CICLO JAZZ GALP 1 º S E M E S T R E 2 011

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CICLO JAZZ GALP 1 º S E M E S T R E 2 011"

Transcrição

1 CICLO JAZZ GALP 1 º S E M E S T R E 2 011

2 MECENAS ciclo jazz O ano dedicado ao país do jazz traz à Casa da Música algumas das principais referências do panorama norte-americano. Das abordagens revolucionárias de Steve Coleman ou Steve Lehman, dois músicos que têm introduzido uma nova complexidade na linguagem do jazz, à improvisação livre e experimental de Ken Vandermark ou Elliott Sharp, o Ciclo de Jazz 2011 aposta também fortemente nos músicos portugueses. Um dos momentos-chave deste primeiro semestre é o concerto do Overtone Quartet, um colectivo all-star com o inglês Dave Holland e três sumidades de uma outra geração: Jason Moran, Chris Potter e Eric Harland. Com o quarteto de Daniel Levin, podemos ouvir um instrumento menos convencional neste género de música, o violoncelo. Já o pianista Brad Mehldau reafirma a sua predilecção pelos cruzamentos de estilos e apresenta um ciclo de canções que compôs para a meio-soprano lírica Anne Sofie von Otter. A voz está presente também em três concertos completamente distintos: os ambientes intimistas, e os flirts com a pop, de Patricia Barber; a alma gospel e blues da compositora vanguardista Amina Claudine Myers; e ainda a portuguesa Sara Serpa, cantora/compositora que se integra no jazz moderno como poucas no nosso país. Por falar em música portuguesa, assinala-se a presença de dois pianistas e compositores que ao longo das últimas décadas têm moldado a identidade do jazz nacional: João Paulo Esteves da Silva e António Pinho Vargas. O guitarrista Afonso Pais apresenta o seu novo álbum, tal como o jovem pianista Luís Figueiredo. Descubra nas páginas seguintes as muitas razões para não perder os 14 concertos deste primeiro semestre do Ciclo de Jazz A CASA DA MÚSICA É MEMBRO DE

3 CICLO JAZZ GALP LUÍS FIGUEIREDO TRIO 11 JAN

4 11 JAN TERÇA 19:30 SALA 2 7,5 TERÇA FIM DE TARDE NOVOS VALORES DO JAZZ Luís Figueiredo piano Nelson Cascais contrabaixo Bruno Pedroso bateria Em actividade desde 2009, o Luís Figueiredo Trio dedica-se sobretudo à interpretação de composições originais, bem como de standards do repertório jazzístico e ainda composições vindas de outros universos musicais. Ao jovem pianista Luís Figueiredo juntam-se Nelson Cascais e Bruno Pedroso, duas figuras incontornáveis do jazz feito em Portugal. Neste concerto na Casa da Música poderemos escutar alguns dos temas que integram o primeiro disco do trio, Manhã, gravado em 2010 para a JACC Records. MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

5 CICLO JAZZ GALP STEVE LEHMAN OCTET 25 JAN

6 25 JAN TERÇA 22:00 SALA SUGGIA 20 JANTAR + CONCERTO 35 Steve Lehman saxofone alto Jonathan Finlayson trompete Mark Shim saxofone tenor Tim Albright trombone Dan Peck tuba Chris Dingman vibrafone Drew Gress contrabaixo Tyshawn Sorey bateria A nova formação de Steve Lehman foi, talvez, a maior surpresa do jazz nova-iorquino em O CD Travail, Transformation, and Flow transitou de imediato para o topo das listas de melhores do ano em todo o mundo. Com base numa construção rítmica que vai beber ao hip-hop e ao drum n bass, seguindo as premissas do colectivo M-Base que tanto marcaram Lehman, o que define este disco é a aplicação dos recursos harmónicos do espectralismo, pela primeira vez no jazz. A música de Steve Lehman abre uma nova etapa para o futuro do jazz e representa uma das maiores inovações deste género nas últimas décadas. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

7 CICLO JAZZ GALP AFONSO PAIS 30 JAN

8 30 JAN DOMINGO 22:00 SALA 2 10 Afonso Pais guitarra eléctrica Albert Sanz órgão Hammond Luis Candeias bateria O guitarrista Afonso Pais revelou-se nos últimos anos uma das figuras mais sólidas do jazz nacional. Apresenta na Casa da Música o seu novo disco, Fluxorama, tendo como ponto de partida os standards do cancioneiro norte-americano e brasileiro, tal como um conjunto de composições originais. O trio aposta na versatilidade de repertório e diversidade tímbrica, como forma de preservar a sonoridade original desta formação clássica do jazz que junta a guitarra ao órgão e à bateria, sem no entanto a copiar integralmente. MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

9 CICLO JAZZ GALP OJM & JOÃO PAULO ESTEVES DA SILVA 05 FEV

10 05 FEV SÁBADO 22:00 SALA SUGGIA 15 JANTAR + CONCERTO 30 Uma das respostas à pergunta O jazz português existe? encontra-se no nome deste pianista e compositor. João Paulo Esteves da Silva é uma das figuras mais originais da música portuguesa, quer a solo quer em formações jazzísticas, mas também no trabalho com alguns dos melhores autores da música de raiz popular. Improvisador talentoso em qualquer contexto, não deixa de recorrer frequentemente a melodias e ritmos que estão impregnados nas tradições mais profundas do folclore português. A Orquestra Jazz de Matosinhos regressa assim à Sala Suggia com um solista nacional de excepção. MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

11 CICLO JAZZ GALP DANIEL LEVIN QUARTET 24 FEV

12 24 FEV SÁBADO 22:00 SALA 2 10 JANTAR + CONCERTO 25 Daniel Levin violoncelo Nate Wooley trompete Matt Moran vibrafone Peter Bitenc contrabaixo Só o facto de Daniel Levin usar, no seu quarteto, uma instrumentação pouco convencional no jazz é já motivo suficiente para que seja explorado um universo inteiramente novo de timbres, expressões e gestos musicais. A exemplo do que acontece no seu álbum mais recente, Live at Roulette (Clean Feed, 2009), o violoncelista abandona as estruturas conhecidas e o formato canção para abrir a sua música ao diálogo plenamente livre entre os músicos. Um jazz de câmara moderno onde a improvisação abstracta dá origem a um lirismo profundamente comovente. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

13 CICLO JAZZ GALP QUARTETO ANTÓNIO PINHO VARGAS 04 MAR

14 04 MAR SEXTA 22:00 SALA SUGGIA 15 JANTAR + CONCERTO 30 António Pinho Vargas piano José Nogueira saxofone Pedro Barreiros contrabaixo Mário Barreiros bateria Trinta anos passaram sobre o surgimento do Quarteto de António Pinho Vargas, um grupo crucial da história do jazz português. Entre 1983 e 89 gravou quatro álbuns que marcaram definitivamente uma época, mantendo sempre como base da formação os mesmos quatro músicos. Regressado ao jazz depois de uma longa ausência, o pianista reencontra-se agora com Mário Barreiros, José Nogueira e Pedro Barreiros. Uma oportunidade para lembrar aquele grupo que nos anos 80 trouxe músicas que o publico não quis esquecer. MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

