Concessão, Permissão e Autorização de Serviço Público. Diana Pinto e Pinheiro da Silva

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Concessão, Permissão e Autorização de Serviço Público. Diana Pinto e Pinheiro da Silva"

Transcrição

1 Concessão, Permissão e Autorização de Serviço Público Diana Pinto e Pinheiro da Silva

2 1. Execução de Serviço Público Execução de serviço público Dificuldade de definição [...] o conceito de serviço público é variável e flutua ao sabor das necessidades e contingências políticas, econômicas, sociais e culturais de cada comunidade, em cada momento histórico [...] Serviço público é todo aquele prestado pela Administração ou por seus delegados, sob normas e controles estatais, para satisfazer as necessidades essenciais ou secundárias da coletividade ou simples conveniência do Estado. Hely Lopes Meirelles

3 2. Serviço Público X Atividade Econômica do Estado Serviço Público CF/88, art. 175 Atividade de ordem econômica Atendimento ao interesse público Atendimento de necessidade coletiva Atividade Econômica do Estado CF/88, art. 173 Atividades atribuídas aos particulares Atividades excepcionalmente admitida ao Estado Segurança Nacional Relevante interesse coletivo

4 3. Execução de serviço público A titularidade do serviço Público é constitucionalmente garantida à Administração Pública, mas nem sempre é exclusiva (art. 194 e 205, CF/88) Titularidade exclusiva Titularidade não exclusiva A execução do serviço público poderá ser feita Diretamente pelo Poder Público Indiretamente, mediante descentralização administrativa Administração Indireta - OUTORGA Transferência da titularidade e da execução Mediante delegação (precedida de licitação) à particulares Transferência da execução Concessão Permissão

5 3. Execução de serviço público Outorga Criação da entidade pelo Estado princípio da reserva legal. Transferência do serviço por lei. Transferência da titularidade. Caráter definitivo. Delegação Criação da entidade por particular. Transferência por lei,contrato (concessão), ato unilateral (permissão, autorização). Transferência da execução caráter transitório.

6 4. Concessão de serviço público Papel do Estado (Estado Regulador ou Ordenador) Fiscalização Incentivo - fomento Planejamento Transferência para o setor privado de serviços de titularidade Estatal, devendo assegurar a adequada prestação à sociedade.

7 5. Conceito de concessão - Art. 2º, II da Lei 8987/95 Teoria do Ato administrativo Concessão é o ato administrativo pelo qual o Poder Público incumbe uma pessoa, natural ou jurídica, de exercer um serviço público. Embora continue a ter o caráter de serviço público é ele exercido em nome e por conta e risco do concessionário Oswaldo Aranha de Mello Teoria do Contrato administrativo Concessão de serviço público é o contrato administrativo pelo qual a Administração Pública transfere à pessoa jurídica ou a consórcio de empresas a execução de certas atividades de interesse coletivo, remunerada através do sistema de tarifas pagas pelos usuários. Nessa relação jurídica a Administração Pública é denominada de concedente, e, o executor do serviço, de concessionário - José dos Santos Carvalho Filho

8 6. Características da concessão O Poder Público: não faz transferência de propriedade à iniciativa privada. não se despoja de prerrogativa pública ou direitos. não se despoja do direito de explorar diretamente o serviço concedido. A concessão será: delegada com ou sem exclusividade. exercida como atividade privada. contratual ou legal. Contratual - quando o Estado concede a prestação de serviços públicos à particulares. Legal - quando a concessão é feita a entidades autárquicas e empresas estatais.

9 6. Características da concessão A concessão está submetida: à natureza regulamentar (chamada lei do serviço) disciplina forma e modo da prestação do serviço. à ordem contratual (cláusulas econômicas ) condições de remuneração do contrato. O Concessionário: estará obrigado a observar as disposições contratuais. será equiparado às autoridades públicas apenas para fins legais ex. Mandado de segurança e outras ações. deverá reverter ao Poder Público os direitos e bens vinculados à execução do serviço, quando findo o prazo de concessão, observadas as condições contratuais. deverá desenvolver os serviços concedidos por sua conta e risco.

10 6. Características da concessão A concessão exige: autorização legislativa regulamentação por Decreto concorrência pública (licitação prévia)

11 7. Direitos e deveres Direitos e deveres da Concessionária Direitos e deveres do Usuário CDC Deveres e deveres do Poder Público concedente

12 8. Política Tarifária da prestação do serviço. Princípio da modicidade das tarifas Cláusulas de reequilíbrio econômico financeiro. Taxa Tarifa (preço público) Preço (privado) Preço semiprivado ou quaseprivado - tributo cobrado diretamente pelo Poder Público pela utilização efetiva ou potencial de serviço público específico e divisível. Decorre do jus imperii do Estado. É indelegável. remuneração cobrada por concessionária pela utilização efetiva de serviço público concedido remuneração correspondente à contraprestação paga por uma das partes contratantes a outra pelo cumprimento da obrigação de dar ou fazer, quer nos contratos privados quer nos contratos administrativos remuneração paga pela concessionária ao poder concedente pela outorga da concessão Antônio Carlos Cintra do Amaral

13 9.Subcontratação de serviço público - art. 25 Lei nº 8.987/ Subconcessão de serviço público - art. 26 Lei nº 8.987/ Transferência de concessão - art. 27 Lei nº 8.987/95

14 12. Extinção do contrato de concessão Lei nº 8.987/95, art. 35 advento do termo contratual; encampação (art. 37) caducidade (art.27 e 38) rescisão anulação falência ou extinção da empresa concessionária e falecimento ou incapacidade do titular, no caso de empresa individual. Reversibilidade (reversão) art. 36

15 13. Permissão de serviço público Permissão de serviço público é o contrato administrativo através do qual o Poder público (permitente) transfere a um particular (permissionário) a execução de certo serviço público nas condições estabelecidas em normas de direito público, inclusive quanto à fixação do valor das tarifas - José dos Santos Carvalho Filho Características da permissão: discricionariedade precariedade natureza intuitu personae

