Projeto INCLUDJA. Internet. Projeto INCLUDJA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projeto INCLUDJA. Internet. Projeto INCLUDJA"

Transcrição

1 Internet 1/

2 1.Internet A Internet é uma rede mundial de computadores interligados através de linhas de telefone, linhas de comunicação privadas, cabos submarinos, canais de satélite e diversos. 2/

3 História da Internet 2. A 3/

4 2.História da Internet A Internet surgiu em 1969 com o nome de ARPANET, como experiência do DARPA(Departamento de Defesa dos Estados Unidos), com o objetivo de interligar todos os computadores de grande porte dos Estados Unidos para assegurar as informações de estratégias militares, pois era a época da Guerra Fria. Após o fim da Guerra Fria, a ARPANET foi dividida em MILNET (rede militar) e em redes acadêmicas. Nos anos 90, essa tecnologia se popularizou e iniciou-se sua verdadeira expansão, que pode ser vista até os tempos atuais. 4/

5 3.Navegadores 5/

6 3.1 O que é? Um navegador (também conhecido como browser) é um programa que habilita seus usuários a interagirem com documentos HTML (páginas) que estão localizadas em um servidor web. 6/

7 3.2 Navegadores mais utilizados atualmente: 7/

8 3.2.1 Safari Navegador da Apple. Era usado inicialmente em Mac, mas recentemente ganhou versão para computador pessoal rodando em Windows. É pouco utilizado. 8/

9 3.2.2 Firefox O navegador Firefox é bastante popular entre os entusiastas e profissionais de tecnologia. É um navegador de código aberto mantido pela fundação Mozilla. 9/

10 3.2.3 Opera Um navegador bastante eficiente e charmoso. Ele é da Opera Software e é pouco utilizado. 10/

11 3.2.4 Chrome Lançado recentemente, o Chrome é o Google. O Chrome chegou ao mercado com de competir com o Internet Explorer e o navegador que chama a atenção pela famosas barras de ferramentas. navegador do a difícil missão Firefox. É um ausência das 11/

12 Explorer Internet Também conhecido pelas abreviações IE, MSIE ou WinIE, é um navegador de internet com a licença proprietária produzido inicialmente pela Microsoft em 23 de agosto de É o navegador mais usado nos dias de hoje. 12/

13 4. Internet / Intranet 13/

14 4. Internet / Intranet A Internet é uma rede de milhares de computadores ligados entre si. Para definirmos a Intranet, podemos basear-nos nessa definição, embora tenha algumas diferenças. A Intranet pertence a uma organização, empresa, ou universidade, a qual cria sua rede privada interna ou entre as suas varias filiais. Esta funciona única e exclusivamente para funcionários da organização com a respectiva autorização da mesma, que fornece um nome de utilizador e uma palavra passe (password). 14/

15 4. Internet / Intranet Equipamento necessário : Para acedermos à Internet necessitamos fundamentalmente de três peças de equipamento: Um Computador Um Modem ou uma Placa RDIS Trata-se de um periférico que converte o sinal digital fornecido por um computador, para analógico, é também o Modem, que realiza a operação inversa, convertendo os sinais analógicos recebidos por telefone em sinais digitais. 15/

16 4. Internet / Intranet Quanto mais rápido for o Modem maior é a velocidade de transferência de dados para a rede ou desta para o seu computador, isto significa que serão menores as suas contas telefônicas. Como alternativa as ligações dial-up por Modem, um serviço telefônico conhecido por Rede Digital com Integração de Serviços- RDIS torna-se agora disponível. Este serviço dos 56 Kbps aos 128 Kbps. Uma ligação á rede telefônica Necessitará de uma tomada apropriada computador à qual se irá ligar o Modem. junto ao 16/

17 5. URL 17/

18 5. O que é um URL? Internet Um URL significa Uniform Resource Locator. Um URL consiste no nome de um recurso (resource) ou sítio (site), ou seja, um diretório ou um ficheiro na World Wide Web. O URL segue uma norma que os web browsers utiliza para localizar os ficheiros e outros serviços remotos. 18/

19 5. O que é um URL? Internet A primeira parte do URL refere o tipo de recurso (ou método de acesso) para o endereço especificado. A segunda parte de um URL consiste no endereço do servidor onde se encontra o ficheiro ou serviço, por exemplo, ou A maior parte dos URL s utilizados iniciam- se por HTTP acrônimo para Hipertext Transporte Protocol. O HTTP consiste no método segundo o qual os ficheiros HTML são transferidos na Web. 19/

20 6. Ferramentas De Busca 20/

21 de Busca 6. Ferramentas As Ferramentas de Busca podem ser definidas como programas ou sites especializados em localizar e/ou descrever informações na Internet, ou seja, é um instrumento de pesquisa na Web através de palavras-chave ou categorias,orientadas por texto. Esses programas são também conhecidos como Mecanismo de Busca,Search Engines,etc. A ferramenta de busca é um web site que escolhe páginas da web que equivalem aos caracteres escolhidos. Esses sites são armazenados em um sistema computacional (como a World Wide Web) ou em um computador pessoal. 21/

22 6.1 A História dos Buscadores Hoje, quase todas as pessoas que precisam da Internet para trabalhar usam as Ferramentas de Busca websites, que listam outros sites, baseados em uma pesquisa na web, através de palavras-chave ou categorias. Apesar de muitas pessoas não poderem imaginar como viver sem esse tipo de serviço, ele começou há apenas alguns anos atrás, em 1990, quando a primeira Ferramenta de Busca, chamada Archie, foi criada por Alan Emtage, um estudante que morava em Montreal. 22/

23 6.1 A História dos Buscadores Não existia a "World Wide Web" ainda, e as pessoas compartilhavam dados e arquivos usando este programa, através de um servidor FTP. Depois da invenção, muitas pessoas a incrementaram. Quando a WWW chegou, a primeira Ferramenta de Busca da Web foi criada, em 1993, por Matthew Gray, e ela foi chamada de "Wandex", um robô de computador que contava servidores da web ativos, mas ele causou retardação do sistema devido ao acesso da mesma página centenas de vezes ao dia, como seu similar, o Ali web, que apareceu no mesmo ano e ainda funciona hoje. 23/