15 CICLO JAZZ GALP AMINA CLAUDINE MYERS TRIO 17 MAR

16 17 MAR QUINTA 22:00 Amina Claudine Myers piano, Hammond, voz Jerome Harris baixo Reggie Nicholson bateria SALA 2 10 JANTAR + CONCERTO 25 Amina Claudine Myers é conhecida não só como pianista, organista e cantora, mas também pelas suas composições para coros, ensembles instrumentais e vocais. Tornou-se membro da Association for the Advancement of Creative Musicians, em 1966, e trabalhou com figuras como Archie Shepp, Charlie Haden, Sonny Stitt e Muhal Richard Abrams. A sua versatilidade leva-a da música mais vanguardista às canções com raízes no gospel e no blues, ligação que cultivou desde muito cedo. Não é, por isso, de estranhar o enorme carácter expressivo que transpira das suas interpretações e que poderemos ouvir neste concerto em trio. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

17

18 26 MAR SÁBADO 22:00 SALA SUGGIA 30 JANTAR + CONCERTO 45 Love songs Brad Mehldau e Anne Sofie von Otter são artistas conhecidos pela sua aversão a barreiras estilísticas. O pianista norte-americano afirmou-se nas duas últimas décadas como uma das estrelas mais brilhantes do jazz actual e tem cultivado os cruzamentos de linguagens com visitas quer à musica pop quer à clássica. Escreveu para agrupamentos sinfónicos e também para solistas de renome. Recentemente, por encomenda do Carnegie Hall de Nova Iorque, compôs o ciclo de canções Love Songs, com poemas de Sara Teasdale ( ), escrito para uma das meio-sopranos mais celebradas e requisitadas nos palcos de ópera. Além das canções de Mehldau, o duo tem interpretado peças de grandes autores como Jacques Brel, Leo Ferré, Michel Legrand, Paul McCartney e Joni Mitchell, entre outros. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

19 CICLO JAZZ GALP SARA SERPA 05 ABR

20 05 ABR TERÇA 19:30 SALA 2 TERÇA FIM DE TARDE NOVOS VALORES DO JAZZ JANTAR + CONCERTO 22,5 Sara Serpa voz e composição André Matos guitarra Kris Davis piano Matt Brewer contrabaixo Tommy Crane bateria A sólida reputação que Sara Serpa conquistou como vocalista, improvisadora e compositora tem-lhe valido os mais rasgados elogios da crítica. As suas constantes viagens entre Lisboa, Boston e Nova Iorque (onde vive) tornaram-na especialmente sensível ao tema das viagens. Assim, o novo disco que agora é editado inspirase em narrativas de viajantes e exploradores. Cada uma das composições que criou é baseada num livro específico, passando por autores como Heródoto, Kapuscinski, Chatwin, Naipaul e Steinbeck ou personagens como Ahab, Huckleberry Finn e Corto Maltese. MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

21 CICLO JAZZ GALP DAVE HOLLAND CHRIS POTTER JASON MORAN ERIC HARLAND OVERTONE QUARTET 09 ABR

22 09 ABR TERÇA 19:30 SALA SUGGIA 25 JANTAR + CONCERTO 40 Dave Holland contrabaixo Chris Potter saxofone Jason Moran piano Eric Harland bateria Vencedor de três Grammys, o contrabaixista britânico Dave Holland tem tido um papel fundamental na história do jazz desde há quatro décadas, trazendo sofisticação e imaginacão a todos os projectos nos quais participa. Na sua linguagem convivem a tradição, o blues e a improvisação livre, sem qualquer preconceito estilístico. Overtone Quartet é um projecto colaborativo que reúne Holland com três músicos extraordinários de uma outra geração, nascidos na década de Todos os elementos contribuem com composições, que servem como veículo para a criatividade de um quarteto de autênticas estrelas do firmamento jazzístico. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

23 CICLO JAZZ GALP PATRICIA BARBER 09 ABR

24 23 ABR SÁBADO 22:00 SALA 2 25 JANTAR + CONCERTO 40 Cantora e pianista singular, Patricia Barber mantém uma carreira intensa e um lugar de destaque entre as vozes do jazz actual. Revelou-se pioneira logo no seu primeiro álbum, em 1992, ao gravar uma canção pop contemporânea quando mais ninguém o fazia no jazz. A originalidade de Barber encontra- se não só na voz escura de contralto e no carácter introspectivo que imprime às suas interpretações, mas muito especialmente na sua veia de compositora de canções, onde aposta no risco e na inovação. O programa do concerto que traz à Casa da Musica inclui algumas das canções de Cole Porter que deram forma ao seu álbum The Cole Porter Mix, em MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

25 CICLO JAZZ GALP ELLIOTT SHARP S CARBON 28 ABR

26 28 ABR QUINTA 22:00 SALA 2 10 JANTAR + CONCERTO 25 Elliott Sharp guitarra, baixo, saxofone, electrónica David Weinstein sintetizador, laptop Marc Sloan baixo Joseph Trump bateria, percussão A música experimental que nos chega de Nova Iorque tem no multi-instrumentista Elliott Sharp um notável representante. Desde os anos oitenta que se perfila entre os mais importantes inovadores, ao lado de John Zorn, Arto Lindsay e Marc Ribot, explorando as fronteiras das músicas improvisada, composta e electrónica, com raízes no jazz, no blues e no rock. As suas influências vão de Jimi Hendrix a Stockhausen e às músicas do mundo, o que se traduz numa abordagem crua e inflamada bem patente no colectivo Carbon. Reunido pela primeira vez em inícios da década de 80, o grupo regressa agora com o seu décimo álbum Void Coordinates e revela-se, segundo Sharp, ao serviço do groove e da transformação química psico-acústica. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

27 CICLO JAZZ GALP STEVE COLEMAN & FIVE ELEMENTS 15 MAI

28 15 MAI DOMINGO 22:00 SALA SUGGIA 15 ASTRONOMICAL/ASTROLOGICAL MUSIC PROJECT" Steve Coleman saxofone Jen Shyu voz Jonathan Finlayson trompete Miles Okazaki guitarra David Virelles piano Considerado como a figura mais influente desde Coltrane, Steve Coleman é um dos fundadores do movimento M-Base, orientado para a conceptualização da expressão criativa. A sua música torna-se revolucionária pela forma como combina estrutura e improvisação e tem tido repercussões profundas no jazz desde os anos 80. O saxofonista procura inspiração, desde há muito, nas ligações astrológicas e místicas, respondendo a questões filosóficas com música coesa, complexa e estruturada de um modo que é inovador no jazz, sem descurar a intuição e a espontaneidade. A música deste concerto de Steve Coleman & Five Elements, grupo que mantém actividade desde 1981, passará pelo álbum Harvesting Semblances and Affinities. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