16 13. Permissão de serviço público Características da permissão: Execução do serviço por conta e risco do permissionário. O controle da prestação do serviço será feita pela Administração. Não assegura exclusividade na prestação do serviço ao permissionário, exceto se houver previsão em cláusula expressa. Deve ser precedida de licitação Os atos praticados pelos permissionários revestem-se de certa autoridade em virtude da delegação recebida e são passíveis de mandado de segurança. Revogação Pode ser feita unilateralmente pelo Poder Público Pode ser feita a qualquer tempo revogada, a qualquer tempo, pela Administração, sem que deva pagar ao permissionário qualquer indenização, exceto se se tratar de permissão condicionada que é aquela em que o Poder Público se autolimita na faculdade discricionária de revogá-la a qualquer tempo, fixando em lei o prazo de sua vigência. A permissão condicionada é usada geralmente para transportes coletivos. Neste caso, se revogada ou alterada, dá causas a indenização. A revogação da permissão pela Administração pode ser a qualquer momento, sem que o particular se oponha, exceto se for permissão condicio-nada. A responsabilidade por danos causados a tercei-ros é do permis-sionário. Apenas subsidiariamente a Administração pode ser responsa-bilizada pela culpa na escolha ou na fiscalização do executor dos serviços.

17 14. Conceito de Permissão Disposição Constitucional art 175, parágrafo único, I. Definição legal - Lei nº 8987/95 art. 2º, IV c/c art. 40. Ato administrativo permissivo Unilateral Discricionário Precário Revogado a qualquer tempo - critérios de conveniência e oportunidade (mérito administrativo) Conceito doutrinário

18 15. Permissão X Concessão Semelhanças Formalização por contratos administrativos Objeto: prestação de serviços públicos Origem decorrente de delegação do poder concedente (art. 175 da CF) Exigência licitação prévia Submissão ao regime de direito público (cláusulas exorbitantes)

19 15. Permissão X Concessão Diferenças Permissão pode ser contratada com pessoa física ou jrídica enquanto a concessão só pode ser contratada com pessoa jurídica ou consórcio de empresas. Lei 8.987/95, artigo 2º, IV diz que a delegação por meio de permissão será a título precário. Contudo, o caráter de precariedade não se coaduna com a natureza contratual da permissão, cabendo à doutrina e jurisprudência interpretarem essa aparente contradição legal de contrato a título precário

20 Autorização É o ato administrativo discricionário e precário pelo qual o Poder Público torna possível ao particular a realização de certa atividade, serviço ou utilização de determinados bens particulares ou públicos, de seu exclusivo ou predominante interesse, que a lei condiciona à aquiescência prévia da Administração. Exs.: serviço de táxi, serviço de despachante, serviço de segurança particular. Características É ato unilateral da Administração: precário; discricionário; no interesse do particular; intuitu personae. Cessação Pode dar-se a qualquer momento, sem que a Administração tenha que indenizar.

Conceitos Sentidos subjetivo e objetivo. Serviços Públicos. Classificação Individuais (uti singuli) Classificação Gerais (uti universi)

Conceitos Sentidos subjetivo e objetivo. Serviços Públicos. Classificação Individuais (uti singuli) Classificação Gerais (uti universi) Serviços Públicos Direito Administrativo Prof. Armando Mercadante Nov/2009 Sentidos subjetivo e objetivo 1) Sentido subjetivo serviço público é aquele prestado pelo Estado; 2) Sentido objetivo o serviço

Leia mais

PONTO 1: Distinção entre Concessão e Permissão PONTO 2: Formas de Extinção da Concessão e Permissão 1. DISTINÇÃO ENTRE CONCESSÃO E PERMISSÃO

PONTO 1: Distinção entre Concessão e Permissão PONTO 2: Formas de Extinção da Concessão e Permissão 1. DISTINÇÃO ENTRE CONCESSÃO E PERMISSÃO 1 DIREITO ADMINISTRATIVO PONTO 1: Distinção entre Concessão e Permissão PONTO 2: Formas de Extinção da Concessão e Permissão 1. DISTINÇÃO ENTRE CONCESSÃO E PERMISSÃO 1.1 CONCESSÃO A concessão é um contrato

Leia mais

Direito Administrativo. Serviços Públicos. Professor Leandro Velloso

Direito Administrativo. Serviços Públicos. Professor Leandro Velloso Direito Administrativo Professor Leandro Velloso www.leandrovelloso.com.br www.colecaooab.com.br leovelloso@hotmail.com Conceituação Serviços Públicos Prestação estatal direta ou indireta dirigida à coletividade

Leia mais

COMENTÁRIO DAS QUESTÕES DA PROVA PARA AFRE RS BANCA FUNDATEC

COMENTÁRIO DAS QUESTÕES DA PROVA PARA AFRE RS BANCA FUNDATEC COMENTÁRIO DAS QUESTÕES DA PROVA PARA AFRE RS BANCA FUNDATEC DIREITO ADMINISTRATIVO QUESTÃO 32 Os atos administrativos estão sujeitos a um regime jurídico especial, que se traduz pela conjugação de certos

Leia mais

I - O ESTADO, A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, O DIREITO ADMINISTRATIVO E O REGIME JURÍDICO- ADMINISTRATIVO

I - O ESTADO, A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, O DIREITO ADMINISTRATIVO E O REGIME JURÍDICO- ADMINISTRATIVO Direito Administrativo Sumário Capítulo I - O ESTADO, A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, O DIREITO ADMINISTRATIVO E O REGIME JURÍDICO- ADMINISTRATIVO 1. Estado: conceito, evolução e transformações... 17 2. Administração

Leia mais

SERVIÇOS PÚBLICOS E DELEGAÇÃO

SERVIÇOS PÚBLICOS E DELEGAÇÃO SERVIÇOS PÚBLICOS E DELEGAÇÃO Prof. MSc. José Ricardo Leal Lozano 1. Serviços Públicos Consoante já referenciado, Administração Pública é a gestão dos serviços públicos (Cretella Junior, 1995). Nada, portanto,

Leia mais

STJ SUMÁRIO CAPÍTULO I NOÇÕES INTRODUTÓRIAS

STJ SUMÁRIO CAPÍTULO I NOÇÕES INTRODUTÓRIAS STJ00081433 SUMÁRIO CAPÍTULO I NOÇÕES INTRODUTÓRIAS 1 I. Funções estatais I 2. Conceito e objeto do direito administrativo 2 3. Codificação e fontes do direito administrativo 4 4. Sistemas administrativos:

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO 2013

DIREITO ADMINISTRATIVO 2013 DIREITO ADMINISTRATIVO 2013 31. Dentre as características passíveis de serem atribuídas aos contratos de concessão de serviço público regidos pela Lei no 8.987/95, pode-se afirmar corretamente que há (a)

Leia mais

A ANEEL e o Marco Regulatório do Brasil. Ivan Camargo Assessor da Diretoria

A ANEEL e o Marco Regulatório do Brasil. Ivan Camargo Assessor da Diretoria A ANEEL e o Marco Regulatório do Brasil Ivan Camargo Assessor da Diretoria Sumário 1. Marco Regulatório Brasileiro. Resultados. 2. Atuação da Agência Nacional de Energia Elétrica. 3. Principais Desafios.

