ASSOCIAÇÃO DE INSTRUMENTOS ÓTICOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ASSOCIAÇÃO DE INSTRUMENTOS ÓTICOS"

Transcrição

1 ASSOCIAÇÃO DE INSTRUMENTOS ÓTICOS Neste artigo, a Equipe SEI aborda um assunto que é bastante cobrado nos concursos militares: a associação de instrumentos óticos. Você encontrará um resumo teórico, dois exercícios resolvidos e cinco exercícios propostos, retirados de provas de concursos militares. Bons estudos! Resumo teórico Quando são associados dois ou mais instrumentos óticos, que podem ser lentes, espelhos ou dioptros, a luz incide süencialmente nesses instrumentos. Assim, se considerarmos um objeto à esquerda da associação abaixo, a luz sairá deste objeto e incidirá inicialmente no instrumento I 1. Ao sair de I 1, a luz incidirá em I 2. Por causa disso, a imagem formada por I 1 é o objeto para I 2. Ao sair de I 2, a luz incidirá em I 3. Logo, a imagem de I 2 é o objeto de I 3. E assim sucessivamente, caso haja mais instrumentos. Como no exemplo abaixo só existem três instrumentos, a terceira imagem é a imagem final. I 1 I 2 I 3 Lentes justapostas Caso a associação seja de lentes justapostas, ou seja, lentes que estão perfeitamente ajustadas uma às outras, pode-se substituir a associação de lentes por uma lente uivalente. Esta lente uivalente tem a vergência ( V = 1 ) dada pela soma das f vergências das lentes da associação. Lentes justapostas f f f f 1 2 N Atenção Devem ser observados os sinais para os focos das lentes. Lente convergente f > 0 Lente divergente f < 0

2 Exercícios resolvidos 1. (ITA 1997) Um espelho plano está colocado em frente de um espelho côncavo,perpendicularmente ao eixo principal. Uma fonte luminosa A, centrada no eixo principal entre os dois espelhos, emite raios que se refletem sucessivamente sobre os dois espelhos e formam sobre a própria fonte A, uma imagem real da mesma. O raio de curvatura do espelho é 40 cm e a distância do centro da fonte A até o centro do espelho esférico é de 30 cm. A distância d do espelho plano até o centro do espelho côncavo é, então: (A) 20 cm (B) 30 cm (C) 40 cm (D) 45 cm (E) 50 cm. Solução Como o enunciado não diz qual é a süência de reflexões que deve ser considerada, vamos supor que a primeira reflexão acontece no espelho plano. Espelho plano Logo, p = p ' p = d 30. Como a imagem do espelho plano é virtual (objeto real), ela está situada atrás do espelho, a uma distância d 30 cm. Esta imagem será o objeto do espelho côncavo. Espelho côncavo O objeto do espelho côncavo é a imagem do espelho plano, que está situada 2d 30 cm à direita do espelho côncavo. A imagem do espelho côncavo é a imagem final, já que só existem dois instrumentos. Como a imagem final está no ponto A, esta é a imagem do espelho côncavo. Logo, para o espelho côncavo, temos: Objeto p = 2d 30cm Espelho côncavo Imagem p' = 30 cm R f = = 20cm 2

3 1 1 1 f p p' d (2d 30) = (2d 30) 2d = 90 d = 45cm 2. (EEAr 2010) Foram justapostas duas lentes, uma de distância focal igual a 5 cm e outra de convergência igual a 4 di. A distância focal da associação destas lentes, em centímetros, é dada por: (A) 6,25 (B) 20,0 (C) 1,00 (D) 20,0 Solução 1 Como a vergência em dioptrias (di) corresponde à distância focal em metros, temos: V2 = = 4, onde f 2 está em metros. f2 Convertendo f 2 para centímetros, uma vez que o enunciado pede a resposta nesta unidade, temos f 2 = - 25 cm. Logo, vem: f 5 25 Exercícios propostos 25 = 5 f f f = 6, 25cm 1. (EFOMM 2008) Duas lentes esféricas delgadas com raios de curvatura iguais, uma bicôncava e outra biconvexa, de distâncias focais respectivamente iguais a 80 cm e 50 cm, imersas no ar (n ar = 1), foram associadas, colocando-se uma justaposta a outra, formando uma única lente. A respeito da nova lente formada, pode-se dizer que é (A) convergente com f 0,3 m (B) convergente com f 1,3 m (C) divergente com f = 0,3 m (D) convergente com f 0,3 m (E) divergente com f = 1,3 m 2. (AFA 2007) Uma lente convergente L de distância focal igual a f e um espelho esférico E com raio de curvatura igual a 2f estão dispostos coaxialmente, conforme mostra a figura abaixo. Uma lâmpada de dimensões desprezíveis é colocada no ponto P. A imagem da lâmpada produzida por essa associação é:

4 (A) imprópria; (B) virtual e estará localizada à direita da lente; (C) real e estará localizada à direita da lente; (D) virtual e estará localizada entre o espelho e a lente. 3. (AFA 2008) Um espelho esférico E de distância focal f e uma lente convergente L estão dispostos coaxialmente, com seus eixos ópticos coincidentes. Uma fonte pontual de grande potência, capaz de emitir luz exclusivamente para direita, é colocada em P. Os raios luminosos do ponto acendem um palito de fósforo com a cabeça em Q, conforme mostra a figura. Considerando-se as medidas do esquema, pode-se afirma que a distância focal da lente vale (A) f (B) f 2 (C) f 3 (D) 2 3 f. 4. (ITA 2003) A figura mostra um sistema óptico constituído de uma lente divergente, com distância focal f 1 = 20 cm, distante 14 cm de uma lente convergente com distância focal f 2 = 20 cm. Se um objeto linear é posicionado a 80 cm à esquerda da lente divergente, pode-se afirmar que a imagem definitiva formada pelo sistema: (A) é real e o fator de ampliação linear do sistema é 0,4. (B) é virtual, menor e direita em relação ao objeto. (C) é real, maior e invertida em relação ao objeto. (D) é real e o fator de ampliação linear do sistema é 0,2. (E) é virtual, maior e invertida em relação ao objeto. 5. (IME 2000_2001) Um sistema ótico é constituído por duas lentes convergentes, 1 e 2, cujas distâncias focais são f e 2f, respectivamente. A lente 1 é fixa; a lente 2 está presa à lente por uma mola cuja constante elástica é k. Com a mola em repouso, a distância entre as lentes é 2,5f. Determine o menor valor da força F para que o sistema produza uma imagem real de um objeto distante à esquerda da lente 1. OBS: despreze a força de atrito.