24 6.1 A História dos Buscadores Em 1994, o WebCrawler foi criado, ele foi à primeira Ferramenta de Busca de "texto cheio", que deixava as pessoas procurarem por qualquer palavra em qualquer página da web. O Lycos também veio em 1994 e tornouse a Ferramenta de Busca mais popular da década. 24/

25 6.1 A História dos Buscadores Mais tarde, em 1998, o Google teve sua ascensão em torno. Seu algoritmo "lembra" onde esteve e anexa as páginas mais procuradas em primeiro lugar na listagem. O site do gênero mais recente é o MSN procura, feito pela Microsoft em 2004, que dominaria o mercado hoje, juntamente com o Google e o Yahoo. 25/

26 6.2 Alguns Sistemas de Busca na Internet Surf - Cadê? - Google - Yahoo/Brasil - Ali web - Yahoo - Alta vista - Lycos - Webcrawler - Infoseek - 26/

27 7. Download 27/

28 7. Download Download ou descarregar (sacar ou baixar, em português), é a transferência de dados de um computador remoto para um computador local, o inverso de upload (carregar em português). A cópia de arquivos pode ser feita tanto por servidores de FTP (File Transfer Protocol) quanto pela tela do próprio navegador (browser). 28/

29 7.1 Gerenciador de Downloads do Mozilla Firefox Ao se clicar em algum link que leve a um arquivo do tipo PDF, DOC, XLS, ODT,ODS ou outro, o Mozilla Firefox abrirá uma tela onde se poderá escolher entre abrir o arquivo escolhendo determinado programa ou salvar o arquivo. OBS: Caso o tipo do arquivo seja conhecido pelo Windows ou pelo Mozilla Firefox a tela a seguir não será mostrada porque o padrão, nesse caso, é abrir o arquivo com o seu 29/ programa correspondente.

30 7.2 Tela de início de abertura/ download de arquivo Depois que o download ou abertura do arquivo começar a ser realizada, o gerenciador de downloads é ativado mostrando o andamento do download. 30/

31 7.3 Tela do gerenciador de downloads Após concluído o download, através do gerenciador de downloads, pode-se Abrir o arquivo baixado, ou excluir o arquivo da lista. A exclusão do arquivo da lista não implica na sua exclusão física de onde ele foi gravado. Na parte inferior do gerenciador de downloads, se tem a informação de onde os downloads estão sendo gravados. 31/

32 7.3 Tela do gerenciador de downloads O fechamento da tela do gerenciador de downloads, não implica na interrupção dos downloads em andamento. O gerenciador de downloads pode ser aberto a qualquer momento, bastando clicar no menu Ferramentas / Downloads. 32/

33 8. Antivírus 33/

34 8. Antivírus Antivírus é um software responsável pela detecção, desinfecção e remoção de pragas digitais como vírus, trojans (cavalos de tróia), worms e qualquer outro tipo de código malicioso. 34/

35 8.1 História Quando Peter Norton, empresário de tecnologias de informação, apagou acidentalmente um arquivo, desenvolveu o Norton Utilities para restaurá-los. Ele criou a Symantec, em 1982, dando início a criação e comercialização de softwares de seguranças no mercado. 35/

36 8.1 História A primeira contaminação por um vírus de computador, ocorreu em 1988, utilizando uma BBS como meio. Sendo assim, John McAfee, programador da Lockheed Air Corporation, empresa de aviação americana, desenvolveu o VirusScan, primeira vacina conhecida. Um dos principais motivos que levam à criação de novos vírus é justamente fazer com eles se espalhem e fiquem nos atormentando por dias, semanas, meses, anos, décadas, séculos ou até milênios. Importante ressaltar que a maioria dos fabricantes (mesmo aqueles onde os softwares são pagos) distribuem vacinas e atualizações gratuitas, assim como "pequenos antivírus" (geralmente vírus enviados por ) 36/

37 8.2 Problemas de segurança Muitas pessoas do movimento OpenSource acreditam que os principais problemas de segurança do Windows estão associados ao modelo de desenvolvimento desse software, os usuários não tem acesso ao código fonte, e consequentemente, não podem visualizar brechas e apontar correções, gerando uma demora na entrega de correções e maior número de brechas não corrigidas. 37/

38 8.3 Métodos de identificação Escaneamento de vírus conhecidos - Quando um novo vírus é descoberto seu código é desmontado e é separado um grupo de caracteres (uma string) que não é encontrada em outros softwares não maliciosos. Sensoreamento heurístico - O segundo passo é a análise do código de cada programa em execução quando usuário solicita um escaneamento. Busca Algorítmica - Expressamente, a busca algorítmica é aquela que utiliza algoritmos para selecionar os resultados. Checagem de Integridade - Checagem de integridade cria um banco de dados, com o registro dos dígitos verificadores de cada arquivo existente no disco, para comparações 38/ posteriores.

