OUR WORK Brand Strategy & Development

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "OUR WORK Brand Strategy & Development"

Transcrição

1 BRAND SHORT STORIES OUR WORK Brand Strategy & Development

2 A Once Upon a Brand é uma Empresa de Criação e Estratégia de Marca direccionada e vocacionada para Pequenas e Média Empresas e Start-Ups, integrando duas competências nucleares: Estratégia de Marca - O conteúdo Design de Marca e Criatividade - A forma Não somos um Atelier de Design. Não somos uma Agência de Comunicação. Não somos uma Agência de Publicidade. Porque cada caso é um caso, único, particular, com uma história que é só sua e um património como não existe outro, a Once Upon a Brand assume-se como um parceiro personalizado, no limite, um contador de histórias da sua Marca. Daqui se depreende o apurado sentido de responsabilidade pela tarefa complexa de conceber o conteúdo e dar forma à imagem de cada nova Marca no mercado em que a mesma se insere, e assim, contribuir para essa história única, que a cada dia ajudaremos a escrever e que, num futuro próximo, esperamos que muitos possam ter o prazer de contar - Once upon a time...

3 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca PERSONAL TIME Turismo e Lazer Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A Time Management lançou em 2007 um serviço de concierge e gestão de tempo pessoal direccionada aos desportistas de alta competição, nomeadamente futebolistas. Com um crescimento sustentado decide lançar o mesmo conjunto de serviços mas devidamente adaptado a um nicho da sociedade que esteja interessado. HISTÓRIA A criação de uma Marca extremamente exclusiva, que praticamente não comunica, que se tem de manter sempre actual e que Marcasse o ritmo da mudança de quem com ela interage. Era este o desafio colocado pelas regras de um mercado internacional e pela natural exigência do seu público-alvo potencial, habituado às melhores e maiores Marcas mundiais. A associação ao fotografo Londrino Simon Frederick acrescentou mais uma dimensão de responsabilidade que foi assumida, conseguindo superar as mais elevadas expectativas através de um nome e de uma assinatura simples mas directa e uma identidade visual discreta mas muito sofisticada. O universo gráfico complementou e enalteceu a imagética que tinha sido especificamente criada para a Marca. A gestão da totalidade dos pontos de contacto é fundamental e neste caso em que a exigência e a proximidade com o member é tão intensa, este aspecto torna-se fulcral. A criação de um sistema de gestão com members está em desenvolvimento para que a Marca assuma a sua dimensão mais emocional na diferença que pode fazer na relação.

4 PERSONAL TIME Turismo e Lazer

5 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca PORTUGAL FOODS Associações e Organizações Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A Associação Integralar - Excelência no Sector Agro- Alimentar representava o início de um processo de onde viria a sair o primeiro Pólo Tecnológico de Competitividade Agro-Alimentar nacional, tendo como objectivo fundamental a criação de redes de conhecimento académico, empresarial e associativo de conhecimento, desta área. HISTÓRIA Partindo dum documento de orientações estratégicas e de projectos a desenvolver, efectuou-se um trabalho aprofundado de pesquisa de tendências de pólos e de clusters a nível mundial, procurando dar resposta a uma série de questões estruturais e estruturantes para este projecto. Era absolutamente fundamental que a Marca criada tangibilizasse de forma próxima e inovadora as vantagens para os associados, enquanto simultaneamente serviria de catalisador de mudança e de melhoria para uma das indústrias mais fundamentais a nível nacional. Associada a estas questões existia ainda a tendência desta área ser actualmente demasiado introspectiva e assente basicamente em processos industriais, orientadas para a produção e não para a criação de Marcas direccionadas a hábitos de consumo. Assim sendo, e tendo ainda em conta a representatividade perante outros pólos e entidades, criou-se o PORTUGAL FOODS - From Knowledge to Change, uma Marca forte, de desígnio nacional, com a promessa de transformar o conhecimento em mudança, inovação e mais-valias.

6 PORTUGAL FOODS Associações e Organizações

7 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca FELICITY Saúde e Farmacêutica Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A Dra. Elisabete Pinto é uma reconhecida terapeuta na área da Maia e do Porto que trabalha há diversos anos com crianças, adultos e idosos em diversas instituições e ao domicílio. Recentemente iniciou um processo de criação de uma empresa que se apresentasse como fornecedora de serviços multidisciplinares ao nível de terapias de reabilitação e re-educação, com uma visão internacional. HISTÓRIA Após uma pesquisa aprofundada desta área foi possível determinar que os valores da maior parte dos concorrentes se tinham tornado códigos profundos da categoria, com uma reduzida diferenciação ou real promessa para os seus diversos clientes/pacientes. O posicionamento foi o primeiro desafio e que ambiciosamente (dado que a própria natureza do projecto o exigia) se assumiu que esta Marca seria responsável por trazer felicidade a toda a família ao longo de toda a vida, fazendo alusão à multidisciplinaridade e oferta transversal e significativa da Marca. Com um nível de fasquia e de envolvimento extremamente elevado, o que se seguiu foi a criação de uma palavra que apesar de não existir, permite um story-telling para os diversos públicos, nacionais e internacionais. É a forma da Marca dar algo aos seus clientes, de poder dar felicity. A assinatura e o descritor de negócio equilibram uma identidade visual mais disruptiva, servindo para descodificar, permitindo no entanto tangibilizar o conceito de felicidade e de jovialidade através do símbolo que representa uma cruz ou um mais.

8 FELICITY Saúde e Farmacêutica

9 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca FREEDOM YOGA Desporto e Entretenimento Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo Charlie Stewart-Brown já praticava ioga há muitos anos a nível pessoal e decidiu criar uma empresa que possibilitasse uma abordagem diferente a esta técnica milenar de respiração e exercício. Vendo espaço nesta área para apresentar este novo serviço, surgiu com o desafio de criar uma Marca para uma empresa pessoal de ioga à medida do cliente, totalmente personalizada. HISTÓRIA O desafio assentava em conseguir criar um posicionamento que equilibrasse o aspecto mais institucional e credível de uma Marca comercial, com o respeito pelas bases e o lado mais tradicional do ioga. O naming foi imposto pela cliente e serviu de inspiração para o desenvolvimento conceptual da identidade e do universo gráfico, tendo ainda o desafio acrescido de do ponto de vista cromático ser necessário evitar determinados espectros dado o seu significado na disciplina energética do ioga e dos seus praticantes. Criou-se uma identidade moderna, assente em códigos adequados aos pressupostos e que permitiu atingir o balanço certo de uma Marca pessoal mas que possa ter espaço e flexibilidade para crescer sem perder personalidade ou força. A segmentação da oferta fez parte integrante das recomendações efectuadas, e permitiu ainda uma adequação do discurso aos diversos targets de maneira a conseguir algumas parcerias estratégicas para arrancar comercialmente.

10 FREEDOM YOGA Desporto e Entretenimento

11 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca E-Force Agency Tecnologia e Comunicações Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo Uma ideia inovadora da parte de um empreendedor nacional de criar uma Marca que se alavancasse numa plataforma de enorme sucesso e que mais que uma tendência é uma realidade dos tempos modernos o Facebook. Através de um modelo de negócio simples e eficaz, esta empresa traz ao mercado um novo serviço que poderá ser muito útil na maximização da utilização da rede social mais famosa do mundo. HISTÓRIA Uma ideia inovadora trazia consigo a responsabilidade de criar um conceito que simultaneamente fundasse uma categoria, enquanto simultaneamente necessitava de um tom de comunicação informal e simples, tangibilizando imediatamente a sua promessa para todos os stake-holders. Definiu-se que a Marca teria que se apresentar de forma institucional mas credível, conseguindo o equilíbrio igualmente entre aspiracionalidade e proximidade. Era necessário diferenciar entre os diversos públicos-alvo. Desenvolveu-se um naming assente nos códigos de espionagem e militares, fazendo com que a rede de PR Agents fizessem parte da E-Force Agency. Um nome que remetesse imediatamente ao universo online e o posicionasse como uma agência de serviços. Como fundadores de categoria e com um nome de natureza criativa, foi necessário desenvolver um descritor de negócio que simultaneamente descodificasse a oferta e permitisse apropriar de um território único: Facebook Guerrilla Marketing. A Marca tem vindo a crescer de forma exponencial e tem estabelecido parcerias tanto com empresas, como com agências, contando com uma rede de PR Agents cada vez maior e mais diversificada.