5 Gabarito 1. (B) 2. (B) 3. (D) 4. (A) 5. F > 0,5 k.f

MÓDULO 2 ÓPTICA E ONDAS Ronaldo Filho e Rhafael Roger

MÓDULO 2 ÓPTICA E ONDAS Ronaldo Filho e Rhafael Roger ELEMENTOS DOS ESPELHOS Os elementos geométricos que caracterizam um espelho esférico são: CAPÍTULO 03 ESPELHOS ESFÉRICOS Seccionando-se uma esfera por um plano, ela ficará dividida em duas partes ou Calotas

Leia mais

Um espelho é uma superfície muito lisa e que permita alto índice de reflexão da luz que incide sobre ele. Espelhos possuem formas variadas:

Um espelho é uma superfície muito lisa e que permita alto índice de reflexão da luz que incide sobre ele. Espelhos possuem formas variadas: * 16/03/16 Um espelho é uma superfície muito lisa e que permita alto índice de reflexão da luz que incide sobre ele. Espelhos possuem formas variadas: * *Definição *Um espelho plano é aquele em que a superfície

Leia mais

ÓPTICA GEOMÉTRICA. A luz é uma forma de energia que se propaga a uma altíssima velocidade: c=300.000 Km/s

ÓPTICA GEOMÉTRICA. A luz é uma forma de energia que se propaga a uma altíssima velocidade: c=300.000 Km/s ÓPTICA GEOMÉTRICA ÓPTICA GEOMÉTRICA A luz é uma forma de energia que se propaga a uma altíssima velocidade: c=300.000 Km/s Neste tópico, vamos estudar a Óptica sem levar em conta a natureza da luz, e sim

Leia mais

Professor (a): Pedro Paulo S. Arrais Aluno (a): Série: 1ª Data: / / 2016. LISTA DE FÍSICA I

Professor (a): Pedro Paulo S. Arrais Aluno (a): Série: 1ª Data: / / 2016. LISTA DE FÍSICA I Ensino Médio Unid. São Judas Tadeu Professor (a): Pedro Paulo S. Arrais Aluno (a): Série: 1ª Data: / / 2016. LISTA DE FÍSICA I Orientações: - A lista deverá ser respondida na própria folha impressa ou

Leia mais

1 - Introdução: Princípios da ótica geométrica

1 - Introdução: Princípios da ótica geométrica ÓTICA GEOMÉTRICA 1 - Introdução: Princípios da ótica geométrica Princípio da propagação retilínea da luz Princípio da independência dos raios luminosos Princípio da reversibilidade dos raios luminosos

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIO REFLEXÃO DA LUZ

LISTA DE EXERCÍCIO REFLEXÃO DA LUZ GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO GRÉ MATA NORTE UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES LISTA DE EXERCÍCIO REFLEXÃO DA LUZ ALUNO(A): Nº NAZARÉ DA MATA, DE DE 2015

Leia mais

01. (UECE-1996) Um menino, parado em relação ao solo, vê sua imagem em um espelho plano E colocado à parede traseira de um ônibus.

01. (UECE-1996) Um menino, parado em relação ao solo, vê sua imagem em um espelho plano E colocado à parede traseira de um ônibus. Óptica Geométrica 3 o Ano - Lista exercícios sobre espelhos planos 01. (UECE-1996) Um menino, parado em relação ao solo, vê sua imagem em um espelho plano E colocado à parede traseira de um ônibus. Se

Leia mais

5 - (UFMG) As figuras representam, de forma esquemática, espelhos e lentes.

5 - (UFMG) As figuras representam, de forma esquemática, espelhos e lentes. 1 - (Unicamp) Um sistema de lentes produz a imagem real de um objeto, conforme a figura a seguir. Calcule a distância focal e localize a posição de uma lente delgada que produza o mesmo efeito. 4 - (Uerj)

Leia mais

Exercícios Visão Humana -1.

Exercícios Visão Humana -1. Exercícios Visão Humana -1. 1. Para que alguém, com o olho normal, possa distinguir um ponto separado de outro, é necessário que as imagens desses pontos, que são projetadas em sua retina, estejam separadas

Leia mais

MÁRCIO FÍSICA REVISÃO PARA O P.A.S.

MÁRCIO FÍSICA REVISÃO PARA O P.A.S. Se alguém deseja transformar seus próprios sonhos em realidade, é preciso, primeiro, acordar (Corina Crawford) MÁRCIO FÍSICA REVISÃO PARA O P.A.S. INSTRUMENTOS ÓPTICOS E AMETROPIAS INSTRUMENTOS ÓPTICOS:

Leia mais

FÍSICA - Tomás ESPELHOS PLANOS ÓPTICA

FÍSICA - Tomás ESPELHOS PLANOS ÓPTICA CONCEITOS BÁSICOS LUZ Energia radiante que se propaga no espaço através de ondas eletromagnéticas e que sensibiliza nossa visão. C = 300.000km/s = 3.10 8 m/s Raio de luz - Segmento de reta que representa

Leia mais

Física Experimental - Óptica - EQ192.

Física Experimental - Óptica - EQ192. Índice Remissivo... 3 Abertura... 6 Guarantee / Garantia... 7 Certificado de Garantia Internacional... 7 As instruções identificadas no canto superior direito da página pelos números que se iniciam pelos

Leia mais

REFRAÇÃO DA LUZ. Neste capítulo estudaremos as leis da refração, a reflexão total e a formação de imagens nas lentes esféricas.