39 8.4 Onde se pode obter um antivírus? Algumas lojas de informática vendem softwares antivírus, mas você também pode baixá-los pela web para testá-los antes de comprá-los. Outros antivírus também estão disponíveis gratuitamente (freeware), o que lhe permite baixá-los e usá-los no seu computador sem precisar gastar dinheiro. 39/

40 8.5 Deve-se confiar apenas em um antivírus? Um único antivírus não é capaz de detectar 100% das pragas existentes. Esse problema, no entanto, não deve ser resolvido instalando-se outro antivírus. Existem outras medidas de segurança que você pode tomar para aumentar a proteção da sua máquina, mas apenas um antivírus é o suficiente para a camada de proteção de códigos maliciosos. 40/

41 antivírus 8.6 O melhor Não existe um. Cada software antivírus possui seus pontos fracos e fortes. A sugestão é que você escolha um antivírus que você gosta, seja por ser fácil de usar, rápido ou mais avançado. A diversidade causada pelas diferentes escolhas aumenta a segurança de todos. 41/

42 8.7 Quarentena A Quarentena é uma pasta especial onde o antivírus guarda os arquivos maliciosos que não puderam ser desinfectados. Cavalos de tróia e worms geralmente não infectam arquivos, isto é, não vivem como parasitas e portanto não podem ser desinfectados. Como o antivírus não consegue determinar isso, ele os move para a Quarentena, onde os códigos maliciosos são desativados. 42/

43 8.8 Falso Positivo Dá-se o nome de falso positivo a um alarme falso gerado pelo antivírus, isto é, quando um erro na lista de definição faz com que o programa marque arquivos limpos e seguros como infectados. Falsos positivos são razoavelmente comuns, mas geralmente ocorrem apenas com arquivos obscuros e portanto afetam apenas poucos usuários. Em raros casos, arquivos de programas conhecidos e populares são detectados como vírus de forma incorreta, o que pode requirir que o programa seja reinstalado. 43/

44 8.9 É possível ficar seguro sem nenhum antivírus? Sim. O antivírus apenas é responsável por uma camada de proteção: a verificação de código malicioso em arquivos do computador. Caso o computador não seja exposto a arquivos maliciosos, o antivírus não será necessário. Para isso é necessário um extremo cuidado com cada arquivo que é aberto na máquina. Somente usuários de Windows muito avançados serão capazes de manter um computador seguro sem um antivírus. 44/

45 9. WinZip 45/

46 9. WinZip WinZip é um dos mais populares programas de compactação utilizados pelos usuários da plataforma windows. Ele é um software proprietário desenvolvido pela WinZip Computing, Inc (desde 1990), com a finalidade de compactar arquivos para o formato zip (reduzindo o tamanho dos mesmos). Também faz a descompactação de vários outros formatos, além do zip. 46/

47 9.1 Como usar o Winzip Existem diferentes maneiras de compactar e descompar arquivos. Será apresentado o modo através do Windows Explorer. 47/

48 9.2 Para Compactar: Procure no Windows Explorer o arquivo ou a pasta que queira compactar, se quiser fazer isso com mais de um arquivo selecione-os com o botão esquerdo do mouse. Depois clique nele(s) com o botão direito do mouse e vá com o ponteiro até a opção WinZip. Se clicar em Add to Zip file..., poderá escolher onde quer salvar e qual nome dar para o arquivo compactado. Mas, se clicar em Add to nome-do-arquivo.zip(no exemplo aparece como espie.zip), ele salva na mesma pasta em que está o arquivo e com o mesmo nome, facilitando o trabalho. 48/

49 9.2 Para Compactar 49/

50 9.3 Para descompactar Uma das formas de descompactar é procurando no Windows Explorer o arquivo.zip que deseja e clicar duas vezes nele. Outra maneita, é abrir o software WinZip, clicar em Open, será aberta uma nova janela chamada Open Archive, procure nela o arquivo.zip que deseja e clique duas vezes nele. 50/

51 10. WinRAR 51/

52 10. WinRAR WinRAR é um software compactador e descompactador de dados com licença shareware programado por Alexander Roshal. Pode comprimir descomprimir arquivos nos formatos RAR, ZIP e muitos outros. Pode também criar novos arquivos nos formatos RAR e ZIP. 52/

53 10.1 Como usar o WinRAR A instalação é bem simples e composta de apenas duas janelas - sendo que a primeira de cada já apresenta o botão de Instalação. A imagem abaixo mostra a segunda janela, que apresenta algumas configurações iniciais do WinRAR. Em Associar o WinRAR, você escolherá quais formatos serão abertos com o utilitário. O software cria arquivos nos formatos RAR e ZIP, mas consegue extrair arquivos de outros formatos. 53/

54 10.1 Como usar o WinRAR 54/

55 10.1 Como usar o WinRAR Embora o WinRAR apresente várias guias com opções para a criação do arquivo compactado, na maioria dos casos a guia Geral apresenta configurações suficientes para tal. Aqui você definirá o local (Procurar) onde o arquivo será criado e seu nome (Nome do Arquivo) 55/

56 10.1 Como usar o WinRAR Uma opção recomendada é Criar Arquivo Sólido, que melhora a compactação do arquivo, mas proíbe a adição de outros arquivos quando a compactação for encerrada. 56/

57 10.1 Como usar o WinRAR Durante o processo, você poderá colocar a compactação para Segundo Plano (consumindo menos recursos do sistema), Pausar o próprio processo e mudar o Método usado no procedimento (disponível apenas para RAR). 57/

58 10.1 Como usar o WinRAR Em relação aos arquivos, você também poderá Converter Arquivos entre formatos compatíveis com o WinRAR, tentar Recuperar Arquivos quando o arquivo compactado está corrompido e Converter o Arquivo para SFX, criando arquivos compactos com extração automática, também conhecidos como arquivos SFX. 58/

59 10.1 Como usar o WinRAR Na guia SFX e escolha um dos módulos SFX disponíveis. Se a escolha for Default.SFX (SFX gráfico), você pode configurar as Opções Avançadas do SFX. 59/

60 10.1 Como usar o WinRAR Na guia Geral, você define a pasta onde o arquivo SFX vai extrair os arquivos (Caminho para Extração) e quais comandos serão executados após (Executar após a extração) e antes (Executar antes da extração) do processo de extração. 60/

61 10.1 Como usar o WinRAR Já na guia Avançado, você pode ativar a Exclusão de arquivos específicos na pasta será alvo do SFX e adicionar Atalhos que apontam para arquivos descompactados na pasta de destino. 61/