Leia mais

Concessão de Serviço Público e Parceria Público-Privada

Concessão de Serviço Público e Parceria Público-Privada Concessão de Serviço Público e Parceria Público-Privada Câmara de Transporte e Logística FIESC Florianópolis/SC 26 de julho de 2012 Histórico O Reino Unido foi o pioneiro na institucionalização financeira,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO Prefeitura Municipal de Ribeirãozinho

ESTADO DE MATO GROSSO Prefeitura Municipal de Ribeirãozinho INSTRUÇÃO NORMATIVA SPO N 001/2009 Versão: 01/2009 Aprovação em: 01/10/2009 Ato de aprovação: Decreto n 725/2009 Unidade Responsável: Setor de Obras Públicas Ação Inicial: Verificação das condições e formalização

Leia mais

PPPs PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS. DARCI FERNANDES PIMENTEL Advogada, Especialista em Direito Público

PPPs PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS. DARCI FERNANDES PIMENTEL Advogada, Especialista em Direito Público PPPs PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS DARCI FERNANDES PIMENTEL Advogada, Especialista em Direito Público 1 PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS, DIRETA E INDIRETA: CONCESSÕES E PERMISSÕES 1.1 FUNDAMENTO CONSTITUCIONAL:

Leia mais

Contratos Administrativos

Contratos Administrativos Contratos Administrativos Principais Características do Contrato Administrativo Cláusulas Exorbitantes Duração dos Contratos Extinção do Contrato Rescisão e Anulação RAD 2601 Direito Administrativo Professora

Leia mais

Criação de serviços municipais

Criação de serviços municipais Desafios do Saneamento: Criação de serviços municipais 1.1 Titularidade municipal Constituição Federal estabelece titularidade dos municípios para serviço de saneamento básico CF/88: Art. 30. Compete aos

Leia mais

ATOS ADMINISTRATIVOS

ATOS ADMINISTRATIVOS Os Fatos Jurídicos Administrativos são acontecimentos que produzem efeitos na área jurídica do direito administrativo. Os ATOS ADMINISTRATIVOS são manifestações de vontade que geram consequências jurídicas,

Leia mais

NOTA À DÉCIMA QUINTA EDIÇÃO...

NOTA À DÉCIMA QUINTA EDIÇÃO... SUMÁRIO NOTA À DÉCIMA QUINTA EDIÇÃO... 5 Capítulo I O DIREITO ADMINISTRATIVO, A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E O REGIME JURÍDICO-ADMINISTRATIVO... 21 1. O direito administrativo... 21 1.1. Origem e desenvolvimento

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE MINISTÉRIO PÚBLICO PROMOTORIA DE JUSTIÇA DA COMARCA DE PARELHAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE MINISTÉRIO PÚBLICO PROMOTORIA DE JUSTIÇA DA COMARCA DE PARELHAS ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE MINISTÉRIO PÚBLICO PROMOTORIA DE JUSTIÇA DA COMARCA DE PARELHAS COMARCA DE PARELHAS/RN, EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO

Leia mais

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar:

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar: Finalmente, hoje, terminaremos os comentários ao simulado da 2ª Feira do Concurso. 41) Analise as situações abaixo e assinale a alternativa correta: I Ronaldo é Auditor Fiscal da Receita Federal aposentado

Leia mais

SERVIÇOS PÚBLICOS. Visão do contexto constitucional da prestação de serviços públicos:

SERVIÇOS PÚBLICOS. Visão do contexto constitucional da prestação de serviços públicos: SERVIÇOS PÚBLICOS 1 - Titularidade dos serviços públicos: Sempre do poder público (Abordagem constitucional art. 175): Incumbe ao Poder Público, na forma da lei, diretamente ou sob regime de concessão

Leia mais

SERVIÇOS PÚBLICOS. Para desenvolvermos os serviços públicos, obrigatoriamente, precisamos saber alguma coisa, embora mínima, sobre necessidade pública

SERVIÇOS PÚBLICOS. Para desenvolvermos os serviços públicos, obrigatoriamente, precisamos saber alguma coisa, embora mínima, sobre necessidade pública SERVIÇOS PÚBLICOS Para desenvolvermos os serviços públicos, obrigatoriamente, precisamos saber alguma coisa, embora mínima, sobre necessidade pública 1. NECESSIDADE PÚBLICA = É toda aquela de interesse

Leia mais

CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO

CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO NOTA TÉCNICA Nº 001/2011 Brasília, 16 de março de 2011. ÁREA: Saneamento Área de Desenvolvimento Urbano TÍTULO: Contratação dos serviços de saneamento básico REFERÊNCIA(S): Lei nº 11.445/2010, Decreto

Leia mais

Direito Administrativo Prof. Aloísio Zimmer

Direito Administrativo Prof. Aloísio Zimmer SERVIÇOS PÚBLICOS (CONTINUAÇÃO) Concessão Comum: tem como referência a lei n. 8987/1995, ou seja, contratos que abrangem a realização de obra e serviço público, mas o prazo do vínculo depende de leis específicas

Leia mais

LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995

LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995 LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995 Dispõe sobre o Regime de Concessão e Permissão da Prestação de Serviços Públicos previsto no art. 175 da Constituição Federal, e dá outras providências. O PRESIDENTE

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Código da Disciplina: 2716 Vigência: 1 / 2004 Disciplina: DIREITO ADMINISTRATIVO I Código do Curso: 17 Curso: Direito Unidade: NÚCLEO UNIV BH Turno: NOITE Período: 6 Créditos: 4 Carga Horária TOTAL 60

Leia mais

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 2. Contextualização

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 2. Contextualização Organização da Aula Direito Administrativo Aula n. 2 Administração Pública Professor: Silvano Alves Alcantara Contextualização Câmara autoriza prefeito a criar empresa pública para gerir novo Pronto-Socorro

Leia mais

S u m á r i o. Capítulo 1 Noções Preliminares...1

S u m á r i o. Capítulo 1 Noções Preliminares...1 S u m á r i o Capítulo 1 Noções Preliminares...1 1. Direito...1 2. Direito Administrativo...2 2.1. Conceito...2 2.2. Relação com outros ramos do Direito...6 2.3. Fontes do Direito Administrativo...8 2.4.

