Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional"

Transcrição

1 Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional Maio 2015 As informações contidas neste documento são de propriedade do CPqD. Este documento ou suas informações não podem ser copiados, reproduzidos, destacados, transferidos, reduzidos em qualquer forma, transmitidos ou publicamente revelados por qualquer meio, eletrônico ou não, sem a permissão do CPqD.

2 Ameaça x Oportunidade Como proteger a receita diante de ameaças regulatórias em tempos de crise econômica?

3 Impactos da ameaça regulatória Sistema contábil e Infraestrutura Custo Tecnológico Maior complexidade dos processos Custo Operacional Instituidor do Arranjo Depósito Compulsório Custo Financeiro

4 Modelo Conceitual do Negócio Arranjos de Pagamento Instituidor do Arranjo Camada de Canais de Relacionamento Dispositivo de pagamento: Cartões, Tags, Smartphones Objetos Vestíveis Canais Eletrônicos Contact Center Estabelecimentos Credenciados Estrutura Organizacional Camada de Produtos Camada de Processos Normas Políticas Regras de Negócio Camada de Sistemas Transacionais Camada de Infraestrutura Produtos Operacionais e Atendimento Servidores Redes Data Centers Administrativos Outros Componentes

5 Modelo Conceitual do Negócio Arranjos de Pagamento Instituidor do Arranjo Custo Financeiro Camada de Canais de Relacionamento Custo Operacional Dispositivo de pagamento: Cartões, Tags, Smartphones Objetos Vestíveis Estrutura Organizacional Custo Operacional Camada de Produtos Canais Eletrônicos Contact Center Estabelecimentos Credenciados Camada de Processos Tecnológico Normas Políticas Regras de Negócio Camada de Sistemas Transacionais Camada de Infraestrutura Produtos Operacionais e Atendimento Custo Servidores Redes Data Centers Administrativos Outros Componentes Custo Tecnológico

6 Novas abordagens Para arranjos já em operação, é imprescindível ampliar serviços para garantir receitas. Para os novos, é necessário um novo posicionamento.

7 Potencial de mercado 75% da classe C usa dinheiro nas transações 40% da população não tem conta em banco 85%da população possui celular, sendo 86% pré-pagos Fontes: Bacen; Cetic.br

8 Traga a oportunidade para o seu negócio CONSUMIDOR VAREJO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA compra financiamento

9 Traga a oportunidade para o seu negócio CONSUMIDOR ARRANJO DE PAGAMENTO VAREJO compra e financiamento financiamento Controle e informação do comportamento de gasto de uma classe fora do radar dos bancos

10 De onde virá a rentabilidade: Aumentar / Garantir Receitas Reduzir custo de operação Aumentar / Aceitar mais transações Aumentar a percepção de segurança na experiência do usuário Reduzir Perdas Lançamento de síntese agradável para interação com clientes Reduzir atritos com clientes

11 Caminhos a explorar Tecnologia e Segurança da Informação Monitoramento e Prevenção a Fraudes e Lavagem de Dinheiro Otimização de processos Business Analytics

12 Caminhos a explorar Tecnologia e Segurança da Informação Compliance com normas Bacen, ISO etc Elaborar plano de continuidade de negócios e recuperação de desastres Revisar as medidas de segurança e de sigilo de dados, especialmente depois da ocorrência Realizar testes de intrusão que assegurem a robustez e a efetividade das medidas de segurança de dados adotadas Segregar funções nos ambientes de TI Estabelecer políticas de governança

13 Caminhos a explorar Processos de prevenção a fraude Processos ITIL Processos de gestão de segurança Processos para assegurar que todas as transações de pagamento possam ser adequadamente rastreadas Implantar sistema de controles internos Eficiência da operação Otimização de processos

14 Caminhos a explorar Monitoramento e Prevenção a Fraudes e Lavagem de Dinheiro Segurança e controle contínuos e em tempo real Mecanismos de monitoramento e de autorização das transações de pagamento, com o objetivo de prevenir fraudes, detectar e bloquear transações suspeitas Inteligência para detectar transações consideradas de alto risco Notificação ao portador acerca de eventual transação de risco Regras de Prevenção à Lavagem de Dinheiro Correlação de eventos multicanal

15 Caminhos a explorar Construir conhecimento sobre público não bancarizado Elaborar a modelagem do comportamento do gasto do portador Obter score de risco de fraude da operação Calcular score do risco de crédito Reduzir atrito com portador Business Analytics Maior aprovação de transações

16 Como acelerar os resultados: Parceiros experientes Conhecimentos em sinergia Compromisso com resultado Garantia das melhores práticas e ferramentas de mercado Integração efetiva entre tecnologia e negócio Acompanhamento do início ao fim do projeto

17 CPqD Maior centro de pesquisa da América Latina COLABORADORES 36% PÓS-GRADUADOS R$ 300 MI DE RECEITA 1º lugar NACIONAL 429 PROCESSOS DE PATENTES NACIONAIS 178 INTERNACIONAIS NÍVEL III CMMI

18 Nossas referências

19 CPqD Viabilizando novas oportunidades para seu negócio com segurança.

20 Obrigado! Alexandre Gomes

Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador

Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador 25 de Abril de 2014 1 Somos uma consultoria especializada em Varejo

Leia mais

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301.