REFRAÇÃO DA LUZ. Neste capítulo estudaremos as leis da refração, a reflexão total e a formação de imagens nas lentes esféricas. REFRAÇÃO DA LUZ AULA 18 1- INTRODUÇÃO Neste capítulo estudaremos as leis da refração, a reflexão total e a formação de imagens nas lentes esféricas. 2- A REFRAÇÃO A refração ocorre quando a luz ao passar

Leia mais

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 3 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 3 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 3 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos: Lentes: Estudo Analítico de Gauss Mecânica: Queda Livre e Lançamento Vertical 1. (Unicamp 2013)

Leia mais

Exercícios LENTES e VISÃO DUDU

Exercícios LENTES e VISÃO DUDU Exercícios LENTES e VISÃO DUDU 1. Sherlock Holmes neste dia usava seu cachimbo e uma instrumento ótico que permitia uma análise ainda mais nítida da cena do crime. a)sabendo que no texto acima o instrumento

Leia mais

Exercícios ESPELHOS ESFÉRICOS -3.

Exercícios ESPELHOS ESFÉRICOS -3. Exercícios ESPELHOS ESFÉRICOS -3. 1. (Unesp 016) Quando entrou em uma ótica para comprar novos óculos, um rapaz deparouse com três espelhos sobre o balcão: um plano, um esférico côncavo e um esférico convexo,

Leia mais

Vestibular Comentado - UVA/2011.1

Vestibular Comentado - UVA/2011.1 Vestibular Comentado - UVA/011.1 FÍSICA Comentários: Profs.... 11. Um atirador ouve o ruído de uma bala atingindo seu alvo 3s após o disparo da arma. A velocidade de disparo da bala é 680 m/s e a do som

Leia mais

Espelhos esféricos. Calota esférica

Espelhos esféricos. Calota esférica Espelhos esféricos Espelhos esféricos são espelhos que resultam do corte de uma esfera formando o que se chama de calota esférica.nesses espelhos, uma das superfícies da calota é espelhada, produzindo

Leia mais

6. (Upe 2011) Em relação aos espelhos esféricos, analise as proposições que se seguem:

6. (Upe 2011) Em relação aos espelhos esféricos, analise as proposições que se seguem: º Lista de exercícios ESPELHOS ESFÉRICOS PROFESSOR: DUDU. (Uemg 0) Muitos profissionais precisam de espelhos em seu trabalho. Porteiros, por exemplo, necessitam de espelhos que lhes permitem ter um campo

Leia mais

Espelhos Esféricos (Método Analítico)

Espelhos Esféricos (Método Analítico) Espelhos Esféricos (Método Analítico) Espelhos Esféricos (Método Analítico) 1. Considere um espelho côncavo de aumento, com distância focal f = 1,0 m, usado para uma pessoa fazer a barba. Calcule a distância

Leia mais

EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES DE ÓPTICA GEOMÉTRICA

EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES DE ÓPTICA GEOMÉTRICA EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES DE ÓPTICA GEOMÉTRICA PROF. GISOLDI. (Unesp 204) Para observar uma pequena folha em detalhes, um estudante utiliza uma lente esférica convergente funcionando como lupa. Mantendo

Leia mais

Chamamos de instrumentos de projeção aqueles que fornecem uma imagem real, que pode, portanto, ser projetada em um anteparo, uma tela ou um filme.

Chamamos de instrumentos de projeção aqueles que fornecem uma imagem real, que pode, portanto, ser projetada em um anteparo, uma tela ou um filme. Chamamos de instrumentos de projeção aqueles que fornecem uma imagem real, que pode, portanto, ser projetada em um anteparo, uma tela ou um filme. A câmera fotográfica é constituída essencialmente por

Leia mais

Física. Leonardo Gomes (Guilherme Brigagão) 04 e Método Gráfico

Física. Leonardo Gomes (Guilherme Brigagão) 04 e Método Gráfico Lentes Método Gráfico Lentes Método Gráfico 1. As figuras representam feixes paralelos de luz monocromática incidindo, pela esquerda, nas caixas A e B, que dispõem de aberturas adequadas para a entrada

Leia mais

FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 27 TRABALHO, POTÊNCIA E ENERGIA REVISÃO

FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 27 TRABALHO, POTÊNCIA E ENERGIA REVISÃO FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 27 TRABALHO, POTÊNCIA E ENERGIA REVISÃO Fixação 1) O bloco da figura, de peso P = 50N, é arrastado ao longo do plano horizontal pela força F de intensidade F = 100N. A força de

Leia mais

EXPERIMENTO 5 ÓTICA GEOMÉTRICA: LENTES DELGADAS. Determinação das distâncias focais de lentes delgadas convergentes e divergentes.

EXPERIMENTO 5 ÓTICA GEOMÉTRICA: LENTES DELGADAS. Determinação das distâncias focais de lentes delgadas convergentes e divergentes. EXPERIMENTO 5 ÓTICA GEOMÉTRICA: LENTES DELGADAS 1. Objetivos Determinação das distâncias focais de lentes delgadas convergentes e divergentes. 2. Descrição da Experiência Equação dos pontos conjugados

Leia mais

(A) 1,5 (B) 2/3 (C) 1/3 (D) 1,25 (E) 2/25

(A) 1,5 (B) 2/3 (C) 1/3 (D) 1,25 (E) 2/25 COLÉGIO PEDRO II UNIDADE ESCOLAR SÃO CRISTÓVÃO III LISTA DE ÓPTICA SÉRIE: 3ª TURMA: 1307 1) A um aluno foi dada a tarefa de medir a altura do prédio da escola que freqüentava. O aluno, então, pensou em

Leia mais

3ª série LISTA: LENTES ESFÉRICAS. Ensino Médio. Aluno(a): Professor(a): Rodrigo Alves DIA: MÊS: 09. Segmento temático: Turmas: A

3ª série LISTA: LENTES ESFÉRICAS. Ensino Médio. Aluno(a): Professor(a): Rodrigo Alves DIA: MÊS: 09. Segmento temático: Turmas: A FÍSICA LISTA: 05 3ª série Ensino Médio Professor(a): Rodrigo Alves Turmas: A Aluno(a): Segmento temático: LENTES ESFÉRICAS DIA: MÊS: 09 2017 PROPRIEDADES DAS LENTES DELGADAS ( RAIOS NOTÁVEIS) ÇÃO DE IMAGENS