29 CICLO JAZZ GALP KEN VANDERMARK 22 MAI

30 22 MAI DOMINGO 22:00 SALA 2 10 Platform 1" Ken Vandermark saxofone tenor Steve Swell trombone Magnus Broo trompete Joe Williamson contrabaixo Michael Vatcher bateria Cada projecto em que se envolve Ken Vandermark, considerado por várias publicações como um dos músicos mais importantes do free jazz, é uma oportunidade para ouvir o que de melhor se faz na vanguarda da música improvisada. A sua música centra-se nas sonoridades contemporâneas com recurso a métodos avançados de improvisação. O saxofonista norte-americano, presença assídua na cena de Chicago, mantém uma ligação forte com o norte da Europa que é partilhada com os músicos deste projecto, todos eles nomes fundamentais do panorama da música improvisada. PATROCINADOR OFICIAL EUA 2011 PATROCINADOR PRINCIPAL EUA 2011 MECENAS CICLO JAZZ MECENAS CASA DA MÚSICA APOIO INSTITUCIONAL MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

31

32 APOIO INSTITUCIONAL T MECENAS CICLO JAZZ GALP MECENAS CASA DA MÚSICA MECENAS PRINCIPAL CASA DA MÚSICA

ANTONIO LOUREIRO. www.boranda.com.br/antonioloureiro

ANTONIO LOUREIRO. www.boranda.com.br/antonioloureiro ANTONIO LOUREIRO www.boranda.com.br/antonioloureiro O compositor e multi-instrumentista Antonio Loureiro chega ao segundo álbum solo apostando na liberdade do improviso e defendendo uma criação musical

Leia mais

Manual 2014/2015. www.tone.pt geral@tone.pt

Manual 2014/2015. www.tone.pt geral@tone.pt Manual 2014/2015 www.tone.pt O presente manual é um documento orientador e um compêndio de informação relativa à SUA escola. Será actualizado ao longo do ano pelo que poderá confirmar a sua versão pela

Leia mais

18 a 21 de julho 2013

18 a 21 de julho 2013 18 a 21 de julho 2013 PARQUE AQUILINO RIBEIRO, RUA FORMOSA, CENTRO HISTÓRICO, CONSERVATÓRIO REGIONAL DE MÚSICA DE VISEU, THE BROTHERS BAR, LUGAR DO CAPITÃO, MARIA XICA Sobre este 1º Festival de Jazz de

Leia mais

Concertos: Olga Neves Carneiro ONC Produções. Telm. 91.950.6422 Telf. 22.618.8503. oncproducoes@netcabo.pt www.oncproducoes.com

Concertos: Olga Neves Carneiro ONC Produções. Telm. 91.950.6422 Telf. 22.618.8503. oncproducoes@netcabo.pt www.oncproducoes.com Um dos mais originais saxofonistas alto (e um dos poucos que nunca soou como um primo de Charlie Parker), Lee Konitz sempre teve uma enorme curiosidade musical que o levou a aproveitar todas as oportunidades

Leia mais

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO Componente Curricular OBOÉ FAGOTE FLAUTA TRANSVERSAL Temas respiração, aplicados ao ensino

Leia mais

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h.

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programação Geral Música Regional Brasileira A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programa destinado a divulgar a música típica das regiões do Brasil. Toca os grandes mestres da música nordestina e mostra

Leia mais

1. (PT) - Máxima, 01/01/2011, O que é nacional é bom 1. 2. (PT) - Primeiro de Janeiro, 17/12/2010, Trio de jazz sobe ao palco da Culturgest Porto 2

1. (PT) - Máxima, 01/01/2011, O que é nacional é bom 1. 2. (PT) - Primeiro de Janeiro, 17/12/2010, Trio de jazz sobe ao palco da Culturgest Porto 2 Carter, Parker, Ughi - 16 Dezembro 2010 Revista de Imprensa 05-01-2011 1. (PT) - Máxima, 01/01/2011, O que é nacional é bom 1 2. (PT) - Primeiro de Janeiro, 17/12/2010, Trio de jazz sobe ao palco da Culturgest

Leia mais

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE A primeira necessidade que se nos depara é de saber com clareza a que família de instrumentos pertence o Saxofone. Dado que o corpo do instrumento é de metal, muitas

Leia mais

Jazz Breve História, Tendências e ESTILOS. Por AC saxofonista webpage: acjazz.com.br. Introdução

Jazz Breve História, Tendências e ESTILOS. Por AC saxofonista webpage: acjazz.com.br. Introdução Jazz Breve História, Tendências e ESTILOS. Por AC saxofonista webpage: acjazz.com.br Introdução O jazz surgiu da fusão de elementos da música européia com elementos da música africana trazida pelos escravos

Leia mais

CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN

CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN A) CONCURSO 1- O Concurso Jovem.COM é um concurso de Interpretação. Tem como objetivos: - Promover os Conservatórios Oficiais de Música e suas cidades; - Premiar

Leia mais

QUEM É ALICE CAYMMI? >> www.alicecaymmi.com.br

QUEM É ALICE CAYMMI? >> www.alicecaymmi.com.br QUEM É ALICE CAYMMI? A cantora e compositora carioca Alice Caymmi nasceu no dia 17 de março de 1990, na cidade do Rio de Janeiro. Neta de Dorival Caymmi, a musicista compõe desde os dez anos e começou

Leia mais

Primeiro Disco Com 12 faixas,

Primeiro Disco Com 12 faixas, Bande Dessinée Misto de retrô e contemporâneo, a Bande Dessinée trouxe nos ares para a cena musical Pernambucana. Marcada por influências da música francesa e inspirada no universo da música pop dos anos

Leia mais

"Amor mais Perfeito Tribute to José Fontes Rocha" Música de José Fontes Rocha

Amor mais Perfeito Tribute to José Fontes Rocha Música de José Fontes Rocha PRESS-RELEASE Joana Amendoeira é considerada uma das mais importantes vozes da Nova Geração do Fado. No seu cantar, o Fado ganha novo fulgor, nova atitude, sem se desviar da tradição. Joana Amendoeira

Leia mais

CICLO JAZZ GALP SET DEZ 2010 SALA SUGGIA + SALA 2

CICLO JAZZ GALP SET DEZ 2010 SALA SUGGIA + SALA 2 SET DEZ 2010 CICLO JAZZ GALP SET DEZ 2010 SALA SUGGIA + SALA 2 A variedade de propostas que o jazz continuamente nos oferece está bem espelhada nos concertos propostos para os últimos meses do ano. O regresso

