Gota D Água Nº EDIÇÃO DE 14 DE MAIO DE 2007

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Gota D Água Nº 399 - EDIÇÃO DE 14 DE MAIO DE 2007"

Transcrição

1 Jornal Gota D Água Nº EDIÇÃO DE 14 DE MAIO DE 2007 Aeco Nova diretoria assume e traz boas notícias para os empregados Página 3 Montes Claros Obras no sistema de esgotamento sanitário vão beneficiar 320 mil habitantes Página 7 Válvulas inteligentes Copasa é pioneira, no Brasil, na utilização de tecnologia alemã para controle de perda de água Página 4

2 Editorial Menino! Desce daí... Menino! Vai fazer o dever de casa... Menino! Vem comer, o almoço tá na mesa... Menino! Vai tomar banho... Menino! Apaga essa luz e dorme... Como era difícil ouvir essas coisas, justamente no melhor da brincadeira. Eu não entendia. Acho que nenhum menino entende. Alguns porques na vida de um menino são mais difíceis que matemática. Mas a gente cresce... Toma rumo na vida... Aparece de vez em quando. Hoje, essas palavras, gritadas da porta da cozinha para o terreiro, estão na minha lembrança, formando blocos de imagens de uma boa infância. Tempos que não voltam mais. Ai que saudade da minha mãe! Como eu daria tudo para tê-la me chamando assim novamente. Eu viria correndo. Nem tanto para obedecer a ordem. Mas para abraçá-la e dizer: te amo! Mas como a vida seguiu seu caminho, ela já se foi. Muitas vezes expressei meu amor. Mas sei que poderia ter feito isso muito mais. Hoje repasso, quase que identicamente, as mesmas lições aos meus filhos. Tomara que, quando eu me for, eles pensem em mim como eu penso na avó deles. Dedicado a todas as mães do mundo. Capacete salva vida de empregado Ademar Rodrigues da Fonseca, empregado de uma empresa que presta serviços de manutenção de rede para a Copasa, é a prova da necessidade de utilização dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). Ele foi salvo da morte porque, entre outros acessórios, usava o seu capacete. Recentemente, durante a realização de uma manutenção de esgoto no Anel Rodoviário, próximo ao trevo de Sabará, Ademar foi atropelado por uma van desgovernada. O empregado quebrou um tornozelo e sofreu escoriações nos Capacete utilizado pelo empregado braços e na cabeça. Márcio Zandona O impacto junto ao capacete foi tão grande que o equipamento partiu-se ao meio. Todavia, o choque na cabeça do empregado foi amortecido, evitando o que poderia ter sido fatal. Já em casa, o empregado se recupera, e acredita que o acidente só não foi mais sério graças ao uso dos equipamentos de segurança. Voz do Empregado O empregado Alexandro Ramos Coelho, auxiliar de apoio administrativo, do Distrito de Betim (DTBE), questiona sobre a forma de pagamento do prêmio motivacional por dirigir veículo. Assim como eu, vários outros colegas têm dúvidas sobre como é feito o cálculo da Gratificação por Dirigir Veículo (GDV), diz. De acordo com Luiz Fernando dos Santos Gallo, gerente da Divisão de Transportes (DVTP), o pagamento da GDV, desde o dia 17/01/2007, é feito por veículo, no valor de até R$ 8,00. Um veículo que for dirigido por mais de um condutor receberá a GDV proporcional ao total de quilômetros rodados no dia. Participe! Mande suas dúvidas e sugestões para Aeco anuncia linha de crédito A nova diretoria da Associação dos Empregados da Copasa (Aeco), contando com apoio e empenho da direção da Copasa, já anuncia uma boa notícia para os empregados da companhia. Um convênio que está sendo ajustado entre uma instituição bancária e a Aeco vai permitir que os empregados da companhia possam garantir empréstimo no valor equivalente a 2ª parcela da PL, que será paga ao empregado no mês de outubro, a exemplo do praticado pelos bancos em relação à antecipação da restituição do imposto de renda. A associação já está fechando a operação, buscando a instituição bancária que ofereça as melhores condições aos empregados. Na próxima semana, serão divulgados todos os passos para a operação junto ao banco, bem como sua data de início. A Aeco informará ao empregado o valor máximo que poderá ter de empréstimo junto ao banco. Quem optar pelo empréstimo terá o valor descontado na folha de outubro, mês em que será feito o pagamento da segunda parcela da PL, explica o diretor da Aeco, Haroldo Alves Nogueira. Segundo ele, esta é uma medida que demonstra a preocupação da Aeco e da Copasa com a tranqüilidade e a saúde financeira dos empregados. A nova diretoria, que vai estar à frente da Aeco até 2009, tomou posse no último mês de abril. O Conselho Diretor tem como presidente a empregada Lúcia Aguiar; como diretorsuperintendente, José Carlos Amarante; e Haroldo Alves Nogueira, Jeane Kátia Silva Ferreira e Rogério José de Paiva, como diretores. Já o Conselho Fiscal é composto por Geraldo Magela Calçado, Reginaldo Rezende e Vicente de Paula Luiz de Souza.

3 Projeto Jaíba: 80 mil hectares de esperança no semi-árido O Governo de Minas está transformando a região do Jaíba, norte de Minas, no maior pólo de produção agrícola irrigada da América Latina, com investimentos que ultrapassam U$ 100 milhões. A Copasa está presente no empreendimento operando 180 quilômetros de canais, que distribuem cerca de 15 mil litros de água por segundo. Além disso, a empresa também é responsável pela conservação de 300 quilômetros de estradas. A capacidade de irrigação da Etapa II do projeto é de hectares, para produzir frutas e álcool combustível em pleno semiárido mineiro, utilizando as águas do rio São Francisco. Ao final do projeto, 80 mil hectares serão irrigados e a capacidade de produção será de 300 mil toneladas por ano, além de possibilitar a geração de milhares de empregos diretos. Diretoria visita o empreendimento O presidente Márcio Nunes com empregados durante a visita O presidente Márcio Nunes e os diretores Carlos Gonçalves e Gelton Abud visitaram as instalações da Etapa II do Jaíba e as cidades de Brasília de Minas, Itacarambi, Jaíba, Janaúba, Mirabela, Montes Claros, Nova Porteirinha e São Francisco, onde também tiveram contatos com gerentes e empregados da companhia. Controle de qualidade no atendimento a clientes Elevar a satisfação dos clientes, diminuindo o tempo de resposta no atendimento. Esse é um dos objetivos do Sistema de Gerenciamento das Agências de Atendimento (Siga), coordenado pela Superintendência Comercial (SPCM), O sistema possibilita, a cada gerente, controlar a sua agência de maneira mais dinâmica, proporcionando um ambiente mais organizado. A implantação do Siga é uma solução que está inserida no Planejamento Estratégico da companhia e inaugura uma nova política comercial de gerenciamento, permitindo a verificação do tempo que o cliente aguarda e o tempo gasto no atendimento. Com o sistema, o gerente poderá, ainda, acessar, em tempo real, os postos de serviços e analisar se o atendimento está adequado, quantas pessoas esperam na fila e o horário de abertura e fechamento da agência. O Siga permite, através de sinal de alerta, seguido de , informar ao gerente sempre que a espera do cliente ultrapassar o tempo limite. O programa está em fase de implantação em nove cidades do Estado, perfazendo 15 agências. O projeto-piloto foi desenvolvido, no ano passado, em Contagem e Montes Claros. 3

