Modulo 5 Colecção de Produto Capitulo 2. Criando um Website. Jürgen Undeutsch, B.A.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Modulo 5 Colecção de Produto Capitulo 2. Criando um Website. Jürgen Undeutsch, B.A."

Transcrição

1 Modulo 5 Colecção de Produto Capitulo 2 Criando um Website Jürgen Undeutsch, B.A.

2 INDICE 2 Autor: Jürgen Undeutsch, B.A. A. Introdução... 3 B. Base e Terminologia... 4 C. Antes de Começar... 7 D. Criar o Próprio Website... 8 Principiantes... Fehler! Textmarke nicht definiert. Avançado... Fehler! Textmarke nicht definiert. Entrega a terceiros... Fehler! Textmarke nicht definiert. IMPRESSUM This course has been developed in the project Mikromarkt - Holistic Marketing for Women Farmers within the Lifelong Learning Programme of the European Union Austrian Marketing University of Applied Sciences, Campus Wieselburg der FH Wiener Neustadt, Austria, 3250 Wieselburg Projecto financiado com o apoio da Comissão Europeia. A informação contida nesta publicação vincula exclusivamente o autor, não sendo a Comissão responsável pela utilização que dela possa ser feita.

3 A. Introdução 3 Um website é um espaço virtual na World Wide Web (grande teia mundial) onde um determinado número de websites feitos a partir de documentos e outros recursos podem ser encontrados. Estes são, no geral, sumariados e interligados entre si através de um sistema integrado de navegação. A Web representa uma importante fonte de informação envolvendo produtos e produtores. Basicamente, todos os websites têm a obrigação de dar informação sobre o operador e a sua presença na Web. Um número crescente de negócios de agricultura tem criado o seu próprio website na Internet. Contudo, o que eles oferecem na internet difere muito em termos de qualidade. O objectivo desta unidade: Esta unidade concentra-se em dar as capacidades para criar um website que vá de encontro às necessidades de negócios pessoais. Aprende-se num processo de aplicar dicas práticas para a apresentação e ainda a desenvolver o processo de inspiração no design de temas. Mais à frente, vai estar numa posição, de acordo com as necessidades, de lançar o seu website no mundo da Web ou, em alternativa, a usar programadores de outras companhias para acabarem o trabalho.

4 B. Base e Terminologia 4 Um website eficiente nem sempre é fácil de criar. Se deseja ser bem sucedido neste empreendimento, então deve ser capaz de aplicar várias técnicas relacionadas com a sensibilização de cores e o seu efeito na consciência espacial, design gráfico, mercado virtual e optimizar/facilitar a procura na net. Este guia vai ajudar a dar os primeiros passos na familiarização com a construção de um website e, igualmente, com a criação profissional de uma presença/espaço na Web e/ou para instruções de terceiros nesse sentido. Antes de começarmos, deixe-nos familiarizá-lo com os conceitos principais e o seu uso nesta operação: Links Os termos Hyperlink ou simplesmente Link, são comummente referidos a uma referência cruzada, que guia o utilizador da Web a outro ponto usando palavras especificas ou mesmo a um outro website. Dica Certifique-se que os utilizadores do seu website reconhecem que tiveram acesso aos seus links, e não aos de terceiros. Pode conseguir isto sublinhando-os ou colorindo-os. O efeito de Mouse-over (efeito de iluminar ou sublinhar aquilo por onde o rato passar) oferece igualmente uma prática solução a este problema. Isto significa que o conteúdo do website muda quando um utilizador aponta para um objecto especifico. Geralmente, não se uso os termos Clica aqui. Se o teu link não se refere a um website mas sim a outro formato diferente, por exemplo um ficheiro PDF, deves indicar o seu tamanho e o tempo que decorrerá até o download (descarga) estar completo. Desta forma, podes dispensar a frustração dos visitantes que têm uma conexão lenta. Navegação O plano de navegação mostra ao utilizador da Web como navegar através de websites individuais. A navegação interpreta a estrutura e a interconexão de vários websites. Como regra, o plano de navegação é demonstrado por meios de um organigrama. O utilizador pode escolher entre navegar através de informação (Habitação, contactos, impressões) ou navegação mais preferencial (produtos ou conteúdo).

5 DICA O posicionamento da navegação principal é mais adequado à esquerda ao lado da área principal do conteúdo, já que segue a convenção de leitura da maioria dos leitores europeus. (O olho começa a ler do canto superior esquerdo e move-se em cada linha da esquerda para a direita). Destaques no menu com conteúdo similar ou relacionado deve ser agrupado facilitando a procura para os visitantes do website. 5 Orientação do utilizador O gosto do website por parte do utilizador tem a ver com a qualidade da experiência enquanto usa o mesmo e a eficiência da sua interacção. Neste caso, o gosto do website refere-se a que o utilizador consiga navegar sem esforço algum e encontrar aquilo que necessita. DICA O papel principal na construção de um website é dado em particular àquilo que o utilizador vê (layout), em particular o tipo e o tamanho da letra, bem como as cores utilizadas. A informação mais importante deve sempre vir em primeiro lugar. O website deve ser cirado de forma que mesmo aqueles utilizadores que o estão a visitar pela primeira vez não se percam. Mantém uma linguagem clara e apropriada para os utilizadores. Evita a gíria (vulgo calão). Usa subtítulos quando os textos forem longos e um menu de hiperligações para simplificar a estrutura. Está ciente dos interesses do público alvo, por exemplo, noticias ou produção orgânica. Usa palavras-chave de modo que fiquem perfeitamente visíveis. Não deve ser necessário que o utilizador tenha que fazer scroll, mas sim que obtenha toda a informação principal à primeira vista. Procura Uma função de pesquisar permite ao utilizador que encontro o seu próprio caminho no website sem ter que andar por várias páginas. DICA Inclua uma caixa de pesquisa em vez de um link para uma página com o mesmo efeito. Certifique-se de que todo o website é englobado, mas não toda a Internet. A posição ideal de uma caixa de pesquisa é no canto superior direito. Imagens e ilustrações Imagens e ilustrações são essenciais para a Web pois eles tornam os websites mais interessantes e dinâmicos. Contudo, nem todos as imagens são adequadas para a internet. Elas devem ser fáceis de descarregar e representar. Não devem aparentar perdas de qualidade quando o seu

6 tamanho é alterado (aumentar ou reduzir a ilustração). Os formatos mais usados na internet para imagens são GIF, JPEG e PNG, que são visíveis nos browsers sem necessidade de ferramentas adicionais. 6 DICA Limita o uso de imagens (usa apenas quando são relevantes no que toca à complementaridade da informação). Devem ter alta qualidade (72dpi) e devem ser reduzidas ou cortadas até terem o tamanho standard. Não deve exceder 1MB para assegurar descargas rápidas. Fotografias que são destinadas a aparecer na comunicação social devem ter uma resolução de 300dpi para assegurar o melhor das qualidades quando imprimidas. Assinatura e dados de contacto Uma assinatura mostra a origem da publicação e quem foi o responsável pela sua produção. A assinatura é regulada pela lei. Dependendo do país e do tipo da publicação, existem leis específicas. Uma assinatura deve ser fácil de encontrar e reconhecer. DICA Informe-se sobre os termos e leis do seu pais no que toca a assinaturas e certifique-se de as incluir. Facilite o contacto dos utilizadores consigo, adicionando nome, telefone, fax e . Vale a pena incluir uma secção de relações públicas e fotografias da sua quinta e possivelmente um logo que possa ser descarregado.

7 C. Antes de Começar 7 Dependendo da sua experiências e exigências, existem vários caminhos para construir o seu website. Quanto mais profissional deseja tornar tanto a empresa como você, mais tempo e dinheiro tem que ser investido. Decida primeiro qual a sua opção ideal: Principiante Redução de custos Pouco tempo dispensado (várias horas) Resultados rápidos Conhecimentos prévios necessários Avançado Preços a partir de 70 euros por ano Mais tempo dispensado (vários dias) Criação do dominio demora, aproximadamente, 24 horas Benefícios da Consciencialização HTML Entregue a terceiros Preços a partir de 70 euros por ano Custo de criação de dominio (aproximadamente 500 euros) Mais tempo dispensado (vários dias) Criar o dominio demora várias semanas

8 D. Criar o Próprio Website 8 Principiantes A forma mais rápida e com menos despesas de criar um website é usar um serviço livre de custos. Para procurar estes serviços, procure online e escreva criar um website de graça. Para demonstrar o procedimento, escolhemos um exemplo prático: o serviço npage (www.npage.de), já que oferece serviços em várias línguas. npage providencia um domínio livre de custos, que termina em npage.de. Sprachauswahl Start Para começar a trabalhar no visual, clique em create your free website now no centro da página. Introduza a sua informação pessoal na próxima página e de seguida clique em register for free. DICA Escolha um nome de usuário com significado (mais tarde irá ser usado para o seu domínio). O nosso exemplo refere-se ao negócio da agricultura Hof Lechner-Müller. Nós usamos o nome de utilizador hof-

9 lechnermueller. Desta forma pode ser facilmente encontrado na Web em 9 Depois de se registar irá receber um de com um código de activação. Clique no link de activação do para confirmar o registo. Para prosseguir, por favor escreve na sua informação (nome de utilizador e palavra passe) na página de confirmação e clique em log in now. Agora encontra-se na página inicial do software. O seu website encontrase disponível neste momento. Contudo, ainda precisa de produzir informação.

10 10 Schritt für Schritt- Anleitung Menüleiste DICA Use o tutorial passo-a-passo para conseguir resultados rápidos. De seguida, por favor clique nos links de Design no menu da esquerda e depois clique em My design. Verá uma opção Choose a different desgin que lhe proporcionará uma selecção de designs que poderá escolher. Designwahl

11 A opção mais fácil é seleccionar um design pré-feito. Clique em Continue para continuar. 11 Rubriken Name der Vorlage Beschreibung und Infos No menu irá encontrar varias categorias com designs e descrições diferentes. No nosso exemplo, vamos seleccionar Plus 028 da categoria Nature. Portanto, nós, a seguir, clicamos no circulo de selecção e confirmamos ao clicar em Select this design no fim da página. Dependendo do visual escolhido, a sua página já tem uma navegação por pré-definição, que pode alterar em qualquer momento.

12 TIPP! Tente vários visuais e escolhe aquele que melhor se adeqúe às suas preferências. 12 Depois de escolher o visual, precisa de adaptar o Nome e navegação do website de acordo com as suas exigências. Em conformidade, no menu, pode seleccionar Settings, Homepage Settings e inserir um nome ao seu gosto na caixa Homepage Title. Para acrescentar, gostaria de inserir um novo ponto de navegação, Products. Clique no menu da esquerda em Page, New text pages e introduza os dados requeridos. Para gerar conteúdo, clique (no menu Pages, Text pages ) nas páginas que quer alterar e escolha Start. De acordo com a escolha do editor, receberá uma Input Box para processar os dados. O editor padrão é semelhante a um documento de

13 processamento de texto e é operado da mesma forma. Pode introduzir imagens e formatar o texto de acordo com as suas preferências. 13 Sempre que guardar dados, o seu website será automaticamente actualizado. Quanto mais cedo as mudanças forem feitas, terá então construído com sucesso o seu website. No evento de problemas e questões, pode recorrer a um FAQ (perguntas e respostas) oferecido por praticamente todos os provedores de internet, que dão conselhos sobre como resolver os seus problemas. Avançado Quanto tiver experiência suficiente em construir um website e desejar investir mais dinheiro e tempo, existem diferentes oportunidades para consolidar e construir a sua presença na Web. Por um lado, tem mais oportunidades de desenhar o seu website com um programa gráfico e subsequentemente programá-lo ou, por outro lado, pode também trabalhar com CMS (Content management system, ou seja, sistema de gestão de conteúdo, que torna possível e organiza a mutua construção e processamento de conteúdo, feito de texto e dados). Em ambos os casos, recomendamos vivamente que use um provedor profissional ( Hoster ). Um Hoster oferece um espaço virtual (capacidade de guardar dados) e hospedagem de websites num webserver (servidor Web) sobre um ISP (Provedor de internet).

14 O seu provedor (Hoster) oferece os seguintes serviços: Seu próprio domínio (endereço electrónico, por exemplo com) Webspace (espaço virtual) com uma capacidade mínima de 100 MB Um tráfego justo ou ilimitado (cota razoável numa recuperação do site, sem custos extra) Banco de Dados MySQL (especialmente quando se utiliza um CSM). 14 Os custos aplicados ao pacote completo são à volta de 5 a 10 por mês na Europa. DICA Obtenha informação sobre mais do que um provedor e escolha um que melhor se adeqúe as suas necessidades. Já que é tudo processado através da Internet, não existe perigo em seleccionar um provedor estrangeiro. Muitos provedores oferecem um Homepage Kit que lhe permite apoderar-se e trabalhar em visuais vulgares semelhante à construção de websites para principiantes descrito acima. Uma instalação automática de um CMS tal como Joomla! ou Typo3 está também geralmente para oferta. Mais informação sobre estes provedores é fornecida na própria página dos mesmos.

15 Entrega a terceiros 15 Para um sucesso a longo prazo, é desejável ter especialistas a construir o seu website. Eles estão perfeitamente cientes do que é necessário no mundo da Web e podem-lhe oferecer conselhos. Para simplificar a discussão com essas agências, apresentamos-lhe na última secção deste capítulo os temas cruciais incluindo questões chave com uma pré-visualização de custos, que pode esperar num encontro. Antes de um resumo com a agência, deve ser claro sobre as seguintes questões: Qual o nome do seu negócio, como deveria ser descrito no seu website e um nome para o domínio (não devem ser usados caracteres especiais). Que produtos ou serviços você está a oferecer e o que deseja que seja apresentado no website. Quer uma loja online para os seus produtos e o que precisa ter para essa loja? Já existe um visual? (por exemplo no uso de cartazes e cartões de visita). Você já tem a identidade da corporação acabada? (Logo, imagem de marca, cor,etc) Que características descrevem o seu negócio? (não mais de três adjectivos) Como completaria a seguinte frase: os meus clientes esperam do meu website Quais são as suas ideias específicas sobre a estrutura, visual e conteúdo do website? Quando olha pela primeira vez para um website, é recomendado que discuta aquilo que particularmente gosta num breve encontro. É suficiente levar uma cópia da captura de ecrã ou simplesmente do endereço do website. Os custos variam dependendo em quem faz o trabalho (freelance, companhias pequenas ou grandes) e no pedido em si (website de uma empresa, portal Web, loja online, etc.). Preços recomendados alcançam desde 500 por simples cartões de visita, até soluções padrão entre 1500 e 3000, até complexas aplicações Web que custam de para cima.

16 Uma visual geral do mercado actual de preços pode ser encontrada em várias plataformas na internet, por exemplo, Esperamos que com esta informação lhe demos uma visão sobre a construção de um website e desejamos que se divirta o mais que puder tentado transformar as suas ideias em realidade. 16

Módulo 2 Planeamento de Marketing. Capítulo 4. Atribuição de Preço. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger

Módulo 2 Planeamento de Marketing. Capítulo 4. Atribuição de Preço. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger Módulo 2 Planeamento de Marketing Capítulo 4 Atribuição de Preço Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger CONTEÚDOS 2 MÓDULO 2 PLANEAMENTO DE MARKETING Capítulo 4: Atribuição de preços Autores: Dr. Andrea

Leia mais

Practica Workshop. Marketing. Conversa de Vendas. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger

Practica Workshop. Marketing. Conversa de Vendas. Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger Practica Workshop Marketing Conversa de Vendas Dr. Andrea Grimm Dr. Astin Malschinger 2 CONTEUDO PRACTICA WORKSHOP Marketing: Conversa de Vendas Authors: Dr. Andrea Grimm, Dr. Astin Malschinger IMPRESSUM

Leia mais

1 2 3 W O R K S H O P 4 5 6 W O R K S H O P 7 W O R K S H O P 8 9 10 Instruções gerais para a realização das Propostas de Actividades Para conhecer em pormenor o INTERFACE DO FRONTPAGE clique aqui 11 CONSTRUÇÃO

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU Imagina que queres criar o teu próprio site. Normalmente, terías que descarregar e instalar software para começar a programar. Com a Webnode não é preciso instalar nada.

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

Manual PowerPoint 2000

Manual PowerPoint 2000 Manual PowerPoint 2000 Índice 1. INTRODUÇÃO 1 2. DIRECTRIZES PARA APRESENTAÇÕES DE DIAPOSITIVOS 1 3. ECRÃ INICIAL 2 4. TIPOS DE ESQUEMA 2 5. ÁREA DE TRABALHO 3 5.1. ALTERAR O ESQUEMA AUTOMÁTICO 4 6. MODOS

Leia mais

Rotulagem do Producto

Rotulagem do Producto Módulo 5 Kit do Producto Capítulo 1 Rotulagem do Producto Jürgen Undeutsch, B.A. Índice 2 Autor: Jürgen Undeutsch, B.A. A. Introdução B. Antes de começar C. Criação: Como desenhar rótulos Versão # 1: Trabalhar

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress TUTORIAL Como criar um blogue/página pessoal no WordPress Índice Criar o blogue... 3 Alterar as definições gerais... 4 Alterar tema... 6 Criar Páginas... 7 Colocar Posts (citações)... 9 Upload de ficheiros...

Leia mais

Menú Iniciar -> Programas -> Internet Explorer Entre no site da uarte: http://www.uarte.mct.pt/ajuda/manuais/

Menú Iniciar -> Programas -> Internet Explorer Entre no site da uarte: http://www.uarte.mct.pt/ajuda/manuais/ Crie uma pasta (0) no ambiente de trabalho com o seu nome. Inicie o Internet Explorer através do: W O R K S H O P Menú Iniciar -> Programas -> Internet Explorer Entre no site da uarte: http://www.uarte.mct.pt/ajuda/manuais/

Leia mais

Microsoft Office FrontPage 2003

Microsoft Office FrontPage 2003 Instituto Politécnico de Tomar Escola Superior de Gestão Área Interdepartamental de Tecnologias de Informação e Comunicação Microsoft Office FrontPage 2003 1 Microsoft Office FrontPage 2003 O Microsoft

Leia mais

Como Começar? Criação Páginas. Etapas. Apresentação INTERNET

Como Começar? Criação Páginas. Etapas. Apresentação INTERNET Como Começar? Criação Páginas Apresentação Etapas Como começar Para que um site tenha sucesso é necessário um correcto planeamento do mesmo. Todos os aspectos de desenho de um site devem ser pensados de

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 09-06-2010 Controlo do Documento Autor

Leia mais

Editor HTML. Composer

Editor HTML. Composer 6 Editor HTML 6 Composer Onde criar Páginas Web no Netscape Communicator? 142 A estrutura visual do Composer 143 Os ecrãs de apoio 144 Configurando o Composer 146 A edição de Páginas 148 Publicando a sua

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 10-07-2009 Controlo do Documento Autor

Leia mais

* Técnicas Avançadas. Desenvolvimento de SOFTWARES. Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo com Joomla e Magento

* Técnicas Avançadas. Desenvolvimento de SOFTWARES. Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo com Joomla e Magento * Técnicas Avançadas Desenvolvimento de SOFTWARES Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo com Joomla e Magento * Tópicos Sistema de Gerenciamento de Conteúdo CMS. Fron-end Back-end Instalando Site e Lojas

Leia mais

MyiLibrary Search & View Website. Junho 2010

MyiLibrary Search & View Website. Junho 2010 MyiLibrary Search & View Website Junho 2010 Página Inicial Comece por clicar num assunto ou em See All para ver todos os títulos que são relevantes para esse assunto Lista de todos os títulos na sua colecção

Leia mais

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET MANUAL DO UTILIZADOR WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET 1. 2. PÁGINA INICIAL... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 2.1. 2.2. APRESENTAÇÃO E ESPECIFICAÇÕES... 3 TUTORIAIS... 4 3. DOWNLOADS... 5 3.1. 3.2. ENCOMENDAS (NOVOS

Leia mais

Guia de instalação e Activação

Guia de instalação e Activação Guia de instalação e Activação Obrigado por ter escolhido o memoq 5, o melhor ambiente de tradução para tradutores freelancer, companhias de tradução e empresas. Este guia encaminha-o através do processo

Leia mais

SAP VIRTUAL AGENCY PERGUNTAS FREQUENTES

SAP VIRTUAL AGENCY PERGUNTAS FREQUENTES A SAP Virtual Agency é projetada para ajudar os parceiros SAP a obter uma vantagem competitiva no mercado, aproveitando novas tecnologias inovadoras e boas práticas comprovadas para criação de procura

Leia mais

Administração da disciplina

Administração da disciplina Administração da disciplina Agrupamento Vertical de Escolas de Tarouca Documento disponível em: http://avetar.no-ip.org 1.Acesso e utilização da plataforma:. Seleccione a opção Entrar, que se encontra

Leia mais

Guia da Internet. Página 1

Guia da Internet. Página 1 Guia da Internet Utilização da Internet Introdução... 2 Alguns conceitos básicos... 2 Endereços (URL)... 2 Páginas Web... 3 Abrir o Internet Explorer... 3 O ecrã do Internet Explorer... 4 A Barra de Ferramentas

Leia mais

Guião para as ferramentas etwinning

Guião para as ferramentas etwinning Guião para as ferramentas etwinning Registo em etwinning Primeiro passo: Dados de quem regista Segundo passo: Preferências de geminação Terceiro passo: Dados da escola Quarto passo: Perfil da escola Ferramenta

Leia mais

Wikispace - passo a passo

Wikispace - passo a passo Wikispace - passo a passo Introdução O wikispaces É um servidor de escrita colaborativa on-line, com acesso livre. Para você utilizar este ambiente você deve acessar a página principal: http://www.wikispaces.com/

Leia mais

Manual Internet. Professora: Elisa Carvalho elisa_castro@sapo.pt http://elisacarvalho.no.sapo.pt

Manual Internet. Professora: Elisa Carvalho elisa_castro@sapo.pt http://elisacarvalho.no.sapo.pt Manual Internet Professora: Elisa Carvalho elisa_castro@sapo.pt http://elisacarvalho.no.sapo.pt Fevereiro de 2006 Índice Internet... 2 Correio electrónico... 2 Os endereços... 2 Lista de correio... 2 Grupos

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE A EQUIPA DO PTE 2009/2010 Índice 1. Entrar na plataforma Moodle 3 2. Editar o Perfil 3 3. Configurar disciplina 4 3.1. Alterar definições 4 3.2. Inscrever alunos

Leia mais

Curso de Formação Especializada em BE/CRE Módulo: Software Educativo e aprendizagem com as TIC

Curso de Formação Especializada em BE/CRE Módulo: Software Educativo e aprendizagem com as TIC Módulo: Software Educativo e aprendizagem com as TIC Trabalho realizado pelas professoras: Graça Pedrosa Ivone Pedroso Outubro 2003 Introdução Concordando com Papert, pensamos que a aprendizagem tipo familiar

Leia mais

Instruções de utilização do portal Web da Visteon

Instruções de utilização do portal Web da Visteon FORD MOTOR COMPANY LIMITED Issued by European Warranty Operations Ford Customer Service Division Instruções de utilização do portal Web da Visteon 1. Entrar Na janela de endereço no seu browser da internet,

Leia mais

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8 2 ÍNDICE Acesso para agências...3 Organização por pastas...4 Download das facturas a partir do site...5 Pesquisa de facturas...8 Configurar notificações por email...11 3 Bem-vindo ao manual de uso do novo

Leia mais

02 - Usando o SiteMaster - Informações importantes

02 - Usando o SiteMaster - Informações importantes 01 - Apresentação do SiteMaster - News Edition O SiteMaster foi desenvolvido para ser um sistema simples de gerenciamento de notícias, instalado em seu próprio computador e com configuração simplificada,

Leia mais

Manual de utilizador CRM

Manual de utilizador CRM Manual de utilizador CRM Formulário de Login Personalizado de acordo com a sua empresa mantendo a sua imagem corporativa. Utilizador: Admin Password: 123 1 Formulário Principal Este formulário está dividido

Leia mais

COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1. Oficina da Internet

COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1. Oficina da Internet COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1 Oficina da Internet Utilização Educativa da Internet Guião de iniciação à consulta e pesquisa de informação na Web Índice Introdução... 2 Alguns conceitos básicos...2

Leia mais

Outlook 2003. Nivel 1. Rui Camacho

Outlook 2003. Nivel 1. Rui Camacho Outlook 2003 Nivel 1 Objectivos gerais Enviar e Responder a mensagens de correio electrónico, e gestão de contactos, marcação de compromissos e trabalhar com notas. Objectivos específicos Começar a trabalhar

Leia mais

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA Você deve ter em mente que este tutorial não vai te gerar dinheiro apenas por você estar lendo, o que você deve fazer e seguir todos os passos

Leia mais

Manual do Usuário Janeiro de 2016

Manual do Usuário Janeiro de 2016 Manual do Usuário Janeiro de 2016 SOBRE CMX CMX é uma interface que dá acesso aos estudantes a milhares de atividades, exercícios e recursos todos posicionados com os padrões e conceitos curriculares.

Leia mais

Manual de Utilização. Site Manager. Tecnologia ao serviço do Mundo Rural

Manual de Utilização. Site Manager. Tecnologia ao serviço do Mundo Rural Manual de Utilização Site Manager Tecnologia ao serviço do Mundo Rural Índice 1. Acesso ao Site Manager...3 2. Construção/Alteração do Menu Principal...4 3. Inserção/ Alteração de Conteúdos...7 4. Upload

Leia mais

1ª Edição Outubro de 2007

1ª Edição Outubro de 2007 1 Ficha Técnica Título: Manual de utilização da ELGG - Aluno Autoria: Célia Tavares Direcção Pedagógica e Técnica: Paula Peres Copyright: Projecto de Apoio On-line 1ª Edição Outubro de 2007 O Manual de

Leia mais

COORDENAÇÃO DE ENSINO A DISTÂNCIA - EaD

COORDENAÇÃO DE ENSINO A DISTÂNCIA - EaD COORDENAÇÃO DE ENSINO A DISTÂNCIA - EaD TUTORIAL MOODLE VERSÃO ALUNO Machado/MG 2013 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. EDITANDO O PERFIL... 5 2.1 Como editar o perfil?... 5 2.2 Como mudar a senha?... 5 2.3

Leia mais

Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle

Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle i Índice Índice de Figuras 3 Introdução 4 Parte I - Acesso à Plataforma 5 1 - Entrar na Plataforma 6 1.1 - Alterar a senha 7 Parte II - Utilização da Plataforma

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia SMART Notebook Software Guia O Software Notebook permite criar, organizar e guardar notas num quadro interactivo SMART Board (em modo projectado e não-projectado), num computador pessoal e, em seguida,

