Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br"

Transcrição

1 PARÂMETROS DE LANÇAMENTOS PARAMETRIZAÅÇO PARA O MÉDULO LANÅAMENTOS NO SISTEMA ARQUIVO > LANÅAMENTOS > PARÑMETROS E CONFIGURAÅÖES PREENCHIMENTO DAS GUIAS: 1. GUIA IMPOSTOS: a) Contas relacionadas à apuração de Impostos: O sistema irá controlar os totais de impostos a recolher conforme lançamento de saídas (para ICMS, IPI, ISSQN, INSS) e entradas (para crédito de ICMS e IPI). PARA CRÉDITO DE ICMS (COMPRA) PARA CRÉDITO DE IPI (COMPRA) PARA DÉBITO DE ICMS (VENDA) PARA DÉBITO DE IPI (VENDA) PARA DÉBITO DE ISSQN (VENDA) lançamentos de itens que estão parametrizados para Creditar ICMS (Ferramentas auxiliares > Tributos > Crédito de Impostos). É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que esta não é Receita ou Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos. Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > ICMS > CRÉDITO ICMS lançamentos de itens que estão parametrizados para Creditar IPI (Ferramentas auxiliares > Tributos > Crédito de Impostos). É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que esta não é Receita ou Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos. Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > IPI > CRÉDITO IPI lançamentos de notas de saída com valores de ICMS. É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que neste momento ainda não é Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos, onde no final do período irá calcular os valores a pagar referente ao imposto (Ferramentas Auxiliares > Apuração de Impostos). Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > ICMS > DÉBITO DE ICMS lançamentos de notas de saída com valores de IPI. É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que neste momento ainda não é Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos, onde no final do período irá calcular os valores a pagar referente ao imposto (Ferramentas Auxiliares > Apuração de Impostos). Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > IPI > DÉBITO DE IPI lançamentos de notas de saída com valores de ISSQN. É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que neste momento ainda não é Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos, onde no final do período irá calcular os valores a pagar referente ao imposto (Ferramentas Auxiliares > Apuração de Impostos). Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > ISSQN 1

2 PARA DÉBITO DE INSS (VENDA) lançamentos de notas de saída com valores de ISSQN. É utilizada sempre uma conta transitória, uma vez que neste momento ainda não é Despesa, e sim uma conta de parâmetro para Apuração dos Impostos, onde no final do período irá calcular os valores a pagar referente ao imposto por meio de relatórios. Exemplo: CONTAS TRANSITÓRIAS > TRIBUTOS > INSS b) ISSQN: ISSQN RETIDO NA EMPRESA ISSQN RETIDO NO CLIENTE Lançamentos de saída com ISSQN retido na empresa: realiza a cobrança do valor total do item, sem descontar o valor do ISSQN. Quando configurado na Guia Lançamento de Tributos, irá levar o valor do ISSQN para o documento de pagamento de tributos (conforme parametrizado). Lançamentos de saída com ISQQN retido no cliente: desconta o valor do ISSQN da cobrança para o cliente. Não irá considerar o valor para o pagamento de tributos automático. c) IMPOSTOS: % IRRF Percentual Imposto de Renda Retido na Fonte. Será utilizado para cálculo na Nota Fiscal de Saída, quando necessário retenção do imposto (conforme parametrizado o item em Ferramentas Auxiliares > Tributos > Débito de Impostos). % IRPJ Percentual Imposto de Renda Pessoa Jurídica, utilizado para cálculo do imposto a ser pago pela empresa. % PIS Percentual Programa de Integração Social % COFINS Percentual de Contribuição para o Financiamento de Seguridade Social. % CSSL Percentual de Contribuição Social Sobre Lucro. % CSSL R.F. Percentual de Contribuição Social Sobre Lucro Retido na Fonte. % IRPJ SERV. Percentual de Imposto de Renda Pessoa Jurídica. % CSSL SERV. Percentual de Contribuição Social Sobre Lucro para Serviço. PAGAR IMPOSTOS TRIMESTRAIS PARCELADOS Marcando este check box, os impostos considerados trimestrais irão criar documentos com pagamento diferente de à vista. 2

3 2. GUIA DEVOLUÅÇO DE MERCADORIA Quando CFOP parametrizada para DevoluÄÅo, ao realizar notas de DevoluÄÅo, tanto de entrada quanto de saçdas, o sistema iré solicitar a numeraäåo da nota que esté sendo devolvida para lanäamento automético das informaäñes. Se nåo estiver parametrizada, a devoluäåo deveré ser lanäada normalmente como uma nota fiscal de saçda ou entrada. CFOP RELATIVO ENTRADAS CFOP RELATIVO ENTRADAS FORA DO ESTADO CFOP RELATIVO SAÜDAS CFOP RELATIVO SAÜDAS FORA DO ESTADO Natureza da OperaÄÅo utilizada para o lanäamento da devoluäåo de uma venda para dentro do estado. Exemplo: DevoluÄÅo de mercadoria vendida. Natureza da OperaÄÅo utilizada para o lanäamento da devoluäåo de uma venda para fora do estado. Exemplo: DevoluÄÅo de mercadoria vendida. Natureza da OperaÄÅo utilizada para o lanäamento da devoluäåo de uma compra para dentro do estado. Exemplo: DevoluÄÅo de mercadoria vendida. Natureza da OperaÄÅo utilizada para o lanäamento da devoluäåo de uma compra para fora do estado. Exemplo: DevoluÄÅo de mercadoria vendida. 3. GUIA FRETE DE SAÜDA: Ao realizar um lanäamento de saçda, com valores de frete, seguro e despesas acessárias inclusas no faturamento da nota fiscal (gerando cobranäa para o cliente), seré lanäado no sistema automaticamente conforme este paràmetro, para que em relatários de lanäamentos e financeiro o valor do Frete cobrado esteja incluso nas contas contébeis determinadas nesta tela. HISTâRICO CONTA CONTäBIL REFERENTE AO PAGAMENTO DO FRETE CENTRO DE APROPRIAãåO REFERENTE AO PAGAMENTO DO FRETE Deve ser localizado pelo catélogo item FRETE, obrigatoriamente estando cadastrado em Cadastros > Cadastros de Produtos e ServiÄos (podendo colocé-lo com classificaäåo OUTROS). Deve estar relacionada com o histárico FRETE no Cadastro de Produtos e ServiÄos, sendo esta uma conta de saçda. Exemplo: RECEITAS > EXTRA-OPERACIONAIS > OUTRAS. Deve estar relacionado com o histárico FRETE no Cadastro de Produtos e ServiÄos. Exemplo: EMPRESA > COMERCIAL. 4. GUIA EMISSÇO DE DOCUMENTOS: Preenchimento dos campos conforme necessidade da empresa para emissåo de documentos. IMPRIMIR NOTAS FISCAIS DE Para empresas nåo emitentes de Nota Fiscal Eletrçnica, a impressåo em 3

