Múltiplos e submúltiplos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Múltiplos e submúltiplos"

Transcrição

1 Múltiplos e submúltiplos

2 Múltiplos e submúltiplos Fator Nome do prefixo Símbolo Fator Nome do prefixo Símbolo yotta zetta exa peta tera giga mega quilo hecto deca Y Z E P T G M k h da deci centi mili micro nano pico femto atto zepto yocto d c m n p f a z y

3 Unidades em uso e unidades aceitas em áreas específicas

4 Unidades em uso com o SI Grandeza Unidade Símbolo Valor nas unidades do SI tempo minuto min 1 min = 60 s hora h 1 h = 60 min = 3600 s dia d 1 d = 24 h ângulo grau 1 = ( /180) minuto ' 1' = (1/60) = ( /10 800) rad segundo " 1" = (1/60)' = ( / ) rad volume litro l, L 1 L = 1 dm 3 = 10-3 m 3 massa tonelada t 1 t = 10 3 kg pressão bar bar 1 bar = 10 5 Pa temperatura grau Celsius C C = K - 273,16

5 Unidades temporariamente em uso Grandeza Unidade Símbolo Valor nas unidades do SI comprimento velocidade massa densidade linear tensão de sistema óptico pressão no corpo humano área área comprimento seção transversal milha náutica nó carat tex dioptre milímetros de mercúrio are hectare ângstrom barn tex mmhg a ha Å b 1 milha náutica = 1852 m 1 nó = 1 milha náutica por hora = (1852/3600) m/s 1 carat = kg = 200 mg 1 tex = 10-6 kg/m = 1 mg/m 1 dioptre = 1 m -1 1 mmhg = Pa 1 a = 100 m 2 1 ha = 10 4 m 2 1 Å = 0,1 nm = m 1 b = m 2

6 A grafia correta

7 Grafia dos nomes das unidades Quando escritos por extenso, os nomes de unidades começam por letra minúscula, mesmo quando têm o nome de um cientista (por exemplo, ampere, kelvin, newton etc.), exceto o grau Celsius. A respectiva unidade pode ser escrita por extenso ou representada pelo seu símbolo, não sendo admitidas combinações de partes escritas por extenso com partes expressas por símbolo.

8 O plural Quando pronunciado e escrito por extenso, o nome da unidade vai para o plural recebendo o s ( nomes simples: 3 farads; 5 newtons; 150 metros; 12 volts; 7 joules; 10 segundos e nomes compostos não ligados por hífen: 1,2 metros quadrados; 15 milímetros cúbicos). Termos compostos por multiplicação e ligados por hífen AMBOS RECEBEM a letra s : 4 ampères-horas; 7 newtons-metros; watts-horas. Não recebem s no plural: unidades que terminam em s, x ou z : 10 siemens; 500 lux; 60 hertz. denominadores de unidades compostas por divisão: 120 quilômetros por hora; 25 volts por metro; 30 watts por segundo.

9 O plural Os prefixos métricos nunca vão para o plural. CORRETO: quilogramas; milinewtons. ERRADO: quilosgrama; milisnewtons. Os símbolos das unidades são invariantes (nunca vão para o plural). CORRETO : 60 N; 150 m; 1,2 m 2 ; 10 s. ERRADO : para indicar cem metros mts; 100ms.

10 Os símbolos das unidades Os símbolos são invariáveis, não sendo admitido colocar, após o símbolo, seja ponto de abreviatura, seja "s" de plural, sejam sinais, letras ou índices. Multiplicação: pode ser formada pela justaposição dos símbolos se não causar anbiguidade (VA, kwh) ou colocando um ponto ou x entre os símbolos (N.m ou N x m) Divisão: são aceitas qualquer das três maneiras exemplificadas a seguir: W/(sr.m 2 ) W.sr -1.m -2 W sr.m 2

11 Grafia dos números e símbolos Em português o separador decimal deve ser a vírgula. Os algarismos que compõem as partes inteira ou decimal podem opcionalmente ser separados em grupos de três por espaços, mas nunca por pontos. O espaço entre o número e o símbolo é opcional. Deve ser omitido quando há possibilidade de fraude.

12 Grafia dos números e símbolos Exemplos: CORRETO: kg e kg ERRADO: kg CORRETO: ,2 km e 25482,2 km ERRADO: ,2 km CORRETO: 0, s e 0, s ERRADO: 0, s Exceção: usa-se o ponto para separar algarismos em grupos de 3, a contar da vírgula para a esquerda e para direita em: preços, quantidade de mercadorias, bens e serviços para fins fiscais, comerciais ou jurídicos

13 Grafia dos números e símbolos Os nomes do múltiplos e submúltiplos devem ser pronunciados por extenso. 20 ml deve ser pronunciado: vinte mililitros. Está errada a pronúncia: vinte eme ele ; A sílaba tônica da unidade permanece nos seus múltiplos e submúltiplos: milissegundo; quilonewton. Temos apenas 4 exceções nas quais o acento tônico é deslocado para o prefixo: quilômetro; decímetro, centímetro e milímetro. Os demais múltiplos e submúltiplos do metro pronunciam nanometro, micrometro (diferente do micrômetro instrumento), megametro (diferente de megômetro instrumento), etc.

14 Alguns enganos Errado Km, Kg a grama 2 hs 15 seg 80 KM/H 250 K um Newton Correto km, kg m o grama 2 h 15 s 80 km/h 250 K um newton

15 Outros enganos

16

17

18

19

20

21

22 Revisão sobre Algarismos Significativos (AS), Notação Científica, Ordem de Grandeza e Regras de Arredondamento

23 Algarismos Significativos (AS) 12 1,2 0,012 0, , ,300 12,1 5 9,0 9,00 60 tem 2 AS tem 2 AS tem 2 AS tem 2 AS tem 4 AS tem 5 AS tem 3 AS tem 1 AS tem 2 AS tem 3 AS tem 1 AS

24 Algarismos Significativos (AS) Algarismo mais significativo: é o PRIMEIRO algarismo à esquerda diferente de ZERO 100, , , Algarismo menos significativo: SE NÃO HOUVER VÍRGULA - é o ÚLTIMO algarismo à direita diferente de ZERO Algarismo menos significativo: HAVENDO VÍRGULA - é o ÚLTIMO algarismo à direita 27,0100-0, ,0-209,99

25 A quantidade de Algarismos Significativos é a quantidade de dígitos do algarismo mais significativo ao menos significativo (incluindo estes 2). Exemplos: 27,0100 tem 6 AS 0,0020 tem 2 AS 209,99 tem 5 AS 100,0 tem 4 AS tem 1 AS 2030 tem 3 AS, mas 2,030 x 10 3 tem 4 AS 5 = 0,5 x 10 = 0,05 x 10 2 = 0,005 x 10 3 todos têm 1 AS L = 22,5 cm ou L = 0,225 m ambos têm 3 AS e ambos representam a mesma medida

