GS1. Um sistema de padrões que gera valor. 30 de Novembro h00. Wilson José da Cruz Silva

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GS1. Um sistema de padrões que gera valor. 30 de Novembro 2012 10h00. Wilson José da Cruz Silva wilson.cruz@gs1br."

Transcrição

1

2 GS1 Um sistema de padrões que gera valor 30 de Novembro h00 Wilson José da Cruz Silva (11)

3 3

4 O conceito EPC Necessidade básica: Identificar 4

5 EPC como meio de identificação única Um número identifica um objeto individualmente globalmente único e livre de colisão independente do portador de dados chave de acesso para informações no banco de dados No padrão EPCglobal, isto é o código eletrônico de produtos EPC Banco de dados

6 Sistema de numeração GS1/EPC Alocação central pelas GS1 Member Organisations (MOs) Prefixo GS1 de Empresa (GCP) Para auto-geração de numeros únicos de identificação Para codificar em Códigos de barras GS1 Para codificar em transponder EPC

7 EPCglobal Tag Data Standard (TDS) Identificação EPC baseada nas chaves GS1 SGTIN Serialized Global Trade Item Number varejo e itens comerciais padronizados, partes/peças individuais SSCC (S)GLN GRAI Serial Shipping Container Code unidades logísticas Global Location Number (+ extension) localização exata (docas, linhas de produção, etc.) Global Returnable Asset Identifier Ativos retornáveis para transporte

8 Interoperabilidade GS1 EPC Serialized Global Trade Item Number (SGTIN) GTIN + Número Serial Dígito indicador Prefixo GS1 de empresa Referência de item Dígito verificador Número de série Código de barras GS1-128: EPC (96-bit SGTIN): (01) (21) check digit comprimento valor Cabeçalho Filtro Partição Prefixo GS1 de Empresa Classe do objeto 8 bits 3 bits 3 bits bits 24-4 bits 38 bits (decimal) (decimal) (decimal) Número de série (decimal)

9 Cabeçalho Filtro Partição Prefixo GS1 de Empresa Classe do objeto 8 bits 3 bits 3 bits bits 24-4 bits 38 bits (decimal) Composição EPC (decimal) (decimal) Número de série (decimal) Cabeçalho Filtro Partição Identifica a estrutura do EPC (ex.: SGTIN-96, SSCC-96, GRAI-170, etc.) Permite ao leitor uma pré-separação dos EPC s por item, caixa ou palete (item de consumo, unidade de transporte/logística, etc) Indica o comprimento do prefixo GS1 de empresa (GCP=6, 7, 8, 9, 10 ou 11 caracteres)

10 Cabeçalho Filtro Partição 8 bits 3 bits 3 bits bits 24-4 bits 38 bits (decimal) Composição EPC Prefixo GS1 de Empresa (decimal) Classe do objeto (decimal) Número de série (decimal) Prefixo GS1 de Empresa Classe do objeto Serial Number Identifica a empresa que gerou os próximos campos do EPC (ex.: Zezé Ind. Com. Ltda, Rua XYZ, 121, Campo belo SP, Brasil) Identifica um tipo específico de item, local, ativo ou documento (Referência de item / Referência de local / tipo de ativo ) Serialização para distinguir objetos do mesmo tipo

11 EPC em... Interoperabilidade GS1/EPC exemplo: GTIN + número de série SGTIN-96 Código de barras GS1-128: (01) (21) Transponder RFID - banco de memória EPC (binário) Leitor RFID (hexadecimal) 3014F4E4E40C0E5CBE991A83 EPCIS ( identidade pura URI) urn:epc:id:sgtin: Software de gravação de tag (EPC Tag URI) urn:epc:tag:sgtin-96: ONS sgtin.id.onsepc.com

12 O conceito EPC Necessidade básica: Captura 12

13 O conceito EPC Solução para CAPTURA DE DADOS O EPC é capturado usando RFID RADIO FREQUENCY IDENTIFICATION

14 GS1 EPCglobal Gen2 UHF Air Interface Especifica... Transferência física de dados entre transponder e leitor comandos para leitor gerenciar a população de transponders Características incluem... Backscatter passivo frequência: MHz (Ultra High Frequency, UHF) Brasil ,5, MHz Velocidade > 500 tags/segundo Função de desabilitar ( KILL ) protegida por senha Modo de leitura densa (DRM) 100% compatível com ISO C

15 O conceito EPC Necessidade básica: Compartilhar 15

16 EPC Information Services (EPCIS) Padrão GS1 / EPCglobal desde Abril 2007 Define o formato de dados, interface de captura e solicitação (query) Complementa o EDI clássico O que é EPCIS? Requer identificação serializada Ex.: GTIN (classe de objeto) + número serial => SGTIN Não requer RFID -> pode ser usado com código de barras EPCIS é uma ferramenta que propcia transparência da cadeia de suprimentos e otimização de processos baseada em eventos...

17 Tracking Onde estão meus objetos? Visibilidade Tracing Onde estavam meus objetos na última terça-feira à tarde? Pedigree Quais empresas (partes) foram envolvidas? Por onde o meu objeto passou? Authentication Os meus objetos são potencialmente autênticos? Recall 1. Encontre objetos impactados 2. Inicie um recall 3. Acompanhe o progresso do recall

18 Eventos EPCIS nos pontos de leitura WHAT / O que Instância de objeto individual (ex.: SGTIN, SSCC, GRAI...) WHERE / Onde Ponto de leitura (SGLN) Empresa (SGLN) WHEN / Quando Hora e data da leitura (data + hora + fuso horário) WHY / Porque Processo de negócio (ex.: expedição) Disposição (ex.: em trânsito)...gravado como um Evento EPCIS

