.

Leia mais

Ficha de Recomendação - APCN

Ficha de Recomendação - APCN Área de Avaliação: ODONTOLOGIA Agenda: 26/08/2008 a 26/08/2008 Período: 2008/01 Proposta APCN: 4242 ODONTOLOGIA (INCONSISTENTE) IES: 40005011 - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Cidade: Ponta Grossa

Leia mais

NORMA N o 001/PGFAR/2011 de 02 de Junho de 2011.

NORMA N o 001/PGFAR/2011 de 02 de Junho de 2011. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FARMÁCIA NORMA N o 001/PGFAR/2011 de 02 de Junho de 2011. Dispõe sobre critérios específicos para o credenciamento

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2010 a 2012 Etapa: Trienal 2013 Área de : 10 - ENGENHARIAS I IES: 42002010 - UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Programa: 42002010020P0 - ENGENHARIA CIVIL

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA APCN

ORIENTAÇÕES PARA APCN Identificação Área de Avaliação: Letras/Linguística Coordenador de Área: Dermeval da Hora Oliveira (UFPB/JP) Coordenador-Adjunto de Área: Ida Maria Santos Ferreira Alves (UFF) Coordenador-Adjunto de Mestrado

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS I COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO COORDENADORA DE PROGRAMA CCP A Comissão Coordenadora de Programa (CCP) do Programa de Pós-Graduação em Matemática do

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 46 - ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMATICA IES: 12008010 - UEA - UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS Programa: 12008010004P8 - ENSINO DE CIÊNCIAS NA AMAZÔNIA

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2004 Ano Base 2001_2002_2003 CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DA ÁREA DE QUÍMICA 2001/2003

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2004 Ano Base 2001_2002_2003 CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DA ÁREA DE QUÍMICA 2001/2003 Área de Avaliação: CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DA ÁREA DE 2001/2003 I - Proposta do Programa Uma proposta é considerada adequada quando se observa coerência entre a estrutura

Leia mais

PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO DE CURSOS NOVOS MESTRADO ACADÊMICO

PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO DE CURSOS NOVOS MESTRADO ACADÊMICO PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO DE CURSOS NOVOS MESTRADO ACADÊMICO Os projetos de cursos novos serão julgados pela Comissão de Avaliação da área de Educação com base nos dados obtidos pela aplicação dos critérios

Leia mais

O curso de Mestrado e Doutorado envolvem as seguintes áreas de concentração:

O curso de Mestrado e Doutorado envolvem as seguintes áreas de concentração: O Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil (PPGEC) da UFPE tem como objetivo básico a formação de recursos humanos de alto nível para desempenhar papel significativo no desenvolvimento auto-sustentado

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 2 - CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO IES: 24001015 - UFPB/J.P. - UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA/JOÃO PESSOA Programa: 24001015047P4

Leia mais

Áreas Básicas GEOCIÊNCIAS GEOLOGIA GEOQUÍMICA GEOFÍSICA SENSORIAMENTO REMOTO METEOROLOGIA GEODÉSIA

Áreas Básicas GEOCIÊNCIAS GEOLOGIA GEOQUÍMICA GEOFÍSICA SENSORIAMENTO REMOTO METEOROLOGIA GEODÉSIA Áreas Básicas GEOCIÊNCIAS GEOLOGIA GEOQUÍMICA GEOFÍSICA SENSORIAMENTO REMOTO METEOROLOGIA GEODÉSIA Comissão de Avaliação - Consultores ALCIDES NOBREGA SIAL - UFPE ALVARO P. CRÓSTA - UNICAMP ARI ROISENBERG

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 18 - ODONTOLOGIA IES: 33003033 - UNICAMP/Pi - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS/PIRACICABA Programa: 33003033005P9 - RADIOLOGIA ODONTOLÓGICA Modalidade:

Leia mais

PONTUAÇÃO PARA PROGRESSÃO FUNCIONAL DE DOCENTES (Aprovada na 207ª Reunião do Conselho da Unidade do IM, em 25/09/2009)

PONTUAÇÃO PARA PROGRESSÃO FUNCIONAL DE DOCENTES (Aprovada na 207ª Reunião do Conselho da Unidade do IM, em 25/09/2009) UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE MATEMÁTICA Av. Bento Gonçalves 9500 - Agronomia - 91509-900 Porto Alegre - RS - BRASIL Tel: (051) 3308-6189/3308-6225 FAX: (051) 3308-7301 e-mail:

Leia mais

Dispõe sobre o mestrado profissional no âmbito da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES.

