PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico."

Transcrição

1 PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

2 Araribá Ciências

3 Organização do Conteúdo: Por que estudar a Unidade? Um pequeno texto introdutório procura incentivar o interesse do aluno no estudo dos assuntos tratados na Unidade.

4 Começando a Unidade: as perguntas propostas convidam o estudante a refletir sobre acontecimentos, fatos e fenômenos naturais.

5 Páginas de Abertura: cada livro contém oito unidades, que se organizam em páginas duplas espelhadas.

6 Araribá Ciências Ícone Medida: foi aplicado para indicar o tamanho médio do ser vivo ou do objeto que aparece em imagens. O ícone pode identificar altura ou o comprimento.

7 Temas: os conteúdos foram selecionados e organizados em temas.

8 Recursos Discursivos: um sistema de textos hierarquiza as ideias principais do texto.

9 Araribá Ciências Saiba +: quadro que traz informações adicionais ou uma curiosidade relativa ao tema.

10 Entrando na Rede: sugestões de endereços para o aluno pesquisar na internet.

11 Vocabulário em Contexto: trabalha palavras e expressões que auxiliam na compreensão e assimilação dos conceitos estudados, ampliando a capacidade de uso desse vocabulário

12 De olho no Tema: são exercícios que ajudam a verificar o aprendizado logo após o estudo do Tema

13 Fotografias e Gráficos: auxiliam na construção dos conceitos propostos com imagens ricas e atraentes aos alunos.

14 Glossário: contém as explicações dos temas mais difíceis.

15 Texto Olho: traz a ideia essencial que será desenvolvida no Tema.

16 Seção Desafio: questões de vestibulares, vestibulinho, olimpíadas e do Enem, selecionadas para promover a aplicação do conhecimento e a familiarização com a linguagem das provas.

17 Tecnologia em Pauta ou Saúde em Pauta: são quadros que mostram a relação das ciências com a tecnologia e a saúde.

18 Explore: propõe a investigação de fatos e acontecimentos, bem como a exploração de novas ideias. Incentiva o trabalho em equipe e a argumentação.

19 Araribá Ciências Organizar o Conhecimento e Analisar: essas atividades trabalham habilidades como a compreensão e a aplicação de conceitos. Enfatizam o uso de técnicas de leitura, registro e interpretação.

20 Por uma nova atitude: desenvolve atitudes e hábitos que reforçam a preservação ambiental e a saúde. Os textos escolhidos abordam os principais temas transversais.

21 Atividades: as atividades sobre os textos estimulam a obtenção de informações e reflexão.

22 Compreender um Texto: desenvolvem a compreensão leitora, ensinando a leitura e a interpretação de textos de divulgação científica.

23 Pontes, Portas e Janelas: proporcionam um contato real ou visual com o mundo científico, com o propósito de estimular este contato, visto que museus, casas e cientistas são elos importantes para o estudo em ciências.

24 Oficinas de Ciências: incluem atividades experimentais, estudo do meio, construção de modelos e montagens entre outras propostas de investigação.

25 Verifique: propõe experimentos com o objetivo de sintetizar os conteúdos abordados de uma forma prática, aplicando o conhecimento científico.

26 Um pouco Mais: este quadro traz mais informações e dicas de sites, sugerindo a continuidade do estudo.

27

28 Guia de Estudos: estimula o estudo por meio de síntese dos principais conceitos, da autoavaliação e do trabalho com o vocabulário aplicado aos conteúdos e a diferentes contextos.

29 Guia de Estudos: Composto pelas seguintes seções: Síntese dos conteúdos: propõe atividades de revisão, com o auxílio de organizadores gráficos que facilitam a compreensão dos assuntos estudados. O que aprendi nesta Unidade: a autoavaliação permite identificar os pontos que necessitam de revisão e sugere estratégias para superar as dificuldades. Vocabulário em contexto: trabalha os significados das palavras e termos essenciais para a compreensão dos conceitos da Ciências. Um ícone especial, presente no Livro do Aluno, indica que a expressão pode ser encontrada no Guia de estudo.

30 Conteúdo digital disponível para todas as disciplinas, 6º a 9º ano: Português Matemática Ciências História Geografia

31 Relação com os livros Em todas as disciplinas, há menções nos livros do professor para indicar os temas que têm conteúdo digital relacionado.

32 Relação com os livros Os ícones nos livros do professor dão dicas também sobre o conteúdo de portal relativo a cada matéria.

33 Proposta de tecnologia ARARIBÁ CIÊNCIAS 1 Animações 2 Videorreportagens 3 Vídeos de experimento

34 Projeto de tecnologia Araribá Ciências 1 Animações Animações que apresentam fenômenos e processos abstratos, passo a passo, com movimento, som e, quando apropriado, algum tipo de interação. Podem ser projetadas pelo professor em sala ou (re)vistas pelos alunos no laboratório de informática.

35 Projeto de tecnologia Araribá Ciências 2 Videorreportagens Vídeos que apresentam diferentes pontos de vista relativos aos temas de ambiente e saúde da seção Por uma nova atitude. Ao fim de cada um, os alunos são incentivados a retratar aquela mesma questão em sua região. Os vídeos que resultarem desse processo serão postados numa galeria do novo portal Araribá, que ficará visível e votável somente após a aprovação do professor.

36 Projeto de tecnologia Araribá Ciências 3 Vídeos de experimento Vídeos sobre temas complexos que aparecem nas unidades ou nas Oficinas de Ciências, ao final dos livros do professor. Cada vídeo tem 2 ou 3 abas (introdução, experimento e conclusão) que podem ser usadas antes (como aquecimento) ou depois (como aprofundamento) do professor fazer os experimentos com a turma, ou até como um substituto da experiência concreta nas escolas sem laboratório. Podem também ser (re)vistas pelos alunos na sala de informática.