Leia mais

Cessão de Servidores

Cessão de Servidores Cessão de Servidores Reinaldo Gomes Ferreira Diretor da DAP Itens a serem abordados 1. Conceito; 2. Requisitos; 3. Prejulgados; 4. Previdência; 5. Jurisprudência; 6. Principais problemas detectados. 1

Leia mais

Curso de Dicas Direito Administrativo Giuliano Menezes

Curso de Dicas Direito Administrativo Giuliano Menezes Curso de Dicas Direito Administrativo Giuliano Menezes 2014 2014 Copyright. Curso Agora Eu Eu Passo - - Todos os direitos reservados ao ao autor. AGENTE ADMINISTRATIVO POLÍCIA FEDERAL - 2014 37 A instituição

Leia mais

Prorrogação das concessões de geração de energia elétrica: UHE JAGUARA CEMIG

Prorrogação das concessões de geração de energia elétrica: UHE JAGUARA CEMIG 27/07/2013 Prorrogação das concessões de geração de energia elétrica: UHE JAGUARA CEMIG Caio Lacerda de Castro Myller Kairo Coelho de Mesquita 27/07/2013 Prorrogação das concessões de geração de energia

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 27, DE 2 DE DEZEMBRO DE

INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 27, DE 2 DE DEZEMBRO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 27, DE 2 DE DEZEMBRO DE 1998 1 Dispõe sobre a fiscalização pelo Tribunal de Contas da União dos processos de desestatização. O Tribunal de Contas da União, no exercício de suas

Leia mais

Capítulo 1 Direito Administrativo e Administração Pública...1

Capítulo 1 Direito Administrativo e Administração Pública...1 S u m á r i o Capítulo 1 Direito Administrativo e Administração Pública...1 1.1. Introdução e Conceito de Direito Administrativo... 1 1.2. Taxinomia do Direito Administrativo... 2 1.3. Fontes do Direito

Leia mais

Decreto N , de 06 de Outubro de (Publicação DOM de 07/10/2005)

Decreto N , de 06 de Outubro de (Publicação DOM de 07/10/2005) Decreto N 15.278, de 06 de Outubro de 2005. (Publicação DOM de 07/10/2005) REGULAMENTA OS ARTIGOS 18, 23, 24 e 25 DA LEI N 11.263, DE 05 DE JUNHO DE 2002, QUE DISPÕE SOBRE A ORGANIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE

Leia mais

1. Requisitos dos atos administrativos - continuação: Requisitos: Competência Finalidade Forma Motivo Objeto Atos vinculados: Lei Lei Lei Lei Lei Atos

1. Requisitos dos atos administrativos - continuação: Requisitos: Competência Finalidade Forma Motivo Objeto Atos vinculados: Lei Lei Lei Lei Lei Atos 1 DIREITO ADMINISTRATIVO PONTO 1: Requisitos dos atos administrativos - continuação PONTO 2: Formas de extinção ou invalidação dos atos administrativos PONTO 3: Administração Pública 1. Requisitos dos

Leia mais

PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS E CONCESSÕES DE SERVIÇOS PÚBLICOS

PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS E CONCESSÕES DE SERVIÇOS PÚBLICOS CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS E CONCESSÕES DE SERVIÇOS PÚBLICOS Com análise das principais normas da Medida Provisória nº 727 de 12 de maio de 2016 que instituiu o Programa

Leia mais

RESOLUÇÃO DA PROVA DE TÉCNICO DA RECEITA FEDERAL Direito Administrativo

RESOLUÇÃO DA PROVA DE TÉCNICO DA RECEITA FEDERAL Direito Administrativo RESOLUÇÃO DA PROVA DE TÉCNICO DA RECEITA FEDERAL - 2005 Henrique Cantarino www.editoraferreira.com.br Direito Administrativo Caros amigos, voltamos com a correção das questões da prova de Técnico da Receita

Leia mais

Categorias/ Questões. Conteúdos/ Matéria. Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Tipo de aula. Semana 1 UNIDADE I

Categorias/ Questões. Conteúdos/ Matéria. Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Tipo de aula. Semana 1 UNIDADE I PLANO DE CURSO DISCIPLINA: AGENTES E CONTRATAÇÕES PÚBLICAS (CÓD. ENEX 60124) ETAPA: 5ª TOTAL DE ENCONTROS: 15 SEMANAS Semana Conteúdos/ Matéria Categorias/ Questões Tipo de aula Habilidades e Competências

Leia mais

Organização Administrativa BOM DIA!!!

Organização Administrativa BOM DIA!!! BOM DIA!!! 1. Introdução 2. Administração Pública 3. Órgão Público 4. Classificação dos Órgãos 5. Descentralização e Desconcentração 6. Função Pública 7. Cargo Público 8. Agente Público 1. Introdução Regime

Leia mais

Capítulo 1 Noções Preliminares Direito Direito Administrativo...2

Capítulo 1 Noções Preliminares Direito Direito Administrativo...2 S u m á r i o Capítulo 1 Noções Preliminares... 1 1. Direito...1 2. Direito Administrativo...2 2.1. Conceito... 2 2.2. Relação com outros ramos do direito... 6 2.3. Fontes do Direito Administrativo...

