Décima Sexta Câmara Cível Gabinete do Desembargador Marco Aurélio Bezerra De Melo

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Décima Sexta Câmara Cível Gabinete do Desembargador Marco Aurélio Bezerra De Melo"

Transcrição

1 AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO AGRAVADA QUE DEFERE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA PARA DETERMINAR AO MUNICÍPIO DE NOVA FRIBURGO A DISPONIBILIZAÇÃO DE CONSULTA MÉDICA DE NEUROLOGISTA. RECURSO DO RÉU. Direito à Saúde. Garantia Constitucional do Direito à Vida. Inteligência dos artigos 5º, 6º e 196 da CRFB/88. O réu reconhece a possibilidade de atendimento da agravada na Policlínica Silvio Henrique Braune. Autora com sérios problemas de coluna (hérnia), com muitas dores, que há tempos tenta tratamento de saúde em outra unidade de saúde municipal. Assim, ainda que não seja a sua função precípua, cabe a intervenção do Poder Judiciário, quando provocado, ante a omissão estatal, a fim de garantir direitos constitucionalmente positivados. Valor da multa diária em R$ 300,00 (trezentos reais), limitado a R$ ,00 (dez mil reais) que não se considera excessivo, sendo sua fixação necessária na hipótese de eventual descumprimento da ordem emanada, tendo em vista a relevância dos bens que se pretende resguardar, quais sejam, a saúde e a vida da agravada. Precedente jurisprudencial. Recurso a que se nega seguimento, na forma do artigo 557, caput, do Código de Processo Civil. DECISÃO MONOCRÁTICA Recurso de agravo de instrumento interposto contra a decisão proferida pelo Juízo da 3ª Vara Cível da Comarca de Nova Friburgo, cuja cópia se encontra no doc. eletrônico nº 04 do anexo 1, que deferiu em parte a antecipação de tutela para 1

2 que o réu realize a consulta médica com médico neurocirurgião dos quadros do SUS, ou na impossibilidade, que custeie consulta particular com médico neurocirurgião de livre escolha da autora, em 48 horas, sob pena de multa diária de R$ 300,00, Iimitada a R$ ,00. Alega o agravante que a própria agravada informa que foi atendida por diversas vezes no Hospital Municipal Raul Sertã, não se podendo falar em omissão do Município, e que a avaliação médica a ser feita na mesma é realizada pelo Neurologista que atende na Policlínica Silvio Henrique Braune, situada no Bairro do Suspiro, devendo a autora se dirigir àquela unidade de saúde e marcar o atendimento pleiteado, como todos fazem. Afirma que não consta nos autos qualquer informação de que foi negado à agravada o atendimento médico na unidade de saúde, não se podendo instituir qualquer discriminação no atendimento a pessoas que possam estar nas mesmas condições. Sustenta que merece reforma da decisão agravada, em razão do dano irreparável ou de difícil reparação na hipótese de o agravante ter que suportar o pagamento de multa que pode chegar ao valor de R$ ,00, trazendo à lume ainda a questão da reserva do possível bem como a impossibilidade de o Poder Judiciário se sobrepor aos preceitos jurídicos que disciplinam a organização política do Município, notadamente, sua administração financeira, garantias orçamentárias, definição de políticas e estratégias de melhor aplicação dos recursos públicos. Requer, assim, seja afastada a obrigação de marcar consulta médica no prazo de 48 horas sob pena de multa diária de R$ 300, 00 (trezentos reais). 2

3 É o breve relatório. Passo a decidir. Presentes os requisitos de admissibilidade, conheço do recurso. Não assiste razão ao agravante. O direito à vida e à saúde é assegurado a todos pelos artigos 5º, 6º e 196 da CRFB/88, não podendo o Município se recusar a custear o tratamento necessário à manutenção da saúde da agravada, que necessita de avaliação médica de neurologista em razão de seus sérios problemas de coluna. O próprio agravante reconhece a possibilidade de atendimento da agravada na Policlínica Silvio Henrique Braune, mas não se resigna com a disponibilização da consulta à autora no prazo de 48 horas, pois entende que é a própria quem deve se dirigir àquela unidade para a marcação, como todos fazem. Entretanto, da narrativa da petição inicial da ação originária (doc. eletrônico 08 do anexo 1) verifica-se que a agravada já tenta solucionar seu problemas há tempos em outra unidade de saúde municipal, necessitando de resposta imediata e eficaz às suas dores causadas por lesões na coluna (hérnia), de onde se extrai no caso concreto o perigo na demora. Assim, ainda que não seja a sua função precípua, cabe a intervenção do Poder Judiciário, quando provocado, ante a omissão estatal, a fim de garantir 3

4 direitos constitucionalmente positivados, o que justifica a determinação judicial à agravante de disponibilizar a consulta médica à agravada, no prazo razoável de 48 horas. Ressalta-se ainda que não se considera excessivo o valor da multa diária fixado em R$ 300,00 (trezentos reais), sendo sua fixação necessária na hipótese de eventual descumprimento da ordem emanada, tendo em vista a relevância dos bens que se pretende resguardar, quais sejam, a saúde e a vida da agravada. Ora, basta o agravante cumprir a decisão agravada para que não seja obrigado a arcar com o pagamento de tal valor. A propósito, destaca-se o seguinte julgado deste E. Tribunal: Processo : ª Ementa - AGRAVO DE INSTRUMENTO DES. RENATA COTTA - Julgamento: 06/05/ TERCEIRA CAMARA CIVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO. SAÚDE PÚBLICA. REALIZAÇÃO DE EXAME. DECISÃO QUE DEFERIU O PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA. MULTA COERCITIVA. INCIDÊNCIA DO VERBETE Nº 59 DESTE TRIBUNAL. A antecipação dos efeitos da tutela jurisdicional foi consolidada em nosso ordenamento jurídico, a partir do advento da Lei nº 8.952/94 em resposta aos anseios dos doutrinadores e da jurisprudência pátria, como um das formas de celeridade e garantia da efetividade da prestação jurisdicional. Na hipótese, estão presentes os requisitos autorizadores da tutela de mérito previstos no art. 273, do CPC. Na hipótese, o juízo a quo deferiu a antecipação dos efeitos da tutela e determinou que os réus providenciassem, no prazo de 72 horas, a realização do exame em ambulatório de hematologia para a avaliação da 4

5 autora que é portadora de leucopenia (prescrição médica - fls. 30/36), em qualquer unidade hospitalar, pública ou privada, ou conveniada ao SUS, arcando os réus (Estado do Rio de Janeiro e Município de Nilópolis) com o custeio integral do exame. Com efeito, a saúde é um bem jurídico que goza de amparo constitucional no plano federal, estadual e municipal, expresso no art.23 da Carta Magna e a negativa de fornecimento de medicamentos viola as garantias dos cidadãos, máxime dos carentes. O direito à saúde está intrinsecamente ligado ao direito à vida, garantia constitucional esculpida no artigo 5º, caput, da Constituição Federal. Logo, o comando constitucional do art.196, da CF, não obstante, norma programática, deixa claro que o necessitado tem o direito de receber do Estado, assim entendido União, Estados, Distrito Federal e Municípios, o suporte efetivo para a tutela do bem jurídico mais importante da sociedade, qual seja, a vida. Inteligência do Verbete nº 65, deste Tribunal. Multa única imposta por ser medida de natureza coercitiva, com o fim de compelir o réu ao cumprimento da determinação judicial. No caso em tela, In casu, o juízo a quo fixou multa única no valor de R$ ,00 no caso de descumprimento da decisão o que, considerando as circunstâncias e a gravidade do caso concreto é razoável, eis que a autora conta com 63 anos de idade e é portadora de leucopenia. Decisão agravada que não se afigura teratológica, contrária à lei ou à prova dos autos. Hipótese de incidência da Súmula 59, do TJRJ. Recurso a que se nega seguimento. À conta de tais fundamentos, com respaldo na regra do artigo 557, caput, do Código de Processo Civil, eis que contrário à jurisprudência deste Tribunal de Justiça. Rio de Janeiro, 11 de fevereiro de Desembargador MARCO AURÉLIO BEZERRA DE MELO Relator 5

(7) Agravo de Instrumento nº

(7) Agravo de Instrumento nº TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0003412-46.2014.8.19.0000 JUÍZO DE ORIGEM: VARA ÚNICA DA COMARCA DE IGUABA GRANDE AGRAVANTE:

Leia mais

PROVIMENTO PARCIAL DO RECURSO.

PROVIMENTO PARCIAL DO RECURSO. Tribunal de Justiça Primeira Câmara Cível Agravante: ISABELA CORDEIRO DUTRA CALHEIROS REP/P/S/MÃE MELISSA CORDEIRO DUTRA Agravante: CAROLINA CORDEIRO DUTRA CALHEIROS REP/P/S/MÃE MELISSA CORDEIRO DUTRA

Leia mais

(3) - 10ª Câmara Cível AI nº /2014 decisão - fl. 1

(3) - 10ª Câmara Cível AI nº /2014 decisão - fl. 1 1 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA CÂMARA CÍVEL Agravo de Instrumento n.º 0011871-37.2014.8.19.0000 Agravante: VITTORIO E EMANUELLE BAR RESTAURANTE E PIZZARIA LTDA (executado) Agravados: NANCY CLEA KNUPP CASTRO

Leia mais

VIGÉSIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL / CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº AGRAVANTE: BAYER S

VIGÉSIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL / CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº AGRAVANTE: BAYER S VIGÉSIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL / CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0004565-17.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: BAYER S.A AGRAVADO: ANTONIO SANTOS RELATORA: DES. TEREZA CRISTINA SOBRAL BITTENCOURT SAMPAIO AGRAVO

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO MONOCRÁTICA. DIREITO PRIVADO NÃO ESPECIFICADO. AÇÃO DE EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL. CONSULTA AO BACEN JUD PARA A LOCALIZAÇÃO DA PARTE DEVEDORA. - A consulta de endereços

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL Nº 0001290-15.2010.8.19.0028 APELANTE: AMPLA ENERGIA E SERVIÇOS S.A. APELADOS: R.S.R. DE MACAÉ EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES IMOBILIÁRIAS

Leia mais

DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO

DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0030830-56.2014.8.19.0000 RELATOR: DES. CELSO FERREIRA FILHO AGRAVANTE: CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS

Leia mais

: MIN. GILMAR MENDES

: MIN. GILMAR MENDES RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 949.410 RIO DE JANEIRO RELATOR RECTE.(S) : MIN. GILMAR MENDES :JANDIRA COSTA VIEIRA :DEFENSOR PÚBLICO-GERAL FEDERAL :UNIÃO :ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO :ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

CAPUT, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. AGRAVO DESPROVIDO. DECISÃO MONOCRÁTICA RELATÓRIO

CAPUT, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. AGRAVO DESPROVIDO. DECISÃO MONOCRÁTICA RELATÓRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº. 0063122-31.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIA - INSS AGRAVADO: MARLENE AFONSO

Leia mais

RELATÓRIO. 3. Foi atribuído o efeito suspensivo ao presente recurso. 4. Foram apresentadas contrarrazões. 5. É o que havia de relevante para relatar.

RELATÓRIO. 3. Foi atribuído o efeito suspensivo ao presente recurso. 4. Foram apresentadas contrarrazões. 5. É o que havia de relevante para relatar. PROCESSO Nº: 0804286-21.2014.4.05.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO RELATÓRIO 1. Trata-se AGTR interposto pela UNIÃO FEDERAL, contra decisão do douto Juiz Federal da 1ª Vara da SJ/RN que, nos autos da ação

Leia mais

Poder Judiciário. Estado do Rio de Janeiro Décima NonaCâmara Cível

Poder Judiciário. Estado do Rio de Janeiro Décima NonaCâmara Cível Agravo de Instrumento Nº: 0035162-32.2015.8.19.0000 Agravantes: MUNICIPIO DE ANGRA DOS REIS Agravado: SEBASTIÃO MAXIMO DA COSTA Juízo de Origem: 2ª Vara Cível da Comarca de Angra dos Reis Relator: DESEMBARGADOR

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO N.º

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO N.º TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR AGRAVO DE INSTRUMENTO N.º 0020919-20.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: COMPANHIA ESTADUAL DE ÁGUAS E ESGOTOS - CEDAE AGRAVADO:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 37ª Câmara de Direito Privado

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 37ª Câmara de Direito Privado ACÓRDÃO Registro: 2016.0000683259 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2164180-43.2016.8.26.0000, da Comarca de São Paulo, em que é agravante BANCO VOTORANTIM S/A, são

Leia mais

DECISÃO. (Fundamentação legal: artigo 557, caput, do CPC)

DECISÃO. (Fundamentação legal: artigo 557, caput, do CPC) TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0038147-13.2011.8.19.0000 Agravante:AYMORÉ CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S.A (autor) Agravada: MARIA DAS DORES DA SILVA (ré) Relatora:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Orloff Neves Rocha PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº ( )

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Orloff Neves Rocha PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº ( ) PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 222331-78.2014.8.09.0000 (201492223310) COMARCA AGRAVANTE AGRAVADO RELATOR :GOIÂNIA :BANCO BRADESCO FINANCIAMENTOS S/A :JESSYCA DE ALMEIDA SILVA :Desembargador

Leia mais

Acorda a Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba, por unanimidade, em DAR PROVIMENTO AO RECURSO.

Acorda a Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba, por unanimidade, em DAR PROVIMENTO AO RECURSO. Processo d. 001.2010.020128-2/001,.4k 4k ausnne - - -, Acórdão ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque Agravo de Instrumento -

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL Agravo Interno no Agravo de Instrumento nº 0007110-60.2014.8.19.0000 Agravante: Tim Celular S/A Agravado: Miguel da Silva Virgem

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0145.14.044695-9/002 Númeração 0823209- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Pedro Bernardes Des.(a) Pedro Bernardes 26/05/0015 19/06/2015 EMENTA: AGRAVO

Leia mais

DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL

DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL 1 DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL MANDADO DE SEGURANÇA Nº 0060941-91.2012.8.19.0000 IMPETRANTE: ELI FERNANDES MATHEUS IMPETRADO (1): EXMO SR SECRETÁRIO DE ESTADO DE SAÚDE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO IMPETRADO

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0053722-22.2015.8.19.0000 Ação Originária nº 0001432-93.2015.8.19.0076 AGRAVANTES: LEANDRO SOARES DE SOUZA, CAMILA APARECIDA FARACO DA SILVA, MARIA APARECIDA FARACO DA SILVA e

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0194.09.096338-1/001 Númeração 0963381- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Mota e Silva Des.(a) Mota e Silva 09/06/2009 30/06/2009 EMENTA: DIREITO

Leia mais

ACORDAM. Os Desembargadores que integram a 18ª Câmara Cível em negar provimento ao recurso, nos termos do voto do Relator. Decisão unânime.

ACORDAM. Os Desembargadores que integram a 18ª Câmara Cível em negar provimento ao recurso, nos termos do voto do Relator. Decisão unânime. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL AGRAVO INOMINADO NO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº. 0003042-04.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: ZILMA IZABEL DA CONCEIÇÃO MARIA AGRAVADO: INSTITUTO

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO n /1-00, da Comarca de SÃO. MANOEL, em que é agravante NILDA TERESINHA PARAÍSO FURUKAWA

AGRAVO DE INSTRUMENTO n /1-00, da Comarca de SÃO. MANOEL, em que é agravante NILDA TERESINHA PARAÍSO FURUKAWA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO TRIRUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRÁTICA ACÓRDÃO REGISTRADO(A) SOB N Vistos, relatados e discutidos estes autos de AGRAVO DE INSTRUMENTO n 524.319-4/1-00,

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO. PEDIDO LIMINAR. DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO PACTUADO CONTRATUALMENTE. CONTRATO BANCÁRIO. LIMITE DE 30%.

AGRAVO DE INSTRUMENTO. PEDIDO LIMINAR. DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO PACTUADO CONTRATUALMENTE. CONTRATO BANCÁRIO. LIMITE DE 30%. AGRAVO DE INSTRUMENTO. PEDIDO LIMINAR. DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO PACTUADO CONTRATUALMENTE. CONTRATO BANCÁRIO. LIMITE DE 30%. É válido o desconto em folha para pagamento de empréstimo bancário livremente

Leia mais

Estado da Paraíba Poder Judiciário Tribunal de Justiça

Estado da Paraíba Poder Judiciário Tribunal de Justiça á Estado da Paraíba Poder Judiciário Tribunal de Justiça AGRAVO INTERNO N" 200.2009.036736-4/001 RELATOR : Juiz Miguel de Britto Lyra Filho, Juiz de Direito Convocado AGRAVANTE : Banco Real Leasing S/A

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 4ª CÂMARA CÍVEL Relator: Desembargador SIDNEY HARTUNG

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 4ª CÂMARA CÍVEL Relator: Desembargador SIDNEY HARTUNG TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 4ª CÂMARA CÍVEL Relator: Desembargador SIDNEY HARTUNG AGRAVO DE INSTRUMENTO N.º 0030633-38.2013.8.19.0000 Agravante: DELVINA CÂNDIDA DE OLIVEIRA. Agravados:ELIANE

Leia mais

A C Ó R D Ã O DO AGRAVO INTERNO.

A C Ó R D Ã O DO AGRAVO INTERNO. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO DE JANEIRO 24ª CÂMARA CÍVEL AGRAVO INTERNO NO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0011012-84.2015.8.19.0000 4ª VARA EMPRESARIAL AGRAVANTE : MICROSOFT INFORMATICA LTDA AGRAVADO : MINISTÉRIO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.215.895 - MT (2010/0183418-1) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : ESTADO DE MATO GROSSO PROCURADOR : ANA CRISTINA COSTA DE ALMEIDA B TEIXEIRA E OUTRO(S) RECORRIDO : TRANSPORTES

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR JOÃO ALVES DA SILVA DECISÃO MONOCRÁTICA AGRAVO INTERNO NQ 001.2011.016574-1/001 RELATOR :Desembargador João Alves da Silva AGRAVANTE : Renata Toscano

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO n º 0018320-11.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: ADMILSON DE SOUZA SANTOS AGRAVADA: LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S/A RELATOR: DES. MARCELO CASTRO ANÁTOCLES DA SILVA FERREIRA AGRAVO DE INSTRUMENTO.

Leia mais

A C Ó R D Ã O. ACORDA, em Turma, a Terceira Câmara Civil do Tribunal de Alçada do Estado de Minas Gerais, NEGAR PROVIMENTO.

A C Ó R D Ã O. ACORDA, em Turma, a Terceira Câmara Civil do Tribunal de Alçada do Estado de Minas Gerais, NEGAR PROVIMENTO. EMENTA: PROCESSUAL CIVIL - AGRAVO DE INSTRUMENTO AÇÃO CAUTELAR PREPARATÓRIA DÉBITO CONTRAÍDO COM INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DESCONTO EM CONTA CORRENTE VENCIMENTOS DEBITADOS EM CONTA LIMINAR QUE REDUZIU O PERCENTUAL

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO A5 PROCESSO nº 0012420-55.2014.5.03.0093 (AP) AGRAVANTE: DIA BRASIL SOCIEDADE LIMITADA AGRAVADO: RELATORA: DESEMBARGADORA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECISÃO MONOCRÁTICA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECISÃO MONOCRÁTICA fls. 237 Registro: 2016.0000609797 DECISÃO MONOCRÁTICA Agravo de Instrumento Processo nº 2163570-75.2016.8.26.0000 Relator(a): Luis Mario Galbetti Órgão Julgador: 7ª Câmara de Direito Privado Voto nº:

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL 1 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0006422-98.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: DENISE GUARINO MOREIRA FOLETTO AGRAVADO 1: CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO

Leia mais

Wanda Pinho de Oliveira. Serviço Federal de Processamento de Dados SERPRO

Wanda Pinho de Oliveira. Serviço Federal de Processamento de Dados SERPRO ACÓRDÃO 6ª TURMA ANISTIA LEI 8878/94. A anistia concedida pela Lei 8878/94 em nenhum momento deferiu aos exempregados demitidos o direito à reintegração, mas sim a mera readmissão, sem qualquer efeito

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0000.15.033552-9/000 Númeração 0335529- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Audebert Delage Des.(a) Audebert Delage 18/08/2015 28/08/2015 EMENTA: CONFLITO

Leia mais

RELATÓRIO. Denegado o pedido de efeito suspensivo (identificador ).

RELATÓRIO. Denegado o pedido de efeito suspensivo (identificador ). RELATÓRIO Trata-se de agravo de instrumento interposto pela União, contra decisão proferida pelo MM. Juiz Federal da 2ª Vara da Seção Judiciária da Paraíba, Dra. CRISTINA MARIA COSTA GARCEZ, que, em sede

Leia mais

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0017795-29.2014.8.19.0000 Ação Ordinária nº 0095194-34.2014.8.19.0001 10ª Vara da Fazenda Pública da Comarca da Capital AGRAVANTE: RAFAEL RAMALHO

Leia mais

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Exmos. Desembargadores CARVALHO VIANA (Presidente sem voto), RUBENS RIHL E CRISTINA COTROFE.

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Exmos. Desembargadores CARVALHO VIANA (Presidente sem voto), RUBENS RIHL E CRISTINA COTROFE. fls. 1 ACÓRDÃO Registro: 2012.0000481493 Vistos, relatados e discutidos estes autos do Agravo de Instrumento nº 0091145-26.2012.8.26.0000, da Comarca de Campinas, em que é agravante FAZENDA DO ESTADO DE

Leia mais

<CABBCAABDCBCAADCABBCAACDBACDBADAACBAA DDABCAAD> EMENTA: AGRAVO DE INSTRUMENTO. AÇÃO CAUTELAR INOMINADA. LIMINAR CONCEDIDA. DESCUMPRIMENTO DO ART. 806, DO CPC. CESSAÇÃO DA EFICÁCIA. HIPÓTESE DE EXTINÇÃO

Leia mais

ACÓRDÃO lilllillliili V

ACÓRDÃO lilllillliili V TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO AC0 R SEGISTRADO(A)SOBN ACÓRDÃO lilllillliili V Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento n 990.10.409899-8, da Comarca de São Paulo, em que é

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL Agravo Regimental nos autos do Agravo de Instrumento Nº 0067708-14.2013.8.19.0000 Agravante: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Agravado: ELIEZE DE OLIVEIRA DA SILVA Relator: DES. EDUARDO DE AZEVEDO PAIVA AGRAVO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO Registro: 2016.0000591378 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2085576-68.2016.8.26.0000, da Comarca de Piracicaba, em que é agravante M.PEREIRA ADVOGADOS ASSOCIADOS,

Leia mais

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quinta Câmara Cível A C Ó R D Ã O

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quinta Câmara Cível A C Ó R D Ã O Agravo de Instrumento nº 0015379-20.2016.8.19.0000 Agravante: Massa Falida de Banco Morada S/A Agravado: Maria Idelzenth Magalhães Relator: Desembargadora Maria Isabel Paes Gonçalves A C Ó R D Ã O AGRAVO

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA SEXTA CÂMARA CÍVEL Agravo de Instrumento nº 0007597-30.2014.8.19.0000 Agravante: EDUARDO DE JESUS CARDOSO Agravado: BANCO MERCANTIL DO BRASIL S/A

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) DOUTOR(A) DESEMBARGADOR(A) FEDERAL PRESIDENTE DO EGRÉGIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA REGIÃO

EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) DOUTOR(A) DESEMBARGADOR(A) FEDERAL PRESIDENTE DO EGRÉGIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA REGIÃO EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) DOUTOR(A) DESEMBARGADOR(A) FEDERAL PRESIDENTE DO EGRÉGIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA REGIÃO Autos nº: Recorrente: Joaquim José da Silva Xavier Recorrido: União Federal Joaquim

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo Registro: 2016.0000545787 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2139705-23.2016.8.26.0000, da Comarca de Praia Grande, em que é agravante HENRIQUE AUGUSTO MARTINS,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECISÃO MONOCRÁTICA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECISÃO MONOCRÁTICA fls. 1 Registro: 2013.0000161312 DECISÃO MONOCRÁTICA Agravo de Instrumento Processo nº 0051663-37.2013.8.26.0000 Relator(a): Erickson Gavazza Marques Órgão Julgador: 5ª Câmara de Direito Privado Decisão

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Terceira Câmara Cível

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Terceira Câmara Cível Agravo de Instrumento N.º 0012924-53.2014.8.19.0000 1 Agravo de Instrumento. Ação revisional de locação. Insurgência contra a decisão que fixou os provisórios em valor menor daquele que seria encontrado

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0003763-53.2013.8.19.0000 1º CARTÓRIO UNIFICADO CÍVEL DA COMARCA DE NITERÓI AGRAVANTE: ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVADO: ESPÓLIO DE FRANKLIN CLARO JÚNIOR REP/P/S INVENTARIANTE

Leia mais

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Décima Sexta Câmara Cível

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Décima Sexta Câmara Cível Agravo de Instrumento nº 0046423-91.2015.8.19.0000 Agravante: UBIRATAN FRANCISCO PAIVA DE OLIVEIRA Agravado: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Relator: DES. CARLOS JOSÉ MARTINS GOMES Ementa: Agravo de instrumento.

Leia mais

Eis o teor da decisão (f. 46):

Eis o teor da decisão (f. 46): AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1191431-9, DE GUARAPUAVA - 3ª VARA CÍVEL AGRAVANTE : MARIA APARECIDA CAMPOS OGIBOSKI AGRAVADO : DANIEL SCHNEIDER RELATORA : DESª DENISE KRÜGER PEREIRA AGRAVO DE INSTRUMENTO AÇÃO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2014.0000475816 Vistos, relatados e discutidos estes autos do Agravo de Instrumento nº 2077354-82.2014.8.26.0000, da Comarca de Registro, em que é agravante MUNICIPIO DE SETE BARRAS,

Leia mais

I iiim uni mil mil um um um um mi m

I iiim uni mil mil um um um um mi m PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRÁTICA REGISTRADO(A) SOB N I iiim uni mil mil um um um um mi m Vistos, relatados e discutidos

Leia mais

Nº COMARCA DE PORTO ALEGRE

Nº COMARCA DE PORTO ALEGRE AGRAVO DE INSTRUMENTO. ENSINO PARTICULAR. EXECUÇÃO. PENHORA ON LINE. VERBAS DE NATUREZA ALIMENTAR. IMPENHORABILIDADE. 1. É inadmissível a penhora de valores de natureza alimentar, em decorrência da regra

Leia mais

SEGUNDA CÂMARA CÍVEL RECURSO DE APELAÇÃO CÍVEL Nº 8785/2004 CLASSE II COMARCA DE SINOP APELANTE: BRASIL TELECOM S. A.

SEGUNDA CÂMARA CÍVEL RECURSO DE APELAÇÃO CÍVEL Nº 8785/2004 CLASSE II COMARCA DE SINOP APELANTE: BRASIL TELECOM S. A. APELANTE: BRASIL TELECOM S. A. APELADO: STELA MARIS SCHUTZ Número do Protocolo : 8785/2004 Data de Julgamento : 29-6-2004 EMENTA APELAÇÃO CÍVEL DECLARATÓRIA DE INEXISTÊNCIA DE DÉBITO TELEFÔNICO COMBINADA

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL 1 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0055178-75.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO VALE DO RIO PRETO AGRAVADO: YOLANDA

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0035.12.011240-0/001 Númeração 1041280- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Pedro Bernardes Des.(a) Pedro Bernardes 30/04/2013 06/05/2013 EMENTA: AGRAVO

Leia mais

DECISÃO. (Fundamentação legal: artigo 557, caput, do CPC)

DECISÃO. (Fundamentação legal: artigo 557, caput, do CPC) TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0048175-69.2013.8.19.0000 Agravante: DIBENS LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL (autora) Agravado: JOSÉ LUIS DA SILVA (réu) Relatora: Desembargadora

Leia mais

T R I B U N A L D E J U S T I Ç A D É C I M A S É T I M A C Â M A R A C Í V E L

T R I B U N A L D E J U S T I Ç A D É C I M A S É T I M A C Â M A R A C Í V E L TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL Agravo de instrumento nº. 0023004-18.2010.8.19.0000 Agravante: ESPÓO DE ARMANDO DIAS TUCCI REP/S/INV MARIA NAZARÉ DANTAS DE MOURA Agravado: LEONARDO SOARES

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 473 Registro: 2015.0000798098 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Embargos de Declaração nº 1003251-59.2014.8.26.0053/50000, da Comarca de, em que é embargante SINDICATO DOS TRABALHADORES

Leia mais

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO R E L A T Ó R I O GUIMARÃES (RELATOR): O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO Trata-se de agravo inominado interposto ante decisão que negou seguimento ao recurso, impugnando decisum proferido pelo MM.

Leia mais

DEVIDAMENTE FUNDAMENTADA, NOS TERMOS DO ART. 557, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. DESPROVIMENTO DO RECURSO DE AGRAVO INTERNO. feps

DEVIDAMENTE FUNDAMENTADA, NOS TERMOS DO ART. 557, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. DESPROVIMENTO DO RECURSO DE AGRAVO INTERNO. feps VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL AGRAVO INTERNO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO: Nº 0013678-92.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: MARIA CRISTINA SUTIL VINOGRAFF AGRAVADA: CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO GLORIAMAR POÇOS DE CALDAS RELATOR:

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 20/04/2017 PLENÁRIO AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 1.008.181 BAHIA RELATOR AGTE.(S) ADV.(A/S) AGDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) : MINISTRO PRESIDENTE

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL C O N C L U S Ã O Aos 08 de fevereiro de 2012 promovo estes autos conclusos à MMª Juíza Federal Dra. TÂNIA REGINA MARANGONI. Eu,, Técnica Judiciária (RF 3340), digitei e subscrevi. Processo nº 0012589-52.2011.403.6100

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO. Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2012.0000106018 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo Regimental nº 0293578-53.2011.8.26.0000/50000, da Comarca de Jundiaí, em que é agravante DAAP INDUSTRIA METALURGICA

Leia mais

AGRAVO REGIMENTAL NA APELAÇÃO CÍVEL Nº ( ) DE GOIÂNIA DESEMBARGADOR CARLOS ESCHER RELATÓRIO E VOTO

AGRAVO REGIMENTAL NA APELAÇÃO CÍVEL Nº ( ) DE GOIÂNIA DESEMBARGADOR CARLOS ESCHER RELATÓRIO E VOTO AGRAVO REGIMENTAL NA APELAÇÃO CÍVEL Nº 56173-45.2012.8.09.0051 (201290561737) DE GOIÂNIA AGRAVANTE AGRAVADO RELATOR CÂMARA OTAILDO LUIZ LIMA ESTADO DE GOIÁS DESEMBARGADOR CARLOS ESCHER 4ª CÍVEL RELATÓRIO

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível Agravo interno no Agravo de Instrumento nº: 0006124-09.2014.8.19.0000 Agravante: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Agravado: ENY JOSME DE MIRANDA Relator: Desembargador ANDRÉ RIBEIRO AGRAVO INTERNO. DECISÃO MONOCRÁTICA

Leia mais

SENTENÇA VISTOS. A antecipação dos efeitos da tutela foi deferida, conforme decisão de p. 47/48.

SENTENÇA VISTOS. A antecipação dos efeitos da tutela foi deferida, conforme decisão de p. 47/48. fls. 271 SENTENÇA Processo Digital nº: 1025475-79.2015.8.26.0562 Classe Assunto: Procedimento Ordinário - Planos de Saúde Requerente: Requerido: Juiz(a) de Direito: Dr(a). Claudio Teixeira Villar VISTOS.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Zacarias Neves Coêlho

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Zacarias Neves Coêlho AGRAVO INTERNO NA APELAÇÃO CÍVEL N. 103257-71.2014.8.09.0051 (201491032570) COMARCA DE GOIÂNIA AGRAVANTE : GOL LINHAS AEREAS INTELIGENTES S/A AGRAVADA : CAMILA VILELA MEDEIROS BARBOSA REIS RELATOR : DES.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2012.0000145628 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0023402-05.2010.8.26.0053, da Comarca de São Paulo, em que é apelante/apelado AKA PUBLICIDADE DE PARTICIPAÇÕES

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Quinta Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Quinta Câmara Cível AGRAVO INTERNO NO AGRAVO DE INSTRUMENTO N 0030339-49.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: SONIA MARIA PETERS D AIUTO AGRAVADA: LÉA BOTELHO BALTHAZAR RELATOR: DES. HELENO RIBEIRO PEREIRA NUNES AGRAVO INTERNO. AGRAVO

Leia mais

respeitável decisão interlocutória (fs ) proferida pelo digno juiz de

respeitável decisão interlocutória (fs ) proferida pelo digno juiz de AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 643851-3, DE MARINGÁ 5.ª VARA CÍVEL RELATOR : DESEMBARGADOR Francisco Pinto RABELLO FILHO AGRAVANTE : ÉLIO CAETANO VIEIRA AGRAVADA : FAZENDA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ Execução

Leia mais

Acórdão em Apelação Cível Processo n º Relator: DES. Antônio Iloízio Barros Bastos

Acórdão em Apelação Cível Processo n º Relator: DES. Antônio Iloízio Barros Bastos Acórdão em Apelação Cível Processo n º 0095306-76.2009.8.19.0001 Relator: DES. Antônio Iloízio Barros Bastos Ação de obrigação de fazer cumulada com pedido de indenização por danos morais. Videogame XBox,

Leia mais

: Triângulo Alimentos Ltda. ADVOGADO

: Triângulo Alimentos Ltda. ADVOGADO Toder Judiciário Tribunal" cle Justiça á Estado da Paraíba gabinete da Oesentdargadora gilaria de Tátinut nloraes Bezerra Cavalcanti APELAÇÃO CÍVEL N 200.2009.043295-2/001 - Capital RELATORA : Des.a Maria

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DESEMBARGADORA TEREZA CRISTINA SOBRAL BITTENCOURT SAMPAIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DESEMBARGADORA TEREZA CRISTINA SOBRAL BITTENCOURT SAMPAIO VIGÉSIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR CONFLITO DE COMPETÊNCIA N 0001707-13.2014.8.19.0000 SUSCITANTE: JUÍZO DE DIREITO DA 1ª VARA CÍVEL DA REGIONAL DA BARRA DA TIJUCA SUSCITADO: JUÍZO DE DIREITO DA 7ª

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 20/04/2017 PLENÁRIO AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 1.002.739 SÃO PAULO RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) : MINISTRO PRESIDENTE

Leia mais

Comprova, ao final, o preparo recursal.

Comprova, ao final, o preparo recursal. MERITÍSSIMO JUIZ DE DIREITO DO QUARTO JUÍZO CÍVEL DA COMARCA DE UBERABA/MINAS GERAIS. Autos nº. Quarta Secretaria Cível Recurso de apelação BANCO XXXXX., já qualificado nos autos epigrafados da AÇÃO MONITÓRIA

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO n º 0023902-89.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: FUNDAÇÃO HABITACIONAL DO EXÉRCITO - FHE AGRAVADO: VALFRIDO JACINTO DA SILVA JUNIOR RELATOR: DES. MARCELO CASTRO ANÁTOCLES DA SILVA FERREIRA

Leia mais

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Desembargadores JACOB VALENTE (Presidente), TASSO DUARTE DE MELO E SANDRA GALHARDO ESTEVES.

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Desembargadores JACOB VALENTE (Presidente), TASSO DUARTE DE MELO E SANDRA GALHARDO ESTEVES. SÃO PAULO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Registro: 2016.0000628437 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2120175-33.2016.8.26.0000, da Comarca de São Paulo, em que é agravante

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO NONA CÂMARA CÍVEL

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO NONA CÂMARA CÍVEL NONA CÂMARA CÍVEL Apelação nº 0015111-07.2009.8.19.0001 Apelante: JOÃO CAMPOS DA SILVA Apelado: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Relator: Desembargador ROBERTO DE ABREU E SILVA AÇÃO ORDINÁRIA. LEGITIMIDADE DO

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A APELAÇÃO CÍVEL. DIREITO PROCESSUAL CIVIL. SENTENÇA SEM RELATÓRIO E DISPOSITIVO, COM MERA REMISSÃO AO PARECER DO MINISTÉRIO PÚBLICO. NULIDADE. SENTENÇA DESCONSTITUÍDA. É nula a sentença fundamentada pela

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal MANDADO DE SEGURANÇA 33.121 SÃO PAULO RELATORA IMPTE.(S) ADV.(A/S) IMPDO.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. ROSA WEBER :DONISETE GIMENES ANGELO :ELIANE MARTINS DE OLIVEIRA :PRESIDENTE DA 2ª TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS

Leia mais

i miii um um um um u um um nu nu

i miii um um um um u um um nu nu qo PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRÁTICA REGISTRADO(A) SOB N i miii um um um um u um um nu nu *02953919* Vistos, relatados

Leia mais

A C Ó R D Ã O

<CABBCBBCCADACABAADBCAADCBAACDBBAACDAA DDADAAAD> A C Ó R D Ã O EMENTA: AGRAVO EM EXECUÇÃO PENAL CONDENAÇÃO SUPERVENIENTE HOMOLOGAÇÃO DO ATESTADO DE PENA REGIME ABERTO INCONFORMISMO MINISTERIAL IMPOSIÇÃO DO REGIME SEMIABERTO