4 ENTRADA QUANDO FOR UMA DEVOLUãåO IMPRIMIR A DESCRIãåO AUXILIAR DOS PRODUTOS NAS NOTAS FISCAIS DE SAÜDA LEVAR A REFERéNCIA JUNTO IMPRIMIR RECIBOS DE SAÜDA IMPRIMIR RECIBOS DE ENTRADA PREENCHER AUTOMATICAMENTE O CAMPO DATA DE SAÜDA NOS LANãAMENTOS DE SAÜDA IMPRIMIR ETIQUETAS NOS DOCUMENTOS DE ENTRADA ALTERAR O VALOR DE VENDA DOS ITENS NOS DOCUMENTOS DE ENTRADA CONFORME PARëMETRO DE MARGEM DE LUCRO IMPRIMIR CUPOM FISCAL NOS LANãAMENTOS DE PDV formulério para notas de entrada tipo DevoluÄÅo deve estar habilitada neste paràmetro. DeverÉ ser salva a nota e depois entrar em Arquivo > LanÄamento > ImpressÅo de Documentos, localizar a nota de entrada tipo devoluäåo e clicar em imprimir. Ao utilizar a DescriÄÅo Auxiliar da tela Cadastro > Cadastro de Produtos e ServiÄos, para que esta saia impressa na Nota, deve estar marcado este paràmetro. Para que a referència acompanhe a descriäåo dos produtos, esta opäåo deve estar marcada. IrÉ tanto para documentos de lanäamentos (entradas e saçdas) quanto para lanäamentos de venda, suprimentos, produäåo, e outros. Quando marcado este Check Box, ao salvar o lanäamento de um recibo de saçda, o sistema iré perguntar se deseja imprimir o Recibo. Se esta opäåo nåo estiver marcada, deve entrar em Arquivo > LanÄamentos > ImpressÅo de documentos, selecionar a opäåo Recibo e localizé-lo. Apás clicar em Documento para visualizar a impressåo. Quando marcado este Check Box, ao salvar o lanäamento de um recibo de entrada, o sistema iré perguntar se deseja imprimir o Recibo. Se esta opäåo nåo estiver marcada, deve entrar em Arquivo > LanÄamentos > ImpressÅo de documentos, selecionar a opäåo Recibo e localizé-lo. Apás clicar em Documento para visualizar a impressåo. Quando marcado este Check Box, ao lanäar um documento de saçda, ao passar pelo campo Data SaÇda, o sistema iré preencher automaticamente com a data atual. Caso nåo esteja marcada esta opäåo, o campo sairé em branco, sendo possçvel o preenchimento manual. Quando marcado este Check Box, ao lanäar um documento de entrada, o sistema iré gerar etiquetas para impressåo. DeverÉ ser solicitada ê MAXCE a configuraäåo das etiquetas conforme cada empresa. Ao lanäar um documento de entrada, o sistema iré permitir que seja marcada a opäåo para atualizar os valores de venda do item conforme a margem de lucro inserida em Arquivo > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes > Guia Config. Gerais Campo LUCRO. IrÉ levar para a tabela de preäos o valor de entrada do item + percentual de lucro parametrizado. Para empresas que possuem o mádulo PDV (EmissÅo de Cupom Fiscal), esta opäåo iré fazer com que no momento do lanäamento o cupom jé seja impresso. Se esta opäåo estiver desmarcada, o Cupom Fiscal deveré ser impresso manualmente pela Tela Arquivo > ImpressÅo de 4

5 Documentos > OpÄÅo Cupom Fiscal. A impressora deveré estar configurada no computador local quando estiver marcada essa opäåo. Selecionar qual impressora e porta utilizada. CFOP DO DOCUMENTO QUANDO O MESMO TIVER MAIS DE UMA CFOP CONTROLAR O SIMPLES NACIONAL IMPRIMIR TEXTO NO CAMPO DE DADOS ADICIONAIS DA NOTA FISCAL DE SAÜDA NF DE SERVIãO HABILITAR CFOP PARA LANãAMENTO DOS ITENS BLOQUEAR LANãAMENTOS DE ITENS QUANDO QUANTIDADE EM ESTOQUE ESTIVER 0 OU NEGATIVA. BANCOS IMPRIMIR BOLETOS Quando marcada esta opäåo, o sistema iré permitir o lanäamento de notas fiscais com mais de uma Natureza da OperaÄÅo. Para isso, deveré descrever qual a descriäåo que sairé no inçcio da nota. Ex: VIDE ABAIXO. Para empresas optantes para o SIMPLES Nacional, deveré estar marcada esta opäåo para que na EmissÅo de Notas Fiscais nåo saia destacado valores de ICMS e IPI. Para impressåo de mensagem padråo (todas notas fiscais) nos dados adicionais da nota, marcar a opäåo e descrever texto. Para lanäamentos de notas de ServiÄo com CFOP Natureza da OperaÄÅo, esta opäåo deveré estar habilitada. Se nåo estiver, iré realizar lanäamento sem utilizar CFOP, sempre considerando que gera financeiro. Para controle do estoque, a opäåo de Bloquear os lanäamentos de itens que estiverem com quantidade zero ou negativa, faré que nåo seja permitido lanäamento de venda/saçda para estes itens. Desmarcada essa opäåo o sistema deixa quantidades negativas para lanäamentos de itens que nåo tem quantidade no estoque. Para impressåo de Boletos BancÉrios em formulério contçnuo fornecido pelo Banco, esta opäåo deveré estar habilitada, informando o banco padråo. Caso haja necessidade, a MAXCE deveré configurar ajustes para impressåo dos boletos na impressora Matricial de sua empresa. 5. GUIA CONFIGURAÅÖES GERAIS: Preenchimento de informaäñes parametrizadas para o mádulo de lanäamentos em geral. CASAS DECIMAIS Configurar casas decimais para campo de valor unitério na emissåo de VALOR UNITäRIO notas fiscais. O sistema permitiré digitaäåo de um nímero maior de casas decimais que o parametrizado, porìm iré arredondar para o nímero de casas decimais que eståo neste paràmetro. Apenas ì configurado para o campo de valor unitério, pois o valor total sempre seré de apenas duas casas decimais. CASAS DECIMAIS QUANTIDADE Configurar casas decimais para campo de quantidade referente ao item lanäado na emissåo de notas fiscais. O sistema permitiré digitaäåo de um nímero maior de casas decimais que o parametrizado, porìm iré 5