Leia mais

PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL

PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL 1 PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL 2015 ROTEIRO 2 1. O que é Música 2. Para fazer música na creche é preciso: 3. O que devemos evitar 4. Qualidades

Leia mais

Perfis Professores. Maria João Directora

Perfis Professores. Maria João Directora Perfis Professores Maria João Directora Maria João, nasceu em Lisboa, no dia 27 de Junho de 1956, filha de pai português e mãe moçambicana. Em 1982 entrou na Escola de Jazz do Hot Club e foi lá que formou

Leia mais

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Fundação das Artes Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Inscrições Abertas Turmas 2013 Primeiro Semestre Cursos Livres e Técnicos A Fundação das Artes é uma Escola de Artes

Leia mais

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO - CAC CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO Coordenador do Curso: Prof. Rinaldo de Melo Fonseca IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. Denominação dos Cursos:

Leia mais

EDUCAÇÃO MUSICAL MATERNAL II

EDUCAÇÃO MUSICAL MATERNAL II EDUCAÇÃO MUSICAL MATERNAL II Músicas infantis. Danças, músicas e personagens folclóricos. Conhecer textos e melodias folclóricos; Entoar músicas do folclore brasileiro; Dançar músicas folclóricas; Imitar

Leia mais

jazzland é a festa do jazz. Um conjunto de momentos associados ao jazz, de partilha e transformação, e que estimulem os sentidos de quem participa.

jazzland é a festa do jazz. Um conjunto de momentos associados ao jazz, de partilha e transformação, e que estimulem os sentidos de quem participa. jazzland é a festa do jazz. Um conjunto de momentos associados ao jazz, de partilha e transformação, e que estimulem os sentidos de quem participa. Trata-se de um festival que promove a disseminação do

Leia mais

CONSERVATÓRIO MUSICAL BEETHOVEN www.beethoven.art.br beethoven@beethoven.art.br

CONSERVATÓRIO MUSICAL BEETHOVEN www.beethoven.art.br beethoven@beethoven.art.br Curso de Capacitação em Música para Professores do Ensino Médio, Fundamental 03 horas / semanais e Musicalização Infantil ( com base no PCN Artes ) VAGAS LIMITADAS FAÇA SUA PRÉ-RESERVA 10 meses ( inicio

Leia mais

MULHERES GUITARRISTAS

MULHERES GUITARRISTAS MULHERES GUITARRISTAS Texto: Gabriela Gonzalez Quando o assunto é grandes guitarristas de jazz da atualidade, não há como deixar de mencionar o nome de Mimi Fox. Basta lembrar que a musicista foi nomeada

Leia mais

CLICABRASÍLIA.COM.BR (DF) NOTÍCIAS 3/12/2012 15:01:00 Hermeto Pascoal e Aline Morena lançam cd "Bodas de Latão" na Caixa Cultural

CLICABRASÍLIA.COM.BR (DF) NOTÍCIAS 3/12/2012 15:01:00 Hermeto Pascoal e Aline Morena lançam cd Bodas de Latão na Caixa Cultural CLICABRASÍLIA.COM.BR (DF) NOTÍCIAS 3/12/2012 15:01:00 Hermeto Pascoal e Aline Morena lançam cd "Bodas de Latão" na Caixa Cultural A Caixa Cultural Brasília apresenta, nos dias 10 e 11 de dezembro às 20h,

Leia mais

música ouvindo música fazendo música THAÍS NASCIMENTO 5/JULHO 18h + shows + oficinas programação

música ouvindo música fazendo música THAÍS NASCIMENTO 5/JULHO 18h + shows + oficinas programação THAÍS NASCIMENTO 5/JULHO 18h + shows ouvindo música Alessandro Penezzi e Nailor Proveta Paulo Oliveira Julia Tygel + oficinas fazendo música Choro e Samba música programação JULHO 2015 julho julia tygel/luciano

Leia mais

Fotos: Luís Antônio Rodrigues. No Perfil Ché & Colin

Fotos: Luís Antônio Rodrigues. No Perfil Ché & Colin Fotos: Luís Antônio Rodrigues No Perfil & Perfil Em meio às gravações no estúdio Brothers da Lua do músico, juntamente com o gravamos uma entrevista, onde eles nos contam como começou essa amizade e parceria,

Leia mais

Eliane Elias. Sidinho Leal. E mais: Ruriá Duprat: a produção musical do ganhador do Grammy. MOOG MODULAR A recriação dos dinossauros

Eliane Elias. Sidinho Leal. E mais: Ruriá Duprat: a produção musical do ganhador do Grammy. MOOG MODULAR A recriação dos dinossauros & AFINS Ruriá Duprat: a produção musical do ganhador do Grammy Eliane Elias Ano 2 - Número 14 - Junho 2015 www.teclaseafins.com.br A pianista fala sobre o novo álbum, que marca seu retorno ao estilo que

Leia mais

Música Brasileira de Concerto: Diálogos Projeto aprovado no Programa de Ação Cultural - ProAc - 2013 Fase de Captação de Recursos

Música Brasileira de Concerto: Diálogos Projeto aprovado no Programa de Ação Cultural - ProAc - 2013 Fase de Captação de Recursos www.algaravia.mus.br Música Brasileira de Concerto: Diálogos Projeto aprovado no Programa de Ação Cultural - ProAc - 2013 Fase de Captação de Recursos Nome do projeto: Música Brasileira de Concerto: Diálogos

Leia mais

AS SONATAS PARA VIOLINO E PIANO DE CLÁUDIO SANTORO: UMA ABORDAGEM ESTILÍSTICA

AS SONATAS PARA VIOLINO E PIANO DE CLÁUDIO SANTORO: UMA ABORDAGEM ESTILÍSTICA AS SONATAS PARA VIOLINO E PIANO DE CLÁUDIO SANTORO: UMA ABORDAGEM ESTILÍSTICA Michelle Lauria Silva milasila@bol.com.br Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Resumo Este estudo trata da relação entre

Leia mais

lares e electrónica, colidem para darem origem a um som extremamente original, carregado de carisma, emoção e portugalidade.

lares e electrónica, colidem para darem origem a um som extremamente original, carregado de carisma, emoção e portugalidade. Desde a sua estreia em disco, em 2011, os Amor Electro não têm parado de crescer, sendo, hoje, um dos principais projectos da moderna música portuguesa. lares e electrónica, colidem para darem origem a

