DDA Débito Direto Autorizado. Manual de utilização Perguntas e respostas Maio_2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DDA Débito Direto Autorizado. Manual de utilização Perguntas e respostas Maio_2016"

Transcrição

1 DDA Débito Direto Autorizado Manual de utilização

2 1. O que é o DDA Débito Direto Autorizado Uniprime? É um serviço para cooperados Uniprime, Pessoa Física e Jurídica, que permite receber eletronicamente seus boletos de cobrança e promover as liquidações pelo Internet Banking Uniprime, sem necessidade de recebê-los em papel ou imprimi-los. 2. Quais os benefícios do DDA? Praticidade de receber seus boletos pelo Internet Banking Uniprime; Agilidade e mobilidade nos seus pagamentos; Não precisa digitar código de barras; Evita risco de fraude e extravio de boletos; Maior controle de suas contas; Contribui para o meio ambiente. 3. Como faço para me cadastrar no DDA? Você deverá acessar o Internet Banking Uniprime para autorizar o recebimento de boletos eletrônicos através do sistema DDA, para isso, deverá aceitar o Termo de Adesão. Ao se cadastrar, você passará a ser chamado de sacado/ pagador eletrônico. 4. Após me cadastrar, quais boletos posso pagar pelo DDA? Boletos de cobrança, como: mensalidade escolar, plano de saúde, taxa de condomínio, financiamento de casa e outros*. As Arrecadações de Tributos e Contas de Serviços Públicos, como: água e luz ainda não estão incluídos no sistema DDA. *O cedente dos seus boletos precisa estar incluso no serviço DDA para que você possa recebê-los eletronicamente. 5. É seguro pagar contas utilizando o DDA? O DDA obedece ao mesmo padrão de segurança do SPB Sistema de Pagamentos Brasileiro, que garante a confiabilidade do processo de cobrança, com trânsito de informações exclusivamente por meio eletrônico, evitando o uso de papel e o risco de extravio dos boletos.

3 6. O DDA Débito Direto Autorizado é Automático? O pagamento de boletos de cobrança pelo DDA NÃO é automático. O sacado/ pagador eletrônico deverá acessar sua conta através do Internet Banking Uniprime e autorizar o comando para pagamento. A opção de pagamento de boleto continua sendo sua. 7. Ao aderir ao DDA, vou continuar recebendo os boletos impressos? Pode ser que sim, tudo depende da estratégia que o cedente/ emissor tiver para a cobrança. Pois, se o cedente/ emissor, que é quem emite os boletos, imprimir e enviar, você receberá. 8. Se eu receber meu boleto eletrônico e impresso, vou ser cobrado duas vezes? Você não será cobrado duas vezes. Contudo, dê preferência ao pagamento eletrônico. 9. Onde posso pagar meus boletos eletrônicos? Os boletos eletrônicos poderão ser pagos pelo Internet Banking Uniprime, aderindo ao serviço de DDA. 10. Se eu aderir ao DDA na Uniprime e em outro banco, onde consigo consultar e pagar meus boletos de cobrança eletrônicos? Você consegue consultar e pagar seus boletos em todos os bancos em que aderiu ao DDA, porém, você deve optar apenas por um banco para pagar o mesmo boleto. 11. Se eu tiver DDA na Uniprime e em outro Banco, ao liquidar o DDA na Uniprime, o boleto é liquidado automático em outro banco? Ao efetuar o pagamento dos títulos eletrônicos na Uniprime, automaticamente é gerado uma baixa para CIP, chamada baixa operacional, essa baixa envia um aviso para todos os demais bancos que esse título está em processo de pagamento, todavia, o título não constará como pago para os outros bancos em que sacado/ pagador eletrônico possui adesão. Esses títulos serão automaticamente baixados nos demais bancos, apenas após o cedente/ emissor do título receber o pagamento via compensação e, assim, emitir uma baixa chamada de efetiva para avisar a CIP que aquele crédito de pagamento foi