Leia mais

Ensino: Médio Professor: Renato Data:, de 2010. Trabalho de Recuperação de Física (1 e 2º Bimestres) Instruções:

Ensino: Médio Professor: Renato Data:, de 2010. Trabalho de Recuperação de Física (1 e 2º Bimestres) Instruções: Uma Escola ensando em Você luno(a): nº Série: 3 ano Disciplina: Física Ensino: Médio rofessor: Renato Data:, de 010 Trabalho de Recuperação de Física (1 e º imestres) Instruções: 1. O trabalho deverá ser

Leia mais

PROVA DE FÍSICA 2º ANO - 3ª MENSAL - 2º TRIMESTRE TIPO A

PROVA DE FÍSICA 2º ANO - 3ª MENSAL - 2º TRIMESTRE TIPO A 0) Comlete a rase marcando a oção correta. PROVA DE FÍSICA º ANO - 3ª MENSAL - º TRIMESTRE TIPO A Para rojetarmos sobre um antearo a imagem aumentada de um objeto real, disomos de três eselhos: um lano,

Leia mais

ESTUDO DAS LENTES I) INTRODUÇÃO

ESTUDO DAS LENTES I) INTRODUÇÃO ESTUDO DAS LENTES I) INTRODUÇÃO A) DEFINIÇÃO: Corresponde a uma uma substância refrigente isolada entre duas superfícies onde uma necessariamente é esférica e a outra podendo ser esférica ou plana. B)

Leia mais

LENTES ESFÉRICAS. Chama-se lente esférica a associação de dois dioptros: um necessariamente esférico e outro plano ou esférico.

LENTES ESFÉRICAS. Chama-se lente esférica a associação de dois dioptros: um necessariamente esférico e outro plano ou esférico. LENTES ESFÉRICAS Chama-se lente esérica a associação de dois dioptros: um necessariamente esérico e outro plano ou esérico. Tipos de Lentes Bordas Finas ou Delgadas Nomenclatura nome: Face de maior raio

Leia mais

COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA LISTA DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO ESPELHOS PLANOS PROF.: DUDUNEGÃO

COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA LISTA DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO ESPELHOS PLANOS PROF.: DUDUNEGÃO COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA LISTA DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO ESPELHOS PLANOS PROF.: DUDUNEGÃO 01. Duas cargas puntiformes encontram-se no vácuo a uma distância de 10cm uma da outra. As cargas valem

Leia mais

Ângulo limite e reflexão total

Ângulo limite e reflexão total Ângulo limite e reflexão total 01. (UFRJ) A figura mostra uma estrela localizada no ponto O, emitindo um raio de luz que se propaga até a Terra. Ao atingir a atmosfera, o raio desvia-se da trajetória retilínea

Leia mais

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Lentes Esféricas: Construções das Imagens

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Lentes Esféricas: Construções das Imagens Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 1º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Lentes Esféricas: Construções das Imagens 1. (Espcex (Aman) 2012) Um objeto é colocado sobre o

Leia mais

Faculdade de Tecnologia de Bauru Sistemas Biomédicos

Faculdade de Tecnologia de Bauru Sistemas Biomédicos aculdade de Tecnologia de Bauru Sistemas Biomédicos Óptica Técnica Aula 4 Lentes Esféricas Profª. Me Wangner Barbosa da osta Bauru/SP OMPORTAMENTO ÓPTIO ONVERGENTE DIVERGENTE Tipos de lentes: Lentes Esféricas

Leia mais

Trabalho 2 Dilatação térmica, escalas termométricas, reflexão da luz, espelho plano e esférico

Trabalho 2 Dilatação térmica, escalas termométricas, reflexão da luz, espelho plano e esférico Nome do aluno Turma Nº Questões Disciplina Trimestre Valor da Prova Data Trabalho 2 Dilatação térmica, escalas termométricas, reflexão da luz, espelho plano e esférico 1 - Fuvest 2012 NOTE E ADOTE Coeficiente

Leia mais

Dependência. Disciplina Física 2ª série. Cronograma Armando Horta Dumont

Dependência. Disciplina Física 2ª série. Cronograma Armando Horta Dumont Dependência Disciplina Física 2ª série Cronograma 2016 1ª Avaliação 1 Óptica 1.1 Conceitos Fundamentais. 1.2 Reflexão da Luz. 2ª Avaliação 1 Óptica 1.3 Espelhos esféricos. 1.4 Refração da Luz. 3ª Avaliação

Leia mais

Exercícios: Espelhos planos. 1-(PUC-CAMPINAS-SP) Um pincel de raios paralelos quando refletido por um espelho plano: a) conserva-se paralelo

Exercícios: Espelhos planos. 1-(PUC-CAMPINAS-SP) Um pincel de raios paralelos quando refletido por um espelho plano: a) conserva-se paralelo Exercícios: Espelhos planos. 1-(PUC-CAMPINAS-SP) Um pincel de raios paralelos quando refletido por um espelho plano: a) conserva-se paralelo d) converge b) diverge e) nenhuma das anteriores c) é difundido

Leia mais

exercícios: espelhos esféricos Prof. Chaban

exercícios: espelhos esféricos Prof. Chaban exercícios: espelhos esféricos Prof. Chaban 46.1) (UFRGS) Na figura abaixo estão representados cinco raios luminosos, refletidos por um espelho esférico convexo, e um raio incidente; indicado pela linha

Leia mais

Aula 1 Óptica geométrica, propagação retilínea e refração da luz

Aula 1 Óptica geométrica, propagação retilínea e refração da luz Aula 1 Óptica geométrica, propagação retilínea e refração da luz 1 Último bimestre Definição de corrente elétrica: Leis de Ohm e potência elétrica: i Carga totalque passa por A Intervalo de tempo V R.