37 Proposta de tecnologia PORTAL ARARIBÁ 1 Atividades colaborativas 2 Planejador de aulas 3 Material complementar Acesso fechado a certas áreas por login/senha gerados a partir do cadastro pedido nos CDs pósadoção ou no próprio portal (demais disciplinas)

38 Projeto de tecnologia Portal Araribá 1 Atividades colaborativas Área do portal em que os alunos poderão postar os trabalhos do Projeto Multimídia em Equipe (Português) e de Por uma Nova Atitude (Ciências). O uso dessa área deve ser mediado pelo professor, que atuará como moderador das próprias turmas. Os comentários de usuários serão preaprovados pela Moderna.

39 Projeto de tecnologia Portal Araribá 2 Planejador de aulas Ferramenta para uso do professor, que poderá montar online todo o seu planejamento de aulas, a partir dos sumários dos livros e dos conteúdos disponíveis no portal e nos CDs.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. ABERTURA DE UNIDADE As páginas de abertura levantam

Leia mais

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. Araribá Geografia Araribá Geografia Material do Professor

Leia mais

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. Araribá Matemática. Araribá Matemática As páginas de

Leia mais

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PARTE I: ABERTURA Cada volume conta com oito unidades.

Leia mais

Moderna Plus Matemática

Moderna Plus Matemática Moderna Plus Matemática Estrutura Estrutura do Livro Texto Livro texto No total são três livros que dividem todo o conteúdo de matemática do ensino médio. Partes Cada livro é divido em três partes com

Leia mais

Moderna Plus: Literatura

Moderna Plus: Literatura Material do Professor Livro-texto: Literatura (volume único) de Maria Luiza Abaurre e Marcela Pontara. Caixa Literatura (4 itens) 1 volume capa dura com as 3 partes; 1 volume com os 3 Cadernos do Estudante;

Leia mais

GEOGRAFIA UNIVERSOS. Por que escolher a coleção Universos Geografia

GEOGRAFIA UNIVERSOS. Por que escolher a coleção Universos Geografia UNIVERSOS GEOGRAFIA Por que escolher a coleção Universos Geografia 1 Pensada a partir do conceito SM Educação Integrada, oferece ao professor e ao aluno recursos integrados que contribuem para um processo

Leia mais

Da Educação Infantil ao Simulados Pré-vestibular, o Sistema de Ensino Poliedro oferece coleções de livros didáticos elaborados por autores

Da Educação Infantil ao Simulados Pré-vestibular, o Sistema de Ensino Poliedro oferece coleções de livros didáticos elaborados por autores Da Educação Infantil ao Pré-vestibular, o Sistema de Ensino Poliedro oferece coleções de livros didáticos elaborados por autores especialistas e com experiência em sala de aula, o que possibilita o desenvolvimento

Leia mais

Passo a passo de como organizar o evento de programação Hora do Código na sua escola

Passo a passo de como organizar o evento de programação Hora do Código na sua escola Blog Tecnologia na Educação Passo a passo de como organizar o evento de programação Hora do Código na sua escola Karina Padial Antes de qualquer coisa, vamos explicar o que é a Hora do Código. Trata-se

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec Etec: Professor Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã/SP Área de conhecimento: Ciências da Natureza Componente Curricular: Biologia

Leia mais

Aula 6 Livro físico.

Aula 6 Livro físico. Conteúdos da aula 1. Material didático 2. Formatos 3. 2 1. Material didático Nessa aula, teremos como foco a apresentação do material didático da etb Material didático pode ser definido amplamente como

Leia mais

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André Objetivos Gerais: Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André # Promover as competências necessárias para as práticas de leitura e escrita autônomas

Leia mais

A PRESENÇA DE EXPERIMENTOS ENVOLVENDO MÁQUINAS TÉRMICAS NOS LIVROS DE ENSINO MEDIO

A PRESENÇA DE EXPERIMENTOS ENVOLVENDO MÁQUINAS TÉRMICAS NOS LIVROS DE ENSINO MEDIO A PRESENÇA DE EXPERIMENTOS ENVOLVENDO MÁQUINAS TÉRMICAS NOS LIVROS DE ENSINO MEDIO Moratelli, Aline Suelem 1 ; Ax, Rafael Henrique 2 ; Clebsch, Angelisa Benetti 3 1 Instituto Federal Catarinense, Rio do

Leia mais

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico.

PROJETO ARARIBÁ. Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. PROJETO ARARIBÁ Um projeto que trabalha a compreensão leitora, apresenta uma organização clara dos conteúdos e um programa de atividades específico. ARARIBÁ HISTÓRIA O livro tem oito unidades, divididas

Leia mais

QUE RECURSOS PODEM CONTRIBURIR PARA OTIM IZAR A APRENDIZAGEM. 1. O projeto Tele-ambiente estado da arte O que é o projeto Tele-Ambiente

QUE RECURSOS PODEM CONTRIBURIR PARA OTIM IZAR A APRENDIZAGEM. 1. O projeto Tele-ambiente estado da arte O que é o projeto Tele-Ambiente QUE RECURSOS PODEM CONTRIBURIR PARA OTIM IZAR A APRENDIZAGEM EM UM AMBIENTE VIRTUAL? 1 Márcia Campos Hermínio Borges Neto José Rogério Santana 1. O projeto Tele-ambiente estado da arte 1.1. O que é o projeto

Leia mais

Guia para elaboração. de textos da Revista

Guia para elaboração. de textos da Revista Guia para elaboração de textos da Revista EducarMais Sobre a revista Canal de comunicação com as instituições de ensino parceirasdo Sistema Ari de Sá, a Revista EducarMais conta com textos e artigos, entrevistas

Leia mais

FARINA. anos. Fazendo sucesso em aprovações! SISTEMA DE ENSINO SISTEMA ARI DE SÁ

FARINA. anos. Fazendo sucesso em aprovações! SISTEMA DE ENSINO SISTEMA ARI DE SÁ FARINA SISTEMA DE ENSINO SISTEMA ARI DE SÁ anos Fazendo sucesso em aprovações! Parceria FARINA SISTEMA DE ENSINO ENEM 1 PENTACAMPEÃ LUGAR Em Mato Grosso anos Fazendo sucesso em aprovações! Parceria SISTEMA

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DE JOGOS DE TABULEIRO NA EVOLUÇÃO DA APRENDIZAGEM

A UTILIZAÇÃO DE JOGOS DE TABULEIRO NA EVOLUÇÃO DA APRENDIZAGEM UNIFEOB Centro Universitário da Fundação de Ensino Octávio Bastos PROJETO DE PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS EM SALA DE AULA MATEMÁTICA LICENCIATURA A UTILIZAÇÃO DE JOGOS DE TABULEIRO NA EVOLUÇÃO DA APRENDIZAGEM

Leia mais

Operações com Números Naturais Multiplicação e Divisão

Operações com Números Naturais Multiplicação e Divisão Operações com Números Naturais Multiplicação e Divisão Resumo Iconográfico Duração Pré-requisitos Pré-requisitos técnicos Estratégias Avaliação LEGENDA Uma hora-aula de 45 minutos Conhecimentos adquiridos

Leia mais

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Água. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Água. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos Água Resumo Iconográfico Duração Pré-requisitos Pré-requisitos técnicos Estratégias Avaliação LEGENDA Uma hora-aula de 45 minutos Conhecimentos adquiridos em aulas passadas Conhecimentos de Informática

Leia mais

LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS

LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS iii LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS Capítulo I Tabela nº 1 Composição da amostragem: professores e alunos em relação às quantidades de questionários enviados/recebidos na pesquisa.. 6 Tabela

Leia mais

CURSO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM. AULA 1 Busca de materiais pedagógicos na Internet e sua aplicação em sala de aula

CURSO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM. AULA 1 Busca de materiais pedagógicos na Internet e sua aplicação em sala de aula CURSO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM Lisiane Cristina Amplatz CRTE Toledo AULA 1 Busca de materiais pedagógicos na Internet e sua aplicação em sala de aula Navegando pelo Portal Dia a dia Educação www.diaadia.pr.gov.br

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA Brasília - 2016 1 Sumário 1. Acesso à plataforma 04 2. Cadastramento nas disciplinas 04 3. Edição do perfil 05 4. Envio de mensagens

Leia mais

Planejamento de aulas utilizando o Portal Aprende Brasil OFICINA

Planejamento de aulas utilizando o Portal Aprende Brasil OFICINA Planejamento de aulas utilizando o Portal Aprende Brasil OFICINA Oficina Etapas: 1. Formação das equipes (por escola); 2. Seleção de uma Unidade do Livro Integrado; 3. Identificar formas de utilização

Leia mais

Instrumento para a Avaliação da Qualidade de Objetos de Aprendizagem. [ perspectiva do usuário ]

Instrumento para a Avaliação da Qualidade de Objetos de Aprendizagem. [ perspectiva do usuário ] Instrumento para a Avaliação da Qualidade de Objetos de Aprendizagem [ perspectiva do usuário ] Gilda Helena Bernardino de Campos gilda@ccead.puc-rio.br Igor Martins igor@ccead.puc-rio.br Bernardo Pereira

Leia mais

Métodos e Técnicas do Trabalho Científico e da Pesquisa

Métodos e Técnicas do Trabalho Científico e da Pesquisa 2014. 1 Métodos e Técnicas do Trabalho Científico e da Pesquisa FACULDADE POLIS DAS ARTES Professor: Tiago Silva de Oliveira E-mail: psicotigl@yahoo.com.br Noturno/2014.1 Carga Horária 80h 1 Dia da Semana

Leia mais

CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA

CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA ENDEREÇO DESCRIÇÃO ÁREA http://www.nasa.gov/ Nasa - fotos e informações sobre missões espaciais www.uol.com.br/aprendiz Aprendiz

Leia mais

Atividades e Recursos. Escola Médica Virtual

Atividades e Recursos. Escola Médica Virtual Atividades e Recursos Escola Médica Virtual Atividades Escola Médica Virtual Chat O módulo de atividade Chat permite que participantes tenham discussões síncronas, ou seja, discussões que acontecem durante

Leia mais

Projeto Educação na Interdisciplinaridade. Sustentabilidade na Escola. Oficina de Garagem

Projeto Educação na Interdisciplinaridade. Sustentabilidade na Escola. Oficina de Garagem Projeto Educação na Interdisciplinaridade Sustentabilidade na Escola Oficina de Garagem São Paulo 2016 Educação não transforma o mundo. Educação muda as pessoas. Pessoas mudam o mundo Paulo Freire Apresentação

Leia mais

E.E Zumbi dos Palmares. Jaraguari MS/2012. Professora Gerenciadora: Luzia Bento Soares. Turma: Alunos do Ensino Fundamental e Médio.

E.E Zumbi dos Palmares. Jaraguari MS/2012. Professora Gerenciadora: Luzia Bento Soares. Turma: Alunos do Ensino Fundamental e Médio. E.E Zumbi dos Palmares. Jaraguari MS/2012. Professora Gerenciadora: Luzia Bento Soares. Turma: Alunos do Ensino Fundamental e Médio. Conteúdos: O legado Cultural Grego e Romano. História da África e dos

Leia mais

Ensinar e aprender História na sala de aula

Ensinar e aprender História na sala de aula Ensinar e aprender História na sala de aula Séries iniciais do Ensino Fundamental Ensino de História nas séries iniciais do Ensino Fundamental Por que estudar História? Quais ideias os educandos possuem

Leia mais

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos Movimentos da Terra Resumo Iconográfico Duração Pré-requisitos Pré-requisitos técnicos Estratégias Avaliação LEGENDA Uma hora-aula de 45 minutos Conhecimentos adquiridos em aulas passadas Conhecimentos

Leia mais

Refletindo com os professores de Matemática os resultados da Avaliação da Aprendizagem em Processo e SARESP

Refletindo com os professores de Matemática os resultados da Avaliação da Aprendizagem em Processo e SARESP Refletindo com os professores de Matemática os resultados da Avaliação da Aprendizagem em Processo e SARESP Escala de Proficiência Pauta Como fazer um melhor planejamento das aulas? Como proceder na aplicação

Leia mais

Palavras-chave: Ensino de Química; Contextualização; Laboratório de Química; Conceitos Científicos; Experimentação. 1. INTRODUÇÃO

Palavras-chave: Ensino de Química; Contextualização; Laboratório de Química; Conceitos Científicos; Experimentação. 1. INTRODUÇÃO A EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE QUÍMICA NUMA PERSPECTIVA PROBLEMATIZADORA E CONTEXTUALIZADA: UM AUXÍLIO NA CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS CIENTÍFICOS NO ENSINO MÉDIO Márcia Valente de Brito Dantas 1* Lígia Maria

Leia mais

MERCADINHO COMPRA CERTA EMEIEF PROF. ERNESTO MARCONDES RANGEL

MERCADINHO COMPRA CERTA EMEIEF PROF. ERNESTO MARCONDES RANGEL MERCADINHO COMPRA CERTA EMEIEF PROF. ERNESTO MARCONDES RANGEL Professor(es) Apresentador(es): Tânia Mara Martins Goulart Realização: Foco do Projeto Atividades interdisciplinares: Língua Portuguesa Gêneros

Leia mais

CURSO: ACOMPANHAMENTO DA PRÁTICA EDUCATIVA

CURSO: ACOMPANHAMENTO DA PRÁTICA EDUCATIVA CURSO: ACOMPANHAMENTO DA PRÁTICA EDUCATIVA Introdução Uma pesquisa realizada pela Fundação Carlos Chagas indica que a maioria dos coordenadores pedagógicos deixam de fazer o acompanhamento da prática educativa

Leia mais

A TABELA PERIÓDICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE UMA ESCOLA PÚBLICA

A TABELA PERIÓDICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE UMA ESCOLA PÚBLICA A TABELA PERIÓDICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE UMA ESCOLA PÚBLICA Eryca Vanessa Gonçalves Dantas (1); Priscila Batista Pereira (1); Marcella Ferreira Alves de Lima(2);Maraísa

Leia mais

TÍTULO: AS ATIVIDADES PRATICAS NOS LIVROS DE CIENCIAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

TÍTULO: AS ATIVIDADES PRATICAS NOS LIVROS DE CIENCIAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS TÍTULO: AS ATIVIDADES PRATICAS NOS LIVROS DE CIENCIAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE ANHANGUERA DE SÃO PAULO AUTOR(ES): PRISCA

Leia mais

O início das aulas chegou. É hora de reencontrar os amigos e fazer novas amizades.

O início das aulas chegou. É hora de reencontrar os amigos e fazer novas amizades. Prezados Usuários: O início das aulas chegou. É hora de reencontrar os amigos e fazer novas amizades. Mais um ano se inicia e com ele desfrutaremos de muitos momentos de aprendizado e descobertas. Vamos

Leia mais

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO - GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA FAEL ANO LETIVO 2016

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO - GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA FAEL ANO LETIVO 2016 METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO - GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA FAEL ANO LETIVO 2016 Os processos de avaliação do ensino e da aprendizagem deverão ser contínuos, sistemáticos, abertos, flexíveis e propiciadores da realimentação

Leia mais

2ª Série Ensino M édio

2ª Série Ensino M édio 2ª Série Ensino M édio Disciplina: Filosofia Professor: Ivanildo Júnior Debate sobre o filme: Matrix A Origem 1ª Etapa: 24/4 a 28/04 O professor apresentará a proposta aos alunos na sala e fará as orientações

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO

ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO ESCOLA ESTADUAL DR. MARTINHO MARQUES SIRLEI RODRIGUES CARDOSO DO PRADO VITORINO A DESCOBERTA DAS ARTES PLÁSTICAS DE HUMBERTO ESPÍNDOLA PELOS ALUNOS DO 9º ANO A TAQUARUSS/MS AGOSTO-2009 ESCOLA ESTADUAL

Leia mais

A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO

A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO José Ijaelson do Nascimento Júnior; Catalyne Maria de Jesus Lins; Cynthia Maria de Jesus Lins; Ana Paula Freitas da Silva.

Leia mais

Aula 5 Site e Portal Pedagógico

Aula 5 Site e Portal Pedagógico Conteúdos da aula 1. Site externo 2 1. Site externo O possui um site www.grupoetb.com.br chamado de portal da etb. Aqui, o usuário pode acessar todas as informações relevantes sobre o Grupo etb: 3 1. Site

Leia mais

Tecnologias de Informação e Comunicação 8.º Ano

Tecnologias de Informação e Comunicação 8.º Ano Tecnologias de Informação e Comunicação 8.º Ano Planificação Semestral de médio prazo (3 tempos de 5m) Conteúdos e avaliação diagnóstica 2 do programa da disciplina; apresentação das regras e normas da

Leia mais

Novas ferramentas para uma metodologia da EJA

Novas ferramentas para uma metodologia da EJA Novas ferramentas para uma metodologia da EJA Vídeo SESI - EDUFOCO Ampliação do espaço Ensino-Aprendizagem Educar é colaborar para que professores e alunos nas escolas e organizações - transformem suas

Leia mais

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Atmosfera. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Atmosfera. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos Atmosfera Resumo Iconográfico Duração Pré-requisitos Pré-requisitos técnicos Estratégias Avaliação LEGENDA Uma hora-aula de 45 minutos Conhecimentos adquiridos em aulas passadas Conhecimentos de Informática

Leia mais

Como usar os recursos e o website da Maior Lição do Mundo

Como usar os recursos e o website da Maior Lição do Mundo Guia do Educador Como usar os recursos e o website da Maior Lição do Mundo Na sexta-feira, 25 de setembro, as Nações Unidas anunciarão os Objetivos Globais para o Desenvolvimento Sustentável. A ideia da

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC: Monsenhor Antonio Magliano Código: 088 Município: Garça - SP Eixo Tecnológico: Indústria Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA. Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio Etapa II Caderno III 09/04/2015

CIÊNCIAS DA NATUREZA. Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio Etapa II Caderno III 09/04/2015 CIÊNCIAS DA NATUREZA Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio Etapa II Caderno III 09/04/2015 1. Contextualização e contribuições da área de Ciências da Natureza para a formação do estudante

Leia mais

Portal Moderna.Compartilha Guia de Funcionalidades para Alunos

Portal Moderna.Compartilha Guia de Funcionalidades para Alunos Portal Moderna.Compartilha Guia de Funcionalidades para Alunos 1 1. Acesso ao Portal Moderna.Compartilha... 3 2. LMS - Sistema de Gestão de Aprendizagem... 5 3. Rede Compartilha... 6 3.1 Xmile Learning...

Leia mais

http://portaldoprofessor.mec.gov.br http://twitter.com/portalprofessor Implantação de ambientes tecnológicos nas escolas Distribuição de conteúdos educativos, soluções e sistemas de informação Formação

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A CRIAÇÃO DE UM PLANO DE TRABALHO DOCENTE

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A CRIAÇÃO DE UM PLANO DE TRABALHO DOCENTE ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A CRIAÇÃO DE UM PLANO DE TRABALHO DOCENTE Título e estrutura curricular O título da aula deverá ser claro e estar relacionado aos objetivos Os objetivos precisam se relacionar com

Leia mais

COLÉGIO PEDRO II CAMPUS SÃO CRISTÓVÃO II LEITURA E EXPRESSÃO - UM PROJETO PARA SALA DE LEITURA -

COLÉGIO PEDRO II CAMPUS SÃO CRISTÓVÃO II LEITURA E EXPRESSÃO - UM PROJETO PARA SALA DE LEITURA - COLÉGIO PEDRO II CAMPUS SÃO CRISTÓVÃO II LEITURA E EXPRESSÃO - UM PROJETO PARA SALA DE LEITURA - Rio de Janeiro / 2014 0 SUMÁRIO Público-alvo p. 2 Justificativa p.2 Objetivos Gerais p. 3 Objetivos Específicos

Leia mais

Faculdade de Educação Superior do Paraná Centro de Extensão Iniciação Científica - CEIC

Faculdade de Educação Superior do Paraná Centro de Extensão Iniciação Científica - CEIC DIRETRIZES DA Iª MOSTRA FESP para FESP - 2015 O Centro de Extensão e Iniciação Científica CEIC têm como um de seus eixos de atuação promover o desenvolvimento de atividades tecnocientíficas e é nesse contexto

Leia mais

Manual de navegação do Usuário

Manual de navegação do Usuário Manual de navegação do Usuário Câmara Municipal De Barra de São Miguel- PB APRESENTAÇÃO Este é o Manual de Navegação da Câmara Municipal de Barra de São Miguel - PB. Tem linguagem simples e é ilustrado

Leia mais

PIBID 2011 SUBPROJETO LETRAS

PIBID 2011 SUBPROJETO LETRAS PIBID 2011 SUBPROJETO LETRAS PLANOS DE AULAS BOLSISTAS: Jéssica Pereira, Denise Oliveira e Taiana Azevedo DATA DA AULA: 10 /09/2012 AULA No.: 1 PLANO DE AULA CONTEÚDOS: Dinâmica de grupo OBJETIVO GERAL:

Leia mais

Atividade externa Resenha. MÁTTAR NETO, João Augusto. Metodologia científica na era da informática. São Paulo: Saraiva, p.

Atividade externa Resenha. MÁTTAR NETO, João Augusto. Metodologia científica na era da informática. São Paulo: Saraiva, p. 1 Universidade de São Paulo ECA Depto. de Biblioteconomia e Documentação Disciplina: CBD0100 - Orientação à Pesquisa Bibliográfica Matutino Responsável: Profa. Dra. Brasilina Passarelli Aluna: Rita de

Leia mais

Ferramentas Colaborativas. Prof. Dr. paulo Rech Wagner

Ferramentas Colaborativas. Prof. Dr. paulo Rech Wagner Ferramentas Colaborativas Prof. Dr. paulo Rech Wagner prwagner@pucrs.br Aprendizagem Colaborativa Avanço das TICs mais facilidades de interação e recursos para atividades colaborativas. Construção coletiva

Leia mais

RESENHA / REVIEW COMPUTADORES E LINGUAGENS NAS AULAS DE CIÊNCIAS

RESENHA / REVIEW COMPUTADORES E LINGUAGENS NAS AULAS DE CIÊNCIAS RESENHAS REVIEWS RESENHA / REVIEW COMPUTADORES E LINGUAGENS NAS AULAS DE CIÊNCIAS GIORDAN, Marcelo. Computadores e Linguagens nas aulas de Ciências: uma perspectiva sociocultural para compreender a construção

Leia mais

Eletiva: As Cores da Química E.E. Profª Olga Benatti Sala 7 / 1ª. Sessão

Eletiva: As Cores da Química E.E. Profª Olga Benatti Sala 7 / 1ª. Sessão Eletiva: As Cores da Química E.E. Profª Olga Benatti Sala 7 / 1ª. Sessão Professor(es) Apresentador(es): Marcia Silva Guerrise Cunha Miraci Nascimento de Siqueira Realização: Foco Disciplina Eletiva desenvolvida

Leia mais

Prof. Renato da Anunciação REITOR Profª Aurina Oliveira Santana DIRETORA GERAL Prof. Durval de Almeida Souza DIRETOR DE ENSINO Prof.

Prof. Renato da Anunciação REITOR Profª Aurina Oliveira Santana DIRETORA GERAL Prof. Durval de Almeida Souza DIRETOR DE ENSINO Prof. Prof. Renato da Anunciação REITOR Profª Aurina Oliveira Santana DIRETORA GERAL Prof. Durval de Almeida Souza DIRETOR DE ENSINO Prof. Juliano Marques de Aguilar DIRETOR ADMINISTRATIVO Cursos FIC Os Cursos

Leia mais

DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA 5.º Ano

DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA 5.º Ano 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS COMPETÊNCIAS GERAIS - Pesquisar, seleccionar e organizar informação para a transformar em conhecimento mobilizável. (C. G. 6) - Usar adequadamente linguagens das diferentes áreas

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Médio Etec PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Área de conhecimento: CIENCIAS DA NATUREZA, MATEMATICA E SUAS TECNOLOGIAS Componente Curricular: BIOLOGIA

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Etec Ensino Técnico ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: Tupã Eixo tecnológico: AMBIENTE e SAÚDE Habilitação Profissional: Técnico em Enfermagem Qualificação:

Leia mais

Professor-cursista: Nilda de Oliveira Campos Atividade 4.6 Reelaborar o plano de aula da atividade 4.5

Professor-cursista: Nilda de Oliveira Campos Atividade 4.6 Reelaborar o plano de aula da atividade 4.5 Título/ Tema Geometria no cotidiano Professor-cursista: Nilda de Oliveira Campos Reelaborar o plano de aula da atividade 4.5 Estrutura curricular Modalidade/ Nível de ensino: Ensino Fundamental final Componente

Leia mais

A TECNOLOGIA COMO PROPULSORA DE APRENDIZAGENS SIGNIFICATIVAS. Aline Reis de Camargo Universidade Federal de Pelotas - UFPEL

A TECNOLOGIA COMO PROPULSORA DE APRENDIZAGENS SIGNIFICATIVAS. Aline Reis de Camargo Universidade Federal de Pelotas - UFPEL A TECNOLOGIA COMO PROPULSORA DE APRENDIZAGENS SIGNIFICATIVAS Aline Reis de Camargo Universidade Federal de Pelotas - UFPEL Município: São Francisco de Paula COOPESERRA - Colégio Expressão INTRODUÇÃO O

Leia mais

DATA: 06/09/2016 TURMA: 6º ANO A TURNO: MATUTINO. Horário Disciplina Conteúdo Tarefa 2 PORTUGUÊS FONÉTICA E FONOLOGIA SEM DESCRIÇÃO

DATA: 06/09/2016 TURMA: 6º ANO A TURNO: MATUTINO. Horário Disciplina Conteúdo Tarefa 2 PORTUGUÊS FONÉTICA E FONOLOGIA SEM DESCRIÇÃO DATA: 06/09/2016 TURMA: 6º ANO A 1 CIÊNCIAS ATMOSFERA: COMPOSIÇÃO DOS SERES. PESQUISAR: ALGAS SUA IMPORTÂNCIA PARA O PLANETA. 2 PORTUGUÊS FONÉTICA E FONOLOGIA 4 MATEMÁTICA NÚMEROS DECIMAIS TRABALHO AVALIATIVO

Leia mais

Soluções inovadoras para o ensino de empreendedorismo.

Soluções inovadoras para o ensino de empreendedorismo. Soluções inovadoras para o ensino de empreendedorismo www.empreende.com.br emp@empreende.com.br O que estamos oferecendo nesta parceria Pacote com solução multimídia para complementar o seu curso de empreendedorismo

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 60h CH Teórica Formação Básica. CH Prática. 10h. Trabalho Efetivo Discente

PLANO DE ENSINO. 60h CH Teórica Formação Básica. CH Prática. 10h. Trabalho Efetivo Discente PLANO DE ENSINO Escola ENGENHARIA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (EETI) Engenharias: Ambiental; Civil; de Computação; de Petróleo; de Produção; Elétrica; Curso(s) Mecânica; Mecatrônica e Química Disciplina

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE IVINHEMA MS MAIO DE 2010 ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE Projeto de formação e ensino elaborado pelo professor da STE Ivair Ribeiro

Leia mais

Variabilidade didática: Relações Bióticas

Variabilidade didática: Relações Bióticas Variabilidade didática: Relações Bióticas E.E. Carlos Maximiliano Pereira dos Santos Sala 7 / 1ª. Sessão Professor(es) Apresentador(es): Lucélia Batista Lima Maria Alice Luque Bueno Realização: Foco No

Leia mais

Fundação Darcy Ribeiro

Fundação Darcy Ribeiro I Fundação Darcy Ribeiro ATUAÇÃO DOS EDUCADORES PONTOS ESSENCIAIS DA PROPOSTA Vídeo 05 Coordenação Nacional Formação Inicial e Continuada do Educador do ProJovem: o especialista, o pensador, o cidadão

Leia mais

5 passos para você fazer as primeiras vendas no hotmart

5 passos para você fazer as primeiras vendas no hotmart Sumário 5 passos para você fazer a primeira venda no hotmart... 3 1º passo: Escolha o produto... 4 2º passo: Faça um canal no youtube... 5 3º passo: Crie um blog... 7 4º passo: Construa sua lista de e-mails...

Leia mais

Guia do Estudante. Web Academy Guia do Estudante

Guia do Estudante. Web Academy Guia do Estudante Guia do Estudante Resumo Visão geral Meu treinamento Materiais 1. Como utilizar este guia 2. Botões e menus 3. Portlets de Meu treinamento 4. Tipos de Cursos disponíveis 1. Inscrever-se em um Curso Pelo

Leia mais

INDICAÇÕES PARA O PLANEJAMENTO DO SEGUNDO SEMESTRE APRENDA+

INDICAÇÕES PARA O PLANEJAMENTO DO SEGUNDO SEMESTRE APRENDA+ INDICAÇÕES PARA O PLANEJAMENTO DO SEGUNDO SEMESTRE APRENDA+ ÍNDICE 1 MAPA DE OBJETIVOS E PLANEJAMENTO ESCOLAR - Estratégia e objetivo DN e DR - Explicação das intensidades de uso e engajamento - Integração

Leia mais

Cronograma de Atividades 2º Bimestre - 9º Ano / E.F

Cronograma de Atividades 2º Bimestre - 9º Ano / E.F Cronograma de Atividades 2º Bimestre - 9º Ano / E.F. - 2017 Geografia Data da Pontuação Atividade Descrição Observação realização 09/06 4,0 Avaliação Mensal Individual e sem consulta. 25/05 3,0 Trabalho

Leia mais

! PLANO DE ENSINO - 2º/2015. Carga Horária: 40h/a. Teórica: 40h/a. Professora: Patrícia Alvarez Ruiz Spyere do Nascimento.

! PLANO DE ENSINO - 2º/2015. Carga Horária: 40h/a. Teórica: 40h/a. Professora: Patrícia Alvarez Ruiz Spyere do Nascimento. ! PLANO DE ENSINO - 2º/2015 1. IDENTIFICAÇÃO: Curso: Odontologia. Disciplina: Metodologia Científica. Carga Horária: 40h/a. Teórica: 40h/a. Professora: Patrícia Alvarez Ruiz Spyere do Nascimento. 2. EMENTA:

Leia mais

MANUAL PASSO-A-PASSO DISCIPLINAS ONLINE

MANUAL PASSO-A-PASSO DISCIPLINAS ONLINE MANUAL PASSO-A-PASSO OPERAÇÕES BÁSICAS DISCIPLINAS ONLINE BARBACENA 2014 2º Semestre 1 Sumário Acessando o Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA... 4 Utilizando o Portal Acadêmico... 6 Avaliação de Desempenho...

Leia mais

Cadastro da Matriz Curricular - GOES

Cadastro da Matriz Curricular - GOES Cadastro da Matriz Curricular - GOES Acesse a Secretaria Escolar Digital: https://sed.educacao.sp.gov.br Vá até a opção Matriz Curricular Cadastro da Matriz Curricular - GOES Aparecerá a tela com a caixa

Leia mais

A MODELIX ROBOTICS INOVA NA METODOLOGIA DE ENSINO DA ROBÓTICA

A MODELIX ROBOTICS INOVA NA METODOLOGIA DE ENSINO DA ROBÓTICA A MODELIX ROBOTICS INOVA NA METODOLOGIA DE ENSINO DA ROBÓTICA A novidade agora é que os kits didáticos, que ensinam desde os fundamentos das ciências até a programação de robôs, podem ser adquiridos pelas

Leia mais

O contexto: as incertezas

O contexto: as incertezas O contexto: as incertezas As pessoas estão em busca de esperança e de uma orientação segura. Diferentes vozes dirigem-se aos problemas da vida das mais diversas maneiras. Precisamos de recursos que nos

Leia mais

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Biosfera. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos

Universidade sem Fronteiras GIED Grupo de Informática Educativa. Biosfera. Resumo Iconográfico. Pré-requisitos técnicos Biosfera Resumo Iconográfico Duração Pré-requisitos Pré-requisitos técnicos Estratégias Avaliação LEGENDA Uma hora-aula de 45 minutos Conhecimentos adquiridos em aulas passadas Conhecimentos de Informática

Leia mais

Seção e encurtamento

Seção e encurtamento A U L A Seção e encurtamento Introdução Em desenho técnico busca-se, sempre, a forma mais simples, clara e prática de representar o maior número possível de informações. Você já viu como a representação

Leia mais

O futuro é você quem faz! ENADE 2016

O futuro é você quem faz! ENADE 2016 O futuro é você quem faz! Mai Palestra: Conscientização sobre o Imbuir o aluno de responsabilidade para prestar a prova do, explicando as consequências do bom resultado para ele e para a Instituição. Apresentação

Leia mais

REGULAMENTO DA II MOSTRA DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CIDADANIA DO IFC BLUMENAU (II MEPEC) 26 e 27 DE OUTUBRO DE 2016 CAPÍTULO I DO EVENTO

REGULAMENTO DA II MOSTRA DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CIDADANIA DO IFC BLUMENAU (II MEPEC) 26 e 27 DE OUTUBRO DE 2016 CAPÍTULO I DO EVENTO REGULAMENTO DA II MOSTRA DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CIDADANIA DO IFC BLUMENAU (II MEPEC) 26 e 27 DE OUTUBRO DE 2016 CAPÍTULO I DO EVENTO Art. 1º A II Mostra De Ensino Pesquisa, Extensão e Cidadania

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Médio ETEC Prof. Mário Antônio Verza Código: 164 Município: Palmital-SP Área de conhecimento: Ciências da Natureza Matemática e suas Tecnologias Componente Curricular:

Leia mais

USO DE BLOG EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA POSSIBILIDADE PEDAGÓGICA

USO DE BLOG EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA POSSIBILIDADE PEDAGÓGICA FUNDAÇÃO OSWALDO ARANHA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE E DO MEIO AMBIENTE FÁTIMA HELENA DA FONSECA MIRANDA USO DE BLOG EM EDUCAÇÃO

Leia mais

Didática Aplicada ao Ensino de Ciências e Biologia

Didática Aplicada ao Ensino de Ciências e Biologia Universidade Tecnológica Federal do Paraná Curso Ciências Biológicas Licenciatura Campus Santa Helena Didática Aplicada ao Ensino de Ciências e Biologia Docente: Dra. Eduarda Maria Schneider E-mail: emschneider@utfpr.edu.br

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL Nome do autor: Jairton Mauro Rech Aplicativo utilizado: BrOffice impress Disciplina: Matemática

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Colégio Técnico Plano de Ensino

Universidade Federal de Minas Gerais Colégio Técnico Plano de Ensino Disciplina: Carga horária total: Universidade Federal de Minas Gerais Plano de Ensino Física (Automação, Eletrônica e Informática) 200 h.a. Ano: 2015 Curso: Automação, Eletrônica e Informática Regime:

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA DE CONTO COM 3º ANO C PROFESSORA: FERNANDA SILVA MELO ROCHA A BELA ADORMECIDA OBJETIVO

SEQUÊNCIA DIDÁTICA DE CONTO COM 3º ANO C PROFESSORA: FERNANDA SILVA MELO ROCHA A BELA ADORMECIDA OBJETIVO SEQUÊNCIA DIDÁTICA DE CONTO COM 3º ANO C PROFESSORA: FERNANDA SILVA MELO ROCHA A BELA ADORMECIDA OBJETIVO Proporciona no aluno a habilidade de conhecer os diversos tipos de contos, e desenvolver no aluno

Leia mais

O PIBID E OS JOGOS LÚDICOS COMO METODOLOGIA ALTERNATIVA DO ENSINO-APRENDIZAGEM DA QUÍMICA NO NÍVEL MÉDIO: JOGO DAS TRÊS PISTAS

O PIBID E OS JOGOS LÚDICOS COMO METODOLOGIA ALTERNATIVA DO ENSINO-APRENDIZAGEM DA QUÍMICA NO NÍVEL MÉDIO: JOGO DAS TRÊS PISTAS O PIBID E OS JOGOS LÚDICOS COMO METODOLOGIA ALTERNATIVA DO ENSINO-APRENDIZAGEM DA QUÍMICA NO NÍVEL MÉDIO: JOGO DAS TRÊS PISTAS Aline dos Santos Silva (UFCG); Gerlândia Estevam do Nascimento (UFCG); Israel

Leia mais

PRAÇA SARAIVA, CENTRO CEP.: TERESINA - PIAUÍ Página 1

PRAÇA SARAIVA, CENTRO CEP.: TERESINA - PIAUÍ Página 1 AVALIAÇÃO DIFERENCIADA PARCIAL 2 II TRIMESTRE 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL PROFª TÁCIA/ DEYLLEN/ ANA LÚCIA/ CLÁUDIA/ LUCIANA/ SILVIA PROJETO FESTAS JUNINAS - AVALIAÇÃO PARCIAL Apresentação: A Avaliação

Leia mais

Formação de professores de Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental: a experiência de validação de objetos de aprendizagem

Formação de professores de Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental: a experiência de validação de objetos de aprendizagem Formação de professores de Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental: a experiência de validação de objetos de aprendizagem Profa. Dra. Patricia Alejandra Behar Ms. Daisy Schneider Mestranda

Leia mais

1. Introdução O que é Microsoft PowerPoint Recursos de PowerPoint. Introdução

1. Introdução O que é Microsoft PowerPoint Recursos de PowerPoint. Introdução 1. Introdução 1.1. O que é Microsoft PowerPoint 2007 Microsoft Office PowerPoint 2007 é um software de apresentação gráfica produzido pela Microsoft Corporation para o sistema operacional Microsoft Windows.

Leia mais

Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) MATRIZ CURRICULAR. Móduloe 1 Carga horária total: 400h

Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) MATRIZ CURRICULAR. Móduloe 1 Carga horária total: 400h Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) CÂMPUS PALHOÇA BILÍNGUE MATRIZ CURRICULAR Móduloe 1 Carga horária total: 400h Projeto Integrador I 40 Não tem Aprendizagem Infantil

Leia mais

Orientações para elaboração de material didático para EAD

Orientações para elaboração de material didático para EAD Orientações para elaboração de material didático para EAD Nome do autor: Disciplina/Curso: Carga horária: Data de entrega: E-mail: Telefones: Link Lattes: Orientação para elaboração de material didático

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS CAMPUS JATAÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PARA CIÊNCIAS E MATEMÁTICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS CAMPUS JATAÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PARA CIÊNCIAS E MATEMÁTICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS CAMPUS JATAÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PARA CIÊNCIAS E MATEMÁTICA A INVESTIGAÇÃO MATEMÁTICA COM O GEOGEBRA NO ESTÁGIO COM PESQUISA

Leia mais

Foto Carga Horária: 15h presenciais. Facilitador: Sandro Barros. Objetivo:

Foto Carga Horária: 15h presenciais. Facilitador: Sandro Barros. Objetivo: Foto Calabor@tiva Carga Horária: 15h presenciais Facilitador: Sandro Barros Objetivo: O objetivo é estimular crianças e jovens a utilizar a linguagem fotográfica como elemento alternativo e visual, despertando

Leia mais