62 /

63 11 Na internet existe uma série de servidores que oferecem serviços de webmail gratuitos. Para ter acesso a esse serviço é necessário cadastrar-se em algum desses servidores. Para cadastrar uma conta de , você deve acessar as URLs (endereços) da web (rede) que ofereçam serviços de webmails gratuitos. Para possuirmos uma conta de nos servidores que oferecem serviços de webmails gratuitos, precisamos preencher uma espécie de cadastro. 63/

64 11 64/

65 11 Todas as vezes que você acessar o seu , sua senha será requisitada 65/

66 11.1Como utilizar um Para redigir uma mensagem, basta clicar em Escrever, Escrever , Nova Mensagem, Compor, etc. Uma nova janela se abrirá com os campos específicos. Para compor uma nova mensagem, você deve preencher o primeiro campo com o endereço eletrônico do destinatário. No campo cc os endereços dos destinatários se-rã o visíveis a todos que receberem a mensagem. Mas se você não deseja divulgar os endereços dos outros destinatários, deve usar o campo cco. O próximo campo é o da linha do assunto (subject). 66/

67 11.1Como utilizar um 67/

68 11.2 Caixa de Entrada Para receber suas mensagens, o procedimento é ainda mais simples: se você usa uma conta de webmail, basta acessar a sua conta, efetuar seu login e as novas mensagens estarão na sua Caixa de Entrada. 68/

69 11.3 Responder Para responder a uma mensagem, clique em Responder e uma nova janela se abrirá com o campo do destinatário preenchido e com a mensagem original reproduzida. Para redigir sua resposta, você pode utilizar os procedimentos indicados anteriormente. 69/

70 11.4 Lixeira Você recebeu uma mensagem comunicando sobre um evento. Se esse evento lhe interessar, é aconselhável imprimir a mensagem e agendar-se para não perdê-lo. Passado o evento, é aconselhável apagar a mensagem. Apagar os s já lidos e que não serão mais úteis é um hábito saudável, pois economiza espaço em nossa caixa postal, que poderá ser utilizado para receber novas mensagens. 70/

71 11.5 Anexos Como você já sabe, entre as facilidades do uso do como forma de comunicação está a possibilidade de se enviar e receber arquivos anexados a um . Por exemplo, podemos enviar em formato digital um documento, uma foto, uma canção, um vídeo e qualquer coisa que a imaginação quiser e a informática permitir. 71/

72 Envie e Re c e ba M e nsa ge ns I nst a nt â ne a s U sa ndo o Window s M e sse nge r /

73 Instantânea 12.1Mensagem A mensagem instantânea fornece a você as melhores vantagens do e mail com maior precisão e bônus adicionais de saber quando seus contatos estão disponíveis online. No Windows Messenger, você pode começar com a mensagem instantânea, e depois adicionar voz e vídeo. 73/

74 12.1.1Para enviar uma mensagem instantânea com o Windows Messenger 1 Inicie o Windows Messenger. (Clique duas vezes no ícone do Windows Messenger, localizado no canto inferior direito da sua barra de tarefas). 2 Clique no link para acessar e depois digite seu endereço do.net Passport e a senha.clique em OK. 3 Na sua lista de contatos, dê um duplo clique no nome da pessoa com quem deseja conversar. (Ou de forma alternativa, em Eu quero... clique em Enviar uma Mensagem Instantânea; ou, clique no menu Ações e depois em Enviar uma Mensagem Instantânea. 4 Sua janela de Conversa será aberta. 5 Digite sua mensagem na parte de baixo da janela. 74/

75 12.1.1Para enviar uma mensagem instantânea com o Windows Messenger Seu contato receberá uma caixa pop up, no canto inferior direito da tela, e um alerta sonoro indicando que a mensagem chegou. Clicando nessa caixa faz abrir a janela de Conversa. 75/

76 emoticons Para adicionar Clique no botão Emoticon, e depois clique no símbolo que deseja enviar. 76/

77 Para adicionar pessoas a uma conversa Na janela de conversa, clique em Convidar Alguém para Esta Conversa, e depois clique no nome do contato Para enviar uma mensagem instantânea a alguém que não esteja na lista de contatos 1 Clique no botão Enviar, e depois em Outros. 2 Digite o endereço do Passport da pessoa (por exemplo, um terminando em A pessoa a quem você deseja enviar uma mensagem instantânea deve ter o Windows Messenger instalado. 77/

78 Para determinar se você aceita mensagens externas No menu Ferramentas, clique em Opções, na guia Privacidade, e veja se Todos os outros usuários está na lista de Permissões. Se você não deseja permitir mensagens de outros que não sejam da sua lista, veja se todos os outros usuários está na lista de Bloqueio. Você pode realizar a maioria das suas tarefas de mensagem instantânea a partir do ícone da barra de tarefas (próximo ao relógio). Clique no ícone para ver um menu e depois selecionar se deseja enviar uma mensagem, entrar ou sair, alterar seu status, ou sair do Windows Messenger. 78/

79 13. Sites Agrícolas 79/

80 13.1Embrapa SITE: A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) é uma instituição pública brasileira vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, criada em 26 de abril de 1973, cujos objetivos são a produção de conhecimento científico e desenvolvimento de técnicas de produção para a agricultura e a pecuária brasileira. Tem como missão Viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação para a sustentabilidade da agricultura em benefício da sociedade brasileira. 80/

81 13.2 Emater SITE: A EMATER-MG, desde 1948, presta assistência técnica e extensão rural ao Estado de Minas Gerais, trabalhando, com compromisso e seriedade, nas áreas de agropecuária, bem-estar social, recursos naturais, meio ambiente, abastecimento e mercado, 81/

Este tutorial está publicado originalmente em http://www.baboo.com.br/absolutenm/anmviewer.asp?a=30405&z=300

Este tutorial está publicado originalmente em http://www.baboo.com.br/absolutenm/anmviewer.asp?a=30405&z=300 WinRAR: Conheça este excelente compactador de arquivos Introdução: É fato que a Internet está mais rápida com a popularização da banda larga, mas os compactadores de arquivos ainda apresentam muita utilidade

Leia mais

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador Microsoft Internet Explorer Browser/navegador/paginador Browser (Navegador) É um programa que habilita seus usuários a interagir com documentos HTML hospedados em um servidor web. São programas para navegar.