19 Captura EPCIS de eventos da cadeia de suprimentos Repositório EPCIS Evento Evento Evento Evento produção TransactionEvent ObjectEvent armazenagem QuantityEvent comissionamento expedição WHAT: SSCC SGTIN AggregationEvent WHAT: GTIN SGTIN WHAT: SSCC QTY: 5 WHERE: SGLN GTIN SGTIN WHERE: SGLN biztransaction: WHEN: desadv 09:25: UTC+1 SGTIN WHEN: :20:00 UTC+1 WHERE: WHY: packing SGLN WHERE: SGLN WHEN: :47:00 UTC+1 WHEN: :40:00 UTC+1 WHY: commissioning

20 Solicitação EPCIS Repositório EPCIS farmacêutica Query & Response operador logístico Query & Response farmácia Query & Response alfândega regulador cliente Query & Response Onde estão os medicamentos que compramos? O que foi commissionado e está aguardando a nossa retirada? Quais cartuchos serializados foram produzidos na linha 33F na semana 37? Quem tinha custódia destes artigos em tal data?

21 Aplicações de Visibilidade propiciada pelo EPCIS Quando os novos smarphones serão entregues? Onde estão localizados os desfibriladores deste hospital? Para onde foram expedidos os medicamentos produzidos em 30/10? Há quanto tempo meus produtos estão parados na aduana? Onde estão todos os objetos radioativos da clínica?

22 Esclarecendo alguns enganos sobre o EPCIS EPCIS... Não é uma aplicação, e sim um padrão GS1 EPCglobal Define interface de captura e solicitação de dados e o formato destes dados Pode ser integrado dentro de aplicações ERP ou tracking & tracing Aumenta a importância ao invés de substituir EDI tradicional Não requer RFID: também pode ser usado com códigos de barras GS1

23 3ª fase do piloto de logística internacional usando EPCIS 23

24 EPCIS Visibilidade da cadeia de suprimentos para a melhoria da eficiência Se você não pode vê-lo, você não pode medí-lo Se você não pode medí-lo, você não pode controlá-lo Se você não pode controlá-lo, provavelmente está custando muito...e você provavelmente nem sabe quanto!

25

ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto

ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto The global language of business GS1 EPCglobal/RFID Uma ferramenta logística RASTREABILIDADE INFORMAÇÃO EM TEMPO REAL GS1 EPC

Leia mais

GS1 Contributo para uma Classificação Global

GS1 Contributo para uma Classificação Global GS1 Contributo para uma Classificação Global GS1 Portugal e o Sistema GS1 1ª Reunião da Rede Portuguesa sobre Composição dos Alimentos Projecto PortFIR 16 Dezembro 2008 Agenda Quem somos Sistema GS1 Quem

Leia mais

RFID Básico e EPCglobal

RFID Básico e EPCglobal RFID Básico e EPCglobal Curso Básico Luiz Renato Martins Costa, Assessor de Educação, GS1 Brasil 06 de Abril de 2016 Sistema RFID Básico RFID é um método que utiliza ondas de rádio frequência para acessar

Leia mais

Experiência de implementação de soluções RFID e RTLS em função do Inventário e de controlo de stock tanto em armazéns como em lojas

Experiência de implementação de soluções RFID e RTLS em função do Inventário e de controlo de stock tanto em armazéns como em lojas Experiência de implementação de soluções RFID e RTLS em função do Inventário e de controlo de stock tanto em armazéns como em lojas Silvério Paixão l Director de Inovação & Standars l GS1 Portugal 17 e

Leia mais

O Sistema GS1 Normas para os T&L

O Sistema GS1 Normas para os T&L O Sistema GS1 Normas para os T&L MARCA Optimize as suas Operações Workshop Movimente Normas GS1 Eficiência nos T&L 29 Novembro, Hotel Villa Rica - Lisboa O QUE É A GS1? Sem Fins Lucrativos Neutra em relação

Leia mais

GS1 EPCglobal: O que necessita saber...

GS1 EPCglobal: O que necessita saber... GS1 EPCglobal: O que necessita saber... GS1 EPCglobal Em 1999, um grupo de produtores e distribuidores identificou o potencial da RFID - Radio Frequency IDentification (Identificação por Rádio Frequência)

Leia mais

Brasil EPC. Código Eletrônico de Produto. Volume 3

Brasil EPC. Código Eletrônico de Produto. Volume 3 Brasil EPC Código Eletrônico de Produto Volume 3 A implementação do código eletrônico de produto (EPC) e da tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID), promete importantes benefícios aos consumidores

Leia mais

Rastreabilidade a Prática. Amanda Prado - Itaueira Flávia Ponte - GS1 Brasil

Rastreabilidade a Prática. Amanda Prado - Itaueira Flávia Ponte - GS1 Brasil 1 Rastreabilidade a Prática Amanda Prado - Itaueira Flávia Ponte - GS1 Brasil O que é Rastreabilidade? É a capacidade de recuperação do histórico, da aplicação ou da localização de uma entidade (ou item)

Leia mais

Guia de Codificação para Livros

Guia de Codificação para Livros Guia de Codificação para Livros 1. Introdução A GS1 e as Agências Internacionais do ISBN e ISSN elaboraram diretrizes para ajudar os editores na compreensão das funcionalidades do Sistema GS1 para o setor

Leia mais

Controle e visibilidade: Internet das Coisas Roberto Matsubayashi*

Controle e visibilidade: Internet das Coisas Roberto Matsubayashi* Controle e visibilidade: Internet das Coisas Roberto Matsubayashi* Existem diversas atividades fundamentais desempenhadas pelas empresas no cumprimento de sua missão, sempre com o objetivo de agregar de

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO. UMA QUESTÃO DE SEGURANÇA Padrões GS1: Tranquilidade para você e seu cliente. Volume 7

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO. UMA QUESTÃO DE SEGURANÇA Padrões GS1: Tranquilidade para você e seu cliente. Volume 7 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO UMA QUESTÃO DE SEGURANÇA Padrões GS1: Tranquilidade para você e seu cliente. Volume 7 Padrões do Sistema GS1 Habilitando a visibilidade da cadeia de valor. Identificação

Leia mais

Webinar Pergunte ao especialista.