Leia mais

CABEÇA-DE-VENTO Show Musical de Bia Bedran

CABEÇA-DE-VENTO Show Musical de Bia Bedran CABEÇA-DE-VENTO Show Musical de Bia Bedran Cabeça de Vento faz um passeio pelo universo sonoro criado por Bia, numa linguagem cênica que contempla a literatura, a poesia e a ludicidade de seu jeito singular

Leia mais

Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves

Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves Escola Básica 2,3/S Dr. Azevedo Neves 5º e 6º ano Professor Hugo Costa 2009/2010 A Cappella música vocal sem acompanhamento de instrumentos musicais. Accelerando - Aumento gradual do andamento de uma parte

Leia mais

Plano de Patrocínio PROJETO: PRÊMIO WALTEL BRANCO DE VIOLÃO. Realização: PRONAC: 10 0342

Plano de Patrocínio PROJETO: PRÊMIO WALTEL BRANCO DE VIOLÃO. Realização: PRONAC: 10 0342 Plano de Patrocínio PROJETO: PRÊMIO WALTEL BRANCO PRONAC: 10 0342 DE VIOLÃO Realização: RESUMO EXECUTIVO O principal instrumento musical que esta inserido em todo o Brasil, sem distinção, é o Violão, seja

Leia mais

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT A Organização do 2º Gramado In Concert torna público o presente Edital que regulamenta o 1º Concurso de Composição Erudita Gramado In Concert.

Leia mais

PROVA ESCRITA DE EDUCAÇÃO MUSICAL. PRIMEIRA PARTE - QUESTÕES DISCURSIVAS (70 pontos)

PROVA ESCRITA DE EDUCAÇÃO MUSICAL. PRIMEIRA PARTE - QUESTÕES DISCURSIVAS (70 pontos) COLÉGIO PEDRO II DIRETORIA GERAL SECRETARIA DE ENSINO CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSORES DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO = 2002 = PRIMEIRA PARTE - QUESTÕES DISCURSIVAS (70 pontos) 1) Escreva uma notação rítmica

Leia mais

Apresentação Sinopse + Bios + Álbum + Divulgação

Apresentação Sinopse + Bios + Álbum + Divulgação Apresentação Sinopse + Bios + Álbum + Divulgação Sinopse "Aqui e ali em cada traço um lugar. Lisboa acolhe o Rio e em suaves lamentos a música acontece." Os "RioLisboa" são uma ponte entre Portugal e o

Leia mais

"O teu verdadeiro ninho são as tuas asas"

O teu verdadeiro ninho são as tuas asas "O teu verdadeiro ninho são as tuas asas" Seguindo a simbologia deste ditado, o Quarteto Sabiá (nome de um pássaro brasileiro) formado por músicos de diversos países, em 1998, tem abandonado, desde então,

Leia mais

BONGO. Prefácio. Aprender rapidamente e de forma fácil

BONGO. Prefácio. Aprender rapidamente e de forma fácil BONGO Aprender rapidamente e de forma fácil Página 1 Prefácio Com este guia de aprendizagem, passado pouco tempo conseguirás tocar as primeiras batidas no teu bongo. A combinação de manual e CD é ideal

Leia mais

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA 1 GRUPO DE SOPROS A- Conteúdos programáticos das Provas de Aferição 1.

Leia mais

Características perceptuais do som.

Características perceptuais do som. Características perceptuais do som. O som é produzido por corpos quando colocados em vibração. Essa vibração se transfere no ar de molécula a molécula até alcançar nossos ouvidos. As principais características

Leia mais

CORAL INFANTIL DO LICEU

CORAL INFANTIL DO LICEU CORAL INFANTIL DO LICEU : BAIRRO: C CEP: RG: ÓRGAO EMISSOR: NATURAL ESCOLAR / / GRUPO DE PRÁTICA DE SOPROS E PERCUSSÃO GPS ALUNO/BOLSISTA MONITOR/ BOLSISTA INSTRUMENTOS OBOÉ TROMPETE FLAUTA TRANSVERSAL

Leia mais

ABRIL HÁ JAZZ AO FUNDO DO TÚNEL UMA OBRA DE. / PTBluestation

ABRIL HÁ JAZZ AO FUNDO DO TÚNEL UMA OBRA DE. / PTBluestation ABRIL UMA OBRA DE HÁ JAZZ AO FUNDO DO TÚNEL Em abril, a Baixa-Chiado PT Bluestation convida o Hot Clube Portugal a programar um mês com muita música. O jazz vai percorrer os corredores da estação e contagiar

Leia mais

CHIC SAMBA CHIC SAMBA CHORO GAFIEIRA

CHIC SAMBA CHIC SAMBA CHORO GAFIEIRA CHIC SAMBA CHIC SAMBA CHORO GAFIEIRA CHIC SAMBA CHIC ANA PAULA LOPES E LUPA MABUZE Do encontro dos artistas Lupa Mabuze e Ana Paula Lopes surgiu o projeto CHIC SAMBA CHIC, um show contagiante de música

Leia mais

Cultura: Lisboa se prepara para receber o Festival Conexão Lusófona

Cultura: Lisboa se prepara para receber o Festival Conexão Lusófona Cultura: Lisboa se prepara para receber o Festival Conexão Lusófona por Por Dentro da África - quinta-feira, junho 26, 2014 http://www.pordentrodaafrica.com/cultura/cultura-lisboa-se-prepara-para-receber-o-festival-conexaolusofon

Leia mais

DAVID GANC & QUARTETO GUERRA-PEIXE

DAVID GANC & QUARTETO GUERRA-PEIXE DAVID GANC & QUARTETO GUERRA-PEIXE INTERPRETAM TOM JOBIM Idealizado pelo flautista e saxofonista DAVID GANC, este CD/concerto indicado para o Prémio TIM 2005 na categoria Melhor Grupo Instrumental, homenageia

Leia mais

TassJazz. em pleno, mas nos anos seguintes essa é outra das apostas do TassJazz.

TassJazz. em pleno, mas nos anos seguintes essa é outra das apostas do TassJazz. TassJazz Na edição de 2011, depois de muitos anos, o nosso TassJazz resolveu deixar o ninho, o território onde nasceu e sempre se sentiu confortável. E depois de termos respondido de forma clara que é

Leia mais

Você quer se formar em Música?