6 arredondar para o número de casas decimais que está neste parâmetro. PERCENTUAL DE LUCRO DIGITAÇÃO LIVRE DA DESCRIÇÃO DO ITEM CONTROLAR AUTOMATICAMENTE SE EXISTE RELACIONAMENTO ENTRE CADASTROS CLASSIFICAÇÃO DO VENDEDOR Percentual de lucro para cálculo do valor de venda a partir do lançamento de entrada, quando marcada a opção ALTERAR O VALOR DE VENDA DOS ITENS NOS DOCUMENTOS DE ENTRADA CONFORME PARÂMETRO DE MARGEM DE LUCRO em Arquivo > Lançamentos > Parâmetros e Configurações: Guia emissão de documentos. Quando preenchido este campo, irá habilitar a livre digitação nos lançamentos de saídas, e para relatórios e consultas o item será considerado o que estiver preenchido no parâmetro. Marcando este Check Box, o sistema irá reconhecer quando o Cadastro de Cliente/Fornecedor possui relacionamento com Cadastros de Produtos e Serviços, sendo que na tela de pesquisa (catálogo) dos lançamentos, irão aparecer somente os itens relacionados ao cadastro (quando este possuir relacionamentos), para exibir demais itens não relacionados, a opção no catálogo poderá ser desativada para a pesquisa atual. Para que o sistema reconheça nos campos de Representante quais cadastros poderão ser relacionados. 6. GUIA FRETE DE ENTRADA: Ao realizar um lançamento de entrada, com valores de frete, seguro e despesas acessórias inclusas no faturamento da nota fiscal (gerando cobrança para o fornecedor), será lançado no sistema automaticamente conforme este parâmetro, para que em relatórios de lançamentos e financeiro o valor do Frete cobrado esteja incluso nas contas contábeis determinadas nesta tela. HISTÓRICO REFERENTE AO PAGAMENTO DO FRETE CENTRO DE APROPRIAÇÃO REFERENTE AO PAGAMENTO DO FRETE Deve ser localizado pelo catálogo item FRETE, obrigatoriamente estando cadastrado em Cadastros > Cadastros de Produtos e Serviços (podendo colocá-lo com classificação OUTROS). Deve estar relacionada com o histórico FRETE no Cadastro de Produtos e Serviços, sendo esta uma conta de saída. Exemplo: DESPESAS > VARIÁVEIS > OUTRAS. Deve estar relacionado com o histórico FRETE no Cadastro de Produtos e Serviços. Exemplo: EMPRESA > ALMOXARIFADO. 7. GUIA EXIBIÅÇO DE CONTAS: Para parametrizar as Contas contábeis e Centro de Apropriação automaticamente, deverão ser relacionados com a CFOP conforme padrão. Criando o vínculo de CFOP com o primeiro nível de uma Conta Contábil, quando for realizar o lançamento, a Conta Contábil irá preencher automaticamente se esta estiver vinculada com o item lançado. Se o item possuir 6

7 mais de uma conta de primeiro nçvel igual, deveré ser lanäado manualmente qual conta a ser apropriada. CFOP NATUREZA DA OPERAãåO Selecionar a CFOP utilizada nos lanäamentos. Esta deveré estar previamente cadastrada em Cadastros > Cadastros Auxiliares > Guia Natureza da OperaÄÅo. CONTAS DE ENTRADA CONTAS DE SAÜDA CONTAS DE ESTOQUE Quando uma CFOP de Entrada, parametrizar com primeiro nçvel da Conta ContÉbil a ser selecionada automaticamente no lanäamento. Quando uma CFOP de SaÇda, deve ser parametrizado com primeiro nçvel da Conta ContÉbil a ser selecionada automaticamente para o lanäamento das contas de Destino. Para lanäamentos de saçda com baixa de estoque, selecionar as contas parametrizadas com a conta de saçda. OBSERVAÅÇO I: Para salvar as configuraäñes de relacionamento de Contas com a CFOP deveré ser preenchido os campos e clicar em salvar para cada CFOP a ser parametrizada. Para localizar as Contas ContÉbeis e o Centro de ApropriaÄÅo deve-se clicar no Çcone, abriré tela de CC ou CA (conforme seleäåo), selecionar a conta e clicar em Transferir. Exemplos: CFOP CONTAS ENTRADAS CONTAS SAÜDAS CONTAS ESTOQUE Compra CC: Estoque CA: Almoxarifado Uso e Consumo CC: Despesas CA: AdministraÄÅo Venda CC: Receita CA: Comercial CC: Estoque CA: Almoxarifado CobranÄa Ind. CC: Receita CA: ProduÄÅo Remessa CC: Estoque CA: Almoxarifado 8. GUIA CONFIGURAÅÖES DA NOTA FISCAL: ParametrizaÄÅo de informaäñes para Notas Fiscais emitidas pela empresa. IMPRIMIR NOTAS Marcando este Check Box o sistema iré perguntar se deseja imprimir FISCAIS DE SAÜDA Notas Fiscais em impressora Matricial (formulério contçnuo) ao salvar lanäamentos de saçdas. Empresas emissoras de Nota Fiscal Eletrçnica nåo precisam estar com esta opäåo habilitada, exceto para emitir NF de ServiÄo em formulério contçnuo. CONTROLAR A Marcando este Check Box, o sistema controlaré automaticamente a 7