12 E-Force Agency Tecnologia e Comunicações

13 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca TURN ON Saúde e Farmacêutica Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A criação de uma empresa que criasse e comercializasse produtos naturais alimentares juntou três empreendedores de áreas bem diferentes. A criatividade e impulso de um, aliada à capacidade analítica e expertise comercial de outro, finalizando com o know-how científico e experiência do terceiro, fez com que o sonho se tornasse realidade e começassem a ser postos à venda uma série de produtos únicos e diferenciadores. HISTÓRIA Surge assim um produto que apesar de não ser original e apresentar-se como me too na sua génese, tinha um objectivo muito específico de acrescentar valor do ponto de vista funcional com uma fórmula mais potente, mas igualmente de criar um posicionamento na mente dos potenciais consumidores diferenciador assente num branding a todos os níveis sofisticado e aspiracional. A simplicidade dum nome que evoca um estado, de forma subtil mas suficientemente percepcionada, estabelecendo uma relação directa com a promessa da marca e com a necessidade do consumidor. A Marca foi desenvolvida tendo em conta os seus canais de distribuição muito específicos e está disponível através da internet em site próprio e algumas farmácias, esperando que venha a crescer e preparar a entrada de outros produtos sucedâneos.

14 TURN ON Saúde e Farmacêutica

15 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca PWBCC Associações e Organizações Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A apresentação feita num restaurante em Belgrado, Sérvia a trabalho de um outro cliente, levou a que Maria Salomé, embaixatriz baseada nesse país, nos lançasse o desafio de desenvolver uma Marca para o seu mais recente projecto empresarial: A Câmara do Comércio Portugal Balcãs Ocidentais. O projecto estava numa fase embrionária e representava uma oportunidade interessante do ponto de vista estratégico. HISTÓRIA As câmaras do comércio em geral, e as portuguesas em particular apresentam-se do ponto de vista de Marca como extremamente simplistas e transmitindo um amadorismo na sua execução. Assim sendo, havia espaço para acrescentar valor e apresentar uma Marca claramente diferenciadora através da sua estética e funcionalidade. A visão da embaixatriz era clara e concisa. Queria algo que causasse impacto e que imediatamente posicionasse esta câmara do comércio com inovadora e moderna. A estes pressupostos acrescentaram-se outros mais funcionais: era necessário transmitir toda a diversidade dos países envolvidos, encontrar pontos em comum e finalmente conseguir tangibilizar todos estes vectores numa Marca altamente diferenciadora e aceite por todos. O naming tinha de ser suficientemente simples e perceptível por todos, e o ponto em comum assentava na utilização do inglês como língua agregadora. A utilização de iniciais permitia um encurtamento da relação entre os stakeholders e a própria estrutura, servindo em simultâneo de ícone representativo da Marca, sendo depois apoiada pelo seu descritor e a assinatura Countries of Infinite Possibilities que fecha a visão, ambição e promessa da Marca.

16 PWBCC Associações e Organizações

17 N ENERGIAS Energia e Indústria Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação O grupo Nutroton começou a sua actividade no negócio da avicultura e mais recentemente, baseandose no seu know-how na área da biomassa, optou por investir nas energias renováveis através da criação da Nutroton Energias, empresa liderada pelo Dr. Marques Mendes. Era intenção da Nutroton Energias ser pioneira no mercado da eficiência energética e lançou o desafio da criação de uma Marca B2C que existisse por baixo da Nutroton Energias. Analisando internamente a Nutroton Energias e os seus objectivos estratégicos, bem como pesquisando as tendências e crescimento exponencial deste mercado, a recomendação estratégica superou largamente o que tinha sido pedido pelo cliente. Assim sendo criou-se a N Energias como Marca que substituísse por completo a Nutroton Energias na relação com todo e qualquer stakeholder. Houve uma modificação total em termos de identidade visual e de universo gráfico, assentando em códigos que reflectissem a área de actividade onde este projecto se queria assumir. A aceitação foi unânime e a simplificação inerente à criação de uma Marca monolítica que viesse abranger todos os serviços e áreas da (agora) N Energias foi fundamental para que a totalidade da estrutura defendesse este novo caminho.

18 N ENERGIAS Energia e Indústria

19 TIME MANAGEMENT Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação A TimeManagement lançou em 2007 um serviço de concierge e gestão de tempo pessoal direccionada aos desportistas de alta competição, nomeadamente futebolistas denominado ExtraTime. Posteriormente lança uma Marca com o mesmo intuito mas direccionada para um público ainda mais exclusivo - a PersonalTime. A TimeManagement denominava exclusivamente a empresa detentora das duas Marcas referidas anteriormente, no entanto, surgiu a possibilidade de através de um conceito de co-branding, disponibilizar os seus serviços em parceria com grandes Marcas. Foi necessário um restyling visual da identidade TimeManagement de maneira a que esta conquistasse simultaneamente um território aspiracional enquanto assumia igualmente uma postura de fornecedora de serviços em co-branding. Surge assim uma arquitectura de Marca em que a mesma denominação assume formas e base cromáticas distintas consoante o seu papel relativo. Foi criada uma Marca com força suficiente para estar lado-a-lado com as maiores Marcas nacionais e mundiais, assumindo-se como parceira exclusiva de serviços exclusivos para os clientes finais destas Marcas.

20 TIME MANAGEMENT Turismo e Lazer

21 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Centro Zulmira Pereira Simões Associações e Organizações Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo A Sra. Zulmira Pereira Simões viveu toda a sua vida na zona de Roriz em Barcelos e o seu filho, um mecenas reconhecido, decidiu associar-se à Frulact SA e homenageá-la com a criação de um espaço onde idosos e crianças poderiam conviver entre um lar e um jardim de infância rodeados de natureza. HISTÓRIA A Marca teria de transmitir de forma integral o que viria a ser um posicionamento extremamente arrojado e pioneiro. A conciliação de duas gerações tão distintas, a natureza e um evidente bem-estar com qualidade. Devido ao seu cariz social a Marca teria de se apresentar extremamente relacional, transmitindo na sua totalidade os vectores envolvidos bem como tangibilizar a diferença que pode fazer na vida de dois indivíduos, um próximo do final da sua vida com experiência e um sentimento de obsoletismo, e outro no inicio da sua vida, ansioso por aprender e viver. O resultado foi uma identidade visual, um universo gráfico e um conceito de comunicação que aliasse o sonho e o objectivo inicial a uma realidade cumprida e vivida por aqueles que mais precisam.

22 Centro Zulmira Pereira Simões Associações e Organizações

23 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca MILESTONES Turismo e Lazer Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo Depois de uma experiência significativa na área de hotelaria e turismo, a fundadora deste projecto decidiu iniciar uma empresa consultora dedicada a este nicho de mercado marketing turístico, cada vez mais eminente e em claro crescimento. Surgiu com um nome já definido Milestones - que representava não só o seu desejo de estar presente nos principais momentos e marcos da empresa e dos projectos dos clientes mas que representava ao mesmo tempo, uma mudança na sua vida profissional e pessoal. HISTÓRIA O desafio era extremamente interessante e especialmente complexo, tendo em conta a série de preconceitos e estigmas normalmente associados a áreas de pequenas consultoras que fazem tudo e de pelo facto de estarmos presentes num sector onde a concorrência indirecta é forte e extremamente variada. A existência de um nome aspiracional mas com necessidade de descodificação implicou a criação de uma assinatura - em conjunto com a cliente que permitisse descrever a sua proposta de valor mas assentar igualmente numa atitude de parceria real e equilibrada. O conceito de comunicação, bem como o universo gráfico, eram responsáveis por transmitir a diferenciação e a zona de especialização onde a cliente gostaria de se assumir neste mercado: na abordagem aos projectos com um pensamento lateral e criativo. Uma Marca que assenta nos códigos convencionais da categoria mas que acrescenta através da sua personalidade e conteúdo algo mais. Uma Marca que representa na perfeição a sua fundadora de forma indirecta mas personalizada.