Leia mais

2. Analise o esquema abaixo referente a um espelho plano. A imagem do objeto que será vista pelo observador localiza-se no ponto: a) 1 b) 2 c) 3 d) 4

2. Analise o esquema abaixo referente a um espelho plano. A imagem do objeto que será vista pelo observador localiza-se no ponto: a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 1. Considere um objeto formado por uma combinação de um quadrado de aresta a cujos vértices são centros geométricos de círculos e quadrados menores, como mostra a figura abaixo. Colocando-se um espelho

Leia mais

Óptica. Aula 6 - Lentes e Instrumentos Ópticos.

Óptica. Aula 6 - Lentes e Instrumentos Ópticos. Óptica Aula 6 - Lentes e Instrumentos Ópticos Aula passada Luz que passa de um meio transparente para outro é observada de ser 1. refletida na interface entre os meios 2. refratada (muda de direção) Dedução

Leia mais

Professora Bruna FÍSICA B. Aulas 19 e 20 Construindo Imagens. Página 189

Professora Bruna FÍSICA B. Aulas 19 e 20 Construindo Imagens. Página 189 FÍSICA B Aulas 19 e 20 Construindo Imagens Página 189 INTRODUÇÃO Onde e para que finalidade utilizamos lentes? Assim como fizemos para construção de imagens em espelhos esféricos, definiremos alguns pontos

Leia mais

Óptica Geométrica. Exercícios complementares Óptica parte 1

Óptica Geométrica. Exercícios complementares Óptica parte 1 Óptica Geométrica Exercícios complementares Óptica parte 1 1. (UFRJ) No dia 3 de novembro de 1994 ocorreu o último eclipse total do Sol deste milênio. No Brasil, o fenômeno foi mais bem observado na Região

Leia mais

Espelhos Planos. Reflexões. O objeto iluminado só poderá ser visto se a luz refletida por ele atingir nossos olhos. ESPELHOS PLANOS PROF.

Espelhos Planos. Reflexões. O objeto iluminado só poderá ser visto se a luz refletida por ele atingir nossos olhos. ESPELHOS PLANOS PROF. O objeto iluminado só poderá ser visto se a luz refletida por ele atingir nossos olhos. Espelhos Planos Reflexões ESPELHOS PLANOS PROF.: JEAN CARLO Espelhos Planos objeto A B Espelho d A B imagem d Essa

Leia mais

COLÉGIO SHALOM. Trabalho de recuperação Ensino Médio 2º Ano Profº: Wesley da Silva Mota Física

COLÉGIO SHALOM. Trabalho de recuperação Ensino Médio 2º Ano Profº: Wesley da Silva Mota Física COLÉGIO SHALOM Trabalho de recuperação Ensino Médio 2º Ano Profº: Wesley da Silva Mota Física Entrega na data da prova Aluno (a) :. No. 01-(Ufrrj-RJ) A figura a seguir mostra um atleta de ginástica olímpica

Leia mais

Formação Geométrica de Imagens Lentes Esféricas

Formação Geométrica de Imagens Lentes Esféricas Formação Geométrica de Imagens Lentes Esféricas Prof Wildson W de Aragão @Wiildsoon Comportamento Óptico das Lentes O comportamento da lente depende do meio material em que ela se encontra. Lentes - Wildson

Leia mais

NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA II - TURMA 222 PROFº ROGÉRIO 1º BIMESTRE

NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA II - TURMA 222 PROFº ROGÉRIO 1º BIMESTRE 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2015 90 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA II - TURMA 222 PROFº ROGÉRIO 1º BIMESTRE

Leia mais

3ª Série / Vestibular _ TD 14

3ª Série / Vestibular _ TD 14 3ª Série / Vestibular _ TD 14 01. Um mol de gás ideal sofre o processo de transformação mostrado na figura abaixo. Em função exclusiva da constante universal dos gases R e da temperatura absoluta T descrita

Leia mais

FÍSICA PROFº JAISON MATTEI

FÍSICA PROFº JAISON MATTEI FÍSICA PROFº JAISON MATTEI 1. Durante algum tempo, acreditou-se que o eclipse solar representava a ira dos deuses sobre a humanidade. Hoje, sabe-se que este eclipse é um fenômeno natural no qual a Lua

Leia mais

Lista de Exercícios Campo Elétrico

Lista de Exercícios Campo Elétrico Considere k o = 9,0. 10 9 N. m 2 /C 2 Lista de Exercícios Campo Elétrico 1. Uma partícula de carga q = 2,5. 10-8 C e massa m = 5,0. 10-4 kg, colocada num determinado ponto P de uma região onde existe um

Leia mais

SOLUÇÕES N2 2015. item a) O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2.

SOLUÇÕES N2 2015. item a) O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2. Solução da prova da 1 a fase OBMEP 2015 Nível 1 1 SOLUÇÕES N2 2015 N2Q1 Solução O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2. Com um

Leia mais

figura 1 índice de refração: n 2 = 1,7; adotando que a lente está inicialmente no ar, índice de refração do ar: n 1 = 1.

figura 1 índice de refração: n 2 = 1,7; adotando que a lente está inicialmente no ar, índice de refração do ar: n 1 = 1. Uma lente delgada biconvexa cujos raios de curvatura são iguais a 42 cm, tem índice de refração,7. Introduz-se essa lente num cuba transparente de faces paralelas, verticais e de espessura desprezível.

