MÓDULO DE DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS DECORE MANUAL Versão 2.0

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MÓDULO DE DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS DECORE MANUAL Versão 2.0"

Transcrição

1 CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE MÓDULO DE DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS DECORE MANUAL Versão 2.0 Spiderware Consultoria em Informática Rua Mayrink Veiga, 11 / 804 Rio de Janeiro RJ CEP Tel. 0 (XX)

2 INDICE PÁG. INTRODUÇÃO TELA DE ENTRADA DO SISTEMA DECORE Entrada no Sistema Ferramentas Recuperar Cópia Recuperar Índices Usuários... 6 Tela Principal do Módulo de Declaração de Rendimentos CADASTRO Profissional Beneficiário USO DAS ETIQUETAS Cadastrar e Gerar pedido de Etiquetas Visualizar ou Cadastrar Uso de Etiquetas Exportar etiquetas via DECORE Imprimindo DECORE RELATÓRIOS Requerimento Demonstrativo de Uso TABELAS Finalidade Situação Natureza Documentação Vinculação UF Parâmetro de Decore Endereços Configuração Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 2

3 07. MODELOS Requerimento Emissão de Decore Demonstrativo de Uso PROFISSIONAIS Mudar Senha Troca usuário CFC SPW SAIR Efetuando copia do Sistema ORIENTAÇÕES GERAIS Ícones de Movimentação Teclas Rápidas Pesquisa Impressão de Relatórios Observação sobre relatórios em Tela Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 3

4 INTRODUÇÃO De acordo com normas do CFC, o documento contábil destinado a fazer prova de informações sobre percepção de rendimentos, em favor de pessoas físicas, denomina-se Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos DECORE. O contabilista, em situação regular, inclusive quanto a débito de qualquer natureza, poderá expedir a Decore por meio de sistema eletrônico, devendo preservar as informações e as características do modelo constante no sistema. O Sistema tem por objetivo controlar a emissão das Declarações de Habilitação Profissional (DHP) usadas pelo profissional, emissão das Decores e cadastramento das mesmas. Permite também a emissão de requerimento da DHP e o demonstrativo de uso da DHP utilizadas. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 4

5 1. TELA DE ENTRADA DO SISTEMA DECORE Ao entrar no sistema será apresentada a seguinte tela: Informe o nome do usuário cadastrado no sistema Informe sua senha 1.1 Entrar no sistema Informe o nome do usuário cadastrado no sistema. Para incluir usuário no cadastro vá para o item 1.3 (Usuários); 1.2 Ferramentas Recuperar cópia: Recupera cópia gerada pelo sistema; Recuperar índices: Recupera índices das tabelas do sistema; Recuperar cópia Usuário : nome do usuário que realizou a cópia: ícone para alterar o diretório de origem dos arquivos. O diretório de Destino será sempre o diretório de trabalho do Sistema (spider/mdr/nome do usuário) Escolha a cópia a ser recuperada.o arquivo é composto de nome do sistema (MDR), nome do usuário (JOAO), mês/dia (1013), hora e segundos (1549) em que foi gerara a cópia. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 5

6 1.3 Usuários Cadastro de usuários. Com um duplo clique no campo usuário também aparecerá a seguinte tela: Onde: Usuário: indica o nome do usuário cadastrado. Caso necessite cadastrar novo usuário clique no ícone de inclusão e cadastre o novo usuário. Pasta de trabalho: indica o diretório onde estão arquivos de cada usuário; Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 6

7 TELA PRINCIPAL DO MÓDULO DE DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS Ao lado direito da tela, é apresentado o nome do usuário e a data corrente. Na parte superior da tela constam os MÓDULOS principais do sistema, sobre os quais trataremos individualmente. Entretanto, veremos a que cada um se destina: CADASTRO : destina-se ao cadastro do profissional e o cadastro dos beneficiários. USO DE ETIQUETAS : destina-se à solicitação de etiquetas, ao cadastro do uso das etiquetas e emissão do demonstrativo de uso de declaração de Habilitação Profissional - DHP. DECORE: destina-se ao cadastro e emissão da Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos DECORE. RELATÓRIOS: permite a emissão do requerimento e do demonstrativo de uso da Declaração de Habilitação Profissional DHP. Os relatórios poderão ser impressos na tela ou na impressora. TABELAS: destina-se à manutenção das tabelas de apoio do sistema, como Finalidade, Situação, Natureza, UF e Parâmetros Decore. MODELOS: permite a emissão dos modelos de Requerimento, da Emissão da DECORE e do Demonstrativo de Uso. Os modelos poderão ser impressos na tela ou na impressora. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 7

8 permite enviar por o Demonstrativo de Uso de Etiquetas para o Conselho Regional de Contabilidade. PROFISSIONAIS: permite a troca de senha ou troca de usuário do sistema. CFC: módulo de apresentação da composição atual do plenário do Conselho Federal de Contabilidade. SPW: módulo de apresentação da empresa responsável pelo desenvolvimento do sistema. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 8

9 Módulo: CADASTRO Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 9

10 2. CADASTRO Ao se escolher o módulo de Cadastro será mostrada a seguinte tela: Este módulo destina-se ao cadastro do profissional e o cadastro dos beneficiários. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 10

11 2.1. CADASTRO Profissional A visualização do módulo Cadastro do Profissional poderá ser feita através do menu Cadastro / Profissional : Conforme impresso na carteira do profissional. AA /Y (A=sigla do regional de origem, 9 =número de registro(6 dígitos), Y= Tipo de situação) Esta tela tem por objetivo cadastrar os dados do profissional e a organização contábil na qual é responsável técnico. É composta da seguinte forma: Informações do profissional: Num Registro É composto pela sigla do Regional de origem do registro, o número (6 dígitos) e o tipo de situação (onde O=originário, T=transferido, S=secundário e P=provisório) Nome Nome do profissional; Nome Red. Nome reduzido do profissional (nome do usuário); Endereço eletrônico. Endereço Residencial e Comercial: Indica o endereço residencial e comercial do profissional. Deverão ser preenchidos para a impressão do requerimento de etiquetas. Informações contábil do profissional: Cadastrar os dados da organização contábil (sociedade ou escritório individual de contabilidade) na qual o profissional é responsável, como: Número de registro e nome da organização contábil. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 11

12 2.2. CADASTRO Beneficiário A visualização do módulo Cadastro do Beneficiário poderá ser feita através do menu Cadastro / Beneficiário : Ícones que possibilitam excluir o conteúdo dos respectivos campos. Esta tela tem por objetivo cadastrar os dados dos beneficiários, rendimentos e fonte pagadora da DECORE: Informações do Beneficiário: Cadastrar os dados do beneficiário, como: código (número seqüencial), nome, Tipo (PF, PJ), endereço, bairro, cidade, CEP, UF, telefone e . Um duplo clique no campo Tipo (PF/PJ) irá aparecer a tela para preenchimento : Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 12