8 NUMERAãåO DE NF. DE SAÜDA Nî DE SïRIE DA NOTA FISCAL NñMERO MäXIMO DE ITENS NA IMPRESSåO DA NOTA FISCAL MODELO DA NF CRT sequència para emissåo de notas fiscais. Com esta opäåo desmarcada, deveré ser digitado manualmente o nímero a ser utilizado para emissåo das notas. Deve ser preenchida no campo a práxima numeraäåo a ser utilizada. Nímero de sìrie para emissåo de Notas Fiscais eletrçnicas. ï o controlador da sequencia de emissåo de notas fiscais. Toda empresa deve iniciar com Sìrie 001, ao completar nímero méximo para notas fiscais, deveré ser alterado para 002, e assim por diante. Nímero méximo de itens para impressåo da nota fiscal. Para notas eletrçnicas nåo hé limite de itens a serem lanäados, ao atingir o limite da pégina, seguiré nas práximas folhas a continuaäåo. Se digitado nímero diferente de zero neste campo, o sistema iré avisar que atingiu o limite e poderé sair desconfigurada a impressåo, porìm nåo iré bloquear. Este controle serve para empresas com impressåo de notas em formulério contçnuo. Modelo da Nota Fiscal. Para empresas emitentes de nota fiscal eletrçnica, modelo = 55. Para empresas emitentes de notas em formulério contçnuo modelo = A1. Cádigo do Regime TributÉrio da Empresa. 1 Empresas optantes pelo SIMPLES Nacional 2 Empresas optantes pelo SIMPLES Nacional com excesso de Sublimite 3 Regime Normal (Lucro Presumido ou Lucro Real). Ao selecionar o CRT, este deve conferir com a SituaÄÅo da Empresa, uma vez que os dados seråo levados para SEFAZ na emissåo de notas fiscais eletrçnicas. O Sistema iré controlar qual o CRT preenchido para conferència com a SituaÄÅo TributÉria do ICMS preenchida para envio da Nota fiscal (Ferramentas Auxiliares > ImpressÅo de Impostos). Uma vez que a CST para SIMPLES Nacional ì diferente da CST para Regime Normal. MARGEM PARA NOTA FISCAL NOTA FISCAL DE ENTRADA GERAR PEDIDO TRANSFERIR ITENS PENDENTES DE UM EM UM Campo para configuraäåo pela MAXCE somente quando necessério para impressåo de notas fiscais em formulério contçnuo. Marcando este Check Box Para lanäamentos de entradas, quando transferir itens pendentes de uma Ordem de Compra, aparecer no lanäamento item a item para conferència de quantidades, valores e tributos. Para lanäamentos de saçdas, quando transferir itens pendentes de um Pedido, aparecer no lanäamento item a item para conferència de quantidades, valores e tributos. 8

9 TIPO DE DOCUMENTO VINCULO AUTOMäTICO DA CFOP E TEXTO PARA DADOS ADICIONAIS. Preenchendo o tipo de Documento, relacionando a uma CFOP e a um texto padråo, seré preenchido automaticamente ao realizar o lanäamento da Nota Fiscal. 9. GUIA LANC. TRIBUTOS: ParametrizaÄÅo para lanäamento de tributos automético conforme configuraäåo. IMPOSTOS COFINS Deve estar com os itens marcados para reter impostos (Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas), e alçquota preenchida em Arquivos > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes. CSLL Deve estar com os itens marcados para reter impostos (Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas), e alçquota preenchida em Arquivos > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes. ICMS Deve estar com os itens marcados para Tributar ICMS (Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas) e para creditar ICMS (quando necessério) em Ferramentas Auxiliares > Tributos > Crìdito de Impostos. IPI - Deve estar com os itens marcados para Tributar IPI (Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas) e para creditar ICMS (quando necessério) em Ferramentas Auxiliares > Tributos > Crìdito de Impostos. IRPJ Pagamento de Imposto de Renda Pessoa JurÇdica. Deve estar marcado alçquota em Arquivo > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes. IRRF Imposto de Renda Retido na Fonte: itens devem estar marcados para Reter imposto em Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas, e com alçquota preenchida em Arquivo > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes. ISSQN Quando marcado ISS retido na fonte em Arquivo > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes e com itens com alçquota de ISS em Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas. PIS - Deve estar com os itens marcados para reter impostos (Ferramentas Auxiliares > Tributos > Impostos sobre Vendas), e alçquota preenchida em Arquivos > LanÄamentos > Paràmetros e ConfiguraÄÑes. TIPO DE DOCUMENTO NOME / RAZåO SOCIAL FORMA DE Conforme recebimento do tçtulo para pagamento do imposto (Guia de Recolhimento, DARF ou Recibo). Relacionar a quem seré pago o tçtulo, árgåo píblico. Forma de Pagamento a ser utilizada no lanäamento do tributo. 9

10 PAGAMENTO DIA PAGAMENTO CONTABILIZAR O VALOR DO IMPOSTO AO LANÇAR OS DOCUMENTOS TRIBUTO (HISTÓRICO) CENTRO DE APROPRIAÇÃO Dia a ser lançado o contas a pagar do valor do tributo. Marcando este Check Box, irá criar um documento com o valor dos impostos ao lançar um documento que gere pagamento de tributos parametrizados. Será sempre reajustado conforme os lançamentos de saídas e entradas. Deve estar cadastrado em Cadastros > Cadastros de Tributos o tributo a ser utilizado para lançamento automático. Selecionar conta contábil que deve estar relacionada ao cadastro do tributo. Selecionar centro de apropriação que deve estar relacionada ao cadastro do tributo. 10. GUIA SIMPLES NACIONAL: Parametrização para exibição de texto padronizado para empresas optantes pelo SIMPLES que devem exibir nas notas fiscais os valores referente a crédito de ICMS. Conforme o preenchimento desta guia, juntamente com a marcação do cadastro do cliente no Check Box Exibir Texto Simples (Cadastro > Cadastro Geral > Guia: Outras Inf.). EXIBIR TEXTO DO SIMPLES NACIONAL LOCAL DA IMPRESSÃO MÊS E ALÍQUOTA ADICIONAR REMOVER Este Check Box deverá estar marcado para exibir automaticamente a mensagem: PERMITE O APROVEITAMENTO DE CRÉDITO DE ICMS NO VALOR DE R$...; CORRESPONDENTE A ALÍQUOTA DE... % NOS TERMOS DO ART. 23 DA LC 123. Selecionar local padrão para impressão da mensagem na nota fiscal: Dados Adicionais ou Corpo da NF (abaixo dos itens). Preencher por mês a alíquota programada conforme a legislação. Poderá ser preenchido para meses seguintes, lembrando que se as alíquotas forem alteradas pela legislação, a responsabilidade é do usuário para corrigi-las, e notas já emitidas não poderão ser alteradas (somente canceladas quando estiverem dentro do prazo de cancelamento). Após preenchimento de mês e alíquota clicar em Adicionar para incluir as alíquotas. Selecionando uma alíquota e mês poderá ser removido, lembrando que as notas já lançadas não serão alteradas, e se removido mês atual ou seguintes, se não incluída nova alíquota não será calculado. 11. OPÅÇO SALVAR: Sempre salvar após alterar algum dos parâmetros da tela. 10

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br PEDIDO ARQUIVO > VENDAS > PEDIDO REALIZAÇÃO E IMPRESSÃO PEDIDOS SOLICITADOS POR CLIENTES. 1. S PRINCIPAIS: a) SAIR: Sai da tela; b) LIMPAR TELA: Limpa a tela para realizar um novo pedido; c) SALVAR: Salva

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 4 FUNCIONALIDADE... 4 4.1 Registrar Nota de Entrada... 4 4.1.1 Manual (Entrada das informações manualmente)...

