' Professora da IINIVALE Fisioterapeuta Professor da L:L\IED. ' Enfermeiro ARTIGO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "' Professora da IINIVALE Fisioterapeuta Professor da L:L\IED. ' Enfermeiro ARTIGO"

Transcrição

1 ARTIGO AVALIAÇÃO DE PACIENTES PORTADORES DE FIBROMIALGIA PRE E PÓS-INTERVENÇÃO DO ESTLIDO MULTIDISCIPLINAR COM ÊNFASE FISIOTERAPÊUTICA Horjana Aparecida Navarro Fernandes Vieira' Emília Pio da Silva2 Welligthon de Souza Matta3 Leandro Ruffoni4 RESUMO A fibromialgia é uma síndrome caracterizada por dores generalizadas em todo o corpo. Acomete principalmente as mulheres. O presente estudo teve como objetivo avaliar pacientes portadores de fibromialgia pré e pós-intervenção do Estudo Multidisciplinar com Ênfase Fisioterapêutica. O estudo foi realizado com pacientes da Clínica de Fisioterapia Ortopédica e Reumatológica com diagnóstico prévio de fibromialgia. O instrumento de avaliação utilizado foi o questionário nórdico, observando os seguintes aspectos: dor e/ou desconforto no pescoço, ombros, cotovelos, pulsos/mãos, costas (partes superior e inferior), quadrislcoxa, joelhos, tornozelos1pés. Os resultados obtidos evidenciaram que, após a intervenção do Estudo Multidisciplinar com Ênfase Fisioterapêutica, 75% das pacientes apresentavam dor elou desconforto no pescoço, ombro, pulsos, costas inferior, quadrislcoxas, tornozelos/pés; 25%, em cotovelos; 87,5%, nas costas superior; e 5O0/0, nos joelhos, ou seja, o tratamento proposto foi eficaz para as pacientes portadoras de fibromialgia, apesar de ter sido realizado em quatro meses. Mais estudos com tempo de duração maior seriam necessários para evidenciar melhoras significativas no quadro clínico das pacientes. Palavras-chave: fibromialgia, evolução do paciente, intervenção multidisciplinar. ' Professora da IINIVALE Fisioterapeuta Professor da L:L\IED ' Enfermeiro 138 R. Min. Educ. Fís.. Viqosa. v. 14. n. 3. p

2 A fibromialgia é uma síndrome dolorosa crônica, não-inflamatória, caracterizada por dor difusa pelo corpo, referida em músculos, ossos, ligamentos e articulações, e que apresenta, ao exame físico, pontos dolorosos a palpação em locais característicos (ALAMBERT; MARTI NEZ, 2003) Segundo o Colégio Americano de Reumatologia, o diagnóstico da fibromialgia é dado pela presença de 11 do total dos 18 pontos dolorosos, associada a queixa de dor generalizada acima de três meses. Isso é extremamente cruel para o paciente, já que não existe nenhum exame que comprove definitivamente a patologia. O diagnóstico é baseado quase sempre em dados subjetivos (MOREIRA; CARVALHO, 1996). Diante disso, muitas pessoas procuram vários especialistas e se submetem a diferentes tipos de tratamento em busca da cura, que muitas vezes não acaba acontecendo; essas atitudes acabam resultando em medo e frustração, que podem aumentar a dor. A dor é o sintoma mais importante da fibromialgia. Apesar de ser uma sintomatologia severa, não é a única queixa dos pacientes, que afirmam sentir fadiga crônica, rigidez matinal, parestesias e distúrbios do sono (SHEON, 1989). A fibromialgia é uma causa real de dor e fadiga, que precisa ser tratada do mesmo modo que outras patologias crônicas; no entanto, em muitos casos os tratamentos medicamentosos não têm surtido efeito. De acordo com a Sociedade Brasileira de Reumatologia (2004), as medidas farmacológicas não têm sido eficazes no tratamento da síndrome, e um tratamento multidisciplinar, envolvendo médicos, psicólogos, fisioterapeutas, nutricionistas e educadores físicos, pode promover benefícios na qualidade de vida e de saúde das pessoas portadoras de fibromialgia. Os exercícios físicos ainda têm a vantagem de não apresentarem relativamente efeitos colaterais; durante a sua realização, uma série de substâncias (endorfinas e somatostina) são liberadas pelo organismo, promovendo o bem-estar físico dos praticantes. O objetivo deste trabalho foi avaliar a incidência de dores ou desconforto no sistema musculoesquelético, após intervenção do estudo multidisciplinar com ênfase fisioterapêutica. K. Min. Educ. Fk.. Vicosa. L. 11.n

3

4

5 objective to evaluate patients bearing fibromyalgia before and after intervention of.lhe multi disciplinary study with physiotherapeutic emphasis. The study was realized with patients of the Reumatologic and Orthopedic Physiotherapy Clinic with previous diagnostic on fibromyalgia. The evaluation instrument used was the Nordic questionnaire, watching the following aspects: pain andlor discomfort on neck, shoulders, elbows, wristslhands, back (superior and inferior parts), hiplthigh, knees, anklelfeet. The results obtained showed that after the intervention of the multi disciplinary study with physiotherapeutic emphasis, 75% of the patients showed pain andlor discomfort on neck, shoulder, wrist, inferior back, hiplthigh, anklelfeet, 25% on elbows, 87,5% superior back and 5094 on knees, in other words, the proposed treatment was effective for the patients bearing fibrornyalgia, although the realization in four moths. More study with more duration time would be necessary to evidence significant improvement on the clinic picture of the patients. Keywords: fibromyalgia, patient evaluation, multi disciplinary intervention. ALAIWBERT, P.A.; MARTINEZ, J. D. Fibromialgia. Revista Médica Ana Costa, v. 8, n. 3, ARTHRITIS FOUNDATION, Fibrornialgia. Disponível em: Acesso em: 26/04/2004. MARTINEZ, J.E.; CRUZ, C.G.; ARANTA, C.; LAGOA, L. A.; BOULOS, F.C. Estudo qualitativo da percepção das pacientes sobre fibromialgia. Rev. Brasileira de Reurnatologia, v. 42, n. 1, MOREIRA, C.; CARVALHO, M.A., P. Noções práticas de reurnatologia. Belo Horizonte: Health, PINHEIRO, F. A.; BARTOLOMEU, T.; CLAÚDIO, C. Validação do questionário nórdico de sintomas osteornusculares como medida de rnorbidade. Revista de Saúde Pública, v.36, n. 3, p:307-12, 2002.