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301. REQUISIÇÃO DE PROPOSTA Esta Requisição de Proposta foi elaborada pela Gerência de Segurança Empresarial - GESEM da Cartão BRB e tem como objetivo fornecer aos interessados as especificações do objeto abaixo,

Leia mais

EMV ESSENCIAL PARA NEGÓCIOS

EMV ESSENCIAL PARA NEGÓCIOS EMV ESSENCIAL PARA NEGÓCIOS A Argotechno traz ao mercado brasileiro o melhor da educação profissional para o conhecimento e aplicação da norma EMV. São cursos e workshops sobre as abordagens mais utilizadas

Leia mais

Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional

Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional Seminário de Segurança da Informação 2014 Painel "A dinâmica do cenário de ameaças à rede interna frente a um contexto GRC e às novas ferramentas

Leia mais

CONTEÚDO O NEGÓCIO DE PAGAMENTOS E A IMPORTÂNCIA DA

CONTEÚDO O NEGÓCIO DE PAGAMENTOS E A IMPORTÂNCIA DA EMV PARA EXECUTIVOS A Argotechno traz ao mercado brasileiro o melhor da educação profissional para o conhecimento e aplicação da norma EMV. São cursos e workshops sobre as abordagens mais utilizadas em

Leia mais

MBA Gestão de Riscos Financeiros, Corporativos e Compliance EMENTAS DISCIPLINAS

MBA Gestão de Riscos Financeiros, Corporativos e Compliance EMENTAS DISCIPLINAS MBA Gestão de Riscos Financeiros, Corporativos e Compliance EMENTAS DISCIPLINAS ESTRUTURA DO PROGRAMA O MBA Gestão de Riscos Financeiros, Corporativos e Compliance é composto pelas seguintes disciplinas,

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação 29 de janeiro 2014 Define, em nível estratégico, diretivas do Programa de Gestão de Segurança da Informação. ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 PÚBLICO ALVO... 3 3 RESPONSABILIDADES

Leia mais

IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS

IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS Resumo da solução RESUMO As novas ameaças de segurança exigem uma nova abordagem ao gerenciamento de segurança. As equipes de segurança precisam de uma

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.681, DE 4 DE NOVEMBRO DE 2013

CIRCULAR Nº 3.681, DE 4 DE NOVEMBRO DE 2013 CIRCULAR Nº 3.681, DE 4 DE NOVEMBRO DE 2013 Dispõe sobre o gerenciamento de riscos, os requerimentos mínimos de patrimônio, a governança de instituições de pagamento, a preservação do valor e da liquidez

Leia mais

Ampla visão corporativa

Ampla visão corporativa Ampla visão corporativa Sobre a DTS Latin America Uma das principais provedoras em alta tecnologia e negócio com atuação na América Latina. Desenvolvemos projetos inovadores para nossos clientes, em diversas

Leia mais

GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com

GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com Conceito Com base nas definições podemos concluir que: Governança de de TI TI busca o compartilhamento de de decisões de de TI TI com os os demais dirigentes

Leia mais

* Dados referentes ao PIB estimado para o ano de 2014

* Dados referentes ao PIB estimado para o ano de 2014 A Cielo é uma credenciadora de pagamentos eletrônicos. Talvez você a conheça pelas suas máquinas de cartão, presentes no comércio de Norte a Sul do Brasil. Essa é mesmo a função primordial da companhia:

Leia mais

RISCOS E FRAUDES CORPORATIVOS

RISCOS E FRAUDES CORPORATIVOS agenda 5ª Edição RISCOS E FRAUDES CORPORATIVOS Prevenção de Faudes Corporativas D 10 de Dezembro? Hotel Staybridge São Paulo W Mantenha os seus pertences à vista. A Corpbusiness não se responsabiliza por

Leia mais

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Aldo Albuquerque 20 anos de experiência na área de TI, 15 deles relacionados à segurança da informação

Leia mais

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Senado Federal 23.jun.2009

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Senado Federal 23.jun.2009 Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento Senado Federal 23.jun.2009 O que representa a indústria de cartões... 38 bancos emissores 500 milhões de plásticos e 5,5 bi de transações mais de 60% dos domicílios

Leia mais

BIG DATA Armazenamento e Gerenciamento de grandes volumes de dados

BIG DATA Armazenamento e Gerenciamento de grandes volumes de dados BIG DATA Armazenamento e Gerenciamento de grandes volumes de dados Carlos Marques Business Development Manager, Data Connectivity and Integration Latin America & Caribbean Market (CALA) O que veremos hoje?