26 12 1,2 0,012 0, , ,300 12,1 5 9,0 9, AS 2 AS 2 AS 2 AS 4 AS 5 AS 3 AS 1 AS 2 AS 3 AS 1 AS Outros exemplos:

27 Algarismos Significativos (AS) No sentido estritamente matemático: 8 = 8,0 = 8,00 = 0,80 x 10 1 = 0,080 x 10 2 = 0,008 x 10 3 = 0,0080 x 10 3 Fisicamente, estes números são diferentes: 8 cm 8,0 cm 8,00 cm 8,000 cm 8,0000 cm 1 AS 2 AS 3 AS 4 AS 5 AS 8,0 cm = 0,80 x 10 1 cm = 0,080 x 10 2 cm = 0,0080 x 10 3 cm 8 cm = 0,8 x 10 1 cm = 0,008 x 10 3 cm Todos têm 1 AS Todos têm 2 AS Notação científica 5,320 x 10 3 valor preferencialmente entre 1 e 10 Potência de base 10 com expoente negativo ou positivo

28

29 Arredondamento

30 Manipulação de AS: realizar a operação somente após reduzir todas as parcelas para a mesma unidade. Ex: todos em [cm] ou todos em [m]. Soma e Subtração: a operação deve ser feita com todos os algarismos; entretanto, o resultado deve ter a mesma quantidade de casas decimais que a parcela com menos casas decimais. 2 casas decimais x = 2,222 m +13,1 cm cm + 3,765 m + 4,980 mm x = 2,222 m +0,131 m + 2,22 m + 3,765 m + 0, m x = 8,34298 m x = 8,34 m 5 casas decimais y = 5,7764 g + 1,2 g + 3,110 g y = 10,0864 g y = 10,1 g 2 casas decimais z = 129,346 V 3,1 V z = 126,246 V z = 126,2 V

31 Produto e divisão: a operação deve ser feita com todos os algarismos; entretanto, o resultado deve ter a mesma quantidade de AS que a parcela com menos AS. 5 AS 3 AS 6 AS 3 AS x = 33,314 cm x 26,0 cm = 866,164 cm cm 2 5 AS 3 AS 7 AS 3 AS y = 32,794 m / 3,10 s = 10,57870 m/s 10,6 m/s 5 AS 1 AS 7 AS 1 AS z = 32,794 m / 3 s = 10,93133 m/s 10 m/s 5 AS 2 AS 7 AS 2 AS k = 32,794 cm 2 x 3,1 cm = 101,6614 cm 3 1,0x10 2 cm 3

32 Resumo operações aritméticas

33 Exercícios Medidas Elétricas - aulas 1, 2 e 3 Exercício 1 ( Fundamentos de Metrologia Científica e Industrial, Albertazzi e Sousa, capítulo 2, E2.1, pg, 37) Segundo as normas de grafia, identifique se existem erros nas seguintes expressões e proponha a forma correta quando for o caso. (a) 210 K = duzentos e dez graus Kelvin. (b) 10 o C = dez graus Centígrados. (c) 5,0 kg = cinco quilos. (d) 2,0 N = dois Newton. (e) 220 Vts = duzentos e vinte volts (f) 34.7 m/s = trinta e quatro ponto sete metros por segundos. (g) 180 mm/m (h) 12,5 m/s/h (i) 45,7 mm/km (j) ,4 m (k) 0, s (l) 35 nm = trinta e cinco nanômetros. (m) 1.615,4g (n) R = 15 Ω ±10% = 15 Ω ±0,15 (o) carga elétrica = 20 Coulomb = 20 c (p) ,99 m (q) trinta segundos = 30 seg (r) quatro gramas = 4 grs (s) quinhentos metros = 500 mts

34 Exercício 2 ( Fundamentos de Metrologia Científica e Industrial, Albertazzi e Sousa, capítulo 1, E1.1 a E1.6, pg, 15) (a) Defina mensurando. (b) Identifique 2 exemplos de cada caso: medições para controlar, para monitorar e para investigar. (c) Como são denominadas as duas parcelas que compõem o resultado da medição? O que representam? Exercício 3 ( Instrumentação Eletrônica Moderna e Técnicas de Medição, Hellfrick e Cooper, capítulo 1, ex 1) Efetue as conversões: (a) A área do andar térreo de um prédio é de 500 m². Expresse em ft². (b) A velocidade da luz no vácuo é de 2, m/s. Expresse em km/h e na unidade de velocidade do sistema inglês: ft/s. (c) A densidade da água é de 62,5 lb/ft³ (unidade de densidade do sistema inglês). Expresse em g/cm³ e em lb/in³. Respostas: (a) 531,96 ft²; (b) 0, km/h e 9, ft/s; (c) 3, lb/in³ e 3, lb/in³.

35 Exercício 4 ( Instrumentação Eletrônica Moderna e Técnicas de Medição, Hellfrick e Cooper, capítulo 1, ex 5) Efetue as conversões: (a) 1500 MHz em GHz; (b) 12,5 khz em Hz; (c) 125 nh em μh; (a) 346,4 kv em V; (b) 5,3 ma em A; (c) 5 H em mh; (a) 4,6 pj em J; (b) 1,4 μs em ms; (c) 3,2 ns em hora; (a) 1,4 fs em μs. Exercício 5 ( Instrumentação Eletrônica Moderna e Técnicas de Medição, Hellfrick e Cooper, capítulo 1, ex 3) Expresse a temperatura ambiente de 25 o C em kelvin e graus Fahrenheit. Exercício 6 ( Instrumentação Eletrônica Moderna e Técnicas de Medição, Hellfrick e Cooper, capítulo 1, ex 6) A altura de um homem é dada por 5 pés e 11 polegadas. Expresse em metros.