6 SHEON, R. P.; MOSKOWITZ, R.W.; GOLDBERG, V.M. Dor reumática dos tecidos moles: diagnóstico, tratamento, prevenção. Rio de Janeiro: Medsi, SOCIEDADE BRASILEIRA DE REWMATOLOGIA. Orientações gerais. Disponível em: Acesso em: 26/05/2004. Endereço - Emilia Pio - - (31) ou (33) R. Min. Ed~ic. Fís.. Viçwli. L. 11.n. 2. p. I

3. Sensação subjetiva de inflamação articular e rigidez matinal;

3. Sensação subjetiva de inflamação articular e rigidez matinal; FIBROMIALGIA E A OZONOTERAPIA O QUE É A FIBROMIALGIA? É uma doença de causa desconhecida cujo sintoma principal é dor músculo esquelética crónica generalizada acompanhada de sintomas que alteram as atividades

Leia mais

Profº André Montillo

Profº André Montillo Profº André Montillo www.montillo.com.br Definição: É a causa mais comum de dor musculoesquelética generalizada. É a enfermidade reumática mais frequente Os primeiros relatos datam de 1850, onde os pacientes

Leia mais

PROGRAMA DE CURSO. GERAL: Compreender o mecanismo das doenças reumáticas, desenvolver a avaliação ESPECÍFICOS: Introdução à Reumatologia

PROGRAMA DE CURSO. GERAL: Compreender o mecanismo das doenças reumáticas, desenvolver a avaliação ESPECÍFICOS: Introdução à Reumatologia Curso: Fisioterapia Professor: Hosana Meireles Disciplina: Reumatologia Carga Horária: 72h. Ano: 2009 Semestre: 6º PROGRAMA DE CURSO EMENTA: Semiologia, propedêutica, terapêutica fisioterápica das doenças

Leia mais

ARTIGO. Emília Pio da Silva1 Hotjana Aparecida Navarro Fernandes Vieira2 Wellington de Souza Matta3 Leandro Ruffoni4

ARTIGO. Emília Pio da Silva1 Hotjana Aparecida Navarro Fernandes Vieira2 Wellington de Souza Matta3 Leandro Ruffoni4 ARTIGO PERFIL DAS PACIENTES FIBROMIÁLGICAS ENVOLVIDAS NO ESTUDO MUCTIDISCIPLINAR EM FIBROMIALGIA COM ÊNFASE FISIOTERAPÊUTICA EM CL~NICA DE FISIOTERAPIA ORTOPEDICA E REUMATOL~GICA Emília Pio da Silva1 Hotjana

Leia mais

ASSOCIAÇÃO NACIONAL CONTRA A FIBROMIALGIA E SÍNDROME DEFADIGACRÓNICA (MYOS) APIFARMA / ASSOCIAÇÕES DE DOENTES NOTAS DE UMA PARCERIA

ASSOCIAÇÃO NACIONAL CONTRA A FIBROMIALGIA E SÍNDROME DEFADIGACRÓNICA (MYOS) APIFARMA / ASSOCIAÇÕES DE DOENTES NOTAS DE UMA PARCERIA ASSOCIAÇÃO NACIONAL CONTRA A FIBROMIALGIA E SÍNDROME DEFADIGACRÓNICA (MYOS) APIFARMA / ASSOCIAÇÕES DE DOENTES V 4 APIFARMA / ASSOCIAÇÕES DE DOENTES b) Âmbito da Associação A Myos Associação Nacional

Leia mais

Data: 20/08/2014. Resposta Técnica 01/2014. Medicamento Material Procedimento X Cobertura

Data: 20/08/2014. Resposta Técnica 01/2014. Medicamento Material Procedimento X Cobertura Resposta Técnica 01/2014 Solicitante: Dr. Renato Dresch Juiz de direito Nº Processo: 9010665.22.2014.813.0024 Ré: Unimed de Belo Horizonte Data: 20/08/2014 Medicamento Material Procedimento X Cobertura

Leia mais

Análise crítica de parâmetros de qualidade de vida de pacientes com fibromialgia

Análise crítica de parâmetros de qualidade de vida de pacientes com fibromialgia ARTIGO ORIGINAL Análise crítica de parâmetros de qualidade de vida de pacientes com fibromialgia José Eduardo Martinez * Iulo S. Barauna Filho ** Karen Kubokawa ** Isabela S. Pedreira ** Luciana A. Machado

Leia mais

Tradução para a língua portuguesa e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida SF-36 (Brasil SF-36)

Tradução para a língua portuguesa e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida SF-36 (Brasil SF-36) Rozana M. Ciconelli, Marcos B. Ferraz, Wilton Santos, Ivone Meinão, Marina R. Quaresma. Tradução para a língua portuguesa e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida SF-36 (Brasil

Leia mais

Normas de cuidados para as pessoas com artrite reumatóide

Normas de cuidados para as pessoas com artrite reumatóide Normas de cuidados para as pessoas com artrite reumatóide Tradução para: Feita por: E mail: NdC 1 As pessoas com sintomas de AR devem ter acesso atempado a um médico / profissional de saúde competente

Leia mais

Perfil de participantes do projeto Hidroterapia, exercícios aeróbios e alongamento no tratamento de portadores de fibromialgia.

Perfil de participantes do projeto Hidroterapia, exercícios aeróbios e alongamento no tratamento de portadores de fibromialgia. Perfil de participantes do projeto Hidroterapia, exercícios aeróbios e alongamento no tratamento de portadores de fibromialgia. Thamyres Rangel Mendes Barros 1, Débora Mayumi de Oliveira Kawakami 1, Jéssica

Leia mais

RESULTADOS DA HIDROTERAPIA EM QUATRO PACIENTES COM DIAGNÓSTICO DE FIBROMIALGIA AVALIADOS PELO QUESTIONÁRIO "FIBROMYALGIA IMPACT QUESTIONNAIRE" (FIQ)

RESULTADOS DA HIDROTERAPIA EM QUATRO PACIENTES COM DIAGNÓSTICO DE FIBROMIALGIA AVALIADOS PELO QUESTIONÁRIO FIBROMYALGIA IMPACT QUESTIONNAIRE (FIQ) Anuário da Produção Acadêmica Docente Vol. II, Nº. 3, Ano 2008 RESULTADOS DA HIDROTERAPIA EM QUATRO PACIENTES COM DIAGNÓSTICO DE FIBROMIALGIA AVALIADOS PELO QUESTIONÁRIO "FIBROMYALGIA IMPACT QUESTIONNAIRE"

Leia mais

Referenciação à Consulta de Reumatologia

Referenciação à Consulta de Reumatologia Referenciação à Consulta de Reumatologia O Serviço de Reumatologia do HSM é responsável pela assistência em ambulatório de doentes com patologia da sua especialidade. Contudo dada a enorme prevalência