Leia mais

Avenida Presidente Wilson, 231 11 andar 20030-905 Rio de Janeiro- RJ ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL

Avenida Presidente Wilson, 231 11 andar 20030-905 Rio de Janeiro- RJ ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL MARÇO, 2015 ÍNDICE OBJETIVO 3 ESCOPO 3 DEFINIÇÕES Risco Inerente 4 DEFINIÇÕES Risco Operacional 4 DEFINIÇÕES Evento de Risco Operacional 4 FUNÇÕES E RESPONSABILIDADES

Leia mais

Metodologia para Análise de Maturidade de Governança de TI. Soluções em Gestão e TI que adicionam valor aos negócios

Metodologia para Análise de Maturidade de Governança de TI. Soluções em Gestão e TI que adicionam valor aos negócios Metodologia para Análise de Maturidade de Governança de TI Soluções em Gestão e TI que adicionam valor aos negócios Garanta a eficiência e a competitividade da sua empresa Análise de Maturidade de Governança

Leia mais

18/08/2015. Governança Corporativa e Regulamentações de Compliance. Gestão e Governança de TI. Governança Corporativa. Governança Corporativa

18/08/2015. Governança Corporativa e Regulamentações de Compliance. Gestão e Governança de TI. Governança Corporativa. Governança Corporativa Gestão e Governança de TI e Regulamentações de Compliance Prof. Marcel Santos Silva A consiste: No sistema pelo qual as sociedades são dirigidas, monitoradas e incentivadas, envolvendo o relacionamento

Leia mais

Resumo. Julho de 2013. documento

Resumo. Julho de 2013. documento documento Abrindo novas portas para o sucesso das cobranças Saiba como as organizações de cobranças de todo o mundo acompanham o ritmo dos clientes móveis e das prioridades de pagamentos em mudança Julho

Leia mais

I. PROGRAMA GLOBAL DE COMPLIANCE

I. PROGRAMA GLOBAL DE COMPLIANCE POLÍTICA DE COMPLIANCE Revisado em Março de 2013 I. PROGRAMA GLOBAL DE COMPLIANCE A The Warranty Group, Inc. (corporação) e suas empresas subsidiárias têm o compromisso de realizar seus negócios de modo

Leia mais

Campanha da Política de Segurança da Informação. Antonio Rangel arangel@modulo.com.br

Campanha da Política de Segurança da Informação. Antonio Rangel arangel@modulo.com.br Campanha da Política de Segurança da Informação Antonio Rangel arangel@modulo.com.br Um Caso Real Gestão de Riscos, Implementação de Controles, Correção, Plano de Contingência, Workflow, Gestão, Auditoria,

Leia mais

Amway - Política de privacidade

Amway - Política de privacidade Amway - Política de privacidade Esta Política de Privacidade descreve como a Amway Brasil e determinadas filiadas, inclusive a Amway América Latina (conjuntamente Amway ) utilizam dados pessoais coletados

Leia mais

A gestão de risco, no topo da agenda

A gestão de risco, no topo da agenda A gestão de risco, no topo da agenda 4 KPMG Business Magazine Ambiente de incertezas e estagnação econômica traz novos desafios em GRC O gerenciamento de riscos permanece no topo da agenda corporativa

Leia mais

Como Vender Mais sem Gastar Mais Processos e Funcionalidades

Como Vender Mais sem Gastar Mais Processos e Funcionalidades Como Vender Mais sem Gastar Mais Processos e Funcionalidades Meet Magento 2014 22/10/14 Experiencia do usuário em relação ao pagamento Facilite as coisas para que seu cliente possa comprar com você! 22/10/14

Leia mais

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos APTRA PASSPORT DA NCR Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos Uma maneira melhor para os seus clientes depositarem cheques Bancos e instituições financeiras continuam a enfrentar os desafios

Leia mais

Governança Corporativa. A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial.

Governança Corporativa. A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial. Governança Corporativa A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial. A virtualização dos negócios tem impactado diretamente a condição de fazer negócio, conferindo

Leia mais

Alavancando a segurança a partir da nuvem

Alavancando a segurança a partir da nuvem Serviços Globais de Tecnologia IBM White Paper de Liderança em Pensamento Serviços de Segurança IBM Alavancando a segurança a partir da nuvem O quem, o que, quando, por que e como dos serviços de segurança

Leia mais

EMV PARA ADQUIRENTES

EMV PARA ADQUIRENTES EMV PARA ADQUIRENTES A Argotechno traz ao mercado brasileiro o melhor da educação profissional para o conhecimento e aplicação da norma EMV. São cursos e workshops sobre as abordagens mais utilizadas em

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO OUROCARD PRÉ-PAGO RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S.A - CORRENTISTAS PESSOAS FÍSICAS

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO OUROCARD PRÉ-PAGO RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S.A - CORRENTISTAS PESSOAS FÍSICAS CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO OUROCARD PRÉ-PAGO RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S.A - CORRENTISTAS PESSOAS FÍSICAS Pelo presente contrato, o BANCO DO BRASIL S.A., com sede em Brasília

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 727, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014 R E S O L U Ç ÃO:

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 727, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014 R E S O L U Ç ÃO: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 727, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014 Institui a Política de Segurança da Informação e Comunicações da Universidade Federal

Leia mais

O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF

O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF Apresentação para Clientes Barueri, Julho de 2012 Esta apresentação é para uso exclusivo do cliente. Nenhuma de suas partes pode ser veiculada, transcrita ou

Leia mais

Código de prática para a gestão da segurança da informação

Código de prática para a gestão da segurança da informação Código de prática para a gestão da segurança da informação Edição e Produção: Fabiano Rabaneda Advogado, professor da Universidade Federal do Mato Grosso. Especializando em Direito Eletrônico e Tecnologia

Leia mais

Pág. 3 de 7 EMV PARA EMISSORES

Pág. 3 de 7 EMV PARA EMISSORES EMV PARA EMISSORES A Argotechno traz ao mercado brasileiro o melhor da educação profissional para o conhecimento e aplicação da norma EMV. São cursos e workshops sobre as abordagens mais utilizadas em

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

Governança de TI UNICAMP 13/10/2014. Edson Roberto Gaseta

Governança de TI UNICAMP 13/10/2014. Edson Roberto Gaseta Governança de TI UNICAMP 13/10/2014 Edson Roberto Gaseta Fundação CPqD Instituição brasileira focada em inovação Experiência em projetos de TI e de negócios Desenvolvimento de tecnologia nacional Modelo

Leia mais

Conceitos de segurança da informação. Prof. Nataniel Vieira nataniel.vieira@gmail.com

Conceitos de segurança da informação. Prof. Nataniel Vieira nataniel.vieira@gmail.com Conceitos de segurança da informação Prof. Nataniel Vieira nataniel.vieira@gmail.com Introdução A infraestrutura de rede, os serviços e dados contidos nos computadores ligados a ela são bens pessoais,

Leia mais

SUPERVISÃO COOPERATIVA Acompanhamento Indireto, acompanhamento dos planos, auditoria e comunicação

SUPERVISÃO COOPERATIVA Acompanhamento Indireto, acompanhamento dos planos, auditoria e comunicação SUPERVISÃO COOPERATIVA Acompanhamento Indireto, acompanhamento dos planos, auditoria e comunicação 1 Acompanhamento Indireto Tratamento das informações Análise intrínseca, evolutiva e comparativa Processos

Leia mais

PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA

PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA PORTIFÓLIO DE CONSULTORIA E ASSESSORIA SUMÁRIO DE PROJETOS WORKFLOW... 03 ALINHAMENTO ESTRATÉGICO... 04 IDENTIDADE CORPORATIVA... 04 GESTÃO DE COMPETÊNCIAS... 05 TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO... 05 REMUNERAÇÃO...

Leia mais

Gerência de Projetos de Software Modelos de gerência. CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR

Gerência de Projetos de Software Modelos de gerência. CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR Modelos de gerência CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR Modelo de maturidade: CMM CMM (Capability Maturity Model) é um modelo subdividido em 5 estágios

Leia mais

Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data

Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data GUGST Maio 2014 Alexandre Campos Silva IDC Brazil Consulting Director (11) 5508 3434 - ( (11) 9-9292-2414 Skype: AlexandreCamposSilva Twitter: @xandecampos

Leia mais

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009 Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009 Agenda Estrutura do Mercado de Cartões Principais Números da Indústria de Cartões no Brasil Situação Atual da Indústria

Leia mais

Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I.

Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I. Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I. Para mais informações participe dos seminários online sobre compliance, acesse www.ca.com/br/compliance ou

Leia mais

NÃO DEIXE A FRAUDE ON-LINE ATRAPALHAR SEUS NEGÓCIOS SIMPLIFIQUE

NÃO DEIXE A FRAUDE ON-LINE ATRAPALHAR SEUS NEGÓCIOS SIMPLIFIQUE NÃO DEIXE A FRAUDE ON-LINE ATRAPALHAR SEUS NEGÓCIOS SIMPLIFIQUE A GESTÃO DE PAGAMENTO WWW.CYBERSOURCE.COM BRASIL@CYBERSOURCE.COM COMO SER MAIS EFICIENTE, RÁPIDO E SEGURO PARA QUE OS CLIENTES PREFIRAM COMPRAR

Leia mais

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Fernando Bittar Diretor de Novos Negócios ITM IT Management Contexto do Mercado de Cloud Computing

Leia mais

Arranjos de Pagamento SEMARC 2014. Brasília, 4 de agosto de 2014

Arranjos de Pagamento SEMARC 2014. Brasília, 4 de agosto de 2014 Arranjos de Pagamento SEMARC 2014 Brasília, 4 de agosto de 2014 Sistema de Pagamentos de Varejo Linha do Tempo Projeto institucional de modernização de pagamentos de varejo Publicação do Diagnóstico do

Leia mais

FÁBRICA DE SOFTWARE FÁBRICA DE PROJETOS DE SOFTWARE FÁBRICA DE PROJETOS FÍSICOS

FÁBRICA DE SOFTWARE FÁBRICA DE PROJETOS DE SOFTWARE FÁBRICA DE PROJETOS FÍSICOS FÁBRICA DE SOFTWARE Quem somos A Fábrica de Software da Compugraf existe desde 1993 e atua em todas as etapas de um projeto: especificação, construção, testes, migração de dados, treinamento e implantação.

Leia mais

ITIL - Por que surgiu? Dependências de TI; A qualidade, quantidade e disponibilidade de infra-estrutura de TI afetam diretamente;

ITIL - Por que surgiu? Dependências de TI; A qualidade, quantidade e disponibilidade de infra-estrutura de TI afetam diretamente; ITIL ITIL - Por que surgiu? Dependências de TI; A qualidade, quantidade e disponibilidade de infra-estrutura de TI afetam diretamente; ITIL Mas o que gerenciar? Gerenciamento de Serviço de TI. Infra-estrutura

Leia mais

Metodologia de Auditoria com Foco em Riscos.

Metodologia de Auditoria com Foco em Riscos. Metodologia de Auditoria com Foco em Riscos. 28 de Novembro de 2003 Dados do Projeto Colaboradores: Bancos ABN Amro Real Banco Ficsa Banco Itaú Banco Nossa Caixa Bradesco Caixa Econômica Federal HSBC Febraban

Leia mais

Compêndio de Projetos de Auditoria Contínua

Compêndio de Projetos de Auditoria Contínua Copyright 2009 ACL Services Ltd. 1 Technology for Business Assurance Compêndio de Projetos de Auditoria Contínua Luiz Ribeiro Gerente de Soluções Tech Supply Perrotti Partners Quem somos? Soluções Governança,

Leia mais

Estrutura da Gestão de Risco Operacional

Estrutura da Gestão de Risco Operacional Conceito No Brasil a Resolução n.º 3380, emitida pelo BACEN em 29 de junho de 2006, seguindo as diretrizes estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional, definiu como: A possibilidade de ocorrência de

Leia mais

Crédito e Cobrança no mercado de Telecom. Out/2009

Crédito e Cobrança no mercado de Telecom. Out/2009 Crédito e Cobrança no mercado de Telecom Out/2009 Desafios de crédito em Telecom aumento do market share aquisição de novos clientes; manter os existentes. otimização do Ebtida separar claramente os bons

Leia mais

Relatório da Administração. 1º Semestre de 2015

Relatório da Administração. 1º Semestre de 2015 Relatório da Administração 1º Semestre de 2015 Sumário 1. Senhores Acionistas... 3 2. Banco Luso Brasileiro S.A.... 3 3. Estrutura Acionária... 3 4. Desempenho Operacional... 3 5. Destaques do Semestre...

Leia mais

Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios

Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios Criamos informação e conhecimento, através de nossa suíte de soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios, ajudando as pessoas a tomarem

Leia mais

2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009. Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD

2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009. Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD 2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009 Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD O CPqD Instituição, focada na inovação com base nas tecnologias

Leia mais

PORTARIA TC Nº 437, 23 DE SETEMBRO DE 2015

PORTARIA TC Nº 437, 23 DE SETEMBRO DE 2015 PORTARIA TC Nº 437, 23 DE SETEMBRO DE 2015 Disciplina os procedimentos para gestão de incidentes de segurança da informação e institui a equipe de tratamento e resposta a incidentes em redes computacionais

Leia mais

15/09/2015. Gestão e Governança de TI. Modelo de Governança em TI. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor

15/09/2015. Gestão e Governança de TI. Modelo de Governança em TI. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor. A entrega de valor Gestão e Governança de TI Modelo de Governança em TI Prof. Marcel Santos Silva PMI (2013), a gestão de portfólio é: uma coleção de projetos e/ou programas e outros trabalhos que são agrupados para facilitar

Leia mais

POLÍTICA GERAL PARA CORRESPONDENTES BANCÁRIOS (COBANS)

POLÍTICA GERAL PARA CORRESPONDENTES BANCÁRIOS (COBANS) POLÍTICA GERAL PARA CORRESPONDENTES BANCÁRIOS (COBANS) Sumário Introdução...2 Nossos produtos e suas redes de relacionamento...2 Principais responsabilidades na realização das operações para o EMPRESTA

Leia mais

Auditando Segurança da Informação

Auditando Segurança da Informação Auditando Segurança da Informação Claudio Dodt, CISA, CRISC, CISSP, ITIL Expert Business Continuity & Security Senior Consultant claudio.dodt@daryus.com.br www.daryus.com.br claudiododt.com www.twitter.com/cdodt

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do

Leia mais

FATURAMENTO COM CARTÃO

FATURAMENTO COM CARTÃO FATURAMENTO COM CARTÃO Esse artigo tratará a importância das corretas configurações no sistema SIAGRI para faturamento com cartão, bem como os recebimentos conforme contrato com a administradora. Com base

Leia mais

Smart Cards. Uma tecnologia abrindo o seu caminho

Smart Cards. Uma tecnologia abrindo o seu caminho Smart Cards Uma tecnologia abrindo o seu caminho Sumário Visão geral - história Tecnologias Aplicações Digicon 2 Historia dos cartões plásticos Inicialmente utilizados para identificação. Inicio uso para

Leia mais

Governança de TI com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC

Governança de TI com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC {aula #1} com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC www.etcnologia.com.br Rildo F Santos rildo.santos@etecnologia.com.br twitter: @rildosan (11) 9123-5358 skype: rildo.f.santos (11) 9962-4260 http://rildosan.blogspot.com/

Leia mais

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015

O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade. Othon de Almeida 1 de julho de 2015 O futuro da área de finanças Simplificação, eficiência e produtividade Othon de Almeida 1 de julho de 2015 Os desafios da área de finanças Os desafios da área de finanças em um ambiente competitivo Acompanhamento

Leia mais

Política de Privacidade, de Navegação e Utilização da Solução em meios de Pagamentos MuitoSimples

Política de Privacidade, de Navegação e Utilização da Solução em meios de Pagamentos MuitoSimples Política de Privacidade, de Navegação e Utilização da Solução em meios de Pagamentos MuitoSimples A Política de Privacidade, de Navegação e Utilização ("Política de Privacidade") do site Muito Simples,

Leia mais

BANCO CENTRAL DO BRASIL 2009/2010

BANCO CENTRAL DO BRASIL 2009/2010 BANCO CENTRAL DO BRASIL 2009/2010 CONTINUIDADE DE NEGÓCIOS E PLANOS DE CONTINGÊNCIA Professor: Hêlbert A Continuidade de Negócios tem como base a Segurança Organizacional e tem por objeto promover a proteção

Leia mais

Informações da empresa e do mercado de meios de pagamento eletrônicos

Informações da empresa e do mercado de meios de pagamento eletrônicos Informações da empresa e do mercado de meios de pagamento eletrônicos Por que olhar para o mercado de pagamentos eletrônicos? Incremento do comércio Aumento do ticket médio em R$ 12 (débito), R$ 51 (crédito)

Leia mais

ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ. 60.872.504/0001-23 Companhia Aberta NIRE. 35300010230. Política Corporativa de Prevenção e Combate a Atos Ilícitos

ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ. 60.872.504/0001-23 Companhia Aberta NIRE. 35300010230. Política Corporativa de Prevenção e Combate a Atos Ilícitos ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ. 60.872.504/0001-23 Companhia Aberta NIRE. 35300010230 Política Corporativa de Prevenção e Combate a Atos Ilícitos Estabelece os conceitos e as diretrizes do Itaú Unibanco

Leia mais

BR Week 2012. Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT

BR Week 2012. Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT 1 BR Week 2012 Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT Agenda 3 Sonda IT VISÃO EXECUTIVA Um parceiro regional México Panama Costa Rica Colômbia Fundada

Leia mais

Especialização em Qualidade e Governança de TI

Especialização em Qualidade e Governança de TI Especialização em Qualidade e Governança de TI Apresentação CAMPUS STIEP Inscrições em Breve Turma 06 --> A demanda por implantação de melhores práticas de gestão na área de TI tem se ampliado de forma

Leia mais

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br COBIT Governança de TI Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br Sobre mim Juvenal Santana Gerente de Projetos PMP; Cobit Certified; ITIL Certified; OOAD Certified; 9+ anos de experiência em TI; Especialista

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO OI CARTEIRA - CARTÃO PRÉ- PAGO MOBILE RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S.

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO OI CARTEIRA - CARTÃO PRÉ- PAGO MOBILE RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S. CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO OI CARTEIRA - CARTÃO PRÉ- PAGO MOBILE RECARREGÁVEL VISA DO BANCO DO BRASIL S.A PESSOAS FÍSICAS - CORRENTISTAS E NÃO-CORRENTISTAS. Pelo presente contrato, o BANCO DO

Leia mais

Somos uma consultoria especializada em Varejo Financeiro

Somos uma consultoria especializada em Varejo Financeiro Somos uma consultoria especializada em Varejo Financeiro Atuamos junto a estes três grupos de empresas Ajudando-os a atender da melhor maneira às necessidades do consumidor: VAREJO COMERCIAL E DE SERVIÇOS

Leia mais

GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS. Realização:

GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS. Realização: GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS Realização: Ademar Luccio Albertin Mais de 10 anos de experiência em Governança e Gestão de TI, atuando em projetos nacionais e internacionais

Leia mais

CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI

CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI CA Infrastructure Management Resolvendo os problemas mais complexos de TI As empresas são confrontadas com iniciativas críticas de TI 1. Transformação das Atividades de TI Reestruturar e consolidar os

Leia mais

A REALIDADE SOBRE GERENCIAMENTO DE SEGURANÇA E BIG DATA

A REALIDADE SOBRE GERENCIAMENTO DE SEGURANÇA E BIG DATA A REALIDADE SOBRE GERENCIAMENTO DE SEGURANÇA E BIG DATA Um roteiro para big data no Security Analytics PRINCIPAIS BENEFÍCIOS Este documento analisa: O aumento da complexidade do ambiente de gerenciamento

Leia mais

AS CORRETORAS DE CÂMBIO NO SFN

AS CORRETORAS DE CÂMBIO NO SFN AS CORRETORAS DE CÂMBIO NO SFN Gilson Marcos Balliana São Paulo, 10.8.2011 SFN - CONCEITO CONJUNTO DE INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS E INSTRUMENTOS FINANCEIROS QUE VISAM TRANSFERIR RECURSOS DOS AGENTES ECONÔMICOS

Leia mais

46 KPMG Business Magazine. Corrida contra o tempo

46 KPMG Business Magazine. Corrida contra o tempo 46 KPMG Business Magazine Corrida contra o tempo Impacto das novas tecnologias no vazamento de receitas preocupa empresas de telecomunicações O desenvolvimento econômico do país e a evolução do mercado

Leia mais

Financiamento de Veículos Posicionamento

Financiamento de Veículos Posicionamento Financiamento de Veículos Posicionamento Market Share de Produção em % Ranking Novos Financiamentos (3º Trim 14) 15,5% 1º 13,8% 14,5% 2º 2º 3º 1ºT 14 2ºT 14 3ºT 14 Pesados Autos Novos Motos Autos Usados

Leia mais

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada CFO Program O futuro da área de finanças Temos o orgulho de compartilhar com vocês nossa visão de como será a área de finanças no futuro. Esta

Leia mais

Estrutura de Gerenciamento do Risco Operacional - 2010

Estrutura de Gerenciamento do Risco Operacional - 2010 Estrutura de Gerenciamento do Risco Operacional - 2010 Sumário 1. Introdução:...3 2. Abrangência:...3 3. Estrutura do Gerenciamento de Risco Operacional:...3 3.1. Estrutura de Gerenciamento do Risco Operacional:...4

Leia mais

PCI Compliance - Principais desafios na adequação de processos e atualização de sistemas. Armando Linhares Neto Infoglobo

PCI Compliance - Principais desafios na adequação de processos e atualização de sistemas. Armando Linhares Neto Infoglobo PCI Compliance - Principais desafios na adequação de processos e atualização de sistemas Armando Linhares Neto Infoglobo Infoglobo? 1925 1969 1974 1975 1982 Inauguração do Classificados Inauguração do

Leia mais

Tendências na adoção de Big Data & Analytics: Inovação em tempo real para empresas que precisam de transformação

Tendências na adoção de Big Data & Analytics: Inovação em tempo real para empresas que precisam de transformação Tendências na adoção de Big Data & Analytics: Inovação em tempo real para empresas que precisam de transformação Luciano Ramos Coordenador de Pesquisas de Software IDC Brasil A América Latina enfrenta

Leia mais

POLÍTICA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL

POLÍTICA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL Versão Março de 2015 POLÍTICA DE GERENCIAMENTO DE RISCO OPERACIONAL (Política e procedimentos relacionados ao gerenciamento de risco operacional da Gávea DTVM nos termos da Resolução BCB no 3.380, de 29

Leia mais

Política de Privacidade de Site

Política de Privacidade de Site Política de Privacidade de Site Esta Política de Privacidade de Site irá informá-lo sobre como usar e divulgar informações que nós e nossos prestadores de serviços recolhemos a partir de suas visitas a

Leia mais

Módulo 15 Resumo. Módulo I Cultura da Informação

Módulo 15 Resumo. Módulo I Cultura da Informação Módulo 15 Resumo Neste módulo vamos dar uma explanação geral sobre os pontos que foram trabalhados ao longo desta disciplina. Os pontos abordados nesta disciplina foram: Fundamentos teóricos de sistemas

Leia mais

Transformação para uma TI empresarial Criando uma plataforma de geração de valor. Garanta a eficiência e a competitividade da sua empresa

Transformação para uma TI empresarial Criando uma plataforma de geração de valor. Garanta a eficiência e a competitividade da sua empresa Transformação para uma TI empresarial Criando uma plataforma de geração de valor Garanta a eficiência e a competitividade da sua empresa Transformação para uma TI empresarial Criando uma plataforma de

Leia mais

UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA

UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA Julho de 2015 Com nuvens privadas de fácil uso concebidas para executar aplicativos corporativos essenciais para os negócios, as principais organizações se beneficiam

Leia mais

IBM WebSphere Business Monitor

IBM WebSphere Business Monitor Obtenha visibilidade em tempo real do desempenho dos processos de negócios IBM WebSphere Business Monitor Fornece aos usuários de negócios uma visão abrangente e em tempo real do desempenho dos processos

Leia mais

BACEN. As instituições de pagamento são classificadas nas seguintes modalidades, de acordo com os serviços de pagamento prestados:

BACEN. As instituições de pagamento são classificadas nas seguintes modalidades, de acordo com os serviços de pagamento prestados: Novembro 2013 Regulatory Practice News Novembro 2013 BACEN Instituições de pagamento Circular 3.683, 04.11.2013 Constituição e funcionamento Estabelece os requisitos e os procedimentos para constituição,

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY Os presentes termos e condições gerais de uso (os Termos de Uso ) definem os direitos e obrigações aplicáveis aos usuários do

Leia mais

Política de Privacidade.

Política de Privacidade. Política de Privacidade Johnson & Johnson do Brasil Indústria e Comércio de Produtos para Saúde Ltda., preocupa se com questões sobre privacidade e quer que você saiba como coletamos, usamos e divulgamos

Leia mais

Gerenciamento de Riscos

Gerenciamento de Riscos Gerenciamento de Riscos Sumário 1. Gerenciamento de Riscos... 4 2. Risco de Mercado... 4 2.1 Estrutura para a gestão de risco... 5 2.2 Conceito... 5 2.3 Estrutura Organizacional... 5 2.4 Política Institucional...

Leia mais

Banco Western Union do Brasil S.A.

Banco Western Union do Brasil S.A. Banco Western Union do Brasil S.A. Relatório de Gerenciamento de Riscos para atender aos requisitos estabelecidos na Circular no. 3477/09 do Conselho Monetário Nacional. Data Base 31/12/2011 1 1. Introdução...

Leia mais

ESTRATÉGIA DE INTEGRAÇÃO, INFORMAÇÕES E TECNOLOGIA NA ADMINISTRAÇÃO DOS RISCOS

ESTRATÉGIA DE INTEGRAÇÃO, INFORMAÇÕES E TECNOLOGIA NA ADMINISTRAÇÃO DOS RISCOS ESTRATÉGIA DE INTEGRAÇÃO, INFORMAÇÕES E TECNOLOGIA NA ADMINISTRAÇÃO DOS RISCOS Francisco Camargo CLM Software & Celso H. Leite BINDERS Business Integration www.clm.com.br/risco INTEGRAÇÃO DE ESTRATÉGIA,

Leia mais

SEGURANÇA E AUDITORIA DE TI

SEGURANÇA E AUDITORIA DE TI 1 SEGURANÇA E AUDITORIA DE TI Objetivos - Identificar diversos tipos de controles de sistemas de informação, controles de procedimentos e controles de instalações e explicar como eles podem ser utilizados

Leia mais

Frequently Asked Questions

Frequently Asked Questions Frequently Asked Questions O que é o Cartão Prépago Multi-Moedas do Banco do Brasil O Cartão Prépago Multi-Moedas do Banco do Brasil Americas é um novo cartão prépago, recarrégavel do Banco do Brasil Americas

Leia mais

Teleconferência ITAÚSA 2010

Teleconferência ITAÚSA 2010 Teleconferência ITAÚSA 2010 04 de abril de 2011 Mário Anseloni - Presidente & CEO 1 Resultados Financeiros lidado R$ Milhões 2009 2010 2010x2009 Receita Líquida 1.324 1.571 18,7% Composição da Receita

Leia mais

Apresentar benchmarks considerando: Como os auditores internos avaliam suas competências atuais Quais competências necessitam de aprimoramento Como

Apresentar benchmarks considerando: Como os auditores internos avaliam suas competências atuais Quais competências necessitam de aprimoramento Como 1ª Pesquisa Protiviti/Audibra sobre as Tendências da Auditoria Interna no Brasil Junho, 2010 Objetivo da Pesquisa Apresentar benchmarks considerando: Como os auditores internos avaliam suas competências

Leia mais