Conteúdos: Língua, Linguagens e códigos Linguagem verbal e não verbal

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conteúdos: Língua, Linguagens e códigos Linguagem verbal e não verbal"

Transcrição

1 Conteúdos: Língua, Linguagens e códigos Linguagem verbal e não verbal

2 Habilidades: Reconhecer a leitura de textos verbais e não verbais como possibilidade de acesso a diferentes informações Valorizar a linguagem (verbal e não-verbal) como instrumento de construção da cidadania

3 PAUTA DO DIA Acolhida Memorial/Prazer de Casa Equipes Problematização Exibição do Vídeo Leitura de Imagem

4 PAUTA DO DIA Atividade com o Livro Texto Atividades Complementares Prazer de Casa Interatividades

5 MEMORIAL / PRAZER DE CASA Nas fábulas, os animais são escolhidos para representar sentimentos e valores humanos. Pesquise e escreva em seu caderno que animal, geralmente, é considerado símbolo:

6 MEMORIAL / PRAZER DE CASA a) do poder, da força - leão b) da sabedoria - coruja c) do trabalho - formiga d) da arte - cigarra

7 MEMORIAL / PRAZER DE CASA e) da esperteza - rato, raposa, macaco f) da lentidão - lesma, tartaruga g) da traição - hiena, urso, cobra h) da amizade - cão

8 VIVÊNCIA DAS EQUIPES Coordenação Socialização Síntese Avaliação

9 PROBLEMATIZAÇÃO Observe as imagens:

10 PROBLEMATIZAÇÃO As imagens transmitem informações? De que modo? E quais são essas informações?

11 LEITURA DE IMAGEM 1. O juiz de futebol mostrou um cartão amarelo e um cartão vermelho. Em que situações esses cartões podem ser utilizados? E no trânsito qual o significado da cor vermelha?

12 LEITURA DE IMAGEM 2. No vídeo, você aprendeu que qualquer mensagem não verbal pode ser sempre traduzida por palavras, explicadas pela língua. Traduza com palavras exemplos de mensagens não verbais apresentadas no vídeo.

13 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Língua - é o conjunto organizado de palavras utilizado para a comunicação por uma comunidade. Ela pode ser escrita ou falada (oral). Ex: falantes da língua portuguesa.

14 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Linguagem - é a capacidade que possuímos de expressar nossos pensamentos, ideias, opiniões e sentimentos. Ex: sinais, símbolos, sons, gestos e regras com sinais convencionais (linguagem escrita e linguagem mímica).

15 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Dependendo do tipo de sinal que se utiliza, a linguagem pode ser: Verbal: quando tem por base as palavras.

16 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Exemplo:

17 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Não verbal: quando tem por base qualquer outro tipo de sinal, como as cores, os gestos, os desenhos, os sinais sonoros, etc.

18 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Exemplo:

19 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Mista: quando se usa além da linguagem verbal (palavras), utilizamos também linguagem não verbal.

20 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Exemplo:

21 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Atividade Como já sabemos qualquer mensagem não verbal pode ser sempre traduzida por palavras, explicada pela língua."

22 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Atividade Observe as imagens

23 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Atividade 1. Que tipo de linguagem foi utilizada nas mensagens transmitidas pelas imagens? Escolha duas imagens e transforme-a em linguagem verbal.

24 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO Atividade 2. Os textos não verbais podem ser exemplificados por: (A) Esculturas, imagens, jornais, charges (B) Pinturas, fotos, esculturas, desenhos

25 ATIVIDADE COM O LIVRO TEXTO (C) Pinturas, esculturas, imagens, receitas etc. (D) Fotografias, bulas de remédio, fotos, imagens.

26 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo - Linguagem verbal e não verbal Narre uma história ilustrada usando a linguagem verbal e não verbal.

27 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo - Código Criar um diálogo utilizando a linguagem não verbal através de ilustrações.

28 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo - Linguagem Usando sua criatividade elabore uma história em quadrinhos usando a linguagem verbal e não verbal.

29 PRAZER DE CASA Textos não verbais são aqueles: (A) que transmitem uma mensagem sem usar palavras. (B) que transmitem uma mensagem, usando palavras.

30 PRAZER DE CASA (C) que não transmitem uma mensagem, pois não usam palavras. (D) que transmitem uma mensagem, usando letras e números.

31 MEMORIAL

32 MEMORIAL Vamos registrar o que foi significativo na aula de hoje? - Faça o registro da aula, comentando o que você aprendeu sobre linguagem verbal e não verbal. Dê exemplos.

Conteúdos: Frases declarativas, exclamativas, imperativas e interrogativas

Conteúdos: Frases declarativas, exclamativas, imperativas e interrogativas Conteúdos: Frases declarativas, exclamativas, imperativas e interrogativas Habilidades: Reconhecer e utilizar corretamente frases declarativas, exclamativas, imperativas e interrogativas Criar frases com

Leia mais

Conteúdo. Memorando Sentido literal e sentido figurado Presente do modo indicativo Pretérito perfeito do modo indicativo Pronomes de tratamento

Conteúdo. Memorando Sentido literal e sentido figurado Presente do modo indicativo Pretérito perfeito do modo indicativo Pronomes de tratamento Conteúdo Memorando Sentido literal e sentido figurado Presente do modo indicativo Pretérito perfeito do modo indicativo Pronomes de tratamento Habilidades Identificar o gênero textual memorando. Reconhecer

Leia mais

Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II

Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II Habilidades: Reconhecer a composição pelo processo de subordinação, em períodos com orações que exercem função substantiva Habilidades:

Leia mais

LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO. Professora Leatrice Ferraz leaferraz@gmail.com

LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO. Professora Leatrice Ferraz leaferraz@gmail.com LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO Professora Leatrice Ferraz leaferraz@gmail.com A COMUNICAÇÃO HUMANA A COMUNICAÇÃO HUMANA COMUNICAR vem do latim communicare, que significa participar, fazer, saber, tornar comum.