Leia mais

Fiscal Configurar Impostos Fiscais

Fiscal Configurar Impostos Fiscais Fiscal Configurar Impostos Fiscais Objetivo Configurar todos os impostos que refletirão na Nota Fiscal de Saída. Pré- Requisitos As Taxas Tributárias dos Produtos devem ser devidamente cadastradas ( Fiscal

Leia mais

LANÅAMENTO DE SAÇDA. CADASTRO DE ENDEREáOS: CÖdigo do PaÇs, CÖdigo da UF, CÖdigo do MunicÇpio.

LANÅAMENTO DE SAÇDA. CADASTRO DE ENDEREáOS: CÖdigo do PaÇs, CÖdigo da UF, CÖdigo do MunicÇpio. LANÇAMENTOS DE SAÍDAS ARQUIVO > LANÅAMENTOS > SAÇDAS LANÅAMENTOS DE NOTAS FISCAIS DE SAÇDA (VENDA, SERVIÅO, REMESSA, DEVOLUÅÉO, COMPLEMENTAR ICMS, COMPLEMENTAR IPI, COMPLEMENTAR BASE ICMS, COMPLEMENTAR

Leia mais

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada.

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada. CONTAS A RECEBER CONSULTA E DE TÅTULOS ARQUIVOS > FINANCEIRO > CONTAS A RECEBER 1. ÅCONES PRINCIPAIS: SAIR LIMPAR LOCALIZAR ALTERAR PARCELA FINANCEIRO IMPRIMIR DESCONTAR BOLETOS ABRIR DOCUMENTO Sair da

Leia mais

- No primeiro campo informe o numero da empresa que serão copiadas as informações.(ex: 9999)

- No primeiro campo informe o numero da empresa que serão copiadas as informações.(ex: 9999) 1 2 1. Duplicação das informações de uma empresa para outra Juntamente com a instalação do sistema Office encaminhamos anexada a empresa modelo, que contem cadastros que podem ser utilizados nas empresas

Leia mais

Manual do Módulo. MerchNotas

Manual do Módulo. MerchNotas Manual do Módulo MerchNotas Bento Gonçalves (RS), Agosto de 2010 Índice 1. Introdução... 4 2. Menu Entrada de Notas... 5 2.1. Entrada de Notas (F11)... 5 2.2. Entrada de Notas NFe (F12)... 8 2.3. Apuração

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E SELECIONE A EMPRESA EMISSORA DA NFE CLIQUE EM INICIAR TELA DE AVISOS FAÇA A LEITURA DOS AVISOS E CLIQUE EM FECHAR EMISSÃO DA NOTA FISCAL

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Relatórios...3 Mix de Compra...3 Peças >> Relatórios >> Mix de Compra Peças...3 Mix de Vendas...4 Peças >> Relatórios >> Mix de Venda Peças...4 Tabela de Preços...6 Peças

Leia mais

Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA... 2

Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA... 2 Tutorial UltraPDV - GERAÇÃO DO ARQUIVO ELETRÔNICO DE NOTA FISCAL ULT-027-GERAÇÃO DO ARQUIVO ELETRÔNICO DE NOTA FISCAL Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA.... 2 1.1 - GERAR UMA

Leia mais

Nota: Para utilizar o quadro: LOCAL DE ENTREGA use as mesmas orientações acima, só que nesse caso, será para o local de entrega.

Nota: Para utilizar o quadro: LOCAL DE ENTREGA use as mesmas orientações acima, só que nesse caso, será para o local de entrega. EMISSÃO DA NF-E OBSERVAÇÕES: NF-e: Sugerimos que fale com um contador para que o auxilie sobre quais campos preencher e como preenchê-los para a emissão da NF-e. Informaremos aqui apenas os locais onde

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 02/04/2016 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.188a REA SSPlus 8.0

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br RELATÓRIOS DE LANÇAMENTOS ARQUIVOS > LANÅAMENTOS > RELATÇRIOS IMPRESSÉO DOS RELATÇRIOS DE LANÅAMENTOS DE ENTRADA/SAÑDA, TRIBUTOS E FOLHA DE PAGAMENTO. 1. BOTÖES PRINCIPAIS: a) SAIR DE RELATÓRIOS: Sai da

Leia mais

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2

Manual do Usuário 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 1 5. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU IMPOSTO...2 5.1 Digitações dos Sócios...2 5.1.1 Campo CPF...2 5.1.1.a Campo Saldo Anterior...3 5.1.1.b Campo Saldo...3 5.1.1.c Campo Isento...3 5.1.1.d Campo Tributado...3

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br CONTAS A PAGAR CONSULTA E BAIXA EM CONTAS A PAGAR E CONTAS PAGAS ARQUIVOS > FINANCEIRO > CONTAS A PAGAR 1. CONSULTAS DE LANÅAMENTOS TÇTULOS FILTRO: CONTAS A PAGAR CONTAS PAGAS EXIBIR PRÉ- DATADOS SUSPENSAS

Leia mais

Índice ...48...48. Módulo Empresa... Módulo Fiscal... ...8...8. Módulo Folha...28. Módulo Contabil... Integração Contabil...62...

Índice ...48...48. Módulo Empresa... Módulo Fiscal... ...8...8. Módulo Folha...28. Módulo Contabil... Integração Contabil...62... 1 2 Índice Módulo Empresa......4...4 Módulo Fiscal......8...8 Módulo Folha......28 Módulo Contabil......48...48 Integração Contabil......62...62 3 4 5 1. Cadastro de empresa Antes de iniciar os trabalhos

Leia mais

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS:

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS: Sumário 1. Tela Inicial... 02 2. Venda [F1]... 03 a. Cliente [F2]... 03 b. Importar [F9]... 04 c. Produtos [F3]... 04 d. Fechamento [F4]... 05 e. Impressão, Ponto de Referência e Observações... 07 f. Consulta

Leia mais

VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE FINALIZAÇÃO: 10 JUN.

VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE FINALIZAÇÃO: 10 JUN. VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE ACD2016 FINALIZAÇÃO: 10 JUN. 13 04 NOV.2014 FEV. 201313 JUN. 2016 PUBLICAÇÃO: Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades

Leia mais

Manual Espelho de NF para Materiais

Manual Espelho de NF para Materiais Manual Espelho de NF para Materiais Índice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Vendas... 4 5 Acessando o Pedido... 5 5.1 Lista

Leia mais

Auditoria Financeira

Auditoria Financeira Auditoria Financeira Processo de Uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

Informativo de Versão 18.12

Informativo de Versão 18.12 Informativo de Versão 18.12 Índice ERP Posto... 2 Cadastro Contrato de Abastecimento (Chamado 21982)... 2 Resulth Business... 3 Entrada de Produtos (Chamado 24400)... 3 ERP Faturamento... 4 Consulta Preço

Leia mais

1- Principais alterações para COMPRAS entre a versão 2.9 e 3.0.