4 efetivado com sucesso. A CIP processa essa baixa efetiva e envia os arquivos para todos os bancos onde o sacado/ pagador eletrônico possui adesão, informando que os títulos estão baixados por liquidação interbancária. Esse processo costuma ocorrer em D+1, ou seja, o título que foi pago hoje será baixado automaticamente nas demais instituições amanhã. 12. É possível liquidar o mesmo boleto duas vezes? Como? É possível sim, vamos supor que você, sacado/ pagador eletrônico, possui adesão ao DDA em dois ou mais bancos distintos, os boletos de cobrança serão visualizados em todos os bancos. Digamos que hoje você efetua o pagamento em uma dessas instituições, após esse pagamento, você acessa seu Internet Banking de outra instituição bancária, ainda irá visualizar seu título aberto (o mesmo que acabou de pagar). Neste caso, você opta por pagar esse mesmo título, pois, uma vez que não consegue visualizar a baixa, supõe que o título não foi pago na outra instituição; dessa forma, você realiza o pagamento em duplicidade. Portanto, conhecer o funcionamento do sistema DDA e organizar seus pagamentos é fundamental para o sucesso no processo. 13. Se eu liquidar meu boleto duas vezes, como devo proceder? Deverá ir junto ao cedente/ emissor do título para reaver o valor creditado. 14. Ao acessar meu Internet Banking, não reconheço a cobrança que está aparecendo, como devo proceder? O ideal é entrar em contato com o beneficiário para verificar o motivo indevido da cobrança. 15. Se houver uma negociação com o cedente/ emissor que implicará em descontos ou em alteração de vencimento, o que acontece? O cedente/ emissor deve alterar o título incluído no DDA ou baixá-lo e reincluir novo título com as informações atualizadas. Caso seu título não esteja atualizado, você deverá entrar em contato com o cedente/ emissor. 16. E se o boleto vencer, qual é o procedimento para liquidá-lo? A CIP emite diariamente arquivos atualizando o valor dos títulos que circulam pelo DDA com os respectivos juros e multa dos mesmos até a data limite do pagamento especificado no título. Após a expiração da data limite do pagamento,

5 a própria CIP baixa o título por decurso de prazo, cabendo a liquidação do título por outros meios conforme acordo entre beneficiário e sacado/ pagador eletrônico. 17. E se o boleto vencer e não tiver instrução de protesto, como devo proceder? E se ocorrer a mesma situação e o boleto possuir instrução de protesto? Independentemente de ter ou não instrução de protesto, o que vale para CIP é a data limite de pagamento do título, o mesmo será atualizado com novos valores até essa data limite. A CIP não se responsabiliza por enviar o título para protesto, cabe a Instituição Beneficiária enviar uma Baixa por Protesto ou Baixa por solicitação do Cedente / emissor para o título e tomar as devidas providências de envio do título para protesto em cartório, se for o caso. 18. É possível visualizar cobranças de outras pessoas, que não estão no meu nome? Os chamados Agregados. Caso o cooperado que aderiu ao serviço do DDA queira incluir terceiros para receber os títulos/ boletos de pagamentos, poderá ele, cadastrar esse terceiro, mesmo que esse terceiro não possua conta na Uniprime. 19. Como é o processo de adesão do DDA para PJ? O processo de adesão do serviço de DDA para pessoa Jurídica é idêntico ao de PF. 20. Consigo pagar contas em lote ou apenas uma a uma? Para Pessoa Física, será permitido efetuar pagamento de títulos individuais, ou seja, um a um. Para Pessoa Jurídica, será permitido efetuar pagamentos individuais ou em lote, no caso, com uma ou até duas assinaturas. 21. Posso excluir meu cadastro no DDA em que momento? Sim, você poderá solicitar exclusão do seu cadastramento do DDA a qualquer momento que desejar. Basta acessar ao sistema DDA pelo Internet Banking e enviar o comando de cancelamento.

6 22. Se eu tiver boletos disponíveis para pagamento e excluir meu cadastro do sistema DDA, automaticamente estes boletos somem? Ou devo pagar os que já existem antes de sair do sistema? A CIP irá enviar uma mensagem bloqueando os títulos em aberto e avisando o cedente/ emissor que aquele sacado/ pagador eletrônico não é mais sacado/ pagador eletrônico; dessa maneira, todos os títulos em aberto futuros serão enviados por outros meios ao pagador sem ser o DDA. Os títulos em abertos que constam na lista do DDA deverão ser liquidados para que o cancelamento do serviço do DDA seja completado. Glossário Agregado Pessoa Física e Pessoa Jurídica, que aderiu ao DDA em uma Cooperativa de Crédito ou Banco participante para a apresentação eletrônica de boletos. Cedente/ Emissor Instituição financeira que é contratada pelo fornecedor ou prestador de serviço para receber, na qualidade de mandatária para a cobrança, o valor que lhe é devido pelo sacado/ pagador eletrônico. Pessoa Física e Jurídica credora da dívida, a quem devem ser destinados os valores recebidos. CIP Câmara Interbancária de Pagamentos responsável pela operacionalização do DDA. Sacado/ Pagador eletrônico Pessoa Física ou Jurídica de quem, no caso de boletos de cobrança, é cobrada a dívida.