Você quer se formar em Música? Você quer se formar em Música? Faça um dos cursos de Graduação em Música oferecidos pela Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás (EMAC/UFG)! 1) Quais são os Cursos Superiores

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens Ana Estevens, nº 120138001 Trabalho realizado na Unidade Curricular de Processos de Experimentação

Leia mais

DISCÓRDIA Biografias

DISCÓRDIA Biografias A L I C E DISCÓRDIA Biografias Afonso Alves // Voz - Já há algum tempo que queria escrever na língua em que sonho [visto que anteriormente escrevia maioritariamente em inglês]. O Diogo foi o primeiro reflexo

Leia mais

virgínia rosa geraldo flach

virgínia rosa geraldo flach virgínia rosa geraldo flach virgínia rosa geraldo flach O gaúcho Geraldo e a paulista Virgínia se apresentaram juntos pela primeira vez na série Piano e Voz, da UFRGS. Quando tocou em São Paulo, no Supremo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO. Relatório Perfil Curricular

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO. Relatório Perfil Curricular PERÍODO: 1º MU096- CANTO 1A OBRIG 0 60 60 2.0 Fórmula: MU055 MU055- PERCEPCAO RITMICA MU271- CANTO CORAL 1 OBRIG 0 30 30 1.0 Fórmula: MU096 MU096- CANTO 1A PRÁTICA DA POLIFONIA VOCAL A DUAS E TRÊS VOZES.

Leia mais

Sebastiana Benedita Coelho de Moraes COUTEIRO; Marília ALVARES. Escola de Música e Artes Cênicas da UFG sabahmoraes@gmail.com

Sebastiana Benedita Coelho de Moraes COUTEIRO; Marília ALVARES. Escola de Música e Artes Cênicas da UFG sabahmoraes@gmail.com O ENSINO DO CANTO POPULAR BRASILEIRO Abordagem Didática: técnica vocal Sebastiana Benedita Coelho de Moraes COUTEIRO; Marília ALVARES. Escola de Música e Artes Cênicas da UFG sabahmoraes@gmail.com INTRODUÇÃO

Leia mais

FESTIVAL O Amor é Fogo

FESTIVAL O Amor é Fogo FESTIVAL O Amor é Fogo Dias 17,18 e 19 de Julho 21h30 ESTÁDIO MUNICIPAL DE OEIRAS Integrado nas comemorações dos 250 anos do Concelho de Oeiras vai realizar-se o Festival O Amor é Fogo nos dias 17, 18

Leia mais

1º FEMASF FESTIVAL DE MUSICA DA ASSOCIAÇÃO SABESP - FRANCA

1º FEMASF FESTIVAL DE MUSICA DA ASSOCIAÇÃO SABESP - FRANCA Regulamento TÍTULO 1 - DA PROMOÇÃO: O 1 FEMASF FESTIVAL DE MUSICA DA ASSOCIAÇÃO SABESP -, promovido pela ASSOCIAÇÃO SABESP Departamento de Franca, através de sua diretoria Cultural, terá apenas uma categoria,

Leia mais

Projeto Doce Harmonia: uma proposta de ensino coletivo em música. Alice Pereira Pacheco Maria Tereza Borges Rezende

Projeto Doce Harmonia: uma proposta de ensino coletivo em música. Alice Pereira Pacheco Maria Tereza Borges Rezende Projeto Doce Harmonia: uma proposta de ensino coletivo em música Alice Pereira Pacheco Maria Tereza Borges Rezende Conservatório Estadual de Música Cora Pavan Capparelli Relato de Experiência RESUMO O

Leia mais

The Dreamers John Zorn@60 Essential Cinema John Zorn@60 Electric Masada John Zorn@60 Drumming GP plays Max Roach M Boom Elephant9 feat.

The Dreamers John Zorn@60 Essential Cinema John Zorn@60 Electric Masada John Zorn@60 Drumming GP plays Max Roach M Boom Elephant9 feat. 2 211 / 11 JAZZ / JAZZ EM EM AGOSTO AGOSTO 2013 2013 / Lisboa / LISBOA 1 The Dreamers John Zorn@60 Essential Cinema John Zorn@60 Electric Masada John Zorn@60 Drumming GP plays Max Roach M Boom Elephant9

Leia mais

Clarinete etc... e tal Clarin et Cetera Concertos Millenovecentos - Por quê não?! O Grupo

Clarinete etc... e tal Clarin et Cetera Concertos Millenovecentos - Por quê não?! O Grupo Clarinete etc... e tal, foi com esta ideia que o grupo surgiu. O aprofundamento da expressividade que os instrumentos juntos podem produzir foi o que levou a escolha pela formação: do clarinete ao sax,

Leia mais

18. TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA, CAMPUS II CURITIBA

18. TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA, CAMPUS II CURITIBA - Entrevista OBS: A prova poderá ser interrompida a qualquer momento a critério da banca examinadora. Violino Mecanismo em Sol Maior, em três oitavas (escala, os 7 arpejos, terças e cromática) de cor;

Leia mais

de Violão - Conteúdo Da informalidade às academias Superando distâncias Tocar de ouvido ou ler partitura? Mestres e métodos consagrados

de Violão - Conteúdo Da informalidade às academias Superando distâncias Tocar de ouvido ou ler partitura? Mestres e métodos consagrados Da informalidade às academias Superando distâncias Tocar de ouvido ou ler partitura? Mestres e métodos consagrados Primeiros nomes importantes Nomes importantes no Brasil Abordagens didáticas (Internet,

Leia mais

DVD's junho de 2009 preços sujeitos a alteração sem aviso prévio. CodMusimed Autor Título R$ Editora Instrume

DVD's junho de 2009 preços sujeitos a alteração sem aviso prévio. CodMusimed Autor Título R$ Editora Instrume CodMusimed Autor Título R$ Editora Instrume DVD000047 JESUS,CARLINHOS DE APRENDA A DANÇAR COM CARLINHOS DE JESUS APRENDA MUSICA. 29,00 DVD000127. BLUE JEANS MAGIC SLIM APRENDA MUSICA. 32,00 DVD000159 GUARNIERI,M.CAMARGO

Leia mais

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Sessão de Abertura - Excelentíssimo Senhor Secretário Regional da Educação e Recursos Humanos 10:00 do CEPAM Piano - António Rosado Bandolim - Percussão

Leia mais

Introdução. Alexandre Francischini

Introdução. Alexandre Francischini Introdução Alexandre Francischini SciELO Books / SciELO Livros / SciELO Libros FRANCISCHINI, A. Laurindo Almeida: dos trilhos de Miracatu às trilhas em Hollywood [online]. São Paulo: Editora UNESP; São

Leia mais

instrumentos passaram a ser tocados muitas vezes de maneira diferente da regular

instrumentos passaram a ser tocados muitas vezes de maneira diferente da regular INTRODUÇÃO A música do século XX foi marcada por grandes inovações em estruturações e outros procedimentos. As estruturações passaram a ter formas cada vez mais livres como na poesia sem metro ou rima;

Leia mais

A obra de Marco Pereira para violão solo: aspectos composicionais. Palavras chave: Violão solo brasileiro, Marco Pereira, jazz, Garoto.