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta.

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. Prof. Júlio César S. Ramos P á g i n a 1 INTERNET OUTLOOK 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. A O Outlook Express permite criar grupo de pessoas

Leia mais

Manual do Usuário Janeiro de 2016

Manual do Usuário Janeiro de 2016 Manual do Usuário Janeiro de 2016 SOBRE CMX CMX é uma interface que dá acesso aos estudantes a milhares de atividades, exercícios e recursos todos posicionados com os padrões e conceitos curriculares.

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Serviço Seguro de Mensagens Instantâneas

Serviço Seguro de Mensagens Instantâneas COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL GERÊNCIA DE CONTROLE E INFORMAÇÕES Serviço Seguro de Mensagens Instantâneas Jabber & Exodus Jabber é um protocolo aberto, baseado em XML para troca de mensagens instantâneas.

Leia mais

GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA ACESSO VIA FTP

GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA ACESSO VIA FTP INFORMÁTICA mai/11 Pág. I.1 ACESSO VIA FTP GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA ACESSO VIA FTP INFORMÁTICA mai/11 Pág. I.2 ÍNDICE I INTRODUÇÃO... I.3 II III ACESSO PELO WINDOWS EXPLORER... II.1 ACESSO PELO NAVEGADOR

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7) SafeNet Authentication Client 8.2 SP1 (Para MAC OS 10.7) 2/28 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Tokens Homologados... 4 5 Instruções de Instalação...

Leia mais

Internet Segura para a Família: Ferramentas seguras que auxiliam seus filhos a manterem-se seguros na Internet by Team Gemalto on 24 May 2011 17H37

Internet Segura para a Família: Ferramentas seguras que auxiliam seus filhos a manterem-se seguros na Internet by Team Gemalto on 24 May 2011 17H37 Internet Segura para a Família: Ferramentas seguras que auxiliam seus filhos a manterem-se seguros na Internet by Team Gemalto on 24 May 2011 17H37 Quando nossos filhos ficam mais velhos, eles tornam-se

Leia mais

Instalação do Eiche Hotel ONLINE (cpanel)

Instalação do Eiche Hotel ONLINE (cpanel) 1 Instalação do Eiche Hotel ONLINE (cpanel) Modo de instalação: ONLINE Acesso: Internet Sistema: CPANEL Banco de dados: MySQL É possível instalar o Eiche Hotel diretamente na internet, o processo é idêntico

Leia mais

Dicas de uso para Cloud Computing

Dicas de uso para Cloud Computing Dicas de uso para Cloud Computing Este material tem o objetivo de auxiliar você, usuário do acesso cloud, antes porém vamos apenas reforçar o que é o Cloud Computing, este também chamado de computação

Leia mais

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Sumário Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial do Portal WEB Criando um

Leia mais

Curso Introdução à Educação Digital - Carga Horária: 40 horas (30 presenciais + 10 EaD)

Curso Introdução à Educação Digital - Carga Horária: 40 horas (30 presenciais + 10 EaD) ******* O que é Internet? Apesar de muitas vezes ser definida como a "grande rede mundial de computadores, na verdade compreende o conjunto de diversas redes de computadores que se comunicam e que permitem

Leia mais

Desenvolvimento em Ambiente Web. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Desenvolvimento em Ambiente Web. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Desenvolvimento em Ambiente Web Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Internet A Internet é um conjunto de redes de computadores de domínio público interligadas pelo mundo inteiro, que tem

Leia mais

Sistemas Enturma: Manual de Ferramentas do Usuário

Sistemas Enturma: Manual de Ferramentas do Usuário versão do manual: 1 1 Apresentação A evolução da tecnologia vem provocando uma revolução no ensino. O acesso à Internet e a disseminação do uso do computador vêm mudando a forma de produzir, armazenar

Leia mais

TUTORIAL GOOGLE DRIVE

TUTORIAL GOOGLE DRIVE TUTORIAL GOOGLE DRIVE Armazenar e compartilhar arquivos ou pastas no google drive. Para compartilhar e armazenar arquivos no google drive é necessário ter uma conta google ou conta no gmail. Após criar

Leia mais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais PRERELEASE 03/07/2011 Avisos legais Avisos legais Para consultar avisos legais, acesse o site http://help.adobe.com/pt_br/legalnotices/index.html.

Leia mais

Guia de Inicialização para o Windows

Guia de Inicialização para o Windows Intralinks VIA Versão 2.0 Guia de Inicialização para o Windows Suporte 24/7/365 da Intralinks EUA: +1 212 543 7800 Reino Unido: +44 (0) 20 7623 8500 Consulte a página de logon da Intralinks para obter

Leia mais

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Índice Introdução ao Serviço de E-mail O que é um servidor de E-mail 3 Porque estamos migrando nosso serviço de correio eletrônico? 3 Vantagens de utilização

Leia mais

SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO

SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO BOA VISTA/RR NOVEMBRO DE 2011 Este manual tem por finalidade esclarecer o funcionamento do SPARK ao servidor interessado em usar este comunicador instantâneo.

Leia mais

Implementação do Office365. O365 Migração de usuários. Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central

Implementação do Office365. O365 Migração de usuários. Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central Implementação do Office365 O365 Migração de usuários Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central Abril de 2015 Controle de Versões Registro Data Autor Versão Histórico

Leia mais

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer.

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. CONFIGURANDO O SISTEMA OFFLINE DR.MICRO IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. 1- Ao acessar a plataforma online a opção Minha Escola

Leia mais

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Versão 1.5 Histórico de revisões Revisão Data Descrição da alteração 1.0 18/09/2015 Criação deste manual 1.1 22/09/2015 Incluído novas

Leia mais

Principais Característic

Principais Característic Principais Característic Características as Software para agendamento e controle de consultas e cadastros de pacientes. Oferece ainda, geração de etiquetas, modelos de correspondência e de cartões. Quando

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET Profª Danielle Casillo SUMÁRIO O que é Internet Conceitos básicos de internet

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM Manual DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIRGTI 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acessando o serviço...