4 Copasa inova em parceria com alemães Uma válvula inteligente, de origem alemã, foi instalada na rede de abastecimento de água, em Nova Lima. A tecnologia permite controlar a pressão da água nas redes e reduzir os níveis de vazamentos no sistema distribuidor. A cidade foi escolhida para abrigar o projeto piloto por possuir uma série de características como, por exemplo, sua proximidade com Belo Horizonte; ter um único ponto de fornecimento de água; ter potencial de perdas por vazamentos; apresentar grandes variações na pressão de distribuição e, ainda, possuir trechos com tubulações antigas. O coordenador do Programa de Redução de Perdas de Água (PRPA), Paulo Roberto Cherem, explica que o combate direto às perdas de água envolve a busca por alternativas, sem que seja preciso substituir todo o sistema. Por isso, a região é ideal para os estudos, inclusive com redução de custos para viabilizar o projeto, declara. Ele ainda prevê, para maio deste ano, o início do controle inteligente da pressão na região do bairro Cristais, responsável por 25% das ligações de Nova Lima. O servente de água Ozeas de Moura, na câmara onde a vàlvula está instalada Segundo Cherem, a Copasa é a empresa de saneamento pioneira, no país, no desenvolvimento dessa metodologia. É importante estarmos sempre buscando novas tecnologias que podem influenciar positivamente nos resultados da empresa, sobretudo na melhoria da prestação de serviços aos clientes, afirma. O projeto faz parte do convênio de cooperação técnica, assinado em dezembro de 2006, com duas empresas alemãs VAG- Armaturen GmbH e a SebaKMT especializadas em controle de pressão e pesquisa de vazamentos, além do fornecimento gratuito de equipamentos, tecnologias e assistência técnica para o PRPA. Paulo Cherem apresenta o projeto no escritório de Nova Lima O diretor de Meio Ambiente e Novos Negócios da Copasa, Carlos Gonçalves de Oliveira Sobrinho, e técnicos da companhia estiveram no local para conhecer o projeto e a metodologia de detecção de vazamento e controle de pressão. Os engenheiros da VAG-Armaturen, Thomas A. G. Kraetzig e Philipp Schmidt, fizeram uma demonstração de leitura, em tempo real, da pressão no sistema, com o recebimento de dados via GPS, a partir de pontos remotos na rede. Inteligência Equipamentos de ponta em detecção de vazamentos não visíveis Os dados da pressão no ponto remoto são transmitidos, via telefonia celular, para um computador no escritório central. As informações são enviadas para a válvula inteligente que reposiciona e regula a pressão no sistema, reduzindo, assim, a incidência de novos vazamentos e o volume de água perdida. 4

5 Legislação ambiental O programa de capacitação, com o tema Extinção do Passivo Ambiental Legislação de Recursos Hídricos e Florestal, realizado recentemente, promoveu o nivelamento de informações e a apresentação de procedimentos relativos à outorga direito de utilizar os recursos hídricos, conferido pelos órgãos competentes. O encontro reuniu cerca de 120 técnicos da capital e do interior. A atividade foi uma iniciativa da Diretoria de Meio Ambiente e de Novos Negócios (DMA) e suas unidades, com o objetivo de atingir os esforços da Copasa em eliminar, até o fim desse ano, os seus passivos ambientais referentes à legislação de recursos hídricos e florestal. Os participantes tiveram a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos sobre as leis de recursos hídricos e florestal, avaliar situações que representam passivo ambiental, nos sistemas de abastecimento de água, esgotamento sanitário e lançamentos de efluentes. Além disso, acompanharam os procedimentos-padrão nos pedidos de intervenção em áreas de preservação ambiental, dirigidos ao Instituto Estadual de Florestas (IEF). Incentivo ao esporte e à cultura Encontro possibilitou a troca de experiências Troca de informações Elizabeth Lamêgo Noce, gerente da Divisão de Licenciamento Ambiental (DVLA), acredita que os grandes ganhos do evento foram a disponibilidade, comprometimento e troca de experiência entre as unidades do interior e da região metropolitana, para atingir a meta da extinção do passivo ambiental. Segundo o superintendente de Recursos Hídricos e Meio Ambiente (SPAM), Valter Vilela Cunha, o treinamento é um trabalho de mobilização, sensibilização e conscientização. Queremos levar informações sobre a necessidade de estarmos sempre de acordo com a legislação. O encarregado de sistema do Escritório Local de Esmeraldas (ELME), Fabrício Robson dos Santos, fez uma avaliação positiva da sua participação: Foi bastante esclarecedor. Com isso ficamos mais seguros para realizar nosso trabalho, comenta. Agradecimento A Copasa não ficou de fora dos eventos e torcedores, foi homenageada com a entrega esportivos e culturais em abril. de uma placa pelo presidente da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM), Alaor No 16º Aberto do Brasil e Copa Brasil Belo Gaspar Pinto Azevedo. Horizonte 2007 de Tênis de Mesa, o coral da companhia participou da abertura oficial, Concertos no Parque apresentando o Hino Nacional Brasileiro. Para a apresentação da Orquestra Sinfônica A empresa, que distribuiu cerca de 25 mil de Minas Gerais, no Parque Municipal de Belo copinhos de água tratada entre competidores Horizonte, a empresa montou três estandes e levou um pipinha para a distribução de12 mil copinhos de água tratada. Sob regência de Marcelo Ramos, a orquestra interpretou As Quatro Estações, de Vivaldi. O espetáculo musical, com entrada gratuita, reuniu cerca de 5 mil pessoas. O Concertos no Parque é uma parceria entre a TV Globo Minas e a Márcia Oliveira recebe homenagem pela Copasa Fundação Clóvis Salgado. O empenho dos empregados do Distrito do Alto Rio Grande (DTRG) - Lavras, no atendimento às solicitações de fornecimento de água, foi reconhecido pelas prefeituras das cidades de Santo Antônio do Amparo e de Ribeirão Vermelho. O pipinha levou não só a água, mas a imagem da empresa. A Copasa, em Lavras, recebeu elogio formal das prefeituras. Toda vez que solicitamos o fornecimento de água para os eventos realizados pela prefeitura municipal e escolas municipais, somos gentilmente atendidos, escreveu a secretária de Educação de Ribeirão Vermelho, Lucy Aparecida de Oliveira Gomes, com menção especial aos empregados Walter de Oliveira e Aluilde Loureiro Oliveira.