1- Principais alterações para COMPRAS entre a versão 2.9 e 3.0. 1- Principais alterações para COMPRAS entre a versão 2.9 e 3.0. - Data de Emissão/ Data Entrada ou Movimento. Considerando que o documento fiscal deve ser registrado sob o enfoque da empresa que recebe

Leia mais

O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA. NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP

O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA. NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP O QUE VOCÊ PRECISA SABER NA EMISSÃO DA PRIMEIRA NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e UTILIZANDO O SISTEMA GRATUÍTO DA SEFAZ-SP 1. Certificado Digital - Antes de mais nada você precisa possuir um certificado digital

Leia mais

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios,

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, parte financeira, entrada de mercadorias entre outros.

Leia mais

Entrada de Produtos. Supermercados

Entrada de Produtos. Supermercados Entrada de Produtos Supermercados 1 Objetivo: Cadastrar a entrada dos produtos no sistema permite o controle do estoque e o controle financeiro. O objetivo do texto é explicar como cadastrar as notas fiscais

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 30/09/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.125a REA SSPlus 8.0

Leia mais

Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido)

Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido) Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido) Parametrizar a empresa como Lucro Presumido. 1 - Regime de Competência Qual o Regime de apuração adotado? 2 - Regime de Caixa Qual será a forma

Leia mais

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE?

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? O que é a Nota Fiscal Eletrônica? Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) tem como intuito emitir e armazenar eletronicamente, para fins fiscais,

Leia mais

Esse é um tutorial que explica as funcionalidades da guia Cadastro na tela de compras do ces_adm. Descrição dos tópicos abaixo:

Esse é um tutorial que explica as funcionalidades da guia Cadastro na tela de compras do ces_adm. Descrição dos tópicos abaixo: Esse é um tutorial que explica as funcionalidades da guia Cadastro na tela de compras do ces_adm. Descrição dos tópicos abaixo: 1. Emissão: Determina o tipo da emissão da nota fiscal a ser cadastrada.

Leia mais

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins 29/05/2012 1 O Sped fiscal e Pis/Confins é uma arquivo gerado através do sistema da SD Informática, onde este arquivo contem todos os dados de entrada e saída

Leia mais

Configuração Empresa/Filial

Configuração Empresa/Filial Configuração Empresa/Filial Para definir as configurações (Parâmetros) de cada empresa ou filial cadastrada no sistema, proceda da seguinte forma: Acesse o módulo Administrativo. Clique no menu Cadastros

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Versão 8.2C-07. Versão da Apostila de Novidades: 1

Versão 8.2C-07. Versão da Apostila de Novidades: 1 Versão 8.2C-07 Versão da Apostila de Novidades: 1 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda.

Leia mais

SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS

SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS Visual Adm - Soft Administrador de Escritório Contábil. Pág : 1 Sumário Menu Arquivos Empresas...

Leia mais

MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS

MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS MANUAL SPED(EFD) PIS-COFINS O que é SPED? É um arquivo de texto que detalha todas as movimentações fiscais da empresa em um determinado período, listando todas as operações de compra (Notas de compra)

Leia mais

Tutorial para emissão de NF-e

Tutorial para emissão de NF-e Tutorial para emissão de NF-e Conteúdo 1.Configuração do Módulo de NF-e... 2 1.1.Códigos Fiscais... 3 1.2.Contas Contábeis... 4 1.3.Conta corrente... 6 2.Emissão de NF-e... 8 2.1.Gerar NF-e... 9 2.2.NF-e

Leia mais

Informativo de Versão 18.09cb

Informativo de Versão 18.09cb Informativo de Versão 18.09cb Índice Resulth Business... 3 Movimento Cobrança Eletrônica / Remessa (Chamado 23025)... 3 Movimento Digitação e Emissão NF-e (Chamado 23538)... 4 Cadastro de Produtos (Chamado

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

Índice 1. FOX COMPRAS... 7 2. CADASTROS... 8

Índice 1. FOX COMPRAS... 7 2. CADASTROS... 8 Fox Compras 1/181 Índice 1. FOX COMPRAS... 7 2. CADASTROS... 8 2.1. Geral / Cadastros de Empresas... 8 2.1.1. Principais... 8 2.1.2. Específicos... 11 2.1.3. Endereços... 15 2.1.4. Contatos... 16 2.1.5.

Leia mais

Manual de Faturamento

Manual de Faturamento Manual de Faturamento Bureau & Redsystem Software Para Emissão da Nota Eletrônica, e necessários o preenchimento correto do Cadastro de Clientes, Cadastro de Produtos, Código Fiscal e Controle de ICMS,

Leia mais

MANUAL GESTOR MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail]

MANUAL GESTOR MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail] MANUAL GESTOR [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail] MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula de Materiais Autor: Equipe

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

Para cadastrar uma nova conta, clique sobre o botão preencha os campos habilitados.

Para cadastrar uma nova conta, clique sobre o botão preencha os campos habilitados. Contas a Pagar de Condomínio - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Entrada Contas a Pagar Acesse o Módulo FINANCEIRO

Leia mais

Manual - Emissão de nota fiscal

Manual - Emissão de nota fiscal Manual - Emissão de nota fiscal Transferência de ICMS entre Estabelecimentos. Emissão: 22/05/2010 Revisão: 27/05/2015 Revisado por: Juliana 1- Cadastrar texto da lei para sair na observação da NF. Como

Leia mais

Como Cadastrar Crédito ICMS Simples Nacional? - FS45

Como Cadastrar Crédito ICMS Simples Nacional? - FS45 Como Cadastrar Situação Tributária? - FS41 Caminho: Cadastros>Fiscal>Substituição Tributaria Referência: FS41 Versão: 2015.5.4 Como Funciona: A tela de Situação Tributária contém os códigos e as descrições

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

Cadastro de Tabelas de Preços

Cadastro de Tabelas de Preços Cadastro de Tabelas de Preços Para incluir uma nova tabela de preço de produtos, proceda da seguinte forma: Acesse o módulo Administrativo. Clique no menu Cadastros em seguida clique na opção Tabelas de

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA. NF-e

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA. NF-e MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e SELECIONE A EMPRESA EMISSORA DA NFE CLIQUE EM INICIAR TELA DE AVISOS FAÇA A LEITURA DOS AVISOS E CLIQUE EM FECHAR EMISSÃO DA NOTA FISCAL

Leia mais

Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe. Manual de acesso e utilização do sistema

Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe. Manual de acesso e utilização do sistema PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LEOPOLDO Nota Fiscal de Serviço eletrônica NFSe Manual de acesso e utilização do sistema Versão: 1.0.30 Maio/2011 SUMÁRIO 1. TELA INICIAL... 3 2. CADASTRO DO PRESTADOR... 4

Leia mais

Versão 8.3A-04. Versão da Apostila de Novidades: 2

Versão 8.3A-04. Versão da Apostila de Novidades: 2 Versão 8.3A-04 Versão da Apostila de Novidades: 2 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda.