Além de facilitar a administração de suas contas, o DDA é mais seguro e contribui com o meio-ambiente.

Além de facilitar a administração de suas contas, o DDA é mais seguro e contribui com o meio-ambiente. Manual de utilização Apresentação Pelo novo sistema desenvolvido pelo Santander em conjunto com a FEBRABAN, você ou sua empresa pode(m) acessar de forma eletrônica (Internet, Pagamento a Fornecedor, Superlinha

Leia mais

Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado

Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado Índice Apresentação Conceito Funcionamento Operacionalização Perguntas e Respostas Glossário Apresentação Pelo sistema DDA desenvolvido pelo Banco Santander

Leia mais

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012 CARTILHA DO PRODUTO Débito Direto Autorizado Versão. 01-07/2012 www.unicredcentralsc.com.br ÍNDICE APRESENTAÇÃO Apresentação...02 Como funciona o DDA...03 DDA Unicred...04 DDA Módulos Internet Banking...06

Leia mais

DDA Safra Débito Direto Autorizado. Mais segurança, agilidade e comodidade para seu dia a dia.

DDA Safra Débito Direto Autorizado. Mais segurança, agilidade e comodidade para seu dia a dia. Débito Direto Autorizado Mais segurança, agilidade e comodidade para seu dia a dia. Informações Gerais Fluxos Cadastramento do Eletrônico Processo de Apresentação Eletrônica DDA Modelo de Autorização Vantagens

Leia mais

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do

Leia mais

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Cadastro das Contas a Pagar Acesse o módulo FINANCEIRO/

Leia mais

GERA GESTÃO E CONTROLE DE TÍTULOS: parte I

GERA GESTÃO E CONTROLE DE TÍTULOS: parte I Olá! Você verá a seguir um importante treinamento que vai facilitar suas atividades diárias! Ao acessá-lo pela primeira vez, procure assistir até o final. Caso não consiga, você poderá reiniciar de onde

Leia mais

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Painel de recebíveis e Painel de linhas de crédito Versão 1.0 1 As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis

Leia mais

Bairro Cidade CEP UF. Agência Nome da Agência Operação Conta Dígito. Bairro Cidade CEP UF. Bairro Cidade CEP UF

Bairro Cidade CEP UF. Agência Nome da Agência Operação Conta Dígito. Bairro Cidade CEP UF. Bairro Cidade CEP UF SACADO ELETRÔNICO ADESÃO EXCLUSÃO Nome ou Razão Social Agência Nome da Agência Operação Conta Dígito AGREGADOS Nome ou Razão Social (I) Nome ou Razão Social (II) 1 Pelo presente instrumento, a CAIXA ECONÔMICA

Leia mais

SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco

SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco A seguir você encontrará um resumo dos seus direitos e deveres e das principais condições e informações a respeito

Leia mais

Manual de Uso do Módulo. MerchFinanças

Manual de Uso do Módulo. MerchFinanças Manual de Uso do Módulo MerchFinanças Bento Gonçalves Julho de 2010 Conteúdo 1. Introdução... 4 2. Menu Cadastros... 5 2.1. Bancos/Contas... 5 2.1.1. Agências... 5 2.1.2. Bancos... 6 2.1.3. Contas... 7

Leia mais

Matemática Financeira. Flávio Rodrrigues

Matemática Financeira. Flávio Rodrrigues Matemática Financeira Flávio Rodrrigues Desconto de Títulos de Crédito Conceito: O Desconto é a diferença entre o valor futuro de um título (duplicata, nota promissória, letra de câmbio, cheque pré- datado

Leia mais

Manual DDA. Débito Direto Autorizado

Manual DDA. Débito Direto Autorizado Manual DDA Débito Direto Autorizado Versão 1 Outubro / 2009 SUMÁRIO 1. Introdução 2. Conceitos 3. Operacionalização 3.1. Bloqueto Eletrônico de Cobrança 3.1.1. Ciclo de Apresentação 3.1.2. Visualização

Leia mais

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING ARQUIVOS Os Clientes Banrisul, que utilizam serviços que dependam de troca de informações através de arquivos (Cobrança de Títulos, Vendor Eletrônico, Desconto

Leia mais

Boletos registrados e o fim dos boletos sem registro COBRE. fácil online

Boletos registrados e o fim dos boletos sem registro COBRE. fácil online Boletos registrados e o fim dos boletos sem registro COBRE Introdução O comunicado número 015/2015 da FEBRABAN vem deixando muitos empresários e prestadores de serviços de cabelo em pé, literalmente. E