24 MILESTONES Turismo e Lazer

25 INTROSYS Energia e Indústria Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação A INTROSYS - Integrated Robotic Systems foi fundada em 2004 pelos irmãos Luís e Nuno Flores, a partir de um projecto de investigação da UniNova da Caparica. Rapidamente se tornou numa das referências na área dos sistemas de robótica em linhas de montagens automóveis com clientes de topo onde se destacam a Volkswagen e a Ford, com projectos a nível Europeu. Actualmente sediada na Moita, tem já 30 colaboradores, na sua maioria engenheiros. Tinha chegado no entanto a altura de mudar, de se dar um salto do projecto embrionário, estudantil e fundamentalmente mais amador que tinha dado origem à actual INTROSYS, focando agora os esforços em melhorar tanto a nível interno (certificação de qualidade) como externo (comunicação), bem como o seu enfoque comercial com uma aposta na exploração de outros mercados que não apenas o automóvel. Foi desencadeada uma auditoria interna de Marca que envolvesse a equipa toda e que visasse descobrir qual seria o posicionamento actual da INTROSYS e em que factor diferenciador se deveria assentar o futuro. Determinou-se que a INTROSYS deveria estrategicamente posicionar-se como especialista na área de controlo de sistemas, acrescentando ainda à Marca um cariz de dedicação, paixão e criatividade que lhes era atribuído pelos parceiros e clientes de topo com que trabalham. Procedeu-se a um rebranding, criando uma identidade e universo gráfico que representasse o brainware como principal serviço da INTROSYS e aumentasse o espectro em termos de potenciais áreas de actuação.

26 INTROSYS Energia e Indústria

27 Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca MY VOICE Restauração e Lazer Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Prólogo Um empreendedor nacional do Porto criou um conceito inovador e imediatamente começou a desenvolver o que necessitaria para levar para a frente a sua ideia. Assente no seu historial e paixão pela música e pela prática do Karaoke, Artur Seixas apresenta um negócio assente na concretização de um sonho: qualquer pessoa por um preço muito acessível pode gravar um CD com uma qualidade de estúdio. Sentiu que precisava da componente de Marca para ganhar força e ter uma abordagem mais adequada ao mercado. HISTÓRIA A pesquisa demonstrou o que se previa. O fascínio e o desejo de ser uma estrela musical está latente na maioria dos portugueses, manifestada em programas tais como os Ídolos ou o crescente sucesso de jogos de consolas como o Singstar ou Guitar Hero. Criou-se um conceito simples, directo, com uma memorização fácil, assente no naming MyVoice e uma assinatura For Everyone! - com um duplo significado, fechando a promessa do nome e simultaneamente concretizando um dos valores principais da Marca: o seu acesso facilitado através de um pricing muito aliciante. O universo gráfico assenta em códigos extremamente fortes dado que viverá em locais com um elevado fluxo de pessoas, tendo de competir com outros pontos de atracção presentes nos centros comerciais, sendo um ponto de contacto fundamental para garantir a totalidade da experiência de Marca.

28 MY VOICE Restauração e Lazer

29 PHYSIOSPA Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação O Physiospa está localizado no hotel Vivamarinha e abriu as suas portas no inicio de 2008 dando apoio aos clientes do hotel. O conceito inicial, dada a associação dos seus fundadores ao mundo desportivo e a parceria com o fisioterapeuta António Gaspar, era o de aliar o conceito de bem-estar ao tratamento, privilegiando a proximidade e localização do espaço em plena Quinta da Marinha e num hotel de cinco estrelas. Depois de um ano a situação tinha-se tornado altamente problemática dado que a percepção que a pouca comunicação que tinha sido feita pela empresa, bem como a sua identidade visual, era de que se tratava de um spa convencional. Devido à sua dimensão reduzida e a elevada frequência pelos clientes do hotel em alturas de maior ocupação, a expectativa criada de uma experiência relaxante de spa era gorada. Acrescentando ao facto de que tratando-se de um spa convencional a oferta era pouco diferenciadora. Optou-se por um reposicionamento, enfocando no conceito de uma clínica de fisioterapia com um serviço de spa. A experiência de um tratamento de recuperação é melhorada e minimizada através desta complementaridade de serviços. A segmentação permitia uma abrangência superior, garantindo elasticidade suficiente para dar resposta às necessidades dos clientes do hotel. A comunicação assenta em acções muito específicas de parcerias com empresas, organizações e associações cujos membros possam necessitar deste novo conceito de fisioterapia.

30 PHYSIOSPA Turismo e Lazer

31 GLASS TERRACE Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Tratava-se de um espaço apelidado internamente por coffee-shop situado no Hotel Vivamarinha, servindo apenas de apoio ao hotel como zona para pequenosalmoços, refeições e bar. A traça arquitectónica deste espaço, a sua localização nobre no meio do pinhal numa das extremidades do edifício, uma estrutura maioritariamente em vidro e assente numa plataforma de madeira, confere ao coffee-shop um ambiente extremamente diferenciador e uma experiência diferente. A sua denominação pouco enaltecedora e extremamente redutora levou a que fosse feita a sugestão de criar um conceito para esta zona do hotel, de maneira a que se potencializasse a atractividade do complexo turístico como um todo. Com o objectivo claro de tornar este espaço numa Marca que pudesse potenciar o Hotel Vivamarinha, determinou-se que seria necessário ter em conta não só os pontos diferenciadores do local (referidos anteriormente) mas também que não se criasse uma expectativa demasiado elevada nos potenciais clientes, tendo em conta as limitações em termos de oferta de ementa (baseada principalmente em refeições ligeiras e serviço de bar). Desta forma criou-se um conceito para a identidade visual que assentasse e se inspirasse na unicidade do espaço, uma identidade verbal que reforçasse essa diferenciação e posicionasse de forma exclusiva e elevada e finalmente através de uma assinatura que criasse uma categoria própria, funcionando como descritor de negócio com um toque aspiracional. Esta mudança implicou que a ementa fosse também repensada de forma a oferecer três pratos emblemáticos e que pudessem de forma integrada, criar apetência pela visita ao Glass Terrace Light Restaurant & Caffe. O Vivamarinha tem agora mais um ponto de atracção para criar afluência ao hotel por motivos que não apenas os de alojamento, enquanto que, simultaneamente, oferece aos seus clientes um espaço que promete e cumpre uma experiência de Marca.

32 GLASS TERRACE Turismo e Lazer

33 VIVAMARINHA Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Uma Marca que deu os primeiros passos em Agosto de 2007 e que se inclui no leque de oferta hoteleira e turística do luxo informal. Enquadrada numa paisagem e contexto tão próprios quanto os da Quinta da Marinha, desde cedo se quis constituir como uma referência no âmbito do mercado onde opera. Desenvolvemos um modelo de abordagem holística à Marca, com especial enfoque no trabalho estatégico, plano de comunicação, criatividade de todas as peças de comunicação e sobretudo o acompanhamento ao nível da Gestão de Projecto, com o cariz de outsourcing da componente de marketing. O desafio de tornar O hotel à parte, num local à parte, numa Marca com uma oferta tão específica quanto a de um hotel apartamento, era também a oportunidade de criar algo diferenciador, permitindo potenciar o mercado das estadias de longa duração. Aumentar a notoriedade da Marca e acima de tudo desenvolver um trabalho de Marca a prazo, com todas as componentes e etapas fundamentais para que tal seja possível.

34 VIVAMARINHA Turismo e Lazer

35 GRUPO 8 Serviços Profissionais e Consultoria Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação A maior empresa de serviços de segurança com capitais 100% nacionais e com mais de 35 anos de história, com áreas de negócio como a vigilância humana, vigilância electrónica, transporte de valores e circuitos integrados de segurança. Concorrente directa de empresas como a Prosegur e a Securitas, entre outras, desde cedo se tornou uma referência num sector particularmente conservador no que aos códigos da Marca diz respeito. Num mercado onde a oferta é muito idêntica por parte dos players envolvidos, torna-se cada vez mais importante definir um posicionamento que permita aos actuais e potenciais consumidores, um momento de escolha onde se pesam outros factores para além do benefício funcional e o preço dos serviços. Onde possa pesar a relação que o Grupo 8 pode criar com estes. Para tal foi desenvolvido um plano de comunicação com um cariz estratégico, por forma a permitir construir uma linha condutora que permitisse criar as recomendações mais adequadas no sentido de desenvolver uma Marca mais actual e acima de tudo mais relacional.