Leia mais

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice Manual Neo Fatura 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Configurando o software para importar dados de clientes... 3 3. Importando o cadastro de clientes... 4 4. Cadastro de Bancos... 5 5. Cadastro de Conta Correntes...

Leia mais

Update Clientes Set Tipo_inscricao_estadual = "1-CONTRIBUINTE ICMS" Where [Inscrição estadual] <> "" And [Inscrição estadual] <> "ISENTO"

Update Clientes Set Tipo_inscricao_estadual = 1-CONTRIBUINTE ICMS Where [Inscrição estadual] <>  And [Inscrição estadual] <> ISENTO Projeto/Versão/Release: IS2 AUTOMOTIVE / EVOLUTION / 58 Data Release: 01/07/2014 Procedimentos Atualização: Ao adaptar tabela Configuracoes, preencher os campos novos com: [Série NFCe Padrão] = 01 [Modelo

Leia mais

Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital

Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital Relatório de Vendas Página 1 de 7 Este é um dos principais módulos do Sigla Digital. Utilizado para gerar relatórios das vendas realizadas pelo Orçamento

Leia mais

Conta Fácil. Manual do usuário - 8 a. edição. Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros. fiscais.

Conta Fácil. Manual do usuário - 8 a. edição. Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros. fiscais. Conta Fácil Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros fiscais. Manual do usuário - 8 a. edição Tecnologia que simplifica Allsoft 1 Informática Ltda. Tecnologia que

Leia mais

Release 3.100. Resumo das alterações. Gerais. Livros Fiscais. Financeiro. Compras. ERP-23298 SPED Contábil SPED Contábil - Número da versão

Release 3.100. Resumo das alterações. Gerais. Livros Fiscais. Financeiro. Compras. ERP-23298 SPED Contábil SPED Contábil - Número da versão Release 3.100 Resumo das alterações Gerais Livros Fiscais ERP-23298 SPED Contábil SPED Contábil - Número da versão Corrigido o número da versão do layout gerado no arquivo para 3.00. Identificamos que

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.04 Estoque...2 Controlando a Garantia - Honda Motocicletas...2 Controlando a Boutique...6 Entrada de Peças no Estoque...7 Entrada de Mercadorias...7 Importação do Faturamento

Leia mais

INCLUSÃO DO PROCESSO IMPORTAR TABELA IBPT :

INCLUSÃO DO PROCESSO IMPORTAR TABELA IBPT : INCLUSÃO DO PROCESSO IMPORTAR TABELA IBPT : Importar tabela IBPT Através desta tela você pode importar a tabela Ibptax, fornecida pelo instituto brasileiro de planejamento tributário (IBPT). Esta tabela

Leia mais

Histórico de mudanças no ERP

Histórico de mudanças no ERP 1:11:31 HW Sistemas e Computadores LTDA Data Inicial: 16/08/2014 - Data Final: 29/01/201 - Release 4.0.9.1 CAIXA AUXILIAR 4.0 Correção Correção 1.214 29/01/201 Após quitar parcial um crédito e valor do

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe

MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe ÍNDICE PAG. 01 ACESSO AO SISTEMA PAG. 02 INFORMANDO USUÁRIO E SENHA PAG. 03 MENU DE CADASTROS PAG. 04 CADASTRANDO FORNECEDORES PAG. 05 CADASTRANDO GRUPOS

Leia mais

Como Emitir uma Nota Fiscal? - FS82

Como Emitir uma Nota Fiscal? - FS82 Como Emitir uma Nota Fiscal? - FS82 Sistema: Futura Server Caminho: Fiscal>Nfe Cadastro>Nfe Digitação Referência: FS82 Versão: 2016.05.09 Como funciona: A tela de Nfe Digitação é utilizada para registrar

Leia mais

1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO

1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO 1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL PRÉ-VENDA NO SYSPDV Casa Magalhães Comércio e Representações Ltda O objetivo deste tutorial é apresentar

Leia mais

Configuração de Acumuladores

Configuração de Acumuladores Configuração de Acumuladores Os acumuladores são cadastro usados pelo Módulo Domínio Sistemas Fiscal para permitir a totalização dos valores lançados nos movimentos de entradas, saídas, serviços, outras

Leia mais

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 1 ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 5. CADASTRO OPERAÇÕES FISCAIS (CFOP)...7 6. GERAR SINTEGRA...8 7. CONTROLE DE

Leia mais

APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER

APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER A integração de dados do Controller com a contabilidade, seja com o sistema Contábil ou com qualquer outro sistema, é feita através de lotes. Os lançamentos seguem a estrutura

Leia mais

Versão 2.0.9. Comissão Sobre Produtos... 2. Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6

Versão 2.0.9. Comissão Sobre Produtos... 2. Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6 FORMULÁRIO DE ATUALIZAÇÕES PARA PRÓXIMA VERSÃO Versão 2.0.9 Conteúdo Alterações realizadas no Software Comissão Sobre Produtos... 2 Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6 Atualização de Valores

Leia mais

Manual Ilustrado Estoque Processos Gerais

Manual Ilustrado Estoque Processos Gerais Dezembro - 2014 Índice Título do documento 1. Objetivos... 3 2. Introdução... 3 3. Etiquetas de Estoque... 4 3.1 Configurando Parâmetros de Impressão... 4 3.2 Imprimindo Etiquetas de Estoque... 4 4. Etiquetas

Leia mais

Manual de Integração - E-Fiscal X Telecont

Manual de Integração - E-Fiscal X Telecont Atualizado em Maio/2008 Pág 1/36 Para integrar os dados do sistema Efiscal com o sistema Telecont, efetue os procedimentos abaixo: CADASTRO DE EMPRESAS ABA BÁSICO Acesse menu Arquivos Empresas Usuárias

Leia mais

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE.