13 Informações da Decore - Rendimentos: Cadastrar os dados de rendimento para Decore, como: Natureza Descrição na natureza. Um duplo clique nesta irá aparecer a tela de cadastro de natureza; Docto Base Descrição da documentação base. Um duplo clique nesta irá aparecer a tela de cadastro de documentação; Período Descriminar o período; Valor Descriminar o valor. Informações da Decore Fonte pagadoras: Cadastrar os dados da fonte pagadora da Decore, como: Nome e CNPJ e/ou CPF da fonte pagadora e tipo de vínculo do beneficiário com a fonte pagadora, conforme cadastro de vínculos. Um duplo clique aparecerá a tela de cadastro de vinculação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 13

14 3. USO DAS ETIQUETAS Ao se escolher o módulo de Uso das etiquetas será mostrada a seguinte tela: Esta tela tem por objetivo cadastrar os pedidos (as etiquetas retiradas no CRC) e o demonstrativo de uso de DHP com o nome das pessoas para a qual foram utilizadas e as finalidades: Pedidos de etiquetas: Nº Pedido Número seqüencial da solicitação; DHP Número da primeira etiqueta solicitada neste pedido;este número está impresso no lado superior esquerdo da etiqueta DHP Número da última etiquetada solicitada neste pedido; Data Data da solicitação. Tela de etiquetas impressas Clique aqui para incluir o pedido (etiquetas) Emissão do demonstrativo de uso da DHP preenchido conforme dados acima Tela para cadastro dos dados das etiquetas impressas Exporta etiquetas para o Conselho por Um duplo clique nesta área irá aparecer a tabela de beneficiários. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 14

15 3.1 Para cadastrar e gerar o pedido de etiquetas: Escolha o ícone de inclusão que aparecerá a seguinte tela: Qtde de etiquetas pedida.(máx. 50 ) Data do pedido Informe o número da sua primeira DHP (etiqueta). Está localizado no lado superior esquerdo da etiqueta. Caso o pedido for de uma etiqueta já impressa o sistema irá apresentar a seguinte mensagem de erro: Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 15

16 3.2 Para visualizar ou cadastrar dados do uso de etiquetas: Escolha o ícone que aparecerá a seguinte tela: Informado na impressão da DECORE Um duplo clique nessa área irá aparecer a tabela correspondente Atenção: Esta tela tem por objetivo visualizar e cadastrar o beneficiário, finalidade e a situação do uso do DHP. Para o uso com finalidade Decore, o sistema preenche automaticamente todos os campos após a impressão da Decore. Obs.: A situação está ligada a finalidade, ou seja, para uso com finalidade Decore, a situação será apenas 7 (outros), 8 (Concessão de crédito-instituição Financeira), 9 (Aquisição Consórcio), 10(Negociação-Imobiliária). Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 16

17 3.3 Para exportar etiquetas via Escolha o ícone que aparecerá a seguinte tela: Exporta o pedido selecionado No término da exportação aparecerá a tela informando a pasta na qual está o arquivo exporta. Se deseja efetuar a cópia do arquivo exportado para disquete. Caso a escolha por fazer a cópia em disquete, informe o drive da cópia. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 17

18 4. DECORE Ao se escolher o módulo de Decore será mostrada a seguinte tela: Ícones que possibilitam excluir o conteúdo dos respectivos campos. Clique aqui para incluir novo Decore Emissão da Decore em tela ou impressora Esta tela tem por objetivo cadastrar e emitir a Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore) de acordo a definição de cada etiqueta impressa. Onde: DHP Número da DHP conforme cadastro de etiquetas.um duplo clique neste campo irá aparecer a tela de cadastro das etiquetas; Beneficiário Código e nome do beneficiário conforme cadastro de beneficiário. Um duplo nesta irá aparecer a tela de cadastro dos beneficiários; Rendimento Conforme dados no cadastro do beneficiário; Fonte pagadora Conforme dados no cadastro de beneficiário; Declaração - Destinatário Entidade destinatária da Decore. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 18

19 4.1 Imprimindo o DECORE Escolha o ícone que aparecerá a seguinte tela: ATENÇÃO Informe a situação da DECORE Informe o formato da folha: Papel A4 ou contínuo Verifique informações no módulo Tabelas Parâmetros da Decore. (Pág. 31) Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 19

20 5. RELATÓRIOS Ao se escolher o módulo de Relatórios será mostrada a seguinte tela: Todos os relatórios possuem opção de impressão em Tela ou Impressora. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 20

21 5.1. RELATÓRIO Requerimento A visualização do módulo Requerimento de Etiquetas poderá ser feita através do menu Relatório / Requerimento : Caso necessite alterar endereço clique no botão SIM e digite o endereço. Após confirmação será impresso o relatório em tela ou impressora Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 21

22 5.2. RELATÓRIO Demonstrativo de Uso A visualização do módulo Demonstrativo de Uso poderá ser feita através do menu Relatório / Demonstrativo de Uso : Escolha o pedido para impressão Após confirmação será impresso o relatório em tela ou impressora Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 22

23 Módulo: TABELAS Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 23

24 6. TABELAS Ao se escolher o módulo de Tabelas será mostrada a seguinte tela: Este módulo destina-se principalmente à MANUTENÇÃO das tabelas de apoio do sistema, que veremos cada uma individualmente. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 24

25 6.1. TABELAS - Finalidade A visualização do módulo Cadastro de Finalidade poderá ser feita através do menu Tabelas / Finalidade: Objetivo : Visualizar as finalidades da emissão da DHP. DHP: Esta tela é composta pelos seguintes campos, conforme Demonstrativo de Uso do Código Descrição Código da finalidade; Descrição da finalidade; Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 25

26 6.2. TABELAS - Situação A visualização do módulo Cadastro de Situação poderá ser feita através do menu Tabelas / Situação: Objetivo : Visualizar a situação da DHP conforme Declaração de uso. DHP: Esta tela é composta pelos seguintes campos, conforme Demonstrativo de Uso de Código Descrição Código da situação; Descrição da situação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 26

27 6.3. TABELAS - Natureza A visualização do módulo Cadastro de Natureza poderá ser feita através do menu Tabelas / Natureza: Objetivo : Cadastrar a natureza apresentada no rendimento da Decore. Para incluir nova Natureza clique aqui!!! Para excluir Natureza clique aqui!!! Esta tela é composta pelos seguintes campos: Código Descrição Código da natureza; Descrição da natureza. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 27

28 6.4. TABELAS - Documentação A visualização do módulo Cadastro de Documentação poderá ser feita através do menu Tabelas / Documentação: Objetivo : Cadastrar as documentações comprobatórias de rendimento da Decore. Para incluir uma nova documentação clique aqui!!! Para excluir Documentação clique aqui!!! Esta tela é composta pelos seguintes campos: Código Descrição Código da documentação; Descrição da documentação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 28