Leia mais

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário GuiaRápido SistemadeCobrança-Beneficiário GR SistemadeCobrança Beneficiário Índice 1 Introdução... 4 2 Público Alvo... 4 3 Pré-Requisitos... 4 4 Acessando o Sistema de Cobrança... 5 5 Cadastro... 6 5.1

Leia mais

Perguntas Frequentes. Atração de Jovens Talentos BJT

Perguntas Frequentes. Atração de Jovens Talentos BJT Perguntas Frequentes Atração de Jovens Talentos BJT Diretoria de Relações Internacionais Coordenação-Geral de Bolsas e Projetos CGBP Coordenação de Acompanhamento de Bolsistas no Exterior CBE Brasília,

Leia mais

ANEXO V INTEGRAÇÃO COM SISTEMAS LEGADOS

ANEXO V INTEGRAÇÃO COM SISTEMAS LEGADOS 1. Anexo V Integração com sistemas legados Este documento descreve como deverão ser prestados os serviços relacionados às integrações dos Sistemas Legados do BANCO, com a solução de automação bancária,

Leia mais

Manual de Noções Básicas de Cobrança

Manual de Noções Básicas de Cobrança Este manual tem como finalidade explicar o que é uma cobrança através de boleto bancário, o que a constitui e outras informações pertinentes a mesma. Para maiores informações entre em contato com o gerente

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO BRB PRÉ-PAGO

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO BRB PRÉ-PAGO CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO BRB PRÉ-PAGO CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DE CARTÃO PRÉ-PAGO PARA CORRENTISTAS E NÃO CORRENTISTAS DO BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A. CLÁUSULA

Leia mais

Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local

Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local Cobrança Com Registro Com a cobrança registrada o usuário deverá enviar ao banco um registro dos documentos

Leia mais

CRÉDITO CONSIGNADO ITAÚ. Procedimento de Rescisão de Funcionários

CRÉDITO CONSIGNADO ITAÚ. Procedimento de Rescisão de Funcionários Data de Atualização: 08/10/2009 CRÉDITO CONSIGNADO ITAÚ Procedimento de Rescisão de Funcionários Itaú Bankline Empresa Versão Outubro de 2009 ÍNDICE ETAPA 1 INTRODUÇÃO... 03 ETAPA 2 CADASTRO DE RESCISÃO...

Leia mais

Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco Básico Standard.

Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco Básico Standard. SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do seu Cartão de Crédito Bradesco Básico Standard. A seguir, você encontrará um resumo dos seus direitos e deveres e das principais condições e informações

Leia mais

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS. Desconto e Cessão de Crédito

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS. Desconto e Cessão de Crédito Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS Desconto e Cessão de Crédito Versão: Maio/2014 Central de Suporte Pessoa Jurídica Grande São Paulo: (11) 3175-8248 - Fax

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO ACG

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO ACG TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DO CARTÃO PRÉ-PAGO ACG O presente instrumento, doravante REGULAMENTO, regula as condições gerais aplicáveis ao aos CARTÕES emitidos pela ACG Administradora de Cartões S/A, doravante

Leia mais

Internet Banking. Outubro - 2012

Internet Banking. Outubro - 2012 Internet Banking Outubro - 2012 1 Índice 1. Início... Pg. 4 2. Menu Home... Pg. 5 3. Menu Conta Corrente... Pg. 7 3.1 Extratos Conta Corrente... Pg. 8 3.2 Extratos de Tarifas...Pg. 9 3.3 Informações Complementares...

Leia mais

Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão de Crédito Bradesco

Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão de Crédito Bradesco Sumário Executivo Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão de Crédito Bradesco A seguir você encontrará um resumo dos seus direitos e deveres e das principais condições e informações a respeito do

Leia mais

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA Guia rápido de informações importantes - Faixas II e III

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA Guia rápido de informações importantes - Faixas II e III O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O CONTRATO DE FINANCIAMENTO HABITACIONAL FAIXAS II E III Antes de tudo, gostaríamos de parabenizá-lo pela COMPRA DO SEU IMÓVEL e assinatura do seu contrato de financiamento.

Leia mais

FS133.1. Sistema: Futura Server. Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa. Referência: FS133.1. Versão: 2016.07.04

FS133.1. Sistema: Futura Server. Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa. Referência: FS133.1. Versão: 2016.07.04 Como Baixar FS133.1 Boletos? Sistema: Futura Server Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa Referência: FS133.1 Versão: 2016.07.04 Como Funciona: Esta tela é utilizada para gerar arquivos que informarão

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CONTA CORRENTE, CONTA INVESTIMENTO E CONTA DE POUPANÇA

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CONTA CORRENTE, CONTA INVESTIMENTO E CONTA DE POUPANÇA CONTRATANTE(S): As Pessoa(s) - Física(s) ou Jurídica(s) - indicada(s) e qualificada(s) na Proposta/Contrato de Abertura de Conta Corrente, Conta Investimento e Conta de Poupança, adiante denominada(s)

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A.