DEPARTAMENTO DE MECÂNICA PROF. JOSÉ EDUARDO. Grandezas. De base Derivada

DEPARTAMENTO DE MECÂNICA PROF. JOSÉ EDUARDO. Grandezas. De base Derivada MEDIÇÃO INDUSTRIAL DEPARTAMENTO DE MECÂNICA PROF. JOSÉ EDUARDO Grandezas De base Derivada DEPARTAMENTO DE MECÂNICA Grandezas de Base COMPRIMENTO TEMPO GRANDEZAS DE BASE MASSA QUANTIDADE DE MATÉRIA CORRENTE

Leia mais

3 Unidades de Medida e o Sistema Internacional

3 Unidades de Medida e o Sistema Internacional 3 Unidades de Medida e o Sistema Internacional Fundamentos de Metrologia Medir Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando) é determinado como

Leia mais

O SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI

O SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI O SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI As informações aqui apresentadas irão ajudar você a compreender melhor e a escrever corretamente as unidades de medida adotadas no Brasil. A necessidade de medir

Leia mais

Sistema Internacional de Unidades (SI) e Medida

Sistema Internacional de Unidades (SI) e Medida Área do Conhecimento: Ciências da Natureza e Matemática Componente Curricular: Física Prof. Dr. Mário Mascarenhas Sistema Internacional de Unidades (SI) e Medida Sistema adotado oficialmente no Brasil

Leia mais

O Sistema Internacional de Unidades - SI

O Sistema Internacional de Unidades - SI O Sistema Internacional de Unidades - SI http://www.inmetro.gov.br/consumidor/unidlegaismed.asp As informações aqui apresentadas irão ajudar você a compreender melhor e a escrever corretamente as unidades

Leia mais

DETROIT Circular informativa Eng. de Aplicação

DETROIT Circular informativa Eng. de Aplicação DETROIT Circular informativa Eng. de Aplicação Número 09 - Agosto 2003 www.detroit.ind.br Unidades Legais de Medida INMETRO O Sistema Internacional de Unidades SI As informações aqui apresentadas irão

Leia mais

Aula 1 Medidas. Lilian R. Rios 18/02/16.

Aula 1 Medidas. Lilian R. Rios 18/02/16. Aula 1 Medidas Lilian R. Rios 18/02/16 www.posmci.ufsc.br GRANDEZA FÍSICA A tudo aquilo que pode ser medido, associando-se um valor numérico a uma unidade de medida, dá-se o nome de GRANDEZA FÍSICA. TIPOS

Leia mais

Comprimento metro m Massa quilograma kg Tempo segundo s. Temperatura termodinâmica Kelvin K

Comprimento metro m Massa quilograma kg Tempo segundo s. Temperatura termodinâmica Kelvin K INTRODUÇÃO O Sistema Internacional e s ( S.I.) O SI é dividido em três grupos, a seguir: Sete s de Base Duas s Suplementares s derivadas Tabela 1 - s de Base do SI Comprimento metro m Massa quilograma

Leia mais

Eletricidade Aula ZERO. Profª Heloise Assis Fazzolari

Eletricidade Aula ZERO. Profª Heloise Assis Fazzolari Eletricidade Aula ZERO Profª Heloise Assis Fazzolari Plano de aulas O objetivo da disciplina é dar ao aluno noções de eletricidade e fenômenos relacionados. Critério de Avaliação Quatro provas bimestrais

Leia mais

ELETRICIDADE 1. Aula 1 SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES

ELETRICIDADE 1. Aula 1 SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES ELETRICIDADE 1 Aula 1 SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES Professor: Danilo Carvalho de Gouveia 1 Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando)

Leia mais

Em seguida são apresentadas as principais unidades do Sistema Internacional, com sua unidade e símbolo.

Em seguida são apresentadas as principais unidades do Sistema Internacional, com sua unidade e símbolo. O Sistema Internacional de Unidades (sigla: SI) é um conjunto de definições utilizado em quase todo o mundo moderno que visa uniformizar e facilitar as medições. O problema era que cada país adotava as

Leia mais

Como você mediria a sua apostila sem utilizar uma régua? Medir é comparar duas grandezas, utilizando uma delas como padrão.

Como você mediria a sua apostila sem utilizar uma régua? Medir é comparar duas grandezas, utilizando uma delas como padrão. Unidades de Medidas Como você mediria a sua apostila sem utilizar uma régua? Medir é comparar duas grandezas, utilizando uma delas como padrão. Como os antigos faziam para realizar medidas? - Na antiguidade:

Leia mais

05/08/2014. Slides do livro FMCI - Professor Armando Albertazzi. Fundamentos da Metrologia Científica e Industrial - Capítulo 2 - (slide 2/41)

05/08/2014. Slides do livro FMCI - Professor Armando Albertazzi. Fundamentos da Metrologia Científica e Industrial - Capítulo 2 - (slide 2/41) Unidades de Medida e o Sistema Internacional Slides do livro FMCI - Professor Armando Albertazzi Medir Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando)

Leia mais

Ismael Rodrigues Silva Física-Matemática - UFSC. cel: (48)

Ismael Rodrigues Silva Física-Matemática - UFSC. cel: (48) Ismael Rodrigues Silva Física-Matemática - UFSC cel: (48)9668 3767 Ramos da Mecânica... Grandezas... Sistema Internacional... Unidades Derivadas... Cálculo com Unidades... Potências de 10... Prefixos do

Leia mais

Figuras: ALVARENGA, Beatriz, MÁXIMO, Antônio. Curso de Física-Vol. 1, Editora Scipione, 6a Ed. São Paulo (2005) Comprimento metro m

Figuras: ALVARENGA, Beatriz, MÁXIMO, Antônio. Curso de Física-Vol. 1, Editora Scipione, 6a Ed. São Paulo (2005) Comprimento metro m FÍSICA I AULA 01: GRANDEZAS FÍSICAS; SISTEMAS DE UNIDADES; VETORES TÓPICO 02: SISTEMAS DE UNIDADES Para efetuar medidas é necessário fazer uma padronização, escolhendo unidades para cada grandeza. Antes

Leia mais

Unidades básicas do SI

Unidades básicas do SI EDUCANDO: Nº: TURMA: DATA: / / EDUCADOR: Leonardo, Mariana e Rosiméri Ciências 9º ano do Ensino Médio Avaliação Unidades de medida: Medir uma grandeza física significa compará-la com outra grandeza física

Leia mais

Física Aplicada A Aula 1. Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa

Física Aplicada A Aula 1. Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa Física Aplicada A Aula 1 Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa valeria-lessa@uergs.edu.br Este material está disponibilizado no endereço: http://matvirtual.pbworks.com/w/page/52894125 /UERGS O que é Física?

Leia mais

TOPOGRAFIA E ELEMENTOS DA GEODÉSIA AULA 1

TOPOGRAFIA E ELEMENTOS DA GEODÉSIA AULA 1 TOPOGRAFIA E ELEMENTOS DA GEODÉSIA AULA 1 IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Topografia Semestre: 3º Créditos: 2.0.0.2.0 Carga Horária: 60 h Período Letivo: 2015/2 Docente Responsável: VINICIUS MELO NOGUEIRA SILVA

Leia mais

Unidades de Medidas e as Unidades do Sistema Internacional

Unidades de Medidas e as Unidades do Sistema Internacional Unidades de Medidas e as Unidades do Sistema Internacional Metrologia é a ciência da medição, abrangendo todas as medições realizadas num nível conhecido de incerteza, em qualquer dominio da atividade

Leia mais

Sistema Internacional de Unidades

Sistema Internacional de Unidades Sistema Internacional de s De acordo com o DL 238/94 (19 de Setembro) e a DR 2/95 (31 de Janeiro) Compilação, adaptação e verificação: Manuel Matos (FEUP 1997) 0. Advertência O presente texto vem na sequência

Leia mais

Fundamentos de Física. Vitor Sencadas

Fundamentos de Física. Vitor Sencadas Fundamentos de Física Vitor Sencadas vsencadas@ipca.pt Grandezas físicas e sistemas de unidades 1.1. Introdução A observação de um fenómeno é incompleta quando dela não resultar uma informação quantitativa.