Webinar Pergunte ao especialista. Webinar Pergunte ao especialista. Código de Barras: Entenda, crie e gerencie a identificação do seu produto. Edson Matos 26/02/2015 Padrões GS1 que serão abordados Webinar Para fazer perguntas coloque:

Leia mais

13560-320 - São Carlos SP Brasil. {colenci, rodrigo, fredy}@cossconsulting.com

13560-320 - São Carlos SP Brasil. {colenci, rodrigo, fredy}@cossconsulting.com Rastreabilidade na Saúde com WelCOSS-iHealth: Sistema inteligente para controle de estoque e movimentação de sangue e hemoderivados baseada em etiquetas RFID EPC Colenci Neto. Alfredo 1, Bianchi, Rodrigo

Leia mais

Conhecendo o GLN. Número Global de Localização. Volume 2

Conhecendo o GLN. Número Global de Localização. Volume 2 Conhecendo o GLN Número Global de Localização Volume 2 Conhecendo o GLN O material Conhecendo o GLN tem como objetivo integrar a sua empresa, de forma ainda mais eficiente, à cadeia de suprimentos. Além

Leia mais

RFID. RFID - Identificação por Radiofreqüência

RFID. RFID - Identificação por Radiofreqüência RFID RFID - Identificação por Radiofreqüência Sistema de Identificação por Radio Frequência O que é RFID? Objetivo e utilidade similares ao código de barras; Composto por 3 elementos: Uma antena; Um leitor;

Leia mais

Eficiência de Padrões na Cadeia Produtiva do Vinho. Ana Paula Vendramini Maniero

Eficiência de Padrões na Cadeia Produtiva do Vinho. Ana Paula Vendramini Maniero Eficiência de Padrões na Cadeia Produtiva do Vinho Ana Paula Vendramini Maniero A importância de padrões Calçados e tomadas são apenas dois exemplos simples Sem padrões, processos de negócios seriam muito

Leia mais

Ask the local Barcoding Expert. Silvério Paixão, GS1 Portugal 23 Outubro, 2012

Ask the local Barcoding Expert. Silvério Paixão, GS1 Portugal 23 Outubro, 2012 Ask the local Barcoding Expert Silvério Paixão, GS1 Portugal 23 Outubro, 2012 9 7 8 8 5 7 1 6 4 4 9 5 3 Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara. ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA José Saramago Agenda Quem Somos

Leia mais

Considerações Iniciais

Considerações Iniciais 1. Introdução Este documento tem por objetivo explicar o Portal Nacional do Setor Calçadista para a Otimização Logística. Do portal passamos para o detalhamento do funcionamento do aplicativo cliente disponibilizado

Leia mais

GS1 Brasil Associação Brasileira de Automação. 2011 GS1 Brasil

GS1 Brasil Associação Brasileira de Automação. 2011 GS1 Brasil GS1 Brasil Associação Brasileira de Automação O que são padrões? São acordos que estruturam qualquer atividade ou setor da economia. São regras ou guias que todos aplicam. Ou uma forma de medição, descrição,

Leia mais

GS1025-13 Miolo Wellcome Kit GS1.indd 2

GS1025-13 Miolo Wellcome Kit GS1.indd 2 Quem é a GS1 Como gerar seu Código de Barras Produtos e Soluções GS1 GS1025-13 Miolo Wellcome Kit GS1.indd 1 GS1025-13 Miolo Wellcome Kit GS1.indd 2 Quem é a GS1 GS1 Brasil A GS1 Brasil Associação Brasileira

Leia mais

A CURA GLOBAL PARA A SAÚDE PÚBLICA

A CURA GLOBAL PARA A SAÚDE PÚBLICA A CURA GLOBAL PARA A SAÚDE PÚBLICA Um relatório novo e independente divulgado pela McKinsey&Company estimou os benefícios em vidas e valor da implementação de um único padrão global para a saúde pública.

Leia mais

RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br

RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br Graduado em Sistemas de Informação FASAM Mestrado em andamento em Ciência da Computação INF/UFG PRIMEIROS PASSOS Surgiu na Segunda Guerra

Leia mais

Guia de apoio à codificação de medicamentos

Guia de apoio à codificação de medicamentos Guia de apoio à codificação de medicamentos Para atender à RDC 54/2013 (Versão 2) Apoio: Introdução... 3 Benefícios esperados... 3 Aplicações... 4 Embalagem secundária:... 4 Identificação: GTIN Codificação:

Leia mais

Rastreabilidade e Autenticidade de Medicamentos

Rastreabilidade e Autenticidade de Medicamentos GS1 Brasil Rio Janeiro Rastreabilida e Autenticida Medicamentos XV ENCONTRO TÉCNICO E XI ENCONTRO EMPRESARIAL Wilson Cruz - 2010 GS1: trabalhando em colaboração com as empresas GS1 trabalha em colaboração

Leia mais

2 Tecnologia de Identificação por Rádio Freqüência (RFID)

2 Tecnologia de Identificação por Rádio Freqüência (RFID) 2 Tecnologia de Identificação por Rádio Freqüência (RFID) A tecnologia de IDentificação por Rádio Freqüência (RFID) provê uma forma de identificar unicamente itens, distinguindo-os de qualquer outro, além

Leia mais

3 Gerência de Inventário utilizando RFID em Redes Ópticas

3 Gerência de Inventário utilizando RFID em Redes Ópticas 3 Gerência de Inventário utilizando RFID em Redes Ópticas O presente capítulo descreve como a tecnologia RFID é associada às tecnologias de redes de telecomunicações, de forma a ser utilizada na avaliação