BANCO DO BRASIL S.A. BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Smiles Banco do Brasil S.A. Pessoas Físicas Correntistas e Não-Correntistas Características do Cartão de Crédito Smiles

Leia mais

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Instituto HSBC Solidariedade

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Instituto HSBC Solidariedade Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito Instituto HSBC Solidariedade Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. Resumo do Contrato de seu

Leia mais

CONTRATO GERAL DE MATRÍCULA PARA CURSOS E EVENTOS DE EXTENSÃO PESSOA JURÍDICA

CONTRATO GERAL DE MATRÍCULA PARA CURSOS E EVENTOS DE EXTENSÃO PESSOA JURÍDICA Criado em 29/09/2015 12:00 - Página 1 de 6 CONTRATO GERAL DE MATRÍCULA PARA CURSOS E EVENTOS DE EXTENSÃO PESSOA JURÍDICA Ao solicitar matrícula no curso ou evento, a empresa declara estar ciente das cláusulas

Leia mais

Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++

Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++ Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++ 1. Tabela de I.R.R.F. Acesse o módulo DIVERSOS/ CADASTROS/ TABELA DE I.R.R.F. Este programa destina-se ao cadastramento da tabela do Imposto de Renda na Fonte

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC

Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do HSBC Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. Resumo do Contrato de seu Cartão de Crédito do

Leia mais

Resumo do Contrato Cartão Colombo visa

Resumo do Contrato Cartão Colombo visa Resumo do Contrato Cartão Colombo visa Leia estas informações importantes para aproveitar todas as vantagens do seu novo cartão de crédito. SuMÁRIO EXECUTIVO Este resumo apresenta informações essenciais

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PE

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PE E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE CARTÃO CONSIGNADO cartaoliberacao@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C SUPORTE PROMOTORA suportepromotora@bancodaycoval.com.br

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo.

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. MANUAL DO USUÁRIO Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. 1. Modifique a data e hora e lique em Confirmar, ou

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card

BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card BANCO DO BRASIL S.A. Sumário Executivo do Contrato dos Cartões de Crédito Co-Branded Chevrolet Card Conceito e Características do Cartão de Crédito O cartão de crédito Chevrolet Card de uso doméstico e/ou

Leia mais

Processo de Pagamento de solicitações de ingressos para o Público Geral para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014

Processo de Pagamento de solicitações de ingressos para o Público Geral para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 1. Quais são os meios de pagamento aceitos? Nas Fases de Vendas nº 1 e nº 2, é possível realizar pagamentos para compra de Ingressos pelos seguintes meios: - Cartão de pagamento - VISA - Outros cartões

Leia mais

SEMINÁRIO SOBRE BOLETO DE COBRANÇA

SEMINÁRIO SOBRE BOLETO DE COBRANÇA SEMINÁRIO SOBRE BOLETO DE COBRANÇA 3 Boletos Liquidados pelo Sistema de Compensação 4 Objetivo Apresentar e debater as mudanças nos produtos cobrança e pagamento, decorrentes da Circular Bacen 3.598/2012

Leia mais

Tutorial para geração de boletos

Tutorial para geração de boletos Tutorial para geração de boletos Conteúdo 1. Criar desconto padrão... 2 2. Geração de boleto com desconto até o vencimento em porcentagem (inclusive bolsa) no momento da matrícula:... 2 3.Geração de boletos

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 17/11/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.138a REA SSPlus 8.0

Leia mais

Parte I CADASTRO DE SACADO

Parte I CADASTRO DE SACADO Sicoob Coopercred Módulo Cedente Manual do Usuário (versão 2) ÍNDICE Parte I Cadastro de Sacado... 1 Parte II Emissão de Títulos... 1 Emitindo título com registro... 2 Emitindo título sem registro... 3

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br PARÂMETROS DE LANÇAMENTOS PARAMETRIZAÅÇO PARA O MÉDULO LANÅAMENTOS NO SISTEMA ARQUIVO > LANÅAMENTOS > PARÑMETROS E CONFIGURAÅÖES PREENCHIMENTO DAS GUIAS: 1. GUIA IMPOSTOS: a) Contas relacionadas à apuração

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

Manual de uso do Borderô Credix

Manual de uso do Borderô Credix Manual de uso do Borderô Credix Após efetuar o download do aplicativo siga os passos para a instalação do sistema, ao final será criado um atalho na área de trabalho, como ilustra a figura 1. Figura 1

Leia mais

TUTORIAL HOMOLOGAÇÃO DE BOLETOS

TUTORIAL HOMOLOGAÇÃO DE BOLETOS Sumário Apresentação... 1 1. Cadastrar Banco... 2 2. Cadastrar Cobrança... 5 3. Permitir Acesso a Cobrança... 7 4. Inserir Dados Integração Bancária... 9 5. Importar Layout... 16 6. Gerar e imprimir boleto...

Leia mais

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS Através do serviço de extratos do Banrisul Office Banking, o correntista pode consultar e imprimir os movimentos em suas contas (correntes ou poupança),

Leia mais

INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL

INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL 0455 55 IDENTIFICAÇÃO: Título : POLÍTICA DE COBRANÇA E CONTROLE DA INADIMPLÊNCIA Atributo : PONTUALIDADE NO RECEBIMENTO Processo : COBRANÇA E CONTROLE DE INADIMPLÊNCIA O

Leia mais

PROGRAMA DE RELACIONAMENTO BRASILIA DA GENTE

PROGRAMA DE RELACIONAMENTO BRASILIA DA GENTE 1. OBJETIVO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO BRASILIA DA GENTE 1.1 Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB, participantes do Programa

Leia mais

Manual Comercial. Débito Direto Autorizado DDA Bradesco

Manual Comercial. Débito Direto Autorizado DDA Bradesco Manual Comercial Débito Direto Autorizado DDA Bradesco Versão 01 Data 06/2009 Sumário 1. Conceitos...3 2. Sacado Eletrônico e Sacado Agregado:...7 3. Adesão ao DDA - Débito Direto Autorizado e seu funcionamento:...9

Leia mais

Klavier Tecnologia da Informação. Klavier Sistemas Integrados. Contas Correntes

Klavier Tecnologia da Informação. Klavier Sistemas Integrados. Contas Correntes Klavier Sistemas Integrados Contas Correntes Versão 3.00.003 2009 1 - Cadastro de Contas Correntes O cadastro de Contas Correntes possui as informações base sobre onde toda a movimentação financeira da

Leia mais

Copyright 2004/2015 - VLC

Copyright 2004/2015 - VLC Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Perguntas Frequentes Versão 8.1 Atualizado em 26/08/2015 Copyright 2004/2015 - VLC As informações contidas neste caderno de Perguntas e Respostas são de propriedade da

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO Esta Sociedade Corretora, em atenção ao disposto no art. 6º da Instrução nº 387/03 da CVM e demais normas expedidas pela BM&F BOVESPA, define através deste documento, suas

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

Configurando a emissão de boletos no sistema

Configurando a emissão de boletos no sistema Configurando a emissão de boletos no sistema Entre nossos sistemas, o GIM, o GECOB, o GEM, o TRA-FRETAMENTO e os 15 sistemas da linha 4U (GE-COMERCIO 4U, GEPAD 4U, GE-INFO 4U, etc ) possuem funções para

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE CARTÃO CONSIGNADO cartaoliberacao@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C SUPORTE PROMOTORA suportepromotora@bancodaycoval.com.br

Leia mais

Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe. Manual de acesso e utilização do sistema

Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe. Manual de acesso e utilização do sistema PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LEOPOLDO Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe Manual de acesso e utilização do sistema Versão: 1.0.30 Maio/2011 SUMÁRIO 1. TELA INICIAL... 3 2. CADASTRO DO PRESTADOR... 4

Leia mais

Dúvidas Em caso de dúvidas, entre em contato conosco: UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS Unidade Acadêmica de Graduação

Dúvidas Em caso de dúvidas, entre em contato conosco: UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS Unidade Acadêmica de Graduação 2º Período de Matrículas - Inclusão de disciplinas 1. Apresentação...2 2. Iniciando sua inclusão...4 3. Selecionando o contexto...6 1. Selecionando disciplina(s) - (atividades acadêmicas)...7 2. Plano

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE 1. Concessão da Licença: 2.1 - A LICENCIANTE, neste ato e pela melhor forma de direito, outorga ao LICENCIADO uma licença de uso, em caráter não exclusivo e intransferível,

Leia mais

Contrato de cartão de crédito

Contrato de cartão de crédito Sumário Executivo do Contrato de Cartão de Crédito O Itaucard, sempre preocupado em manter a total transparência com você, preparou um resumo do contrato do seu cartão. Lembre que este é apenas um resumo

Leia mais

1.3.1. A adesão ao Programa será opcional, nos termos informados no ato da contratação do cartão.

1.3.1. A adesão ao Programa será opcional, nos termos informados no ato da contratação do cartão. 1) DO PROGRAMA DE CONQUISTAS 1.1. As presentes disposições regulam o AMIGA - PROGRAMA DE CONQUISTAS MARISA ITAUCARD MASTERCARD NACIONAL, MARISA ITAUCARD MASTERCARD INTERNACIONAL E MARISA, (o Programa ),

Leia mais

5. Tarifas: Sumário Executivo do Contrato Itaucard Desconto em Folha

5. Tarifas: Sumário Executivo do Contrato Itaucard Desconto em Folha CONTRATO DE Cartão ITAUCARD DESCONTO EM FOLHA Sumário Executivo do Contrato Itaucard Desconto em Folha Preocupados em manter a total transparência com você, preparamos um resumo do contrato do seu cartão.

Leia mais

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento.

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento. REGULAMENTO OI MAIS Condições Gerais 1.1.A Telemar Norte Leste ( Telemar ) inscrita no CNPJ/MF sob o nº 33.000.118/0001-79, com sede na Rua General Polidoro, nº 99, Botafogo, na Cidade e Estado do Rio

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

Layout Padrão Febraban 240 posições V08.4 http://www.febraban.org.br. 3.5 - Vendor

Layout Padrão Febraban 240 posições V08.4 http://www.febraban.org.br. 3.5 - Vendor 3.5 - Vendor 89 3.5.1 - Descrição do Processo Objetivo O produto Vendor tem por objetivo disponibilizar, aos clientes (Vendedores) do Banco, os meios de viabilizar o processo de financiamento de suas vendas,

Leia mais

Dúvidas Frequentes. Central de Atendimento ao Fornecedor

Dúvidas Frequentes. Central de Atendimento ao Fornecedor Dúvidas Frequentes Central de Atendimento ao Fornecedor Fornecedor de Material 1- Sou um fornecedor Raízen devidamente Homologado e preciso entregar o material solicitado em uma de suas unidades, como

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS:

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS: Sumário 1. Tela Inicial... 02 2. Venda [F1]... 03 a. Cliente [F2]... 03 b. Importar [F9]... 04 c. Produtos [F3]... 04 d. Fechamento [F4]... 05 e. Impressão, Ponto de Referência e Observações... 07 f. Consulta

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA Por este instrumento, o CLIENTE, qualificado na respectiva

Leia mais

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC Grau de sigilo #PÚBLICO DESCRIÇÃO DOS REGISTROS DO ARQUIVO REMESSA Descrição do Registro HEADER de Arquivo - 0 Campo De Até Picture Conteúdo 0.01 001 003 9(003) Código do Banco 0.02 004 007 9(004) Lote

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

E m p r é s t i m o E cartão consignado direcionados a aposentados E pensionistas

E m p r é s t i m o E cartão consignado direcionados a aposentados E pensionistas Empréstimo e ca rt ã o c o n s i g n a d o d irec io na do s a apos e nta do s e pe ns io nis ta s Todo aquele que recebe benefícios de aposentadoria ou pensão por morte pagos pela Previdência Social,

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO A OLIVEIRA FRANCO SOCIEDADE CORRETORA DE VALORES E CÂMBIO LTDA, em atenção ao quanto disposto na Instrução CVM n. 505, de 27/09/2011, define por este documento, suas regras e parâmetros relativos ao recebimento,

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. A J.P. Morgan Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários S.A. (a Corretora ), em atenção ao disposto no art.

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE PROGRAMA DE COMPUTADOR

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE PROGRAMA DE COMPUTADOR Registro n 1662344 LOJA DE APLICATIVOS V.01.2011 INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE PROGRAMA DE COMPUTADOR 1. DO OBJETO DO CONTRATO... 4 2. DO PRAZO DO PRESENTE CONTRATO... 4 3. DO

Leia mais

Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar cheques recebidos de clientes.

Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar cheques recebidos de clientes. Como cadastrar Recebidos? FS147 Cheques Sistema: Futura Server Caminho: Conta Corrente>Cadastro de Cheque Recebido Referência: FS147 Versão: 2016.04.11 Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar

Leia mais

Contas a Receber: Lançamento de contas a receber

Contas a Receber: Lançamento de contas a receber Contas a Receber: Lançamento de contas a receber Este procedimento descreve as informações imputadas na interface do contas a receber, suas regras e de onde são buscadas. CONTAS A PAGAR ACESSOS: Corporativo

Leia mais

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO:

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: PG DESPESAS COMO CADASTRAR UMA DESPESA 3 COMO PAGO UMA DESPESA 4 COMO ALTERAR OS DADOS DE UMA DESPESA 6 COMO EXLUIR UMA DESPESA 7 COMO FAÇO

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema para Administração de Condomínios MANUAL USUÁRIO. Bancos do Condomínio. ENG Sistemas - 1 -

Manual do Usuário. Sistema para Administração de Condomínios MANUAL USUÁRIO. Bancos do Condomínio. ENG Sistemas - 1 - Sistema para Administração de Condomínios MANUAL DO USUÁRIO Bancos do Condomínio ENG Sistemas - 1 - FUNCIONAMENTO DO MÓDULO... 3 TELA DE EXIBIÇÃO DE BANCOS:... 4 INCLUIR UM NOVO BANCO:... 4 Banco...5 Agência

Leia mais

Sistema representação G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores

Sistema representação G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores Tabela de Clientes Além de registrar os dados principais do cliente, pode-se registrar vários contatos, o endereço de cobrança e de entrega (se forem diferentes do principal). Cada cliente tem um registro

Leia mais

Condições Gerais dos Cartões Personnalité

Condições Gerais dos Cartões Personnalité Condições Gerais dos Cartões Personnalité Veja a seguir as condições gerais do Cartão perfeito para você. Como cliente do Itaú Personnalité, você pode possuir um ou mais dos três cartões abaixo: 1. Cartão

Leia mais

1. Informações iniciais

1. Informações iniciais 1. Informações iniciais O novo Sistema de Emissão da Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore) é de propriedade exclusiva do CFC e o acesso ao sistema será por meio de um link disponibilizado

Leia mais

Lei n 12.414/2011 Cadastro Positivo

Lei n 12.414/2011 Cadastro Positivo Ref.: nº 30/2013 1. Lei n 12.414/2011 A referida norma, regulamentada pelo Decreto n 7.829/2012, disciplina a formação e consulta a banco de dados com informações de adimplemento de pessoas naturais ou

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS 1. INTRODUÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS 1.1. O presente regulamento ( Regulamento ) estabelece as regras para participação, bem como as vantagens e benefícios do Programa

Leia mais

NORMAS DE PROCEDIMENTO PARA ATUAÇÃO EM BOLSAS DA CREDIT SUISSE HEDGING-GRIFFO CORRETORA DE VALORES S.A.

NORMAS DE PROCEDIMENTO PARA ATUAÇÃO EM BOLSAS DA CREDIT SUISSE HEDGING-GRIFFO CORRETORA DE VALORES S.A. As normas de procedimento descritas a partir desta página, são para conhecimento do cliente, não sendo obrigatório o envio para a Credit Suisse Hedging-Griffo. NORMAS DE PROCEDIMENTO PARA ATUAÇÃO EM BOLSAS

Leia mais

PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO

PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO Produto: Conjunto: Subconjunto: Título: TELEFONIA UTILIZAÇÃO POLÍTICA POLÍTICA PARA UTILIZAÇÃO DE TELEFONIA FIXA, CELULAR E NEXTEL 1. OBJETIVO: 1.1. Definir critérios de controle e utilização de telefones

Leia mais

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 2 INTRODUÇÃO I. Acessando o Sistema O Sistema de Cobrança Eletrônica para

Leia mais

Folha de Domésticos e Automação dos Recolhimentos para o Escritório Contábil

Folha de Domésticos e Automação dos Recolhimentos para o Escritório Contábil Folha de Domésticos e Automação dos Recolhimentos para o Escritório Contábil Oportunidade para os escritórios contábeis Pagga Domésticos é um serviço inovador, lançado em 2013, desenvolvido especialmente

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. Objeto O objeto do presente Contrato é a prestação, pela EMBRATEL, do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais

CARTÃO DE CRÉDITO BANRISUL

CARTÃO DE CRÉDITO BANRISUL 1 CARTÃO DE CRÉDITO BANRISUL Layout Para Arquivo de Cobrança de Parcelas de Cartão de Crédito Sistema BDL Carteira de Letras Troca de Informações Via Arquivo Magnético Unidade Atendimento e Serviços Unidade

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. A J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. (a Corretora ), em atenção ao disposto no art.

Leia mais

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC QUALIFICAÇÃO Nome: DO(A) CONTRATANTE: Filiação: / Data de nascimento: / / CPF: RG: Órgão emissor: Endereço: Nº Complemento: Bairro: CEP Cidade: UF:

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS As Condições Gerais aqui estabelecidas são parte integrante e indissociável da Proposta

Leia mais