Leia mais

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem 1 de 20 Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem Resolvi documentar uma solução que encontrei para fazer minhas cópias de segurança. Utilizo um software gratuito chamado Cobian Backup

Leia mais

WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente

WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente www.plugin.com.br 1 ÍNDICE Prefácio...3 Sobre Este Manual... 3

Leia mais

TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH!

TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH! UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (USP) ESCOLA DE ARTES, CIÊNCIAS E HUMANIDADES (EACH) TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH! Autoria e revisão por: PET Sistemas

Leia mais

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S.

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Tomaz IT.002 02 2/14 Como acessar o Webmail da Secretaria de Educação? Para

Leia mais

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA Service Desk Sumário Apresentação O que é o Service Desk? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial

Leia mais

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br Correio Eletrônico Outlook Express Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br O Microsoft Outlook é o principal cliente de mensagens e colaboração para ajudá-lo a obter os melhores

Leia mais

Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 4 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo

Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 4 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 4 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo Eletrônico (E-mail) É um serviço disponível na Internet que possibilita o envio e recebimento

Leia mais

ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop. Guia de Inicialização Rápida

ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop. Guia de Inicialização Rápida ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop Guia de Inicialização Rápida O ESET NOD32 Antivirus 4 fornece proteção de última geração para o seu computador contra código malicioso. Com base no mecanismo de

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos do computador: Microsoft Windows 2000 (32 bits) com Service Pack 4 (SP4) ou superior, Windows XP (32 bits) com Service Pack 1 (SP1)

Leia mais

E-mail Seguro - Guia do Destinatário

E-mail Seguro - Guia do Destinatário E-mail Seguro - Guia do Destinatário Índice Como abrir sua primeira Mensagem Criptografada... 3 Guia Passo-a-Passo para Abrir Seu Primeiro Envelope... 3 Primeiro Passo:... 3 Segundo Passo:... 3 Terceiro

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0)

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0) MANUAL DE UTILIZAÇÃO HELP SUPORTE e HELP - REMOTO (Versão de usuário: 2.0) 1 Sumário 1 Introdução...3 2 O que é o HELP Suporte?...3 3 Cadastro no Help Suporte...3 4 Como Acessar e Utilizar o HELP SUPORTE...3

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.2. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.2. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.2 ExpressoMG 16/12/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para XEROX 6279. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a XEROX 6279 no manual

Leia mais

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 Guia do usuário Publicado: 09/01/2014 SWD-20140109134951622 Conteúdo 1 Primeiros passos... 7 Sobre os planos de serviço de mensagens oferecidos para o BlackBerry

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

LW1. Como a internet funciona? PROF. ANDREZA S. AREÃO

LW1. Como a internet funciona? PROF. ANDREZA S. AREÃO LW1 Como a internet funciona? PROF. ANDREZA S. AREÃO O que é a Internet? Rede de Computadores: Consiste de dois ou mais computadores ligados entre si e compartilhando dados, impressoras, trocando mensagens

Leia mais

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET Obs.: Caso já possua um programa compactador de arquivo pular a etapa 1. 1 - Compactador de Arquivo Para instalar o Chef Foods Net você precisa de um programa descompactador

Leia mais

15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz

15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz 15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL GETEC 01 2/13 Como acessar o Webmail da Secretaria de Educação? Para utilizar o Webmail da Secretaria de

Leia mais

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14 portal@up.com.br Apresentação Este manual contém informações básicas, e tem como objetivo mostrar a você, aluno, como utilizar as ferramentas do Portal Universitário e, portanto, não trata de todos os

Leia mais

Manual Easy Chat Data de atualização: 20/12/2010 16:09 Versão atualizada do manual disponível na área de download do software.

Manual Easy Chat Data de atualização: 20/12/2010 16:09 Versão atualizada do manual disponível na área de download do software. 1 - Sumário 1 - Sumário... 2 2 O Easy Chat... 3 3 Conceitos... 3 3.1 Perfil... 3 3.2 Categoria... 4 3.3 Ícone Específico... 4 3.4 Janela Específica... 4 3.5 Ícone Geral... 4 3.6 Janela Geral... 4 4 Instalação...

Leia mais

Curso de Navegadores e Internet

Curso de Navegadores e Internet Universidade Estadual do Oeste do Paraná Pró Reitoria de Extensão Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Colegiado de Licenciatura em Matemática Colegiado da Ciência da Computação Projeto de Extensão:

Leia mais

www.leitejunior.com.br 05/12/2011 12:30 Leite Júnior

www.leitejunior.com.br 05/12/2011 12:30 Leite Júnior INTERNET EXPLORER 8 Também conhecidos como BROWSERS (navegadores). Usados para visualizar página na Web. Entende a linguagem HTML e permite visualiza conteúdos de discos, funcionando como se fosse um Windows

Leia mais

Instalação - SGFLeite 1

Instalação - SGFLeite 1 Instalação SGFLeite Sistema Gerenciador de Fazenda de Leite Instalação - SGFLeite 1 Resumo dos Passos para instalação do Sistema Este documento tem como objetivo auxiliar o usuário na instalação do Sistema

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 5 3 Vivo Sync Web... 6 3.1 Página Inicial... 6 3.1.1 Novo Contato... 7 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

Através deste documento, buscamos sanar dúvidas com relação aos tipos de acessos disponíveis a partir desta alteração.

Através deste documento, buscamos sanar dúvidas com relação aos tipos de acessos disponíveis a partir desta alteração. COMUNICADO A Courart Informática, visando à satisfação de seus clientes, efetuou a contratação de um novo servidor junto à Locaweb, onde está alocado o sistema TransControl IV com todos os seus componentes.