Leia mais

Matemática Régis Cortes SISTEMA MÉTRICO

Matemática Régis Cortes SISTEMA MÉTRICO SISTEMA MÉTRICO 1 Unidades de medida ou sistemas de medida Para podermos comparar um valor com outro, utilizamos uma grandeza predefinida como referência, grandeza esta chamada de unidade padrão. As unidades

Leia mais

UNIMONTE, Engenharia Laboratório de Física Mecânica ESTUDO TEÓRICO SOBRE PREFIXOS E MUDANÇAS DE UNIDADES

UNIMONTE, Engenharia Laboratório de Física Mecânica ESTUDO TEÓRICO SOBRE PREFIXOS E MUDANÇAS DE UNIDADES Física Mecânica Roteiros de Experiências 76 UNIMONTE, Engenharia Laboratório de Física Mecânica ESTUDO TEÓRICO SOBRE PREFIXOS E MUDANÇAS DE UNIDADES Turma: Data: : Nota: Nome: RA: Sistema Internacional

Leia mais

ABREVIATURA DOS MESES NO TRABALHO. Português. janeiro jan. julho jul. fevereiro fev. agosto ago. março mar. setembro set. abril abr. outubro out.

ABREVIATURA DOS MESES NO TRABALHO. Português. janeiro jan. julho jul. fevereiro fev. agosto ago. março mar. setembro set. abril abr. outubro out. Guia Prático de Normalização ICT/ UNESP: TCC DATAS NBR 14274 No trabalho o ano deve ser indicado numericamente por todos os algarismos e não apenas pela dezena final. O mês pode ser indicado por extenso,

Leia mais

Introdução ao Sistema Internacional de Unidades (SI)

Introdução ao Sistema Internacional de Unidades (SI) Introdução ao Sistema Internacional de Unidades (SI) Introdução, histórico, peculiaridades, usos, definições: 1. N. Baccan, J. C. de Andrade, O. E. S. Godinho, J. S. Barone, "Química Analítica Quantitativa

Leia mais

Aula Medição ph, condutividade, elétricas e SI

Aula Medição ph, condutividade, elétricas e SI Aula Medição ph, condutividade, elétricas e SI INS23403 Instrumentação Professor: Sergio Luis Brockveld Junior Curso Técnico em Mecatrônica Módulo 3 2017/1 Unidades SI É o sistema de medição mais usado

Leia mais

Tabela I - As sete unidades de base do SI, suas unidades e seus símbolos.

Tabela I - As sete unidades de base do SI, suas unidades e seus símbolos. 1. Sistemas de Unidades 1.1 O Sistema Internacional Os mais diversos sistemas de medidas foram inventados ao longo da história, desde o início das civilizações mais organizadas. Durante vários séculos,

Leia mais

GRANDEZAS E UNIDADES DE MEDIDA *

GRANDEZAS E UNIDADES DE MEDIDA * GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO FUNDAÇÃO DE APOIO À ESCOLA TÉCNICA FAETEC ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL SANTA CRUZ ETESC DISCIPLINA DE QUÍMICA Profs.: Ana Cristina, Denis Dutra e José Lucas Ano Letivo: 2010

Leia mais

Medição em Química e Física

Medição em Química e Física Medição em Química e Física Hás-de fazê-la desta maneira: o comprimento será de trezentos côvados; a largura, de cinquenta côvados; e a altura, de trinta côvados. Génesis, VI, 15 Professor Luís Gonçalves

Leia mais

Unidades de Medidas - Parte I

Unidades de Medidas - Parte I Unidades de Medidas - Parte I Sistema Métrico Decimal Um dos legados da Revolução Francesa foi criar um sistema de medidas que fosse baseado em constantes naturais e não em padrões arbitrários como pé,

Leia mais

Mecânica Técnica. Aula 1 Conceitos Fundamentais. Prof. MSc. Luiz Eduardo Miranda J. Rodrigues

Mecânica Técnica. Aula 1 Conceitos Fundamentais. Prof. MSc. Luiz Eduardo Miranda J. Rodrigues Aula 1 Conceitos Fundamentais Tópicos Abordados Nesta Aula Apresentação do Curso. Apresentação da Bibliografia Definição da. Sistema Internacional de Unidades. Apresentação do Curso Aula 1 - Definição

Leia mais

1 de 6 9/8/2010 15:23. .: Unidades Legais de Medida :. O Sistema Internacional de Unidades - SI

1 de 6 9/8/2010 15:23. .: Unidades Legais de Medida :. O Sistema Internacional de Unidades - SI 1 de 6 9/8/2010 15:23.: Unidades Legais de Medida :. O Sistema Internacional de Unidades - SI As informações aqui apresentadas irão ajudar você a compreender melhor e a escrever corretamente as unidades

Leia mais

Universidade Federal do Maranhão - Campus Imperatriz Centro de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia Licenciatura em Ciências Naturais - LCN

Universidade Federal do Maranhão - Campus Imperatriz Centro de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia Licenciatura em Ciências Naturais - LCN Universidade Federal do Maranhão - Campus Imperatriz Centro de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia Licenciatura em Ciências Naturais - LCN Física Módulo 1 No encontro de hoje... Medição Grandezas Físicas,

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial. Módulo I. Aula 01

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial. Módulo I. Aula 01 Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Módulo I Aula 01 Unidades de Medida Medidas Medir significa comparar duas grandezas de mesma natureza, tomando uma delas como padrão. Por exemplo, dizer que uma

Leia mais

ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS UNIDADES, MÚLTIPLOS E SUBMÚLTIPLOS

ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS UNIDADES, MÚLTIPLOS E SUBMÚLTIPLOS ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS As informações a seguir são de grande importância para a confecção dos relatórios dos experimentos de Química Geral e Orgânica. As correções são baseadas nas informações contidas

Leia mais

CAPÍTULO 1 INTRODUÇÃO À FÍSICA

CAPÍTULO 1 INTRODUÇÃO À FÍSICA módulo Física 1 CAPÍTULO 1 INTRODUÇÃO À FÍSICA O QUE É FÍSICA? Física é o ramo da ciência que estuda as propriedades das partículas elementares e os fenômenos naturais e provocados, de modo lógico e ordenado.