36 GRUPO 8 Serviços Profissionais e Consultoria

37 TLC Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Uma DMC (Destination Management Company) que cresceu de forma exponencial desde o seu início há cinco anos, tornando-se um player muito forte na organização de eventos e congressos em Portugal para clientes estrangeiros. Uma aposta forte no marketing e vendas tinha sido uma das principais razões de sucesso desta empresa. Com a aproximação de um ano extremamente complicado era necessário a criação de um conceito de comunicação que se destacasse de forma extremamente coerente perante os concorrentes e parceiros. As dicotomias eram duas. Comunicar os serviços da empresa bem como o destino Portugal. Transmitir resultados qualitativos numa era de resultados quantitativos. Numa conjuntura em que rupturas e disrupção significava correr um risco demasiado elevado, o desafio estava em equilibrar relação e funcionalidade. O conceito de comunicação criado inspirou-se no próprio nome da empresa, fundamental tendo em conta a proliferação de concorrentes com siglas, tornando muito complexo a apropriação e responsabilidade de uma determinada ideia pelo seu autor. Aqui estava resolvido. A aceitação internamente, bem como pelos fornecedores, clientes e parceiros foi excepcional, apelidado de pedra no charco num mercado onde os resultados e a emoção andam lado-a-lado. Tal como neste conceito, tal como nesta Marca a partir de agora de forma vincada.

38 TLC Turismo e Lazer

39 MADPIZZA Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Uma loja de food-court recentemente aberta e que tinha uma enorme aceitação da parte do público frequentador do Amoreiras Plaza. Os produtos frescos, bem como a sua base integral, culminando numa originalidade muito elevada nas pizzas disponíveis eram os atributos mais destacados da MadPizza Mediterranean Inspired. A Marca era muito recente e procurava alguma definição e uma forma de se afirmar para poder crescer e procurar novos pontos de venda. Foi pedido um conceito de comunicação que criasse maior proximidade com o cliente, bem como estabelecesse a ponte entre os diferentes valores da Marca (qualidade produtos + criatividade + inspiração mediterrânica). Criou-se então o conceito do Louco, inspirado no Mad presente no naming da Marca mas que nunca tinha sido explorado. O conteúdo da Marca foi totalmente desenvolvido tendo em conta a loucura por todos os vectores, apostando num copy acessível, divertido e relacional. Design de Marca Activação de Marca Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação A loja foi decorada tendo em conta as recomendações efectuadas, com especial incidência na segmentação da oferta baseada no seu ingrediente base, facilitando a experiência de Marca no momento de escolha. A MadPizza prepara agora a sua expansão após uma fase de consolidação.

40 MADPIZZA Turismo e Lazer

41 CDS-PP Associações e Organizações Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Após a boa prestação nas eleições Europeias, as Legislativas aproximavam-se e era necessário criar um conceito de comunicação e uma campanha que fizesse a diferença e mantivesse o CDS-PP no bom caminho que tinha sido iniciado com questões base que assentavam nos principais temas do partido. Foi lançado o desafio de criar um conceito de comunicação que assentasse na evolução que o CDS-PP tinha conseguido nas eleições anteriores, especificando que se tratava de uma campanha individual, para crescimento do próprio partido. Foi acordado que o pagamento seria assente num PBR (payment by results) assente nos resultados das eleições. Criação de Marca Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Foi analisado o desafio e devidamente enquadrado tendo em conta as Marcas CDS-PP e Paulo Portas. Era uma evolução e nunca uma ruptura. Design de Marca Activação de Marca Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Criou-se o conceito do Há cada vez mais pessoas a pensar como nós - Não basta pensar é preciso votar, uma evolução do Ter razão não basta, é preciso votos, tornando a mensagem positiva e acima de tudo agregadora e envolvente. O universo gráfico reforçava e identificava a mensagem. O conceito foi desdobrado para os discursos, para os comícios em termos de decoração dos espaços e prolongado para os Tempos de Antena, conseguindo um alinhamento e um nível de integração nunca antes conseguida dentro do partido. Os resultados falam por si: a percentagem de 10,5% (o 2º melhor resultado da história do partido) ultrapassou a escala do PBR estipulado.

42 CDS-PP Associações e Organizações

43 ZOOMARINE Turismo e Lazer Prólogo HISTÓRIA Natureza do Cliente Tipo de Projecto Estratégia de Marca Criação de Marca Design de Marca Activação de Marca Start-Up PME Reposicionamento de Marca (Rebranding) Criação de Nova Marca (Branding) Activação de Marca (Plano de Comunicação) Pesquisa Externa Análise Interna / Auditoria Posicionamento Recomendações Marketing Mix Naming Assinatura Identidade Visual Universo Gráfico Conceito de Comunicação Campanha de Comunicação Líderes no mercado dos parques temáticos em Portugal, é uma das mais importantes Marcas de entretenimento a operar no nosso mercado. Internacionalizaram a Marca para Roma, onde detêm um parque temático de dimensão generosa e com uma variedade de oferta muito interessante. A dificuldade da Marca está em conseguir definir um posicionamento claro com um nível de oferta tão grande quanto a que têm evitando simultaneamente serem conotados apenas com uma oferta ao nível dos espectáculos de golfinhos, produto estrela da Marca. Reposicionar a Marca com códigos e valores apropriados à oferta e garantir que o fazemos em todos os pontos de contacto entre a Marca e todos os seus stakeholders. Garantir uma segmentação eficaz da sua oferta e trabalhar de forma independente mas sempre com uma visão holística, as áreas de negócio e respectivas estratégias de comunicação.

44 ZOOMARINE Turismo e Lazer

45 PARTNERS Miguel Moreira Management Rodrigo Rodrigues Strategy OPERATIONS Isabel Fernandes PROJECT MANAGEMENT Paulo Lagartinho Daniela Borges Miguel Guerra BRAND DESIGN Pedro Leal de Faria Jorge Amieira MORADA Rua Braamcamp, nº 84 6 Esq Lisboa T F Brand Strategy & Development

PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO

PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO ÍNDICE 11. PRESSUPOSTO BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO 25 NO ALENTEJO pág. 11.1. Um sistema regional de inovação orientado para a competitividade

Leia mais

ILIMITADOS THE MARKETING COMPANY

ILIMITADOS THE MARKETING COMPANY ILIMITADOS THE MARKETING COMPANY _ CURRICULUM Composta por uma equipa multidisciplinar, dinâmica e sólida, Sobre Nós A ilimitados - the marketing company é uma empresa de serviços na área do Marketing,

Leia mais

Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique. Consolidar o Futuro

Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique. Consolidar o Futuro Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique Consolidar o Futuro Abreu Advogados Ferreira Rocha & Associados 2012 PORTUGAL

Leia mais

Dinamizar o Empreendedorismo e promover a Criação de Empresas

Dinamizar o Empreendedorismo e promover a Criação de Empresas Dinamizar o Empreendedorismo e promover a Criação de Empresas À semelhança do que acontece nas sociedades contemporâneas mais avançadas, a sociedade portuguesa defronta-se hoje com novos e mais intensos

Leia mais

- PERFIL DO GRUPO - O Portfólio de negócios, obedece a um critério de maturidade e geração de valor, no qual o Grupo, concilia:

- PERFIL DO GRUPO - O Portfólio de negócios, obedece a um critério de maturidade e geração de valor, no qual o Grupo, concilia: GRUPO FERREIRA A GFH, é um Grupo sólido e inovador, detendo um curriculum de projectos de qualidade reconhecida, com um portfólio de negócios diversificado, e que aposta no processo de internacionalização,

Leia mais

Enquadramento Turismo Rural

Enquadramento Turismo Rural Enquadramento Turismo Rural Portugal é um País onde os meios rurais apresentam elevada atratividade quer pelas paisagens agrícolas, quer pela biodiversidade quer pelo património histórico construído o

Leia mais

Memória descritiva do projecto Sanjonet Rede de Inovação e Competitividade

Memória descritiva do projecto Sanjonet Rede de Inovação e Competitividade Memória descritiva do projecto Sanjonet Rede de Inovação e Competitividade Candidatura aprovada ao Programa Política de Cidades - Redes Urbanas para a Competitividade e a Inovação Síntese A cidade de S.

Leia mais

Gestão Estratégica da Inovação e da Tecnologia

Gestão Estratégica da Inovação e da Tecnologia Gestão Estratégica da Inovação e da Tecnologia Por: Luis Todo Bom Professor Associado Convidado do ISCTE Presidente do Conselho de Gerência da Multitel Conferência apresentada no Workshop Tecnológico da

Leia mais

Mónica Montenegro António Jorge Costa

Mónica Montenegro António Jorge Costa Mónica Montenegro António Jorge Costa INTRODUÇÃO... 4 REFERÊNCIAS... 5 1. ENQUADRAMENTO... 8 1.1 O sector do comércio em Portugal... 8 2. QUALIDADE, COMPETITIVIDADE E MELHORES PRÁTICAS NO COMÉRCIO... 15

Leia mais

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial.

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. POWERING BUSINESS QUEM SOMOS A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. Desde 1987 que desenvolvemos um trabalho

Leia mais

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005.

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. Cooperação empresarial, uma estratégia para o sucesso Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. É reconhecida a fraca predisposição

Leia mais

Visão de Futuro 2010. F3M Information Systems, S.A.

Visão de Futuro 2010. F3M Information Systems, S.A. 1 Reunir várias entidades do sector óptico nacional e discutir o futuro do sector bem como os temas cruciais para os empresários e intervenientes da área foram os objectivos do evento Visão de Futuro 2010,

Leia mais

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades.

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades. A Protteja Seguros surge da vontade de contribuir para o crescimento do mercado segurador nacional, através da inovação, da melhoria da qualidade de serviço e de uma política de crescimento sustentável.

Leia mais

E- Marketing - Estratégia e Plano

E- Marketing - Estratégia e Plano E- Marketing - Estratégia e Plano dossier 2 http://negocios.maiadigital.pt Indíce 1 E-MARKETING ESTRATÉGIA E PLANO 2 VANTAGENS DE UM PLANO DE MARKETING 3 FASES DO PLANO DE E-MARKETING 4 ESTRATÉGIAS DE

Leia mais

INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT

INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT TURISMO: TENDÊNCIAS E SOLUÇÕES Exmos. Senhores Conferencistas, Antes de

Leia mais

Regulamento. Preâmbulo

Regulamento. Preâmbulo Regulamento Preâmbulo As Empresas e os Empreendedores são a espinha dorsal de qualquer economia, em termos de inovação, de criação de emprego, de distribuição de riqueza e de coesão económica e social

Leia mais

Percepção de Portugal no mundo

Percepção de Portugal no mundo Percepção de Portugal no mundo Na sequência da questão levantada pelo Senhor Dr. Francisco Mantero na reunião do Grupo de Trabalho na Aicep, no passado dia 25 de Agosto, sobre a percepção da imagem de

Leia mais

Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo

Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo Criada em Setembro de 2005 em Sacavém, a Explicolândia Centros de Estudo tem sido ao longo dos anos, uma

Leia mais

A NOVA ENERGIA CRIATIVA

A NOVA ENERGIA CRIATIVA A NOVA ENERGIA CRIATIVA LIGUE-SE A NÓS! APRESENTAÇÃO CNERGIA é uma marca de comunicação global com uma nova energia criativa resultado do encontro de vários profissionais de diversas áreas criativas, que

Leia mais

Diagnóstico de Competências para a Exportação

Diagnóstico de Competências para a Exportação Diagnóstico de Competências para a Exportação em Pequenas e Médias Empresas (PME) Guia de Utilização DIRECÇÃO DE ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL Departamento de Promoção de Competências Empresariais Índice ENQUADRAMENTO...

Leia mais

EDP. PREPARAR A ECONOMIA DO CARBONO Eficiência energética em alerta vermelho EMPRESA

EDP. PREPARAR A ECONOMIA DO CARBONO Eficiência energética em alerta vermelho EMPRESA EDP PREPARAR A ECONOMIA DO CARBONO Eficiência energética em alerta vermelho EMPRESA O Grupo EDP Energias de Portugal centra as suas actividades na produção, distribuição e comercialização de energia eléctrica,

Leia mais

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da reunião da Comissão de Acompanhamento de 13/11/07, sendo composto por duas partes:

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da reunião da Comissão de Acompanhamento de 13/11/07, sendo composto por duas partes: EIXO I COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO PME) O presente documento suporta a apreciação do ponto 3

Leia mais

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar?

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? QUESTÕES COLOCADAS PELO JORNALISTA MARC BARROS SOBRE O PROTOCOLO ENTRE A FNABA E O TURISMO DE PORTUGAL Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? Com propostas para fazer e

Leia mais

Look back to move forward. Marco Teixeira CEO

Look back to move forward. Marco Teixeira CEO Marco Teixeira, arquitecto qualificado com vasta experiência na área, desenvolveu as suas competências em algumas das mais conceituadas empresas, estabelecendo contactos com uma vasta lista de clientes,

Leia mais

CONHEÇA A MARCA MOÇAMBIQUE

CONHEÇA A MARCA MOÇAMBIQUE CONHEÇA A MARCA MOÇAMBIQUE Afinal o que é a Marca Moçambique? Saiba porque foi criada Conheça os seus atributos e benefícios O que reflecte o logotipo? Saiba como ajudar na sua divulgação Saiba como obter

Leia mais

Dinâmicas de exportação e de internacionalização

Dinâmicas de exportação e de internacionalização Dinâmicas de exportação e de internacionalização das PME Contribuição da DPIF/ Como fazemos? 1. Posicionamento e actuação da DPIF A DPIF tem como Missão: Facilitar o acesso a financiamento pelas PME e

Leia mais

OS MAIORES RISCOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO

OS MAIORES RISCOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO OS RISCOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO CRESCIMENTO GLOBAL DO NEGÓCIO Com a crescente globalização e o crescimento acelerado das economias emergentes, as empresas, independentemente da sua dimensão, estão em

Leia mais

Realizou-se dia 24 de Março, na Maia, nas instalações da Sonae Learning Center, a 6ª sessão da CoP, desta vez presencial.

Realizou-se dia 24 de Março, na Maia, nas instalações da Sonae Learning Center, a 6ª sessão da CoP, desta vez presencial. CoP de Gestão do Conhecimento Notas da sessão presencial de 24 de Março de 2014 Realizou-se dia 24 de Março, na Maia, nas instalações da Sonae Learning Center, a 6ª sessão da CoP, desta vez presencial.

Leia mais

POLÍTICAS PARA A EXPORTAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DA INDÚSTRIA AGROALIMENTAR

POLÍTICAS PARA A EXPORTAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DA INDÚSTRIA AGROALIMENTAR POLÍTICAS PARA A EXPORTAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DA INDÚSTRIA AGROALIMENTAR Contributos para uma Visão Estratégica Federação das Indústrias Portuguesas Agro-Alimentares A Indústria Portuguesa Agroalimentar

Leia mais

Vantagens em ser parceiro do TEDxSãoTomé

Vantagens em ser parceiro do TEDxSãoTomé Vantagens em ser parceiro do TEDxSãoTomé 2013 Sumário O TEDxSãoTomé, evento organizado de forma independente e sem fins lucrativos, a realizar a 20 de Junho de 2013 na cidade de São Tomé, dedicado ao tema

Leia mais

Consultoria Estratégica

Consultoria Estratégica Quem somos e o que fazemos A Select Advisor é uma empresa de Consultoria Estratégica Ajudamos à criação de valor, desde a intenção de investimento e angariação de parcerias até ao apoio de candidaturas

Leia mais

A Construção Sustentável e o Futuro

A Construção Sustentável e o Futuro A Construção Sustentável e o Futuro Victor Ferreira ENERGIA 2020, Lisboa 08/02/2010 Visão e Missão O Cluster Habitat? Matérias primas Transformação Materiais e produtos Construção Equipamentos Outros fornecedores

Leia mais

Banco Popular, Espanha

Banco Popular, Espanha Banco Popular, Espanha Tecnologia avançada de automação do posto de caixa para melhorar a eficiência e beneficiar a saúde e segurança dos funcionários O recirculador de notas Vertera contribuiu para impulsionar

Leia mais

Case study. Novo Conceito de Hotelaria SUSTENTABILIDADE 360 NA HOTELARIA EM PORTUGAL EMPRESA ENVOLVIMENTO

Case study. Novo Conceito de Hotelaria SUSTENTABILIDADE 360 NA HOTELARIA EM PORTUGAL EMPRESA ENVOLVIMENTO Case study 2010 Novo Conceito de Hotelaria SUSTENTABILIDADE 360 NA HOTELARIA EM PORTUGAL EMPRESA A Inspira, uma joint-venture formalizada em 2006 entre o grupo Blandy, com sede na Madeira e larga experiência

Leia mais

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP Soluções integradas para a Indústria do turismo empresarial THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP A equipa da XYM Hospitality e os seus parceiros possuem vastos conhecimentos sobre a

Leia mais

Empreendimentos Turísticos Como Instalar ou Reconverter Novo Regime Jurídico

Empreendimentos Turísticos Como Instalar ou Reconverter Novo Regime Jurídico Empreendimentos Turísticos Como Instalar ou Reconverter Novo Regime Jurídico, Turismo de Portugal, I.P. Rua Ivone Silva, Lote 6, 1050-124 Lisboa Tel. 211 140 200 Fax. 211 140 830 apoioaoempresario@turismodeportugal.pt

Leia mais

:dossier. 14 notícias recheio

:dossier. 14 notícias recheio 14 notícias recheio low cost e outras soluções criativas para rentabilizar O início do ano é, por definição, tempo de contenção. É por isso natural que também a restauração sofra de alguma forma com esta

Leia mais

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal SAÚDEGLOBAL AON Portugal Breve Apresentação do Negócio DADOS DE CARACTERIZAÇÃO Designação Comercial Saúdeglobal N.º Colaboradores N.º de Estabelecimentos Dispersão Geográfica Nacional Facturação em 2010

Leia mais

Missão. DOTAR AS PME s PORTUGUESAS DE CONHECIMENTO E FERRAMENTAS PARA A CONQUISTA DOS MERCADOS INTERNACIONAIS ATRAVÉS DA MARCA.

Missão. DOTAR AS PME s PORTUGUESAS DE CONHECIMENTO E FERRAMENTAS PARA A CONQUISTA DOS MERCADOS INTERNACIONAIS ATRAVÉS DA MARCA. O que é a Oficina da Marca? Serviço de gestão integrada e estratégica para o desenvolvimento de produtos e a sua promoção no mercado Global através da marca. Missão DOTAR AS PME s PORTUGUESAS DE CONHECIMENTO

Leia mais

BIOCANT PARK A NOSSA VISÃO

BIOCANT PARK A NOSSA VISÃO 01 A NOSSA VISÃO O PARQUE DE BIOTECNOLOGIA DE PORTUGAL ESTÁ A CRIAR VALOR PARA A REGIÃO E PARA O PAÍS FOMENTANDO INVESTIMENTOS E INI- CIATIVAS EMPRESARIAIS DE BASE CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA. A NOSSA VISÃO

Leia mais

MISSÃO EMPRESARIAL AO MÉXICO 19-27 Fev. 2016

MISSÃO EMPRESARIAL AO MÉXICO 19-27 Fev. 2016 PROJECTO CONJUNTO DE INTERNACIONALIZAÇÃO MÉXICO 2015-2016 MISSÃO EMPRESARIAL AO MÉXICO 19-27 Fev. 2016 INSCRIÇÕES ATÉ 15 DE JANEIRO 2016 Promotor: Co-financiamento: Monitorização: Foto: Miguel Moreira

Leia mais

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Neste curso serão abordadas as melhores práticas que permitem gerir estrategicamente a informação, tendo em vista a criação de valor para

Leia mais

MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE

MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE MARKETING MUSIC SUSTENTABILIDADE CRIATIVIDADE E ESTRATÉGIA Poderíamos usar centenas de efeitos mirabolantes para vendermos a sua idéia. Mas não funciona assim. Pessoas são feitas de experiências, expectativas

Leia mais

Apoio à Internacionalização

Apoio à Internacionalização Apoio à Internacionalização Incentivos QREN Castelo Branco, 4 de outubro 2012 YUNIT Corporate: João Esmeraldo QREN - Sistema Incentivos Empresas I&DT - Investigação e Desenvolvimento Qualificação - Investimentos

Leia mais

::ENQUADRAMENTO ::ENQUADRAMENTO::

::ENQUADRAMENTO ::ENQUADRAMENTO:: ::ENQUADRAMENTO:: :: ENQUADRAMENTO :: O actual ambiente de negócios caracteriza-se por rápidas mudanças que envolvem a esfera politica, económica, social e cultural das sociedades. A capacidade de se adaptar

Leia mais

Há cada vez mais empresas cidadãs

Há cada vez mais empresas cidadãs + Faça do VER a sua homepage ENTREVISTA Há cada vez mais empresas cidadãs As empresas que lideram no seu mercado são as que apresentam melhores práticas de governação. Foi com base neste pressuposto que

Leia mais

A ZAHARA IMOBILIÁRIA É ESPECIALISTA NA PROMOÇÃO E GESTÃO DE ACTIVOS IMOBILIÁRIOS, COM ESPECIAL ENFOQUE EM CENTROS COMERCIAIS.

A ZAHARA IMOBILIÁRIA É ESPECIALISTA NA PROMOÇÃO E GESTÃO DE ACTIVOS IMOBILIÁRIOS, COM ESPECIAL ENFOQUE EM CENTROS COMERCIAIS. A ZAHARA IMOBILIÁRIA É ESPECIALISTA NA PROMOÇÃO E GESTÃO DE ACTIVOS IMOBILIÁRIOS, COM ESPECIAL ENFOQUE EM CENTROS COMERCIAIS. FAZ PARTE DO GRUPO EMPRESARIAL ZAHARA, EMPRESA DETENTORA DOS HIPERMERCADOS

Leia mais

REPENSAR O TURISMO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE

REPENSAR O TURISMO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE REPENSAR O TURISMO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE Num contexto de modernização e inovação constante, torna-se imperioso e urgente criar uma legislação turística em São Tomé e Príncipe, sendo este um instrumento

Leia mais

Helena Amaral Neto, Business Development Director do ISEG: Economia digital é o mais importante fator de inovação para as empresas

Helena Amaral Neto, Business Development Director do ISEG: Economia digital é o mais importante fator de inovação para as empresas A1 Visitas diárias: 1367 Âmbito: Economia, Negócios e Gestão ID: 58802467 14-04-2015 OCS: OJE.pt Helena Amaral Neto, Business Development Director do ISEG: Economia digital é o mais importante fator de

Leia mais

O princípio da afirmação da sociedade civil.

O princípio da afirmação da sociedade civil. Dois dos Valores do PSD O Princípio do Estado de Direito, respeitante da eminente dignidade da pessoa humana - fundamento de toda a ordem jurídica baseado na nossa convicção de que o Estado deve estar

Leia mais

COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO

COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS DE SUCESSO 1 Sumário: Conceito e Objectivos Estrutura do PN o Apresentação da Empresa o Análise do Produto / Serviço o Análise de Mercado o Estratégia de Marketing o

Leia mais

P L A N O D E A C T I V I D A D E S

P L A N O D E A C T I V I D A D E S Agência Regional de Energia e Ambiente do Norte Alentejano e Tejo P L A N O D E A C T I V I D A D E S = 2008 = Janeiro de 2008 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ACTIVIDADES A DESENVOLVER NO ANO DE 2008... 5

Leia mais

Developing Corporate Image in Higher Education Sector A case study of University of East Anglia Norwich United Kingdom

Developing Corporate Image in Higher Education Sector A case study of University of East Anglia Norwich United Kingdom Muhammad Amjad, Muhammad Moazam Fraz Developing Corporate Image in Higher Education Sector A case study of University of East Anglia Norwich United Kingdom LAP LAMBERT Academic Publishing, 2012 (72 páginas)

Leia mais

01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA. MOMSteelPor, S.A. www.momsteel.com.pt

01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA. MOMSteelPor, S.A. www.momsteel.com.pt MOMSTEELPOR, S.A. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa A, (MOMSteelPor) é uma empresa especializada na conceção, desenvolvimento e produção de projetos e estruturas metálicas, sediada

Leia mais

Entrevista com BPN Imofundos. António Coutinho Rebelo. Presidente. www.bpnimofundos.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA

Entrevista com BPN Imofundos. António Coutinho Rebelo. Presidente. www.bpnimofundos.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA Entrevista com BPN Imofundos António Coutinho Rebelo Presidente www.bpnimofundos.pt Com quality media press para LA VANGUARDIA Esta transcrição reproduz fiel e integralmente a entrevista. As respostas

Leia mais

PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO

PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO 2. INOVAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO O objectivo está adquirido, como está adquirida a consciência da sua importância. O que não está adquirido é a forma de

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS 1 de 6 - mobilidade humana e OBJECTIVO: Identifica sistemas de administração territorial e respectivos funcionamentos integrados. O Turismo Guião de Exploração Indicadores sobre o turismo em Portugal 27

Leia mais

90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional

90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional Michael Page lança Barómetro de TI 90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional Lisboa, 21 de Julho de 2015 A Michael Page, empresa líder em recrutamento de quadros médios e superiores,

Leia mais

IVº CongressoNacional dos Economistas. A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa

IVº CongressoNacional dos Economistas. A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa IVº CongressoNacional dos Economistas Lisboa,19-21 Outubro 2011 A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa Fernanda Ilhéu e Catarina Casquilho Dias Importância do tema Equilibrar

Leia mais

RELATÓRIO E CONTAS BBVA MULTIFUNDO ALTERNATIVO

RELATÓRIO E CONTAS BBVA MULTIFUNDO ALTERNATIVO RELATÓRIO E CONTAS BBVA MULTIFUNDO ALTERNATIVO FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO 30 JUNHO 20 1 BREVE ENQUADRAMENTO MACROECONÓMICO 1º semestre de 20 No contexto macroeconómico, o mais relevante no primeiro

Leia mais

Conclusões Fórum Portugal Sou Eu

Conclusões Fórum Portugal Sou Eu Conclusões Fórum Portugal Sou Eu Ministro da Economia lança desafio aos empresários para que façam do Portugal Sou Eu um catalisador da economia Lanço um apelo aos empresários e produtores aqui presentes,

Leia mais

Comunidade Intermunicipal da Beira Interior Sul

Comunidade Intermunicipal da Beira Interior Sul Comunidade Intermunicipal da Beira Interior Sul 1. Identificação do Recurso Endógeno e do Território Alvo PROVERE Beira Baixa: Terras de Excelência : Conjugar a valorização do território, dos produtos

Leia mais

OPORTUNIDADES. Cluster energético: oportunidades; horizontes; observatório, BejaGlobal; PASE

OPORTUNIDADES. Cluster energético: oportunidades; horizontes; observatório, BejaGlobal; PASE CLUSTER ENERGÉTICO DE BEJA OPORTUNIDADES SUSTENTABILIDADE ENERGÉTICA E CRESCIMENTO ECONÓMICO A sustentabilidade energética e climática é um desígnio estratégico duplo significado. Por um lado, desenvolvimento

Leia mais

Almadesign Conceito e Desenvolvimento de Design, Lda.

Almadesign Conceito e Desenvolvimento de Design, Lda. Almadesign Conceito e Desenvolvimento de Design, Lda. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa A Almadesign Conceito e Desenvolvimento de Design, Lda. é uma empresa com competências nucleares

Leia mais

INOVAÇÃO E SOCIEDADE DO CONHECIMENTO

INOVAÇÃO E SOCIEDADE DO CONHECIMENTO INOVAÇÃO E SOCIEDADE DO CONHECIMENTO O contexto da Globalização Actuação Transversal Aposta no reforço dos factores dinâmicos de competitividade Objectivos e Orientações Estratégicas para a Inovação Estruturação

Leia mais

SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA

SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA O primeiro requisito para venda de uma empresa, total ou parcialmente, é apresentá-la de forma atraente,

Leia mais

Breve Apresentação do Negócio

Breve Apresentação do Negócio CELEIRO-DIETA Breve Apresentação do Negócio DADOS DE CARACTERIZAÇÃO Designação Comercial Celeiro Dieta N.º Colaboradores N.º de Estabelecimentos 25 Dispersão Geográfica Nacional Facturação em 2010 Facturação

Leia mais

SEMINÁRIO OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES PARA AS EMPRESAS INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE FINANCIAMENTO DAS EMPRESAS OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES

SEMINÁRIO OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES PARA AS EMPRESAS INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE FINANCIAMENTO DAS EMPRESAS OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES SEMINÁRIO OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES PARA AS EMPRESAS INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE FINANCIAMENTO DAS EMPRESAS OPORTUNIDADES E SOLUÇÕES Jaime Andrez Presidente do CD do IAPMEI 20 de Abril de 2006 A inovação

Leia mais

TURISMO DE PORTUGAL HORIZONTE 2015

TURISMO DE PORTUGAL HORIZONTE 2015 TURISMO DE PORTUGAL HORIZONTE 2015 João Cotrim de Figueiredo 10 Out 2014 Turismo: crescimento e resiliência No século do Turismo? Mais de 1.100 milhões de turistas em 2014 OMT prevê crescimento médio anual

Leia mais

ORIGEM OBJECTIVOS: Iniciado em 2004, por um desafio lançado ado pelo Governo Português, para o Campeonato Europeu de Futebol. MISSÃO: Criar e desenvolver, em contínuo, nuo, uma Rede de Estabelecimentos

Leia mais

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR &DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR Toda comunicação publicitária visa atender a alguma necessidade de marketing da empresa. Para isso, as empresas traçam estratégias de comunicação publicitária, normalmente traduzidas

Leia mais

28 PME Líder CRITÉRIOS. Bloomberg News

28 PME Líder CRITÉRIOS. Bloomberg News 28 PME Líder CRITÉRIOS Bloomberg News CRITÉ RIOS COMO CHEGAR A PME LÍDER Atingir o Estatuto PME Líder é a ambição de muitas empresas. É este o primeiro passo para chegar a PME Excelência. Saiba o que precisa

Leia mais

Adenda aos Critérios de Selecção

Adenda aos Critérios de Selecção Adenda aos Critérios de Selecção... Critérios de Selecção SI Qualificação PME EIXO I COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE

Leia mais

MÓVEIS DE ESCRITÓRIO OFFICE FURNITURE

MÓVEIS DE ESCRITÓRIO OFFICE FURNITURE MÓVEIS DE ESCRITÓRIO OFFICE FURNITURE Bem-estar: Uma missão Para a Alberflex, isso é indispensável quando o assunto é escritório. Desenvolvemos, fabricamos e distribuímos móveis de escritório mundo afora

Leia mais

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE A LINK THINK AVANÇA COM PROGRAMA DE FORMAÇÃO PROFISSONAL PARA 2012 A LINK THINK,

Leia mais

DESCRIÇÃO DO TRABALHO. Directora Nacional, WWF Moçambique

DESCRIÇÃO DO TRABALHO. Directora Nacional, WWF Moçambique DESCRIÇÃO DO TRABALHO Título de posição: Responde a: Supervisiona: Localização: Gestor de Comunicação Directora Nacional, WWF Moçambique Todo pessoal de comunicações Maputo, Moçambique Data: 19 de Agosto

Leia mais

Entrevista com DVA David Valente de Almeida S.A. Presidente. Joaquim Pedro Valente de Almeida. Com quality media press para LA VANGUARDIA

Entrevista com DVA David Valente de Almeida S.A. Presidente. Joaquim Pedro Valente de Almeida. Com quality media press para LA VANGUARDIA Entrevista com DVA David Valente de Almeida S.A. Presidente Joaquim Pedro Valente de Almeida Com quality media press para LA VANGUARDIA www.dva.pt (en construcción) Ver http://www.afia-afia.pt/assoc13.htm

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DO EVENTO

RELATÓRIO FINAL DO EVENTO RELATÓRIO FINAL DO EVENTO Outubro 2010 1. INTRODUÇÃO Uma vez terminado o evento Start Me Up Alto Minho, apresentam-se de seguida um conjunto de elementos que, em jeito de conclusão, se revelam oportunos

Leia mais

Grupo Pestana. suporta crescimento da área de venda directa no CRM. O Cliente

Grupo Pestana. suporta crescimento da área de venda directa no CRM. O Cliente Grupo Pestana suporta crescimento da área de venda directa no CRM. O trabalho de consolidação de informação permitiu desde logo abrir novas possibilidades de segmentação, com base num melhor conhecimento

Leia mais

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Da União Europeia vão chegar até 2020 mais de 20 mil milhões de euros a Portugal. Uma pipa de massa, nas palavras do ex-presidente da Comissão

Leia mais

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel.

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. Projecto A Oficina+ ANECRA é uma iniciativa criada em 1996, no âmbito da Padronização de Oficinas ANECRA. Este projecto visa reconhecer a qualidade

Leia mais

Certificar para Ganhar o Futuro

Certificar para Ganhar o Futuro Certificar para Ganhar o Futuro Loulé, 9 de Novembro 2007 José Leitão CEO APCER www.apcer.pt AGENDA APCER: Quem Somos Porquê Certificar para Ganhar o Futuro? Região do Algarve como Mercado Estratégico

Leia mais

Condições do Franchising

Condições do Franchising Condições do Franchising ÍNDICE Introdução 1. Vantagens em entrar num negócio de franchising 2. O que nos distingue como sistema de franchising 2.1. vantagens para o franchisado face a outras redes 2.2.

Leia mais

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES 2015 2 Formar gestores e quadros técnicos superiores, preparados científica e tecnicamente para o exercício de funções na empresa

Leia mais

IPAM reforça no Porto. Pdg. 76. Por M." João Vieira Pinto

IPAM reforça no Porto. Pdg. 76. Por M. João Vieira Pinto IPAM reforça no Porto Pdg. 76 Por M." João Vieira Pinto IPAM reforça no Porto Afirma-se como lhe Marketing School e ambiciona ser a referência do ensino nesta área. Por isso, ejá a partir do próximo ano,

Leia mais

Plano Nacional de Saúde e as. Estratégias Locais de Saúde

Plano Nacional de Saúde e as. Estratégias Locais de Saúde Plano Nacional de Saúde e as Estratégias Locais de Saúde (versão resumida) Autores Constantino Sakellarides Celeste Gonçalves Ana Isabel Santos Escola Nacional de Saúde Pública/ UNL Lisboa, Agosto de 2010

Leia mais

O Hypercluster da Economia do Mar em Portugal. (Resumo)

O Hypercluster da Economia do Mar em Portugal. (Resumo) O Hypercluster da Economia do Mar em Portugal (Resumo) O Hypercluster da Economia do Mar em Portugal Um novo domínio estratégico e um factor de afirmação A economia portuguesa está a sofrer uma descontinuidade

Leia mais

ABREU INTERNATIONAL LEGAL SOLUTIONS. OUR INNOVATIVE SOLUTIONS WHEREVER YOU NEED US. our innovative solutions wherever you need us.

ABREU INTERNATIONAL LEGAL SOLUTIONS. OUR INNOVATIVE SOLUTIONS WHEREVER YOU NEED US. our innovative solutions wherever you need us. ABREU INTERNATIONAL LEGAL SOLUTIONS OUR INNOVATIVE SOLUTIONS WHEREVER YOU NEED US. our innovative solutions wherever you need us. Constituída em 1993 a AB é uma das maiores Sociedades de Advogados portuguesas

Leia mais

Plano de Comunicação Reestruturação 2014. Comunicação e Marketing

Plano de Comunicação Reestruturação 2014. Comunicação e Marketing Plano de Comunicação Reestruturação 2014 Comunicação e Marketing Sumário Executivo 1. Conhecer a Macif Portugal Companhia de Seguros, S.A. A. Valores B. Missão C. Visão D. Posicionamento E. Públicos 2.

Leia mais

ACEP lança Comissão Especializada Business to Consumer

ACEP lança Comissão Especializada Business to Consumer COMUNICADO DE IMPRENSA Com o objectivo de promover e potencializar o Comércio Electrónico em Portugal ACEP lança Comissão Especializada Business to Consumer. Comissão B2C visa a promoção e divulgação do

Leia mais

A. Novo Paradigma de Desenvolvimento

A. Novo Paradigma de Desenvolvimento S E M I N Á R I O AUDITORIAS DE VALOR 11 de Outubro de 2010 A. Novo Paradigma de Desenvolvimento 2007/2013 Passagem do Objectivo 1 (Convergência) para o Objectivo 2 (Competitividade e Emprego). Alteração

Leia mais

Kodak Evolução Histórica do Logotipo

Kodak Evolução Histórica do Logotipo IADE Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing Escola Superior de Design Licenciatura em Design História da Arte e da Técnica 1º Ano 1º Semestre 1907 1935 1960 1971 1987 1996 >2006 - Logotipo Actual

Leia mais

INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS?

INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS? INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS? HOTEL TIVOLI LISBOA, 18 de Maio de 2005 1 Exmos Senhores ( ) Antes de mais nada gostaria

Leia mais

Entrevista com GVA-Consultimo. Maria Inácia Reynolds Oliveira. Diretora Geral. Com quality media press para LA VANGUARDIA & Expresso

Entrevista com GVA-Consultimo. Maria Inácia Reynolds Oliveira. Diretora Geral. Com quality media press para LA VANGUARDIA & Expresso Entrevista com GVA-Consultimo Maria Inácia Reynolds Oliveira Diretora Geral Com quality media press para LA VANGUARDIA & Expresso O sector imobiliário em Portugal: análise evolução recente O sector Imobiliário

Leia mais

Descentralização da rede de Call Centres: a experiência da PT Contact

Descentralização da rede de Call Centres: a experiência da PT Contact Descentralização da rede de call centres Descentralização da rede de Call Centres: a experiência da PT Contact Francisco Cesário PT Contact A PT CONTACT A PT Contact, Empresa do grupo Portugal Telecom,

Leia mais

ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL DO IAPMEI NA ÁREA DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DA EXPORTAÇÃO

ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL DO IAPMEI NA ÁREA DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DA EXPORTAÇÃO ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL DO IAPMEI NA ÁREA DA INTERNACIONALIZAÇÃO E DA EXPORTAÇÃO Como fazemos 1. Através do Serviço de Assistência Empresarial (SAE), constituído por visitas técnicas personalizadas às

Leia mais

UM FUTURO VIRADO AO RIO. Convenção Autárquica do PS Lisboa. 20 Junho 2015 14:00. Pavilhão do Conhecimento Parque das Nações

UM FUTURO VIRADO AO RIO. Convenção Autárquica do PS Lisboa. 20 Junho 2015 14:00. Pavilhão do Conhecimento Parque das Nações UM FUTURO VIRADO AO RIO Convenção Autárquica do PS Lisboa 20 Junho 2015 14:00 Pavilhão do Conhecimento Parque das Nações O PS de Lisboa, reunido em Convenção Autárquica discutiu Lisboa, um Futuro virado

Leia mais

TRABALHO FINAL EMPRESA:

TRABALHO FINAL EMPRESA: TRABALHO FINAL EMPRESA: CURSO: MARKETING E PUBLICIDADE P/L 2º SEMESTRE DISCIPLINA: Marketing II DOCENTE: Prof. Dr. Fernando Gaspar DISCENTE: Ana Inês Charrua de Oliveira Nº 9072 Introdução Dando seguimento

Leia mais

Eng.ª Ana Paula Vitorino. por ocasião da

Eng.ª Ana Paula Vitorino. por ocasião da INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA A SECRETÁRIA DE ESTADO DOS TRANSPORTES Eng.ª Ana Paula Vitorino por ocasião da Sessão de Encerramento do Colóquio PORTO DE AVEIRO: ESTRATÉGIA E FUTURO, Ílhavo Museu Marítimo

Leia mais

RESTAURANTE DO FUTURO

RESTAURANTE DO FUTURO RESTAURANTE DO FUTURO LEADING TENDENCIES CARLOS COSTA IDTOUR UNIQUE SOLUTIONS/ UNIVERSIDADE DE AVEIRO PESO DA RÉGUA, 13.JANEIRO.2011 PARCEIROS DO PROJECTO CAROLINA GAUTIER / ISABEL MARTINS JOSÉ BRÁS /

Leia mais