6 Galerias de arte Máculas Uma série de chapas de metal oxidadas pela ação do tempo, dividindo espaço com tecidos gravados por matrizes, compõe as obras da exposição Máculas, de Antonio Costa Dias, na Galeria de Arte Copasa. A mostra é composta de 15 telas e painéis, de tamanhos variados, e pode ser vista até o dia 20 de maio, no horário de 8h às 18h, inclusive aos sábados e domingos. Antonio iniciou esse trabalho em 2006, quando ganhou da amiga Thais Helt 26 colunas de uma balaustrada resgatadas de uma casa em demolição. Encantado com a elegância e o torneado das peças, que remetem ao barroco mineiro, o artista iniciou uma série de estudos sobre a utilização do tema em suas obras. Artista plástico com larga experiência no campo da gravura e do desenho, observou que as colunas remetiam aos arabescos da arquitetura asiática, principalmente dos templos budistas, e da belíssima caligrafia oriental. Ao mesmo tempo, os detalhes das A exposição Máculas e o artista plástico Antonio Costa Dias ornamentações lembram às grandes obras arquitetônicas das cidades históricas mineiras, numa espécie de fusão artística. Com todas essas informações, elaborou uma série de impressões em tecidos, a partir de chapas gravadas pela técnica de água forte. O processo, no entanto, foi acelerado pela ação das chuvas sobre as chapas de metal e tecidos. O artista observou corrosões feitas pela ferrugem e pela ação do tempo, formando novos arabescos nas obras. Nascido em Belo Horizonte, em 1948, Antonio graduou-se em Artes Plásticas, pela Escola Guignard, e em Literatura, pela UFMG. Estudou desenho e gravura pela Califórnia College of Arts & Crafts, em Oakland (EUA), e fez a especialização lato sensu pela Escola de Belas Artes da UFMG. Já realizou, desde 1970, diversas mostras coletivas no Brasil e exterior, sendo a última, juntamente com Amílcar de Castro, Claudia Renault,Guignard e Thaïs Helt, na Galeria do BID em Washinghton (EUA). Paralelamente às atividades artísticas, atua nas áreas de ensino de Artes Plásticas e coordenação de workshops, oficinas e cursos de arte, reciclagem e moda. Refúgios A Galeria de Arte dos Empregados da Copasa mostra a exposição Refúgios, do técnico em projetos e obras do Distrito Operacional Noroeste (DTNO), José Cláudio Alves Bastos da Silva. José Cláudio e sua obra Ele é o autor de obras em óleo sobre tela, de paisagens que remetem a lugares tranqüilos e hospitaleiros. Claudinho, como é conhecido, trabalha na Copasa desde 1990, como desenhista cadastrista de rede. Como artista, há 10 anos, confessa que o tema da água está muito presente em suas obras. Se reparar, vai ver que, em praticamente todas as telas, a água é um elemento. Tudo tem uma ligação, comenta. O diretor de Gestão Corporativa, Gelton Palmieri Abud, na solenidade de abertura, disse que o trabalho de José Cláudio no DTNO era conhecido. Agora tivemos a oportunidade de conhecê-lo como artista. O gerente do DTNO, José Luiz Viana Cruz, também apreciou as telas e afirmou que a Copasa, além de uma grande empresa, é um manancial de grandes artistas. A mostra vai ficar em exposição até o dia 11 de maio. Todas as obras do artista apresentam a água como elemento

7 Obras beneficiam 320 mil moradores em Montes Claros Mais qualidade de vida e saúde para a população de Montes Claros. O governo de Minas, por meio da Copasa, em parceria com a Prefeitura Municipal, executa o maior projeto de saneamento da história do município, que vai beneficiar 320 mil moradores. Os investimentos realizados nos últimos quatro anos totalizam aproximadamente R$ 100 milhões na ampliação e melhoria do sistema de esgotamento sanitário da cidade, e na recuperação do rio Verde Grande. Em uma nova etapa das obras, iniciadas em março, serão aplicados mais R$ 67,4 milhões para a expansão e complementação do sistema de esgotamento sanitário, que inclui tratamento de 100% dos esgotos coletados. A melhoria da infra-estrutura local, a atração de novos investimentos e o desenvolvimento sócio-econômico e do turismo vão ser impulsionados pelas ações da Copasa. O projeto prevê a construção de quatro Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs), três estações elevatórias e a implantação de mais de 66 mil metros de redes interceptoras e coletoras. E, ainda, a interligação de quase 2 mil novas ligações prediais e de 900 metros de linhas de recalque. ETE - Sonho antigo dos moradores, um dos destaques é a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que será construída às margens do rio Vieira, na região do Distrito Industrial de Montes Claros. A primeira ETE terá capacidade para tratar 800 litros de esgoto por segundo. Outras três ETEs estão em fase de planejamento. Obras de ampliação do córrego Bicano Meio Ambiente - Saneamento é sinônimo de revitalização dos rios e mananciais. Com as obras empreendidas, os esgotos não serão mais lançados nos córregos Bicano, Vargem Grande, Pai João, Vieira e no rio Verde Grande, um dos principais afluentes da Bacia do Rio São Francisco. O tratamento e a coleta dos esgotos vão permitir a sua despoluição e a retomada da vida no rio. Ipatinga amplia o tratamento de esgoto Mais de 220 mil pessoas serão beneficiadas com as obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário em Ipatinga. Cerca de R$ 7 milhões vão ser aplicados na implantação de três reatores para o tratamento de esgoto, além da construção de 2 mil metros de interceptores, entre os bairros Horto e Iguaçu. As ações na cidade de Ipatinga, que é referência em sistema de abastecimento de água e tratamento de esgoto, vão garantir mais saúde e desenvolvimento para a região. Esgoto - O sistema de esgotamento sanitário foi inaugurado em Em 2006, começaram as obras de ampliação, com a construção de cinco reatores e novos leitos de secagem. Os investimentos chegam a R$ 12 milhões. A Copasa atua em Ipatinga desde Em 1997, foi antecipada a renovação do contrato de concessão de água e esgotamento sanitário, prorrogando a atuação local da companhia até Obras do sistema de esgotamento sanitário 7