Leia mais

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA INTRODUÇÃO À ENGENHARIA 2015 AULA PRÁTICA No. 02 POTÊNCIA DE DEZ E NOTAÇÃO CIENTÍFICA PROF. ANGELO BATTISTINI NOTA NOME RA TURMA NOTA Objetivos: Nesta aula vamos estudar Notação Científica e como representar

Leia mais

SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES (SI)

SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES (SI) INTRODUÇÃO SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES (SI) ETE ALBERT EINSTEIN Prof. Edgar Zuim (adaptado por Epaminondas Lage) Qualquer atividade do conhecimento humano para a sua perfeita execução, requer ferramental

Leia mais

Matéria: Matemática Assunto: Sistema Métrico Decimal Prof. Dudan

Matéria: Matemática Assunto: Sistema Métrico Decimal Prof. Dudan Matéria: Matemática Assunto: Sistema Métrico Decimal Prof. Dudan Matemática Sistema Métrico Decimal Definição: O SISTEMA MÉTRICO DECIMAL é parte integrante do Sistema de Medidas. É adotado no Brasil tendo

Leia mais

REVISÃO DE CONCEITOS BÁSICOS

REVISÃO DE CONCEITOS BÁSICOS Carlos Aurélio Nadal Doutor em Ciências Geodésicas Professor Titular do Departamento de Geomática - Setor de Ciências da Terra Unidades de medidas que utilizavam o corpo humano 2,54cm 30,48cm 0,9144m 66cm

Leia mais

Inspeção de Sistemas de. Módulo 4 Medição de Vazão

Inspeção de Sistemas de. Módulo 4 Medição de Vazão C u r s o Inspeção de Sistemas de Medição de Gás NATURAL Módulo 4 Medição de Vazão C u r s o Inspeção de Sistemas de Medição de Gás NATURAL Módulo 4 Medição de Vazão desafio 1 Quantidades Físicas Módulo

Leia mais

MÓDULO 1. Os Métodos da Física:

MÓDULO 1. Os Métodos da Física: MÓDULO 1 O QUE É FÍSICA? Física é o ramo da ciência que estuda as propriedades das partículas elementares e os fenômenos naturais e provocados, de modo lógico e ordenado. Os Métodos da Física: Todas as

Leia mais

Apresentação da Disciplina de Física 1

Apresentação da Disciplina de Física 1 Apresentação da Disciplina de Física 1 Prof. Nelson Elias e-mail: nelias@utfpr.edu.br http://nelias.wikidot.com/start Livro Texto: Fundamentos de Física: Halliday, Resnick, Walker. Volumes 1 e 2. Preferencialmente

Leia mais

GRANDEZAS E UNIDADES ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS REGRAS PARA ARREDONDAMENTO TRANSFORMAÇÃO DE UNIDADES

GRANDEZAS E UNIDADES ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS REGRAS PARA ARREDONDAMENTO TRANSFORMAÇÃO DE UNIDADES DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA APOSTILA DE METROLOGIA GRANDEZAS E UNIDADES ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS REGRAS PARA ARREDONDAMENTO TRANSFORMAÇÃO DE UNIDADES Cid Vicentini Silveira 2005 1 SISTEMA INTERNACIONAL

Leia mais

Avaliação da cadeira

Avaliação da cadeira Avaliação da cadeira Trabalho de síntese 20% Trabalhos práticos (4/5) 40% Exame final 40% Metrologia Ciência da medição - desenvolvimento de métodos e procedimentos de medição; - desenho de equipamento

Leia mais

MEDIDAS LINEARES. Um metro equivale à distância linear percorrida pela luz no vácuo, durante um intervalo de 1/ segundo.

MEDIDAS LINEARES. Um metro equivale à distância linear percorrida pela luz no vácuo, durante um intervalo de 1/ segundo. MEDIDAS LINEARES Um metro equivale à distância linear percorrida pela luz no vácuo, durante um intervalo de 1/299.792.458 segundo. Nome e símbolo As unidades do Sistema Internacional podem ser escritas

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba. Metodologia Científica: Física Experimental

Universidade do Vale do Paraíba. Metodologia Científica: Física Experimental Universidade do Vale do Paraíba Metodologia Científica: Física Experimental São José dos Campos 2013 Tópico 1 Tópico 2 Tópico 3 Tópico 4 ÍNDICE Coerência de Dimensões e Unidades Coerência Dimensional Coerência

Leia mais

Para cada grandeza física existe uma unidade que é utilizada para medir essa grandeza.

Para cada grandeza física existe uma unidade que é utilizada para medir essa grandeza. Grandezas e Unidades Quando começamos a falar sobre o SI, logo dissemos que seu objetivo principal é padronizar as medições e que para isso, estão definidos nele, apenas uma unidade para cada grandeza

Leia mais

SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS

SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS PET FÍSICA SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS Aula 2 TATIANA MIRANDA DE SOUZA ANA CAROLINA DOS SANTOS LUCENA LARISSA NOLDING NICOLAU FREDERICO ALAN DE OLIVEIRA CRUZ AGRADECIMENTOS

Leia mais

Física Geral e Experimental I (2015/01)

Física Geral e Experimental I (2015/01) Diretoria de Ciências Exatas Laboratório de Física Roteiro 01 Física Geral e Experimental I (2015/01) Medidas Diretas de Grandezas Físicas 2 Medidas Diretas de Grandezas Físicas 1. Após estudar os assuntos

Leia mais

SISTEMA DE UNIDADES A ESTRUTURA DO SISTEMA INTERNACIONAL

SISTEMA DE UNIDADES A ESTRUTURA DO SISTEMA INTERNACIONAL SISTEMA DE UNIDADES INTRODUÇÃO: Um sistema de unidades é caracterizado por um conjunto de unidades e regras que as definam. O sistema internacional de unidades (S.I) possui sete unidades de base e, todas

Leia mais

OFICINA DE UNIDADES DE MEDIDA

OFICINA DE UNIDADES DE MEDIDA OFICINA DE UNIDADES DE MEDIDA Ana Paula Dick - anadick7@gmail.com Ana Paula Scheeren apscheere@universo.univates.br Angélica Schossler - aschossler1@univates.br Aline Anonelo - aantonelo@univates.br Márcia

Leia mais

Sistema Internacional de Unidades e Medidas Elétricas

Sistema Internacional de Unidades e Medidas Elétricas Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina! Departamento Acadêmico de Eletrônica! Engenharia Eletrônica! Projeto Integrador I - Iniciação Científica Sistema Internacional de

Leia mais

RESOLUÇÕES ONLINE UNIDADES DE MEDIDAS

RESOLUÇÕES ONLINE  UNIDADES DE MEDIDAS UNIDADES DE MEDIDAS Todas as Unidades de Medidas que são nomes próprios devem ser escritas em maiúsculas quando abreviadas. Se forem escritas por extenso, sempre escrever em minúscula no singular exceto