Leia mais

AVALIAÇÃO DO RISCO DE LOMBALGIA EM TRABALHADORES ENVOLVIDOS NA ATIVIDADE DE CAPINA QUÍMICA

AVALIAÇÃO DO RISCO DE LOMBALGIA EM TRABALHADORES ENVOLVIDOS NA ATIVIDADE DE CAPINA QUÍMICA AVALIAÇÃO DO RISCO DE LOMBALGIA EM TRABALHADORES ENVOLVIDOS NA ATIVIDADE DE CAPINA QUÍMICA Emília Pio da Silva 1 ; Luciano José Minette 1 ; Amaury Paulo de Souza 1 ; Felipe Leitão da Cunha Marzano 1 ;

Leia mais

FREQUÊNCIA DE PROCURA POR ATENDIMENTO MÉDICO DECORRENTES DE LOMBALGIAS E CERVICALGIAS

FREQUÊNCIA DE PROCURA POR ATENDIMENTO MÉDICO DECORRENTES DE LOMBALGIAS E CERVICALGIAS FREQUÊNCIA DE PROCURA POR ATENDIMENTO MÉDICO DECORRENTES DE LOMBALGIAS E CERVICALGIAS RÜKERT, Tatiane Konrad 1 ; MAIA, Indiara da¹; BARBOSA, Elisa Gisélia dos Santos 2 ; THUM, Cristina Kaëfer 3 ; HANSEN,

Leia mais

Promover a qualidade de vida dos doentes e familiares com Fibromialgia e Doenças Crónicas, através do desenvolvimento de projectos que implementem a

Promover a qualidade de vida dos doentes e familiares com Fibromialgia e Doenças Crónicas, através do desenvolvimento de projectos que implementem a Promover a qualidade de vida dos doentes e familiares com Fibromialgia e Doenças Crónicas, através do desenvolvimento de projectos que implementem a criação de práticas, para a formação e desenvolvimento

Leia mais

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Dores na mandíbula e na face.

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Dores na mandíbula e na face. ODONTOLOGIA PREVENTIVA Saúde Bucal Dores na mandíbula e na face. O que é ATM? ATM significa articulação temporomandibular, que é a articulação entre a mandíbula e o crânio. Portanto, temos duas ATM, cada

Leia mais

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Semiologia Geral ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN 2016.1 Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Generalidades sobre diagnóstico e avaliação AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA EM II - Avaliação da coluna (postura) -

Leia mais

ASPECTOS GERAIS DA FIBROMIALGIA

ASPECTOS GERAIS DA FIBROMIALGIA HISTÓRICO 1904 Gowers Fibrosite 1981 Yunus Fibromialgia ASPECTOS GERAIS DA FIBROMIALGIA FIBRO fibras de tecido conjuntivo MIA músculo ALGIA dor ou condição dolorosa EPIDEMIOLOGIA CONCEITO 5% da população

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Fisioterapia em Reumatologia

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Fisioterapia em Reumatologia CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Fisioterapia em Reumatologia Código: Fisio 221 Pré-Requisito: ------- Período Letivo:

Leia mais

ECOGRAFIA MÚSCULO-ESQUELÉTICA FUNCIONAL: ESTUDO ESTÁTICO E DINÂMICO

ECOGRAFIA MÚSCULO-ESQUELÉTICA FUNCIONAL: ESTUDO ESTÁTICO E DINÂMICO ECOGRAFIA MÚSCULO-ESQUELÉTICA FUNCIONAL: ESTUDO ESTÁTICO E DINÂMICO Recurso complementar de excelência. Fisiologia e patologia do tendão, músculo, ligamento e nervo DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS DATAS

Leia mais

ABORDAGEM FISIOTERAPICA EM PACIENTES PORTADORES DE FIBROMIALGIA: EFEITO SOBRE MOBILIDADE, DOR E SONO

ABORDAGEM FISIOTERAPICA EM PACIENTES PORTADORES DE FIBROMIALGIA: EFEITO SOBRE MOBILIDADE, DOR E SONO ABORDAGEM FISIOTERAPICA EM PACIENTES PORTADORES DE FIBROMIALGIA: EFEITO SOBRE MOBILIDADE, DOR E SONO Clarice Tanaka* TANAKA, C. Abordagem fisioterápica em pacientes portadores de fibromialgia: efeito sobre

Leia mais

26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais

26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais 26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais Dr. Sandro José Martins Coordenador Geral de Atenção às Pessoas com Doenças Crônicas Diretoria de Atenção Especializada e Temática Secretaria de

Leia mais

Estudo sobre a forma de avaliação dos pacientes atendidos com indicação clínica de Fibromialgia no serviço de fisioterapia do ISECENSA

Estudo sobre a forma de avaliação dos pacientes atendidos com indicação clínica de Fibromialgia no serviço de fisioterapia do ISECENSA INSTITUTOS SUPERIORES DE ENSINO DO CENSA INSTITUTO SUPERIOR DE CINECIAS SOCIAIS APLICADAS E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA Artigo de Conclusão de Estágio I Estudo sobre a forma de avaliação dos pacientes

Leia mais

TÍTULO: OS BENEFICIOS DA HIDROTERAPIA EM PACIENTES COM FIBROMIALGIA. CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA

TÍTULO: OS BENEFICIOS DA HIDROTERAPIA EM PACIENTES COM FIBROMIALGIA. CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA 16 TÍTULO: OS BENEFICIOS DA HIDROTERAPIA EM PACIENTES COM FIBROMIALGIA. CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: UNIÃO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS

Leia mais

Incidência de dor em funcionárias do setor de Manutenção do Claretiano Centro Universitário

Incidência de dor em funcionárias do setor de Manutenção do Claretiano Centro Universitário 55 Incidência de dor em funcionárias do setor de Manutenção do Claretiano Centro Universitário Danielle da SILVEIRA 1 Matheus Raphael Guedes MORALES 2 Letícia FABBRI 3 Carmen Aparecida Malaguti BARROS

Leia mais

ANÁLISE DA DOR E QUALIDADE DE VIDA (QV) EM COSTUREIRAS DE CONFECÇOES DE PEQUENO PORTE NA CIDADE DE ERVÁLIA,

ANÁLISE DA DOR E QUALIDADE DE VIDA (QV) EM COSTUREIRAS DE CONFECÇOES DE PEQUENO PORTE NA CIDADE DE ERVÁLIA, ANÁLISE DA DOR E QUALIDADE DE VIDA (QV) EM COSTUREIRAS DE CONFECÇOES DE PEQUENO PORTE NA CIDADE DE ERVÁLIA, MG Fernanda Godinho Silva 1, Ramon Repolês 2 Resumo: Este estudo analisou a qualidade de vida,