Leia mais

LENTES ESFÉRICAS (LEI DE GAUSS)

LENTES ESFÉRICAS (LEI DE GAUSS) LENTES ESFÉRICAS (LEI DE GAUSS) 1. Um objeto real é colocado perpendicularmente ao eixo principal de uma lente convergente, de distância focal f. Se o objeto está a uma distância 3 f da lente, a distância

Leia mais

n n n. Nessas condições, são feitas as seguintes afirmativas:

n n n. Nessas condições, são feitas as seguintes afirmativas: 1. (Epcar (Afa) 2017) Considere uma lente esférica delgada, S, de bordas finas, feita de material de índice de refração n maior do que o índice de refração do ar. Com esta lente podem-se realizar dois

Leia mais

TRABALHO DE FÍSCA 1º ANO A 1º BIMESTRE FÍSICA B PROF JOÃO RODRIGO

TRABALHO DE FÍSCA 1º ANO A 1º BIMESTRE FÍSICA B PROF JOÃO RODRIGO TRABALHO DE FÍSCA 1º ANO A 1º BIMESTRE FÍSICA B PROF JOÃO RODRIGO 1. (UNICAMP) Um sistema de lentes produz a imagem real de um objeto, conforme a figura a seguir. Calcule a distância focal e localize a

Leia mais

XXVII CPRA LISTA DE EXERCÍCIOS FÍSICA (CINEMÁTICA)

XXVII CPRA LISTA DE EXERCÍCIOS FÍSICA (CINEMÁTICA) XXVII CPRA LISTA DE EXERCÍCIOS FÍSICA (CINEMÁTICA) 1) Na Figura 1, uma esfera lisa pode ser lançada por três escorregadores polidos. Ordene os escorregadores de acordo com o trabalho que a força gravitacional

Leia mais

FÍSICA I. 02. Observa-se, na figura a seguir, uma corda fixa em suas extremidades na qual foi estabelecida uma onda estacionária.

FÍSICA I. 02. Observa-se, na figura a seguir, uma corda fixa em suas extremidades na qual foi estabelecida uma onda estacionária. FÍSICA I Esta prova tem por finalidade verificar seus conhecimentos das leis que regem a natureza. Interprete as questões do modo mais simples e usual. Não considere complicações adicionais por fatores

Leia mais

Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão: br/refletores.html. Professor: Emerson Luis

Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão:  br/refletores.html. Professor: Emerson Luis Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão: http://www.telescopiosastronomicos.com. br/refletores.html Professor: Emerson Luis Espelhos esféricos Calota Professor: Emerson Luis Plano de

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS ESPELHOS ESFÉRICOS PROF. PEDRO RIBEIRO

LISTA DE EXERCÍCIOS ESPELHOS ESFÉRICOS PROF. PEDRO RIBEIRO LISTA DE EXERCÍCIOS ESPELHOS ESFÉRICOS PROF. PEDRO RIBEIRO Questão 01 - (UEPG PR) A figura abaixo representa um espelho esférico convexo com um objeto à sua frente. A distância do objeto ao espelho é igual

Leia mais

ESPELHOS ESFÉRICOS - 01

ESPELHOS ESFÉRICOS - 01 ESPELHOS ESFÉRICOS - 01 1. (Ufu 2015) Uma pessoa projeta em uma tela a imagem de uma lâmpada, porém, em um tamanho quatro vezes maior do que seu tamanho original. Para isso, ela dispõe de um espelho esférico

Leia mais

ESPELHOS ESFÉRICOS - INTERMEDIÁRIO

ESPELHOS ESFÉRICOS - INTERMEDIÁRIO ESPELHOS ESFÉRICOS - INTERMEDIÁRIO A Equipe SEI selecionou exercícios de concursos sobre espelhos esféricos, para que você possa aprimorar seus conhecimentos. Os exercícios selecionados são de nível intermediário.

Leia mais

LENTES SABINO. Prof. Sabino

LENTES SABINO. Prof. Sabino Prof. Sabino Nomenclatura das lentes Bi convexa Plano convexa Côncavo convexa Nomenclatura das lentes Bi côncava I Plano côncava III Convexo côncava AR CONVERGENTE VIDRO DIVERGENTE VIDRO AR AR AR V I D

Leia mais

AULA 06 CONSTRUÇÃO DE IMAGENS APOSTILA 2 FSC-D

AULA 06 CONSTRUÇÃO DE IMAGENS APOSTILA 2 FSC-D AULA 06 CONSTRUÇÃO DE IMAGENS APOSTILA 2 FSC-D -Todo raio luminoso que incide no espelho paralelamente ao eixo principal, reflete passando pelo foco, ou em sua direção. C F V C F V -Todo raio luminoso

Leia mais

OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR

OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR ASSESSORIA TÉCNICA Processo Avaliativo 1º Bimestre/2015 Disciplinas: Física B 1ª série EM Nome do aluno Nº Turma A lista de exercícios abaixo, consta de 12 questões diversas,

Leia mais

a) N B > N A > N C. b) N B > N C > N A. c) N C > N B > N A. d) N A > N B > N C. e) N A = N C = N B.

a) N B > N A > N C. b) N B > N C > N A. c) N C > N B > N A. d) N A > N B > N C. e) N A = N C = N B. Prof. Renato SESI Carrão Física 1º. ano 2011 Lista de exercícios 1 (Aulas 13 a 24) *** Formulário *** v = Δx/Δt Δx = x f x i Δt = t f t i a = Δv/Δt Δv = v f v i F R = m.a g = 10 m/s 2 P = m.g F at = μ.n

Leia mais

LEIS DE NEWTON. a) Qual é a tensão no fio? b) Qual é a velocidade angular da massa? Se for necessário, use: sen 60 = 0,87, cos 60 = 0,5.

LEIS DE NEWTON. a) Qual é a tensão no fio? b) Qual é a velocidade angular da massa? Se for necessário, use: sen 60 = 0,87, cos 60 = 0,5. LEIS DE NEWTON 1. Um pêndulo cônico é formado por um fio de massa desprezível e comprimento L = 1,25 m, que suporta uma massa m = 0,5 kg na sua extremidade inferior. A extremidade superior do fio é presa

Leia mais

COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA Disciplina:

COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA Disciplina: COLÉGIO RESSURREIÇÃO NOSSA SENHORA Disciplina: Professor: Física Eduardo LISTA DE EXERCÍCIOS PROVA FINAL Data: 28/10 /2011 Série/Turma: 2 Ano EF TÓPICO 01: ESPELHOS PLANOS 01 Um objeto é colocado entre

Leia mais

Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3

Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3 Nota Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3 Data: 18 de maio de 2012 Curso: Ensino Médio 3 ano A Professora: Luciana M.A. Teixeira Nome: Nº Instruções gerais Para a resolução desta

Leia mais

Centro de gravidade de um corpo é o ponto onde podemos supor que seu peso esteja aplicado.