Leia mais

ESCRITA TÉCNICA DE VALORES NUMÉRICOS DE GRANDEZAS

ESCRITA TÉCNICA DE VALORES NUMÉRICOS DE GRANDEZAS CAPíTULO 1 ESCRITA TÉCNICA DE VALORES NUMÉRICOS DE GRANDEZAS UNESP - Faculdade de Engenharia - Campus de Guaratinguetá 1 1.1. Introdução Estamos familiarizados em escrever o valor numérico de grandezas

Leia mais

Notas de Aula: Física Aplicada a Imaginologia - parte I

Notas de Aula: Física Aplicada a Imaginologia - parte I Notas de Aula: Física Aplicada a Imaginologia - parte I Prof. Luciano Santa Rita Fonte: Prof. Rafael Silva www.lucianosantarita.pro.br tecnologo@lucianosantarita.pro.br 1 Conteúdo Programático Notação

Leia mais

FÍSICA EXPERIMENTAL I. 1-Medida e algarismos significativos DFIS/UDESC

FÍSICA EXPERIMENTAL I. 1-Medida e algarismos significativos DFIS/UDESC FÍSICA EXPERIMENTAL I 1-Medida e algarismos DFIS/UDESC 1. Introdução: Como a grande maioria das ciências positivistas: A Física se utiliza se do Método Científico: Que se estrutura em: Observação Formulação

Leia mais

Sumário. 25/11/2012 Tabelas de unidades de medida Relações entre unidades: SI, unidades derivadas, números, constantes, prefixos e etc.

Sumário. 25/11/2012 Tabelas de unidades de medida Relações entre unidades: SI, unidades derivadas, números, constantes, prefixos e etc. GUIDG.COM 1 25/11/2012 Tabelas de unidades de medida Relações entre unidades: SI, unidades derivadas, números, constantes, prefixos e etc. I O objetivo deste estudo é listar o maior número de relações

Leia mais

TOPOGRAFIA EMENTA. 1 de outubro de 2015 Prof. Esp. Vinicius Melo Nogueira Silva 2

TOPOGRAFIA EMENTA. 1 de outubro de 2015 Prof. Esp. Vinicius Melo Nogueira Silva 2 TOPOGRAFIA IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Topografia Semestre: 4º Créditos: 2.0.0.2.0 Carga Horária: 60 h Período Letivo: 2015/2 Docente Responsável: VINICIUS MELO NOGUEIRA SILVA Contato: e-mail: vinicius@alfatec.net.br

Leia mais

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES CONTEÚDO Áreas das figuras planas: Notação científica Sistema Internacional de Unidades Termologia Escalas de temperatura Relação entre energia elétrica, potência e tempo Calorimetria Calor sensível e

Leia mais

CAPÍTULO 1 INTODUÇÃO. O DESENVOLVIMENTO DE BIOPROCESSOS. INTRODUÇÃO AOS CÁLCULOS DE ENGENHARIA

CAPÍTULO 1 INTODUÇÃO. O DESENVOLVIMENTO DE BIOPROCESSOS. INTRODUÇÃO AOS CÁLCULOS DE ENGENHARIA CAPÍTULO 1 INTODUÇÃO. O DESENVOLVIMENTO DE BIOPROCESSOS. INTRODUÇÃO AOS CÁLCULOS DE ENGENHARIA OBJECTIVO: Interpretação e desenvolvimento de processos biológicos. Análise quantitativa de sistemas e processos

Leia mais

Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando) é determinado como um múltiplo e/ou uma

Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando) é determinado como um múltiplo e/ou uma Grandezas e Medidas Nas situações do dia a dia é comum ver números relacionados à medidas: Quanto eu peso? Quanto tempo gasto no banho? Qual minha altura? Medir é o procedimento experimental através do

Leia mais

A tabela abaixo mostra os múltiplos e submúltiplos do metro e os seus respectivos valores em relação à unidade padrão:

A tabela abaixo mostra os múltiplos e submúltiplos do metro e os seus respectivos valores em relação à unidade padrão: Unidades de Medidas e Conversões Medidas de comprimento Prof. Flavio Fernandes E-mail: flavio.fernandes@ifsc.edu.br Prof. Flavio Fernandes E-mail: flavio.fernandes@ifsc.edu.br O METRO E SEUS MÚLTIPLOS

Leia mais

PLASTOFLEX tintas e plásticos ltda. GUIA PARA CONSULTA

PLASTOFLEX tintas e plásticos ltda. GUIA PARA CONSULTA GUIA PARA CONSULTA VIII TABELAS ÚTEIS SÉRIE GALVÂNICA DE ALGUNS METAIS E LIGAS Esta série galvânica de alguns metais e ligas usados na prática, foi elaborada de forma que os metais de comportamento mais

Leia mais

SUMÁRIO DO VOLUME. Física FÍSICA INTRODUÇÃO 5 ESTUDO DOS MOVIMENTOS RETILÍNEOS 27

SUMÁRIO DO VOLUME. Física FÍSICA INTRODUÇÃO 5 ESTUDO DOS MOVIMENTOS RETILÍNEOS 27 2 Física SUMÁRIO DO VOLUME FÍSICA INTRODUÇÃO 5 1. 5 1.1 Sistema de Unidades 6 1.2 Notação Científi ca 11 2. Grandezas físicas têm direção e sentido 16 2.1 Operações com vetores 17 2.2 Decomposição de vetores

Leia mais

Não se esqueça de elementos como o carat (quilate) que também podem ser usados da seguinte forma:

Não se esqueça de elementos como o carat (quilate) que também podem ser usados da seguinte forma: Google Guia de Consulta Rápida Não se esqueça de elementos como o carat (quilate) que também podem ser usados da seguinte forma: 10 carat in grams para converter o peso de 10 quilates em gramas. O Google

Leia mais

AULÃO TERCEIRÃO. Mecânica Dinâmica, Forças Óptica geométrica - Espelhos Eletricidade Resistores, Geradores e Receptores

AULÃO TERCEIRÃO. Mecânica Dinâmica, Forças Óptica geométrica - Espelhos Eletricidade Resistores, Geradores e Receptores AULÃO TERCEIRÃO Mecânica Dinâmica, Forças Óptica geométrica - Espelhos Eletricidade Resistores, Geradores e Receptores MEDIR Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma

Leia mais

Sistemas Unitários: Análise Dimensional e Similaridades

Sistemas Unitários: Análise Dimensional e Similaridades Física Industrial-FBT415 1 s Unitários: Análise Dimensional e Similaridades 1. Magnitude e sistemas unitários O valor de qualquer magnitude física é expressa como o produto de dois fatores: o valor da