29 6.5. TABELAS Vinculação A visualização do módulo Cadastro de Vinculação poderá ser feita através do menu Tabelas / Vinculação: Objetivo : Cadastrar os tipos de vínculos do beneficiário com a fonte pagadora da Decore. Para incluir uma nova vinculação clique aqui!!! Para excluir Vinculação clique aqui!!! Esta tela é composta pelos seguintes campos: Código Descrição Código da Vinculação; Descrição da vinculação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 29

30 6.6. TABELAS UF A visualização do módulo Cadastro de UF poderá ser feita através do menu Tabelas / UF: Objetivo : Cadastrar as unidades federativas. Esta tela é composta pelos seguintes campos: UF Descrição Código Unidade federativa; Descrição da unidade federativa. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 30

31 6.7. TABELAS Parâmetros da Decore A visualização do módulo Parâmetros da Decore poderá ser feita através do menu Tabelas / Parâmetros Decore : Exemplo: Cidade-UF e data no impressão da Decore Informe UF e Cidade para impressão dos relatórios. Parâmetro de Impressão: Espaçamento entre o início da folha e o cabeçalho da Declaração. Espaçamento entre o cabeçalho e o início do formulário de Declaração. Restaurar Padrões: Retorna o espaçamento padrão de impressão da Declaração Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 31

32 6.8. TABELAS A visualização do módulo poderá ser feita através do menu Tabelas / Apresenta duas opções: Tabela de Endereço: Tem por finalidade cadastrar o endereço de para enviar (exportar) seu comprovante de uso das etiquetas. Esta tela é composta pelos seguintes campos: Código Descrição Código dos endereços cadastrados. Descrição do Endereço eletrônico do CRC; Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 32

33 6.8.2 Tabela de Configuração: Tem por finalidade cadastrar os parâmetros para a emissão de . Um duplo clique nesta tela, irá visualizar a mesma em tamanho maior. Esta tela é composta pelos seguintes campos: Usuário Nome do usuário remetente ; Servidor Endereço do servidor remetente; Remetente Endereço de do remetente; Texto Texto livre para digitação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 33

34 Módulo: MODELOS Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 34

35 7. MODELOS Ao se escolher o módulo de Modelos será mostrada a seguinte tela: Tem por objetivo imprimir os modelos de: Requerimento; Emissão de DECORE; Demonstrativo de Uso. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 35

36 7.1. MODELOS Requerimento Será impresso na tela e/ou impressora o modelo do REQUERIMENTO DE DECLARAÇÃO DE HABILITAÇÃO PROFISSIONAL - DHP Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 36

37 7.2 MODELOS Emissão de DECORE Será impresso na tela e/ou impressora o modelo da DECLARAÇÃO COMPROBATÓRIA DE PRECEPÇÃO DE RENDIMENTOS. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 37

38 7.3. MODELOS Demonstrativo de Uso Será impresso na tela e/ou impressora o modelo do DEMONSTRATIVO DE USO DE DECLARAÇÃO DE HABILITAÇÃO PROFISSIONAL DHP. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 38

39 Módulo: Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 39

40 8. Ao se escolher o módulo de será mostrada a seguinte tela: do profissional que está enviando o arquivo; O arquivo constando o Demonstrativo de Uso das Etiquetas. Esse arquivo está no diretório do usuário. Conforme exemplo; Clique aqui para enviar Informações do envio: Mensagem não enviada; Conectando; Mensagem enviada; Um duplo clique neste campo, irá aparecer a seguinte tela. Esta tela tem por objetivo enviar dos arquivos exportados (Declaração de Uso das etiquetas). Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 40

41 Módulo: PROFISSIONAIS Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 41

42 9. PROFISSIONAIS Ao se escolher o módulo de Profissionais será mostrada a seguinte tela: Tem por objetivo : Senha: trocar a senha do usuário; Trocar: trocar de usuário do sistema; Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 42

43 9.1. PROFISSIONAIS Senha A visualização do módulo Senha poderá ser feita através do menu Usuário / Senha: Objetivo : Trocar (mudar) a senha do usuário. Informe sua senha atual Informe a nova senha Confirme a senha digitada anteriormente 9.2. PROFISSIONAIS Troca A visualização do módulo Troca de Usuário poderá ser feita através do menu Usuário / Troca: Objetivo : Trocar (mudar) de usuário do sistema. Informe o nome do novo profissional Informe sua senha Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 43

44 Módulo: CFC Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 44

45 10. CFC Ao se escolher o módulo de CFC será mostrada a seguinte tela: Este módulo tem a finalidade de apresentar a composição atual do Plenário do Conselho Federal de Contabilidade. O ícone velocidade de apresentação. destina-se a aumentar e diminuir, respectivamente, a O ícone recomeça a apresentação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 45

46 Módulo: SPW Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 46

47 11. SPW Ao se escolher o módulo de SPW será mostrada a seguinte tela: Este módulo tem a finalidade de apresentar a empresa Spiderware Consultoria em Informática Ltda, e as pessoas envolvidas no desenvolvimento do sistema. O ícone velocidade de apresentação. destina-se a aumentar e diminuir, respectivamente, a O ícone recomeça a apresentação. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 47

48 12. SAIR 12.1 Efetuando cópia do sistema: Na saída do sistema será automaticamente efetuado o backup (cópia) de seus arquivos. A cópia é gerada na pasta de cópias do diretório de trabalho do usuário, definido na cadastro de usuário. Após escolher a opção de saída do sistema será apresentada a seguinte tela: Onde: Origem Destino Caminho onde está localizado os arquivos do usuário. Esse caminho está cadastrado na tabela de usuários; Destino da cópia é a uma pasta dentro do diretório de trabalho do usuário; Após a cópia efetuada automaticamente, irá aparecer a seguinte tela: O sistema irá perguntar se deseja fazer a mesma cópia em disquete. Caso a resposta for sim, insira o disquete no drive e clique em sim. IMPORTANTE: É importante ter sempre uma cópia externa (disquete), no caso de problemas com seu computador. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 48

49 ORIENTAÇÕES GERAIS Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 49

50 13. ORIENTAÇÕES GERAIS A seguir, algumas orientações que são comuns ao sistema Ícone de Movimentação Em diversas telas de Cadastro, Uso de etiquetas, Decore, Tabelas ou Relatórios são utilizadas ícones para diferentes finalidades, as quais relacionamos: Vai para o primeiro registro do arquivo Vai para o registro anterior Vai para o próximo registro Vai para o último registro do arquivo Entra em modo de alteração Grava registro Cancela registro Atualiza registro Insere registro Exclui registro Pesquisa um determinado registro Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 50

51 Pesquisa o próximo registro, caso tenha selecionado algum registro no botão anterior Procura específica Seleciona registros para impressão de relatórios Imprime registros selecionados Sai da tela e retorna ao menu anterior 13.2.Teclas Rápidas Nos módulos de manutenção e consulta de cadastros e tabelas serão possíveis o uso das teclas rápidas para diferentes finalidades, as quais relacionamos: Tecla Função Ícone F5 : Mostra tela de busca pelo campo corrente... F6 : Busca a próximo procura... F7 : Busca por código F8 : Busca por nome F8 : Busca por CPF Digite o código que deseja consultar Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 51

52 13.3. Pesquisa A pesquisa de um determinada registro no cadastro é realizada através do ícone de pesquisa, que acionado irá apresentar a tela de pesquisa. pesquisa Campo pelo qual será realizada a pesquisa Tipos de Busca: Conforme Digitado: marcado irá retornar o valor igual ao digitado ( só maiúsculas ou só minúsculas); Ocorrência Exata: se quiser que o campo tenha exatamente o conteúdo informado; Ocorrência parcial no início: se bastar que o campo inicie com o conteúdo informado; Ocorrência em qualquer parte: se desejar que o campo possua o conteúdo desejado, não importando a posição; Para procurar o próximo registro da pesquisa realizada é só clicar apenas no ícone de pesquisa o próximo registro. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 52

53 13.4. Impressão de Relatórios Será mostrada a seguinte tela: Através desta tela, deverá optar pelo Destino da impressão (impressora ou tela), a Seleção de páginas a serem impressas (todas ou a numeração das páginas desejadas) e quantidade de Cópias desejadas, bem como a Impressora que deve ser utilizada, caso não seja a padrão. Ao final, clique em Imprime. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 53

54 13.5. Observação sobre Relatórios em tela Na parte superior, são apresentadas as seguintes opções de Menu e Barra de Ferramentas: Imprimir e voltar a tela anterior Sai da tela do relatório Percentual de visualização Pag. atual Posição de geração do relatório Setas de movimentação: primeira, anterior, próxima e última Cancela a geração do relatório Opções de menu: Arquivo: Abrir: abre relatório já impresso em arquivo; Fechar: fecha relatório que está sendo visualizado, mas continua na mesma tela; Salvar: salva relatório em arquivo; Configurar Impressora: acessa os controles de configuração de impressora; Imprimir: remete o relatório para impressora. Executa o mesmo procedimento que clicando no ícone da impressora da barra de ferramentas; Exit: sai da tela do relatório, voltando à tela anterior. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 54

55 Opções: Sincronizada: permite sincronizar na tela as páginas do relatório, caso esteja acionada a opção Duas Páginas (ou seja, ambas se movimentarão em conjunto); Barra de Tarefas: se acionada, mostra a Barra de Tarefas; Duas Páginas: permite a visualização de duas páginas simultaneamente. Navegação: Permite se movimentar entre as páginas, o que poderá ser feito também através das setas de movimentação da Barra de tarefas, bem como Ir para uma página determinada que será solicitada. Módulo de Declaração de Rendimentos - DECORE Versão 2.0 pág. 55

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012 MANUAL DA DIPAM A Versão de 10/05/2012 1 Índice Geral... 3 Configuração Mínima... 3 Instalação... 4 Procedimento pós-instalação para sistemas com Vista ou Windows 7... 8 Uso do Programa DIPAM-A... 10 DIPAM

Leia mais

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário Manual do Usuário Produto: EmiteNF-e Versão: 1.2 Índice 1. Introdução... 2 2. Acesso ao EmiteNF-e... 2 3. Configurações Gerais... 4 3.1 Gerenciamento de Usuários... 4 3.2 Verificação de Disponibilidade

Leia mais

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher Manual para realização do Donwload de Arquivos. Versão 1.0.1.0

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher Manual para realização do Donwload de Arquivos. Versão 1.0.1.0 Padrão ix Q-Ware Cloud File Publisher Manual para realização do Donwload de Arquivos Versão 1.0.1.0 Copyright 2000-2013 Padrão ix Sistemas Abertos Ltda. Todos os direitos reservados. As informações contidas

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário CERTIDÕES UNIFICADAS Guia Rápido do Usuário CERTUNI Versão 1.0.0 CASA DA MOEDA DO BRASIL Conteúdo Acessando o Sistema... 3 Alterando Senhas... 3 Encerrando sua Sessão... 4 Gerando Pedido... 4 Alterando

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO Acesse o site www.teubilhete.com.br, selecione a opção Teu Online, e clique no botão, preencha o formulário com os dados de sua empresa. Reúna duas vias impressas do Contrato

Leia mais

Manual de Utilização do PDV Klavix

Manual de Utilização do PDV Klavix Manual de Utilização do PDV Klavix Página 1/20 Instalando a partir do CD Se você recebeu um CD de instalação, rode o programa Instalador que se encontra no raiz do seu CD. Ele vai criar a pasta c:\loureiro

Leia mais

1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE

1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE 2 1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE ATENDIMENTO... 6 4 - A TELA AGENDA... 7 4.1 - TIPOS

Leia mais

SERVIÇOS REQUERIMENTO

SERVIÇOS REQUERIMENTO Certidão e Reimpressão de Documentos 1 / 17 todos os direitos reservados. ÍNDICE Introdução... 3 Acesso Restrito... 4 Cadastro... 4 Serviços Requerimento... 6 Certidão Web... 7 Certidão Simplificada...

Leia mais

"NOVO MALOTE ELETRÕNICO" Versão Windows

NOVO MALOTE ELETRÕNICO Versão Windows "NOVO MALOTE ELETRÕNICO" Versão Windows ENCARGOS ESPECIAIS. Malote Eletrônico Versão: 5.8 ======================== A nova versão do Malote Eletrônico para WINDOWS, já está disponível nas Agências. A versão

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes CeC Cadastro Eletrônico de Contribuintes Versão 1.0 Usuário Externo Março/2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Objetivos... 3 3. Solicitação de CeC... 4 3.1. Cadastro de pessoas físicas... 5 3.1.1. Cadastro

Leia mais

Prestador de Serviços

Prestador de Serviços Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Serviços...3 Os Recibos... 5 Como imprimir?... 6 As Listagens...7 Clientes... 9 Consulta...9 Inclusão... 11 Alteração... 12 Exclusão... 13 Serviços...

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA

MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE SECRETARIA GERAL SERVIÇO DE COMUNICAÇÕES ADMINISTRATIVAS

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.2 13/10/2010 Sumário Apresentação... 3 Objetivo... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

Relógio de Ponto Nova Portaria WebPic Softwares http://suporte.webpic.com.br

Relógio de Ponto Nova Portaria WebPic Softwares http://suporte.webpic.com.br 1 SUMÁRIO Versão 4.0.1 1. FUNCIONALIDADE GERAL...3 1.1 Botões de uso... 3 1.2 Modo Consulta... 3 1.3 Construção de Consultas... 4 2. CADASTRO...5 2.1 Empresa... 5 2.2 Parâmetros da Empresa... 5 2.3 Turno

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

SOFTWARE DE ACOMPANHAMENTO DE PROJETOS RURAIS

SOFTWARE DE ACOMPANHAMENTO DE PROJETOS RURAIS SOFTWARE DE ACOMPANHAMENTO DE PROJETOS RURAIS 25.01.2010 ÍNDICE 1. Notificação de Início do Acompanhamento... 3 2. Software para Elaboração de Projetos Agropecuários... 5 2.1. Ícones... 6 3. Cadastro do

Leia mais

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 52

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 52 Pedido de Viabilidade Página 1 / 52 ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 PEDIDO DE VIABILIDADE PARA INSCRIÇÃO DE PRIMEIRO ESTABELECIMENTO... 4 Dados do Solicitante e da Pessoa Jurídica... 5 Quadro Societário... 8

Leia mais

-Entre no menu Cadastros / Sacados -Insira os dados do sacado / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Sacados -Insira os dados do sacado / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa -Digite o Usuário: MASTER -Digite a Senha: MASTER -Selecione o Cedente: -Clique em Acesso ao Sistema 1 o. Passo Cadastrar os Sacados no Sistema OPCIONAL

Leia mais

MANUAL SISTEMA NFS-e

MANUAL SISTEMA NFS-e MANUAL SISTEMA NFS-e SUMARIO Tela Inicial NFe 03 Efetuar Login 1º Acesso Caso não possua Usuário e/ou Senha 03 Efetuar Login 1º Acesso Possuindo o Usuário e Senha 04 Primeira Tela 05 Menu de Opções 05

Leia mais

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA 1 Sumário: 1. AR PDV...02 2. Registro / Login...03 3. Configuração...03 4. Abertura de Caixa...03 5. Registro de Vendas...04 a. Passos para Emissão do Cupom Fiscal...05 b. Inserindo Produtos...06 c. Formas

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

1. REGISTRO DE PROJETOS

1. REGISTRO DE PROJETOS 1. REGISTRO DE PROJETOS Nesta aplicação será feito o registro dos projetos/ ações de extensão, informando os dados iniciais do projeto, as classificações cabíveis, os participantes, a definição da região

Leia mais

MANUAL DO. USUÁRIO DOCAD FORMULÁRIO ELETRÔNICO

MANUAL DO. USUÁRIO DOCAD FORMULÁRIO ELETRÔNICO MANUAL DO. USUÁRIO DOCAD FORMULÁRIO ELETRÔNICO 1. Informações Gerais 2. Atualização de Novas Versões do Programa Gerador do Formulário Eletrônico do DOCAD 3. Acesso ao Formulário Eletrônico do DOCAD 4.

Leia mais

1- Acessando o sistema

1- Acessando o sistema 1- Acessando o sistema Na barra de endereços de páginas da Internet escrever o seguinte endereço: webnet.sec.ba.gov.br Na tela inicial do sistema você deve informar os dados para a verificação de acesso.

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DO ESPORTE E DO TURISMO JOGOS OFICIAIS DO PARANÁ / 2015.

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DO ESPORTE E DO TURISMO JOGOS OFICIAIS DO PARANÁ / 2015. JOGOS OFICIAIS DO PARANÁ / 2015. MANUAL DE ORIENTAÇÕES MÓDULO DE CADASTRAMENTO DE ATLETAS 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO 1. Entrar no Site Oficial dos Jogos Escolares do Paraná, na aba INSCRIÇÕES

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo.

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. MANUAL DO USUÁRIO Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. 1. Modifique a data e hora e lique em Confirmar, ou

Leia mais

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6.

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6. Índice 1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA...3 2. PRIMEIRO LOGIN...8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA...12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA...14 5. EXCLUIR DADOS...15 6. APRESENTAÇÃO DO EXTRANET...17 6.1 Sistema DESCONECTADO...18

Leia mais

CSPUWEB - Cadastro de Sistemas. e Permissões de Usuários

CSPUWEB - Cadastro de Sistemas. e Permissões de Usuários CSPUWEB - Cadastro de Sistemas e Permissões de Usuários - Manual do Usuário - Novembro/2009 Versão 2.0 21 de novembro de 2009 [CSPUWEB MANUAL DO USUÁRIO] SUMÁRIO Capitulo 1 Cadastro de Sistemas e Permissões

Leia mais

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Cadastro das Contas a Pagar Acesse o módulo FINANCEIRO/

Leia mais

Vamos ver duas telas: Mesa e Itens de uma Mesa, como exemplo.

Vamos ver duas telas: Mesa e Itens de uma Mesa, como exemplo. 41 9 Restaurantes, Pizzarias, Hotéis, Casas Noturnas e similares Aos estabelecimentos como Restaurantes, há os controles de Atendentes, Quartos, Mesas, VIP (Cartões Pessoais de Consumação) e as comissões

Leia mais

LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO

LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO 2015 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 REQUISITOS DO SISTEMA... 3 3 INSTALAÇÃO... 3 4 O QUE MUDOU... 3 5 COMO COMEÇAR... 4 6 FORMULÁRIOS DE CADASTRO... 5 7 CADASTRO DE

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO Rua Afonso Arrechea, 240, Santo Ant. do Sudoeste - PR Tel 46 3563-1518 Fax 46 3563-3780 contato@diferencialcontabil.cnt.br www.diferencialcontabil.cnt.br MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO VERSÃO

Leia mais

APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado.

APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado. APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado. Índice: 1- Acessando o WebSIGOM pág. 03 2- Menu Cadastro pág. 04 2.1- Para inserir um novo usuário pág. 04 2.2- Para consultar

Leia mais

REGISTRO DE PROJETOS

REGISTRO DE PROJETOS REGISTRO DE PROJETOS 1. REGISTRO DE PROJETOS Esta aplicação tem o objetivo de realizar o Registro de Projetos da Instituição. É possível, incluir, alterar ou excluir essas informações. 1.1. Acessando a

Leia mais

COMO REALIZAR O CADASTRO DE UMA EMPRESA NA ANVISA A OPERAÇÃO É PRIMEIRO PASSO PARA SOLICITAR AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO PARA A FARMÁCIA

COMO REALIZAR O CADASTRO DE UMA EMPRESA NA ANVISA A OPERAÇÃO É PRIMEIRO PASSO PARA SOLICITAR AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO PARA A FARMÁCIA COMO REALIZAR O CADASTRO DE UMA EMPRESA NA ANVISA A OPERAÇÃO É PRIMEIRO PASSO PARA SOLICITAR AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO PARA A FARMÁCIA Após efetuar o cadastro da empresa no CRF RJ e na Vigilância Sanitária,