Centro de gravidade de um corpo é o ponto onde podemos supor que seu peso esteja aplicado. Apostila de Revisão n 4 DISCIPLINA: Física NOME: N O : TURMA: 2M311 PROFESSOR: Glênon Dutra DATA: Mecânica - 4. Corpo Rígido 4.1. Torque análise semiquantitativa, na Primeira Etapa, e quantitativa, na

Leia mais

Está CORRETO apenas o contido em: a) I e II. b) I e III. c) III e IV. d) I, II e IV. e) II, III e IV.

Está CORRETO apenas o contido em: a) I e II. b) I e III. c) III e IV. d) I, II e IV. e) II, III e IV. 3. (Uern 013) Na figura, estão representadas duas associações de resistores. Lista de Exercícios Resolvida Associação de resistores Prof. Paulo Roberto 1. (Espcex (Aman) 01) Um circuito elétrico é constituído

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Senhora da Hora

Agrupamento de Escolas da Senhora da Hora Agrupamento de Escolas da Senhora da Hora Curso Profissional de Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Informação Prova da Disciplina de Física e Química - Módulo: 7 Luz e Fontes de luz; Ótica

Leia mais

EXERCÍCIOS DE ÓPTICA E VETORES 1º ANO

EXERCÍCIOS DE ÓPTICA E VETORES 1º ANO EXERCÍCIOS DE ÓPTICA E VETORES 1º ANO 1º) Em cada um dos casos abaixo determine o módulo da força resultante que atua no corpo: a) F 1 = 3N F 2 = 4N b) F 1 = 3N F 2 = 4N c) F 2 = 4N F 1 = 3N 2º) (PUC-PR)

Leia mais

Apostila de Física 39 Lentes Esféricas

Apostila de Física 39 Lentes Esféricas Apostila de Física 39 Lentes Esféricas 1.0 Definições Lente Sistemas ópticos de maior importância em nossa civilização. Lente esférica Sistema óptico constituído por 3 meios homogêneos e transparentes

Leia mais

Exercício. setor Aula 16. d i d o. = n passa n provém DIOPTRO PLANO. Ar (provém) (passa) Água. do = 4m n passa = 1 4 n provém = 3 di =?

Exercício. setor Aula 16. d i d o. = n passa n provém DIOPTRO PLANO. Ar (provém) (passa) Água. do = 4m n passa = 1 4 n provém = 3 di =? setor 203 203009 203009-SP Aula 6 DIPTR PLAN º- CAS: objeto no meio mais refringente e observador no meio menos refringente. fronteira do dioptro d i d o Determine a distância da imagem da arraia observada,

Leia mais

FÍSICA EXERCÍCIOS DE HIDROSTÁTICA

FÍSICA EXERCÍCIOS DE HIDROSTÁTICA FÍSICA EXERCÍCIOS DE HIDROSTÁTICA 1 SOBRE Apanhado de exercícios sobre hidrostática selecionados por segrev. O objetivo é que com esses exercícios você esteja preparado para a prova, mas não use-os como

Leia mais

UNIDADE 1. constante para tais ondas (que são eletromagnéticas), então λ.f = cte.

UNIDADE 1. constante para tais ondas (que são eletromagnéticas), então λ.f = cte. UNIDADE 1 (Fuvest 98) Uma bóia pode se deslocar livremente ao longo de uma haste vertical, fixada no fundo do mar. Na figura, a curva cheia representa uma onda no instante t = 0s e a curva tracejada a

Leia mais

LISTA ELETROSTÁTICA 3ª SÉRIE

LISTA ELETROSTÁTICA 3ª SÉRIE 1. (Pucrj 013) Duas cargas pontuais q1 3,0 μc e q 6,0 μc são colocadas a uma distância de 1,0 m entre si. Calcule a distância, em metros, entre a carga q 1 e a posição, situada entre as cargas, onde o

Leia mais

Exercícios Dissertativos

Exercícios Dissertativos Exercícios Dissertativos 1. (2002) O Sol tem diâmetro de 1, 4.10 9 m e a sua distância média à Terra é de 1, 5.10 11 m. Um estudante utiliza uma lente convergente delgada de distância focal 0,15 m para

Leia mais

Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão: br/refletores.html. Professor: Emerson Luis

Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão:  br/refletores.html. Professor: Emerson Luis Ótimo site com diversos exemplos de telescópios de reflexão: http://www.telescopiosastronomicos.com. br/refletores.html Espelhos esféricos Calota Plano de corte 1) Espelho Côncavo C Superfície Refletora

Leia mais

Tema de Física Eletrostática Força elétrica e campo elétrico Prof. Alex S. Vieira

Tema de Física Eletrostática Força elétrica e campo elétrico Prof. Alex S. Vieira Tema de Física Eletrostática Força elétrica e campo elétrico 1) Se, após o contato e posterior separação, F 2 é o módulo da força coulombiana entre X e Y, podese afirmar corretamente que o quociente F

Leia mais

ESPELHOS. Neste capítulo estudaremos as leis da reflexão, a formação de imagens nos espelhos planos e nos espelhos esféricos.

ESPELHOS. Neste capítulo estudaremos as leis da reflexão, a formação de imagens nos espelhos planos e nos espelhos esféricos. AULA 17 ESPELHOS 1- INTRODUÇÃO Neste capítulo estudaremos as leis da reflexão, a formação de imagens nos espelhos planos e nos espelhos esféricos. 2- LEIS DA REFLEXÃO A reflexão da luz ocorre quando um

Leia mais

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Professoras: Rosimeire Borges 2ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE FÍSICA

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO Professoras: Rosimeire Borges 2ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE FÍSICA COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professoras: Rosimeire Borges 2ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE FÍSICA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES Estudante: Turma: Data: / / Conteúdos: - CAPÍTULO

Leia mais

Óptica Geométrica. => vi = 2vE

Óptica Geométrica. => vi = 2vE Disciplina: Física para Olimpíadas Assunto: Óptica (Teoria e questões antigas da OBF 2ª fase) Professor: Gustavo Mendonça Óptica Geométrica 1) Introdução à Óptica Geométrica: Na Lousa! 2) Reflexão: Fenômeno