Leia mais

UNIDADES EM QUÍMICA UNIDADES SI COMPRIMENTO E MASSA

UNIDADES EM QUÍMICA UNIDADES SI COMPRIMENTO E MASSA UNIDADES EM QUÍMICA O sistema métrico, criado e adotado na França durante a revolução francesa, é o sistema de unidades de medida adotada pela maioria dos paises em todo o mundo. UNIDADES SI Em 1960, houve

Leia mais

CURSO INTRODUTÓRIO DE MATEMÁTICA PARA ENGENHARIA MEDIÇÃO DE GRANDEZAS. Bruno Conde Engenharia Civil Rodrigo Vanderlei - Engenharia Civil

CURSO INTRODUTÓRIO DE MATEMÁTICA PARA ENGENHARIA MEDIÇÃO DE GRANDEZAS. Bruno Conde Engenharia Civil Rodrigo Vanderlei - Engenharia Civil CURSO INTRODUTÓRIO DE MATEMÁTICA PARA ENGENHARIA 2014.2 MEDIÇÃO DE GRANDEZAS Bruno Conde Engenharia Civil Rodrigo Vanderlei - Engenharia Civil Medindo Grandezas Medimos cada grandeza física em unidades

Leia mais

Medição. Os conceitos fundamentais da física são as grandezas que usamos para expressar as suas leis. Ex.: massa, comprimento, força, velocidade...

Medição. Os conceitos fundamentais da física são as grandezas que usamos para expressar as suas leis. Ex.: massa, comprimento, força, velocidade... Universidade Federal Rural do Semi Árido UFERSA Pro Reitoria de Graduação PROGRAD Disciplina: Mecânica Clássica Professora: Subênia Medeiros Medição Os conceitos fundamentais da física são as grandezas

Leia mais

ISO 9001:2000 SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI. www.ipem.sp.gov.br

ISO 9001:2000 SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI. www.ipem.sp.gov.br ISO 9001:2000 www.ipem.sp.gov.br SISTEMA INTERNACIONAL DE UNIDADES - SI ORIGENS DO SISTEMA UNIDADES DE BASE MÚLTIPLOS E SUBMÚLTIPLOS GRAFIA DOS NOMES E SÍMBOLOS ORIGENS UNIDADES ANTIGAS o homem como medida

Leia mais

LOQ 4083 - Fenômenos de Transporte I

LOQ 4083 - Fenômenos de Transporte I LOQ 4083 - Fenômenos de Transporte I FT I 01 Revisão de Dimensões, Unidades e Medidas Prof. Lucrécio Fábio dos Santos Departamento de Engenharia Química LOQ/EEL Atenção: Estas notas destinam-se exclusivamente

Leia mais

1 Unidades de medida: o Sistema Internacional (SI), notação científica e conversão de unidades p. 2

1 Unidades de medida: o Sistema Internacional (SI), notação científica e conversão de unidades p. 2 SUMÁRIO 1 Unidades de medida: o Sistema Internacional (SI), notação científica e conversão de unidades p. 2 1.1 O Sistema Internacional de unidades (SI)................... p.2 1.2 Notação Científica...............................

Leia mais

Curso Técnico em Informática. Eletricidade Instrumental Prof. Msc. Jean Carlos

Curso Técnico em Informática. Eletricidade Instrumental Prof. Msc. Jean Carlos Curso Técnico em Informática Eletricidade Instrumental 2012.1 Prof. Msc. Jean Carlos Eletricidade Instrumental Aula_04 Na aula de hoje... CONCEITOS INICIAIS Principais grandezas elétricas Carga Corrente

Leia mais

UM BREVE COMENTÁRIO SOBRE GRANDEZAS E UNIDADES E OS ERROS COMETIDOS EM SEU USO NO COTIDIANO

UM BREVE COMENTÁRIO SOBRE GRANDEZAS E UNIDADES E OS ERROS COMETIDOS EM SEU USO NO COTIDIANO UM BREVE COMENTÁRIO SOBRE GRANDEZAS E UNIDADES E OS ERROS COMETIDOS EM SEU USO NO COTIDIANO A brief comment on quantities and units and the errors done in their quotidian use Eduardo de Paiva [edup2112@gmail.com]

Leia mais

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES CONTEÚDO Áreas das figuras planas: Notação científica Sistema Internacional de Unidades Energia Relação entre energia elétrica, potência e tempo Funcionamento das usinas: hidrelétrica, termoelétrica e

Leia mais

1 TIPOS DE PAPEL E LETRAS

1 TIPOS DE PAPEL E LETRAS NORMAS PARA REDAÇÃO DE DISSERTAÇÕES, QUALIFICAÇÕES E TESES 2013 1 TIPOS DE PAPEL E LETRAS As teses e dissertações deverão ser apresentadas em papel A4, com margens de 2,5cm. As principais características

Leia mais

Segunda aula de FT. Segundo semestre de 2013

Segunda aula de FT. Segundo semestre de 2013 Segunda aula de FT Segundo semestre de 2013 Gostaria de reforçar a metodologia adotada para desenvolver este curso e que está alicerçada na certeza que o(a) engenheiro(a) tem que resolver problemas e criar

Leia mais

BASES FÍSICAS PARA ENGENHARIA 3: Med. Grandezas, Unidades e Representações

BASES FÍSICAS PARA ENGENHARIA 3: Med. Grandezas, Unidades e Representações BASES FÍSICAS PARA ENGENHARIA 3: Med. Grandezas, Unidades e Representações Medidas Dados das observações devem ser adequadamente organizados MEDIR comparar algo com um PADRÃO DE REFERÊNCIA Medidas diretas

Leia mais

Resumo de Aula: Notação científica kg. Potências positivas Potências negativas ,1

Resumo de Aula: Notação científica kg. Potências positivas Potências negativas ,1 Resumo de Aula: Notação científica. 1- Introdução Este resumo não trata exatamente sobre física, é sobre uma das formas que expressamos os resultados numéricos em ciências em geral (e na física em particular).

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE AGRONOMIA Agricultura e Máquinas Agrícolas I e II FACTORES DE CONVERSÃO E CONSTANTES ÚTEIS EM AGRONOMIA E ECOLOGIA

INSTITUTO SUPERIOR DE AGRONOMIA Agricultura e Máquinas Agrícolas I e II FACTORES DE CONVERSÃO E CONSTANTES ÚTEIS EM AGRONOMIA E ECOLOGIA INSTITUTO SUPERIOR DE AGRONOMIA Agricultura e Máquinas Agrícolas I e II Apontamentos de estudo n.º 6b Janeiro de 1990 FACTORES DE CONVERSÃO E CONSTANTES ÚTEIS EM AGRONOMIA E ECOLOGIA O sistema métrico,

Leia mais

2 Unidades de Medida e o Sistema Internacional

2 Unidades de Medida e o Sistema Internacional 2 Unidades de Medida e o Sistema Internacional Fundamentos da Metrologia Científica e Industrial www.posmci.ufsc.br Medir Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza

Leia mais

Sistema Internacional de Unidades de acordo com DL 238/94 (19/9), DR 2/95 (3/1) e DL 254/02 (22/11)

Sistema Internacional de Unidades de acordo com DL 238/94 (19/9), DR 2/95 (3/1) e DL 254/02 (22/11) Sistema Internacional de s de acordo com DL 238/94 (19/9), DR 2/95 (3/1) e DL 254/02 (22/11) Compilação, adaptação e verificação: Manuel Matos FEUP, Dezembro 2003 0. Introdução O presente texto vem na

Leia mais

SIMBOLOGIA DE MECÂNICA DOS SOLOS

SIMBOLOGIA DE MECÂNICA DOS SOLOS SIMBOLOGIA DE MECÂNICA DOS SOLOS l. INTRODUÇÃO Este texto apresenta uma listagem das grandezas definidas no quadro geral de unidades de medida aprovadas pelo Decreto n 81.621 de 03 / 05 / 78 e que são

Leia mais

Metrologia e Controle Geométrico

Metrologia e Controle Geométrico Metrologia e Controle Geométrico PROF. DENILSON J. VIANA Apresentação PROF. DENILSON VIANA 2 O que vamos aprender? 1. Introdução e Conceitos Fundamentais de Metrologia Perspectiva histórica e evolução

Leia mais

MEDIDAS E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS

MEDIDAS E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS MEDIDAS E ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS 1. Introdução A química é uma ciência cujo objeto de estudo é a Natureza. Assim, ocupa-se das ações fundamentais entre os constituintes elementares da matéria, ou seja,

Leia mais

Prof. Oscar Rodrigues dos Santos FÍSICA º. Semestre.

Prof. Oscar Rodrigues dos Santos FÍSICA º. Semestre. Prof. Oscar Rodrigues dos Santos FÍSICA 1 2012-1º. Semestre oscarsantos@utfpr.edu.br Ementa Sistema de Unidades Análise Dimensional Teoria de Erros Vetores Cinemática Leis de Newton Lei da Conservação

Leia mais

Grandezas, unidades de medida e escalas

Grandezas, unidades de medida e escalas Grandezas, unidades de medida e escalas Introdução Aprendemos desde cedo a medir e comparar grandezas como comprimento; tempo; massa; temperatura; pressão e corrente elétrica. Atualmente, contamos com

Leia mais

Parte A FÓRMULAS Spiegel_II_01-06.indd 11 Spiegel_II_01-06.indd :17: :17:08

Parte A FÓRMULAS Spiegel_II_01-06.indd 11 Spiegel_II_01-06.indd :17: :17:08 Parte A FÓRMULAS Seção I: Constantes, Produtos e Fórmulas Elementares Alfabeto Grego e Constantes Especiais 1 Alfabeto grego Nome Letras Gregas Grego Minúsculas Maiúsculas Alfa Α Beta Β Gama Γ Delta Δ

Leia mais

BASES DO SISTEMA MÉTRICO DECIMAL NOÇÕES BÁSICAS DE CONVERSÃO DE UNIDADES

BASES DO SISTEMA MÉTRICO DECIMAL NOÇÕES BÁSICAS DE CONVERSÃO DE UNIDADES 1 PROFESSOR DA TURMA: WLADIMIR 1. INTRODUÇÃO BASES DO SISTEMA MÉTRICO DECIMAL NOÇÕES BÁSICAS DE CONVERSÃO DE UNIDADES Este material apresenta um resumo dos principais conhecimentos básicos necessários

Leia mais

Grandeza Símbolo Unidade do SI Abreviação. comprimento L, l metro m massa M, m quilograma kg tempo T, t segundo s corrente I, i ampere A

Grandeza Símbolo Unidade do SI Abreviação. comprimento L, l metro m massa M, m quilograma kg tempo T, t segundo s corrente I, i ampere A Capítulo 1 Introdução 1.1 GRANDEZAS ELÉTRICAS E UNIDADES DO SI O Sistema Internacional de Unidades (SI) será utilizado ao longo de todo este livro. Quatro grandezas básicas e suas unidades do SI estão

Leia mais

Medição em Química e Física

Medição em Química e Física Medição em Química e Física A precisão e a exatidão de uma medida depende do instrumento de medição usado e do modo como este é utilizado. Torna-se assim importante o conhecimento dos tipos de erros associados

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo. Física Experimental I

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo. Física Experimental I Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo Física Experimental I São José dos Campos 2014 ÍNDICE Tópico 1 Tópico 2 Tópico 3 Tópico 4 Tópico 5 Tópico 6 Tópico 7 Tópico

Leia mais

Grandezas, Unidades de medidas e Escala. Lucas Gomes

Grandezas, Unidades de medidas e Escala. Lucas Gomes Grandezas, Unidades de medidas e Escala Lucas Gomes Introdução UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS 2 Introdução A unidade é um nome particular que relacionamos às medidas de uma grandeza. No termômetro mostrado

Leia mais

https://edsonnossol.wordpress.com

https://edsonnossol.wordpress.com https://edsonnossol.wordpress.com enossol@ufu.br Classificação da matéria Química Fundamental I Prof. Edson Nossol Uberlândia, 12/04/2017 Matéria: é tudo aquilo que ocupa espaço e tem massa Química: estudo

Leia mais

Aula Teórica: Potenciação e Potência de dez

Aula Teórica: Potenciação e Potência de dez Aula Teórica: Potenciação e Potência de dez Objetivo Familiarizá-lo com a utilização de expoentes e potências de dez, que são de uso frequente nas práticas de laboratório e também nos trabalhos e atividades

Leia mais

A propriedade dos objetos: comprimento, área, massa e capacidade

A propriedade dos objetos: comprimento, área, massa e capacidade A propriedade dos objetos: comprimento, área, massa e capacidade Estudar o sistema de medidas é importante nos estudos da matemática, visto sua grande aplicabilidade. Porém, para aplicá-lo, é preciso entender

Leia mais

CURSO: Engenharia Civil Disciplina: Mecânica da Partícula Professor: MSc. Demetrius Leão1

CURSO: Engenharia Civil Disciplina: Mecânica da Partícula Professor: MSc. Demetrius Leão1 SISTEMA DE UNIDADES NOTAÇÃO CIENTÍFICA ORDEM DE GRANDEZA ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS CURSO: Engenharia Civil Disciplina: Mecânica da Partícula Professor: MSc. Demetrius Leão1 ACOMPANHE A DISCIPLINA PELA

Leia mais

Regras de Conversão de Unidades

Regras de Conversão de Unidades Unidades de comprimento Regras de Conversão de Unidades A unidade de principal de comprimento é o metro, entretanto existem situações em que essa unidade deixa de ser prática. Se quisermos medir grandes

Leia mais