Dispõe sobre o mestrado profissional no âmbito da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. PORTARIA NORMATIVA N o 17, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2009 Dispõe sobre o mestrado profissional no âmbito da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. O MINISTRO DE ESTADO

Leia mais

Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Área de Avaliação da CAPES: Ciências Agrárias I

Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Área de Avaliação da CAPES: Ciências Agrárias I Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Área de Avaliação da CAPES: Ciências Agrárias I Prof. Dr. Moacir Pasqual Coordenador de Área (2008-2014) UFRPE, 22 de Outubro

Leia mais

do Curso de Pós-Graduação em Sociologia, com área de concentração em Estado e Sociedade - Em nível de doutorado. Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa,S.J.

do Curso de Pós-Graduação em Sociologia, com área de concentração em Estado e Sociedade - Em nível de doutorado. Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa,S.J. UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Credenciamento do Curso de Pós-Graduação em Sociologia, com área de concentração em Estado e Sociedade - Em nível de doutorado. Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa,S.J. CESu - 2 Grupo

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 10 - ENGENHARIAS I IES: 32020015 - CEFET/MG - CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECN. DE MINAS GERAIS Programa: 32020015004P3 - ENGENHARIA CIVIL

Leia mais

EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES

EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES A Coordenação do Programa de Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional

Leia mais

Integração da Análise SWOT com o Método ELECTRE TRI na Avaliação do Desempenho dos Programas de Pós-Graduação

Integração da Análise SWOT com o Método ELECTRE TRI na Avaliação do Desempenho dos Programas de Pós-Graduação Integração da Análise SWOT com o Método ELECTRE TRI na Avaliação do Desempenho dos Programas de Pós-Graduação Mestranda: Roberta Braga Neves Orientador: Prof. Dr. Helder Gomes Costa Mestrado em Engenharia

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e Inovação - PRPPGI AVALIAÇÃO DE MÉRITO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e Inovação - PRPPGI AVALIAÇÃO DE MÉRITO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e Inovação - PRPPGI AVALIAÇÃO DE MÉRITO Demanda: PRPPG/UNIVASF/MCT/FINEP/CT-INFRA-PROINFRA 01/2013 Proponente: Título

Leia mais

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área Saúde Coletiva Coordenador(a) da Área: Guilherme Loureiro Werneck (UERJ) Coordenadora Adjunta de Programas Acadêmicos: Hillegonda Maria Dutilh Novaes (USP) Coordenadora Adjunta de Programas

Leia mais

Normas de Avaliação do Profmat

Normas de Avaliação do Profmat Normas de Avaliação do Profmat Dispõe sobre as normas de adesão de novas instituições, acompanhamento das atividades e do descredenciamento das instituições associadas ao Mestrado Profissional em Matemática

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 15 - MEDICINA I IES: 33009015 - UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Programa: 33009015045P8 - MEDICINA INTERNA E TERAPÊUTICA Modalidade: Acadêmico

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO Proposta submetida pelo Programa de Pós-Graduação em Direito da UFMG, no âmbito do PACCSS (Programa de Apoio aos Cursos Cinco,

Leia mais

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área DIREITO Coordenador da Área: Gustavo Ferreira Santos (UNICAP) Coordenador Adjunto de Programas Acadêmicos: Antônio Maués (UFPA) Coordenador Adjunto de Programas Profissionais: Gustavo

Leia mais

EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA

EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA A Coordenação de Pesquisa e Extensão (COPEX) informa à comunidade acadêmica da Faculdade Leão Sampaio que está recebendo solicitações

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA Resolução Nº 01/2014. Regulamenta as normas para credenciamento de professores no Programa de Pós-graduação em Odontologia da Universidade Federal da Paraíba e dá outras providências. O Colegiado do Programa

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2004 a 2006 Etapa: Trienal 2007 Área de : 15 - MEDICINA I IES: 50001019 - UFMT - UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO Programa: 50001019009P9 - CIÊNCIAS DA SAÚDE Modalidade: Acadêmico Curso

Leia mais

EDITAL 20/2016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL

EDITAL 20/2016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 0/016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL

Leia mais

ATUALIZAÇÃO/CADASTRAMENTO DE GRUPOS DE PESQUISA NO DIRETÓRIO DOS GRUPOS DE PESQUISA NO BRASIL CNPq

ATUALIZAÇÃO/CADASTRAMENTO DE GRUPOS DE PESQUISA NO DIRETÓRIO DOS GRUPOS DE PESQUISA NO BRASIL CNPq ATUALIZAÇÃO/CADASTRAMENTO DE GRUPOS DE PESQUISA NO DIRETÓRIO DOS GRUPOS DE PESQUISA NO BRASIL CNPq GRUPOS DE PESQUISA: DEFINIÇÃO E CRITÉRIOS ESTABELECIDOS PELA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA PROPe/UNESP a) Definição

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES AO EDITAL N 127, DE 09 DE SETEMBRO DE 2010, PUBLICADO NO D.O.U. Nº

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de Avaliação: 2007 a 2009 Etapa: Avaliação Trienal 2010 Área de Avaliação: 37 - PSICOLOGIA IES: 53001010 - UNB - UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa: 53001010065P8 - PSICOLOGIA SOCIAL, DO TRABALHO

Leia mais

Edital 01/2015 SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2015/CAPES)

Edital 01/2015 SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2015/CAPES) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA Edital 01/2015 SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD

Leia mais

Credenciamento do curso de Pós-Graduação em Enfermagem,em nível de Mestrado.

Credenciamento do curso de Pós-Graduação em Enfermagem,em nível de Mestrado. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO/MANTENEDORA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA UF PB ASSUNTO: Credenciamento do curso de Pós-Graduação em Enfermagem,em nível de Mestrado. RELATOR:

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 02/2013

RESOLUÇÃO Nº 02/2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO ACADÊMICO DE PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 02/2013 Dispõe sobre os Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação

Leia mais

RELATÓRIO DO SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DOS PROGRAMAS DE PÓS GRADUAÇÃO DA ÁREA DE ENGENHARIAS III

RELATÓRIO DO SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DOS PROGRAMAS DE PÓS GRADUAÇÃO DA ÁREA DE ENGENHARIAS III Ministério de Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação 13.eng3@capes.gov.br RELATÓRIO DO SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DOS PROGRAMAS DE PÓS GRADUAÇÃO DA

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 8 - CIÊNCIAS BIOLÓGICAS II IES: 33003017 - UNICAMP - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS Programa: 33003017040P8 - BIOLOGIA FUNCIONAL

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 01/2016

RESOLUÇÃO Nº 01/2016 RESOLUÇÃO Nº 01/2016 A Coordenação do Curso de Pós-Graduação em Zootecnia do CSTR/UFCG, no uso de suas atribuições legais e, considerando a decisão da 52ª Reunião Ordinária do Colegiado do desse Programa,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Campus São José dos Campos EDITAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Campus São José dos Campos EDITAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Campus São José dos Campos Programa de Pós-Graduação em Engenharia Biomédica EDITAL Inscrições para o processo seletivo de credenciamento de docentes permanentes para

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Ficha de do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 16 - MEDICINA II IES: 33002029 - USP/RP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO/ RIBEIRÃO PRETO Programa: 33002029029P3 - MEDICINA

Leia mais

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área Documento de Área Engenharias I Coordenador da Área: Eduardo Cleto Pires (USP/SC) Coordenador Adjunto de Programas Acadêmicos: José Fernando Thomé Juca (UFPE) Coordenadora Adjunta de Programas Profissionais:

Leia mais

CHAMADA 001/2016. Credenciamento de Docentes para o Programa de Pós-Graduação stricto sensu Mestrado Profissional em Ensino de Ciências

CHAMADA 001/2016. Credenciamento de Docentes para o Programa de Pós-Graduação stricto sensu Mestrado Profissional em Ensino de Ciências CHAMADA 001/2016 Credenciamento de Docentes para o Programa de Pós-Graduação stricto sensu Mestrado Profissional em Ensino de Ciências O Programa de Pós-Graduação stricto sensu - Mestrado Profissional

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA Conselho Universitário CONSU

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA Conselho Universitário CONSU RESOLUÇÃO CONSU nº003/2015, 15 de maio de 2015. Dispõe sobre o Programa Captação e Fixação de Doutores e Mestres da Universidade CEUMA. O Presidente do Conselho Superior da Universidade do CEUMA UNICEUMA,