Leia mais

COMO GERAR UM CUPOM FISCAL

COMO GERAR UM CUPOM FISCAL COMO GERAR UM CUPOM FISCAL O Orion permite fazer a impressão de Cupom Fiscal, e este documento permite o entendimento do manuseio do Cupom Fiscal, tais como esclarecimento de algumas dúvidas, desde a configuração

Leia mais

MANUAL VERSÃO 4.14 0

MANUAL VERSÃO 4.14 0 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 1. O QUE É O EOL?... 2 2. ACESSANDO O EOL... 2 3. TELA INICIAL... 3 4. EXAMES ADMISSIONAIS... 4 5. MUDANÇA DE FUNÇÃO... 7 6. EXAMES DEMISSIONAL E RETORNO AO TRABALHO... 8 7. EXAMES

Leia mais

COMO FAZER ENTRADA DE MATERIAL POR XML. Após abrir o sistema, localize o menu no canto superior esquerdo e clique em Movimentação > Entrada Material

COMO FAZER ENTRADA DE MATERIAL POR XML. Após abrir o sistema, localize o menu no canto superior esquerdo e clique em Movimentação > Entrada Material COMO FAZER ENTRADA DE MATERIAL POR XML Observação: O arquivo XML da nota fiscal deve estar salvo em seu computador. Se o seu fornecedor não enviou o arquivo por e-mail, você pode obter o arquivo pela internet,

Leia mais

Acompanhamento e Execução de Projetos

Acompanhamento e Execução de Projetos Acompanhamento e Execução de Projetos Manual do Usuário Atualizado em: 28/11/2013 Página 1/24 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ABRANGÊNCIA DO SISTEMA... 3 3. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 4. COMO ACESSAR O SISTEMA...

Leia mais

1. Informações iniciais

1. Informações iniciais 1. Informações iniciais O novo Sistema de Emissão da Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore) é de propriedade exclusiva do CFC e o acesso ao sistema será por meio de um link disponibilizado

Leia mais

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO Janeiro 2012 Conteúdo Elaboração do projeto... 3 1. Acesso ao Sistema... 4 2. Tipo de Certificado... 4 2.1. Navegador padrão para acessar

Leia mais

Manual Ilustrado Módulo At. Clínico Agenda, ASOs, Impressos

Manual Ilustrado Módulo At. Clínico Agenda, ASOs, Impressos Manual Ilustrado Módulo At. Clínico Agenda, ASOs, Impressos Março 2014 Indíce Título do documento 1. Objetivo... 3 2. Como utilizar esse material em seus estudos de Atendimento Clínico... 3 3. Introdução...

Leia mais

Cadastro de Docentes 1

Cadastro de Docentes 1 Cadastro de Docentes 1 CONTEÚDO Conteúdo... 2 Introdução... 3 Onde e como acessar o sistema Gestão?... 4 Como obter a sua senha?... 5 Como obter o seu e-mail institucional?... 5 Cadastro de Docentes...

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa AMG Manual de Operação Conteúdo 1. Sumário 3 2. Programa

Leia mais

Themis Serviços On Line - Publicações

Themis Serviços On Line - Publicações Nome do documento Guia do Usuário Themis Serviços On Line - Publicações Sumário Introdução:... 3 1 - Cadastro dos Usuários do Themis Serviços On Line:... 3 2 - Acesso ao Sistema Themis Serviços On Line:...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000.

MANUAL DO USUÁRIO. Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000. MANUAL DO USUÁRIO Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000. O Jurídico 2000 exibe o cadastro de Processos assim que é inicializado. A partir dessa tela você

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Novo Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador no atendimento aos beneficiários

Leia mais

Instruções para Emissão de boleto de anuidade:

Instruções para Emissão de boleto de anuidade: 1 Instruções para Emissão de boleto de anuidade: Este roteiro tem por finalidade orientar os inscritos na emissão de boletos de anuidades. Está estruturado da seguinte forma: A) Acesso ao sistema; B) Gerar

Leia mais

Ao iniciar o Secretária 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo.

Ao iniciar o Secretária 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. Ao iniciar o Secretária 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. 1. Modifique a data e hora e lique em Confirmar, ou clique somente em

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0

Manual do Usuário. Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0 Manual do Usuário Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos VERSÃO 2.0 1 Apresentação O SEIA Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos é uma ferramenta fundamentada

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Manual CeC

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Manual CeC CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Manual CeC Atualizado em 21/02/2013 APRESENTAÇÃO Este manual apresenta a estrutura e a forma de utilização do módulo Cadastro eletrônico de Contribuintes CeC, o

Leia mais

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento Versão 8.2C-08 Domínio Atendimento Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso,

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS. Manual do Usuário

SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS. Manual do Usuário SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS Manual do Usuário Acesso Rápido Apresentação 2 Consulta ao Catálogo do SiBIFRS 3 Pesquisa geral 5 Opções de consulta 7 Detalhamento da obra 8 Detalhamento da obra Guia Exemplares

Leia mais

CONTROLADORIA GERAL DO MUNICÍPIO CONTADORIA GERAL SUMÁRIO

CONTROLADORIA GERAL DO MUNICÍPIO CONTADORIA GERAL SUMÁRIO Pág: 1 SUMÁRIO... 2 Troca de Perfil... 5 Troca de Senha... 5 VIA CITRIX... 6 Troca de Perfil... 9 Troca de Senha do FINCON...10 BARRA DE FERRAMENTAS DO FINCON...11 LANÇAMENTOS CONTÁBEIS...12 Acesso ao

Leia mais

COMO EFETUAR A DEVOLUÇÃO DE PRODUTOS VENDIDOS

COMO EFETUAR A DEVOLUÇÃO DE PRODUTOS VENDIDOS COMO EFETUAR A DEVOLUÇÃO DE PRODUTOS VENDIDOS Segundo o Código de Direitos do Consumidor (CDC) há um prazo para se efetuar a troca, devolução ou cancelamento da compra/venda do(s) produto(s). Porém, isso

Leia mais

MANUAL DO PROFESSOR. Suporte: SISTEMA DE GESTÃO EDUCACIONAL VIRTUALCLASS. EMAIL: suporte@virtualclass.com.br Skype: suportetisoebras

MANUAL DO PROFESSOR. Suporte: SISTEMA DE GESTÃO EDUCACIONAL VIRTUALCLASS. EMAIL: suporte@virtualclass.com.br Skype: suportetisoebras SISTEMA DE GESTÃO EDUCACIONAL VIRTUALCLASS MANUAL DO PROFESSOR Suporte: EMAIL: suporte@virtualclass.com.br Skype: suportetisoebras Nas unidades: Departamento de Tecnologia e Informação DTI Responsáveis