Leia mais

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns WMS Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Informática Aplicada a Logística Profº Breno Amorimsexta-feira, 11 de setembro de 2009 Agenda

Leia mais

Tecnologia Aplicada à Logística

Tecnologia Aplicada à Logística Tecnologia Aplicada à Logística Movimentação e TI Alunos: Keriton Leandro Fernando TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO NA LOGÍSTICA Definição de Informação na Logística É um elemento de grande importância nas operações

Leia mais

A Linguagem Global dos Negócios. Guia de codificação do setor têxtil

A Linguagem Global dos Negócios. Guia de codificação do setor têxtil A Linguagem Global dos Negócios Guia de codificação do setor têxtil Sumário 1. Introdução 3 2. Sistema GS1 4 2.1 Identificadores GS1 5 2.1.1 Global Trade Item Number (GTIN) 5 2.1.2 Serial Shipping Container

Leia mais

RFID: APLICABILIDADE, CONFIABILIDADE, SEGURANÇA, PADRÕES E CASES DE SUCESSO

RFID: APLICABILIDADE, CONFIABILIDADE, SEGURANÇA, PADRÕES E CASES DE SUCESSO WORKSHOP TECNOLOGIA CARDS 2009 RFID: APLICABILIDADE, CONFIABILIDADE, SEGURANÇA, PADRÕES E CASES DE SUCESSO São Paulo, 27.4.2009 Karina Prado Diretora Comercial GD Burti S.A. DEFINIÇÃO Radio-Frequency Identification

Leia mais

VISIBILIDADE GERENCIAL DA CADEIA LOGÍSTICA COM RFID E WELCOSS-VISIBO, (SAP BO, OEM).

VISIBILIDADE GERENCIAL DA CADEIA LOGÍSTICA COM RFID E WELCOSS-VISIBO, (SAP BO, OEM). Cooperativa Veiling-Holambra SAP Forum 2014, SP Brazil 13.02.2014, 15H30-16H00 (IND143) t h i n k c u s t o m e r VISIBILIDADE GERENCIAL DA CADEIA LOGÍSTICA COM RFID E WELCOSS-VISIBO, (SAP BO, OEM). Jorge

Leia mais

Sistema EAN UCC para a Rastreabilidade

Sistema EAN UCC para a Rastreabilidade Sistema EAN UCC para a Rastreabilidade Marcos Gaspar Carreira Técnico de CAD Um Mundo Um Sistema The Global Language of Business A Linguagem Global dos Negócios GS1 Início de actividade em 1977; Com sede

Leia mais

A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico

A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico Avenida Prudente de Morais, 290 4º andar Cidade Jardim (31) 2531 0166 contato@idel.com.br www.idel.com.br 1 Palestrante Mac

Leia mais

5 passos para. implementação. do código de barras IDENTIFIQUE CAPTURE COMPARTILHE

5 passos para. implementação. do código de barras IDENTIFIQUE CAPTURE COMPARTILHE 5 passos para implementação do código de barras IDENTIFIQUE CAPTURE COMPARTILHE O que é o código de Barras? Os números de identificação de um produto podem ser representados por meio de um código, possibilitando

Leia mais

Cronograma. RFID ( Radio Frequency Identification ) Histórico. Histórico. O que é RFID? Vídeo IBM

Cronograma. RFID ( Radio Frequency Identification ) Histórico. Histórico. O que é RFID? Vídeo IBM Cronograma RFID ( Radio Frequency Identification ) Alexandre Gaddo Fábio Rossi Guilherme Rodrigues Histórico O que é RFID? Componentes Funcionamento Porque utilizar padrão epc Estrutura de codificação

Leia mais

O Valor e os Benefícios do Sistema de Padrões GS1

O Valor e os Benefícios do Sistema de Padrões GS1 O Valor e os Benefícios do Sistema de Padrões GS1 O GS1 projeta e gerencia um sistema global de padrões de cadeia de suprimentos. Nos últimos trinta anos, a GS1 dedicou-se ao projeto e implementação de

Leia mais

Rastreabilidade de medicamentos - dentro e fora do hospital - Nilson Gonçalves Malta

Rastreabilidade de medicamentos - dentro e fora do hospital - Nilson Gonçalves Malta Rastreabilidade de medicamentos - dentro e fora do hospital - Nilson Gonçalves Malta Hospital Israelita Albert Einstein Abril 2015 Requisitos para rastreabilidade Códigos de barras em todos os produtos

Leia mais

Tecnologia da Informação em Aplicações Logísticas. Professor: Msc. Marco Aurélio C. da Silva

Tecnologia da Informação em Aplicações Logísticas. Professor: Msc. Marco Aurélio C. da Silva Tecnologia da Informação em Aplicações Logísticas Professor: Msc. Marco Aurélio C. da Silva Importância da TI na Logística A TI foi um fator preponderante para o desenvolvimento da Logística nos últimos

Leia mais

ÍNDICE. Identificadores-Chave & Dados Adicionais. Normas Globais para Identificação Automática. Normas Globais para Mensagens Electrónicas Comerciais

ÍNDICE. Identificadores-Chave & Dados Adicionais. Normas Globais para Identificação Automática. Normas Globais para Mensagens Electrónicas Comerciais SISTEMA DE NORMAS DA GS1 A Linguagem Global dos Negócios ÍNDICE ÁREA CORPORATIVA: A Organização Internacional A Arquitectura do Sistema de Normas Globais GS1 A Arquitectura do Sistema GS1 em Portugal GS1

Leia mais

NORMALIZAÇÃO Normas Globais para a Codificação de Produtos 14 de Dezembro 2010 Silvério Paixão