Leia mais

A participação da PUC-Rio em avaliações externas outubro/2016

A participação da PUC-Rio em avaliações externas outubro/2016 A participação da PUC-Rio em avaliações externas outubro/2016 Modalidades de Avaliações Externas Avaliações Nacionais Avaliações Internacionais MEC Conceito CAPES CPC Conceito Preliminar de Curso Indicador

Leia mais

EDITAL PIBIC 2015/2016

EDITAL PIBIC 2015/2016 INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR MÚLTIPLO Credenciado pela Portaria n 2.535 de 19/08/04 - MEC CNPJ 05.379.062/0001-70 Avenida Boa Vista nº700 - Bairro: São Francisco CEP: 65631-350 Timon/MA Fone: 99 3212-2185

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de Avaliação: 2007 a 2009 Etapa: Avaliação Trienal 2010 Área de Avaliação: 48 - BIOTECNOLOGIA IES: 33008019 - UMC - UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES Programa: 33008019005P0 - BIOTECNOLOGIA Modalidade:

Leia mais

FORUM DE COORDENADORES CAMPINAS

FORUM DE COORDENADORES CAMPINAS FORUM DE COORDENADORES CAMPINAS - 2013 REGULAMENTO DA AVALIAÇÃO TRIENAL 1) Avaliar o desempenho de cada Programa a ela vinculado, atribuindo os conceitos Para cinco quesitos e respectivos itens da Ficha

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Ficha de Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 13 - ENGENHARIAS III IES: 33021015 - UNITAU - UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ Programa: 33021015006P5 - ENGENHARIA MECÂNICA Modalidade: Profissional

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 16 - MEDICINA II IES: 33009015 - UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Programa: 33009015033P0 - PSICOBIOLOGIA Modalidade: Acadêmico Curso Nível

Leia mais

Instituto de Matemática - UFRGS

Instituto de Matemática - UFRGS Brazilian - German Summer School 2016 (15 à 26/2/2016) Numerical Simulations with the Finite Element Method. Mathematical Analysis and Computational Practice Instituto de Matemática - UFRGS Sumário 1.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Instituto de Biociências Câmpus do Litoral Paulista PLANO DE METAS TRIENAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Instituto de Biociências Câmpus do Litoral Paulista PLANO DE METAS TRIENAL PLANO DE METAS TRIENAL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIODIVERSIDADE AQUÁTICA PPGBA. (1 ano) curto, (2 anos) médio e (3 anos) longo prazo. Propostas do Programa Estratégia Criar a identidade do PPGBA Promover

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 48 - BIOTECNOLOGIA IES: 28025016 - CPqGM - CENTRO DE PESQUISA GONÇALO MONIZ - FIOCRUZ Programa: 28025016001P4 - BIOTECNOLOGIA EM SAÚDE E MEDICINA

Leia mais

Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa

Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Pró-Reitoria de Pesquisa, Criação e Inovação Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa Prof.

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA 03/2015 CREDENCIAMENTO E RECREDENCIAMENTO DE DOCENTES

RESOLUÇÃO NORMATIVA 03/2015 CREDENCIAMENTO E RECREDENCIAMENTO DE DOCENTES Aprovada em 13 de novembro de 2015. RESOLUÇÃO NORMATIVA 03/2015 CREDENCIAMENTO E RECREDENCIAMENTO DE DOCENTES Dispõe sobre os critérios para credenciamento e recredenciamento de docentes no PPGEM. Considerando:

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO Normas e Critérios para Concessão de Bolsas por quota - CAPES e CNPq 2014/2015 (* Alterações aprovadas em reunião do Conselho do Programa realizada no dia 22 de agosto

Leia mais

CARTA ABERTA AOS PROFESSORES DA FCS

CARTA ABERTA AOS PROFESSORES DA FCS UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL CARTA ABERTA AOS PROFESSORES DA FCS CREDENCIAMENTO E RECREDENCIAMENTO DO CORPO DOCENTE DO Rio de

Leia mais

TÍTULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS

TÍTULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS RESOLUÇÃO N. 1/POSDESIGN/214, DE 12 DE JUNHO DE 215. Dispõe sobre credenciamento e recredenciamento de professores no. A coordenação do (PÓSDESIGN), no uso de suas atribuições, considerando o que dispõe

Leia mais

Mestrado Profissional Programa Projeto de Estruturas (PPE/UFRJ)

Mestrado Profissional Programa Projeto de Estruturas (PPE/UFRJ) Mestrado Profissional Programa Projeto de Estruturas (PPE/UFRJ) O Mestrado Profissional em Projeto de Estruturas está voltado ao aprofundamento da formação científica e tecnológica, com ênfase na ampliação

Leia mais

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área Área 18 Odontologia Coordenador da Área: Carlos José Soares (UFU) Coordenador Adjunto de Programas Acadêmicos: Marcelo José Strazzeri Bönecker (USP) Coordenadora Adjunta de Programas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRICULTURA E AMBIENTE - PPGAA EDITAL 01/2016-PPGAA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRICULTURA E AMBIENTE - PPGAA EDITAL 01/2016-PPGAA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRICULTURA E AMBIENTE - PPGAA EDITAL 01/2016-PPGAA PROCESSO SELETIVO PARA O CREDENCIAMENTO DE NOVOS DOCENTES PARA O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação

Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação Documento de Área Ciência Política e Relações Internacionais Coordenador da Área: André Luiz Marenco dos Santos [UFRGS] Coordenador Adjunto de Programas Acadêmicos: Rafael Antonio Duarte Villa [USP] Coordenador

Leia mais

CHAMADA INTERNA N.º 01/2016 PPG/UEMA BOLSA DE PRODUTIVIDADE EM PESQUISA

CHAMADA INTERNA N.º 01/2016 PPG/UEMA BOLSA DE PRODUTIVIDADE EM PESQUISA Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação-PPG Coordenação de Pós-Graduação-CPG CHAMADA INTERNA N.º 01/2016 PPG/UEMA BOLSA DE PRODUTIVIDADE EM PESQUISA A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade

Leia mais

Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição

Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição Endereço: R. Basílio da Gama, S/N - Canela - Salvador / Bahia CEP 40.110.907 Telefone: (071) 3283-7700 /7701 e-mail: enufba@ufba.br

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO Aprovado pelo Conselho da Faculdade de Direito em reunião extraordinário de 16/08/2013, Ata n. 11/2013 com as alterações aprovadas na reunião ordinário

Leia mais

CENTRO DE LETRAS, COMUNICAÇAO E ARTES CLCA CAMPI CORNÉLIO PROCÓPIO E JACAREZINHO

CENTRO DE LETRAS, COMUNICAÇAO E ARTES CLCA CAMPI CORNÉLIO PROCÓPIO E JACAREZINHO Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP CENTRO DE LETRAS, COMUNICAÇAO E ARTES CLCA CAMPI CORNÉLIO PROCÓPIO E JACAREZINHO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS EM REDE NACIONAL PROFLETRAS

Leia mais

PLANO DE AÇÃO

PLANO DE AÇÃO INSTITUTO FLORENCE DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO PLANO DE AÇÃO 2016-207 São Luís 2016 1 INTRODUÇÃO O plano de ações da CPA define os rumos dos trabalhos que serão desenvolvidas pela

Leia mais

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS E PROCESSOS SUSTENTÁVEIS

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS E PROCESSOS SUSTENTÁVEIS UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS E PROCESSOS SUSTENTÁVEIS EDITAL Nº 01/PROPG-PPGEMPS/2014 SELEÇÃO EXTERNA DE

Leia mais

Ficha de Avaliação do Programa

Ficha de Avaliação do Programa Período de : 2007 a 2009 Etapa: Trienal 2010 Área de : 21 - EDUCAÇÃO FÍSICA IES: 33001014 - UFSCAR - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS Programa: 33001014016P7 - FISIOTERAPIA Modalidade: Acadêmico Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO

UNIVERSIDADE POSITIVO UNIVERSIDADE POSITIVO CHAMADA DE PROJETOS PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIC) CICLO 2012-2013 EDITAL N o 117 de 03/04/2012 Art. 1 o A Reitoria da Universidade Positivo (UP) torna público o presente

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO Visando subsidiar a proposição de propostas a CHAMADA INTERNA DA PROPI/IFTM EDITAL MCT/FINEP/CT-INFRA-PROINFRA 02/2014, apresentamos a seguir os critérios a serem considerados quando da avaliação das mesmas:

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 49, de 09

Leia mais