Leia mais

ALFABETIZAÇÃO. Joselaine S. de Castro

ALFABETIZAÇÃO. Joselaine S. de Castro ALFABETIZAÇÃO Joselaine S. de Castro Pressuposto n Preciso conhecer/compreender o fenômeno para poder intervir eficazmente nele. LINGUAGEM Quatro habilidades: Ouvir Falar Ler Escrever n Recebemos: Ouvir

Leia mais

:: NOVA ESCOLA ON-LINE ::

:: NOVA ESCOLA ON-LINE :: Page 1 of 5 Planos de aula Educação Infantil Conhecimento de Mundo Linguagem Verbal Escrita e Linguagem Escrita Plano de trabalho Nomes próprios Introdução Por que trabalhar com os nomes próprios? As crianças

Leia mais

GÊNEROS TEXTUAIS: O CARTEIRO CHEGOU

GÊNEROS TEXTUAIS: O CARTEIRO CHEGOU PRODUÇÃO b DE TEXTOS E GÊNEROS TEXTUAIS: O CARTEIRO CHEGOU Profª. Ms. Rafaela C. Beleboni Coordenação Pedagógica da Formação Continuada NAME http://ww2.itau.com.br/itaucrianca/index.htm ROTEIRO DAS AULAS

Leia mais

Paradigmas da Teoria da Comunicação

Paradigmas da Teoria da Comunicação Paradigmas da Teoria da Comunicação 1 Semiologia O que é signo? Os signos são entidades centrais e importantes quando tratamos de qualquer linguagem de comunicação. Eles estão presentes na física, na biologia,

Leia mais

ORIENTAÇÕES CURRICULARES PERÍODO INICIAL - LÍNGUA PORTUGUESA

ORIENTAÇÕES CURRICULARES PERÍODO INICIAL - LÍNGUA PORTUGUESA ORIENTAÇÕES CURRICULARES PERÍODO INICIAL - LÍNGUA PORTUGUESA OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES Apropriação da língua escrita como meio de expressão, interação e comunicação. Uso social da escrita Relação

Leia mais

Resolução de problemas, diversificar para estimular diferentes habilidades de raciocínio

Resolução de problemas, diversificar para estimular diferentes habilidades de raciocínio Resolução de problemas, diversificar para estimular diferentes habilidades de raciocínio Ler e buscar informações... Segundo Smole & Diniz, em qualquer área do conhecimento, a leitura deve possibilitar

Leia mais

Sequência Didática: A Ditadura Civil Militar

Sequência Didática: A Ditadura Civil Militar Sequência Didática: A Ditadura Civil Militar Professor, abaixo segue uma Sequência Didática para trabalhar os conteúdos da Ditadura Civil-Militar brasileira com o Ensino Médio. É um conjunto de 3 atividades

Leia mais

Identificar e saber utilizar os diferentes tipos de linguagem; Saber as diferentes funções da linguagem e o seu contexto;

Identificar e saber utilizar os diferentes tipos de linguagem; Saber as diferentes funções da linguagem e o seu contexto; LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO MÓDULO 3 A LINGUAGEM Objectivos específicos Explicar o conceito de linguagem; Identificar e saber utilizar os diferentes tipos de linguagem; Distinguir linguagem oral de linguagem

Leia mais

Planificação Semanal. Local de estágio: EB nº31 do Lumiar. Professora Cooperante: Cecília Mergulhão. Turma: 3º ano C

Planificação Semanal. Local de estágio: EB nº31 do Lumiar. Professora Cooperante: Cecília Mergulhão. Turma: 3º ano C Planificação Semanal Local de estágio: EB nº31 Lumiar Professora Cooperante: Cecília Mergulhão Turma: 3º ano C Coordenara de Estágio: Mestre Maria de Fátima Santos Discente: Maria de Fátima Ferreira Planificação

Leia mais

Nome: Sexo: ( )F ( )M. 1. Você cursou ou cursa Inglês em uma escola de idiomas ou com professor particular? Sim ( ) Não ( )

Nome: Sexo: ( )F ( )M. 1. Você cursou ou cursa Inglês em uma escola de idiomas ou com professor particular? Sim ( ) Não ( ) 1º Questionário para coleta de dados Nome: Sexo: ( )F ( )M 1. Você cursou ou cursa Inglês em uma escola de idiomas ou com professor particular? Sim ( ) Não ( ) 2. Por quanto tempo? Menos de 1 ano ( ) Entre

Leia mais

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos Objetivos - Identificar informações presentes no texto e produzir respostas baseadas nessas informações. Transcrever trechos do texto para exemplificar a compreensão do seu sentido global. - Identificar,

Leia mais

Acerte no discurso e dê o seu recado

Acerte no discurso e dê o seu recado Acerte no discurso e dê o seu recado Escolher as palavras certas e falar com clareza. Aprender a escutar e entender o que as outras pessoas dizem. Estar atento aos gestos, aos movimentos e às expressões

Leia mais

Curso de Capacitação para Museus Módulo IV Ação Educativa 1/73

Curso de Capacitação para Museus Módulo IV Ação Educativa 1/73 Curso de Capacitação para Museus Módulo IV Ação Educativa 1/73 Exposições 2/73 Longa duração maior tempo para pesquisar e conhecer o acervo, pensar a comunicação e as ações, desenvolver estratégias, avaliar

Leia mais

NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O TEXTO E SUAS PROPRIEDADES. Angela Jamal. agosto/2013

NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O TEXTO E SUAS PROPRIEDADES. Angela Jamal. agosto/2013 NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O TEXTO E SUAS PROPRIEDADES Angela Jamal agosto/2013 Recorremos a um texto, quando temos alguma pretensão comunicativa e a queremos expressar (...) dessa forma, todo texto é a

Leia mais

CENTRO MUNICIPAL DE APOIO AO DEFICIENTE CEMAD DEFICIÊNCIA MENTAL

CENTRO MUNICIPAL DE APOIO AO DEFICIENTE CEMAD DEFICIÊNCIA MENTAL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA. CENTRO MUNICIPAL DE APOIO AO DEFICIENTE CEMAD FICHA DE ACOMPANHAMENTO DO 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL DIRETORA: PROFESSORA: ALUNO (A): Nº TURMA:

Leia mais

A IMAGEM COMO DOCUMENTO HISTÓRICO

A IMAGEM COMO DOCUMENTO HISTÓRICO Projeto Presente! Formação / História 1 A IMAGEM COMO DOCUMENTO HISTÓRICO Texto 1 Cássia Marconi Ricardo Dreguer Os documentos são fundamentais como fontes de informações a serem interpretadas, analisadas

Leia mais

A Herança de Paulo Freire

A Herança de Paulo Freire A Herança de Paulo Freire Cinco Princípios-Chave que definem a visão Freiriana de Educação Musical. Eles são: Primeiro Princípio 1. Educação Musical é um Diálogo Alunos e professores apresentam um problema

Leia mais

MATERNAL I MANHÃ MATERNAL I TARDE. MATERNAL I MANHÃ - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica

MATERNAL I MANHÃ MATERNAL I TARDE. MATERNAL I MANHÃ - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica MATERNAL I TARDE MATERNAL I MANHÃ MATERNAL I MANHÃ - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica 2ª E 3ª AULA MATERNAL I TARDE - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica 2ª E 3ª

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

Aula 1 Conjuntos Numéricos

Aula 1 Conjuntos Numéricos 1 Tecnólogo em Construção de Edifícios Aula 1 Conjuntos Numéricos Professor Luciano Nóbrega 2 SONDAGEM Inicialmente, façamos uma revisão: 1 Calcule o valor das expressões abaixo. Dê as respostas de todas

Leia mais

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa Nome: Ano: 1º Ano 2º Etapa 2014 Colégio Nossa Senhora da Piedade Área do Conhecimento: Códigos e Linguagens

Leia mais

Conteúdos: Funções do QUE e SE I

Conteúdos: Funções do QUE e SE I Conteúdos: Funções do QUE e SE I Habilidades: Conhecer a partícula QUE a qual pertence a diferentes classes gramaticais e funções sintáticas Habilidades: Saber empregar as funções do SE como partícula

Leia mais

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto Componente Curricular: Língua Portuguesa Série/Ano Letivo: 9º ano/2014 Professor Ministrante: Joyce Camila Martins; Shirley dos Santos Vasconcelos Carga Horária: 5 horas/aula Data: 03/07 Aula: 24 Teleaula:

Leia mais

Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde Departamento de Saúde Comunitária. Professor: Walfrido Kühl. Svoboda MÉTODOS E MEIOS DE

Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde Departamento de Saúde Comunitária. Professor: Walfrido Kühl. Svoboda MÉTODOS E MEIOS DE Universidade Federal do Paraná Setor de Ciências da Saúde Departamento de Saúde Comunitária Disciplina: Saúde Pública P I (MS052) Professor: Walfrido Kühl Svoboda MÉTODOS E MEIOS DE EDUCAÇÃO SANITÁRIA

Leia mais

Aula Teórica. Tema: Vamos conhecer a fábula? Objetivo(s):

Aula Teórica. Tema: Vamos conhecer a fábula? Objetivo(s): Aula Teórica Tema: Vamos conhecer a fábula? Objetivo(s): Introdução às narrativas fabulísticas; Leitura de fábulas clássicas; Exploração do elemento fantástico; Apresentação das etapas de persuasão e moral.

Leia mais

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio DISCIPLINA:. Língua Portuguesa SÉRIE/ TURMA:. 9º ano A/B BIMESTRE: 4º 1 e 2 - Texto Perder, ganhar, viver. Pag.( 230, 231 e 232) Leitura do texto; discussão; atividade escrita. Pag. ( 232 e 233) - Atividade

Leia mais

Elaborado por Undime Goiás http://go.undime.org.br

Elaborado por Undime Goiás http://go.undime.org.br http://basenacionalcomum.mec.gov.br Neste portal, você pode conhecer a proposta de BNC que foi elaborada por 116 especialistas de 35 IES de nosso país Pode também interagir com o documento preliminar da

Leia mais

CONTEXTUALIZAÇÃO DO CONTEÚDO DE TABELA PERIÓDICA UTILIZANDO RÓTULOS DE ALIMENTOS

CONTEXTUALIZAÇÃO DO CONTEÚDO DE TABELA PERIÓDICA UTILIZANDO RÓTULOS DE ALIMENTOS CONTEXTUALIZAÇÃO DO CONTEÚDO DE TABELA PERIÓDICA UTILIZANDO RÓTULOS DE ALIMENTOS Jaqueline de Souza (1); Caio César Alves de Souza Lima (1); Maria Betania Hermenegildo dos Santos (1) Universidade Federal

Leia mais

Na educação a distância, você tem autonomia de estudo, isto é, VOCÊ faz sua programação, estabelece seu ritmo de estudo.

Na educação a distância, você tem autonomia de estudo, isto é, VOCÊ faz sua programação, estabelece seu ritmo de estudo. Olá!!! Com o crescente uso das tecnologias da informação e da comunicação nas práticas educacionais a educação a distância (EAD) tornou-se, no Brasil e no mundo, uma alternativa aos cursos presenciais.

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 4: Negociação financeira

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 4: Negociação financeira Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 4: Negociação financeira Objetivo Conscientizar nossos clientes sobre a importância da negociação financeira como alicerce de conforto, segurança e bem-estar

Leia mais

Conhecendo o Aluno com Deficiência Física

Conhecendo o Aluno com Deficiência Física I - [FICHA DE AVALIAÇÃO SOBRE O ALUNO COM DEFICIÊNCIA FÍSICA] Usar letra de forma É importante considerarmos que o aluno com deficiência física da Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro possui características

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL DARIO VELOZZO PLANO DE TRABALHO DOCENTE DISCIPLINA: ENSINO RELIGIOSO. 7º ano ENSINO FUNDAMENTAL

COLÉGIO ESTADUAL DARIO VELOZZO PLANO DE TRABALHO DOCENTE DISCIPLINA: ENSINO RELIGIOSO. 7º ano ENSINO FUNDAMENTAL COLÉGIO ESTADUAL DARIO VELOZZO PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2014 DISCIPLINA: ENSINO RELIGIOSO 7º ano ENSINO FUNDAMENTAL PROFESSORA: JUCELAINE AVILA DE OLIVEIRA Professora: Jucelaine Disciplina: Ensino Religioso

Leia mais

A criança de 6 anos, a linguagem escrita e o ensino fundamental de nove anos

A criança de 6 anos, a linguagem escrita e o ensino fundamental de nove anos A criança de 6 anos, a linguagem escrita e o ensino fundamental de nove anos Organizadoras: Francisca Izabel Pereira Maciel Mônica Correia Baptista Sara Mourão Monteiro Estrutura da exposição 1. O contexto

Leia mais

Manual do Usuário. Quiz Online

Manual do Usuário. Quiz Online Manual do Usuário Quiz Online Versão 1.0.1 Copyright 2013 BroadNeeds Rev. 2014-06-20 Página 1 de 17 1 - INTRODUÇÃO... 3 1.1 REQUISITOS... 3 2 - CRIANDO O QUIZ ATRAVÉS DA PLATAFORMA NUCLEOMEDIA... 4 2.1

Leia mais

Engrenagens I. Um pasteleiro fazia massa de pastel numa. Engrenagens

Engrenagens I. Um pasteleiro fazia massa de pastel numa. Engrenagens A U A UL LA Engrenagens I Introdução Um pasteleiro fazia massa de pastel numa máquina manual, quando ela quebrou. Sem perder tempo, o pasteleiro levou a máquina a uma oficina. O dono da oficina examinou

Leia mais

Plano de Aula Integrado com Hipermídia

Plano de Aula Integrado com Hipermídia Plano de Aula Integrado com Hipermídia Sumário Estrutura Curricular Dados da Aula Duração das atividades Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno Estratégias e recursos da aula Recursos

Leia mais

Concurso de Livro de Contos Infantis Histórias da Ajudaris: Pequenos Gestos Grandes Corações. Regulamento. Artigo 1º Apresentação

Concurso de Livro de Contos Infantis Histórias da Ajudaris: Pequenos Gestos Grandes Corações. Regulamento. Artigo 1º Apresentação Concurso de Livro de Contos Infantis Histórias da Ajudaris: Pequenos Gestos Grandes Corações Regulamento Artigo 1º Apresentação A Ajudaris, a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) e o Plano Nacional de Leitura

Leia mais

CURSOS DE EXTENSÃO - 2º SEMESTRE DE 2013

CURSOS DE EXTENSÃO - 2º SEMESTRE DE 2013 CURSOS DE EXTENSÃO - 2º SEMESTRE DE 13 Pág. 1 de 5 001-13 Luminária de Materiais Expressivos Lúcio Magalhães h 3ª feira 5 dias /09 a 08/ 14 às 18h OBJETIVOS: Oferecer aos alunos informações básicas para

Leia mais

2. Acidentes de trânsito: as vítimas

2. Acidentes de trânsito: as vítimas 2. trânsito: as vítimas Aula Interdisciplinar Indicação: 6º ao 9º Ano do Ensino Fundamental Os usuários mais vulneráveis representam quase a metade dos mortos no trânsito. Longe dos princípios de cidadania,

Leia mais

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia DINÂMICAS

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia DINÂMICAS S CAIXA DOS CONTOS Construindo um texto coletivo... Em uma caixa fechada são colocados vários objetos de modo que contemple o número de alunos da sala de aula. Os objetos devem ser retirados, de modo aleatório,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR. Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP SALVADOR / BAHIA

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR. Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP SALVADOR / BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP Avaliação Diagnóstica para Classes do Ciclo de Aprendizagem I: Matemática

Leia mais

QUEBRA-GELO EDIFICAÇÃO BOLETIM GCEM COMUNA KIDS

QUEBRA-GELO EDIFICAÇÃO BOLETIM GCEM COMUNA KIDS TEMA CENTRAL da apostila DEUS E EU Veremos nos livros de Ezequiel, Obadias, Miqueias, Habacuque, Ageu, Zacarias e Malaquias como Deus se revelou a seu povo. Descobrindo quem Deus é, descobrimos quem somos

Leia mais

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Professor (a): JANETE FASSINI ALVES NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER AUTOR: RUTH ROCHA Competências Objetivo Geral Objetivos específicos Estratégias em Língua Portuguesa

Leia mais

Guia do Professor. Conteúdos Digitais. Audiovisual 01. Série Jornal Numer4l. A Matemática na História

Guia do Professor. Conteúdos Digitais. Audiovisual 01. Série Jornal Numer4l. A Matemática na História Guia do Professor Conteúdos Digitais Audiovisual 01 A Matemática na História Série Jornal Numer4l 1 Coordenação Geral Elizabete dos Santos Autores Emerson Rolkouski Revisão Textual Elizabeth Sanfelice

Leia mais

2. A Frase. Ex: Apareceram 10 marceneiros, 20 carpinteiros e 40 envernizadores.

2. A Frase. Ex: Apareceram 10 marceneiros, 20 carpinteiros e 40 envernizadores. 2. A Frase A frase é um conjunto de palavras ordenadas que transmite uma ideia com sentido, começa com letra maiúscula e termina num sinal de pontuação. Os sinais de pontuação auxiliam a leitura e esclarecem

Leia mais

MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO

MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO A mais básica de todas as necessidades de aprendizagem continua sendo a alfabetização? Emilia Ferreiro De todos os grupos populacionais as crianças são as mais facilmente alfabetizáveis....

Leia mais

Algoritmos APRENDENDO A PROGRAMAR COM C#

Algoritmos APRENDENDO A PROGRAMAR COM C# Algoritmos APRENDENDO A PROGRAMAR COM C# Alô Mundo AULA 01 Conhecendo o ambiente O objetivo principal desse programa não é mostrar a mensagem Alo Mundo. O objetivo é apresentar o ambiente de desenvolvimento

Leia mais

Eixo Disciplinar. Código 42 Código. Semestre / Ano linguagens 1_2011

Eixo Disciplinar. Código 42 Código. Semestre / Ano linguagens 1_2011 Unidade Universitária Centro de Comunicação e Letras Curso Publicidade e Propaganda Código Código Eixo Disciplinar Percepção e Criatividade I Ementa Estudo da percepção humana. Condicionantes dos sentidos

Leia mais

#contemaishistórias @andredamasceno @omelhordomkt

#contemaishistórias @andredamasceno @omelhordomkt Na sua opinião, vale tudo para conquistar um LIKE e/ou um SEGUIDOR? Fonte: http://exame.abril.com.br/ Fonte: http://mundodomarketing.com.br Fonte: http://sophiamind.com Fonte: http://valor.com.br Fonte:

Leia mais

Ano: 9 Turma: 9.1 / 9.2

Ano: 9 Turma: 9.1 / 9.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2013 Disciplina: Português Professor (a): Cris Souto Ano: 9 Turma: 9.1 / 9.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Uso de palavras e expressões no sentido figurado ou de maneira diferente.

Uso de palavras e expressões no sentido figurado ou de maneira diferente. Uso de palavras e expressões no sentido figurado ou de maneira diferente. Recurso que o falante ou escritor cria para dar maior expressividade à sua mensagem. Geralmente não é possível transportar para

Leia mais

PLANO DE ENSINO LIBRAS

PLANO DE ENSINO LIBRAS PLANO DE ENSINO LIBRAS 1. IDENTIFICAÇÃO DISCIPLINA: Módulo optativo de Libras PÚBLICO-ALVO: Discentes da FPS PRÉ-REQUISITOS: Não há pré-requisito CARGA HORÁRIA: 40h FREQUENCIA DAS AULAS: 13:30h às 16:45h

Leia mais

PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE LIVRO VIAJANTE

PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE LIVRO VIAJANTE PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE LIVRO VIAJANTE "Viajar pela leitura sem rumo sem direção só para viver aventura que é ter um livro nas mãos" 1. 1. APRESENTAÇÃO O Projeto de Incentivo

Leia mais

Sistema de Numeração Decimal

Sistema de Numeração Decimal Sistema de Numeração Decimal Leitura deleite: O valor de cada um Os números no dia-a-dia Para refletir... Como trabalhamos o Sistema de Numeração Decimal na escola? Já perceberam que os Livros didáticos

Leia mais

SÉRIEENSINAR LEITURA E ESCRITA NO ENSINO FUNDAMENTAL

SÉRIEENSINAR LEITURA E ESCRITA NO ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIEENSINAR LEITURA E ESCRITA NO ENSINO FUNDAMENTAL Aos meninos e meninas, professoras e pais que generosamente partilham comigo suas histórias, seu tempo, suas produções. Ao Titi e ao B, por uma aprendizagem

Leia mais

Gestão do Conhecimento. É possível gerenciar o conhecimento? Gestão do Conhecimento 21/2/2011

Gestão do Conhecimento. É possível gerenciar o conhecimento? Gestão do Conhecimento 21/2/2011 Gestão do Conhecimento Conceitos de Gestão do Conhecimento Prof. Luiz A. Nascimento É possível gerenciar o conhecimento? A princípio não é possível gerenciar o conhecimento pois o conhecimento está na

Leia mais

Ensino Fundamental l 5º Língua Portuguesa

Ensino Fundamental l 5º Língua Portuguesa Ensino Fundamental l 5º Língua Portuguesa Olá pessoal!!! As férias chegaram... Vamos aproveitar bastante para descansar, passear, brincar... mas reserve um tempinho para recordar o que aprendeu nesse semestre.

Leia mais

A prova é constituída por duas partes, prova escrita e prova oral, a ter lugar em datas distintas.

A prova é constituída por duas partes, prova escrita e prova oral, a ter lugar em datas distintas. 2015/2016 ANO DE ESCOLARIDADE: 9º ANO DURAÇÃO DA PROVA ESCRITA: 90 minutos TOLERÂNCIA: 00 minutos DURAÇÃO DA PROVA ORAL: ± 15 MINUTOS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 3.º CICLO - 1.ª e 2.ª

Leia mais

MEMORIAL DA EDUCAÇÃO

MEMORIAL DA EDUCAÇÃO MEMORIAL DA EDUCAÇÃO ORIENTAÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DE PROJETOS DE HISTÓRIA ORAL A história oral é um procedimento premeditado de produção de conhecimento histórico. Envolve o entrevistador, o entrevistado

Leia mais

Caderno de Aprendizagem

Caderno de Aprendizagem Caderno de Aprendizagem Módulo I Unidade 7 Nome tutor data de entrega / / Governo Federal Ministério da Educação Secretaria de Educação a Distância Professor(a) Cursista, Após uma quinzena de estudos e

Leia mais

PLANEJAMENTO: Música

PLANEJAMENTO: Música PLANEJAMENTO: Música Professor (a): Tânia Perotti Bertol Música: Músicas do folclore gaúcho a partir a obra Marieta em coração de namorado da escritora Léia Cassol e ilustrações de Roney Bunn. Competências

Leia mais

Blue Print Para Criar Area de Membros

Blue Print Para Criar Area de Membros 1 Ricardo Santos Blue Print Para Criar Area de Membros Conheça As 5 Ferramenas Essenciais Seja bem vindo! Meu nome é Ricardo Santos, e criei este guia "Blue Print Para Criar Área de Membros" para te orientar

Leia mais

Classificação da Pesquisa:

Classificação da Pesquisa: Classificação da Pesquisa: Do ponto de vista da sua natureza, ou seja, aquilo que compõe a substância do ser ou essência da pesquisa. Pesquisa Pura: Pesquisa Aplicada: Objetiva gerar conhecimentos novos

Leia mais

Parabéns por estar aqui, você é uma

Parabéns por estar aqui, você é uma Parabéns por estar aqui, você é uma DIRETORA em Qualificação! QUALIFICAÇÃO É UM ESTÁGIO PARA O DIRETORADO ONDE A DIQ APRENDE COMO A DIRETORA FAZ!!! Trabalho duro e constante vão te levar ao topo! EXEMPLO,

Leia mais

Nome. Data. Tarefa C1. diferentes, folha de papel A3, fita-cola.

Nome. Data. Tarefa C1. diferentes, folha de papel A3, fita-cola. Tarefa C1 Material por grupo: palhinhas com diferentes padrões diferentes, folha de papel A3, fita-cola. e/ou cores, de três tamanhos Observa bem as palhinhas que estão em cima da mesa e pensa numa maneira

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EMEB. PROF.ª MARIA DIMPINA LOBO DUARTE PROJETO DE LEITURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EMEB. PROF.ª MARIA DIMPINA LOBO DUARTE PROJETO DE LEITURA PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EMEB. PROF.ª MARIA DIMPINA LOBO DUARTE PROJETO DE LEITURA 1. JUSTIFICATIVA 1 Percebemos que a realidade atual vem afastando cada vez mais

Leia mais

Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário

Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário INFORMAÇÃO EXAME DE APLICAÇÕES INFORMÁTICAS B 2016 12º ANO DE ESCOLARIDADE (DECRETO-LEI N.º 139/ 2012, DE 5 DE JULHO) Prova 163 Escrita e Prática

Leia mais

METODOLOGIA E PRÁTICA DO ENSINO DA MATEMÁTICA

METODOLOGIA E PRÁTICA DO ENSINO DA MATEMÁTICA Unidade II METODOLOGIA E PRÁTICA DO ENSINO DA MATEMÁTICA E CIÊNCIAS Prof. Me. Guilherme Santinho Jacobik Recursos para o planejamento das aulas Resolução de problemas. Portadores numéricos. Lúdico: Jogos,

Leia mais

Sete pintos pintados. Artes Volume I - 1º ano CADERNO DO ALUNO

Sete pintos pintados. Artes Volume I - 1º ano CADERNO DO ALUNO Sete pintos pintados Artes Volume I - 1º ano CADERNO DO ALUNO Sete pintos pintados (Artes) Volume I 1º ano CADERNO DO ALUNO Sete pintos pintados Artes (Caderno do aluno) Volume I 1º ano Projeto editorial,

Leia mais

Programação Orientada a Objetos

Programação Orientada a Objetos Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br www3.ifrn.edu.br/~andrealmeida Aula II Orientação a Roteiro Paradigma de Programação Classes e Atributos e Métodos Perspectiva OO Fonte Principal:

Leia mais

MANUAL REDES SOCIAIS

MANUAL REDES SOCIAIS MANUAL E EDES Estima-se que mais de 40 milhões de brasileiros acessam a internet, pois encontram o potencial necessário para expressarem suas opiniões, consultar e disseminar informações com muito mais

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES

ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES 1-TEMA: FOLCLORE BRASILEIRO O FOLCLORE É O SABER TRADICIONAL DE UM POVO, OU SEJA,

Leia mais

Estruturas de Repetição

Estruturas de Repetição Estruturas de Repetição Lista de Exercícios - 04 Algoritmos e Linguagens de Programação Professor: Edwar Saliba Júnior Estruturas de Repetição O que são e para que servem? São comandos que são utilizados

Leia mais

POTENCIAÇÃO, RADICIAÇÃO E LOGARITMAÇÂO NOS NÚMEROS REAIS. Potenciação 1

POTENCIAÇÃO, RADICIAÇÃO E LOGARITMAÇÂO NOS NÚMEROS REAIS. Potenciação 1 POTENCIAÇÃO, RADICIAÇÃO E LOGARITMAÇÂO NOS NÚMEROS REAIS Potenciação 1 Neste texto, ao classificarmos diferentes casos de potenciação, vamos sempre supor que a base e o expoente sejam não nulos, pois já

Leia mais

TEATRO PARA EDUCADORES. João Paulo Honorato Fernandes Professor de Teatro para Educadores 02/09/2011

TEATRO PARA EDUCADORES. João Paulo Honorato Fernandes Professor de Teatro para Educadores 02/09/2011 TEATRO PARA EDUCADORES João Paulo Honorato Fernandes Professor de Teatro para Educadores 02/09/2011 TEATRO PARA EDUCADORES A palavra teatro tem sua origem no vocábulo grego theatron que significa "local

Leia mais

Boas situações de Aprendizagens. Atividades. Livro Didático. Currículo oficial de São Paulo

Boas situações de Aprendizagens. Atividades. Livro Didático. Currículo oficial de São Paulo Atividades Boas situações de Aprendizagens Livro Didático Currículo oficial de São Paulo LÓGICA NUMA CONCEPÇÃO QUE SE APOIA EXCLUSIVAMENTE EM CONTEÚDOS E ATIVIDADES Enfoque fragmentado, centrado na transmissão

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS REFERENCIAL DE LINGUAGEM A B C D E ESCRITA NÍVEL DA PALAVRA DESCRIÇÃO DOS SABERES OBJETIVOS

Leia mais

GÊNEROS DISCURSIVOS NO ENSINO DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS

GÊNEROS DISCURSIVOS NO ENSINO DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS UFRN-CCHLA-DELET Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) Orientadora: Dra. Maria da Penha Casado Alves GÊNEROS DISCURSIVOS NO ENSINO DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS Bolsistas:

Leia mais

com cor. a tr.fil w w w

com cor. a tr.fil w w w www.filtracor.com A EMPRESA Cuidamos da sua identidade para que você possa cuidar melhor de si. Cuidamos da sua identidade para que você Atualmente, com o constante nascimento de smartphone se tornou um

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA/ 4º ano Semana de 10 a 14 de março 4º ano A, B e C quinta-feira Leia: BIOGRAFIA Biografia é o relato sobre a vida de uma pessoa

Leia mais

Atualização do Cartão Nacional de Saúde para o Siscan

Atualização do Cartão Nacional de Saúde para o Siscan Atualização do Cartão Nacional de Saúde para o Siscan Quando um novo exame é requisitado no Siscan é necessário inserir o CNS do paciente para preenchimento dos campos do cadastro. Estes dados estão armazenados

Leia mais

Planificação Semanal. 28 a 31 de Janeiro

Planificação Semanal. 28 a 31 de Janeiro Nome do Aluno: Catarina do Carmo Carvalho Leite Peixoto Professora Cooperante: Prof.ª Tânia Horta Instituição: Colégio Paula Frassinetti Planificação Semanal 28 a 31 de Janeiro Propostas da semana: Exploração

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO Título do Podcast Área Segmento Duração Relações matemáticas entre grandezas físicas Ciências da Natureza Física e Matemática

Leia mais

Formas imperativas em tiras de jornais paulistas

Formas imperativas em tiras de jornais paulistas Formas imperativas em tiras de jornais paulistas Poliana Rossi Borges Faculdade de Ciências e Letras - Unesp Rodovia Araraquara-Jaú km 1, Araraquara-SP Cep 14800-901 Abstract. This study aims to describe

Leia mais

2º ano A - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica. 2º ano B - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica

2º ano A - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica. 2º ano B - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica 2º Ano - C 2º Ano - B 2º Ano - A 4ª e (GRAMÁTICA) 1ª e 2º ano A - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica Greetings; Colors; Págs.86 a 89; Estudar as Unidades 1 e 2; Revisando conteúdos:

Leia mais

(Luciana M. M. Passos. Adaptação de conto popular)

(Luciana M. M. Passos. Adaptação de conto popular) COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro Lições de Língua Portuguesa, História e Vivência Religiosa - 4º ano 4º ano A, B e C quinta-feira Leia este texto para realizar as lições da semana: A Aposta

Leia mais

GUIA DO PROFESSOR SHOW DA QUÍMICA

GUIA DO PROFESSOR SHOW DA QUÍMICA Conteúdos: Tempo: Objetivos: Descrição: Produções Relacionadas: Estudo dos gases Uma aula de 50 minutos SHOW DA QUÍMICA Testar o conhecimento do aluno quanto à teoria dos gases. Os alunos de um colégio

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ Comando do Corpo de Bombeiros 4º GRUPAMENTO DE BOMBEIROS

POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ Comando do Corpo de Bombeiros 4º GRUPAMENTO DE BOMBEIROS POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ Comando do Corpo de Bombeiros 4º GRUPAMENTO DE BOMBEIROS P.A.I. Plano Anual de Instrução ANEXO B TUTORIAL DE ACESSO AO SISTEMA EaD 1º Ten. QOBM Amarildo Roberto Ribeiro CASCAVEL-

Leia mais

Se você precisa destacar alguma informação, prefira colocá-la em negrito ou sublinhado, ao invés de escrever tudo em letras maiúsculas.

Se você precisa destacar alguma informação, prefira colocá-la em negrito ou sublinhado, ao invés de escrever tudo em letras maiúsculas. POR DENTRO DAS NETIQUETAS CUIDADO COMO VOCÊ ESCREVE! É preciso tomar cuidado com o tipo e o tamanho de letra que você usa ao digitar a sua mensagem. LETRAS MAIÚSCULAS (ou letras em tamanho maior do que

Leia mais

Prêmio Viva Leitura. Categoria Escola Pública. Projeto: Leitura como fonte de conhecimento e prazer

Prêmio Viva Leitura. Categoria Escola Pública. Projeto: Leitura como fonte de conhecimento e prazer COLÉGIO ESTADUAL DO CAMPO DE LAGOA ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PR 281 KM 20 - LAGOA FONE: 41-3674-1053 e-mail : colegioestadualdelagoa@gmail.com Prêmio Viva Leitura Categoria Escola Pública Projeto: Leitura

Leia mais

Programa Competências Transversais

Programa Competências Transversais Programa Competências Transversais o Consumo Consciente de Energia o Desenho Arquitetônico o Educação Ambiental o Empreendedorismo o Fundamentos de Logística o Finanças Pessoais o Legislação Trabalhista

Leia mais

LEGISLAÇÃO. A legislação referente aos exames encontra-se disponível na página Web do Agrupamento de escolas António Nobre.

LEGISLAÇÃO. A legislação referente aos exames encontra-se disponível na página Web do Agrupamento de escolas António Nobre. LEGISLAÇÃO A legislação referente aos exames encontra-se disponível na página Web do Agrupamento de escolas António Nobre www.ae-anobre.pt Secretariado de Exames 4º e 6º anos Ano letivo 2013 /2014 AVALIAÇÃO

Leia mais

E.M.Prof. Arassuay Gomes de Castro. Web fólio 1ºbimestre 2014 Vespertino Csptec Edilaine da Silva Lima

E.M.Prof. Arassuay Gomes de Castro. Web fólio 1ºbimestre 2014 Vespertino Csptec Edilaine da Silva Lima E.M.Prof. Arassuay Gomes de Castro Web fólio 1ºbimestre 2014 Vespertino Csptec Edilaine da Silva Lima ESCOLA MUNICIPAL PROF. ARASSUAY GOMES DE CASTRO ENDEREÇO: RUA SÃO VICENTE DE PAULA S/N VILA MANOEL

Leia mais

A escrita antes de aprender a escrever, isto é, como as crianças se vão apropriando do sistema de linguagem escrita

A escrita antes de aprender a escrever, isto é, como as crianças se vão apropriando do sistema de linguagem escrita A escrita antes de aprender a escrever, isto é, como as crianças se vão apropriando do sistema de linguagem escrita Escrita pré-silábica Ainda não é determinada por critérios linguísticos. Do ponto de

Leia mais

O Grande Rabanete visita os Amiguinhos da horta do CIEM

O Grande Rabanete visita os Amiguinhos da horta do CIEM CADERNO PEDAGÓGICO O Grande Rabanete visita os Amiguinhos da horta do CIEM Meu Nome é: Nível 2 ( Grupo de 04 anos) Zé Rabanete é muito curioso e vive passeando pelas hortas a procura de amiguinhos legumes

Leia mais

COMO FAZER UMA FAXINA DIGITAL

COMO FAZER UMA FAXINA DIGITAL COMO FAZER UMA FAXINA DIGITAL 6 PASSOS SIMPLES PARA REALIZAR A LIMPEZA DOS SEUS DISPOSITIVOS DIGITAIS GABRIELA BRASIL Porque fazer uma limpeza nos dispositivos digitais Caso você nunca tenha organizado

Leia mais