A obra de Marco Pereira para violão solo: aspectos composicionais. Palavras chave: Violão solo brasileiro, Marco Pereira, jazz, Garoto. A obra de Marco Pereira para violão solo: aspectos composicionais Julio Cesar Moreira LEMOS, UFG - EMAC. Julioczar10@gmail.com Werner AGUIAR, UFG EMAC werneraguiar@gmail.com Palavras chave: Violão solo

Leia mais

GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II. MODEL PAPER MARCH 2016 onwards O PÃO DOS OUTROS

GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II. MODEL PAPER MARCH 2016 onwards O PÃO DOS OUTROS GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II MODEL PAPER MARCH 2016 onwards TIME: 2 HRS 30 MINS MAX. MARKS: 80 Texto 1 Leia o texto com atenção: O PÃO DOS OUTROS A

Leia mais

Interferência de diferentes procedimentos harmônicos na improvisação do choro e configurações identitárias: década de 20 ao Tempo Presente

Interferência de diferentes procedimentos harmônicos na improvisação do choro e configurações identitárias: década de 20 ao Tempo Presente 1 Interferência de diferentes procedimentos harmônicos na improvisação do choro e configurações identitárias: década de 20 ao Tempo Presente Everton Luiz Loredo de MATOS UFG tonzeramusic@hotmail.com Magda

Leia mais

de 20, à criação do samba no Rio de Janeiro ou ao cinema novo. Ao mesmo tempo procurei levar em conta as aceleradas transformações que ocorriam nesta

de 20, à criação do samba no Rio de Janeiro ou ao cinema novo. Ao mesmo tempo procurei levar em conta as aceleradas transformações que ocorriam nesta 5 Conclusão A década de 70 foi com certeza um período de grande efervescência para a cultura brasileira e em especial para a música popular. Apesar de ser muito difícil mensurar a constituição de um termo

Leia mais

Natura apresenta o Show de Lançamento do CD Lia Sophia

Natura apresenta o Show de Lançamento do CD Lia Sophia Natura apresenta o Show de Lançamento do CD Lia Sophia Lia Sophia mistura os ritmos locais com batidas internacionais, para criar uma música original e de alta qualidade. Ela não veio para ficar. Ela já

Leia mais

Artista. criação. Por Débora de Aquino Fotos Divulgação. Leo Gandelman SAX & METAIS. julho / 2007

Artista. criação. Por Débora de Aquino Fotos Divulgação. Leo Gandelman SAX & METAIS. julho / 2007 Artista da criação Por Débora de Aquino Fotos Divulgação Leo Gandelman 20 O que dizer de um músico que, até 2007, já vendeu mais de 90 mil cópias de seu terceiro disco-solo? Estamos falando de Solar, de

Leia mais

Outubro....é outra música...

Outubro....é outra música... Outubro...é outra música... 1 OUTUBRO 14 Teatro Valadares 4 e 5 OUTUBRO 14 C. C. Moledo Festival de bandas do nosso Concelho Concerto AMFF A Academia de Música Fernandes Fão (AMFF) pretende ser um projeto

Leia mais

Show O show tem duração de aproximadamente 1 hora Público: livre Tempo de montagem: 30 min Tempo de desmontagem: 30 min

Show O show tem duração de aproximadamente 1 hora Público: livre Tempo de montagem: 30 min Tempo de desmontagem: 30 min O compositor Bruno Elisabetsky vem desenvolvendo uma trajetória relacionada ao universo da composição tanto no meio acadêmico (através de dois anos de aprofundamento em Israel e na Espanha) quanto na prática,

Leia mais

450 ano da Música no Rio de Janeiro na Sala de Aula

450 ano da Música no Rio de Janeiro na Sala de Aula 450 ano da Música no Rio de Janeiro na Sala de Aula Caderno do professor Criado a partir da Cartilha Piano Brasil VII do maestro Ricardo Prado (gentilmente cedida por Cíntia Pereira-Delphos Produções www.delphosproducoes.com)

Leia mais

PROGRAMA. Masterclasses. Local: 22 a 28 de Julho de 2012

PROGRAMA. Masterclasses. Local: 22 a 28 de Julho de 2012 22 a 28 de Julho de 2012 PROGRAMA Masterclasses Local: Sociedade Filarmónica Humanitária Conservatório Regional de Palmela Cineteatro São João Auditórios da Biblioteca Municipal de Palmela Masterclasse

Leia mais

Salve, Jorge. Salve, Lucas

Salve, Jorge. Salve, Lucas 29 BAURU, quinta-feira, 20 de março de 2014 Daryan Dornelles Salve, Jorge. Salve, Lucas Bauru receberá show de Jorge Mautner e Lucas Santtana com mistura de estilos (e de gerações) na Virada Um show que

Leia mais

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação.

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação. O Led Zeppelin sempre foi complicado. Esse era o problema inicial deles. Os shows deles sempre tinham violência masculina. Isso foi um desvio nos anos 1970, que foi uma época muito estranha. Era uma anarquia

Leia mais

Alberto Jorge O baixo fala mais forte!!!

Alberto Jorge O baixo fala mais forte!!! Alberto Jorge O baixo fala mais forte!!! Contra nunca!!! Sempre a favor do baixo, sobretudo de um grande baixo!!! Quatro gerações de músicos, os dois filhos com carreiras importantes e mais de vinte e

Leia mais

Currículo Referência em Música Ensino Médio

Currículo Referência em Música Ensino Médio Currículo Referência em Música Ensino Médio 1º ANO - ENSINO MÉDIO Objetivos Conteúdos Expectativas - Conhecer a área de abrangência profissional da arte e suas características; - Reconhecer e valorizar

Leia mais

O FESTIVAL INTERNACIONAL DE INVERNO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA E SUAS AÇÕES MUSICAIS

O FESTIVAL INTERNACIONAL DE INVERNO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA E SUAS AÇÕES MUSICAIS O FESTIVAL INTERNACIONAL DE INVERNO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA E SUAS AÇÕES MUSICAIS Área temática: cultura Vera Lucia Portinho Vianna (Coordenadora da Ação de Extensão) Vera Lucia Portinho

Leia mais

Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais

Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais importantes que marcaram a trajetória da MPB nos últimos

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo

Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo CARREIRA EM ARQUITETURA E URBANISMO Os arquitetos recebem uma formação geral que lhes permite trabalhar em diversos campos: em projetos de construções, de

Leia mais

Release. Jazz a Três. Contato: (31) 8737-9183 - E-mail: jazzatres@gmail.com

Release. Jazz a Três. Contato: (31) 8737-9183 - E-mail: jazzatres@gmail.com Release Jazz a Três Contato: (31) 8737-9183 - E-mail: jazzatres@gmail.com Um pouco sobre a banda O Jazz a Três iniciou suas atividades em 2008 com o objetivo de levar ao público standards do Jazz e da

Leia mais

COMPOSIÇÃO Duração Total (03h00:00)