8 Cartões refeição e alimentação Restaurante O Banco VR foi o vencedor do processo licitatório, passando a ser o novo prestador de serviços de administração dos cartões refeição e alimentação. Os créditos do cartão Policard devem ser utilizados, prioritariamente, até esgotar o saldo. A data do primeiro crédito no cartão VR será no dia 31 de maio. Os empregados vão receber os cartões alimentação e refeição de acordo com a opção cadastrada para obtenção dos créditos. O empregado que tiver interesse em fazer alguma alteração poderá, a partir de junho, enviar CI ou encaminhar para Divisão de Administração de Benefícios (DVBN) A distribuição dos cartões, com suas respectivas senhas, será feita pelas unidades, durante o mês de maio. Consultas à rede credenciada e aos saldos serão efetuadas pela internet - -, ou pela intranet: / sites e / sites de Interesse geral / interesse geral / banco VR. Mais informações poderão ser obtidas pessoalmente na DVBN ou pelos ramais 1107, 1113 e A Superintendência de Recursos Humanos (SPRH) e suas divisões de Administração de Benefícios (DVBN) e Saúde e Segurança do Trabalho (DVSS) realizaram pesquisa para avaliar a satisfação de empregados que utilizam o restaurante da regional, em Belo Horizonte. Em reunião com representantes da empresa Paladar Mineiro, que contou com a participação de uma nutricionista, foi elaborado um cronograma de ações para melhorar a prestação de serviços. Medidas como substituição de utensílios, maior rigor no preparo dos alimentos, ampliação das opções de salgados, observação do prazo de validade dos produtos e intensificação da supervisão durante os horários das refeições já foram tomadas. Outras ações, que exigem adequações no espaço físico e troca de equipamentos, serão executadas conforme os prazos estabelecidos com as gerências da DVBN e DVSS. Encontra-se disponível no restaurante uma caixinha de sugestões para que os empregados possam continuar se manifestando. Nossa Gente Tião Oscar Corrente do bem - Todo aplauso ao trabalho exemplar e voluntário do pessoal do CAP Câncer: Apoio e Prevenção. A SPRH está envolvendo especialistas das divisões de Saúde e Segurança (DVSS), Recursos Humanos (DVRH) e aposentados no grupo ConVida para prestar assistência aos portadores de câncer. Trata-se de apoio afetivo, informações e acompanhamento aos colegas do interior, que vêm à capital para tratamento médico. Contato: Maria Luiza Vasconcellos ramal Hidrojateador - Interessante a iniciativa da Divisão de Pesquisa e Desenvolvimento Operacional (DVDO). Em março, os encarregados de operação de esgoto do Distrito Operacional Sul (DTSL) receberam um treinamento sobre limpeza de rede, utilizando um caminhão hidrojateador, adaptado a um equipamento de sucção a vácuo, para lavagem e desentupimento com jato de água. Os participantes do treinamento serão responsáveis por repassar as informações aos demais empregados do distrito. Posse Copass - Os conselheiros do Comitê de Gestão e do Comitê de Saúde (2007/2009), tomaram posse para o sétimo mandato, no final de março, no auditório da sede. O Copass garante a saúde de cerca de 40 mil pessoas, entre empregados e dependentes diretos. Expediente Gota D Água: Informativo da Copasa Produção: Divisão de Imprensa (31) Coordenação: Márcio Zandona Edição: Lúcia Marques Redação: Lúcia Marques e Flávia Cabral Colaboração: Solange Xavier Fotos: Arquivo Copasa Diagramação: Partnersnet Comunicação Circulação: Marcelo Souza Impressão: CGB Artes Gráficas Ltda Tiragem: exemplares Site: 8

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS Relatório de Atividades 2014 Sumário 1.0 Introdução - Pág 3 2.0 Quem Somos, Estatísticas, Valores - Pág 4 3.0 Projetos 2014 - Pág 5 a 15 3.1 Novo site - Pág 5 a 12

Leia mais

BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS

BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS Um programa para integrar objetivos ambientais e sociais na gestão das águas Superintendência de Desenvolvimento da Capital -

Leia mais

O sistema ora descrito apresenta as seguintes unidades operacionais: O sistema conta com dois mananciais, ambos com captações superficiais:

O sistema ora descrito apresenta as seguintes unidades operacionais: O sistema conta com dois mananciais, ambos com captações superficiais: 3.8 SÃO JOÃO NEPOMUCENO Projeto Preparatório para o Gerenciamento dos Recursos Hídricos do Paraíba do Sul A Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA, é o órgão responsável pela operação e manutenção

Leia mais

NOVAS SELEÇÕES PAC 2. Companhias Estaduais. Brasília, 06 de fevereiro de 2013

NOVAS SELEÇÕES PAC 2. Companhias Estaduais. Brasília, 06 de fevereiro de 2013 NOVAS SELEÇÕES PAC 2 Governos e Companhias Estaduais Brasília, 06 de fevereiro de 2013 GOVERNO FEDERAL E AS CIDADES RECURSOS JÁ SELECIONADOS NO PAC 2 R$ 105,8 bilhões Eixos Infraestrutura urbana Infraestrutura

Leia mais

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS Apresentação A Companhia de Saneamento de Minas Gerais, COPASA, criada em 1963, é uma empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Regional e Política

Leia mais

Audiência Pública. Piedade. 20 de Junho de 2013

Audiência Pública. Piedade. 20 de Junho de 2013 Audiência Pública Piedade 20 de Junho de 2013 Objetivo do Encontro Audiência Pública sobre o Convênio com o Governo do Estado, Contrato de Programa com a Sabesp e Plano Municipal de Saneamento do município

Leia mais

Região Metropolitana de Belo Horizonte e Norte de Minas receberão novos investimentos em abastecimento de água

Região Metropolitana de Belo Horizonte e Norte de Minas receberão novos investimentos em abastecimento de água Região Metropolitana de Belo Horizonte e Norte de Minas receberão novos investimentos em abastecimento de água Governador Antonio Anastasia preside solenidade na qual foi assinado contrato para a implantação

Leia mais

VIII EXPOSIÇÃO DE EXPERIÊNCIAS MUNICIPAIS EM SANEAMENTO

VIII EXPOSIÇÃO DE EXPERIÊNCIAS MUNICIPAIS EM SANEAMENTO ASSEMAE VIII EXPOSIÇÃO DE EXPERIÊNCIAS MUNICIPAIS EM SANEAMENTO Título do trabalho O SEMASA E O TRATAMENTO DE ESGOTO NA CIDADE DE SANTO ANDRÉ Nome do Autor ISABEL CRISTINA ALEIXO DIAS CURRÍCULO DO AUTOR

Leia mais

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba.

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência Desde 1998, por lei, toda distribuidora de energia precisa investir em ações que reduzam o desperdício de energia elétrica. Uma determinação

Leia mais

PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO AMBIENTAL DA REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA

PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO AMBIENTAL DA REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO AMBIENTAL DA REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA Diretoria de Tecnologia, Empreendimentos e Meio Ambiente - T Sistema Produtor de Água Mambu - Branco REUNIÃO DO COMITÊ TÉCNICO

Leia mais

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica.

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica. PROJETO ATUALIZAR 2015 TEMA SISTEMA CANTAREIRA DATA DE APLICAÇÃO 09 a 13/03/2015 PROFESSORES RESPONSÁVEIS Cristiane e Felipe 1. SUGESTÕES DE PONTOS QUE PODEM SER ABORDADOS 1.1. A importância da água 1.2.

Leia mais

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 3 } 1. INTRODUÇÃO: PARQUE TECNOLÓGICO CAPITAL DIGITAL - PTCD Principal polo de desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação do Distrito Federal, o PTCD

Leia mais

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Em 2013, a Duratex lançou sua Plataforma 2016, marco zero do planejamento estratégico de sustentabilidade da Companhia. A estratégia baseia-se em três

Leia mais

Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro.

Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro. Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro. Nós, membros do poder público, usuários e sociedade civil organizada, estudantes e profissionais da educação, reunidos

Leia mais

Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro

Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro Inaugurada há pouco mais de 3 anos, Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) garante melhorias na qualidade da água do córrego Lucas, que

Leia mais

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras Eduarda Ramires Silveira Evelyn Victória Cardoso Lopes Mel Suzane Santos Marques Voluntários Joyce Thaís Mendes Alves Sílvia Rocha Pena Rodrigues Luíza Almeida Dias de Carvalho

Leia mais

Informativo www.unicred.com.br

Informativo www.unicred.com.br Informativo www.unicred.com.br ano 5 nº 40 2011 Editorial Unicred do Brasil Definido o tema da IX Convenção Nacional Unicred A Comissão Organizadora da Convenção Nacional Unicred, que se realizará na cidade

Leia mais

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Atuando com responsabilidade para colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Compromisso com um futuro melhor. Com o nosso trabalho, somos parte da solução para uma agricultura mais sustentável.

Leia mais

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul Moderação: Graciane Regina Pereira e Katiuscia Wilhelm Kankerski 13h Apresentação dos objetivos e da metodologia de trabalho.

Leia mais

Prof. Jose Roberto Scolforo Reitor da Universidade Federal de Lavras UFLA. jscolforo@ufla.br

Prof. Jose Roberto Scolforo Reitor da Universidade Federal de Lavras UFLA. jscolforo@ufla.br Prof. Jose Roberto Scolforo Reitor da Universidade Federal de Lavras UFLA jscolforo@ufla.br Câmpus da UFLA em 2015 Discentes graduação:11.607 Discentes pós-graduação: 2.184 Técnicos: 563 Docentes: 603

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS 1. Objeto: 1.1.1. Contratação de empresa para prestação, sob demanda, de serviços de planejamento, organização, coordenação, execução, fiscalização e avaliação de eventos com a viabilização de infra-estrutura

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Setembro/2010 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL A. A OPORTUNIDADE A.1 Qual foi a oportunidade

Leia mais

Shopping Iguatemi Campinas Reciclagem

Shopping Iguatemi Campinas Reciclagem Shopping Iguatemi Campinas Reciclagem 1) COMO FUNCIONA? O PROBLEMA OU SITUAÇÃO ANTERIOR Anteriormente, todos os resíduos recicláveis ou não (com exceção do papelão), ou seja, papel, plásticos, vidros,

Leia mais

Inovação é oxigênio para os pequenos negócios CASO DE SUCESSO

Inovação é oxigênio para os pequenos negócios CASO DE SUCESSO CASO DE SUCESSO O empresário Marcelo Folha conseguiu tirar o restaurante do vermelho graças ao atendimento que recebeu do Sebrae, por meio do Programa Agentes Locais de Inovação. Inovação é oxigênio para

Leia mais

PROPOSTA REFERENTE AO CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE ANÁLISE SANITÁRIA

PROPOSTA REFERENTE AO CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE ANÁLISE SANITÁRIA PROPOSTA REFERENTE AO CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE ANÁLISE SANITÁRIA 1- DO CURSO O Curso de Especialização em Gestão em Análise Sanitária destina-se a profissionais com curso superior em áreas correlatas

Leia mais

PRÊMIO NACIONAL DA GESTÃO PÚBLICA - PQGF 2010 TROFÉU PRATA. SEMINÁRIO DAS BOAS PRÁTICAS DE GESTÃO -24/11/2010 Brasília DF

PRÊMIO NACIONAL DA GESTÃO PÚBLICA - PQGF 2010 TROFÉU PRATA. SEMINÁRIO DAS BOAS PRÁTICAS DE GESTÃO -24/11/2010 Brasília DF PRÊMIO NACIONAL DA GESTÃO PÚBLICA - PQGF 2010 TROFÉU PRATA SEMINÁRIO DAS BOAS PRÁTICAS DE GESTÃO -24/11/2010 Brasília DF PENÁPOLIS - SP 58.681 habitantes - IBGE- 2007 500 km da capital Criado há 32 anos

Leia mais

Em busca da sustentabilidade na gestão do saneamento: instrumentos de planejamento

Em busca da sustentabilidade na gestão do saneamento: instrumentos de planejamento Em busca da sustentabilidade na gestão do saneamento: instrumentos de planejamento Marcelo de Paula Neves Lelis Gerente de Projetos Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental Ministério das Cidades Planejamento

Leia mais

visão, missão e visão valores corporativos Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial.

visão, missão e visão valores corporativos Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial. visão, missão e valores corporativos visão Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial. MISSÃO O Grupo Gerdau é uma Organização empresarial focada em siderurgia, com a missão de satisfazer

Leia mais

TETRA PAK E ONG NOOLHAR Projeto Cultura Ambiental nas Escolas Oficina Educação para Sustentabilidade

TETRA PAK E ONG NOOLHAR Projeto Cultura Ambiental nas Escolas Oficina Educação para Sustentabilidade TETRA PAK E ONG NOOLHAR Projeto Oficina Educação para Sustentabilidade Auditório da Secretaria de Educação e Cultura Cabedelo, Paraíba (PB) Educador Ambiental: William Monteiro Rocha Cidade: Cabedelo (Paraíba)

Leia mais

SANEAMENTO É SAÚDE João José da Silva

SANEAMENTO É SAÚDE João José da Silva Democratização da Política de Serviços de Saneamento Básico por Meio de Inovações Sociotécnicas. Lições para enfrentar os desafios. Seminário do Projeto DESAFIO SANEAMENTO É SAÚDE João José da Silva Recife,

Leia mais

Antes de abrir uma vala, consulte a Comgás

Antes de abrir uma vala, consulte a Comgás cartilha ppd final imagem 2/24/06 6:12 PM Page 1 Antes de abrir uma vala, consulte a Comgás 08000 110 197 cadastroderede@comgas.com.br Companhia de Gás de São Paulo Rua das Olimpíadas, 205-10º andar (recepção)

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS

PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS 22 de Outubro de 2014 AGENDA Relembrar o conceito de Plano Municipal de Turismo Etapas percorridas no desenvolvimento do PMT de Farroupilha

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

A Construção de um Programa de Revitalização na Bacia do rio São Francisco

A Construção de um Programa de Revitalização na Bacia do rio São Francisco A Construção de um Programa de Revitalização na Bacia do rio São Francisco Antônio Thomaz Gonzaga da Matta Machado Projeto Manuelzão/UFMG Conceito de Revitalização Caráter técnico-científico Legislação

Leia mais

A visão social em relação ao sistema de saneamento e a importância da sociedade na elaboração do plano

A visão social em relação ao sistema de saneamento e a importância da sociedade na elaboração do plano A visão social em relação ao sistema de saneamento e a importância da sociedade na elaboração do plano Nossa Realidade 57% da população brasileira não possui coleta de esgoto (SNIS 2008) O Brasil é o 9º