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) TÉCNICO TRT s 25 PROVAS 151 QUESTÕES (2012 2008) A apostila contém provas de Direito Administrativo de concursos da Fundação Carlos Chagas (FCC), realizadas

Leia mais

ebook de Mapas Mentais para concursos públicos Autora: Terezinha N. Rêgo

ebook de Mapas Mentais para concursos públicos  Autora: Terezinha N. Rêgo ebook de Mapas Mentais para concursos públicos Autora: Terezinha N. Rêgo Conteúdo Princípios do - Conceitos... 4 Princípios do Princípios Constitucionais... 5 Princípios do Princípios Gerais 01... 6 Princípios

Leia mais

Regulação e Antitruste no Setor Portuário frente às inovações da Lei n /13 Victor Oliveira Fernandes

Regulação e Antitruste no Setor Portuário frente às inovações da Lei n /13 Victor Oliveira Fernandes Regulação e Antitruste no Setor Portuário frente às inovações da Lei n. 12.815/13 Victor Oliveira Fernandes Regulação e Concorrência: o planejamento de mercados Aproximações e distanciamentos Importância

Leia mais

Obrigações Supervenientes. Implicações para o Equilíbrio dos Contratos

Obrigações Supervenientes. Implicações para o Equilíbrio dos Contratos Obrigações Supervenientes Implicações para o Equilíbrio dos Contratos Características das Concessões Investimentos significativos Poucos usos alternativos Contratos de longa duração Exigência dos Concessionários

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO. a) Centralizada: atividade exercida pelo próprio Estado (Administração Direta)

ORGANIZAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO. a) Centralizada: atividade exercida pelo próprio Estado (Administração Direta) ORGANIZAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO 1. FORMAS DE PRESTAÇÃO DA ATIVIDADE ADMINISTRATIVA: a) Centralizada: atividade exercida pelo próprio Estado (Administração Direta) b) Descentralizada (outorga e delegação)

Leia mais

A CeasaMinas iniciou suas operações em 28 de fevereiro de 1974;

A CeasaMinas iniciou suas operações em 28 de fevereiro de 1974; REGULARIZAÇÃO DE CONTRATOS DAS CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DE MINAS GERAIS S/A A CeasaMinas iniciou suas operações em 28 de fevereiro de 1974; Termos de Permissão Remunerada de Uso TPRU, com duas características

Leia mais

Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis.

Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis. Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis. Ainda hoje no Brasil, são raras as pesquisas e publicações na área da Contabilidade Pública

Leia mais

DECRETO Nº DE 26 DE JANEIRO DE 2017 (DOERJ 27/01/2017)

DECRETO Nº DE 26 DE JANEIRO DE 2017 (DOERJ 27/01/2017) DECRETO Nº 45.895 DE 26 DE JANEIRO DE 2017 (DOERJ 27/01/2017) REGULAMENTA DISPOSITIVOS DA LEI ESTADUAL Nº 5.628, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2009, ALTERADA PELA LEI ESTADUAL Nº 7.506, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2016,

Leia mais

Estado, Governo e Administração Pública

Estado, Governo e Administração Pública Capítulo 1 O Direito Administrativo 1.1. Direito público e direito privado 1.2. Conceito de Direito Administrativo Critérios 1.2.1. Escola legalista 1.2.2. Escola do Serviço Público 1.2.3. Escola da Puissance

Leia mais

CURSO DE DIREITO ADMINISTRATIVO Raphael Spyere do Nascimento

CURSO DE DIREITO ADMINISTRATIVO Raphael Spyere do Nascimento - Curso Básico - Poderes Administrativos; - Administração Pública; - Atos Administrativos; - Lei nº 9.784/1999 - Regras Gerais dos Processos Administrativos; - Licitações; - Contratos Administrativos;

Leia mais

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 3. Contextualização. Atividades Administrativas. Instrumentalização. Atividades Administrativas

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 3. Contextualização. Atividades Administrativas. Instrumentalização. Atividades Administrativas Organização da Aula Direito Administrativo Aula n. 3 Atividades Administrativas Professor: Silvano Alves Alcantara Inserir o vídeo: Contextualização http://www.youtube.com/watch?v= L9YBAy2Hhbc De 0:00

Leia mais

PONTO 1: Atos administrativos PONTO 2: Atributos dos Atos Administrativos PONTO 3: Requisitos ou elementos. 1. Atos administrativos:

PONTO 1: Atos administrativos PONTO 2: Atributos dos Atos Administrativos PONTO 3: Requisitos ou elementos. 1. Atos administrativos: 1 DIREITO ADMINISTRATIVO PONTO 1: Atos administrativos PONTO 2: Atributos dos Atos Administrativos PONTO 3: Requisitos ou elementos 1. Atos administrativos: Nem todos os atos que a administração pratica

Leia mais

Prefeitura Municipal de Porto Alegre. LEI Nº 9.875, de 08 de dezembro de Capítulo I DO OBJETO E DO ÂMBITO DE APLICAÇÃO

Prefeitura Municipal de Porto Alegre. LEI Nº 9.875, de 08 de dezembro de Capítulo I DO OBJETO E DO ÂMBITO DE APLICAÇÃO Prefeitura Municipal de Porto Alegre LEI Nº 9.875, de 08 de dezembro de 2005. Dispõe sobre o Programa Municipal de Parcerias Público-Privadas, cria o Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas do Município

Leia mais

NOTA TÉCNICA NT/F/007/2014 TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP NO MUNICÍPIO DE TORRINHA. Agosto de 2014

NOTA TÉCNICA NT/F/007/2014 TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP NO MUNICÍPIO DE TORRINHA. Agosto de 2014 NOTA TÉCNICA NT/F/007/2014 TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP NO MUNICÍPIO DE TORRINHA 2014 Agosto de 2014 1. OBJETIVO Autorização do ajuste anual das s de Água e Esgoto da SABESP para o Município de Torrinha

Leia mais

RESOLUÇÃO ARES-PCJ Nº 70, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014

RESOLUÇÃO ARES-PCJ Nº 70, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014 RESOLUÇÃO ARES-PCJ Nº 70, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014 Estabelece condições gerais e procedimentos a serem observados pelas entidades públicas ou privadas, Concessionárias e Parceiras- Privadas de serviços

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Introdução ao Direito Administrativo... 1

Sumário. Capítulo 1 Introdução ao Direito Administrativo... 1 Sumário Capítulo 1 Introdução ao Direito Administrativo... 1 1.1. Conceito... 1 1.2. Histórico do Direito Administrativo... 4 1.3. Objeto... 4 1.4. Fontes... 4 1.5. Sistemas Administrativos ou Mecanismos

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO

CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO LÍNGUA PORTUGUESA 1 Leitura e análise de textos. Estruturação do texto e dos parágrafos. Significação contextual de

Leia mais

NOTA TÉCNICA N NT/F/004/2016 AJUSTE DAS TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP PARA O MUNICÍPIO DE GLICÉRIO. maio de 2016

NOTA TÉCNICA N NT/F/004/2016 AJUSTE DAS TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP PARA O MUNICÍPIO DE GLICÉRIO. maio de 2016 NOTA TÉCNICA N NT/F/004/2016 AJUSTE DAS TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO DA SABESP PARA O MUNICÍPIO DE GLICÉRIO 1 maio de 2016 NOTA TÉCNICA TARIFAS DE ÁGUA E ESGOTO PARA O MUNICÍPIO DE GLICÉRIO 2016 1 CONSIDERAÇÕES

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO AULA 3/4 Intervenção do Estado na propriedade E Agentes Públicos 2 Intervenção do Estado na propriedade : 1. Desapropriação 2. Limitação Administrativa 3. Servidão Administrativa

Leia mais

2º É vedada a constituição de cooperativa mista com seção de crédito.

2º É vedada a constituição de cooperativa mista com seção de crédito. Dispõe sobre o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo e revoga dispositivos das Leis 4.595/64 de 31 de dezembro de 1964 e 5.764/71 de 16 de dezembro de 1971. Art. 1º As instituições financeiras constituídas

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 O Direito Administrativo 1. Capítulo 2 Estado, Governo e Administração Pública 5

Sumário. Capítulo 1 O Direito Administrativo 1. Capítulo 2 Estado, Governo e Administração Pública 5 Sumário Capítulo 1 O Direito Administrativo 1 1.1. Direito público e direito privado...1 1.2. Conceito... 2 1.3. Fontes do Direito Administrativo...3 Capítulo 2 Estado, Governo e Administração Pública

Leia mais

Lei Federal nº 8.987/95

Lei Federal nº 8.987/95 Lei Federal nº 8.987/95 (Atualizada pela Lei Federal nº 9.648/98, de 28 de maio de 1998) SUMÁRIO CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares... 03 CAPÍTULO II Do Serviço Adequado... 04 CAPÍTULO III Dos Direitos

Leia mais

(Aula nº 6 07/09/10)

(Aula nº 6 07/09/10) Direito Administrativo Analista e Auditor da Receita Federal (Aula nº 6 07/09/10) Prezado(a) aluno(a), Nesse sexto e último encontro serão abordados os seguintes temas: Serviço público: conceito e classificação,

Leia mais

MODALIDADES DE INTERVENÇÃO DO ESTADO NA ECONOMIA

MODALIDADES DE INTERVENÇÃO DO ESTADO NA ECONOMIA MODALIDADES DE INTERVENÇÃO DO ESTADO NA ECONOMIA AS AUTORIZAÇÕES ADMINISTRATIVAS FLORIANO DE AZEVEDO MARQUES NETO II FÓRUM F BRASILEIRO DE DIREITO PÚBLICO P DA ECONOMIA RIO DE JANEIRO, 25 DE NOVEMBRO DE

Leia mais

Direito & Cotidiano Diário dos estudantes, profissionais e curiosos do Direito.

Direito & Cotidiano Diário dos estudantes, profissionais e curiosos do Direito. Direito & Cotidiano Diário dos estudantes, profissionais e curiosos do Direito. http://direitoecotidiano.wordpress.com/ Rafael Adachi Organização Administrativa - Estudo da estrutura da Administração Pública.

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 388, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2004

RESOLUÇÃO Nº 388, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2004 Agência Nacional de Telecomunicações RESOLUÇÃO Nº 388, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2004 Aprova a Norma Sobre Condições de Prestação de Serviços de Telefonia para Chamadas Destinadas a "Assinante 0300". O PRESIDENTE

Leia mais

IUS RESUMOS. Agentes Públicos Parte I. Organizado por: Samille Lima Alves

IUS RESUMOS. Agentes Públicos Parte I. Organizado por: Samille Lima Alves Públicos Parte I Organizado por: Samille Lima Alves SUMÁRIO I. AGENTES PÚBLICOS PARTE 1... 3 1. Conceito... 3 2. Espécies de agentes públicos... 4 2.1 políticos... 4 2.2 Particulares em colaboração com

Leia mais

PLANO DE CURSO. Procurar estabelecer as relações entre Direitos Humanos, Direitos Fundamentais e a Organização

PLANO DE CURSO. Procurar estabelecer as relações entre Direitos Humanos, Direitos Fundamentais e a Organização COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Componente Curricular: DIREITO ADMINSTRATIVO II Código: DIR-369-b CH Total: 60h Pré-requisito: DIREITO ADMINSTRATIVO I Período Letivo: 2016.1 Turma: 5ºsemestre Professor:

Leia mais

02/11/2016 ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO

02/11/2016 ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO ÓRGÃO E ENTIDADE, DESCONCENTRAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO Lei 9.784/99: Art. 1º, 2º. Para os fins desta Lei, consideram-se: I - órgão - a unidade de atuação

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO QUESTÕES DO CESPE

DIREITO ADMINISTRATIVO QUESTÕES DO CESPE DIREITO ADMINISTRATIVO QUESTÕES DO CESPE Prof. João Eudes 1. (CESPE/2009) A administração pública é regida pelo princípio da autotutela, segundo o qual o administrador público está obrigado a denunciar

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA REGIONAL DA REPÚBLICA - 5ª REGIÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA REGIONAL DA REPÚBLICA - 5ª REGIÃO EXCELENTÍSSIMO SENHOR DESEMBARGADOR FEDERAL RELATOR E DEMAIS MEMBROS DESTA EGRÉGIA TERCEIRA TURMA Processo n.º : 2003.82.00.003814-2 (AC 400936-PB) Apelante : João Geraldo de Brito Apelado : Estado da

Leia mais

ANEXO 6. Reajustes e Cálculos das Contraprestações Públicas Mensais de Amortização Fixa e Variável e Penalidades

ANEXO 6. Reajustes e Cálculos das Contraprestações Públicas Mensais de Amortização Fixa e Variável e Penalidades ANEXO 6 Reajustes e Cálculos das Contraprestações Públicas Mensais de Amortização Fixa e Variável e Penalidades 1 1. OBJETIVO O objetivo deste anexo é detalhar a forma de cálculo e de reajustes da receita

Leia mais

Titularidade dos Serviços Públicos, Competência de Saneamento Básico

Titularidade dos Serviços Públicos, Competência de Saneamento Básico Titularidade dos Serviços Públicos, Instituição de Região Metropolitana e Competência de Saneamento Básico Hugo de Oliveira Novembro de 2013 Agenda 1) A Decisão 2) Possíveis Interpretações 3) Arranjos

Leia mais

A reestruturação do Seguro Garantia aplicado em Infraestrutura: impactos e desafios. Andre Dabus AD Corretora de Seguros

A reestruturação do Seguro Garantia aplicado em Infraestrutura: impactos e desafios. Andre Dabus AD Corretora de Seguros A reestruturação do Seguro Garantia aplicado em Infraestrutura: impactos e desafios Andre Dabus AD Corretora de Seguros Agenda Cenário atual - Infraestrutura no Brasil; Licitações : Aspectos Jurídicos;

Leia mais

Altera a Lei nº ,de 27 de dezembro de 1999, que dispõe sobre a Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos.

Altera a Lei nº ,de 27 de dezembro de 1999, que dispõe sobre a Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos. GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Gabinete Civil da Governadoria Superintendência de Legislação LEI Nº 16.653, DE 23 DE JULHO DE 2009 Altera a Lei nº 13.569,de 27 de dezembro de 1999, que dispõe sobre a Agência

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO. Professor Emerson Caetano

DIREITO ADMINISTRATIVO. Professor Emerson Caetano DIREITO ADMINISTRATIVO Professor Emerson Caetano 1. Acerca de ato administrativo e de procedimento de licitação, julgue o item seguinte. Caso seja necessário, a administração pública poderá revogar ato

Leia mais

TEMA Nº 3: AGÊNCIAS REGULADORAS NO DIREITO BRASILEIRO

TEMA Nº 3: AGÊNCIAS REGULADORAS NO DIREITO BRASILEIRO TEMA Nº 3: AGÊNCIAS REGULADORAS NO DIREITO BRASILEIRO Modelo brasileiro A REGULAÇÃO NO BRASIL Compreende uma pluralidade de entes com função regulatória Entes reguladores em geral -> Autarquias comuns

Leia mais

Extinção e inexecução de contratos administrativos

Extinção e inexecução de contratos administrativos Federal University of Roraima, Brazil From the SelectedWorks of Elói Martins Senhoras January 1, 2014 Extinção e inexecução de contratos administrativos Prof. Dr. Eloi Martins Senhoras Available at: http://works.bepress.com/eloi/348/

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO Conceito José Cretella Jr. Ramo do Direito Público Interno que regula a atividade das pessoas jurídicas públicas e a instituição de meios e órgãos relativos à ação dessas pessoas.

Leia mais

QUESTÕES DE CONCURSOS FISCAL DE RENDAS ICMS/RJ

QUESTÕES DE CONCURSOS FISCAL DE RENDAS ICMS/RJ QUESTÕES DE CONCURSOS FISCAL DE RENDAS ICMS/RJ - 2009 01 Assinale a alternativa que defina corretamente o poder regulamentar do chefe do Executivo, seja no âmbito federal, seja no estadual. a) O poder

Leia mais

PODERES ADMINISTRATIVOS

PODERES ADMINISTRATIVOS PODERES ADMINISTRATIVOS Direito Administrativo Prof. Rodrigo Cardoso PODER HIERÁRQUICO É o que consta no art. 116, da Lei n. 8.112/1990: Art. 116. São deveres do servidor: (...) IV cumprir as ordens superiores,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº /2016

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº /2016 INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº. 00007/2016 Orienta os Municípios goianos sobre o credenciamento de prestadores de serviços de saúde e médicos para a prestação complementar de serviços públicos de saúde O DO

Leia mais

Prof. Me. Edson Guedes. Unidade II INSTITUIÇÕES DE DIREITO

Prof. Me. Edson Guedes. Unidade II INSTITUIÇÕES DE DIREITO Prof. Me. Edson Guedes Unidade II INSTITUIÇÕES DE DIREITO 5. Direito Civil Unidade II 5.1 Da validade dos negócios jurídicos; 5.2 Responsabilidade civil e ato ilícito; 5. Direito Civil 5.1 Da validade

Leia mais

Governo do Rio Grande do Sul ESTADO QUE TRABALHA UNIDO PROCON-RS. Alexandre Appel Coordenador Estadual PROCON-RS

Governo do Rio Grande do Sul ESTADO QUE TRABALHA UNIDO PROCON-RS. Alexandre Appel Coordenador Estadual PROCON-RS Alexandre Appel Coordenador Estadual RS Atualmente, poucos são os consumidores que procuram o RS com reclamação de corte de energia elétrica por inadimplemento. Na sua maioria, procuram o PROCON- RS por

Leia mais

MINISTÉRIO DO AMBIENTE E RECURSOS NATURAIS. Decreto-lei n.º 147/95 de 21 de Junho

MINISTÉRIO DO AMBIENTE E RECURSOS NATURAIS. Decreto-lei n.º 147/95 de 21 de Junho MINISTÉRIO DO AMBIENTE E RECURSOS NATURAIS Decreto-lei n.º 147/95 de 21 de Junho A empresarialização dos sistemas multimunicipais e municipais de captação, tratamento e distribuição de água para consumo

Leia mais

Organização Administrativa Direito Administrativo

Organização Administrativa Direito Administrativo RESUMO Organização Administrativa Direito Administrativo 1 Índice Organização Administrativa... 3 Fundamento... 3 Legislação... 3 Administração Pública... 3 Órgãos Públicos... 3 Concentração e Desconcentração...

Leia mais

Comentários - Prova Tipo AZUL - Direito Administrativo

Comentários - Prova Tipo AZUL - Direito Administrativo Comentários - Prova Tipo AZUL - Direito Administrativo Pessoal, alguns temas novos, a exemplo da questão 31 que abordou aspectos da Lei nº 12.529/11. No entanto, a questão 30, 32, 33 e 34 já são temas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO ROTEIRO DE AULA

SERVIÇO PÚBLICO ROTEIRO DE AULA SERVIÇO PÚBLICO ROTEIRO DE AULA Conceito: É toda atividade de oferecimento de utilidade e comodidade material destinada à satisfação da coletividade em geral, mas fruível singularmente pelos administrados,

Leia mais

INSS Técnico Seguro Social

INSS Técnico Seguro Social EXERCÍCIOS - CESPE PODERES DA ADMINISTRAÇÃO 01) O servidor responsável pela segurança da portaria de um órgão público desentendeu-se com a autoridade superior desse órgão. Para se vingar do servidor, a

Leia mais

LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995 (*) O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei:

LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995 (*) O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: (*) Vide alterações e inclusões no final do texto. LEI Nº 8.987, DE 13 DE FEVEREIRO DE 1995 (*) O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: CAPÍTULO

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 PRINCÍPIOS CAPÍTULO 2 PODERES ADMINISTRATIVOS CAPÍTULO 3 ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA... 37

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 PRINCÍPIOS CAPÍTULO 2 PODERES ADMINISTRATIVOS CAPÍTULO 3 ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA... 37 SUMÁRIO CAPÍTULO 1 PRINCÍPIOS... 19 1.1. Princípios básicos... 19 1.1.1. Princípio da Supremacia do Interesse Público Sobre o Privado... 19 1.1.2. Princípio da Indisponibilidade do Interesse Público...

Leia mais

Planejamento Tributário Empresarial

Planejamento Tributário Empresarial Planejamento Tributário Empresarial Aula 02 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina, oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades,

Leia mais

O PROGRAMA LUZ PARA TODOS E A LEGISLAÇÃO DE ACESSO À ENERGIA ELÉTRICA AGRENER 2010

O PROGRAMA LUZ PARA TODOS E A LEGISLAÇÃO DE ACESSO À ENERGIA ELÉTRICA AGRENER 2010 Fernando Selles Ribeiro Ednaldo José Silva de Camargo - ANOS 20 PRIMEIRA COOPERATIVA DE ELETRIFICAÇÃO RURAL LOCALIDADE DE QUATRO IRMÃOS RS (TENDRIH,1990) ELETRIFICAÇÃO RURAL NO BRASIL LONGA HISTÓRIA DE

Leia mais

ÓRGÃOS PÚBLICOS. Teoria dos Órgãos Teoria da Imputação Volitiva. ALGUNS possuem Capacidade Processual (ou Judiciária)

ÓRGÃOS PÚBLICOS. Teoria dos Órgãos Teoria da Imputação Volitiva. ALGUNS possuem Capacidade Processual (ou Judiciária) ÓRGÃOS PÚBLICOS Teoria dos Órgãos Teoria da Imputação Volitiva ALGUNS possuem Capacidade Processual (ou Judiciária) Resultam da DESCONCENTRAÇÃO ADMINISTRATIVA ÓRGÃO PÚBLICO SEM PERSONALIDADE JURÍDICA ALGUNS

Leia mais

CONTROLE JUDICIAL DOS ATOS NORMATIVOS DAS AGÊNCIAS REGULADORAS. Marcos Juruena Villela Souto

CONTROLE JUDICIAL DOS ATOS NORMATIVOS DAS AGÊNCIAS REGULADORAS. Marcos Juruena Villela Souto CONTROLE JUDICIAL DOS ATOS NORMATIVOS DAS AGÊNCIAS REGULADORAS Marcos Juruena Villela Souto REGULAÇÃO A regulação é uma atividade administrativa de intervenção do Estado no domínio econômico, mediante

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br A adequada e eficaz prestação dos serviços públicos. A interrupção da prestação dos serviços essenciais e suas conseqüências Marcelo Azevedo Chamone* I) Serviços públicos sob incidência

Leia mais

CURSO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS ADMINISTRATIVOS 6ªed.

CURSO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS ADMINISTRATIVOS 6ªed. Destacam-se, assim, no presente livro, a ampla pesquisa de jurisprudência, o enfoque prático do texto e a linguagem utilizada, de fácil compreensão. LUCAS ROCHA FURTADO Autor CURSO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS

Leia mais

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE CONCURSO POLÍCIA MILITAR CFO / Julho 2009 PARECER DOS RECURSOS

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE CONCURSO POLÍCIA MILITAR CFO / Julho 2009 PARECER DOS RECURSOS 43) Considere uso e abuso do poder e analise as afirmações a seguir. l O poder administrativo outorgado ao agente público lhe confere a faculdade de atuar em favor da coletividade. ll Caso o agente público

Leia mais

II Da Lei nº /2013 e dos Contratos de Concessão de Energia Elétrica

II Da Lei nº /2013 e dos Contratos de Concessão de Energia Elétrica A CONSTITUCIONALIDADE DA PRORROGAÇÃO DOS CONTRATOS DE CONCESSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E A POSSIBILIDADE DE ALTERAÇÃO DAS CONDIÇÕES DO CONTRATO PELA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA THE CONSTITUTIONALITY OF THE EXTENSION

Leia mais

Licenças, autorizações, comunicações prévias e outros atos permissivos. João Tiago Silveira

Licenças, autorizações, comunicações prévias e outros atos permissivos. João Tiago Silveira Licenças, autorizações, comunicações prévias e outros atos permissivos João Tiago Silveira Plano da Sessão 1. Atos permissivos e controlo administrativo. 2. Licença e autorização. 3. Comunicação prévia

Leia mais

SERVIÇOS PÚBLICOS PARTE II E AGENTES PÚBLICOS PARTE I ROTEIRO DE AULA

SERVIÇOS PÚBLICOS PARTE II E AGENTES PÚBLICOS PARTE I ROTEIRO DE AULA SERVIÇOS PÚBLICOS PARTE II E AGENTES PÚBLICOS PARTE I ROTEIRO DE AULA SERVIÇOS (Continuação) Classificação: Serviços públicos propriamente ditos (essenciais e que não admitem delegação) e serviços de utilidade

Leia mais

A CLÁUSULA EXORBITANTE NO CONTRATO ADMINISTRATIVO

A CLÁUSULA EXORBITANTE NO CONTRATO ADMINISTRATIVO UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ UNIVALI CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS, POLÍTICAS E SOCIAIS - CEJURPS CURSO DE DIREITO A CLÁUSULA EXORBITANTE NO CONTRATO ADMINISTRATIVO ELLEN CRISTIANE SILVA Itajaí/SC, maio

Leia mais