NORMALIZAÇÃO Normas Globais para a Codificação de Produtos 14 de Dezembro 2010 Silvério Paixão NORMALIZAÇÃO Normas Globais para a Codificação de Produtos 14 de Dezembro 2010 Silvério Paixão The global language of business Construindo pontes entre diversos parceiros da cadeia de distribuição Qual

Leia mais

LEVI FERREIRA LIMA JUNIOR A TECNOLOGIA DE RFID NO PADRÃO EPC E SOLUÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DESTA TECNOLOGIA EM EMPILHADEIRAS

LEVI FERREIRA LIMA JUNIOR A TECNOLOGIA DE RFID NO PADRÃO EPC E SOLUÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DESTA TECNOLOGIA EM EMPILHADEIRAS LEVI FERREIRA LIMA JUNIOR A TECNOLOGIA DE RFID NO PADRÃO EPC E SOLUÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DESTA TECNOLOGIA EM EMPILHADEIRAS Monografia do curso de pós-graduação lato sensu MBIS - Master Business Information

Leia mais

R evolução no ponto-de-venda Mais dados menos espaço

R evolução no ponto-de-venda Mais dados menos espaço R evolução no ponto-de-venda Mais dados menos espaço 1 Como varejistas, estamos sempre a procura de formas para melhorar a experiência de compra dos clientes. Tendo como base os últimos 25 anos do Sistema

Leia mais

Microchip Capri. Manual de Procedimentos para microchipagem de animais

Microchip Capri. Manual de Procedimentos para microchipagem de animais Microchip Capri Manual de Procedimentos para microchipagem de animais Caro(a) Doutor(a), Este Manual foi especialmente elaborado para que você, médico(a) veterinário(a), tenha acesso às informações técnicas

Leia mais

RASTREAMENTO DE MEDICAMENTOS

RASTREAMENTO DE MEDICAMENTOS RASTREAMENTO DE MEDICAMENTOS COORDENAÇÃO DO GRUPO DE TRABALHO PORTARIAS Nº 255/2011 E Nº 535/2011 PROPOSTA DE RESOLUÇÃO 40ª Reunião Ordinária do Conselho Consultivo Anvisa Brasília, 13 de junho de 2013

Leia mais

Volume 8 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO

Volume 8 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO Volume 8 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AU TOMAÇÃO Esta edição do Caderno Eficiência descreve as principais funcionalidades, benefícios e características do CADASTRO NACIONAL DE PRODUTOS, nova ferramenta on-line

Leia mais

TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS

TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS TM-RFID010: PALESTRANTES Antonio de Carvalho Administração de Empresas - FECAP Analise de Sistemas ADP Systems Gerente de Negócios Wagner

Leia mais

Padrões Globais para Rastreabilidade de Medicamentos. Patrícia Amaral

Padrões Globais para Rastreabilidade de Medicamentos. Patrícia Amaral Padrões Globais para Rastreabilidade de Medicamentos Patrícia Amaral Cadeias de Suprimentos de Saúde São seguras? São eficientes? São transparentes? Como estamos? Elevando a Segurança do Paciente O IOM*

Leia mais

Norma Global para a Rastreabilidade: A base para a visibilidade, qualidade e segurança na cadeia de valor

Norma Global para a Rastreabilidade: A base para a visibilidade, qualidade e segurança na cadeia de valor Norma Global para a Rastreabilidade: A base para a visibilidade, qualidade e segurança na cadeia de valor Introdução O Sistema GS1, devido à sua capacidade de fornecer uma identificação única e global

Leia mais

VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE?

VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE? COSS Consulting Gestão de Resíduos Sólidos (resumo) São Carlos, SP Brasil Desde: 05.11.2012 t h i n k c u s t o m e r VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE? Política Nacional de Resíduos

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA TECNOLOGIA RFID PARA APLICAÇÕES LOGÍSTICAS E CONTROLE DE ESTOQUE

UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA TECNOLOGIA RFID PARA APLICAÇÕES LOGÍSTICAS E CONTROLE DE ESTOQUE UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA TECNOLOGIA RFID PARA APLICAÇÕES LOGÍSTICAS E CONTROLE DE ESTOQUE Área de ciências Exatas e tecnológicas Luiziane Cristina Alves Corazzari Autor Débora

Leia mais

Básico do RFID. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM

Básico do RFID. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Básico do RFID Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM 2 Organização da apresentação 1. História; 2. Funcionamento do sistema RFID; 3. Aplicações. Organização da apresentação 1. História; 2. Funcionamento

Leia mais

Rastreabilidade. Sistema EAN UCC 128

Rastreabilidade. Sistema EAN UCC 128 Rastreabilidade Sistema EAN UCC 128 Enquadramento Legal Caracterização Objectivos Rastreabilidade Procedimentos - Etiquetagem Enquadramento legal Regulamento (CE) nº 178/2002, do Parlamento Europeu e do

Leia mais

Dificuldades para a adoção de RFID nas operações de uma cadeia de suprimentos

Dificuldades para a adoção de RFID nas operações de uma cadeia de suprimentos Dificuldades para a adoção de RFID nas operações de uma cadeia de suprimentos Neli R. da Silveira Almeida Prado (UNIP Ribeirão Preto) neli.prado@gmail.com Néocles Alves Pereira (UFSCAR) dnap@power.ufscar.br

Leia mais

Fundamentos da RFID: Entendendo e usando a identificação por radiofreqüência

Fundamentos da RFID: Entendendo e usando a identificação por radiofreqüência Whitepaper Fundamentos da RFID: Entendendo e usando a identificação por radiofreqüência ÍNDICE Introdução 2 Como funciona a tecnologia RFID 2 Tags (Transponders) 2 Opções de leitores/gravadores 3 Utilizando

Leia mais

5. Aplicação na gestão do fluxo inbound e na armazenagem

5. Aplicação na gestão do fluxo inbound e na armazenagem 5. Aplicação na gestão do fluxo inbound e na armazenagem O presente capítulo tem como objetivo analisar o uso do sistema RFID no varejo com foco na gestão do fluxo inbound e na armazenagem de um centro

Leia mais

RFID Radio Frequency Identification

RFID Radio Frequency Identification Unisinos RFID Radio Frequency Identification Juliane Soares Maiquel Mari Alves Paulo Dreher Vanessa Fernandes Sumário Introdução 3 Histórico 4 O Sistema RFID 8 Métodos de funcionamento 13 Protocolo 17

Leia mais

Prof. Daniel J. Melo Brasil

Prof. Daniel J. Melo Brasil CÓDIGO DE BARRAS Objetivos Entender a tecnologia do código de barras Entender os padrões existentes e quais as suas adoções Entender os passos necessários para adoção da tecnologia de código de barras

Leia mais

O Futuro dos Padrões no Setor Varejista de Bens de Consumo

O Futuro dos Padrões no Setor Varejista de Bens de Consumo Tema: Apresentador: O Futuro dos Padrões no Setor Varejista de Bens de Consumo Roberto Matsubayashi Diretor de Inovação e Alianças Estratégicas GS1 BRASIL e-mail: roberto.matsubayashi@gs1br.org Impacto

Leia mais

Circuitos Digitais. Conteúdo. Sistema de Numeração e Códigos :: Conversões de Binário para Decimal SISTEMA DE NUMERAÇÃO E CÓDIGOS

Circuitos Digitais. Conteúdo. Sistema de Numeração e Códigos :: Conversões de Binário para Decimal SISTEMA DE NUMERAÇÃO E CÓDIGOS Ciência da Computação Sistemas de Numeração e Conversões Prof. Sergio Ribeiro Material adaptado das aulas do Prof. José Maria da UFPI Conteúdo Conversões de binário para decimal. Conversões de decimal

Leia mais

EXPERIÊNCIA QUE GERA CONHECIMENTO. GS1-0027/15_folder_citi_AF.indd 1

EXPERIÊNCIA QUE GERA CONHECIMENTO. GS1-0027/15_folder_citi_AF.indd 1 EXPERIÊNCIA QUE GERA CONHECIMENTO GS1-0027/15_folder_citi_AF.indd 1 Conheça o CIT da GS1 Brasil. Um espaço de experiência para toda a cadeia de suprimentos que vai ampliar sua visão de negócios. O CIT

Leia mais

BRASIL-ID. Nota Técnica 2013/001. Especificações do Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias. Versão 1.

BRASIL-ID. Nota Técnica 2013/001. Especificações do Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias. Versão 1. BRASIL-ID Nota Técnica 2013/001 Especificações do Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias Versão 1.1 Data de publicação: 11/12/2013 Sistema Nacional de Identificação, Rastreamento

Leia mais

Introdução à tecnologia RFID

Introdução à tecnologia RFID Sumário Como surgiu a tecnologia RFID... 2 Como funciona?... 2 Quais os benefícios e onde utilizar o sistema de RFID... 4 Utilização proposta... 4 Etapas para leitura de dados via RFID... 5 Diagrama de

Leia mais

Alessandro F. Cunha RFID Etiquetas com eletrônica de ponta Parte II

Alessandro F. Cunha RFID Etiquetas com eletrônica de ponta Parte II Alessandro F. Cunha RFID Etiquetas com eletrônica de ponta Parte II 1. FAIXAS DE FREQUÊNCIA ALCANCE CAPACIDADE Como conseqüência dos campos eletromagnéticos, a faixa de freqüência determina também as características

Leia mais

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 3. Contextualização. Principais Atribuições. Controles de Estoque. Plano de Ação. Instrumentalização

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 3. Contextualização. Principais Atribuições. Controles de Estoque. Plano de Ação. Instrumentalização Armazenagem, Controle e Distribuição Aula 3 Contextualização Prof. Walmar Rodrigues da Silva Controles de Estoque Principais Atribuições Planejamento Controle Gestão de estoques PDCA Sistema de administração

Leia mais

DIEISON GRUMOVSKI ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROTÓTIPO DE MIDDLEWARE PARA GERENCIAR DADOS COLETADOS ATRAVÉS DA TECNOLOGIA RFID JOINVILLE/SC

DIEISON GRUMOVSKI ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROTÓTIPO DE MIDDLEWARE PARA GERENCIAR DADOS COLETADOS ATRAVÉS DA TECNOLOGIA RFID JOINVILLE/SC DIEISON GRUMOVSKI ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROTÓTIPO DE MIDDLEWARE PARA GERENCIAR DADOS COLETADOS ATRAVÉS DA TECNOLOGIA RFID JOINVILLE/SC 2008 2 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA-UDESC

Leia mais

RASTREABILIDADE - RDC 59/2009 e IN 01/2010

RASTREABILIDADE - RDC 59/2009 e IN 01/2010 RASTREABILIDADE - RDC 59/2009 e IN 01/2010 Logística Curso Formação de Auditores para a Cadeia Industrial Farmacêutica 2 Sobre o Docente Programação SONJA HELENA MADEIRA MACEDO Graduada em Farmácia-Bioquímica

Leia mais

O que é RFID? Fernando Xavier Maio/2007

O que é RFID? Fernando Xavier Maio/2007 Fernando Xavier Maio/2007 Agenda :: Contexto :: RFID :: Elementos :: Funcionamento :: Benefícios :: Barreiras :: Mercado :: Usos :: Questões :: Segurança :: Mitos Contexto :: Dificuldade na identificação

Leia mais

WMS - Warehouse Management System

WMS - Warehouse Management System Sistema de Gestão Empresarial LUSANA SOUZA NATÁLIA BATUTA MARIA DAS GRAÇAS TATIANE ROCHA GTI V Matutino Prof.: Itair Pereira Sumário 1. INTRODUÇÃO... 2 2. WMS... 2 3. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO... 2 4. POLÍTICA