Leia mais

e Campus do ISPA Instituto Universitário

e Campus do ISPA Instituto Universitário e Campus do ISPA Instituto Universitário Manual de utilização do Moodle Perfil utilizador: Docente Versão: Agosto 2010 Índice Índice... 2 Índice de Figuras... 3 Introdução... 4 1. Primeiros passos... 5

Leia mais

Joomla - Instituto Psicologia. Agenda. 1. Apresentação do Joomla

Joomla - Instituto Psicologia. Agenda. 1. Apresentação do Joomla Agenda 1. Apresentação do Joomla 2. Organização Interna do Joomla 3. Organização do Portal do IP 4. Política Interna de Gerenciamento do Portal 5. Acesso ao Sistema de Gerenciamento do Portal 6. Acesso

Leia mais

Criação de web sites com o Microsoft Frontpage

Criação de web sites com o Microsoft Frontpage Criação de web sites com o Microsoft Frontpage Fernando Ferreira 1. Iniciação do Frontpage Porquê criar páginas web? A World Wide Web é a melhor forma das pessoas comunicarem umas com as outras. É Nos

Leia mais

1. Planos. 1.1. Standard

1. Planos. 1.1. Standard ITB Webdesigner 1. Planos... 2 1.1. Standard... 2 1.2. Plus... 4 1.3. Premium... 5 2. Termos de uso... 7 2.1. Objetivos... 7 2.2. Direitos autorais e marcas... 7 2.3. Hospedagem... 8 2.4. Suporte e manutenção...

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA Passos para Ligar 1. Verificar se o projector de Vídeo está ligado à corrente tomada do lado esquerdo do quadro, junto à porta, caso não esteja ligue a ficha tripla

Leia mais

Fichas de Apoio/Trabalho

Fichas de Apoio/Trabalho 1 Hot Potatoes é um programa que contém um pacote de seis ferramentas ou programas de autor, desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa e Desenvolvimento do Centro de Informática da Universidade de Victoria,

Leia mais

[MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES]

[MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES] Dez 2014, v1 RUTIS Associação Rede de Universidades da Terceira idade [MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES] Desenvolvido por RUTIS Manual do Novo programa de Gestão de Universidades

Leia mais

Oficina de Construção de Páginas Web

Oficina de Construção de Páginas Web COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1 Oficina de Construção de Páginas Web Criação e Publicação Actividades de exploração Objectivo Explorar as funcionalidades essenciais do Programa, na perspectiva da construção/actualização

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Google Sites. A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1

Google Sites. A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1 Google Sites A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1 1. Google Sites A Google veio anunciar que, para melhorar as funcionalidades centrais do Grupos Google, como listas de discussão

Leia mais

Seu manual do usuário APPLE IWEB http://pt.yourpdfguides.com/dref/3677519

Seu manual do usuário APPLE IWEB http://pt.yourpdfguides.com/dref/3677519 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a no manual do usuário (informação,

Leia mais

Guião de Utilização do FrontPage 2002

Guião de Utilização do FrontPage 2002 Ambiente de Trabalho Criar um novo site 1. Na barra Nova página ou Web (à direita) escolher a opção Novo/Web vazia. Indicar a localização da nova web. Por exemplo: C:\..\..\sess3g01 para o computador 1...

Leia mais

AGÊNCIA VIRTUAL SAP GUIA DE INTRODUÇÃO

AGÊNCIA VIRTUAL SAP GUIA DE INTRODUÇÃO GUIA DE INTRODUÇÃO CONTEÚDO Introduction 3 Como Começar 5 Como Criar Campanhas E Material Promocional 8 Como Personalizar E Executar Uma Campanha Pré- Empacotada 10 Como Criar Suas Próprias Campanhas 12

Leia mais

Guia de Utilizador. Internet based textile education laboratory

Guia de Utilizador. Internet based textile education laboratory Guia de Utilizador Internet based textile education laboratory Parceria 2 Índice Requisitos; Instalação do software; Interface de Utilizador; Uso da interface para a aprendizagem de um módulo; Utilização

Leia mais

INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA. Guia rápido

INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA. Guia rápido INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA Guia rápido A PLATAFORMA MOODLE Moodle (Modular Object Oriented Distance LEarning) é um Sistema para Gerenciamento de Cursos (SGC). Trata-se de um programa para computador

Leia mais

Manual de Utilizador Externo Arquivo Digital. Santos, Tânia 2007. Última actualização: 25-06-2007

Manual de Utilizador Externo Arquivo Digital. Santos, Tânia 2007. Última actualização: 25-06-2007 Manual de Utilizador externo Arquivo Digital Santos, Tânia 2007 SIBUL Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade de Lisboa Última actualização: 25-06-2007 1 Introdução...3 O que é o Arquivo Digital

Leia mais

Guia de Início Rápido Antivirus Pro 2009 Importante! Leia atentamente a secção Activação do produto neste guia. As informações contidas nesta secção são essenciais para manter o seu computador protegido.

Leia mais

Guia de Depósito Teses

Guia de Depósito Teses Guia de Depósito Teses Descreva o documento que está a depositar Página 1 Se seleccionar todas as opções nesta página, visualizará um formulário diferente, modificado com o intuito de capturar informações

Leia mais

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal)

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Acessando o Sistema Para acessar a interface de colaboração de conteúdo, entre no endereço http://paginapessoal.utfpr.edu.br. No formulário

Leia mais

Sistema De Entrega Guia Do Usuário

Sistema De Entrega Guia Do Usuário Sistema De Entrega Guia Do Usuário LEONARDO DA VINCI - Transferência de inovação MEDILINGUA - Advancing vocational competences in foreign languages for paramedics MEDILINGUA - Promovendo competências profissionais

Leia mais

Introdução aos Sistemas Informáticos

Introdução aos Sistemas Informáticos I 1. Dentro da janela da ferramenta de construção de portais web FrontPage, crie uma página nova e guarde-a como index.htm. 2. Escreva nessa página o texto "O Meu Primeiro Portal Web". Formate-o com o

Leia mais

MANUAL DE UTILIZADOR Aplicativo: Análise do Estudo da Lição da Escola Sabatina. 0. INTRODUÇÃO... 2 1. ARRANQUE DO APLICATIVO... 2 1.1. Início...

MANUAL DE UTILIZADOR Aplicativo: Análise do Estudo da Lição da Escola Sabatina. 0. INTRODUÇÃO... 2 1. ARRANQUE DO APLICATIVO... 2 1.1. Início... Índice 0. INTRODUÇÃO... 2 1. ARRANQUE DO APLICATIVO... 2 1.1. Início... 2 1.2. Perguntas de segurança... 2 2. FORMULÁRIO PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1. Caixa de Texto: Nome da Igreja... 4 2.2. Botão:

Leia mais

Actividade: Pesquisar na Internet

Actividade: Pesquisar na Internet Apêndice 6 A Nota Explicativa Actividade: Pesquisar na Internet A aplicação desta actividade prende-se com a necessidade de dotar os alunos de competências básicas relacionadas com a pesquisa, selecção

Leia mais

OBJECTIVO Quebras de página

OBJECTIVO Quebras de página FICHA 20 OBJECTIVO Quebras de página As quebras de página utilizam-se para começar a escrever na página seguinte antes de chegar ao fim da actual. No final deste exercício o utilizador deverá estar apto

Leia mais

Oficina Joomla. Prof. M.Sc. Marcos Roberto de Moraes

Oficina Joomla. Prof. M.Sc. Marcos Roberto de Moraes Oficina Joomla Prof. M.Sc. Marcos Roberto de Moraes Joomla Sistema gratuito para criação de websites. Projeto de código aberto, que, como a maioria dos demais projetos, está em constante desenvolvimento;

Leia mais

geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico.pt Impressão e acabamento: Inova 1ª edição: Outubro de 2003 ISBN: 972-8426-76-3 Depósito legal: 202574/03

geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico.pt Impressão e acabamento: Inova 1ª edição: Outubro de 2003 ISBN: 972-8426-76-3 Depósito legal: 202574/03 FICHEIROS COM EXEMPLOS Envie um e-mail* para software@centroatlantico.pt para conhecer os endereços de Internet de onde poderá fazer o download dos ficheiros com os exemplos deste livro. * O leitor consente,

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a

Leia mais

REGRAS DE ESCRITA PARA A WEB

REGRAS DE ESCRITA PARA A WEB REGRAS DE ESCRITA PARA A WEB ESTRUTURA BÁSICA... 2 ESCRITA PARA A WEB 1... 2 Layout para a web... 3 Classificação... 5 Navegação... 5 Design e layout do site... 7 1 Adaptado de: in MCGOVERN, Gerry, NORTON,

Leia mais

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest/ZSPos FrontOffice... 4 4. Produto... 5 Activar gestão de stocks... 5 5. Armazém... 7 a) Adicionar Armazém... 8 b) Modificar Armazém... 8 c)

Leia mais

Ferramentas Gratuitas de Fotografia e de Pesquisa

Ferramentas Gratuitas de Fotografia e de Pesquisa Ferramentas Gratuitas de Fotografia e de Pesquisa Passo-a-passo para Professores Galeria de Fotos Windows Live Obtenha a Galeria de Fotos Windows Live 1. Visite o site http://explore.live.com/windows-live-photo-gallery

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011 Manual Avançado Gestão de Stocks Local v2011 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Produto... 5 b) Activar gestão de stocks... 5 i. Opção: Faz gestão de stocks... 5 ii.

Leia mais

Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online. Ivo Gomes

Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online. Ivo Gomes Usabilidade e Acessibilidade dos Museus Online Ivo Gomes Análise aos websites dos Museus Nacionais Em colaboração com o Público Digital Análise aos websites dos Museus Nacionais O Público Digital pediu

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria Centro de Tecnologia Programa de Educação Tutorial - Sistemas de Informação TUTORIAL

Universidade Federal de Santa Maria Centro de Tecnologia Programa de Educação Tutorial - Sistemas de Informação TUTORIAL Universidade Federal de Santa Maria Centro de Tecnologia Programa de Educação Tutorial - Sistemas de Informação TUTORIAL Guia Prático de Utilização do Sistema de Gerenciamento de Conteúdo Joomla 3.4.1

Leia mais

RIQASNet. Instruções de utilização. Introdução. Registo para o RIQASNet

RIQASNet. Instruções de utilização. Introdução. Registo para o RIQASNet RIQASNet Instruções de utilização Introdução O RIQASNet é um sistema de entrada de dados utilizando a internet que permite aos utilizadores enviarem os resultados e alterações de método para o RIQAS, e

Leia mais

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword Linux Educacional Tutorial Buzzword Para trabalhar com o programa Buzzword online, é necessário que crie uma conta no site. Para isso acesse o endereço - https://buzzword.acrobat.com/ Para criar uma conta

Leia mais

COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS

COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS O objectivo deste artigo é, como o título indica, explicar a todos os leitores do Peopleware como podem criar um blog gratuito no WordPress. Para alguns, o que

Leia mais

www.luisgregorio.net

www.luisgregorio.net Trazido até Si por Luis Gregorio www.luisgregorio.net "Como Ter Lucros Com As Redes Sociais nomeadamente a Publicidade No facebook " Introdução À Publicidade Do Facebook O Facebook está em milhares de

Leia mais

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO DOMINE A 110% ACCESS 2010 A VISTA BACKSTAGE Assim que é activado o Access, é visualizado o ecrã principal de acesso na nova vista Backstage. Após aceder ao Access 2010, no canto superior esquerdo do Friso,

Leia mais

Tutorial WEB CONTENT MANAGEMENT [WCM] Obtenha benefícios a partir das aplicações customizadas da ADMT.