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. CADASTRO DE CLIENTES - deve-se utilizar o programa 203. Os campos em VERMELHO são os campos de preenchimento obrigatório. Os campos em PRETO não são obrigatórios,

Leia mais

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Estoque Processos Gerais. 11.8x. março de 2015. Versão: 2.0

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Estoque Processos Gerais. 11.8x. março de 2015. Versão: 2.0 TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Estoque Processos Gerais 11.8x março de 2015 Versão: 2.0 1 Sumário 1 Objetivos... 3 2 Introdução... 3 3 Etiquetas de Estoque... 4 3.1 Configurando Parâmetros de

Leia mais

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Roteiro passo a passo Módulo Faturamento Sistema Gestor New Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New 1 INDICE

Leia mais

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New INDICE 1 1. CADASTRO DE USUÁRIOS...1 2. MODULO EMPRESA...4 2.1. Cadastro da Empresa...4 2.2. Parâmetros da Empresa...4 3. MÓDULO

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Geral Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema de Almoxarifado

Leia mais

MÓDULO FINANCEIRO. Controla movimentação financeira, gera boleto bancário, cobrança bancária entre outras funções.

MÓDULO FINANCEIRO. Controla movimentação financeira, gera boleto bancário, cobrança bancária entre outras funções. MÓDULO FINANCEIRO OBJETIVO: Controla movimentação financeira, gera boleto bancário, cobrança bancária entre outras funções. No guia Centro de Custo permite cadastrar ou consultar um centro de custo que

Leia mais

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço.

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. O sistema Megga Fransys trabalha em equipe com o revendedor permitindo a execução das rotinas

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

NOTA FISCAL COMPLEMENTAR. Serão emitidas notas fiscais complementares nos casos abaixo:

NOTA FISCAL COMPLEMENTAR. Serão emitidas notas fiscais complementares nos casos abaixo: NOTA FISCAL COMPLEMENTAR Serão emitidas notas fiscais complementares nos casos abaixo: a) no reajustamento de preço em razão de contrato escrito ou de qualquer outra circunstância que implique aumento

Leia mais

ROTEIRO SOBRE NOTAS DE IMPORTAÇÃO CONTROLLER

ROTEIRO SOBRE NOTAS DE IMPORTAÇÃO CONTROLLER Inicialmente, o mais importante O objetivo deste material é apresentar como deve-se proceder em todas as fases, o cadastramento de uma Nota de Importação no Controller. Este material abordará os tópicos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ Nota Fiscal Digital de Serviços A Nota Fiscal Digital é um documento cujo valor é de um arquivo eletrônico assinado digitalmente, que apresenta algumas características como

Leia mais

Como cadastrar um produto usando o Futura Server

Como cadastrar um produto usando o Futura Server Cadastro do Produto Como cadastrar um produto usando o Futura Server Aqui temos dicas importantes para cadastrar seu produto antes de realizar as suas movimentações. Com o Futura Server aberto, acesse

Leia mais

MANUAL NOVA DEVOLUÇÃO

MANUAL NOVA DEVOLUÇÃO MANUAL NOVA DEVOLUÇÃO [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail] MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula Materiais Autor:

Leia mais

Importa Danfe e Entrada de Mercadorias Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT?

Importa Danfe e Entrada de Mercadorias Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT? Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT? Entrada de Mercadorias É a reprodução integral de todas as notas de entrada de mercadoria na empresa. A entrada

Leia mais

Na primeira vez de usar:

Na primeira vez de usar: MANUAL DE USUÁRIO EV2014 Na primeira vez de usar: Veja a figura de estrutura de programa: CLIENTES DESTINATARIO PRODUTOS 2. PEDIDOS CÓDIGO DE TRIBUTOS 1.CADASTRO DE BANCO DE DADOS 3. NOTA FISCAL ELETRÔNICA

Leia mais

Entrada de Notas. Manual desenvolvido para Célula Materiais Equipe Avanço Informática

Entrada de Notas. Manual desenvolvido para Célula Materiais Equipe Avanço Informática Entrada de Notas Manual desenvolvido para Célula Materiais Equipe Avanço Informática 1 Índice Parametrização... 2 Criando os Diretórios... 2 Parametrização que influenciam a Entrada da Nota Fiscal... 3

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E

ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Controller Gold possui, facilitando o seu processo de venda e compra. Criando

Leia mais

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1)

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1) Portal do Fornecedor ANGELONI Manual do usuário (versão 1.1) 1. Objetivo Este manual explica como funciona o Portal do Fornecedor ANGELONI. Todos os procedimentos para visualizar pedidos, gerar e enviar

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Notas Fiscais Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões... 3 3.2 Configurar NF-e... 4 3.2.1 Aba Geral... 5 3.2.2 Opções... 6 3.3 Processador

Leia mais

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque. 11.8x. março de 2015. Versão: 5.0

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque. 11.8x. março de 2015. Versão: 5.0 TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque 11.8x março de 2015 Versão: 5.0 1 Sumário 1 Introdução... 3 2 Objetivos... 3 3 Movimentações de Estoque... 3 4 Parâmetros... 5 5 Cadastros...

Leia mais

Acesso a NFA-e para não contribuinte:

Acesso a NFA-e para não contribuinte: Acesso a NFA-e para não contribuinte: Através da pagina da Secretaria de Estado da Fazenda (www.sef.sc.gov.br) o contribuinte não credenciado no Sistema de Administração Tributária (S@T) poderá emitir

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN MIGRAÇÃO DAS INFORMACOES DO ATUAL SISTEMA PARA O SIGISSWEB 1ª FASE: Em 1º de Maio de 2015, o sistema SIGISSWEB deverá estar carregado com todos os cadastros

Leia mais

Síntese de fluxo de máquinas e implementos

Síntese de fluxo de máquinas e implementos Síntese de fluxo de máquinas e implementos Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Objetivo... 3 Parâmetros para utilização do processo... 3 Cadastro

Leia mais

Megasale NFe. 2013 Aob Software Informatica ltda

Megasale NFe. 2013 Aob Software Informatica ltda 2 Tabela de Conteúdo Nota Fiscal Eletrônica 3 1 Tela de... Acesso 4 Digitalizando o Pedido 4 1 Preenchendo... o Item 6 2 Recebimento... A Vista 7 3 Recebimento... A Prazo 7 Gerando Proposta Comercial Emissão

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos Instalação - Primeiros Passos 1- O download da ultima versão do sistema é disponibilizado em nosso site do no link http://www.tvsistemas.com.br/downloads.html 2- Após realizar o download execute o instalador,

Leia mais

IS - INSTRUÇÃO DE SERVIÇO

IS - INSTRUÇÃO DE SERVIÇO INSTRUÇÃO DE SERVIÇO: Lançamento de notas fiscais de entradas de mercadoria no sistema com geração do contas a pagar. OBJETIVO: Realizar lançamentos de notas fiscais de entradas de mercadoria seguido de

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais