Processos de Separação Misturas Para misturas Heterogêneas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Processos de Separação Misturas Para misturas Heterogêneas"

Transcrição

1 Ventilação: Sólido + Sólido O sólido menos denso é separado por uma corrente de ar.

2 Catação: Sólido + Sólido Sólidos de aspectos diferentes são separados com as mãos ou uma pinça

3 Levigação: Sólido + Sólido O Sólido menos denso é separado por uma corrente de água

4 Levigação

5 Separação Magnética: Sólido + Sólido Um dos sólidos é atraído por um ímã. Só é usada quando uma das substâncias possui propriedades magnéticas Ex: ferro, níquel e cobalto

6 Peneiração ou tamisação: Sólido + Sólido Usada quando os sólidos possuem tamanhos diferentes. Também podemos usar peneiras com diferentes malhas.

7 Flotação: Um líquido é usado para separar sólidos de diferentes densidades. O menos denso flutua. Sólido + Sólido

8 Decantação ou Sedimentação: O sólido por ser mais denso deposita-se no fundo do recipiente Sólido + Líquido

9 Decantação: Sifonação:

10 Centrifugação: É usada para acelerar a decantação. As partículas são arremessadas para o fundo do tubo.

11 Filtração: Líquido + Sólido A fase sólida fica retida quando a mistura passa por um papel de filtro.

12 Filtração: Líquido + Sólido A filtração ocorre mais rapidamente utilizando vácuo.

13 Decantação: Líquido + Líquido Dois líquidos também podem ser separados por decantação com auxílio de um funil de decantação ou funil de bromo.

14 Filtração: A mistura passa através de obstáculos, onde o sólido fica retido. Usado nas indústrias. Gás + Sólido

15 Para misturas homogêneas e heterogêneas Dissolução Fracionada: Sólido + Sólido Apenas um dos sólidos da mistura se dissolve em um líquido. Também pode ser chamado de solubilização Esse procedimento não é usado separadamente.

16 Para misturas Homogêneas Cristalização Fracionada: A mistura é dissolvida em um líquido que em seguida sofre evaporação ou resfriamento provocando a cristalização separadamente de cada sólido. Sólido + Sólido

17 Para misturas Homogêneas Fusão Fracionada: Sólido + Sólido É usada para separar misturas de sólidos que possuem pontos de fusão diferentes. *Aço Liga Metálica de Fe e C *Aço Inox Liga de Fe, C, Cr e Ni *Ouro 18 quilates 75% Au e 25% Ag e/ou Cu *Amálgama Dental Liga de Hg, Ag e Sn *Latão Liga de Cu e Zn *Bronze Liga de Cu e Sn

18 Para misturas Homogêneas ou Heterogêneas Sublimação: Sólido + Sólido É usada quando um dos sólidos sublima facilmente.

19 Para misturas Homogêneas: Destilação Simples: Líquido + Sólido A mistura é aquecida e o líquido mais volátil evapora. Ao passar pelo condensador retorna ao estado líquido e é recolhido em outro frasco.

20 Para misturas Homogêneas: Destilação Fracionada: Líquido + Líquido A principal diferença está na coluna de fracionamento. É usada quando os componentes da mistura possuem pontos de ebulição próximos. (Diferença aproximadamente de 80ºC)

21 Coluna de Fracionamento do Petróleo:

22 Para misturas Homogêneas: Liquefação Fracionada: Gás + Gás A mistura gasosa é liquefeita e depois destilada.

Processos físicos de separação de misturas

Processos físicos de separação de misturas Processos físicos de separação de misturas Misturas heterogêneas sólido-sólido Catação Peneiração Flutuação Separação Magnética Dissolução Fracionada Sublimação CATAÇÃO Baseia-se na identificação visual

Leia mais

Sistemas, Substâncias puras e Misturas Separação de Misturas

Sistemas, Substâncias puras e Misturas Separação de Misturas INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO Campus Valença Sistemas, Substâncias puras e Misturas Separação de Misturas Professor: José Tiago Pereira Barbosa 1 Sistemas Para facilitar a

Leia mais

SUBSTÂNCIAS PURAS, MISTURAS E SEPARAÇÃO DE MISTURAS.

SUBSTÂNCIAS PURAS, MISTURAS E SEPARAÇÃO DE MISTURAS. SUBSTÂNCIAS PURAS, MISTURAS E SEPARAÇÃO DE MISTURAS. CAPÍTULOS 6 E 7 Prof.ª Tatiana Lima Substâncias Puras * Conceito Toda matéria cuja fusão e ebulição ocorrem a uma temperatura constante. SIMPLES * Tipos

Leia mais

d) Separação Magnética: Esse processo é empregado quando um dos componentes da mistura é atraído por um imã.

d) Separação Magnética: Esse processo é empregado quando um dos componentes da mistura é atraído por um imã. 8. PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS A natureza comporta uma imensa mistura de substancias. A maioria dos materiais que utilizamos no cotidiano é composta de misturas. Na maioria das vezes o que interessa,

Leia mais

Apostila de Química 12 A Matéria

Apostila de Química 12 A Matéria Apostila de Química 12 A Matéria 1.0 Átomo x Elemento Átomo é uma partícula fundamental que compõe toda a matéria. Elemento químico é um conjunto de átomos quimicamente iguais (com o mesmo número atômico).

Leia mais

LOGO. Classificação da matéria. Profa. Samara Garcia

LOGO. Classificação da matéria. Profa. Samara Garcia LOGO Classificação da matéria Profa. Samara Garcia Classificação da matéria Substância pura: matéria formada por unidades químicas iguais, sejam átomos ou moléculas, e assim apresentam propriedades químicas

Leia mais

MÉTODOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS Professora Mariana Geração 2016

MÉTODOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS Professora Mariana Geração 2016 MÉTODOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS Professora Mariana Geração 2016 SEPARAÇÃO DE MISTURAS A maioria dos materiais encontrados na natureza não é substância pura, ou seja, não é constituída de um único tipo

Leia mais

QUÍMICA INORGÂNICA ESTRUTURA ATÔMICA PROF. NEIF NAGIB

QUÍMICA INORGÂNICA ESTRUTURA ATÔMICA PROF. NEIF NAGIB QUÍMICA INORGÂNICA ESTRUTURA ATÔMICA PROF. NEIF NAGIB JONH DALTON: Postulados de Dalton: 1- Toda matéria é formada por entidades extremamente pequenas, os átomos. 2- Os átomos são indivisíveis. 3- O número

Leia mais

QUÍMICA TAISSA LUKJANENKO

QUÍMICA TAISSA LUKJANENKO QUÍMICA TAISSA LUKJANENKO SUBSTÂNCIA PURA MISTURA ESTUDO DAS SUBSTÂNCIAS E MISTURAS SUBSTÂNCIA: material formado por moléculas quimicamente iguais. Substância simples: é constituída de uma molécula formada

Leia mais

1. Estados físicos da matéria Mudanças de estado Substâncias puras Misturas 4 Exercícios Densidade 6 1.

1. Estados físicos da matéria Mudanças de estado Substâncias puras Misturas 4 Exercícios Densidade 6 1. 1. Estados físicos da matéria 3 1.1 Mudanças de estado 3 1.2 Substâncias puras 4 1.3 Misturas 4 Exercícios 5 1.4 Densidade 6 1.5 Transformação da matéria 6 1.6 Alotropia 6 1.7 Diagramas de fases 6 1.8

Leia mais

html Química 10º Ano - Módulo Inicial

html Química 10º Ano - Módulo Inicial http://adorofisicaequimica.blogs.sapo.pt/ 15572.html Química 10º Ano - Módulo Inicial http:// phet.colorado.edu/ pt/simulation/statesof-matter MISTURA Heterogénea Homogénea Ex: Mel; café,

Leia mais

FQ A - 10ºF FÍSICO-QUÍMICA 1. PO TOS DE MUDA ÇA DE ESTADO FÍSICO DA MATÉRIA

FQ A - 10ºF FÍSICO-QUÍMICA 1. PO TOS DE MUDA ÇA DE ESTADO FÍSICO DA MATÉRIA FÍSICO-QUÍMICA 1. PO TOS DE MUDA ÇA DE ESTADO FÍSICO DA MATÉRIA O ponto de fusão designa a temperatura à qual uma substância passa do estado sólido ao estado líquido nas condições normais de pressão, coexistindo

Leia mais

Separação de misturas

Separação de misturas Separação de misturas Misturas Heterogêneas Sólido + Sólido Catação A catação é um tipo de separação manual de sistemas do tipo "sólidosólido". As substâncias são separadas manualmente e pode utilizar

Leia mais

Soluções. Soluções. Exemplo

Soluções. Soluções. Exemplo Soluções Soluções Química São Misturas Homogêneas 1 Fase Soluto + Solvente = Solução Podem ser : sólidas, líquidas e gasosas. Exemplos: Ligas metálicas; água potável e ar. Prof. Renan Campos. DE ACORDO

Leia mais

t RESOLUÇÃO COMECE DO BÁSICO

t RESOLUÇÃO COMECE DO BÁSICO t RESOLUÇÃO COMECE DO BÁSICO - o processo I sugere a evaporação (transformação física) dos componentes do medicamento. - a decomposição das substâncias (transformação química) que constituem o princípio

Leia mais

IQ-UFG. Curso Experimental de Química Geral e Inorgânica. Prof. Dr. Anselmo

IQ-UFG. Curso Experimental de Química Geral e Inorgânica. Prof. Dr. Anselmo IQ-UFG Curso Experimental de Química Geral e Inorgânica Aula 02 Reconhecimento de Vidrarias e Introdução às Técnicas de Laboratório Prof. Dr. Anselmo Vidrarias e equipamentos usuais em laboratórios de

Leia mais

Curso Pré-ENEM. Química. Profª M.ª Juliana Silva Leite

Curso Pré-ENEM. Química. Profª M.ª Juliana Silva Leite Curso Pré-ENEM Química Profª M.ª Juliana Silva Leite O Que é Química? Química é uma Ciência Experimental que estuda a estrutura, composição e a transformação da matéria. O Método Científico OBSERVAÇÕES

Leia mais

QiD 1 1ª SÉRIE PARTE 3 FÍSICA

QiD 1 1ª SÉRIE PARTE 3 FÍSICA QiD 1 1ª SÉRIE PARTE 3 FÍSICA 1. (1,0) Estime a ordem de grandeza do numero de passos que um atleta dá durante uma prova de maratona, sabendo que seu deslocamento é cerca de 42km e que um passo de um atleta

Leia mais

AULA 1 FRENTE 1. Por causa do lançamento, na atmosfera, de grande quantidade de gás carbônico, causador do efeito estufa.

AULA 1 FRENTE 1. Por causa do lançamento, na atmosfera, de grande quantidade de gás carbônico, causador do efeito estufa. Exercícios propostos AULA 1 FRENTE 1 1 Assinale na coluna da esquerda para causa e na coluna da direita para consequência do efeito estufa: I I Queimadas nas florestas II II Degelo das calotas polares

Leia mais

Reações Químicas. Ex: 2H 2 + O 2 2 H 2 O

Reações Químicas. Ex: 2H 2 + O 2 2 H 2 O REAÇÕES QUÍMICAS Reações Químicas As substâncias podem combinar-se com outras substâncias transformando-se em novas substâncias. Para estas transformações damos o nome de Reações Químicas. Ex: 2H 2 + O

Leia mais

Ficha de Revisão - 8º ano

Ficha de Revisão - 8º ano Ficha de Revisão - 8º ano A matéria pode ser uma SUBSTÂNCIA PURA ou uma MISTURA. As substâncias puras podem ser classificadas em: Simples e Composta. SUBSTÂNCIA SIMPLES É constituída por um único tipo

Leia mais

AULA 1 FRENTE 1. Por causa do lançamento, na atmosfera, de grande quantidade de gás carbônico, causador do efeito estufa.

AULA 1 FRENTE 1. Por causa do lançamento, na atmosfera, de grande quantidade de gás carbônico, causador do efeito estufa. Exercícios propostos AULA 1 FRENTE 1 1 Assinale na coluna da esquerda para causa e na coluna da direita para consequência do efeito estufa: I I Queimadas nas florestas II II Degelo das calotas polares

Leia mais

Atividade extra. Questão 1 Cecierj Questão 2 Cecierj Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química

Atividade extra. Questão 1 Cecierj Questão 2 Cecierj Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química Atividade extra Questão 1 Cecierj - 2013 Desenhe uma esfera de ferro e outra de chumbo que tenham massas iguais. Para isso, considere as seguintes densidades: densidade do ferro = 7,9 g/cm3 densidade do

Leia mais

Química Geral Experimental - Aula 3

Química Geral Experimental - Aula 3 Química Geral Experimental - Aula 3 Título da Prática: Misturas homogêneas e heterogêneas. Objetivos: Familiarizar o aluno com os conceitos de mistura e métodos de separação. Tópicos Explorados: - Misturas

Leia mais

SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS. (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido

SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS. (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido Separação magnética: Separa misturas do tipo sólido-sólido nas quais um dos componentes tem propriedades magnéticas

Leia mais

Professores: Alinne Borges Tiago Albuquerque Sandro Sobreira Josiane. Exercícios Substâncias puras e misturas. Métodos de separação. Vídeos.

Professores: Alinne Borges Tiago Albuquerque Sandro Sobreira Josiane. Exercícios Substâncias puras e misturas. Métodos de separação. Vídeos. Professores: Alinne Borges Tiago Albuquerque Sandro Sobreira Josiane Exercícios Substâncias puras e misturas Métodos de separação Vídeos Gabaritos Pesquise Momento Sheldon Substância pura Substância pura

Leia mais

09) Considere a tabela de pontos de fusão e ebulição das substâncias a seguir, a 1 atm de pressão:

09) Considere a tabela de pontos de fusão e ebulição das substâncias a seguir, a 1 atm de pressão: 01) Indique a alternativa que completa corretamente as lacunas do seguinte período: Um elemento químico é representado pelo seu..., é identificado pelo número de... e pode apresentar diferentes números

Leia mais

Módulo inicial Materiais: Diversidade e Constituição. Química 10.º ano Ano lectivo 2007/2008

Módulo inicial Materiais: Diversidade e Constituição. Química 10.º ano Ano lectivo 2007/2008 Química 10.º ano Ano lectivo 2007/2008 Escola Secundária José Saramago Marta Paulino e Ângela Patrício O que é um Material? É algo que tem massa e ocupa espaço. Classificação Materiais: Componentes Origem

Leia mais

Substâncias puras e misturas; análise imediata

Substâncias puras e misturas; análise imediata Segmento: Pré-vestibular Resoluções Coleção: Alfa, Beta e Gama Disciplina: Química Volume: 1 Série: 5 Substâncias puras e misturas; análise imediata 1. C Considerando as ilustrações, temos: I. Mistura

Leia mais

MONITORIA_2015 DISCIPLINA: QUÍMICA AULA: SEPARAÇÃO DE MISTURAS

MONITORIA_2015 DISCIPLINA: QUÍMICA AULA: SEPARAÇÃO DE MISTURAS MONITORIA_2015 DISCIPLINA: QUÍMICA AULA: SEPARAÇÃO DE MISTURAS LEMBRETES! Olá, galerinha!! (: Eu sou a Lygia, monitora de Química do Descomplica e tenho alguns recadinhos: Dúvidas & material: Enviar um

Leia mais

QUÍMICA - 1 Ano Processos de separação de misturas PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS

QUÍMICA - 1 Ano Processos de separação de misturas PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS Conceitos iniciais Na natureza, raramente encontramos substâncias puras. Em função disso, é necessário usarmos métodos de separação para obtermos determinada substância.

Leia mais

Química SUBSTÂNCIAS, MISTURAS E PROCESSO DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS

Química SUBSTÂNCIAS, MISTURAS E PROCESSO DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS SUBSTÂNCIAS, MISTURAS E PROCESSO DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS Átomos ligados entre si são chamados de moléculas, e representam substâncias químicas. Cada molécula é identificada por uma

Leia mais

ANÁLISE IMEDIATA. Karla Gomes- Diamantina- MG

ANÁLISE IMEDIATA. Karla Gomes- Diamantina- MG ANÁLISE IMEDIATA Karla Gomes- Diamantina- MG ANÁLISE IMEDIATA Conjunto de processos que permitem a separação dos diversos componentes de uma mistura. SEPARAÇÃO DOS COMPONENTES DE MISTURAS HETEROGÊNEAS

Leia mais

EQUIPAMENTO BÁSICO DE LABORATÓRIO

EQUIPAMENTO BÁSICO DE LABORATÓRIO 1 EQUIPAMENTO BÁSICO DE LABORATÓRIO MATERIAL DE VIDRO: TUBO DE ENSAIO Utilizado principalmente para efetuar reações químicas em pequena escala. 2 BÉQUER ou BÉCKER Recipiente com ou sem graduação, utilizado

Leia mais

SEPARAÇÃO DE MISTURAS

SEPARAÇÃO DE MISTURAS TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: Leia o texto, analise a figura a seguir e responda à(s) próxima(s) questão(ões). No início do século XVII, a química começou a despontar como ciência, com base na química

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CAMPUS MOSSORÓ PROFESSOR: ALBINO DISCIPLINA: QUÍMICA II ESTRUTURA DA MATÉRIA O termo matéria refere-se a todos os materiais

Leia mais

Separação de Misturas II Parte

Separação de Misturas II Parte Separação de Misturas II Parte Fracionamento de misturas heterogêneas Catação ou escolha É um método rudimentar de separação de mistura baseado na diferença de tamanho e de aspecto das partículas de uma

Leia mais

Química Geral. Substâncias Puras e Misturas Fenômenos Químicos. Química Geral

Química Geral. Substâncias Puras e Misturas Fenômenos Químicos. Química Geral Química Geral Substâncias Puras e Misturas Fenômenos Químicos Química Geral Substâncias Puras e Misturas Fenômenos Químicos Substâncias Puras e Misturas Elementos Químicos Átomos Nome (Português-Latim)

Leia mais

SUBSTÂNCIAS E MISTURAS. Professor: Antonio Sorrentino

SUBSTÂNCIAS E MISTURAS. Professor: Antonio Sorrentino SUBSTÂNCIAS E MISTURAS Professor: Antonio Sorrentino Substância pura e tipos de misturas Substâncias puras: Apresentam propriedades físicas bem definidas. Têm pontos de fusão e de ebulição. Ponto de fusão:

Leia mais

Decantação sólido - líquido

Decantação sólido - líquido Processos de separação Decantação sólido - líquido Possível devido à diferença de densidades dos componentes da mistura. Permite a separação de líquidos imiscíveis (que não se misturam) ou um sólido precipitado

Leia mais

SEPARAÇÃO DE MISTURAS

SEPARAÇÃO DE MISTURAS SEPARAÇÃO DE MISTURAS Os materiais encontrados na natureza são, em geral, misturas de várias substâncias. Mesmo em laboratório, quando tentamos preparar uma só substância, acabamos, normalmente, chegando

Leia mais

Grandes Ideias. em Materiais Naturais ou Sintéticos.

Grandes Ideias. em Materiais Naturais ou Sintéticos. PÁG: 1 / TEMA 2: MATERIAIS: 1. CONSTITUIÇÃO DO MUNDO MATERIAL Materiais naturais e sintéticos A madeira das árvores é natural mas o banco é manufaturado. A variedade de materiais existentes à nossa volta

Leia mais

Substâncias e Misturas

Substâncias e Misturas Química Atividade 1 - Revisão 1 os anos Décio ago/09 Nome: Nº: Turma: Substâncias e Misturas Objetivo O objetivo desta ficha é revisar alguns dos tópicos trabalhados no 1º semestre. As dúvidas devem ser

Leia mais

Dependendo do diâmetro (Ø) das partículas que constituem o disperso, as dispersões podem ser:

Dependendo do diâmetro (Ø) das partículas que constituem o disperso, as dispersões podem ser: Soluções Químicas A mistura de dois ou mais materiais podem ser uma perfeita dissolução denominada mistura homogênea ou uma separação total das partes constituintes do sistema a qual chamamos mistura heterogênea.

Leia mais

Matéria e Estados da Matéria

Matéria e Estados da Matéria Matéria e Estados da Matéria A matéria é o material físico do universo. Matéria é tudo que tem massa e ocupa certo lugar no espaço. Na antiguidade, o homem chegou a acreditar que toda matéria existente

Leia mais

SEPARAÇÃO DE MISTURAS

SEPARAÇÃO DE MISTURAS SEPARAÇÃO DE MISTURAS Os seguintes processos permitem a separação dos vários constituintes de uma mistura. Cada um destes processos tem uma utilização bem definida, dependendo do tipo e das propriedades

Leia mais

Composição Densidade (g/mol) Carvão 0,3 0,6 Ossos 1,7 2,0 Areia 2,0 2,4 Solo 2,6 2,8 Pedras 2,6 5,0

Composição Densidade (g/mol) Carvão 0,3 0,6 Ossos 1,7 2,0 Areia 2,0 2,4 Solo 2,6 2,8 Pedras 2,6 5,0 QUÍMICA Arqueologistas usam diferenças de densidade para separar as misturas que eles obtêm por escavação. Indique a opção correta para uma mostra que contém a seguinte composição: Composição Densidade

Leia mais

PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS. 1- quais os métodos mais indicados para separa os componentes das misturas abaixo:

PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS. 1- quais os métodos mais indicados para separa os componentes das misturas abaixo: EXERCÍCIOS DE REVISÃO PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS 1- quais os métodos mais indicados para separa os componentes das misturas abaixo: a) areia e ferro na forma de lâmina separação magnética b) água

Leia mais

Lista de Exercício. 1- Observe a representação dos sistemas I, II e III e seus componentes. Qual o número de fases em cada sistema?

Lista de Exercício. 1- Observe a representação dos sistemas I, II e III e seus componentes. Qual o número de fases em cada sistema? Professor: Cassio Pacheco Disciplina: Química 1 Ano Data de entrega: 07/04/2016 Lista de Exercício 1- Observe a representação dos sistemas I, II e III e seus componentes. Qual o número de fases em cada

Leia mais

PROCESSOS DE SEPARAÇÃO. Prof FERENC

PROCESSOS DE SEPARAÇÃO. Prof FERENC PROCESSOS DE SEPARAÇÃO Prof FERENC SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido Separação magnética: Separa misturas do tipo sólido-sólido nas quais um

Leia mais

Aspectos Macroscópicos

Aspectos Macroscópicos Aspectos Macroscópicos 1. Observe atentamente os processos abaixo: I. Efervescência ocorrida ao se colocar água oxigenada sobre um ferimento. II. A imagem de uma célula é ampliada por um microscópio. III.

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA. Ligações Químicas

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA. Ligações Químicas CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano - 2016 Ligações Químicas Na natureza, dificilmente os átomos ficam sozinhos. Eles tendem a se unir uns aos outros para formarem novas substâncias.

Leia mais

4023 Síntese do éster etílico do ácido 2-cicclopentanona carboxílico a partir do éster dietílico do ácido adípico

4023 Síntese do éster etílico do ácido 2-cicclopentanona carboxílico a partir do éster dietílico do ácido adípico NP 4023 Síntese do éster etílico do ácido 2-cicclopentanona carboxílico a partir do éster dietílico do ácido adípico NaEt C 10 H 18 4 Na C 2 H 6 C 8 H 12 3 (202,2) (23,0) (46,1) (156,2) Classificação Tipos

Leia mais

IX OSEQUIM - Olimpíada Sergipana de Química 1ª Etapa - Modalidade A

IX OSEQUIM - Olimpíada Sergipana de Química 1ª Etapa - Modalidade A Bom dia aluno! Está é a prova da primeira etapa da OSEQUIM, Olimpíada Sergipana de Química 2015, modalidade A, para alunos que se encontram cursando o 1º. Ano do ensino médio em 2015. Confira se a sua

Leia mais

2005 by Pearson Education. Capítulo 01

2005 by Pearson Education. Capítulo 01 QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 1 Introdução: matéria & medida David P. White O estudo da química A perspectiva molecular da química A matéria é o material físico do universo. A matéria é

Leia mais

esféricas maciças e indivisíveis.

esféricas maciças e indivisíveis. a) A-I, B-II, C-III b) A-II, B-III, C-I c) A-III, B-I, C-II d) A-III, B-II, C-I e) A-II, B-I, C-III LISTA DE EXERCÍCIOS DE QUÍMICA 1º Ano do Ensino Médio Professor: Anderson Paschôa É preciso estudar todos

Leia mais

QUÍMICA. Prof. Daniel Pires SUBSTÂNCIA PURA. MISTURA, MÉTODOS DE SEPARAÇÃO - PIRES

QUÍMICA. Prof. Daniel Pires SUBSTÂNCIA PURA. MISTURA, MÉTODOS DE SEPARAÇÃO - PIRES QUÍMICA Prof. Daniel Pires SUBSTÂNCIA PURA. MISTURA, MÉTODOS DE SEPARAÇÃO - PIRES 1-Substâncias Pura substância formada por átomos de um só elemento químico. Compostas substância formada por mais de um

Leia mais

QUÍMICA MÓDULO I (triênio )

QUÍMICA MÓDULO I (triênio ) QUÍMICA MÓDULO I (triênio 2003-2005) 1 1 1 H 1, 00 2 3 4 2 Li 6, 94 Be 9, 01 11 12 3 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 4 K 39, 10 37 Ca 40, 08 38 5 Rb 85, 47 55 Sr 87, 62 56 6 Cs 132, 91 Ba 137, 33 87 88 7 Fr

Leia mais

SUBSTÂNCIAS /SEPARAÇÃO DE MISTURAS/ MASSA ATÔMICA E MOLECULAR / MOL 2016

SUBSTÂNCIAS /SEPARAÇÃO DE MISTURAS/ MASSA ATÔMICA E MOLECULAR / MOL 2016 1. (UERJ ) No solo da floresta amazônica, são encontradas partículas ricas em fósforo, 1 trazidas pelos ventos, com velocidade constante de 0,1m s, desde o deserto do Saara. Admita que uma das partículas

Leia mais

Exercícios Aspectos Macroscópicos

Exercícios Aspectos Macroscópicos Exercícios Aspectos Macroscópicos 1. Observe atentamente os processos abaixo: I. Efervescência ocorrida ao se colocar água oxigenada sobre um ferimento. II. A imagem de uma célula é ampliada por um microscópio.

Leia mais

Em todas as alternativas, a associação observação-modelo atômico, está correta, EXCETO em:

Em todas as alternativas, a associação observação-modelo atômico, está correta, EXCETO em: Questão 01) Eperiênicas de Rutherford permitiram concluir que a relação entre raio do núcleo atômico/ raio do átomo é da ordem de : a) 10-2 b) 10-3 c) 10-4 d) 5,0. 10-2 e) 5,0. 10-3 Gab: C Questão 02)

Leia mais

3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão

3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão 3ªHumanas e Master - Química Prof os João Lins e Alexandre Estevão 1) Um sistema heterogêneo, S, é constituído por uma solução colorida e um sólido branco. O sistema foi submetido ao seguinte esquema de

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE QUÍMICA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE QUÍMICA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE QUÍMICA Nome: Nº Série: 9º EFII Data: / /2015 Professor: Gustavo/Priscila Anual I. Introdução Caro aluno, Neste ano de 2015 você não obteve o mínimo de pontos e, por isso

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS PARA A RECUPERAÇÃO 1º. SEMESTRE 2016 DISCIPLINA: CIÊNCIAS ANO: 9º PROFESSORA: SILVIA

ROTEIRO DE ESTUDOS PARA A RECUPERAÇÃO 1º. SEMESTRE 2016 DISCIPLINA: CIÊNCIAS ANO: 9º PROFESSORA: SILVIA ROTEIRO DE ESTUDOS PARA A RECUPERAÇÃO 1º. SEMESTRE 2016 DISCIPLINA: CIÊNCIAS ANO: 9º PROFESSORA: SILVIA Orientações de estudo: Estude as aulas nas apostilas 1 e 2, refazendo todos os exercícios propostos.

Leia mais

Colégio Avanço de Ensino Programado

Colégio Avanço de Ensino Programado α Colégio Avanço de Ensino Programado Avaliação Contínua 1º Semestre - 1º Bim. /2016 Nota: Professor (a): Cíntia Sargo Disciplina: Química Turma: 1ª Série E. Médio Nome: Nº: Atividade deverá ser entregue

Leia mais

QUÍMICA (2ºBimestre 1ºano)

QUÍMICA (2ºBimestre 1ºano) QUÍMICA (2ºBimestre 1ºano) TABELA PERIÓDICA ATUAL Exemplo: Se o K (potássio) encontra-se no 4º período ele possui 4 camadas. Nº atômico = Z 19 K-2; L-8, M-8; N-1 Propriedades gerais dos elementos Metais:

Leia mais

Resoluções de Atividades

Resoluções de Atividades VOLUME 1 QUÍMI Resoluções de tividades Sumário apítulo 1 Da lquimia à Química Moderna...1 apítulo 2 Energia e matéria... 2. apítulo 4 Modelos atômicos De Thomson a öhr... 5. apítulo 5 Estrutura atômica

Leia mais

SUBSTÂNCIAS E MISTURAS

SUBSTÂNCIAS E MISTURAS SUBSTÂNCIAS E MISTURAS 1. ELEMENTO QUÍMICO É um conjunto de átomos de mesmo número atômico(z). 1 2 3 H H H 1 1 1 2. SUBSTÂNCIA Z Todo material formado por um tipo apenas de componente (molécula ou aglomerado

Leia mais

QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015

QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015 QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015 1. Esta questão apresenta três afirmativas, que podem estar corretas ou incorretas. Responda-a, obedecendo ao seguinte código: I) Fe, AI, C, Na são conjunto de elementos

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS QUÍMICA Prof. Carlos Henrique

LISTA DE EXERCÍCIOS QUÍMICA Prof. Carlos Henrique LISTA DE EXERCÍCIOS QUÍMICA Prof. Carlos Henrique 9º ano 1) Observe o esquema a seguir: a) O sólido A é uma substância pura ou mistura? Justifique. b) Dê o nome da operação X adequada para o processo.

Leia mais

REVISÃO ENEM ATENÇÃO Inscreva-se: 01. uímica

REVISÃO ENEM ATENÇÃO Inscreva-se:  01. uímica .01 1. O Brasil concentra em torno de 12% da água doce do mundo disponível em rios e abriga o maior rio em extensão e volume do Planeta, o Amazonas. Além disso, mais de 90% do território brasileiro recebe

Leia mais

NEEJA- Núcleo de Educação de Jovens e Adultos Construindo um Novo Mundo. Apostila de Ciências Módulo 6

NEEJA- Núcleo de Educação de Jovens e Adultos Construindo um Novo Mundo. Apostila de Ciências Módulo 6 NEEJA- Núcleo de Educação de Jovens e Adultos Construindo um Novo Mundo. Apostila de Ciências Módulo 6 Professores: Alessandro Cansi, Luiz Patat, Rita Maria Zanatta da Motta Propriedades da Matéria. Conforme

Leia mais

A matéria e suas transformações

A matéria e suas transformações A matéria e suas transformações FENÔMENOS FISICOS E QUIMICOS 01) (UFPE-Adaptado) Considere as seguintes tarefas realizadas no dia-a-dia de uma cozinha e indique aquelas que envolve transformações químicas.

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2013 Disciplina: Química Série: 1ª Professora: Maria Luiza Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 1D

CADERNO DE EXERCÍCIOS 1D CADERNO DE EXERCÍCIOS 1D Ensino Médio Ciências da Natureza II Habilidade da Questão Conteúdo Matriz da EJA/FB 1 Técnica de separação de mistura H1; H5 homogênea (destilação simples) 2 Composição do ar

Leia mais

Fonte: Acesso em: 20 Jul

Fonte:  Acesso em: 20 Jul 1. (G1 - ifsp 2016) Se tentarmos filtrar água barrenta, verificamos que as partículas são tão finas que atravessam o filtro. Por esse motivo, nas estações de tratamento de água adiciona-se sulfato de alumínio

Leia mais

A Matéria e Diagrama de Fases. Profº André Montillo www.montillo.com.br

A Matéria e Diagrama de Fases. Profº André Montillo www.montillo.com.br A Matéria e Diagrama de Fases Profº André Montillo www.montillo.com.br Substância: É a combinação de átomos de elementos diferentes em uma proporção de um número inteiro. O átomo não é criado e não é destruído,

Leia mais

LOGO. Separação de misturas. Profa. Samara Garcia Profa. Núria Galacini Março/Abril/2012

LOGO. Separação de misturas. Profa. Samara Garcia Profa. Núria Galacini Março/Abril/2012 LOGO Separação de misturas Profa. Samara Garcia Profa. Núria Galacini Março/Abril/2012 Misturas Homogêneas Destilação simples (sólido + líquido): Por aquecimento, só o líquido entra em ebulição, vaporiza-se

Leia mais

Introdução. Gerais. Funcionais. Propriedades. da Matéria Organolépticas. Específicas. Químicas. Físicas. Química. Rômulo

Introdução. Gerais. Funcionais. Propriedades. da Matéria Organolépticas. Específicas. Químicas. Físicas. Química. Rômulo Introdução Gerais Propriedades Funcionais da Matéria Organolépticas Específicas s Físicas Propriedades Gerais São propriedades comuns a todo tipo de matéria massa extensão impenetrabilidade divisibilidade

Leia mais

HOMOGÊNEO HETEROGÊNEO

HOMOGÊNEO HETEROGÊNEO Sistemas materiais HOMOGÊNEO SUBSTÂNCIA PURA? SIMPLES MISTURA HOMOGÊNEA? COMPOSTA SISTEMA? HETEROGÊNEO SUBSTÂNCIA PURA MISTURA HETEROGÊNEA Sistema É parte do universo físico f que contenha ou não matéria,

Leia mais

Unidade 2 Substâncias e átomos

Unidade 2 Substâncias e átomos Unidade 2 Substâncias e átomos Substâncias Puras pág. 51 A matéria é composta por uma ou mais substâncias químicas. Porém, é difícil saber se um corpo é composto por uma única substância ou por uma mistura

Leia mais

Destilação Fracionada e Misturas Azeotrópicas

Destilação Fracionada e Misturas Azeotrópicas 1. Introdução Destilação Fracionada e Misturas Azeotrópicas O ponto de ebulição normal de uma mistura binária líquida é a temperatura na qual a pressão de vapor total da mistura é igual a 1 atm. Ou seja,

Leia mais

02- Quais das propriedades a seguir são as mais indicadas para verificar se é pura uma certa amostra sólida de uma substância conhecida?

02- Quais das propriedades a seguir são as mais indicadas para verificar se é pura uma certa amostra sólida de uma substância conhecida? PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA BANCO DE QUESTÕES - QUÍMICA - 9º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= 01- Massa, extensão

Leia mais

Resumos. 1) Aula L1 - O Lixo e Conceitos Químicos a. Aulas. 1) Aula L1 - Lixo e Conceitos Gerais. 2) Aula L2 - Estados Físicos da Matéria

Resumos. 1) Aula L1 - O Lixo e Conceitos Químicos a. Aulas. 1) Aula L1 - Lixo e Conceitos Gerais. 2) Aula L2 - Estados Físicos da Matéria Resumo Teórico 1 Fala Gás Nobre! Tudo bem? Já assistimos todos os vídeos sobre o Lixo. Estamos cada vez mais próximos do sucesso. Por isso quero te entregar esse material que contém o resumo das aulas

Leia mais

CIEP Brizolão 355 Roquete Pinto Apostila de Química EJA IX Fase Profº Eduardo

CIEP Brizolão 355 Roquete Pinto Apostila de Química EJA IX Fase Profº Eduardo A matéria e suas propriedades A Química é a ciência que estuda a constituição da matéria, sua estrutura interna, as relações entre os diversos tipos de materiais encontrados na natureza, além de determinar

Leia mais

2. Assinale a alternativa que apresenta, na seqüência, os termos corretos que preenchem as lacunas da seguinte afirmativa:

2. Assinale a alternativa que apresenta, na seqüência, os termos corretos que preenchem as lacunas da seguinte afirmativa: COLÉGIO JOÃO PAULO I QUÍMICA 8ª Série Nome: Turma: Data: Professor (a): Nota Máxima: 6,0 Nota: 1. Assinale a ÚNICA proposição CORRETA que contém o melhor método para separar os três componentes de uma

Leia mais

O interesse da Química é analisar as...

O interesse da Química é analisar as... O interesse da Química é analisar as... PROPRIEDADES CONSTITUINTES SUBSTÂNCIAS E MATERIAIS TRANSFORMAÇÕES ESTADOS FÍSICOS DOS MATERIAIS Os materiais podem se apresentar na natureza em 3 estados físicos

Leia mais

Química para vestibular Equipamentos e vidrarias de laboratório SIMBOLOS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO

Química para vestibular Equipamentos e vidrarias de laboratório SIMBOLOS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO SIMBOLOS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO Os símbolos de risco são pictogramas representadas em forma quadrada, impressos em preto e fundo laranja-amarelo, utilizados em rótulos ou informações de produtos químicos.

Leia mais

Olimpíada Brasileira de Química Fase III (Etapa 1 nacional)

Olimpíada Brasileira de Química Fase III (Etapa 1 nacional) Page 1 of 5 Olimpíada Brasileira de Química - 2001 Fase III (Etapa 1 nacional) Questão 1 (48 th Chemistry Olympiad - Final National Competition - 2001 - Estonia) Exame aplicado em 01.09.2001 Os compostos

Leia mais

Processos em Engenharia: Processos de Separação

Processos em Engenharia: Processos de Separação Processos em Engenharia: Processos de Separação Prof. Daniel Coutinho coutinho@das.ufsc.br Departamento de Automação e Sistemas DAS Universidade Federal de Santa Catarina UFSC DAS 5101 - Aula 10 p.1/44

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ 2010 01. A tabela

Leia mais

PLANO DE ESTUDO TRIMESTRE: 3º

PLANO DE ESTUDO TRIMESTRE: 3º C O L É G I O K E N N E D Y / R E D E P I T Á G O R A S PLANO DE ESTUDO TRIMESTRE: º PLANO DE ESTUDO Nº 10 PROFESSORA: Rose Barbosa DATA DA AVALIAÇÃO: 17/11/016 DISCIPLINA : Química ANO/SÉRIE: º ANO EM

Leia mais

PROPRIEDADES DOS MATERIAIS QUÍMICA GERAL

PROPRIEDADES DOS MATERIAIS QUÍMICA GERAL PROPRIEDADES DOS MATERIAIS QUÍMICA GERAL PROPRIEDADES DA MATÉRIA CONCEITOS BÁSICOS MATÉRIA: tudo o que tem massa e ocupa lugar no espaço. CORPO/OBJETO: porção limitada da matéria. MASSA: quantidade matéria,

Leia mais

Profº André Montillo

Profº André Montillo Profº André Montillo www.montillo.com.br Dispersão Definição: É colocar uma substância dentro de outra substância, onde a primeira substância se caracteriza por ser uma partícula, ou seja, a substância

Leia mais

SISTEMAS DISPERSOS SOLUÇÕES COLÓIDES SUSPENSÕES

SISTEMAS DISPERSOS SOLUÇÕES COLÓIDES SUSPENSÕES SISTEMAS DISPERSOS SOLUÇÕES COLÓIDES SUSPENSÕES PROPRIEDADES DA MATÉRIA 1 - GERAIS: inerentes à toda matéria. São: massa, extensão, impenetrabilidade, divisibilidade, compressibilidade e elasticidade.

Leia mais

2008 Esterificação do ácido propiônico com 1-butanol via catálise ácida para a obtenção do éster propanoato de butila

2008 Esterificação do ácido propiônico com 1-butanol via catálise ácida para a obtenção do éster propanoato de butila 28 Esterificação do ácido propiônico com 1-butanol via catálise ácida para a obtenção do éster propanoato de butila Classificação Tipos de reações e classes de substâncias Reação de carbonila de ácidos

Leia mais

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida -

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida - ESTUDO DA MATÉRIA QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida - Matéria Material ou matéria é tudo aquilo que tem massa e ocupa lugar no espaço. Água Ar Madeira Ouro Corpo Porção limitada da matéria Barra de Ouro Tronco

Leia mais

Capítulo 3: Propriedades de uma Substância Pura

Capítulo 3: Propriedades de uma Substância Pura Capítulo 3: Propriedades de uma Substância Pura Substância pura Princípio de estado Equilíbrio de fases Diagramas de fases Substância Pura Substância pura é a aquela que tem composição química invariável

Leia mais

DISPERSÕES. Prof. Tatiane Kuchnier de Moura

DISPERSÕES. Prof. Tatiane Kuchnier de Moura DISPERSÕES Prof. Tatiane Kuchnier de Moura DISPERSÃO Mistura DISPERSO + DISPERSANTE Classificação das Dispersões Nome da dispersão Diâmetro médio das partículas dispersas Exemplos Solução verdadeira Entre

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS 1.º Teste Sumativo de FQA 17.OUTUBRO.2014 Versão 1 10.º Ano Turma A Professora: Maria do Anjo Albuquerque Duração da prova: 90 minutos. Tolerância: 0 minutos 7 páginas NOME

Leia mais