Leia mais

RFID Versus Código de Barras

RFID Versus Código de Barras Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto RFID Versus Código de Barras da Produção à Grande Distribuição Jorge Rei VERSÃO PROVISÓRIA Dissertação realizada no âmbito do Mestrado Integrado em Engenharia

Leia mais

Uso de EPC/RFID em Gestão de Redes e Suprimentos: Oportunidades e Desafios. Roberto Matsubayashi Gerente de Soluções de Negócios GS1 Brasil

Uso de EPC/RFID em Gestão de Redes e Suprimentos: Oportunidades e Desafios. Roberto Matsubayashi Gerente de Soluções de Negócios GS1 Brasil Uso de EPC/RFID em Gestão de Redes e Suprimentos: Oportunidades e Desafios Roberto Matsubayashi Gerente de Soluções de Negócios GS1 Brasil Tópicos IMPLEMENTANDO RFID SW Filtro e Coleta Padrões Processos

Leia mais

CEPFID: Plataforma de Middleware para Processamento de Eventos Complexos RFID

CEPFID: Plataforma de Middleware para Processamento de Eventos Complexos RFID UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA THIAGO ROSA VAZ CEPFID: Plataforma de Middleware para Processamento de Eventos Complexos RFID Goiânia 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO

Leia mais

CARTÕES SEM CONTATO/RFID E PASSAPORTE ELETRÔNICO

CARTÕES SEM CONTATO/RFID E PASSAPORTE ELETRÔNICO CARTÕES SEM CONTATO/RFID E PASSAPORTE ELETRÔNICO José Ricardo de Freitas Abinee Tec Sul 18/Ago/2004 Porto Alegre Agenda STMicroelectronics Cartões sem Contato/RFID Passaporte Eletrônico STMicroelectronics

Leia mais

ESTUDO DA TECNOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO POR RÁDIO FREQUÊNCIA

ESTUDO DA TECNOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO POR RÁDIO FREQUÊNCIA ISBN 978-85-61091-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 ESTUDO DA TECNOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO POR RÁDIO FREQUÊNCIA Camila de Brito Miranda 1 ; Rafaela do

Leia mais

Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda

Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda Tecnologia da Informação Aplicada à Logística Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda Como garantir

Leia mais

RFID (Identificação por Radiofrequência)

RFID (Identificação por Radiofrequência) RFID (Identificação por Radiofrequência) Este tutorial apresenta a descrição de conceitos de RFID, tecnologia wireless de identificação e coleta de dados. Vergílio Antonio Martins Engenheiro de Eletrônica

Leia mais

Eficiência, traceabilidade e segurança na cadeia de valor com standards da GS1

Eficiência, traceabilidade e segurança na cadeia de valor com standards da GS1 Eficiência, traceabilidade e segurança na cadeia de valor com standards da GS1 4º Congresso Internacional dos Hospitais Silvério Paixão, GS1 Portugal APDH, 7 Novembro 2012 Agenda Quem Somos Quem Somos

Leia mais

Centro de Operações Logísticas do Futuro

Centro de Operações Logísticas do Futuro Centro de Operações Logísticas do Futuro Luís Simões Logística Integrada Workshop Normas GS1 nos T&L 29 de Novembro de 2012 - Villa Rica - Lisboa Agenda Apresentação Luís Simões Projeto COL do Futuro -

Leia mais

Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias

Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias São Paulo, 21 de setembro de 2010 Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias e Dario Thober Centro de Pesquisas von Braun Centro de Pesquisa sem fins lucrativos Soluções inovadoras

Leia mais

RFID: Identificação por Radiofrequência

RFID: Identificação por Radiofrequência RFID: Identificação por Radiofrequência 10 principais tendencias tecnológicas de 2015 - Gartner Computação em toda parte; Internet das coisas; Impressão 3D; Análises avançadas, pervasivas e invisíveis;

Leia mais

M-Payment. Prof. Adriano Maranhão

M-Payment. Prof. Adriano Maranhão M-Payment Prof. Adriano Maranhão 1 Sumário M-Payment Pontos Positivos e Negativos do M-Payment M-Wallet (Conceito) O perfil dos usuários do M-Wallet M-Wallet (Serviços) Principais formas de comunicação

Leia mais

Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais. www.idutto.com.br

Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais. www.idutto.com.br Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais www.idutto.com.br RFID Logística & Inventário WIS - Warehouse Information System RECEBIMENTO EXPEDIÇÃO ARMAZENAMENTO INVENTÁRIO COLETA

Leia mais

Identificação na gestão logística dos dispositivos médicos

Identificação na gestão logística dos dispositivos médicos Identificação na gestão logística dos dispositivos médicos rastreabilidade de instrumentos cirúrgicos Patrícia Ruivo Lisboa, 25 Junho 2015 Identificação individual de instrumentos Cirúrgicos Patrícia Ruivo

Leia mais

IBM WebSphere Product Center

IBM WebSphere Product Center Soluções de gerenciamento de informação de produto para dar suporte aos seus objetivos de negócios IBM WebSphere Product Center Oferece uma solução abrangente de gerenciamento de informação de produto

Leia mais

Manual Signext Card Explorer

Manual Signext Card Explorer Índice 1. Gerenciador... 1 2. Editar... 4 3. Token... 7 4. Key Pair... 8 5. Certificado... 9 6. Sobre... 10 O Card Explorer é um software desenvolvido para que o usuário possa: gerar par de chaves, inserir/excluir

Leia mais

Manual de código de Barras

Manual de código de Barras 1. VISÃO GERAL 1.1 MODITIVAÇÃO: O código de barras é uma forma de representar a numeração, que viabiliza a captura automática dos dados por meio de leitura óptica nas operações automatizadas (EAN Brasil,

Leia mais

TECNOLOGIA A FAVOR DO SETOR. Abrangência: Atacadistas e distribuidores associados da ABAD.