Leia mais

13ª CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

13ª CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 1 13ª CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Agravo de Instrumento nº 2007.002.35554 Agravante: Companhia Portuária Baia de Sepetiba CPBS Agravados: Sunset Maritime Limited e Outros

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO fls. 85 Despacho Agravo de Instrumento Processo nº 2178829-13.2016.8.26.0000 Relator(a): JOSÉ CARLOS FERREIRA ALVES Órgão Julgador: 2ª CÂMARA DE DIREITO PRIVADO N de Origem: 1009467-94.2016.8.26.0011 Agravante:

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INTRUMENTO Nº 0042132-19.2013.8.19.0000 Ação Originária: 0002327-88.2013.8.19.0055 Mandado de Segurança 2ª Vara da Comarca de São Pedro da Aldeia AGRAVANTE: DEPARTAMENTO

Leia mais

Gabinete do Desembargador Fausto Moreira Diniz 6ª Câmara Cível

Gabinete do Desembargador Fausto Moreira Diniz 6ª Câmara Cível AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 27488-16.2014.8.09.0000 (201490274880) COMARCA DE CALDAS NOVAS AGRAVANTE : KLEBER GONÇALVES DE OLIVEIRA JÚNIOR AGRAVADA : SOCIEDADE DE ENSINO DE CALDAS NOVAS LTDA (UNICALDAS) RELATOR

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Vistos, relatados e discutidos estes autos de

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Vistos, relatados e discutidos estes autos de ACÓRDÃO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SAO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRÁTICA d REGISTRADO(A) SOB H Vistos, relatados e discutidos estes autos de APELAÇÃO CÍVEL n 24 6.418-4/7-00, da Comarca de ITAPETININGA, em

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Vigésima Terceira Câmara Cível/Consumidor

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Vigésima Terceira Câmara Cível/Consumidor AGRAVO INTERNO NO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0034383-14.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: TVLX VIAGENS E TURISMO S/A VIAJANET AGRAVADO: MINISTÉRIO PÚBLICO DO ORIGEM: JUÍZO DA 5ª VARA EMPRESARIAL DA CAPITAL RELATOR:

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DE DESEMBARGADOR

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DE DESEMBARGADOR ( Agravo de Instrumento no. 041.2007.002068-4/001 Relator: Des. José Di Lorenzo Serpa Agravante: Município de Conde, representado por seu Prefeito Adv. Marcos Antônio Leite Ramalho Junior e outros Agravado:

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível Agravo de Instrumento: 0007803-44.2014.8.19.0000 Agravante: JOAQUIM FERNANDO DE MATTOS FONSECA Advogado: Dr. Renato Salles Areas Agravada: EMDA ADMINISTRAÇÃO DE BENS LTDA Advogado: Ronaldo Maciel Figueiredo

Leia mais

PROCESSO: AP

PROCESSO: AP ACÓRDÃO 1ª TURMA PODER JUDICIÁRIO FEDERAL AGRAVO DE PETIÇÃO. TAXA DE JUROS SELIC. PREVISÃO EM ACORDO HOMOLOGADO. INCIDÊNCIA. Deve ser aplicada a taxa de juros SELIC, quando há previsão de sua incidência

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A AGRAVO DE INSTRUMENTO. FAMÍLIA. AÇÃO DE EXONERAÇÃO DE ALIMENTOS. OBRIGAÇÃO AVOENGA. AUSÊNCIA DE PROVA DA DIMINUIÇÃO DAS POSSIBILIDADES DO ALIMENTANTE. NECESSIDADE DE DILAÇÃO PROBATÓRIA. 1. No caso, corretamente

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 121746-RN (0015718-75.2011.4.05.0000) AGRTE : MUNICÍPIO DE ANTÔNIO MARTINS - RN ADV/PROC : BERNARDO VIDAL DOMINGUES DOS SANTOS AGRDO : FAZENDA NACIONAL ORIGEM : 12ª Vara Federal

Leia mais

JUSTIÇA ELEITORAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL

JUSTIÇA ELEITORAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL PROCESSO: Ag/Rg 117-46.2013.6.21.0000 PROCEDÊNCIA: DEZESSEIS DE NOVEMBRO AGRAVANTES: ADEMIR JOSÉ ANDRIOLI GONZATTO, ADÃO ALMEIDA DE BARROS E OILSON DE MATOS ALBRING AGRAVADA: JUSTIÇA ELEITORAL -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO EXECUÇÃO - INCLUSÃO DE SÓCIO NO POLO PASSIVO - SOCIEDADE DE FATO - DEMONSTRAÇÃO - PROVA ATÍPICA - DOCUMENTO EXTRAÍDO DE PÁGINA DE SÍTIO DE RELACIONAMENTO NA INTERNET - ADMISSIBILIDADE - DIREITO FUNDAMENTAL

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Décima Sexta Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Décima Sexta Câmara Cível AGRAVO INTERNO. DECISÃO MONOCRATICA EM APELAÇÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AO RECURSO INTERPOSTO. DIREITO DO CONSUMIDOR. DESISTÊNCIA DA COMPRA DE PASSAGENS AÉREAS. PLEITO INDENIZATÓRIO POR DANOS MORAIS E RESSARCIMENTO

Leia mais