Leia mais

Flávia Martins Gervásio¹; Caroline Soares Gonçalves²

Flávia Martins Gervásio¹; Caroline Soares Gonçalves² ANÁLISE DA INFLUÊNCIA DO TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO NA QUALIDADE DE VIDA DO PACIENTE FIBROMIÁLGICO ANALYSIS OF THE INFLUENCE OF PHYSIOTERAPY IN QUALITY OF LIFE OF FIBROMYALGIA PATIENTS Flávia Martins

Leia mais

ERGONOMIA. Prof.ª Rosana Abbud

ERGONOMIA. Prof.ª Rosana Abbud ERGONOMIA Prof.ª Rosana Abbud ERGONOMIA CIÊNCIA QUE ESTUDA A ADAPTAÇÃO DO POSTO DE TRABALHO AO HOMEM, BEM COMO A FORMA DAS FERRAMENTAS DE ACORDO COM A SUA FUNÇÃO. EXEMPLOS FORMATO DE TALHERES E ESCOVAS

Leia mais

EXIN FISIOTERAPIA

EXIN FISIOTERAPIA EXIN FISIOTERAPIA 2016.2 SÉRIE 4MA e 4MB Assuntos Avaliação do Tônus e Força Muscular. Avaliação da Marcha. Noções de Avaliação em Fisioterapia Neurológica. ADF 3 Avaliação da Coordenação e Equilíbrio.

Leia mais

Doença inflamatória da coluna vertebral podendo ou não causar artrite em articulações periféricas e inflamação em outros órgãos como o olho.

Doença inflamatória da coluna vertebral podendo ou não causar artrite em articulações periféricas e inflamação em outros órgãos como o olho. O termo reumatismo, embora consagrado, não é um termo adequado para denominar um grande número de diferentes doenças que tem em comum o comprometimento do sistema músculo-esquelético, ou seja, ossos, cartilagem,

Leia mais

Métodos de Avaliação Osteomioarticular

Métodos de Avaliação Osteomioarticular Métodos de Avaliação Osteomioarticular Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional Profa. Dra. Sílvia Maria Amado João 1. Avaliação Fisioterapêutica Anamnese (Identificação / História

Leia mais

LINHA DE CUIDADO MÚSCULO ESQUELÉTICA

LINHA DE CUIDADO MÚSCULO ESQUELÉTICA LINHA DE CUIDADO MÚSCULO ESQUELÉTICA Nome da atividade: Estágio Supervisionado em Fisioterapia em Reumatologia Tipo de atividade: Disciplina de graduação Responsáveis: Profa Jane D arc Brito Lessa Profa

Leia mais

GAMEDII HISTÓRIA EQUIPE GAMEDII AGRADECIMENTOS:

GAMEDII HISTÓRIA EQUIPE GAMEDII AGRADECIMENTOS: GAMEDII HISTÓRIA A formação de uma equipe de profissionais interessados na assistência aos pacientes portadores de doença de Crohn e retocolite ulcerativa iniciou-se em outubro de 2005. Através da equipe

Leia mais

Para: Geral AR Âmbito: Outro Nome: Joana Filipa Santos Mensagem: Petição em defesa de todos os doentes portadores de Fibromialgia

Para: Geral AR Âmbito: Outro Nome: Joana Filipa Santos Mensagem: Petição em defesa de todos os doentes portadores de Fibromialgia De: noreply@ar.parlamento.pt [mailto:noreply@ar.parlamento.pt] Enviada: segunda-feira, 21 de Março de 2016 21:11 Para: www Team Assunto: Correio do Cidadão - Petição pública

Leia mais

DESCRIÇÃO DETALHADA DAS VARIÁVEIS

DESCRIÇÃO DETALHADA DAS VARIÁVEIS EpiReumaPt Estudo Epidemiológico das Doenças Reumáticas em Portugal DESCRIÇÃO DETALHADA DAS VARIÁVEIS DADOS GERAIS 1ª fase questionário CESOP (auto-reporte) Sócio-demográficos Data de nascimento / Idade

Leia mais

FISIO. Abordagem da hidroterapia no tratamento da fibromialgia. Karollini Birelo Ferreira Pesquisadora. Luciana Akemi Matsutani Orientadora

FISIO. Abordagem da hidroterapia no tratamento da fibromialgia. Karollini Birelo Ferreira Pesquisadora. Luciana Akemi Matsutani Orientadora FISIO ISIOTERAPIA Abordagem da hidroterapia no tratamento da Karollini Birelo Ferreira Pesquisadora Luciana Akemi Matsutani Orientadora Resumo As propriedades físicas da água podem atuar no corpo em imersão

Leia mais

OS BENEFÍCIOS DA NOVA CRÂNEO ACUPUNTURA DE YAMAMOTO NO TRATAMENTO DA FIBROMIALGIA: RELATO DE CASO

OS BENEFÍCIOS DA NOVA CRÂNEO ACUPUNTURA DE YAMAMOTO NO TRATAMENTO DA FIBROMIALGIA: RELATO DE CASO ISBN 978-85-61091-05-7 V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 OS BENEFÍCIOS DA NOVA CRÂNEO ACUPUNTURA DE YAMAMOTO NO TRATAMENTO DA FIBROMIALGIA: RELATO

Leia mais

Paula Rocha Cristina Cunha Enfermeiras Especialistas de Reabilitação Hospital de Sousa Martins, ULS da Guarda, EPE. 4-dez-16

Paula Rocha Cristina Cunha Enfermeiras Especialistas de Reabilitação Hospital de Sousa Martins, ULS da Guarda, EPE. 4-dez-16 Paula Rocha Cristina Cunha Enfermeiras Especialistas de Reabilitação Hospital de Sousa Martins, ULS da Guarda, EPE 4-dez-16 Global Care - um projeto em desenvolvimento 1ª Fase Estudo da frequência das

Leia mais

Semiologia Reumatológica em Crianças

Semiologia Reumatológica em Crianças Semiologia Reumatológica em Crianças PGALS - Exame de triagem básica para problemas musculoesqueléticos em crianças na idade escolar, modificado Traduzido e adaptado de "pgals A SCREENING EXAMINATION OF

Leia mais

HIDROCINESIOTERAPIA NA FIBROMIALGIA: SÉRIE DE CASOS. PALAVRAS CHAVE: Fibromialgia; Hidroterapia; Exercícios.