Leia mais

DHL IMPORT EXPRESS ONLINE

DHL IMPORT EXPRESS ONLINE DHL IMPORT EXPRESS ONLINE GuIa DE usuário RaPIDaMENTE VOCÊ PODE PREPaR E CONTROLaR SuaS REMESSaS COM TODOS OS DETaLHES E VISIBILIDaDE DO ENVIO COM a FERRaMENTa DHL IMPORT EXPRESS. DHL IMPORT EXPRESS é

Leia mais

1.2.1. Legislação referente ao Patrimônio Cultural Brasileiro

1.2.1. Legislação referente ao Patrimônio Cultural Brasileiro O CNART Bem vindo(a) ao CNART! Este sistema foi desenvolvido pelo IPHAN para registrar os negociantes e agentes de leilão que comercializam objetos com valor histórico e artístico no país. Apresentamos,

Leia mais

Manual de Rotinas para Usuários. Advogados da União. Procuradoria da União no Estado do Ceará PU/CE SAPIENS. Sistema da AGU de Inteligência Jurídica

Manual de Rotinas para Usuários. Advogados da União. Procuradoria da União no Estado do Ceará PU/CE SAPIENS. Sistema da AGU de Inteligência Jurídica Manual de Rotinas para Usuários Advogados da União Procuradoria da União no Estado do Ceará PU/CE SAPIENS Sistema da AGU de Inteligência Jurídica Versão 1.0 2015 1 INTRODUÇÃO 3 1.1 O QUE É O SAPIENS? 3

Leia mais

MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL

MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL Agosto / 2015 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 IMPORTANTE ANTES DE SOLICITAR O CERTIFICADO DIGITAL... 3 SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL... 4 APRESENTAÇÃO DOS

Leia mais

SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS

SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS - MDA - SPOA - CGMI SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS MANUAL DO USUÁRIO Administrador do Sistema BRASÍLIA, AGOSTO DE 2007 Versão 1.0 SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS

Leia mais

Manual sistema Laundry 4.0

Manual sistema Laundry 4.0 Manual sistema Laundry 4.0 Sistema para serviços de Lavanderia Comércios Empresa responsável Novacorp informática Fone (41) 3013-1006 E-mail marcio@novacorp.com.br WWW.novacorp.com.br Sumario 1 Este manual

Leia mais

FedEx Ship Manager Software. Guia do Usuário

FedEx Ship Manager Software. Guia do Usuário Guia do Usuário 1 Bem-vindo! O que é o software FedEx Ship Manager? Simplifique e agilize o gerenciamento de remessas importantes via FedEx com o software FedEx Ship Manager (FSM). As ferramentas de produtividade

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS

SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS Manual do Usuário: SISTEMA DE BIBLIOTECAS DO IFRS Em 2013 foi adquirido o Sistema de Gerenciamento de Bibliotecas Pergamum para todas Bibliotecas do IFRS. A implantação está sendo feita de acordo com as

Leia mais

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Item MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Página 1.Apresentação... 4 2.Funcionamento Básico... 4 3.Instalando o MCS... 4, 5, 6 4.Utilizando o MCS Identificando

Leia mais

Manual Portal da Empresa

Manual Portal da Empresa Manual Portal da Empresa 1. INTRODUÇÃO... 3 2. COMO ACESSAR O PORTAL DA EMPRESA... 4 3. COMO OBTER UM LOGIN DE ACESSO... 4 4. COMO RESGATAR SENHA... 5 5. COMO INFORMAR UMA ADMISSÃO... 5 6. COMO VISUALIZAR

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa 1 TRIBUTADA. MANUAL PARA EMISSÃO. 2014. INTRODUÇÃO A Nota Fiscal Eletrônica Avulsa - NF-e avulsa implementada pela Secretaria de Estado da Fazenda do

Leia mais

Desenvolvimento BM-1109 Etiqueta SIGEP Sistema de Gerenciamento de Postagem Versão 2009 Release 69

Desenvolvimento BM-1109 Etiqueta SIGEP Sistema de Gerenciamento de Postagem Versão 2009 Release 69 Desenvolvimento BM-1109 Etiqueta SIGEP Sistema de Gerenciamento de Postagem Versão 2009 Release 69 Autor Jaciara Processo: Vendas Nome do Processo: Configurar Etiqueta SIGEP online ou off-line Acesso Utilitários/Comercial/Transportadoras

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

Manual do Usuário - Cliente Externo

Manual do Usuário - Cliente Externo Versão 3.0 SGCL - Sistema de Gestão de Conteúdo Local SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O MANUAL... 4 3. FUNCIONALIDADES GERAIS DO SISTEMA... 5 3.1. Acessar a Central

Leia mais

Manual do Usuário - ProJuris Web - Biblioteca Jurídica Página 1 de 20

Manual do Usuário - ProJuris Web - Biblioteca Jurídica Página 1 de 20 As informações contidas neste documento estão sujeitas a alterações sem o prévio aviso, o que não representa um compromisso da Virtuem Informática. As pessoas, organizações ou empresas e eventos de exemplos

Leia mais

MANUAL DO PEP ATUALIZADO EM 13-08-2014 PROPOSTA ELETRÔNICA DE PREÇOS REFERENTE A VERSÃO DO PEP: 2.0.0.25

MANUAL DO PEP ATUALIZADO EM 13-08-2014 PROPOSTA ELETRÔNICA DE PREÇOS REFERENTE A VERSÃO DO PEP: 2.0.0.25 MANUAL DO PEP ATUALIZADO EM 13-08-2014 PROPOSTA ELETRÔNICA DE PREÇOS REFERENTE A VERSÃO DO PEP: 2.0.0.25 1 Sumário 1.Objetivo...03 2.Suporte...03 3.Como instalar...03 4.Usando o PEP...09 2 1. Objetivo:

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM MANUAL REQUERIMENTO ON LINE 2009 Fundação Instituto de Administração FIA Página Inicial Ao acessar a tela inicial, clique sobre a frase: Inicie o Requerimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D O ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...3

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO

GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO www.accountcontabilidade.com.br 1 SUMÁRIO Acessando o sistema 04 Atalhos 05 Importando Exercícios Eletrônicos 06 Apresentação dos Exercícios Eletrônicos 07 Procedimentos para resolver exercícios

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ON LINE DE CONTROLE ACADÊMICO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ON LINE DE CONTROLE ACADÊMICO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ON LINE DE CONTROLE ACADÊMICO 009 SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA ON LINE... ACESSANDO SEUS RECADOS... 4. Lendo um Recado Recebido... 5. Excluindo um Recado Recebido... 6. Recuperando

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA SERVIÇOS AO CLIENTE DISPONIVÉIS NO SITE Este material serve para orientar os parceiros da Aliança sobre os serviços