TECNOLOGIA A FAVOR DO SETOR. Abrangência: Atacadistas e distribuidores associados da ABAD. TECNOLOGIA A FAVOR DO SETOR Abrangência: Atacadistas e distribuidores associados da ABAD. Objetivo: Saber o nível de automação dos atacadistas e distribuidores bem como os padrões utilizados Empresário

Leia mais

6. Aplicação na gestão de pallets

6. Aplicação na gestão de pallets 6. Aplicação na gestão de pallets O presente capítulo tem como objetivo analisar o uso do sistema RFID no processo de gestão de pallets. Para tal, será analisado o projeto piloto do Grupo Pão de Açúcar,

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS GS1 Portugal entrada em vigor 01/01/2014

TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS GS1 Portugal entrada em vigor 01/01/2014 TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS entrada em vigor 01/01/2014 ÍNDICE TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS 01 ADMISSÃO À GS1 PORTUGAL JÓia Quota Anual Condições Comerciais 02 PRODUTOS GS1 PORTUGAL

Leia mais

Diário Oficial da União Seção 1 DOU 11 de dezembro de 2013 [Páginas 76-77]

Diário Oficial da União Seção 1 DOU 11 de dezembro de 2013 [Páginas 76-77] *Este texto não substitui o publicado do Diário Oficial da União* Diário Oficial da União Seção 1 DOU 11 de dezembro de 2013 [Páginas 76-77] RESOLUÇÃO - RDC Nº 54, DE10 DE DEZEMBRO DE 2013 Dispõe sobre

Leia mais

Varejo e Tecnologia:

Varejo e Tecnologia: Seminário GVcev Varejo e Tecnologia: Presente e Perspectivas Iniciativas de Colaboração Sergio Ribinik CEO da GS1 BRASIL MEMBRO DO ADVISORY COUNCIL DA GS1 MEMBRO DO BOARD DO EPC GLOBAL Agenda Tecnologia

Leia mais

Em um sistema de numeração de base b qualquer, um número positivo é representado pelo polinômio:

Em um sistema de numeração de base b qualquer, um número positivo é representado pelo polinômio: ELETRÔNICA DIGITAl I 1 SISTEMAS DE NUMERAÇÃO INTRODUÇÃO A base dos sistemas digitais são os circuitos de chaveamento (switching) nos quais o componente principal é o transistor que, sob o ponto de vista

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes AULA PASSADA: CADASTRAMENTO DE MATERIAIS UMA REVISÃO RÁPIDA CONCEITO DE CADASTRAMENTO DE MATERIAIS E SUAS

Leia mais

Fonte: http://www.mckinsey.com

Fonte: http://www.mckinsey.com 30000000 70000000 Fonte: http://www.mckinsey.com 700000 1400000 Fonte: http://www.mckinsey.com 22000 43000 Fonte: http://www.mckinsey.com Fonte: http://www.mckinsey.com Disponível em: http://www.gs1.org/healthcare/mckinsey

Leia mais

Fábio Costa e Miguel Varela

Fábio Costa e Miguel Varela Sistema de Informação e Gestão dos Laboratórios do Departamento de Eng.ª Electrotécnica com Tecnologia RFID Projecto Final de Licenciatura em Eng. Electrotécnica e de Computadores Ramo de Electrónica e

Leia mais

Millennium ECO 2.0 (beta)

Millennium ECO 2.0 (beta) MILLENNIUM NETWORK Millennium ECO 2.0 (beta) Documentação Técnica (draft) 10/2013 Este documento contém as instruções para a utilização da biblioteca Millenium_Eco que se presta à comunicação de aplicativos

Leia mais

Rádio Freqüência e Biometria no Controle do Material Bélico

Rádio Freqüência e Biometria no Controle do Material Bélico Rádio Freqüência e Biometria no Controle do Material Bélico Wilson Carlos Lopes Silva Cap Esp Arm Instituto Tecnológico de Aeronáutica ITA Praça Mal Eduardo Gomes, 50 Vila das Acácias São José dos Campos

Leia mais

GERENCIAMENTO DE MATERIAIS HOSPITALARES. Farm. Tatiana Rocha Santana 1 Coordenadora de Suprimentos do CC

GERENCIAMENTO DE MATERIAIS HOSPITALARES. Farm. Tatiana Rocha Santana 1 Coordenadora de Suprimentos do CC GERENCIAMENTO DE MATERIAIS HOSPITALARES Farm. Tatiana Rocha Santana 1 Coordenadora de Suprimentos do CC DEFINIÇÕES GERENCIAR Ato ou efeito de manter a integridade física e funcional para algo proposta

Leia mais

Cadastro Nacional de Produtos. Overview

Cadastro Nacional de Produtos. Overview Cadastro Nacional de Produtos Overview 1 Visão Geral O que é? Uma nova ferramenta de gestão de numeração (GTIN, GLN) e cadastramento de produtos. A quem se destina? Associados GS1. Benefícios Ampliar a

Leia mais

Mercado Eletrônico Instalação e Atualização MEConnect2

Mercado Eletrônico Instalação e Atualização MEConnect2 Manual de Usuário da Plataforma de compras do Grupo José de Mello - Mercado Eletrônico Instalação e Atualização MEConnect2 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Visão Geral... 3 3. Instalação e Atualização...

Leia mais

CGPNE ASC Out2009. Denatran. Ministério Das Cidades

CGPNE ASC Out2009. Denatran. Ministério Das Cidades Objetivo: Apresentar à sociedade e em específico à comunidade técnica t os requisitos técnicos t mínimos m para a implantação do SINIAV Placa de Identificação Veicular Eletrônica Transponder; Conjunto

Leia mais