Leia mais

Respar McDonald s Franquia Curitiba Conjunto de Ações de Responsabilidade Social

Respar McDonald s Franquia Curitiba Conjunto de Ações de Responsabilidade Social Respar McDonald s Franquia Curitiba Conjunto de Ações de Responsabilidade Social A Respar JRM Comércio de Alimentos está trabalhando com os seguintes projetos sociais: 1- Contratação de Pessoas Especiais

Leia mais

Planilha para Análise do histórico do Indicador de Coleta e Tratabilidade de Esgoto da População Urbana do Município ICTEM no sextênio 2008 a 2013

Planilha para Análise do histórico do Indicador de Coleta e Tratabilidade de Esgoto da População Urbana do Município ICTEM no sextênio 2008 a 2013 ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DAS PLANILHAS 2013 Orientações gerais: As planilhas disponibilizadas para o preenchimento devem ser encaminhadas ao Programa Município VerdeAzul junto aos demais documentos

Leia mais

CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S

CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S Bem-vindo a U N I V E R S I D A D E E S TA INTRODUÇÃO Prezado Servidor, Estamos felizes em tê-lo conosco, pois a partir

Leia mais

RELATÓRIO DE DESEMPENHO DO SISTEMA DE GESTÃO DA RESPONSABILIDADE SOCIAL SA 8000

RELATÓRIO DE DESEMPENHO DO SISTEMA DE GESTÃO DA RESPONSABILIDADE SOCIAL SA 8000 Óleo & Gás S/A RELATÓRIO DE DESEMPENHO DO SISTEMA DE GESTÃO DA RESPONSABILIDADE SOCIAL SA 8000 20 de agosto de 2013 Como parte da Política da Responsabilidade Social adotada pela IESA Óleo & Gás, publicamos

Leia mais

S O C I O A M B I E N TA L

S O C I O A M B I E N TA L Apresentação Todas as ações desenvolvidas pelo Banrisul estão comprometidas em preservar o meio ambiente, seja no momento de realizar um contrato de financiamento agrícola, investimento em projeto, seja

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Sr. Geraldo Resende) Estabelece a Política Nacional de Captação, Armazenamento e Aproveitamento de Águas Pluviais e define normas gerais para sua promoção. O Congresso Nacional

Leia mais

Solução inovadora de premiação online e gerenciamento de campanhas

Solução inovadora de premiação online e gerenciamento de campanhas Solução inovadora de premiação online e gerenciamento de campanhas Campanha de Incentivos O que é uma campanha de incentivos? É uma ação planejada e orientada para motivar equipes de vendas, distribuidores,

Leia mais

PLANO DE SEGURANÇA DA ÁGUA NO BRASIL

PLANO DE SEGURANÇA DA ÁGUA NO BRASIL Ministério da Saúde Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador Coordenação Geral de Vigilância em Saúde Ambiental PLANO DE SEGURANÇA DA ÁGUA

Leia mais

AGÊNCIA REGULADORA DE SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE NATAL

AGÊNCIA REGULADORA DE SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE NATAL AGÊNCIA REGULADORA DE SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE NATAL RESOLUÇÃO Nº 002/2011, de 25 de maio de 2011. Dispõe sobre determinações a serem cumpridas pela CAERN, no âmbito do Município do

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Programa transmitido em 26 de fevereiro

Leia mais

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015 V.4 - N.4 - Setembro de 2015 Vilma Lúcia da Silva 05 Assessora de Comunicação do Parque da Cidade Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal Só no mês de setembro o Parque da Cidade recebeu

Leia mais

Curso de Gestão de Águas Pluviais

Curso de Gestão de Águas Pluviais Curso de Gestão de Águas Pluviais Capítulo 4 Prof. Carlos E. M. Tucci Prof. Dr. Carlos E. M. Tucci Ministério das Cidades 1 Capítulo 4 Gestão Integrada Conceito Marcos Mundiais, Tendência e Estágio Institucional

Leia mais

Sua nova ferramenta para gerenciar campanhas de resultados e distribuir prêmios. www.paggapremios.com.br 4003-4733

Sua nova ferramenta para gerenciar campanhas de resultados e distribuir prêmios. www.paggapremios.com.br 4003-4733 Sua nova ferramenta para gerenciar campanhas de resultados e distribuir prêmios Campanha de Incentivos O que é uma campanha de incentivos? É uma ação planejada e orientada para motivar equipes de vendas,

Leia mais

Esfera Fiscal. Subfunção Administração Geral

Esfera Fiscal. Subfunção Administração Geral Governo do do Amazonas Secretaria de de Planejamento e Desenvolvimento Econômico SEPLAN Sistema de Planejamento, Orçamento e Gestão do do Amazonas SPLAM Pág. 3 de 2001 - da 25000 - Secretaria de de Infraestrutura

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI PREFEITURA MUNICIPAL DE LONTRAS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI DESPERTANDO AÇÕES SUSTENTÁVEIS LONTRAS 2013 1.TEMA A preservação

Leia mais

Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) Parceria Público Privada

Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) Parceria Público Privada Outubro 2014 Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) Parceria Público Privada Secretaria de Desenvolvimento Econômico Unidade Central PPP www.ppp.mg.gov.br 1 Aerotrópole de Belo Horizonte e o CTCA

Leia mais

Quinta-feira, 24.03.11

Quinta-feira, 24.03.11 Quinta-feira, 24.03.11 Pensamento do dia Não pondero, sonho. Não me sinto inspirado, deliro. Fernando Pessoa A frase é: Espero que não haja obstáculos à realização das provas, daqui HÁ ou A uma semana?

Leia mais

Crise da Água em São Paulo Balanço e Propostas contribuição para o debate

Crise da Água em São Paulo Balanço e Propostas contribuição para o debate Crise da Água em São Paulo Balanço e Propostas contribuição para o debate Câmara dos Deputados 14 de Julho de 2015 Comissão Especial da Crise Hídrica O porque do colapso dos sistemas A Pergunta é: Precisávamos

Leia mais

Programa de Educação Ambiental

Programa de Educação Ambiental Programa de Educação Ambiental Programa Saber Faz Bem Sensibilizar professores e alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, e moradores bairros periféricos sobre a necessidade da preservação

Leia mais

Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP

Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP R. R. Chahin a a. Companhia de Saneamento Básico do Estado de

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

1 Qualificar os serviços de Abastecimento de água potável

1 Qualificar os serviços de Abastecimento de água potável nos núcleos rurais com mais de 10 economias nas áreas quilombolas nas áreas indígenas Planilha de Objetivos, Indicadores e Ações Viabilizadoras GT Saneamento A Santa Maria que queremos Visão: "Que até

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

as cores locais formando um mosaico de sucesso

as cores locais formando um mosaico de sucesso 3º PRÊMIO DE COMUNICAÇÃO DO SISTEMA UNIMED Regulamento O presente regulamento tem a finalidade de estabelecer as normas aplicáveis ao Prêmio de Comunicação do Sistema Unimed, relativas aos participantes,

Leia mais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais A campanha do prefeito de Duque de Caxias Alexandre Aguiar Cardoso, natural de Duque de Caxias, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro,

Leia mais

OBJETIVO prioridade da agenda política.

OBJETIVO prioridade da agenda política. SANEAR É VIVER OBJETIVO Propor ao governo e à sociedade ações que melhorem o desempenho do saneamento do país e elevem o tema ao status de prioridade da agenda política. A exemplo da ação que resultou

Leia mais

TÍTULO: A Gestão de Clientes geradores de efluentes não domésticos para garantir o bom funcionamento do sistema de esgotamento em bacia de drenagem.

TÍTULO: A Gestão de Clientes geradores de efluentes não domésticos para garantir o bom funcionamento do sistema de esgotamento em bacia de drenagem. TÍTULO: A Gestão de Clientes geradores de efluentes não domésticos para garantir o bom funcionamento do sistema de esgotamento em bacia de drenagem. Nome do Autor: Engº Renan Moraes Sampaio, engenheiro

Leia mais

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU PROJETO INTEGRADO II

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU PROJETO INTEGRADO II FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS - FMU PROJETO INTEGRADO II Termo de Abertura do Projeto Danilo Silva Francilaine Florencio Renan Rodrigues Ricardo Issao Kitahara Aluno da FMU - Centro das Faculdades Metropolitanas

Leia mais

Proposta Comercial. Proposta Comercial de prestação de serviços de Desenvolvimento de web site para o Vereador Marcelo Ramos.

Proposta Comercial. Proposta Comercial de prestação de serviços de Desenvolvimento de web site para o Vereador Marcelo Ramos. Proposta Comercial de prestação de serviços de Desenvolvimento de web site para o Vereador Marcelo Ramos. 1 1. APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA Brasília, 14 de maio de 2010. A LTDA. vem, por meio deste documento,

Leia mais

Resíduos Sólidos Programa Lixo Alternativo Situação atual de Guaraqueçaba: Volume diário 4m³ (aproximadamente 1 tonelada/dia) Coleta: Diária em 980 unidades domésticas / 135 comerciais / 2 industriais

Leia mais

10/2011 750364/2010 SDH/PR

10/2011 750364/2010 SDH/PR Cotação Prévia de Preço n 10/2011 Convênio nº 750364/2010 SDH/PR Projeto: Desenvolver processos de educação popular, visando a garantia dos direitos humanos e fortalecimento da cidadania, na perspectiva

Leia mais

3.5 SANTOS DUMONT. Quanto ao sistema de esgotamento sanitário, sua operação e manutenção cabe a Prefeitura local, através da Secretaria de Obras.

3.5 SANTOS DUMONT. Quanto ao sistema de esgotamento sanitário, sua operação e manutenção cabe a Prefeitura local, através da Secretaria de Obras. Esta unidade compõe-se de três conjuntos moto-bombas idênticos, dos quais dois operam em paralelo, ficando o terceiro como unidade de reserva e/ou rodízio. Estão associados, cada um, a um motor elétrico

Leia mais

EMPREGO DA PRESSÃO NA REDE DE DISTRIBUIÇÃO ENQUANTO INDICADOR DA QUALIDADE DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE SANEAMENTO

EMPREGO DA PRESSÃO NA REDE DE DISTRIBUIÇÃO ENQUANTO INDICADOR DA QUALIDADE DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE SANEAMENTO EMPREGO DA PRESSÃO NA REDE DE DISTRIBUIÇÃO ENQUANTO INDICADOR DA QUALIDADE DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE SANEAMENTO Daniel Manzi (1) Engenheiro Civil, Mestre em Hidráulica e Saneamento (EESC/USP), Doutorando

Leia mais

O QUE É O SITE MUNÍCIPIOS?

O QUE É O SITE MUNÍCIPIOS? O QUE É O SITE MUNÍCIPIOS? Apresentação Histórico Estratégia de comunicação e políticas para promoção do municipalismo forte e atuante A atuação da Confederação Nacional de Municípios na comunicação pública

Leia mais

CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI

CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PDI A implementação do Plano de Desenvolvimento Institucional, envolve além dos objetivos e metas já descritos, o estabelecimento de indicadores, como forma de se fazer o

Leia mais

A MAIOR OBRA PÚBLICA DA HISTÓRIA DE NOVA ODESSA

A MAIOR OBRA PÚBLICA DA HISTÓRIA DE NOVA ODESSA e as obras do PLANO DIRETOR MUNICIPAL DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO A MAIOR OBRA PÚBLICA DA HISTÓRIA DE NOVA ODESSA INAUGURADA EM 14 DE DEZEMBRO DE 2012 Ministério das Cidades Um pouco de história Nova Odessa

Leia mais

Concessão Rodoviária Estadual Trecho Litoral Norte

Concessão Rodoviária Estadual Trecho Litoral Norte Concessão Rodoviária Estadual Trecho Litoral Norte Descrição Concessão à iniciativa privada dos principais eixos rodoviários de acesso ao litoral norte de Alagoas, visando a melhoria operacional, manutenção,

Leia mais

Sumário. I. Apresentação do Manual. II. A Prevenção de Acidentes com Crianças. III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre

Sumário. I. Apresentação do Manual. II. A Prevenção de Acidentes com Crianças. III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre Sumário I. Apresentação do Manual II. A Prevenção de Acidentes com Crianças III. Programa CRIANÇA SEGURA Pedestre IV. Como a Educação pode contribuir para a Prevenção de Acidentes no Trânsito V. Dados

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS SUBCHEFIA DE ASSUNTOS FEDERATIVOS Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal Mapa de obras contratadas pela CEF, em andamento com recursos do Governo Federal 5.048

Leia mais

PORTFÓLIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ESCOLA

PORTFÓLIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ESCOLA CURSO DE CAPACITAÇÃO EM MEIO AMBIENTE 1º SEMESTRE-2015 GRUPO: MOBILIZAÇÃO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL (Prefeitura de Contagem - Agenda 21-Contagem - Governo de Minas I.E.F. e COPASA) PORTFÓLIO DAS ATIVIDADES

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

3.3 CATAGUASES. Quanto ao sistema de esgotamento sanitário, a responsabilidade pela sua operação e manutenção cabe a Prefeitura local.

3.3 CATAGUASES. Quanto ao sistema de esgotamento sanitário, a responsabilidade pela sua operação e manutenção cabe a Prefeitura local. Da caixa de areia a água chega às quatro câmaras onde estão interligadas as tubulações de sucção das bombas, essas unidades de bombeamento são em número de quatro, cada uma com capacidade de recalque de

Leia mais

Proposta de um SGA de efluentes líquidos para a Universidade Federal de Alfenas seguindo a série de Normas ISO 14000:2004

Proposta de um SGA de efluentes líquidos para a Universidade Federal de Alfenas seguindo a série de Normas ISO 14000:2004 Alexandre Ferreira Jefferson dos Santos Mariana Oliveira Samuel Rodrigues Proposta de um SGA de efluentes líquidos para a Universidade Federal de Alfenas seguindo a série de Normas ISO 14000:2004 Introdução

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 49 Discurso no encontro com grupo

Leia mais

Instituto Avon investe R$ 2,1 milhões em Minas Gerais para combate ao Câncer de Mama

Instituto Avon investe R$ 2,1 milhões em Minas Gerais para combate ao Câncer de Mama Instituto Avon investe R$ 2,1 milhões em Minas Gerais para combate ao Câncer de Mama São Paulo, 25 de julho de 2014 Minas Gerais recebeu um reforço de R$ 2,1 milhões na luta contra o câncer de mama. O

Leia mais

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessoria de Comunicação da Elipse Software

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessoria de Comunicação da Elipse Software APLICAÇÃO DO SOFTWARE ELIPSE E3 NAS ESTAÇÕES DE TRATAMENTO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA E ESGOTO DO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS DE PORTO ALEGRE-RS (DMAE) Apresentamos neste case a implantação do

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE O Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE visa fortalecer a missão de desenvolver a nossa terra e nossa gente e contribuir para

Leia mais

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS ATIVOS INTANGÍVEIS Embora a Organização não registre seus ativos intangíveis, há evidências da percepção de sua magnitude pelos investidores e que pode ser encontrada na expressiva diferença entre o Valor

Leia mais

O Plano Financeiro no Plano de Negócios Fabiano Marques

O Plano Financeiro no Plano de Negócios Fabiano Marques O Plano Financeiro no Plano de Negócios Fabiano Marques Seguindo a estrutura proposta em Dornelas (2005), apresentada a seguir, podemos montar um plano de negócios de forma eficaz. É importante frisar

Leia mais

ORINDIÚVA OBRAS E AÇÕES - GESTÃO 2011-2014

ORINDIÚVA OBRAS E AÇÕES - GESTÃO 2011-2014 ORINDIÚVA OBRAS E AÇÕES - GESTÃO 2011-2014 CULTURA: Pólo do Projeto Guri: O Projeto Guri tem como objetivo resgatar a auto-estima dos adolescentes, utilizando a música como agente transformador. Pólo Rua

Leia mais

FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU

FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU Ano: 2015 Edital nº 01/2015 Temas: energia elétrica;

Leia mais

Programa de Regularização Fundiária de Interesse Social

Programa de Regularização Fundiária de Interesse Social Programa de Regularização Fundiária de Interesse Social CASA LEGAL Programa Estadual de Regularização Fundiária Programa Casa Legal Devido a Lei Estadual nº 16.269, de 29 de maio de 2008, dispor em seu

Leia mais

Roteiro para Apresentação de Projetos (Para sugestões da II OFICINA NACIONAL DE TRABALHO)

Roteiro para Apresentação de Projetos (Para sugestões da II OFICINA NACIONAL DE TRABALHO) MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SEDR - DEPARTAMENTO DE EXTRATIVISMO APOIO A GRUPOS VULNERÁVEIS SESAN COORDENAÇÃO GERAL DE CARTEIRA DE PROJETOS FOME ZERO

Leia mais

MANUAL DE NORMAS. InterClubNet / Manual de Normas You Are Here:

MANUAL DE NORMAS. InterClubNet / Manual de Normas You Are Here: MANUAL DE NORMAS InterClubNet / Manual de Normas You Are Here: Manual de Normas InterClubNet 1.0 - Objetivo Este manual tem como objetivo estabelecer um conjunto de critérios para o bom funcionamento do

Leia mais

COSEMA - FIESP Programas e Ações A para os grandes problemas da RMSP. Paulo Massato Yoshimoto Diretor Metropolitano - Sabesp

COSEMA - FIESP Programas e Ações A para os grandes problemas da RMSP. Paulo Massato Yoshimoto Diretor Metropolitano - Sabesp COSEMA - FIESP Programas e Ações A da Sabesp para os grandes problemas da RMSP Paulo Massato Yoshimoto Diretor Metropolitano - Sabesp Evolução Populacional - RMSP Reversão da centrifugação Menor pressão

Leia mais

Nº 1.0.0 Nº 1.2.0 Nº 1.2.8

Nº 1.0.0 Nº 1.2.0 Nº 1.2.8 Macroprocesso Processo Subprocesso Gerência GERÊNCIA REGIONAL Nº 1.0.0 Nº 1.2.0 Nº 1.2.8 1.2.8.1 Receber e analisar solicitação Receber solicitação de demanda de expansão do sistema de Supervisor de Unidade

Leia mais

NOVA ATITUDE SOCIAL PARA A SUSTENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO

NOVA ATITUDE SOCIAL PARA A SUSTENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO Maio 2005 NOVA ATITUDE SOCIAL PARA A SUSTENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO Uma empresa cidadã tem direitos e deveres, assim como qualquer indivíduo. Trata-se de uma consciência crítica que nasce a partir do respeito

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE. CAPÍTULO I Da Finalidade. CAPÍTULO II Dos Princípios, Objetivos e Metas Seção I Dos Princípios

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE. CAPÍTULO I Da Finalidade. CAPÍTULO II Dos Princípios, Objetivos e Metas Seção I Dos Princípios LEI N. 1.343, DE 21 DE JULHO DE 2000 Institui a Política Estadual do Idoso - PEI e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que a Assembléia Legislativa do Estado

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA N.º 02/2010

TERMO DE REFERÊNCIA N.º 02/2010 INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATTURAIS RENOVÁVEIS - IBAMA PROJETO FLORESTA EM PÉ TERMO DE REFERÊNCIA N.º 02/2010 TÍTULO DO SERVIÇO A SER PRESTADO: Assessoria de natureza financeira

Leia mais

2009, um ano de grandes realizações e conquistas

2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009 foi um ano de grandes realizações e conquistas para o Serviço Social da Indústria (SESI), entidade que integra o Sistema Federação das Indústrias no

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Categoria IGS - Inovação da Gestão em Saneamento Monitoramento à Distância de Pontos Críticos de Abastecimento de Água e de VRP s com a utilização da estrutura

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida profissionais

Leia mais

TÍTULO: PRINCÍPIOS E GESTÃO DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL GUARULHOS: SANEAMENTO AMBIENTAL E QUALIDADE DE VIDA

TÍTULO: PRINCÍPIOS E GESTÃO DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL GUARULHOS: SANEAMENTO AMBIENTAL E QUALIDADE DE VIDA TÍTULO: PRINCÍPIOS E GESTÃO DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL GUARULHOS: SANEAMENTO AMBIENTAL E QUALIDADE DE VIDA Autora: Erotides Lacerda Choueri Outros autores: Marcos Tsutomu Tamai, Vânia Maria Nunes

Leia mais