Leia mais

Professor Paulo Lorini Najar

Professor Paulo Lorini Najar Microsoft PowerPoint O Microsoft PowerPoint é uma ferramenta ou gerador de apresentações, palestras, workshops, campanhas publicitárias, utilizados por vários profissionais, entre eles executivos, publicitários,

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0)

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0) Parte:Manual Atualização: OriginalPágina 1 Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária () Instalação Se houver alguma versão do FireBird Instalada na máquina desinstale antes de

Leia mais

ÍCONE QUE INICIA O SISTEMA

ÍCONE QUE INICIA O SISTEMA ÍCONE QUE INICIA O SISTEMA De duplo clique para abrir a tela de login abaixo: PASSOS: 1-Mantenha apenas PRD no campo Ambiente 2-Clique em Abrir Ambiente de Conexão com o Banco de Dados para carregar os

Leia mais

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS SANTA MARIA FATECIENS 2008 Este manual tem por finalidade apresentar as especificações detalhadas da aplicação de Cadastro de Funcionários,

Leia mais

Manual do Emissor RPS

Manual do Emissor RPS Manual do Emissor RPS Fly E-Nota 1/14 Índice 1.Instalação...3 1.1.Pré-requisitos da instalação...3 1.2.Baixar e instalar do Emissor RPS...3 1.3.Carregar as configurações do prestador...4 1.4.Instalação

Leia mais

Manual do Usuário. Consultor. Versão 2.3

Manual do Usuário. Consultor. Versão 2.3 Manual do Usuário Consultor Versão 2.3 1 Essa é a tela de login do Sistema de Atendimento Online, clique aqui para acessar o site e siga o passo-apasso abaixo. Se esse é o seu primeiro acesso, clique em

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08 MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE Versão: 01.08 Índice Instalação do Sistema...03 Tela inicial do Sistema...10 Módulos...11 Conteúdo do Menu Arquivo...11 Finalizar...11 Inclusão

Leia mais

1. MANUAL DO REVENDEDOR - BILLING NETPBX ---------------3

1. MANUAL DO REVENDEDOR - BILLING NETPBX ---------------3 1. MANUAL DO REVENDEDOR - BILLING NETPBX ---------------3 1.1. OBJETIVO ----------------------------------------------------------------------------------------------------------3 1.2. INTRODUÇÃO AO REVENDEDOR---------------------------------------------------------------------------------3

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEED

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEED SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEED Sistema Obras Online Módulo Pedido Julho - 2013 Secretaria da Educação do Paraná Av. Água Verde, 2140 - Vila Isabel 80240-900 - Curitiba - PR 41 3340-1500 e Superintendência

Leia mais

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0 MANUAL ARRECADAWEB Versão 1.0 Page 1 of 29 O Sistema Arrecadaweb foi desenvolvido para facilitar a Entidade no controle de suas arrecadações, e disponibiliza para os Contadores um ambiente confiável para

Leia mais

As pessoas jurídicas deverão promover a solicitação de mais de um cadastramento. O qual deverá ser realizado em duas etapas:

As pessoas jurídicas deverão promover a solicitação de mais de um cadastramento. O qual deverá ser realizado em duas etapas: CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Versão 1.0 Atualizado em 16/01/2012 APRESENTAÇÃO Este manual apresenta a estrutura e a forma de utilização do módulo Cadastro eletrônico de Contribuintes CeC, o

Leia mais

CDV. GID Desmanches. Manual do Usuário. Praça dos Açorianos, s/n - CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (051) 3210-3100 http:\\www.procergs.com.

CDV. GID Desmanches. Manual do Usuário. Praça dos Açorianos, s/n - CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (051) 3210-3100 http:\\www.procergs.com. CDV GID Desmanches Manual do Usuário Praça dos Açorianos, s/n - CEP 90010-340 Porto Alegre, RS (051) 3210-3100 http:\\www.procergs.com.br Sumário Administração... 1 Favoritos... 12 Fornecedor... 21 Cadastro...

Leia mais

Configurações dos Sistemas

Configurações dos Sistemas Configurações dos Sistemas Sumário configurações dos sistemas Este manual do Configurações dos Sistemas tem por objetivo explicar as informações referentes a configuração do ambiente, como por exemplo,

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO Sobre o site... 2 Segurança -Trocar Senha... 4 Segurança Cadastrarusuários... 5 Configurações Preços... 6 Configurações Dados de Contato... 7 Configurações Assinatura

Leia mais

Manual MQS. Logo após colocar essas informações abrirá a página inicial do sistema:

Manual MQS. Logo após colocar essas informações abrirá a página inicial do sistema: Manual MQS Para acessar o sistema MQS na versão em PHP, basta clicar no link: www.mqs.net.br/plus. Colocar login e senha que foram fornecidos por email. Logo após colocar essas informações abrirá a página

Leia mais

Manual SIGEESCOLA Matrícula - 2009

Manual SIGEESCOLA Matrícula - 2009 Manual SIGEESCOLA Matrícula - 2009 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO BÁSICA COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO DA ESCOLA PASSO A PASSO DA UTILIZAÇÃO DO SIGE ESCOLA 2009 1. PARA ACESSAR O

Leia mais

Acesso ao Credenciamento

Acesso ao Credenciamento 2 1 Credenciamento Para todas as pessoas jurídicas que acessarem o sistema da NFS-e, será necessário inicialmente efetuar o credenciamento. O credenciamento é obrigatório para todas as empresas estabelecidas

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE EMISSÃO DE PARECER TÉCNICO

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE EMISSÃO DE PARECER TÉCNICO MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE EMISSÃO DE PARECER TÉCNICO CADASTRO NO SISTEMA 1 INÍCIO Para dar início ao cadastro de solicitação, digite o número do CNPJ da

Leia mais

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1)

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1) Portal do Fornecedor ANGELONI Manual do usuário (versão 1.1) 1. Objetivo Este manual explica como funciona o Portal do Fornecedor ANGELONI. Todos os procedimentos para visualizar pedidos, gerar e enviar

Leia mais

Acessando o SVN. Soluções em Vendas Ninfa 2

Acessando o SVN. Soluções em Vendas Ninfa 2 Acessando o SVN Para acessar o SVN é necessário um código de usuário e senha, o código de usuário do SVN é o código de cadastro da sua representação na Ninfa, a senha no primeiro acesso é o mesmo código,

Leia mais

Manual do Usuário. SIGAI - versão 1.3. I Funcionalidades do Módulo Internet

Manual do Usuário. SIGAI - versão 1.3. I Funcionalidades do Módulo Internet Manual do Usuário SIGAI - versão 1.3 I Funcionalidades do Módulo Internet 1 Conteúdo PARTE1- MÓDULO INTERNET...4 ACESSANDO O SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ADOÇÃO INTERNACIONAL - SIGAI NA INTERNET...4 SOLICITAÇÃO

Leia mais