COMPOSIÇÃO Duração Total (03h00:00) PROVA DE APTIDÃO MÚSICA COMPOSIÇÃO Duração Total (03h00:00) 1. ANÁLISE COMPARATIVA (01:00:00) Ouça atentamente os três trechos musicais a serem reproduzidos durante o exame 1.1 Esboce uma representação

Leia mais

20º TROFÉU NACIONAL / 1º CONCURSO INTERNACIONAL DE ACORDEÃO

20º TROFÉU NACIONAL / 1º CONCURSO INTERNACIONAL DE ACORDEÃO 20º TROFÉU NACIONAL / 1º CONCURSO INTERNACIONAL DE ACORDEÃO A ASSOCIAÇÃO DE ACORDEÃO DE ALCOBAÇA / PORTUGAL anuncia e organiza, de 29 a 31 de Maio/2015, o 20º Troféu Nacional e o 1º Concurso Internacional

Leia mais

Com fortes referências no repertório

Com fortes referências no repertório Aprovado pela lei estadual de incentivo à cultura (ProAC ICMS) o projeto tem como objetivo a gravação e prensagem do primeiro CD do Duo Saraiva-Murray (com a disponibilização de partituras na Internet),

Leia mais

ESCOLA PIRLILIM / ANO 2015 PLANO DE UNIDADE PLANO DA I UNIDADE

ESCOLA PIRLILIM / ANO 2015 PLANO DE UNIDADE PLANO DA I UNIDADE ESCOLA PIRLILIM / ANO 2015 PLANO DE UNIDADE GRUPO: 7 PERÍODO: / à / ÁREA DO CONHECIMENTO: Música CARGA HORÁRIA: COMPETÊNCIAS E HABILIDADES PLANO DA I UNIDADE - Conhecer e criar novas melodias. - Desenvolver

Leia mais

Bruno Margalho Sax alto Nasceu em Sintra. Iniciou os seus estudos musicais aos 16 anos, tendo como primeiro instrumento a bateria.

Bruno Margalho Sax alto Nasceu em Sintra. Iniciou os seus estudos musicais aos 16 anos, tendo como primeiro instrumento a bateria. Ricardo Pinto Trompete e composição 2009 2011 : Licenciatura em música do curso de Jazz da Escola Superior de Música de Lisboa (ESML 2003: Bolsa de Estudo para a Berklee College of Music. 2003 : Frequentou

Leia mais

Profa. Paula Molinari

Profa. Paula Molinari NOSSOS OBJETIVOS A criação do Centro de Estudos Musicais CEM FACCAMP - visa atrair, formar e capacitar aqueles que procuram uma atividade que envolva música, desde a sensiblização musical até a execução

Leia mais

Apresentação Reinaldo Arias

Apresentação Reinaldo Arias Apresentação Reinaldo Arias 2011 Projeto musical Música para envolver, encantar e integrar. Essa é a proposta do músico, produtor e compositor Reinaldo Arias. Artista atuante, gravou, produziu e compôs

Leia mais

Violão Popular. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos!

Violão Popular. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Violão Popular Prof. Juarez Barcellos Licença Creative Commons Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Em 2002, comecei a dar aulas particulares nas Em 2002, comecei a dar aulas particulares

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 35/ 2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Música, Modalidade

Leia mais

TIME FOR FUN ANUNCIA SHOWS NO BRASIL DO G3, TRIO DE GUITARRISTAS FORMADO POR JOE SATRIANI, JOHN PETRUCCI E STEVE MORSE

TIME FOR FUN ANUNCIA SHOWS NO BRASIL DO G3, TRIO DE GUITARRISTAS FORMADO POR JOE SATRIANI, JOHN PETRUCCI E STEVE MORSE TIME FOR FUN ANUNCIA SHOWS NO BRASIL DO G3, TRIO DE GUITARRISTAS FORMADO POR JOE SATRIANI, JOHN PETRUCCI E STEVE MORSE Apresentações acontecem em outubro no Rio de Janeiro, dia 11 e em São Paulo, dia 12

Leia mais

ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO...

ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO... Índice ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO... 4 O TECLADO... 4 TIPOS DE TECLADOS... 4 Sintetizadores... 4 Teclados com acompanhamento automático... 4 Workstations... 4 Pianos digitais...

Leia mais

Interdisciplinar o design

Interdisciplinar o design Instalação sobre Jazz. Com o Presidente da República quando foi proclamado uma das Personalidades do Ano 2009/2010. Foto: site Presidência da República Lançamento da World Urban Campaign, no Rio de Janeiro.

Leia mais

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS Novembro de 2011 REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 1. INTRODUÇÃO O Conservatório de Música de Coimbra dispõe de instrumentos

Leia mais

A minha atividade profissional como pianista acompanhadora e correpetidora

A minha atividade profissional como pianista acompanhadora e correpetidora A minha atividade profissional como pianista acompanhadora e correpetidora Escrevo esta memória com o objectivo de relatar e explicar a minha experiência como pianista acompanhadora/correpetidora nos últimos

Leia mais

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário).

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário). CURSOS DE MÚSICA DO SESC (2º Semestre) MODALIDADE INICIANTE 1) VIOLÃO POPULAR Este curso está direcionado ao estudo da música popular com acompanhamento harmônico. Serão praticadas canções do repertório

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Escola Básica e Secundária Dr. Vieira de Carvalho Departamento de Expressões e Tecnologias Planificação Anual de Educação Musical 5º ano Ano Letivo 2013/2014

Leia mais

APRESENTAÇÃO. www.radiomisturebaonline.com.br

APRESENTAÇÃO. www.radiomisturebaonline.com.br APRESENTAÇÃO www.radiomisturebaonline.com.br O que é a rádio MISTUREBA on-line? A rádio MISTUREBA on-line é voltada para divulgação sócio-cultural, musical e esportiva. cultural. A rádio MISTUREBA on-line

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

Caderno de Prova 2 PR04. Artes Música. ( ) prova de questões Objetivas. Professor de

Caderno de Prova 2 PR04. Artes Música. ( ) prova de questões Objetivas. Professor de Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Edital n o 001/2009 Caderno de Prova 2 PR04 ( ) prova de questões Objetivas Professor de Artes Música Dia: 8 de novembro de 2009 Horário:

Leia mais

BACHARELADO EM MÚSICA COM HABILITAÇÃO EM COMPOSIÇÃO

BACHARELADO EM MÚSICA COM HABILITAÇÃO EM COMPOSIÇÃO BACHARELADO EM MÚSICA COM HABILITAÇÃO EM COMPOSIÇÃO O curso de Composição Musical, no Departamento de Música da ECA/USP, é desenvolvido ao longo de seis anos. É um curso que procura ser abrangente o bastante

Leia mais