HIDROCINESIOTERAPIA NA FIBROMIALGIA: SÉRIE DE CASOS. PALAVRAS CHAVE: Fibromialgia; Hidroterapia; Exercícios. Relato de Casos HIDROCINESIOTERAPIA NA FIBROMIALGIA: SÉRIE DE CASOS Samara Tanaka dos Santos Fisioterapeuta graduada no Centro Universitário de Maringá CESUMAR. E-mail: samarats@hotmail. com Ligia Maria

Leia mais

Semiologia do aparelho osteoarticular. Professor Ivan da Costa Barros

Semiologia do aparelho osteoarticular. Professor Ivan da Costa Barros Semiologia do aparelho osteoarticular Professor Ivan da Costa Barros IMPORTÂNCIA CLÍNICA 10% das consultas médicas Mais de 100 doenças Complicações não articulares Geralmente auto limitado 1 em 5 americanos

Leia mais

Exame Físico Ortopédico

Exame Físico Ortopédico TAKE HOME MESSAGES! Exame Físico Ortopédico ANAMNESE REALIZAR UMA HISTÓRIA CLÍNICA DETALHADA, LEMBRANDO QUE DETALHES DA IDENTIFICAÇÃO COMO SEXO, IDADE E PROFISSÃO SÃO FUNDAMENTAIS, POIS MUITAS DOENÇAS

Leia mais

ÍNDICE DE DOR NEUROPÁTICA EM UM GRUPO DE PACIENTES COM LESÃO MEDULAR

ÍNDICE DE DOR NEUROPÁTICA EM UM GRUPO DE PACIENTES COM LESÃO MEDULAR ÍNDICE DE DOR NEUROPÁTICA EM UM GRUPO DE PACIENTES COM LESÃO MEDULAR Beatriz Rozendo da Silva (1); Camila Maria de Souza Silva (1); Natália Ramos Diniz (2); Nayara Gomes Soares (3); Valéria Ribeiro Nogueira

Leia mais

Rua do Platão nº. 147 Zambujal São Domingos de Rana Tel Fax

Rua do Platão nº. 147 Zambujal São Domingos de Rana Tel Fax Rua do Platão nº. 147 Zambujal 2785 698 São Domingos de Rana Tel. 214 549 200 Fax. 214 549 208 E-mail: anea@anea.org.pt PONTO DE VISTA DE UMA ASSOCIAÇÃO DE DOENTES A ESPONDILITE ANQUILOSANTE, O QUE É?

Leia mais

Esta patologia ocorre quando existe um stress na epífise de crescimento próximo a área da tuberosidade tibial.

Esta patologia ocorre quando existe um stress na epífise de crescimento próximo a área da tuberosidade tibial. INTRODUÇÃO Osgood-Schlatter (OS) constitui uma doença osteo-muscular, extra articular, comum em adolescentes (esqueleto em desenvolvimento). Surge na adolescência na fase denominada estirão do crescimento.

Leia mais

TÍTULO: AUTORES: e-mail: INSTITUIÇÃO: ÁREA TEMÁTICA Objetivo Geral Objetivos Específicos Metodologia: tratamento individualizado

TÍTULO: AUTORES: e-mail: INSTITUIÇÃO: ÁREA TEMÁTICA Objetivo Geral Objetivos Específicos Metodologia: tratamento individualizado TÍTULO: PROGRAMA DE FISIOTERAPIA DO TRABALHO PROFIT LER/DORT AUTORES: Karina Duarte Souza; Ana Edite Gonçalves; Maria Aparecida Alves; Bethânia Medeiros Lopes; Gaspar de Brito Cavalcante; Adriana Araújo

Leia mais

Fisi enectus. Benefícios da hidrocinesioterapia na fibromialgia: estudo de caso. Benefits of hydrotherapy in fibromyalgia: a case study

Fisi enectus. Benefícios da hidrocinesioterapia na fibromialgia: estudo de caso. Benefits of hydrotherapy in fibromyalgia: a case study Benefícios da hidrocinesioterapia na fibromialgia: estudo de caso Benefits of hydrotherapy in fibromyalgia: a case study FisiSenectus. Unochapecó p. 96-103 Joyce Wilhelm Acadêmica do 9º semestre do curso

Leia mais

Incidência de distúrbios osteomusculares em professores de escolas públicas em Araxá/MG

Incidência de distúrbios osteomusculares em professores de escolas públicas em Araxá/MG Incidência de distúrbios osteomusculares em professores de escolas públicas em Araxá/MG Lívia Cristina Bernardes Velasco* Anderson Santos Carvalho* Resumo: A Fisioterapia, como as demais profissões da

Leia mais

EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO CLÍNICO RANDOMIZADO ALEATORIZADO

EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO CLÍNICO RANDOMIZADO ALEATORIZADO 1 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA-UnB FACULDADE DE CEILÂNDIA-FCE CURSO DE FISIOTERAPIA YASMIN SANTANA MAGALHÃES EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO

Leia mais

PROJETO FISIOTERAPIA DO TRABALHO

PROJETO FISIOTERAPIA DO TRABALHO PROJETO FISIOTERAPIA DO TRABALHO DE ALENCAR, Jerônimo Farias 1 DINIZ, Jorge Luiz Medeiros² CARDIA, Maria Claúdia Gatto 3 FREIRE, Mariana Pessoa Jacob de Miranda 4 RESUMO: As Lesões por Esforços Repetitivos

Leia mais

ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO

ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO 1 ANÁLISE DA EFICACIA DO USO DA CINESIOTERAPIA NO TRATAMENTO PÓS OPERATÓRIO DE LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR ESTUDO DE CASO MARTINS, L.C.: ANDOLFATO, K.R. Resumo: A lesão do ligamento cruzado anterior

Leia mais

Rita Tiziana Verardo Polastrini

Rita Tiziana Verardo Polastrini Rita Tiziana Verardo Polastrini Mesmo sendo universal, a dor não é sentida de modo idêntico por todas as pessoas. Nem é expressada da mesma maneira em todas as culturas. Crianças admitidas em hospitais,

Leia mais

TÍTULO: EFEITOS DA MASSOTERAPIA NAS CONCENTRAÇÕES DE SEROTONINA, NA QUALIDADE DE VIDA E NO ESTRESSE PERCEBIDO EM PACIENTES COM FIBROMIALGIA

TÍTULO: EFEITOS DA MASSOTERAPIA NAS CONCENTRAÇÕES DE SEROTONINA, NA QUALIDADE DE VIDA E NO ESTRESSE PERCEBIDO EM PACIENTES COM FIBROMIALGIA Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: EFEITOS DA MASSOTERAPIA NAS CONCENTRAÇÕES DE SEROTONINA, NA QUALIDADE DE VIDA E NO ESTRESSE

Leia mais

ANDREY ROGÉRIO CAMPOS GOLIAS(UNINGÁ)¹ JORGE LUIZ GRABOWSKI(UNINGÁ)¹

ANDREY ROGÉRIO CAMPOS GOLIAS(UNINGÁ)¹ JORGE LUIZ GRABOWSKI(UNINGÁ)¹ Perfil epidemiológico do Setor de Ortopedia da Clínica Escola de Fisioterapia da UNINGÁ ano 2006 Epidemic profile of the Section of Orthopedics of School Clinic Physiotherapy of UNINGA - year 2006 ANDREY

Leia mais

Lesão por Esforço Repetitivo (LER)

Lesão por Esforço Repetitivo (LER) Lesão por Esforço Repetitivo (LER) O que é Lesão por esforço repetitivo? Sinônimos: ler, l.e.r., lesão traumática cumulativa Denomina-se Lesão do Esforço Repetitivo ou simplesmente LER, a lesão causada

Leia mais

RESIDÊNCIA MÉDICA SUPLEMENTAR 2015 PRÉ-REQUISITO (R1) / CLÍNICA MÉDICA PROVA DISCURSIVA

RESIDÊNCIA MÉDICA SUPLEMENTAR 2015 PRÉ-REQUISITO (R1) / CLÍNICA MÉDICA PROVA DISCURSIVA RESIDÊNCIA MÉDICA SUPLEMENTAR 0 PRÉ-REQUISITO (R) / CLÍNICA MÉDICA PROVA DISCURSIVA RESIDÊNCIA MÉDICA SUPLEMENTAR 0 PRÉ-REQUISITO (R) / CLÍNICA MÉDICA PROVA DISCURSIVA ) Idosa de 8 anos, ex-tabagista (carga

Leia mais

União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil. Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária

União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil. Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária Comissão de Assuntos Sociais Senado Federal Brasília, 03 de Junho de 2015 PSORÍASE BRASIL:

Leia mais

REVISTAINSPIRAR movimento & saúde

REVISTAINSPIRAR movimento & saúde REVISTAINSPIRAR movimento & saúde Os Efeitos da Fisioterapia Aquática no Tratamento da Fibromialgia: Uma Revisão de Literatura The Effects of Aquatic Physical Therapy in the Treatment of Fibromyalgia:

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 6. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 6. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. 1 SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento 4 4 6 Etapas do Processo Seletivo Pág. 6 Matrícula 10 Cronograma de Aulas Pág.11 2 PÓS-GRADUAÇÃO EM DOR BH Unidade Dias e

Leia mais

CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DO PLANALTO DE ARAXÁ

CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DO PLANALTO DE ARAXÁ TÍTULO: REPERCUSSÕES DA HIDROTERAPIA E DA BANDAGEM ELÁSTICA FUNCIONAL NA QUALIDADE DE VIDA E FUNCIONALIDADE DE INDIVÍDUOS COM QUADRO CLÍNICO DE LOMBALGIA CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Leia mais

Universidade de São Paulo

Universidade de São Paulo Universidade de São Paulo Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Departamento de Medicina Social Maria Angélica de Figueiredo Campos PERCEPÇÃO E AVALIAÇÃO DOS ALUNOS DO CURSO DE MEDICINA DE UMA ESCOLA

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM /

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / ECOGRAFIA MúSCULO-ESQUELéTICA (JAN 2015) - LISBOA A Ecografia é uma técnica extremamente útil no diagnóstico e avaliação músculo-esquelética, permitindo acompanhar de forma objetiva a evolução da lesão,

Leia mais

Doenças Reumáticas dos Tecidos Moles

Doenças Reumáticas dos Tecidos Moles Doenças Reumáticas dos Tecidos Moles Doenças Reumáticas dos Tecidos Moles DEFINIÇÃO Grupo de afecções reumáticas em que o distúrbio musculoesquelético se restringe aos tecidos moles ou periarticulares,

Leia mais

Programa de Promoção à Saúde e Prevenção

Programa de Promoção à Saúde e Prevenção Programa de Promoção à Saúde e Prevenção Clínica da Dor: Coluna o Alicerce do seu Dia Verônica Graziella da Silva Fisioterapeuta Responsável Registro ANS 41362 Introdução A clínica da dor consiste em atender

Leia mais

FISIOTERAPIA NEUROMUSCULOESQUELÉTICA Código Interno: 100

FISIOTERAPIA NEUROMUSCULOESQUELÉTICA Código Interno: 100 RESIDÊNCIA SAÚDE 0 UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO FISIOTERAPIA NEUROMUSCULOESQUELÉTICA Código Interno: 00 Você recebeu o seguinte material: - Um CADERNO DE QUESTÕES constituído de cinco questões

Leia mais

FISIOTERAPIA PEDIÁTRICA

FISIOTERAPIA PEDIÁTRICA FISIOTERAPIA PEDIÁTRICA A Fisioterapia Pediátrica é o ramo da Fisioterapia que utiliza uma abordagem com base em técnicas neurológicas e cardiorrespiratórias especializadas, buscando integrar os objetivos

Leia mais

DISTÚRBIOS OSTEOMUSCULARES RELACIONADOS AO TRABALHO NO FISIOTERAPEUTA

DISTÚRBIOS OSTEOMUSCULARES RELACIONADOS AO TRABALHO NO FISIOTERAPEUTA 60 DISTÚRBIOS OSTEOMUSCULARES RELACIONADOS AO TRABALHO NO FISIOTERAPEUTA Cristiany Garcia de Deus*; Edilene Gonçalves de Sales*; Elisiane Tonon*; ÉrikaTonon* Christiane Pereira Mello Munhos** Hélio Vidrich

Leia mais

FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL

FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL EMENTA FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL DISCIPLINA: Bases Anatômicas e Biomecânicas I ( Membros Superiores) EMENTA: Estudo da anatomobiomecânica das articulações dos membros superiores

Leia mais

Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG

Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG Da Consulta Trate-se do questionamento abaixo, acerca do RPG: - Conceituar Método/Técnica

Leia mais

A brincadeira continua.

A brincadeira continua. A brincadeira continua. Produtos especialmente concebidos para crianças. medi. I feel better. medi ortopedia A solução de qualidade para os seus requisitos em termos de suportes e ortóteses especialmente

Leia mais

Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia

Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia Mirtazapina é Indicada para o Tratamento de Fibromialgia Melhora a Qualidade de Vida dos Pacientes Diminui a Dor Musculoesquelética Beneficia a Qualidade do Sono Reduz a Incapacidade Relacionada à Doença

Leia mais

DISCIPLINA: FISIOTERAPIA EM UROGINECOLOGIA, OSBTETRÍCIA E MASTOLOGIA EMENTA:

DISCIPLINA: FISIOTERAPIA EM UROGINECOLOGIA, OSBTETRÍCIA E MASTOLOGIA EMENTA: VII PERÍODO DISCIPLINA: FISIOTERAPIA EM UROGINECOLOGIA, OSBTETRÍCIA E MASTOLOGIA EMENTA: Estudo da anatomia do aparelho genital feminino, fisiologia do ciclo menstrual, disfunção do ciclo menstrual. Doenças

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL unesp UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA CAMPUS DE MARÍLIA Faculdade de Filosofia e Ciências PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 UNIDADE UNIVERSITÁRIA: Faculdade de Filosofia e Ciências CURSO: Fisioterapia

Leia mais

Bursite Tem Cura? Causas, Tratamentos e Dicas Seg, 17 de Julho de :49 - Última atualização Seg, 17 de Julho de :53

Bursite Tem Cura? Causas, Tratamentos e Dicas Seg, 17 de Julho de :49 - Última atualização Seg, 17 de Julho de :53 Ao longo dos últimos anos, houve um aumento expressivo dos casos de pessoas que sofrem com problemas relacionados às dores articulares. As lesões causadas por esforços repetitivos fazem parte dos problemas

Leia mais

DOR CRÓNICA MIOFASCIAL E SENSIBILIZAÇÃO ESPINAL SEGMENTÁRIA. INTEGRAÇÃO DA MATRIZ DA DOR E NOVAS ESTRATÉGIAS DE TRATAMENTO

DOR CRÓNICA MIOFASCIAL E SENSIBILIZAÇÃO ESPINAL SEGMENTÁRIA. INTEGRAÇÃO DA MATRIZ DA DOR E NOVAS ESTRATÉGIAS DE TRATAMENTO DOR CRÓNICA MIOFASCIAL E SENSIBILIZAÇÃO ESPINAL SEGMENTÁRIA. INTEGRAÇÃO DA MATRIZ DA DOR E NOVAS ESTRATÉGIAS DE TRATAMENTO Punção Seca Segmentária. Com médico de Harvard Medical School (EUA). Avanços científicos.

Leia mais

TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO EM PACIENTES COM PARALISIA CEREBRAL

TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO EM PACIENTES COM PARALISIA CEREBRAL TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO EM PACIENTES COM PARALISIA CEREBRAL LIMA,Sue Helen Domingues de Andrade Discente da Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva CONTENÇAS, Thaís Santos Docente da Faculdade

Leia mais

Será a Justiça Fibromialgica? José Claudio dos Reis

Será a Justiça Fibromialgica? José Claudio dos Reis 2 Será a Justiça Fibromiálgica? Identificando pontos de sensibilidade Londrina 2017 3 Copyright by Será a Justiça Fibromialgica? Projeto Gráfico: Capa: Samuel de Castro Santana Revisão de Português: Francisco

Leia mais

ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM FIBROMIALGIA: ESTUDO DE CASO

ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM FIBROMIALGIA: ESTUDO DE CASO UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE FISIOTERAPIA ANALICE DE SOUZA LEAL ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM FIBROMIALGIA:

Leia mais

Revista Árvore ISSN: Universidade Federal de Viçosa Brasil

Revista Árvore ISSN: Universidade Federal de Viçosa Brasil Revista Árvore ISSN: 0100-6762 r.arvore@ufv.br Universidade Federal de Viçosa Brasil Pio Silva, Emília; Minette, Luciano José; Petean Sanches, Andre Luiz; de Souza, Amaury Paulo; Luis Silva, Fabiano; Caldas

Leia mais

Sumário Detalhado. PARTE I Gerenciamento de riscos 21. PARTE II Patologia da lesão esportiva 177. Capítulo 4 Equipamento de proteção 116

Sumário Detalhado. PARTE I Gerenciamento de riscos 21. PARTE II Patologia da lesão esportiva 177. Capítulo 4 Equipamento de proteção 116 Sumário Detalhado PARTE I Gerenciamento de riscos 21 Capítulo 1 Técnicas de condicionamento 22 A relação entre os fisioterapeutas esportivos e os preparadores físicos 23 Princípios do condicionamento 23

Leia mais

PERFIL DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE A FIBROMIALGIA

PERFIL DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE A FIBROMIALGIA PERFIL DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE A FIBROMIALGIA INTRODUÇÃO MARIANA BLEYER DE FARIA HEILIANE DE BRITO FONTANA MARCELO BITTENCOURT NEIVA DE LIMA Universidade do Estado de

Leia mais

SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS INTEGRADAS DA UNAERP CAMPUS GUARUJÁ Espondilite anquilosante: revisão da literatura

SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS INTEGRADAS DA UNAERP CAMPUS GUARUJÁ Espondilite anquilosante: revisão da literatura SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS INTEGRADAS DA UNAERP CAMPUS GUARUJÁ Espondilite anquilosante: revisão da literatura Ariellen domiciano ariellendomiciano@hotmail.com Carolina da conceição rosa Discente

Leia mais

H - LE L R E /D / OR O T

H - LE L R E /D / OR O T Histórico - LER/DORT Doenças Ocupacionais 1700 - Ramazzini - Pai da Medicina do trabalho - "doença dos escribas e notórios". 1920 - Doença das tecelãs (1920) 1965 - Doença das lavadeiras Década de 80 Universalização

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 8:40 às 13:30 Tarde - 14:30 às 19:00

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 8:40 às 13:30 Tarde - 14:30 às 19:00 QUIROPRAXIA - TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL (NOV 2016) - LISBOA A Quiropraxia é uma técnica de terapia manual, eficaz, segura e com reconhecimento científico, baseada na manipulação do corpo humano com

Leia mais

TÍTULO: ESTUDO ERGONÔMICO DA POSTURA SENTADA EM COLABORADORAS DE UMA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO.

TÍTULO: ESTUDO ERGONÔMICO DA POSTURA SENTADA EM COLABORADORAS DE UMA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO. TÍTULO: ESTUDO ERGONÔMICO DA POSTURA SENTADA EM COLABORADORAS DE UMA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO. CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE JAGUARIÚNA

Leia mais

TÍTULO: ESTUDO COMPARATIVO ENTRE AURICULOTERAPIA E CINESIOTERAPIA EM PACIENTES COM CEFELEIA TENSIONAL

TÍTULO: ESTUDO COMPARATIVO ENTRE AURICULOTERAPIA E CINESIOTERAPIA EM PACIENTES COM CEFELEIA TENSIONAL Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: ESTUDO COMPARATIVO ENTRE AURICULOTERAPIA E CINESIOTERAPIA EM PACIENTES COM CEFELEIA TENSIONAL

Leia mais

SUMÁRIO SOBRE A FEBRASGO 4 O QUE É 5 SINTOMAS 6 DIAGNÓSTICO 7 TRATAMENTO 8 ENTENDA A ENDOMETRIOSE 9 ENDOMETRIOSE E INFERTILIDADE

SUMÁRIO SOBRE A FEBRASGO 4 O QUE É 5 SINTOMAS 6 DIAGNÓSTICO 7 TRATAMENTO 8 ENTENDA A ENDOMETRIOSE 9 ENDOMETRIOSE E INFERTILIDADE ENDOMETRIOSE 1 SUMÁRIO SOBRE A FEBRASGO 4 O QUE É 5 SINTOMAS 6 DIAGNÓSTICO 7 TRATAMENTO 8 ENTENDA A ENDOMETRIOSE 9 ENDOMETRIOSE E INFERTILIDADE 10 ENDOMETRIOSE NA ADOLESCÊNCIA 11 3 SOBRE A FEBRASGO A

Leia mais

A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM MARCAPASSO.¹. Roberta Rita Souza Neves²; Isabel Cristina Silva³

A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM MARCAPASSO.¹. Roberta Rita Souza Neves²; Isabel Cristina Silva³ 50 A QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM MARCAPASSO.¹ Roberta Rita Souza Neves²; Isabel Cristina Silva³ Resumo: Introdução: A Qualidade de vida é um parâmetro de avaliação em varias áreas, baseada no contexto

Leia mais

INCIDÊNCIA DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES EM FOTÓGRAFOS DA CIDADE DE TERESINA-PI

INCIDÊNCIA DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES EM FOTÓGRAFOS DA CIDADE DE TERESINA-PI INCIDÊNCIA DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES EM FOTÓGRAFOS DA CIDADE DE TERESINAPI Diego Rodrigues Pessoa, Diego Pereira Barros ; Lívia Danyelle Viana Lima, Rosana Maria Nogueira Gonçalves Soares 3 ; Janaína

Leia mais

Avaliação Fisioterapêutica do Ombro

Avaliação Fisioterapêutica do Ombro Avaliação Fisioterapêutica do Ombro Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional-FMUSP Profa. Dra. Sílvia Maria Amado João 1. Anatomia Aplicada Articulação Esternoclavicular: Artic.

Leia mais

DIFERENÇA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES ATIVAS E SEDENTÁRIAS COM SÍNDROME DE FIBROMIALGIA

DIFERENÇA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES ATIVAS E SEDENTÁRIAS COM SÍNDROME DE FIBROMIALGIA DIFERENÇA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES ATIVAS E SEDENTÁRIAS COM SÍNDROME DE FIBROMIALGIA Márcia de Oliveira Emerson Coelho Guilherme Tucher Resumo O estudo avaliou a diferença na qualidade de vida

Leia mais

O PERFIL DOS ODONTÓLOGOS DA CIDADE DE TUBARÃO-SC, DE PACIENTES COM DISFUNÇÃO NA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR (ATM) PARA TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO

O PERFIL DOS ODONTÓLOGOS DA CIDADE DE TUBARÃO-SC, DE PACIENTES COM DISFUNÇÃO NA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR (ATM) PARA TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO 0 O PERFIL DOS ODONTÓLOGOS DA CIDADE DE TUBARÃO-SC, DE PACIENTES COM DISFUNÇÃO NA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR (ATM) PARA TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO Juliana Brongholi 1 Ralph Fernando Rosas 2 RESUMO

Leia mais

MODELO FORMATIVO Curso. Manhã - 09h00 às 13h00 Tarde - 14h00 às 18h00 INVESTIMENTO. COMO CHEGAR De autocarro: 205 paragem Monte dos Burgos FORMADOR

MODELO FORMATIVO Curso. Manhã - 09h00 às 13h00 Tarde - 14h00 às 18h00 INVESTIMENTO. COMO CHEGAR De autocarro: 205 paragem Monte dos Burgos FORMADOR TERAPIA MANUAL DESPORTIVA (MAI 2016) - PORTO "Terapia Manual Desportiva" é uma formação marcada por uma focalização profunda no processo de raciocínio clínico e que pretende dotar o fisioterapeuta de ferramentas

Leia mais

FIBROMIALGIA E EXERCÍCIO

FIBROMIALGIA E EXERCÍCIO FIBROMIALGIA E EXERCÍCIO Roberta do Amaral Bredariol Educadora Física Maringá-Pr. E-mail: Célia Regina de Godoy Gomes Docente de Anatomia Humana do Departamento de Ciências Morfofisiológicas da Universidade

Leia mais

AS RELAÇÕES CLÍNICAS E A PREVALÊNCIA DE DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR EM PACIENTES FIBROMIÁLGICOS

AS RELAÇÕES CLÍNICAS E A PREVALÊNCIA DE DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR EM PACIENTES FIBROMIÁLGICOS AS RELAÇÕES CLÍNICAS E A PREVALÊNCIA DE DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR EM PACIENTES FIBROMIÁLGICOS RELATIONS CLINICAL AND PREVALENCE OF DYSFUNCTION IN PATIENTS TEMPOROMANDIBULAR FIBROMYALGIA Letícia Kappes

Leia mais

Seminário Nacional Unimed de Medicina Preventiva

Seminário Nacional Unimed de Medicina Preventiva Seminário Nacional Unimed de Medicina Preventiva - 2009 Programa de Reabilitação Pulmonar Rosângela H. Araújo Santos Divisão Cooperados Total: 838 0,04% Gerência Executiva da Assistência e Promoção à Saúde

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE GERIATIA E GERONTOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE GERIATIA E GERONTOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE GERIATIA E GERONTOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA DENISE BASTIANI EFICÁCIA DE UM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS DOMICILIARES

Leia mais

UC-II : Tratamento Efetivo na Osteoartrite Novo Colágeno Reduz em 33% a Dor em Pacientes com Osteoartrite Superior ao Tratamento com Condroitina e

UC-II : Tratamento Efetivo na Osteoartrite Novo Colágeno Reduz em 33% a Dor em Pacientes com Osteoartrite Superior ao Tratamento com Condroitina e UC-II : Tratamento Efetivo na Osteoartrite Novo Colágeno Reduz em 33% a Dor em Pacientes com Osteoartrite Superior ao Tratamento com Condroitina e Glucosamina Promove a Reposição de Colágeno das Articulações

Leia mais

Conheça algumas doenças tipicamente femininas

Conheça algumas doenças tipicamente femininas Uol - SP 03/12/2014-11:51 Conheça algumas doenças tipicamente femininas Da Redação ANSIEDADE: este transtorno mental é caracterizado por preocupações, tensões ou medos exagerados, sensação contínua de

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM /

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / ECOGRAFIA MúSCULO-ESQUELéTICA (MAR 2016) PORTO Pelo seu importante contributo no diagnóstico e processo terapêutico, pela valorização por parte de qualquer paciente, a Ecografia Músculo-esquelética tem

Leia mais