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Março de 2015 Introdução O acesso móvel ao site do Novell Vibe pode ser desativado por seu administrador do Vibe. Se não conseguir acessar a interface móvel do

Leia mais

Cartilha. Correio eletrônico

Cartilha. Correio eletrônico Cartilha Correio eletrônico Prefeitura de Juiz de Fora Secretaria de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Tecnologia da Informação Abril de 2012 Índice SEPLAG/Subsecretaria de Tecnologia da Informação

Leia mais

Guia de Instalação e Inicialização. Para WebReporter 2012

Guia de Instalação e Inicialização. Para WebReporter 2012 Para WebReporter 2012 Última revisão: 09/13/2012 Índice Instalando componentes de pré-requisito... 1 Visão geral... 1 Etapa 1: Ative os Serviços de Informações da Internet... 1 Etapa 2: Execute o Setup.exe

Leia mais

NOVO COMPONENTE ASSINADOR ESEC

NOVO COMPONENTE ASSINADOR ESEC NOTAS FISCAIS DE SERVIÇO ELETRÔNICAS PREFEITURA DE JUIZ DE FORA COMPLEMENTO AO SUPORTE A ATENDIMENTO NÍVEL 1 1.0 Autor: Juiz de Fora, Fevereiro 2015. PÁGINA 1 DE 38 SUMÁRIO 1REQUISITOS MÍNIMOS CONFIGURAÇÕES

Leia mais

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal.

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal. MANUAL DO SISCOOP Sumário 1 Menu de Navegação... 3 2 Gerenciar País... 5 3- Gerenciamento de Registro... 8 3.1 Adicionar um registro... 8 3.2 Editar um registro... 10 3.3 Excluir um registro... 11 3.4

Leia mais

Informática Básica para o PIBID

Informática Básica para o PIBID Universidade Federal Rural do Semi Árido Programa Institucional de Iniciação à Docência Informática Básica para o PIBID Prof. Dr. Sílvio Fernandes Roteiro O Tamanho e Resolução de imagens O Compactação

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 4 3 Vivo Sync Web... 5 3.1 Página Inicial... 5 3.1.1 Novo Contato... 6 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

OAB Online... 4. Acesso ao Sistema... 9. Publicações... 9. Marcar Prazo...10. Pesquisa por Publicações...11. Configuração de Preferências...

OAB Online... 4. Acesso ao Sistema... 9. Publicações... 9. Marcar Prazo...10. Pesquisa por Publicações...11. Configuração de Preferências... Índice Introdução OAB Online............................................ 4 Sistema OAB On-line Acesso ao Sistema........................................ 9 Publicações............................................

Leia mais

Questões Potenciais para a Prova Informática Questões Carlos Vianna

Questões Potenciais para a Prova Informática Questões Carlos Vianna 1. Questões Potenciais para a Prova Informática Questões Carlos Vianna 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 1.O comando pwd do Linux possibilita ao usuário efetuar

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL SBC

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL SBC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL SBC SUMÁRIO 1 - Tela de Login...03 2 - Caixa de Entrada...04 3 - Escrever Mensagem...06 4 - Preferências...07 4.1 - Configurações Gerais...07 4.2 - Trocar Senha...07 4.3

Leia mais

Guia de Conexão à Web

Guia de Conexão à Web Guia de Conexão à Web Versão 0 BRA-POR Modelos aplicáveis Este Guia do Usuário aplica-se aos modelos a seguir: ADS-2500W e ADS-2600W Definições das observações O ícone a seguir é utilizado ao longo deste

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3. 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4. 2. Ferramentas e Configurações... 5. 2.1 Ver Perfil... 5. 2.2 Modificar Perfil...

Sumário INTRODUÇÃO... 3. 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4. 2. Ferramentas e Configurações... 5. 2.1 Ver Perfil... 5. 2.2 Modificar Perfil... Sumário INTRODUÇÃO... 3 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4 2. Ferramentas e Configurações... 5 2.1 Ver Perfil... 5 2.2 Modificar Perfil... 6 2.3 Alterar Senha... 11 2.4 Mensagens... 11 2.4.1 Mandando

Leia mais

MANUAL DE FTP. Instalando, Configurando e Utilizando FTP

MANUAL DE FTP. Instalando, Configurando e Utilizando FTP MANUAL DE FTP Instalando, Configurando e Utilizando FTP Este manual destina-se auxiliar os clientes e fornecedores da Log&Print na instalação, configuração e utilização de FTP O que é FTP? E o que é um

Leia mais

CORREIO inotes. Para acessar o Correio inotes é necessário acessar a Internet.

CORREIO inotes. Para acessar o Correio inotes é necessário acessar a Internet. CORREIO inotes Para acessar o Correio inotes é necessário acessar a Internet. Na sua Área de Trabalho execute dois cliques rápidos no ícone do Internet Explorer. Ao ser exibida a primeira tela do Internet

Leia mais

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Compra Direta - Guia do Fornecedor PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Página As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis referências a web sites, estão sujeitas

Leia mais

Manual de Apoio à Assinatura Eletrônica DISO

Manual de Apoio à Assinatura Eletrônica DISO Manual de Apoio à Assinatura Eletrônica DISO Índice Hyperlinks Descanse o mouse na frase, aperte sem largar o botão Ctrl do seu teclado e click com o botão esquerdo do mouse para confirmar. Introdução

Leia mais

ESET NOD32 ANTIVIRUS 6

ESET NOD32 ANTIVIRUS 6 ESET NOD32 ANTIVIRUS 6 Microsoft Windows 8 / 7 / Vista / XP / Home Server Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer download da versão mais recente deste documento O ESET NOD32 Antivirus fornece

Leia mais

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 Pela grande necessidade de controlar a internet de diversos clientes, a NSC Soluções em Informática desenvolveu um novo produto capaz de gerenciar todos os recursos

Leia mais

Anote aqui as informações necessárias:

Anote aqui as informações necessárias: banco de mídias Anote aqui as informações necessárias: URL E-mail Senha Sumário Instruções de uso Cadastro Login Página principal Abrir arquivos Área de trabalho Refine sua pesquisa Menu superior Fazer

Leia mais

MANUAL DE SISTEMA. Página1

MANUAL DE SISTEMA. Página1 Página1 Página2 Sumário 1 Configurações Recomendadas... 3 2 Passo a Passo... 4 2.1. Visão inicial do Sistema Presença 4 2.2. Solicitar Acesso 5 2.3. Substituição do Operador Municipal Máster 7 2.4. Acessar

Leia mais

Manual de Instalação. SafeSign Standard 3.0.77. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeSign Standard 3.0.77. (Para MAC OS 10.7) SafeSign Standard 3.0.77 (Para MAC OS 10.7) 2/23 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Hardware Homologado... 4 5 Instruções de Instalação... 5

Leia mais

INTERNET -- NAVEGAÇÃO

INTERNET -- NAVEGAÇÃO Página 1 Acessando endereços simultaneamente Parte 2 Um recurso interessante e extremamente útil é o de abrir várias janelas ao mesmo tempo. Em cada janela você poderá acessar um endereço diferente na

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

para Mac Guia de Inicialização Rápida

para Mac Guia de Inicialização Rápida para Mac Guia de Inicialização Rápida O ESET Cybersecurity fornece proteção de última geração para o seu computador contra código malicioso. Com base no ThreatSense, o primeiro mecanismo de verificação

Leia mais

Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida Controle de Contatos Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica I Vida Controle de Contatos Conteúdo Part I Introdução 2 1 Vida Controle... de Contatos Pessoais 2 Part II Configuração 2 1 Configuração...

Leia mais

KalumaFin. Manual do Usuário

KalumaFin. Manual do Usuário KalumaFin Manual do Usuário Sumário 1. DICIONÁRIO... 4 1.1 ÍCONES... Erro! Indicador não definido. 1.2 DEFINIÇÕES... 5 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 7 3. ACESSAR O SISTEMA... 8 4. PRINCIPAL... 9 4.1 MENU

Leia mais

Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br

Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br Manual do Suporte LZT LZT Soluções em Informática Sumário VPN...3 O que é VPN...3 Configurando a VPN...3 Conectando a VPN... 14 Possíveis erros...16 Desconectando

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP

MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP ÍNDICE 01 - COMO UTILIZAR SEU EMAIL...02 02 CONFIGURANDO PARA SEMPRE QUE ABRIR O EMAIL ABRIR A CAIXA DE ENTRADA...03 03 - COMO LER OS EMAILS...05 04 - COMO RETIRAR

Leia mais

PARA MAC. Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento

PARA MAC. Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento PARA MAC Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento ESET Cyber Security fornece proteção de última geração para seu computador contra código mal-intencionado.

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Manual de Instrução. Download de Imagens para Encartes dos Produtos GIRANDO SOL

Manual de Instrução. Download de Imagens para Encartes dos Produtos GIRANDO SOL Manual de Instrução Download de Imagens para Encartes dos Produtos GIRANDO SOL Apresentação A Girandosol disponibiliza um Manual de Instrução para download de arquivos da nossa linha de produtos, visando

Leia mais

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR

Guia do Usuário PRONAVTECH GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR GUIA DO USUÁRIO ARMAZENADOR 1 Índice INTRODUÇÃO... 3 ACESSANDO O PRONAVTECH... 4 Primeiro Acesso... 5 Demais Acessos... 6 Esqueci Minha Senha... 7 Esqueci o usuário principal... 7 ÁREA DE TRABALHO DO PRONAVTECH...

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG Página 1 de 26 Sumário Introdução...3 Layout do Webmail...4 Zimbra: Nível Intermediário...5 Fazer

Leia mais

Sumário. Configurações Internet Explorer 08... 2 Exclusão de Cookies... 2 O que são Cookies?... 2. Qual a Finalidade de um Cookie?...

Sumário. Configurações Internet Explorer 08... 2 Exclusão de Cookies... 2 O que são Cookies?... 2. Qual a Finalidade de um Cookie?... Sumário Configurações Internet Explorer 08... 2 Exclusão de Cookies... 2 O que são Cookies?... 2 Qual a Finalidade de um Cookie?... 2 Porque Excluir um Cookie?... 2 Configurações do Navegador... 7 Desativar

Leia mais

AULA 3 FERRAMENTAS E APLICATIVOS DE NAVEGAÇÃO, DE CORREIO ELETRÔNICO, DE GRUPOS DE DISCUSSÃO, DE BUSCA E PESQUISA (PARTE II)

AULA 3 FERRAMENTAS E APLICATIVOS DE NAVEGAÇÃO, DE CORREIO ELETRÔNICO, DE GRUPOS DE DISCUSSÃO, DE BUSCA E PESQUISA (PARTE II) AULA 3 FERRAMENTAS E APLICATIVOS DE NAVEGAÇÃO, DE CORREIO ELETRÔNICO, DE GRUPOS DE DISCUSSÃO, DE BUSCA E PESQUISA (PARTE II) A seguir vamos ao estudo das ferramentas e aplicativos para utilização do correio

Leia mais

Curso de Informática Básica

Curso de Informática Básica Curso de Informática Básica O e-mail Primeiros Cliques 1 Curso de Informática Básica Índice Introdução...3 Receber, enviar e responder mensagens...3 Anexando arquivos...9 Cuidado com vírus...11 2 Outlook

Leia mais

CONCEITOS BÁSICOS DE INTERNET. Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA

CONCEITOS BÁSICOS DE INTERNET. Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA CONCEITOS BÁSICOS DE INTERNET Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA conceito inicial Amplo sistema de comunicação Conecta muitas redes de computadores Apresenta-se de várias formas Provê

Leia mais

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP O cliente de e-mail web utilizado pela UFJF é um projeto OpenSource que não é desenvolvido pela universidade. Por isso, pode ocorrer que alguns

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais