Payments the Next Frontier SWIFT Business Forum Brazil Christina Hutchinson, SWIFT Leandro Vilain, FEBRABAN

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Payments the Next Frontier SWIFT Business Forum Brazil 2015. Christina Hutchinson, SWIFT Leandro Vilain, FEBRABAN"

Transcrição

1 Payments the Next Frontier SWIFT Business Forum Brazil 2015 Christina Hutchinson, SWIFT Leandro Vilain, FEBRABAN 1 July 2015

2 Meios de Pagamento no Brasil Uma Visão Prática Jul 15 2

3 O mercado bancário no Brasil segue crescendo em ativos e contas correntes, com o índice de bancarização mantendo sua evolução dos últimos anos Total de Ativos do Setor Bancário (1) Em bilhões de Reais Total de Contas Correntes (1) Em milhões de contas +5% a.a. +15% a.a. +13% 7, ,200 4,970 5,640 6, Bancarização no Brasil (1) CPFs ativos (2) /PEA ( ) + a.a. 51% 53% 55% 57% 60% ) Referentes ao setor bancário como um todo. 2) Número total de CPFs com relacionamentos ativos divulgado pelo CCS (Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional) do Banco Central do Brasil Fonte: Banco Central do Brasil; IBGE; Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014; Análises Strategy& 3

4 Principais fluxos de movimentação de numerário Principais fluxos de numerário no Brasil em R$ p.a., 2014e Bancos Agencias R$ 419 Bi para abastecimento das agencias R$ Bi para abastecimento de ATMs ATMs Custo dos bancos com saques e depósitos em numerário (projeto 2013) R$ 10 Bi / ano 14 Milhões de Saques acima de R$ 10 mil 253 Milhões de Cheques sacados nas agências R$ 86 Bilhões em pagamentos no caixa em espécie acima de R$ 5 mil R$ Bi de saques no ATM 28% 3 Usuários Consumidores Fonte: Levantamentos com bancos, análise A.T. Kearney R$ 167 Bi em salários para 15 milhões de empregados registrados R$ Bi de compras Negócios R$ 315 Bi de pagamentos para 29 milhões de autônomos 17% 20% Atendimento Distribuição do numerário Infraestrutura Gastos e despesas administrativas 4

5 Internet e Mobile Banking ganharam ainda mais relevância em transações, que se reflete também nos tipos de transações bancárias realizadas Comportamento dos Usuários (% da soma do volume de transações) Canal por Tipo de Transação % do total de transação por canal e total de transações em bilhões % POS 100% 4,8 100% 5,2 100% 5,8 48% 4 41% 47% Correspondentes 93% 7% 1,4 92% 8% 1,3 9 6% 1,4 36% 40% 42% 37% 32% Agências 76% 2 4,0 7 26% 3,8 72% 28% 3,5 ATM 49% 51% 9,1 50% 50% 9,4 50% 50% 9,7 17% 17% 17% 16% 16% Internet Banking 20% 80% 14,0 18% 82% 16,6 18% 82% 18,6 Mobile Banking 3% 97% 0,8 3% 97% 2,3 96% 5, Internet Banking e Mobile Banking 2014 Contact Center 3% 97% 1,6 3% 97% 1,5 3% 97% 1,3 Outros Canais (Agências, ATMs e Contact Center) POS + Correspondentes Com movimentação financeira Sem movimentação financeira Nota: (1) Contratação de crédito presencial considera somente transações realizadas em agências. Não presencial considera todos os demais canais; Fonte:Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária

6 Além de serem alavancas do aumento das transações sem movimentação financeiras, Internet e Mobile Banking também crescem em relevância nas com movimentação financeira Transações Bancárias por Origem (Em bilhões de transações) Com Movimentação Financeira Sem Movimentação Financeira 16 0% 8% Total de Transações com Movimentação Financeira 17 0% a.a. 18 1% 18% 17% 1 Base Ajustada excluindo transações que necessariamente passam pelo meio físico Ex.: saques, depósitos em cheque, POS, entre outras 100% 100% 37% 41% 100% 46% % 10% 8% 5% 6% 2 20% 19% a.a % 5% 18% 29% 30% 32% 27% 27% 27% 63% 59% 5 59% 59% 55% 17% 18% 19% Mobile banking Correspondentes POS ATM Internet banking Agências Internet e Mobile Banking Outros Canais Mobile banking Correspondentes Contact center Agências POS ATM Internet banking Fonte: Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014; Análises Strategy& 6

7 A Indústria Bancária como Liderança da Conectividade: em 2014, as transações via Mobile Banking continuaram apresentando crescimento expressivo Transações Bancárias por Origem (Em bilhões de Transações ) 28 5% 1 13% 29% 32 1% 12% 12% 27% +13% a.a. 36 2% 11% 13% 26% 40 6% 3% 10% 13% 23% % 3% 3% 8% 13% 21% Mobile Correspond. Contact Center Agências POS ATM TACC % +6% -1% -2% +13% +5% 36% 39% 39% 41% 41% Internet +17% Transações por conta corrente ativa Fonte: Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014; Análises Strategy& 7

8 O Mobile Banking possui importante espaço de crescimento no país quando comparado a outros mercados ao mesmo tempo, já possui penetração superior ao comércio eletrônico via celular Penetração por Modalidade de Uso do Celular no Brasil (2014) 41% Navegação Internet 41% Mídias Sociais 2 7% Mobile Banking 16% Comércio Eletrônico Penetração por Modalidade de Uso do Celular nos EUA (2014) 69% 65% 35% 26% Penetração apenas população bancarizada 1 Penetração apenas população bancarizada 1 23% Penetração Mobile Banking População Bancarizada 2014 TUR EUA CIN UK BRA ALE 21% 25% 2 35% 3 43% % dos Usuários de Mobile Internet que usam Mobile Banking 61% 51% 51% 41% 3 42% Navegação Internet Mídias Sociais Mobile Banking Comércio Eletrônico FRA 19% 40% 1) Penetração referente apenas à população bancarizada população com acesso completo aos serviços bancários (conta corrente) Fonte: Global Web Index; Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2015; Análises Strategy& 8

9 51% da população economicamente ativa ainda é remunerada em numerário Situação do pagamento de salários no Brasil População Economicamente Ativa¹ ~107 milhões de pessoas Pagamentos em numerário R$ Bi, Forma de recebimento do salário %, Em dinheiro espécie Depósito em conta Cheque # pessoas que recebe em numerário (MM) Registrados Sem Registo 15 9 Autônomos 29 Sem renda Não respondeu 3 9 # total de pessoas (MM) Inclui empresários e desempregados Fonte: Pesquisa Bacen, Pesquisa projeto FEBRABAN Mobile Payments ; Análises A. T. Kearney 9

10 Qual o Futuro? - Conclusões Já sabemos que a eletronização é um pilar fundamental para maior conveniência e segurança dos clientes e usuários Neste sentido o Mobile Banking já aparece como uma realidade no cotidiano dos usuários do sistema bancário A redução dos fluxos de pagamentos realizados em numerário trará redução de custos e aumento da conveniência A biometria será parte integrante dos meios de pagamento eletrônico e trará maior conveniência nas transações 10

11 Q&A? SWIFT Business Forum Brazil - 1 July

12 Please provide us with your feedback! Kindly complete the survey form and submit upon exiting SWIFT Business Forum Brazil - 1 July

13 Lunch Special thanks to our Sponsor: SWIFT Business Forum Brazil - 1 July

14 Obrigada SWIFT Business Forum Brazil - 1 July

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014 Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. Objetivos A Pesquisa FEBRABAN

Leia mais

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País.

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. OBJETIVOS A Pesquisa

Leia mais

Meios de Pagamento. Leandro Vilain

Meios de Pagamento. Leandro Vilain Meios de Pagamento Leandro Vilain Principais Conceitos Funções da Moeda Unidade de Troca: a moeda funciona como meio intermediário de todas as transações econômicas, tanto de bens e serviços, quanto de

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014 Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014 Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2014 Sumário 1. Apresentação...4 2. Crescimento do setor e do acesso da população aos serviços bancários... 7 3.

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 Pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária 2013 Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 Sumário 1. Apresentação... 4 2. Crescimento do setor e do acesso da população aos serviços bancários... 7 3.

Leia mais

Bancarização e Inclusão Financeira no Brasil. FELABAN, julho de 2011

Bancarização e Inclusão Financeira no Brasil. FELABAN, julho de 2011 Bancarização e Inclusão Financeira no Brasil FELABAN, julho de 2011 Agenda Panorama da economia brasileira : 2006 a 2010 Questões fundamentais Definindo conceitos Indicadores de bancarização : 2006 a 2010

Leia mais

Educação Financeira e Consumo Consciente do Crédito. Leonel Andrade, Presidente Credicard Outubro de 2010

Educação Financeira e Consumo Consciente do Crédito. Leonel Andrade, Presidente Credicard Outubro de 2010 Educação Financeira e Consumo Consciente do Crédito Leonel Andrade, Presidente Credicard Outubro de 2010 Cenário Macro-Econômico 13,0 13,1 % DESEMPREGO 1.456 RENDA 10,9 11,2 10,8 10,7 10,1 8,7 9,0 7,5

Leia mais

Bancarização no Brasil

Bancarização no Brasil Bancarização no Brasil 18 de setembro de 2009 1 Bancarização Mensagem inicial O índice de bancarização no Brasil ainda é muito baixo, com grande potencial a ser explorado Felaban (Federação Latino-Americana

Leia mais

Soluções: Agir é a Palavra Chave. Segurança nas transações eletrônicas

Soluções: Agir é a Palavra Chave. Segurança nas transações eletrônicas Soluções: Agir é a Palavra Chave Segurança nas transações eletrônicas 2003 Setor Bancário 2001 2002 Variação (em milhões) Nº Cartões de Crédito 35,3 41,5 17,6% Tendência de utilização Nº transações 1.027,8

Leia mais

Correspondente Bancário: A Expansão do Acesso aos Serviços Financeiros e de Pagamento

Correspondente Bancário: A Expansão do Acesso aos Serviços Financeiros e de Pagamento Correspondente Bancário: A Expansão do Acesso aos Serviços Financeiros e de Pagamento 1 14/março/2014 Agenda Apresentação da MFS Zuum Vivo MasterCard Mercado Alvo Funcionalidades Estratégia de Distribuição

Leia mais

O futuro dos meios de pagamento

O futuro dos meios de pagamento O futuro dos meios de pagamento Ilnort Rueda Saldivar Partner 18.8.2014 A situação no Brasil... A.T. Kearney xx/00000/unique Identifier 2 Brasil possui uma matriz de meios de pagamentos madura e bem diversificada...

Leia mais

Omnichannel The way we fight back

Omnichannel The way we fight back Omnichannel The way we fight back Miguel Santos, CEO da Technisys CIAB FEBRABAN 2015 1 OS BANCOS COMEÇAM A ENFRENTAR UMA CONCORRÊNCIA SEM PRECEDENTES US$ 12,2 bi foi o investimento global em empresas fintech

Leia mais

Itaú Unibanco Holding S.A. APIMEC 2012 APIMEC 2012

Itaú Unibanco Holding S.A. APIMEC 2012 APIMEC 2012 Itaú Unibanco / Desafios novo perfil do cliente Ambiente Regulatório Controle de Riscos Alto Volume de Informações Agilidade Desafios Qualidade Disponibilidade Internacionalização 2 Infraestrutura e Operações

Leia mais

CORRESPONDENTES. Uma Inovação Brasileira

CORRESPONDENTES. Uma Inovação Brasileira CORRESPONDENTES Uma Inovação Brasileira JUNHO - 2007 Brasil Desafio das dimensões continentais ÁREA Brasil Desafio das dimensões continentais DENSIDADE DEMOGRÁFICA Brasil Desafio das dimensões continentais

Leia mais

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2010

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2010 Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2010 Departamento de Operações Bancárias e de Sistema de Pagamentos

Leia mais

Mobilidade para o negócio Utilização Eficaz de MOBILIDADE. Ago 2006

Mobilidade para o negócio Utilização Eficaz de MOBILIDADE. Ago 2006 Mobilidade para o negócio Utilização Eficaz de MOBILIDADE Ago 2006 conteúdo vínculo mensagens tendências Buscar ferramentas de mobilidade que transformem nosso negócio, possibilitando aumento de produtividade

Leia mais

I Congreso LatinoAmericano de Bancarizacion, Micrhofinanzas Y Remesas

I Congreso LatinoAmericano de Bancarizacion, Micrhofinanzas Y Remesas I Congreso LatinoAmericano de Bancarizacion, Micrhofinanzas Y Remesas História da CAIXA O dia 12 de janeiro de 1861 marcou o início da história da CAIXA e de seu compromisso com o povo brasileiro. Foi

Leia mais

Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati

Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati Agenda Evolução digital Construindo um banco digital Evolução digital 90% dos dados de hoje foram criados apenas nos dois últimos anos 10% de todas as fotos do

Leia mais

Perspectivas para o setor de TI. BM&F Bovespa. 26 de junho de 2013 BRASSCOM

Perspectivas para o setor de TI. BM&F Bovespa. 26 de junho de 2013 BRASSCOM Perspectivas para o setor de TI BM&F Bovespa 26 de junho de 2013 BRASSCOM Associados BRASSCOM 1 Mercado Mundial de TI Crescimento Mercado TI BRASIL (2012/2011) 10,8% Crescimento Mercado TI Mundo (2012/2011)

Leia mais

Canais Alternativos de Atendimento

Canais Alternativos de Atendimento Canais Alternativos de Atendimento PAGAMENTO DE CONTAS RECEBIMENTO DE BENEFÍCIOS TRANSFERÊNCIA DE DINHEIRO Posso fazer essas operações bancárias nos Canais Alternativos de Atendimento? Veja aqui como fazer

Leia mais

Pesquisa nacional sobre o uso dos correspondentes bancários e inclusão financeira no Brasil. Caitlin Sanford, Associada, Bankable Frontier Associates

Pesquisa nacional sobre o uso dos correspondentes bancários e inclusão financeira no Brasil. Caitlin Sanford, Associada, Bankable Frontier Associates Pesquisa nacional sobre o uso dos correspondentes bancários e inclusão financeira no Brasil Caitlin Sanford, Associada, Bankable Frontier Associates Objetivos da pesquisa A rede de correspondentes bancários

Leia mais

Banco Postal. Processo Seletivo 2011

Banco Postal. Processo Seletivo 2011 Banco Postal Audiência Pública P para o Processo Seletivo 2011 2007 Corporate Social Responsibility Requisitos de Participação Ativo Total - 21,6 bilhões de reais. Patrimônio Líquido 2,16 bilhões de reais.

Leia mais

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009 Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento Câmara dos Deputados 08 de outubro de 2009 Agenda Estrutura do Mercado de Cartões Principais Números da Indústria de Cartões no Brasil Situação Atual da Indústria

Leia mais

TARIFAS BANCÁRIAS VOCÊ VALORIZA CADA CENTAVO DO SEU DINHEIRO. E A CAIXA TAMBÉM.

TARIFAS BANCÁRIAS VOCÊ VALORIZA CADA CENTAVO DO SEU DINHEIRO. E A CAIXA TAMBÉM. TARIFAS BANCÁRIAS VOCÊ VALORIZA CADA CENTAVO DO SEU DINHEIRO. E A CAIXA TAMBÉM. Por norma do Conselho Monetário Nacional (CMN), foram padronizados os Serviços Prioritários e os serviços isentos para Pessoa

Leia mais

PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010.

PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010. PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010 Eugênio Velasques 2020 2030 2040 2050 2010 Evolução da População 300 250 200 150 5 vezes

Leia mais

ca o Wherever I am, I can be on an environment where I recognize my needs and act upon them. Lester Wunderman

ca o Wherever I am, I can be on an environment where I recognize my needs and act upon them. Lester Wunderman That s the miracle of portable communication: ca o Wherever I am, I can be on an environment where I recognize my needs and act upon them. Lester Wunderman O Canal Móvel Casos de sucesso e oportunidades

Leia mais

Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números

Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números 1 Rede de atendimento 2 Número de contas e Internet Banking 3 Cartões de crédito 4 Transações bancárias por origem 5 Transações interbancárias

Leia mais

Mobilidade. Relatório Mobilidade, Inteligência de Mercado

Mobilidade. Relatório Mobilidade, Inteligência de Mercado Mobilidade Internet e Mobilidade Nos últimos 10 anos, o termo Mobilidade no universo de tecnologia mudou bastante, se tornou mais abrangente e abriu novo setor de negócios. Games, aplicativos de navegação,

Leia mais

Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no Brasil

Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no Brasil Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no 1. Número de bancos 158 2. Quantidade de agências bancárias 20.046 3. Postos tradicionais (PABs, PAPs, PAAs,

Leia mais

III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades

III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades III Painel Microempreendedorismo, população de baixa renda e inclusão financeira: caminhos e oportunidades Rodrigo Santos Nogueira Diretor Setorial de Responsabilidade Social e Sustentabilidade FEBRABAN

Leia mais

Nori Lermen Quer Revolução no ATM

Nori Lermen Quer Revolução no ATM Nori Lermen Quer Revolução no ATM Em entrevista exclusiva à Relatório Bancário, o novo presidente da ATP, Nori Lermen, revelou as intenções da empresa brasiliense em ir além do fornecimento de serviços

Leia mais

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Senado Federal 23.jun.2009

Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento. Senado Federal 23.jun.2009 Audiência Pública sobre Cartões de Pagamento Senado Federal 23.jun.2009 O que representa a indústria de cartões... 38 bancos emissores 500 milhões de plásticos e 5,5 bi de transações mais de 60% dos domicílios

Leia mais

Mobile Payment como facilitar a vida do consumidor e vender mais

Mobile Payment como facilitar a vida do consumidor e vender mais VAREJO Outubro - 2012 Mobile Payment como facilitar a vida do consumidor e vender mais O que é Mobile Payment? Mobile Payment ou Pagamento Móvel, também conhecido como Dinheiro Móvel ( Mobile Money ) ou

Leia mais

O COOPERATIVISMO E O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

O COOPERATIVISMO E O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO O COOPERATIVISMO E O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO BRASIL Grandeza 5ª Maior População do planeta Maior reserva de água doce do mundo 7ª Economia do mundo Maior área agricultável do planeta Fonte: Banco mundial

Leia mais

DDA Pauta. Breve histórico sobre a Cobrança Bancária. Apresentação do Projeto DDA - O que mudará. Vantagens que você e sua empresa podem ter com o DDA

DDA Pauta. Breve histórico sobre a Cobrança Bancária. Apresentação do Projeto DDA - O que mudará. Vantagens que você e sua empresa podem ter com o DDA Breve histórico sobre a Cobrança Bancária Apresentação do Projeto DDA - O que mudará Vantagens que você e sua empresa podem ter com o DDA Cenário Estágio do projeto Próximos passos DDA Pauta Principal

Leia mais

Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais. Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul

Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais. Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul Agenda 2 Segurança Digital: O Ambiente Mundial e do Brasil

Leia mais

Desafios globais para alavancar inclusão financeira via pagamentos G2P. Outubro 2012

Desafios globais para alavancar inclusão financeira via pagamentos G2P. Outubro 2012 Desafios globais para alavancar inclusão financeira via pagamentos G2P Outubro 2012 O que temos feito globalmente? Buscamos oportunidades para alavancar programas de pagamentos governo-para-pessoas ou

Leia mais

Conectando seu negócio aos seus objetivos

Conectando seu negócio aos seus objetivos Conectando seu negócio aos seus objetivos CONSTRUINDO UMA HISTÓRIA DE SUCESSO 2001 2005 2008 2010 2011 2012 2013 Líder em seguro de celular no mercado de Telecom Investimento e desenvolvimento do sistema

Leia mais

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País.

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. 1 CIAB 2011 A Tecnologia Além da Web Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. Agenda 2 O Setor Bancário em

Leia mais

Indicadores de Mercado Mundial

Indicadores de Mercado Mundial Indicadores de Mercado Mundial Participação dos meios de pagamentos Cartões tem aumentado sua participação como meio de pagamento no Brasil em detrimento dos meios mais convencionais. 23% 25% 19% 21% 35%

Leia mais

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento sto de 2007 Apresentado por Fernando Chacon Diretor de keting de Cartões do Banco Itaú 1 O Cartão de Crédito na Economia 2 Cartões de Crédito x

Leia mais

Mercado de Crédito Consignado. Agosto 2014

Mercado de Crédito Consignado. Agosto 2014 Mercado de Crédito Consignado Agosto 2014 EMPRÉSTIMO CONSIGNADO EM FOLHA DE PAGAMENTO O empréstimo consignado é o melhor produto financeiro de crédito do país e seu desenvolvimento só foi possível por

Leia mais

Dinâmica Competitiva na Indústria de Cartões de Pagamento no Brasil

Dinâmica Competitiva na Indústria de Cartões de Pagamento no Brasil Dinâmica Competitiva na Indústria de Cartões de Pagamento no Brasil Juan Pérez Ferrés 4 de dezembro de 2009 2º SEMINÁRIO DE DIREITO CONCORRENCIAL DO BANCO DO BRASIL A Concorrência no Mercado de Cartões

Leia mais

PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT

PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT PARTE I SOBRE A CONTA 1. O QUE É BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT? A CONTA BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT É UMA CONTA SIMPLIFICADA, NÃO REMUNERADA, OFERECIDA

Leia mais

CIAB 2015. Cenário para a Economia Mundial: impacto nos mercados e o papel do Banco Digital. Hélio Magalhães, Presidente do Citi Brasil

CIAB 2015. Cenário para a Economia Mundial: impacto nos mercados e o papel do Banco Digital. Hélio Magalhães, Presidente do Citi Brasil CIAB 2015 Cenário para a Economia Mundial: impacto nos mercados e o papel do Banco Digital Hélio Magalhães, Presidente do Citi Brasil Cenário Mundial O crescimento econômico global permanecerá em aceleração

Leia mais

Este documento foi classificado pelo Bradesco Dia & Noite e o acesso está autorizado, exclusivamente, a colaboradores da Organização Bradesco.

Este documento foi classificado pelo Bradesco Dia & Noite e o acesso está autorizado, exclusivamente, a colaboradores da Organização Bradesco. Este documento foi classificado pelo Bradesco Dia & Noite e o acesso está autorizado, exclusivamente, a colaboradores da Organização Bradesco. Fatores que contribuem para conectar os Clientes na Era Digital

Leia mais

SOLUÇÕES PARA CENÁRIOS DIVERSOS CASES INTERNACIONAIS DE SUCESSO

SOLUÇÕES PARA CENÁRIOS DIVERSOS CASES INTERNACIONAIS DE SUCESSO MOBILE BANKING / MOBILE PAYMENT: SOLUÇÕES PARA CENÁRIOS DIVERSOS CASES INTERNACIONAIS DE SUCESSO Celulares no Mundo PRINCIPAIS MERCADOS DE CELULAR NO MUNDO Milhões País 2004 1 China 335 2 US 181 3 Rússia

Leia mais

Produtos Bancários CAIXA. Item 5- Correspondentes Bancários

Produtos Bancários CAIXA. Item 5- Correspondentes Bancários Produtos Bancários CAIXA Item 5- Correspondentes Bancários Produtos Bancários CAIXA Item 5- Correspondentes Bancários Evolução na prestação de serviços efetuada pelos bancos Avanço tecnológico nas últimas

Leia mais

Tendências em Novas Tecnologias 17 de julho de 2014. Painel: Dimensões da difusão tecnológica no setor bancário

Tendências em Novas Tecnologias 17 de julho de 2014. Painel: Dimensões da difusão tecnológica no setor bancário Tendências em Novas Tecnologias 17 de julho de 2014 Painel: Dimensões da difusão tecnológica no setor bancário Inovações Tecnológicas interagem com: internacionalização do sistema; competitividade e produtividade;

Leia mais

Daniel Zanela. Redecard

Daniel Zanela. Redecard Daniel Zanela Redecard Evolução: Faturamento e Volume de Cartões Quantidade de Cartões em Milhões 700 600 500 400 300 200 100 Faturamento em Bilhões R$ 600,00 R$ 500,00 R$ 400,00 R$ 300,00 R$ 200,00 R$

Leia mais

Com mais de 140 anos de tradição é uma das maiores organizações de serviços bancários e financeiros do mundo.

Com mais de 140 anos de tradição é uma das maiores organizações de serviços bancários e financeiros do mundo. Com mais de 140 anos de tradição é uma das maiores organizações de serviços bancários e financeiros do mundo. Com uma ampla gama de negócios na; Europa, Ásia-Pacífico, Américas, Oriente Médio e África.

Leia mais

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2009

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2009 Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2009 Departamento de Operações Bancárias e de Sistema de Pagamentos

Leia mais

O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF

O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF O mercado de pagamentos eletrônicos e o TEF Apresentação para Clientes Barueri, Julho de 2012 Esta apresentação é para uso exclusivo do cliente. Nenhuma de suas partes pode ser veiculada, transcrita ou

Leia mais

A sociedade conectada: smartphone e tablet banking

A sociedade conectada: smartphone e tablet banking Perspectivas, impactos e desafios Nilton Omura (nilton.omura@br.ey.com) Abril, 2012 As condições estruturais para viabilizar a massificação de smartphones e tablets no Brasil estão criadas, e irão transformar

Leia mais

Mercado mobile, setor bancário e oportunidades de negócio. Copyright 1997-2013 MJV Tecnologia & Inovação. Todos os direitos reservados.

Mercado mobile, setor bancário e oportunidades de negócio. Copyright 1997-2013 MJV Tecnologia & Inovação. Todos os direitos reservados. Mercado mobile, setor bancário e oportunidades de negócio Copyright 1997-2013 MJV Tecnologia & Inovação. Todos os direitos reservados. 1 Este artigo é baseado em estatísticas recentes e discute, brevemente,

Leia mais

A REVOLUÇÃO DOS CANAIS DE ENTREGA: POSSIBILIDADES E PERSPECTIVAS DO M-BANKING. Mauricio Ghetler - 20/10/2004 ghetler@uol.com.br

A REVOLUÇÃO DOS CANAIS DE ENTREGA: POSSIBILIDADES E PERSPECTIVAS DO M-BANKING. Mauricio Ghetler - 20/10/2004 ghetler@uol.com.br A REVOLUÇÃO DOS CANAIS DE ENTREGA: POSSIBILIDADES E PERSPECTIVAS DO M-BANKING Mauricio Ghetler - 20/10/2004 ghetler@uol.com.br Agenda As Primeiras iniciativas de M-Banking Os grandes inimigos do M-Banking

Leia mais

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2011

Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2011 Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil Adendo estatístico 2011 Departamento de Operações Bancárias e de Sistema de Pagamentos

Leia mais

Redução da Pobreza no Brasil

Redução da Pobreza no Brasil Conferencia Business Future of the Americas 2006 Câmara Americana de Comércio Redução da Pobreza no Brasil Resultados Recentes e o Papel do BNDES Demian Fiocca Presidente do BNDES Rio de Janeiro, 5 de

Leia mais

A Evolução da Indústria Bancária Brasileira e a Estratégia de Investimentos em TIC: Análise dos Indicadores do Setor e dos Maiores Bancos Privados

A Evolução da Indústria Bancária Brasileira e a Estratégia de Investimentos em TIC: Análise dos Indicadores do Setor e dos Maiores Bancos Privados A Evolução da Indústria Bancária Brasileira e a Estratégia de Investimentos em TIC: Análise dos Indicadores do Setor e dos Maiores Bancos Privados Resumo Autoria: Oscar Bombonatti Filho, Marcos Antonio

Leia mais

Crédito ao Consumo. Principais Produtos CORRENTISTAS NÃO CORRENTISTAS CRÉDITO PESSOAL CHEQUE ESPECIAL CRÉDITO IMOBILIÁRIO FINANCIAMENTOS DE VEÍCULOS

Crédito ao Consumo. Principais Produtos CORRENTISTAS NÃO CORRENTISTAS CRÉDITO PESSOAL CHEQUE ESPECIAL CRÉDITO IMOBILIÁRIO FINANCIAMENTOS DE VEÍCULOS 1 Crédito ao Consumo Principais Produtos CRÉDITO PESSOAL CHEQUE ESPECIAL CRÉDITO IMOBILIÁRIO CORRENTISTAS NÃO CORRENTISTAS FINANCIAMENTOS DE VEÍCULOS CARTÕES DE CRÉDITO CRÉDITO CONSIGNADO 2 2 Crédito ao

Leia mais

Financiamento de Veículos Posicionamento

Financiamento de Veículos Posicionamento Financiamento de Veículos Posicionamento Market Share de Produção em % Ranking Novos Financiamentos (3º Trim 14) 15,5% 1º 13,8% 14,5% 2º 2º 3º 1ºT 14 2ºT 14 3ºT 14 Pesados Autos Novos Motos Autos Usados

Leia mais

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014

Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014 Preçário BANCO PRIVADO ATLANTICO INSTITUIÇÃO FINANCEIRA BANCÁRIA TABELA DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 22 Dezembro 2014 O Preçário pode ser consultado nos balcões e locais de atendimento

Leia mais

Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador

Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador Impactos da nova regulação de meios de pagamento para o setor supermercadista Em 3 aspectos principais: aceitação, emissor e empregador 25 de Abril de 2014 1 Somos uma consultoria especializada em Varejo

Leia mais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital Julia Lopes - gerente de parcerias de canais Dados de e-commerce no Brasil dimensionando o mercado Faturamento do e-commerce

Leia mais

Guia de facilidades Bradesco Prime

Guia de facilidades Bradesco Prime Este material foi impresso em papel certificado FSC. Marketing 7778 out/14 Guia de facilidades Bradesco Prime No Bradesco Prime, você é prioridade sempre. Contar com a presença do Bradesco Prime em 100%

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Crise Mundo Os EUA e a Europa passam por um forte processo de desaceleração economica com indicios de recessão e deflação um claro sinal de que a crise chegou

Leia mais

Contabilidade Social Carmen Feijó [et al.] 4ª edição

Contabilidade Social Carmen Feijó [et al.] 4ª edição Contabilidade Social Carmen Feijó [et al.] 4ª edição CAPÍTULO 5 BALANÇO DE PAGAMENTOS Professor Rodrigo Nobre Fernandez Pelotas 2015 2 Introdução O balanço de pagamentos é o registro contábil de todas

Leia mais

ESTUDO IDC/ACEPI. Economia Digital em Portugal 2009-2017

ESTUDO IDC/ACEPI. Economia Digital em Portugal 2009-2017 ESTUDO IDC/ACEPI Economia Digital em Portugal 2009-2017 ECONOMIA DIGITAL NO MUNDO (2012) 2.5 mil milhões de internautas no mundo 850 mil milhões de euros 300 mil milhões de euros Europa maior mercado de

Leia mais

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos APTRA PASSPORT DA NCR Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos Uma maneira melhor para os seus clientes depositarem cheques Bancos e instituições financeiras continuam a enfrentar os desafios

Leia mais

PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT

PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT PERGUNTAS FREQÜENTES BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT PARTE I SOBRE A CONTA 1. O QUE É BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT? A CONTA BB USA DIRECT DEPOSIT ACCOUNT É UMA CONTA SIMPLIFICADA, NÃO REMUNERADA, OFERECIDA

Leia mais

O que é comércio eletrônico?

O que é comércio eletrônico? COMÉRCIO ELETRÔNICO O que é comércio eletrônico? O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos

Leia mais

Estudo sobre a Indústria de Cartões 1/7/2010 1

Estudo sobre a Indústria de Cartões 1/7/2010 1 Estudo sobre a Indústria de Cartões 1/7/2010 1 Glossário de Termos Técnicos Bases operacionais de cartões são as alternativas de captura de dados que os estabelecimentos podem utilizar para efetivar as

Leia mais

Soluções. para sua Empresa

Soluções. para sua Empresa Atendimento Outras Soluções Investimentos Soluções para Parceiros e Empregados Soluções para sua Empresa Linhas de Crédito Seguros e Cartões Soluções em Recebimentos Soluções em Pagamentos Soluções sob

Leia mais

Internacionalização das Economias 2014

Internacionalização das Economias 2014 Internacionalização das Economias 2014 Agenda 1 O Banco do Brasil 2 A Economia Brasileira 3 Oportunidades para Investimento em Infraestruturas no Brasil 4 O Comércio com o Brasil Banco do Brasil Highlights

Leia mais

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa.

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Conheça os benefícios do novo banco da sua empresa. Banco do Brasil. É de São Paulo. É do Brasil. É Todo Seu. Índice 2

Leia mais

Pagamentos de varejo e canais de atendimento. Detalhamento para o envio de informações

Pagamentos de varejo e canais de atendimento. Detalhamento para o envio de informações Pagamentos de varejo e canais de atendimento Detalhamento para o envio de informações 1 Objetivos da pesquisa Vigilância dos sistemas e dos instrumentos de pagamentos de varejo do Sistema de Pagamentos

Leia mais

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice 2 Índice Introdução... 3 Passo 1 Entender o que é Venda Online e E-commerce... 4 Passo 2 Entender o Mercado de Comércio Eletrônico... 5 Passo 3 Canais de Venda... 6 Passo 4 Como identificar uma Boa Plataforma

Leia mais

PLANO FÁCIL. R$ 6.000,00 a R$ 12.000,00 16,65 18,75 R$ 12.000,01 a R$ 18.000,00 11,10 12,50 Acima de R$ 18.000,00 Isento Isento. Transações Excedentes

PLANO FÁCIL. R$ 6.000,00 a R$ 12.000,00 16,65 18,75 R$ 12.000,01 a R$ 18.000,00 11,10 12,50 Acima de R$ 18.000,00 Isento Isento. Transações Excedentes (1) PLANO FÁCIL Serviços Quantidade Mensal de Transações Fácil 1 Fácil 2 (2) (3) (4) Cheques Cheque Depositado 300 300 Cheque Emitido (exceto Transferência Bancária TB/TBG) Disponível 20 Extrato de Últimos

Leia mais

Maior capacidade de distribuição do Brasil. 90% CLIENTES do Banco. Rede de Atendimento Varejo e Prime 18% REDE DE ATENDIMENTO 25% 23,3% 7,4% 19% 16,5%

Maior capacidade de distribuição do Brasil. 90% CLIENTES do Banco. Rede de Atendimento Varejo e Prime 18% REDE DE ATENDIMENTO 25% 23,3% 7,4% 19% 16,5% Maior capacidade de distribuição do Brasil Rede de Atendimento Varejo e Prime REDE DE ATENDIMENTO D 6% D 18% Agências Varejo e Prime 4.565 M 25% M 23,3% Espaços Bradesco Prime 410 Postos de Atendimento

Leia mais

PESQUISA: BANCOS. AMOSTRA: 3770 pessoas usuárias de Iphone. Brasil - pelo pinion

PESQUISA: BANCOS. AMOSTRA: 3770 pessoas usuárias de Iphone. Brasil - pelo pinion PESQUISA: BANCOS AMOSTRA: 3770 pessoas usuárias de Iphone. Brasil - pelo pinion O Brasil ainda apresenta uma gama da população que é considerada desbancarizada (39,5%), nesta pesquisa buscamos entender

Leia mais

A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL

A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL Ivo Vieitas ABECS 1 Agenda Mercado de Cartões no Brasil 1. Uma Indústria Forte 2. Uma indústria Complexa 3. Nova Realidade 2 Agenda 1. Mercado de Cartões no Brasil 1. Uma

Leia mais

Ampla visão corporativa

Ampla visão corporativa Ampla visão corporativa Sobre a DTS Latin America Uma das principais provedoras em alta tecnologia e negócio com atuação na América Latina. Desenvolvemos projetos inovadores para nossos clientes, em diversas

Leia mais

Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas. Fevereiro 2015

Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas. Fevereiro 2015 Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas Fevereiro 2015 O GUGST Grupo de Usuários de Gestão de Serviços de Terceiros foi idealizado no ano de 2009 como um fórum aberto e gratuito, para discussão e troca

Leia mais

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Vice Presidente do Banco Bradesco

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Vice Presidente do Banco Bradesco Marco Antonio Rossi Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Vice Presidente do Banco Bradesco 1 AGENDA AVANÇO DO MERCADO SEGURADOR NOSSO CRESCIMENTO PRESENTE E FUTURO 2 3 SEGUROS E RESSEGUROS: UM

Leia mais

PACOTES DE SERVIÇOS UNIVERSITÁRIOS. Pacotes de Serviços que não estão mais disponíveis para novas contratações pelo público em geral.

PACOTES DE SERVIÇOS UNIVERSITÁRIOS. Pacotes de Serviços que não estão mais disponíveis para novas contratações pelo público em geral. PACOTES DE SERVIÇOS Pacotes de Serviços que não estão mais disponíveis para novas contratações pelo público em geral. ÍNDICE PÁG. 3 PÁG. PÁG. 5 501-PACOTE DE SERVIÇOS EM CONTA 5309-CONTA COMBINADA UNIVERSITÁRIA

Leia mais

Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional

Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional Colhendo os frutos de uma abordagem ampliada do risco operacional Maio 2015 As informações contidas neste documento são de propriedade do CPqD. Este documento ou suas informações não podem ser copiados,

Leia mais

e-readiness na América Latina

e-readiness na América Latina sobre as condições para o crescimento do e-commerce na região na América Latina A região melhorou em 47,6% suas condições para o desenvolvimento do comércio eletrônico nos últimos quatro anos. Entretanto,

Leia mais

Os desafios da intermediação financeira no setor informal

Os desafios da intermediação financeira no setor informal Os desafios da intermediação financeira no setor informal VI Seminário Banco Central de Microfinanças 14.06.2007 Porto Alegre - RS Dinheiro, segundo o provérbio, chama dinheiro. Quando se tem um pouco,

Leia mais

Marco Antonio Rossi. A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios

Marco Antonio Rossi. A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios Marco Antonio Rossi A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios 1 Agenda 1. Linha do Tempo 2. Mercado Brasileiro 3. Cenários Indicadores de Desenvolvimento 4. Desafios e Oportunidades 5.

Leia mais

Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA

Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA Informações sobre o Cartão de Débito MasterCard do DUA O Department of Unemployment Assistance (DUA ou Departamento de Assistência ao Desemprego) de Massachusetts irá parar de emitir cheques para os benefícios

Leia mais

Portal de Informações FEBRABAN. Módulo I Crédito

Portal de Informações FEBRABAN. Módulo I Crédito Portal de Informações FEBRABAN Módulo I Crédito Módulo de dados I: Crédito Sumário Este módulo de dados abrange as operações de crédito com recursos livres e direcionados (taxas de juros administradas)

Leia mais

CIAB FEBRABAN 2012 A SOCIEDADE CONECTADA. Setor Bancário em Números, Tendências Tecnológicas e Agenda Atual

CIAB FEBRABAN 2012 A SOCIEDADE CONECTADA. Setor Bancário em Números, Tendências Tecnológicas e Agenda Atual CIAB FEBRABAN 2012 A SOCIEDADE CONECTADA Setor Bancário em Números, Tendências Tecnológicas e Agenda Atual APRESENTAÇÃO Desenvolvimento com conhecimento Um dos objetivos estratégicos permanentes da Federação

Leia mais

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL TRANSFORMAÇÃO DIGITAL 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Maurício Minas Vice-presidente executivo 1 1 Bilhão de transações/mês 8.934 PONTOS DE ATENDIMENTO 48.175 CORRESPONDENTES (BRADESCO EXPRESSO) 67,9 MM CLIENTES

Leia mais

STANDARD CHARTERED BANK ANGOLA

STANDARD CHARTERED BANK ANGOLA PREÇÁRIO STANDARD CHARTERED BANK ANGOLA Instituição Financeira Bancária ANEXO I Tabela de Comissões e Despesas DATA DE ENTRADA EM VIGOR: 01/06/2015 Este Preçário pode ser consultado nos balcões e locais

Leia mais

CAIXA e o NORDESTE. NELSON ANTÔNIO DE SOUZA SUPERINTENDENTE NACIONAL DA ÁREA B - NORDESTE Novembro de 2009

CAIXA e o NORDESTE. NELSON ANTÔNIO DE SOUZA SUPERINTENDENTE NACIONAL DA ÁREA B - NORDESTE Novembro de 2009 CAIXA e o NORDESTE NELSON ANTÔNIO DE SOUZA SUPERINTENDENTE NACIONAL DA ÁREA B - NORDESTE Novembro de 2009 ATENDIMENTOS CAIXA Total de Transações 921 milhões em terminais de Auto- Atendimento 131 milhões

Leia mais

DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva

DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva Workshop PME Digital Ordem dos Economistas 14 de Janeiro de 2014 ACEPI:

Leia mais

Oferta Pública de Ações. Março 2009

Oferta Pública de Ações. Março 2009 Oferta Pública de Ações Março 2009 Aviso Importante Este material foi preparado pela Redecard S.A. ("Redecard" ou "Companhia") exclusivamente para as apresentações relacionadas à Oferta Pública Secundária

Leia mais

PLANO FÁCIL. Valor da Mensalidade (R$) 22,20 24,00

PLANO FÁCIL. Valor da Mensalidade (R$) 22,20 24,00 (1) PLANO FÁCIL Serviços Quantidade Mensal de Transações Fácil 1 Fácil 2 (2) (3) (4) Cheques Cópia de Imagem 5 5 Cheque Depositado 300 300 Cheque Emitido (exceto Transferência Bancária TB/TBG) Disponível

Leia mais