Leia mais

Espelhos Esféricos Gauss e Construções 2016

Espelhos Esféricos Gauss e Construções 2016 Espelhos Esféricos Gauss e Construções 2016 1. (G1 - ifsul 2016) Um objeto real é colocado perpendicularmente ao eixo principal de um espelho esférico convexo. Nota-se que, nesse caso, a altura da imagem

Leia mais

Esquema simplificado do olho humano

Esquema simplificado do olho humano O Olho Humano Esquema simplificado do olho humano A estrutura do olho humano comporta-se como uma lente convergente, comumente distante de 5 mm da Córnea e a 15 mm da retina. Funcionamento do Olho A luz

Leia mais

21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU

21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU 1 21- EXERCÍCIOS FUNÇÕES DO SEGUNDO GRAU 1. O gráfico do trinômio y = ax 2 + bx + c. Qual a afirmativa errada? a) se a > 0 a parábola possui concavidade para cima b) se b 2 4ac > 0 o trinômio possui duas

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9º ano- UNIDADE 4 - CAPÍTULO 2. questão347. Um objeto verde absorve ou reflete a luz verde?

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9º ano- UNIDADE 4 - CAPÍTULO 2. questão347. Um objeto verde absorve ou reflete a luz verde? ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9º ano- UNIDADE 4 - CAPÍTULO 2 questão346. Defina o que é a luz. questão347. Um objeto verde absorve ou reflete a luz verde? questão348. O que é isotropia? questão349. Em

Leia mais

Microsoft Word - DTec_05_-_Escalas-exercicios_2-questoes - V. 01.doc

Microsoft Word - DTec_05_-_Escalas-exercicios_2-questoes - V. 01.doc Página 1 de 7 EXERCÍCIOS DE ESCALAS Exercícios baseados em material didático da disciplina de Cartografia ministrada pelo Prof Severino dos Santos no Curso de Georeferenciamento Aplicado à Geodésia. o

Leia mais

Trabalho Prático nº 5

Trabalho Prático nº 5 ONDAS E ÓPTICA - 2008/2009 Trabalho Prático nº 5 LENTES ESPESSAS; ASSOCIAÇÃO DE LENTES 1 Objectivo Pretende-se verificar experimentalmente a formação da imagem dada por sistemas ópticos simples, constituídos

Leia mais

Como representar uma lente convergente e uma lente divergente.

Como representar uma lente convergente e uma lente divergente. Lentes Esféricas Lente é todo meio transparente limitado por duas superfícies curvas ou uma curva e uma plana. São encontradas em lupas, microscópios, telescópios, máquinas fotográficas, projetores, filmadoras,

Leia mais

Questão 1. Questão 2. Lista de Exercícios - 2º ano - Física - 3º trimestre Aluno: Série: Turma: Data:

Questão 1. Questão 2. Lista de Exercícios - 2º ano - Física - 3º trimestre Aluno: Série: Turma: Data: Lista de Exercícios - 2º ano - Física - 3º trimestre Aluno: Série: Turma: Data: Questão 1 A imagem de um objeto formada por um espelho côncavo mede metade do tamanho do objeto. Se o objeto é deslocado

Leia mais

Apontamentos de matemática 5.º ano - Múltiplos e divisores

Apontamentos de matemática 5.º ano - Múltiplos e divisores Múltiplos e divisores (revisão do 1.º ciclo) Os múltiplos de um número inteiro obtêm-se multiplicando esse número pela sequência dos números inteiros. Exemplos: Alguns múltiplos de 6 são: 0, 6, 12, 18,

Leia mais

Equilíbrio de Corpos Extensos

Equilíbrio de Corpos Extensos Equilíbrio de Corpos Extensos 1. (G1 - ifsp 2013) Em um parque de diversão, Carlos e Isabela brincam em uma gangorra que dispõe de dois lugares possíveis de se sentar nas suas extremidades. As distâncias

Leia mais

Exercícios de Eletrostática Lista 1

Exercícios de Eletrostática Lista 1 Exercícios de Eletrostática Lista 1 1. Se tivermos um balão de borracha com uma carga positiva distribuída sobre sua superfície, podemos afirmar que (A) na região externa ao balão o campo elétrico é nulo.

Leia mais

Óptica Geométrica 9º EF

Óptica Geométrica 9º EF Óptica Geométrica 9º EF Fonte de luz Estrelas Lâmpada acesa Lua Lâmpada apagada Fonte Primária Fonte Secundária Classificação de fontes de luz Quanto a emissão a) Fonte Primária (luminoso): produz a luz

Leia mais

Imagens por Espelhos e Lentes

Imagens por Espelhos e Lentes Capítulo 3 Imagens por Espelhos e Lentes 3.1 Objetos e Imagens Para ver um objeto, sua luz deve ser direcionada à retina, onde se forma a imagem. Figura 3.1: Podemos ver um objeto olhando para ele ou para

Leia mais

LENTES ÓPTICAS INTRODUÇÃO

LENTES ÓPTICAS INTRODUÇÃO LENTES ÓPTICAS INTRODUÇÃO Dentre os componentes de sistemas ópticos mais úteis, devemos citar as lentes. Se você tiver oportunidade de olhar detalhadamente a estrutura de uma máquina fotográfica moderna

Leia mais

Atividades Para fixar a formação de imagens nas lentes convergentes e divergentes, clique no link abaixo e movimente o objeto que está posicionado dainte da lente. Observe o que acontece com a imagem à

Leia mais

Prisma óptico. Reflexão total. D = (n-1)a. Espelho esférico. Lente fina ÓPTICA DOS RAIOS.

Prisma óptico. Reflexão total. D = (n-1)a. Espelho esférico. Lente fina ÓPTICA DOS RAIOS. Refleão total sen θ = ma n n 2 ÓPTICA DOS RAIOS Prisma óptico sin i = n sin r sin i 2 = n sin r 2 r + r 2 = A D = i + i 2 -A D = (n-)a Espelho esférico Lente fina p + q = 2 R = f p + q = ( n ) R + R 2

Leia mais