Tutorial WEB CONTENT MANAGEMENT [WCM] Obtenha benefícios a partir das aplicações customizadas da ADMT. Tutorial WEB CONTENT MANAGEMENT [WCM] Obtenha benefícios a partir das aplicações customizadas da ADMT. PÁGINA: 2 de 21 Nenhuma parte deste documento pode ser utilizado ou reproduzido, em qualquer meio

Leia mais

Seu manual do usuário EPSON LQ-630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/1120693

Seu manual do usuário EPSON LQ-630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/1120693 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a no manual do usuário (informação,

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR DO BACKUP HD SERIES

MANUAL DO UTILIZADOR DO BACKUP HD SERIES MANUAL DO UTILIZADOR DO BACKUP HD SERIES OBRIGADO por ter adquirido a aplicação ClickFree Backup. Estas instruções foram reunidas para o ajudar a utilizar o produto, mas de um modo geral esperamos que

Leia mais

CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 4 INTERNET

CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 4 INTERNET CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 4 INTERNET O que é a Internet? É a ligação em escala mundial de milhões de computadores para a troca de informações. As informações, na Internet, trafegam quase que instantaneamente.

Leia mais

ÍNDICE 1 Introdução... 2 Acesso do utilizador público... 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 Acesso ao sistema...

ÍNDICE 1 Introdução... 2 Acesso do utilizador público... 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 Acesso ao sistema... ÍNDICE 1 Introdução... 2 2 Acesso do utilizador público... 3 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 4 Acesso ao sistema... 5 4.1 Como aceder ao website das BNTs... 5 4.2 Como criar uma

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

http://dinheiroganhe.com

http://dinheiroganhe.com Você pode distribuir, imprimir, compartilhar por e-mail ou citar em seu site ou blog, desde que o conteúdo não seja alterado e que a fonte original seja citada. http://dinheiroganhe.com SUMÁRIO 1. Introdução...3

Leia mais

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem 1 de 20 Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem Resolvi documentar uma solução que encontrei para fazer minhas cópias de segurança. Utilizo um software gratuito chamado Cobian Backup

Leia mais

Como criar e editar Blogs. Manual Básico do. Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz

Como criar e editar Blogs. Manual Básico do. Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz Como criar e editar Blogs Manual Básico do Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz São Carlos Setembro / 2008 Sumário Introdução...3 Criando um Blog no Edublogs...4

Leia mais

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos do computador: Microsoft Windows 2000 (32 bits) com Service Pack 4 (SP4) ou superior, Windows XP (32 bits) com Service Pack 1 (SP1)

Leia mais

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 24/08/2011 No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Características da Câmara de Look 316

Características da Câmara de Look 316 Símbolo para a recolha separada em países da Europa Este símbolo indica que este produto tem de ser recolhido separadamente. Os seguintes pontos aplicam-se somente a utilizadores de países europeus: Este

Leia mais

Pacotes de soluções Para websites

Pacotes de soluções Para websites Guia de ajuda Neste exemplo a empresa pretende endereço, email, alojamento e registo nos motores de busca: Anuidade: 57,95 + IVA Criação do site: 200,00 + IVA Pacotes de soluções Para websites 1º Encargo

Leia mais

1.1. Clique no botão Iniciar, seleccione Todos os programas, Microsoft Office e no submenu aberto escolha o programa Microsoft FrontPage.

1.1. Clique no botão Iniciar, seleccione Todos os programas, Microsoft Office e no submenu aberto escolha o programa Microsoft FrontPage. Objectivos: Identificar os elementos do Ambiente de trabalho do Microsoft FrontPage Criar um website Fechar um website Abrir um website Modos de visualização de um website Criar, eliminar, abrir e fechar

Leia mais

FSDB VIRTUAL. Tutorial do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da FSDB Versão para docentes

FSDB VIRTUAL. Tutorial do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da FSDB Versão para docentes FSDB VIRTUAL Tutorial do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da FSDB Versão para docentes Abril de 2015 2 3 SUMÁRIO 1. O Moodle... 5 2. Acesso à Plataforma... 5 3. Meus Componentes Curriculares... 6

Leia mais

Instalação de Moodle 1

Instalação de Moodle 1 Instalação de Moodle (local em Windows XP) 1. Introdução...2 2. Instalação de XAMPP...3 3. Instalação de Moodle...9 3.1. Download de Moodle...9 3.2. Criar uma Base de Dados...10 3.3. Instalação de Moodle...11

Leia mais

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia SMART Notebook Software Guia O Software Notebook permite criar, organizar e guardar notas num quadro interactivo SMART Board (em modo projectado e não-projectado), num computador pessoal e, em seguida,

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Sumário Pré-requisitos para o Moodle... Entrar no Ambiente... Usuário ou senha esquecidos?... Meus cursos... Calendário... Atividades recentes...

Leia mais